Science.gov

Sample records for efeitos fisicos quimicos

  1. On efeito do achatamento nos pontos de equilíbrio e na dinâmica de sistemas coorbitais

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Mourão, D. C.; Winter, O. C.; Yokoyama, T.

    2003-08-01

    Neste trabalho analisamos o efeito do achatamento do corpo principal nos pontos de equilíbrio lagrangianos e na configuração de órbitas girino-ferradura. Enfatizamos os sistemas coorbitais de satélites de Saturno, pois se encontram em relativa proximidade com o planeta, em que o efeito do achatamento se torna mais evidente. O estudo é dividido em três etapas independentes. Na primeira fase analisamos as equações de movimento do problema restrito de três corpos considerando o efeito do achatamento, e através do balanceamento de forças buscamos a nova configuração dos pontos de equilíbrio lagrangianos. Concluímos, nesta etapa, que os pontos de equilíbrio estáveis apresentam um pequeno deslocamento definido pelo parâmetro de achatamento, não podendo ser mais representados por triângulos eqüiláteros. Aplicamos este resultado aos satélites coorbitais de Tetis e Dione, encontrando as posições de equilíbrio levemente deslocadas em relação ao caso sem achatamento. Na segunda fase visamos o sistema Saturno-Jano-Epimeteu, que por se tratar de um sistema de massas comparáveis, optamos por desenvolver as equações de Yoder et al (Icarus 53, pág 431-443, 1983), que permitem determinar os pontos de equilíbrio e a amplitude de oscilação angular das órbitas girino-ferradura para o problema não-restrito de três corpos, porém, no nosso estudo consideramos o efeito do achatamento do corpo principal nestas equações. Encontramos que a distância angular entre satélites, quando em posição de equilíbrio estável, diminui quanto maior for o parâmetro de achatamento do corpo principal. Além disso, a órbita de transição girino-ferradura possui largura angular menor em relação ao caso sem achatamento. Por fim, realizamos integrações numéricas para os casos reais de coorbitais de Saturno comparando com os resultados analíticos. Nestas integrações simulamos diversas órbitas girino-ferradura com diferentes parâmetros de achatamento, utilizando condições iniciais corrigidas para a presença do achatamento.

  2. Estudo da utilizacao da biomassa florestal como fonte de produtos quimicos e energia atraves de processos quimicos e biotechnologicos (Utilization of forest biomass for chemicals and energy by chemical and biotechnological processes). Master's thesis

    SciTech Connect

    de Miranda, I.M.S.S.

    1989-04-01

    The chemical composition and the non-structural carbohydrate composition were determined for 1-year-old Eucalyptus globulus Labill trees, grown in an experimental plantation with different nutrient and water supplies (C-trees, where no treatment was made and IL-trees, which received a nutrient supply and irrigation). Leaf carbohydrates were determined for the same conditions. Pulping experiments were made using kraft cooks of eucalyptus wood. The results of the pretreatments are complemented with scanning electron microscopy observations. Average wood composition was: ash 1.6%, total extractives 5.2%, Klason lignin 21.0%, soluble lignin 3.1% (% of o.d. weight). The results did not show statistical significant differences between the two growth conditions. The average wood carbohydrate composition was: glucose 2.7%, frutose 4.1% sucrose 1.3% and starch 0.5%. The average carbohydrate composition of leaves was: glucose 1.0%, frutose 1.7%, sucrose 0.1% and starch 4.1%. The average yield for the kraft wood delinification was 49%. The saccharification of pretreated eucalyptus chips with a steam-explosion pretreatment was: For H2SO4 impregnation 26.6% and for H2O impregnation 44.2%.

  3. Efeitos do binarismo não resolvido na determinação da função de massa de aglomerados

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Kerber, L. O.; Santiago, B. X.

    2003-08-01

    Através de simulações numéricas buscamos quantificar os efeitos que o binarismo não resolvido causa na determinação da função de massa (MF) de aglomerados estelares. Geramos diagramas cor-magnitude (CMDs) artificiais simulando uma população única, caracterizada por estrelas de mesma idade e composição quí mica, com uma fração de binárias não resolvidas e distribuição em massa das estrelas dada por uma MF do tipo lei de potência. A presença de pares de estrelas não resolvidos faz com que a MF obtida da função de luminosidade (LF) tenha a têndencia de ser mais plana do que a MF que gerou o CMD artificial. Propomos um tratamento de correção para tal efeito. Outro efeito relacionado diz respeito ao alargamento do CMD, que apresenta-se como um indicador do número total de estrelas no domí nio de baixas massas (m < 0.6M¤). Todos os resultados acima possuem uma forte dependência com os erros fotométricos e estão baseados na hipótese de que ambas estrelas do par não resolvido são sorteadas de uma mesma MF de forma independente. O objetivo final é aplicarmos o tratamento aqui desenvolvido para implementarmos a análise da nossa amostra de aglomerados ricos da Grande Nuvem de Magalhães.

  4. Detecção inesperada de efeitos de lentes fracas em grupos de galáxias pouco luminosos em raios-X

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Carrasco, R.; Mendes de Oliveira, C.; Sodrã©, L., Jr.; Lima Neto, G. B.; Cypriano, E. S.; Lengruber, L. L.; Cuevas, H.; Ramirez, A.

    2003-08-01

    Obtivemos, como parte do programa de verificação científica do GMOS Sul, imagens profundas de três grupos de galáxias: G97 e G102 (z~0,4) e G124 (z = 0,17). Esses alvos foram selecionados a partir do catálogo de fontes extensas de Vikhlinin (1998), por terem luminosidades em raios X menores que 3´1043 ergs s-1, valor cerca de uma ou duas ordens de grandeza inferior ao de aglomerados de galáxias. O objetivo primário dessas observações é o estudo da evolução de galáxias em grupos. Grupos são ambientes menos densos que aglomerados, contêm a grande maioria das galáxias do Universo mas que, até o momento, foram estudados detalhadamente apenas no Universo local (z~0). Com esses dados efetuamos uma análise estatística da distorção na forma das galáxias de fundo (lentes gravitacionais fracas) como forma de inferir o conteúdo e a distribuição de massa nesses grupos apesar de que, em princípio, esse efeito não deveria ser detectado uma vez que os critérios de seleção adotados previlegiam sistemas de baixa massa. De fato, para G124 obtivemos apenas um limite superior para sua massa que é compatível com sua luminosidade em raios X. De modo contrário e surpreendente, os objetos G102 e G097, aparentam ter massas que resultariam em dispersões de velocidade maiores que 1000 km s-1, muito maiores do que se espera para grupos de galáxias. Com efeito, para G097 obtivemos, a partir de dados do satélite XMM, uma estimativa para a temperatura do gás intragrupo de kT = 2,6 keV, que é tipica de sistemas com dispersões de velocidade de ~ 600 km s-1, bem característica de grupos. Essas contradições aparentes entre lentes fracas e raios X podem ser explicadas de dois modos: i) a massa obtida por lentes estaria sobreestimada devido à superposição de estruturas massivas ao longo da linha de visada ou ii) a temperatura do gás do meio intra-grupo reflete o potencial gravitacional de estruturas menores que estariam se fundindo para formar uma estrutura maior.

  5. Wet and Wild: A Multidisciplinary Marine Education Teacher Guide, Grades K-6. Unit I. The Physical Ocean: Wet, Wild, and Deep = Humedo y Salvaje. Primera Unidad. El Oceano Fisico: Humedo, Salvaje y Profundo.

    ERIC Educational Resources Information Center

    Murphy, Richard C.

    Topics and activities related to the physical ocean are the focus of this multidisciplinary, marine education teaching guide for students in kindergarten through grade 6. The guide is divided into seven sections (labeled A through G). The first six sections consist of various kinds of activities, with the appropriate grade levels (K-6, K-3, or…

  6. Efeito do Solo do Materias Organicos E do Adubo Formula 4N:14P:8K Para Producao DA Batata (Solanum tuberosum L.) Semente Pre-Basica no Casa de Vegetacao

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    László, Márton

    2010-05-01

    Widely well know that the potato is an important vegetable crop at Brazíl. Plant grown on about 173.000 ha, with total yield of 2.6 million tons year-1. The average yield is about 15 t ha-1. This level is very low because degeneration of crop is rapid under high temperature and high viruses pressure. Therefore seed potato propagation and production is principal on consumption potato production. This is why we found it necessary to develop it. The latossolo vermelho soil-farmyard manure- burnt rice straw-fertilizer 4N:14P:8K greenhouse pot trial was set up at the National Vegetable Crops Research Center, Brasília-DF, Brazíl in 1990. The methods of the experiments were soil x farmyard manure x burnt rice straw, soil x 4N:14P:8K fertilizer and soil x farmyard manure x burnt rice straw x 4N:14P:8K fertilizer on randomized block design in total 29 combination of treatments in 5, 5 and 3 repetitions with in a total parcel of 116. According to chemical analysis of the a., soil, b., farmyard manure and c., burnt rice straw the agrochemistry parameters were as follows: a., latossolo vermelho soil: CaCO3 0.3-0.7%, humo 0.9-1.0%, pH (H2O) 5.3, pH (KCl) 4.5, AL- P2O5 3.2-3.5 mg kg-1, AL- K2O 180 mg kg-1, Mg (KCl) 70 mg kg-1, EDTA-Zn 0.5-0.8 mg kg-1, EDTA-Cu 0.5-0.6 mg kg-1, b., farmyard manure: N 1.8 g kg-1, P2O5 2.0 g kg-1, K2O 4.0 g kg-1, c., burnt rice straw: N 0.8 g kg-1, P2O5 7.0 g kg-1, K2O 4.5 g kg-1. The experimental datas were estimated by analysis of variance, ANOVA and MANOVA. The main conclusions were as follows: 1. Mixture of 80% latossolo vermelho, 10% burnt rice straw and 10% farmyard manure were shown best performance on seed potato productivity. The piece of tubers with a 0-20 mm (consumption seeds) was increased by 77%. 2. Total seed potato number was reached maximum at 10.8 g pot-1 4N:14P:8K fertilizer regarding to average of treatments with a 33%. 3. Dry biomassa production plant-1 was decreased by high dose of 4N:14P:8K fertilizer (18.0 g pot-1) with a hard effect (57%). Our results are shown that it was possible developing of the seed potato production under tropical greenhouse conditions by optimalised soil-organic matter-fertilizer system. This datas should be as indicators to sustainable field potato advisory systems. Keywords: potato (Solanum tuberosum L.), greenhouse, latossolo vermelho soil, farmyard manure, burnt rice straw, 4N:14P:8K fertilizer, sustainability, yield RESUMO A batata é atualmente uma das hortaliças de maior importância no Brasíl. Nos conduzirémos os três experimentos para aumentár-se do produção e produtividade da batata (Solanum tuberosum L.) semente pré- básica no casa de vegetação da Brazília-DF, no Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuaria- Centro Nacional de Pesquisas de Hortaliças no 1990. Os três experimentos (latossolo vermelho novo x esterco de curral x palha de arroz queimado, latossolo vermelho novo x adubo 4:14:8 NPK, latossolo vermelho novo x esterco de curral x palha de arroz queimado x adubo 4:14:8 NPK) no casa de vegetação foram conduzidos com total 29 combinações, no 5-5-3 repetições com total parcelas de 116. Os resultados foram submetidos a analise de variáncia, ANOVA e MANOVA. Nossos principal resultados estam apresentándo abaixo. 1. A mistura de 80% latossolo vermelho novo, 10% palha de arroz queimado e 10% de esterco de curral, apresentou os maiores valores para numero de tuberculos com 0-20 mm, peso total de tuberculos com 0-20 mm e peso total de tuberculos por vaso. 2. Há um efeito grande crescente das doses de 4N:14P:8K nos caracteres observados. 3. Analise-se do latossolo vermelho novo x esterco de curral x palha de arroz queimado x adubo 4:14:8 NPK experimento os resultados apresentárám-se que entre nas misturas também foi melhor a 80% latossolo vermelho novo, 10% palha de arroz queimado, 10% esterco de curral. Examinando-se 15 fatores, entre 11 casos afirmou-se a mistura como para melhor que a outra mistura. Nossos resultados apresentam- se que possivel aumentar em grande volumens o produção da batata semente pré- básica com a optimalisou solo-materia orgnicânico-adubo sistema. Estes informações oferecendo-se aplicar no sustentar-se extenção rural para aumentár o produção e produtividade da bata semente e consumo. Chave palavras: batata (Solanum tuberosum L.), casa de vegetação, latossolo vermelho novo, esterco de curral, palha de arroz queimado, adubo de 4:14:8 NPK, sustentação, produção

  7. Comprension de los conceptos de los enlaces ionico y covalente en estudiantes universitarios del primer curso de quimica general

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Ballesteros Benavides, Maria Elvira

    Para este trabajo utilizamos el estudio de casos cualitativo que se llevo a cabo en una universidad privada de Puerto Rico. Empleamos como unidad de analisis el concepto de enlace quimico, ionico y covalente. Los participantes fueron los estudiantes de la seccion nocturna del curso de Quimica General I. La investigacion se desarrollo por medio de dos entrevistas de persona a persona, observaciones de las expresiones no verbales y la hoja de identificacion de conceptos. Para la triangulacion tomamos en consideracion las preconcepciones erroneas, las concepciones alternativas y el mapa de conceptos de cada participante. Preparamos un mapa de conceptos para el enlace quimico validado por un comite de expertos. Tambien, elaboramos los mapas de conceptos de los participantes que sirvieron para varios propositos: conocer la estructura conceptual, expresar los logros, hacer comparaciones e identificar la presencia de concepciones alternativas. Entre los hallazgos encontramos que todos los participantes poseen conocimiento previo de los enlaces quimicos ionico y covalente y dentro de ese conocimiento existen preconcepciones erroneas mas numerosas para el enlace ionico. Al principio del semestre el 50% de los participantes demostraron tener "carencia fuerte de conceptos" tanto para el enlace ionico como para el covalente. Al finalizar el semestre encontramos en el 40% de los participantes concepciones alternativas tanto para el enlace ionico como para el covalente y el 90% no lograron distinguir un enlace del otro. Nuestras conclusiones fueron que los participantes sin distincion del aprovechamiento academico demostraron tener la tendencia de "carencia fuerte de conceptos" tanto para el enlace ionico como para el covalente, presentaron dificultad al integrar los conceptos de los enlaces quimicos ionico y covalente que se pusieron de manifiesto al dar los ejemplos. Las preconcepciones erroneas contribuyen en el desarrollo de las concepciones alternativas. Ademas, los participantes no lograron diferenciar los dos enlaces quimicos. Esto implica que reflexionemos sobre la necesidad de revisar tanto las competencias cognoscitivas como la forma de ensenar quimica en el salon de clase. Recomendamos indagar y dar importancia al conocimiento previo de los estudiantes, enfatizar la ensenanza de los conceptos y propiciar el aprendizaje con significado.

  8. Servicio de Mapas en Internet para la Salud Ambiental en la Region Fronteriza Entre los Estados Unidos y Mexico

    USGS Publications Warehouse

    Buckler, Denny; Stefanov, Jim

    2004-01-01

    La region fronteriza de los Estados Unidos y Mexico abarca una gran diversidad de ambientes fisicos y habitaciones, entre los cuales estan los humedales, desiertos, pastos, montanas, y bosques. Estos a su vez son unicos en cuanto a su diversidad de recursos acuaticos minerales, y biologicos. La region se interconecta economica, politica, y socialmente debido a su herencia binacional. En 1995, cerca de 11 millones de habitantes vivian en la zona adyacente a la frontera. Un estudio sugiere que esa poblacion podria doblarse antes del ano 2020.

  9. Optics outreach activities with elementary school kids from public education in Mexico

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Viera-González, P.; Sánchez-Guerrero, G.; Ruiz-Mendoza, J.; Cárdenas-Ortiz, G.; Ceballos-Herrera, D.; Selvas-Aguilar, R.

    2014-09-01

    This work shows the results obtained from the "O4K" Project supported by International Society for Optics and Photonis (SPIE) and the Universidad Autonoma de Nuevo Leon (UANL) through its SPIE Student Chapter and the Dr. Juan Carlos Ruiz-Mendoza, outreach coordinator of the Facultad de Ciencias Fisico Matematicas of the UANL. Undergraduate and graduate students designed Optics representative activities using easy-access materials that allow the interaction of children with optics over the exploration, observation and experimentation, taking as premise that the best way to learn Science is the interaction with it. Several activities were realized through the 2011-2013 events with 1,600 kids with ages from 10 to 12; the results were analyzed using surveys. One of the principal conclusions is that in most of the cases the children changed their opinions about Sciences in a positive way.

  10. Vigilando la Calidad del Agua de los Grandes Rios de la Nacion: El Programa NASQAN del Rio Grande (Rio Bravo del Norte)

    USGS Publications Warehouse

    Lurry, Dee L.; Reutter, David C.; Wells, Frank C.; Rivera, M.C., (translator); Munoz, A.

    1998-01-01

    La Oficina del Estudio Geologico de los Estados Unidos (U.S. Geological Survey, 0 USGS) ha monitoreado la calidad del agua de la cuenca del Rio Grande (Rio Bravo del Norte) desde 1995 como parte de la rediseiiada Red Nacional para Contabilizar la Calidad del Agua de los Rios (National Stream Quality Accounting Network, o NASOAN) (Hooper and others, 1997). EI programa NASOAN fue diseiiado para caracterizar las concentraciones y el transporte de sedimento y constituyentes quimicos seleccionados, encontrados en los grandes rios de los Estados Unidos - incluyendo el Misisipi, el Colorado y el Columbia, ademas del Rio Grande. En estas cuatro cuencas, el USGS opera actualmente (1998) una red de 40 puntos de muestreo pertenecientes a NASOAN, con un enfasis en cuantificar el flujo en masa (la cantidad de material que pasa por la estacion, expresado en toneladas por dial para cada constituyente. Aplicacando un enfoque consistente, basado en la cuantificacion de flujos en la cuenca del Rio Grande, el programa NASOAN esta generando la informacion necesaria para identificar fuentes regionales de diversos contaminantes, incluyendo sustancias qui micas agricolas y trazas elementos en la cuenca. EI efecto de las grandes reservas en el Rio Grande se puede observar segun los flujos de constituyentes discurren a 10 largo del rio. EI analisis de los flujos de constituyentes a escala de la cuenca proveera los medios para evaluar la influencia de la actividad humana sobre las condiciones de calidad del agua del Rio Grande.

  11. Abundâncias químicas de estrelas T Tauri fracas

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Rojas, G. A.; Gregorio-Hetem, J.

    2003-08-01

    Apresentamos resultados do estudo de 44 estrelas pré-seqüência principal, para as quais buscamos realizar uma classificação espectroscópica e determinar parâmetros estelares e abundâncias químicas. A amostra foi escolhida da seguinte maneira : 21 objetos selecionados a partir de catálogos de objetos jovens, como o Pico dos Dias Survey e o Herbig Bell Catalogue, e 23 objetos selecionados a partir de contrapartidas ópticas de fontes de raios X detectadas pelo satélite ROSAT. Dentre 24 objetos previamente classificados como estrelas T Tauri Fracas, apenas 7 revelaram ser realmente pertencentes à essa classe, sendo os demais objetos T Tauri Clássicas ou estrelas evoluídas da pré-seqüência principal. Esse resultado demonstra que o critério mais utilizado para distinguir as T Tauri Clássicas das T Tauri Fracas, baseado na largura equivelente da emissão Ha, não é suficiente para determinar o estágio evolutivo desses objetos. Para o cálculo de parâmetros estelares e abundâncias, foram escolhidas as estrelas que apresentam características ideais para esse tipo de estudo, como ausência de velamento, baixa velocidade de rotação e espectros com razão sinal-ruído adequada. Os parâmetros estelares como temperatura efetiva e gravidade foram determinados através do equilíbrio de excitação e ionização das linhas de Ferro, e as abundâncias químicas foram calculadas utilizando o método de síntese espectral. Serão apresentados os parâmetros estelares e as abundâncias de Lítio para toda a amostra, e abundâncias de vários elementos quimicos para 7 estrelas estudadas em maior detalhe

  12. Los plaguicidas y la contaminacion del medio ambiente Venezolano

    USGS Publications Warehouse

    Stickel, L.F.; Stickel, W.H.

    1972-01-01

    RESUMEN DE RECOMENDACIONES Recomendaciones para el Programa de Investigacion: 1. Establecer un sistema de muestreo biologico para detectar los niveles tendencias de los productos quimicos toxicos en un peque?o numero de si tios representativos. 2. Mantener continua vigilancia de la contaminacion ambiental, mediante la seleccion acertadamente dirigida de las zonas afectadas y de las fuentes de contaminacion. 3. Realizar estudios acerca de las poblaciones de animales silvestres, y del exito de los procesos reproductivos de las especies o grupos clayes de animales que se consideran mas gravemente afectados. 4. Preparar recomendaciones para una accion gubernamental de proteccion al hombre, a la fauna silvestre y al medio ambiente. Recomendaciones para la Accion Administrativa: 1. Establecer limites a la tolerancia de los residuos de plaguicidas en los alimentos. Constituye una medida clave para disminuir la contaminacion ambiental. 2. Establecer normas de calidad del agua para las corrientes, represas, la gos y otros cuerpos. Es la segunda medida clave para reducir la contaminacion del ambiente 3. Exigir un tratamiento adecuado de los efluentes industriales, especialmente antes de que se construyan las nuevas plantas. 4. Exigir a los agricultores que en el uso de plaguicidas sigan los consejos tecnicos autorizados y negar a los vendedores el derecho a recomendar productos por su cuenta. 5. Tomar medidas para recoger y eliminar los recipientes y sobrantes de los plaguicidas.

  13. How to tune quantum correlations with an intracavity photonic crystal in an optical parametric oscillator

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Garcia-March, Miguel; de Castro, Maria; Gomila, Damia; Zambrini, Roberta

    2011-05-01

    We study the effect of periodic modulations on the quantum correlations of light in a nonlinear optical system, considering an intracavity photonic crystal in a type I optical parametric oscillator (OPO). We use a few modes linear approximation below threshold to obtain analytical expressions for the correlations comparing them with numerical results obtained from Langevin equations below (and also above) threshold. First, we find that the parametric threshold can be either raised or lowered through the amplitude of the photonic crystal, due to the interplay of two competing mechanism, i.e, inhibition of the signal spatial instability and the imprint of a spatial modulation on the pump favouring the instability process. Second, we find that, above threshold, the break of translational invariance provides a mechanism to reduce the quadrature quantum fluctuations leading to squeezing over a larger range of quadrature angles. Finally, inseparable and EPR entangled spatial beams are found in the presence of the PC. Funded by FISICOS (FIS2007-60327), CoQuSys (200450E566), MEC, Fulbright Commision, and FECYT.

  14. Invertebrate fauna associated with Torpedograss, Panicum repens (Cyperales: Poaceae), in Lake Okeechobee, Florida, and prospects for biological control

    SciTech Connect

    Cuda, J.P.; Dunford, J.C.; Leavengood, J.M. Jr.

    2007-03-15

    Torpedograss, Panicum repens L., is an adventive, rhizomatous grass species that has become an invasive weed of terrestrial, wetland, and aquatic environments in tropical and subtropical regions worldwide. Until recently, strategies for controlling torpedograss in the USA have focused almost exclusively on mechanical and chemical methods, either alone or in combination, with varied results. A survey of the arthropods and nematodes currently associated with the plant in Lake Okeechobee, Florida, was conducted as part of a feasibility study to determine whether torpedograss is an appropriate target for a classical biological control program. Overall, approximately 4,000 arthropods and 400 nematode specimens were collected. Sweep, clipped vegetation, and soil core samples were dominated by representatives of the arthropod orders Hemiptera, Hymenoptera, Diptera, and Acari. Lesion nematodes of the genus Pratylenchus were commonly associated with the roots of torpedograss. None of the organisms collected were torpedograss specialists. Although classical biological control of torpedograss is feasible based on the extent of the infestation, economic losses, resistance to conventional controls, and the report of a potentially host specific natural enemy in India, the botanical position of this grass weed will require a formal risk assessment before proceeding with a classical biological control program. (author) [Spanish] La conota, Panicum repens L., es una especie foranea de pasto que produce rizomas que ha convertido en ser una maleza invasora de ambientes terrestres, pantanosos y acuaticos en regiones tropicales y subtropicales en todo el mundo. Hasta hace un tiempo reciente, las estrategias para controlar conota en los EEUU eran enfocadas casi exclusivamente en los metodos mecanicos y quimicos, solos o en combinacion, con resultados variables. Un muestreo de los artropodos y nematodos asociados corrientemente con esta planta en el Lago de Okeechobee, Florida, fue realizado como parte de un estudio de factibilidad para determinar si conota es una candidata apropiada para un programa de control biologico clasico. En general, especimenes de aproximadamente unos 4,000 artropodos y unos 400 nematodos fueron recolectados. Muestras recolectadas pasando una red sobre vegetacion mezclada, cortando la vegetacion y tomando centros del suelo fueron dominados por representantes de artropodos de los ordenes de Hemiptera, Hymenoptera, Diptera, y Acari. Nematodos en el genero Pratylenchus, que causan lesiones sobre tejido, fueron asociados regularmente con las raices de conota. Ninguno de los organismos recolectados eran especialistas sobre conota. Aunque el control biologico clasico de la conota es factible basado sobre la magnitud de la infestacion, las perdidas economicas, la resistencia hacia los metodos de control convencionales y el informe en la India de un posible enemigo natural especifico a esta planta, la posicion botanica de este pasto maleza requiere una evaluacion de riesgo economico formal antes de continuar con un programa de control biologico clasico. (author)

  15. Demographic and quality control parameters of Anastrepha Fraterculus (Diptera: Tephritidae) maintained under artificial rearing

    SciTech Connect

    Vera, T.; Abraham, S.; Oviedo, A.; Willink, E.

    2007-03-15

    The integration of the sterile insect technique (SIT) in the management of the South American fruit fly Anastrepha fraterculus (Wiedemann) (Diptera: Tephritidae) is a promising alternative to chemically-based control in those areas where it is sympatric with Ceratitis capitata (Wiedemann) (Diptera: Tephritidae) or other tephritid species for which the SIT is being used. Implementation of the SIT requires the development of a cost effective mass-rearing protocol. In this work, we present demographic and quality control parameters for the A. fraterculus strain reared at the Estacion Experimental Agroindustrial Obispo Colombres, Tucuman, Argentina. Considering the rearing cage as the reproduction unit, we observed that fecundity is optimal during the first 3 weeks after the onset of oviposition. Fertility was constant during this period. During 2003 and 2004, some improvements were made to the existing rearing protocol, which resulted in increased larval viability, pupal weight, and adult emergence. Current weekly egg production is 1 million per week. These eggs are used to maintain the colony and to assess quality parameters. Finally, research needs leading to improved yields and fly quality are discussed. (author) [Spanish] La integracion de la Tecnica del Insecto Esteril (TIE) en el combate integrado de la mosca Sudamericana de la fruta, Anastrepha fraterculus (Wiedemann) (Diptera: Tephritidae), es una alternativa interesante para reemplazar al control quimico en aquellas zonas donde esta especie es simpatrica con Ceratitis capitata (Wiedemann) (Diptera: Tephritidae) u otros tefritidos para los que ya se utiliza la TIE. La implementacion de la TIE requiere del desarrollo de un protocolo de cria masiva que sea costo-efectivo. En este trabajo presentamos parametros demograficos y de control de calidad de la cepa criada en la Estacion Experimental Agroindustrial Obispo Colombres, Tucuman, Argentina. Considerando a la jaula de cria como unidad reproductiva, se observo que la fecundidad es optima durante las tres primeras semanas de iniciada la oviposicion y que la fertilidad se mantiene constante durante ese periodo. Durante 2003-2004 se implementaron mejoras en el protocolo de cria existente lo que resulto en un incremento de la viabilidad larvaria, del peso de pupas y del porcentaje de emergencia de adultos. La produccion actual semanal es de un millon de huevos. Los mismos son utilizados para mantener la colonia y realizar distintos estudios de calidad de esta cepa. Por ultimo, se sugieren necesidades de investigacion para alcanzar mejores rendimientos. (author)

  16. Contribuciones tecnicas para la medida de la contaminacion electromagnetica de microondas. Estudio en diversas poblaciones

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Segura Garcia, Jaume

    La contaminacion ambiental por campos electromagneticos ha resultado ser en estos ultimos anos uno de los problemas mas acuciantes del panorama tecnologico y de salud publica. En el primero de los casos porque las inversiones realizadas son enormes y en el segundo porque cada vez es mayor el numero de articulos, "technical reports" e informes medicos que afirman la existencia de una cierta causalidad, aunque sea debil, entre los campos electromagneticos y ciertos cuadros sintomatologicos. En nuestro caso, hemos dedicado bastantes esfuerzos a investigar el llamado "sindrome de radiofrecuencia / microondas", denominado asi en la literatura cientifica por presentarse en operarios de estaciones de radar y en trabajadores de potentes emisoras de radio y television. En esta memoria presentamos un resumen del trabajo realizado durante los ultimos anos en la medida de la contaminacion electromagnetica ambiental asociado a las comunicaciones inalambricas. En ella se recogen los fundamentos fisicos y propiedades de las ondas electromagneticas, la tecnologia empleada en los sistemas de telefonia celular y los antecedentes relativos a la investigacion de la interaccion de las ondas electromagneticas con organismos vivos. Se desarrolla un procedimiento de medida que ha conducido a la elaboracion de los primeros "mapas de radiofrecuencia" similares, en el aspecto descriptivo, a los mapas de ruido desarrollados en el area de la contaminacion acustica. Por ultimo, se analiza la respuesta subjetiva de los residentes, personas que viven en el entorno de cobertura de las estaciones base de telefonia movil y que se ven sometidos a determinados niveles de radiacion electromagnetica, con el fin de situar este fenomeno al nivel que le corresponde en el ambito de la respuesta subjetiva ciudadana.

  17. An Estimate of the Tidal Effects in the Dynamics of the Binary Galaxies

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Junqueira, S.; de Freitas Pacheco, J. A.

    1990-11-01

    RESUMEN. Se ha estimado los efectos de marea en los pares dinamicos de galaxias elipticas. Para poder estudiar tales efectos hernos expandido el potencial gravitacional en potencias del cociente plr hasta en el orden 3 correspondientes a las fuerzas de marea. Hemos examina- do la influencia de este termino en el movimiento orbital. Se encon- tr6 el valor de M/LB = 10+7 (en unidades solares) para un ejemplo de 46 pares E-E usando Ia aproximaci6n de marea. De este resultado, no podemos concluir que existen alrededor de las galaxias halos grandes y obscuros. Hemos encontrado tambien que la suposici6n de masas puntuales es una buena aproximaci6n para el sistema fisico. Sin embargo, tal aproximaci6n sobreestima ligeramente el cociente masa-lurninosidad. ABSTRACT. In the present work we have estimated the tidal effects in the dynamics of pairs of elliptical galaxies. In order to study such effects we have expanded the gravitational potential in power of the ratio p/r up to order 3 corresponding to tidal forces. We examined the influence of this term in the orbital motion. The value of M/LB =lOi7 (in solar units) was found for a sample of 46 E-E pairs using the tidal approximation. From this result, we cannot conclude that large dark haloes exist around galaxies. We have also found that the assump- tion of point masses is a good approximation for the physical system. However, such an approximation overestimates slightly the mass-luminosity ratio. Keq wo't : GALAXIES-DYNAMICS

  18. Mecanismos cinéticos y distribuciones energéticas de iones (H3+, N2H+, CH3+...) en plasmas fríos de H2/N2/CH4

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Tanarro, I.; Herrero, V. J.; Islyaikin, A.; Tabarés, F. L.; Tafalla, D.

    En este trabajo se presenta el estudio espectrométrico de los plasmas levemente ionizados generados en una descarga continua a baja presión de H2 con trazas de N2 y CH4, orientado principalmente a identificar la naturaleza y distribución energética de los iones que en ella se producen, y a asignar algunos de los mecanismos cinéticos elementales de formación y destrucción de tales especies. Alguno de los iones mayoritarios de estos plasmas, como el H3+, presenta gran interés desde el punto de vista de la Astrofísica por su prevista intervención en la química de las ionosferas planetarias y del medio interestelar, al actuar como sustancia intermedia en la formación de gran variedad de especies moleculares; si bien, dada su pequeña concentración, su observación real en el espacio se demoró hasta la pasada década de los años 90, cuando fue detectado por primera vez en la atmósfera de Júpiter y en otros objetos estelares. Del mismo modo que los trabajos espectroscópicos de laboratorio resultan indispensables para la posterior identificación de las especies observadas en el espacio, es de esperar que la asignación de los procesos cinéticos más importantes que tienen lugar en los plasmas generados en reactores de descarga, como los aquí presentados, permitan extrapolar los resultados así obtenidos al esclarecimiento de los mecanismos fisico-químicos participantes en otros medios observables únicamente a larga distancia.

  19. Implementacion de modulos constructivistas que atiendan "misconceptions" y lagunas conceptuales en temas de la fisica en estudiantes universitarios

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Santacruz Sarmiento, Neida M.

    Este estudio se enfoco en los "misconception" y lagunas conceptuales en temas fundamentales de Fisica como son Equilibrio Termodinamico y Estatica de fluidos. En primer lugar se trabajo con la identificacion de "misconceptions" y lagunas conceptuales y se analizo en detalle la forma en que los estudiantes construyen sus propias teorias de fenomenos relacionados con los temas. Debido a la complejidad en la que los estudiantes asimilan los conceptos fisicos, se utilizo el metodo de investigacion mixto de tipo secuencial explicativo en dos etapas, una cuantitativa y otra cualitativa. La primera etapa comprendio cuatro fases: (1) Aplicacion de una prueba diagnostica para identificar el conocimiento previo y lagunas conceptuales. (2) Identificacion de "misconceptions" y lagunas del concepto a partir del conocimiento previo. (3) Implementacion de la intervencion por medio de modulos en el topico de Equilibrio Termodinamico y Estatica de Fluidos. (4) Y la realizacion de la pos prueba para analizar el impacto y la efectividad de la intervencion constructivista. En la segunda etapa se utilizo el metodo de investigacion cualitativo, por medio de una entrevista semiestructurada que partio de la elaboracion de un mapa conceptual y se finalizo con un analisis de datos conjuntamente. El desarrollo de este estudio permitio encontrar "misconceptions" y lagunas conceptuales a partir del conocimiento previo de los estudiantes participantes en los temas trabajados, que fueron atendidos en el desarrollo de las distintas actividades inquisitivas que se presentaron en el modulo constructivista. Se encontro marcadas diferencias entre la pre y pos prueba en los temas, esto se debio al requerimiento de habilidades abstractas para el tema de Estatica de Fluidos y al desarrollo intuitivo para el tema de Equilibrio Termodinamico, teniendo mejores respuestas en el segundo. Los participantes demostraron una marcada evolucion y/o cambio en sus estructuras de pensamiento, las pruebas estadisticas de t-pareada fueron significativas para ambos modulos a pesar que en la pos prueba no todos llegaron a la respuesta correcta. El analisis cualitativo de las respuestas de los participantes confirmo la dificultad de remover "misconception" y lagunas conceptuales.

  20. Estudio de la estructura logica utilizada en la ensenanza y el aprendizaje de los conceptos sobre el comportamiento de gases en el curso introductorio de quimica a nivel universitario

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Costa Diaz, Agnes

    El estudio que se presenta es de caracter cualitativo, un estudio multicasos donde se estudia la estructura logica utilizada por cuatro (4) profesores universitarios que ensenan el curso introductorio de quimica, en la planificacion, presentacion y evaluacion del tema sobre el comportamiento de los gases. Se utilizaron varias fuentes de informacion como: cuestionarios de profesores y estudiantes, entrevistas, grabaciones videomagnetofonicas, materiales didacticos y una prueba conceptual, entre otros. La informacion recopilada fue analizada de acuerdo al orden logico del contenido presentado, el estilo de ensenanza del profesor, las tecnicas y estrategias utilizadas para el desarrollo de destrezas de pensamiento, el ambiente fisico en el salon de clase y los instrumentos de evaluacion y avaluo. El estudio demuestra que lo que los profesores piensan y planifican para hacer sus presentaciones no necesariamente es lo que ocurre en el salon de clases. El desarrollo de destrezas de pensamiento, que constituye una prioridad de los profesores, no se elaboran efectivamente. El uso de las estrategias de resolucion de problemas numericos predomino. La participacion del estudiante en el salon de clases fue limitada y no se logro demostrar el desarrollo de las destrezas de pensamiento deseadas. Aunque los profesores tienen su propio estilo de ensenanza, el orden logico del contenido presentado en clase fue el mismo o siguio muy de cerca el orden establecido por el libro de texto. Los profesores utilizaron preferentemente la tiza y la pizarra para sus presentaciones y la dinamica en el salon de clases fue esencialmente tradicional. Los profesores hicieron su presentacion y los estudiantes copiaron pasivamente la informacion. Las evaluaciones de los estudiantes fueron esencialmente, pruebas escritas de seleccion multiple de acuerdo con el estilo en que se les enseno. El avaluo fue casi inexistente. La prueba conceptual administrada revela un aprendizaje pobre en los conceptos mas basicos sobre el comportamiento de los gases. El estudio senala que la ejecutoria del profesor en todos los aspectos de la ensenanza y el aprendizaje es un factor clave que debe darsele prioridad. Se recomienda que el profesor, en general, tenga un conocimiento basico de las teorias de aprendizaje, de los factores que afectan el aprendizaje y las tecnicas y estrategias mas efectivas en el desarrollo de destrezas de pensamiento entre sus estudiantes. La estructura de la disciplina debe incluir tanto lo experimental como lo teorico.

  1. Eventos de Desconexao na Cauda de Plasma do Cometa P/Halley

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Voelzke, M. R.; Fahr, H. J.

    2001-08-01

    Observacoes cometárias e de vento solar sao comparadas com o propósito de determinar-se as condicoes do vento solar associadas aos eventos de desconexao (DEs) observados em caudas de plasma cometárias. Os dados cometários sao provenientes do The International Halley Watch Atlas of Large-Scale Phenomena. A análise visual sistemática das imagens do atlas revelou, entre outras estruturas morfológicas, 47 DEs ao longo da cauda de plasma do P/Halley. Estes 47 DEs registrados em 47 imagens distintas permitiram a descoberta de 19 origens de DEs, ou seja, o tempo em que as desconexoes iniciaram foi calculado. Os dados do vento solar sao provenientes de medidas feitas in situ pela sonda espacial IMP-8, as quais foram usadas para elaborar a variacao da velocidade do vento solar, densidade e pressao dinâmica durante o intervalo analisado. O presente trabalho compara as atuais teorias conflitantes, baseadas nos mecanismos de formacao, com o intuito de explicar o fenômeno cíclico dos DEs, ou seja, os efeitos de producao iônica, os efeitos de pressao e os efeitos de reconexao magnética sao analisados. Para cada uma das 19 origens de DEs comparou-se a densidade com a respectiva velocidade do vento solar com o intuito de determinar-se uma possível correlacao entre estas origens e os efeitos de pressao dinâmica. Quando da ocorrência de 6 origens de DEs o IMP-8 nao realizou medidas, nos outros 13 casos 10 origens (77%) mostraram uma anticorrelacao entre velocidade e densidade e apenas 3 (23%) revelaram uma tendência similar entre velocidade e densidade. Portanto, a análise inicial demonstra uma fraca correlacao entre as origens dos DEs e os efeitos de pressao.

  2. Sobre a largura da última superfície de espalhamento

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Nobre, M. A. S.; Pires, N.; Lima, J. A. S.

    2003-08-01

    De acordo com o modelo do "Big-Bang", no universo primordial a matéria estava em equilíbrio térmico com a radiação. Com a expansão a temperatura da radiação cai. Quando a temperatura chega em torno dos 4.000K, os espalhamentos diminuem, começando a recombinação dos prótons e elétrons em Hidrogênio neutro (era conhecida como da recombinação). Ao final da recombinação, os fótons se propagam livremente sofrendo, em princípio, somente os efeitos do "redshift" cosmológico. Esses fótons nos alcançam hoje como a radiação cósmica de fundo (RCF), e parecem vir de uma superfície esférica ao nosso redor, tal que o raio dela é a distância que ele viajou desde seu último espalhamento na época da recombinação. Naturalmente, esse processo não ocorreu abruptamente, implicando na existência de uma largura no espaço dos "redshifts" que deve depender do modelo cosmológico específico e dos processos físicos considerados. Neste trabalho analisamos os efeitos de diferentes modelos - a saber, aqueles com decaimento do vácuo L(t), criação de matéria, quintessência e gás de Chaplygin - sobre a última superfície de espalhamento da RCF, em particular sua largura e a função visibilidade, que determina a probabilidade de um fóton ter tido seu último espalhamento num "redshift" z. No caso particular dos modelos com decaimento do vácuo, existe uma forte dependência da função visibilidade com L(t). Tais efeitos poderão ser testados através da análise dos resultados de experimentos mais precisos que estão atualmente em andamento, como por exemplo, o WMAP.

  3. Precessão do jato de 3C120: simulações hidrodinâmicas 3D

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Caproni, A.; de Gouveia dal Pino, E. M.; Abraham, Z.; Raga, A. C.

    2003-08-01

    Observações com técnicas de interferometria com longa linha de base têm mostrado a existência de um jato relativístico com componentes superluminais na região central de 3C 120. Estas componentes são ejetadas em distintas direções no plano do céu e com diferentes velocidades aparentes. Estas características foram interpretadas em trabalhos anteriores como efeitos da precessão do jato relativístico. Neste trabalho, realizamos simulações tri-dimensionais do jato de 3C 120 utilizando os parâmetros de precessão determinados em trabalhos anteriores e variando as características iniciais do jato e meio ambiente, tais como densidade numérica e temperatura. Todas as simulações foram feitas com o código hidrodinâmico YGUAZÚ-A, assumindo-se um jato adiabático descrito por uma equação de estado relativística. Pelo fato de estarmos utilizando um código hidrodinâmico, nós assumimos que a intensidade do campo magnético e a distribuição de partículas, necessários para se calcular a emissão sincrotron, são proporcionais à pressão hidrodinâmica. Comparação entre dois cenários distintos, nos quais o material do jato é ejetado com velocidade constante (jato contínuo) e com velocidade modulada por um padrão sinusoidal no tempo (jato intermitente), é apresentada e discutida. Para jatos que apresentam fenômenos de precessão e intermitência, com amplitude de variação na velocidade de injeção maior que dez por cento da velocidade média de injeção, a hipótese balística, controlada pela intermitencia, é mais provável. Por outro lado, para jatos com precessão mas sem intermitência (ou com amplitude de variabilidade em velocidade mais baixa que no caso anterior), o efeito da precessão na morfologia do jato não é desprezível. Portanto, de um modo geral, ambos efeitos (precessão e movimentos balísticos) devem estar concorrendo para afetar a morfologia dos jatos superluminais.

  4. Estudio del comportamiento tribologico y de las interacciones de superficie de nuevos nanofluidos ionicos

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Espinosa Rodriguez, Tulia

    Ionic liquids are molten salts which are liquid at room temperature or at low temperatures and present a unique combination of properties. In the present work, we focus on their use as lubricants in complex tribological problems such as the lubrication of metals that slide against themselves, the development of water based lubricants and new self-lubricated surfaces. When it is difficult to reduce friction and wear by lubrication, as in the case of magnesium alloys, ionic liquids are studied as protective coatings precursors. Surface interactions and corrosion processes with protic and aprotic ionic liquids on copper and steel have been determined in order to develop new lubricants and lubricant additives. In the copper/copper contact, all ionic liquids present better tribological performance than the polyalphaolefin synthetic oil, except for the oleate derivative. New protic ionic liquids are not only exceptional lubricants of the steel/sapphire contact as neat lubricants, but when they are used as additives in water, the formation of a boundary layer after water evaporation occurs, thus reducing friction and wear. The formation of this boundary layer on steel under static conditions is described in order to prevent the running-in period with respect to the solution of ionic liquid in water. The best lubricating behaviour for the copper/copper contact and also for the steel/sapphire contact is obtained for the diprotic ammonium dianionic adipate, that has two carboxylate groups in its anion. A higher polarity and a higher number of ammonium protons, carboxylate and hydroxyl groups would give rise to stronger surface interaction with the metal surfaces and more stable boundary films. The tribological performance of new aprotic thiazolium ionic liquids and commercial aprotic imidazolium ionic liquids has been compared as lubricants of the steel/sapphire contact, obtaining the best results for the bis(trifluoromethanesulfonyl)imide derivatives, and also preventing tribocorrosion processes. The formation of a coating layer on magnesium alloys from phosphonate imidazolium ionic liquids by immersion and by chronoamperometry has been described. The new coatings reduce the abrasive wear in the magnesium-aluminium alloy but they are not effective in the magnesium-zinc alloy, which prevent the formation of continuous coatings. Los liquidos ionicos son sales liquidas a temperatura ambiente o bajas temperaturas que presentan excelentes propiedades fisico-quimicas. En el presente trabajo se estudian como lubricantes en problemas tribologicos complejos como la lubricacion de metales contra si mismos, el desarrollo de lubricantes base agua y de nuevas superficies autolubricadas. Cuando no es posible reducir la friccion y desgaste mediante lubricacion, como en las aleaciones de magnesio, los liquidos ionicos se han estudiado como precursores de recubrimientos protectores. Se han determinado las interacciones superficiales y los procesos de corrosion sobre cobre y sobre acero con diferentes liquidos ionicos proticos y aproticos para desarrollar nuevos lubricantes y aditivos. En el contacto cobre/cobre, excepto el liquido ionico protico derivado del oleato, todos los liquidos ionicos estudiados presentan mejor comportamiento tribologico que el lubricante comercial Polialfaolefina 6. En el contacto acero/zafiro, los nuevos liquidos ionicos proticos son buenos lubricantes cuando se utilizan en estado puro, y, como aditivos en agua, generan peliculas adsorbidas sobre la superficie del metal reduciendo la friccion y el desgaste tras la evaporacion del agua. Para evitar el periodo de alta friccion inicial en presencia de agua, se han generado peliculas superficiales de liquido ionico sobre el acero en condiciones estaticas. El mejor comportamiento lubricante tanto en el contacto cobre/cobre como en el contacto acero/zafiro se obtiene para el liquido ionico protico derivado del anion adipato, con dos grupos carboxilicos. Las interacciones de los grupos hidroxilo y carboxilato con la superficie metalica y los puentes de hidrogeno entre cation y anion podrian ser los responsables del buen comportamiento tribologico. Se ha comparado el comportamiento tribologico de los liquidos ionicos aproticos derivados de imidazolio y tiazolio como lubricantes del contacto acero/zafiro, obteniendose los mejores resultados para los derivados del anion bis(trifluorometanosulfonil)imida, que evita a su vez los procesos de tribocorrosion. Se han generado recubrimientos sobre aleaciones de magnesio con tres liquidos ionicos derivados del anion fosfonato, tanto por inmersion como mediante cronoamperometria. Los nuevos recubrimientos reducen el dano superficial por deslizamiento o abrasion de la aleacion magnesio-aluminio pero no de la aleacion magnesio-cinc, que impide la formacion de recubrimientos continuos.

  5. Estudo de não gaussianidade nas anisotropias da RCF medidas Wmap

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Andrade, A. P. A.; Wuensche, C. A.; Ribeiro, A. L. B.

    2003-08-01

    A investigação do campo de flutuações da Radiação Cósmica de Fundo (RCF) pode oferecer um importante teste para os modelos cosmológicos que descrevem a origem e a evolução das flutuações primordiais. De um lado, apresenta-se o modelo inflacionário que prevê um espectro de flutuações adiabáticas distribuídas segundo uma gaussiana e, de outro, os modelos de defeitos topológicos (dentre outros) que descrevem um mecanismo para a geração de flutuações de isocurvatura que obedecem a uma distribuição não gaussiana. Este trabalho tem como objetivo caracterizar traços do modelo não gaussiano de campo misto (entre flutuações adiabáticas e de isocurvatura) nos mapas do Wilkinson Microwave Anisotropy Probe (WMAP). Simulações das anisotropias da RCF no contexto de mistura indicam traços marcantes na distribuição das flutuações de temperatura, mesmo quando consideradas pequenas contribuições do campo de isocurvatura (da ordem de 0.001). O efeito da mistura entre os campos resulta na transferência de potência de flutuações em escalas angulares intermediárias para flutuações em pequenas escalas angulares. Este efeito pode ser caracterizado pela relação entre as amplitudes dos primeiros picos acústicos no espectro de potência da RCF. Neste trabalho, investigamos a contribuição do campo de isocurvatura, no contexto de mistura, sobre as observações recentes da RCF realizadas pelo WMAP. As previsões do modelo de campo misto, uma vez confrontadas com as observações em pequenas escalas angulares, podem ajudar a revelar a natureza das flutuações primordiais.

  6. Ambiente e formação estelar em galáxias

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Mateus, A., Jr.; Sodré, L., Jr.

    2003-08-01

    Estudamos o ambiente de galáxias com formação estelar inicialmente a partir de uma amostra limitada em volume proveniente do 2dF Galaxy Redshift Survey. Discriminamos as galáxias com formação estelar com base em distintas classes espectrais, utilizando para esta classificação as larguras equivalentes das linhas [OII]l3727 e Hd. O ambiente é caracterizado pela densidade espacial local de galáxias. Mostramos que a fração de galáxias com formação estelar é bastante reduzida em ambientes densos, enquanto a de galáxias passivas aumenta nestas regiões. Por outro lado, quando analisamos a fração de galáxias que apresentam um surto recente de formação estelar, notamos que ela independe do ambiente, sendo que em regiões mais densas alguns destes objetos apresentam distorções em sua morfologia. Estes resultados são confrontados com a análise da dependência ambiental da taxa de formação estelar, estimada pela emissão em Ha, de uma amostra extraída do Sloan Digital Sky Survey. Um declínio gradual da formação estelar também é observado nesta análise, sugerindo que as interações por efeitos de maré sejam responsáveis pela redução da formação estelar em ambientes densos através da remoção do reservatório de gás das galáxias. No entanto, estas interações também podem induzir surtos de formação estelar nas galáxias, além de peculiaridades morfológicas observadas nos objetos que habitam regiões mais densas.

  7. Captura de satélites durante a formação de Júpiter

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Winter, O. C.; Vieira Neto, E.; Yokoyama, T.

    2003-08-01

    O planeta Jupiter apresenta um grande número de satélites irregulares. As características das órbitas destes objetos indicam que os mesmos não teriam se formado ao redor do planeta que se encontram. As teorias existentes são de que estes objetos teriam se formado em uma região distante do planeta e sua evolução dinâmica os teria levado a uma captura gravitacional pelo planeta. Tendo em vista que o processo de captura gravitacional sem efeitos dissipativos não produz uma captura permanente, estudamos o processo de captura durante o estágio de formação do planeta. Realizamos simulações numéricas para os casos de satélites prógrados e retrógrados que inicialmente se encontram ao redor de Jupiter com sua massa atual e então, evoluimos a integração voltando no tempo de modo que o planeta sofra uma redução em sua massa (de 100% para 10% de sua massa atual) e verificamos o instante em que o satélites escapa do planeta (quando sua energia do problema de dois corpos se torna positiva). Assim, analisando o problema inverso no tempo, obtivemos em qual estágio de formação de Jupiter aquele hipotético satélite teria sido capturado. Os resultados mostram que os satélites retrógrados são capturados assim que entram na região delimitada pela esfera de Hill do planeta, enquanto que os satélites prógrados só são capturados quando entram numa região bem mais próxima ao planeta, uma fração da esfera de Hill.

  8. Astronomy at School: Measurements of the Earth-Moon Distance. (Spanish Title: Astronomía en la Escuela: Medición de la Distancia Tierra-Luna.) Astronomia na Escola: Medida da Distância Terra-Lua

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Paolantonio, Santiago; Pintado, Olga I.

    2006-12-01

    The aim of this project is to approach High School students to Science. We propose to measure the Earth-Moon distance using the parallax. The observation and measurements techniques and all the calculations needed are described in this paper. The results obtained in a test experience realized during 2003 are presented. This test shows that this is a feasible project and also shows which things needed to be improved. Se plantea la propuesta de un proyecto educativo dirigido al Nivel Medio de enseñanza, consistente en la determinación de la distancia Tierra - Luna por paralaje. Se describen las técnicas de observación, mediciones y cálculos. Se proporcionan a continuación los resultados obtenidos en la experiencia piloto realizada en el 2003, la que permitió comprobar la factibilidad de llevar a cabo la propuesta, así como perfeccionar los diferentes aspectos involucrados en la misma. Propomos neste trabalho um projeto educativo dirigido ao Ensino Médio que consiste na determinação da distância Terra-Lua pelo efeito da paralaxe. As técnicas de observação, medidas e cálculos auxiliares são descritos, e os resultados obtidos numa experiência-teste realizada no ano de 2003 apresentados. Este último teste permitiu comprovar a viabilidade de execução da proposta e aperfeiçoar diversos aspectos da mesma.

  9. Simulações Numéricas de Rotação Nuclear Cometária

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Voelzke, M. R.; Winter, O. C.

    1999-08-01

    Este trabalho apresenta os resultados iniciais de simulações numéricas da evolução rotacional, de um núcleo cometário não esférico, ao longo de uma passagem periélica, levando-se em conta os torques devido a existência dos jatos de poeira e de gás. Inicialmente os autores apresentam um modelo simples (primeira aproximação), com somente um único jato na extremidade do semi-eixo maior, para compreender a variação positiva ou negativa que estas forças não gravitacionais exercem sobre o período de rotação cometário. Posteriormente incrementa-se o número de jatos, os quais são distribuídos ao longo da superfície cometária, para observar-se a contribuição dos efeitos provenientes dos torques originários da liberação da poeira e gás cometários, que provavelmente violará a suposição da livre precessão. Os estados rotacionais, sob torques induzidos devido à sublimação, dependem fortemente da localização das áreas ativas do núcleo. Os cometas P/Schwassmann-Wachmann 1, P/Tempel 2, P/Forbes e C/Meunier-Dupouy serão observados fotometricamente, pelos autores, no Laboratório Nacional de Astrofísica (LNA) ao longo de algumas noites consecutivas em abril, junho e julho de 1999. Estas observações serão comparadas com as simulações numéricas de rotação cometária.

  10. A importância da poeira e ondas de Alfvén na estabilidade de nuvens moleculares anãs

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Falceta-Gonçalves, D.; de Juli, M. C.; Jatenco-Pereira, V.

    2003-08-01

    Nuvens moleculares anãs se apresentam dinamicamente estáveis, embora possuam massas muito maiores que a massa de Jeans. Por este motivo, a estabilidade destes objetos não pode ser explicada considerando-se apenas a pressão térmica. Campos magnéticos, aproximadamente uniformes e de ~mG, exercem um termo extra de pressão que sustenta a nuvem, mas somente na direção perpendicular às linhas de campo. Para a direção paralela, ondas de Alfvén geradas por turbulências no meio, por exemplo, têm sido utilizadas. Estas, sendo supostamente fracamente amortecidas, poderiam sustentar a nuvem nesta direção. Entretanto, estes meios contêm grandes quantidades de poeira carregada eletricamente. Estes grãos de poeira possuem frequências cíclotron, que podem entrar em ressonância com as ondas. Neste trabalho calculamos os efeitos que o amortecimento cíclotron da poeira teriam na propagação da onda, e consequentemente na estabilidade da nuvem. Considerando um fluxo de ondas, com um dado espectro de frequências, e uma população de grãos de poeira, com distribuição de tamanho observada, foi possível mostrar que o amortecimento é eficiente em uma larga banda de frequências. Neste caso as ondas seriam rapidamente amortecidas gerando pequenas condensações de alta densidade, e não poderiam ser utilizadas para explicar a estabilidade de uma nuvem inteira. Desta forma, rotação e turbulência seriam candidatos alternativos para garantir a estabilidade destes objetos.

  11. Optical Spectroscopy of Obscured Active Galaxies

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    de Almeida Lopes, Vivian Cristina; Steiner, Joao Evangelista

    1998-02-01

    We present in this work a study of obscured Active Galaxies which were identified by Sofia Kirhakos in 1990. She verified that surveys at the optical part of the spectrum are not efficient to identify Seyfert nuclei in galaxies observed edge-on. To overcome this difficulty she proposed a selection criterion in which sources identified by the IRAS satellite that were simultaneously X-rays sources in the HEAO-1 catalog were the primary targets for subsequent observations. Optical spectroscopy of these non-identified sources done by Kirhakos revelead that there is an excess of face-on objects among Seyfert 1 galaxies while the Seyfert 2 galaxies were preferencially edge-on objects. The proposed interpretation was was that the Seyfert 2 nuclei are obscured Seyfert 1 nuclei. However, the spectral region covered by Kirhakos was in the blue, quite sensitive to redenning effects. Moreover, the signal-to-noise ratio was poor to classify accuratelya number of fainter objects. In our work, objects previously classified as AGN and Transition Objects were observed at the Laboratorio Nacional de Astrofisica- Brazil, using the 1,6 m telescope in the region 6000-10000 Angtrons. Diagnostics based on line emission ratios and FWHM of the lines permited us to better classify the observed objects. We verify that the Transition Objects show characteristics of H II regions and the AGN. We also studied the far infrared luminosities and hard X-rays luminosities, and found that they correlate positively, but only until a saturation value. This may indicate the presence of a barrier trapping the IR radiation. We conclude that selection effects play a role to define the classification of some objects, but not all, with the different classes of AGN presenting intrinsically different properties. We also verified that the present classification criteria are not efficient enough to positively define all classes of Active Galactic Nuclei. Apresentamos neste trabalho o estudo de Galáxias Ativas Obscurecidas que foram identificadas por Sofia Kirhakos, a qual, constatando que as buscas na faixa óptica do espectro não eram eficientes na identificação de núcleos Seyfert em galáxias vistas de perfil, selecionou fontes identificadas pelo satélite IRAS com base na emissão em raios-X detectados pelo satélite HEAO-1. Espectroscopia óptica dessas fontes outrora sem identificação nessa faixa permitiram a Kirhakos constatar que havia um excesso de objetos vistos de frente entre as Seyferts tipo 1 enquanto que as Seyfert tipo 2 eram objetos vistos de perfil. A interpretação proposta foi que os núcleos Seyfert 2 são núcleos Seyfert 1 obscurecidos. Entretanto, a região espectral coberta por Kirhakos foi no azul, que é sensível aos efeitos de avermelhamento, e também a relação sinal/ruído não foi suficiente para classificar com precisão uma quantidade de objetos de luminosidade menos intensa. Assim, nosso trabalho foi uma continuação daquele, onde selecionamos os objetos que foram classificados como AGNs e objetos de transição, observados no Laboratório Nacional de Astrofísica com o telescópio de 1,60 m, na região entre 6000 e 10000 Angstrons com redes de 900 e 300l/mm. Estudos das razões das linhas de emissão e da largura das mesmas permitiram-nos uma melhor classificação desses objetos e verificar, dentre outros fatos, que galáxias outrora consideradas objetos de transição são agora vistos como regiões H II nucleares ou AGNs. Estudamos também as luminosidades no infravermelho distante e em raios-X dos objetos e encontramos que existe correlação entre a luminosidade em raios-X e aquela no infravermelho, onde o aumento da primeira implica no aumento da segunda até um certo limite, o que é um indicador de uma barreira onde a radiação é aprisionada em uma região do objeto. Nós concluímos que efeitos de seleção acontecem, mas as diversas classes tem propriedades intrinsecamente distintas. Verificamos também q ue os atuais critérios de classificação são ainda ineficientes para uma classificação definitiva das v

  12. Datação do disco galáctico pela nucleocosmocronologia do [Th/Eu

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    del Peloso, E. F.; da Silva, L.; Arany-Prado, L. I.

    2003-08-01

    A nucleocosmocronologia emprega abundâncias de nuclídeos radioativos na datação de escalas de tempo astrofísicas. O 232Th é um nuclídeo radioativo com meia-vida de 14 Gano, enquanto que os dois isótopos mais abundantes do Eu são estáveis. O decaimento radioativo do Th modifica as razões de abundâncias [Th/Eu], fornecendo assim um meio de sondar a escala de formação das populações estelares. O objetivo deste trabalho é averiguar a possibilidade de estimar uma idade para o disco Galáctico através da nucleocosmocronologia do [Th/Eu] e investigar o nível de incerteza associado a esta estimativa. Para tanto, foi selecionada uma amostra de 20 estrelas anãs ou subgigantes de tipos espectrais F5 a G9, com -1,00 £ [Fe/H] £ +0,30 e idade(Gano) £ 13. As abundâncias de Th e Eu foram obtidas por síntese espectral das linhas localizadas em 4019,1 Å e 4129,7 Å, respectivamente. Uma comparação destas abundâncias com outros resultados da literatura demonstra que nossos valores apresentam dispersão 2 a 3 vezes menor que qualquer trabalho anterior. Os parâmetros atmosféricos e abundâncias dos elementos que contaminam as regiões espectrais destas linhas foram determinados por nós, de maneira totalmente autoconsistente, através de análise espectral detalhada diferencial em relação ao Sol. As idades estelares individuais foram determinadas através de curvas isócronas teóricas no diagrama HR. Foi realizada, então, uma análise cronológica dos gráficos [Th/Eu] vs. [Fe/H] e [Th/Eu] vs. idade. Os dados estelares foram comparados a curvas calculadas para 3 idades do disco Galáctico - 9, 12, 15 Gano - e foi estudada a sensibilidade à idade assumida no cálculo do ajuste destas curvas aos dados. Estas curvas foram calculadas com base num modelo analítico de evolução química da Galáxia que leva em consideração a formação de refugos, que são compostos pelos remanescentes da evolução estelar, pelos resíduos da formação de estrelas de baixa massa (planetas, cometas, etc.) e por quaisquer outros objetos de massa não-estelar. A formação de resíduos tem o efeito indireto de diluir o meio interestelar, levando a um enriquecimento mais lento deste e a um bom ajuste de diversos vínculos da evolução química da Galáxia, como a distribuição de anãs-G e a relação idade-metalicidade. Os efeitos da destruição do Th por reações fotonucleares em interiores estelares também foram considerados.

  13. Abundâncias de oxigênio e enxofre nas estrelas de tipo solar da vizinhança solar

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Requeijo, F.; Porto de Mello, G. F.

    2003-08-01

    Alguns resultados sugerem que o Sol seja 58% mais abundante em oxigênio que o meio interestelar local. Esta anomalia parece estender-se para o carbono e o criptônio. Entre as possíveis explicações deste fenômeno estão: uma supernova de tipo II que tenha enriquecido a nebulosa protosolar, tornando-a superabundante em oxigênio; um episódio de infall de material pobre em metais sobre o disco Galático, diluindo o meio interestelar local ou uma migração dinâmica do Sol de uma órbita mais interna da Galáxia para sua posição atual. A escolha entre estes cenários exige o conhecimento preciso da abundância solar em relação às anãs G da vizinhança. Neste contexto, o oxigênio e enxofre, são elementos-chave por serem ambos produzidos pelas supernovas de tipo II, devendo portanto possuir o mesmo padrão de abundância. Este projeto visa esclarecer qual a posição do Sol na distribuição local de abundâncias de enxofre e oxigênio para uma amostra de estrelas de tipo solar com idades e metalicidades bem conhecidas. Para tal, analisamos espectros de alta resolução e alta relação sinal-ruído nas regiões espectrais de ll 6300, 7774 (O) e l8695 (S). Para o enxofre encontramos que o Sol parece ser uma estrela típica dentre as da vizinhança, e que este elemento não mostra a sobreabundância para baixas metalicidades, já bem estabelecida para o oxigênio. Discutimos as abundâncias do enxofre no contexto da Evolução Química da Galáxia. Apresentamos resultados preliminares muito precisos para a linha proibida do oxigênio l6300 e comparamos estes com os obtidos para o tripleto em l7774. Quantificamos os efeitos não-ETL presentes no tripleto em função dos parâmetros atmosféricos estelares.

  14. A eficiência de formação estelar em Musca

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Hickel, G. R.; Vilas-Boas, J. W. S.; Roberto, A. J.., Jr.; Khan, R. P.

    2003-08-01

    Apresentamos os resultados de um survey no infravermelho próximo (bandas J e H), executado no Laboratório Nacional de Astrofísica, na direção da nuvem escura em forma de filamento de Musca (observamos ao longo de todo o filamento, além de todas as fontes pontuais IRAS e/ou fontes ROSAT brilhantes a uma distância de 2o da nuvem). Nosso objetivo é determinar a eficiência de formação estelar para esta nuvem escura (massa de estrelas formadas/massa da nuvem), procurando por objetos estelares jovens de pequena massa no seu interior e/ou evoluídos o suficiente para estarem afastados do local de nascimento, mas ainda mostrando características de objetos pré-seqüência principal como emissão de raios-X e excesso de emissão no infravermelho próximo. Este survey não estabeleceu nenhum viés na seleção de fontes pontuais IRAS ou fontes ROSAT, uma vez que a imensa maioria das fontes pontuais IRAS nesta região têm qualidade de fluxo ruim. Os candidatos a objetos estelares jovens foram selecionados pelo excesso no índice de cor (J-H), descontados os efeitos da extinção interestelar na linha de visada, determinada através da emissão estendida no infravermelho distante (IRAS). Estimativas de massa foram feitas para estes candidatos, através da relação massa-luminosidade, para calcular a eficiência de formação estelar de Musca.

  15. Melhoramentos no código Wilson-Devinney para binárias eclipsantes

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Vieira, L. A.; Vaz, L. P. R.

    2003-08-01

    A análise de curvas de luz e velocidades radiais de sistemas binários eclipsantes pode ser feita por meio de vários modelos. Um desses é o Modelo Wilson-Devinney (WD). Ao longo dos anos, esse modelo sofreu várias alterações em seus códigos principais, com a finalidade de torná-lo mais consistente tanto fíisica como numericamente. O Modelo WD tem sido melhorado de várias maneiras em seus dois códigos: um para a predição das curvas de luz teórica e de velocidade radiais e outra para as soluções destas curvas. Teoricamente, na física do modelo, nós introduzimos a possibilidade de levar em conta os efeitos do movimento apsidal. Numericamente, nós introduzimos a possibilidade de usar o Método SIMPLEX no procedimento da solução, como uma alternativa para o já implementado Método de Mínimos Quadrados (Least Squares Method). Estas modificações, juntamente com outras já introduzidas pelo nosso grupo anteriormente, tornam o código mais eficiente na solução das curvas de luz e de velocidade radiais de binárias eclipsantes. Como o modelo tem sido usado para analisar sistemas com componentes pré-sequência principal (TY CrA, Casey et al. 1998, Vaz et al. 1998), SM 790, Stassun et al. 2003), este melhoramento beneficiará estes casos também. Apresentamos os resultados obtidos com a modificação do código WD por meio do uso de dados da estrela GL Carinae, comprovando, (1) que os parâmetros orbitais calculados por nós são coerentes com os obtidos anteriormente na literatura (Giménez & Clausen, 1986) e com os obtidos por Faria (1987), e (2) que a implementação do Método SIMPLEX torna o código mais lento mas completamente consistente internamente e evita os problemas gerados pelo uso do Método de Mínimos Quadrados, tais como imprecisão no cálculo das derivadas parciais e convergência para mínimos locais.

  16. Identificação de variáveis cataclísmicas eruptivas na direção do bojo galáctico e Nuvens de Magalhães usando dados do OGLE

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Cieslinski, D.; Diaz, M. P.; Mennickent, R.; Pietrzyski, G.

    2003-08-01

    Na década de 90 iniciaram-se vários programas para a pesquisa de matéria escura na Galáxia usando o efeito de microlentes gravitacionais. Entre os projetos mais bem conhecidos podemos mencionar o OGLE (Optical Gravitational Lensing Experiment) e o MACHO (MAssive Compact Halo Objects). A estratégia usada por eles consiste em fazer fotometria de banda larga (normalmente B, R e I) de um grande número de estrelas (dezenas de milhões) tão freqüentemente quanto possí vel e por longos perí odos de tempo (anos). Uma tal sistemática de observação, além de descobrir inúmeras lentes gravitacionais, é também muito apropriada para a descoberta de estrelas variáveis. De fato, inúmeras novas variáveis de vários tipos foram descobertas como subproduto. Exemplos podem ser encontrados nos endereços http://bulge.princeton.edu/~ogle/ e http://wwwmacho.mcmaster.ca/. As variáveis cataclí smicas eruptivas (novas clássicas, novas recorrentes e novas anãs) são objetos que apresentam variabilidade de grande amplitude com escalas de tempo de dias a centenas de dias e, por esta razão, devem ter sido detectadas em grande número nestes "surveys". Para testar esta possibilidade nós procuramos nos dados do OGLE por tais sistemas e o presente trabalho mostra os resultados desta pesquisa. Os objetos foram selecionados entre as variáveis detectadas usando a amplitude de variação de brilho como critério principal. Este critério forneceu 13756 objetos, sendo 2169 na direção da Grande Nuvem de Magalhães, 1162 na direção da Pequena Nuvem de Magalhães e o restante na direção do Bojo Galáctico. A análise foi feita inspecionando-se visualmente cada curva de luz por erupções com as características acima mencionadas. Os resultados obtidos podem ser sumarizados como: descoberta de duas novas clássicas e 33 novas anãs. Além disso, pode-se mencionar a identificação de candidatas a outros tipos de variáveis como: estrelas simbióticas, RV Tauri, R Coronae Borealis, Miras, etc.

  17. Análise de Estruturas Morfológicas da Cauda de Plasma do Cometa P/Halley

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Voelzke, M. R.; Matsuura, O. T.

    1997-08-01

    531 imagens contidas no The International Halley Watch Atlas of Large-Scale Phenomena (Brandt et al., 1992) cobrindo o período de setembro de 1985 a julho de 1986 foram analisadas visando identificar, caracterizar as propriedades e correlacionar estruturas morfológicas da cauda de plasma do cometa P/Halley. A análise revelou 151 estruturas ondulatórias, 146 ondas solitárias (sólitons), 12 caudas do tipo Swan (Hyder et al., 1974; Niedner & Brandt, 1980; Jockers, 1985), 47 eventos de desconexão (D.E.'s) (Niedner & Brandt, 1979; Jockers, 1985; Celnik et al., 1988; Delva et al., 1991) e 23 regiões de adensamento ("knots") (Matsuura & Voelzke, 1990; Voelzke, 1996). - feita uma análise comparativa com outros trabalhos similares objetivando disciplinar a nomenclatura das estruturas morfológicas e a sua classificação. As estruturas ondulatórias correspondem a ondulaçóes ou trens de onda, enquanto que os sólitons referem-se a estruturas morfológicas usualmente denominadas "kinks" (Tomita et al., 1987). O valor médio do comprimento de onda, corrigido dos efeitos de projeção, Lc medido em 16 estruturas ondulatórias distintas corresponde a (2,2 +- 0,2) x 10^6 km. O valor médio da velocidade de fase cometocêntrica, corrigida dos efeitos de projeção, Vfc é igual a (114 +- 31) km/s e a amplitude média A da onda corresponde a (2,8 +- 0,5) x 10^5 km. Lc e A tendem a aumentar com o incremento da distància cometocêntrica. As ondas são claramente não-lineares e é discutido o local de sua excitação. A distribuição dos D.E.'s na distància heliocêntrica apresenta um caráter bimodal possivelmente associado com a distribuição espacial das fronteiras de setor magnético do meio interplanetário. Em geral, pode-se associar a ocorrência de um "knot" e/ou de uma cauda do tipo Swan com a ocorrência de um D.E., mas este último pode ocorrer independentemente. Os 47 D.E.'s em diferentes fases de evolução foram fotografados em 47 imagens distintas que permitiram determinar o instante de suas origens, ou seja, o instante em que supostamente a de sconexão teve lugar no núcleo. Assim, foram identificados 19 D.E.'s distintos. Aparentemente o plasma desconectado de um dado D.E. afasta-se com velocidade constante do núcleo cometário. Tal velocidade, contudo, varia enormemente de um D.E. para outro. Nove D.E.'s pré-periélicos apresentaram velocidade média Vc, corrigida dos efeitos de projeção, igual a (260 +- 87) km/s e dez pós-periélicos (130 +- 37) km/s. Esta assimetria de Vc em relação ao periélio pode ser devida ao modo assimétrico com que a componente radial da velocidade orbital do cometa se combina com a velocidade do vento solar no sistema de referência cometocêntrico. Os D.E.'s foram correlacionados com variações simultâneas de brilho, formação de jatos e outros fenômenos associados. Sua ocorrência é discutida no contexto dos modelos de reconexão magnética e de compressão dinâmica por vento solar exacerbado. - Brandt, J.C., Niedner, M.B.Jr. and Rahe, J., The International Halley Watch Atlas of Large-Scale Phenomena (printed by: Johnson Printing Co, Boulder, CO), University of Colorado-Boulder, 1992. - Celnik, W.E., Koczet, P., Schlosser, W., Schulz, R., Svejda, P. and Weissbauer, K., Astron. Astrophys. Suppl. Ser. 72, 89, 1988. - Delva, M., Schwingenschuh, K., Niedner, M.B.Jr. and Gringauz, K.I., Planet. Space Sci. 39, Number 5, 697, 1991. - Hyder, C.L., Brandt, J.C. and Roosen, R.G., Icarus 23, 601, 1974. - Jockers, K., Astron. Astrophys. Suppl. Ser. 62, 791, 1985. - Matsuura, O.T. and Voelzke, M.R., Rev. Mexicana Astron. Astrof. 21, 609, 1990. - Niedner, M.B.Jr. and Brandt, J.C., Astrophys. J. 234, 723, 1979. - Niedner, M.B.Jr. and Brandt, J.C., Icarus 42, 257, 1980. - Tomita, K., Saito, T. and Minami, S., Astron. Astrophys. 187, 215, 1987. - Voelzke, M.R., Publications of the Astronomical Society of the Pacific 108, Number 729, 1063, 1996.

  18. Farmyard Manure and Fertilizer Effects on Seed Potato (Solanum tuberosum L.) Yield in Green House Production

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    László, M.

    2009-04-01

    Nowadays is widely well know that the potato is an important vegetable crop at Brazíl. It is grown on about 173.000 ha, with total yield of 2.6 million tons year-1. The average yield is 15 t ha-1. This level is very low because degeneration of crop is rapid under high temperature and high viruses pressure. Therefore seed potato propagation and production is principal on consumption potato production. This is why we found it necessary to develop it. The latossolo vermelho soil-farmyard manure- burnt rice straw-fertilizer 4N:14P:8K greenhouse pot trial was set up at the National Vegetable Crops Research Center, Brasília-DF, Brazíl in 1990. The methods of the experiments were soil x farmyard manure x burnt rice straw, soil x 4N:14P:8K fertilizer and soil x farmyard manure x burnt rice straw x 4N:14P:8K fertilizer on randomized block design in total 29 combination of treatments in 5, 5 and 3 repetitions with in a total parcel of 116. According to chemical analysis of the a., soil, b., farmyard manure and c., burnt rice straw the agrochemistry parameters were as follows (estimated datas): a., latossolo vermelho soil: CaCO3 0.3-0.7%, humo 0.9-1.0%, pH (H2O) 5.3, pH (KCl) 4.5, AL- P2O5 3.2-3.5 mg kg-1, AL- K2O 180 mg kg-1, Mg (KCl) 70 mg kg-1, EDTA-Zn 0.5-0.8 mg kg-1, EDTA-Cu 0.5-0.6 mg kg-1, b., farmyard manure: N 1.8 g kg-1, P2O5 2.0 g kg-1, K2O 4.0 g kg-1, c., burnt rice straw: N 0.8 g kg-1, P2O5 7.0 g kg-1, K2O 4.5 g kg-1. The experimental datas were estimated by analysis of variance, ANOVA and MANOVA. The main conclusions were as follows: 1. Mixture of 80% latossolo vermelho, 10% burnt rice straw and 10% farmyard manure were shown best performance on seed potato productivity. The piece of tubers with a 0-20 mm (consumption seeds) was increased by 77%. 2. Total seed potato number was reached maximum at 10.8 g pot-1 4N:14P:8K fertilizer regarding to average of treatments with a 33%. 3. Dry biomassa production plant-1 was decreased by high dose of 4N:14P:8K fertilizer (18.0 g pot-1) with a hard effect (57%). Our results are shown that it was possible developing of the seed potato production under tropical greenhouse conditions by optimalised soil-organic matter-fertilizer system. This datas should be as indicators to sustainable field potato advisory systems. Keywords: potato (Solanum tuberosum L.), greenhouse, latossolo vermelho soil, farmyard manure, burnt rice straw, 4N:14P:8K fertilizer, sustainability, yield Introducáo: Importância e situação actual em produção da batata no Brazíl A batata é atualmente uma das hortaliças de maior importância no Brasíl (Márton 2000a., 2000b.) com um cultivo annual médio de 173.000 ha e uma produção de 2600000 t. A produtividade médio nacional é de 15 t ha-1, muito baixa se considerar que é possivel a obtenção de rendimentos acima de 40 t ha-1. Observa- se também, que existe variação no produtividade entre regiões e estados. E importante como fonte de alimento pelo seu alto valor nutricional a quantidade produzida muito superior por unidade de área a tempo, se comparada com diversas outras culturas (László 2000b., 2000c.). Os estados que tradicionalmente produzem batata em maior ou menor escala são indicados em seguente: Pernambuco, Ceará, Sergipe, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rondonia e Acre. Os plantios predominantes são o das águas e das secas, sendo o de inverno bem menos expressivo, pois poucas áreas permitem o seu cultivo, na maioria dos casos necessitando- se de irrigação. Considerando as três épocas de plantio e diferentes condições climaticas brasileiras, podemos definir de um modo geral o plantio de batata no Brasíl da seguinte maneira: Nordeste e Centro- Oeste- plantio de inverno, Sudeste- plantio das águas, secas e inverno, Sul- plantio das aguas, secas e inverno. Sendo este último em áreas muito limitadas. Dentre as hortaliças a batata é uma das culturas mais estudadas actualmente. Os principais problemas que afetam a cultura da batata podem ser de ordem agronómica, economica e comercial. Como exemplos destes podem ser citados: o uso racional de matérias orgânicos, esterco de curral e inorgânico fertilizantes. Efeito de materias orgnicânicos e N, P, K elementos minerais para produção da batata As necessidades em N, P, e K elementos minerais da batata são superidas pela aplicação apropriada de matérias orgânicos, esterco de currals, fertilizantes ao solo, combinada com a ambiente (Márton 2001a., 2001b.), época adequada e posição ideal de aplicá- lo. Efeito da materias orgânicos O suprimento de N á batateira provém principalmente da matéria orgânica do solo e do fertilizante aplicado (László 2000a., Márton et all. 2000.). Embora não seja muito praticado no Brasíl, a incorporação de esterco ao solo é fator de aumento da produção de tuberculos. Este resultado favorável poderia ser atribuído ao melhoramento da estrutura do solo, á maior retenção de água pelo e mesmo favorecendo o melhor desenvolvimento do sistema radicular da planta. A batata pode ser cultivada em todo tipo de solo desde que tenha boa drenagem e seja bem estruturado. Isto é tem que ser bem aerado e permitir o bom desenvolvimento dos órgãos subterráneos da batateira. Sem de matéria orgânicos e esterco de curral a tendencia de determinados solos formar crosta, oferecendo uma alta resisténcia mecánica á emergéncia das plantas, pode ser um determinante de stands desuniformes. A cause primaria da formação de crostas é a destruição dos agregados do solo pela excessiva manipulação mecánica resultando em aeração reduzida e aumento da densidade e coesão das particulas do solo. O encrostamento do solo pode ser reduzido através com matérias orgânicos. De maneira geral, a produção de tuberculos em solo de baixa potencialidade (aqueles em que a penetração das raizes é dificultada pela compactação, textura argilosa ou com camadas no solo) será menor do que nagueles com alta potencialidade (boa textura e adequada retenção de agua). Efeito do nitrogênio No Brazíl em todas regiões onde se cultiva batata é raro encontrar solos com elevado teor de nitrogênio e que não precisam de quantidades desta elemento. É o elemento que governa o padrão de desenvolvimento da planta, estimulando principalmente o crescimento da parte aérea (Kádár et all. 2000., László 2000.). Para se obter rendimento de tubérculos é necessário um rápido e curto periodo de desenvolvimento da parte aérea e uma fase de acúmulo maior possível. Para tanto, devem ser evitadas doses muito altas de nitrogênio e, principalmente, se aplicadas tardiamente, pois haverá demasiado desenvolvimento de folhas que demorarão mais a finalizar seu crescimento e maturação. Isto implicará na redução do periodo de intenso desenvolvimento dos tubérculos e armazenagem do amido, resultando em menor produção. Há risco para a saúde na ingestão de alimentos com altos teores de nitrato e nitrito, havendo preocupação com o efeito de doses mais altas de nitrogênio sobre os teores dos mesmos nos tuberculos. Embora haja diferenças entre cultivares, localidades e períodos de armazenamento, há estudos mostrando que a fertilização com até 150 kg ha-1 de nitrogênio não foi suficiente para propiciar niveis preocupantes de nitrato nos tuberculos colhidos. Efeito do fósforo A grande maioria dos solos brasileiros cultivados com batata apresentam limitações ao bom desenvolvimento e produção da cultura em função dos baixos níveis de fósforo. Isto significa que aumentos de produção quase sempre ocorrem quando o solo recebe adubação fosfatada (László 2001a.). Estes aumentos são mais marcantes em solos nunca antes adubados ou com baixo teor de fósforo. Nestes, dificilmente alcanca- se a produção máxima com níveis reduzidos de fósforo. Não seria exagerado supor níveis de 600 a 800 kg ha-1 de P2O5, como sendo aqueles que iriam proporcionar produção máximas, principalmente em solos mais ácidos e pobres em matéria orgânico. A adubação fosfatada é muito importante no crescimento inicial da planta e, além de aumentar a produção de tuberculos em peso e números, aumenta também a quantidade e qualidade do amido neles contidos e reduz perdas durante o armazenamento dos mesmos. A quantidade de fósforo a aplicar dependerá da análise do solo considerando- se principalmente o nível de P existente e a textura do solo. Solos de textura média e arenosa necessitam maior conteúdo de fósforo do que os de textura argilosa para serem considerandos solos de baixo, médio ou alto teor de fósfato. Efeito da potássica Embora seja o elemento mais absorbido pela batateira, nem sempre há resposta positiva da aduba potássica sobre o rendimento da cultura. Provavelmente isto esteja relacionado com níveis elevados deste elemento no solo (Kurnik et all. 2001.). Entretanto, em solos com médios e baixos teores de potássio, aumentos significativos são conseguidos. Por isto, as recomendações de adubação com potássio, nas diversas regiões do mundo, variam de 50-300 kg ha-1 de K2O. Resultados de trabalhos em brasiléiros têm demonstrado que a aduba potássica pode ser substituída pela aplicação de 150 m3 ha-1 de vinhaça de cana de açúcar. Ao elevar- se a dose de fertilização potássica deverá haver precaução para que a adubação magnesiana seja suficiente. O K além de aumentar a produção, em solos deficientes, aumenta também o tamanho dos tubérculos produzidos, e a proporção de tubérculos grandes. Deficiência no suprimento de potássio á planta pode acarretar produção de tubérculos com elevada susceptibilidade aos danos mecánicos pós-colheita. Os tubérculos injuriados enegrecem facilmente e este enegrecimento é inversamente proporcional á quantidade de potássio nos tuberculos. Ademais, quando fritos dão origem a um produto escuro, de baixa valor comercial. Manejo de adubação Diversos fatores como potencial de produção do solo, modo de aplicação do fertilizante dentre outro fatores afetam a resposta da batateira á aplicação de fertilizantes (Refschneider 1987.). Depreende- se pois que no estabelecimento de um nivel ideal de fertilização as variáveis planta, solo e condições climaticas devem ser visualizadas como um sistema pouco provável de ser homogeneo mesmo em nivel de fazenda. Como tal, generalizações a respeito de doses ou niveis de fertlização são difíceis de serem feitas, recomendações exigem julgamento hábil por parte do fazendeiro ou do tecnico responsavel pela cultura (Márton 2001a., 2001b.). Este julgamento será mais preciso conhecendo- se pontos que serão rápidamente discutidos a seguir. A taxa de absorção de nutrientes é governada pela concentração externa ou suprimento de nutrientes pelo solo e a demanda do nutriente criada pelo desenvolvimento e funcinamento normal dos diversos órgãos das plantas. O nivel de nutrientes na solução do solo deve ser suficiamente alto para que suas taxas de absorção não sejam limitantes ao crescimento. Por outro lado, não deve ser demasiado para causar excessiva absorção de outros nutrientes. Forte associação existe entre a absorção de nutrientes e o desenvolvimento da planta. De maneira geral, a fase de rapido desenvolvimento da cultura é acompanhada por um grande aumento na absorção de nutrientes com a taxa de absorção declinado quando a taxa de crescimento diminuiu. Normalmente todos os fertilizantes potássicos e fosfatados são adicionados ao solo na época do plantio. O nitrogênio normalmente é parcelado. Cerca de 2 por 3 do nível recomendado é colocado no sulco de plantio e o restante adicionado por ocasião da amontoa. É uma prática tradicinal e com pouco suporte experimental no condiõces brasileiras. Espera -se que a aplicação parcelada do nitrogênio e mesmo do potássio possem ser benéficas quando houver chuva excessiva ou irrigações mal executadas principalmente em solos mais arenosos onde poderá ocorrer a lixiviacão dos mesmos (Márton 2001a., 2001b.). O parcelamento poderá também ser benéfico quando elevados níveis de fertilizantes porém recomendandos e a aplicação por feita nos sulcos de plantio, pois evitar-se ia assim, elevada concentração salina em torno dos tubérculos plantados, embora a aplicação á lanco, em toda área, possa ser opção vantajosa. Quantidades corretas de fertilizantes, posição ideal e época certa de aplicação, combinadas adequadamente, definem o programa de adubação da batata. Esse programa é variável de acordo com o solo, a batata e condisões ambientais (Márton 2001a.). A dose de um elemento a ser aplicada em batata, é função da quantidade desse elemento suprida pelo solo e da percentagem de recuperação do elemento adicionado ao solo como fertilizante. Resultados experimentais comparando a aplicação de fertilizante á lanco ou localizado mostram respostas variadas sobre a produção. E possivel encontrar resultados iguais em ambos os métodos, de supremacia da aplicação á lanco ou da aplicação localizada (Kurnik et all. 2001.). Parece que baixas quantidades de fertilizantes são mais eficiemente utilizadas quando aplicação nos sulcos de plantios. Entretanto o potancial de produção pode ser aumentando com alta ou mesmo moderada quantidade de fertilizantes aplicados á lanço. A recomendação geral de colocar o adubo no sulco de plantio da batata merece ser questionada. É uma recomendação válida ao entender- se que a batata responde bastante á aplicação de fósforo, que os solos brasileiros tem alta capacidade de absorção de fósforo e que haverá maior proliferação de raízes na área fertilizada. Uma indagação aparece: um solo com baxa disponibilidade de fósforo fora da zona fertilizada permitiria o desenvolvimento ótimo da planta. Algumas evidéncias mostram, para outras espécies, que grande parte do sistema radicular, deve estar exposta ao fósforo para suprir as necessidades das plantas. Ademais, há um determinado valor de concentração de fósforo, na solução do solo, acima da qual a taxa de absorção não é aumentada. Essas considerações suscitam a possibilidade de questionar se a aplicação de fósforo em sulcos seria a forma mais eficiente de usá-lo quando se pretende alcancar elevadas produções. Deve-se lembrar entretanto, que solos tropicais, ainda com baixos teores fósforo e alta capacidade de adsorção, seria necessária dose muito elevada de P, quando aplicada á lanço, em todo o terreno. Se a aplicação localizada do fósforo pode, em parte, ser explicada, a do nitrogênio e potássio não são facilmente justificadas sob o aspecto de eficiéncia de utilização. Pelo contrário, ela pode ser questionada, principalmente pelas suas caracteristicas de difusão, pelo efeito que altas concentração de amónio e cloreto podem ter sobre a pressão osmotica da solução do solo junto aos tubérculos plantados, pelo efeito negativo do cloreto sobre a absorção de fósforo e também sobre a capacidade produtiva das plantas. Portanto, existe a possibilidade de ocorrer toxidez de amónio e de cloreto ao se aplicar doses altas dos fertilizantes nos sulcos de plantios. Isto pode determinar uma menor eficiéncia no uso dos fertilizantes. Materiais e Metodos: Nos desenvolverémos os três experimentos (i.e.: 1., 2., 3.) para aumentár-se do produção e produtividade da batata (Solanum tuberosum L.) semente pré- básica no casa de vegetação com diferentes doságens do latossolo vermelho novo, do esterco de curral e do adubo fórmula 4N:14P:8K no Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuaria- Centro Nacional de Pesquisas de Hortaliças, da Brazília-DF no 1990. Caracteristicas agroquímicas do solo em faixa arado (dados estimados), e conteudos N, P2O5, K2O do esterco de curral e palha de arroz queimado (dados estimados): a., caracteristicas agroquímicas do solo latossolo vermelho (solo novo: nunca foi usado para produção da batata semente): CaCO3 0.3-0.7%, humo 0.9-1.0%, pH (H2O) 5.3, pH (KCl) 4.5, AL- P2O5 3.2-3.5 mg kg-1, AL- K2O 180 mg kg-1, Mg (KCl) 70 mg kg-1, EDTA-Zn 0.5-0.8 mg kg-1, EDTA-Cu 0.5-0.6 mg kg-1 com abastecer fraco destes elementos, b., conteudos N, P2O5, K2O do esterco de curral (qualidade médio): N 1.8 g kg-1, P2O5 2.0 g kg-1, K2O 4.0 g kg-1, c., conteudos N, P2O5, K2O do palha de arroz queimado (palha de arroz foi queimado em um especial forno): N 0.8 g kg-1, P2O5 7.0 g kg-1, K2O 4.5 g kg-1. Nestas provas usarémos para controle a *mistura padrão. O este tratamento é a composição usual neste programa i.e.: 150 l de solo novo, 50 l de palha de arroz queimado, 50 l de esterco de curral, 350 gramas de cal e 300 gramas de adubo da fórmula 4N:14P:8K. Experimento 1. Efeito de diferentes misturas para produção da batata semente pré- básica em casa de vegetação O experimento foi instalado considerando-se sete misturas de substrato (latossolo vermelho novo, esterco de curral, palha de arroz queimado) em 3000 cm3 volume de capacidade de vasos preto com cinco repetições, no delineamento experimental de blocos ao acaso, na mésas experimentais em caso de vegetação. A cultivar foi a Achat, com plãntulas provenientes de cultura de tecidos. A data de plantio foi 18.04.1990. Plantarémos em cada vaso 3-3 "in vitro" plantulas com raiz embaixo de 4cm de superficie da mistura no vasos. Irrigarémos com 12 mm quantidade da augua 2 vezes por semana. Para produção aplicarémos sistema de proteção de plantas como usados no Brasíl. Ambiente foi controlado com ventilação automatizado. Temperatura médio foi 22 0C e humidade médio foi 68% durante de experimento. A data de colheta foi 04.07.1990. As pesagens foram feitos como peso fresco. Os resultados foram submetidos a analise de variáncia, ANOVA. As misturas do substrato utilizadas foram como a seguir no Tabela 1. Experimento 2. Efeito de adubo 4N:14P:8K para produção da batata semente pré- básica em casa de vegetação O experimento foi instalado considerando-se 9 dosagens de adubo da fórmula 4N:14P:8K com latossolo vermelho novo em 3000 cm3 volume de capacidade de vasos preto com cinco repetições, no delineamento experimental de blocos ao acaso na mésas experimentais em casa de vegetação. O adubo foi posicionando no solo de 4 cm abaixo de superficie do solo. A cultivar foi a Achat, com plãntulas provenientes de cultura de tecidos. A data de plantio foi 18.04.1990. Plantarémos em cada vaso 3-3 "in vitro" plantulas com raiz embaixo de 4cm de superficie da mistura no vasos. Irrigarémos com 12 mm quantidade da augua 2 vezes por semana. Para produção aplicarémos sistema de proteção de plantas como usados no Brasíl. Ambiente foi controlado com ventilação automatizado. Temperatura médio foi 22 0C e humidade médio foi 68% durante de experimento. A data de colheta foi 04.07.1990. As pesagens foram feitos como peso fresco. Os resultados foram submetidos a analise de variáncia, ANOVA. As doságens de adubo foram como a seguir no Tabela 2. Experimento 3. Efeito de latossolo vermelho novo, palha de arroz queimado e adubo 4N:14P:8K para produção da batata semente pré- básica em casa de vegetação Para pesquisar estes efeitos o experimento tipo de (2 x 6) foi instalado considerando-se as combinações entre duas misturas (i.e.: 1., 2.) e seis doságens de adubo complexo 4N:14P:8K, com três repetições, no delineamento experimental de bloco ao acaso, sendo 1 vaso (3000 cm3 volume de capacidade de vasos preto) por parcela na mésas experimentais em casa de vegetação. O adubo foi posicionando no solo de 4 cm abaixo de superficie do solo. A cultivar utilizada foi Baraka e o tamanho de tuberculos foi com 0-20 mm. A data de plantio foi 25.09.1990. Plantarémos em cada vaso 3-3 tuberculos com embaixo de 4cm de superficie da mistura no vasos. Irrigarémos com 12 mm quantidade da augua 2 vezes por semana. Para produção aplicarémos sistema de proteção de plantas como usados no Brasíl. Ambiente foi controlado ventilação automatizado. Temperatura médio foi 21 0C é humidade médio foi 66% durante de experimento. A data de colheta foi 14.12.1990. As pesagens foram feitos como peso fresco e matéria seca. Os resultados foram submetidos a analise de variáncia, MANOVA. Os manejos foram como a seguir no Tabela 3. Resultados e Discuscáo Experimento 1. Efeito de diferentes misturas para produção da batata semente pré- básica em casa de vegetação O tratamento 3. i.e.: mistura de 80% latossolo vermelho novo, 10% palha de arroz queimado e 10% esterco de curral, apresentou os maiores valores para numero de tuberculos com 0-20 mm (tamanho de comercial), peso de tuberculos com 0-20 mm e peso total de tuberculos por vaso. Porém, não houve diferencas significativas para o numero tuberculos comerciais, i.e.: com 0-20 mm, para os tratamentos 2., 3., 4., e 5. Portanto, a mistura poderá ter uma composição entre 60 a 90% de latossolo vermelho novo, 6 a 24% de palha de arroz queimado e de 4 a 16% de esterco de curral. Não houve diferenca significativa entre a mistura padrão utilizada e as misturas incluidas nos extremos indicados anteriormente. Porém, a mistura padrão recebeu adubação quimica de 4N:14P:8K (3.6 grama vaso-1) e calcário na dosagem de 4.2 grama vaso-1, o que não aconteceu com as parcelas das misturas em analise. Experimento 2. Efeito de adubo 4N:14P:8K para produção da batata semente pré- básica em casa de vegetação Há um efeito crescente das dóses de 4N:14P:8K nos caracteres observados. Porém, a maior dóse não chegou a ultrapassar a mistura padrão. Experimento 3. Efeito de latossolo vermelho novo, palha de arroz queimado e adubo 4N:14P:8K para produção da batata semente pré- básica em casa de vegetação Efeitos de misturas As duas misturas (i.e.: 1 e 2) deram resultados significativos mais alto que a mistura padrão, em média 54 %. Entre as misturas 1 e 2, foi melhor a 2. (80% latossolo vermelho novo, 10% palha de arroz queimado, 10% esterco de curral). Examinando-se 15 fatores, entre 11 casos afirmou-se a mistura como para melhor que a mistura 1. (70% latossolo vermelho novo, 20% palha de arroz queimado, 10% esterco de curral). Em caso de número de tuberculos 0-20 mm com a mistura 2. foi possivel aumentar geralmente os números de tuberculos em 77% que a mistura padrão. Efeitos de adubação 1. Área da folhas por planta entre manejo foi melhor de modo significativo a doságem de 3.6 grama vaso-1 adubo complexo (3103 cm2 plantas-1). 2. Peso fresco da folhas e de hastes por plantas as tendencias foram parecidos com o da área de folhas. 3. Peso fresco de raizis por planta até 7.2 grama vaso-1 diminuiu depois aumentou. 4. Peso fresco total de tuberculos por planta as crescentes doságens de um modo forte diminuiram a produção de tuberculos de 0 e 18.0 grama vaso-1 em 160% em os dois caso da mistura. 5. Peso de fitomassa fresco por planta foi melhor a 3.6 g vaso-1 (239 grama planta-1 em médio da dois mistura), depois os dados diminuirám. 6. Produção de biomassa fresco por planta a maxima produção (188 grama planta-1) foi obtida com 3.6 grama vaso-1. Deste ponto de modo forte caiu a produção. 7. Peso da matéria seca de folhas, hastes e raizis por planta somente em caso de mistura padrão o resultado foi significativo em relação aos outros tratamentos. 8. Péso da matéria seca de tuberculos total por planta modo significativo diminuiu a produção (0 e 18.0 grama vaso-1 = 360%) em médio da duas misturas. 9. Biomassa produção de materia seca por planta modo significativo diminuiu para efeito de alta dosagens de adubo complexo (0 e 18.0 grama vaso-1 = 158%) em médio da duas misturas. 10. Peso fresco de tuberculos com 0-20 mm as crescentes dosagens de 0 e 18.0 grama vaso-1 diminuiram a produção em 213% em médio da duas misturas. 11. Peso fresco de tuberculos com 20 mm-1 as crescentes dosagens de 0 e 18.0 grama vaso-1 diminuiram a produção assima de 250% em médio da duas misturas. 12. Numero de tuberculos 0-20 mm e 20 mm- por planta com os manejos de 0 e 18.0 grama vaso-1 foi possível aumentar em media 200% sobre a mistura padrão. Os manejo de 18.0 grama de adubo vaso-1 já causaram importante diminuição em relação caso a absoluto controle. 13. Numero total de tuberculos por planta entre manejos foi melhor a dosagem de 7.2 grama vaso-1 adubo complexo 4N:14P:8K comparando da mistura padrão. Nos verificamos-se que a mistura padrão sempre deu menor rasultados do que as outras misturas (i.e.: 1 e 2). Entre as misturas 1 e 2 a melhor foi a número 2. (80% latossolo vermelho novo, 10% palha de arroz queimado, 10% esterco de curral). Com esta mistura e com relação a mistura padrão, foi possível aumentar o número de tuberculos 0-20 mm com 77%. No caso do adubação, verificamos que grande quantidades de adubo acima de 7.2 grama vaso-1, de modo rigoroso diminuiu a produção de batata-semente pré- básica. Este fato deve ser considerado para a eleição das dosagens de adubos. Deve-se indicar o caso de número de tuberculos acima 20 mm-, onde em relação mistura padrão foi possivel aumentar em média 73% os resultados. Reconhecimento: Esta pesquisa foi apoio da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuaria- Centro Nacional de Pesquisas de Hortaliças, Brasília-DF e Centro Pesquisa de Solo e Agroquímica do Academia Húngara de Ciências, Budapest References Kádár I-Márton L.-Horváth S. 2000. Mineral fertilisation of potato (Solanum tuberosum L.) on calcareous chernozem soil. Plant Production. 49: 291-306. Kurnik E.-Németh T.-Márton L.-Radimszki L. 2001. Effects of a new environment friendly deep fertilization system on a limy chernozem soil parameters. Agrochemistry and Soil Science. Budapest. In press László M. 2000. Nutrition of potato (Solanum tuberosum L.) on Hungary on a chernozem soil. Acta Agronomica Óváriensis. 42: 81-93. László M. 2001a. Climate change and N, P, K, Mg fertilization effects on potato (Solanum tuberosum L.) yield and quality. EAPR. Hamburg. In press László M. 2001b. Year and fertilization effect analysis in long field term experiments. XLIII. Georgikon Days. University of Veszprém. Keszthely László M.-Imre K.-Jose E.M. 2000a. Effects of Crotalaria juncea L. and Crotalaria spectabilis ROTH. on soil fertility and soil conservation in Hungary. Acta Agronomica Óváriensis. 42: 99-106. László M.-Silva J.C.-Jose A.B. 2000b. Ecological friendly dragée technics on different crops and vegetables seeds. Acta Agronomica Óváriensis. 42: 107-111. László M.-Silva J.B.C.-Jose A.B. 2000c. Ecological friendly dragée technics to sustainable precision agriculture. Fertilization in the Third Millenium. CASISCF. Beijing Márton L. 2000a. Effects of NPK fertilizers on potato (Solanum tuberosum L.) yield. Doctoral Ph.D Dissertation. University of Veszprém, Keszthely Márton L. 2000b. Effects of NPK fertilizers on potato (Solanum tuberosum L.) yield. Doctoral Ph.D Thesis. University of Veszprém, Keszthely Márton L. 2001a. Climete change effets on rye (Secale cereale L.) yield. Agrochemistry and Soil Science. Budapest. In press Márton L. 2001b. Climate change and fertilization effect analysis at the Tisza- river basin on rye yield. SZINET. University of Szent István. Gödöllő Márton L.-Kádár I.-Estáquio M.J. 2000. Effects of Crotalaria juncea L. and Crotalaria spectabilis ROTH on soil fertility and soil conservation. ESSC. Man and Soil at the Third Millennium. Abstract Book. 195. Valencia Reifschneider F.J.B. 1987. Produção de batata. Linha Gráfica e Editora. Brasília. p. 239. Tabela 1. Tratamentos do experimento 1. (Brasília-DF, 1990) ------------------------------------------------------------------ Numero de Composição em % Tratamento Solo novo Palha de arroz queimado Esterco de curral ------------------------------------------------------------------ 1. 100 0 0 2. 90 6 4 3. 80 10 10 4. 70 18 12 5. 60 24 16 6. 50 30 20 7. 40 36 24 ----------------------------------------------------------------- Tabela 2. Tratamentos do experimento 2. (Brasília-DF, 1990) ------------------------------------------------------- Numero de Adubo 4:14:8 N P2O5 K2O Tratamento Grama vaso-1 ------------------------------------------------------- 1. 0.0 0.000 0.000 0.000 2. 1.8 0.072 0.252 0.144 3. 3.6 0.144 0.504 0.288 4. 5.4 0.216 0.756 0.432 5. 7.2 0.288 1.008 0.576 6. 9.0 0.360 1.260 0.720 7. 10.8 0.432 1.512 0.864 8. 12.6 0.504 1.764 1.008 9. 14.4 0.576 2.016 1.152 ------------------------------------------------------- Tabela 3. Tratamentos do experimento 3. (Brasília-DF, 1990) ------------------------------------------------------------------------ Num. de Mistura % Trat. Solo novo Palea de arr. Q Esterco de curral 4N:14P:8K g vaso-1 ------------------------------------------------------------------------ 1. 70 20 10 0.0 2 70 20 10 3.6 3. 70 20 10 7.2 4. 70 20 10 10.8 5. 70 20 10 14.4 6. 70 20 10 18.0 7. 80 10 10 0.0 8. 80 10 10 3.6 9. 80 10 10 7.2 10. 80 10 10 10.8 11. 80 10 10 14.4 12. 80 10 10 18.0 ------------------------------------------------------------------------

  19. Vínculos observacionais para o processo-S em estrelas gigantes de Bário

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Smiljanic, R. H. S.; Porto de Mello, G. F.; da Silva, L.

    2003-08-01

    Estrelas de bário são gigantes vermelhas de tipo GK que apresentam excessos atmosféricos dos elementos do processo-s. Tais excessos são esperados em estrelas na fase de pulsos térmicos do AGB (TP-AGB). As estrelas de bário são, no entanto, menos massivas e menos luminosas que as estrelas do AGB, assim, não poderiam ter se auto-enriquecido. Seu enriquecimento teria origem em uma estrela companheira, inicialmente mais massiva, que evolui pelo TP-AGB, se auto-enriquece com os elementos do processo-s e transfere material contaminado para a atmosfera da atual estrela de bário. A companheira evolui então para anã branca deixando de ser observada diretamente. As estrelas de bário são, portanto, úteis como testes observacionais para teorias de nucleossíntese pelo processo-s, convecção e perda de massa. Análises detalhadas de abundância com dados de alta qualidade para estes objetos são ainda escassas na literatura. Neste trabalho construímos modelos de atmosferas e, procedendo a uma análise diferencial, determinamos parâmetros atmosféricos e evolutivos de uma amostra de dez gigantes de bário e quatro normais. Determinamos seus padrões de abundância para Na, Mg, Al, Si, Ca, Sc, Ti, V, Cr, Mn, Fe, Co, Ni, Cu, Zn, Sr, Y, Zr, Ba, La, Ce, Nd, Sm, Eu e Gd, concluindo que algumas estrelas classificadas na literatura como gigantes de bário são na verdade gigantes normais. Comparamos dois padrões médios de abundância, para estrelas com grandes excessos e estrelas com excessos moderados, com modelos teóricos de enriquecimento pelo processo-s. Os dois grupos de estrelas são ajustados pelos mesmos parâmetros de exposição de nêutrons. Tal resultado sugere que a ocorrência do fenômeno de bário com diferentes intensidades não se deve a diferentes exposições de nêutrons. Discutimos ainda efeitos nucleossintéticos, ligados ao processo-s, sugeridos na literatura para os elementos Cu, Mn, V e Sc.

  20. Coffee Beverage Quality Assessment Based on ETA/CPTEC-HadCM3 Model (A1B-IPCC/SRES Scenario), Southeastern Brazil

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Giarolla, A.; Resende, N.; Chou, S. C.; Tavares, P. S.; Rodrigues, D. C.

    2012-04-01

    Environmental factors influence the coffee beverage quality and air temperature has a significant importance in this process. The grain maturation occurs very quickly in regions that present high temperatures and sometimes there is not enough time to complete all this phase adequately. In the other hand, with mild temperatures, the grain maturation occurs more slowly and it promotes a better quality beverage. The aim of this study was to assess the coffee beverage quality in the southeastern Brazil, based on climate projections using the Eta-CPTEC regional model driven by four members of an ensemble of the Met Office Hadley Centre Global Coupled climate model (HadCM3). The global model ensemble was run over the 21st century according to IPCC SRES, A1B emissions scenario. Each ensemble member presented different climate sensitivity in the analysis. The Eta-CPTEC-HadCM3 model was configured with a 40-km grid size and was run over the period of 1961-90 to represent a baseline climate, and over the period of 2011-2100 to simulate possible future changes and the effects on the coffee beverage quality. A coffee beverage quality classification, which depends on the annual air temperature proposed by Bressani (2007) and also, a quality coffee beverage sensory classification, based on Camargo and Cortez (1998) were considered in this study. An evaluation of the systematic errors (BIAS) for each member for the period from 1961 to 1990 was made. The results presented by Eta/CPTEC-HadCM3 model indicated that in the case of an occurrence of A1B emission scenario, the coffee beverage quality could be affected in this region due to the fact that the flavor may become stronger and unpleasant caused by rising air temperatures. The BIAS evaluation and subsequent errors removal demonstrated improvement in the scenarios simulations. A short review concerning agronomic techniques to mitigate extreme meteorological events or global warming on coffee crop based on Camargo (2010) also is presented in this study as complementary information. Bressani, E. Guia do Barista. Da origem do café ao espresso perfeito. Café Editora, 2007. 210 p. Camargo, M. B. P. The impact of climatic variability and climate change on arabic coffee crop in Brazil. Bragantia, Campinas, v.69, no.1, 2010. Camargo, a. P; Cortez, J. G. Efeito do clima na qualidade de bebida do café nas condições de São Paulo e áreas próximas de outros estados. In 24 Congresso Brasileiro de Pesquisas Cafeeiras. Poços de Caldas, Anais... Poços de Caldas, Embrapa Café, 1998. p. 42-44.

  1. Estimativa de imagens solares soho através de redes neurais artificiais

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Andrade, M. C.; Fernandes, F. C. R.; Cecatto, J. R.; Rios Neto, A.; Rosa, R. R.; Sawant, H. S.

    2003-08-01

    A Rede Neural Artificial (RNA), no âmbito da teoria computacional, constitui uma teoria emergente que, por possuir habilidade em aprender a partir de dados de entrada, encontra diferentes aplicações em diferentes áreas. Um exemplo é a utilização de RNA na caracterização de padrões associados à dinâmica de processos espaço-temporais relacionados a fenômenos físicos não-lineares. Para obter informações sobre o comportamento destes fenômenos físicos utiliza-se, em diversos casos, seqüências de imagens digitalizadas, onde a caracterização de alguns fenômenos espaço-temporais é o procedimento mais viável para descrever a dinâmica das regiões ativas do Sol. Com base em imagens observadas por telescópios a bordo de satélites, estudos de previsão de eventos solares podem ser programados, permitindo prever possíveis efeitos posteriores nas regiões mais próximas da Terra (tempestades geomagnéticas e irregularidades ionosféricas). Neste trabalho avaliamos o desempenho da RNA para estimar padrões espaço-temporais, ou seja, imagens solares em ultravioleta, obtidas através do telescópio a bordo do satélite SOHO. Os resultados mostraram que as RNA conseguem generalizar os padrões de maneira satisfatória sem perder de forma significativa os principais aspectos da configuração global da atmosfera solar, comprovando a eficácia da RNA como ferramenta para esse tipo de aplicação. Portanto, este trabalho comprova a viabilidade de uso desta ferramenta em projetos voltados ao estudo do comportamento solar, em trabalhos do grupo de Física do Meio Interplanetário (FMI) na DAS e em programas desenvolvidos pelo Núcleo de Simulação e Análise de Sistemas Complexos (NUSASC) do Laboratório Associado de Computação e Matemática Aplicada (LAC) do INPE.

  2. Análise Temporal de Estruturas Morfológicas na Cauda do Tipo I do Cometa P/Halley

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Voelzke, M. R.; Matsuura, O. T.

    1996-08-01

    Com base em (Brandt et al, 1992), centenas de imagens do cometa P/Halley foram visualmente analisadas, objetivando examinar possíveis perturbações magnetohidrodinâmicas ao longo da cauda do tipo I. Do total de 1439 imagens, abrangendo o período entre 16 de outubro de 1982 e 12 de fevereiro de 1991, foram escolhidas 531 do período entre 17 de setembro de 1985 e 06 de julho de 1986 por mostrarem cauda bem desenvolvida e rica de estruturas morfológicas. Nelas constatou-se a existência de 124 estruturas ondulatórias (trens de onda) ao longo da cauda principal, 27 ao longo de caudas secundárias, 109 ondas solitárias (sólitons) ao longo da cauda principal, 36 ao longo de caudas secundárias, 12 caudas do tipo Swan, 47 eventos de desconexão e 23 regiões de adensamento ("knots"). Foi examinada a correlação temporal entre esses diferentes tipos de eventos. Os de desconexão foram analisados isoladamente. Seus movimentos próprios foram calculados, bem como os seus instantes iniciais, o que nos permitiu inferir a passagem do cometa pela fronteira entre setores magnéticos distintos. A velocidade do plasma cometário desconectado foi corrigida dos efeitos de projeção e correlacionada com a distância heliocêntrica do cometa. Também foi investigada a periodicidade de ocorrência das desconexães, e constatado que sua distribuição é bimodal. Por fim, a possibilidade dos modos de propagação de ondas MHD "sausage" e "kink" superficiais ou volumétricas, é discutida no contexto das descontinuidades magnéticas tangenciais. - Brandt, J.C., Niedner Jr., M.B., Rahe, J.: The International Halley Watch Atlas of Large-Scale Phenomena. Impresso por: Johnson Printing Co, Boulder, CO. University of Colorado-Boulder, 1992.

  3. Código para imageamento indireto de estrelas em sistemas binarios: simulação de variações elipsoidais e do perfil das linhas

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Souza, T. R.; Baptista, R.

    2003-08-01

    As estrelas secundárias em variáveis cataclí smicas (VCs) e binárias-x de baixa massa (BXBMs) são cruciais para o entendimento da origem, evolução e comportamento destas binárias interagentes. Elas são estrelas magneticamente ativas submetidas a condições ambientais extremas [e.g., estão muito próximas de uma fonte quente e irradiante; têm rotação extremamente rápida e forma distorcida; estão perdendo massa a taxas de 10-8-10-10 M¤/ano] que contribuem para que suas propriedades sejam distintas das de estrelas de mesma massa na seqüência principal. Por outro lado, o padrão de irradiação na face da secundária fornece informação sobre a geometria das estruturas de acréscimo em torno da estrela primária. Assim, a obtenção de imagens da superfície destas estrelas é de grande interesse astrofísico. A Tomografia Roche usa as variações no perfil das linhas de emissão/absorção da estrela secundária em função da fase orbital para mapear a distribuição de brilho em sua superfície. Neste trabalho apresentamos os resultados iniciais do desenvolvimento de um programa para o mapeamento da distribuição de brilho na superfí cie das estrelas secundárias em VCs e BXBMs com técnicas de astro-tomografia. Presentemente temos em operação um código que simula as variações no perfil das linhas em conseqüência de efeito Doppler resultante da combinação de rotação e translação de uma estrela em forma de lobo de Roche em torno do centro de massa da binária, em função da distribuição de brilho na superfície desta estrela. O código igualmente produz a curva de luz resultante das variações de aspecto da estrela em função da fase orbital (variações elipsoidais).

  4. Um supressor de fundo térmico para a câmara infravermelha CamIV

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Jablonski, F.; Laporte, R.

    2003-08-01

    O ângulo sólido subtendido pelos pixels na câmara infravermelha do NexGal (CamIV) que operamos no OPD/LNA contém contribuições provenientes do sistema de coleta de fluxo propriamente dito - sendo esta a parte que interessa para as medidas astronômicas - e contribuições da obstrução central, sistema de suporte do espelho secundário e região exterior à pupila de entrada do telescópio. Estas últimas contribuições são devi-das à emissão de corpo negro à temperatura ambiente e aumentam exponencialmente para comprimentos de onda maiores que 2 micra (banda K, no infravermelho próximo). Embora a resultante pode ser quantificada e subtraída dos sinais relevantes, sua variância se adiciona à variância do sinal, e pode ser facilmente a contribuição domi-nante para a incerteza final das medidas, tornando ineficiente o processo de extração de informação e degradando a sensibilidade da câmara. A maneira clássica de resolver esse problema em sistemas ópticos que operam no infravermelho, onde os efeitos da emissão térmica do ambiente são importantes, é restringir o ângulo sólido subtendido pelos pixels individuais exclusivamente aos raios provenientes do sistema óptico. Para tanto, projeta-se uma imagem real, bastante reduzida, da pupila de entrada do sistema óptico num anteparo que transmita para o sistema de imageamento só o que interessa, bloqueando as contribuições das bordas externas à pupila de entrada, obstrução central do telescópio e sistema de suporte. Como a projeção é realizada em ambiente criogênico, a contribuição térmica espúria é efetivamente eliminada. Nós optamos por um sistema do tipo Offner para implementar na prática esta função. Trata-se de um sistema baseado em espelhos esféricos, bastante compacto e ajustado por construção. A opção por espelhos do mesmo material que o sistema de suporte (Alumínio) minimiza a dilatação diferencial, crítica nesse tipo de aplicação. Apresentamos as soluções detalhadas do projeto óptico-mecânico, bem como uma análise de flexões e desempenho em termos de qualidade de imagem.

  5. Análise Temporal da Coma de CO+ no Cometa P/Halley

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Voelzke, M. R.; Schlosser, W.; Schmidt-Kaler, Th.

    1995-08-01

    Observações fotográficas e fotoelétricas da coma de gás ionizado do cometa P/Halley a nível de CO+ em 4250 angstroms fizeram parte do programa de Monitoramento do Halley desenvolvido pela Universidade de Bochum (Ruhr-Universitaet Bochum) na Alemanha, realizado de 17 de fevereiro a 17 de abril de 1986 no European Southern Observatory (ESO) em La Silla (Chile). Nesta faixa espectral é possível observar a contínua formação, bem como o movimento e expansão das estruturas de plasma. Para observar a morfologia destas estruturas foram analisadas 32 placas fotográficas de CO+ (placas de vidro) do cometa P/Halley. Tais placas possuem um campo de visão de 28,6 por 28,6 graus sendo obtidas entre 29 de março e 17 de abril de 1986 com tempos de exposição entre 20 e 120 minutos. Todas as placas foram digitadas com o auxílio de um microdensitômetro PDS 2020 GM (Photometric Data System) do Instituto Astronómico da Westfaelischen Wilhelms-Universitaet em Muenster, Alemanha (um pixel = 25 por 25 micrômetros correspondendo aproximadamente a 46,88 por 46,88 segundos de arco). Após a digitação os dados foram reduzidos à intensidades relativas, sendo que os posssíveis de calibração também foram reduzidos à intensidades absolutas, expressas em termos de densidade colunar utilizando-se dos sistemas de tratamento de imagens MIDAS (Munich Image Data Analysis System; ESO - Image Processing Group, 1988) e IHAP (Image Handling And Processing; Middleburg, 1983). Com o auxílio do método de teta mínimo de Stellingwerf (Stellingwerf, 1978) obteve-se um período de 2,22 +/- 0,09 dias a partir da análise de estruturas na coma de plasma através da subtração de imagens subsequentes. Este método foi comparado com o método de Fourier. Provavelmente exista um segundo ciclo com período aproximado de 3,6 dias. A idéia de subtrair imagens subsequentes é devido ao fato de que os efeitos de rotação são apenas 10% dos fenômenos de distribuição gasosa. Portanto as imagens de diferença são usadas para suprimir a componente estática da nuvem de gás. - ESO - Image Processing Group, 1988, in: MIDAS Manual, ESO, Garching. - Middleburg F., 1983, in: IHAP Manual, ESO, Garching. - Stellingwerf R.F., 1978, ApJ 224, 953.

  6. The Moon Phases in a Paper Box. (Spanish Title: Las Fases de la Luna en Una Caja de Cartón.) As Fases da Lua Numa Caixa de Papelão

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    de Fátima O. Saraiva, Maria; Amador, Cláudio B.; Kemper, Érico; Goulart, Paulo; Muller, Angela

    2007-12-01

    We present a very simple concrete model to demonstrate the concept of phases of an illuminated body. The main objective of our model is to help the understanding of the Moon phases as viewed from the perspective of an observer on Earth. The material allows the visualization of two important effects: (1st) even though all the time half Moon is illuminated by the Sun, we see different fractions of the illuminated Moon surface, depending on our angle of sight; (2nd) the orientation of the convex part of the Moon in the crescent and waning phases on the sky also depends on our perspective from Earth. The use of a closed box allows one to see the contrast among the different phases with no need of a dark room. We also present a text on the Moon phases, emphasizing the dependence of the aspect of the bright part on the angle of sight. En este trabajo proponemos la construcción de material didáctico de bajo costo para demostración del concepto de fases de un cuerpo iluminado. El principal objetivo de nuestro material es facilitar la comprensión de las fases de la Luna desde la perspectiva de un observador en la Tierra. El material ayuda la visualización de dos efectos importantes: (1º) a pesar de tener siempre la mitad de la Luna (representada por una bolita de espuma plástica o de ping-pong), iluminada por el Sol ( representado por una fuente de luz natural o artificial), vemos diferentes fracciones de su superficie iluminada, dependiendo del ángulo por el cual la vemos; (2º) la orientación del borde convexo de la Luna en las fases Creciente y Menguante también depende de la perspectiva por la cual la miramos desde la Tierra. El uso de una caja cerrada permite observar el contraste entre las diferentes fases sin necesidad de estar en un recinto oscuro. Presentamos también un texto explicativo sobre las fases de la Luna, enfatizando la dependencia de la apariencia de la parte iluminada con el ángulo de visión. Neste trabalho propomos a construção de material didático de baixo custo para demonstração do conceito de fases de um corpo iluminado. O principal objetivo de nosso material é facilitar a compreensão das fases da Lua da perspectiva de um observador na Terra. O material ajuda na visualização de dois efeitos importantes: (1º) mesmo tendo sempre a metade da "Lua" (representada por uma bolinha de isopor ou de ping-pong) iluminada pelo "Sol" (representado por uma fonte de luz natural ou artificial), nós vemos diferentes frações de sua superfície iluminada, dependendo do ângulo pelo qual a olhamos; (2º) a orientação da borda convexa da Lua nas fases Crescente e Minguante também depende da perspectiva pela qual a olhamos da Terra. O uso de uma caixa fechada permite observar o contraste entre as diferentes fases sem necessidade de estar em uma sala escurecida. Apresentamos também um texto explicativo sobre fases da Lua, enfatizando a dependência da aparência da parte iluminada com o ângulo de visada.

  7. Soil carbon stocks in response to management changes due to vinasse application in sugarcane production in southeast of Brazil

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Fernandes Zani, Caio; Simoes Barneze, Arlete; Clemente Cerri, Carlos

    2014-05-01

    Brazilian commodities, such as ethanol, are looking for sustainable production to suit the international market demands. Thus, studies about variations in soil carbon (C) stocks on the ethanol production are essential. Researches in relation of land use change are already been developed; however information about management changes on the sugarcane production is needed. According to Six et al. (2004) changing the management to conservationist practices can provide an organic matter accumulation to the soil and in a long-term, can increase the soil C stocks. The vinasse is a waste product of the sugarcane industry fuel which contains potassium and considerable quantities of other mineral nutrients. It is estimated that for each litre of ethanol produced is generated approximately 13 L of vinasse. Nowadays, almost all vinasse is applied to the soil as fertigation (Soares et al., 2009). The aim of this study was to evaluate the changes in soil C stocks after the management change with or without vinasse application into sugarcane production in southeast Brazil. The soil sampling was carried out in a fuel industry located in São Paulo state, on July 2013. This area was always used a conventional management at least 34 years with application of mineral fertilizer. However, in the mid of 1990, one part of this area started to use vinasse as source of potassium in sugarcane production. In view of this, we conducted the experiment in these two areas of conventional management: i) without vinasse and ii) with vinasse application. Soil samples were collected in the nine trenches in each site: three trenches at 1 m soil depth and six mini-trenches up to 0.3 m. Samples were used to calculate the bulk density using the undisturbed method with a steel cylinder. Total C was measured by dry combustion on Carbon Analyzer - LECO® CN 2000®. The results showed that C content was a decrease with an increase soil depth. Soil C stocks for areas without vinasse application and vinasse application at 1 m depth were 117.23 Mg ha-1 and 126.92 Mg ha-1, and at 0.3 m depth we found 50.34 Mg ha-1 and 55.54 Mg ha-1, respectively. It represented an increase 8.3% and 10.3% in soil C stocks in areas with vinasse application at 1 m and 0.3 m soil depth. This information may be used as a basis for public policies decision which dealing of the land use and global warming. The scientific information obtained in this research will be included in carbon footprint calculation of ethanol production and its use as biofuel. References Ellert B.H., Bettany J.R. 1995. Calculation of organic matter and nutrients stored in soils under contrasting management regimes. Can. J. Soil Sci. 75:529-538. Six J., Ogle S.M., Breidt F.J., Conant R.T., Mosier A.R., Paustian K. 2004. The potential to mitigate global warming with no-tillage management is only realized when practiced in the long term. Glob. Chang. Biol. 10:155-160. Soares L.H.B., Alves B.J.R., Urquiaga S., Boddey R.M. 2009. Mitigação das emissões de gases efeito estufa pelo uso de etanol da cana-de-açúcar produzido no Brasil. Embrapa Agrobiologia, Seropédica, RJ. 14p. (Circular Técnica, 27).

  8. Resonances and Tides in Natural Satellites Systems. (Breton Title: Ressonâncias e Marés em Sistemas de Satélites Naturais.) Resonancias y Mareas en Sistemas de Satélites Naturales

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Callegari, Nelson, Jr.

    2006-12-01

    In this work we describe some aspects of the dynamics of the mean-motion resonances. Emphasis to the case of resonances between regular satellites of the giant planets will be given, even so some aspects of the physics of the resonances in extra-solar planetary systems are also briefly treated. The role of the resonances in satellites systems is discussed through examples, showing how certain resonances, and its relations with the tidal dissipation effects, can be the key of the explanation of some phenomena still not explained in the Solar System. Amongst some examples we highlight the problem of the resurfacing of Enceladus, the existence of active volcanoes in Io, and the possible existence of the subsurface ocean in Europe. This work has as objective the divulgation of some topics in Celestial Mechanics and Planetary Sciences for an undergraduate public in exact sciences, as Astronomy and Physics, and not their detailed description. Neste trabalho descrevemos alguns aspectos da dinâmica de ressonâncias de movimentos médios. Será dada ênfase maior ao caso de ressonâncias entre satélites regulares dos planetas gigantes, embora alguns aspectos da física das ressonâncias em sistemas planetários extra-solares também sejam discutidos brevemente. A importância do estudo de ressonâncias em sistemas de satélites é discutida mais detalhadamente através de exemplos, mostrando como certas ressonâncias e suas relações com efeitos de dissipação de maré podem ser a chave de parte da explicação de alguns fenômenos ainda não explicados no Sistema Solar. Dentre vários exemplos destacamos o problema da remodelagem da superfície do satélite Enceladus, a existência de vulcões ativos em Io, e a possível existência do oceano subterrâneo em Europa. Este trabalho tem como objetivo a divulgação de alguns tópicos de Mecânica Celeste e Planetologia para um público de nível de graduação em disciplinas na área de exatas, em especial Astronomia e Física, e não a descrição detalhada dos conceitos aqui discutidos. Describimos en este trabajo algunos aspectos de la dinámica de resonancias de movimientos promedio. Será dado un énfasis mayor al caso de las resonancias entre satélites regulares de los planetas gigantes, aunque también son discutidos brevemente algunos aspectos de la física de resonancias en sistemas panetarios extrasolares. La importancia del estudio de las resonancias en sistemas de satélites es discutida más detalladamente através de ejemplos, mostrando cómo ciertas resonancias y los efectos de disipación por mareas pueden ser la clave de parte de la explicación de algunos fenómenos aún no comprendidos en el Sistema Solar. Entre varios ejemplos se destacan el problema de la superficie remodelada del satélite Enceladus, la existencia de volcanes activos en Io y la posible existencia de un océano subterráneo en Europa. Este trabajo tiene como objetivo la divulgación de algunos tópicos en Mecánica Celeste y Planetología para un público universitario de ciencias exactas, en particular Astronomía y Física, y no la descripción detallada de los conceptos aquí discutidos.