Science.gov

Sample records for estudos comparativos uma

  1. Estudo comparativo entre estrelas centrais de nebulosas planetárias deficientes em hidrogênio

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Marcolino, W. L. F.; de Araújo, F. X.

    2003-08-01

    Apresentamos neste trabalho o resultado de um estudo das principais características espectrais das estrelas centrais de nebulosas planetárias (ECNP) deficientes em hidrogênio. A origem e a evolução dessas estrelas ainda constitui um problema em aberto na evolução estelar. Geralmente esses objetos são divididos em [WCE], [WCL] e [WELS]. Os tipos [WCE] e [WCL] apresentam um espectro típico de uma estrela Wolf-Rayet carbonada de população I e as [WELS] apresentam linhas fracas de carbono e oxigênio em emissão. Existem evidências que apontam a seguinte sequência evolutiva : [WCL] = > [WCE] = > [WELS] = > PG 1159 (pré anã-branca). No entanto, tal cenário apresenta falhas como por exemplo a falta de ECNP entre os tipos [WCL] e [WCE]. Baseados em uma amostra de 24 objetos obtida no telescópio de 1.52m em La Silla, Chile (acordo ESO/ON), ao longo do ano 2000, apresentamos os resultados da comparação das larguras equivalentes de diversas linhas relevantes entre os tipos [WCL], [WCE] e [WELS]. Verificamos que nossos dados estão de acordo com a sequência evolutiva. Baseado nas linhas de C IV, conseguimos dividir pela primeira vez as [WELS] em dois grupos principais. Além disso, os dados reforçam a afirmação de que as [WCE] são as estrelas que possuem a maior temperatura entre as ECNP deficientes em hidrogênio. Discutimos ainda, a escassez de dados disponíveis na literatura e a necessidade da obtenção de parametros físicos para estes objetos.

  2. Uma comparação entre técnicas de propagação de erros em astrofísica: Monte Carlo x Bootstrap

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Waelkens, A. H.; Janot Pacheco, E.

    2003-08-01

    Recentemente Dhillon & Watson (2001) criticaram o procedimento de determinação de erros via simulações de Monte Carlo no caso do imageamento indireto de estrelas, por introduzir ruído nos dados e resultar em erros superestimados. Estes autores propuseram a utilização alternativa do método de Bootstrap como uma técnica superior para a estimativa de erros. Neste trabalho apresentamos os resultados de um estudo comparativo da performance das técnicas de simulação por Monte Carlo e por Bootstrap para a determinação de erros em duas situações de interesse: (i) ajuste de modelos a espectros observados e (ii) imageamento indireto de discos de acréscimo com técnicas de mapeamento por eclipse. No caso (i), os dados de entrada são espectros de emissão simples de hidrogênio aos quais é adicionado ruído gaussiano de amplitude selecionada. No caso (ii), são produzidas curvas de luz do eclipse de uma distribuição de brilho seguindo a lei TµR-3/4 para discos estacionários cuja taxa de acréscimo varia ao longo do eclipse segundo uma distribuição gaussiana de amplitude selecionada, simulando o ruído. A avaliação da performance é feita com o auxílio de um diagrama do erro relativo na grandeza ajustada, conforme obtido por cada método, versus o erro relativo (ruído/sinal) dos dados de entrada. O estudo mostra que as duas técnicas produzem resultados semelhantes nos dois casos, e que a suposta superioridade do método de Bootstrap não se confirma.

  3. The Universe in a Box: Introduction to the Study of Astronomy in the Initial Formation of Physics Teachers. (Spanish Title: El Universo Representado en Una Caja: Introducción al Estudio de la Astronomía en la Formación Inicial de Profesores de Física.) O Universo Representado em Uma Caixa: Introdução ao Estudo da Astronomia NA Formação Inicial de Professores de Física

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Longhini, Marcos Daniel

    2009-07-01

    This is a report of an activity of introduction to the study of Astronomy developed with a group of future Physics teachers at a Brazilian public university. Such activity had the goal of giving privileged emphasis to notions of spatiality, alternative conceptions of the participants and the process of interaction among peers, and consisted of the representation, in a three dimensional space, of the models of the universe that the participants had. The results, which were categorized as miscellaneous, geocentric, heliocentric and acentric models of the universe, were qualitatively analyzed. Analyses of the activity in the perspective of the participants are indicated and additional considerations are made regarding its use as a resource for teaching Astronomy and for teacher training. Este es el informe de una actividad para presentar un estudio introductorio de la Astronomía, desarrollado con una clase de futuros profesores de física en una universidad pública brasileña. Esta actividad tuvo como objetivo centrar las nociones de espacialidad, las concepciones alternativas de los participantes y el proceso de interacción entre pares, y consistió en la representación en un espacio tridimensional, de los modelos del universo que los participantes habían. Los resultados, que se clasificaron en universo miscelania, geocéntrico, heliocéntrico y acentrico, se analizaron cualitativamente. Son identificadas análisis de la actividad por los participantes, e hizo observaciones sobre su uso como recurso para la enseñanza de la astronomía y la formación de docentes. Trata-se do relato de uma atividade de introdução ao estudo da Astronomia, desenvolvida com uma turma de futuros professores de Física, em uma universidade pública brasileira. Tal atividade teve como meta privilegiar noções de espacialidade, as concepções alternativas dos participantes e o processo de interação entre pares e constou da representação, em um espaço tridimensional, dos

  4. Estudio comparativo de cúmulos abiertos ricos en estrellas masivas

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Baume, G.; Feinstein, A.; Vázquez, R. A.

    Los cúmulos abiertos muy jóvenes proveen valiosa información sobre las teorías de evolución estelar. No obstante, no se conoce mucho sobre los miembros mas débiles de estos objetos. Se llevaron a cabo entonces, estudios detallados (fotometría CCD-UBVI y polarimetría) en los cúmulos abiertos: Tr 14, Cr 272, Stok 16, NGC 6231, NGC 3293 y HM 1. Se realizó entonces un análisis comparativo entre ellos y con los objetos Pismis 20 (Vázquez et al. 1995) y NGC 5606 (Vázquez et al. 1994). En particular, se analizó la secuencia principal inferior de los distintos cúmulos, se estudió la extinción interestelar y las propiedades del polvo, se determinaron las correspondientes IMF, y se estudió la forma en que se distribuyen las estrellas menos masivas en relación con las más masivas. Como conclusiones del trabajo se puede decir que se han redeterminado con mayor precisión las distancias y las edades de los objetos bajo estudio, se han hallado varias estrellas con alta probabilidad de estar en fase de contracción y se ha notado una dispersión de edad entre las estrellas más brillantes y las menos brillantes (confirmando la idea de que la formación estelar no es simultánea ni independiente de la masa). Además, se han encontrado que las pendientes de las IMFs de estos objetos son más planas que la de las estrellas de campo y las de cúmulos más evolucionados, siendo comparable con las halladas en objetos jóvenes de la Nube Mayor de Magallanes (Will et al. 1996).

  5. Uma Comparação entre Técnicas de Propagação de Erros em Astrofísica: Monte Carlo x Bootstrap

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Zabot, Alexandre; Baptista, Raymundo

    2005-07-01

    Neste trabalho é feito um estudo comparativo entre dois algoritmos numéricos usados para propagação de erros em dados experimentais. Um deles é conhecido por Método de Monte carlo e o outro por Método de Bootstrap. Recentemente, Dhullon & Watson argüiram que a aplicação do método de Monte Carlo introduz ruído nos dados, e propuseram então a utilização do Bootstrap como alternativa capaz de produzir resultados superiores. O objetivo deste trabalho é testar a validade dessa afirmação. As duas técnicas foram aplicadas a três problemas diferentes: o ajsute de modelos de emissão LTE simples e atmosfera estelar a espectros estelares observados e o ajuste de curvas de luz de eclipses de Variáveis Cataclísmicas para a detemrinação da distribuição radial de brilho dos seus discos de acréscimo. Os métodos foram testados quanto à sua robusteza, ou seja, a capacidade de prover resultados coerentes enre si. Além disso, as soluções dos métodos foram comparadas. Os resultados indicam que não existe evidência de superioridade de um métodos em relação ao outro.

  6. Low Mass Ratio Contact Binary Systems HN UMa and II UMa - III

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Lee, Woo-Baik; Kim, Ho-Il; Kang, Young Woon; Oh, Kyu-Dong

    2006-09-01

    We present newly observed BVRI CCD light curves for low mass ratio contact binaries, HN UMa and II UMa. The absolute dimensions of these objects were obtained by applying the Wilson-Devinney program to previously published spectroscopic analysis and to our observed photometric data. The evolutionary status of all 21 low mass ratio contact binary system including HN UMa and II UMa was then considered. The secondaries of all low mass ratio contact binaries are located below the zero age main sequence in HR diagram. This phenomenon could be explained by mass loss from the secondary component in the low mass contact binary system because even small mass loss affects luminosity decrease in the low mass stars.

  7. Um estudo espectrofotométrico da variável cataclísmica V3885 Sgr

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Ribeiro, F. M. A.; Diaz, M. P.

    2003-08-01

    Variáveis Cataclísmicas são sistemas binários cerrados compostos de uma anã vermelha que transfere matéria para uma anã branca, em sistemas não magnéticos ocorre a formação de um disco de acresção em torno da anã branca. V3885 Sgr é uma variável cataclísmica classificada como sendo do tipo nova-like. É apresentado um estudo espectrofotométrico de V3885 Sgr de alta resolução temporal feito na região do visível. A região observada é centrada em Ha e abrange também a linha de HeI 6678. O primeiro resultado obtido neste estudo é a determinação do período orbital a partir de medidas da velocidade radial da linha de Ha como sendo 0,20716071(22) dias, resolvendo inconsistências quanto a esse valor na literatura e definindo uma efeméride a longo prazo para o sistema. Com este período e as medidas de velocidade radial do perfil de linha de Ha foi construído um diagrama de massas, através do qual restringimos as massas das componentes estelares do sistema e limitamos a inclinação orbital do sistema. Foram construídos diagramas de Greenstein para as linhas de Ha e HeI, onde os espectros médios em cada intervalo de fase são representados lado a lado em escala de cinza, indicando a existência de uma emissão intensa proveniente da parte posterior do disco. A partir da tomografia Doppler obtivemos perfis de emissividade radial para o disco tanto para a linha de Ha como para HeI. Os resultados obtidos são comparados com os de outros sistemas estudados com a mesma técnica. Serão apresentados também resultados da tomografia de flickering para o sistema.

  8. GHRS Observations of LISM towards eta UMa

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Frisch, P. C.

    1998-01-01

    The star eta UMa (l=101(deg) , b=+65(deg) , d=31 pc) samples local interstellar matter (LISM) in a high latitude region. The Sun is ``above'' most of the mass of the Local Fluff cloud complex, yielding low total interstellar column densities towards eta UMa. Thus cloud properties can be determined with minimal confusion caused by velocity component blending in this sightline. The physical properties of the cloud surrounding the solar system become the boundary conditions of the solar system. A key property of the surrounding cloud is the proton density, since the Alfven velocity regulates the formation of a bow shock around the heliosphere, and since charge exchange between interstellar p(+) and H(deg) yields a pile-up of H(deg) at the heliopause. As a result, the interstellar electron density in the surrounding cloud is an important parameter in understanding the configuration of the outer heliosphere regions. We present GHRS Echelle A and Echelle B data on C({deg) *}, C(deg) , Mg(deg) and Mg(+) . These data allow us to compare electron densities as estimated from the ratios N(C({deg) *})/N(C(deg) ) versus N(Mg(deg) )/N(Mg(+) ) for a relatively simple sightline. These electron densities are also compared to electron densities determined from optical Ca(+) observations towards eta UMa by Frisch and Welty (in preparation).

  9. SU UMa stars: Rebrightenings after superoutburst

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Meyer, Friedrich; Meyer-Hofmeister, Emmi

    2015-06-01

    SU UMa stars after their long superoutbursts often show single or multiple rebrightenings. We show how this phenomenon can be understood as repeated reflections of transition waves which mediate changes between the hot and the cool state of the accretion disk and travel back and forth in the outer disk region, leaving an inner part permanently hot. This points to a temporarily increased viscosity, possibly related to the formation of large-scale and longer persisting magnetic fields by the dynamo operation during the long superoutburst. The "mini-rebrightenings" in the early post-outburst light curve of V585 Lyr discovered by Kato and Osaki (2013, PASJ, 65, 97) in Kepler observations seem to be understandable as a small limit cycle of low-luminosity changes originating from a "wiggle" feature in the thermal equilibrium curve of the cool, optically thick disk.

  10. Estudo e aplicação do código de desembaraçamento espectral - Korel - em sistemas triplos

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Torres, K. B. V.; Vaz, L. P. R.

    2003-08-01

    O código KOREL é uma ferramenta adicional eficiente para a determinação simultânea de parâmetros orbitais espectroscópicos para o desembaraço de espectros individuais de sistemas estelares com até cinco componentes. Estudos já realizados (Torres,KBV,2002, Dissertação de Mestrado DF-ICEx-UFMG) mostram as limitações, aplicabilidade e eficiência do código para sistemas com duas componentes. Apresentamos, neste trabalho, a continuação dos estudos para sistemas com três componentes (sistemas hierárquicos), utilizando espectros sintéticos "gabaritos" de estrelas individuais em órbitas cujos parâmetros são conhecidos "a priori". Geramos os espectros compostos e verificamos como o código reproduz os parâmetros orbitais e espectros individuais em diversas situações físicas. É apresentado, ainda, uma discussão da aplicabilidade do código em sistemas reais como RV Crateris (Machado,ACM,1997, Dissertação de Mestrado DF-ICEx-UFMG), um sistema triplo cujas componentes eclipsantes estão, provavelmente, ainda na fase pré-sequência principal.

  11. Estudo espectral em raios-X duros de fontes do tipo Z com o HEXTE/RXTE

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    D'Amico, F.; Heindl, W. A.; Rothschild, R. E.

    2003-08-01

    Apresentam-se os resultados de um estudo espectral em raios-X de fontes do tipo Z. As fontes do tipo Z são binárias de raios-X de baixa massa (BXBM) com campo magnético intermediário (B~109G). Esta classe de fontes é composta por apenas 6 fontes Galácticas (a saber: ScoX-1, 9, 7, CygX-2, 5 e 0). A nossa análise se concentra na faixa de raios-X duros (E ~ 20keV), até cerca de 200keV, faixa ótima de operação do telescópio "High Energy X-ray Timing Experiment" (HEXTE), um dos três telescópios de raios-X à bordo do Rossi X-ray Timing Explorer (RXTE). Nossa motivação para tal estudo, uma busca de caudas em raios-X duros em fontes do tipo Z, foi o pouco conhecimento sobre a emissão nesta faixa de energia das referidas fontes quando comparadas, por exemplo, as fontes do tipo atoll (também BXBM). Apresentam-se a análise/redução de dados e explicita-se a maneira como o HEXTE mede o ru1do de fundo. Especial atenção é direcionada a este item devido a localização das fontes do tipo Z e também ao problema de contaminação por fontes próximas. Com exceção de ScoX-1, nenhuma cauda em raios-X duros foi encontrada para as outras fontes, a despeito de resultados de detecção dessas caudas em algumas fontes pelo satélite BeppoSAX. As interpretações deste resultado serão apresentadas. Do ponto de vista deste estudo, nós deduzimos que a produção de caudas de raios-X duros em fontes do tipo Z é um processo disparado quando, pelo menos, uma condição é satisfeita: o brilho da componente térmica do espectro precisa estar acima de um certo valor limiar de ~4´1036ergs-1.

  12. Discovery of a New Deeply Eclipsing SU UMa-Type Dwarf Nova, IY UMa (= TmzV 85)

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Uemura, Makoto; Kato, Taichi; Matsumoto, Katsura; Takamizawa, Kesao; Schmeer, Patrick; Jensen, Lasse Teist; Vanmunster, Tonny; Novák, Rudolf; Martin, Brian; Pietz, Jochen; Buczynski, Denis; Kinnunen, Timo; Moilanen, Marko; Oksanen, Arto; Cook, Lewis M.; Watanabe, Tsutomu; Maehara, Hiroyuki; Itoh, Hiroshi

    2000-04-01

    We discovered a new deeply eclipsing SU UMa-type dwarf nova, IY UMa, which experienced a superoutburst in 2000 January. Our monitoring revealed two distinct outbursts, which suggest a superoutburst interval of ~ 800 d, or its half, and an outburst amplitude of 5.4 mag. From time-series photometry during the superoutburst, we determined a superhump and orbital period of 0.07588 d and 0.0739132 d, respectively.

  13. BZ UMa and Var Her 04: Orphan TOADS

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Price, A.; Howell, S.

    2005-05-01

    Both BZ UMa and Var Her 04 are cataclysmic variable stars without a home. Neither fit easily into current classification systems so may extend the population distribution of two unique CV types: UGWZ dwarf novae and intermediate polars. New outburst photometry and archival X-Ray data shed some new light on BZ UMa's high energy state and new spectral and IR observations from Spitzer of dust around the newly discovered cataclysmic variable Var Her 04 may help find it a home as well.

  14. Construção de um catálogo de aglomerados abertos para estudo da dinâmica da estrutura espiral da Galáxia

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Carlos, I. M.; Lépine, J. R. D.

    2003-08-01

    Os aglomerados abertos são objetos de grande valor para o estudo da dinâmica da Galáxia devido esses objetos terem uma faixa de idade relativamente ampla. O trabalho visa estudar a dinâmica da estrutura espiral da Galáxia principalmente através do uso desses aglomerados, uma vez que o estudo da cinemática desses objetos é fundamental para esse objetivo. Nosso grupo trabalha no sentido de construir uma base de dados de aglomerados abertos contendo coordenadas, distância, idade, movimentos próprios e velocidades radiais e já disponibiliza uma nova versão do catálogo de aglomerados abertos o qual é uma compilação de edições anteriores, principalmente Lynga (1987), Mermilliod (1995) e ESO-B (Lauberts 1982). Nossa amostra possui cerca de 1630 aglomerados, mas nem todos os parâmetros acima citados foram determinados em sua totalidade. Para determinarmos esses parâmetros, derivamos as cores intrínsecas das estrelas membro de cada aglomerado a partir de seus tipos espectrais (busca feita no SIMBAD) obtendo assim o excesso de cor individual. A distribuição dos excessos de cor foi então utilizada para derivarmos o avermelhamento médio para cada aglomerado. De maneira similar, os tipos espectrais foram usados para estimar as magnitudes absolutas, e com as magnitudes absolutas e aparentes determinamos a respectiva distribuição do módulo de distância e finalmente a distância. Para determinar as idades foram confeccionados os diagramas cor-magnitude das estrelas de cada aglomerado onde foram superpostas a Seqüência Principal de Idade Zero (ZAMS). Superpomos a ZAMS de Schmidt-Kaler e isócronas de composição solar. Essas isócronas foram usadas para determinação das idades dos aglomerados. Uma vez que não temos ainda resultados finais, apresentamos então alguns diagramas cor-magnitude os quais foram usados para determinação, principalmente, da distância e idade dos aglomerados.

  15. Period Variations in the Close Binary BM UMa

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Virnina, Natalia A.; Panko, Elena; Sergienko, O. G.; Murnikov, Boris A.; Gubin, E. G.; Klabukova, A. V.; Movchan, A. I.

    2010-12-01

    We present the results of analysing of the light curve and O-C variations in the eclipsing system BM UMa, based on V-band observations which cover the period from JD 2454933 to 2454961 using two robotic remotely-controlled telescopes of Tzec Maun Observatory (USA) along with observations made with the RK-600 telescope of Odessa Astronomical Observatory. The full light curve displays a total primary eclipse with a duration 0.06 of the period, or 24 minutes, and a partial secondary eclipse, with both maxima of equal magnitude. For our obesrvations, we determined the statistically optimal values of the initial epoch of T0 = 2454944.2814 ± 0.0001 and orbital period of P = 0.d271226± 0.000002. The depths of primary and secondary minima are nearly equal, 0.m838 ± 0.006 and 0.m748 ± 0.006, respectively. The physical parameters of the system were calculated using the Wilson-Devinney code, appended with the Monte Carlo search algorithm. The result establishes BM UMa as a contact system (fillout factor 10.7%) with parameters: mass ratio 0.538 ± 0.001, inclination 86.°815 ± 0.005, and temperatures of components 4700 ± 20 K and 4510 ± 10 K. The more massive component is larger and cooler. The 72 archival and 11 newly-obtained times of light minimum cover the interval 1961-2010 and allowed us to exclude possible systematic period variations in BM UMa and to determine an initial epoch of HJD 2447927.382 and orbital period of P = 0.d2712209± 0.0000006.

  16. First photometric study of W UMa binary star LU Lac

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Liao, W.-P.; Qian, S.-B.; Zhao, E.-G.; Jiang, L.-Q.

    2014-08-01

    LU Lac is a neglected W UMa binary star in photometric investigations. In this paper, we present BVRI CCD photometric light curves obtained on one night in 2012. The first photometric solutions of this system are computed by using the Wilson-Devinney code. It is shown that LU Lac is a marginal contact W-type system with a degree of contact factor of f=8.9%, a mass ratio of q=2.085 and a high inclination of i=82°.20. From the first analyses of orbital period changes, we found the period variation of the system includes an oscillation (A3=0.0125 days and T3=51.92 years). The cyclic change may be attributed to the light-travel time effect through the presence of a third body.

  17. Recent developments on SU UMa stars - theory vs. observation

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Cannizzo, John K.

    2015-01-01

    Kepler light curves of short period dwarf novae have resparked interest in the nature of superoutbursts and led to the question: Is the thermal-tidal instability needed, or can the plain vanilla version of the accretion disk limit cycle do the job all by itself? A detailed time-resolved study of an eclipsing SU UMa system during superoutburst onset should settle the question - if there is a dramatic contraction of the disk at superoutburst onset, Osaki's thermal-tidal model would be preferred; if not, the plain disk instability model would be sufficient. I will present recent results that support the contention by Osaki & Kato that the time varying negative superhump frequencies can be taken as a surrogate for the outer disk radius variations. Finally, it may be necessaryto look beyond the short period dwarf novae to gain perspective on the nature of embedded precursors in long outbursts.

  18. VizieR Online Data Catalog: Galaxies in the UMa cluster complex (Karachentsev+, 2013)

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Karachentsev, I. D.; Nasonova, O. G.; Courtois, H. M.

    2015-04-01

    A nearby friable cloud in Ursa Majoris contains 270 galaxies with radial velocities 500UMa complex. According to Makarov & Karachentsev (2011MNRAS.412.2498M, Cat. J/MNRAS/412/2498), most of the UMa galaxies belong to seven bound groups, which have the following median parameters: velocity dispersion of 58k/s, harmonic projected radius of 300kpc, virial mass of 2x1012M⊙ and virial mass-to-K-band luminosity ratio of 27M⊙/L⊙. Almost a half of the UMa cloud population are gas-rich dwarfs (Ir, Im, BCD) with active star formation seen in the GALEX UV-survey. The UMa groups reside within 15-19Mpc from us, being just at the same distance as the Virgo cluster. The total virial mass of the UMa groups is 4x1013M⊙, yielding the average density of dark matter in the UMa cloud to be Ωm=0.08, i.e. a factor of 3 lower than the cosmic average. This is despite the fact that the UMa cloud resides in a region of the Universe that is an apparent overdensity. A possible explanation for this is that most mass in the Universe lies in the empty space between clusters. Herewith, the mean distances and velocities of the UMa groups follow nearly undisturbed Hubble flow without a sign of the 'Z-wave' effect caused by infall towards a massive attractor. This constrains the total amount of dark matter between the UMa groups within the cloud volume. (1 data file).

  19. Fundamental data for contact binaries: RZ Comae, RZ Tauri, and AW UMa

    NASA Technical Reports Server (NTRS)

    Wilson, R. E.; Devinney, E. J.

    1972-01-01

    Differential corrections analyses of three W UMa type binaries show that RZ Tau and AW UMa have common envelopes and the relatively small gravity darkening predicted by Lucy, while RZ Comae seems to have a larger gravity effect and is only marginally in contact. Some details of the method for computing contact binary light curves are given. It is suggested that W UMa binaries which have occultation primary eclipses may, in general, have large amplitudes for gravity darkening or a photometric surface brightness effect which simulates large gravity darkening.

  20. Superoutbursts of selected new SU UMa-type and WZ Sge-type stars

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Katysheva, N.; Chochol, D.; Shugarov, S.

    2010-11-01

    We present the results of our observations of selected new SU UMa-type and WZ Sge-type stars, which underwent their super-outbursts during the years 2007-2009. Photometric observations of SU UMa-type stars V632 Cyg, OT J080714.2+113812 and two WZ Sge-type stars V466 And and Nova Triangulum 2008 were carried out with the telescopes of the Crimean Laboratory of the SAI and StarA LesnA Observatory of the Astronomical Institute of the SAS. Photometric behaviour of SU UMa-type and WZ Sge-type stars during their superoutbursts is discussed.

  1. Spectroscopic Metallicity Determinations for W UMa-type Binary Stars

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Rucinski, Slavek M.; Pribulla, Theodor; Budaj, Ján

    2013-09-01

    This study is the first attempt to determine the metallicities of W UMa-type binary stars using spectroscopy. We analyzed about 4500 spectra collected at the David Dunlap Observatory. To circumvent problems caused by the extreme spectral line broadening and blending and by the relatively low quality of the data, all spectra were subject to the same broadening function (BF) processing to determine the combined line strength in the spectral window centered on the Mg I triplet between 5080 Å and 5285 Å. All individual integrated BFs were subsequently orbital-phase averaged to derive a single line-strength indicator for each star. The star sample was limited to 90 W UMa-type (EW) binaries with the strict phase-constancy of colors and without spectral contamination by spectroscopic companions. The best defined results were obtained for an F-type sub-sample (0.32 < (B - V)0 < 0.62) of 52 binaries for which integrated BF strengths could be interpolated in the model atmosphere predictions. The logarithmic relative metallicities, [M/H], for the F-type sub-sample indicate metal abundances roughly similar to the solar metallicity, but with a large scatter which is partly due to combined random and systematic errors. Because of the occurrence of a systematic color trend resulting from inherent limitations in our approach, we were forced to set the absolute scale of metallicities to correspond to that derived from the m 1 index of the Strömgren uvby photometry for 24 binaries of the F-type sub-sample. The trend-adjusted metallicities [M/H]1 are distributed within -0.65 < [M/H]1 < +0.50, with the spread reflecting genuine metallicity differences between stars. One half of the F-sub-sample binaries have [M/H]1 within -0.37 < [M/H]1 < +0.10, a median of -0.04 and a mean of -0.10, with a tail toward low metallicities, and a possible bias against very high metallicities. A parallel study of kinematic data, utilizing the most reliable and recently obtained proper motion and radial

  2. Estudo em microondas do aprisionamento e precipitação de elétrons em explosões solares

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Rosal, A. C.; Costa, J. E. R.

    2003-08-01

    Uma explosão solar é uma variação rápida e intensa do brilho que ocorre nas chamadas regiões ativas da atmosfera, constituídas por um plasma magnetizado com intensa indução magnética. Os modelos de explosões solares atuais, discutidos na literatura, apresentam características de aprisionamento e precipitação de elétrons em ambientes magnéticos simplificados. Neste trabalho, nos propusemos a separar a emissão dos elétrons aprisionados da emissão dos elétrons em precipitação apenas a partir da emissão em microondas, melhorando portanto o controle sobre o conjunto de parâmetros inferidos. A emissão em microondas da população em precipitação é bastante fraca e portanto da nossa base de dados de 130 explosões observadas pelo Rádio Polarímetro de Nobeyama, em sete freqüências, apenas para 32 foi possível separar as duas componentes de emissão com uma boa razão sinal/ruído. A partir de estudos das escalas de tempo das emissões devidas à variação gradual da emissão no aprisionamento e da variação rápida da emissão dos elétrons em precipitação foi possível obter a separação utilizando um filtro temporal nas emissões resultantes. Em nossa análise destas explosões estudamos os espectros girossincrotrônicos da emissão gradual, a qual associamos provir do topo dos arcos magnéticos e da emissão de variação rápida associada aos elétrons em precipitação. Estes espectros foram calculados e dos quais inferimos que a indução magnética efetiva do topo e dos pés foi em média, Btopo = 236 G e Bpés = 577 G, inferidas das freqüências de pico dos espectros em ntopo = 11,8 GHz e npés = 14,6 GHz com leve anisotropia (pequeno alargamento espectral). O índice espectral da distribuição não-térmica de elétrons d, inferido do índice espectral de fótons da emissão em regime opticamente fino, foi de dtopo = 3,3 e dpés = 3,9. Estes parâmetros são típicos da maioria das análises realizadas em ambiente único de

  3. Superhumps in a Rarely Outbursting SU UMa-Type Dwarf Nova, HO Delphini

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Kato, Taichi; Nogami, Daisaku; Moilanen, Marko; Yamaoka, Hitoshi

    2003-10-01

    We observed the 1994, 1996, and 2001 outbursts of HO Del. From the detection of secure superhumps, HO Del is confirmed to be an SU UMa-type dwarf nova with a superhump period of 0.06453(6)d. Based on recent observations and past records, the outbursts of HO Del are found to be relatively rare, with the shortest intervals of superoutbursts being ˜ 740d. Among SU UMa-type dwarf novae with similar outburst intervals, the outburst amplitude (˜ 5.0mag) is unusually small. HO Del showed a rather rapid decay of the superhump amplitudes, and no regrowth of the amplitudes during the later stage, in contrast to the commonly observed behavior in SU UMa-type dwarf novae with long outburst intervals. We positively identified HO Del with a ROSAT X-ray source, and obtained a relatively large X-ray luminosity of 1031.1±0.2erg s-1. We also performed a literature survey of SU UMa-type dwarf novae and presented a new set of basic statistics. The SU UMa-type dwarf novae with a brightening trend or with a regrowth of superhumps near the termination of a superoutburst are found to be rather tightly confined in a small region on the (superhump period-supercycle length) plane. These features may provide a better observational distinction for the previously claimed subgroup of dwarf novae (Tremendous Outburst Amplitude Dwarf Novae).

  4. Elemental Abundance Analyses with DAO Spectrograms. XXXIX. The Am Stars 2 UMa and 15 Vul

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Çay, İpek H.; Teker Yelkenci, Aysegul; Adelman, Saul J.

    2016-05-01

    We derived the elemental abundances of the metallic-line stars 2 UMa (=HR 3354; spectral type A2m) and 15 Vul (=HR 7653; spectral type A4 III), using high-dispersion, high signal-to-noise ratio (≥200) optical region spectrograms obtained with CCD detectors at the long Coudé camera of the 1.22 m telescope of the Dominion Astrophysical Observatory (DAO) and Kurucz's ATLAS9 and WIDTH9 programs. The star 2 UMa has not been the subject of a modern detailed elemental abundances analysis. It is relatively sharp-lined and sufficiently hot (T eff = 8050 K) that the continuum placement is not a major problem in the optical region. Comparison of the results of this new study of 15 Vul with the last complete study shows a 0.15 dex mean increase in the derived abundances and a reduction in the standard deviations of the mean values. The abundance anomalies of 2 UMa are usually larger than those of 15 Vul. The greater spectral coverage of 15 Vul compared with 2 UMa results in a larger number of abundances being derived. The abundances of 2 UMa are typical for those of classical Am stars that have similar effective temperatures and surface gravities. 15 Vul, characterized by a similar effective temperature and smaller surface gravity, is a more evolved star.

  5. Variação temporal do gradiente radial de o/h a partir de uma amostra de nebulosas planetárias

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Maciel, W. J.; Costa, R. D. D.; Uchida, M. M. M.

    2003-08-01

    Gradientes radiais de abundância são observados no disco de nossa Galáxia e também em outras galáxias espirais. No caso da Galáxia, o principal problema relativo aos gradientes é sua variação temporal, que constitui um dos principais vínculos aos modelos de evolução química da Galáxia. As nebulosas planetárias são particularmente interessantes no estudo dos gradientes e suas variações, tanto espaciais como temporais. São objetos brilhantes, podendo ser observadas a grandes distâncias, e têm abundâncias relativamente precisas de diversos elementos químicos. Além disso, sendo originadas de estrelas com massas entre 0.8 e 8 massas solares na sequência principal, incluem objetos com idades e populações diferentes, o que as torna especialmente interessantes ao estudo da variação temporal dos gradientes. Neste trabalho, apresentamos resultados recentes sobre a variação temporal do gradiente de O/H a partir de uma amostra contendo cerca de 200 nebulosas, para as quais obtivemos distâncias por métodos estatísticos. As abundâncias foram parcialmente obtidas a partir de observações em Itajubá e La Silla, sendo as restantes obtidas da literatura. Os resultados mostram, pela primeira vez, evidências de um achatamento do gradiente de O/H, de -0.11 dex/kpc para -0.06 dex/kpc nos últimos 9 giga-anos ou de -0.08 dex/kpc para -0.06 dex/kpc nos últimos 5 giga-anos. Esses valores apresentam um bom acordo com alguns modelos recentes para a evolução química da Galáxia. (FAPESP/CNPq)

  6. High-frequency variations of hydrogen spectral lines in the B3V star η UMa

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Pokhvala, S. M.

    2015-09-01

    We reported the detection of high-frequency variations in the hydrogen Balmer lines in the hot star η UMa of spectral class B3V. Spectral observations of η UMa were carried out with slitless spectrograph (R˜100) installed on the 60 cm Carl Zeiss telescope in the Andrushivka Observatory. Spectra were obtained with a time resolution in the sub-second range. It has been found that the η UMa shows rapid variations in the hydrogen lines Hα, Hβ, Hγ, as well as variations in the atmospheric oxygen lines. The intensity variations in the hydrogen lines varies from 0.2% to 0.5% , and that of the oxygen lines is approximately 2%.

  7. Analysis of Positive Superhump Shapes Near Superoutburst Maximum in CV SU UMa-like Systems

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Bobertz, Michele; Voloshina, Irina; Goel, Amit

    2016-01-01

    Positive superhumps are hump-shaped modulations in light curves of some Cataclysmic Variables (CVs) that have a period that is slightly longer than the orbital period. In CV SU UMa-like systems, the shape of the positive superhump is known to change throughout the superoutburst, which thus slightly changes the published, observed, positive superhump period. In this presentation, we analyze numerical simulations of prograde precession in accretion disks of CV SU UMa-like systems near superoutburst maximum. We compare the simulated positive superhump shapes with the shapes obtained from observations, using AW Sge as our model. Similarly, we compare associated Fourier Transforms with associated periodograms. We conclude with our analysis of the likely sources that generate the shape of the positive superhump in CV SU UMa-like systems near superoutburst maximum.

  8. Detecção da fase impulsiva de uma explosão solar gigante até 405 GHz

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Raulin, J.-P.; Makhmutov, V.; Kaufmann, P.; Pacini, A. A.; Luethi, T.; Hudson, H. S.; Gary, D. E.; Yoshimori, M.

    2003-08-01

    A explosão ocorrida no dia 25/08/2001 foi uma das mais intensas do presente ciclo solar em ondas de rádio de altas frequências. Foram medidas em ondas milimétricas e submilimétricas, aproximadamente, 105 e vários milhares de unidades de fluxo solar, respectivamente. Apresentamos um estudo deste evento em múltiplas frequências, desde microondas (1GHz), até ondas submilimétricas (405 GHz) detectadas pelo Telescópio Solar para ondas Submilimétricas (SST). Esta base de dados foi complementada utilizando-se o experimento Yohkoh, incluindo a emissão em raios-X duros e raios-g (até 100 MeV), e imagens em raios-X moles da região ativa envolvida. Enfocamos e discutimos principalmente os seguintes aspectos da fase impulsiva do evento: (i) as implicações deduzidas do espectro eletromagnético, obtido pela primeira vez até 405 GHz; (ii) a dinâmica da região ativa. Os resultados mostram que para explicar o espectro rádio observado, são necessários entre 3.5×1037 e 1.5×1039 elétrons acelerados acima de 20 keV em uma região de campo magnético entre 300 e 800 Gauss. A estimativa do fluxo de fótons que seria produzido por estes elétrons, mostra que grande parte deles não precipitou na baixa atmosfera. A evolução temporal da emissão em raios-X moles revela que a configuração magnética da região ativa foi muito dinâmica durante a fase impulsiva da explosão. Em particular, mostramos que a produção dos elétrons altamente energéticos foi iniciada junto com a aparição, na baixa coroa solar, de um novo sistema compacto de estruturas magnéticas. Este fato sugere que os locais de aceleração estão localizados na baixa atmosfera do Sol, como resultado da interação entre o novo sistema compacto e o campo magnético ambiente da região ativa.

  9. Detailed modelling and dynamic simulation of the deployment of the MBB unfurlable antenna UMA

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Bjorset, L. E.; Krabberod, J.; Sivertsen, O. I.

    1993-09-01

    The purpose of this study was to investigate the dynamics during deployment of large antenna reflectors with the multi body simulation code FEDEM (Finite Element Dynamics in Elastic Mechanisms). The 'Unfurlable Mesh Antenna' (UMA) from MBB was taken as an example to encounter and solve real problems. The UMA has a ribmesh type reflector. The design concept consists of 8 double foldable ribs spreading the reflector out. A motor in the center drives a cable drum. The drum transmits the driving force to pulleys mounted on the ribs.

  10. FUSE Observations of the Bright, Eclipsing Nova-like Cataclysmic Variable, UX UMa (FUSE 2000)

    NASA Technical Reports Server (NTRS)

    Long, Knox; Froning, Cynthia

    2004-01-01

    This was a project to study the disk and wind of the eclipsing nova-like variable UX UMa, in order to better define the wind geometry of the system, including the nature of the transition region between the disk photosphere and the supersonic wind. We proposed to use phase resolved spectroscopy of the system, taking advantage of the fact that UX UMa is an eclipsing system, to isolate different regions of the wind and to use a Monte Carlo radiative transfer code to simulate the spectra through the eclipse.

  11. Genome Sequences of Gordonia Bacteriophages Obliviate, UmaThurman, and Guacamole.

    PubMed

    Pope, Welkin H; Akbar, Armaan F; Ayers, Taylor N; Belohoubek, Selena G; Chung, Connie F; Hartman, Allison C; Kayiti, Tejus; Kessler, Cecilia M; Koman, Philipp I; Kotovskiy, Grigoriy A; Morgan, Taylor M; Rohac, Rebecca M; Silva, Gabriela M; Willis, Charles E; Milliken, Katherine A; Shedlock, Kathleen A; Stanton, Ann-Catherine J; Toner, Chelsea L; Furbee, Emily C; Grubb, Sarah R; Warner, Marcie H; Montgomery, Matthew T; Garlena, Rebecca A; Russell, Daniel A; Jacobs-Sera, Deborah; Hatfull, Graham F

    2016-06-30

    We describe three newly isolated phages-Obliviate, UmaThurman, and Guacamole-that infect Gordonia terrae 3612. The three genomes are related to one another but are not closely related to other previously sequenced phages or prophages. The three phages are predicted to use integration-dependent immunity systems as described in several mycobacteriophages.

  12. Genome Sequences of Gordonia Bacteriophages Obliviate, UmaThurman, and Guacamole

    PubMed Central

    Akbar, Armaan F.; Ayers, Taylor N.; Belohoubek, Selena G.; Chung, Connie F.; Hartman, Allison C.; Kayiti, Tejus; Kessler, Cecilia M.; Koman, Philipp I.; Kotovskiy, Grigoriy A.; Morgan, Taylor M.; Rohac, Rebecca M.; Silva, Gabriela M.; Willis, Charles E.; Milliken, Katherine A.; Shedlock, Kathleen A.; Stanton, Ann-Catherine J.; Toner, Chelsea L.; Furbee, Emily C.; Grubb, Sarah R.; Warner, Marcie H.; Montgomery, Matthew T.; Garlena, Rebecca A.; Russell, Daniel A.; Jacobs-Sera, Deborah; Hatfull, Graham F.

    2016-01-01

    We describe three newly isolated phages—Obliviate, UmaThurman, and Guacamole—that infect Gordonia terrae 3612. The three genomes are related to one another but are not closely related to other previously sequenced phages or prophages. The three phages are predicted to use integration-dependent immunity systems as described in several mycobacteriophages. PMID:27365348

  13. Discovery of a New SU UMa-Type Dwarf Nova, V 1028 Cygni

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Baba, Hajime; Kato, Taichi; Nogami, Daisaku; Hirata, Ryuko; Matsumoto, Katsura; Sadakane, Kozo

    2000-06-01

    V-band high-speed CCD photometry of V 1028 Cyg revealed that hump structures existed in the early stage of its 1995 July outburst. We obtained 0.06154 (+/- 0.00002) d as the best estimated period of superhumps. We confirmed that this dwarf nova belongs to the SU UMa stars. A re-brightening occurred after the superoutburst, and may be associated with a normal outburst. An analysis of the timings of superhump maxima showed clear evidence for an increase of the superhump period (P_dot = .P/P) with 7.54 x 10-6. Only a few stars (AL Com, T Leo, SW UMa, etc.) are reported to have such an increase of the superhump period. At the end of the superoutburst, we detected that the amplitude of the superhumps increased considerably. Both of these properties are not typical features of ordinary SU UMa stars. The connection between the WZ Sge-type and the SU UMa-type dwarf novae is briefly discussed.

  14. Genome Sequences of Gordonia Bacteriophages Obliviate, UmaThurman, and Guacamole.

    PubMed

    Pope, Welkin H; Akbar, Armaan F; Ayers, Taylor N; Belohoubek, Selena G; Chung, Connie F; Hartman, Allison C; Kayiti, Tejus; Kessler, Cecilia M; Koman, Philipp I; Kotovskiy, Grigoriy A; Morgan, Taylor M; Rohac, Rebecca M; Silva, Gabriela M; Willis, Charles E; Milliken, Katherine A; Shedlock, Kathleen A; Stanton, Ann-Catherine J; Toner, Chelsea L; Furbee, Emily C; Grubb, Sarah R; Warner, Marcie H; Montgomery, Matthew T; Garlena, Rebecca A; Russell, Daniel A; Jacobs-Sera, Deborah; Hatfull, Graham F

    2016-01-01

    We describe three newly isolated phages-Obliviate, UmaThurman, and Guacamole-that infect Gordonia terrae 3612. The three genomes are related to one another but are not closely related to other previously sequenced phages or prophages. The three phages are predicted to use integration-dependent immunity systems as described in several mycobacteriophages. PMID:27365348

  15. Study of the Local Horizon. (Spanish Title: Estudio del Horizonte Local.) Estudo do Horizonte Local

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Ros, Rosa M.

    2009-12-01

    The study of the horizon is fundamental to easy the first observations of the students at any education center. A simple model, to be developed in each center, allows to easy the study and comprehension of the rudiments of astronomy. The constructed model is presented in turn as a simple equatorial clock, other models (horizontal and vertical) may be constructed starting from it. El estudio del horizonte es fundamental para poder facilitar las primeras observaciones de los alumnos en un centro educativo. Un simple modelo, que debe realizarse para cada centro, nos permite facilitar el estudio y la comprensión de los primeros rudimentos astronómicos. El modelo construido se presenta a su vez como un sencillo modelo de reloj ecuatorial y a partir de él se pueden construir otros modelos (horizontal y vertical). O estudo do horizonte é fundamental para facilitar as primeiras observações dos alunos num centro educativo. Um modelo simples, que deve ser feito para cada centro, permite facilitar o estudo e a compreensão dos primeiros rudimentos astronômicos. O modelo construído apresenta-se, por sua vez, como um modelo simples de relógio equatorial e a partir dele pode-se construir outros modelos (horizontal e vertical)

  16. Uma análise do fenômeno “alternância de línguas” na fala de bilíngues intermodais (Libras e Português)

    PubMed Central

    de Sousa, Aline Nunes; de Quadros, Ronice Müller

    2013-01-01

    Um interessante fenômeno lingüístico presente nas interações das pessoas bilíngues é a alternância de línguas. Neste trabalho, estamos investigando a alternância entre a língua portuguesa oral e a língua de sinais brasileira – Libras, numa mesma cadeia enunciativa, com o objetivo de identificar e analisar o uso dessa alternância na fala de uma criança e de um adulto (ambos ouvintes, filhos de pais surdos), interagindo em uma situação de bilinguismo intermodal, com interlocutores surdos e ouvintes. A alternância de línguas, nesse caso, ocorre quando se para de falar em português e se alterna para sinalizar. O presente trabalho se caracteriza como um estudo inicial, com análise qualitativa de dados. Fazem parte do nosso corpus nove sessões de interações em Libras e em português oral, gravadas em vídeo, que fazem parte do Projeto Desenvolvimento Bilíngue Bimodal da UFSC. Os dados revelam que as características da alternância de línguas pelo adulto e pela criança parecem ter semelhanças e diferenças. O sujeito adulto parece ter feito um uso da alternância mais preocupado com o curso da interação. A criança, por sua vez, não parece tê-la usado com propósitos pragmáticos específicos. Quanto à extensão das alternâncias, pode-se perceber que tanto a criança quanto o adulto utilizaram enunciados maiores do que uma única palavra isolada. O papel dos interlocutores parece ter sido decisivo nas interações aqui investigadas – especialmente nas do adulto, já que a criança ainda está em processo de tomada de consciência do papel do interlocutor na interação. PMID:24379831

  17. Increasing Supercycle Lengths of Active SU UMa-type Dwarf Novae

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Otulakowska-Hypka, M.; Olech, A.

    2014-12-01

    We present observational evidence that supercycle lengths of the most active SU UMa-type stars are increasing during the past decades. We analyzed a large number of photometric measurements from available archives and found that this effect is generic for this class of stars, independently of their evolutionary status. This finding is in agreement with previous predictions and the most recent work of Patterson et al. (2012) on BK Lyn.

  18. GSC 4181-0713 - a new W UMa type eclipsing binary

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Monninger, Gerold

    2009-12-01

    GSC 4181-0713 is identifed as an eclipsing binary for the first time. Ten times of primary and secondary minima were obtained. The shape and amplitude of the light curve and the period P=0.258742d implies that GSC 4181-0713 is a short-period W UMa type eclipsing binary. The system shows clearly an O'Connell effect delta m<0 in its light curve.

  19. X-ray and optical measurements of the cataclysmic variable CH UMa

    NASA Technical Reports Server (NTRS)

    Becker, R. H.; Chanan, G. A.; Wilson, A. S.; Pravdo, S. H.

    1982-01-01

    A program to identify optical counterparts of X-ray sources discovered with the Einstein Observatory has resulted in an independent identification of CH UMa as a cataclysmic variable. Spectrophotometric observations made with the Intensified Image Dissector Scanner on the 2.1-m telescope at KPNO revealed an emission line spectrum from an approximately 15 mag object similar to the spectra of cataclysmic variables. A subsequent search of the Harvard photographic plate collection revealed outbursts of 4 mag in amplitude.

  20. UBVRI analysis of the totally eclipsing extreme mass ratio W UMa binary, GSC 3208 1986

    SciTech Connect

    Samec, R. G.; Kring, J. D.; Robb, Russell; Van Hamme, W.; Faulkner, D. R.

    2015-03-01

    GSC 3208 1986 is an NSVS and TYCHO binary, first observed from 1999 to 2000. It is a W UMa binary with a period of 0.405 days. The present observations were taken in 2012 September and are of high precision, averaging a standard deviation of better than 5 mmag. The amplitude of the light curve is very nearly 0.5 mag yet it undergoes total eclipses. Dominion Astrophysical Observatory spectra give an F3V type (T∼6900 K) for the system, the earliest of the extreme mass ratio W UMa binaries. The linear period determination of 0.4045672 days was calculated with the two sets of epochs available. An early NSVS light curve reveals that the period has been smoothly decreasing over its past 12,000 orbits. The binary may be undergoing sinusoidal oscillations due to the presence of a third body, possibly with a period of 23±3 years. The high inclination of 85° results in a long duration secondary total eclipse, lasting some 49.5 minutes. Findings indicate that GSC 3208 1986 is an immaculate extreme mass ratio, q(m{sub 2}/m{sub 1}) = 0.24, A-type W UMa binary.

  1. The absolute parameters of two W UMa type binaries in Ursa Majoris

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Yılmaz, M.; Baştürk, Ö.; Özavcı, İ.; Şenavcı, H. V.; Selam, S. O.

    2015-01-01

    We present the results of simultaneous Wilson-Devinney analyses of light and radial velocity curves of two contact binaries in the constellation Ursa Majoris. We found that HH UMa is an A-subtype W UMa binary, which conflicts with the classification of Han et al. (2014) as a W-subtype. Seasonal variations observed in the light curves of the system are well explained with two cool stellar spots in our solution as opposed to the hot-spot based solution by Han et al. (2014), the presence of which would not cause such rapid period variations. The evolutionary status of the system is in agreement with the findings of our study. We modeled II UMa, another A-subtype overcontact binary, without surface spots and found that its both components have rather low surface gravities indicating an advanced state of evolution pointing to evolved subgiants. The high contact degree (f=74%) supports this viewpoint. Our analysis shows that there is a significant third light contribution, contradicting some of the previous analyses, which lack the detection of the secondary minima as total eclipses because they were not as evident as they are in our light curves.

  2. Cosmoeducação: uma proposta para o ensino de astronomia

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Medeiros, L. A. L.; Jafelice, L. C.

    2003-08-01

    Entende-se por cosmoeducação o desenvolvimento vivencial da unidade homem-cosmo. Este conceito é norteado pela psicologia transpessoal, que estuda o ser humano em sua totalidade, onde suas relações ecológicas e cósmicas são de grande importância. Constata-se uma necessidade latente no ser humano moderno em resgatar uma relação holística com o Universo. Neste trabalho exploramos meios de cultivar a consciência de que o ser humano constitui parte integrante do cosmo e se relaciona com este com o objetivo de promover em si uma percepção ambiental mais ampla. Nossa hipótese de trabalho inicial foi que o ensino de conteúdos básicos em astronomia realizado através de uma abordagem holística, que incorpore práticas vivenciais correlacionadas àqueles conteúdos, pode despertar no indivíduo sua identidade cósmica. O método que utilizamos é o fenomenológico e o universo desta pesquisa é um grupo de estudantes da disciplina de Astronomia (Curso de Licenciatura em Geografia/UFRN), onde realizamos observação participante, entrevistas, depoimentos e as práticas vivenciais mencionadas. Neste caso estamos desenvolvendo e adaptando exercícios de algumas técnicas terapêuticas de psicologia transpessoal, que um de nós (LALM) tem aplicado no contexto clínico, para trabalhar aspectos cognitivos envolvidos naquele processo de conscientização cósmica. Resultados parciais claramente referendam a hipótese inicial. Um resultado a destacar é fruto de uma dinâmica de representação corporal interiorizada do eclipse lunar, envolvendo um pequeno grupo daqueles estudantes, na qual conteúdos míticos afloraram de maneira espontânea e contundente para todos, sugerindo ressonância, ou pelo menos isomorfismo, entre o macro e o microcosmo. Este e outros resultados são discutidos em detalhe neste trabalho. (PPGECNM/UFRN; PRONEX/FINEP; NUPA/USP; Temáticos/FAPESP).

  3. Estudo de não gaussianidade nas anisotropias da RCF medidas Wmap

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Andrade, A. P. A.; Wuensche, C. A.; Ribeiro, A. L. B.

    2003-08-01

    A investigação do campo de flutuações da Radiação Cósmica de Fundo (RCF) pode oferecer um importante teste para os modelos cosmológicos que descrevem a origem e a evolução das flutuações primordiais. De um lado, apresenta-se o modelo inflacionário que prevê um espectro de flutuações adiabáticas distribuídas segundo uma gaussiana e, de outro, os modelos de defeitos topológicos (dentre outros) que descrevem um mecanismo para a geração de flutuações de isocurvatura que obedecem a uma distribuição não gaussiana. Este trabalho tem como objetivo caracterizar traços do modelo não gaussiano de campo misto (entre flutuações adiabáticas e de isocurvatura) nos mapas do Wilkinson Microwave Anisotropy Probe (WMAP). Simulações das anisotropias da RCF no contexto de mistura indicam traços marcantes na distribuição das flutuações de temperatura, mesmo quando consideradas pequenas contribuições do campo de isocurvatura (da ordem de 0.001). O efeito da mistura entre os campos resulta na transferência de potência de flutuações em escalas angulares intermediárias para flutuações em pequenas escalas angulares. Este efeito pode ser caracterizado pela relação entre as amplitudes dos primeiros picos acústicos no espectro de potência da RCF. Neste trabalho, investigamos a contribuição do campo de isocurvatura, no contexto de mistura, sobre as observações recentes da RCF realizadas pelo WMAP. As previsões do modelo de campo misto, uma vez confrontadas com as observações em pequenas escalas angulares, podem ajudar a revelar a natureza das flutuações primordiais.

  4. Uso de modelos mecânicos em curso informal de astronomia para deficientes visuais. Resgate de uma experiência

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Tavares, E. T., Jr.; Klafke, J. C.

    2003-08-01

    O presente trabalho propõe-se a resgatar uma experiência que teve lugar no Planetário de São Paulo nos anos 60. Em 1962, o Sr. Acácio, então com 37 anos, deficiente visual desde os 27, passou a assistir às aulas ministradas pelo Prof. Aristóteles Orsini aos integrantes do corpo de servidores do Planetário. O Sr. Acácio era o único deficiente da turma e, embora possuísse conhecimentos básicos e relativamente avançados de matemática, enfrentava dificuldades na compreensão e acompanhamento da exposição, como também em estudos posteriores. Com o intuito de auxiliá-lo na superação desses problemas, o Prof. Orsini solicitou a construção de modelos mecânicos que, através do sentido do tato, permitissem o acompanhamento das aulas e a transposição do modelo para o "constructo" mental. Essa prática mostrou-se tão eficaz que facilitou sobejamente o aprendizado da matéria pelo sujeito. O Sr. Acácio passou a integrar o corpo de professores do Planetário/Escola Municipal de Astrofísica, tendo ficado responsável pelo curso de "Introdução à Astronomia" por vários anos. Além disso, a experiência foi tão bem sucedida que alguns dos modelos tiveram seus elementos constitutivos pintados diferencialmente para serem utilizados em cursos regulares do Planetário, tornando-se parte integrante do conjunto de recursos didáticos da instituição. É pensando nessa eficácia, tanto em seu objetivo original permitir o aprendizado de um deficiente visual quanto no subsidiário recurso didático sistemático da instituição que decidimos resgatar essa experiência. Estribados nela, acreditamos ser extremamente produtivo, em termos educacionais, o aperfeiçoamento dos modelos originais, agora resgatados e restaurados, e a criação de outros que pudessem ser utilizados no ensino dessa ciência a deficientes visuais.

  5. The first photometric study of W UMa eclipsing binary OQ Dra

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Heidarnia, R.; Ebadi, H.; Rooydargard, H.

    2016-11-01

    The present study is an analysis of V-band CCD observations of new W UMa contact binary OQ Dra. To carry out the analysis, Primary and secondary minimum were obtained and new epoch was calculated. The computed period of system was 0.33967 day. Light curve analysis was performed using Binary Maker 3 and PHOEBE that uses the latest Wilson-Devinney code. We obtained photometric mass ratio of qptm = 0.55. O'Connell effect also was seen in the fitted model. Finally, the best model was achieved by introducing 2 spots on each component.

  6. LONG-TERM PHOTOMETRIC ANALYSIS OF THE ACTIVE W UMa-TYPE SYSTEM TU BOOTIS

    SciTech Connect

    Coughlin, Jeffrey L.; Dale, Horace A. III; Williamon, Richard M.

    2008-09-15

    We present multicolor light curves for the W UMa-type eclipsing binary TU Boo for two epochs separated by 22 years. An analysis of the O - C diagram indicates the earlier observations took place right in the middle of a major period change, thus allowing for a unique study on mass transfer and period changes in this W UMa-type system. We compute model fits to our light curves, along with the only other published set, using the Wilson-Devinney program, and find temporally correlated changes in the size of the secondary component with anomalies in the O - C diagram. We investigate the cause of these changes and find support for the existence of rapid, large-scale mass transfer between the components. We postulate that this interaction allows them to maintain nearly equal surface temperatures despite having achieved only marginal contact. We also find support for the evolutionary scenario in which TU Boo has undergone a mass ratio reversal in the past, due to large-scale mass transfer so that what is presently the secondary component of TU Boo is in an advanced evolutionary state, oversized due to a helium-enriched core, with a total system age of {>=}10 Gyr.

  7. Chromospheric activity on late-type star DM UMa using high-resolution spectroscopic observations

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Zhang, LiYun; Pi, QingFeng; Han, Xianming L.; Chang, Liang; Wang, Daimei

    2016-06-01

    We present new 14 high-resolution echelle spectra to discuss the level of chromospheric activity of DM UMa in {He I} D3, {Na I} D1, D2, Hα, and {Ca II} infrared triplet lines (IRT). It is the first time to discover the emissions above the continuum in the {He I} D3 lines on 2015 February 9 and 10. The emission on February 9 is the strongest one ever detected for DM UMa. We analysed these chromospheric active indicators by employing the spectral subtraction technique. The subtracted spectra reveal weak emissions in the {Na I} D1, D2 lines, strong emission in the Hα line, and clear excess emissions in the {Ca II} IRT lines. Our values for the EW8542/EW8498 ratio are on the low side, in the range of 1.0-1.7. There are also clear phase variations of the level of chromospheric activity in equivalent width (EW) light curves in these chromospheric active lines (especially the Hα line). These phenomena might be explained by flare events or rotational modulations of the level of chromospheric activity.

  8. FUSE Observations of the Dwarf Novae UU Aql, BV Cen, and CH UMa in Quiescence

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Sion, Edward M.; Godon, Patrick; Cheng, Fuhua; Szkody, Paula

    2007-08-01

    We report on FUSE spectra of three U Gem-type, long-period dwarf novae, UU Aql, BV Cen, and CH UMa, taken during their quiescence intervals. We discuss the line identifications in their spectra and attempt to characterize the source(s) of their FUV flux distribution. Archival IUE spectra of CH UMa and BV Cen in quiescence were identified as having a matching flux level with the FUSE spectra, and these were combined with each FUSE spectrum to broaden the wavelength coverage and further constrain model fits. Multicomponent synthetic spectral fits from our model grids, consisting of single-temperature white dwarfs, two-temperature white dwarfs, accretion disks, and white dwarfs plus accretion disks, were applied to the FUSE spectra alone and to the combined FUSE + IUE spectra. We present the results of our model analyses and their implications. Based on observations made with the NASA-CNES-CSA Far-Ultraviolet Spectroscopic Explorer. FUSE is operated for NASA by the Johns Hopkins University under NASA contract NAS5-32985.

  9. Survey of Period Variations of Superhumps in SU UMa-Type Dwarf Novae. IV. The Fourth Year (2011-2012)

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Kato, Taichi; Hambsch, Franz-Josef; Maehara, Hiroyuki; Masi, Gianluca; Miller, Ian; Noguchi, Ryo; Akasaka, Chihiro; Aoki, Tomoya; Kobayashi, Hiroshi; Matsumoto, Katsura; Nakagawa, Shinichi; Nakazato, Takuma; Nomoto, Takashi; Ogura, Kazuyuki; Ono, Rikako; Taniuchi, Keisuke; Stein, William; Henden, Arne; de Miguel, Enrique Kiyota, Seiichiro; Dubovsky, Pavol A.; Kudzej, Igor; Imamura, Kazuyoshi; Akazawa, Hidehiko; Takagi, Ryosuke; Wakabayashi, Yuya; Ogi, Minako; Tanabe, Kenji; Ulowetz, Joseph; Morelle, Etienne; Pickard, Roger D.; Ohshima, Tomohito; Kasai, Kiyoshi; Pavlenko, Elena P.; Antonyuk, Oksana I.; Baklanov, Aleksei V.; Antonyuk, Kirill; Samsonov, Denis; Pit, Nikolaj; Sosnovskij, Aleksei; Littlefield, Colin; Sabo, Richard; Ruiz, Javier; Krajci, Thomas; Dvorak, Shawn; Oksanen, Arto; Hirosawa, Kenji; Goff, William N.; Monard, Berto; Shears, Jeremy; Boyd, David; Voloshina, Irina B.; Shugarov, Sergey Yu.; Chochol, Drahomir; Miyashita, Atsushi; Pietz, Jochen; Katysheva, Natalia; Itoh, Hiroshi; Bolt, Greg; Andreev, Maksim V.; Parakhin, Nikolai; Malanushenko, Viktor; Martinelli, Fabio; Denisenko, Denis; Stockdale, Chris; Starr, Peter; Simonsen, Mike; Tristram, Paul J.; Fukui, Akihiko; Tordai, Tamas; Fidrich, Robert; Paxson, Kevin B.; Itagaki, Koh-ichi; Nakashima, Youichirou; Yoshida, Seiichi; Nishimura, Hideo; Kryachko, Timur V.; Samokhvalov, Andrey V.; Korotkiy, Stanislav A.; Satovski, Boris L.; Stubbings, Rod; Poyner, Gary; Muyllaert, Eddy; Gerke, Vladimir; MacDonald, Walter, II; Linnolt, Michael; Maeda, Yutaka; Hautecler, Hubert

    2013-02-01

    Continuing the project described by Kato et al. (2009, PASJ, 61, S395), we collected times of superhump maxima for 86 SU UMa-type dwarf novae, mainly observed during the 2011-2012 season. We confirmed general trends recorded in our previous studies, such as the relation between period derivatives and orbital periods. There are some systems showing positive period derivatives despite the long orbital period. We observed the 2011 outburst of the WZ Sge-type dwarf nova BW Scl, and recorded an O - C diagram similar to those of previously known WZ Sge-type dwarf novae. The WZ Sge-type dwarf nova OT J184228.1+483742 showed an unusual pattern of double outbursts composed of an outburst with early superhumps and one with ordinary superhumps. We propose an interpretation that a very small growth rate of the 3:1 resonance due to an extremely low mass-ratio led to quenching the superoutburst before the ordinary superhump appeared. We systematically studied ER UMa-type dwarf novae, and found that V1159 Ori showed positive superhumps similar to ER UMa in the 1990s. The recently recognized ER UMa-type object BK Lyn dominantly showed negative superhumps, and its behavior was very similar to the present-day state of ER UMa. The pattern of period variations in AM CVn-type objects was very similar to that of short-period hydrogen-rich SU UMa-type dwarf novae, making them a helium analogue of hydrogen-rich SU UMa-type dwarf novae. SBS 1108+574, a peculiar hydrogen-rich dwarf nova below the period minimum, showed a very similar pattern of period variations to those of short-period SU UMa-type dwarf novae. The mass-ratio derived from the detected orbital period suggests that this secondary is a somewhat evolved star whose hydrogen envelope was mostly stripped during the mass-exchange. CC Scl, MASTER OT J072948.66+593824.4, and OT J173516.9+154708 showed only low-amplitude superhumps with complex profiles. These superhumps are likely to be a combination of two closely separated periods.

  10. Three X-ray flares near primary eclipse of the RS CVn binary XY UMa

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Gong, Hang; Osten, Rachel; Maccarone, Thomas; Reale, Fabio; Liu, Ji-Feng; Heckert, Paul A.

    2016-08-01

    We report on an archival X-ray observation of the eclipsing RS CVn binary XY UMa (P orb ≈ 0.48 d). In two Chandra ACIS observations spanning 200 ks and almost five orbital periods, three flares occurred. We find no evidence for eclipses in the X-ray flux. The flares took place around times of primary eclipse, with one flare occurring shortly (< 0.125 P orb) after a primary eclipse, and the other two happening shortly (< 0.05 P orb) before a primary eclipse. Two flares occurred within roughly one orbital period (Δα ≈ 1.024 P orb) of each other. We analyze the light curve and spectra of the system, and investigate coronal length scales during both quiescence and flares, as well as the timing of the flares. We explore the possibility that the flares are orbit-induced by introducing a small orbital eccentricity, which is quite challenging for this close binary.

  11. Mapping of surface activity on the W UMa-type system VW Cephei

    NASA Technical Reports Server (NTRS)

    Bradstreet, David H.; Guinan, Edward F.

    1988-01-01

    After multifilter photometry of the W UMa-type contact binary VW Cep (P = 6.67 hr; G5V + K0V) in 1986/87 revealed large asymmetries in the light curves believed to be caused by large, cool starspot regions on the surface of the larger stars, in Apr. 1987 it was observed with IUE to study the chromospheres and transition regions of the components. During one complete orbital cycle, three SWP and four LWP low dispersion spectra were obtained, including and then excluding the suspected active region. Phase dependent TR line emission strengths were found, most notably C IV, which is 50 percent stronger when the spot region is most visible. The results could be important because VW Cep represents an extreme case for studying stellar dynamo theory and observations can play a crucial role in the unterstanding of magnetic fields and activity cycles in rapidly rotating solar-like stars.

  12. SU UMa dwarf novae in the period gap showing the negative superhumps

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Pavlenko, Elena

    2016-07-01

    There are only two known up to date SU UMa dwarf novae in the period gap showing the negative superhumps, namely, MN Dra and 1RXS J003828.7+250920. We present the results of X-ray and spectral investigation for 1RXS J003828.7+250920, multicolor optical investigation for 1RXS J003828.7+250920 and MN Dra at different stages of their activity in 2011-2016 years. We discuss a finding of the accretion disc radius for both dwarf novae, its variation during separated intervals between outbursts for MN Dra as well as high and low temperature regions in quiescent accretion disk for 1RXS J003828.7+250920.

  13. Orbital Period Investigations of Two W UMa-type Binaries: AH Aur and V728 Her

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Yu, Yun-Xia; Xiang, Fu-Yuan; Hu, Ke

    2016-04-01

    The orbital period changes of two W UMa-type binaries, AH Aur and V728 Her, are investigated based on all available times of the light minimum taken from the databases and literature. It is revealed that the orbital period of AH Aur shows a long-term decrease at a rate of {dP}/{dt}=-2.491× {10}-7 days yr-1. For V728 Her, we find that the orbital period exhibits a secular increase at a rate of {dP}/{dt}=3.793× {10}-7 days yr-1. The secular period changes suggest that AH Aur and V728 Her are undergoing rapid mass transfer between the primary star and the secondary companion.

  14. Light Curve Analysis for W UMa-Type Eclipsing Binary Star Systems

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Henderson, Scott; Peach, N.; Olsen, T.

    2006-12-01

    We report results from summer 2006 in an ongoing study of eclipsing binary stars. Our investigations have focused on the measurement and interpretation of light curves for W UMa-type systems 44i Boötis and VW Cephei. These contact binaries have component stars of spectral type G, and revolve with periods of 6.43 and 6.67 hours. Dome automation and scripting capabilities introduced this summer have significantly reduced experimental uncertainties in our data. In support of previous findings we continue to observe an increase in the orbital period of 44i Boo at a rate of 10.4 µs/epoch or 14.2 ms/yr. Residuals computed after incorporating the increasing period suggest an underlying sinusoidal oscillation with a 61.5 year period and amplitude of 648 seconds. AAPT Member Thomas Olsen is sponsoring the lead presenter, SPS Member Scott Henderson, and the co-presenter, SPS Member Nick Peach.

  15. Precise Orbital Solutions for KEPLER Eclipsing Binaries of W UMa Type Showing Total Eclipses

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Şenavcı, H. V.; Doǧruel, M. B.; Nelson, R. H.; Yılmaz, M.; Selam, S. O.

    2016-09-01

    We aim to discover the accuracy of photometric mass ratios (q ph) determined for eclipsing binary stars, in the case of the system having at least one `flat bottom' as a minimum profile, as well as the accuracy of data used in that sense. Within this context, we present the results of two-dimensional grid search (q - i) for some W UMa-type eclipsing binaries showing total eclipses, based on the high precision photometric data provided by the KEPLER Mission. The radial velocity data obtained for KIC10618253 in this study, enables us to compare both q ph and the corresponding spectroscopic mass ratio (q sp) values. The results indicate that the high precision photometric data for overcontact eclipsing binaries showing total eclipses allow us to obtain the photometric mass ratios as accurate as the spectroscopic values.

  16. Sonification of Kepler Field SU UMa Cataclysmic Variable Stars V344 Lyr and V1504 Cyg

    NASA Technical Reports Server (NTRS)

    Tutchton, Roxanne M.; Wood, Matt A.; Still, Martin D.; Howell, Steve B.; Cannizzo, John K.; Smale, Alan P.

    2012-01-01

    Sonification is the conversion of quantitative data into sound. In this work we explain the methods used in the sonification of light curves provided by the Kepler instrument from Q2 through Q6 for the cataclysmic variable systems V344 Lyr and V1504 Cyg . Both systems are SU UMa stars showing dwarf nova outbursts and superoutbursts as well as positive and negative superhumps. Focused sonifications were done from average pulse shapes of each superhump, and separate sonifications of the full, residual light curves were done for both stars. The audio of these data reflected distinct patterns within the evolutions of supercycles and superhumps that matched pervious observations and proved to be effective aids in data analysis.

  17. VizieR Online Data Catalog: Search for UMa group companions (Ammler-von Eiff+, 2016)

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Ammler-von Eiff, M.; Bedalov, A.; Kranhold, C.; Mugrauer, M.; Schmidt, T. O. B.; Neuhaeuser, R.; Errmann, R.

    2016-03-01

    The astrometric and photometric data of companion candidates of members of the Ursa Major (UMa) group are presented. They were identified by coronagraphic observations obtained with the S27 camera of NACO at the ESO VLT, Chile, in 2003-2006. Most of the candidates were observed a second time to assess whether they share the proper motion of the star. For this purpose, the change in position with respect to the star was compared to the stellar parallactic and proper motion known from Hipparcos. This way, all candidates with two epochs of observations were rejected being distant background objects. The layout of the included table deviates from the article version to facilitate automatic reading, i.e. the epoch date and the primary name are added to each row, and the candidate identifier is added to the corresponding data set for each epoch. (2 data files).

  18. Photometric and Period Investigation of the Late F-type Overcontact Binary II UMa

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Zhou, X.; Qian, S.-B.; Zhang, J.; Zhang, B.; Kreiner, J.

    2016-03-01

    II UMa is a late F-type (F5) contact binary with a close-in tertiary and a distant visual companion. According to the four-color (B V RcIc) light curves’ solutions of II UMa, it is a high fill-out (f = 86.6%) and low-mass ratio (q = 0.172) contact binary system, which indicates that it is at the late evolutionary stage of late-type tidal-locked binary stars. The masses of the primary star and secondary star are calculated to be {M}1=1.99{M}⊙ and {M}2=0.34{M}⊙ . The primary star has evolved from the zero-age main sequence, but it still appeared before the terminal-age main sequence, and the secondary star is even more evolved. Considering the mass ratio ({M}3/{M}1=0.67) obtained by spectroscopic observations, the mass of the close-in tertiary is estimated to be {M}3=1.34{M}⊙ . The period variations of the binary system are investigated for the first time. According to the observed-calculated (O-C) curve analysis, a continuous period increase at a rate of {dP}/{dt}=4.88× {10}-7 {day} {{yr}}-1 is determined. The parabolic variation in the O-C curve may be part of a cyclic period of change, or the combined period of change of a parabolic variation and a cyclic one. More instances of minimum light are needed to confirm this. The presence of the tertiary component may play an important role in the formation and evolution of this binary system by drawing angular momentum from the central system during the pre-contact stage.

  19. The LEECH Exoplanet Imaging Survey: Orbit and Component Masses of the Intermediate-Age, Late-Type Binary NO UMa

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Schlieder, Joshua E.; Skemer, Andrew J.; Maire, Anne-Lise; Desidera, Silvano; Hinz, Philip; Skrutskie, Michael F.; Leisenring, Jarron; Bailey, Vanessa; Defrère, Denis; Esposito, Simone; Strassmeier, Klaus G.; Weber, Michael; Biller, Beth A.; Bonnefoy, Mickaël; Buenzli, Esther; Close, Laird M.; Crepp, Justin R.; Eisner, Josh A.; Hofmann, Karl-Heinz; Henning, Thomas; Morzinski, Katie M.; Schertl, Dieter; Weigelt, Gerd; Woodward, Charles E.

    2016-02-01

    We present high-resolution Large Binocular Telescope LBTI/LMIRcam images of the spectroscopic and astrometric binary NO UMa obtained as part of the LBT Interferometer Exozodi Exoplanet Common Hunt exoplanet imaging survey. Our H-, Ks-, and L‧-band observations resolve the system at angular separations <0.″09. The components exhibit significant orbital motion over a span of ∼7 months. We combine our imaging data with archival images, published speckle interferometry measurements, and existing spectroscopic velocity data to solve the full orbital solution and estimate component masses. The masses of the K2.0 ± 0.5 primary and K6.5 ± 0.5 secondary are 0.83 ± 0.02 M⊙ and 0.64 ± 0.02 M⊙, respectively. We also derive a system distance of d = 25.87 ± 0.02 pc and revise the Galactic kinematics of NO UMa. Our revised Galactic kinematics confirm NO UMa as a nuclear member of the ∼500 Myr old Ursa Major moving group, and it is thus a mass and age benchmark. We compare the masses of the NO UMa binary components to those predicted by five sets of stellar evolution models at the age of the Ursa Major group. We find excellent agreement between our measured masses and model predictions with little systematic scatter between the models. NO UMa joins the short list of nearby, bright, late-type binaries having known ages and fully characterized orbits. Based on data obtained with the STELLA robotic telescope in Tenerife, an AIP facility jointly operated by AIP and IAC.

  20. The LEECH Exoplanet Imaging Survey: Orbit and Component Masses of the Intermediate-age, Late-type Binary NO UMa

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Schlieder, Joshua E.; Skemer, Andrew J.; Maire, Anne-Lise; Desidera, Silvano; Hinz, Philip; Skrutskie, Michael F.; Leisenring, Jarron; Bailey, Vanessa; Defrère, Denis; Esposito, Simone; Strassmeier, Klaus G.; Weber, Michael; Biller, Beth A.; Bonnefoy, Mickaël; Buenzli, Esther; Close, Laird M.; Crepp, Justin R.; Eisner, Josh A.; Hofmann, Karl-Heinz; Henning, Thomas; Morzinski, Katie M.; Schertl, Dieter; Weigelt, Gerd; Woodward, Charles E.

    2016-02-01

    We present high-resolution Large Binocular Telescope LBTI/LMIRcam images of the spectroscopic and astrometric binary NO UMa obtained as part of the LBT Interferometer Exozodi Exoplanet Common Hunt exoplanet imaging survey. Our H-, Ks-, and L‧-band observations resolve the system at angular separations <0.″09. The components exhibit significant orbital motion over a span of ∼7 months. We combine our imaging data with archival images, published speckle interferometry measurements, and existing spectroscopic velocity data to solve the full orbital solution and estimate component masses. The masses of the K2.0 ± 0.5 primary and K6.5 ± 0.5 secondary are 0.83 ± 0.02 M⊙ and 0.64 ± 0.02 M⊙, respectively. We also derive a system distance of d = 25.87 ± 0.02 pc and revise the Galactic kinematics of NO UMa. Our revised Galactic kinematics confirm NO UMa as a nuclear member of the ∼500 Myr old Ursa Major moving group, and it is thus a mass and age benchmark. We compare the masses of the NO UMa binary components to those predicted by five sets of stellar evolution models at the age of the Ursa Major group. We find excellent agreement between our measured masses and model predictions with little systematic scatter between the models. NO UMa joins the short list of nearby, bright, late-type binaries having known ages and fully characterized orbits. Based on data obtained with the STELLA robotic telescope in Tenerife, an AIP facility jointly operated by AIP and IAC.

  1. Astronomia cultural e meio ambiente segundo uma abordagem holística

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Jafelice, L. C.

    2003-08-01

    Neste trabalho ampliamos a discussão da abordagem holística para o ensino de astronomia que temos desenvolvido nos últimos anos, analisamos novos resultados e apresentamos exemplos práticos para interessados em experimentá-la. A constatação básica a orientar este enfoque é que cursos introdutórios em astronomia costumam ser excessiva e prematuramente técnicos, além de assumirem uma visão tradicional, muito estreita, do que seja educação científica, herdada da era cartesiana e positivista da ciência. Fundamentamos porque é importante que elementos de astronomia cultural ofereçam o mote e constituam o eixo norteador daqueles cursos e porque é urgente revermos a visão que temos da relação entre astronomia e meio ambiente. Um ponto central nesta abordagem é explorar formas de reativar e atualizar uma relação orgânica com o meio e excitar a consciência de nossa inevitável e profunda interdependência com ele em nível cósmico. Neste trabalho exemplificamos a possibilidade de concretização desta proposta em três diferentes situações: disciplinas de cursos de licenciatura em geografia e em física; escolas de nível fundamental; e, neste caso ainda a ser implementada, comunidades carentes. Estes casos envolvem públicos e espaços diferenciados para educação formal e não-formal. Dos casos já implementados, destacamos os resultados alcançados pelos alunos: enriquecimento cultural, aprendizagem significativa de conteúdos astronômicos tradicionais; mudanças de comportamento, incorporando contato diário com o céu; e freqüentes vivências de sentimentos empáticos que redirecionam a relação com a natureza e a consciência ecológica global. Além disto, para interessados em aplicar esta proposta, também socializamos procedimentos e cuidados para a implementação de ações alternativas consonantes com a mesma. (PPGECNM/UFRN; PRONEX/FINEP; NUPA/USP; Temáticos/FAPESP)

  2. The Multi-color Light Curves of the W UMa type Contact Binary EP Andromedae

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Liao, W.-P.; Qian, S.-B.; Li, K.; He, J.-J.; Zhao, E.-G.; Zhou, X.

    2013-10-01

    New multi-color CCD photometric light curves of the eclipsing binary EP And were obtained over six nights in 2006, 2011, and 2012. Using the Wilson-Devinney code, we computed the photometric elements of this system. It was discovered that EP And is a W-type W UMa contact binary system with a mass ratio of q = 2.685 and a degree of contact factor f = 24.9%, rather than an A-type system. Combining 28 newly determined times of minimum light derived from 1999 to 2012 with others collected from the literature, a long-term increase (dP/dt = +5.22 × 10-8 days yr-1) with a sinusoidal variation (A = 0.0109 days T = 40.89 yr) in the orbital period was found. The orbital period secular increases may be interpreted as conservative mass transfer from the less massive component to the more massive one, and cyclic variations of the orbital period may be caused by the light-travel time effect through the presence of a third body. The evolutionary status and the age of the system are also discussed.

  3. Ultra-weak magnetic fields in Am stars: β UMa and θ Leo

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Blazère, A.; Petit, P.; Lignières, F.; Aurière, M.; Ballot, J.; Böhm, T.; Folsom, C.; Ariste, A. López; Wade, G. A.

    2015-10-01

    An extremely weak circularly-polarized signature was recently detected in the spectral lines of the Am star Sirius A. With a prominent positive lobe, the shape of the phase-averaged Stokes V line profile is atypical of stellar Zeeman signatures, casting doubts on its magnetic origin. We report here on ultra-deep spectropolarimetric observations of two more bright Am stars: β Uma and θ Leo. Stokes V line signatures are detected in both objects, with a shape and amplitude similar to the one observed on Sirius A. We demonstrate that the amplitude of the Stokes V line profiles depend on various line parameters (Landé factor, wavelength, depth) as expected from a Zeeman signature, confirming that extremely weak magnetic fields are likely present in a large fraction of Am stars. We suggest that the strong asymmetry of the polarized signatures, systematically observed so far in Am stars and never reported in strongly magnetic Ap stars, bears unique information about the structure and dynamics of the thin surface convective shell of Am stars.

  4. THE MULTI-COLOR LIGHT CURVES OF THE W UMa TYPE CONTACT BINARY EP ANDROMEDAE

    SciTech Connect

    Liao, W.-P.; Qian, S.-B.; Li, K.; He, J.-J.; Zhao, E.-G.; Zhou, X.

    2013-10-01

    New multi-color CCD photometric light curves of the eclipsing binary EP And were obtained over six nights in 2006, 2011, and 2012. Using the Wilson-Devinney code, we computed the photometric elements of this system. It was discovered that EP And is a W-type W UMa contact binary system with a mass ratio of q = 2.685 and a degree of contact factor f = 24.9%, rather than an A-type system. Combining 28 newly determined times of minimum light derived from 1999 to 2012 with others collected from the literature, a long-term increase (dP/dt = +5.22 Multiplication-Sign 10{sup -8} days yr{sup -1}) with a sinusoidal variation (A = 0.0109 days; T = 40.89 yr) in the orbital period was found. The orbital period secular increases may be interpreted as conservative mass transfer from the less massive component to the more massive one, and cyclic variations of the orbital period may be caused by the light-travel time effect through the presence of a third body. The evolutionary status and the age of the system are also discussed.

  5. Orbital Period Variation and Morphological Light Curve Studies for the W UMa Binary BB Pegasi

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Hanna, Magdy A.; Awadalla, Nabil S.

    2011-06-01

    The photometric light curves of the W-type W UMa eclipsing contact binary system BB Pegasi have been found to be extremely asymmetric over all the observed 63 years in all wavelengths UBVR. The light curves have been characterized by occultation primary minima. So, the morphology of these light curves has been studied in view of these different asymmetric degrees. The system shows a distinct O'Connell effect as well as depth variation. A 22.96 years cycle, of dark spots group, has been determined for the system combined with about the same cycling for the depth variations (22.78 yr). Also, an analysis of the measurements of mid-eclipse times of BB Peg has been presented. The analysis indicates a period decrease of 5.62× 10-8 d/yr, which can be interpreted in terms of mass transfer of rate -4.38 × 10-8 M_⊙/yr, from the more to the less massive component. The O-C diagram shows a damping sine wave covering two different cycles of 17.0 yr and 12.87 yr with amplitudes equal to 0.0071 and 0.0013 day, respectively. These unequal durations show a non periodicity which may be explained as a result of magnetic activity cycling variations due to star spots. The obtained characteristics are consistent when applying Applegate's (1992) mechanism.

  6. Survey of period variations of superhumps in SU UMa-type dwarf novae. V. The fifth year (2012-2013)

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Kato, Taichi; Hambsch, Franz-Josef; Maehara, Hiroyuki; Masi, Gianluca; Nocentini, Francesca; Dubovsky, Pavol A.; Kudzej, Igor; Imamura, Kazuyoshi; Ogi, Minako; Tanabe, Kenji; Akazawa, Hidehiko; Krajci, Thomas; Miller, Ian; de Miguel, Enrique; Henden, Arne; Noguchi, Ryo; Ishibashi, Takehiro; Ono, Rikako; Kawabata, Miho; Kobayashi, Hiroshi; Sakai, Daisuke; Nishino, Hirochika; Furukawa, Hisami; Masumoto, Kazunari; Matsumoto, Katsura; Littlefield, Colin; Ohshima, Tomohito; Nakata, Chikako; Honda, Satoshi; Kinugasa, Kenzo; Hashimoto, Osamu; Stein, William; Pickard, Roger D.; Kiyota, Seiichiro; Pavlenko, Elena P.; Antonyuk, Oksana I.; Baklanov, Aleksei V.; Antonyuk, Kirill; Samsonov, Denis; Pit, Nikolaj; Sosnovskij, Aleksei; Oksanen, Arto; Harlingten, Caisey; Tyyskä, Jenni; Monard, Berto; Shugarov, Sergey Yu.; Chochol, Drahomir; Kasai, Kiyoshi; Maeda, Yutaka; Hirosawa, Kenji; Itoh, Hiroshi; Sabo, Richard; Ulowetz, Joseph; Morelle, Etienne; Michel, Raúl; Suárez, Genaro; James, Nick; Dvorak, Shawn; Voloshina, Irina B.; Richmond, Michael; Staels, Bart; Boyd, David; Andreev, Maksim V.; Parakhin, Nikolai; Katysheva, Natalia; Miyashita, Atsushi; Nakajima, Kazuhiro; Bolt, Greg; Padovan, Stefano; Nelson, Peter; Starkey, Donn R.; Buczynski, Denis; Starr, Peter; Goff, William N.; Denisenko, Denis; Kochanek, Christopher S.; Shappee, Benjamin; Stanek, Krzysztof Z.; Prieto, José L.; Itagaki, Koh-ichi; Kaneko, Shizuo; Stubbings, Rod; Muyllaert, Eddy; Shears, Jeremy; Schmeer, Patrick; Poyner, Gary; Rodríguez-Marco, Miguel

    2014-04-01

    Continuing the project described in Kato et al. (2009, PASJ, 61, S395), we collected times of superhump maxima for SU UMa-type dwarf novae mainly observed during the 2012-2013 season. We found three objects (V444 Peg, CSS J203937, and MASTER J212624) having strongly positive period derivatives despite the long orbital period (Porb). By using the period of growing stage (stage A) superhumps, we obtained mass ratios for six objects. We characterized nine new WZ Sge-type dwarf novae. We made a pilot survey of the decline rate in the slowly fading parts of SU UMa-type and WZ Sge-type outbursts. The decline time scale was found to generally follow an expected P_orb^{1/4} dependence, and WZ Sge-type outbursts also generally follow this trend. There are some objects which show slower decline rates, and we consider these objects good candidates for period bouncers. We also studied unusual behavior in some objects, including BK Lyn which made a transition from an ER UMa-type state to a novalike (standstill) state in 2013, and unusually frequent occurrences of superoutbursts in NY Ser and CR Boo. We applied the least absolute shrinkage and selection operator (Lasso) power spectral analysis, which has been proven to be very effective in analyzing the Kepler data, to the ground-based photometry of BK Lyn, and detected a dramatic disappearance of the signal of negative superhumps in 2013. We suggested that the mass-transfer rates did not strongly vary between the ER UMa-type state and novalike state in BK Lyn, and this transition was less likely caused by a systematic variation of the mass-transfer rate.

  7. A Photometric Study of the W UMa-Type Contact Binary RZ Com

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    He, Jia-Jia; Qian, Sheng-Bang

    2008-08-01

    We present results of CCD photometric observations of the short-period W UMa-type contact binary system, RZ Com. The light curve of the binary has changed from W-subtype to A-subtype from 1998 to 2003, then back to W-subtype in 2004. An analysis was carried out using the 2003 version of the Wilson-Devinney code. It is confirmed that RZ Com is a low-degree, overcontact f = 20.1% (+/-7.4%) binary system with a high inclination of i = 81.°40 (+/-0.°40), and a mass ratio q = 2.351 (+/-0.031). Combining four newly determined times of light minimum with others in the literature, the variations in orbital period is examined. A small-amplitude oscillation (A=0.0065d), with a period of 41.5 year, is discovered superimposed on a long-term increase at rate dP/dt = +3.97×10-8d yr-1. The period oscillation can be explained either by the light-time effect due to the presence of an unseen third body, or by cycles of magnetic activity on the components. Combining our photometric solution with the spectroscopic elements obtained by Mclean & Hilditch, the absolute dimensions of RZ Com are: M1 = 1.14 (+/-0.19)Modot, M2 = 0.50 (+/-0.09)Modot, R1 = 1.12 (+/-0.01)Rodot, R2 = 0.78 (+/-0.01)Rodot and A = 2.41 (+/-0.02)Rodot.

  8. Infrasonic harmonic tremor and degassing bursts from Halema'uma'u Crater, Kilauea Volcano, Hawaii

    USGS Publications Warehouse

    Fee, David; Garcés, Milton; Patrick, Matt; Chouet, Bernard; Dawson, Phil; Swanson, Donald A.

    2010-01-01

    The formation, evolution, collapse, and subsequent resurrection of a vent within Halema'uma'u Crater, Kilauea Volcano, produced energetic and varied degassing signals recorded by a nearby infrasound array between 2008 and early 2009. After 25 years of quiescence, a vent-clearing explosive burst on 19 March 2008 produced a clear, complex acoustic signal. Near-continuous harmonic infrasonic tremor followed this burst until 4 December 2008, when a period of decreased degassing occurred. The tremor spectra suggest volume oscillation and reverberation of a shallow gas-filled cavity beneath the vent. The dominant tremor peak can be sustained through Helmholtz oscillations of the cavity, while the secondary tremor peak and overtones are interpreted assuming acoustic resonance. The dominant tremor frequency matches the oscillation frequency of the gas emanating from the vent observed by video. Tremor spectra and power are also correlated with cavity geometry and dynamics, with the cavity depth estimated at ~219 m and volume ~3 x 106 m3 in November 2008. Over 21 varied degassing bursts were observed with extended burst durations and frequency content consistent with a transient release of gas exciting the cavity into resonance. Correlation of infrasound with seismicity suggests an open system connecting the atmosphere to the seismic excitation process at depth. Numerous degassing bursts produced very long period (0.03-0.1 Hz) infrasound, the first recorded at Kilauea, indicative of long-duration atmospheric accelerations. Kilauea infrasound appears controlled by the exsolution of gas from the magma, and the interaction of this gas with the conduits and cavities confining it.

  9. BVRI Photometric Analysis of the W UMa Binary, V428, in the field of NGC188

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Samec, Ronald G.; Maloney, David Edward; Clark, Jeremy; Caton, Daniel B.; Faulkner, Danny R.

    2015-01-01

    V428 is a faint 15th magnitude binary observed in a study of the open cluster NGC188. However, its distance from the core of the cluster might exclude its membership. Its light curve was classified as a short period EB type eclipsing binary with a period of 0.3079 d and amplitude of ~0.7 mags in all curves. V428 was observed as a part of our student/professional collaborative studies of interacting binaries from data taken from Dark Sky Observatory of Appalachian State University, North Carolina. The difference in component temperatures is some DT =180 K and its fill-out is 35%. This undoubtedly has a semi-extreme mass ratio (q) otherwise its fill-out might dictate a smaller △T. A brief, 2.5 year period study gives, as expected, a constant period, P=0.3076789 d. Five times of minimum light were calculated, 3 primary and 2 secondary eclipses from our present observations:HJD I = 2456598.6746±0.0007, 2456599.5990±0.0014, 2456600.8292±0.0013HJD II = 2456598.8299±0.0026, 2456599.7548±0.0025.The improved linear ephemeris is:JD Hel MinI = 2456599.5990(±0.0010) + 0.30767885(±0.00000043)d X E (1)More monitoring is needed to determine its true orbital evolution. The inclination, 80º is not quite enough to produce total eclipses, so a q-search was performed. Our best solution gives a q=0.4. A cool spot was modeled on the primary component to take care of the light curve asymmetries. It is a K-type W UMa contact binary.

  10. THE FIRST PHOTOMETRIC INVESTIGATION OF THE NEGLECTED W-UMa-TYPE BINARY STAR UZ CMi

    SciTech Connect

    Qian, S.-B.; Li, K.; Liao, W.-P.; Liu, L.; Zhu, L.-Y.; He, J.-J.; Wang, J.-J.; Zhao, E.-G.

    2013-04-15

    UZ CMi was a W-UMa-type binary star found more than 80 years ago. However, it has been neglected in photometric investigations. Here, the first complete light curves in the B, V, R, and I bands are presented and analyzed using the Wilson and Devinney method. It is discovered that UZ CMi is a contact binary (f = 38.4({+-} 2.3)%) with a mass ratio of 0.45. The derived orbital inclination (i = 87 Degree-Sign ) indicates that it is a total eclipsing binary, which suggests that the determined parameters are reliable. By using 17 new eclipse times together with those collected from the literature, we found that the general trend of the observed-calculated (O - C) curve shows an upward parabolic variation that corresponds to a long-term increase in the orbital period at a rate of P-dot = +4.1 x 10{sup -8} days yr{sup -1}. The continuous increase may be caused by a mass transfer from the less massive component to the more massive one. This suggests that UZ CMi is in the thermal relaxation oscillation controlled stage of the evolutionary scheme proposed by Qian. UZ CMi will oscillate around a critical mass ratio and the contact configuration cannot be broken. After the upward parabolic change was removed, the (O - C){sub 2} curve of the photoelectric and charge-coupled device data revealed a cyclic variation with a small amplitude of 0.0026 days and a period of 21.1 yr. The cyclic change was analyzed for the light-travel time effect via the presence of an extremely cool stellar companion.

  11. V344 Lyrae: A Touchtone SU UMa Cataclysmic Variable in the Kepler Field

    NASA Technical Reports Server (NTRS)

    Smale, Alan P.; Wood, Matt A.; Still, Martin D.; Howell, Steve B.; Cannizzo, John K.

    2012-01-01

    We report on the analysis of the Kepler short-cadence (SC) light curve of V344 Lyr obtained during 2009 June 20 through 2010 Mar 19 (Q2-Q4). The system is an SU UMa star showing dwarf nova outbursts and superoutbursts, and promises to be a touchstone for CV studies for the foreseeable future. The system displays both positive and negative super humps with periods of 2.20 and 2.06-hr, respectively, and we identify an orbital period of 2.11-hr. The positive super humps have a maximum amplitude of approximately 0.025-mag, the negative super humps a maximum amplitude of approximately 0.8 mag, and the orbital period at quiescence has an amplitude of approximately 0.025 mag. The quality of the Kepler data is such that we can test vigorously the models for accretion disk dynamics that have been emerging in the past several years. The SC data for V344 Lyr are consistent with the model that two physical sources yield positive superhumps: early in the superoutburst. the superhump signal is generated by viscous dissipation within the periodically flexing disk. but late in the superoutburst, the signal is generated as the accretion stream bright spot sweeps around the rim of the non-axisymmetric disk. The disk super humps are roughly anti-phased with the stream/late superhumps. The V344 Lyr data also reveal negative super humps arising from accretion onto a tilted disk precessing in the retrograde direction, and suggest that negative superhumps may appear during the decline of DN outbursts. The period of negative superhumps has a positive P(raised dot) in between outbursts.

  12. Photometric Analysis of the Recently Discovered W UMa Star NR Camelopardalis: Period Change and Spot Migration

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Shoup, Jenae; Reed, Phillip A.; Joner, Michael D.; Jensen, Eric L. N.; Collins, Karen A; Pepper, Joshua

    2014-06-01

    NR Cam is a short period (P=0.26 days) eclipsing binary of the W UMa type that was relatively recently discovered in the ROTSE1 data of the Northern Sky Variability Survey (NSVS) and was originally listed in the New Catalog of Suspected Variable Stars (NSV) with the identifier NSV 3754. Here we present the first known detailed study of NR Cam, which includes multi-band light curves, color curves, and a photometric orbital solution. NR Cam exhibits a strong O'Connell effect that can be attributed to magnetically induced spot activity on one of the components. Absolute photometry was performed in B and V at the Kutztown University Observatory in 2013 October and November and complementary high precision differential light curves were obtained in BVRI at the same time, as part of the KELT follow-up network, at Brigham Young University's West Mountain Observatory, Swarthmore College's Peter Van de Kamp Observatory, and the University of Louisville's Moore Observatory. After the B-V color curves were used to approximate the stellar surface temperatures and spot locations, the Wilson-Devinney code was employed with a differential corrections routine to determine the most likely stellar properties and orbital parameters. Our solution indicates that the two stars are in contact, sharing a common envelope, and their surface temperatures are approximately 4500 K and 4200 K. The inclination of the orbit was determined to be 68.0 (±0.6) degrees. When compared with the NSVS data, we find that the orbital period of NR Cam has changed over the past decade and that the strength of the O'Connell effect, and the associated spot activity, has also varied significantly.

  13. Orbital Solutions and Absolute Elements of the W UMa Binary MW Pavonis

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Alvarez, Gabriella E.; Sowell, James R.; Williamon, Richard M.; Lapasset, Emilio

    2015-08-01

    We present differential UBV photoelectric photometry obtained by Williamon of the short-period A-type W UMa binary MW Pav. With the Wilson-Devinney analysis program, we obtained a simultaneous solution of these observations with the UBV photometry of Lapasset, the V measurements by the ASAS program, and the double-lined radial velocity measurements of Rucinski and Duerbeck. Our solution indicates that MW Pav is in an overcontact state, where both components exceed their critical Roche lobes. We derive masses of M1 = 1.514 ± 0.063 Msolar and M2 = 0.327 ± 0.014 Msolar, and equal-volume radii of R1 = 2.412 ± 0.034 Rsolar and R2 = 1.277 ± 0.019 Rsolar for the primary and secondary, respectively. The system is assumed to have a circular orbit and is seen at an inclination of 86.39° ± 0.63°. The effective temperature of the primary was held fixed at 6900 K, whereas the secondary's temperature was found to be 6969 ± 10 K. The asymmetry of the light curves requires a large, single star spot on the smaller, less massive secondary component. A consistent base solution, with different spot characteristics for the Williamon, Lapasset, and ASAS data, was found. The modeled spot varied little during the 40-year range of photometric observations. The combined solution utilized a third light component and found that the period is changing at a rate of dP/dt = (6.50 ± 0.19) × 10-10.

  14. Infrasonic harmonic tremor and degassing bursts from Halema'uma'u Crater, Kilauea Volcano, Hawaii

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Fee, David; GarcéS, Milton; Patrick, Matt; Chouet, Bernard; Dawson, Phil; Swanson, Don

    2010-11-01

    The formation, evolution, collapse, and subsequent resurrection of a vent within Halema'uma'u Crater, Kilauea Volcano, produced energetic and varied degassing signals recorded by a nearby infrasound array between 2008 and early 2009. After 25 years of quiescence, a vent-clearing explosive burst on 19 March 2008 produced a clear, complex acoustic signal. Near-continuous harmonic infrasonic tremor followed this burst until 4 December 2008, when a period of decreased degassing occurred. The tremor spectra suggest volume oscillation and reverberation of a shallow gas-filled cavity beneath the vent. The dominant tremor peak can be sustained through Helmholtz oscillations of the cavity, while the secondary tremor peak and overtones are interpreted assuming acoustic resonance. The dominant tremor frequency matches the oscillation frequency of the gas emanating from the vent observed by video. Tremor spectra and power are also correlated with cavity geometry and dynamics, with the cavity depth estimated at ˜219 m and volume ˜3 × 106 m3 in November 2008. Over 21 varied degassing bursts were observed with extended burst durations and frequency content consistent with a transient release of gas exciting the cavity into resonance. Correlation of infrasound with seismicity suggests an open system connecting the atmosphere to the seismic excitation process at depth. Numerous degassing bursts produced very long period (0.03-0.1 Hz) infrasound, the first recorded at Kilauea, indicative of long-duration atmospheric accelerations. Kilauea infrasound appears controlled by the exsolution of gas from the magma, and the interaction of this gas with the conduits and cavities confining it.

  15. Uma grade de perfis teóricos para estrelas massivas em transição

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Nascimento, C. M. P.; Machado, M. A.

    2003-08-01

    Na XXVIII Reunião Anual da Sociedade Astronômica Brasileira (2002) apresentamos uma grade de perfis calculados de acordo com os pontos da trajetória evolutiva de metalicidade solar, Z = 0.02 e taxa de perda de massa () padrão, para estrelas com massa inicial de 25, 40, 60, 85 e 120 massas solares. Estes perfis foram calculados com o auxílio de um código numérico adequado para descrever os ventos de objetos massivos, supondo simetria esférica, estacionaridade e homogeneidade. No presente trabalho, apresentamos a complementação da grade com os perfis teóricos relativos às trajetórias de Z = 0.02 com taxa de perda de massa dobrada em relação a padrão (2´), e de metalicidade Z = 0.008. Para cada ponto das três trajetórias obtemos os perfis teóricos de Ha, Hb, Hg e Hd, e como esperado eles se apresentam em pura emissão, pura absorção ou em P-Cygni. Para valores de taxa de perda de massa muito baixos (~10-7) não há formação de linhas, o que é visto nos primeiros pontos em todas as trajetórias. Em geral, para um mesmo ponto a componente de emissão diminui e a absorção aumenta de Ha para Hd. É verificado que as trajetórias com Z = 0.02 e padrão possuem menos circuitos (loops) do que as com metalicidade Z = 0.02 e 2´ padrão, e seus perfis são, em geral, menos intensos. Em relação a trajetória de Z = 0.008, verifica-se menos circuitos e maior variação em luminosidade, e seus perfis mostram-se em, algumas trajetórias, mais intensos. Verificamos também que, pontos distintos em uma mesma trajetória, apresentam perfis diferentes para valores similares de luminosidade e temperatura efetiva. Sendo assim, uma grade de perfis teóricos parece ser útil para fornecer uma informação preliminar sobre o estágio evolutivo de uma estrela massiva.

  16. Estudo de soluções locais e cosmológicas em teorias do tipo tensor-escalar

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Silva E Costa, S.

    2003-08-01

    Teorias do tipo tensor-escalar são a mais simples extensão possí vel da Relatividade Geral. Nessas teorias, cujo modelo padrão é a teoria de Brans-Dicke, a curvatura do espaço-tempo, descrita por componentes tensoriais, aparece acoplada a um campo escalar que, de certo modo, representa uma variação na constante de acoplamento da gravitação. Tais teorias apresentam soluções locais e cosmológicas que, em determinados limites, recaem nas apresentadas pela Relatividade Geral, mas que em outros limites trazem novidades, tais como conseqüências observacionais da evolução de flutuações primordiais distintas daquelas previstas pela Relatividade Geral (ver, por ex., Nagata et al., PRD 66, p. 103510 (2002)). Graças a esta possibilidade de trazer à luz novidades em relação à gravitação, teorias do tipo tensor-escalar podem ser vistas como um interessante campo alternativo de pesquisas para soluções dos problemas de massa faltante (ou escura) e/ou energia escura. Seguindo tal linha, este trabalho, ainda em sua fase inicial, apresenta soluções gerais de teorias do tipo tensor-escalar para diversas situações, verificando-se em que consiste a divergência dessas soluções dos casos tradicionais possí veis na Relatividade Geral. Como exemplos das soluções aqui apresentadas pode-se destacar uma expressão geral para diferentes soluções cosmológicas englobando diferentes tipos de matéria (representados por diferentes equações de estado), e a expressão para uma solução local representando um buraco negro com rotação, similar à solução de Kerr da Relatividade Geral. Por fim, é importante ressaltar que, embora aqui apresentem-se poucos resultados novos, na literatura sobre o assunto a maior parte das soluções apresentadas limita-se a uns poucos casos especí ficos, tal como soluções cosmológicas apenas com curvatura nula, e que mesmo as soluções disponí veis são, em geral, pouco divulgadas e, portanto, pouco conhecidas, e

  17. Time sequence spectroscopy of AW UMa. The 518 nm Mg I triplet region analyzed with broadening functions

    SciTech Connect

    Rucinski, Slavek M.

    2015-02-01

    High-resolution spectroscopic observations of AW UMa, obtained on three consecutive nights with a median time resolution of 2.1 minutes, have been analyzed using the broadening function method in the spectral window of 22.75 nm around the 518 nm Mg i triplet region. Doppler images of the system reveal the presence of vigorous mass motions within the binary system; their presence puts into question the solid-body rotation assumption of the contact binary model. AW UMa appears to be a very tight, semi-detached binary; the mass transfer takes place from the more massive to the less massive component. The primary, a fast-rotating star with Vsini=181.4±2.5 km s{sup −1}, is covered with inhomogeneities: very slowly drifting spots and a dense network of ripples more closely participating in its rotation. The spectral lines of the primary show an additional broadening component (called the “pedestal”) that originates either in the equatorial regions, which rotate faster than the rest of the star by about 50 km s{sup −1}, or in an external disk-like structure. The secondary component appears to be smaller than predicted by the contact model. The radial velocity field around the secondary is dominated by accretion of matter transferred from (and possibly partly returned to) the primary component. The parameters of the binary are Asini=2.73±0.11 R{sub ⊙} and M{sub 1}sin{sup 3}i=1.29±0.15 M{sub ⊙}, M{sub 2}sin{sup 3}i=0.128±0.016 M{sub ⊙}. The mass ratio, q{sub sp}=M{sub 2}/M{sub 1}=0.099±0.003, while still the most uncertain among the spectroscopic elements, is substantially different from the previous numerous and mutually consistent photometric investigations which were based on the contact model. It should be studied why photometry and spectroscopy give such discrepant results and whether AW UMa is an unusual object or if only very high-quality spectroscopy can reveal the true nature of W UMa-type binaries.

  18. Mass Flux of Tephra Sampled Frequently During the Ongoing Halema`uma`u Eruption (Invited)

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Swanson, D.; Wooten, K.; Orr, T. R.

    2009-12-01

    The ongoing summit eruption of Kilauea provides an unparalleled opportunity to track, almost daily, the production of tephra. The eruption began on 19 March 2008, and tephra has been erupted every day since then to the end of August 2009. Most of the time, tephra is ejected quasi-continuously from the vent accompanied by a light gray to white gas plume, occasionally broken by a more vigorous pulse (“brown plume”) richer in ejecta. In early April 2008, an array of 10 plastic buckets was placed within 400 m of the new vent in Halema`uma`u down the prevailing NE wind direction. The configuration of the array, spanning an area of about 73,000 m2, has not changed since then. Buckets are emptied frequently, initially every day and, since summer 2008, on all weekdays. The contents are dried and weighed, and an “average network accumulation rate” is calculated in g/m2/hour. In addition, componentry analyses are made of the >0.5-mm size fraction from a bucket near the vent, in order to categorize the tephra into juvenile and lithic fractions. To estimate the total mass of tephra ejected from the vent for a given collection, we first drew isomass contours for several daily collections and plotted isomass versus square root of area to obtain the total mass of the deposit. From this, we developed an empirical multiplication factor that allows us to estimate, within ~25 percent, the total ejected mass per day in kilograms from the total collected mass in grams. The tephra is a mix of vitric and lithic pyroclasts, mostly ash in size. The vitric clasts, interpreted as juvenile, include Pele’s hair and tears, hollow spherules, dumbbells, pumice, and bits of coarsely vesicular glass. All these clasts were probably produced by weak spattering at the top of the lava column, which has rarely been seen. Especially since fall 2008, some vitric clasts are partly coated with secondary minerals or rock dust. We interpret such clasts as recycled, first erupted during spattering

  19. The 2008-2009 Eruption in Halema`uma`u Crater, Kilauea Volcano

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Kauahikaua, J. P.; Orr, T. R.; Patrick, M. R.; Swanson, D.; Poland, M. P.; Miklius, A.; Wilson, D.; Sutton, A. J.; Elias, T.; Thornber, C. R.; Wooten, K.

    2009-12-01

    Early in the 26th year of Kilauea volcano’s ongoing east rift zone eruption, a distinct increase in activity was detected at Kilauea summit. By February 2008, the southern part of the summit caldera was bathed in high concentrations of SO2 prompting Hawai`i Volcanoes National Park to close public access. A vigorous fuming area at the base of the east wall of Halema`uma`u Crater was noted on March 12, and the first throat-clearing explosion occurred from that location a week later. This, the first explosive eruption of Kilauea's summit since 1924, was followed by 7 more before the first major vent collapse in early December 2008 buried the lava column beneath rubble, extinguished vent glow, and reduced gas emissions. The vent slowly came back to life in early 2009, exhibiting behavior similar to that in 2008, until another major collapse in mid-2009 reburied the vent and again extinguished glow and reduced gas emissions. As of August 2009, glow had returned and gas emissions had increased, a total of 2,200 tonnes of lithic and juvenile tephra had been erupted, and the dimensions of the vent opening in the crater floor increased to 125 x 133 m. Chemical uniformity of magma erupted from the summit and rift zone vents unambiguously demonstrate their direct connection. The low explosive intensity and location of the 2008-9 explosive activity within the heavily monitored and easily accessible summit have allowed a number of near-vent studies. Near-daily ashfall measurements have revealed temporal variations in tephra production and changes in the proportion of juveniles and lithics. Direct views of the lava surface within the vent allowed cross-correlation with seismic and geodetic signals to suggest new interpretations of tremor, infrasound, and tilt data. Near-source emission measurements allowed uniquely full characterization of gas content and associated hazards. Additional hazards posed by the summit activity include near-vent ballistic impacts and low air quality

  20. Providing Meaningful Learning for Students of the Sixth Grade of Middle School: a Study on the Moon Phases. (Breton Title: Propiciando Aprendizagem Significativa Para Alunos do Sexto Ano do Ensino Fundamental: um Estudo sobre as Fases da Lua.) Propiciando el Aprendizaje Significativo Para Alumnos del Sexto Nivel de la Educación General Básica: un Estudio sobre Las Fases de la Luna

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Darroz, Luiz Marcelo; Samudio Pérez, Carlos Ariel; da Rosa, Cleci Werner; Heineck, Renato

    2012-07-01

    We relate in this article a didactic experience studying the moon phases with a group of middle school students of a private school of the municipality of Passo Fundo, RS. Based on David Ausubel's Meaningful Learning Theory, we have sought to develop a proposal following a didactic model which simulates the phases of the Moon, as based on the previous conceptions of the students. The signs of learning were evidenced by means of memory registries of the activity. From the obtained results we believe that the proposal achieved its goals, since the students were able to identify, differentiate and transfer the phenomenon of the moon phases to new contexts. Thus, it is concluded that a methodology focused on a meaningful content for the students is fundamental to the construction and genuine grasping of what is being learned. Neste artigo, relata-se uma experiência didática de estudo das fases da Lua com uma turma do 6° ano do Ensino Fundamental, de uma escola privada do município de Passo Fundo, RS. Tendo como fundamentação teórica a Teoria da Aprendizagem Significativa de David Ausubel, buscou-se desenvolver a proposta a partir de um modelo didático que simula as fases da Lua e com base nas concepções prévias dos estudantes. Os indícios da aprendizagem foram constatados através de registros de memórias da atividade. Pelos resultados apresentados, acredita-se que a proposta alcançou seus objetivos, uma vez que os estudantes conseguiram identificar, diferenciar e transferir o fenômeno das fases da Lua para novos contextos. Assim, conclui-se que uma metodologia com enfoque em um conteúdo significativo ao estudante é fundamental para a construção e compreensão genuína do que está sendo aprendido. En este artículo se relata una experiencia didáctica de estudio de las fases de la Luna con una clase de 6º año de la educación general básica de una escuela privada del municipio de Passo Fundo, RS. Teniendo como fundamentación teórica la Teor

  1. A New Look at the Eclipse Timing Variation Diagram Analysis of Selected 3-body W UMa Systems

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Christopoulou, P.-E.; Papageorgiou, A.

    2015-07-01

    The light travel effect produced by the presence of tertiary components can reveal much about the origin and evolution of over-contact binaries. Monitoring of W UMa systems over the last decade and/or the use of publicly available photometric surveys (NSVS, ASAS, etc.) has uncovered or suggested the presence of many unseen companions, which calls for an in-depth investigation of the parameters derived from cyclic period variations in order to confirm or reject the assumption of hidden companion(s). Progress in the analysis of eclipse timing variations is summarized here both from the empirical and the theoretical points of view, and a more extensive investigation of the proposed orbital parameters of third bodies is proposed. The code we have developed for this, implemented in Python, is set up to handle heuristic scanning with parameter perturbation in parameter space, and to establish realistic uncertainties from the least squares fitting. A computational example is given for TZ Boo, a W UMa system with a spectroscopically detected third component. Future options to be implemented include MCMC and bootstrapping.

  2. Comparing the precision 2009 and 2012 light curves of the precontact W UMa binary V1001 Cassiopeia

    SciTech Connect

    Samec, R. G.; Koenke, S. S.; Faulkner, D. R.

    2015-01-01

    A 2012 follow up to the analysis of 2009 observations is presented for the very short period (∼0.43 days) precontact W UMa binary (PCWB) V1001 Cassiopeia. Its short period, similar to the majority of W UMa binaries, and its distinct EA light curve make it a very rare and interesting system for continuing photometric investigation. Previous photometric VRI standard magnitudes give a K4 spectral type. Our solutions of light curves separated by some three years give approximately the same physical parameters. However, the spots have radically changed in temperature, area, and position. While only one dark spot was used to model the first curves, two hot spots are now needed. This affects the overall shape of the light curve, especially in the secondary eclipses in B and V. Additional eclipse timings now show that the orbital period is changing. We conclude that spots are very active on this solar-type dwarf system and that it may mimic its larger cousins, the RS CVn binaries. The conclusion is that analysis now needs to be directed at the continuous time evolution of PCWBs.

  3. Light curve solutions of six eclipsing binaries at the lower limit of periods for W UMa stars

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Kjurkchieva, Diana P.; Dimitrov, Dinko P.; Ibryamov, Sunay I.

    2015-09-01

    Photometric observations are presented in V and I bands of six eclipsing binaries at the lower limit of the orbital periods for W UMa stars. Three of them are newly discovered eclipsing systems. The light curve solutions reveal that all short-period targets are contact or overcontact binaries and six new binaries are added to the family of short-period systems with estimated parameters. Four binaries have components that are equal in size and a mass ratio near 1. The phase variability shown by the V-I colors of all targets may be explained by lower temperatures on their back surfaces than those on their side surfaces. Five systems exhibit the O'Connell effect that can be modeled by cool spots on the side surfaces of their primary components. The light curves of V1067 Her in 2011 and 2012 are fitted by diametrically opposite spots. Applying the criteria for subdivision of W UMa stars to our targets leads to ambiguous results.

  4. BVR{sub c}I{sub c} observations and analyses on V2421 Cygni, a precontact W UMa binary

    SciTech Connect

    Samec, R. G.; Shebs, Travis S.; Faulkner, D. R.; Van Hamme, W.; Mathis, R. F.

    2014-01-01

    We present the first precision BVRI light curves, synthetic light curve solutions, and a period study for the high amplitude solar type binary, V2421 Cygni. The light curves have the appearance of an Algol (EA) type; however, it is made up of dwarf solar type components in a detached mode with a period of only 0.6331 days with an amplitude of about a full magnitude, i.e., it is a precontact W UMa binary. Flare-like disruptions occur in the light curves following the primary and secondary eclipses possibly due to the line-of-sight track of a gas stream. An associated stream spot and splash spot cause bright equatorial spots on the stellar surface of the primary star. The more massive star is the gainer, making this system a classic, albeit dwarf, Algol.

  5. The 2006/2007 photometric activity of three chromospherically active stars: V2075 Cyg, FG UMa and BM CVn

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Erdem, A.; Budding, E.; Soydugan, E.; Bakış, H.; Doğru, D.; Doğru, S. S.; Tüysüz, M.; Kaçar, Y.; Dönmez, A.; Soydugan, F.

    2009-08-01

    We present new multiband CCD photometric observations of three chromospherically active stars with long periods (V2075 Cyg, FG UMa and BM CVn). The observations were made at the Çanakkale Onsekiz Mart University Observatory in 2006 and 2007. We analyzed BVRI (Bessell) CCD observations of these three RS CVn-type SB1 binaries with the following three steps: (i) Photometric rotation periods were obtained by analyzing their light variations with a differential corrections method and a Fourier transform technique. (ii) Light variations, observed over three or more consecutive orbital cycles, were investigated by using dark (cool) spot models with the program SPOT. (iii) Surface differential rotation coefficients for the primary components of these binaries were derived using our own photometric periods together with orbital periods taken from the literature.

  6. Survey of period variations of superhumps in SU UMa-type dwarf novae. VIII. The eighth year (2015-2016)

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Kato, Taichi; Hambsch, Franz-Josef; Monard, Berto; Vanmunster, Tonny; Maeda, Yutaka; Miller, Ian; Itoh, Hiroshi; Kiyota, Seiichiro; Isogai, Keisuke; Kimura, Mariko; Imada, Akira; Tordai, Tamás; Akazawa, Hidehiko; Tanabe, Kenji; Otani, Noritoshi; Ogi, Minako; Ando, Kazuko; Takigawa, Naoki; Dubovsky, Pavol A.; Kudzej, Igor; Shugarov, Sergey Yu.; Katysheva, Natalia; Golysheva, Polina; Gladilina, Natalia; Chochol, Drahomir; Starr, Peter; Kasai, Kiyoshi; Pickard, Roger D.; Miguel, Enrique de; Kojiguchi, Naoto; Sugiura, Yuki; Fukushima, Daiki; Yamada, Eiji; Uto, Yusuke; Kamibetsunawa, Taku; Tatsumi, Taiki; Takeda, Nao; Matsumoto, Katsura; Cook, Lewis M.; Pavlenko, Elena P.; Babina, Julia V.; Pit, Nikolaj V.; Antonyuk, Oksana I.; Antonyuk, Kirill A.; Sosnovskij, Aleksei A.; Baklanov, Aleksei V.; Kafka, Stella; Stein, William; Voloshina, Irina B.; Ruiz, Javier; Sabo, Richard; Dvorak, Shawn; Stone, Geoff; Andreev, Maksim V.; Antipin, Sergey V.; Zubareva, Alexandra M.; Zaostrojnykh, Anna M.; Richmond, Michael; Shears, Jeremy; Dubois, Franky; Logie, Ludwig; Rau, Steve; Vanaverbeke, Siegfried; Simon, Andrei; Oksanen, Arto; Goff, William N.; Bolt, Greg; Dębski, Bartłomiej; Kochanek, Christopher S.; Shappee, Benjamin; Stanek, Krzysztof Z.; Prieto, José L.; Stubbings, Rod; Muyllaert, Eddy; Hiraga, Mitsutaka; Horie, Tsuneo; Schmeer, Patrick; Hirosawa, Kenji

    2016-08-01

    Continuing the project described by Kato et al. (2009, PASJ, 61, S395), we collected times of superhump maxima for 128 SU UMa-type dwarf novae observed mainly during the 2015-2016 season and characterized these objects. The data have improved the distribution of orbital periods, the relation between the orbital period and the variation of superhumps, and the relation between period variations and the rebrightening type in WZ Sge-type objects. Coupled with new measurements of mass ratios using growing stages of superhumps, we now have a clearer and statistically greatly improved evolutionary path near the terminal stage of evolution of cataclysmic variables. Three objects (V452 Cas, KK Tel, and ASASSN-15cl) appear to have slowly growing superhumps, which is proposed to reflect the slow growth of the 3 : 1 resonance near the stability border. ASASSN-15sl, ASASSN-15ux, SDSS J074859.55+312512.6, and CRTS J200331.3-284941 are newly identified eclipsing SU UMa-type (or WZ Sge-type) dwarf novae. ASASSN-15cy has a short (˜0.050 d) superhump period and appears to belong to EI Psc-type objects with compact secondaries having an evolved core. ASASSN-15gn, ASASSN-15hn, ASASSN-15kh, and ASASSN-16bu are candidate period bouncers with superhump periods longer than 0.06 d. We have newly obtained superhump periods for 79 objects and 13 orbital periods, including periods from early superhumps. In order that future observations will be more astrophysically beneficial and rewarding to observers, we propose guidelines on how to organize observations of various superoutbursts.

  7. A Proposed Activity for a Meaningful Learning about the Moon Phases. (Breton Title: Uma Proposta de Atividade Para a Aprendizagem Significativa sobre as Fases da Lua.) Una Actividad Propuesta Para EL Aprendizaje Significativo Acerca de Las Fases de la Luna

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Martins, Bruno Andrade; Langhi, Rodolfo

    2012-12-01

    This paper presents one of the concepts of Astronomy and its consequent failure in teaching this topic in high school, even when the official documents point out the necessity of Astronomy teaching at this school level. Among the spontaneous conceptions in Astronomy that high school students carry with them, even after the end of the school, we emphasized in this research the Moon phases. The development of different strategies in relation to traditional methods, aimed to teaching-learning process on this topic was considered in this study. These strategies were devised based on the reference frame of the Meaningful Learning, as elaborated by Ausubel. The proposals presented here include the active participation of students in experimental activities and other didactic activities, for their continuous evaluation during the process. These activities finished with a Comics elaboration about the Moon phases. Therefore, the objective of this paper is to present a proposal for differentiated teaching activity about Moon phases supported by the theoretical principles of Meaningful Learning at Physics classes. Este texto foca um dos conteúdos de Astronomia e a consequente falha no ensino deste tema no ensino médio, apesar de os documentos oficiais apresentarem a necessidade de se trabalhar a Astronomia neste nível de ensino. Dentre as concepções alternativas em Astronomia que os alunos do ensino médio carregam consigo, mesmo após o término dos estudos, destacamos, nesta pesquisa, o fenômeno das fases da Lua. O desenvolvimento de estratégias diferenciadas em relação ao ensino tradicional, visando o processo de ensino-aprendizagem sobre este tema, foi contemplado neste trabalho como um dos resultados obtidos sob a luz dos referenciais da aprendizagem significativa, fundamentados em Ausubel. Segundo a proposta aqui apresentada, a participação ativa dos alunos na execução de uma atividade experimental e outras atividades didáticas, que visam sua cont

  8. [Educational status and patterns of weight gain in adulthood in Brazil: Estudo Pró-Saúde].

    PubMed

    Fonseca, Maria de Jesus Mendes da; França, Rosana de Figueiredo; Faerstein, Eduardo; Werneck, Guilherme Loureiro; Chor, Dóra

    2012-11-01

    The aim of the present study was to investigate the association between participant and parental educational status (considered as an indicator of socioeconomic status) and participant pattern of weight gain in adulthood. We analyzed data from 2 582 baseline participants (1999) of Estudo Pró-Saúde (Pro-Health Study), a longitudinal investigation of civil servants from a public university in Rio de Janeiro, Brazil. Self-administered questionnaires were used to identify patterns of weight gain in adulthood. Odds ratios (OR) and 95% confidence intervals (95%CI) were estimated for the association between parental and participant educational status and steady weight gain or weight cycling, with stable weight as a reference, using multinomial logistic regression models. For males, lower paternal educational level entailed a chance about 55% lower of weight cycling as compared to stable weight (OR = 0.45; IC95% = 0.26-0.78), whereas lower maternal schooling was related to increased risk of weight cycling, although without reaching statistical significance (OR = 1.68; IC95% = 0.94-3.00). The association between participant educational status and weight history was not statistically significant among men. In women, lower educational status entailed a chance 94% higher of self-reported weight cycling (OR = 1.94; 95% CI = 1.17-3.23), and there was no association between parental educational level and history of weight gain. In this study, changes in weight throughout life, both steady and cyclic, were associated with parental and participant educational status, with major differences between genders.

  9. On random walk de Lévy aplicado aos mapas de variâncias

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Klafke, J. C.

    2003-08-01

    Uma pergunta que surge ao nos confrontarmos com os mapas de variâncias, ou s-Maps [Klafke, J. C. "Estudo da Difusão Caótica em Ressonâncias Asteroidais", Tese de Doutorado, IAG/USP, 2002] diz respeito ao conteúdo físico de tais representações do espaço de fase. Ou seja, o que representa as variâncias das ações obtidas para uma determinada condição inicial e como relacioná-las com o tempo de difusão das órbitas, supondo-se que estas de fato estejam envolvidas em um processo difusivo? Para discutirmos essa questão, lançamos mão da modelagem dos processos estocásticos subjacentes às variâncias determinadas e implementamos uma série de simulações do tipo Monte Carlo a partir das informações registradas nos s-Maps calculados para algumas ressonâncias asteroidais bem estudadas (p.ex. 3: 1, 2: 1 e 3: 2). Para tanto, temos usado uma função de densidade de probabilidade gaussiana ao definir os n passos que permitirão estabelecer uma relação direta entre o Mapa de Difusão e o Mapa de Variâncias. Contudo, os resultados obtidos até agora tem subestimado o tempo de difusão esperado para os fenômenos conhecidos. Tal se deve ao fato de que, no processo difusivo real, é possível existirem passos de comprimento consideravelmente maiores que a média estabelecida pelas distribuições gaussiana ou normal, sobretudo quando se cruza uma região caótica. Neste trabalho, apresentamos os resultados comparativos de simulações de Monte Carlo com base no random walk de Lévy [Klafter, J. et al. 2002. "Beyond Brownian motion", Phys. Today, Feb, 33-39.], o qual possibilita passos esporádicos de comprimento acima do valor médio (saltos) permitindo estabelecer uma escala de tempo mais próxima da esperada para a difusão.

  10. VizieR Online Data Catalog: TU UMa light curves and maxima, CL Aur minima (Liska+, 2016)

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Liska, J.; Skarka, M.; Mikulasek, Z.; Zejda, M.; Chrastina, M.

    2016-02-01

    Differential photometry for RR Lyrae star TU UMa in the 1st and 2nd file. The measurements were obtained using 24-inch and 1-inch telescopes, respectively. The observations were performed at the Masaryk University Observatory in Brno (3 nights, 24-inch), and at the private observatory in Brno (16 nights, 1-inch) in the Czech Republic from December 2013 to June 2014. Observing equipments consisted of 24-inch Newtonian telescope (600/2780mm, diameter/focal length) and a Moravian Instruments CCD camera G2-4000 with Stromgren photometric filters vby, and of 1-inch refractor (a photographic lens Sonnar 4/135mm, lens focal ratio/focal length) and ATIK 16IC CCD camera with green photometric filter with similar throughput as the Johnson V filter. Exposures were v - 60s, b - 30s, y - 30s, green - 30s. For the small aperture telescope, five frames were combined to a single image to achieve a better signal-to-noise ratio. The time resolution of a such combined frame is about 170s. CCD images were calibrated in a standard way (dark frame and flat field corrections). The C-Munipack software (Motl 2009) was used for this processing as well as for differential photometry. The comparison star BD+30 2165 was the same for both instruments, but the control stars were BD+30 2164 (for the 24-inch telescope) and HD 99593 (for the 1-inch telescope). The 3rd file contains maxima timings of TU UMa adopted from the GEOS RR Lyr database, from the latest publications, together with maxima timings determined in our study. Times of maxima were calculated from our observations, sky-surveys data (Hipparcos, NSVS, Pi of the Sky, SuperWASP), photographic measurements (project DASCH), and from several published datasets, in which the maxima were omitted or badly determined - Boenigk (1958AcA.....8...13B), Liakos, Niarchos (2011IBVS.6099....1L, 2011IBVS.5990....1L), Liu, Janes (1989ApJS...69..593L), Preston et al. (1961ApJ...133..484P). The 4th file contains minima timings of eclipsing binary CL Aur

  11. Imagens do céu ontem e hoje - um multimídia interativo de astronomia e uma nova exposição no MAST

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Caretta, C. A.; Lima, F. P.; Requeijo, F.; Vieira, G. G.; Alves, F.; Valente, M. E. A.; de Almeida, R.; de Garcia, G. C.; Quixadá, A. C.

    2003-08-01

    "Imagens do Céu Ontem e Hoje" é o título de uma nova exposição que está sendo inaugurada no Museu de Astronomia e Ciências Afins (MCT), que inclui experimentos interativos, maquetes, réplicas e 8 terminais de computador com um multimídia interativo sobre Astronomia para consulta dos visitantes. O multimídia apresenta um conteúdo bastante extenso, que engloba quase todos os temas em Astronomia, consistindo numa fonte de divulgação e pesquisa para um público que vai das crianças até estudantes universitários. O conteúdo está distribuído em mais de 500 páginas de texto divididas em 4 módulos: "O Universo", "Espectroscopia", "Telescópios" e "Observando o Céu". Cada módulo é subdividido em 5 seções, em média, cada uma iniciada por uma animação que ilustra os temas a serem abordados na seção. Ao final da animação, uma lista de temas é apresentada sob o título "Saiba Mais". Para exemplificar, o módulo "O Universo" contém as seguintes seções: "O Universo visto pelo homem", "Conhecendo o Sistema Solar", "Indo além do Sistema Solar", "Nossa Galáxia, a Via-Láctea" e "Indo mais além, a imensidão do Universo". A seção "Conhecendo o Sistema Solar", por sua vez, tem os seguintes temas: "A origem do Sistema Solar", "O Sol", "Os planetas", "Satélites, asteróides, cometas e outros bichos..." e "O Sistema Solar em números". Cada texto é repleto de imagens, quadros, desenhos, esquemas, etc, além de passatempos ao final de cada seção, incluindo jogos interativos, quadrinhos e curiosidades, que auxiliam o aprendizado de forma divertida. Apresentamos neste trabalho as idéias gerais que permearam a produção da exposição, e uma viagem pelo multimídia para exemplificar sua estrutura e conteúdo. O multimídia será posteriormente disponibilizado para o público externo pela página eletrônica do MAst e/ou por intermédio de uma publicação comercial.

  12. Photometric investigation of a very short period W UMa-type binary - Does CE Leonis have a large superluminous area?

    NASA Technical Reports Server (NTRS)

    Samec, Ronald G.; Su, Wen; Terrell, Dirk; Hube, Douglas P.

    1993-01-01

    A complete photometric analysis of BVRI Johnson-Cousins photometry of the high northern latitude galactic variable, CE Leo is presented. These observations were taken at Kitt Peak National Observatory on May 31, 1989-June 7, 1989. Three new precise epochs of minimum light were determined and a linear and a quadratic ephemeris were computed from these and previous data covering 28 years of observation. The light curves reveal that the system undergoes a brief 20 min totality in the primary eclipse, indicating that CE Leo is a W UMa W-type binary. A systemic velocity of about -40 km/s was determined. Standard magnitudes were found and a simultaneous solution of the B, V, R, I light curves was computed using the new Wilson-Devinney synthetic light curve code which has the capability of automatically adjusting star spots. The solution indicates that the system consists of two early K-type dwarfs in marginal contact with a fill-out factor less than 3 percent. Evidence for the presence of a large (45 deg radius) superluminous area on the cooler component is given.

  13. Speciation, population structure, and demographic history of the Mojave Fringe-toed Lizard (Uma scoparia), a species of conservation concern

    PubMed Central

    Gottscho, Andrew D; Marks, Sharyn B; Jennings, W Bryan

    2014-01-01

    The North American deserts were impacted by both Neogene plate tectonics and Quaternary climatic fluctuations, yet it remains unclear how these events influenced speciation in this region. We tested published hypotheses regarding the timing and mode of speciation, population structure, and demographic history of the Mojave Fringe-toed Lizard (Uma scoparia), a sand dune specialist endemic to the Mojave Desert of California and Arizona. We sampled 109 individual lizards representing 22 insular dune localities, obtained DNA sequences for 14 nuclear loci, and found that U. scoparia has low genetic diversity relative to the U. notata species complex, comparable to that of chimpanzees and southern elephant seals. Analyses of genotypes using Bayesian clustering algorithms did not identify discrete populations within U. scoparia. Using isolation-with-migration (IM) models and a novel coalescent-based hypothesis testing approach, we estimated that U. scoparia diverged from U. notata in the Pleistocene epoch. The likelihood ratio test and the Akaike Information Criterion consistently rejected nested speciation models that included parameters for migration and population growth of U. scoparia. We reject the Neogene vicariance hypothesis for the speciation of U. scoparia and define this species as a single evolutionarily significant unit for conservation purposes. PMID:25360285

  14. THE GEOMETRY AND IONIZATION STRUCTURE OF THE WIND IN THE ECLIPSING NOVA-LIKE VARIABLES RW TRI AND UX UMa

    SciTech Connect

    Noebauer, Ulrich M.; Long, Knox S.; Sim, Stuart A.; Knigge, Christian

    2010-08-20

    The UV spectra of nova-like variables are dominated by emission from the accretion disk, modified by scattering in a wind emanating from the disk. Here, we model the spectra of RW Tri and UX UMa, the only two eclipsing nova-like variables which have been observed with the Hubble Space Telescope in the far-ultraviolet, in an attempt to constrain the geometry and the ionization structure of their winds. Using our Monte Carlo radiative transfer code, we computed spectra for simply parameterized axisymmetric biconical outflow models and were able to find plausible models for both systems. These reproduce the primary UV resonance lines-N V, Si IV, and C IV-in the observed spectra in and out of eclipse. The distribution of these ions in the wind models is similar in both cases as is the extent of the primary scattering regions in which these lines are formed. The inferred mass-loss rates are 6%-8% of the mass accretion rates for the systems. We discuss the implication of our point models for our understanding of accretion disk winds in cataclysmic variables.

  15. Speciation, population structure, and demographic history of the Mojave Fringe-toed Lizard (Uma scoparia), a species of conservation concern.

    PubMed

    Gottscho, Andrew D; Marks, Sharyn B; Jennings, W Bryan

    2014-06-01

    The North American deserts were impacted by both Neogene plate tectonics and Quaternary climatic fluctuations, yet it remains unclear how these events influenced speciation in this region. We tested published hypotheses regarding the timing and mode of speciation, population structure, and demographic history of the Mojave Fringe-toed Lizard (Uma scoparia), a sand dune specialist endemic to the Mojave Desert of California and Arizona. We sampled 109 individual lizards representing 22 insular dune localities, obtained DNA sequences for 14 nuclear loci, and found that U. scoparia has low genetic diversity relative to the U. notata species complex, comparable to that of chimpanzees and southern elephant seals. Analyses of genotypes using Bayesian clustering algorithms did not identify discrete populations within U. scoparia. Using isolation-with-migration (IM) models and a novel coalescent-based hypothesis testing approach, we estimated that U. scoparia diverged from U. notata in the Pleistocene epoch. The likelihood ratio test and the Akaike Information Criterion consistently rejected nested speciation models that included parameters for migration and population growth of U. scoparia. We reject the Neogene vicariance hypothesis for the speciation of U. scoparia and define this species as a single evolutionarily significant unit for conservation purposes. PMID:25360285

  16. Optimization of Physiochemical Parameters during Bioremediation of Synthetic Dye by Marasmius cladophyllus UMAS MS8 Using Statistical Approach

    PubMed Central

    Shuib, Fatin Nur Sufinas

    2016-01-01

    In many industrial areas such as in food, pharmaceutical, cosmetic, printing, and textile, the use of synthetic dyes has been integral with products such as azo dye, anthrax, and dyestuffs. As such, these industries produce a lot of waste by-products that could contaminate the environment. Bioremediation, therefore, has become an important emerging technology due to its cost-sustainable, effective, natural approach to cleaning up contaminated groundwater and soil via the use of microorganisms. The use of microorganisms in bioremediation requires the optimisation of parameters used in cultivating the organism. Thus the aim of the work was to assess the degradation of Remazol Brilliant Blue R (RBBR) dye on soil using Plackett-Burman design by the basidiomycete, M. cladophyllus UMAS MS8. Biodegradation analyses were carried out on a soil spiked with RBBR and supplemented with rice husk as the fungus growth enhancer. A two-level Plackett-Burman design was used to screen the medium components for the effects on the decolourization of RBBR. For the analysis, eleven variables were selected and from these four parameters, dye concentration, yeast extract concentration, inoculum size, and incubation time, were found to be most effective to degrade RBBR with up to 91% RBBR removal in soil after 15 days. PMID:27803944

  17. Photometric studies of two W UMa type variables in the field of distant open cluster NGC 6866

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Joshi, Yogesh Chandra; Jagirdar, Rukmini; Joshi, Santosh

    2016-04-01

    We present photometric analysis of the two W UMa type binaries identified in the field of distant open star cluster NGC 6866. Although these systems, namely ID487 and ID494, were reported by Joshi et al., a detailed study of these stars has not been carried out before. The orbital periods of these stars are found to be 0.415110±0.000001 day and 0.366709±0.000004 day, respectively. Based on the photometric and infrared colors, we find their respective spectral types to be K0 and K3. The photometric light variations of both stars show the O'Connell effect which can be explained by employing a dark spot on the secondary components. The V and I band light curves are analyzed using the Wilson-Devinney (WD) code and relations given by Gazeas which yield radii and masses for the binary components of star ID487 of R1 = 1.24 ± 0.01 R⊙, R2 = 1.11 ± 0.02 R⊙, and M1 = 1.24 ± 0.02 M⊙, M2 = 0.96 ± 0.05 M⊙ and for star ID494 of R1 = 1.22±0.02R⊙, R2 = 0.81±0.01 R⊙, and M1 = 1.20±0.06 M⊙, M2 = 0.47±0.01 M⊙.

  18. Tephra deposits of impulsive explosive events during the 2008 eruption of Halema`uma`u Crater, Kilauea

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Houghton, B. F.; Swanson, D.; Carey, R. J.; Rausch, J.

    2010-12-01

    Eight short-lived impulsive explosive eruptions of low intensity occurred at Halema`uma`u crater, Kilauea in March-October 2008. Estimated total erupted masses were 10E+5 to 10E+6 kg; using inferred durations of 20-50 s, these equate to eruption rates of c. 10E+3 to 10E+4 kg/s, an order of magnitude lower than typical sustained Hawaiian fountains of the 20th century. Deposits are predominantly lapilli-sized but generally contain two elements: near-circular aprons of ballistic blocks extending to 200-400 m from the vent and wind-attenuated convective fall lobes which extend several tens of kilometers downwind but barely reach single-clast thickness even along the dispersal axes. Thinning half-distances (bt) for the deposits are 10-90 m, consistent with the exceptionally low mass discharges and similar to those of mild Strombolian eruptions. This geometry is essentially cone-like (and consistent with the low discharge rates) but the short duration of the events means no permanent deposit has formed. The deposits are relatively well-sorted yet richer in wall rock than the products of typical Hawaiian or Strombolian explosions.

  19. Determinação de elementos próprios dos asteróides troianos: comparação entre as teorias semi-analítica e sintética

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Roig, F.; Beaugé, C.

    2003-08-01

    Além do cálculo semi-analítico de elementos próprios dos asteróides Troianos (Beaugé & Roig 2001, Icarus 153, 391), recentemente foi apresentado um novo conjunto destes elementos próprios determinado através de uma teoria sintética (Knenezevic & Milani 2003, comunicação pessoal). As bases de dados contendo estas determinações estão disponiveis na pagina web do Asteroid Dynamical Site (http://hamilton.dm.unipi.it/cgi-bin/astdys/astibo). Nesta comunicação apresentamos os primeiros resultados de um estudo comparativo entre ambos conjuntos de elementos próprios, analisando suas vantagens e desvantagens, assim como os limites de precisão de cada conjunto. Mostramos que os elementos próprios sintéticos são mais precisos que os smi-analíticos para grandes amplitudes de libração do ângulo s = l-lJup, embora acontece o contrario para os corpos cuja amplitude de libração é muito pequena. Finalmente discutimos a influencia destes erros na determinação de familias de asteroides e da estrutura resonante em torno dos pontos Lagrangeanos L4 e L5.

  20. The orbital period of the dwarf nova HS Virginis, the revised Po-Ps relation and the ``superhump" mass ratio distribution of SU UMa stars

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Mennickent, R. E.; Matsumoto, K.; Arenas, J.

    1999-08-01

    A spectroscopic study of the SU UMa star HS Vir is presented. From the analysis of the radial velocities of the Hα emission line the most likely orbital period is 0\\fd07692(3), although we cannot discard two aliases at 0\\fd07678 and 0\\fd07709. The Balmer lines follow the orbital period with a radial velocity semiamplitude K = 96 +/- 9 km s(-1) , but the He I lambda 5875 emission line shows a double wave during the orbital cycle. We found that the mean Balmer, He I and He II 4686 lines can be roughly modeled with a disk radial emissivity ~ r(-2) . A revised version of the Po-Ps relation for SU UMa stars is also given, which is relevant for discriminating between +/- 1 c/d aliases of the orbital period. We calculated the mass ratio, derived from the tidal resonance model, of HS Vir (qsh = 0.22 +/- 0.04) and 43 additional SU UMa stars. The qsh distribution has a roughly gaussian shape with a mean 0.14, in sharp contrast with the orbital period distribution. Finally, a discussion of the possible stellar masses and inclination of HS Vir is given. We observe that the mass ratio derived from the dynamic solution is in disagreement with that derived from the tidal resonance model. This fact probably indicates that K does not represent the white dwarf binary motion. Based on observations obtained at ESO La Silla Observatory (ESO Proposal 61.D-0395).

  1. Photometric study and preliminary elements of the low-mass ratio W UMa system ASAS 021209+2708.3

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Acerbi, Francesco; Barani, Carlo; Martignoni, Massimiliano

    2011-07-01

    We present CCD B and V light curves, obtained in the year 2006, and a photometric solution of the low-mass ratio contact binary ASAS 021209+2708.3. With our data we were able to determine six new times of minimum light and refine the orbital period of the system to 0.3181963 days. The light curves are analyzed using the 2003 version of the Wilson-Devinney program and the analysis was performed with and without adding a spot on the surface of one star because the light curves appear to exhibit a typical O'Connell effect, with Maximum I brighter than Maximum II. The results show that ASAS 021209+2708.3 may be classified as an A-subtype W Ursae Majoris system with a small mass ratio q = 0.1889, a large over-contact degree of f = 0.587, a very small difference between the component temperatures of ΔT = 53 K and an orbital inclination of i = 81°. It is known that deep (f > 50%), low-mass ratio (q < 0.25) overcontact binary stars are a very important resource for understanding the phenomena of Blue Straggler/FK Com-type stars. The formations of Blue Straggler stars and FK Com-type stars are unsolved problems in stellar astrophysics. One of the possible explanations for their formation is from the coalescence of W UMa-type overcontact binary systems. The absolute dimensions of ASAS 021209+2708.3 are estimated and its dynamical evolution is inferred.

  2. BVRI Photometric Study of the Short Period Solar Type Near-Contact W UMa Binary, FF Vulpeculae

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Caton, Daniel B.; Samec, Ronald G.; Nyaude, Ropafadzo; Van Hamme, Walter V.

    2016-01-01

    High precision BVRcIc light curves of FF Vul were observed during the Fall, 2015 season at the Dark Sky Observatory 0.81-m reflector of Appalachian State University, and the SARA North 0.91-m reflector at KPNO. It is an eclipsing binary with a period of only 0.444983 (2) d. This is the shortest period of our recently studied Pre Contact W UMa Binary (PCWB's), V2421 Cyg, V1043 Cas, ZZ Eri, V500 Peg, and Mis V1287. Our Binary Maker fits and our Wilson-Devinney solution show that the binary is a near-contact, semidetached binary, i.e., a V1010 Oph type configuration (the more massive component has filled its critical lobe while the secondary component is under-filling). Five times of minimum light were calculated, 3 primary and 2 secondary eclipses from our present observations:HJD I = 2457285.7262 ±0.0002, 2457306.6425 ±0.0002, 2457310.6469 ±0.0002HJD II = 2457279.7222 ±0.0006, 2457280.6124 ±0.0017.The following quadratic ephemerides was determined from all available times of minimum light:JDHelMinI=2457310.6473±0.0007d + 0.4449758±0.0000002 X E -0.00000000006± 0.00000000001 X E2The continuous 20 year period study reveals a period decrease in the orbital period at about the 6 sigma level. Our modeling shows a near-equatorial hot spot on the following side of the secondary component. This is probably due to a matter transfer onto the secondary component. The light curve has a large difference in primary and secondary amplitudes and the light curve solution gives a component temperature difference of more than 1500 K. The solution shows a total secondary eclipse of 23 minutes duration. As expected in binaries of this type, it has a cool spot region on its primary component.

  3. Queda dos homicídios em São Paulo, Brasil: uma análise descritiva

    PubMed Central

    Peres, Maria Fernanda Tourinho; Vicentin, Diego; Nery, Marcelo Batista; de Lima, Renato Sérgio; de Souza, Edinilsa Ramos; Cerda, Magdalena; Cardia, Nancy; Adorno, e Sérgio

    2012-01-01

    Objetivo Descrever a evolução da mortalidade por homicídios no Município de São Paulo segundo tipo de arma, sexo, raça ou cor, idade e áreas de exclusão/inclusão social entre 1996 e 2008. Métodos Estudo ecológico de série temporal. Os dados sobre óbitos ocorridos no Município foram coletados da base de dados do Programa de Aprimoramento das Informações sobre Mortalidade, seguindo a Classificação Internacional de Doenças, Décima Revisão (CID-10). Foram calculadas as taxas de mortalidade por homicídio (TMH) para a população total, por sexo, raça ou cor, faixa etária, tipo de arma e área de exclusão/inclusão social. As TMH foram padronizadas por idade pelo método direto. Foram calculados os percentuais de variação no período estudado. Para as áreas de exclusão/inclusão social foram calculados os riscos relativos de morte por homicídio. Resultados As TMH apresentaram queda de 73,7% entre 2001 e 2008. Foi observada redução da TMH em todos os grupos analisados, mais pronunciada em homens (−74,5%), jovens de 15 a 24 anos (−78,0%) e moradores de áreas de exclusão social extrema (−79,3%). A redução ocorreu, sobretudo, nos homicídios cometidos com armas de fogo (−74,1%). O risco relativo de morte por homicídio nas áreas de exclusão extrema (tendo como referência áreas com algum grau de exclusão social) foi de 2,77 em 1996, 3,9 em 2001 e 2,13 em 2008. Nas áreas de alta exclusão social, o risco relativo foi de 2,07 em 1996 e 1,96 em 2008. Conclusões Para compreender a redução dos homicídios no Município, é importante considerar macrodeterminantes que atingem todo o Município e todos os subgrupos populacionais e microdeterminantes que atuam localmente, influenciando de forma diferenciada os homicídios com armas de fogo e os homicídios na população jovem, no sexo masculino e em residentes em áreas de alta exclusão social. PMID:21390415

  4. On the Formation of a Study Group to the Realization of Workshops for Teachers: Astronomy in Basic Education in Umuarama-Pr (Spanish Title: De la Formación de un Grupo de Estudios a la Realización de los Talleres Para los Profesores: la Astronomía en la Educación Básica en Umuarama-Pr ) Da Formação de um Grupo de Estudos À Realização de Oficinas Para Professores: a Astronomia na Educação Básica em Umuarama-Pr

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Belusso, Diane; Akira Sakai, Otávio

    2013-12-01

    In this article, we aimed to present the activities developed by the Astronomy Study Group (ASG) to contribute to the dissemination and improvement of the astronomy teaching-learning. The results of a research carried out in schools of Umuarama-PR are shown, with the intention of checking the students' knowledge and interest in relation to Astronomy. It is reported the realization of workshops for Science teachers linked to the Education Regional Nucleus. The research and the workshop execution promoted the direct contact of the study group with the community; the results were used to diagnose the state of astronomy teaching-learning, in the basic education in Umuarama-PR. En este artículo se intenta presentar las actividades desarrolladas por el Grupo de Estudios de Astronomía (GEA) y contribuir para la divulgación y mejoría de la enseñanza-aprendizaje de la Astronomía. Se presentan los resultados de una investigación realizada en las escuelas de Umuarama-PR, con la intención de determinar el grado de conocimiento y el interés de los estudiantes en relación a la astronomía. Se relata la realización de talleres de capacitación para los profesores de ciencias vinculados al Núcleo Regional del Educación. La ejecución de la investigación y de los talleres promovió el contacto directo del grupo de estudios con la comunidad; los resultados sirvieron de diagnóstico de la enseñanza aprendizaje de la astronomía en la educación básica en Umuarama-PR. Neste artigo, objetiva-se apresentar as atividades desenvolvidas pelo Grupo de Estudos de Astronomia (GEA) e contribuir para a divulgação e melhoria do ensino-aprendizagem de astronomia. São apresentados os resultados de uma pesquisa realizada nas escolas de Umuarama-PR, com o intuito de averiguar o conhecimento e o interesse dos estudantes em relação à astronomia. Relata-se a realização de oficinas de capacitação para professores de ciências vinculados ao Núcleo Regional de Educação. A

  5. The Spot Variability and Related Brightness variations of the Solar Type PreContact W UMa Binary System V1001 Cas

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Samec, Ronald George; Koenke, Sam S.; Faulkner, Danny R.

    2015-08-01

    A new classification of eclipsing binary has emerged, Pre Contact WUMa Binaries (PCWB’s, Samec et al. 2012). These solar-type systems are usually detached or semidetached with one or both components under filling their critical Roche lobes. They usually have EA or EB-type light curves (unequal eclipse depths, indicating components with substantially different temperatures). The accepted scenario for these W UMa binaries is that they are undergoing steady but slow angular momentum losses due to magnetic braking as stellar winds blow radially away on stiff bipolar field lines. These binaries are believed to come into stable contact and eventually coalesce into blue straggler type, single, fast rotating A-type stars (Guinan and Bradstreet,1988). High precision 2012 and 2009 light curves are compared for the very short period (~0.43d) Precontact W UMa Binary (PCWB), V1001 Cassiopeia. This is the shortest period PCWB found so far. Its short period, similar to the majority of W UMa’s, in contrast to its distinct Algol-type light curve, make it a very rare and interesting system. Our solutions of light curves separated by some three years give approximately the same physical parameters. However the spots radically change, in temperature, area and position causing a distinctive variation in the shape of the light curves. We conclude that spots are very active on this solar type dwarf system and that it may mimic its larger cousins, the RS CVn binaries.

  6. Evidence for gas accumulation beneath the surface crust driving cyclic rise and fall of the lava surface at Halema`uma`u, Kilauea Volcano

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Patrick, M. R.; Orr, T. R.; Wilson, D.; Sutton, A. J.; Elias, T.; Fee, D.; Nadeau, P. A.

    2010-12-01

    The ongoing eruption in Halema`uma`u crater, at the summit of Kilauea Volcano, has surpassed the two-year mark and is characterized by lava lake activity in the vent. As of August 2010, the lava lake is about 70 m in diameter and 180 m below the rim of a narrow vent cavity. Although the explosive events that typified the first year of activity have abated, episodic rise and fall of the lava surface remains common. Cycles of rise and fall range from several minutes to eight hours in duration and are characterized by a quiescent rise phase and violent, gas-charged fall, spanning a height change of 20-30 m. Several models have been proposed to explain the cyclic rise and fall of lava surfaces at basaltic volcanoes, which in some cases is referred to as “gas pistoning”. In one model, episodic rise and fall is driven by the ascent of gas slugs from depth. In another, the cyclic behavior is driven by gas accumulation beneath the surface crust, with each cycle terminated by an abrupt failure of the crust, resulting in gas release. Seismic and infrasound data, as well as gas and webcam monitoring, at Halema`uma`u over the past two years strongly support the gas accumulation model, based on several lines of evidence. First, gas emission rates drop significantly below background levels during the rise phase, and increase dramatically during the fall phase, suggesting a process of gas buildup and release as opposed to slug flow. Second, the rise phases can last several hours, which is longer than reasonable slug ascent times. Third, the rise rate decreases over time, and in many cases plateaus, as the lava reaches its high stand, which is contrary to the exponential increase expected for gas slugs. Fourth, webcam video has captured numerous instances where rockfalls piercing the surface crust initiate gas release and lava level drop, suggestive of gas accumulation at shallow levels. Lastly, FTIR (Fourier Transform Infrared Spectroscopy) data reveal changes in gas

  7. Photometric observations and light curve solutions of the W UMa stars NSVS 2244206, NSVS 908513, CSS J004004.7+385531 and VSX J062624.4+570907

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Kjurkchieva, Diana Petrova; Popov, Velimir Angelov; Vasileva, Doroteya Lyubenova; Petrov, Nikola Ivanov

    2016-09-01

    Photometric observations in Sloan g‧ and i‧ bands of four W UMa stars, NSVS 2244206, NSVS 908513, CSS J004004.7+385531 and VSX J062624.4+570907, are presented. The light curve solutions reveal that all targets have overcontact configurations with fillout factors within 0.15–0.26. Their components are G-K spectral types and are almost in thermal contact. They are also relatively close in size and luminosity: the radius ratios r2/r1 are within 0.75–0.90 the luminosity ratios l2/l1 are within 0.53–0.63. The results of the light curve solution of CSS J004004.7+385531 imply the weak limb-darkening effect of its primary component and possible presence of additional absorbing features in the system.

  8. BVR{sub c}I{sub c} OBSERVATIONS AND ANALYSES OF THE DWARF DETACHED BINARY V1043 CASSIOPEIA AND A COMMENT ON PRECONTACT W UMa'S

    SciTech Connect

    Samec, R. G.; Smith, P. M.; Chamberlain, H.; Faulkner, D. R.; Van Hamme, W.

    2013-01-01

    Complete Bessel BVR{sub c}I{sub c} light curves of V1043 Cassiopeia [2MASS J00371195+5301324, Mis V1292, USNO-A2.0 1425-00875743, {alpha}(2000) = 00{sup h}37{sup m}11.{sup s}95, {delta}(2000) = +53 Degree-Sign 01'32.''5] are analyzed. The system is a member of the small group of pre-contact W UMa binaries (PCWBs). Its light curve has the appearance of an Algol (EA) light curve, however it is made up of dwarf solar type components in a detached mode with a period of only 0.6616 days. The analysis includes a period study, an improved ephemeris, a mass ratio search, and a simultaneous BVR{sub c}I{sub c} Wilson-Devinney solution. We document about 20 other PCWBs given in the literature. Several have RS CVn-like properties.

  9. Photometric observations and light curve solutions of the W UMa stars NSVS 2244206, NSVS 908513, CSS J004004.7+385531 and VSX J062624.4+570907

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Kjurkchieva, Diana Petrova; Popov, Velimir Angelov; Vasileva, Doroteya Lyubenova; Petrov, Nikola Ivanov

    2016-09-01

    Photometric observations in Sloan g‧ and i‧ bands of four W UMa stars, NSVS 2244206, NSVS 908513, CSS J004004.7+385531 and VSX J062624.4+570907, are presented. The light curve solutions reveal that all targets have overcontact configurations with fillout factors within 0.15-0.26. Their components are G-K spectral types and are almost in thermal contact. They are also relatively close in size and luminosity: the radius ratios r2/r1 are within 0.75-0.90 the luminosity ratios l2/l1 are within 0.53-0.63. The results of the light curve solution of CSS J004004.7+385531 imply the weak limb-darkening effect of its primary component and possible presence of additional absorbing features in the system.

  10. Lineage diversification of fringe-toed lizards (Phrynosomatidae: Uma notata complex) in the Colorado Desert: Delimiting species in the presence of gene flow

    USGS Publications Warehouse

    Gottscho, Andrew D.; Wood, Dustin A.; Vandergast, Amy; Lemos Espinal, Julio A.; Gatesy, John; Reeder, Tod

    2017-01-01

    Multi-locus nuclear DNA data were used to delimit species of fringe-toed lizards of theUma notata complex, which are specialized for living in wind-blown sand habitats in the deserts of southwestern North America, and to infer whether Quaternary glacial cycles or Tertiary geological events were important in shaping the historical biogeography of this group. We analyzed ten nuclear loci collected using Sanger sequencing and genome-wide sequence and single-nucleotide polymorphism (SNP) data collected using restriction-associated DNA (RAD) sequencing. A combination of species discovery methods (concatenated phylogenies, parametric and non-parametric clustering algorithms) and species validation approaches (coalescent-based species tree/isolation-with-migration models) were used to delimit species, infer phylogenetic relationships, and to estimate effective population sizes, migration rates, and speciation times. Uma notata, U. inornata, U. cowlesi, and an undescribed species from Mohawk Dunes, Arizona (U. sp.) were supported as distinct in the concatenated analyses and by clustering algorithms, and all operational taxonomic units were decisively supported as distinct species by ranking hierarchical nested speciation models with Bayes factors based on coalescent-based species tree methods. However, significant unidirectional gene flow (2NM >1) from U. cowlesi and U. notata into U. rufopunctata was detected under the isolation-with-migration model. Therefore, we conservatively delimit four species-level lineages within this complex (U. inornata, U. notata, U. cowlesi, and U. sp.), treating U. rufopunctata as a hybrid population (U. notata x cowlesi). Both concatenated and coalescent-based estimates of speciation times support the hypotheses that speciation within the complex occurred during the late Pleistocene, and that the geological evolution of the Colorado River delta during this period was an important process shaping the observed phylogeographic patterns.

  11. Ensino de gravitação clássica no nível médio: uma proposta de abordagem e resultados preliminares

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Medeiros, G. C. M.; Jafelice, L. C.

    2003-08-01

    O ensino de gravitação clássica é comumente realizado de maneira formal e descontextualizado da experiência com a força-peso e da história do tema. Fustigados por anos de experiência de ensino no assunto, nem sempre com bons resultados, propomos uma abordagem ancorada nos eixos: a) contextualização histórica; e b) reconhecimento do peso como a força de atração gravitacional. O primeiro eixo integra o tema no desenvolvimento cultural do ser humano, praticando a interdisciplinaridade. O segundo eixo embasa construtivamente a abordagem, levando o aluno a realizar experiências e a vivenciar o reconhecimento de uma força universal. A abordagem foi construída através das etapas: 1) análise crítica do tema em livros didáticos; 2) elaboração de um curso para professores das várias disciplinas do ensino médio, identificando conexões para a prática da interdisciplinaridade; 3) elaboração de material didático; e 4) avaliação da eficácia da abordagem. No trabalho discutimos em detalhe as quatro etapas. Como resultados, adiantamos que: tabulamos a abordagem de gravitação nos livros didáticos, ainda muito tradicional e carecedora de atividades criativas que poderiam melhor explorar esse assunto; mapeamos, junto aos professores, padrões de conceitos espontâneos e erros associados ao tema; e, no curso, adaptamos e testamos a eficiência de materiais instrucionais existentes e criamos outros novos (e.g., para trabalhar excentricidades das órbitas planetárias), além disto elaboramos roteiros e figuras para tratamentos qualitativo e quantitativo da lei da gravitação universal. As avaliações feitas pelos professores foram muito animadoras. O espaço da presente reunião será aproveitado para socializar a proposta e os resultados obtidos e para submeter o projeto à análise crítica. (PPGECNM/UFRN; PRONEX/FINEP; NUPA/USP; Temáticos/FAPESP)

  12. Analysis of the southern pre-contact W UMa binary ZZ Eridani: A 34 year period study yields a possible low-mass companion

    SciTech Connect

    Samec, R. G.; Clark, J. D.; Hamme, W. Van; Faulkner, D. R.

    2015-02-01

    Complete Bessel BVRI light curves of ZZ Eridani [2MASS J04130109-1044545, HV 6280, NSVS 14888164 α(2000) = 04{sup h}13{sup m}1{sub ·}{sup s}10, δ(2000) = −10°44′54{sub ·}{sup ″}5 (ICRS), V = 13.9-14.4-15.0] are observed and analyzed. The system is a southern pre-contact W UMa binary. Its light curve has the appearance of an Algol (EA) light curve, however, it is made up of dwarf solar-type components with a period of only 0.4521 days. Our 34 year period study yields a sinusoidal fit or an increasing quadratic fit. The sinusoid may indicate that a third body is orbiting the close binary. The lower-limit mass of the third body is near that of the brown dwarf limit (0.095 M α). Also included is an improved ephemeris, a mass ratio search, and a simultaneous BVRI Wilson–Devinney solution.

  13. Vesiculation Processes During Transient and Sustained Explosive Activity at Halema'uma'u Crater, Kīlauea in 2008-2013.

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Houghton, B. F.; Orr, T. R.; Taddeucci, J.; Carey, R.; Del Bello, E.; Scarlato, P.; Patrick, M. R.

    2015-12-01

    The 2008-2015 summit eruption within Halema'uma'u crater, Kilauea has been characterized by alternations of passive degassing with two styles of explosive activity, both frequently triggered by rock falls that perturb the free surface of magma in the vent. In the first, larger rock falls trigger second vesiculation of magma at depths up to 100 m below the free surface ejecting juvenile bomb and lapilli populations of very variable vesicularity. The second, the topic of this presentation, consists of intervals of minutes to tens-of-minutes duration of low fountaining activity often from multiple locations. Vents may migrate with time, first across the free surface to its margins, and then around the margins, in response to convection processes in the underlying melt. Analysis of short sequences of high-speed, high-resolution video footage shows that the sustained fountaining is maintained by not by a continuous discharge but rather by closely spaced bursting of two-to-five meter-wide bubbles. Bubbles accelerate through the free surface at velocities of 10 to 40 m/s disrupting the viscoelastic crust and forming large fall-back, lacework pyroclasts and smaller highly vesicular bombs and lapilli.

  14. Adapting a Common Photographic Camera to Take Pictures of the Sky. (Spanish Title: Adaptando Una Camara Fotografica Comun Para Obtener Fotografias del Cielo.) Adaptando Uma Câmera Fotográfica Manual Simples Para Fotografar o Céu

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Danhoni Neves, Marcos Cesar; Pereira, Ricardo Francisco

    2007-12-01

    In this paper will be introduced a method of astrophotography using a non-reflex photographic camera (a low-cost method). It will be revised some photographic processes commonly used nowadays for comparison with the aims of this paper. En este trabajo será introducido un método de astrofotografia que utiliza una cámara fotográfica non-reflex (un método de bajo costo). Serán revisados algunos procesos fotográficos comúnmente utilizados actualmente para comparación con los objetivos de este trabajo. O presente artigo procura introduzir um método de astrofotografia utilizando uma câmera fotográfica não reflex, de baixo custo. É feita uma revisão do processo fotográfico comumente empregado para fins de comparação com os objetivos pretendidos no presente trabalho.

  15. Ambient air quality effects of the 2008-2009 Halema`uma`u eruption on the Island of Hawai`i

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Elias, T.; Sutton, A. J.; Kauahikaua, J. P.; Ray, J. D.; Babb, J. L.

    2009-12-01

    While the Halema`uma`u eruption has enlivened volcanologists with the rare opportunity to observe eruptive processes at Kilauea’s summit, it has also caused significant environmental impact on the Island of Hawai`i. Since the beginning of 2008, the combined SO2 emissions from the east rift zone (ERZ) and summit of Kilauea have increased by ~40% as compared to the 2003-2007 long-term average. However, emissions from Kilauea’s summit have increased ~6-fold, averaging 850 t/d during January 2008-August 2009. Although average emissions from the ERZ during this period have been 1-2 times that of the summit, the relative impact of summit emissions is disproportionately large due to the location of the vent and the plume dispersal pattern to downwind communities. Ambient air quality data show that federal standards have been exceeded frequently in various communities on the south half of the island. Between April 2008 and August 2009, primary health standards for SO2 and PM2.5 were exceeded on 41 and 19 occasions respectively in Pahala, located ~30 km downwind of the Kilauea summit under prevailing trade wind conditions. Pahala, which exceeded the SO2 annual standard for 2008, had not exceeded standards prior to the opening of the Halema`uma`u vent in March 2008. In July 2008, the U.S. Secretary of Agriculture designated Hawai`i County a primary natural disaster area due to agricultural losses from volcanic emissions. Many growers of exotic flower crops in the Ka`u district suffered irrecoverable losses. Coffee and macadamia nut farmers also reported damage to their fields. While some livestock farmers reported eye irritation in cattle, more significant damage was observed in the accelerated deterioration of galvanized fencing, gates, pipelines and other infrastructure. The increase in volcanic pollution has spurred health concerns. A rise in respiratory emergencies for visitors to Kilauea caldera in early 2008 led Hawai`i Volcanoes National Park to close areas

  16. Seasonal exposure of fish to neurotoxic pesticides in an intensive agricultural catchment, Uma-oya, Sri Lanka: linking contamination and acetylcholinesterase inhibition.

    PubMed

    Sumith, Jayakody A; Hansani, P L Chamila; Weeraratne, Thilini C; Munkittrick, Kelly R

    2012-07-01

    The annual cultivation pattern in the Uma-oya catchment in Sri Lanka is characterized by Yala and Maha rainfall periods and associated cropping. Two cultivation seasons were compared for pesticide residues: base flow, field drainage, and the runoff and supplementary sediment data for three sites in the catchment. Organophosphate and N-methyl carbamate pesticide analysis confirmed a higher concentration in the Yala season with low-flow conditions. Acetylcholinesterase (AChE) activity was measured by standard spectrometry in the brain, muscle, and eye tissues of three freshwater cyprinid fishes, Garra ceylonensis, Devario malabaricus, and Rasbora daniconius from three study sites during months overlapping two seasons in 2010 (December) and 2011 (July). Baseline AChE data were measured from fish samples from a forested reserve in the Knuckles. A 73% inhibition in muscle AChE activity in G. ceylonensis was associated with intense pesticide exposure months in the Yala season. The AChE inhibition more than 70% in G. ceylonensis eyes in both Yala (76%) and Maha (72.5%) seasons indicates particular sensitivity of eye tissue to inhibitors. The less dramatic AChE inhibition in the eye tissues in D. malabaricus and R. daniconius in both seasons indicates exemplary protective capacity of muscle AChE in fish. The highest inhibition of AChE (up to 60% in brain and up to 56% in muscle AChE activity in R. daniconius and up to 47.8% in brain and up to 64.6% in muscle AChE activity in D. malabaricus) occurred during the Yala season. Tissue AChE activity and physiological activity in fish were correlated. The results collectively indicate that AChE is a consistent biomarker for diffused contaminant exposure in agricultural catchments.

  17. Dynamics of an open basaltic magma system: The 2008 activity of the Halema'uma'u Overlook vent, Kīlauea Caldera

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Eychenne, Julia; Houghton, Bruce F.; Swanson, Donald A.; Carey, Rebecca J.; Swavely, Lauren

    2015-01-01

    On March 19, 2008 a small explosive event accompanied the opening of a 35-m-wide vent (Overlook vent) on the southeast wall of Halema'uma'u Crater in Kīlauea Caldera, initiating an eruptive period that extends to the time of writing. The peak of activity, in 2008, consisted of alternating background open-system outgassing and spattering punctuated by sudden, short-lived weak explosions, triggered by collapses of the walls of the vent and conduit. Near-daily sampling of the tephra from this open system, along with exceptionally detailed observations, allow us to study the dynamics of the activity during two eruptive sequences in late 2008. Each sequence includes background activity preceding and following one or more explosions in September and October 2008 respectively. Componentry analyses were performed for daily samples to characterise the diversity of the ejecta. Nine categories of pyroclasts were identified in all the samples, including wall-rock fragments. The six categories of juvenile clasts can be grouped in three classes based on vesicularity: (1) poorly, (2) uniformly highly to extremely, and (3) heterogeneously highly vesicular. The wall-rock and juvenile clasts show dissimilar grainsize distributions, reflecting different fragmentation mechanisms. The wall-rock particles formed by failure of the vent and conduit walls above the magma free surface and were then passively entrained in the eruptive plume. The juvenile componentry reveals consistent contrasts in degassing and fragmentation processes before, during and after the explosive events. We infer a crude 'layering' developed in the shallow melt, in terms of both rheology and bubble and volatile contents, beneath a convecting free surface during background activity. A tens-of-centimetres thick viscoelastic surface layer was effectively outgassed and relatively cool, while at depths of less than 100 m, the melt remained slightly supersaturated in volatiles and actively vesiculating. Decoupled metre

  18. Percepção astronómica de um grupo de alunos do ensino médio de uma escola da rede estadual de São Paulo

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    de Oliveria, E. F.; Voelzke, M. R.

    2009-03-01

    Sendo a Astronomia uma das cièncias mais antigas da humanidade, e considerando sua importáncia histórica e cultural, é de extrema releváncia que tópicos relacionados a ela sejam tratados nas escolas. Embora os Parámetros Curriculares Nacionais do Ensino Médio (PCN-EM) e as Orientaçiacute;es Complementares aos Parámetros (PCN+) apontem a importáncia de uma abordagem significativa de conceitos relacionados à Astronomia nas aulas de Física, muitos estudantes terminam o Ensino Médio (EM) sem compreender a razão de certos acontecimentos de origem celeste, ainda que estes façam parte de seu cotidiano e sejam alvos da curiosidade natural dos jovens. Da observação dessa curiosidade em alunos de uma escola pública paulista, na cidade de Suzano, surgiu o interesse em investigar os conhecimentos básicos em Astronomia dos alunos do Ensino Médio desta escola, constituindo-se este como principal objetivo desta pesquisa. Para tanto foi elaborado um questionário de múltipla escolha aplicado inicialmente a 34 alunos do primeiro ano e, posteriormente, a mais 310, distribuídos entre as très séries do Ensino Médio dos períodos matutino e noturno. Dessa forma, observou-se que 73,9% dos estudantes identificaram o Sol como sendo uma estrela, 67,1% mostraram compreender a sucessão entre dia e noite e 52,3% relacionaram o Big Bang à origem do Universo. Em contrapartida, apenas 34,5% relacionaram as estaçíes do ano à inclinação do eixo de rotação da Terra, 21,3% indicaram a influència gravitacional simultánea da Lua e do Sol como responsável pelo fenòmeno das marés, 24,5% indicaram corretamente quais são os objetos celestes mais próximos da Terra, 36,1% identificaram ano-luz como uma medida de distáncia e 34,2% reconheceram as estrelas cadentes como meteoros, evidenciando-se assim o pequeno discernimento dos estudantes quanto aos fenòmenos e termos astronòmicos do cotidiano. Além disso, foram comparadas as respostas de alun! os de diferentes s

  19. Learning Astronomy by Playing in a Park. (Spanish Title: Aprender AstronoMía Jugando en Una Plaza.) Aprender Astronomia Brincando em Uma Praça

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Camino, Néstor

    2012-12-01

    trabalho alguns jogos de praça, considerados como módulos didáticos para imaginar processos astronômicos, a partir da concepção de que a aprendizagem em Astronomia deve-se desenvolver fortalecendo a relação do próprio corpo com o espaço tridimensional e com o tempo, tal como se vive ao observar o céu, construindo um "diálogo" entre o mundo real e as aprendizagens a construir. Os jogos apresentados (carrosséis e tobogãs) foram desenhados para trabalhar sobre a translação da Terra em torno do Sol, as fases da Lua e a gravidade, e sobre o que um observador percebe dos mesmos. Dá-se a descrição de cada jogo, discutem-se seus fundamentos físicos e astronômicos, e desenvolve-se uma crítica didática dos mesmos. Finalmente, comenta-se o papel que deveriam ter os docentes no apoio aos aprendizes no processo de interação com os jogos apresentados.

  20. Multiwavelength optical observations of chromospherically active binary systems. V. FF UMa (2RE J0933+624): a system with orbital period variation

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Gálvez, M. C.; Montes, D.; Fernández-Figueroa, M. J.; de Castro, E.; Cornide, M.

    2007-09-01

    Context: This is the fifth paper in a series aimed at studying the chromospheres of active binary systems using several optical spectroscopic indicators to obtain or improve orbital solution and fundamental stellar parameters. Aims: We present here the study of FF UMa (2RE J0933+624), a recently discovered, X-ray/EUV selected, active binary with strong Hα emission. The objectives of this work are, to find orbital solutions and define stellar parameters from precise radial velocities and carry out an extensive study of the optical indicators of chromospheric activity. Methods: We obtained high resolution echelle spectroscopic observations during five observing runs from 1998 to 2004. We found radial velocities by cross correlation with radial velocity standard stars to achieve the best orbital solution. We also measured rotational velocity by cross-correlation techniques and have studied the kinematic by galactic space-velocity components (U, V, W) and Eggen criteria. Finally, we have determined the chromospheric contribution in optical spectroscopic indicators, from Ca ii H & K to Ca ii IRT lines, using the spectral subtraction technique. Results: We have found that this system presents an orbital period variation, higher than previously detected in other RS CVn systems. We determined an improved orbital solution, finding a circular orbit with a period of 3.274 days. We derived the stellar parameters, confirming the subgiant nature of the primary component (MP = 1.67 M⊙ and R sin{i}_P=2.17 R⊙) and obtained rotational velocities (v sin{i}), of 33.57 ± 0.45 km s-1 and 32.38 ± 0.75 km s-1 for the primary and secondary components respectively. From our kinematic study, we can deduce its membership to the Castor moving group. Finally, the activity study has given us a better understanding of the possible mechanisms that produce the orbital period variation. Based on observations collected with the 2.2 m telescope at the Centro Astronómico Hispano Alemán (CAHA

  1. Learning about the Sky from the Environment: An Experience Working Along One Year with Students of Elementary Education. (Spanish Title: Aprendiendo sobre EL Cielo Desde el Entorno: Una Experiencia Trabajando Durante un Año Junto a Estudiantes del Primario.) Aprendendo sobre o Céu a Partir do Entorno: Uma Experiência de Trabalho ao Longo de um Ano com Alunos de Ensino Fundamental

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Longhini, Marcos Daniel; Gomide, Hanny Angeles

    2014-12-01

    percepción limitada que los estudiantes tienen de su alrededor la cual, sin embargo, se expandió debido a las actividades llevadas a cabo, sobre todo en relación con la Luna. Trabajar con medidas sistemáticas revela el manejo cuidadoso de los datos para que sean comprensibles para los estudiantes, así como el trabajo con las sombras para que comprendan primero como se forman estas para después trabajarlas en Astronomía. Por último, llegamos a la conclusión de que el proceso desarrollado consistió en una etapa inicial de una obra que debe ser profundizado en los años posteriores de la formación de estos estudiantes. Projeto de pesquisa desenvolvido com 95 alunos do 6º ano do Ensino Fundamental de uma escola pública estadual de Uberlândia, Minas Gerais. Foi um trabalho contínuo, de fevereiro a dezembro de 2013, o qual levou os alunos a participarem de atividades de observação do entorno, dentre ele, o céu, analisando as mudanças ocorridas. Focamos no estudo das variações de temperaturas, chuvas, duração do dia, variações do tamanho das sombras e mudanças nos aspectos da Lua. Nosso foco de análise centrou-se em discutir os conhecimentos que os referidos alunos tinham acerca dos temas indicados no início e ao término da implementação da proposta. Os resultados mostraram a percepção limitada que os estudantes possuem de seu entorno, todavia, ampliada em função das atividades desenvolvidas, principalmente no que se refere à Lua. O trabalho com medidas sistemáticas revela o cuidado no tratamento dos dados para que eles se tornem compreensíveis aos alunos, assim como o trabalho com as sombras sinaliza para que os alunos primeiramente compreendam como as sombras são formadas para depois trabalhar isso em Astronomia. Por fim, concluímos que o processo vivido constituiu-se em uma etapa inicial de um trabalho que deve ser estimulado para os anos subsequentes da formação desses alunos.

  2. Eclipsing SU UMa-Type Dwarf Nova 1RXS J003828.7+250920 During thE "Period Gap". I. Multiperiodicity and Color Features in 2011-2012

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Pavlenko, E. P.; Sosnovskij, A. A.; Katysheva, N. A.; Kato, T.; Littlefield, K.

    2016-09-01

    Results are reported from multicolor photometric observations of the SU UMa-type dwarf nova 1RXS J003828.7+250920 in 2011, roughly a year after the super-outburst of 2010, and in 2012, when the object was in a quiescent state and underwent an outburst. Partial eclipses were observed in the system with depths of about 0m.6 in all color bands, both in the quiescent state and during the outburst. The orbital period of the system, 0.09451001(4) days, was determined for the first time and identifies the object as a dwarf nova in the "gap" in the orbital-period distribution of the cataclysmic variables. The ephemerides for the middle of the eclipse are determined. The average light curve profile resembles the "classical" light curve of U Gem. The orbital periodicity in the brightness variations of 1RXS J003828.7+250920 coexists with another signal with a period of 0.092 days, which we interpret as a period of negative superhumps. The color temperatures derived from the color indices may indicate multicomponent emission from 1RXS J003828.7+250920 by sources which appear to be hot and cold parts of the accretion disk and a hot spot on the accretion disk.

  3. Basic Concepts of Astronomy: a Methodological Proposal. (Spanish Title: Conceptos Básicos de Astronomía: Una Propuesta Metodológica.) Conceitos Básicos de Astronomia: Uma Proposta Metodológica

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Darroz, Luiz Marcelo; Heineck, Renato; Samudio Pérez, Carlos Ariel

    2011-12-01

    obtenidos en diferentes momentos, por los comentarios efectuados por los participantes durante las actividades y por los altos índices de aprobación al final de la etapa, consideramos que la propuesta atingió los objetivos establecidos y puede ser repetida con certeza de éxito. Neste relato, descreve-se o desenvolvimento de uma proposta metodológica que aborda conceitos básicos de astronomia fundamentada pedagogicamente na Aprendizagem Significativa. A proposta, que compreende quatro encontros, foi desenvolvida por professores e acadêmicos do curso de Licenciatura em Física da Universidade de Passo Fundo (UPF), através de um curso de extensão, a um grupo de dez estudantes do ensino médio de uma escola pública da cidade de Passo Fundo, RS. O trabalho centrou-se em conceitos básicos de astronomia. Os indícios da aprendizagem significativa foram obtidos por instrumentos de pesquisa e avaliação aplicados ao término de cada encontro. A avaliação da proposta foi efetuada através de um questionário final respondido pelos participantes ao término do desenvolvimento das atividades. Pelos resultados obtidos nos diferentes instrumentos, pelos comentários efetuados pelos participantes durante as atividades e pelos altos índices de aprovação alcançados no questionário final, consideramos que a proposta atingiu os objetivos estabelecidos e pode ser repetida com convicção de sucesso.

  4. First multi-color photometric study and preliminary elements for the low-mass ratio, possible progenitors of merging stars, W UMa systems TYC 3836-0854-1 and TYC 4157-0683-1

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Acerbi, F.; Barani, C.; Martignoni, M.

    2014-08-01

    Here we present the first CCD multi-color B, V and Ic light curves of the eclipsing binary stars TYC 3836-0854-1 and TYC 4157-0683-1, the data were obtained in four nights in the year 2010 and three nights in the year 2012 for the first one and in four nights in the year 2010 for the second one. Based on our data the short orbital periods of the systems are confirmed and revised to P = 0.4155590 days for TYC 3836-0854-1 and P = 0.3960676 days for TYC 4157-0683-1. Our observations of TYC 3836-0854-1 show symmetric light curves in all passbands with brightness in both maxima at the same level, while the light curve of TYC 4157-0683-1 appear to exhibit the typical O’Connell effect, with Maximum I brighter than Maximum II. By analyzing simultaneously the complete light curves with the 2003 version of the Wilson-Devinney code (2005 revision), photometric solutions were determined. Both the systems shows a small difference between the components temperatures of ΔT = 14 K for TYC 3836-0854-1 and ΔT = 149 K for TYC 4157-0683-1. The orbital inclination is i = 78°.6 and i = 79°.7 respectively. The systems are found to be a high fill-out, extreme mass ratio overcontact binary with a mass ratio of q = 0.206 and a fill-out factor of f = 59.2% for TYC 3836-0854-1 and q = 0.150 and a fill-out factor of f = 76.3% for TYC 4157-0683-1, suggesting that both the systems are in the late stage of overcontact evolution. It is known that deep (f>50%), low-mass ratio (q<0.25) overcontact binary stars (DLMR) are a very important resource for understanding the phenomena of Blue Straggler/FK Com-type stars that is an unsolved problem in stellar astrophysics. One of the possible explanations for their formation is from the coalescence of W UMa-type overcontact binary systems. The absolute dimensions of both the systems are estimated from the logTeff - logL diagram and their dynamical evolution is inferred.

  5. A Reappraising of Cosmography: the Interface Between Astronomical and Geographic Studies. (Breton Title: Releitura do Conceito de Cosmografia: a Interface Entre os Estudos Astronômicos e Geográficos.) Una Relectura del Concepto de Cosmografía: la Interfase Entre los Estudios Astronómicos y Geográficos

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Azevedo Sobreira, Paulo Henrique

    2012-12-01

    The concept of "Cosmography" is in disuse since the 80s of the last century, but the astronomical themes previously discussed in the school subjects of Geography and Cosmography remain in current textbooks. The use of term "Cosmography" was rescued in this research, and the study of its re-signification prompted the appearance of the term Geographic Cosmography. The Geographic Cosmography is a field of studies of the Geography, whose set of knowledge and skills is predominantly scholar. It studies the interface between terrestrial and celestial knowledge, and assigns a geographic significance to them. It examines human and natural relationships with Sidereal Space and its consequences for society and nature. O conceito de "Cosmografia" está em desuso desde os anos 80 do século XX, mas os temas astronômicos anteriormente abordados nas disciplinas escolares de Cosmografia e de Geografia permanecem nos atuais livros didáticos. O uso do termo "Cosmografia" foi resgatado nesta pesquisa e o estudo de sua ressignificação proporcionou o surgimento do termo Cosmografia Geográfica. A Cosmografia Geográfica é um campo de estudos da Geografia, cujo conjunto de conhecimentos e habilidades é predominantemente escolar. Estuda a interface entre os conhecimentos terrestres e os celestes e lhes atribui significância geográfica. Analisa as relações humanas e naturais com o Espaço Sideral e suas consequências para a sociedade e a natureza.

    Aunque el concepto de "Cosmografía" no se usa desde la década de los '80 del siglo pasado, los temas astronómicos que se enseñaban anteriormente en las asignaturas escolares de Cosmografía y de Geografía permanecen en los actuales libros didácticos. El uso del término "Cosmografía" fue rescatado en esta investigación y el estudio de su resignificación proporcionó el surgimiento del término Cosmografía Geográfica. La Cosmografía Geográfica es un campo de estudio de la Geografía, donde

  6. Teaching of Astronomy: Scenarios of Teaching Practice in Elementary Schools. (Spanish Title: Enseñanza de la Astronomía: Semblanzas de la Práctica Docente en Educación Primaria.) Ensino de Astronomia: Cenários da Prática Docente no Ensino Fundamental

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Marchi Gonzatti, Sônia Elisa; Spessatto De Maman, Andréia; Fernandes Borragini, Eliana; Kerber, Júlia Cristina; Haetinger, Werner

    2013-12-01

    atomización de los asuntos, aunque temas como movimientos de la Tierra y fenómenos astronómicos hayan sido citados por la mayoría de los participantes. En cuanto a las estrategias, se verifico que se emplean principalmente clases con el apoyo de recursos bidimensionales, como películas, textos, mapas y búsqueda en internet. Las principales dificultades fueron la falta de formación específica con respecto a los contenidos de Astronomía, y el nivel de abstracción exigido por los contenidos. De modo general, esos indicadores convergen para los resultados ya encontrados en otros estudios, en el que las deficiencias de la formación inicial de los profesores, o incluso su ausencia, dificulta el adecuado abordaje de la Astronomía en las clases. Neste trabalho são apresentados os principais resultados de uma investigação realizada no campo da Educação em Astronomia, com professores do ensino fundamental de duas regiões do Rio Grande do Sul. O objetivo do estudo foi caracterizar o cenário regional do ensino de Astronomia, estabelecendo um comparativo com o cenário nacional. Esse estudo abordou três questões: identificar os principais temas de astronomia trabalhados em sala de aula, as estratégias metodológicas e quais as dificuldades apresentadas pelos professores ao desenvolver sua prática. Quanto aos conteúdos, encontrouse uma pulverização dos assuntos abordados, embora temas como movimentos da Terra e fenômenos astronômicos tenham sido citados pela maioria dos participantes. Sobre estratégias, são utilizadas principalmente aulas com apoio de recursos bidimensionais, como filmes, textos, mapas e pesquisa na internet. As principais dificuldades foram: falta de formação específica em relação a conteúdos de Astronomia; nível de abstração dos conteúdos, que dificultam sua compreensão, tanto pelos alunos quanto pelos próprios professores. De maneira geral, esses indicadores convergem para resultados já encontrados em outros estudos que

  7. Analysis of the Presence of Content about Astronomy in a Decade of the National High School Examination (1998-2008). (Spanish Title: Análisis de la Presencia de Contenidos de Astronomía em Uma Década del Examen Nacional de Enseñaza Secundária (1998-2008).) Análise da Presença de Conteúdos de Astronomia em Uma DÉcada do Exame Nacional do Ensino Médio (1998-2008)

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Gomide, Hanny Angeles; Longhini, Marcos Daniel

    2011-07-01

    In this paper we analyzed the presence of contents of Astronomy in the National High School Examination (ENEM) in its first decade (1998-2008). We verified the number of questions addressing this topic that were present over the years, as well as the most recurrent subjects. We discussed the results from what is proposed by the official documents regarding the teaching of Astronomy in the Elementary and Secondary Education and we entertain future expectations about the presence of contents of this science in future official examinations. En este trabajo realizamos un análisis de la presencia de contenidos de Astronomía em las pruebas del Examen Nacional de Enseñanza Secundaria (ENEM) em su primera década de existência (1998-2008). Contabilizamos la cantidad de preguntas incluyendo este tema que estuvieron presentes en el transcurso de los años, así como los temas más recurrentes. Discutimos los resultados a partir de lo propuesto por los documentos oficiales en relación a la enseñanza de Astronomía en la Educación Básica y elaboramos algunos apuntes sobre futuras expectativas em relación a la presencia de contenidos de esta ciencia en examenes oficiales. No presente trabalho fizemos uma análise da presença de conteúdos de Astronomia nas provas do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), em sua primeira década de existência (1998-2008). Verificamos a quantidade de questões envolvendo essa temática que estiveram presentes no decorrer dos anos, assim como os temas mais recorrentes. Discutimos os resultados a partir do que é proposto pelos documentos oficiais em relação ao ensino de Astronomia na Educação Básica e tecemos alguns apontamentos sobre a expectativa futura quanto à presença de conteúdos dessa ciência nesse exame oficial.

  8. Astronomy in Science Textbooks: An Analysis of Pnld 2008. (Spanish Title: Astronomía en los Libros de Ciencia: un Análisis del Pnld 2008.) Astronomia Nos Livros Didáticos de Ciências: Uma Análise do Pnld 2008

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Amaral, Patrícia; Quintanilha Vaz de Oliveira, Carlos Eduardo

    2011-12-01

    The importance of the textbooks in classrooms is revealed when studies are pointing that these pedagogical sources are, most of the times, the only source used by the elementary school teachers when preparing their Science lessons. When we analyzed the Astronomy contents in the textbooks approved by the Brazilian Textbook Program 2008 and which, in theory, are the best available in the Brazilian editorial market, we examined some categories in the 2008 Textbook Guide. This research characterizes the frequency of Astronomical contents appearing in the texts, in the pictures, and in the hands-on activities. Additionally, it describes some misconceptions and presents additional information on the collections. La importancia de los libros de texto en las aulas se pone de manifiesto cuando los estudios indican que este recurso educativo es a menudo la única fuente de consulta utilizada por el profesor de ciencias de la escuela primaria para preparar sus lecciones. Cuando analizamos el contenido presente en los libros de texto de astronomía aprobados por el Programa Nacional de Libros de Texto de 2008 y que, en teoría, son los mejores libros disponibles en el mercado editorial brasileño, buscamos examinar algunas categorías que figuran en los libros de texto de la Guía de Libros Didácticos de 2008. El estudio caracteriza la frecuencia del contenido de Astronomía en el texto, en las figuras, y en las actividades de experimentación. También describe algunos errores conceptuales y presenta un conjunto de información adicional sobre las colecciones. A importância dos livros didáticos nas salas de aula revela-se quando estudos apontam que este recurso pedagógico é, muitas vezes, a única fonte de consulta utilizada pelo professor de Ciências do ensino fundamental para a preparação de suas aulas. Quando analisamos os conteúdos de Astronomia presentes nos livros didáticos aprovados no Programa Nacional do Livro Didático de 2008 e que, teoricamente, são os

  9. W UMA-Type Binary Stars in Globular Clusters

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Rucinski, Slavek M.

    2000-07-01

    A sample of 86 contact binary systems in 14 globular clusters with available color index data in B-V or in V-I has been analyzed. A large fraction of all systems (at least one-third) are numerous foreground Galactic disk projections over long lines of sight to the clusters. Since the selection of the cluster members has been based on the MV(logP,color) calibrations, the matter of a metallicity correction required particular attention with the result that such a correction is apparently not needed at the present level of accuracy. Analysis of the color-magnitude and period-color relations shows that globular cluster members have different properties from the Galactic disk contact systems: They are underluminous mainly because of the smaller sizes and, consequently, have shorter orbital periods; the color-index effect of the diminished blanketing is relatively less important, especially for V-I. Among the class 1 members (deviations in MV smaller than 0.5 mag), the most common are blue straggler (BS) systems. The variability amplitudes for the BS systems show a significantly different distribution from that for systems below the turn-off point (TOP): The BS systems in the sample have only small amplitudes (which may be an indication of small mass ratios), while the distribution for the systems below the TOP is peculiar in containing only large-amplitude systems. This difference may be linked to the relatively small number of the detected main-sequence contact systems below the TOP as resulting from an observational selection effect due to the rapidly increasing measurement difficulties below the TOP. As a consequence, efforts at determining the frequency of occurrence of the contact systems below the TOP have been judged to be premature. The frequency among the BS stars could be moderately well established at about 45+/-10 BS stars per one contact BS binary; thus, contact binaries are about 3 times more common among the BS stars than among the disk population dwarfs. Contact binary systems with periods longer than 0.6 days are absent in the sample, possibly because the more massive stars have left the contact binary domain.

  10. A HOLISTIC VIEW OF THE W UMA TYPE TY BOO

    SciTech Connect

    Christopoulou, P.-E.; Papageorgiou, A.; Vasileiadis, T.; Tsantilas, S.

    2012-11-01

    New CCD four-color light curves of TY Boo made on eight nights over 2010-2011 were analyzed in comparison with historical light curves obtained from 1969 through 2011. The light curves could all be represented by a unique geometry and by wavelength consistent phototometric parameters of a two-spot model on either stellar component. It is confirmed that TY Boo is a shallow W-type contact binary system with a degree of contact factor of f = 7.6% ({+-}0.8). A period investigation based on all available data shows a long-term decrease (dP/dt = -3.65 Multiplication-Sign 10{sup -8} days yr{sup -1}) and an oscillation (P{sub 3} = 58.9 yr, A = 0.0254 days). Without ruling out the presence of a tertiary companion, the weight of evidence points to an active cyclic magnetic activity that causes spot formation rather than an unseen companion. Mass transfer between the components and angular momentum loss are also considered as possible mechanisms.

  11. Molecular Hydrogen in the Quiescent Disk of SW UMa

    NASA Technical Reports Server (NTRS)

    Raymond, John C.

    2004-01-01

    The FUSE observation has been reduced and a paper has been submitted to ApJ. The analysis has been slow because of the very noisy quality of the data, but we have derived line profile information for O VI and limits to the continuum brightness which place an interesting limit on the white dwarf temperature. The primary results are that a narrow O VI emission component seems to arise from the accretion flow onto the white dwarf itself, in agreement with cooling flow models for the X-ray spectra of low accretion rate dwarf novae. The broad component of the O VI lines is weaker than the observed C IV emission, suggesting that the UV line emission from the disk comes from photoionized plasma. A secondary result is that there is no H-2 fluorescent emission. The upper limits indicate that if molecular gas is present in the disk, it is shielded from Ly alpha photons by a layer of atomic hydrogen on the disk surface. We also derive an upper limit to the continuum level is below that observed by IUE. The limits are compatible with the lower end of the WD temperature range derived from IUE measurements, and they appear to agree with unpublished analysis of HST spectra. The grant has provided partial support for a data aide (Matt Povich) and a postdoc (Alex Lobel). It purchased a computer for M. Menou.

  12. The Understanding of Astronomy Concepts by Students from Basic Education of a Public School. (Spanish Title: El Entendimiento de Conceptos de Aastronmía Por Los Alumnos de Educación Básica en Una Escuela Pública.) O Entendimento de Conceitos de Astronomia Por Alunos da Educação Básica: O Caso de Uma Escola Pública Brasileira

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Iria Machado, Daniel; dos Santos, Carlos

    2011-07-01

    movimiento de la Luna, el movimiento aparente del Sol sobre la esfera celeste, los eclipses, las dimensiones y las distancias en el Universo, el brillo de las estrellas y su observación de la Tierra. Si bien ha habido un pequeño progreso en la proporción de respuestas aceptables científicamente cuando se cotejó el octavo grado de la enseñanza primaria con el quinto, y el último año de la enseñanza secundaria con el primero, se observó un predominio de las concepciones alternativas en relación a la mayoría de los temas explorados, que continuó hasta los últimos años de la educación básica. Una comparación con los datos encontrados en investigaciones realizadas en otros contextos socioculturales revelaron, en muchos aspectos, conceptos y dificultades similares expresadas por los estudiantes. Apresentam-se os resultados de uma investigação sobre a compreensão de conceitos astronômicos básicos, da qual participaram 561 estudantes da quinta série do Ensino Fundamental ao terceiro ano do Ensino Médio de uma escola pública da cidade de Foz do Iguaçu. Um teste com 20 questões de múltipla escolha foi aplicado para identificar as concepções mais comuns expressadas pelos alunos. Esse instrumento de coleta de dados foi elaborado com base na literatura sobre concepções alternativas e abordou os seguintes temas: o ciclo dia-noite; os fusos horários; as estações do ano; as fases da Lua; o movimento da Lua; o movimento aparente do Sol na esfera celeste; os eclipses; as dimensões e distâncias no Universo; o brilho das estrelas e sua observação da Terra. Embora se tenha verificado um pequeno progresso na proporção de respostas cientificamente aceitáveis ao se cotejar a oitava série do Ensino Fundamental com a quinta, e a terceira série do Ensino Médio com a primeira, houve o predomínio de concepções alternativas em relação à maior parte dos temas explorados, as quais persistiram até o último ano da Educação Básica. A comparação com

  13. The Understanding of Astronomy Concepts by Students from Basic Education of a Public School. (Spanish Title: El Entendimiento de Conceptos de Aastronmía Por Los Alumnos de Educación Básica en Una Escuela Pública.) O Entendimento de Conceitos de Astronomia Por Alunos da Educação Básica: O Caso de Uma Escola Pública Brasileira

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Iria Machado, Daniel; dos Santos, Carlos

    2011-07-01

    movimiento de la Luna, el movimiento aparente del Sol sobre la esfera celeste, los eclipses, las dimensiones y las distancias en el Universo, el brillo de las estrellas y su observación de la Tierra. Si bien ha habido un pequeño progreso en la proporción de respuestas aceptables científicamente cuando se cotejó el octavo grado de la enseñanza primaria con el quinto, y el último año de la enseñanza secundaria con el primero, se observó un predominio de las concepciones alternativas en relación a la mayoría de los temas explorados, que continuó hasta los últimos años de la educación básica. Una comparación con los datos encontrados en investigaciones realizadas en otros contextos socioculturales revelaron, en muchos aspectos, conceptos y dificultades similares expresadas por los estudiantes. Apresentam-se os resultados de uma investigação sobre a compreensão de conceitos astronômicos básicos, da qual participaram 561 estudantes da quinta série do Ensino Fundamental ao terceiro ano do Ensino Médio de uma escola pública da cidade de Foz do Iguaçu. Um teste com 20 questões de múltipla escolha foi aplicado para identificar as concepções mais comuns expressadas pelos alunos. Esse instrumento de coleta de dados foi elaborado com base na literatura sobre concepções alternativas e abordou os seguintes temas: o ciclo dia-noite; os fusos horários; as estações do ano; as fases da Lua; o movimento da Lua; o movimento aparente do Sol na esfera celeste; os eclipses; as dimensões e distâncias no Universo; o brilho das estrelas e sua observação da Terra. Embora se tenha verificado um pequeno progresso na proporção de respostas cientificamente aceitáveis ao se cotejar a oitava série do Ensino Fundamental com a quinta, e a terceira série do Ensino Médio com a primeira, houve o predomínio de concepções alternativas em relação à maior parte dos temas explorados, as quais persistiram até o último ano da Educação Básica. A comparação com

  14. A Diagnostic Assessment for the Teaching of Astronomy. (Spanish Title: Una Evaluación Diagnóstica Para la Enseñanza de la Astronomia.) Uma Avaliação Diagnóstica Para o Ensino da Astronomia

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Pacifico Ribeiro de Assis Silveira, Felipa; Soares Gomes de Sousa, Célia Maria; Moreira, Antonio

    2011-07-01

    interpretación, lo que nos permite comprender los significados asignados por el estudiante a estos conceptos. Se desprende de la evaluación diagnóstica que la mayoría de los encuestados ha tenido dificultades para exponer los conceptos científicos sobre el Universo y la Tierra, para iniciar el 6 º grado. Sin embargo, se identificaron ideas relevantes y las representaciones que contribuyeron a la re-significación de los conceptos científicos propuestos para la enseñanza del tema en esta serie. Los resultados de la evaluación diagnóstica han servido como referencia para la organización del Programa, facilitando el proceso de aprendizaje, haciendo coincidir la secuencia didáctica a las características de los estudiantes y el contexto del aula. Se espera que el instrumento presentado en este documento también pueda ser utilizado por otros investigadores en investigaciones relacionadas con el tema. Este artigo tem como objetivo apresentar os resultados de uma avaliação diagnóstica, utilizada como instrumento para a coleta de dados sobre o conhecimento prévio de conceitos científicos, necessários à compreensão do tema Terra e Universo, de um grupo composto por 47 estudantes, da 6ª série do Ensino Fundamental. A ação pedagógica de diagnosticar os conhecimentos prévios, do estudante, antes de ensiná-los, tem fundamento na teoria da Aprendizagem Significativa, proposta por David Ausubel. Essa avaliação diagnóstica foi composta por 25 questões, cujas respostas foram analisadas e categorizadas visando sua interpretação, o que permitiu compreender os significados atribuídos pelo estudante a esses conceitos. Conclui-se, a partir da avaliação diagnóstica, que a maioria dos estudantes pesquisados apresentou dificuldades em expor conceitos científicos sobre o tema Terra e Universo ao iniciar a 6ª série. Entretanto, foram identificadas ideias e representações relevantes que contribuíram para a (re)significação dos conceitos científicos propostos

  15. A Diagnostic Assessment for the Teaching of Astronomy. (Spanish Title: Una Evaluación Diagnóstica Para la Enseñanza de la Astronomia.) Uma Avaliação Diagnóstica Para o Ensino da Astronomia

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Pacifico Ribeiro de Assis Silveira, Felipa; Soares Gomes de Sousa, Célia Maria; Moreira, Antonio

    2011-07-01

    interpretación, lo que nos permite comprender los significados asignados por el estudiante a estos conceptos. Se desprende de la evaluación diagnóstica que la mayoría de los encuestados ha tenido dificultades para exponer los conceptos científicos sobre el Universo y la Tierra, para iniciar el 6 º grado. Sin embargo, se identificaron ideas relevantes y las representaciones que contribuyeron a la re-significación de los conceptos científicos propuestos para la enseñanza del tema en esta serie. Los resultados de la evaluación diagnóstica han servido como referencia para la organización del Programa, facilitando el proceso de aprendizaje, haciendo coincidir la secuencia didáctica a las características de los estudiantes y el contexto del aula. Se espera que el instrumento presentado en este documento también pueda ser utilizado por otros investigadores en investigaciones relacionadas con el tema. Este artigo tem como objetivo apresentar os resultados de uma avaliação diagnóstica, utilizada como instrumento para a coleta de dados sobre o conhecimento prévio de conceitos científicos, necessários à compreensão do tema Terra e Universo, de um grupo composto por 47 estudantes, da 6ª série do Ensino Fundamental. A ação pedagógica de diagnosticar os conhecimentos prévios, do estudante, antes de ensiná-los, tem fundamento na teoria da Aprendizagem Significativa, proposta por David Ausubel. Essa avaliação diagnóstica foi composta por 25 questões, cujas respostas foram analisadas e categorizadas visando sua interpretação, o que permitiu compreender os significados atribuídos pelo estudante a esses conceitos. Conclui-se, a partir da avaliação diagnóstica, que a maioria dos estudantes pesquisados apresentou dificuldades em expor conceitos científicos sobre o tema Terra e Universo ao iniciar a 6ª série. Entretanto, foram identificadas ideias e representações relevantes que contribuíram para a (re)significação dos conceitos científicos propostos

  16. Inclusion of Astronomy Themes in an Inovative Approach of Informal Physics Teaching for High School Students. (Spanish Title: Inclusión de Temas Astronómicos en Uma Abordaje Innovadora de la Enseñanza Informal de Física Para Estudiantes de Secumdaria.) Inclusão de Temas Astronômicos Numa Abordagem Inovadora do Ensino Informal de Física Para Estudantes do Ensino Médio

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Tiara Mota, Aline; de Morais Bonomini, Iracema Ariel; Meloni Martins Rosado, Ricardo

    2009-12-01

    The current work reports on an experience on Astronomy education at the Federal University of Itajubá through an extra-curricular course offered for High School students. This initiative was motivated by the low attention paid to the Astronomy subjects at this stage of the Brazilian Formal Education, in spite that the National Curricular Parameters (PCN and PCN+, in Brazil) point out the importance of their inclusion Este artículo relata una experiencia en la enseñanza de la astronomía efectuada en la Universidad Federal de Itajubá en la forma de un curso de extensión orientado para los estudiantes del colegio secundario. Esta iniciativa surgió de constatar la poca atención dada a la Astronomía en esta etapa de la Educación formal brasileña, a pesar que los Parámetros Curriculares Nacionales (PCN y PCN+, en Brasil) destacan la importancia de su inclusión. Este artigo relata uma experiência em ensino de Astronomia realizada na Universidade Federal de Itajubá na forma de um curso de extensão voltado para alunos do Ensino Médio. Esta iniciativa surgiu da pouca atenção que se dá à Astronomia nesta etapa da Educação embora os Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN e PCN+) apontem a importância de sua inclusão.

  17. El Demostrativo en Espanol y en Frances Estudio Comparativo y Estructuracion (A Comparative and Structural Study of the Demonstrative in Spanish and French).

    ERIC Educational Resources Information Center

    Lamiquiz, Vidal

    1967-01-01

    There are four demonstrative adjectives in Spanish: "este,""ese,""aquel," and "el" (which is the same as the definite article). When "este", "ese," and "aquel" do not modify a noun, they have an accent mark (except in the neuter forms) and have the function of pronouns. The singular and plural articles in Spanish are derived from the Latin…

  18. The Meanings of Astronomical Observation: An Analysis on the Basis of Relationship with Knowledge. (Spanish Title: Los Sentidos de la Observación Astronómica: un Análisis sobre la Base de la Relación con el Saber.) Os Sentidos da Observação Astronômica: Uma Análise com Base na Relação com o Saber

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Klein, Alberto Eduardo; de Mello Arruda, Sergio; Meneghello Passos, Marinez; Vinicius Domenes Zapparoli, Ferdinando

    2010-12-01

    This article presents results of a research which aimed to understand the meanings that people construct for astronomical observation. The subjects, students and school teachers, initially received some instruction on how to view astronomical objects through the telescope. After the observation was realized, they were interviewed. The data analysis allowed the creation of 12 categories, later interpreted on the basis of relationship with knowledge (relation to the world, with himself and with others), as presented by Bernard Charlot. Este artículo presenta los resultados de una investigación que tuvo como objetivo comprender los sentidos que las personas construyen para la observación astronómica. Los sujetos, los estudiantes y maestros de escuela, recibieron inicialmente algunas instrucciones sobre cómo ver los objetos astronómicos a través del telescopio. Al término de la observación, fueron entrevistados. El análisis de datos permitió la creación de 12 categorías que más tarde fueron interpretadas sobre la base de la relación con el conocimiento (relación con el mundo, consigo mismo y con los demás), tal como presentado por Bernard Charlot. Este artigo apresenta resultados de uma pesquisa que objetivou entender quais os sentidos que as pessoas constroem para a observação astronômica. Os sujeitos da pesquisa, estudantes e professores do ensino médio, receberam inicialmente alguma instrução sobre como visualizar os objetos astronômicos através do telescópio. Após a realização da observação, eles foram entrevistados. A análise dos dados permitiu a elaboração de 12 categorias que foram posteriormente interpretadas com base nas relações com o saber (relação com o mundo, consigo mesmo e com o outro), conforme apresentadas por Bernard Charlot.

  19. Estudo Multibanda do Conteudo Estelar de Regioes HII do Hemisferio Sul

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    do Carmo Pinheiro, Marcio

    We present a multi-wavelength study of the stellar content of 11 optical/infrared Southern Galactic HII regions with 10h < α(J2000) < -17h and -65° < δ(J2000) < -35°. Nine optical objects with no published or uncertain distances were examined in order to identify their ionising sources and to determine their distances, whereas young stellar objects (YSOs) and main sequence ionising stars were photometrically classified in the two infrared clusters. We carried out optical spectroscopy and UBV photometry of the stellar content of these HII regions and obtained the distance of individual stars by spectroscopic parallax. To avoid using a fixed value for the total-to-selective extinction ratio RV, the reddening AV was determined directly by the colour-difference method. We classified as types O or B 24 out of the 31 stars for which optical spectra were obtained. In particular, we identified two new O stars in RCW 98 and RCW 99. The values for reddening obtained correspond to a mean = 3.44, which is about 10% higher of the mean value found for field stars over all directions of the Galaxy. For the HII regions NGC 3503, NGC 6334, RCW 55, RCW 87, RCW 98 e RCW 99, we obtained more precise distances calculated as the median of the spectroscopic parallaxes obtained for two to six different stars in each nebulae, with an internal dispersion of less than 5%. Among the objects more obscured in the Norma region, we analysed the stellar content of the East part of the large complex of HII regions GAL 331.5-00.1, which contains eight bright extended radio sources. This study comprises the infrared clusters [DBS2003] 156 and [DBS2003] 157, respectively associated to HII regions GAL 331.11-00.51 and GAL 331.31-00.34. In order to isolate the brightest 2MASS sources of their unresolved companions, we carried out JHK photometry with resolution better than 2MASS data. 47 Near-infrared (NIR) sources with Ks-band excess were identified following usual methods. Other 70 YSOs were also identified by using Mid-IR on-line data of the GLIMPSE survey. The search for radial-velocity measurements in the literature and the similarity between the stellar population explored have indicated the two regions as physically associated. With the determination of the spectroscopic parallaxes of four O-type and two B-type stars spread over the both clusters, this hypothesis was verified. The parallaxes of these 6 stars returned very compatible distances ( = 3.30 ± 0.29 kpc). The Near- and Mid-IR counterparts of the IRAS source 16085-5138 was found close to the field of [DBS2003] 157. This source has showed typical colours of a Ultra-compact HII region (UC HII) and spectral index α = 3.6 between 2 and 25 μm, which is typical of YSOs immersed in protostellar envelopes. A lower limit to the bolometric luminosity of the protostar embedded was computed as L = 7.7 × 10^3L⊙ (M = 10 M⊙), which corresponds to a B0 - B1 zero-age star. The cluster [DBS2003] 157 was found to be spread overall ∼4' × 4' region demarcated by a intense shell-like dust emission, where a secondary massive star formation is going on, likely as a result of the interaction between this dust and stellar winds.

  20. Barotrauma em peixes em usinas hidrelétricas: ferramentas para o estudo

    SciTech Connect

    Do Vale Beirao, Bernardo; Castelo Branco Marciano, Natlia; de Souza Dias, Luma; Carvalho Falco, Ricardo; Wander Dias, Edson; Leite Fabrino, Daniela; Barreira Martinez, Carlos; Martins Da Silva, Luiz Gustavo; Walker, Ricardo W.; Brown, Richard S.; Deng, Zhiqun

    2015-09-30

    The main source of electric power generation in Brazil comes from hydropower plants, nevertheless, the installed power is expected to raise 56.8%, reaching a total of 116,000 MW at the year 2020. The increase at the hydroelectric sector will be responsible for a series of fish community impacts. One of the impacts over the fish community is related to fish kills due to downstream passage through turbines or fish entrance at the draft tube from the tailrace. Usually when there is a maneuver and the turbine stops, fish get attracted and enter the draft tube and, just as the downstream passage through a turbine, when the turbine starts, a rapid decompression occurs and can cause barotrauma. When such events happen, according to Boyle’s law (P1V1=P2V2), swim bladder volume expands at the same rate that the pressure decreases, which can lead to the organ’s rupture.

  1. Mixed-Methods Study that Examines Nine Science Teachers' Perceptions of Slooh Robotic Telescope for Teaching Astronomy. (Breton Title: Métodos Mistos de Estudo que Examinam a Percepção de Nove Professores de Ciências sobre o Telescópio Robótico Slooh Para Ensino de Astronomia.) Métodos Mixtos de Estudio que Examinan la Percepcion de Nueve Profesores de Ciencias sobre EL Telescopio Robótico Slooh Para la Enseñanza de la Astronomía

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Gershun, Daniel C.; Slater, Timothy F.; Berryhill, Katie J.

    2014-07-01

    Although previous studies show that robotic telescopes have the potential to enhance student learning, there is comparatively little research that focuses on teacher perceptions of this technology. This study investigates: "what is the academic merit of using SLOOH robotic telescopes to teach astronomy as perceived by science teachers?" Our sample consists of nine science teachers of students aged 13-18 years. Pre- and post-tests, interviews, and surveys were collected during two weeks of a summer online course about robotic telescopes. While pre and post-tests do not reveal a statistically significant gain in astronomy content knowledge, analysis of qualitative data reveals five themes which describe the most important aspects of using SLOOH according to participants: "Images," "Interface," "Classroom Application," "Instructor Impact," and "Logistical Issues." Analysis of these themes suggests that SLOOH can provide an interactive and social learning environment with capabilities to incorporate crossdisciplinary themes. Embora estudos anteriores mostram que os telescópios robóticos têm o potencial de melhorar a aprendizagem dos alunos, há relativamente pouca investigação focada nas percepções de professores a respeito desta tecnologia. Este estudo investiga: "qual é o mérito acadêmico da utilização de telescópios robóticos Slooh para ensinar astronomia, tal como percebido pelos professores de ciências?" Nossa amostra é composta por nove professores de ciências de estudantes com idades entre 13-18 anos pré e pós-testes, entrevistas, e levantamentos foram coletados durante duas semanas de um curso on-line de verão sobre telescópios robóticos. Enquanto os testes pré e pós não revelaram um ganho estatisticamente significativo no conhecimento do conteúdo astronomia, a análise de dados qualitativos revela cinco temas que descrevem os aspectos mais importantes da utilização Slooh de acordo aos participantes: "Imagens", "Interface", "Aplica

  2. Establishing the Empirical Relationship Between Non-Science Majoring Undergraduate Learners' Spatial Thinking Skills and Their Conceptual Astronomy Knowledge. (Spanish Title: Estableciendo Una Relación Empírica Entre el Razonamiento Espacial de los Estudiantes de Graduación de Carreras no Científicas y su Conocimento Conceptual de la Astronomía.) Estabelecendo Uma Relação Empírica Entre o RacioCínio Espacial dos Estudantes de Graduação EM Carreiras Não Científicas e Seu Conhecimento Conceitual da Astronomia

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Heyer, Inge; Slater, Stephanie J.; Slater, Timothy F.

    2013-12-01

    normalizadas, en el desempeño de los estudiantes en estos dos asuntos foram pequenas, 0.26 e 0.13 respectivamente. El razonamiento espacial de los estudiantes fue medido utilizando un instrumento específico desarrollado para este trabaljo. Las correlaciones entre los resultados de los tests astronómicos y este instrumento específico, antes y después del curso mostraron una relación entre moderada y fuerte, sugiriendo que la relación entre el razonamiento espacial y el conocimiento astronómico puede explicar hasta un 25% de la variación em el desempeño de los estudiantes. A comunidade da educação em astronomia tem suposto de forma implícita que o aprendizado da astronomia consiste em um domínio conceitual fundamentado no raciocínio espacial. Como um primeiro passo para identificar formalmente uma relação empírica entre estas duas coisas, utilizamos como amostra os estudantes de graduação de carreiras não científicas de um curso exploratório em uma universidade norte-americana do meio-oeste de médio porte com programa de Doutorado em andamento, onde estes estudantes foram submetidos a um diagnóstico de raciocino espacial e conceitos astronômicos antes e depois do mesmo. As ferramentas utilizadas foram o Test Of Astronomy Standards (TOAST) e o questionário What do you know? Utilizando somente dados completamente consistentes para esta análise, nossa amostra consistiu de 86 estudantes de graduação. As melhoras, depois de normalizadas, do desempenho dos estudantes nos dois quesitos foram pequenas, 0.26 e 0.13 respectivamente. O raciocínio espacial dos estudantes foi medido utilizando um instrumento específico desenhado para este trabalho. As correlações entre os resultados dos testes astronômicos e este instrumento específico antes e depois do curso mostraram uma relação entre moderada e forte, sugerindo que a relação entre o raciocínio espacial e o conhecimento astronômico pode explicar até um 25% na variação no desempenho dos

  3. Post-Surgical Quality of Life, Psychological State and what Patients Think about the Effectiveness of Heller Myotomy in the Treatment of Achalasia.

    PubMed

    Vale-Fonseca, Telma; Ferreira-Pinto, Luis; Figueiredo-Braga, Margarida; Carneiro, Silvestre

    2016-02-01

    Introdução: A interrupção da motilidade esofágica que caracteriza a acalásia provoca disfagia, dor, perda de peso e desnutrição. Portanto, estes doentes referem uma redução na qualidade de vida e apresentam estados emocionais negativos. Procedimentos cirúrgicos, como a miotomia de Heller, têm-se revelado eficazes, permitindo retornar a uma qualidade de vida melhor. Material e Métodos: Foram incluídos no presente estudo 45 pacientes submetidos a miotomia de Heller. A avaliação pós-operatória foi realizada usando uma versão modificada do questionário de Qualidade de Vida Específico para a Acalasia. A qualidade de vida e a presença de sintomas psicológicos foram avaliados utilizando a versão portuguesa do Medical Outcomes Study SF-36 e a Escala de Ansiedade e Depressão Hospitalar. Resultados: Um total de 31 doentes (69%) foi avaliado, média de idades de 53 anos (18). A disfagia foi o principal sintoma clínico. Uma clara melhoria da disfagia, regurgitação, dor e perda de peso foi evidenciada após a cirurgia (p < 0,001). O domínio da saúde mental do SF-36 apresentou um coeficiente de correlação de Pearson de -0,689 com HADS -D e de -0,557 com HADS-A (p < 0,001 e p = 0,002, respetivamente). Conclusão: Este estudo demonstra que a miotomia de Heller se associa a uma boa qualidade de vida nos doentes com acalásia e reforça a ideia de que este é um procedimento seguro e eficaz.

  4. Método numérico das diferenças finitas no domínio do tempo aplicado a ondas Alfvén em plasma astrofísico

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Dos Santos, L. C.; Kintopp, J. A.; Jatenco-Pereira, V.; Opher, R.

    2003-08-01

    Ondas Alfvén em plasma astrofísico têm sido objeto de intenso estudo nas últimas décadas pelo fato de apresentarem papel importante em muitas áreas de pesquisa na astrofísica. Particularmente são importantes no mecanismo de aquecimento da coroa solar; em ventos estelares; em jatos galácticos e extragalácticos; em discos protoestelares, etc. A formulação para diferenças finitas no domínio do tempo (FDTD), aplicada a plasma magnetizado é desenvolvida para estudo das propriedades de ondas Alfvén em três dimensões (3D-FDTD). O método é aplicado inicialmente a um plasma homogêneo e isotérmico imerso em uma região com campo magnético externo B0, que sofre uma pequena perturbação. Uma vez gerada a onda, esta perturbação é retirada e, então analisamos a evolução temporal das ondas, bem como a forma de seu amortecimento.

  5. Controls on lava lake level at Halema`uma`u Crater, Kilauea Volcano

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Patrick, M. R.; Orr, T. R.

    2013-12-01

    Lava level is a fundamental measure of lava lake activity, but very little continuous long-term data exist worldwide to explore this aspect of lava lake behavior. The ongoing summit eruption at Kilauea Volcano began in 2008 and is characterized by an active lava lake within the eruptive vent. Lava level has been measured nearly continuously at Kilauea for several years using a combination of webcam images, laser rangefinder, and terrestrial LIDAR. Fluctuations in lava level have been a common aspect of the eruption and occur over several timescales. At the shortest timescale, the lava lake level can change over seconds to hours owing to two observed shallow gas-related processes. First, gas pistoning is common and is driven by episodic gas accumulation and release from the surface of the lava lake, causing the lava level to rise and fall by up to 20 m. Second, rockfalls into the lake trigger abrupt gas release, and lava level may drop as much as 10 m as a result. Over days, cyclic changes in lava level closely track cycles of deflation-inflation (DI) deformation events at the summit, leading to level changes up to 50 m. Rift zone intrusions have caused large (up to 140 m) drops in lava level over several days. On the timescale of weeks to months, the lava level follows the long-term inflation and deflation of the summit region, resulting in level changes up to 140 m. The remarkable correlation between lava level and deflation-inflation cycles, as well as the long-term deformation of the summit region, indicates that the lava lake acts as a reliable 'piezometer' (a measure of liquid pressure in the magma plumbing system); therefore, assessments of summit pressurization (and rift zone eruption potential) can now be carried out with the naked eye. The summit lava lake level is closely mirrored by the lava level within Pu`u `O`o crater, the vent area for the 30-year-long eruption on Kilauea's east rift zone, which is 20 km downrift of the summit. The coupling of these lava levels implies an efficient hydraulic connection between the summit and east rift zone vents. This connection has been indicated previously with geophysical data and is reinforced in a new quantitative manner with lava level data. Lastly, the current lava level at the summit is significantly lower than the mean level measured in the crater during continuous lava lake activity in the early 1900s. This is probably because the ongoing eruption at Pu`u `O`o 'taps' the magma supplied to the summit reservoir. Should the Pu`u `O`o eruption stop, the lava level at the summit would certainly rise in response. The precise correspondence between lava lake level and deformation of the summit implies that the lake level is a good indication of the pressure state of the magma reservoir. Tracking lava level over time may therefore provide an indication of the potential for future changes in eruptive activity. Such an observation has clear relevance for monitoring analogous open-vent basaltic volcanoes, especially where other measures of volcanic activity, like seismic or deformation measurements, may be lacking.

  6. A photometric study of the W UMa-type binary DF Canum Venaticorum

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Dai, H.-F.; Yang, Y.-G.; Yin, X.-G.

    2011-04-01

    We present new photometric observations for the eclipsing binary DF CVn, and determined five light minimum times. By using the Wilson-Devinney code, two sets of photometric solutions were deduced from our observations in 2009. The asymmetric light curves obtained on 2009 March 5 were modeled by a dark spot on the more massive component. The results indicate that DF CVn is a W-type weak-contact binary, with a mass ratio of q ˜ 0.28 and an overcontact degree of f ˜ 20%. From the O - C curve of minimum times, it is found that there exists a cyclic variation, whose period and semi-amplitude are P3 = 17.2(±0.9) year and A = 0. d0070(±0. d0008), respectively. This kind of cyclic oscillation may possibly result from the light-time effect due to the presence of an unseen third body. This kind of additional body may extract angular momentum from the central system. The low-amplitude changes of the light curves on a short-time scale (e.g., half a month) may be attributed to the dark spot activity, which may result in angular momentum loss via magnetic breaking. With angular momentum loss, the weak-contact binary DF CVn will evolve into a deep-contact configuration.

  7. The First Photometric Investigation of the Neglected W-UMa-Type Binary Star V532 Monocerotis

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    He, J.-J.; Qian, S.-B.; Soonthornthum, B.

    2016-11-01

    The first two sets of complete charge-coupled device light curves in the B and V bands of the short-period binary system, V532 Mon, are presented. The light curves are analyzed with spot models using the Wilson–Devinney code. V532 Mon is found to be an A-subtype intermediate-contact binary with a degree of contact factor of f=47.1 % (+/- 2.7 % ), a mass ratio of q=0.2502(+/- 0.0019), and a cool spot on the primary component. The period changes of the system are investigated by combining newly determined times of light minimum with others published in the literature. We found that the general trend of the observed-calculated (O-C) curve shows a downward parabolic variation that corresponds to a long-term decrease in the orbital period at a rate of {dP}/{dt}=-1.716(+/- 0.002)× {10}-7{dyr} ‑1. The long-term decrease of the orbital period can be explained by mass transfer from the more-massive component to the less massive one. The long-time period decrease, the intermediate-contact configuration, and the astrophysical parameters of the binary system suggest that V532 Mon will evolve into high fill-out, extreme mass-ratio overcontact binaries.

  8. The photometric investigation of the newly discovered W UMa type binary system GSC 03122-02426

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Zhou, X.; Qian, S.-B.; He, J.-J.; Zhang, J.; Zhang, B.

    2016-10-01

    The B V Rc Ic bands light curves of the newly discovered binary system GSC 03122-02426 are obtained and analyzed using the Wilson-Devinney (W-D) code. The solutions suggest that the mass ratio of the binary system is q = 2.70 and the less massive component is 422 K hotter than the more massive one. We conclude that GSC 03122-02426 is a W-subtype shallow contact (with a contact degree of f = 15.3 %) binary system. It may be a newly formed contact binary system which is just under geometrical contact and will evolve to be a thermal contact binary system. The high orbital inclination (i = 81 .6∘) implies that GSC 03122-02426 is a total eclipsing binary system and the photometric parameters obtained by us are quite reliable. We also estimate the absolute physical parameters of the two components in GSC 03122-02426, which will provide fundamental information for the research of contact binary systems. The formation and evolutionary scenario of GSC 03122-02426 is discussed.

  9. VizieR Online Data Catalog: Radial velocities of TX UMa (Komzik+, 2008)

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Komzik, R.; Chochol, D.; Grygar, J.

    2012-03-01

    Our spectroscopy of TXUMa consist of: * 96 spectra taken by JG with the Cassegrain spectrograph of the 1.8m telescope at the DAO Observatory in the period December 1969 - July 1970. * 52 spectra taken by JG in 1972-80 and 7 spectra taken by RK in 1992-93 with the coude spectrograph of the 2.0m telescope at the Ondrejov Observatory. (1 data file).

  10. Model computations of blue stragglers and W UMa-type stars in globular clusters

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Stȩpień, K.; Kiraga, M.

    2015-05-01

    Context. It was recently demonstrated that contact binaries occur in globular clusters (GCs) only immediately below turn-off point and in the region of blue straggler stars (BSs). In addition, observations indicate that at least a significant fraction of BSs in these clusters was formed by the binary mass-transfer mechanism. Aims: The aim of our present investigation is to obtain and analyze a set of evolutionary models of cool, close detached binaries with a low metal abundance, which are characteristic of GC. Methods: We computed the evolution of 975 models of initially detached, cool close binaries with different initial parameters. The models include mass exchange between components as well as mass and angular momentum loss due to the magnetized winds for very low-metallicity binaries with Z = 0.001. The models are interpreted in the context of existing data on contact binary and blue straggler members of GCs. The models are based on our recently developed code for evolutionary modeling of cool close and contact binaries. Results: The model parameters agree well with the observed positions of the GC contact binaries in the Hertzsprung-Russell diagram, and we achieve detailed parameters of several individual contact and near-contact binaries. Contact binaries in the lower part of the cluster main sequence are absent because there are no binaries with initial orbital periods shorter than 1.5 d. Contact binaries end their evolution as mergers that appear in the BS region. Binary-formed BSs populate the whole observed BS region in a GC, but a gap is visible between low-mass mergers that are concentrated along the zero-age main sequence and binary BSs occupying the red part of the BS region. Very few binary mergers are expected to rotate rapidly and/or possess chemical peculiarities resulting from the exposure of the layers processed by CNO nuclear reactions. All other binary mergers are indistinguishable from the collisionally formed mergers. The results show that binary-formed BSs may constitute at least a substantial fraction of all BSs in a GC. Tables 2-7 are available in electronic form at http://www.aanda.org

  11. Spot activity on HD 89546 (FG UMa) from long-term photometry

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Özdarcan, O.; Evren, S.; Henry, G. W.

    2012-02-01

    We present the analysis of 20 years of time-series BV photometry of the SB1 RS CVn binary HD 89546. The system's yearly mean V brightness, the B-V color index, the photometric period, and the light curve amplitude all show clear cyclic variability with an ≈9-year time scale. We also find some evidence for brightness variability on a time scale longer than the 20-year time span of our observations, perhaps indicating a longer cycle analogous to the solar Gleissberg cycle. We estimate the unspotted V magnitude of HD 89546 to be 7.154m, which is ≈0.2m brighter than the observed maximum brightness. Spot modelling of the system shows that spot temperature variations affect the observed B-V color as well as the V brightness. Two active longitudes are observed, centered around 180° and 360° longitude on the G9 III primary, each covering a longitude range of 120°. Furthermore, two inactive longitude zones are seen spanning only 60° between the two active longitudes. The longitudinal distribution of the spots exhibits no strong cyclic variability but does show rapid jumps of 120° that look like the flip-flop phenomenon. We estimate the differential rotation coefficient of the star as k=0.086 by considering the range of observed photometric period variations and assumed latitudinal spot variations over 45°. Based on data obtained with the Tennessee State University T3 0.4 m APT at Fairborn Observatory, operated by Tennessee State University, and T30 0.3 m telescope of the Ege University Observatory in Izmir.

  12. First photometric study of the W UMa system GSC 1042-2191

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Bulut, A.; Bulut, İ.; Demircan, O.

    2016-04-01

    We present new photometric observations covering eight minima times for the eclipsing binary GSC 1042-2191. The light curves in BVRI colors were analyzed by using WD-code for the system parameters. Eight minima times were obtained from the new observations. The system is found a low mass ratio (q = 0.148), A-type over-contact binary with a fill out parameter of f = 65.01 ± 12.18%. The preliminary absolute dimensions (M1= 1.26 ± 0.06 M⊙, M2 = 0.18 ± 0.06 M⊙, R1 = 1.54 ± 0.20 R⊙, R2 = 0.69 ± 0.01 R⊙, L1 =3.30 ± 0.30 L⊙ and L2 = 0.59 ± 0.20 L⊙) indicate the very much oversized and over-luminous secondary component, by assuming the present luminosity of the secondary is its main sequence luminosity, we predict the original mass is about 0.8 M⊙, this means the present secondary could be transferred and/or lost 77% of its original mass and only its core is left.

  13. Discovery of four W UMa type eclipsing binaries in the field of open cluster ASCC 5

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Fang, Xiang-Song; Gu, Sheng-Hong; Zhang, Li-Yun; Pi, Qing-Feng

    2013-09-01

    We carried out time-series photometric observations in the Rc-band of the young, poorly studied open cluster ASCC 5 during November and December, 2012, to search for magnetically active stars, and discovered four eclipsing binary stars in this field. In order to characterize these four newly discovered binaries, we derived their orbital periods by their times of light minimum, estimated their effective temperatures based on their (J — H) colors and analyzed their light curves using the Wilson-Devinney light curve modeling technique. Our analyses reveal that all of them are contact binaries with short orbital periods of less than 0.5 d, with spectral types from late-F to mid-K. Among them, one is a typical A subtype contact binary with a mass ratio around 0.5 and a period of 0.44 d, and one is an H subtype contact binary with a high mass ratio around 0.9 and a short period of about 0.27 d. The other two systems show low amplitudes of light variation (ARc <=0.11m) their actual photometric mass ratios could not be determined by the light curve modelings, probably due to their attributes of being partially eclipsing stars. A preliminary analysis for these two systems indicates that both of them are likely to be W subtype contact binaries with low orbital inclinations. In addition, both of these two low amplitude variables show asymmetric distorted light curves (e.g., O'Connell effect of ΔRc ≃0.02m) during the observing runs, suggesting the presence of starspots on these two systems. More interestingly, the one showing a large case of the O'Connell effect presented a remarkable variation in the shape of the light curve on a time scale of one day, indicating that this star is in a very active state. Therefore, these two stars need spectroscopic observations to precisely determine their parameters, as well as further photometric observations to understand the properties of their magnetic activity, e.g., the evolution of starspots.

  14. CCD photometric analysis of the W UMa-type binary V376 Andromeda

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Çiçek, C.

    2011-01-01

    This study presents the absolute parameters of the contact binary system V376 And. CCD photometric observations were made at the Çanakkale Onsekiz Mart University Observatory in 2004. The instrumental magnitudes of all observed stars were converted into standard magnitudes. New BV light curves of the system were analysed using the Wilson-Devinney method supplemented with a Monte Carlo type algorithm. Since there are large asymmetries between maxima (i.e., O'Connell effect) in these light curves, two different models (one with a cool spot and one with a hot spot) were applied to the photometric data. The best fit, which was obtained with a large hot spot on the secondary component, gives V376 And as an A sub-type contact binary in poor thermal contact and a small value of the filling factor ( f ≈ 0.07). Combining the solutions of our light curves and Rucinski et al. (2001)'s radial velocity curves, the following absolute parameters of the components were determined: M1 = 2.44 ± 0.04 M ⊙, M2 = 0.74 ± 0.03 M ⊙, R1 = 2.60 ± 0.03 R ⊙, R2 = 1.51 ± 0.02 R ⊙, L1 = 40 ± 4 L ⊙ and L2 = 5 ± 1 L ⊙. We also discuss the evolution of the system, which appears to have an age of 1.6 Gyr. The distance to V376 And was calculated as 230 ± 20 pc from this analysis, taking into account interstellar extinction.

  15. An Invited Preface for the Following Book: Astrobiologia, Uma Ciencia Emergente

    NASA Technical Reports Server (NTRS)

    Rothschild, Lynn J.

    2016-01-01

    Since the dawn of civilization, we have beheld at the beauty and wonder of the natural world around us and wondered how it came to be. We have pondered the past, and have been intrigued about the future. For this we are unique. Our ancestors looked to the vastness of space and thought surely there are others out there. We are now at a new time in human history where we can address these age-old questions with a scientific approach and study rigorously the three big questions of astrobiology: Where do we come from? Where are we going? and Are we alone? These fundamental questions of astrobiology correspond to those of humanity, and arguably, what makes us human. And so we cannot help but be drawn to the field. Unlike other scientific disciplines, Astrobiology draws on the latest advances in a multitude of fields, from evolutionary and molecular biology, to prebiotic and interstellar chemistry, from astrophysics to astronomy, with a healthy dose of earth and planetary science. Astrobiology is in reality a "metadiscipline" drawing on useful science wherever it is to be found. From a practical point of view, this endeavor requires the interaction of scientists who might not normally meet each other, much less work on a common research project. And, unlike most other scientific disciplines, Astrobiology has implications for how we see ourselves, and how we interact with the earth and beyond. "Where do we come from" touches on the "why" questions that have intrigued not just scientists but philosophers and theologians. "Where are we going" adds to these an economic and political involvement that is currently being played out with discussions of climate change. "And are we alone" will someday force us to face the fact that we as living creatures are not unique, or perhaps that we are utterly alone in the universe, the result of a chemical history that was so improbable as to result in a sample size of one. Either result will force ethical considerations of either "the other" and their relationship to us, or our solitude and thus responsibility as the only life form in our cosmos. So what is Astrobiology? Let's start with the "Where do we come from?" A biologist will approach this looking at the evolution of life on earth, using such traditional tools as comparative anatomy and paleontology and newer tools such as molecular techniques. But this doesn't address why this happened the way it did without a comprehensive understanding of the environment. What was the temperature at such and such a time? Was the earth in a snowball phase or being bombarded by meteorites -- or even just a single large, well-placed one such as struck off the Yucatan peninsula 65 million years ago. This event could not have been predicted by population genetics alone, yet it had the most profound influence on our evolution as without it, we could still be in a world dominated by dinosaurs with the mammals cowering under cover. But it is not enough to go back to LUCA, the Last Universal Common Ancestor of all extant life. One must go back to the dawn of life. How did life arise? What was the environmental backdrop that allowed it to happen? How did we happen to end up with a habitable planet? Indeed, what is the origin and evolution of our solar system, galaxy, biogenic elements all the way back to the Big Bang. The "Where are we going?" tends to be ignored in many astrobiology programs, but in fact this is of the most immediate importance to us. Whereas the past was dominated by physical and chemical processes, and organismal interactions, the future has a new major player: us. While we probably don't have the power (yet) to stop our galaxy passing through another, or even reset the sun or stop the movement of the moon away from the earth, all of these things will influence the future of life on earth. We are already proving that we have the power to visit other bodies in our solar system, either with humans or our robotic surrogates. We are changing our atmospheric composition and thus our climate. We have the power to render species extinct, including our own. But we also have the power to use these tools for the common good, to extend our lifetimes and reclaim our rivers and forests. Which will it be? And then there is the question where science fiction becomes a reality: "Are we alone?" While many people are anxious to find signs of intelligent life out there, such a creature may not share either our curiosity or values. But what if there was a beneficent alien civilization that could communicate with us, perhaps forging a mutual understanding? More likely in the forseeable future is finding a small life, less evolved, life form. Note I did not use the word "simple" as there is nothing "simple" about life, ever. Which brings us back to the question: what is life? So where does Brazil come in? For nearly a decade there has been interest in a Brazilian astrobiology program, from a small side meeting held by the Brazilian Exobiology Program (BEP) of the Brazilian National Research Council, held in Rio de Janeiro, Brazil, on August 12, 2009, in association with the IAU Assembly to subsequent workshops held in several locations and membership of the Brazilian program in the NASA Astrobiology Institute (NAI). Each time I go to Brazil, I am impressed by the enthusiasm of the community, both scientific and student, the latter an excellent omen for the future of astrobiology in Brazil. Facilities are being built to supplement the natural laboratories that Brazil is blessed to have. In my own lab I have been privileged to have a wonderful Brazilian postdoctoral fellow, Dr. Ivan Paulino-Lima, resulting in a daily reminder of the program. I am honored to have been part of the development of astrobiology in Brazil, and hope that this relationship will continue to flourish. Clearly to advance astrobiology needs new knowledge, a reorganization of that which is known, and space missions. To help the reader join on this quest, what follows is a buffet of topics that will allow the reader to nibble on the richness that is Astrobiology. And, like a fabulous meal, it should make you want more. Welcome to Astrobiology.

  16. Unified Multi-speed analysis (UMA) for the condition monitoring of aero-engines

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Nembhard, Adrian D.; Sinha, Jyoti K.

    2015-12-01

    For rotating machinery in which speeds and dynamics constantly change, performing vibration-based condition monitoring can be challenging. Thus, an effort is made here to develop a Unified Multi-speed fault diagnosis technique that can exploit useful vibration information available at various speeds from a rotating machine in a single analysis. Commonly applied indicators are computed from data collected from a rig at different speeds for a baseline case and different faults. Four separate analyses are performed: single speed at a single bearing, integrated features from multiple speeds at a single bearing, single speed for integrated features from multiple bearings and the proposed Unified Multi-speed analysis. The Unified Multi-speed approach produces the most conspicuous separation and isolation among the conditions tested. Observations made here suggest integration of more dynamic features available at different speeds improves the learning process of the tool which could prove useful for aero-engine condition monitoring.

  17. O que bilíngues bimodais têm a nos dizer sobre desenvolvimento bilíngue?

    PubMed Central

    de Quadros, Ronice Müller; Lillo-Martin, Diane; Pichler, Deborah Chen

    2013-01-01

    O objetivo deste trabalho é apresentar o que as pesquisas que estamos desenvolvendo com crianças ouvintes, filhas de pais surdos, adquirindo Língua Brasileira de Sinais (Libras) e Português e Língua de Sinais Americana (ASL) e Inglês (Lillo-Martin et al. 2010) têm a nos dizer sobre desenvolvimento bilíngue. Os dados deste estudo fazem parte de um banco de dados de interações espontâneas coletadas longitudinalmente, alternando contextos de aquisição da Libras e do português como língua alvo, no Brasil e dados coletados longitudinalmente. nos mesmos contextos, de crianças adquirindo ASL e inglês1. Além disso, há também dados do estudo experimental com testes aplicados nos dois pares de línguas que se agregam ao presente estudo. Uma visão geral dos estudos desenvolvidos sobre a aquisição bilíngue bimodal por crianças ouvintes, filhas de pais surdos, será apresentada e, então, serão expostos alguns aspectos linguísticos deste tipo de aquisição, considerando as discussões sobre aquisição bilíngue a partir da pesquisa realizada. PMID:24431480

  18. Aerobic program in persons with stroke: a systematic review.

    PubMed

    Francica, Juliana V; Bigongiari, Aline; Mochizuki, Luis; Miranda, Maria Luiza J; Rodrigues, Bruno

    2014-01-01

    Introdução: O objetivo deste estudo foi realizar uma revisão sistemática sobre o exercício após acidente vascular cerebral.Material e Métodos: Para isso, foi realizada uma revisão sistemática de ensaios clínicos randomizados e controlados publicados no PubMed e PEDro. Os critérios para inclusão dos artigos foram: Estudos - ensaios clínicos randomizados ou controlados; participantes - adultos de qualquer idade com diagnóstico clínico de acidente vascular cerebral; intervenções - qualquer treino físico aeróbio que vise melhorar a capacidade e/ou função cardiovascular. Dois revisores independentes categorizaram os ensaios selecionados, avaliaram a qualidade metodológica e extraíram os dados relevantes. A análise realizada foi dos vários protocolos usados tanto para a avaliaçãoe treino de indivíduos pós-acidente vascular cerebral.Resultados: De acordo com estudos clínicos analisados, uma vasta gama de instrumentos foi utilizada para medir a capacidade funcional dos pacientes. Ergometria e ergoespirometria foram os principais dispositivos da avaliação da capacidade cardiovascular. Treino\\exercício na bicicleta ergométrica foi a estratégia de treino mais comumente usada, e fisioterapia convencional (baseada em alongamentos, fortalecimentos, treino de equilíbrio, coordenação e marcha) foi a terapia de controle mais frequente.Discussão: A duração do programa variou de 4 semanas a 6 meses, a frequência semanal média foi de três sessões por semana, enquanto que a intensidade do treinamento variou de 40 a 80% da frequência cardíaca máxima ou VO2 máximo. A duração de sessões de treino variou entre 25 minutos a 1 hora.Conclusão: O treino físico é uma ferramenta promissora para o tratamento de pacientes pós-AVC, tanto em termos de melhoria da capacidade funcional e da capacidade cardiovascular. No entanto, mais estudos são necessários para ampliar a área de atuação terapêutica nesta população.

  19. Estudio comparativo de los metodos analitico-sintetico y global en el aprendizaje de la lectura (Comparative Study of the Analytical-Synthetical (Phonics) and Global (Sight) Reading Methods).

    ERIC Educational Resources Information Center

    Carbonell de Grompone, Maria A.; And Others

    An investigation into the phonics and sight methods of reading instruction being taught in Uruguay schools seeks valid predictions in support of each approach. The study, written in Spanish, examines the progressive reading habits and abilities of 12 first-grade classes. Teachers assigned to teach each method uniformly had equivalent training and…

  20. Estudio comparativo de las moléculas isovalentes de interés atmosférico CF3Cl y CF3Br y sus correspondientes halógenos aislados Cl y Br.

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Mayor, E.; Velasco, A. M.; Martín, I.; Lavín, C.

    Los estados Rydberg moleculares han suscitado en los últimos años un creciente interés entre los espectroscopistas experimentales, motivado en parte por el desarrollo de nuevas técnicas espectroscópicas capaces de investigar estos estados altamente excitados electrónicamente. Los procesos de fotoabsorción que implican estados Rydberg en los derivados halogenados del metano son de gran importancia, debido a su abundancia en la atmósfera y a sus implicaciones medioambientales. Por ello, la obtención de datos relativos a sus fuerzas de oscilador es de gran interés. En este trabajo se aborda el estudio de dichas propiedades para las moléculas isovalentes CF3Cl y CF3Br. Ambas moléculas presentan idéntica estructura electrónica para el estado fundamental por lo que se espera que sus espectros Rydberg presenten grandes similitudes, en ausencia de perturbaciones. Por ello y dada la escasez de datos relativos a fuerzas de oscilador, hemos establecido la corrección de nuestros resultados en base a las analogías esperadas en las intensidades espectrales correspondientes a transiciones análogas. Por otro lado, Novak y col. [1] han encontrado experimentalmente un marcado carácter atómico en el espectro correspondiente a estas moléculas, siendo muy similar a los de los átomos de Cl y Br. Por ello en el presente trabajo, además de establecer la comparación entre ambas moléculas hemos buscado las similitudes con sus respectivos halógenos. Los cálculos relativos a las especies moleculares se han realizado utilizando la Metodología Molécular de Orbítales de Defecto Cuántico (MQDO) [2], mientras que para el estudio de los átomos de Cl y Br se empleó la versión relativista del método (RQDO) [3].

  1. Revision curricular a partir de un analisis comparativo de las discrepancias en los curriculos de una escuela de optometria en Puerto Rico con las competencias requeridas para las agencias de revalida y acreditacion 2004

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Rivera Pacheco, Andres

    El proposito de esta investigacion, un estudio cualitativo de caso, fue comparar y contrastar el curriculo vigente de la Escuela de Optometria de la UIAPR con las competencias y estandares requeridos por las agencias de acreditacion y de revalida. Con este proposito, decidimos realizar una revision y un analisis de documentos: el prontuario de cada uno de los cursos de los curriculos implantados en el 1993 y en el 2001; las competencias y estandares establecidos por las agencias de revalida y de acreditacion; y las estadisticas en las que se analiza el porcentaje de estudiantes que aprueban cada una de las partes de los examenes de revalida entre el 1998 al 2003. Se realizaron entrevistas dirigidas para dar apoyo y complementar la revision y el analisis de estos documentos. Los participantes de las entrevistas fueron tres estudiantes de la clase de optometria del 2004 (ultima clase del curriculo del 1993); tres estudiantes de la clase de optometria del 2005 (primera clase graduanda del curriculo vigente) y tres profesores y/o directores de los Departamentos de Ciencias Basicas, Ciencias Clinicas y Cuidado al Paciente. Esta investigacion se enmarco en el modelo de evaluacion curricular de discrepancia de Malcolm Provus y en el modelo de desarrollo basado en competencias. Uno de los hallazgos mas importantes del estudio es que los cambios que se implantaron al curriculo del 2001 no han logrado que los estudiantes mejoren su ejecucion en los examenes de revalida. Por otro lado, se encontro que el curriculo vigente atiende completamente los estandares de la practica de Optometria, pero no las competencias. Esta informacion fue validada mediante el uso de una tabla de cotejo para el analisis de los cursos y de la informacion obtenida de las entrevistas. El estudio determina y concluye que existen discrepancias entre los prontuarios de los cursos del curriculo y las competencias requeridas por la agencia de revalida. Segundo, que el Departamento de Ciencias Basicas es el que presenta mas deficiencias en el desarrollo de las competencias. El investigador recomienda disenar e implantar un curriculo basado en competencias y proveer formacion en didactica y procesos de aprendizaje a los profesores.

  2. Revista de Documentacao de Estudos em Linguistica Teorica e Aplicada (DELTA): Novos Estudos em Gamatica Gerativa (Journal of Documentary Studies in Theoretical and Applied Linguistics [DELTA]: New Studies in Generative Grammar).

    ERIC Educational Resources Information Center

    Revista de Documentacao de Estudos em Linguistica Teorica e Aplicada, 2000

    2000-01-01

    This issue contains the following articles: "Resumption and Last Resort" (Joseph Aoun); "Existentials, A-Chains, and Reconstruction" (Norbert Hornstein); "How Long Was the Nineteenth Century" (David Lightfoot); "Formal Features and Parameter Setting: A View From Portuguese Past Participles and Romance Future Tenses" (Lucia Lobata); "Revisiting…

  3. Revista de Documentacao de Estudos em Linguistica Teorica e Aplicada (DELTA): Novos Estudos em Gamatica Gerativa, 2001 (Journal of Documentary Studies in Theoretical and Applied Linguistics [DELTA]: New Studies in Generative Grammar, 2001).

    ERIC Educational Resources Information Center

    Barbara, Leila, Ed.; Rajagopalan, Kanavillil, Ed.

    2001-01-01

    These two issues of volume 17, include the following articles: "The Competing Motivation Model in the Functional Domains of Negation" (M. Angelica Furtado da Cunha); "Discursive Resonance and Politeness in Reading and Writing Practices" (Silvana Serrani Infante); "The Acquisition of Relative Clauses in Brazilian Portuguese" (Maria Cecilia…

  4. Experience of the MALA bag in the open abdomen management in an obstetrical intensive care unit.

    PubMed

    Malagón Reyes, Ricardo Mauricio; Reyes Mendoza, Luis Emilio; Angeles Vásquez, María de Jesús; Mendieta Zerón, Hugo

    2013-01-01

    Introdução: As indicações atuais para a gestão de abdómen aberto são a cirurgia de controlo de danos, a abordagem de sepsis intraabdominal grave, a síndrome de compartimento abdominal, o encerramento da parede abdominal sob tensão e a perda de massa da parede abdominal.Objetivo: Descrever a experiência em gestão e cirurgias de abdómen aberto usando a bolsa MALA (Maior Absorção de Líquido Abdominal).Material e Métodos: Estudo descritivo, incluindo todos os doentes com o diagnóstico de abdómen aberto gerido com a bolsa MALA internados na Unidade de Cuidados Intensivos Obstétricos de Fevereiro de 2009 a Junho de 2012.Resultados: Dos 25 casos identificados no período do estudo, sete foram eliminados por arquivos incompletos, permanecendo 18 casos para a análise. A média de idade foi de 31,5 anos. Setenta e oito por cento dos doentes eram multíparas, 50% com uma história de dois ou mais partos, 83% com uma cesariana anterior e 78% histerectomizadas, por atonia uterina, na maioria dos casos. A principal indicação para tratamento cirúrgico foi o controlo de danos. Uma doente morreu e uma segunda foi transferida para outra instituição, tendo as demais tido melhoria clínica. Doze doentes (67%) permaneceram menos de 14 dias na Unidade de Cuidados Intensivos Obstétricos e apenas uma precisou de mais de 30 dias na unidade.Conclusão: A bolsa MALA pode oferecer uma opção económica e eficaz para a gestão cirúrgica abdominal aberta, bem como umatécnica de drenagem.

  5. Translation, Cultural Adaptation and Validation of the Power of Food Scale for Use by Adult Populations in Portugal.

    PubMed

    Ribeiro, Gabriela; Santos, Osvaldo; Camacho, Marta; Torres, Sandra; Mucha-Vieira, Filipa; Sampaio, Daniel; Oliveira-Maia, Albino J

    2015-01-01

    Introdução: A Power of Food Scale é uma escala que avalia um constructo designado por fome hedónica, frequentemente definido como o apetite por alimentos de elevada palatibilidade, mais do que a sua ingestão propriamente dita. Este estudo teve como objetivo a caracterização das propriedades psicométricas de uma versão portuguesa da Power of Food Scale, nomeadamente da sua fiabilidade e validade de constructo. Material e Métodos: Os dados foram obtidos de 1266 participantes adultos, provenientes de três amostras distintas: duas amostras não clínicas e uma amostra clínica de indivíduos com obesidade severa, candidatos a cirurgia da obesidade. Resultados: Verificamos que a estrutura factorial da versão portuguesa da Power of Food Scale é semelhante à do questionário original e que apresenta fiabilidade teste-reteste e validade de constructo adequadas. Adicionalmente, apresentamos neste estudo o primeiro contributo para a definição de normas populacionais para os scores da Power of Food Scale. Discussão: A versão portuguesa da Power of Food Scale apresentou boas propriedades psicométricas: é um instrumento válido e fiável para a avaliação do constructo fome hedónica, suportando a sua utilização tanto em amostras clínicas como não clínicas, bem como em estudos longitudinais. Conclusão: Estes resultados demostram que a versão portuguesa da Power of Food Scale é um instrumento útil, tanto em contexto clínico, como de investigação, nomeadamente para o estudo do constructo fome hedónica em populações de língua portuguesa, incluindo populações clínicas de indivíduos com obesidade.

  6. Controle orbital de satélites artificiais com propulsão e uso de gravidade lunar

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Torres, K. S.; de Almeida Prado, A. F. B.

    2003-08-01

    A redução do custo de combustível de uma manobra é atualmente a grande prioridade de todos os programas espaciais existentes no mundo. As manobras assistidas pela gravidade são uma ótima forma de se contornar o problema pois proporcionam economias com vasto impacto no custo final da missão. Neste trabalho é feito um estudo particular do controle orbital de um satélite artificial da Terra usando a gravidade da Lua. O objetivo é estudar uma técnica econômica para uma mudança de plano de um satélite que está em órbita em volta da Terra. A idéia principal desta abordagem é enviar primeiramente o veículo espacial em direção à Lua usando uma manobra mono-impulsiva para que assim o campo gravitacional da Lua possa fazer a mudança de plano desejada (sem custo de combustível) e só então retornar o veículo aos valores iniciais de semi-eixo e excentricidade usando uma manobra bi-impulsiva tipo Hohmann. Para tanto, é assumido que a espaçonave inicia em uma órbita circular coplanar à órbita da lua em torno da Terra e a meta é colocá-la em uma órbita similar que difere da órbita inicial somente pela inclinação. São usadas equações analíticas baseadas na abordagem Patched Conics para se calcular a variação na velocidade, momento angular, energia e inclinação do veículo espacial que realiza esta manobra. Várias simulações são feitas para se avaliar as economias de combustível envolvidas.

  7. Measuring emotional awareness from a cognitive-developmental perspective: Portuguese adaptation studies of the levels of emotional awareness scale.

    PubMed

    Torrado, Marco; Ouakinin, Sílvia; Lane, Richard

    2013-01-01

    Introdução: A Escala de Níveis de Consciência Emocional (LEAS) foi desenvolvida para avaliar o constructo consciência emocional, numa perspectiva cognitivo-desenvolvimentista e influenciada pelas Teorias de Piaget e Werner. É composta por 20 situações ou cenários que evocam emoções e tem sido usada em múltiplas investigações nos domínios da regulação emocional, alexitimia e perturbações psiquiátricas. Trata-se de uma medida bem documentada, validada e precisa. Em virtude da sua extensão, alguns investigadores têm vindo a utilizar uma das formas paralelas que compõe a versão completa, a LEAS-A, sendo contudo notória a vacuidade de estudos que descrevam as qualidades psicométricas desta versão. Face à inexistência de uma medida de caracterização da organização da experiência emocional para a população portuguesa, desenvolveu-se a versão portuguesa da LEAS, caracterizaram-se diversos indicadores de precisão e validade, assim como para a versão reduzida LEAS-A. Materiais e Métodos: Foram desenvolvidos três estudos com estas versões, dois deles com recurso a estudantes universitários e um outro com uma amostra da população em geral. Resultados: A versão portuguesa demonstrou níveis elevados de precisão, mais robustos do que os encontrados em estudos de adaptação da escala noutros países. A LEAS-A apresentou bons níveis de precisão e indicadores de validade discriminante e concorrente. As pontuações obtidas na LEAS-A mostraram-se independentes da presença de afecto negativo e associaram-se significativamente a um estilo cognitivo externalizado, próprio do funcionamento alexitímico. Conclusões: As versões portuguesas da LEAS e da LEAS-A apresentam qualidades psicométricas muito adequadas, o que permite o seu uso científico. São discutidas as implicações da sua utilização nos contextos clínico e de investigação.

  8. Tendências de teses e dissertações sobre ensino de astronomia no Brasil

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Bretones, P. S.; Megid Neto, J.

    2003-08-01

    Neste trabalho são apresentados os resultados de uma pesquisa do tipo estado da arte sobre teses e dissertações defendidas no Brasil e relativas ao ensino de Astronomia. Teve por objetivo identificar essa produção e conhecer as principais tendências da pesquisa nesse campo. O procedimento inicial consistiu de um levantamento bibliográfico junto ao Centro de Documentação em Ensino de Ciências (CEDOC) da Faculdade de Educação da UNICAMP e ao Banco de Teses da CAPES disponível na Internet. Foram localizadas 13 dissertações de mestrado e 3 teses de doutorado, as quais foram estudadas em função dos seguintes aspectos: instituição, ano de defesa, nível escolar abrangido no estudo, foco temático do estudo e gênero de trabalho acadêmico. Deste conjunto de pesquisas, 13 (81,3%) delas foram defendidas a partir da segunda metade dos anos 90, indicando uma preocupação mais recente com temas relativos ao ensino de Astronomia no conjunto da produção acadêmica em programas de pós-graduação no Brasil. Verificou-se que 43,7% dos trabalhos foram produzidas na USP e 18,8% na UNICAMP. Quanto ao nível escolar abrangido nos estudos, predominaram os estudos direcionados ao Ensino Fundamental de 5a a 8a séries (62,5%). No que diz respeito ao foco temático das pesquisas, as principais tendências voltaram-se: 56,3% para Conteúdo e Método; 43,8% para Concepções do Professor; 37,5% para Currículo e Programas; 37,5% para Recursos Didáticos. Quanto ao gênero de trabalho acadêmico, verificou-se que 43,8% são de Pesquisa Experimental e 31,3% de Pesquisa de Análise de Conteúdo. Estudos de revisão bibliográfica como este visam colaborar com a divulgação ampla da produção acadêmica em determinada área, traçando algumas de suas tendências. Ao mesmo tempo possibilita, a partir de investigações decorrentes, apontar as suas contribuições para o ensino e sinalizar com necessidades a serem supridas por futuras pesquisas.

  9. Tendências De Teses e Dissertações Sobre Educação em Astronomia No Brasil

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Bretones, Paulo Sergio; Megid Neto, Jorge

    2005-07-01

    Apresentam-se os resultados de uma pesquisa do tipo estado da arte sobre teses e dissertações defendidas no Brasil e relativas ao ensino de Astronomia, com objetivo de identificar essa produção e conhecer as principais tendências da pesquisa nesse campo. Foram localizadas 13 dissertações de mestrado e 3 teses de doutorado, as quais foram estudadas em função dos seguintes aspectos: isntituição, ano de defesa, nível escolar abrangido no estudo, foco temático do estudo e gênero de trabalho acadêmico. Pretende-se assim colaborar com a divulgação ampla da produção acadêmica na área. Ao mesmo tempo o estudo possibilita, a partir de investigações decorrentes, apontar as contribuições dessa produção para o ensino e sinalizar com necessidades a serem supridas por futuras pesquisas.

  10. Espectroscopia multi-objeto e imageamento de Abell 586 com GMOS - o estado dinâmico de um aglomerado de galáxias com arcos gravitacionais

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Cypriano, E. S.; Sodrã©, L., Jr.; Kneib, J.-P.; Campusano, L.

    2003-08-01

    Nesse trabalho é apresentado um estudo do conteúdo de massa do aglomerado de galáxias A586 (z = 0.171) bem como sua distribuição espacial. Isso foi feito a partir de dados de espectroscopia multi-objeto e imageamento obtidos com o instrumento GMOS acoplado ao telescópio Gemini-Norte. A massa desse aglomerado foi estudada a partir da posição dos seus arcos gravitacionais (lentes fortes), da medida estatística da distorção na forma das galáxias de fundo (lentes fracas) e através da dispersão de velocidades de uma amostra de cerca de 30 galáxias pertencentes ao aglomerado (teorema do virial). Os dois primeiros métodos não dependem do estado dinâmico do aglomerado, enquanto que o terceiro sim. Desse modo, comparando seus resultados pode-se estimar o grau de relaxamento desse sistema. Dados de raios X presentes na literatura também serão incluídos nessa análise. Nossos resultados preliminares a partir das técnicas de lentes fracas, mostram que, supondo que a distribuição de massa desse aglomerado seja a de uma esfera isotérmica, espera-se que ele apresente uma dispersão de velocidades de 1330+/-78 km s-1, em contradicao com medidas similares feitas por Dahle et al. 2002 que encontram valores tão altos quanto 1680 km s-1. Já o estudo dinâmico resultou numa dispersão de velocidades de ~950 km s-1.

  11. A Proposta Jesuitica de Educacao: Uma Leitura das Constituicoes (The Jesuit Proposal of Education: A Reading of the Constitutions).

    ERIC Educational Resources Information Center

    de Paiva, Jose Maria; Puentes, Roberto Valdes

    2000-01-01

    Seeks to understand the Jesuit education proposal in the reforming context from which it came. States that the Constitutions established the renewing function of school education based on the sacred vision of the world: God is placed as the ultimate end, and objectives are learning, formation of good customs, and apostleship. (BT)

  12. Fast stochastic variability study of two SU UMa systems V1504 Cyg and V344 Lyr observed by Kepler satellite

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Dobrotka, A.; Ness, J.-U.; Bajčičáková, I.

    2016-07-01

    We analysed Kepler data of two similar dwarf novae V344 Lyr and V1504 Cyg in order to study optical fast stochastic variability (flickering) by searching for characteristic break frequencies in their power density spectra. Two different stages of activity were analysed separately, i.e. regular outbursts and quiescence. Both systems show similar behaviour during both activity stages. The quiescent power density spectra show a dominant low break frequency which is also present during outburst with a more or less stable value in V344 Lyr while it is slightly higher in V1504 Cyg. The origin of this variability is probably the whole accretion disc. Both outburst power density spectra show additional high-frequency components which we interpret as generated by the rebuilt inner disc that was truncated during quiescence. Moreover, V344 Lyr shows the typical linear rms-flux relation which is strongly deformed by a possible negative superhump variability.

  13. BVRI Photometric Study of the Totally Eclipsing Short Period Solar Type, Near-Contact W UMA Binary, NSVS 5066754

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Caton, Daniel B.; Samec, Ronald G.; Nyaude, Ropafadzo; Faulkner, Danny R.

    2016-06-01

    High precision BVRcIc light curves of NSVS 5066754 were observed on May 17-20, 2014 at Dark Sky Observatory in North Carolina with the 0.81-m reflector of Appalachian State University. It is a solar type eclipsing binary (T1~5750 K) with a period of only 0.375132 (1) d. In fact, it appeared as one of the shortest period in Shaw’s list of near contact binaries. Therefore, we initially believed this to be a pre-contact WUMa Binary (PCWB’s). However, the Binary Maker fits and our Wilson-Devinney solutions show that the binary could have either a semi-detached or a contact binary configuration.Five times of minimum light were calculated, for 3 primary and 2 secondary eclipses from our present observations: In addition, observations at minima were introduced from archived All Sky Automated Survey Data along with the discovery ephemeris. The following decreasing quadratic ephemeris was determined from all available times of minimum light:JDHelMinI=2456797.63848±0.00047d + 0.3747796± 0. 0000068 X E --0.0000000241± 0.0000000005X E2Our contact solution, with a sum of square residuals = 0.49, gave a mass ratio of 0.50, and a component temperature difference of ~360 K, somewhat large for a contact binary. Two substantial cool spots were determined in this solution of 37 deg and 28 deg radius with a t-factor or 0.92 and 0.78 respectively. The fill-out is very shallow, ~6%.The semi-detached solution (mode 4: V1010 Oph configuration, meaning the system is approaching first contact) is of poorer quality with a sum of square residuals = 0.87. It has a mass ratio of 0.63, and a component temperature of ~460 K. The fill-outs are 100% and 97% for the primary and secondary components, respectively. Two spots were determined, one hot (t-factor of 1.16, 14 deg radius, colatitude 101 deg) and one cool spot (t-factor of 0.94, 48 deg radius, colatitude 90 deg). The models in both cases are total eclipsing with high inclinations in the 86-89 deg range, and a time of constant light is found in the secondary eclipse. Since the period study would indicate that the binary may be coalescing, both solutions fit that scenario. The system may have just come into contact or is approaching contact. The first model is more probable.

  14. Compilação de dados atômicos e moleculares do UV ao IV próximo para uso em síntese espectral

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Coelho, P.; Barbuy, B.; Melendez, J.; Allen, D. M.; Castilho, B.

    2003-08-01

    Espectros sintéticos são utéis em uma grande variedade de aplicações, desde análise de abundâncias em espectros estelares de alta resolução ao estudo de populações estelares em espectros integrados. A confiabilidade de um espectro sintético depende do modelo de atmosfera adotado, do código de formação de linhas e da qualidade dos dados atômicos e moleculares que são determinantes no cálculo das opacidades da fotosfera. O nosso grupo no departamento de Astronomia no IAG tem utilizado espectros sintéticos há mais de 15 anos, em aplicações voltadas principalmente para a análise de abundâncias de estrelas G, K e M e populações estelares velhas. Ao longo desse tempo, as listas de linhas vieram sendo construídas e atualizadas continuamente, e alguns acréscimos recentes podem ser citados: Castilho (1999, átomos e moléculas no UV), Schiavon (1998, bandas moleculares de TiO) e Melendez (2001, átomos e moléculas no IV próximo). Com o intuito de calcular uma grade de espectros do UV ao IV próximo para uso no estudo de populações estelares velhas, se fazia necessário compilar e homogeneizar as diversas listas em apenas uma lista atômica e uma molecular. Nesse processo, a nova lista compilada foi correlacionada com outras bases de dados (NIST, Kurucz Database, O' Brian et al. 1991) para atualização dos parâmetros que caracterizam a transição atômica (comprimento de onda, log gf e potencial de excitação). Adicionalmente as constantes de interação C6 foram calculadas segundo a teoria de Anstee & O'Mara (1995) e artigos posteriores. As bandas moleculares de CH e CN foram recalculadas com o programa LIFBASE (Luque & Crosley 1999). Nesse poster estão detalhados os procedimentos citados acima, as comparações entre espectros calculados com as novas listas e espectros observados em alta resolução do Sol e de Arcturus, e uma análise do impacto decorrente da utilização de diferentes modelos de atmosfera no espectro sintético. Ao

  15. Nebulosas planetárias galácticas: idades e cinemática

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Lago, L. G.; Maciel, W. J.

    2003-08-01

    As nebulosas planetárias são formadas a partir de estrelas com massas entre 0.8 e 8 massas solares na sequência principal, formando um conjunto de objetos com idades e populações diferentes. Esse fato torna as nebulosas interessantes ao estudo da rotação galáctica, uma vez que as populações mais jovens devem estar claramente associadas ao disco fino da Galáxia, enquanto que as populações mais velhas estariam associadas ao disco espesso ou mesmo ao halo galáctico. Neste trabalho, utilizamos uma grande amostra de nebulosas com velocidades radiais conhecidas para determinar a curva de rotação da Galáxia. Para minimizar os erros decorrentes das incertezas nas distâncias, usamos quatro diferentes escalas estatísticas. Para a atribuição da idade dos objetos, utilizamos o método proposto recentemente por Maciel et al. (Astron. Astrophys. 397, 667, 2003), em um estudo da variação temporal dos gradientes de abundâncias. Com esse método, é possível obter uma classificação das nebulosas por grupos de idade, totalmente independente de outros sistemas de classificação, uma vez que as idades são estimadas individualmente, a partir das metalicidades das nebulosas. Nossos resultados são comparados com as previsões dos tipos de Peimbert, e mostram que os desvios médios das curvas obtidas são sensivelmente menores nos casos dos objetos mais jovens, associados ao disco fino, com relação aos objetos mais velhos do disco espesso, levando à determinação de uma curva de rotação semelhante à dos objetos de população I jovem. (CNPq)

  16. [Periarticular Corticosteroid Injection in the Therapeutic Approach of Musculoskeletal Disease in General Practice: A systematic Review].

    PubMed

    Trindade, Irene

    2015-01-01

    Introdução: Internacionalmente constata-se o tratamento de patologia músculo-esquelética em cuidados de saúde primários através de técnicas de infiltração peri-articular de corticosteróides. Este artigo procede à análise da evidência existente, com o objectivo de contribuir para a discussão do desenvolvimento dessa prática, ainda diminuta, em Portugal. Material e Métodos: Análise qualitativa de estudos controlados aleatorizados, custo-efectividade, transversais e coorte restrospectivo, recorrendo ao modelo PRISMA. Fontes de dados: PubMed, Cochrane Library, Essential Evidence Plus. Critérios de elegibilidade: infiltrações de corticosteróides no tratamento de patologia músculo-esquelética e indicação de contexto em cuidados de saúde primários. Resultados: Foram incluídos nove estudos controlados aleatorizados, três estudos de custo-efectividade, três estudos transversais, três estudos descritivos e um estudo coorte retrospectivo. A maioria dos indicadores de sucesso da utilização de infiltrações de corticosteróides por médicos de medicina geral e familiar mostrou eficácia a curto prazo; a longo prazo não mostrou superioridade comparativamenteàs intervenções alternativas. O balanço entre os encargos económicos e o aumento da qualidade de vida é favorável à utilização desta técnica em cuidados de saúde primários. Todos os onze estudos que avaliaram a segurança registaram efeitos adversos ligeiros e nenhum grave. Discussão: O desempenho das técnicas de infiltração peri-articular de corticosteróides permite figurá-las como opção terapêutica no tratamento de patologia músculo-esquelética nos cuidados de saúde primários Portugueses. Importa incentivar estudos, nomeadamente a nível nacional, que suportem tanto os indicadores de eficácia, como de segurança desta técnica. Conclusão: A infiltração peri-articular de corticosteróides constitui uma opção relativamente eficaz, segura e com potencial de

  17. Bundle Approach to Reduce Bloodstream Infections in Neutropenic Hematologic Patients with a Long-Term Central Venous Catheter.

    PubMed

    Martinez, Jose Manuel; Leite, Luís; França, Daniela; Capela, Rita; Viterbo, Luísa; Varajão, Natalina; Martins, Ângelo; Oliveira, Isabel; Domingues, Nélson; Moreira, Ilídia; Santo, Ana; Trigo, Filipe; Mariz, Jose

    2015-01-01

    Introdução: O objetivo deste estudo foi reduzir através de um pacote de medidas as infeções sistémicas e as taxas de infeções com origem no cateter venoso central nos doentes hematológicos em neutropenia com cateter venoso central de longa duração. Material e Métodos: Estudo prospetivo não randomizado realizado na unidade onco-hematológica do Instituto Português de Oncologia do Porto no período compreendido entre 1 de agosto de 2010 até 31 de janeiro de 2012. Durante este período foi introduzido um pacote de medidas (grupo estudo) e comparados os resultados nos 6 meses anteriores à sua implementação (grupo de controlo). As medidas consistiram na utilização de conectores de pressão neutra em detrimento dos conectores de pressão positiva, na sua troca mais frequente e numa solução anti-séptica mais eficaz. Foram incluídos neste estudo 116 doentes hematológicos com cateter venoso central de longa duração inserido por um período superior a 72 h. Foram contabilizados 8 867 dias de cateter (6 756 dias de cateter venoso central no grupo estudo e 2 111 dias de cateter venoso central no grupo de controlo). Resultados: Obteve-se uma redução significativa nas taxas de infeções sistémicas e infeções com origem no cateter venoso central. As taxas de infeções sistémicas: [32,69 (grupo de controlo) vs. 9,43 (grupo estudo)], com uma redução de incidência de 71% [risco relativo 0,2886, CI 95% (0,1793 - 0,4647), p < 0,001] e taxas de infeções com origem no cateter venoso central: [17,53 (grupo de controlo) vs. 4,73 (grupo estudo)], com redução de incidência de 71% [risco relativo 0,2936, CI 95% (0,1793 - 0,5615), p < 0,014]. Não foi encontrada diferença significativa (p > 0,05) na contagem de neutrófilos à data da colheita das amostras de hemoculturas entre ambos os grupos: 69% (< 500 neutrófilos/mm3) [71% (grupo estudo) vs. 68% (grupo de controlo)]. Conclusões: A introdução deste pacote de medidas baseado nas variáveis do

  18. [Adaptation and psychometric proprieties study for the Portuguese version of the Adolescent Coping Scale - Escala de Coping para Adolescentes].

    PubMed

    Guerreiro, Diogo Frasquilho; Cruz, Diana; Figueira, Maria Luísa; Sampaio, Daniel

    2014-01-01

    Introdução: O coping é um processo psicológico que leva ao ajustamento individual perante situações de stress. A Adolescent Coping Scale é um instrumento de investigação e uma ferramenta clínica, amplamente utilizada. O presente estudo tem como objectivos desenvolver uma versão Portuguesa da Adolescent Coping Scale e analisar as estratégias e estilos de coping dos jovens da nossa amostra.Material e Métodos: Um questionário anónimo compreendendo a Adolescent Coping Scale obteve respostas de 1 713 alunos (56% do sexo feminino, com idades compreendidas entre os 12 e os 20 anos e uma média etária de 16). O estudo de validade da escala contemplou: análise em componentes principais e avaliação da consistência interna; análise confirmatória através de modelo de equações estruturais. Posteriormente, foram comparadas por género as estratégias e estilos de coping da amostra (testes t para amostras independentes).Resultados: A estrutura final da adaptação da Adolescent Coping Scale reteve 70 itens, que avaliam 16 estratégias de coping agrupadas em três estilos distintos. As escalas apresentaram bons valores de consistência interna (alfas de Cronbach compreendidos entre 0,63 e 0,86, com a exceção de uma dimensão que apresentou um valor de 0,55) e o modelo confirmatório demonstrou bom fit (goodness of fit index compreendidos entre 0,94 e 0,96). Foram eliminadas duas estratégias de coping por motivos estatísticos (ausência de saturação de itens suficientes nas dimensões correspondentes). Verificámos que o estilo de coping focado na resolução do problema é aquele maioritariamente utilizado pelos adolescentes da nossa amostra, em ambos os sexos. No sexo feminino observaram-se valores médios mais elevados nos estilos de coping não produtivo e de referência a outros.Discussão: A versão adaptada apresenta elevada semelhança com a escala original, com alterações minor espectáveis tendo em conta que o coping é influenciado por

  19. [Pediatric anesthetic during brain immaturity and neurodevelopment disorders].

    PubMed

    Catré, Dora; Lopes, Maria Francelina; Cabrita, António Silvério; Silva Viana, Joaquim

    2014-01-01

    Introdução: Diversos estudos experimentais e clínicos sugerem que fármacos usados em anestesia pediátrica podem exercer efeitos indesejáveis sobre o sistema nervoso central imaturo. O objetivo desta revisão consistiu em avaliar os resultados e conclusões de estudos publicados na literatura sobre perturbações persistentes do neurodesenvolvimento após exposição a anestésicos de crianças em fase de imaturidade cerebral. Material e Métodos: Realizámos uma pesquisa bibliográfica em diversas bases de dados (PubMed, SciELO e Cochrane Library), utilizando os termos ‘Pediatric anesthesia OR Pediatric anesthetic OR Developing brain anesthetic OR Developing brain anesthesia AND behavior disorders’ e foram incluídos os estudos em humanos, referentes a efeitos persistentes no neurodesenvolvimento após exposição a anestésicos nos primeiros quatro anos de idade. Resultados: Dez estudos retrospetivos cumpriram os critérios de inclusão. Destes, sete sugerem alteração do neurodesenvolvimento por exposição de criança pequena à anestesia, por oposição aos resultados obtidos pelos restantes três. Discussão: Embora maioritariamente utilizem bases de dados amplas, os estudos encontrados são retrospetivos, variam nos grupos teste, incluem variáveis de confusão por vezes contornáveis e alguns apresentam incorreções na escolha da população teste e controlo que podem comprometer a fiabilidade dos resultados. Conclusão: As numerosas limitações dos poucos estudos clínicos disponíveis fazem com que a informação reportada ainda se considere insuficiente para mudar a prática clínica atual. No entanto, sendo indiscutível que se mantêm as recomendações para providenciar anestesia quando necessária, independentemente da idade, os alertas encontrados na literatura são preocupantes, existindo indicação para que sempre que possível sejam ponderadas alternativas que possam contribuir para diminuir os riscos da exposição anestésica.

  20. Symptoms and reason for a medical visit in lung cancer patients.

    PubMed

    Gonzalez-Barcala, Francisco Javier; Falagan, José Antonio; Garcia-Prim, Jose Maria; Valdes, Luis; Carreira, Jose Martin; Pose, Antonio; Canive, Juan Carlos; Anton, Diana; Garcia-Sanz, Maria Teresa; Puga, Amalia; Temes, Enrique; Lopez-Lopes, Rafael

    2014-01-01

    Contexto: A Os doentes com o diagnóstico de cancro do pulmão estão habitualmente sintomáticos no momento do diagnóstico, sendo comum que o médico ou o doente não associem essa sintomatologia com a eventualidade de um tumor maligno. Objectivos: Este estudo teve como objectivo a análise dos sintomas de doentes com cancro do pulmão e sua relação com as características pessoais ou com a doença oncológica. Material e Métodos: Foi levado a cabo um estudo retrospectivo englobando todos os doentes com o diagnóstico de cancro do pulmão na Região de Saúde de Pontevedra (Espanha) ao longo de um período de três anos. São analisados os sintomas de apresentação do doente, o motivo de consulta e a concordância entre ambos ou com quaisquer factores correlacionados. Resultados: Foram incluídos no estudo 358 doentes, com uma média etária de 68,7 anos, sendo 87% dos doentes do sexo masculino. Os sintomas iniciais mais comuns foram sintomas constitucionais em 30,4% dos casos, tosse em 20,9% e dor torácica, descrita por 12% dos doentes. O motivo de consulta mais frequente foi dispneia em 22,1% dos doentes, um achado acidental em 15,4% dos doentes e hemoptise em 12,8%. Observou-se uma associação moderada (coeficiente de correlação = 0,495) entre os sintomas iniciais e o motivo de consulta. Conclusões: Uma elevada percentagem de doentes com um diagnóstico de cancro do pulmão apresentou sintomas associados com o tumor no momento do diagnóstico, mesmo num estadio inicial da doença.

  1. [231 laparoscopic cholecystectomy in ambulatory: what results?].

    PubMed

    Goulart, André; Delgado, Margarida; Antunes, Maria Conceição; Braga Dos Anjos, João

    2013-01-01

    Introdução: A colecistectomia laparoscópica é actualmente o gold standard no tratamento da patologia litiásica vesicular e colecistite aguda. A sua realização em regime de cirurgia de ambulatório permanece em discussão. O presente estudo tem por objectivo analisar a qualidade e segurança das colecistectomias laparoscópicas realizadas pela Unidade de Cirurgia de Ambulatório do Hospital de Braga e comparar os resultados com outros centros europeus que realizam colecistectomia laparoscópica em regime de ambulatório.Material e Métodos: Estudo observacional prospectivo de doentes submetidos a colecistectomia laparoscópica em regime de ambulatório durante 26 meses. Foram recolhidos dados referentes à demografia do doente, complicações peri e pós-operatórias, tempo cirúrgico e tempo de permanência no recobro e internamentos não programados.Resultados: Foram submetidos a colecistectomia laparoscópica em regime de ambulatório com pernoita (alta < 24h) 231 doentes. Três doentes tiveram intercorrências intra-operatórias com necessidade de conversão para laparotomia e quatro doentes foram internados após a cirurgia. O tempo médio de cirurgia foi de 58 minutos e o tempo médio de recobro de 19h19m. A morbilidade pósoperatória foi de 7,8% tendo, ocorrido dois internamentos não programados.Discussão: Uma das discussões que existe em torno da colecistectomia laparoscópica em regime de ambulatório é a necessidade de vigilância hospitalar durante a primeira noite após a cirurgia. Na nossa unidade, iniciamos a realização da colecistectomia laparoscópica em regime de ambulatório com pernoita hospitalar. Os resultados de mais de dois anos e 231 doentes operados a colecistectomia laparoscópica mostram que é uma técnica perfeitamente segura em regime de ambulatório.Conclusões: Os dados do estudo mostram que a colecistectomia laparoscópica é uma técnica segura em regime de ambulatório, com resultados semelhantes comparativamente com

  2. Determinação do extremo de baixa luminosidade da função de luminosidade através de simulações de Monte Carlo

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Campos, P. E.; Mendes de Oliveira, C.

    2003-08-01

    Neste trabalho apresentamos os principais resultados do estudo da população de galáxias anãs de baixo brilho superficial dos grupos compactos HCG44 e HCG68. A inclinação do extremo de baixa luminosidade a da função de luminosidade desses grupos foi estimado através de simulações de Monte Carlo. O método consistiu em simular galáxias anãs de baixo brilho superficial em imagens reais seguindo uma distribuição de magnitudes dada uma função de Schechter. Foram testados vários modelos com diferentes valores para os parâmetros M* e a da função de Schechter, e para cada um dos modelos foi repetido o mesmo processo de recuperação, seleção e análise usados com as galáxias anãs dos grupos. Os resultados de cada modelo foram então comparados com o observado nos grupos. Nossos resultados indicam que a distribuição de magnitudes (para magnitudes absolutas até MR»-12) observadas nos grupos são compatíveis com uma função de luminosidade de Schechter dada por um M* = -16 e um a entre -1.0 e -1.4, e portanto de acordo com a tendência observada de uma inclinação do extremo de baixa luminosidade da função de luminosidade de grupos mais plana (~1.2, Trentham & Tully 2002, MNRAS, 335, 712) que esperado pelo modelo hierárquico de formação de estruturas CDM (Cold Dark Matter - Matéria Escura Fria).

  3. Women's attachment as a predictor of pain during labour and post-delivery: a prospective observational study.

    PubMed

    Costa Martins, José Manuel; da Silva, Carlos Fernandes; Pereira, Marco; Martins, Henriqueta; Oliveira, Célia; Puga, Alexandra; Coelho, Rui; Tavares, Jorge

    2014-01-01

    IntroduçÉo: O parto é considerado uma das experiências mais dolorosas e significativas na vida de uma mulher. O objectivo deste estudo foi avaliar se o estilo de vinculaçÉo da grávida é um preditor significativo da dor experienciada durante o parto e após o nascimento.Material e Métodos: Trinta e duas grávidas foram avaliadas durante o terceiro trimestre de gravidez e durante o parto. A vinculaçÉo no adulto foi avaliada através da Escala de AvaliaçÉo no Adulto ' Revista. A intensidade da dor de parto foi avaliada através de uma Escala Visual Analógica para a dor durante o parto e após o nascimento.Resultados: As mulheres com um estilo de vinculaçÉo inseguro reportaram maior dor aos 3 cm de dilataçÉo cervical (p < 0,05), antes da administraçÉo da analgesia (p < 0,01) e após o nascimento (p < 0,05) que as mulheres com uma vinculaçÉo segura. Nos modelos multivariados, o estilo de vinculaçÉo mostrou-se um preditor significativo da dor no parto aos 3 cm de dilataçÉo cervical e antes da administraçÉo da analgesia, mas nÉo na dor percebida após o nascimento.DiscussÉo: Estes resultados confirmam que a dor de parto é influenciada por factores psicológicos relevantes e sugerem que o estilo de vinculaçÉo da mulher pode ser um factor de risco para maior intensidade de dor no parto.ConclusÉo: Estudos futuros no contexto da dor obstétrica devem considerar o estilo de vinculaçÉo como um indicador de diferenças individuais na experiência de dor durante o parto. Isto pode ter importantes implicações para a Anestesiologia e promover importantes mudanças nas práticas institucionais e procedimentos terapêuticos.

  4. [Epidemiology of Vertigo on Hospital Emergency].

    PubMed

    Roque Reis, Luis; Lameiras, Rita; Cavilhas, Pedro; Escada, Pedro

    2016-05-01

    Introdução: A vertigem é um dos motivos mais frequentes na procura de atendimento médico especializado na urgência. O objetivo deste estudo foi avaliar o peso real que as alterações do equilíbrio têm na urgência de Otorrinolaringologia, as suas características epidemiológicas e uma eventual sazonalidade por estações do ano. Usou-se uma amostra de doentes que utilizou o serviço de urgência desta especialidade de um hospital central universitário de Lisboa durante um período de quatro anos. Material e Métodos: O projeto foi concebido como um estudo epidemiológico descritivo de tipo populacional, retrospectivo, no período de 2010 a 2013. Incluiu uma população total de 40 173 atendimentos de doentes que nesse período utilizou o serviço de urgência de Otorrinolaringologia. As variáveis estudadas incluíram a idade, género, número anual de casos (total e percentual), data da crise de vertigem, distribuição sazonal por estações do ano e proporção anual de casos internados. Resultados: Um total de 4 347 doentes (10,8%) procurou atendimento médico devido a vertigem ou alterações do equilíbrio ao longo dos quatro anos do estudo. Verificou-se um aumento anual do número de casos entre 7,6% (em 2010) a 17% (em 2013). As mulheres foram mais frequentemente afetadas (68,3%) e as crises ocorreram mais frequentemente em indivíduos entre os 60 e 79 anos de idade (40%). Os casos distribuíram-se de forma heterogénea entre as estações do ano, havendo mais episódios de vertigem no verão e no outono e com uma tendência crescente entre 2010 e 2013. O número de internamentos aumentou anualmente nesse período. Discussão: A epidemiologia da vertigem e dos distúrbios vestibulares específicos é ainda um campo a estudar, pois pode ter utilidade para a tomada de decisões clínicas e para o planeamento dos cuidados de saúde. Conclusão: O estudo revelou que os casos de vertigem na urgência aumentaram anualmente e são mais frequentes no sexo

  5. Breast cancer patients survival and associated factors: reported outcomes from the Southern Cancer Registry in Portugal.

    PubMed

    André, Maria Rosario; Amaral, Sandra; Mayer, Alexandra; Miranda, Ana

    2014-01-01

    Objectivos: A incidência do cancro da mama em Portugal é inferior à média europeia, sendo, ainda assim, a neoplasia mais frequente na mulher. As taxas de mortalidade por cancro de mama apresentam uma distribuição heterogénea nas diferentes regiões de Portugal. São múltiplos os factores que podem influenciar esta distribuição, incluindo aspectos demográficos e socioeconómicos, características biológicas tumorais, e o acesso aos cuidados de saúde. O objectivo deste estudo é detectar diferenças na sobrevivência do cancro de mama feminino e os principais factores associados. Material e Métodos: Estudo de coorte, de base populacional e orientação retrospectiva, com follow-up. Foram incluídos casos de cancro de mama diagnosticados em 2005 e residentes na região sul de Portugal, tendo os dados sido recolhidos a partir da base de dados do Registo Oncológico Regional Sul (ROR-Sul) e complementados com dados dos processos clínicos. Resultados: Foram incluídos neste estudo 1 354 doentes. Observaram-se as seguintes variações geográficas: na distribuição etária, com uma população envelhecida no Alentejo; na distribuição de sub-tipos tumorais, com uma maior incidência de tumores HER2- positivo no Algarve e maior incidência de tumores HER2-negativo na Região Autónoma da Madeira. A sobrevivência global estimada aos 5 anos foi de 80%, com uma associação significativa com o estadio, receptores hormonais e status HER2. Não foram identificadas diferenças na sobrevivência entre mulheres residentes em regiões geográficas distintas. Discussão: Apesar das diferenças observadas na distribuição etária e de sub-tipos tumorais entre regiões geográficas, os nossos resultados não suportam a existência de discrepâncias na sobrevivência do cancro de mama entre estas regiões. As características biológicas tumorais parecem ser os principais factores associados à sobrevivência do cancro de mama feminino na nossa população. Conclus

  6. The Illness Experience: Palliative Care Given the impossibility of Healing.

    PubMed

    Dantas, Margarida Maria Florêncio; Amazonas, Maria Cristina Lopes de Almeida

    2016-06-01

    This paper presents a reflection about being terminally ill and the various ways that the subject has at its disposal to deal with this event. The objective is to understand the experience of palliation for patients undergoing no therapeutic possibilities of cure. The methodology of this study has the instruments to semi-structured interview, the participant observation and the field diary, and the Descriptive Analysis of Foucault's inspiration how the narratives of the subjects were perceived. The Results of paper there was the possibility of looking at the experience of illness through the eyes of a subject position assumed by the very sick. As conclusion we have than when choosing palliative care, the terminally ill opts for a way to feel more comfortable and resists the impositions of the medical model of prolonging life. O presente trabalho traz uma reflexão a respeito do ser um doente terminal e das várias maneiras que o sujeito tem a seu dispor para lidar com esse acontecimento. Nosso objetivo foi compreender a experiência da paliação por sujeitos doentes sem possibilidades terapêuticas de cura. A metodologia deste estudo teve como instrumentos a Entrevista Narrativa, a Observação Participante e o Diário de Campo, sendo a Análise Descritiva de inspiração foucaultiana o modo como as narrativas dos sujeitos foram percebidas. O resultado do estudo mostrou a possibilidade de olhar a experiência do adoecer através da ótica de uma posição de sujeito assumida pelo próprio enfermo. E concluímos que ao escolher os cuidados paliativos, o doente terminal opta por um modo de se sentir mais confortável e resiste às imposições do modelo médico de prolongamento da vida. PMID:27384275

  7. The Illness Experience: Palliative Care Given the impossibility of Healing.

    PubMed

    Dantas, Margarida Maria Florêncio; Amazonas, Maria Cristina Lopes de Almeida

    2016-06-01

    This paper presents a reflection about being terminally ill and the various ways that the subject has at its disposal to deal with this event. The objective is to understand the experience of palliation for patients undergoing no therapeutic possibilities of cure. The methodology of this study has the instruments to semi-structured interview, the participant observation and the field diary, and the Descriptive Analysis of Foucault's inspiration how the narratives of the subjects were perceived. The Results of paper there was the possibility of looking at the experience of illness through the eyes of a subject position assumed by the very sick. As conclusion we have than when choosing palliative care, the terminally ill opts for a way to feel more comfortable and resists the impositions of the medical model of prolonging life. O presente trabalho traz uma reflexão a respeito do ser um doente terminal e das várias maneiras que o sujeito tem a seu dispor para lidar com esse acontecimento. Nosso objetivo foi compreender a experiência da paliação por sujeitos doentes sem possibilidades terapêuticas de cura. A metodologia deste estudo teve como instrumentos a Entrevista Narrativa, a Observação Participante e o Diário de Campo, sendo a Análise Descritiva de inspiração foucaultiana o modo como as narrativas dos sujeitos foram percebidas. O resultado do estudo mostrou a possibilidade de olhar a experiência do adoecer através da ótica de uma posição de sujeito assumida pelo próprio enfermo. E concluímos que ao escolher os cuidados paliativos, o doente terminal opta por um modo de se sentir mais confortável e resiste às imposições do modelo médico de prolongamento da vida.

  8. Experiências internacionais da aplicação de sistemas de apoio à decisão clínica em gastroenterologia

    PubMed Central

    Tenório, Josceli Maria; Hummel, Anderson Diniz; Sdepanian, Vera Lucia; Pisa, Ivan Torres; de Fátima Marin, Heimar

    2015-01-01

    Objetivo Descrever as experiências recentes com a aplicação de sistemas de apoio à decisão clínica em gastroenterologia, de forma a estabelecer o nível de desenvolvimento, testes e vantagens conferidas à prática médica com a introdução desses softwares. Métodos Foi realizada busca nas bases de dados PubMed, LILACS e ISI Web of Knowledge, utilizando termos relacionados à sistemas de apoio à decisão e à gastroenterogia, incluindo artigos originais publicados no período entre 2005 e 2010. Foram recuperadas 104 publicações, na busca inicial e, após a aplicação dos critérios de inclusão e exclusão, foram eleitos nove estudos para leitura do texto completo. Resultados Os sistemas de apoio à decisão clínica apresentam grande multiplicidade de problemas clínicos e investigação de doenças. Em 89% dos casos, são descritos modelos experimentais para o desenvolvimento de sistemas de apoio à decisão clínica. A descrição dos resultados obtidos por técnicas de inteligência artificial em 78% das publicações. Em dois dos estudos foram realizadas comparações com o médico e em apenas uma publicação um estudo controlado foi descrito, mostrando evidências de melhorias na prática médica. Conclusão Os estudos mostram potenciais benefícios dos sistemas de apoio à decisão clínica à prática médica, porém, estudos controlados em ambiente real devem ser realizados para comprovar esta perspectiva. PMID:26491625

  9. Estudo da Oscilação de Neutrinos Muônicos Usando Dados Atmosféricos e de Acelerador nos Experimentos MINOS e MINOS+

    SciTech Connect

    Medeiros, Michelle Mesquita de

    2015-01-01

    The MINOS (Main Injector Neutrino Oscillation Search) and MINOS+ experiments were designed to study neutrino oscillations using a muon neutrino beam which is detected in two different locations, in the Near Detector and in the Far Detector. The distance between the detectors allows the beam neutrinos to oscillate to a different flavor. Therefore, a disappearance of the muon neutrinos from the beam is observed in the Far Detector. The Far Detector has a special apparatus which makes possible the selection of atmospheric neutrinos and antineutrinos. These come from interactions of cosmic rays with the Earth’s atmosphere. Both detectors have a magnetic field, allowing the distiction between neutrinos and antineutrinos interactions. This thesis presents the first combined analysis of data from the MINOS and MINOS+ experiments. We have analyzed the combined neutrino energy spectrum from the complete MINOS beam data and the first, more energetic, MINOS+ beam data. The disappearance of the muon neutrinos was observed and the data has shown to be congruent with the oscillation model. Beyond that, we have measured the atmospheric oscillation parameters of the beam and atmospheric neutrinos and antineutrinos from MINOS combined with the atmospheric neutrinos and antineutrinos from MINOS+. Assuming the same oscillation parameters for both neutrinos and antineutrinos, the best fit is obtained for inverted hierarchy and lower octant with Δm2 32 = 2:37 X 10-3 eV2 and sin2 θ 23 = 0:43, and the limits m2 32 = [2,29 - 2,49] 10-3 eV2 (68%) and sin2 θ23 = 0.36 - 0.66 (90%). These results are the most precise measurement of the neutrinos mass splitting using muon neutrino disappearance data only.

  10. Revista de Documentacao de Estudos em Linguistica Teorica e Aplicada, 1999 (Journal of Documentary Studies in Linguistic Theory and Application, 1999).

    ERIC Educational Resources Information Center

    Barbara, Leila, Ed.; Rajagopalan, Kanavillil, Ed.

    1999-01-01

    These issues include the following articles: "Portuguese Philology in Brazil" (Heitor Megale, Cesar Nardelli Cambraia); "Implications of Brazilian Portuguese Data for Current Controversies in Phonetics: Towards Sharpening Articulatory Phonology" (Eleonora Cavalconte Albano); "Morphological Studies in Brazil: Data and Issues" (Margarida Maria de…

  11. Revista de Documentacao de Estudos em Liguistica Teorica e Aplicada, 1998 (Journal of Documentary Studies in Linguistic Theory and Application, 1998).

    ERIC Educational Resources Information Center

    Barbara, Leila, Ed.; Rajagopalan, Kanavillil, Ed.

    1998-01-01

    This document consists of three issues of DELTA, comprising its entire output for 1998. DELTA is a journal of theoretical and applied linguistics and covers a wide variety of material related to language, speech, and education. The journal publishes only original research and ideas presented in the form of articles, debates, squibs, overviews,…

  12. Neutrino-driven wakefield plasma accelerator

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Rios, L. A.; Serbeto, A.

    2003-08-01

    Processos envolvendo neutrinos são importantes em uma grande variedade de fenômenos astrofísicos, como as explosões de supernovas. Estes objetos, assim como os pulsares e as galáxias starburst, têm sido propostos como aceleradores cósmicos de partículas de altas energias. Neste trabalho, um modelo clássico de fluidos é utilizado para estudar a interação não-linear entre um feixe de neutrinos e um plasma não-colisional relativístico de pósitrons e elétrons na presença de um campo magnético. Durante a interação, uma onda híbrida superior de grande amplitude é excitada. Para parâmetros típicos de supernovas, verificamos que partículas carregadas "capturadas" por essa onda podem ser aceleradas a altas energias. Este resultado pode ser importante no estudo de mecanismos aceleradores de partículas em ambientes astrofísicos.

  13. A geometria do campo magnético na região da nuvem Lupus 1

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Alves, F. P.; Franco, G. A. P.

    2003-08-01

    Apresentaremos os resultados de uma investigação polarimétrica na região de formação estelar junto à nuvem escura Lupus 1. Esse estudo baseia-se em polarimétria CCD obtida na banda R, e cobre Lupus 1, bem como a área vizinha a essa nuvem contendo a cavidade em 100 mm IRAS. Os dados observacionais foram coletados com o telescópio IAG de 60 cm do Observatório do Pico dos Dias (LNA/MCT - Brasópolis - MG). Nossa primeira análise mostra que uma variação da orientação do campo magnético através da região pode produzir padrões complexos de polarização cuja geometria do campo não pode ser facilmente determinada. Os padrões de polarização são inconsistentes com um campo magnético estritamente uniforme e unidimensional em larga escala. Comparação com a emissão em 100 mm mostra que localmente os vetores de polarização exibem um forte alinhamento com a orientação dos padrões observados em infravermelho.

  14. Análise da aplicação e dos resultados do modelo OPM3® para a área da saúde

    PubMed Central

    Augusto dos Santos, Luis; de Fátima Marin, Heimar

    2015-01-01

    Esta pesquisa procurou analisar se um modelo de questionário criado por uma comunidade internacional de gerenciamento de projetos e se é aplicavél a organizações voltadas a área de saúde. O modelo OPM3® (Organizational Project Management Maturity Model) foi criado para que organizações de qualquer área ou porte pudessem identificar a presença, ou ausência, de boas práticas de gerenciamento. O objetivo da aplicação desse modelo é avaliar sempre a organização e não o entrevistado. No presente artigo, são apresentados os resultados da aplicação desse modelo em uma organização que possuía produtos e serviços de tecnologia da informação aplicados à área de saúde. Este estudo verificou que o modelo é aplicável de forma rápida e que a organização analisada possuía um número expressivo de boas práticas. PMID:26924862

  15. [Alcohol consumption in the schooled youth: an old question revisited].

    PubMed

    Marques, Marilia; Viveiro, Carolina; Passadouro, Rui

    2013-01-01

    Introdução: É principalmente na adolescência que os jovens procuram novas experiências. O consumo de álcool surge neste contexto como uma atitude banalizada e, por vezes, até incitada socialmente, já que o acesso a bebidas alcoólicas é facilitado. Associa-se a comportamentos de risco, com consequências sérias do ponto de vista de saúde pública. O nosso objectivo é caracterizar os padrões de consumo de álcool numa amostra de adolescentes residentes no distrito de Leiria. Material e Métodos: Estudo transversal, descritivo, através de um questionário anónimo aplicado em alunos do distrito de Leiria. Resultados: A amostra final foi de 405 indivíduos, 56% do sexo feminino, com idade média de 16,5 ± 1 anos (15 - 18 anos). A maioria (48%) frequentava o 10º ano, 15,4% reprovaram pelo menos uma vez. Noventa por cento dos inquiridos afirmaram ter experimentado bebidas alcoólicas pelo menos uma vez. O primeiro contacto com o álcool ocorreu preferencialmente com amigos (63%), na maioria dos casos por curiosidade (47%). Os resultados apontaram para maiores índices de consumo de cerveja e maior insucesso escolar no género masculino, comparativamente ao género feminino, que apresentava um maior consumo de bebidas brancas. Em ambos os sexos verificou-se uma tendência para o binge drinking. A maioria dos inquiridos (60%) consumia 2 a 3 copos por ocasião mas cerca de 30% dos rapazes afirmaram consumir mais de quatro copos por ocasião (7% até ficarem embriagados), tendência que não se verificou nas raparigas. A maioria dos consumos efectuou-se nos bares e discotecas (60%). Constatou-se que 41% dos inquiridos saíam à noite, e 70% ingeriam bebidas alcoólicas; 66% começaram a sair à noite entre os 13 e os 15 anos de idade e 9% já tinham experimentado drogas pelo menos uma vez. Os jovens estão mal informados quanto ao consumo do álcool: 20% achavam que as bebidas alcoólicas podem matar a sede, 34% acreditavam que abrem o apetite, 15

  16. [Odds Ratio: review about the meaning of an epidemiological measure].

    PubMed

    Aguiar, Pedro; Nunes, Baltazar

    2013-01-01

    Introdução: É importante rever a validade do Odds Ratio como medida de associação e efeito, assim como, qual o viés introduzido pelo Odds Ratio quando este representa uma razão de riscos ou uma razão de prevalências em situação de doença mais frequente.Material e Métodos: Simulámos numa coorte de 200 indivíduos com 100 expostos e 100 não expostos a um fator de risco, um cenário de doença rara e outro de doença mais frequente, com razão de riscos igual em ambos os cenários. Determinaram-se o Odds Ratio e o Risco Relativo pelo método clássico (padrão) e respectivamente por regressão logística e regressão de Poisson. Introduziu-se de seguida uma variável de confundimento e determinaram-se o Odds Ratio e o Risco Relativo pelo método de Mantel-Hanszel (análise estratificada padrão) e respectivamente por regressão logística e regressão de Poisson. As análises estatísticas foram efectuadas em SPSS V20.Resultados: Para a doença rara, o Odds Ratio aproximou-se do Risco Relativo. Quando a doença foi mais frequente, o Odds Ratio sobrestimou o Risco Relativo. Nesta situação, e com a presença de uma variável de confundimento, o Risco Relativo ajustado por regressão de Poisson permitiu obter estimativas mais válidas da razão de riscos que o Odds Ratio ajustado por regressão logística. Os intervalos de confiança do Risco Relativo estimado por regressão de Poisson foram sempre mais largos que os determinados por análise de Mantel-Hanszel.Conclusões: O Odds Ratio e a regressão logística múltipla são procedimentos válidos em estudos caso-controlo e em estudosprospetivos e transversais de natureza exploratória. O Odds Ratio não deve ser interpretado como uma razão de riscos ou razão de prevalências se o resultado de saúde não é raro. A análise de regressão múltipla de Poisson deve ser considerada como alternativa válida à regressão logística múltipla, especialmente em estudos de uma exposição específica.

  17. Osteoporosis: from bone biology to individual treatment decision.

    PubMed

    Gonçalves, Maria João; Rodrigues, Ana Maria; Canhão, Helena; Fonseca, João Eurico

    2013-01-01

    Introdução: A Osteoporose é uma doença óssea metabólica sistémica de prevalência crescente. Nesta revisão, abordamos os mais recentes estudos epidemiológicos e o seu impacto no tratamento individual dos doentes, assim como os mecanismos moleculares desta doença que levaram à descoberta de novos alvos terapêuticos.Material e Métodos: Usando os MeSH terms (osteoporose, epidemiologia, Portugal, Europa, patogenia, osteoblastos, osteoclastos, osteócitos, obesidade, sistema imune, terapia, ensaio randomizado e controlado, eficácia e segurança) como palavras-chave. Foram revistos artigos originais, revisões e position papers indexados na PubMed.Resultados: A osteoporose apresenta uma prevalência crescente, mas recentemente foi atingido um plateau na taxa ajustada à idade. Uma nova ferramenta, o FRAX™, foi desenvolvida para a estimativa do risco de fratura, a partir da contribuição de fatores de risco clínicos associados a fraturas de fragilidade. O tratamento da osteoporose é oferecido a uma baixa percentagem de doentes com osteoporose. O tratamento em 40% dos casos inicia-se já em doença estabelecida (na presença de fratura de fragilidade prévia). As questões de segurança associadas a medicamentos para tratamento da Osteoporose, após aprovação para comercialização, têm sidoalvo de debate. Por último, os avanços no entendimento da biologia molecular do metabolismo ósseo levaram ao desenvolvimento de novas drogas.Discussão e Conclusão: Apesar da existência de novas ferramentas diagnósticas e tratamento eficaz, o tratamento para osteoporose é oferecido a uma minoria dos doentes, muitas vezes a indivíduos com doença avançada. A mudança deste cenário poderá ser alcançada com novos e mais eficazes tratamentos.

  18. Detecção inesperada de efeitos de lentes fracas em grupos de galáxias pouco luminosos em raios-X

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Carrasco, R.; Mendes de Oliveira, C.; Sodrã©, L., Jr.; Lima Neto, G. B.; Cypriano, E. S.; Lengruber, L. L.; Cuevas, H.; Ramirez, A.

    2003-08-01

    Obtivemos, como parte do programa de verificação científica do GMOS Sul, imagens profundas de três grupos de galáxias: G97 e G102 (z~0,4) e G124 (z = 0,17). Esses alvos foram selecionados a partir do catálogo de fontes extensas de Vikhlinin (1998), por terem luminosidades em raios X menores que 3´1043 ergs s-1, valor cerca de uma ou duas ordens de grandeza inferior ao de aglomerados de galáxias. O objetivo primário dessas observações é o estudo da evolução de galáxias em grupos. Grupos são ambientes menos densos que aglomerados, contêm a grande maioria das galáxias do Universo mas que, até o momento, foram estudados detalhadamente apenas no Universo local (z~0). Com esses dados efetuamos uma análise estatística da distorção na forma das galáxias de fundo (lentes gravitacionais fracas) como forma de inferir o conteúdo e a distribuição de massa nesses grupos apesar de que, em princípio, esse efeito não deveria ser detectado uma vez que os critérios de seleção adotados previlegiam sistemas de baixa massa. De fato, para G124 obtivemos apenas um limite superior para sua massa que é compatível com sua luminosidade em raios X. De modo contrário e surpreendente, os objetos G102 e G097, aparentam ter massas que resultariam em dispersões de velocidade maiores que 1000 km s-1, muito maiores do que se espera para grupos de galáxias. Com efeito, para G097 obtivemos, a partir de dados do satélite XMM, uma estimativa para a temperatura do gás intragrupo de kT = 2,6 keV, que é tipica de sistemas com dispersões de velocidade de ~ 600 km s-1, bem característica de grupos. Essas contradições aparentes entre lentes fracas e raios X podem ser explicadas de dois modos: i) a massa obtida por lentes estaria sobreestimada devido à superposição de estruturas massivas ao longo da linha de visada ou ii) a temperatura do gás do meio intra-grupo reflete o potencial gravitacional de estruturas menores que estariam se fundindo para formar uma

  19. Implementação de um algoritmo para a limpeza de mapas da RCFM

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Souza, C. L.; Wuensche, C. A.

    2003-08-01

    A Radiação Cósmica de Fundo em Microondas (RCFM), descoberta por Penzias e Wilson em 1965, é uma das ferramentas mais poderosas para o estudo da cosmologia. Com a descoberta de flutuações de temperatura na RCFM, da ordem de uma parte em 105, pelo COBE (1992), uma nova era teve início. Nos últimos onze anos, diversos instrumentos fizeram novas medidas de alta precisão, refinando os resultados apresentados pelo COBE, culminando com os resultados recentes do satélite WMAP. A análise de dados da RCFM, especialmente no caso de experimentos com pequena cobertura do céu, apresenta uma série de dificuldades devido a emissões de contaminantes externos, tais como a emissão da Galáxia e de fontes pontuais, e de ruídos intrínsecos tanto ao sistema de detecção quanto à estratégia de observação do céu. Uma das soluções típicas para a filtragem de dados brutos de um experimento para medir flutuações de temperatura é aplicar um gabarito (template) e um filtro passa alta ao produzir mapas simplificados (sem considerar matrizes de correlação ou covariância). No caso de experimentos que utilizam detectores HEMT, essa combinação de filtros remove, satisfatoriamente, ruídos do tipo 1/f gerados pela instabilidade no ganho do detector acoplado ao movimento do instrumento, definido pela estratégia de observação. Entretanto, o sinal resultante medido, tanto em simulações quanto em séries temporais reais, sugere que parte do sinal cosmológico pode estar sendo removido junto com o ruído dos detectores. Este trabalho descreve as etapas para a produção de um mapa típico (simulado) e os testes preliminares de um algoritmo para remover ruídos do tipo 1/f introduzidos pela estratégia de observação sem prejudicar a qualidade do sinal cosmológico presente no mapa.

  20. Correlation between nasopharyngoscopy and cephalometry in the diagnosis of hyperplasia of the pharyngeal tonsils.

    PubMed

    Ritzel, Rodrigo Agne; Berwig, Luana Cristina; da Silva, Ana Maria Toniolo; Corrêa, Eliane Castilhos Rodrigues; Serpa, Eliane Oliveira

    2012-04-01

    Introdução: A hiperplasia de tonsila faríngea é uma das principais causas da respiração oral. O diagnóstico preciso desta alteração é importante para o correto planejamento terapêutico. Em vista disso, estudos têm sido desenvolvidos a fim de fornecer subsídios quanto aos procedimentos que podem ser utilizados para o diagnóstico de obstrução faríngea.Objetivo: Verificar a correlação entre os exames de nasofibrofaringoscopia e cefalometria no diagnóstico de hiperplasia de tonsila faríngea.Método: Estudo transversal, clínico e experimental. Participaram deste estudo 55 crianças, 30 meninas e 25 meninos, com idades entre 7 e 11 anos. As crianças foram submetidas à avaliação nasofibrofaringoscópica e cefalométrica para a determinação do grau de obstrução da nasofaringe. Para verificar a correlação entre esses exames foi utilizado o coeficiente de correlação de Spearman ao nível de significância de 5%.Resultados: Na nasofibrofaringoscopia a maioria das crianças apresentou hiperplasia de tonsila faríngea graus 2 e 3, seguidas de grau 1. Na cefalometria a maior parte das crianças apresentou hiperplasia de tonsilas faríngeas grau 1, seguida de grau 2. Na correlação entre os exames, evidenciou-se correlação regular e positiva.Conclusão: A avaliação da hiperplasia de tonsilas faríngeas pode ser realizada pela nasofibrofaringoscopia e pela cefalometria, pois estes exames apresentam uma relação regular e positiva. No entanto, verificou-se que a cefalometria tende a subestimar o tamanho da tonsila faríngea em relação à nasofibrofaringoscopia.

  1. Desenvolvimento das câmeras de raios-X duros do satélite MIRAX

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Braga, J.; Rothschild, R.; Staubert, R.; Heise, J.; Remillard, R.; D'Amico, F.; Jablonski, F.; Mejía, J.; Carvalho, H.; Heindl, B.; Matteson, J.; Kendziorra, E.; Wilms, J.; in't Zand, J.; Kuulkers, E.

    2003-08-01

    O MIRAX (Monitor e Imageador de RAios-X) é um projeto de desenvolvimento de um pequeno satélite astronômico de raios-X (~200 kg, ~240 W). A estratégia básica da missão será observar continuamente (~9 meses por ano) a região central (~1000 graus2) do plano Galáctico e realizar estudos espectroscópicos de banda larga (2-200 keV) e alta sensibilidade de um grande conjunto de fontes através de imagens com resolução de ~6'. Isso proporcionará uma cobertura inédita do "espaço de descobertas" através da detecção, localização, identificação e estudo detalhado de fenômenos imprevisíveis, tais como transientes fracos de raios-X, novas rápidas de raios-X e bursts de raios gama, assim como o estudo de fontes com emissão persistente. Neste trabalho apresentamos o projeto das duas câmeras de raios-X duros (CXDs) do MIRAX, que irão operar na faixa de 10 a 200 keV. Cada CXD consistirá de um plano de detectores CZT (Cd0,9Zn0,1Te) de 0,5 mm de resolução espacial e 370 cm2 de área total, e de uma máscara codificada com elementos quadrados de 1,3 mm de lado e 0,5 cm de espessura. A máscara terá dimensões de 315 cm ´ 275 cm e será montada a 700 cm de distância dos detectores. Com essa configuração as CXDs terão 6' de resolução angular e, quando colocadas a um ângulo de 29° entre si, as duas câmeras propiciam um campo totalmente codificado de 39° ´ 6°12' e um campo total de 76° ´ 44°. Serão apresentadas simulações de observações da região do plano Galáctico com o conjunto formado pelas duas CXDs.

  2. [Relational and reproductive trajectories leading to adolescent pregnancy in Portugal: a national and regional characterization].

    PubMed

    Pires, Raquel; Pereira, Joana; Pedrosa, Anabela Araújo; Bombas, Teresa; Vilar, Duarte; Vicente, Lisa; Canavarro, Maria Cristina

    2014-01-01

    Introdução: Este estudo pretendeu caracterizar as trajetórias relacionais e reprodutivas conducentes à gravidez na adolescência em Portugal, explorando a existência de especificidades regionais.Material e Métodos: O estudo decorreu entre 2008 e 2013 em 42 serviços de saúde públicos. A amostra, nacionalmente representativa, incluiu 459 grávidas com idades entre os 12 e os 19 anos. Os dados foram obtidos por autorrelato, através de uma ficha de caracterização construída para o efeito.Resultados: Independentemente de terem tido um (59,91%) ou múltiplos parceiros sexuais (40,09%), as adolescentes engravidaram de forma mais frequente numa relação de namoro, utilizando contraceção à data da conceção e tendo identificado a falha contracetiva que esteve na origem da gravidez (39,22%). A nível regional, outras trajetórias surgiram com elevada prevalência, refletindo opções como a decisão de engravidar (Alentejo/Açores), a não utilização de contraceção (Centro/Madeira) ou a sua utilização ineficaz sem que a falha contracetiva fosse identificada (Madeira). As relações de namoro revelaram-se maioritariamente duradouras (> 19 meses), com homens mais velhos (> 4 anos) e fora do sistema de ensino (75,16%); estes resultados foram particularmente expressivos quando a gravidez foi planeada.Discussão: O conhecimento gerado por este estudo reflete a necessidade de investir em abordagens preventivas que atendam às necessidades específicas das jovens de cada região e integrem a população masculina de maior risco.Conclusão: Os nossos resultados podem contribuir para o delineamento de políticas de saúde mais eficazes e para uma atuação multidisciplinar mais informada ao nível da educação sexual e do planeamento familiar nas diferentes regiões do país.

  3. Quality of Recovery after Anesthesia: Validation of the Portuguese Version of the 'Quality of Recovery 15' Questionnaire.

    PubMed

    Sá, Ana Carolina; Sousa, Gabriela; Santos, Alice; Santos, Cristina; Abelha, Fernando José

    2015-01-01

    Introdução: O questionário "Quality of Recovery 15" tem sido utilizado para o estudo da qualidade de recuperação após anestesia. O objetivo deste estudo foi validar a versão Portuguesa do questionário "Quality of Recovery 15". Material e Métodos: Após aprovação pela Comissão de ética institucional, foi realizado um estudo de coorte prospectivo em doentes submetidos a cirurgia eletiva de junho a agosto de 2013. A versão portuguesa do "Quality of Recovery 15" foi aplicada antes da cirurgia (T0) e 24 h após a cirurgia (T1) em 170 doentes. Os doentes incapazes de dar consentimento informado ou com comprometimento cognitivo foram excluídos. Má qualidade de recuperação foi definida para pontuações de "Quality of Recovery 15" em T1 inferiores à média das pontuações de "Quality of Recovery 15" menos 1 desvio padrão. Confiabilidade e discordãncia entre observadores foram avaliadas por meio da correlação intraclasse. Testes não-paramétricos foram utilizados para comparações. Resultados: Observou-se uma correlação negativa entre pontuações de "Quality of Recovery 15" e tempo de internamento na Unidade Pós-Anestésica (p = -0,264, p = 0,004) e tempo de internamento hospitalar (p = -0,274, p = 0,004). Trinta e dois doentes (19%) tiveram má qualidade de recuperação. Os doentes com má qualidade de recuperação tinham mais frequentemente diabetes mellitus e hipertensão arterial e estavam medicados com antidepressivos com mais frequência. Os doentes com má qualidade de recuperação foram mais frequentemente submetidos a anestesia combinada e menos frequente a anestesia geral e locorregional (p = 0,008). O questionário teve boa consistência interna; a confiabilidade do teste-reteste foi boa. Discussão: A versão portuguesa do "Quality of Recovery 15" mostrou boa correlação com a versão original. Conclusão: Este questionário parece ser uma avaliação precisa e confiável para a qualidade de recuperação.

  4. Lo que Piensan los Estudiantes y Profesores Sobre la Calidad de la Educacion Superior. Estudio Comparativo en 5 Instituciones de Educacion Superior--dos publicas y tres privadas--en Guadalajara, Jalisco, Mexico (What Students and Faculties Think about the Quality of Higher Education. Comparative Study of 5 Higher Education Institutions--Two Public and Three Private--in Guadalajara, Jalisco, Mexico).

    ERIC Educational Resources Information Center

    Yanez, Maria Lorena Hernandez

    This study, written in Spanish, compared attitudes of students (N=302) and faculty (N=28) at five institutions of higher education (two public and three private) in Guadalajara, Jalisco, Mexico. The study explored first, whether respondents believed there are significant quality differences between private and public universities and, second, what…

  5. TIBIOTARSAL COMPRESSION ARTHRODESIS USING A LATERAL LOCKING PLATE.

    PubMed

    Coughlin, Michael J; Nery, Caio; Baumfeld, Daniel; Jastifer, James

    2012-01-01

    Objetivos: A artrodese tibiotársica (TT) continua sendo uma importante opção no tratamento da artrose primária ou pós-traumática do tornozelo mas persiste ainda a controvérsia sobre o melhor método de fixação do foco de artrodese. Independentemente do tipo de material utilizado, o objetivo maior é a obtenção da fusão articular sólida, saudável e indolor. O propósito do presente estudo é apresentar os resultados preliminares de um novo sistema de placa bloqueada lateral compressiva para a artrodese do tornozelo. Método: Treze pacientes consecutivos portadores de artrose tibiotársica foram submetidos à artrodese do tornozelo nove pacientes eram homens e quatro mulheres. Com o auxílio de um guia, as superfícies articulares do talo e da tíbia foram decorticadas. Um sistema de compressão foi aplicado para evitar o alinhamento indesejável dos segmentos e uma placa bloqueada pré-moldada lateral foi utilizada para obter a fusão articular. Resultados: Tanto o escore AOFAS quanto o VAS melhoraram com a cirurgia. Todos os tornozelos operados consolidaram dentro do prazo de seis meses. Em todos os pacientes, foi obtido um ótimo alinhamento nos planos sagital, coronal e transverso. Conclusão: Acreditamos que a combinação de compressão bilateral, cortes ósseos com contornos pré-demarcados e placa lateral bloqueada, constitui uma técnica moderna, segura e útil para a artrodese do tornozelo.

  6. Curva de rotação óptica de ESO-LV 5100550

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Carvalho, D. B.; Soares, D. S. L.

    2003-08-01

    ESO-LV 5100550 é o membro mais fraco do par de galáxias austral SBG 357 (Soares et al. 1995). É classificada no catálogo RC3 como uma espiral ordinária de tipo inicial (early-type); porém, uma análise morfológica sugere que ela tenha uma grande barra. O objetivo do estudo é determinar sua cinemática de tal modo que possamos inferir mais a respeito de sua dinâmica, provavelmente perturbada, já que se espera que esteja sob forte influência da companheira ESO-LV 5100560. Apresentarei resultados parciais determinados a partir de espectros obtidos com o instrumento Double Spectrograph montado no telescópio Hale do Monte Palomar, EUA. As observações foram realizadas por D.S.L. Soares, P.M.V. Veiga e T.E. Nordgren, em 1998. Foram tomados espectros de fenda longa posicionada sobre a linha dos nodos do disco e ao longo da suposta barra. Os dados foram reduzidos com uso do pacote IRAF. Obtivemos o perfil de velocidades radiais na linha de visada ao longo das fendas e calculamos o desvio para o vermelho cosmológico do sistema, com base no espectro central. Determinamos as curvas de rotação deprojetadas, com base em cálculos para os valores teóricos esperados das componentes de velocidades puramente circulares em um disco inclinado. A inclinação do disco, dado fundamental nesta deprojeção, foi estimada através da média das elipticidades das isofotas mais externas.

  7. [Hodgkin's Lymphoma and Autoimmunity: Is There a Relationship?].

    PubMed

    Jerónimo, Mónica; Silva, Sónia; Benedito, Manuela; Brito, Manuel João

    2015-01-01

    Introdução: A relação entre linfomas e doenças autoimunes é descrita na literatura como bidirecional, existindo poucos dados em idade pediátrica. Este trabalho tem como objetivo avaliar a prevalência de doenças autoimunes em crianças e adolescentes com linfoma de Hodgkin seguidos num Serviço de Oncologia Pediátrica. Material e Métodos: Ao rever a casuística do Serviço de linfomas de Hodgkin nos últimos 16 anos (dados colhidos prospetivamente), constatou-se uma incidência aparentemente elevada de doenças autoimunes nas raparigas pelo que se realizou um estudo retrospetivo, com atualização do seguimento fora de tratamento, relativamente à existência de doenças autoimunes. Avaliaram-se: idade, sexo, tipo de doença autoimune, relação temporal com o linfoma, estádio e grupo histológico do linfoma e terapêutica efetuada. Resultados: Incluíram-se 52 casos de linfoma de Hodgkin, dos quais sete (13,5%), todos do sexo feminino, tiveram uma doença autoimune diagnosticada previamente, em simult'neo ou posteriormente ao linfoma. As doenças autoimunes encontradas foram: artrite idiopática juvenil, doença inflamatória intestinal, doença de Behçet, hepatite autoimune, lúpus eritematoso sistémico, tiroidite de Hashimoto e púrpura trombocitopénica idiopática. Em quatro doentes o diagnóstico foi posterior ao linfoma, em dois, prévio, e num simult'neo. Todos os casos, exceto o diagnóstico simult'neo, estão fora de tratamento e sem recidiva da doença oncológica. Não se verificaram óbitos. Discussão: Verificou-se uma importante prevalência de doenças autoimunes nas raparigas com linfoma de Hodgkin. Apresentamos os dados e discutimos possíveis causas desta relação com base numa revisão bibliográfica. Conclusões: Esta associação deve ser evocada, sendo necessário mais estudos, sobretudo em idade pediátrica.

  8. [Prevalence of Pre-Obesity/Obesity in Pre and Basic School Children at Vila Nova de Gaia, Portugal].

    PubMed

    Camarinha, Bárbara; Graça, Pedro; Nogueira, Paulo Jorge

    2016-01-01

    Introdução: Mais de 30% das crianças portuguesas apresentam excesso de peso. Sendo um grave problema de saúde pública com múltiplas causas, só uma ação intersectorial e concertada poderá contribuir para a sua resolução. As autarquias possuem um conjunto de competências que as tornam ideais para uma intervenção eficaz na luta contra este problema. Para essa ação ser efetiva é necessária uma avaliação local da dimensão do problema e sua distribuição espacial. O objetivo deste estudo foi caracterizar, do ponto de vista da prevalência de excesso de peso, a população do pré-escolar e primeiro ciclo do ensino básico sob responsabilidade da autarquia de Vila Nova de Gaia, o terceiro município mais populoso do país. Material e Métodos: Avaliaram-se 8 974 crianças do pré-escolar e primeiro ciclo do ensino básico do município, no ano letivo 2013/14. A avaliação do estado nutricional da amostra foi feita com recurso às medidas antropométricas peso e altura. Na classificação do estado nutricional considerou-se os percentis ou z-scores do índice de massa corporal para a idade de acordo com os critérios definidos pela Organização Mundial de Saúde, Centers for Disease Control and Prevention e pela International Obesity Task Force. Resultados: A prevalência de excesso de peso pelo critério da Organização Mundial da Saúde foi de 37,4%. Identificaram-se disparidades na distribuição do excesso de peso nas escolas do concelho. Discussão: Os resultados encontrados foram ligeiramente superiores aos de outros estudos nacionais e internacionais, podendo a abrangência amostral justificar as diferenças encontradas. Conclusão: A prevalência encontrada é elevada e de distribuição aparentemente distinta a nível espacial, o que poderá contribuir para a identificação dos principais determinantes do problema a nível local.

  9. [MAST and AUDIT. Evaluation of psychometric characteristics in patients with alcohol dependence].

    PubMed

    Fonte, Aníbal; Mota-Cardoso, Rui

    2013-01-01

    Introdução/Objectivo: Avaliar a correlação entre a pontuação no MAST e no AUDIT em doentes internados para desintoxicaçãopor dependência de álcool e analisar a possibilidade destas pontuações refletirem a intensidade da gravidade da dependência e dos problemas relacionados com o uso do álcool.Material e Métodos: Estudo correlacional. Doentes internados pela primeira vez, para tratamento por dependência de álcool. Além de uma entrevista estruturada, do MAST e do AUDIT, foi utilizado o SADD para avaliação do grau de dependência do álcool e o APQ para os problemas relacionados com o consumo de álcool.Resultados: A consistência interna (α de Cronbach) do MAST foi 0,77 e a do AUDIT foi 0,73. A correlação entre os dois instrumentos foi moderada (R = 0,497, p < 0,001). Ambos apresentam correlação moderada e significativa (p < 0,001) com o SADD e o APQ. O conjunto de itens do AUDIT dirigidos para a dependência têm maior correlação com o SADD do que com o APQ, sucedendo o inverso com o conjunto de itens pertencentes à dimensão problemas/consequências adversas. Os dois instrumentos apresentam correlação baixa com o volume de álcool consumido avaliado em g/d.Conclusão: Tanto o MAST como o AUDIT apresentam uma pontuação total que reflete a gravidade da dependência e das perturbações induzidas pelo álcool. Em populações clínicas estes instrumentos podem ser utilizados como variável contínua, para registo quantitativo da magnitude dos problemas. O AUDIT, relativamente ao MAST, tem a vantagem de apresentar um número menor de itens, ser mais fácil de responder e de cotar. O AUDIT tem ainda a vantagem de apresentar conjuntos de itens pertencentes a três dimensões (quantidade/frequência, dependência, problemas/consequências adversas) que podem ser analisados separadamente permitindo uma caracterização mais especificação das situações em estudo.

  10. [Characterization and Evolution of Avoidable Admissions in Portugal: The Impact of Two Methodologic Approaches].

    PubMed

    Sarmento, João; Alves, Conceição; Oliveira, Paula; Sebastião, Rita; Santana, Rui

    2015-01-01

    Introdução: O objectivo deste estudo é avaliar a performance dos sistemas de saúde através dos internamentos evitáveis, dado que estes têm vindo a ganhar importância a nível internacional. Foram utilizadas duas metodologias distintas para a identificação dos internamentos por Ambulatory Care Sensitive Conditions, fazendo uma descrição da realidade e a evolução destes em Portugal. Material e Métodos: Analisámos mais de 12 milhões de internamentos entre 2000 e 2012, utilizando as bases de dados de resumos de alta nacionais. Utilizaram-se duas metodologias de identificação das Ambulatory Care Sensitive Conditions, determinando a sua concordância. Calculámos cenários de melhoria potencial. Resultados: Em 2012, 4,4% e 32,5% dos internamentos por causas médicas seriam evitáveis segundo a metodologia canadiana e espanhola respectivamente. Os internamentos são mais frequentes nas crianças e nos idosos, divergindo as suas causas de acordo com o grupo etário e a metodologia utilizada. A taxa de internamentos no período em análise diminuiu 20% segundo a metodologia canadiana e aumentou 16% segundo a espanhola. Existem agregados regionais de performance acima e abaixo da média nacional. A concord ncia entre as duas metodologias é baixa. Estimaram-se reduções potenciais entre 20,3% e 53,5% dos internamentos.Discussão: Os internamentos evitáveis assumem um volume considerável em Portugal. Apesar de em teoria serem evitáveis a sua eliminação por completo não é uma possibilidade prática, no entanto, o seu estudo possibilita a avaliação e monitorização de resultados e o estabelecimento de prioridades de intervenção. Conclusão: Para uma caracterização mais precisa dos internamentos evitáveis é necessário consensualizar em Portugal a metodologia para a sua identificação.

  11. Osteotomy at low-speed drilling without irrigation versus high-speed drilling with irrigation: an experimental study.

    PubMed

    Gaspar, João; Borrecho, Gonçalo; Oliveira, Pedro; Salvado, Francisco; Martins dos Santos, José

    2013-01-01

    Introdução: A cirurgia traumática pode afetar a maturação do tecido ósseo e, diminuir a previsibilidade de osteointegração, pelo que a lesão mecânica e térmica deve ser minimizada. O objectivo deste estudo foi avaliar as alterações histológicas imediatas provocadas pela osteotomia a 50 rpm sem irrigação e a 800 rpm com irrigação, no osso do coelho.Material e Métodos: Foram efectuadas 36 perfurações (18 com cada técnica) nas tíbias de seis coelhos adultos. A sequência debrocas utilizada foi: uma broca esférica com 1,5 mm de diâmetro, uma broca piloto com 2,0 mm de diâmetro, e uma broca com 3,5 mm de diâmetro. A cortical posterior das tíbias foi preservada, constituindo o osso de controlo. Procedeu-se à recolha das tíbias com os defeitos a analisar, para observação com microscópio óptico e análise qualitativa.Resultados: Os defeitos ósseos apresentaram bordos regulares. Observou-se tecido ósseo viável, vascularizado e com presença de osteócitos junto aos defeitos. A estrutura haversiana e lamelar do tecido encontrou-se mantida, bem como a rede vascular. A matriz extracelular não apresentou alterações. Os resultados indicam não haver diferenças histológicas entre as osteotomias a 800 rpm com irrigação e a 50 rpm sem irrigação.Conclusão: O nosso estudo sugere que as alterações no tecido ósseo provocadas pela osteotomia a 50 rpm sem irrigação e a 800 rpm com irrigação são semelhantes, e que ambas as técnicas mantêm o tecido ósseo viável para a colocação de implantes e respectiva osteointegração, cabendo ao clínico a escolha, em função de outras variáveis.

  12. [First-trimester biochemical markers and small-for-gestational-age infants].

    PubMed

    Andrade, Cláudia; Santos, Joana; Rita Pinto, Ana; Manso, Pedro; Pereira, Susana

    2014-01-01

    Introdução: Estudos anteriores mostram uma relação dos marcadores bioquímicos do 1º trimestre, proteína plasmática A associada à gravidez e subunidade β da gonadotrofina coriónica, com o nascimento de recém-nascidos com peso abaixo do percentil 10. O nosso objectivo foi descrever a relação entre estes marcadores bioquímicos com os recém-nascidos leves para a idade gestacional, na nossa população.Material e Métodos: Estudo retrospectivo analítico de 2 305 grávidas que realizaram o rastreio combinado do primeiro trimestre entre Março 2009 e Setembro de 2011. Comparação entre o grupo dos recém-nascidos abaixo do percentil 10 e o grupo controlo (recém-nascidos de termo com peso acima do percentil 10) e os recém-nascidos abaixo do percentil 3 e o grupo controlo. Foi realizado uma análise de regressão múltipla e logística com a utilização dos valores de proteína plasmática A associada à gravidez e subunidade β da gonadotrofina coriónica (em múltiplos da mediana) e as características demográficas maternas como etnia, peso e status tabágico.Resultados: O estudo revelou uma contribuição independente da proteína plasmática A associada à gravidez, do peso materno e dos hábitos tabágicos para os recém-nascidos abaixo do percentil 10. Na regressão logística para o marcador proteína plasmática A associada à gravidez, o risco relativo abaixo do percentil 10 foi de 2,41 e abaixo do percentil 3 de 3,41 (p < 0,01). No caso da subunidade β da gonadotrofina coriónica, o odds ratio determinado para percentil inferior a 10 foi de 1,70 (p = 0,03) e para o percentil inferior a 3 foi de 3,22 (p < 0,01). Conclusões: Baixos níveis da proteína plasmática A associada à gravidez e de subunidade β da gonadotrofina coriónica (valores inferiores ao percentil 5 da população estudada) estiveram relacionados com aumento do risco do nascimento de recém- nascidos leves para a idade gestacional na população de grávidas abrangidas pelo

  13. Excelência em bancos de leite humano: uma visão do futuro--the First International Congress on Human Milk Banking.

    PubMed

    Tully, M R

    2001-02-01

    The first International Congress of Human Milk Banks--Excellence in Human Milk Banking: A Vision of the Future, held in Brazil in June 2000 and sponsored by the Brazilian Association of Milk Banks, had representation from milk banks in Argentina, Chile, Costa Rica, Venezuela, France, the United Kingdom, and North America as well as Brazil. A recurring theme in the discussion of donor milk banking was the role of each country's milk banks in the promotion and support of breastfeeding. The Brazilian National Reference Milk Bank and the growth of donor milk banking in Brazil over the past 15 years were described, including federal regulation that all milk bank directors be trained and certified. Milk banking systems in France, the United Kingdom, Venezuela and the Caribbean, and North America were also discussed. Similarities and differences in the donor screening process and the regulation of milk banks in the countries is presented.

  14. Photometric solution and evolutionary state for the newly discovered W UMa systems GSC-02137-0222 and USNO-A2.0 1200-18678842

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Elkhateeb, M. M.; Nouh, M. I.

    2015-01-01

    Photometric analysis for the newly discovered systems GSC-02137-0222 and USNO-A2.0 1200-18678842 were carried out using the most recent version of the Wilson and Devinney code based on model atmospheres by Kurucz (1993) and a pass band prescription has been used for the radiative treatment. Parameters of the accepted solution were calculated for both systems and the spectral type of the components of the studied systems were adopted. Distance to each system was calculated and physical properties were estimated. Locations of the two systems on the theoretical mass-luminosity and mass radius relations revealed good fit for both components of GSC-02137-0222, good fit for the primary and poor fir for the secondary component of the system USNO-A2.0 1200-18678842.

  15. "Canteiro Escola"--Uma Resposta da Industria da Construcao no Contexto Produtivo Atual (The "Building Site" School--A Construction Industry Answer in the Actual Productive Context).

    ERIC Educational Resources Information Center

    Barone, Rosa Elisa; Letelier, Maria Eugenia

    1995-01-01

    Presents examples of the discourse of construction industry personnel involved in workplace basic education in Brazil. Reports on the perspective of the workers/students and on the experiences and the vision of those who implement the educational programs. Identifies the limits of the schooling process and the difficulties inherent in the present…

  16. [Long-term home oxygen therapy in children: evidences and open issues].

    PubMed

    Oliveira, Lia; Coelho, Joana; Ferreira, Rosário; Nunes, Teresa; Saianda, Ana; Pereira, Luisa; Bandeira, Teresa

    2014-01-01

    IntroduçÉo: Oxigenoterapia domiciliária de longa duraçÉo está indicada em doentes com hipoxémia crónica. Pretendemos descrever a populaçÉo em programa de oxigenoterapia domiciliária de longa duraçÉo acompanhada numa Unidade de Pneumologia Pediátrica de Hospital Terciário entre 2003-2012 e comparar com revisÉo de 1991-2000; verificar conformidade com orientações nacionais e internacionais, refletindo sobre necessidade de orientações nacionais especificamente pediátricas, inexistentes em Portugal.Material e Métodos: Estudo retrospetivo, descritivo e comparativo por consulta de processo clínico. Pesquisa de orientações sobre oxigenoterapia em idade pediátrica.Resultados: Incluímos 86 doentes (59,3% rapazes). A idade mediana de início da oxigenoterapia foi 0,0 (0,0-216,0) meses e a duraçÉo mediana de 15,0 (3,0-223,0) meses. O diagnóstico mais frequente foi displasia broncopulmonar (53,5%), seguindo-se bronquiolite obliterante (14,0%), doença neurológica (10,5%), fibrose quística (8,1%), síndromes polimalformativas (5,8%), doença de células falciformes (3,5%), outras doenças pulmonares neonatais (2,3%) e doenças pulmonares intersticiais (2,3%). Mantêm acompanhamento 53 (61,6%) doentes, 38 mantendo oxigenoterapia; 12 (13,9%) faleceram. O tempo mediano de seguimento foi 39,5 (1,0-246,0) meses, mínimo nas outras doenças pulmonares neonatais e máximo na fibrose quística. Comparativamente ao estudo anterior revela aumento relativo dos lactentes com bronquiolite obliterante e displasia broncopulmonar, aumento da duraçÉo nestes últimos e inclusÉode doentes neurológicos e hematológicos.DiscussÉo: A prescriçÉo de oxigenoterapia domiciliária de longa duraçÉo em pediatria ocorre sobretudo em doenças específicas dos lactentes e idade pré-escolar. Doentes neurológicos e hematológicos sÉo novos grupos de prescriçÉo, à semelhança da literatura internacional.ConclusÉo: O conhecimento da realidade nacional e orienta

  17. Depression and anxiety following deep brain stimulation in Parkinson's disease: systematic review and meta-analysis.

    PubMed

    Couto, Maria Inês; Monteiro, Ana; Oliveira, Ana; Lunet, Nuno; Massano, João

    2014-01-01

    Introdução: A estimulação cerebral profunda (ECP) é eficaz na doença de Parkinson (DP) avançada, melhorando sintomas motores, flutuações e a qualidade de vida. No entanto, têm sido reportados efeitos adversos psiquiátricos, mas de uma forma variável e não padronizada. O objectivo deste artigo é analisar e sumarizar a evidência publicada sobre sintomas depressivos e ansiedade em doentes com DP após ECP, através de revisão sistemática e meta-análise. Material e Métodos: A PubMed foi pesquisada até Maio 2012 para identificar os estudos que avaliaram sintomas depressivos e ansiedade em doentes com doença de Parkinson submetidos a estimulação cerebral profunda bilateral do núcleo subtalâmico (NST) ou globo pálido interno (GPi). Foram feitas meta-análises com modelo de efeitos aleatórios para grupos de pelo menos três estudos homogéneos em relação ao desenho e instrumentos utilizados. Resultados: Foram selecionadas 63 referências; 98,4% continham dados relativos a escalas de avaliação de depressão e 38,1% relativos a ansiedade. Dois estudos não discriminavam o alvo usado; nos restantes 61 foi feita avaliação de curto prazo em 37 (60,7%), de médio prazo em 36 (59,0%) e de longo prazo em 5 (8,2%). Foram encontrados dados sobre variação pré/pós operatória em 57 (93,4%) estudos e 16 (26,2%) continham dados comparando ECP-NST versus outros grupos: ECP-GPi (n = 4 estudos, 25,0%), elegíveis para cirurgia (n = 6, 37,5%), e tratamento médico (n = 7, 43,8%). Discussão: É aparente a melhoria de depressão e ansiedade após ECP, sobretudo a curto prazo, efeito que tende a esbater-se em avaliações posteriores. Em relação à depressão a ECP-NST mostrou-se superior ao tratamento médico, mas não em comparação com o grupo de controlo elegível para cirurgia. Verificou-se o resultado oposto para a ansiedade, uma vez que os resultados favorecem o tratamento médico sobre a ECP-NST, e esta sobre o grupo de elegíveis para cirurgia

  18. Modelagem do vento e da fotosfera de AG Carinae

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Groh, J. H.; Damineli, A.

    2003-08-01

    A trajetória evolutiva das estrelas de alta massa depende fortemente de suas taxas de perda de massa. Apesar do rápido progresso no estudo destas estrelas, a taxa de perda de massa e outros parâmetros físicos básicos, como a temperatura superficial e a velocidade terminal do vento ainda não estão bem determinados. Isto ocorre devido à presença de ventos irregulares, rápidos e fortes ao redor destas estrelas, tornando a interpretação dos seus espectros uma tarefa difícil. Assim, a modelagem do vento e da fotosfera dessas estrelas está sendo cada vez mais usada para obter tais parâmetros a partir dos espectros. O aumento da taxa de perda de massa durante a fase LBV (Variáveis Luminosas Azuis), comparado com outros tipos de estrelas, tem sido atribuído a instabilidades do tipo S Doradus. Dispomos de uma base de dados espectroscópicos cobrindo 22 anos de observações de AG Carinae, incluindo um ciclo S Doradus completo, com espectros CCD em alta resolução na faixa óptica e infravermelha. Utilizamos o programa desenvolvido por Schmutz (1997) para uma análise preliminar desse ciclo, obtendo a taxa de perda de massa a partir da linha do Ha. Não existe uma correlação clara da taxa de perda de massa com mudanças da temperatura efetiva, do raio da estrela e do fluxo na banda V. A estrela atingiu seu mínimo fotométrico (raio mínimo) em 1990 e o máximo fotométrico (raio máximo) em 1995, enquanto que o fluxo máximo da linha do Ha ocorreu em 1996. Além disso a taxa de perda de massa não segue esse ciclo, contrariamente às idéias correntes. Para fazer um modelo mais realista estamos usando o programa CMFGEN (Hillier & Miller), que trata a fotosfera e o vento estelar de forma consistente, considerando a radiação fora do equilíbrio termodinâmico (NLTE) e com blanketting total de linhas. Simulamos o espectro de AG Carinae em duas épocas extremas do ciclo S Dor para testar os resultados obtidos com o modelo mais simplificado.

  19. Complete Ureteral Duplication: Outcome of Different Surgical Approaches.

    PubMed

    Rodrigues, Isabel; Estevão-Costa, José; Fragoso, Ana Catarina

    2016-04-01

    Introdução: O tratamento cirúrgico das duplicações ureterais completas não é consensual. Objetivos: Caraterizar a população pediátrica submetida a cirurgia para tratamento de duplicações ureterais completas e avaliar resultados de diferentes abordagens. Material e Métodos: Processos clínicos de doentes tratados entre janeiro de 2008 e junho de 2014 foram retrospetivamente revistos. Dados acerca de epidemiologia, diagnóstico, manifestações clínicas e procedimentos cirúrgicos foram recolhidos. As unidades ureterais foram divididas em dois grupos: A, com ureterocelo; e B, sem ureterocelo. Resultados: Quarenta e uma unidades ureterais de 32 doentes com duplicação completa foram intervencionados. No grupo A (n = 18), o procedimento primário selecionado foi: punção de ureterocelo (12); reimplantação de ureter (3); pielopielostomia (2) e heminefrectomia (1). Foi necessário reintervir em três dos 12 casos submetidos a punção: heminefrectomia (1), ureteroureterostomia (1) e reimplantação (1). No grupo B (n = 23), foi efetuado STING em 10 unidades, reimplantação ureteral em três, pielopielostomia em três, ureteroureterostomia em um, e heminefrectomia em seis; dois casos necessitaram de reintervenção. Discussão: Foi favorecida uma abordagem primária conservadora para tratamento de ureterocelo ou refluxo em hemissistemas a preservar (53,7%; n = 22/41), tendo sido eficaz per se em 75% (n = 9/12) unidades do grupo A e 80% (n = 8/10) do grupo B. Uma abordagem ablativa primária foi adotada em 17% (n = 7/14) casos, 5,6% do grupo A (n = 1/18) e 26,1% do grupo B (n = 6/23). Conclusão: Uma abordagem conservadora é eficaz como procedimento primário isolado na maioria dos casos com ureterocelo ou refluxo. Mais estudos são necessários para estabelecer as suas vantagens sobre abordagens primárias invasivas ou ablativas.

  20. [SAIMI Study--Health and Health Care Access by Immigrants from the Indian Subcontinent in Lisbon: What Recommendations for Equitable and Culturally Adequate Health Care?].

    PubMed

    Matos, Inês Campos; Alarcão, Violeta; Lopes, Elisa; Oiko, Carla; Carreira, Mário

    2015-01-01

    Introdução: O crescimento da população imigrante em Portugal tem sido consistente nas últimas décadas. Apesar disto, a informação sobre a saúde das populações imigrantes é escassa. Esta investigação utiliza dados recolhidos junto da população oriunda do subcontinente indiano a residir no distrito de Lisboa para produzir recomendações para a prestação de serviços de saúde culturalmente adaptados.Material e Métodos: Estudo transversal junto da comunidade imigrante do subcontinente indiano (Bangladesh, Ãçndia e Paquistão) a residir em Lisboa, selecionada com base numa técnica de amostragem bola de neve e recorrendo a inquiridores com acesso privilegiado à população-alvo. O questionário inquiriu sobre a saúde, o acesso aos cuidados de saúde, estilos de vida e atitudes perante a morte. Foi feita uma análise descritiva dos dados e uma comparação entre as três nacionalidades padronizada para a idade.Resultados: Foram administrados questionários a 1011 indivíduos com uma taxa de adesão de 97%. A maioria dos participantes eram adultos do sexo masculino. Os imigrantes indianos relataram mais frequentemente barreiras na utilização dos serviços de saúde e tinham uma maior frequência de doenças crónicas. Os imigrantes paquistaneses tinham piores indicadores de estilos de vida.Discussão: A população imigrante do subcontinente indiano tende a relatar mais dificuldades linguísticas no acesso aos cuidados de saúde quando comparada com outras populações imigrantes. Com base em recomendações da Organização Mundial da saúde, foi possível adaptar este conhecimento para produzir recomendações adaptadas ao contexto português.Conclusão: Existem diversos aspetos na gestão dos serviços de saúde em Portugal que podem ser melhor adaptados à população imigrante do subcontinente indiano.

  1. [Accidental Dural Puncture and Post-dural Puncture Headache in the Obstetric Population: Eight Years of Experience].

    PubMed

    Antunes, Maria Vaz; Moreira, Adriano; Sampaio, Catarina; Faria, Aida

    2016-04-01

    Introdução: A punção acidental da dura é uma importante complicação da anestesia regional e a cefaleia pós-punção continua a ser causa de morbilidade na população obstétrica. O objetivo do nosso estudo foi calcular a incidência de punção acidental e cefaleia pós-punção no nosso Centro Hospitalar e avaliar a sua abordagem entre os anestesiologistas obstétricos. Material e Métodos: Realizámos uma auditoria retrospetiva, entre janeiro de 2007 e dezembro de 2014. Revimos as folhas de registo das doentes em que ocorreu punção inadvertida da dura ou cefaleia pós-punção. Excluímos as doentes submetidas a bloqueio subaracnoideu. Utilizámos o SPSS 22.0 no tratamento estatístico dos dados. Resultados: Obtivémos 18 497 bloqueios neuro-axiais e 58 punções acidentais da dura (0,3%). Após punção detetada, em 71,4% o cateter epidural foi re-posicionado e 21,4% tiveram cateteres intra-tecais. Quarenta e cinco (77,6%) desenvolveram cefaleia e a instituição de medidas profiláticas ocorreu em 76,1%. O tratamento conservador foi efetuado em todas as doentes. O blood patch epidural foi realizado em 32,8% com um sucesso de 84,2%. Discussão: A incidência de cefaleia pós-punção não está relacionada com o tipo de parto ou a inserção do cateter intra-tecal. A re-colocação do cateter epidural mantém-se a abordagem de eleição após punção. A instituição de medidas profiláticas é uma prática comum, apesar do baixo grau de eficácia. Realizámos blood patch epidural após falência do tratamento conservador. Conclusão: A incidência de punção inadvertida e cefaleia pós-punção foi semelhante à da literatura. Apesar de ser uma complicação comum, existe falta de consenso na sua abordagem.

  2. [Congenital adrenal hyperplasia due to 21-hydroxylase deficiency: genotype-phenotype correlation].

    PubMed

    Mendes, Catarina; Vaz Matos, Inês; Ribeiro, Luís; Oliveira, Maria João; Cardoso, Helena; Borges, Teresa

    2015-01-01

    Introdução: A hiperplasia congénita da suprarrenal por deficiência de 21-hidroxílase constitui uma das doenças hereditárias mais comuns. Resulta de diferentes mutações no gene CYP21A2 e, na maioria dos casos, a gravidade da doença correlaciona-se com a variação alélica do CYP21A2. O objetivo deste estudo foi descrever o espectro mutacional do CYP21A2 e avaliar a correlação genótipo-fenótipo numa coorte de doentes portugueses com deficiência de 21-hidroxílase. Material e Métodos: Estudo retrospetivo de 22 doentes com diagnóstico clínico de deficiência de 21-hidroxílase. Foi feita análise molecular do CYP21A2 e estabelecida a correlação genótipo-fenótipo. Resultados: Foi realizada genotipagem em 22 doentes não relacionados: 5 com a forma clássica perdedora de sal (idade média ao diagnóstico de 10,2 dias; mínimo 1, máximo 20 dias), 7 com a forma clássica virilizante simples (idade média ao diagnóstico de 3,5 anos; mínimo 0 dias, máximo 7 anos) e 10 com a forma não clássica (idade média ao diagnóstico de 5,7 anos; mínimo 4 anos, máximo 8 anos). Os defeitos genéticos mais frequentes nas formas clássicas foram o I2 splice (24%) e I172N (24%), seguindo-se o Q318X (16%) e deleções de genes (16%) e, na forma não clássica, o V281L (80%). Verificou-se uma concordância genótipo-fenótipo global de 81,8%. O genótipo permitiu prever adequadamente o fenótipo em 83,3%, 100% e 90% dos doentes com mutações compatíveis com a forma clássica perdedora de sal, clássica virilizante simples e não clássica, respectivamente. Discussão: A frequência de defeitos genéticos observados nos nossos doentes é comparável a estudos semelhantes. Observou-se, na maioria dos casos, uma boa correlação genótipo-fenótipo. Conclusões: A análise molecular do CYP21A2 fornece informação importante relativamente à gravidade da doença e no aconselhamento genético e pré-natal.

  3. [End of life in neonatology: palliative care integration].

    PubMed

    Soares, Célia; Rodrigues, Manuela; Rocha, Gustavo; Martins, Angelina; Guimarães, Hercília

    2013-01-01

    Introdução: A limitação terapêutica e a implementação dos cuidados paliativos em Neonatologia revestem-se de extrema relevância na atualidade e são já uma realidade com tendência crescente em vários países. Não obstante, em Portugal, os estudos, recomendações e protocolos oficiais no que diz respeito às questões em fim de vida são ainda escassos.Material e Métodos: Analisamos retrospetivamente os processos clínicos dos recém-nascidos falecidos na Unidade de Cuidados Intensivos do Centro Hospitalar de São João no período de 2010 a 2012 e comparamos os resultados com os obtidos num estudo realizado na mesma Unidade correspondente aos períodos 1992-1995 e 2002-2005.Resultados: Na população estudada as anomalias congénitas foram a causa de morte em 57,1% casos, a prematuridade extrema em 18,4% casos e a infeção em 16,3%. No que refere ao ‘modo de morrer’, a paragem cardiorrespiratória irreversível às manobras de reanimação observou-se em 57,1% casos; 20,4% faleceram após abstenção de tratamento e 22,4% após suspensão de tratamento. Verificaram-se diferenças significativas para o ‘modo de morrer’ e as variáveis tempo de internamento e presença dos pais no momento da morte. Em 28,6% casos houve registo de tomada de decisão pela limitação terapêutica e adoção de cuidados paliativos e em 16,3% decisão de não reanimar. Para as duas últimas registou-se um aumento ao longo das três décadas analisadas. Também se registou uma tendência crescente para a utilização de escala de avaliação de dor neonatal, opióides e sedativos, presença parental no momento da morte, reuniões entre pais e neonatologistas, reuniões interdisciplinares e apoio psicológico aos pais.Conclusão: Este estudo revela uma tendência crescente para a integração de medidas de limitação terapêutica e de cuidados paliativos na UCIN estudada. Contudo, há ainda muito a desenvolver, nomeadamente no que refere à investigação, forma

  4. Earth and Heavens: Two Separate Universes? (Spanish Title: Tierra y Cielos: ¿Dos Universos Separados?) Terra e Céus: Dois Universos Separados?

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Carrascosa, Jaime; Gil-Pérez, Daniel; Solbes, Jordi; Vilches, Amparo

    2005-12-01

    The study of gravitation constitutes an exceptional occasion to show the richness and complexity of science and technology, contemplating, among other things: the problematic situations which are at the heart of the scientific knowledge, the difficulties encountered in the construction of knowledge and, especially, the necessity of overcoming "common-sense evidence" that proclaimed the existence of an insurmountable barrier between Earth and Heavens, hindering scientific development during many centuries. In this paper we present a program of activities to orient the study of Gravitation atUpperHigh School, favoring students' participation in the reconstruction of this first scientific revolution and giving them the opportunity to see the importance of Astronomy both in the history of science and today. El estudio de la gravitación constituye una ocasión excepcional para mostrar la ciencia y la tecnología en toda su riqueza y complejidad, considerando, entre otros aspectos:

  5. Las situaciones problemáticas relevantes que llevaron a la construcción de los conocimientos,
  6. las dificultades de todo tipo con las que hubo que enfrentarse y, muy en particular,
  7. la necesidad de superar las "evidencias de sentido común" que establecían una supuesta barrera infranqueable entre la Tierray los Cielos y que obstaculizaron durante siglos el desarrollo científico.
  8. En este trabajo presentamos un programa de actividades para el estudio de la gravitación en la secundaria superior, orientado a favorecer la participación de los estudiantes, en alguna medida, en la reconstrucción de este proceso que constituyó la denominada primera gran revolución científica y asomándonos al estudio de una de las ciencias más antiguas, la Astronomía, que hoy sigue despertando gran interés. O estudo da gravitação constitui uma ocasião excepcional para mostrar a ciência e a tecnologia em toda sua riqueza e

  9. [Autism and Early Neurodevelopmental Milestones].

    PubMed

    Ferreira, Xavier; Oliveira, Guiomar

    2016-03-01

    Introdução: A perturbação do espectro do autismo, neste texto também designada por autismo, é uma patologia crónica do neurodesenvolvimento, que se manifesta precocemente na infância por alterações da interação social, comunicação e comportamento repetitivo. Não estando disponíveis biomarcadores específicos, o diagnóstico baseia-se exclusivamente na avaliação clínica. O objetivo deste estudo é verificar quais os marcadores precoces do desenvolvimento psicomotor ou neurodesenvolvimento, que se correlacionam significativamente com a gravidade da clínica central do autismo, quocientes de desenvolvimento e com a função adaptativa. Material e Métodos: Procedemos ao estudo retrospetivo de uma população de 1 572 indivíduos com o diagnóstico de autismo seguidos na Unidade de Neurodesenvolvimento e Autismo do Centro de Desenvolvimento da Criança do Hospital Pediátrico do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra. Analisámos seis marcadores precoces do desenvolvimento psicomotor: idades de aquisição 'da marcha', 'das primeiras palavras', 'das primeiras frases', 'do controlo de esfíncter vesical diurno', 'do controlo de esfíncter vesical noturno' e de início das primeiras queixas. Posteriormente dividimos a amostra em três subgrupos de gravidade clínica segundo a escala Childhood Autism Rating Scale e pesquisamos diferenças significativas entre os três subgrupos relativamente aos seis marcadores definidos. Resultados: O marcador 'idade de aquisição das primeiras frases' foi, de entre os seis, aquele que se correlacionou mais fortemente com as variáveis da clínica de autismo, quocientes de desenvolvimento/inteligência e comportamento ou função adaptativa. Na divisão da amostra em subgrupos de gravidade clínica, foi o de maior gravidade que mostrou idades de aquisição dos marcadores do neurodesenvolvimento mais tardias e idades mais precoces de manifestação das primeiras queixas. Discussão: Este estudo vem demonstrar a

  10. Modelo de atmosfera solar ajustado às observações do raio solar em 17GHz

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Selhorst, C. L.; Silva, A. V. R.; Costa, J. E. R.

    2003-08-01

    O estudo das variações do raio solar durante o ciclo de atividades do Sol e das diferenças em relação à sua distribuição angular nos fornece informações importantes sobre as mudanças na estrutura da atmosfera solar. Neste trabalho foram analisados mais de 3600 mapas do Sol em 17 GHz obtidos pelo Rádio Heliógrafo de Nobeyama (NoRH), durante 1 ciclo de atividade solar (1992-2003). O raio solar foi definido no ponto onde a temperatura de brilho do mapa era equivalente à metade da temperatura do Sol calmo (temperatura mais comum no mapa).Em relação à sua variação ao longo do ciclo solar, o estudo foi dividido em duas partes: a) ajuste de uma circunferência a pontos distribuídos ao redor do Sol todo. Este estudo mostrou uma variação correlacionada com o ciclo de atividade do Sol. b) ajuste da circunferência a pontos situados somente nas regiões polares. Neste caso os resultados mostraram que o raio polar sofre pouca variação durante o ciclo, com tendência à anticorrelação com este. Além disto, a média do raio polar, durante o período analisado, foi 1" menor que o raio medido no Sol todo. Para estudar a distribuição angular do raio solar, comparamos a média da distribuição de 10 mapas no período de mínima atividade solar com a média de 10 mapas no período de máximo, este estudo mostrou um grande aumento do raio na região equatorial no período de máxima atividade solar. As medidas do raio foram usadas como um dos parâmetros para a criação de um modelo atmosférico (além da temperatura de brilho do Sol e do abrilhantamento do limbo observado), onde mostramos que um modelo atmosférico com a região de transição situada a 3500 km fornece um raio 5" menor que as medidas observacionais. Esta incompatibilidade do modelo com os dados observacionais foi contornada com a inclusão de espículas, estas fazem com que o raio solar aumente proporcionalmente à altura que estas atingem na atmosfera solar. A anticorrelação do raio

  11. Twenty Years of Autologous Stem Cell Transplantation in Diffuse Large B-Cell Lymphoma: A Single Portuguese Center Experience.

    PubMed

    Dantas Brito, Margarida; Campilho, Fernando; Branca, Rosa; Vaz, Carlos; Roncon, Susana; Campos, António

    2016-03-01

    Introdução: O linfoma não Hodgkin difuso de grandes células B pode ser curado em 60% - 70% dos doentes. O transplante autológo de progenitores hematopoiéticos é o tratamento de intenção curativa standard à recidiva. Este tratamento intensivo após primeira remissão num grupo selecionado de doentes de alto risco é controverso e fez parte da estratégia do nosso Serviço durante alguns anos. Material e Métodos: Estudo retrospectivo, consulta do processo clínico. Resultados: Este estudo analisa o outcome de 113 doentes transplantados entre 1992 e 2012. Formaram-se quatro grupos com base no status pré-transplante: a) primeira remissão completa após 1 ciclo de quimioterapia (n = 64); b) segunda remissão completa após ≥ duas linhas de quimioterapia (n = 15); c) segunda remissão completa (n = 15); d) doença mais avançada (n = 19). O protocolo de quimioterapia de primeira linha mais utilizado foi R-CHOP (n = 71) e CHOP (n = 28). O seguimento mediano foi de 34 meses (1 - 221). Aos cinco anos a sobrevivência global foi de 73% (± 5) e a sobrevivência livre de progressão 75% (± 5). Conclusão: A imunoquimioterapia convencional seguida de transplante autólogo é uma opção segura e eficaz no tratamento de casos selecionados de linfoma difuso de grandes células B. Na nossa casuística cerca de 70% dos doentes de alto risco atingiram remissões duráveis com esta estratégia terapêutica.

  12. Hansen Neuropathy: Still a Possible Diagnosis in the Investigation of a Peripheral Neuropathy.

    PubMed

    Veiga, Andreia; Costa, Alexandre; Taipa, Ricardo; Guimarães, António; Pires, Manuel Melo

    2015-01-01

    Introdução: A lepra continua a ser uma das causas mais frequentes de neuropatia periférica. Apesar de tida como erradicada em Portugal, ainda se documenta no estudo neuropatológico de doentes com clínica de neuropatia periférica sem diagnóstico etiológico definido.Material e Métodos: Revisão dos casos neuropatia por doença de Hansen diagnosticados na Unidade de Neuropatologia do Centro Hospitalar do Porto no período de 1978 e 2013 atendendo ao género, idade, manifestações clínicas e achados neuropatológicos.Resultados: Foram identificados 21 doentes com diagnóstico neuropatológico de neuropatia por doença de Hansen, com predomínio do sexo masculino. A idade média ao diagnóstico foi de 52 anos, sendo a sintomatologia sensitiva predominante. O intervalo entre sintomatologia e diagnóstico oscilou entre 1 a 38 anos. Na maioria foi identificada forma tuberculoide em biópsia de nervo e detetados bacilos em pele e nervo em 44% dos casos.Discussão: A mononeurite é a forma mais comum de apresentação de hanseníase, podendo cursar com outras manifestações clínicas incluindo lesões cutâneas. A infeção pelo M. leprae lesiona fibras mielinizadas e não mielinizadas, com substituição do tecido nervoso por colagénio resultando em fibrose. O diagnóstico da lepra é apenas conseguido por estudo neuropatológico das lesões cutâneas e/ou nervo periférico, adjuvado pela identificação do bacilo.Conclusão: A doença de Hansen continua a ser um problema de saúde pública em áreas tropicais e, apesar de rara, ainda descrita em países ocidentais, devendo ser considerada como uma hipótese de diagnóstico na investigação de neuropatia periférica.

  13. A distribuição de velocidades na linha de visada em galáxias barradas vistas de face

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Gadotti, D. A.; de Souza, R. E.

    2003-08-01

    Com o objetivo de realizar um estudo cinemático da componente vertical de barras em galáxias, obtivemos espectros de fenda longa de alta razão S/N ao longo dos eixos maior e menor de 14 galáxias barradas vistas de face, nos telescópios de 1.52m do ESO em La Silla, Chile, e de 2.3m do Steward Observatory em Kitt Peak, Arizona. Estes dados nos permitiram determinar a distribuição de velocidades das estrelas ao longo do eixo vertical das barras e discos destes sistemas, tanto no centro como em pontos que distam cerca de 5 e 20 segundos de arco do núcleo, correspondendo a distâncias de cerca de 0.7 e 2.8 kpc, respectivamente. Desta forma, a variação radial da distribuição de velocidades também pôde ser avaliada. Este tipo de análise tem raros exemplos na literatura por ser caro em termos de tempo de telescópio. Entretanto, é de fácil justificativa, considerando que traz novas informações que podem ser utilizadas para aperfeiçoar modelos teóricos acerca da formação e evolução de galáxias. Um algoritmo por nós desenvolvido foi utilizado para obter as distribuições de velocidades como Gaussianas generalizadas (polinômios de Gauss-Hermite), o que traz um ingrediente a mais neste tipo de estudo que, tradicionalmente, se utiliza de Gaussianas puras, uma hipótese nem sempre razoável. Apresentaremos os resultados deste trabalho, que incluem um diagnóstico para a identificação de barras recém formadas, e testes para o modelo isotérmico de discos. Mostraremos que: (i) a escolha das estrelas padrão em velocidade, e dos parâmetros da Gaussiana, deve ser muito bem justificada já que tem influência significativa nos resultados; (ii) muitas galáxias apresentam uma depressão na dispersão de velocidades na região central, que pode estar associada a um disco interno; e (iii) a dispersão de velocidades é constante ao longo da barra, nos eixos maior e menor, mas cai substancialmente quando se passa da barra para o disco.

  14. Indications for cesarean deliveries during a 7-year period in a tertiary hospital.

    PubMed

    Costa, Ana; Policiano, Catarina; Clode, Nuno; Graça, Luís M

    2013-01-01

    Introdução: Analisar a evolução da taxa de cesarianas e as principais indicações para cesariana num centro terciário.Material e Métodos: Estudo retrospectivo conduzido num hospital universitário que incluiu 5751 grávidas submetidas a cesariana entre 2005 e 2011. Analisaram-se as taxas de cesarianas, incluindo a taxa de primeiras cesarianas e de cesarianas repetidas. Para avaliar a contribuição relativa de cada uma das indicações na variação da taxa de primeiras cesarianas recorreu-se à regressão linear e determinou-se o valor do r2 ajustado.Resultados: Durante o período do estudo a taxa de cesarianas diminuiu de 30,9% para 27,6%. Esta descida deveu-se à diminuição da taxa de primeiras cesarianas (21,9% para 18,2%), apesar de se ter constatado um ligeiro aumento da taxa de cesarianas repetidas (9,0 para 9,4%). Entre as indicações para primeiras cesarianas, as causas materno-fetais e de apresentação anómala foram as que diminuiram mais, com valores de r2 ajustado de 0,70 e 0,55, respectivamente.Discussão: Os dados coligidos permitiram identificar a hipótese de que a diminuição da taxa de cesarianas se deveria a uma retração detectada sobretudo a nível das primeiras cesarianas, em particular as decorrentes de causas materno-fetais e apresentação anómala.Conclusão: A diminuição da taxa de primeiras cesarianas pode ser atribuída a várias modificações na prática clínica do Departamento, como a implementação da versão cefálica externa, a indução do trabalho de parto a partir das 41 semanas de gestação, em gravidezes de baixo risco e da realização de provas de trabalho de parto em casos de patologia materno-fetal. No entanto, indicações subjectivas, como a paragem de progressão do trabalho de parto e a suspeita de sofrimento fetal são ainda causas major de primeiras cesarianas.

  15. Effects of local anesthetic on the time between analgesic boluses and the duration of labor in patient-controlled epidural analgesia: prospective study of two ultra-low dose regimens of ropivacaine and sufentanil.

    PubMed

    Costa-Martins, José Manuel; Dias, Cláudia Camila; Pereira, Marco; Tavares, Jorge

    2015-01-01

    Introdução: A patient-controlled epidural analgesia com baixas concentrações de anestésicos é eficaz na redução da dor de parto. O objectivo deste estudo foi comparar dois regimes de doses ultrabaixas de ropivacaína e sufentanil (0,1% ropivacaína associada a 0,5 μg.ml-1 sufentanil vs. 0,06% ropivacaína associada a 0,5 μg.ml-1 sufentanil) nos intervalos entre bólus e na duração do trabalho de parto. Material e Métodos: Neste estudo prospectivo não-randomizado, realizado entre Janeiro e Julho de 2010, dois grupos de parturientes receberam patient-controlled epidural analgesia: o Grupo I (n = 58; 1 mg.ml-1 ropivacaína + 0,5 μg.ml-1 sufentanil) e o Grupo II (n = 57; 0,6 mg.ml-1 ropivacaína + 0,5 μg.ml-1 sufentanil). Quando necessário administraram-se doses de resgate de ropivacaína na concentração definida para cada grupo e sem sufentanil. Registaram-se a dor, os consumos de analgésicos, as características do bloqueio neuroaxial, do trabalho de parto, do recém-nascido, e a satisfação materna. Resultados: A dose de ropivacaína foi maior no Grupo I (9,5 [7,7-12,7] mg.h-1 vs. 6,1 [5,1-9,8 mg.h-1], p < 0,001). No Grupo I observouse um aumento do intervalo de tempo entre bólus (beta = 32,61 min, 95% CI [25,39; 39,82], p < 0,001), enquanto no Grupo II se observou uma diminuição dos intervalos (beta = -1,40 min, 95% CI [-2,44; -0,36], p = 0,009). A duração do segundo estadio do trabalho de parto foi significativamente maior no Grupo I do que no Grupo II (78 min vs. 65 min, p < 0,001). Conclusões: As parturientes que receberam ropivacaína a 0,06% exibiram uma menor evidência de efeitos cumulativos e um segundo estadio do trabalho de parto mais rápido do que as que receberam ropivacaína a 0,1%.

  16. Hearing symptoms personal stereos.

    PubMed

    da Luz, Tiara Santos; Borja, Ana Lúcia Vieira de Freitas

    2012-04-01

    Introdução: Práticos e portáteis os estéreos pessoais se tornaram acessórios quase indispensáveis no dia a dia. Estudos revelam que os tocadores de música portáteis podem causar danos auditivos a longo prazo para quem ouve música em alto volume por um tempo prolongado.Objetivo: verificar a prevalência de sintomas auditivos em usuários de tocadores amplificados e conhecer os seus hábitos de usoMétodo: Estudo prospectivo observacional de corte transversal realizado em três instituições de ensino da cidade de Salvador- BA, sendo duas de rede pública e uma da rede privada. Responderam ao questionário 400 estudantes, de ambos os sexos, entre 14 e 30 anos que referiram o hábito de utilizar estéreos pessoais.Resultados: Os sintomas mais prevalentes foram hiperacusia (43,5%), plenitude auricular (30,5%) e zumbido (27,5), sendo que o zumbido é o sintoma mais presente na população mais jovem. Quanto aos hábitos diários: 62,3% usam frequentemente, 57% em intensidades elevadas, 34% em períodos prolongados. Verificou-se uma relação inversa entre tempo de exposição e a faixa de idade (p = 0,000) e direta com a prevalência do zumbido.Conclusão: Apesar de admitirem ter conhecimento sobre os danos que a exposição a som de alta intensidade pode causar a audição, os hábitos diários dos jovens evidenciam o uso inadequado dos estéreos portáteis caracterizados por longos períodos de exposição, intensidades elevadas, uso frequente e preferência pelos fones de inserção. A alta prevalência de sintomas após o uso sugere um risco maior para a audição desses jovens.

  17. Stigma and Attitudes towards Psychiatric Patients in Portuguese Medical Students.

    PubMed

    Telles-Correia, Diogo; Gama Marques, João; Gramaça, João; Sampaio, Daniel

    2015-01-01

    Introdução: Este estudo pretende avaliar o impacto da educação psiquiátrica nas atitudes em alunos de medicina face aos doentes mentais. Material e Métodos: Foi conduzido um inquérito em corte transversal na maior faculdade de medicina portuguesa. Os alunos preencheram um questionário que incluía informação sociodemográfica, antecedentes pessoais e familiares de doença psiquiátrica, bem como a Community Attitudes towards the Mentally Ill scale. Resultados: Em 2 178 estudantes, 398 responderam ao inquérito, representando 18,2% daquela faculdade de medicina. Houve uma significativa melhoria em todas as dimensões avaliadas pela Community Attitudes towards the Mentally Ill scale, ao longo dos anos do curso de medicina. Os valores mais elevados verificaram-se na subescala Restritividade (38,01), e os valores mais baixos na sub-escala Autoritarismo (36,13). A melhor diferença verificou-se para a sub-escala Autoritarismo (5º ano - 1º ano = 2,03), e a pior diferença verificou-se para a sub-escala Benevolência (5º ano - 1º ano = 0,39). Os melhores resultados foram encontrados no final do 3º ano. Discussão: Os resultados poderão dever-se ao módulo de luta contra o estigma, incluído na disciplina de 'Introdução à Saúde Mental'. Esse efeito positivo ter-se-á perdido no 4º e 5º anos, com uma degradação das atitudes.Conclusão: Este estudo salienta a import'ncia dos módulos de luta contra o estigma na melhoria das atitudes dos estudantes de medicina perante a saúde mental. Este tipo de acções pedagógicas preventivas com intuito anti-estigma, devem ser na melhor preparação possível de gerações Médicas futuras.

  18. Prevalence of tinnitus in elderly individuals with and without history of occupational noise exposure.

    PubMed

    Melo, Juliana Jandre; Meneses, Caroline Luiz; Marchiori, Luciana Lozza de Moraes

    2012-04-01

    Introdução: A variedade de alterações metabólicas e circulatórias relacionadas com o ruído pode causar o aparecimento de inúmeros sintomas auditivos, incluindo, zumbido.Objetivo: O objetivo do estudo foi avaliar a prevalência de queixa de zumbido, em idosos com e sem história de exposição ao ruído ocupacional.Método: Forma de estudo prospectivo foi realizado em uma amostra populacional com 502 indivíduos com idade superior a 60 anos, através de questionário padronizado e avaliação audiológica. As variáveis estudadas foram frequência de queixa de zumbido e de e história de ruído ocupacional. Foi usada regressão logística para controlar confusão ou modificação de efeito para as outras variáveis sobre as associações de interesse.Resultado e Discussão: A queixa de zumbido foi verificada em 50% dos idosos com história de exposição ao ruído ocupacional e em 40,43% dos idosos sem história de exposição ao ruído ocupacional. Uma alta frequência de queixa de zumbido foi detectada na população sob investigação, porém não houve significativa diferença estatística entre a queixa de zumbido e história de ruído ocupacional.Conclusão: O resultado desta pesquisa pode ter ocorrido devido à existência de outros fatores que podem ter contribuído para a presença de zumbido, como a própria idade, nos indivíduos sem história de exposição ao ruído ocupacional.

  19. Sunspots and the Newcomb-Benford Law. (Spanish Title: Manchas Solares y la Ley de Newcomb-Benford.) Manchas Solares e a Lei de Newcomb-Benford

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Alves, Mauro A.; Lyra, Cássia S.

    2008-12-01

    The Newcomb-Benford's Law (LNB) of first digits is introduced to high school students in an extracurricular activity through the study of sunspots. The LNB establishes that the first digits of various sets of data describing natural occurrences are not distributed uniformly, but according to a logarithmic distribution of probability. The LNB is counter-intuitive and is a good example of how mathematics applied to the study of natural phenomena can provide surprising and unexpected results serving also as a motivating agent in the study of physical sciences. En este trabajo se describe una actividad extracurricular donde se presenta a los estudiantes la ley de los primeros dígitos de Newcomb-Benford (LNB) con el estudio de manchas solares. La LNB establece que los primeros dígitos de algunos tipos de dados de ocurrencia natural no están distribuidos en manera uniforme, pero sí de acuerdo con una distribución logarítmica de probabilidad. La LNB es contra-intuitiva y es un excelente ejemplo de como las matemáticas aplicadas al estudio de fenómenos naturales pueden sorprender al estudiante, sirviendo también como elemento motivador en la educación de ciencias y de matemáticas. Este trabalho descreve uma atividade extracurricular na qual a lei dos primeiros dígitos de Newcomb-Benford (LNB) é introduzida a estudantes através do estudo de manchas solares. A LNB estabelece que os primeiros dígitos de vários tipos de conjunto de dados de ocorrência natural não são distribuídos de maneira uniforme, mas sim de acordo com uma distribuição logarítmica de probabilidade. A LNB é contra-intuitiva e é um ótimo exemplo de como a matemática aplicada ao estudo de fenômenos naturais pode fornecer resultados surpreendentes e inesperados, servindo também como um agente motivador no ensino de ciências e matemática.

  20. [Mini-Mental State Examination: Screening and Diagnosis of Cognitive Decline, Using New Normative Data].

    PubMed

    Santana, Isabel; Duro, Diana; Lemos, Raquel; Costa, Vanessa; Pereira, Miguel; Simões, Mário R; Freitas, Sandra

    2016-04-01

    Introdução: O Mini-Mental State Examination é o teste de rastreio de défice cognitivo/demência mais difundido. No nosso país têm-se utilizado pontuações de corte definidas por grupos de literacia, mas existem novas propostas sustentadas por estudos mais representativos. Propomo-nos confirmar a influência da idade e da escolaridade no desempenho, avaliar a capacidade discriminativa dos novos dados normativos e testar a acuidade diagnóstica das pontuações de corte validadas para o défice cognitivo ligeiro e para as formas mais prevalentes de demência. Material e Métodos: O estudo incluiu 1 441 participantes escolarizados, divididos em sete subgrupos: Défice cognitivo ligeiro, doença de Alzheimer, demência fronto-temporal, demência vascular, demência com corpos de Lewy, controlo-comunidade e controlo-clínica- memória. Resultados: Em conjunto, idade e escolaridade explicam 10,4% da variância dos resultados no Mini-Mental State Examination, com ambas contribuindo significativamente para a predição dos resultados. A acuidade diagnóstica com base nos dados normativos mais recentes foi sempre superior à conseguida com as pontuações de corte de validação, revelando uma especificidade excelente (superior a 90%) e uma sensibilidade também excelente para a doença de Alzheimer ligeira (91%), boa para demência com corpos de Lewy (78%), baixa para o défice cognitivo ligeiro (65%) e demência fronto-temporal e demência vascular (55%). Discussão e Conclusões: O desempenho no Mini-Mental State Examination é influenciado pela idade e pela escolaridade, apoiando a utilização de dados normativos que considerem estas variáveis. Com esta abordagem, o Mini-Mental State Examination poderá ser um instrumento sensível e específico para o rastreio da doença de Alzheimer em todos os níveis de cuidados de saúde, mas a acuidade de diagnóstico é limitada noutras situações frequentes em consultas especializadas, como o défice cognitivo ligeiro

  21. Espectroscopia de candidatos a remanescentes de aglomerados abertos

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Pavani, D. B.; Bica, E.; Ahumada, A. V.; Clariá, J. J.

    2003-08-01

    A pesquisa sobre remanescentes de aglomerados abertos tem despertado grande interesse. Seguindo esta tendência encontramos estudos teóricos e observacionais. Os primeiros baseiam-se em simulações numéricas buscando determinar fração de binárias e distâncias galatocêntricas, tempo de vida e conteúdo estelar. Estes estão relacionados à função inicial de massa e densidade de estrelas, ou seja, se ricos ou pobremente povoados, compactos ou esparsos. No caso observacional procuram-se identificar os remanescentes considerando-se que trazem estas assinaturas de seus percursores. No presente estudo empregamos espectroscopia para analisar oito concentrações pobremente povoadas, previamente classificadas como aglomerados abertos, sendo sete compactas e uma esparsa. As observações foram obtidas através do telescópio de 2,15 m do CASLEO em San Juan, Argentina, em turnos entre 2001 e 2003. Utilizamos uma câmara CCD contendo um chip Tektronics de 1024X1024 pixeis aliado a um espectrógrafo REOSC. O domínio espectral vai de 3700 a 7000 Å. As reduções foram realizadas no Observatório Astronômico de Córdoba (Argentina) usando pacotes IRAF padrões. Determinamos idades, avermelhamentos e tipos espectrais através de comparações com biblioteca de estrelas e de aglomerados. Em alguns casos nossos espectros estavam dominados por estrelas individuais às quais determinamos seus tipos espectrais. Aos oito objetos adicionamos mais cinco da literatura recente analisados via espectro ou diagrama cor-magnitude. O histograma resultante contém idades típicas entre 0.5 e 3 Ganos. Considerando que predominantemente estes objetos encontram-se na vizinhança solar e, portanto, não cruzaram muitas vezes o plano Galático esperamos que a diferença no tempo necessário para dissolução destes prováveis remanescentes seja em função de diferentes massas iniciais.

  22. Pulmonary Embolism in Ambulatory Oncologic Patients.

    PubMed

    Silva, Patrícia; Rosales, Maria; Milheiro, Maria João; Santos, Luísa L

    2015-01-01

    Introdução: A associação entre a doença oncológica e a doença tromboembólica venosa é conhecida. O doente oncológico apresenta um risco de evento trombótico seis a sete vezes superior à população em geral. O tromboembolismo pulmonar é uma importante causa de morbilidade e mortalidade neste grupo de doentes, encontrando-se a sua prevalência subestimada. Material e Métodos: Estudo retrospetivo de todos os episódios de tromboembolismo pulmonar referenciados num período de cinco anos. Selecionaram-se os doentes oncológicos em regime de ambulatório, tendo sido revistos os dados demográficos, fatores de risco, presença de sintomatologia ao diagnóstico, estratificação de risco de doença tromboembólica venosa pelo modelo de Khorana, probabilidade de mortalidade aos 30 dias e sobrevivência global. O trabalho elaborado está de acordo com a declaração de Helsínquia. Resultados: Avaliaram-se 186 doentes, 55,9% do sexo feminino, mediana de idade de 64 anos. As neoplasias mais prevalentes foram a colo-rectal (24,2%) e a pulmonar (17,7%), sendo que a maioria apresentava metástases (66,1%) ou realizaram quimioterapia (69,4%). O tromboembolismo pulmonar foi um achado imagiológico em 69,4%, sendo que nenhum dado clínico analisado no nosso estudo mostrou ter significado estatístico na apresentação de tromboembolismo pulmonar com sintomatologia clínica evidente. Observou-se uma mortalidade aos 30 dias resultante do tromboembolismo pulmonar de 7,5%, tendo-se verificado que os doentes sintomáticos apresentaram uma sobrevivência média inferior relativamente aos assintomáticos (12 vs. 20 meses; p = 0,029). A aplicação retrospetiva do modelo preditivo de Khorana para doença tromboembólica venosa nos doentes sob quimioterapia permitiu identificar 11% dos indivíduos em alto risco. Discussão: O tromboembolismo pulmonar foi um achado imagiológico na maioria dos doentes, sendo que nenhuma variável clínica se associou à presença ou aus

  23. Cystatin C: A Promising Marker of Renal Function in Patients with Systemic Lupus Erythematosus?

    PubMed

    Peixoto, Lígia; Aguiar, Patrício; de Bragança, Raquel; Martins, Joana Rosa; Acabado, Alba Janeiro; Ducla-Sores, José Luís

    2015-01-01

    Introdução: A cistatina C possui uma correlação superior com a taxa de filtrado glomerular e um prognóstico clínico mais significativo do que a creatinina. Procurou-se averiguar se constitui um marcador de função renal diferente da creatinina (cistatina C potencialmente superior à creatinina), em doentes com lúpus eritematoso sistémico.Material e Métodos: Foram avaliados 37 doentes com lúpus eritematoso sistémico, sem evidência de nefrite lúpica activa. Determinouse a cistatina C sérica por nefelometria e a creatinina pelo método de Jaffe modificado. Compararam-se cinco fórmulas: Chronic Kidney Disease â Epidemiology Collaboration cystatin; Chronic Kidney Disease â Epidemiology Collaboration creatinine-cystatin; Cockcroft-Gault, Modification of Diet in Renal Disease e Chronic Kidney Disease â Epidemiology creatinine, utilizando-se esta última como referência. Analisou-se a influência de factores clínicos e laboratoriais na variação da cistatina C, por regressão linear multivariada. Resultados: A cistatina C encontrava-se isoladamente elevada em dez participantes, ao invés de nenhuma elevação isolada dacreatinina, sendo esta diferença significativa (p = 0,002). Verificou-se uma diferença entre a taxa de filtrado glomerular estimada pela Chronic Kidney Disease â Epidemiology Collaboration cystatin e pela Chronic Kidney Disease â Epidemiology Collaboration creatinine (-6,0541 mL/min/1,73 m2, p = 0,07), mais acentuada para taxas de filtração glomerular mais baixas. Assim, a fórmula Chronic Kidney Disease â Epidemiology Collaboration cystatin reclassificou 4 doentes como tendo doença renal crónica de novo e um doente como não tendo doença renal crónica (p = 0,375). A cistatina C foi influenciada significativamente apenas pela idade (p < 0,001).Discussão: Vários estudos demonstraram que a cistatina C melhora a definição de doença renal crónica, permitindo uma classificação e uma estratificação do risco mais exactas

  24. Optimal cut-off value for homeostasis model assessment (HOMA) index of insulin-resistance in a population of patients admitted electively in a Portuguese cardiology ward.

    PubMed

    Timóteo, Ana Teresa; Miranda, Fernando; Carmo, Miguel Mota; Ferreira, Rui Cruz

    2014-01-01

    Introdução: A resistência à insulina é a chave fisiopatológica de explicação da Síndrome Metabólica. Apesar de claramente útil, o índice Homeostasis Model Assessment (uma medição da resistência à insulina) não tem sido aplicado sistematicamente na prática clínica. Uma das principais razões relaciona-se com a discrepância de valores limiares reportados em diferentes populações. Procurámos avaliar uma população portuguesa o valor limiar ideal e avaliar a sua relação com a Síndrome Metabólica. Material e Métodos: Selecionámos uma coorte de indivíduos admitidos eletivamente numa enfermaria de cardiologia com um IMC < 25 Kg/m2 e sem anomalias do metabolismo da glicose (glicémia em jejum < 100 mg/dL e sem diabetes). Utilizámos o percentil 90 da distribuição do índice Homeostasis Model Assessment para seleção do limiar adequado para resistência à insulina. Selecionouse também uma coorte de validação composta por 300 indivíduos, sem aplicação dos critérios de exclusão referidos anteriormente. Resultados: De uma população de 7 000 indivíduos e após aplicação dos critérios de exclusão, ficámos com 1 784 indivíduos para análise. O percentil 90 do índice foi 2,33. Na coorte de validação, aplicando esse limiar, 49,3% dos indivíduos apresentam resistência à insulina. Contudo, apenas 69,9% dos doentes com síndrome metabólica apresentam resistência à insulina com esse limiar. Por análise das curvas ROC, o limiar ideal para síndrome metabólica é 2,41. O índice Homeostasis Model Assessment correlacionou-se com o IMC (r = 0,371, p < 0,001) e é um preditor independente de presença de síndrome metabólica (OR 19,4, IC 95% 6,6 – 57,2, p < 0,001). Discussão: O nosso estudo mostrou que numa população portuguesa de doentes admitidos eletivamente numa enfermaria de cardiologia, o limiar pelo índice Homeostasis Model Assessment para resistência à insulina é 2,33 e para síndrome metabólica é 2

  1. Microvariabilidade da polarização óptica e do fluxo infravermelho de 3C 279

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Andruchow, I.; Cellone, S. A.; Romero, G. E.; Dominici, T. P.; Abraham, Z.

    2003-08-01

    Neste trabalho mostramos um estudo sobre a existência e o comportamento da microvariabilidade na polarização óptica no blazar 3C 279. As medidas de polarização foram feitas durante quatro noites em março/2002 com o telescópio de 2.15 m do CASLEO, utilizando o polarímetro CASPROF. As observações mostraram que o grau de polarização linear é composto por duas componentes: uma relativa ao flickering em escalas de tempo de minutos e outra com variações em escalas de tempo de dias. Neste último caso a variação do grau de polarização está correlacionada com variações intraday no infravermelho próximo, cujos dados foram obtidos simultaneamente durante duas noites no telescópio de 1.60 m do LNA, utilizando a CamIV. Além disso, o ângulo de polarização apresentou uma variação súbita de mais de 10 graus em algumas horas, o que poderia ser causado pela injeção de um novo choque no jato. Esta idéia é apoiada pelo comportamento da variabilidade no infravermelho em escalas de tempo mais longas, que foi acompanhado durante três meses após o término da campanha coordenada com observações adicionais no LNA.

  2. Lateral intercrural suture in the caucasian nose: Decreased domal divergence angle in endonasal rhinoplasty without delivery.

    PubMed

    Berger, Cezar Augusto Sarraf; Mocelin, Marcos; Soares, Caio Márcio Correia; Pasinato, Rogério; Frota, Andreia Ellery

    2012-04-01

    Introdução: Diversas técnicas podem ser realizadas para melhorar a definição da ponta nasal como ressecção cartilaginosa, colocação de enxertos ou suturas. A realização de suturas na ponta nasal proporciona resultados estéticos satisfatórios com menor morbidade 1-5.Objetivo: Avaliar a sutura intercrura lateral realizada na cartilagem lateral inferior, através de rinosseptoplastia endonasal por técnica básica sem delivery, para diminuição do ângulo de divergência domal no nariz caucasiano e consequente melhora na definição da ponta nasal.Método: Realizado estudo prospectivo com 64 casos nos quais foi confeccionada sutura no bordo cefálico da cartilagem lateral inferior na junção entre a cúpula e crus lateral, utilizando-se fio P.D.S. (Polydioxanorie(®)) incolor 4"0" com agulha curva cortante.Resultado: Foram analisadas e comparadas as fotos do pré - operatório e do pós -operatório com 6 meses de evolução. Em todos os casos foi atingida uma melhora na definição da ponta através da sutura intercrura lateral.Conclusão: A sutura intercrura lateral da cartilagem lateral inferior mostrou ser factível para uma melhor definição da ponta no nariz caucasiano podendo ser realizada por rinoplastia endonasal sem delivery.

  3. [Development and Validation of the National Functionality Table for Chronic Diseases].

    PubMed

    Pereira, Carla Sandra; Banco, Jaime; Lopes, Manuel; Escoval, Ana; Nogueira, Paulo; Diniz, José Alexandre; Guerra, Fernando; Coelho, Anabela

    2016-02-01

    Introdução: A avaliação sistemática e registo da funcionalidade de pessoas adultas com doença crónica permite horizontalizar políticas de saúde, sociais e emprego de acordo com a funcionalidade; dotar os profissionais de saúde e sociais de um instrumento de recolha de informação, que complemente os registos de doença; medindo os ganhos de funcionalidade. O objetivo de estudo foi desenvolver uma Tabela Nacional de Funcionalidade para adultos em idade ativa com doença crónica, de acordo com a Classificação Internacional de Funcionalidade, Incapacidade e Saúde da Organização Mundial de Saúde. Material e Métodos: Recorremos a métodos quantitativos e qualitativos; revisão da literatura (17 artigos), grupo focal (nove peritos), painel de Delphi (16 peritos) e estudo exploratório (309 pessoas com doença crónica). Resultados: Na revisão da literatura, foram identificadas 67 atividades limitadas na população em estudo das quais foram selecionadas 40 atividades pelo grupo focal e 38 validadas pelo painel de Delphi. Discussão: Para testar as propriedades psicométricas comparamos o valor médio de todos os coeficientes possíveis do tipo consistência interna (split-half). Na análise da discriminação dos níveis de funcionalidade em amostras diferentes, verificou-se a igualdade de vari'ncias pelo teste de Levene e a igualdade de média por recurso ao teste t. De acordo com a observação e análise do coeficiente α de Cronbach, verificou-se que a Tabela Nacional de Funcionalidade proposta apresenta bons níveis de fiabilidade. Na análise de componentes principais, identificaram-se cinco dimensões. Conclusão: A referida tabela tem características psicométricas apropriadas no que diz respeito à consistência, fiabilidade e validade interna.

  4. Abundância química de simbióticas na direção do bojo galáctico

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Luna, G. J. M.; Costa, R. D. D.

    2003-08-01

    O estudo da distribuição de metalicidades de gigantes K no Bojo indica um largo intervalo com valores entre 0.1 a 10 vezes o valor solar. As razões elementais Ca/Fe, Si/Fe, Mg/Fe são típicas de estrelas do halo, apontando para um processo rápido de enriquecimento, via estrelas masssivas (SN's tipo II). No entanto, este cenário não combina com os resultados derivados de nebulosas planetárias do bojo tais como os de Ratag et al. (1992, A&A,255,270), Cuisinier et al.(2000, A&A,353, 543), Escudero e Costa (2001, A&A,380, 300),que obtêm abundâncias análogas às do disco. Neste cenário, o estudo de estrelas simbióticas possibilita uma abordagem particularmente apropriada para o problema das abundâncias químicas de estrelas de massa intermediária em estágios avançados da evoluçao estelar. Apresentamos aqui os resultados da determinacão das abundâncias do grupo do CNO numa extensa amostra de simbióticas do bojo. Aliás, com a disponibilidade de espectros no visível determinamos também abundâncias de Ar, Ne, S e He, fundamentais para analisar os processos de enriquecimento químico ocorridos ao longo da evolução estelar, bem como a evolução química do meio interestelar. Com os espectros UV do satelite IUE obtivemos abundâncias de C, necessárias no estudo da evolução dos sistemas. As relaçoes C/N-O/N mostram que o material nebular é produto do vento da componente gigante e não dos eventos de nova que às vezes acontecem nestes sistemas, como foi mostrado por Nussbaumer et al (1988,A&A,198,179). As abundâncias de Ar, S, Ne e O são compativeis com resultados de fontes no disco e bojo, seguindo o gradiente proposto por muitos autores na literatura a partir de diferentes objetos como cefeidas, nebulosas planetárias e anãs G. (CAPES,FAPESP,CNPq)

  5. [Identification and preservation of parathyroid glands in cadaver parts].

    PubMed

    Melo, Catarina; Bernardes, António; Carvalho, Lina

    2013-01-01

    Introdução: É indispensável ter um conhecimento profundo da morfologia da glândula tiróide e das estruturas com ela relacionadas no compartimento anterior do pescoço, para minimizar a morbilidade decorrente da cirurgia da tiróide, nomeadamente a lesão das glândulas paratiróides e dos nervos laríngeos. Este estudo pretendeu identificar glândulas paratiróides em peças de cadáver, confirmando-as histologicamente.Material e Métodos: Foram usadas 20 peças de cadáver para simular tiroidectomias. Durante a dissecção, foram isoladas as glândulas tiróides e eventuais glândulas paratiróides, que foram submetidas a estudo histológico.Discussão: Foram dissecadas 20 peças de cadáver (regiões cervicais anteriores), sendo isolados 48 fragmentos que correspondiam a eventuais glândulas paratiróides, dos quais 35 foram confirmados histologicamente como sendo efectivamente paratiróides. Os 20 casos foram, então, divididos em três grupos, de acordo com o número de paratiróides confirmadas histologicamente. No primeiro grupo, constituído por 11 casos, todas as eventuais paratiróides foram confirmadas. No segundo grupo, constituído por seis casos, apenas algumas paratiróides foram confirmadas. No terceiro grupo, constituído por três casos, nenhuma das eventuais paratiróides isoladas era efectivamente paratiróide. Em sete das 20 glândulas tiróides isoladas, foram identificadas oito paratiróides no estudo histológico: quatro sub-capsulares; três extra-capsulares e uma intra-tiróideia. As dimensões das paratiróides não tinham relação estatisticamente significativa.Conclusão: O conhecimento da anatomia das estruturas do compartimento central do pescoço e das suas variações mais frequentes diminui, mas não elimina a morbilidade da cirurgia da tiróide, nomeadamente a excisão iatrogénica das paratiróides, cuja dificuldade de identificação foi evidenciada nas peças dissecadas.

  6. [Secondary hypothyroidism after cervical irradiation: systematic evaluation of thyroid function in follow-up].

    PubMed

    Gonçalves, Sara Monteiro; Ferreira, Brígida Costa; Guardado, Maria João; Marques, Rui; Serra, Tânia; Serra, Maria João; Roda, Domingos; Brandão, Joana; Melo, Gilberto; Lopes, Maria Carmo; Khouri, Leila

    2014-01-01

    Introdução: A disfunção tiroideia constitui uma consequência, por vezes subestimada, da exposição à radiação. O mecanismo subjacente não está claramente esclarecido, mas terá uma origem multifatorial. Os fatores de risco específicos para o desenvolvimento de hipotiroidismo secundário à radioterapia permanecem indeterminados. A irradiação direta da glândula tiroideia pode resultar, com maior frequência, em hipotiroidismo. Este é uma condição irreversível, requerendo monitorização e tratamento permanente. Objetivos: Avaliar a incidência de hipotiroidismo nos doentes portadores de neoplasias da cabeça e pescoço submetidos a irradiação cervical, a título intensivo ou adjuvante, bem como determinar se é justificável a integração no protocolo de seguimento Institucional, de parâmetros laboratoriais (TSH, T3 Livre e T4 Livre) para avaliação da função tiroideia neste grupo de doentes e qual a sua periodicidade. Material e Métodos: Este é um estudo observacional, descritivo, retrospetivo, que engloba um grupo de 376 doentes portadores de neoplasias da cabeça e pescoço, submetidos a tratamento de radioterapia, a título adjuvante ou intensivo, entre os anos de 2007 e 2012, no Instituto Português de Oncologia de Coimbra Francisco Gentil E.P.E. Cumpriram todos os critérios de inclusão 145 doentes. Foram utilizadas escalas de avaliação padronizadas para a definição de hipotiroidismo – LENT-SOMA scales (Late Effects Normal Tissues Subjective Objective Management Analysis). Foi considerada como complicação o hipotiroidismo Grau 1 ou superior. Resultados: Procedeu-se à análise de um grupo de 145 doentes. A localização tumoral mais frequente foi a Laringe (26,9%). Trinta e dois doentes efetuaram radioterapia adjuvante e 113 efetuaram esquemas intensivos. A técnica de radioterapia mais utilizada foi a intensidade modulada (IMRT), efetuada em 86,2% doentes. A taxa de incidência global de hipotiroidismo aos 12 meses foi de

  7. [Abstract of Cochrane review].

    PubMed

    Carneiro, António Vaz; Costa, João

    2013-01-01

    Objectivos: Esta revisão sistemática destinou-se a determinar os efeitos sobre a mortalidade e morbilidade do rastreio do cancro da mama com mamografia em mulheres de risco baixo e em cuidados primários.Material e Métodos: Foram pesquisadas duas bases de dados - PubMed (Novembro 2012) e a World Health Organization’s International Clinical Trials Registry Platform (Novembro 2012) – para identificação de ensaios clínicos aleatorizados, prospectivos e controlados (Randomized Clinical trials – RCTs) comparando o rastreio com a não realização do rastreio. A extracção dos dados foi feita por dois investigadores que contactaram, quando necessário, os autores dos estudos para informação adicional.Resultados: Foram identificados 8 RCTs cujas amostras somaram 600 000 mulheres com idades entre 39-74 anos. Os resultados agregados dos ensaios de melhor qualidade metodológica (baixo risco de viés de selecção) não detectaram diferenças na mortalidade por cancro da mama aos 7 (risco relativo [RR] = 0,93; Intervalo de Confiança [IC] 95%: 0,79-1,09) ou aos 13 anos (RR = 0,90; IC 95%: 0,79-1,02). Os resultados agregados dos ensaios com maior risco de viés de selecção (por possível aleatorização inadequada) mostraram reduções significativas na mortalidade por cancro da mama aos 7 (RR = 0,71; IC95%: 0,61-0,83) e aos 13 anos (RR = 0,75; IC95%: 0,67-0,83). Não se verificou heterogeneidade entre os resultados dos estudos. Os resultados dos estudos de melhor epior qualidade metodológica foram semelhantes para as mulheres com menos e com mais de 50 anos de idade. Quer os resultados dos estudos de melhor qualidade, quer os resultados dos estudos com maior risco de viés, não encontraram diferenças na mortalidade oncológica (por todos os tipos de cancro) nem na mortalidade global, quer aos 7, quer aos 13 anos. Devido a deficiente classificação das causas de morte nas amostras dos RCTs, a mortalidade por cancro da mama revelou-se um resultado (outcome

  8. Estudo da utilizacao da biomassa florestal como fonte de produtos quimicos e energia atraves de processos quimicos e biotechnologicos (Utilization of forest biomass for chemicals and energy by chemical and biotechnological processes). Master's thesis

    SciTech Connect

    de Miranda, I.M.S.S.

    1989-04-01

    The chemical composition and the non-structural carbohydrate composition were determined for 1-year-old Eucalyptus globulus Labill trees, grown in an experimental plantation with different nutrient and water supplies (C-trees, where no treatment was made and IL-trees, which received a nutrient supply and irrigation). Leaf carbohydrates were determined for the same conditions. Pulping experiments were made using kraft cooks of eucalyptus wood. The results of the pretreatments are complemented with scanning electron microscopy observations. Average wood composition was: ash 1.6%, total extractives 5.2%, Klason lignin 21.0%, soluble lignin 3.1% (% of o.d. weight). The results did not show statistical significant differences between the two growth conditions. The average wood carbohydrate composition was: glucose 2.7%, frutose 4.1% sucrose 1.3% and starch 0.5%. The average carbohydrate composition of leaves was: glucose 1.0%, frutose 1.7%, sucrose 0.1% and starch 4.1%. The average yield for the kraft wood delinification was 49%. The saccharification of pretreated eucalyptus chips with a steam-explosion pretreatment was: For H2SO4 impregnation 26.6% and for H2O impregnation 44.2%.

  9. [Problems identified in the package leaflets of the Portuguese non-generic medicines].

    PubMed

    Pires, Carla; Cavaco, Afonso; Vigário, Marina

    2015-01-01

    Introdução: Todos os medicamentos de uso humano são comercializados com um folheto informativo. Estes documentos devem ter uma lista inicial com a identificação de todas as secções, de acordo com o modelo europeu Quality Review of Documents e não serem muito extensos, i.e. com cerca de 1500 palavras. Apenas excepcionalmente são autorizados folhetos relativos a mais de uma dose e/ ou forma farmacêutica (folhetos mistos). Neste contexto, os objectivos incluem a identificação de problemas nos folhetos informativos de todos os medicamentos não genéricos portugueses quanto à presença da lista inicial, à frequência de folhetos mistos e ao número de páginas. Material e Métodos: Consulta dos folhetos na base pública Infomed de acordo com a classificação do Prontuário Terapêutico – 10 (1º trimestre 2012). Os dados recolhidos foram sujeitos a controlo de qualidade e tratamento estatístico. Resultados: Identificação de 2729 folhetos em 3080 especialidades farmacêuticas. Foram avaliados 2042 folhetos (687 não estavam disponíveis), em que 181 (8,9%) não apresentaram lista inicial e 351 (17,2%) eram mistos. O número médio de páginas foi 6,9 (DP = 2,6), o mínimo = 2 e o máximo = 26. Discussão: A leitura e compreensão adequadas dos folhetos portugueses em alguns casos podem estar comprometidas, dado que 1) alguns dos folhetos analisados não continham a lista inicial necessária à adequada localização das informações, 2) foram detetados folhetos mistos e/ou 3) foram encontrados folhetos com uma extensão acima do desejável. Conclusão: Os resultados deste estudo devem informar o processo de desenvolvimento e aprovação dos folhetos pelos titulares da autorização da introdução no mercado e pelas autoridades reguladoras.

  10. Estatística de lentes gravitacionais e o gás de chaplygin generalizado

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Oliveira, A. L. S.

    2003-08-01

    A estatística de lentes gravitacionais constitui uma poderosa ferramenta utilizada na obtenção de vínculos sobre parâmetros cosmológicos, principalmente sobre modelos com uma constante cosmológica. Embora de forma às vezes controversa, antes de 1998, a análise tradicional mostrava que modelos com o parâmetro de densidade da matéria da ordem da unidade são preferidos. Esse resultado começou a ser questionado, alguns anos atrás, com as indicações, advindas da análise de supernovas com alto valor de desvio para o vermelho, de que nosso Universo está acelerando. Atualmente há enorme interesse em saber qual é a natureza da componente responsável pela aceleração cósmica. Energia escura é a denominação usual dessa componente e sua característica principal é possuir pressão negativa. Nos modelos cosmológicos tradicionais, além da energia escura, considera-se também uma outra componente de origem desconhecida. Ela é denominada matéria escura e possui pressão nula. Mais recentemente modelos unificadores em que energia escura e matéria escura são manifestações distintas de um mesmo fluido (altas densidades matéria escura, baixas densidades energia escura) foram sugeridos. Um desses modelos é conhecido como Gás de Chaplygin Generalizado que é o modelo que investigaremos. Em nosso trabalho apresentamos vínculos sobre parâmetros desse modelo usando a estatística de lentes gravitacionais. Usamos observações de quasares na faixa do visível e consideramos extinção em nosso estudo. Análises semelhantes anteriores com esse tipo de objetos e que não consideram extinção são inconsistentes. Comparação dos vínculos obtidos através de lentes gravitacionais com outros advindos de outros testes será também apresentada.

  11. [How xenon works: neuro and cardioprotection mechanisms].

    PubMed

    Morais, Ricardo; Andrade, Luísa; Lourenço, André; Tavares, Jorge

    2014-01-01

    Introdução: O xénon, um gás nobre, possui qualidades anestésicas, associadas a uma notável estabilidade hemodinâmica assim como propriedades cardioprotectoras e neuroprotectoras. As suas características físico-químicas conferem-lhe uma rápida indução e emergência anestésica, estando livre de efeitos deletérios importantes nos diversos orgãos e não apresentando teratogenicidade; o que suscitou um recente recrudescimento no interesse de aprofundar o conhecimento sobre este gás nobre, afim de compreender osseus mecanismos de acção e determinar as várias indicações que possui para a prática clínica.Material e Métodos: Revisão da literatura dos artigos considerados relevantes sobre o tema, com recurso à pesquisa de artigos indexados na Medline, com as palavras-chaves: xénon, xénon anestesia, xénon neuroproteção, xénon cardioproteção.Resultados: A aprovação do uso do xénon em doentes ASA I-II, ocorreu em Março 2007, após a realização de dois ensaios clínicos aleatorizados multicêntricos. No entanto, o seu uso na prática clínica, tem sido limitado pelo seu preço elevado. Parece pouco provável que as vantagens que oferece em relação aos restantes anestésicos justifique o seu uso em doentes ASA I-II. No entanto, poderá ser uma preciosa ajuda para a redução das co-morbilidades e mortalidade na anestesia de doentes ASA III-IV. As suas propriedades neuro e cardio-protectoras, são também alvo de intensa investigação, com resultados promissores.Discussão: Infelizmente, ainda não existem estudos de aleatorizados e multicêntricos que comprovem um perfil favorável do custobenefício do xénon em doentes ASA III-IV, em relação aos demais anestésicos.Conclusão: O lugar do xénon na Anestesiologia ainda se encontra por definir.

  12. Busca de estruturas em grandes escalas em altos redshifts

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Boris, N. V.; Sodrã©, L., Jr.; Cypriano, E.

    2003-08-01

    A busca por estruturas em grandes escalas (aglomerados de galáxias, por exemplo) é um ativo tópico de pesquisas hoje em dia, pois a detecção de um único aglomerado em altos redshifts pode por vínculos fortes sobre os modelos cosmológicos. Neste projeto estamos fazendo uma busca de estruturas distantes em campos contendo pares de quasares próximos entre si em z Â3 0.9. Os pares de quasares foram extraídos do catálogo de Véron-Cetty & Véron (2001) e estão sendo observados com os telescópios: 2,2m da University of Hawaii (UH), 2,5m do Observatório de Las Campanas e com o GEMINI. Apresentamos aqui a análise preliminar de um par de quasares observado nos filtros i'(7800 Å) e z'(9500 Å) com o GEMINI. A cor (i'-z') mostrou-se útil para detectar objetos "early-type" em redshifts menores que 1.1. No estudo do par 131046+0006/J131055+0008, com redshift ~ 0.9, o uso deste método possibilitou a detecção de sete objetos candidatos a galáxias "early-type". Num mapa da distribuição projetada dos objetos para 22 < i' < 25 observou-se que estas galáxias estão localizadas próximas a um dos quasares e há indícios de que estejam aglomeradas dentro de um área de ~ 6 arcmin2. Se esse for o caso, estes objetos seriam membros de uma estrutura em grande escala. Um outro argumento em favor dessa hipótese é que eles obedecem uma relação do tipo Kormendy (raio equivalente X brilho superficial dentro desse raio), como a apresentada pelas galáxias elípticas em z = 0.

  13. Audition and exhibition to toluene - a contribution for the theme.

    PubMed

    Augusto, Lívia Sanches Calvi; Kulay, Luiz Alexandre; Franco, Eloisa Sartori

    2012-04-01

    Introdução: Com os avanços tecnológicos e as mudanças nos processos produtivos, os trabalhadores estão expostos a diferentes agentes físicos e químicos em seu ambiente laboral. O tolueno é um solvente orgânico presente em colas, tintas, óleos, dentre outros.Objetivo: Comparar os achados literários que evidenciam que trabalhadores expostos simultaneamente a ruído e solventes têm maior probabilidade de desenvolverem uma perda auditiva de origem periférica.Método: Revisão de literatura a respeito da perda auditiva ocupacional em trabalhadores expostos a ruído e tolueno.Resultados: A exposição isolada ao tolueno também pode desencadear uma alteração dos limiares auditivos. Estes achados audiométricos, por ototoxicidade a exposição ao tolueno, apresentam audiogramas semelhantes ao por exposição ao ruído, o que torna dificultoso diferenciar um resultado audiométrico de exposição combinada - ruído e tolueno - e exposição apenas ao ruído.Conclusão: A maioria dos estudos foi projetado para gerar hipóteses e deveria ser considerado como passos preliminares de uma pesquisa adicional. Até hoje os agentes no ambiente de trabalho e seus efeitos têm sido estudados de maneira isolada e os limites de tolerância destes, não consideram as exposições combinadas. Considerando que os trabalhadores estão expostos a múltiplos agentes e que a perda auditiva é irreversível, os testes implementados devem ser mais completos e todos os trabalhadores devem fazer parte do programa de prevenção auditiva, mesmo expostos a baixas doses do limite de exposição recomendado.

  14. On ambiente de binárias de pequena massa em formação: o caso do glóbulo cometário CG30 e IRAS08076-3556

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Hickel, G. R.; Vilas-Boas, J. W. S.

    2003-08-01

    Neste trabalho, combinamos observações de polarização linear no óptico (banda R), dados no infravermelho distante (IRAS) e observações de transições moleculares em radiofreqüências (CO e espécies isotópicas, HCN e HCO+) para analisar o glóbulo cometário (GC) CG30 (na região da IRAS Vela Shell), que apresenta objetos Herbig-Haro e ejeções de matéria, além de uma fonte pontual IRAS em seu interior. Os objetivos deste estudo são: determinar a eficiência de formação estelar nos glóbulos cometários, através da relação entre a massa total do GC e da massa das estrelas em formação; determinar como o campo magnético influencia na formação de estrelas no interior destes objetos; e analisar as modificações que ejeções de matéria de estrelas em formação causam no gás e no campo magnético dos GCs. Combinando nossos dados com trabalhos já publicados, mostramos que CG30 tem uma eficiência de formação estelar em torno de 3%; que o campo magnético é importante na manutenção da estrutura global do GC e demonstra sinais de torção e compressão; e que a ejeção bipolar de matéria das estrelas do par formam uma ejeção quadripolar, a qual influencia na densidade e temperatura do gás e no grau de polarização dos grãos de poeira associados ao gás do GC.

  15. Hyperbaric Oxygen Therapy for the Treatment of Fournier's Gangrene: A Review of 34 Cases.

    PubMed

    Rosa, Isabel; Guerreiro, Francisco

    2015-01-01

    Introdução: A gangrena de Fournier é uma infecção necrotizante grave, que pode levar à morte se não for tratada rapidamente. O tratamento baseia-se na combinação do desbridamento cirúrgico, antibioterapia e terapêutica de suporte. A oxigenoterapia hiperbárica surge como adjuvante quer na optimização da oxigenação dos tecidos infetados, quer através da ação bactericida e bacteriostática. Material e Métodos: Foi feita uma revisão dos processos clínicos dos doentes com gangrena de Fournier referenciados ao Centro de Medicina Subaquática e Hiperbárica da Marinha para realizar oxigenoterapia hiperbárica num período de 25 anos. Resultados: Foram tratados 34 doentes. A maioria dos doentes era do género masculino (94,1%) com idade média de 53,7 anos. A diabetes foi a comorbilidade mais frequentemente associada. O foco de infeção mais frequente foi o trato urinário. A taxa de mortalidade foi de 20,8%. Discussão: A diabetes é a comorbilidade mais frequente, sugerindo a diabetes como factor predisponente. A maioria dos doentes falecidos tinham diabetes, todavia não se conseguiu estabelecer correlação entre diabetes e morte. A área de residência dos doentes parece limitar a referenciação ao centro. Conclusões: A gangrena de Fournier, apesar de rara, é uma doença potencialmente fatal, nomeadamente em doentes com comorbilidades como a diabetes. A oxigenoterapia hiperbárica está recomendada como adjuvante à terapêutica convencional e, quando este recurso está disponível, deve ser considerado. São necessários mais estudos para melhor aferir o papel da oxigenoterapia hiperbárica no tratamento desta entidade.

  16. [Surgical Treated Spondylodiscitis Epidemiological Study].

    PubMed

    Soares do Brito, Joaquim; Tirado, António; Fernandes, Pedro

    2016-05-01

    Introdução: O termo espondilodiscite descreve uma qualquer infeção da coluna vertebral, sendo o tratamento gold standard baseado na terapêutica médica e a indicação cirúrgica ponderada em casos particulares. Foi objetivo deste trabalho estudar o perfil epide-miológico de um grupo de doentes com espondilodiscite submetidos a tratamento cirúrgico numa mesma instituição nacional entre 1997 e 2013. Material e Métodos: Análise epidemiológica de 85 doentes com diagnóstico de espondilodiscite submetidos a tratamento cirúrgico. Foram analisados os processos clínicos, estudos de imagem e registos informáticos. Resultados: Foram tratados 51 doentes do género masculino e 34 do género feminino. A idade média foi de 48 anos (min: 6 - máx: 80). O segmento lombar foi o mais afetado e o Mycobacterium tuberculosis o agente etiológico mais frequente. A distribuição do número de casos ao longo dos anos manteve-se aproximadamente constante, com discreto aumento da incidência do Staphylococus aureus e diminuição do número de casos sem agente identificado. Trinta e nove doentes apresentavam abcesso paravertebral e 17 lesão neurológica concomitante, a maioria no segmento torácico e em relação com infeção tuberculosa. Dez doentes apresentavam imunodepressão importante. Discussão: Nesta série verificou-se um predomínio da infeção tuberculosa, no género masculino e em indivíduos jovens. Enquanto o número de casos/ano das discites tuberculosas se mantém constante, as infeções a Staphylococus aureus parecem ganhar preponderância. O abcesso paravertebral e a lesão neurológica constituíram uma complicação frequente da infeção tuberculosa. Conclusão: As infeções da coluna vertebral com necessidade cirúrgica persistem como patologia relevante. Mycobacterium tuberculosis e Staphylococcus aureus representam os principais agentes etiológicos, parecendo existir uma incidência crescente deste último agente.

  17. Body Mass Index assessment of health care professionals in a primary care setting in Portugal: a cross sectional study.

    PubMed

    Campos-Matos, Inês; Peralta-Santos, André; Gomes, Bernardo; Borges, Gustavo; Aguiar, Pedro

    2014-01-01

    Introdução: A obesidade é um importante problema de saúde pública por ser fator de risco para numerosas doenças e estar associada a maior risco de morte. A evidência sobre a prevalência de excesso de peso em profissionais de saúde é escassa e este grupo é frequentemente esquecido em programas de intervenção. Este trabalho tem como objetivo estimar a prevalência de obesidade e excesso de peso entre os profissionais nos cuidados de saúde primários portugueses e descrever diferenças entre os grupos profissionais.Material e Métodos: Estudo descritivo transversal em contexto de cuidados de saúde primários em Portugal em 2011. Foram recolhidos dados sobre a ocupação, idade, sexo e altura de profissionais de quatro agrupamentos de centros de saúde. Fizemos uma análise descritiva das principais variáveis e uma análise de covariância para comparar o índice de Massa Corporal.Resultados: O grupo de conveniência representou 52,8% do total da população dos quatro agrupamentos de centros de saúde, sendo que 38,6% tinham excesso de peso e 16,9% eram obesos. Após ajustamento por idade e sexo, os assistentes técnicos e operacionais tiveram a média mais elevada de índice de Massa Corporal.Discussão: Apesar de não se poder garantir a generalização dos resultados nem excluir a possibilidade de viés de amostragem, estes resultados sugerem uma elevada prevalência de obesidade e excesso de peso nos profissionais dos cuidados primários de saúde em Portugal.Conclusão: Neste contexto de cuidados de saúde primários mais de metade dos profissionais de saúde apresentavam excesso de peso ou obesidade. ɉ possível que sejam necessárias intervenções específicas.

  18. Clinical and Radiological Characterization of Progressive Multifocal Leukoencephalopathy in HIV-Infected Patients: A Retrospective Analysis and Review of the Literature.

    PubMed

    Augusto, Luís; Neves, Nélia; Reis, Carina; Abreu, Cândida; Sarmento, António

    2015-01-01

    Introdução: A leucoencefalopatia multifocal progressiva é uma patologia desmielinizante causada pelo vírus John Cunningham, geralmente associada a estados de imunodepressão, em particular a infeção pelo vírus da imunodeficiência humana. Pode apresentar múltiplas manifestações clínicas e tem habitualmente um padrão imagiológico típico. A evolução clínica é geralmente progressiva, podendo ocorrer uma melhoria do prognóstico associada à recuperação imunológica.Material e Métodos: Foi conduzida uma análise retrospetiva dos dados clínicos e imagiológicos de doentes admitidos no nosso Hospital entre janeiro de 2005 e abril de 2014 com o diagnóstico de leucoencefalopatia multifocal progressiva (ICD10:A81.2) associado a infeção por vírus da imunodeficiência humana.Resultados: Vinte e um doentes foram incluídos, sendo 20 do sexo masculino (95,2%). A idade média na altura do diagnóstico foi 39 anos. A forma de apresentação mais frequente foi défice motor. O vírus John Cunningham foi identificado no líquido cefalorraquidiano em 20 doentes (95,2%). Nos estudos de imagem verificou-se um predomínio de lesões supratentoriais, assimétricas e bilaterais. Quatro doentes (19%) desenvolveram síndrome inflamatória de resposta imunológica. A abordagem terapêutica incluiu início ou otimização de terapêutica anti-retrovirica, associada a corticoterapia em quatro casos. Dezassete (81%) doentes morreram no período do estudo, sendo a sobrevida mediana após diagnóstico de três meses (intervalo 1 a13).Discussão: Os resultados do nosso estudo são concordantes com os dados previamente publicados relativamente à leucoencefalopatia multifocal progressiva, evidenciando a sua associação à infecção pelo vírus da imunodeficiência humana, particularmente nos doentes com imunossupressão grave, o predomínio de sinais e sintomas motores e cognitivos, e a existência de um atingimento bilateral e assimétrico evidente nas sequ

  19. Angiogenesis as a therapeutic target in endometriosis.

    PubMed

    Djokovic, Dusan; Calhaz-Jorge, Carlos

    2014-01-01

    Introdução: A angiogénese é um factor determinante no estabelecimento e desenvolvimento das lesões de endometriose. Material e Métodos: Foram revistos os artigos indexados na PubMed e incluídos os estudos mais relevantes, publicados até Janeiro de 2014, sobre a angiogénese nas lesões de endometriose e/ou estratégias anti-angiogénicas para o tratamento desta doença ginecológica. Resultados: O presente artigo fornece um resumo conciso dos mecanismos moleculares conhecidos que promovem a vascularização das lesões de endometriose, podendo servir como alvos terapêuticos potenciais. Apresenta-se também uma revisão sistemática dos agentes anti-angiogénicos, inclusivos e exclusivos, que já foram avaliados em culturas de células, modelos animais e/ou doentes com endometriose. Discussão e Conclusão: A integração das estratégias anti-angiogénicas na terapêutica multimodal de endometriose será condicionada pelos resultados de avaliações futuras da verdadeira eficácia desses tratamentos, do risco de desenvolvimento de resistência aos medicamentos e da incidência de efeitos colaterais inaceitáveis.

  20. DEZ ANOS DE EXPERIÊNCIA DO COMITÊ DE ÉTICA EM PESQUISA DA SECRETARIA DE SAÚDE DO DISTRITO FEDERAL, BRASIL

    PubMed Central

    Novaes, Maria Rita C. G.; Guilhem, Dirce; Lolas, Fernando

    2009-01-01

    O objetivo deste artigo é relatar a experiência do Comitê de Ética em Pesquisa da Secretaria de Estado de Saúde do Distrito Federal (CEP/SES/DF) Brasil, durante o período de 10 anos a partir de sua fundação. Trata-se de uma avaliação descritiva e documental, na modalidade estudo de caso, utilizando-se a totalidade de projetos protocolados no CEP/SES/DF (N° 052/08) nesse período. As pendências mais freqüentes dos projetos foram: termo de consentimento livre e esclarecido (30%), folha de rosto (25%), metodologia (20%), curriculum vitae (12%), planilha de orçamento (9%), outros (4%). O relato das atividades do CEP/SES/DF no período de 10 anos revelou, através de sua produtividade, a legitimidade do processo de análise ética dos protocolos visando à proteção dos participantes da pesquisa. PMID:19888441

  1. Condições físicas do disco de acréscimo da nova-anã V4140 SGR

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Borges, B.; Baptista, R.

    2003-08-01

    Discos de acréscimo são aparatos cósmicos que permitem que matéria seja eficientemente acrescida sobre uma fonte compacta pela remoção de momento angular via tensões viscosas enquanto transforma a energia potencial gravitacional em calor e, posteriormente, em radiação. Sistemas binários semi-ligados, como Variáveis Cataclísmicas (VCs) não-magnéticas, são talvez os melhores ambientes encontrados para o estudo da física desses discos de acréscimo. O desenvolvimento de técnicas de imageamento indireto, como o mapeamento por eclipses (MME) e a tomografia Doppler, permitiu avanços importantes na compreensão da física dos processos de acréscimo desses sistemas. V4140 Sagitarii é uma VC eclipsante de curto período orbital (~ 90 min) que não havia sido classificada como nova-anã ou polar. Neste trabalho apresentamos a análise do mapeamento por eclipse feito com dados de fotometria CCD nas bandas B, V e R de V4140 Sgr realizada no LNA. O objeto foi observado no declínio de erupção em julho de 1992 e em erupção em julho de 2001, isso indicou a classificação do sistema como uma nova-anã. A análise, feita sobre os mapas já apresentados em trabalho anterior, apresenta (i) diagrama cor-cor, que indica uma emissão opticamente espessa nas partes internas do disco em quiescência (R < RL1); (ii) diagrama cor-magnitude, usado para inferir uma distância de 600 +/- 10 pc ao sistema; (iii) a distribuição radial de temperatura observada que concorda com a lei de disco espesso em estado estacionário TµR-3/4, com temperaturas em torno de 10000 K e 3000 K ns partes internas e externas do disco em quiescência, respectivamente; (iv) a evolução da distribuição de temperatura no declínio de erupção; (v) estimativa da transferência de massa de 109.9+/-0.1 M¤/ano em quiescência, similar àquelas observadas em novas-like. O sistema é comparado à outras novas-anãs (e.g. OY Car e Z Cha) em quiescência e erupção, mostrando-se tratar um

  2. Qual o Papel da Escola e da Mídia na Obtenção dos Conhecimentos Astronômicos?

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    da Cunha, W. S.; Voelzke, M. R.; Amaral, L. H.

    2007-08-01

    É amplamente reconhecido que as pessoas em geral têm grande fascínio e interesse pela Astronomia. Por outro lado, o conteúdo dessa área incluído no ensino formal está longe de ser abrangente e suficiente para suprir a demanda. Esse interesse permite aperfeiçoar a divulgação e o ensino não formal de Astronomia através da mídia aliando a adequação do conteúdo à expectativa das pessoas. A reforma do Currículo Básico da Escola Pública da maioria dos Estados brasileiros tem introduzido Astronomia desde a pré-escola até o Ensino Médio. Num estudo realizado com 1180 alunos do Ensino Médio de seis escolas estaduais, revelou-se através da aplicação de um formulário contendo questões que abordavam conhecimentos básicos em Astronomia, como foram adquiridos tais conhecimentos e à infra-estrutura da escola. Para 66,1% dos entrevistados o professor já fez alguma apresentação a respeito de Astronomia. O presente estudo revelou também que 54,4% dos alunos entrevistados adquiriram seus conhecimentos astronômicos na escola, 18,4% através da televisão e 27,1% afirmaram que seus conhecimentos foram obtidos através de outros tipos de mídia (internet, livros didáticos, filmes e revistas). Embora o estudo revele claramente que há certo equilíbrio no meio em que os alunos obtiveram seus conhecimentos astronômicos, a mídia busca não somente sua difusão, mas a disponibilização desse conhecimento de maneira correta, que às vezes, não é atingido, apresentando conceitos sem fundamentação e incorretos. Por outro lado, no dia-a-dia escolar, é comum encontrar professores que vêm para as aulas com concepções prévias, que podem diferir substancialmente das idéias a serem ensinadas, dificultando o aprendizado de futuros conceitos científicos. Uma avaliação criteriosa, avaliando as dificuldades dos professores em determinar o sentido correto dos conceitos e observando a metodologia que utilizam no ensino, poderá proporcionar uma melhor

  3. [Quality assessment of long-term prescription records: QMP study].

    PubMed

    Azevedo, Ana; Domingues, Brenda; Pimenta da Rocha, Raquel; Eiriz, Rita; Xavier, Vanessa

    2014-01-01

    Introdução: A preocupação com a segurança na saúde torna essencial que todos os utentes, em particular os idosos por serem maioritariamente polimedicados, possuam uma lista completa e atualizada da sua medicação. Assim, propusemo-nos avaliar a qualidade dos registos eletrónicos de medicação prolongada.Material e Métodos: Estudo observacional, transversal e descritivo, com componente analítico, no qual avaliámos a qualidade técnica dos registos de medicação prolongada nos idosos de quatro unidades de cuidados de saúde primários da região norte, antes e após uma intervenção. Nesta, efetuámos formação de boas práticas de registo aos médicos e promovemos a utilização do guia de Medicação Prolongada aos profissionais e utentes.Resultados: Avaliámos 388 registos de 33 médicos. A categoria ideal, ‘Medicação apropriada e posologia presente’, aumentou de 23,5% para 48% (p < 0,001). As restantes categorias ‘Medicação inapropriada’ e ‘Medicação apropriada e posologia ausente’ diminuíram de 16,7% para 7% (p = 0,006) e de 59,8% para 46,0% (p = 0,02), respetivamente. As variáveis condição de orientador de formação, local de trabalho, anos de Medicina Geral e Familiar e percentagem de idosos, apresentaram diferenças com significado estatístico no início do estudo, no entanto após a ‘intervenção’, apenas a percentagem de idosos continuou a apresentá-las.Discussão: Neste estudo, os médicos aderiram à proposta de mudança, independentemente da idade, género, condição de orientador de formação, local de trabalho e anos de Medicina Geral e Familiar. Consultas mais prolongadas na população idosa poderão ter impedido alcançar a melhor categoria de registo.Conclusão: Este trabalho original mostra que é necessário implementar medidas periódicas de formação pós-graduada para manutenção de registos médicos atualizados.

  4. Populações estelares do bojo galáctico

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Escudero, A. V.; Costa, R. D. D.; Maciel, W. J.

    2003-08-01

    Os estudos mais recentes do bojo galáctico têm enfocado essencialmente as abundâncias químicas de elementos pesados, como o ferro, obtidos a partir das estrelas nas regiões centrais da galáxia. Elementos leves, como hélio, nitrogênio, oxigênio e argônio ainda são pouco estudados nestas regiões, devido à difícil determinação de suas abundâncias a partir de estrelas. Nestas condições as nebulosas planetárias desempenham um importante papel, pois permitem a determinação de abundâncias destes elementos usando técnicas de espectroscopia nebular. Neste trabalho, reportamos a análise das abundâncias químicas de uma nova amostra de nebulosas planetárias do bojo, bem como os resultados preliminares de um código numérico destinado a modelar a evolução química desta região. Usamos como vínculos observacionais os resultados obtidos das nebulosas planetárias, bem como de abundâncias estelares da região do bojo, obtidas da literatura. A partir deste modelo da evolução química e dos vínculos observacionais foi possível fazer um diagnóstico mais preciso das populações que constituem o bojo galáctico. O estudo destas populações que compõem a região central de nossa galáxia é de extrema importância para o maior entendimento da evolução química e dinâmica da galáxia como um todo. Por isto, verificamos a importância dos modelos de formação simples e mista utilizados para explicar características da população da região central da galáxia. Algumas destas características são: uma grande dispersão nos valores das abundâncias químicas e um grande espalhamento nas correlações entre as abundâcias de nitrogênio e oxigênio. Estas peculiaridades são dificilmente reproduzidas por modelos de formação simples, e portanto são importantes indícios da validade dos modelos de formação mista, tais como um rápido colapso do bojo seguido de uma evolução secular. (FAPESP, CNPq)

  5. Evolução rotacional de corpos reacumulados

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Penteado, P.; Lazzaro, D.; Roig, F.; Duffard, R.; Kodama, T.

    2003-08-01

    Asteróides reacumulados (rubble-piles) são corpos formados por um conjunto de fragmentos agregados primariamente pela sua gravidade. A importância do estudo de corpos reacumulados para a compreensão da evolução do Cinturão de Asteróides tem sido bastante evidenciada, não apenas pela constatação de que estes devem corresponder a uma grande parcela da população de asteróides, mas também por recentes estudos da estrutura e evolução colisional deste tipo de asteróide. A evolução rotacional de corpos reacumulados e a formação de famílias têm sido estudadas pelo nosso grupo, com base no modelo de elipsóides interagentes. Este modelo foi desenvolvido recentemente pelo grupo, e baseia-se na integração numérica das equações de movimento para translação e rotação de corpos formados por um conjunto de elipsóides que interagem entre si pela sua gravidade, força de contato e dissipação de energia por atrito. Considerar a rotação de cada fragmento é a principal diferenciação do nosso modelo em relação aos que têm sido desenvolvidos recentemente. Apresentamos aqui os resultados obtidos para a evolução da rotação de populações de corpos reacumulados. Estes foram submetidos a séries de colisões com projéteis de altas velocidades (5Km/s, típicas do Cinturão atual), distribuídos em uma lei de potências de tamanhos. Estes resultados são comparados com os de Harris (1979), um dos poucos trabalhos analíticos existentes para evolução rotacional de asteróides. O principal resultado obtido por Harris foi a distribuição final de velocidades de rotação como uma lei de potências para corpos pequenos, passando de forma bem definida para rotação constante para os grandes. Nas nossas simulações observamos que as distribuições de velocidades de rotação resultantes tendem a leis de potência, com a inclinação evoluindo no decorrer de colisões subsequentes.

  6. The Role of Haemoglobin A1c in Screening Obese Children and Adolescents for Glucose Intolerance and Type 2 Diabetes.

    PubMed

    Galhardo, Júlia; Shield, Julian

    2015-01-01

    Introdução: Em 2012, um comité internacional de peritos em diabetes aconselhou a hemoglobina glicada como teste de rastreio de intolerância à glicose e diabetes mellitus tipo 2 no adulto e em idade pediátrica. O objetivo deste estudo foi avaliar a utilidade deste exame numa população de crianças e adolescentes obesos, maioritariamente de etnia caucasiana.Material e Métodos: Foram recrutados 226 doentes [índice de massa corporal z-score 3,35 ± 0,59, 90% caucasianos, 55% do sexo feminino, idade mediana de 12,3 (âmbito: 8,9 â 17,6) anos] referenciados à consulta de obesidade pediátrica de um hospital terciário, com critérios para rastreio de diabetes mellitus tipo 2. Situações de hemoglobinopatia ou de alteração da sobrevida eritrocitária foram excluídas. Todos os indivíduos foram submetidos a uma prova de tolerância à glicose oral e à medição da hemoglobina glicada.Resultados: Segundo a prova de tolerância à glicose oral, 13 (4,9%) eram pré-diabéticos e nenhum diabético. De acordo com a hemoglobina glicada, 32 seriam pré-diabéticos (29 falsos-positivos) e um diabético (falso positivo, sendo este, na realidade, apenas intolerante à glicose). Por outro lado, 10 pré-diabéticos não seriam identificados (falsos-negativos). A área sob a curva receiver operator characteristic analysis da hemoglobina glicada foi 0,59 (IC 95% 0,40 - 0,78), confirmando a sua reduzida capacidade de discriminação parapré-diabetes. Mais promissoras foram as áreas sob as curvas receiver operator characteristic analysis da glicemia em jejum (0,76; IC 95% 0,66 - 0,87), homeostasis model assessment for insulin resistance (0,77; IC 95% 0,64 - 0,90) e razão triglicerídeos:colesterol HDL (0,81; IC 95% 0,66 - 0,96).Discussão: Em Pediatria, particularmente em populações maioritariamente caucasianas, a hemoglobina glicada parece ser uma má ferramenta para diagnóstico de pré-diabetes.Conclusão: Pelo exposto, parece-nos prematura a utilização da

  7. Percepção Astronômica de um Grupo de Alunos do Ensino Médio de uma Escola da Rede Estadual de São Paulo

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    de Oliveira, E. F.

    2007-06-01

    Being the Astronomy one of the oldest sciences of the humanity, and considering its historical and cultural importance, it is of extreme relevance that topics related to it are taught and studied at schools. Although the National Curriculum Parameters of the Senior High School (PCN-EM) and the Complementary Orientations to the Parameters (PCN+) indicate the importance of a significant approach of concepts related to the Astronomy in the Physics classes, many students finish the Senior High School (EM) without understanding the reason of certain events of celestial origin, although these are part of their daily lives and are a subject of natural curiosity for the youngsters. From the perception of the natural curiosity of the students of a São Paulo's Public School in the city of Suzano, came up the interest to investigate the basic knowledge in Astronomy of the Senior High School students at this school, becoming this the main goal of this research. A questionnaire of multiple choices was elaborated and initially applied to 34 students of the first grade and later, to more 310 students. It was distributed among the three grades of the Senior High School in the morning and night periods. In the way, it was observed that 73.9% of the students identified the Sun as a star, 67.1% demonstrated to understand the succession between the day and the night and 52.3% related the Big Bang to the origin of the Universe. In compensation, only 34.5% related the seasons of the year to the inclination of the rotation axis of the Earth, 21.3% indicated the simultaneous gravitational influence of the Moon and the Sun as responsible for the tides phenomenon, 24.5% correctly indicated which are the closest celestial objects to the Earth, 36.1% identified the light-year as a distance measure and only 34.2% recognized the shooting stars as meteors, being evidenced the small discernment of the students about the phenomena and astronomical terms of the daily life. Besides, the answers of different grade students and periods were compared, being observed, among other things, that the third grade students present a percentile of correct answers similar to the performance of the first grade students, demonstrating that the approach of topics related to the astronomy in the Senior High School has not been contributing in a significant way to a better understanding of the phenomena and the concepts.

  8. [Experience in liver transplantation (1996-2011) at the UMAE, General Hospital Gaudencio González Garza, National Medical Center La Raza, Mexican Institute of Social Security, Mexico City, D.F].

    PubMed

    Hernández-Domínguez, José Mariano; Holm-Corzo, Alberto; Santos-Caballero, Marlene; Porras-Ramos, Miguel Angel; Gómez-Casanova, Pedro; Pérez-Molina, Lorenzo; Villaseñor-Colín, César; Muñiz-Toledo, Vérulo; López-Sánchez, Héctor; Hernández-Becerril, Hector; Espinosa-González, Alfonso; Martínez-Jiménez, Oscar; Torres-Amaya, Mario; D'ector-Lira, Dulce; Medina-Ramírez, Marino; Sanabria-Trujillo, Giovanni; Villafuerte-Muñoz, Gloria; Alanís-Jacobo, Verenice; Rocha-Avila, Gustavo; Zaldívar-Cervera, Jaime

    2011-09-01

    We present the experience of General Hospital CMN La Raza from 1996 to 2011. In this period, we have made 40 liver transplants in adults and 22 pediatric liver transplants. A 100% of adult population received a graft from deceased donor; while in the pediatric age group, 60% were from deceased donor and 40% from living donor. The long-term follow-up is shown only for adult group due to lack of data in the pediatric group. The mean age for the adult group is 42 years old and 4.5 years for the pediatric group. The main indications for liver transplantation in adults were: cirrhosis due to chronic hepatitis C in 47.5% and cirrhosis due to alcohol abuse in 15% of the group. In the pediatric group was more likely the biliary atresia (60%) as an indication for liver transplantation followed by fulminant hepatitis (15%). We show the evolution of the hepatectomy's technique in the adult group: it was initially using conventional technique and later it changed to preservation of cava vein (Piggy Back). In the same way, the reconstruction of the bile-duct was initially made using a T-tube stenting and currently, we use end to end bile-duct reconstruction. The patient's survival at 1, 5, and 10 years was 41.5, 27.2, and 13.6%, respectively; with a median of global survival of 6.2 months. Long-term patient's survival has improved after 2004 compared to previous period.

  9. [Experience in liver transplantation (1996-2011) at the UMAE, General Hospital Gaudencio González Garza, National Medical Center La Raza, Mexican Institute of Social Security, Mexico City, D.F].

    PubMed

    Hernández-Domínguez, José Mariano; Holm-Corzo, Alberto; Santos-Caballero, Marlene; Porras-Ramos, Miguel Angel; Gómez-Casanova, Pedro; Pérez-Molina, Lorenzo; Villaseñor-Colín, César; Muñiz-Toledo, Vérulo; López-Sánchez, Héctor; Hernández-Becerril, Hector; Espinosa-González, Alfonso; Martínez-Jiménez, Oscar; Torres-Amaya, Mario; D'ector-Lira, Dulce; Medina-Ramírez, Marino; Sanabria-Trujillo, Giovanni; Villafuerte-Muñoz, Gloria; Alanís-Jacobo, Verenice; Rocha-Avila, Gustavo; Zaldívar-Cervera, Jaime

    2011-09-01

    We present the experience of General Hospital CMN La Raza from 1996 to 2011. In this period, we have made 40 liver transplants in adults and 22 pediatric liver transplants. A 100% of adult population received a graft from deceased donor; while in the pediatric age group, 60% were from deceased donor and 40% from living donor. The long-term follow-up is shown only for adult group due to lack of data in the pediatric group. The mean age for the adult group is 42 years old and 4.5 years for the pediatric group. The main indications for liver transplantation in adults were: cirrhosis due to chronic hepatitis C in 47.5% and cirrhosis due to alcohol abuse in 15% of the group. In the pediatric group was more likely the biliary atresia (60%) as an indication for liver transplantation followed by fulminant hepatitis (15%). We show the evolution of the hepatectomy's technique in the adult group: it was initially using conventional technique and later it changed to preservation of cava vein (Piggy Back). In the same way, the reconstruction of the bile-duct was initially made using a T-tube stenting and currently, we use end to end bile-duct reconstruction. The patient's survival at 1, 5, and 10 years was 41.5, 27.2, and 13.6%, respectively; with a median of global survival of 6.2 months. Long-term patient's survival has improved after 2004 compared to previous period. PMID:22916613

  10. [Diabetes mellitus and its influence on the success of endodontic treatment: a retrospective clinical study].

    PubMed

    Ferreira, Manuel Marques; Carrilho, Eunice; Carrilho, Francisco

    2014-01-01

    Introdução: A diabetes mellitus é uma doença endócrina onde estão envolvidas as hormonas produzidas pelos ilhéus de Langerhans. A diabetes mellitus pode afetar várias funções do sistema imunitário do indivíduo, predispondo-o para a inflamação crónica, degradação progressiva dos tecidos e diminuição da reparação tecidular. Das alterações provocadas por esta doença ao nível da cavidade oralpode-se destacar a xerostomia, disgeusia, alterações periodontais, aumento da suscetibilidade à infeção e alterações tanto ao nível da polpa dentária como nos tecidos periapicais.Objetivos: O objetivo deste trabalho é avaliar a influência da diabetes mellitus ao nível dos tecidos periapicais e no sucesso dos tratamentos endodônticos nestes doentes.Material e Métodos: Foram analisados 737 casos clínicos tratados na consulta da Área de Medicina Dentária, a que foram feitos tratamentos endodônticos não cirúrgicos, entre os anos de 2003 e 2012. Destes foram selecionados os doentes com diabetes mellitus, num total de 32, dos quais 23 se dispuseram a vir à consulta e a participar neste estudo. Os dados recolhidos foram analisados no software Statistical Package for the Social Sciences, versão 19, a um nível de significância de 5%.Resultados: Foram avaliados 37 dentes no grupo teste e 25 no grupo controlo. Para os parâmetros analisados relativos ao diagnóstico pulpar, mobilidade, presença de fístula, dor à percussão horizontal e vertical, avaliação da restauração definitiva e intervalo de tempo entre a consulta de obturação e a restauração definitiva e/ou a consulta de controlo, não foram verificadas diferenças estatisticamente significativas (p > 0,05). Em relação à avaliação do sucesso dos tratamentos endodônticos realizados, este foi de 62% nogrupo de teste e de 80% no grupo controlo (p > 0,05).Conclusões: Os resultados deste estudo não são conclusivos em relação ao aumento da prevalência da periodontite

  11. The evaluation of QT intervals during diagnosis and after follow-up in acromegaly patients.

    PubMed

    Baser, Husniye; Akar Bayram, Nihal; Polat, Burcak; Evranos, Berna; Ersoy, Reyhan; Bozkurt, Engin; Cakir, Bekir

    2014-01-01

    Introdução: O estudo teve como objectivo a determinação do intervalo QT em doentes com acromegália e a análise da correlação entre o intervalo QT e a concentração de hormona do crescimento e de IGF-1 (insulin-like growth factor-1). Material e Métodos: O estudo englobou 41 doentes com acromegália. O grupo de controlo englobou 41 indivíduos com características semelhantes no que se refere a comorbilidades, idade e género. A electrocardiografia de doentes com acromegália foi obtida no início do estudo e após o follow-up. Foi apenas obtido um electrocardiograma no grupo de controlo. Foram calculados o QT máximo, QT mínimo, dispersão do intervalo QT, QT máximo corrigido, QT mínimo corrigido e dispersão do intervalo QT corrigido. Resultados: Os valores do QT máximo basal, dispersão do intervalo QT, QT máximo corrigido e dispersão do QT corrigido foram significativamente mais prolongados no grupo de doentes com acromegália do que nos controlos. O QT máximo corrigido e a dispersão do QT corrigido foram significativamente mais curtos durante o seguimento clínico, quando comparados com os valores basais dos doentes. O QT máximo, dispersão do QT, QT máximo corrigido e dispersão do QT corrigido durante o seguimento clínico não foram estatisticamente diferentes dos valores obtidos nos controlos. Com excepção de uma correlação negativa entre os valores da hormona do crescimento e a dispersão do QT corrigido em doentes durante o seguimento clínico, nenhuma outra correlação foi assinalada entre os valores do intervalo QT e as concentrações de hormona do crescimento e de IGF-1. Concluiu-se que a dispersão do intervalo QT está correlacionada com a duração da doença nos doentes com acromegália. Discussão: Em doentes com acromegália, é importante a detecção de preditores clínicos de arritmia cardíaca. A dispersão do intervalo QT é considerada um preditor relevante de arritmias ventriculares. Os doentes com acromeg

  12. Oncology Referral Concerning Paediatric Neurosurgery? Analysis of the Situation between 2008-2013 in the North of Portugal.

    PubMed

    Batista, Ana; Nogueira-Silva, Luís; Vaz, Rui; Oliveira, Joana

    2016-01-01

    Introdução: Os tumores primários do sistema nervoso central representam o segundo grupo de neoplasias mais frequente e são a principal causa de morte devido a tumores sólidos em crianças. O nosso estudo teve como objetivos realizar a mais atualizada análise epidemiológica desta doença no norte de Portugal e avaliar o possível benefício da centralização de cuidados. Material e Métodos: Este estudo de base populacional incluiu todos os tumores primários do sistema nervoso central diagnosticados e histologicamente confirmados em indivíduos menores de 18 anos de idade, que residem no norte do país, desde Janeiro 2008 até Dezembro 2013. Os dados foram obtidos por meio da avaliação dos processos clínicos dos doentes. Nós descrevemos as características das crianças e dos seus tumores e analisámos os quocientes doente: neurocirurgião pediátrico e tipo histológico de tumor: neurocirurgião pediátrico e as taxas de sobrevivência, mortalidade, complicações e recidiva. Resultados: Foram registados 147 casos. A média de idade ao diagnóstico foi de 8,0 ± 5,2 anos. Os astrocitomas foram o tipo histológico mais frequentemente encontrado (34%). O tipo histológico foi a única variável com influência estatisticamente significativa na mortalidade (p = 0,001). As sobrevivências a um, três e cinco anos relativas ao período entre 2008 - 2013 foram estatisticamente superiores às do intervalo entre 2005 - 2007. Os astrocitomas apresentam a mais alta taxa de sobrevivência, sendo estatisticamente diferente dos outros tipos de tumor (p = 0,015). Estimámos uma média de 12,25 casos tratados anualmente por neurocirurgião pediátrico no nosso hospital. Discussão: Os nossos resultados são, globalmente, consistentes com os encontrados na literatura mundial, mas registrámos taxas de sobrevivência mais altas. O número de casos tratados por neurocirurgião pediátrico está de acordo com o recomendado. Conclusão: Demonstrámos que houve melhoria

  13. [Health care associated multidrug-resistant bacteria in a pediatric hospital: five year experience].

    PubMed

    Mação, Patrícia; Lopes, João Casalta; Oliveira, Henrique; Oliveira, Guiomar; Rodrigues, Fernanda

    2013-01-01

    frequentemente identificados foram antibioticoterapia prévia e doença crónica de base (> 90%). Seis crianças (13,3%) faleceram durante o internamento.Conclusões: Ao longo do período de estudo, a proporção de bactérias multirresistentes apresentou uma tendência de aumento, embora sem significado estatístico. As taxas de incidência de infeção mantiveram-se estáveis. SAMR foram as bactérias mais frequentemente identificadas, seguidas por PAMR e bacilos gram negativos ESBL. O tipo de infeção mais frequente foi da corrente sanguínea, seguido pelas infeções intra-abdominais e as associadas a dispositivos invasivos. A totalidade das crianças apresentava fatores de risco, nomeadamente antibioticoterapia prévia e doença crónica de base.

  14. [Fiability Study of Diabetes Empowerment Scale: Short Version].

    PubMed

    Aveiro, Marcelo; Santiago, Luiz Miguel; Ferreira, Pedro Lopes; Simões, José Augusto

    2015-01-01

    Objetivo: Avaliar a correlação entre o valor obtido pelo instrumento de medição Diabetes Empowerment Scale - Short Form e o controlo da pessoa com diabetes medido pelo valor da hemoglobina glicada A1c.Material e Métodos: Estudo observacional transversal pela aplicação do Diabetes Empowerment Scale - Short Form a pessoas com diabetes de três Unidades de Saúde Familiar da Região Centro de Portugal após realização de teste e reteste (primeiro por escrito e, passados cinco minutos, oralmente) para determinação da coerência interna através do valor de alfa de Cronbach em 20 elementos que não foram depois estudados. A aplicação a pacientes diabéticos foi feita após a consulta de enfermagem e antes da entrada na consulta médica. Foi realizada estatística descritiva e inferencial apos verificação da normalidade dos dados.Resultados: Na primeira fase o valor de alfa de Cronbach de 0,90 a 1,00 relativamente aos oito itens da escala. Na aplicação escrita, a média de resultados foi de 3,78 ± 0,71 e na aplicação oral de 3,79 ± 0,65, p = 0,629. A amostra da segunda fase foi de 81 pessoas com diabetes, sendo 55,6% do sexo masculino. A idade média foi de 68,5 ± 1,1 anos com uma HbA1c média de 6,8 ± 0,2 e um tempo de evolução desde o diagnóstico de 9,2 ± 0,9 anos. A média da pontuação final da escala foi de 4,1 ± 0,8. Verificou-se uma correlação significativa entre a pontuação final e os níveis de Hba1C (ÏÅ = -0,114; p = 0,312).Conclusão: A Escala de Capacidade de Controlo da Diabetes âÄì Versão Breve revelou ser uma escala fiável para medir a capacitação em doentes diabéticos em Portugal. Confirmou-se a presença de uma correlação estatisticamente significativa entre o resultado obtido no final da escala e o valor de HbA1c.

  15. [Contribution for the validation of the Portuguese version of EQ-5D].

    PubMed

    Ferreira, Pedro Lopes; Ferreira, Lara Noronha; Pereira, Luis Nobre

    2013-01-01

    Introdução: O EQ-5D permite a junção de duas componentes essenciais de qualquer medida de qualidade de vida relacionada com a saúde a ser usada em avaliações económicas de custo-utilidade: (i) um perfil descrevendo o estado de saúde em termos de domínios ou dimensões; e (ii) um valor numérico associado ao estado de saúde anteriormente descrito.Objectivo: A versão portuguesa do questionário EQ-5D foi finalizada em 1998, com base em normas de orientação definidas pelo Grupo EuroQol, incluindo os procedimentos de tradução e retroversão. Apesar da sua larga utilização em Portugal, até agora ainda não tinham sido publicados os estudos que conduziram inicialmente à versão portuguesa e à garantia de aceitabilidade, fiabilidade e validade. O propósito do presente artigo é, assim, documentar estes primeiros valores referentes à versão portuguesa do EQ-5D.Material e Métodos: Foram utilizadas três amostras diferentes: uma primeira com 1.500 indivíduos representativa da populaçãoportuguesa; uma segunda com 140 indivíduos apenas destinada ao teste da fiabilidade; e uma terceira amostra com 643 indivíduos doentes com cataratas, asma, doença pulmonar obstrutiva crónica ou artrite reumatoide.Resultados: A aceitabilidade foi avaliada pelo número de respostas em falta. Foi também encontrado um marcado efeito de teto com grande parte da amostra a não reportar quaisquer problemas nas dimensões do EQ-5D.Discussão: A validade de construção foi testada pela análise do grau com que valores baixos de EQ-5D estavam positivamente associados ao aumento da idade, ao ser do sexo feminino, e ao estar doente, assim como a valores de dimensões da escala SF-36v2. A validade convergente foi baseada nas correlações entre valores do EQ-5D e outras escalas específicas de condição de saúde. O EQ-5D apresentou correlações moderadas a altas com outras medidas de estado de saúde e de qualidade de vida relacionada com a saúde, específicas de cada

  16. Classificação geométrica de galáxias bianeladas através do metódo CART (Classification And Regression Trees)

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Ormeño, M. I.; Faúndez-Abans, M.; Cavada, G.

    2003-08-01

    A importância deste trabalho deve-se à seleção de objetos ainda não tratados particularmente como uma família e ao emprego de procedimento estatístico robusto que não precisa de pressupostos ou condições de contorno. Contribui, assim, ao melhor entendimento do cenário das Galáxias Aneladas do diagrama de Hubble via classificação e estudo de subclasses. Selecionaram-se 100 galáxias possuidoras de dois anéis do Catalog of Southern Ringed Galaxies compilado por Ronald Buta, de modo a construir uma amostra completa em termos de conhecimento dos semi-eixos dos anéis interno e externo projetados no plano do céu. Visando uma possível classificação destas galáxias aneladas normais em famílias de acordo com as características geométricas dos anéis, empregou-se primeiramente a Análise de Aglomerados (ferramenta de classificação: medições de semelhança em um espaço bidimensional) para explorar a possível existência de famílias. As variáveis analisadas foram: os diâmetros interiores menores d(I) e maiores D(I), os diâmetros exteriores menores d(E) e maiores D(E), e os ângulos de inclinação dos semi-eixos maiores interiores q(I) e exteriores q(E) dos anéis. Como metodologia de discriminação, empregou-se a construção de Árvores de Classificação. As árvores de classificação constituem um método de discriminação alternativo aos modelos clássicos, tais como a Análise Discriminante e a Regressão Logística, onde uma base de dados é dividida em partições (subgrupos) da árvore por ação de um predictor (variável específica). Os pacotes estatísticos utilizados para o processamento da informação foram: SAS versão 8.0 (Statistical Analisys System) e CART versão 3.6.3. Esta análise estatística sugere a existência de três possíveis famílias de galáxias bianeladas, com base apenas na geometria dos anéis. Como forma exploratória inicial deste resultado, a construção de um diagrama BT (magnitude total) versus o

  17. Are Amyotrophic Lateral Sclerosis Caregivers at Higher Risk for Health Problems?

    PubMed

    Pinho, Ana Catarina; Gonçalves, Edna

    2016-01-01

    Introdução: A esclerose lateral amiotrófica é uma doença neuro-degenerativa rara que afeta os neurónios motores. Os doentes apresentam-se com incapacidade motora progressiva e, por vezes, alterações neuro-comportamentais e a principal causa de morte é a falência respiratória. Com o agravamento da incapacidade funcional, os pacientes tornam-se altamente dependentes da família, que assume o papel de cuidador primário, expondo-se ao stress e outras potenciais causas de doença como insónias, o esforço físico realizado para a mobilização dos pacientes e alterações nos hábitos alimentares. O principal objetivo do nosso trabalho é perceber se cuidar de doentes com esclerose lateral amiotrófica aumenta os níveis de doença ou problemas de saúde nos cuidadores. Material e Métodos: Através de uma revisão exaustiva, analisámos a bibliografia publicada nas bases de dados eletrónicas PubMed e Scopus entre 2010 e 2015. Resultados: Verificámos que os cuidadores têm níveis mais elevados de sobrecarga, depressão e ansiedade, assim como menor qualidade de vida. Estes resultados relacionam-se com a idade e o género do cuidador e a duração dos cuidados, para além da incapacidade e das alterações neuro-comportamentais do doente. Uma elevada perceção de suporte e a espiritualidade do cuidador promovem o bem-estar. Discussão: No nosso trabalho foi-nos possível perceber que diversos factores influenciam a qualidade de vida dos cuidadores e afetam a sua saúde. Para além disso, pudemos perceber também que os diversos parâmetros avaliados estão relacionados entre si e, como visto em alguns dos estudos, relacionados com a própria qualidade de vida dos doentes. Consequentemente, tornou-se essencial adotar uma abordagem holística destes pacientes e das suas famílias, combatendo os factores prejudiciais e investindo nos promotores da saúde. Conclusão: Apesar de toda a investigação realizada sobre cuidadores de doentes com esclerose lateral

  18. Fotometria diferencial de estrelas T Tauri

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Pereira, P. C. R.; Santos-Júnior, J. M.; Cruz, W. S.

    2003-08-01

    Neste trabalho apresentamos os resultados preliminares de um monitoramento de estrelas jovens, que pretende ser de longa duração. As estrelas estão em sua maioria localizadas no complexo Lupus-Scorpius. Nosso objetivo principal é o estudo da variabilidade em escalas de tempo de minutos até vários dias para estrelas cujos períodos não estão determinados ou apresentam discrepâncias entre diferentes publicações. A técnica utilizada foi a fotometria diferencial, com exposições de 60s e 90s, com as câmaras CCD SBIG ST7E e ST8E acopladas aos telescópios Schmidt-Cassegrain LX200 (10 e 12 polegadas), instalados na Fundação Planetário da Cidade do Rio de Janeiro. Os primeiros resultados indicam que a técnica é bastante sólida com relação à instabilidade na transparência do céu, mesmo com o uso de telescópios de pequeno porte. Objetos de magnitude 14, no telescópio de 10 polegadas, apresentam dispersões na diferença de magnitudes das comparações, em torno de 0,008mag nas exposições de 60s. Note-se, ainda, que a dispersão pode ser melhorada utilizando-se a técnica de soma de imagens. Destacamos AK Sco, GW Lup, GQ Lup e TW Hya. AK Sco é uma binária que, apesar de ter a sua órbita e período cobertos espectroscopicamente (13,6dias), nunca teve seus eclipses estudados por meio de fotometria. GW Lup não tem período determinado na literatura. Temos acompanhado este objeto há alguns anos, e sugestões de períodos entre 5 e 6 dias têm sido encontradas. O objeto que mereceu maior atenção foi TW Hya por apresentar vários trabalhos fotométricos e espectroscópicos com resultados discrepantes quanto ao período rotacional, que varia de 1,8 a 4,4 dias (Rucinsky & Krautter 1983, A&A 121, 217; Herbst & Koret 1988, AJ 96, 1949; Mekkaden 1988, A&A 340, 135; Batalha et al. 2002, ApJ 580, 343). Dedicamos 13 noites para essa estrela, totalizando cerca de 2.000 pontos na curva de luz. Nossos dados indicam a presença de uma modulação com dois

  19. [Evaluation of hearing in patients with multiresistant tuberculosis].

    PubMed

    Ribeiro, Leandro; Sousa, Claudia; Sousa, Aida; Ferreira, Catarina; Duarte, Raquel; Faria E Almeida, António; Condé, Artur

    2015-01-01

    Introdução: A tuberculose multirresistente e a extensivamente resistente constituem atualmente a principal ameaça ao controlo da tuberculose a nível mundial. O seu tratamento exige o uso de um esquema terapêutico com fármacos de segunda linha por um período mínimo de 20 meses, onde se incluem aminoglicosídeos durante um período de cerca de oito meses. Estes estão associados a alterações cocleovestibulares permanentes. Material e Métodos: Estudo transversal que pretende avaliar a função auditiva em indivíduos que terminaram tratamento por tuberculose multirresistente (com esquema que incluia aminoglicosídeos) no Centro de Referência Regional para a Tuberculose Multirresistente da Sub-Região de Saúde do Norte entre os anos de 2009 e 2012. Os doentes que preencheram os critérios de inclusão foram convocados para a realização de: exame objetivo otorrinolaringológico, audiograma tonal e vocal, otoemissões acústicas por produtos de distorção nas frequências de 2000-5000 Hz e timpanograma. Resultados: Entre 2009 e 2012 foram referenciados 27 casos para o Centro de Referência para a tuberculose multirresistente da Região Norte, tendo-se verificado cinco óbitos. Dos 22 indivíduos convocados, compareceram 11. Estes possuíam idades compreendidas entre os 31 e os 59 anos (41 ± 10). A amicacina foi usada em 80% e a capreomicina nos restantes. Seis (60%) dos utentes estudados apresentaram surdez neurossensorial. As otoemissões acústicas foram negativas em todos os doentes com hipoacúsia neurossensorial, o que confirma a sua origem coclear. Discussão/ Conclusão: Os resultados deste estudo sugerem a necessidade de existir uma monitorização audiológica mais frequente nos indivíduos com tuberculose multirresistente tratados com aminoglicosídeos permitindo detectar mais precocemente a perda auditiva.

  20. Prevalence of Late Preterm and Early Term Birth in Portugal.

    PubMed

    Barros, Joana G; Clode, Nuno; Graça, Luís M

    2016-04-01

    Introdução: Nos últimos anos, vários autores evidenciaram a morbilidade associada aos partos ocorridos entre as 34 e 36 semanas (pré-termo tardio) e entre as 37 e 38 semanas de gestação (termo precoce). Neste sentido, pretendemos realizar um estudo epide-miológico dos partos que ocorrem nestas idades gestacionais, em Portugal. Material e Métodos: Realizámos um inquérito, que foi aplicado a todos os hospitais públicos de Portugal, acerca da prevalência e via de parto nos partos pré-termo tardios e de termo precoce, e morbilidade e mortalidade neonatal associada. As questões referiam-se apenas a gestações de feto único e a partos ocorridos em 2013. Resultados: Incluímos 14 hospitais, correspondendo a 33,5% dos partos ocorridos em Portugal, em 2013. Verificámos que 5,4% dos partos ocorreram no período pré-termo tardio e 27% no termo precoce. Aproximadamente dois terços dos partos pré-termo tardio e três quartos dos partos de termo precoce foram espontâneos. A taxa de cesariana foi mais elevada entre as 34 e 36 semanas de gestação (39,1%) do que entre as 37 e 38 semanas (26,4%). As complicações neonatais foram mais frequentes após um parto pré-termo tardio (34,2%), quando comparadas com os de termo precoce (14,2%). Discussão: Na nossa amostra, a prevalência de parto pré-termo tardio e de termo precoce, ainda que ligeiramente inferior, é comparável à publicada em estudos anteriores. Conclusão: Á importante que a comunidade obstétrica nacional adote atitudes no sentido de limitar os partos antes das 39 semanas de gestação. Assim, nestas idades gestacionais os partos devem possuir uma indicação médica válida.

  1. [Vitamin D Insufficiency in a Hospital Population: A Photograph from the Laboratory Perspective].

    PubMed

    Santos, Maria Joana; Fernandes, Vera; Garcia, Fernando Mota

    2015-01-01

    Introdução: Apesar da hipovitaminose D ser cada vez mais reconhecida em todo o mundo, existem poucos estudos sobre a realidade portuguesa. Este trabalho pretende analisar o nível de vitamina D nos doseamentos realizados no nosso hospital e sua relação com idade, sexo, especialidade requisitante e momento da colheita. Material e Métodos: Estudo observacional dos doseamentos de 25(OH)D realizados no nosso Hospital entre junho de 2012 e novembro de 2014. Variáveis estudadas: sexo, idade, especialidade requisitante, mês de colheita. O status de vitamina D foi classificado como: 'Deficiência' (≤ 20 ng/mL), 'Insuficiência' (21 ' 29 ng/mL) e 'Suficiência' (≥ 30 ng/mL). Resultados: Incluímos 5 439 doseamentos; 55,0% pertenciam a mulheres; a idade mediana foi 64,0 anos. Sessenta por cento apresentavam 'Deficiência', 20,7% 'Insuficiência' e 18,9% 'Suficiência'. Encontrámos uma correlação negativa entre idade e nível de vitamina D (p < 0,001), não havendo diferenças significativas entre sexos. Nove especialidades requisitaram 98% dos doseamentos, destacando-se a Nefrologia (56,2%). Encontrámos diferenças entre especialidades requisitantes relativamente à idade e nível de vitamina D (p < 0,001). O nível de vitamina D variou ao longo do ano, com níveis superiores no verão, seguido do outono, primavera e inverno (p < 0,001). Apesar desta variação sazonal, a suficiência de vitamina D foi sempre minoritária, sendo de 27,8% no Verão e 9,2% no Inverno. Discussão: A carência de vitamina D nesta população é elevada, transversal a todas as idades e não compensada pela variação sazonal da exposição solar.Conclusão: A hipovitaminose D é um problema real, prevalente e merecedor de atuação na nossa população, atendendo às suas implicações clínicas.

  2. Estimativa de imagens solares soho através de redes neurais artificiais

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Andrade, M. C.; Fernandes, F. C. R.; Cecatto, J. R.; Rios Neto, A.; Rosa, R. R.; Sawant, H. S.

    2003-08-01

    A Rede Neural Artificial (RNA), no âmbito da teoria computacional, constitui uma teoria emergente que, por possuir habilidade em aprender a partir de dados de entrada, encontra diferentes aplicações em diferentes áreas. Um exemplo é a utilização de RNA na caracterização de padrões associados à dinâmica de processos espaço-temporais relacionados a fenômenos físicos não-lineares. Para obter informações sobre o comportamento destes fenômenos físicos utiliza-se, em diversos casos, seqüências de imagens digitalizadas, onde a caracterização de alguns fenômenos espaço-temporais é o procedimento mais viável para descrever a dinâmica das regiões ativas do Sol. Com base em imagens observadas por telescópios a bordo de satélites, estudos de previsão de eventos solares podem ser programados, permitindo prever possíveis efeitos posteriores nas regiões mais próximas da Terra (tempestades geomagnéticas e irregularidades ionosféricas). Neste trabalho avaliamos o desempenho da RNA para estimar padrões espaço-temporais, ou seja, imagens solares em ultravioleta, obtidas através do telescópio a bordo do satélite SOHO. Os resultados mostraram que as RNA conseguem generalizar os padrões de maneira satisfatória sem perder de forma significativa os principais aspectos da configuração global da atmosfera solar, comprovando a eficácia da RNA como ferramenta para esse tipo de aplicação. Portanto, este trabalho comprova a viabilidade de uso desta ferramenta em projetos voltados ao estudo do comportamento solar, em trabalhos do grupo de Física do Meio Interplanetário (FMI) na DAS e em programas desenvolvidos pelo Núcleo de Simulação e Análise de Sistemas Complexos (NUSASC) do Laboratório Associado de Computação e Matemática Aplicada (LAC) do INPE.

  3. The importance of Zebrafish in biomedical research.

    PubMed

    Tavares, Bárbara; Santos Lopes, Susana

    2013-01-01

    Introdução: O peixe-zebra (Danio rerio) é um excelente organismo modelo para o estudo do desenvolvimento dos vertebrados. Este facto deve-se às grandes ninhadas que cada casal produz, que podem atingir 200 embriões a cada sete dias, e ao facto dos embriões serem pequenos, transparentes e com um rápido desenvolvimento externo.Material e Métodos: Usando ferramentas de pesquisa bibliográfica científica disponíveis online e utilizando e as palavras-chave “Zebrafish”, “biomedical research”, “human disease” e “drug screening”, avaliámos estudos originais e revisões indexadas na PubMed.Resultados: Neste artigo de revisão fazemos um resumo do trabalho realizado com este modelo no melhoramento doconhecimento de várias doenças humanas. Fizemos ainda um breve relato da investigação biomédica realizada em Portugal com o modelo de peixe-zebra.Discussão: Têm sido desenvolvidas poderosas ferramentas genéticas e de microscopia in vivo, que também tornaram o peixe-zebra num modelo valioso em investigação biomédica. A conjugação destes atributos com a optimização de sistemas automatizados de triagem de medicamentos, transformaram o peixe-zebra num top model da investigação em biomedicina, nomeadamente na triagem de compostos químicos com efeitos terapêuticos e em testes de toxicidade. Além disso, com a otimização da tecnologia dos xenografos, será possível usar o peixe-zebra na escolha de uma terapia personalizada.Conclusão: O peixe-zebra é um excelente organismo modelo na pesquisa biomédica, em screens de medicamentos e na terapia clinica.

  4. Abundâncias químicas de estrelas T Tauri fracas

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Rojas, G. A.; Gregorio-Hetem, J.

    2003-08-01

    Apresentamos resultados do estudo de 44 estrelas pré-seqüência principal, para as quais buscamos realizar uma classificação espectroscópica e determinar parâmetros estelares e abundâncias químicas. A amostra foi escolhida da seguinte maneira : 21 objetos selecionados a partir de catálogos de objetos jovens, como o Pico dos Dias Survey e o Herbig Bell Catalogue, e 23 objetos selecionados a partir de contrapartidas ópticas de fontes de raios X detectadas pelo satélite ROSAT. Dentre 24 objetos previamente classificados como estrelas T Tauri Fracas, apenas 7 revelaram ser realmente pertencentes à essa classe, sendo os demais objetos T Tauri Clássicas ou estrelas evoluídas da pré-seqüência principal. Esse resultado demonstra que o critério mais utilizado para distinguir as T Tauri Clássicas das T Tauri Fracas, baseado na largura equivelente da emissão Ha, não é suficiente para determinar o estágio evolutivo desses objetos. Para o cálculo de parâmetros estelares e abundâncias, foram escolhidas as estrelas que apresentam características ideais para esse tipo de estudo, como ausência de velamento, baixa velocidade de rotação e espectros com razão sinal-ruído adequada. Os parâmetros estelares como temperatura efetiva e gravidade foram determinados através do equilíbrio de excitação e ionização das linhas de Ferro, e as abundâncias químicas foram calculadas utilizando o método de síntese espectral. Serão apresentados os parâmetros estelares e as abundâncias de Lítio para toda a amostra, e abundâncias de vários elementos quimicos para 7 estrelas estudadas em maior detalhe

  5. Effects of hearing aids in the balance, quality of life and fear to fall in elderly people with sensorineural hearing loss.

    PubMed

    Lacerda, Clara Fonseca; Silva, Luciana Oliveira E; de Tavares Canto, Roberto Sérgio; Cheik, Nadia Carla

    2012-04-01

    Introdução: O processo de envelhecimento provoca modificações estruturais e funcionais à saude, comprometendo o controle postural e processamento central. Estudos têm abordado a necessidade de identificar os fatores de risco prejudiciais à saúde auditiva e segurança em idosos acometidos por déficits auditivos e com alterações de equilíbrio.Objetivo: Avaliar o efeito da prótese auditiva na qualidade de vida, no equilíbrio e no medo de queda em idosos com perda auditiva bilateral.Método: Estudo clínico e experimental realizado com 56 idosos com perda auditiva neurossensorial, submetidos ao uso da prótese auditiva de amplificação sonora individual (AASI). Os idosos responderam aos questionários de qualidade de vida Short Form Health Survery (SF-36), Falls Efficacy Scale- Internacional (FES-I) e o teste de Berg Balance Scale (BBS). Após 4 meses, os idosos que adaptaram ao uso da AASI foram reavaliados.Resultados: Houve 50% de adaptação dos idosos ao AASI. Foi observado que o sexo masculino teve maior dificuldade em adaptar ao aparelho auditivo e que as variáveis idade, grau de perda, presença de zumbido e vertigem não interferiram na adaptação à prótese auditiva. Houve melhora da qualidade de vida nos domínios Estado da Saúde Geral (EGS) e Capacidade Funcional (CF) e do zumbido, assim como o aumento da auto-confiança após adaptação da prótese auditiva.Conclusão: O uso de prótese auditiva propiciou a melhora dos domínios da qualidade de vida, o que refletiu em uma melhor auto-confiança e consequentemente a longo prazo na redução do medo de queda em idosos com perda auditiva neurossensorial.

  6. Otimização de procedimento de manobra para indução de reentrada de um satélite retornável

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Schulz, W.; Suarez, M.

    2003-08-01

    Veículos espaciais que retornam à Terra passam por regimes de velocidade e condições de vôo distintos. Estas diferenças dificultam sua concepção aerodinâmica e o planejamento de seu retorno. A partir de uma proposta de um veículo orbital retornável (satélite SARA, em desenvolvimento no IAE/CTA) para realização de experimentos científicos e tecnológicos em ambiente de baixa gravidade, surge a necessidade de realizarem-se estudos considerando-se os aspectos relativos à sua aerodinâmica. Após o lançamento, o veículo deve permanecer em órbita pelo tempo necessário para a condução de experimentos, sendo depois direcionado à Terra e recuperado em solo. A concepção aerodinâmica é de importância para o vôo em suas diversas fases e deve considerar aspectos relativos à estabilização Aerodinâmica e ao arrasto atmosférico, sendo este último de importância crucial na análise do aquecimento a ser enfrentado. A manobra de retorno inclui considerações sobre as condições atmosféricas e dinâmica de reentrada, devendo ser calculada de forma mais precisa possível. O trabalho proposto avalia estudos da dinâmica de vôo de um satélite recuperável considerando aspectos relativos à determinação orbital com GPS, técnica utilizada com sucesso na CONAE, e seu comportamento aerodinâmico em vôo balístico de retorno, com ênfase em sua fase de reentrada atmosférica. Busca-se otimizar a manobra de reentrada de tal forma que a utilização do sistema GPS garanta minimizar a área de impacto com o solo.

  7. [PRAdA intervention: effects on weight of dietary intervention among treated hypertensive Portuguese natives and African immigrants].

    PubMed

    Peixoto, Catarina; Carrilho, Gisela; Alarcão, Violeta; Guerra, Filipa; Simões, Rui; Fernandes, Milene; Nicola, Paulo; Guiomar, Sofia; Nogueira, Paulo; Rocha, Evangelista

    2014-01-01

    Introdução: Perdas de peso melhoram o controlo da tensão arterial em indivíduos hipertensos. As intervenções comportamentais para a perda de peso parecem ser menos eficazes nos imigrantes de origem africana (IOA). Os principais objetivos foram avaliar os efeitos no peso de uma intervenção alimentar em hipertensos nativos de origem portugueses (NOP) e IOA; identificar fatores de sucesso na perda de peso; avaliar a evolução dos conhecimentos e adesão às recomendações alimentares. Material e Métodos: Foram selecionados aleatoriamente hipertensos medicados seguidos nos cuidados de saúde primários para um estudo de duas fases, observacional (15 meses) e de intervenção comportamental (seis meses). Os participantes foram divididos em dois grupos: IOA e NOP. Foram dadas recomendações alimentares e de estilos de vida em sessões individuais presenciais e telefónicas. Resultados: Dos 110 participantes, com IMC médio de 31,6 ± 3,7 kg/m2 e idade média 61,3 ± 10,0 anos, 60 eram imigrantes. Durante a intervenção os NOP perderam 1,4 ± 2,7% do peso e os IOA 0,8 ± 3,6%, sendo a perda superior comparativamente com a fase observacional. Ser do sexo masculino e consumir pelo menos duas porções de lacticínios magros por dia associou-se a maior perda de peso durante a intervenção, independentemente da idade e origem. Houve um aumento significativo no número de recomendações dietéticas conhecidas e cumpridas, com os NOP a cumprirem em média mais recomendações. Discussão: A intervenção foi bem sucedida relativamente à perda de peso, especialmente no grupo dos NOP, confirmando outros estudos. Conclusão: A intervenção aumentou os conhecimentos e adesão às recomendações, realçando a pertinência da educação alimentar, culturalmente adaptada, nos cuidados de saúde primários.

  8. Alterações Induzidas Pelo Exercício no Número, Função e Morfologia de Monócitos de Ratos

    PubMed Central

    GUERESCHI, MARCIA G.; PRESTES, JONATO; DONATTO, FELIPE F.; DIAS, RODRIGO; FROLLINI, ANELENA B.; FERREIRA, CLÍLTON KO.; CAVAGLIERI, CLAUDIA R.; PALANCH, ADRIANNE C.

    2008-01-01

    O propósito desse estudo foi verificar as alterações histofisiológicas em monócitos e macrófagos induzidas por curtos períodos de exercícios. Ratos Wistar (idade = 2 meses, peso corporal = 200g) foram divididos em sete grupos (n=6 cada): controle sedentário (C), grupos exercitados (natação) na intensidade leve por 5 (5L), 10 (10L) e 15 minutos (15L), e grupos exercitados em intensidade moderada por 5 (5M), 10 (10M) e 15 minutes (15M). Na intensidade moderada os animais carregaram uma carga de 5% do peso corporal dos mesmos em seus respectivos dorsos. Os monócitos sangüíneos foram avaliados quanto à quantidade e morfologia e os macrófagos peritoneais foram analisados quanto à quantidade e atividade fagocitária. Os dados foram analisados usando ANOVA e Tukey’s post hoc test (p ≤ 0,05). Os grupos de intensidade leve e 5M apresentaram aumento nos níveis dos monócitos quando comparados com o controle. Foi observado aumento na área celular dos monócitos para os grupos 5L, 10L, 5M e 10M; a área nuclear aumentou para os grupos 10L, 5M e 10M em comparação com o controle. Houve aumento nos macrófagos peritoneais para os grupos 15L, 10M, 15M e diminuição no grupo 5M. A capacidade fagocitária dos macrófagos aumentou nos grupos de intensidade leve e para o grupo 10M. O exercício realizado por curtos períodos modulou o número e função dos macrófagos, assim como o número e morfologia dos monócitos, sendo tais alterações dependentes da intensidade. A soma das respostas agudas observadas nesse estudo pode exercer um efeito protetor contra doenças, podendo ser utilizada para a melhora da saúde e qualidade de vida.

  9. [Career Satisfaction of Medical Residents in Portugal].

    PubMed

    Martins, Maria João; Laíns, Inês; Brochado, Bruno; Oliveira-Santos, Manuel; Teixeira, Pedro Pinto; Brandão, Mariana; Cerqueira, Rui João; Castro-Ferreira, Ricardo; Bernardes, Carlos; Menezes, Miguel Nobre; Baptista, Bernardo Soares; Ladeiras-Lopes, Ricardo; Rei, Mariana Cruz; Rosa, Gilberto Pires da; Martins, José Luís; Mendonça Sanches, Maria; Ferreira-Pinto, Manuel J; Rato, Margarida; Costa e Silva, Miguel; Policiano, Catarina; Beato, João; Barbosa-Breda, João; Torres, João Pimentel; Leal, Inês; Rosa, Sílvia Aguiar; Ribeiro, Bárbara Carvalho; Costa, Francisco Rego; Palmela, Carolina; Gonçalves, Tiago Cúrdia; Morais, Luis; Marques, Tiago Reis

    2015-01-01

    Introdução: A satisfação com a profissão médica tem sido apontada como um fator essencial para a qualidade assistencial, o bemestar dos doentes e a estabilidade dos sistemas de saúde. Estudos recentes têm vindo a enfatizar um crescente descontentamento dos médicos, principalmente como consequência das alterações das relações laborais.Objetivos: Avaliar a perceção dos médicos de formação específica em Portugal, sobre as expectativas e grau de satisfação com a profissão, especialidade e local de formação; razões da insatisfação e intenção de emigrar.Material e Métodos: Estudo transversal. A colheita de dados foi efetuada entre Maio e Agosto de 2014 através de um Inquérito online sobre a âÄúSatisfação com a EspecialidadeâÄù.Resultados: De uma população total de 5788 médicos, foram obtidas 804 respostas (12,25% do total de médicos internos). Desta amostra, 77% das respostas correspondem a internos dos três primeiros anos de formação. Verificou-se que 90% dos médicos se encontram satisfeitos com a especialidade, tendo-se encontrado também níveis elevados de satisfação com a profissão (85%) e local de formação (86%). Por outro lado, constatou-se que estes diminuíam com a progressão ao longo dos anos de internato. A avaliação global sobre o panorama da prática médica foi negativa e 65% dos médicos responderam que consideram emigrar após conclusão do internato.Conclusão: Os médicos internos em Portugal apresentam níveis positivos de satisfação com a sua profissão. No entanto, a sua opinião sobre o panorama da Medicina e os resultados relativos à intenção de emigrar alertam para a necessidade de tomada de medidas para inverter este cenário.

  10. A study of the high-frequency hearing thresholds of dentistry professionals.

    PubMed

    Lopes, Andréa Cintra; de Melo, Ana Dolores Passarelli; Santos, Cibele Carmelo

    2012-04-01

    Introdução: Na prática odontológica, o Cirurgião-Dentista está sujeito aos efeitos nocivos provocados por diversos agentes, como pelo ruído emitido por seus instrumentos de trabalho. Em 1959, a American Dental Association recomendava avaliações audiométricas periódicas e uso de proteção auditiva. São necessárias maiores informações sobre o comportamento auditivo dessa população: Cirurgiões-Dentistas, Auxiliares e Protéticos para se propor medidas de prevenção e tratamento precoce.Objetivo: Investigar os limiares de audibilidade em Cirurgiões-Dentistas, Auxiliares e Protéticos.Método: Forma de estudo: Estudo Clínico.Participaram 108 profissionais, sendo 44 Cirurgiões-Dentistas (GI), 36 Auxiliares (G II) e 28 Protéticos (GIII). Foram realizadas: entrevista específica, meatoscopia, audiometria tonal convencional e de altas frequências, logoaudiometria, imitanciometria.Resultados: A comparação entre as médias dos limiares evidenciaram piora com o aumento da frequência para os 3 grupos testados; para a média tritonal de 500 a 2000Hz, e 3000 a 6000 Hz, o GIII apresentou os piores limiares, já para a média das altas frequências (9000 a 16.000Hz) o GII apresentou os piores limiares.Conclusão: A avaliação audiológica convencional não identificou exames alterados para os três grupos testados, no entanto, o exame da avaliação audiológica complementar como a audiometria de altas frequências indicou maior sensibilidade na detecção precoce de alterações auditivas uma vez que a perda auditiva dessa população acomete as frequências que não são testadas nos exames convencionais. Dessa maneira enfatizamos nesse trabalho a necessidade de inserir na rotina de exames a audiometria de altas frequências juntamente com os outros exames audiológicos.

  11. BUDDA (Bulge/Disk Decomposition Analysis) - um novo programa para análise estrutural de galáxias

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Gadotti, D. A.; de Souza, R. E.; Dos Anjos, S.

    2003-08-01

    Tem sido prática comum nos últimos anos estudar a distribuição de luminosidade em galáxias fazendo uso da informação contida em toda a imagem da galáxia, já que esta técnica tem se mostrado muito mais confiável do que o simples ajuste de perfis radiais de luminosidade. Através destes estudos bidimensionais, melhores resultados tem sido obtidos na análise e.g. do Plano Fundamental, de correlações entre os parâmetros estruturais de galáxias, de sub-estruturas como barras e anéis nucleares etc. Apresentamos um novo código bidimensional, o BUDDA, de análise estrutural de galáxias, que será disponibilizado para a comunidade. Desenvolvido por nós, o código determina os parâmetros estruturais de galáxias de forma prática e robusta, e pode ser aplicado genericamente em qualquer estudo sobre a formação, evolução e estrutura de galáxias. O programa ainda permite a avaliação direta de sub-estruturas, através de imagens residuais que são obtidas ao se subtrair, das imagens originais, bojo e disco sintéticos que melhor representam essas componentes da galáxia sob consideração. Será apresentada a forma de utilização do código, bem como séries de testes que atestam a sua funcionalidade. Além disso, os resultados da aplicação do código em uma amostra de 51 galáxias serão expostos como exemplo prático, e do seu enorme potencial de uso.

  12. A distância e o conteúdo estelar da região HII gigante G333.1-0.4 - vínculos para a taxa de formação estelar da galáxia

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Figuerêdo, E.; Damineli, A.; Blum, R.; Conti, P.

    2003-08-01

    Neste trabalho apresentamos imagens de alta resolução angular da região HII gigante G333.1-0.4 obtidas através dos filtros J, H e K no telescópio de 4-m do CTIO. Este trabalho faz parte de um estudo de regiões HII gigantes no infravermelho próximo que tem por objetivo estudar a natureza da formação de estrelas massivas e traçar a estrutura espiral de nossa galáxia. Nossa determinação da distância é baseada no método da paralaxe espectroscópica de estrelas OB localizadas na seqüência principal de idade zero (ZAMS) do Diagrama HR. No caso de G333.1-0.4, a magnitude aparente das estrelas localizadas na ZAMS indica que a distância não pode ser maior do que o limite inferior determinado por técnica rádio (2,8 kpc). Resultados semelhantes foram encontrados para regiões estudadas anteriormente, reforçando a idéia de que a taxa de formação estelar na Via Láctea é menor do que o determinado a partir de dados rádio. Nossos resultados mais recentes sobre o conteúdo estelar de G333.1-0.4 revelaram vários objetos que possuem cores bastante avermelhadas (H-K > 2,0). Nós identificamos estes objetos usando os diagramas cor-cor e cor-magnitude dos aglomerados. Estes objetos apresentam um forte excesso em emissão na banda K e possivelmente se tratam de estrelas do tipo OB envolvidas por um disco/envelope circumestelar espesso. O estudo da função de massa inical desta região, em conjunto com resultados de nossos trabalhos anteriores, aponta para uma IMF independente da posição galática. A contagem de estrelas nos fornece um valor para o número de fótons no contínuo de Lyman que corrobora com a afirmação de que G333.1-0.4 se encontra mais próxima da menor distância determinada por rádio.

  13. [Streptococcus pneumoniae Vaccination in Children and Adolescents at High Risk of Invasive Pneumococcal Disease].

    PubMed

    Tendais-Almeida, Marta; Ferreira-Magalhães, Manuel; Alves, Inês; Tavares, Margarida; Azevedo, Inês

    2015-01-01

    Introdução: Em Portugal, a vacinação anti-pneumocócica é gratuita e recomendada pela Direção-Geral da Saúde na população pediátrica de alto risco para doença invasiva pneumocócica. O objetivo deste estudo foi analisar o cumprimento vacinal numa população pediátrica seguida em consulta hospitalar. Material e Métodos: Estudo observacional transversal, em crianças com diagnóstico de alto risco de doença invasiva pneumocócica e consulta num hospital nível três, entre julho e dezembro de 2014. Os dados foram obtidos através do processo clínico, Boletim Individual de Saúde e Plataforma de Dados da Saúde®. Resultados: Dos 122 participantes, 95,9% realizaram, pelo menos, uma dose de vacina mas, destes, só 64,8% efetuaram o esquema completo. O cumprimento do esquema vacinal foi melhor nos de idade inferior a cinco anos (p < 0,01). A proporção de crianças com esquema completo foi de: 100% nas hemoglobinopatias, 100% nas infeções por vírus da imunodeficiência humana, 66,7% nos prematuros com idade gestacional ⤠28 semanas, 62,5% nos esplenectomizados e 54,7% na síndrome de Down. As crianças têm mais esquemas completos quando são seguidas em consulta de Infeciologia (100%) e de Pneumologia pediátricas (88,2%). O grupocom idade superior a cinco anos está mais vacinado com a vacina polissacarida 23-valente do que o dos 2-5 anos (74,5% vs 40,5%; p < 0,01).Discussão: A maioria da nossa população de alto risco para doença invasiva pneumocócica efetuou vacinação anti-pneumocócica, mas apenas dois terços completaram o esquema recomendado, sendo a maior falha na administração da vacina polissacarida 23-valente. Conclusões: Embora estes resultados sejam melhores do que em países europeus com recomendações semelhantes, é necessário explorar as causas das falhas observadas para otimizar a vacinação.

  14. Etiological agents and antimicrobial susceptibility in hospitalized children with acute pyelonephritis.

    PubMed

    Flor-de-Lima, Filipa; Martins, Tânia; Teixeira, Ana; Pinto, Helena; Botelho-Moniz, Edgar; Caldas-Afonso, Alberto

    2015-01-01

    Introdução: A resistência aos antimicrobianos, provocada pela utilização de antibióticos continua a ser um importante problema de saúde pública e uma preocupação para os profissionais de saúde. O nosso objetivo foi conhecer a prevalência local dos uropatógenos e o seu perfil de suscetibilidade aos antimicrobiannos na pielonefrite aguda. Material e Métodos: Estudo prospetivo nas crianças internadas por pielonefrite aguda no internamento de Pediatria de um hospital do norte de Portugal entre 1994-2012. Os agentes etiológicos e o seu perfil de sensibilidade aos antimicrobianos foram avaliados em quatro períodos de tempo (G1: 1994-1997, G2: 2002; G3: 2007; G4: 2012). Resultados: Avaliámos 581 doentes, 66% do sexo feminino, com idade mediana de 22 meses. A Escherichia coli foi o principal uropatógeno e a sua prevalência manteve-se estável durante os últimos 18 anos. Verificou-se um aumento da sensibilidade à amoxicilina/ácido clavulânico de 71% no G1 para 81,5% no G4 (p = 0,001) e uma diminuição da taxa de resistência de 8,7% no G1 para 2,8% G4 (p = 0,008). A sua sensibilidade às cefalosporinas de segunda e terceira geração e nitrofurantoína foi superior a 90% (p = ns). A taxa de resistência ao cotrimoxazol aumentou de 22 % para 26 % (p = 0,008). Discussão: A Escherichia coli continua a ser o uropatogénio mais frequente responsável por pielonefrite aguda, motivo pelo qual o seu perfil de sensibilidade aos antimicrobianos determina a escolha da antibioticoterapia empírica. Conclusões: A amoxicilina/ácido clavulânico mantém-se como escolha de primeira linha para o tratamento empírico da pielonefrite aguda em regime de internamento.

  15. [Primary and secondary outcomes in oncology clinical trials: definitions and uses].

    PubMed

    Vaz-Carneiro, António; Luz, Ricardo; Borges, Margarida; Costa, João

    2014-01-01

    Introdução: A prova de eficácia de uma intervenção terapêutica em oncologia consegue-se através de ensaios clínicos rigorosamente conduzidos. Um dos factores metodológicos mais importantes é a selecção de indicadores clínicos de eficácia (outcomes), necessários ao cálculo das chamadas medidas de associação que permitem a definição de eficácia terapêutica. Material e Métodos: Foi feita uma revisão narrativa baseada em alguns dos documentos de agências reguladoras internacionais, assim como documentos de consenso entre as sociedades científicas oncológicas, procurando listar e avaliar criticamente cada um dos indicadores utilizados em ensaios clínicos oncológicos. Resultados: Identificaram-se como indicadores mais importantes a sobrevivência global, a sobrevivência livre de progressão/sobrevivência livre de doença, a toxicidade/qualidade de vida e taxa objectiva de resposta tumoral. Discussão: A selecção do outcome primário deve basear-se no conceito de eficácia terapêutica, mas também na toxicidade relativa da terapêutica experimental, na sobrevivência esperada após progressão da doença, na existência de fármacos alternativos já estudados com indicações idênticas e até a prevalência da patologia em causa. Conclusão: A selecção de indicadores em ensaios clínicos oncológicos reveste-se de especial importância e a sua selecção deve ser bem fundamentada, dependendo da doença, dos doentes e do fármaco em estudo.

  16. Abundâncias espectroscópicas de simbióticas amarelas

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Calbo, S. R.; Costa, R. D. D.

    2003-08-01

    Este trabalho consiste no estudo de uma amostra de estrelas simbióticas amarelas cujas componentes frias apresentam tipos espectrais G ou K. Uma amostra de 20 estrelas foi usada, o que corresponde ao conjunto completo de estrelas simbióticas amarelas visíveis no hemisfério sul presentes no catálogo de Belczynski et al (2000 A&A Suppl. 146, 407). Os espectros estelares foram obtidos por observações usando os telescópios de 1,6 m do LNA e 1,52 m do ESO e os dados fornecidos pelo satélite IUE (International Ultraviolet Explorer) e posteriormente reduzidos no IAG. Os fluxos das linhas medidas de cada espectro foram calibrados em fluxo (com as correções de avermelhamento baseados no trabalho de Pacheco e Costa 1992, A&A 257, 619), e os parâmetros físicos (temperatura e densidade eletrônica) das nebulosas que envolvem os sistemas simbióticos determinados, usando-se fluxos medidos de OIII e NII da parte visível do espectro. Para a determinação das razões de abundâncias de C/N e O/N aplicou-se o método de Nussbaumer et al. (1988, A&A 198, 179). As razões de abundâncias foram derivadas das linhas de emissão (NIV, CIV, OIII, NIII e CIII) dos espectros IUE. Numa última fase plotou-se o diagrama C/N-O/N onde comparou-se a abundância química das simbióticas amarelas obtidas neste trabalho com as de gigantes normais. Os resultados mostram abundâncias compatíveis com aquelas derivadas para nebulosas planetárias do bojo, indicando que o material nebular é originado das gigantes vermelhas de cada sistema, e não da fonte quente. (FAPESP, CNPq)

  17. [Deep Vein Thrombosis Prophylaxis in Patients with Traumatic Brain Injury].

    PubMed

    Silva, Vinícius Trindade Gomes da; Iglesio, Ricardo; Paiva, Wellingson Silva; Siqueira, Mario Gilberto; Teixeira, Manoel Jacobsen

    2015-01-01

    Introdução: O risco de trombose venosa profunda encontra-se aumentado em doentes vítimas de traumatismo cranioencefálico, mas a profilaxia da trombose venosa profunda se confronta com o possível risco de piora de lesões hemorrágicas relacionados ao traumatismo cranioencefálico. Neste artigo apresentamos uma revisão crítica do tema e propomos um protocolo de profilaxia para estes doentes.Material e Métodos: Foi realizada uma pesquisa na base de dados Medline/PubMed, Cochrane, e Scielo de janeiro de 1998 a janeiro de 2014 com a expressão de busca âÄúdeep venous thrombosis and prophylaxis and traumatic brain injuryâÄù. Foram encontrados 44 artigos usando os termos MeSH definidos. Destes foram selecionados 23 artigos, usando como critérios: publicação em inglês ou português, fase aguda do traumatismo cranioencefálico moderado e grave, profilaxia mecânica não invasiva ou química.Resultados: O traumatismo cranioencefálico é um fator de risco para trombose venosa profunda e tromboembolismo pulmonar. A chance de trombose venosa profunda é 2,59 vezes maior em doentes com traumatismo cranioencefálico. A prevalência de trombose venosa profunda e embolia pulmonar em doentes que sofreram traumatismo cranioencefálico é de 20%, podendo atingir 30% dos doentes em alguns estudos.Discussão e Conclusão: As diversas formas de traumatismo de forma isolada constituem fator de risco para trombose venosa profunda e tromboembolismo pulmonar. Ensaios clínicos são necessários para estabelecer a eficácia da profilaxia e o melhor momento de iniciar medicação para trombose venosa profunda em doentes com traumatismo craniencefálico.

  18. [Anogenital Warts in a Major Venereology Clinic: Centro de Saúde da Lapa - Lisbon, 2008 to 2014].

    PubMed

    Gameiro, Ana; Alves, João; Santo, Irene; Azevedo, Jacinta

    2016-02-01

    Introdução: O vírus do papiloma humano é responsável pela infeção sexualmente transmissível mais comum, podendo manifestar--se por um conjunto amplo de doenças, nomeadamente condilomas anogenitais, papilomatose laríngea recorrente, e neoplasias da região anogenital, colo do útero e orofaringe. Estima-se que os condilomas anogenitais afetem 1% da população sexualmente ativa, causados em cerca de 90% pelos genótipos 6 e 11. Material e Métodos: Identificámos os doentes com primeiro diagnóstico de condilomas anogenitais da consulta de doenças sexualmente transmissíveis do Centro de Saúde da Lapa, entre janeiro de 2008 e dezembro de 2014, e caracterizámos os doentes por sexo, orientação sexual, idade, localização das lesões, e número de parceiros nos últimos seis meses. Resultados: Foram identificados 902 indivíduos com primeiro diagnóstico de condilomas anogenitais. Observámos uma diminuição significativa de novos casos nas mulheres com < 19 anos (r = -0,848; p = 0,016), e uma diminuição sem significado estatístico nos homens com < 19 anos e nas mulheres entre os 20 - 24 anos. Discussão: Em outubro de 2008, a vacina quadrivalente (genótipos 6, 11, 16, 18) foi introduzida no plano nacional de vacinação de Portugal, abrangendo as adolescentes com 13 anos, com um catch-up para as de 17 anos. A diminuição de primeiros diagnósticos de condilomas anogenitais nas mulheres, deve-se provavelmente à sua vacinação antes de iniciarem a vida sexual. Conclusão: Este estudo reforça a import'ncia do programa nacional de vacinação para o vírus do papiloma humano.

  19. Impact of preoperative analytical values on post-operative mortality rate of intertrochanteric fractures.

    PubMed

    Borges, Ana; Torres, João; São Simão, Ricardo; Cabral, Abel Trigo; Pinto, Rui

    2014-01-01

    Introdução: A incidência das fraturas intertrocantéricas tem aumentado ao longo dos últimos anos, bem como todos os problemas a elas associados. É importante pesquisar possíveis formas de reduzir quer co-morbilidades, quer a mortalidade pós-operatória. Decidimos avaliar o impacto de alguns valores analíticos pré-operatórios na mortalidade pós-operatória de doentes com fractura intertrocantérica, com idade igual ou superior a 65 anos.Material e Métodos: De todas as fracturas intertrocantéricas admitidas entre Janeiro de 2007 e Maio 2012, 160 doentes foram incluídos no estudo. As variáveis estudadas foram idade, género, tempo de internamento, e dados analíticos, como hemoglobina, contagem de leucócitos e plaquetas, níveis de ureia e creatinina e concentração de sódio plasmática. Informação relativa à mortalidade foi obtida através do registo civil e, considerando um ponto de corte de seis meses após a cirurgia, os doentes foram divididos em dois grupos de acordo com a sua sobrevida. Os testes de Mann-Whitney e Chi-quadrado foram utilizados para estudar a associação entre as nossas variáveis e a sobrevida dos doentes.Resultados: A nossa população apresentava uma idade mediana de 82 anos de idade e uma maioria de mulheres (79,4%). Nos primeiros 6 meses após a cirurgia, 27 doentes dos iniciais 160 (16,1%) faleceram. A mortalidade estava relacionada com valores baixos de hemoglobina, elevados de plaquetas, elevados de creatinina e baixa concentração de sódio plasmático.Conclusão: A taxa de mortalidade pos-operatória da cirurgia da anca é elevada. Os nossos resultados podem ser utilizados parareduzir esta taxa, corrigindo valores analíticos pré-operatórios.

  20. [Urinary tract infections in a cohort of kidney transplant recipients].

    PubMed

    Bispo, Ana; Fernandes, Milene; Toscano, Cristina; Marques, Teresa; Machado, Domingos; Weigert, André

    2014-01-01

    Introdução: A infeção do trato urinário é a complicação infeciosa mais comum no período pós transplante renal, estando a sua frequência pouco caracterizada na população portuguesa. Este trabalho teve como objetivo determinar a incidência de infeções do trato urinário e infeções do trato urinário recorrentes em transplantados renais. Material e Métodos: Tratou-se de um estudo observacional de coorte retrospetiva, com consulta dos processos clínicos de doentes transplantados entre Janeiro de 2004 e Dezembro de 2005, no Hospital de Santa Cruz, com seguimento durante cinco anos ou até à data de perda de enxerto, morte ou perda de follow-up. Após uma análise descritiva da população, utilizámos testes bivariados para identificação de fatores associados a infeções do trato urinário. Resultados: Em 127 doentes incluídos com seguimento de 593 doentes/ ano, 53 (41,7%) tiveram pelo menos um episódio de infeção do trato urinário e 21 (16,5%) tiveram infeções do trato urinário recorrentes. O género feminino foi o único fator associado com ocorrência de infeções do trato urinário (p < 0,001, OR = 7,08, RR = 2,95) e infeções do trato urinário recorrentes (p < 0,001, OR = 4,66, RR = 2,83). Os agentes etiológicos mais frequentes foram Escherichia coli (51,6%), Klebsiella pneumoniae (15,5%) e Enterobacter spp (9,9%). As infeções do trato urinário não causaram aumento de mortalidade ou perda de enxerto, mas foram a principal causa de internamentos hospitalares. Discussão: Na nossa população, apenas o género feminino foi identificado como fator de risco para o desenvolvimento de infeções do trato urinário, recorrentes ou não. Escherichia coli foi o agente etiológico mais frequente. Conclusão: Apesar das medidas preventivas adotadas, as infeções do trato urinário continuam a ser uma importante causa de morbilidade e de internamentos hospitalares.

  1. [The Importance of Early Referral in Pediatric Acute Liver Failure].

    PubMed

    Jerónimo, Mónica; Moinho, Rita; Pinto, Carla; Carvalho, Leonor; Gonçalves, Isabel; Furtado, Emanuel; Farela Neves, José

    2015-01-01

    Introdução: A falência hepática aguda é uma doença rara associada a elevada morbilidade e mortalidade apesar do aumento da sobrevida devido ao transplante hepático. Em 2008, decorreu em Portugal uma reunião sobre esta patologia em pediatria, resultando num consenso de atuação que salientou a importância da abordagem multidisciplinar e referenciação precoce para um centro de transplantação hepática. Objetivos: Caracterizar as admissões por falência hepática aguda no Serviço de Cuidados Intensivos Pediátricos do centro português com transplante hepático pediátrico. Comparar resultados antes (A) e depois de 2008 (B). Material e Métodos: Estudo observacional retrospetivo de 20 anos (1994-2014). Critérios de inclusão: idade < 18 anos e falência hepática aguda (INR ≥ 2 sem resposta à vitamina K e necrose hepatocelular). Excluíram-se as crianças com doença hepática crónica. Resultados: Incluíram-se 50 crianças com idade mediana de 24,5 meses. A causa mais comum de falência hepática aguda abaixo dos 2 anos foi metabólica (34,6%) e acima infeciosa (29,2%). Foram submetidos a transplante hepático 46%, tendo sobrevivido 78%. A mortalidade global foi 34%. A mediana do tempo de referenciação foi 7 dias no período A (n = 35) e 2 no B (n = 15; p = 0,006). A mediana do risco de mortalidade prevista pelo PRISM foi 14,7% no período A e 6,5% no B (p = 0,019). A mortalidade foi 37% vs 26% no período A e B respetivamente (p = 0,474).Discussão e Conclusões: A mortalidade global foi sobreponível à de outros centros europeus, sendo o transplante hepático a opção terapêutica mais eficaz. Após 2008 o tempo de referenciação e a gravidade dos casos na admissão reduziram, ainda sem tradução significativa na mortalidade.

  2. Detection and Intervention Strategies by Primary Health Care Professionals in Suspected Elder Abuse.

    PubMed

    Ferreira, Mafalda; dos Santos, César Lares; Vieira, Duarte Nuno

    2015-01-01

    Introdução: Os profissionais dos cuidados de saúde primários encontram-se numa posição privilegiada para identificarem e orientarem casos de maus-tratos de idosos. Este estudo investigou o enquadramento destes profissionais nesta matéria. Material e Métodos: Elaborou-se um questionário posteriormente aplicado a Médicos e enfermeiros de 12 Unidades de Saúde de Coimbra. Estudaram-se par'metros relacionados com aspetos demográficos, perceção do abuso e estratégias de atuação, experiência pessoal e formação nesta área. Resultados: A taxa global de resposta foi de 67,9% com 127 questionários validados. Dos resultados obtidos destacam-se seguintes: verificou-se um contacto substancial entre os profissionais e a população idosa; a maioria dos profissionais (64,6%) consideram o abuso mais prevalente em contexto familiar e 32,3% indicaram a negligência como a forma mais frequente; 97,6% dos profissionais considera que tem um papel importante na deteção de casos de abuso; a incerteza no diagnóstico foi um dos principais fatores limitadores da denúncia; verificou-se incerteza a obrigatoriedade de reportar os casos às autoridades judiciais. Ainda se constatou que 87,4% destes profissionais se sentiriam mais confortáveis com protocolos de atuação e que esta problemática não havia sido abordada na sua formação básica em 70,9% dos casos. Discussão: O contato significativo entre a população idosa e os profissionais de saúde propicia o diagnóstico e intervenção precoces. Os profissionais revelaram conhecimentos sobre o tema em linha com os indicados por alguns estudos, nomeadamente, sobre o contexto e prevalência do abuso. A subsistência de dúvidas relativamente à melhor forma para gerir estes casos e conciliar as diferentes perspetivas poderia ser colmatado, na opinião veiculada pelos próprios, pela definição de protocolos de atuação e a formação específica deverá ser considerada como um dos pilares fundamentais para

  3. [Congenital Anomalies Detected at Birth in Newborns of Adolescent Women].

    PubMed

    dos Reis, Leandro Valim; Araujo Júnior, Edward; Guazzelli, Cristina Aparecida Falbo; Cernach, Mirlene Cecilia Soares Pinho; Torloni, Maria Regina; Moron, Antonio Fernandes

    2015-01-01

    Introdução: Analisar a prevalência das anomalias congénitas, detetadas no nascimento, entre filhos de gestantes adolescentes, enfatizando os tipos mais comuns e a época do diagnóstico. Material e Métodos: Estudo retrospetivo do tipo censo, no qual foram analisados todos recém-nascidos, vivos ou mortos, com peso superior a 500 g, de mulheres que tiveram o parto no Hospital São Paulo num período de seis anos. Os produtos da conceção portadores de anomalias foram identificados no período pré-natal ou através do exame físico pós-natal, segundo os critérios do Estudo Colaborativo Latino-Americano das Malformações Congênitas. Os resultados são apresentados de forma descritiva através de valores absolutos e relativos, calcula-se a prevalência das anomalias e comparam-se os diferentes grupos recorrendo a testes não paramétricos. Resultados: Foram analisadas 6 257 gestações, das quais 577 resultaram em recém-nascidos com alguma anomalia congénita identificada no nascimento (prevalência de 9,2%). Do total de gestações, 907 eram de adolescentes (idade inferior a 20 anos), para as quais se verificou uma prevalência de anomalias nos recém-nascidos de 9,9%. Comparando os recém-nascidos de adolescentes com os das mulheres com idade superior a 20 anos, apenas se encontrou diferença estatisticamente significativa para a prevalência dos defeitos do tubo neural (p = 0,027). Discussão: Observamos uma alta taxa de partos em adolescentes, acima das taxas dos países desenvolvidos. Observamos também alta frequência de anomalias congénitas em recém-nascidos, provavelmente por sermos um serviço terciário de referência. A elevada prevalência dos defeitos do tubo neural entre grávidas jovens pode ser explicada pela não suplementação pré-concecional de ácido fólico em gravidezes não planeadas, como é característico nas adolescentes.Conclusão: A prevalência e momento do diagnóstico das anomalias congénitas em rec

  4. Effectiveness of psychosocial interventions in eating disorders: an overview of Cochrane systematic reviews.

    PubMed

    Costa, Marcelle Barrueco; Melnik, Tamara

    2016-01-01

    ão geral das evidências científicas sobre a efetividade das intervenções psicossociais no tratamento de transtornos alimentares. Foram incluídas todas as revisões sistemáticas publicadas no Banco de Dados de Revisões Sistemáticas da Cochrane Library. Posteriormente, a partir da data menos recente destas revisões (2001), realizou-se uma busca adicional no PubMed, com estratégia de busca sensibilizada e com os mesmos descritores utilizados antes. No total, foram incluídos 101 estudos primários e 30 revisões sistemáticas (5 revisões sistemáticas da Cochrane), metanálises, diretrizes ou revisões narrativas da literatura. Os principais desfechos foram remissão de sintomas, imagem corporal, distorção cognitiva, comorbidade psiquiátrica, funcionamento psicossocial e satisfação do paciente. A abordagem cognitivo-comportamental foi o tratamento mais efetivo, principalmente para bulimia nervosa, transtorno da compulsão alimentar periódica e síndrome do comer noturno. Para anorexia nervosa, a abordagem familiar demonstrou maior efetividade. Outras abordagens efetivas foram psicoterapia interpessoal, terapia comportamental dialética, terapia de apoio e manuais de autoajuda. Além disso, houve um número crescente de abordagens preventivas e promocionais que contemplaram fatores de risco individuais, familiares e sociais, sendo promissoras para o desenvolvimento da autoimagem positiva e autoeficácia. São necessários mais estudos que avaliem o impacto de abordagens multidisciplinares em todos transtornos alimentares, além da relação custo-efetividade de algumas modalidades efetivas, como a terapia cognitivo-comportamental.

  5. Impact of Compliance with a Sepsis Resuscitation Bundle in a Portuguese Emergency Department.

    PubMed

    Carvas, Joao Miguel; Canelas, Cátia; Montanha, Gustavo; Silva, Carlos; Esteves, Francisco

    2016-02-01

    Introdução: A sépsis severa e o choque sético são entidades clínicas frequentes com elevada morbi-mortalidade que superam os da doença cardíaca coronária ou do acidente vascular cerebral. A realidade da sépsis tratada no hospital fora das unidades de cuidados intensivos é amplamente desconhecida. Pretende-se neste trabalho estimar o cumprimento da bundle das 6-horas da Surviving Sepsis Campaign num serviço de urgência português e os resultados clínicos dos doentes. Material e Métodos: Estudo retrospetivo, observacional de coorte com 178 pacientes com sépsis severa/choque sético internados na unidade de cuidados intensivos e intermédios entre 1 de Janeiro de 2012 e 31 de Dezembro de 2012. Resultados: Durante o período estudado foi diagnosticado choque sético em 100 pacientes (56,2%) e sépsis severa em 78 pacientes (43,8%). O cumprimento com a bundle foi: (1) 62,9% para a medição de lactatos; (2) 62,9% para a colheita hemoculturas antes da antibioterapia; (3) 41,6% para a administração de antibióticos nas primeiras 3 horas; (4) 76,4% para a administração de fluidos; (5) 25% para a administração de vasopressores; (6) 37% for medição da pressão venosa central; (7) 39% para a medição da saturação venosa central de oxigénio. O cumprimento de todas as medidas foi observado em 22% dos pacientes. A medida 'colheita hemoculturas antes da antibioterapia' esteve significativamente associada a um menor risco de mortalidade na unidade de cuidados intensivos e aos 28 dias. Também se verificou uma tendência para uma correlação inversa entre cumprimento crescente da bundle e a mortalidade na unidade de cuidados intensivos e aos 28 dias. Discussão: A baixa adesão à bundle das 6-horas da Surviving Sepsis Campaign é um resultado que replica o de estudos internacionais semelhantes. A explicação para este fenómeno é complexa mas pode incluir a falta de monitorização da qualidade dos cuidados no serviço de urgência. Conclusões: O

  6. [Risk Factors for Healthcare Associated Sepsis in Very Low Birth Weight Infants].

    PubMed

    Pereira, Helena; Grilo, Ema; Cardoso, Patrícia; Noronha, Natália; Resende, Cristina

    2016-04-01

    Introdução: As infeções associadas aos cuidados de saúde constituem uma importante causa de morbi-mortalidade neonatal, levando a um aumento do tempo de internamento e consequentemente dos seus custos. O objetivo deste estudo foi avaliar a taxa de incidência de infeções associadas aos cuidados de saúde e os seus principais fatores de risco em recém-nascidos de muito baixo peso. Material e Métodos: Estudo retrospetivo dos recém-nascidos de muito baixo peso internados numa maternidade com apoio perinatal diferenciado, durante um período de 10 anos (2005-2014). Foi analisada a existência de associação entre vários fatores de risco e a ocorrência de infeções associadas aos cuidados de saúde. Resultados: Foram internados 461 recém-nascidos de muito baixo peso. Houve 110 episódios de infeções associadas aos cuidados de saúde em 104 recém-nascidos e 53 episódios de sépsis associada a cateterismo venoso central. A densidade de sépsis foi 7,5/1 000 dias de internamento e a densidade de sépsis associada ao cateterismo venoso central 22,6/1 000 dias de utilização. Os recém-nascidos com infeções associadas aos cuidados de saúde apresentaram uma média de peso ao nascimento e idade gestacional inferior (959 ± 228 g vs 1191 ± 249 g) e (27,6 ± 2 vs 29,8 ± 2,2 semanas), p < 0,001. Após ajuste à idade gestacional e peso ao nascimento verificámos associação entre infeções associadas aos cuidados de saúde e antibioterapia em D1, duração de cateterismo venoso central e da nutrição parentérica. Após regressão logística, mantiveram-se como fatores de risco independentes com significância estatística, a idade gestacional e a duração da nutrição parentérica. Discussão: Os fatores de risco independentes para infeções associadas aos cuidados de saúde foram a idade gestacional e a duração da nutrição parentérica. Conclusão: Por cada semana a mais na idade gestacional o risco de infeções associadas aos cuidados de sa

  7. Effectiveness of psychosocial interventions in eating disorders: an overview of Cochrane systematic reviews.

    PubMed

    Costa, Marcelle Barrueco; Melnik, Tamara

    2016-01-01

    ão geral das evidências científicas sobre a efetividade das intervenções psicossociais no tratamento de transtornos alimentares. Foram incluídas todas as revisões sistemáticas publicadas no Banco de Dados de Revisões Sistemáticas da Cochrane Library. Posteriormente, a partir da data menos recente destas revisões (2001), realizou-se uma busca adicional no PubMed, com estratégia de busca sensibilizada e com os mesmos descritores utilizados antes. No total, foram incluídos 101 estudos primários e 30 revisões sistemáticas (5 revisões sistemáticas da Cochrane), metanálises, diretrizes ou revisões narrativas da literatura. Os principais desfechos foram remissão de sintomas, imagem corporal, distorção cognitiva, comorbidade psiquiátrica, funcionamento psicossocial e satisfação do paciente. A abordagem cognitivo-comportamental foi o tratamento mais efetivo, principalmente para bulimia nervosa, transtorno da compulsão alimentar periódica e síndrome do comer noturno. Para anorexia nervosa, a abordagem familiar demonstrou maior efetividade. Outras abordagens efetivas foram psicoterapia interpessoal, terapia comportamental dialética, terapia de apoio e manuais de autoajuda. Além disso, houve um número crescente de abordagens preventivas e promocionais que contemplaram fatores de risco individuais, familiares e sociais, sendo promissoras para o desenvolvimento da autoimagem positiva e autoeficácia. São necessários mais estudos que avaliem o impacto de abordagens multidisciplinares em todos transtornos alimentares, além da relação custo-efetividade de algumas modalidades efetivas, como a terapia cognitivo-comportamental. PMID:27462898

  8. Coerência espectroscópica de famílias de asteróides

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Mothé Diniz, T.; Roig, F. V.

    2003-08-01

    As Famílias de asteróides são caracterizadas como agrupamentos de objetos provenientes da quebra por colisão de corpos precursores. Desta forma, seus membros devem preservar relações genéticas que podem ser traduzidas sob a análise de suas características espectrais. Neste trabalho é apresentado o primeiro estudo espectroscópico de todas as famílias de asteróides do cinturão principal. Para tal, a divisão em famílias foi refeita utilizando-se o método HCM com uma base de elementos próprios analíticos (Knezevic e Milani, Jun 2001) e para o estudo espectroscópico foram utilizadas diversas campanhas de observação espectroscópica, tais o S3OS2 e o SMASSII, bem como outros dados disponíveis na literatura. A homogeneidade espectroscópica de cada família foi avaliada através da verificação das classes espectroscópicas presentes, bem como da comparação destes espectros com os de objetos de fundo, localizados na vizinhança da família. Vinte e duas famílias foram analisadas (as que possuíam mais do que 3 membros com espectro) e, dentre as principais conclusões pode-se citar a homogeneidade espectroscópica e, provavelmente mineralógica das famílias de Vesta, Eunomia, Hoffmeister, Dora, Merxia, Agnia, Koronis e Veritas. Esta última em particular, foi tida como uma família não homogênea espectroscopicamente em trabalho anterior (Di Martino et al. 1997). Outro resultado interessante é, por um lado, a aparente falta de homogeneidade dos membros da família de Eos, e por outro sua forte distinção dos objetos de fundo. O oposto ocorre na família de Themis, esta apresentando-se espectroscopicamente compatível com os objetos de fundo, mas com grande homogeneidade taxonômica entre seus membros. Algumas das famílias apresentam asteróides "intrusos" (objetos cujas características físicas não são compatíveis com aquelas dos membros da família) que, de modo geral desaparecem ao se considerarem níveis mais baixos de corte para a

  9. Off-Label and Unlicensed Drug Use in Neonatology: Reality in a Portuguese University Hospital.

    PubMed

    Silva, Joana; Flor-de-Lima, Filipa; Soares, Henrique; Guimarães, Hercília

    2015-01-01

    Introdução: Este estudo pretende caracterizar os medicamentos usados numa Unidade de Cuidados Intensivos Neonatais portuguesa, avaliar a frequência do uso de fármacos off-label ou não licenciados de acordo com a informação disponível no Resumo das Caraterísticas do Medicamento e comparar resultados entre recém-nascidos prematuros e de termo.Material e Métodos: Um estudo retrospetivo transversal foi conduzido na nossa Unidade de Cuidados Intensivos Neonatais no primeiro semestre de 2013. Os dados das prescrições realizadas foram comparados com a informação pediátrica contida nos Resumos das Caraterísticas do Medicamento.Resultados: Analisámos 1011 prescrições respeitantes a 84 substâncias ativas, feitas em 218 admissões. Em 42,9% dos casos, os fármacos foram usados de acordo com a informação do Resumo das Caraterísticas do Medicamento; 27,9% dos fármacos eram aprovados para o período neonatal mas usados de forma off-label; medicamentos off-label para a idade neonatal foram usados em 10,1%, enquanto aqueles com estado de aprovação indeterminado ou contraindicados foram usados em 6,0% e 8,7% dos casos, respetivamente. As prescrições não licenciadas representaram 4,4% do total. Os recém-nascidos pré-termo receberam uma taxa superiorde fármacos usados de acordo com o Resumo das Caraterísticas do Medicamento (p < 0,0001), enquanto os de termo receberam mais fármacos off-label para dose/frequência (p < 0,0001) e contraindicados para recém-nascidos (p < 0,012).Discussão: Os prematuros receberam um número mediano de fármacos superior, o que se relaciona com o seu internamento mais prolongado. A principal razão para prescrições off-label foi a utilização de doses/frequências de administração diferentes das referidas no Resumo das Caraterísticas do Medicamento, reforçando a necessidade de atualização destes documentos. A manipulação dosmedicamentos é uma das causas para o seu uso não licenciado, enfatizando a falta de

  10. Perda de massa em ventos empoeirados de estrelas supergigantes

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Vidotto, A. A.; Jatenco-Pereira, V.

    2003-08-01

    Em praticamente todas as regiões do diagrama HR, as estrelas apresentam evidências observacionais de perda de massa. Na literatura, pode-se encontrar trabalhos que tratam tanto do diagnóstico da perda de massa como da construção de modelos que visam explicá-la. O amortecimento de ondas Alfvén tem sido utilizado como mecanismo de aceleração de ventos homogêneos. Entretanto, sabe-se que os envelopes de estrelas frias contêm grãos sólidos e moléculas. Com o intuito de estudar a interação entre as ondas Alfvén e a poeira e a sua conseqüência na aceleração do vento estelar, Falceta-Gonçalves & Jatenco-Pereira (2002) desenvolveram um modelo de perda de massa para estrelas supergigantes. Neste trabalho, apresentamos um estudo do modelo acima proposto para avaliar a dependência da taxa de perda de massa com alguns parâmetros iniciais como, por exemplo, a densidade r0, o campo magnético B0, o comprimento de amortecimento da onda L0, seu fluxo f0, entre outros. Sendo assim, aumentando f0 de 10% a partir de valores de referência, vimos que aumenta consideravelmente, enquanto que um aumento de mesmo valor em r0, B0 e L0 acarreta uma diminuição em .

  11. [Obesity: Paradigm of Endothelial Dysfunction in Paediatric Age Groups].

    PubMed

    Pires, António; Castela, Eduardo; Sena, Cristina; Seiça, Raquel

    2015-01-01

    Introdução: A obesidade é considerada pela Organização Mundial de Saúde como uma epidemia global sendo considerada um factor de risco cardiovascular independente.Material e Métodos: Estima-se que cerca de 10% da população pediátrica mundial apresente excesso de peso ou obesidade e que cerca de 40% sejam obesas na vida adulta. A obesidade caracteriza-se por um processo pró-inflamatório crónico que resulta na lesão do endotélio. O resultante desequilíbrio na produção de mediadores que normalmente regulam a homeostasia vascular, particularmente a biodisponibilidade do óxido nítrico, favorece um ambiente pró-aterosclerótico propício ao desenvolvimento da doença cardiovascular.Resultados: Estudos anátomo-patológicos em crianças com excesso de peso ou obesidade evidenciam lesões do endotélio que se traduzem nos precursores da lesão aterosclerótica.Discussão: A disfunção endotelial é a manifestação mais precoce da lesão aterosclerótica. Estas alterações evidenciam-se precocemente em crianças obesas, contribuindo para a doença cardiovascular no adulto.Conclusão: As repercussões clínicas destas alterações raramente se manifestam em idade pediátrica, sendo detectadas apenas através de biomarcadores, alterações morfológicas dos vasos ou modificações do tónus arterial periférico.

  12. Teaching of Astronomy at Teresa Martin College. (Breton Title: Ensino de Astronomia Nas Faculdades Teresa Martin.) Enseñanza de la Astronomia en la Facultad Teresa Martin

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Azevedo Sobreira, Paulo Henrique

    2005-12-01

    Courses with exclusive Astronomy contents did not exist at (FATEMA) Teresa Martin College's program until the end of 2002. In 2001, a series of educational experiments started in courses and classes of Astronomy at Mathematics and Geography departments. This actions culminated with the insertion of Teaching of Astronomy as a study theme in the course of Independent Studies for Mathematics professors in 2005. Até o final de 2002 inexistiam na grade curricular das Faculdades Integradas Teresa Martin (FATEMA) cadeiras com conteúdos exclusivos de Astronomia. A partir do ano de 2001 iniciou-se uma série de experiências educacionais através de modelos de cursos e de aulas de Astronomia nos Departamentos de Matemática e de Geografia, o que culminou com a inserção do Ensino de Astronomia como temática da disciplina de Estudos Independentes para o curso de Licenciatura em Matemática, em 2005. Hasta el final de 2002 no había en el currículo dela Facultad TeresaMartín (FATEMA) en San Pablo - SP, Brasil, disciplinas con contenidos exclusivos de Astronomía. A partir del año 2001 comenzó una secuencia de experimentos educacionales de carrera y de clases de Astronomía en los Departamentos de Matemática y Geografía, culminando en la implantación de clases de Enseñanza dela Astronomíaenla Licenciaturaen Matemática, en el año de 2003, y de la cátedra de extensión en Cosmografía parala Licenciaturaen Geografía.

  13. Projeto observatórios virtuais: educação através de telescópios robóticos

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Santana, P. H. S.; Shida, R. Y.

    2003-08-01

    O principal objetivo do projeto Observatórios Virtuais é o ensino na área de ciências através de atividades práticas desenvolvidas em colaboração entre instituições de pesquisa em astronomia e escolas de ensino médio e fundamental. Este ano deverá ser concluída a implantação do programa piloto de estudos, pesquisas e observação astronômica direta, com utilização em tempo real de telescópios robóticos, que assim funcionarão como "observatórios virtuais". O objetivo pedagógico das atividades práticas baseadas nas imagens atronômicas é desenvolver as habilidades e competências dos alunos no uso do método científico. Para isso, serão realizados projetos interdisciplinares, a partir de observações astronômicas, já que a astronomia é uma área interdisciplinar por excelência. Essas atividades terão níveis diferenciados de complexidade, que podem ser adequados aos vários graus do ensino e realidades regionais. Será dada ênfase ao desenvolvimento e aplicação em São Paulo, onde atua a equipe do IAG/USP. Como resultados apresentados no presente trabalho, temos a criação de um software em português para o processamento de imagens obtidas através de CCDs e a elaboração de material para as atividades educacionais relacionadas.

  14. Incorporando a variabilidade no processo de identificação do modelo de máximo global no Grade of Membership (GoM): considerações metodológicas

    PubMed Central

    Guedes, Gilvan Ramalho; Siviero, Pamila Cristina Lima; Caetano, André Junqueira; Machado, Carla Jorge; Brondízio, Eduardo

    2012-01-01

    A disponibilidade de bases de dados cada vez mais complexas e multidimensionais é um dos principais motivadores para o aumento do número de estudos que utilizam análises multivariadas baseadas em lógica de conjuntos nebulosos. Apesar da disseminação do método Grade of Membership nos trabalhos empíricos brasileiros da área de ciências sociais e saúde, questões relativas à identificabilidade e estabilidade dos parâmetros finais estimados pelo programa GoM 3.4 não foram suficientemente aprofundadas. Dada a relevância de se obterem parâmetros únicos e estáveis, Guedes et al. (2010) propuseram um procedimento empírico para localizar um modelo de máximo global (MG) com parâmetros estáveis. Entretanto, seu localizador de MG não incorpora qualquer medida de variabilidade. Neste artigo, tal limitação é contornada por meio da utilização de uma estatística de ponderação – Máximo Global Ponderado (MGP) – semelhante ao coeficiente de variação. Esse indicador busca não penalizar de forma desproporcional situações nas quais os desvios médios, apesar de diferentes de zero, são muito pequenos. Apresentam-se evidências de que o localizador MGP reduz a distância do modelo identificado à real estrutura latente dos dados em análise, quando comparados ao modelo identificado pelo localizador não ponderado, MG. PMID:23293402

  15. Cough: neurophysiology, methods of research, pharmacological therapy and phonoaudiology.

    PubMed

    Balbani, Aracy Pereira Silveira

    2012-04-01

    Introdução: A tosse é o sintoma respiratório mais comum em crianças e adultos.Objetivo: Apresentar uma revisão sobre a neurofisiologia e os métodos para estudo do reflexo da tosse, bem como a farmacoterapia e terapia fonoaudiológica da tosse, baseada nos trabalhos publicados entre 2005 e 2010 e indexados nas bases Medline, Lilacs e Biblioteca Cochrane sob os unitermos “tosse” ou “antitussígenos”.Síntese dos dados: O reflexo da tosse envolve ativação de múltiplos receptores vagais nas vias aéreas e de projeções neurais do núcleo do trato solitário para outras estruturas do sistema nervoso central. Técnicas experimentais permitem estudar o reflexo da tosse ao nível celular e molecular para desenvolver novos agentes antitussígenos. Não há evidências de que antitussígenos isentos de prescrição médica tenham eficácia superior à do placebo para o alívio da tosse. A terapia fonoaudiológica pode beneficiar pacientes com tosse crônica refratária ao tratamento farmacológico, sobretudo quando coexiste movimento paradoxal das pregas vocais.Comentários Finais: A abordagem multidisciplinar tem papel fundamental no diagnóstico etiológico e tratamento da tosse. O otorrinolaringologista deve informar os pacientes sobre os riscos dos antitussígenos de venda livre a fim de prevenir intoxicações e efeitos adversos, especialmente em crianças.

  16. [Gonadal function in Turner syndrome].

    PubMed

    Alves, Márcia; Bastos, Margarida; Almeida Santos, Teresa; Carrilho, Francisco

    2013-01-01

    Introdução: A síndrome de Turner caracteriza-se pela ausência, parcial ou total, de um cromossoma X no sexo feminino, sendo uma das cromossomopatias mais frequentes. O diagnóstico é realizado através do cariótipo e as suas manifestações incluem o hipogonadismo primário, antes ou após a puberdade (disgenesia gonadal). O grau de disfunção e a extensão dos defeitos gonadais são variáveis.Objectivos: Pretendeu-se avaliar a clínica, cariótipo, função gonadal e características ecográficas do útero e ovários de mulheres com síndrome de Turner.Material e Métodos: Estudo retrospectivo de doentes com síndrome de Turner, seguidas nos Serviços de Endocrinologia ou Reprodução Humana dos Hospitais da Universidade de Coimbra - Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra, E.P.E. Avaliou-se toda a amostra e consideraram-se o grupo 1 (com puberdade e menarca espontânea) e grupo 2 (sem puberdade espontânea). Parâmetros avaliados: idade do estudo inicial, puberdade, cariótipo, FSH, ecografia pélvica inicial e pós-pubertária, celioscopia e indução pubertária. Estudo estatístico: SPSS (20.0).Resultados: Amostra: 79 doentes, 14,7 ± 6,6 anos. Ausência de sinais pubertários em 57,1%, amenorreia primária 67,1% e secundária 6,6%. Cariótipo: monossomia X-37,2%, mosaico-37,2%, alterações estruturais de X-25,6%. Mediana da FSH 59,5mUI/mL. Ecografia inicial: útero normal-34,2%, atrófico-65,8%; ovários normais-21,6%, atróficos-78,4%, com folículos-5,1%. Ecografia pós-pubertária: útero normal-67,9%, atrófico-32,1%; ovários normais-36,4%, atróficos-63,6%. A laparoscopia realizada em 16 (20,3%) doentes confirmou os achados ecográficos. Duas mulheres com puberdade induzida engravidaram: uma espontaneamente, sem evolução; outra pordoação de ovócitos, evolutiva. Grupo 1 (com puberdade e menarca espontânea): 20 (25,3%) doentes, 16,1 ± 8,9 anos. Puberdade na avaliação inicial: M1-22,2%, M2-33,3%, M3-16,7%, M4-16,7%, M5-11,1%. Cari

  17. [Relation between metformin treatment and the development of hyperlactacidemia at the emergency room].

    PubMed

    Guelho, Daniela; Paiva, Isabel; Carrilho, Francisco

    2014-01-01

    Introdução: Em diabéticos tipo 2 sob metformina o desenvolvimento de hiperlactacidemia ou mesmo acidose láctica parece decorrer de um evento precipitante agudo. Este estudo objetiva avaliar a prevalência e risco relativo de hiperlactacidemia em diabéticos observados no Serviço de Urgência, os fatores preditores da concentração de lactatos e a influência da lactacidémia no prognóstico.Material e Métodos: Estudo observacional transversal incluindo 138 diabéticos tipo 2, dos quais 66 sob metformina, e 83 doentes não diabéticos atendidos entre junho e outubro de 2012. Variáveis estudadas: idade, sexo, motivo de urgência, pressão arterial, hábitos farmacológicos, antecedentes, estudo analítico (bioquímica e gasometria arterial com doseamento de lactatos) e destino após observação. Análise estatística realizada com SPSS 21.0®.Resultados: A concentração de lactatos e proporção de hiperlactacidemia foram significativamente superiores nos diabéticos (2,1 ± 0,1 mmol/L vs. 1,1 ± 0,1mmol/L, p < 0,001 e 39,1% vs. 3,6%, p < 0,001, respetivamente); particularmente naqueles sob metformina comparativamente aos restantes diabéticos (2,7 ± 0,2 mmol/L vs. 1,6 ± 0,1 mmol/L, p < 0,001 e 56,9 % vs. 23,3 %, p < 0,001, respetivamente). Os diabéticos sob metformina contabilizaram uma probabilidade de hiperlactacidemia 25x superior (OR = 25,10, p < 0,05). A creatinina representou o único fator preditor independente da lactacidemia (B = 1,33; p < 0,05). Os doentes com hiperlactacidemia apresentaram probabilidade 4,4x superior de serem internados ou falecerem (OR = 4,37, p < 0,05). E, quando internados, contabilizaram tempo de internamento (21,66 ± 5,86 dias vs 13,68 ± 5,33dias, p < 0,001) e número de óbitos superiores (12,5% (n = 4) vs 4,3% (n = 2), p < 0,05).Conclusões: Demonstrou-se um risco acrescido de hiperlactacidemia em diabéticos tipo 2, particularmente naqueles sob metformina. A creatinina sérica representou o único fator preditor

  18. [Acute respiratory distress syndrome: case series, two years at an intensive care unit].

    PubMed

    Taborda, Lúcia; Barros, Filipa; Fonseca, Vitor; Irimia, Manuel; Carvalho, Ramiro; Diogo, Cláudia; Ramos, Armindo

    2014-01-01

    Introdução: A Síndrome de Dificuldade Respiratória Aguda apresenta incidência e mortalidade significativas em Cuidados Intensivos, justificando estudos adicionais, nomeadamente para definição de novas abordagens terapêuticas. Os autores propuseram-se caracterizaros casos duma Unidade de Cuidados Intensivos em dois anos.Material e Métodos: Procedeu-se a um estudo observacional retrospectivo dos casos admitidos numa Unidade de Cuidados Intensivos, cumprindo os critérios diagnósticos da American-European Consensus Conference on ARDS, tendo sido excluídos os não ventilados invasivamente. Pesquisados e submetidos a tratamento estatístico: dados demográficos, etiologia do Síndrome de Dificuldade Respiratória Aguda, comorbilidades, Índices de Gravidade, PaO2/FiO2, modalidades e parâmetros ventilatórios, compliance pulmonar, dias de ventilação mecânica invasiva, corticoterapia, terapêuticas de resgate, complicações, duração do internamento, óbitos.Resultados: Obtiveram-se 40 doentes, com uma mediana de 72,5 anos (amplitude interquartil 22) e um ratio feminino:masculino ≈1:1,86. Cinquenta e cinco por cento dos Síndrome de Dificuldade Respiratória Aguda tiveram etiologia pulmonar. A média do PaO2/ FiO2 mínimo foi 88mm Hg (IC 95%: 78,5-97,6). A média da PEEP máxima aplicada foi 12,4 cmH2O (Desvio Padrão 4,12) e a médiado Volume Corrente máximo utilizado foi 8,2 mL/Kg peso ideal (IC 95%: 7,7-8,6). A mediana dos dias de ventilação mecânica invasiva foi 10. Em 47,5% dos doentes foram administrados corticóides. Em 52,5% foi executado recrutamento alveolar. A complicação mais frequente foi a Pneumonia Associada a Ventilação (20%). A mediana da duração do internamento foi 10,7 dias (amplitude interquartil10,85). Faleceram 60% dos doentes. A probabilidade de outcome favorável ‘não óbito na Unidade de Cuidados Intensivos’ foi 4,4x superior nos doentes sob corticoterapia e 11x superior nos doentes com idade < 65 anos

  19. [Type 2 Diabetes Mellitus, Depression and Eating Disorders in Patients Submitted to Bariatric Surgery].

    PubMed

    Brandão, Isabel; Marques Pinho, Ana; Arrojado, Filipa; Pinto-Bastos, Ana; Maia da Costa, José; Coelho, Rui; Calhau, Conceição; Conceição, Eva

    2016-03-01

    Introdução: A obesidade associa-se a um elevado número de comorbilidades, entre as quais a diabetes mellitus tipo 2 e a patologia psiquiátrica. A cirurgia bariátrica tem demonstrado ser a melhor solução para a perda de peso e a melhoria das complicações nos casos de obesidade mórbida. O objetivo deste estudo é o de analisar a evolução da diabetes mellitus tipo 2 e de variáveis psicopatológicas antes e depois da cirurgia bariátrica e verificar o seu impacto na perda de peso. Material e Métodos: É um estudo longitudinal, que avalia 75 indivíduos antes e depois de serem submetidos a cirurgia bariátrica (47 - banda gástrica; 19 - bypass Roux-en-Y gástrico; 9 - sleeve gástrico), com tempo de follow-up entre 18 e 46 meses. Os instrumentos de avaliação foram a entrevista clínica e os questionários Eating Disorder Examination questionnaire - EDE-Q e Beck Depression Inventory - BDI. Resultados: Verificou-se melhoria relativamente à variável dicotómica diabetes mellitus tipo 2 após a cirurgia (X(1) = 26,132, p < 0,001). Não ocorreu melhoria significativa em termos de patologia psiquiátrica quando a análise foi controlada para o tipo de cirurgia. Encontrámos uma associação significativa entre as variáveis em estudo no pós-cirúrgico e a perda de peso. Este modelo explica 27% da variação do peso após a cirurgia (R2 = 0,265) e é significativo F (3,33) = 2,981, p = 0,038. Discussão: A diabetes mellitus tipo 2, patologia depressiva ou do comportamento alimentar mostraram estar relacionados com a perda de peso. Não ficou esclarecido em que sentido esta relação é estabelecida, nem a relação que estas variáveis metabólicas e psicológicas possam ter entre si ao longo do período pós cirurgia bariátrica. Conclusão: A diabetes mellitus tipo 2 evoluiu favoravelmente após a cirurgia. Diabetes mellitus tipo 2, depressão e patologia alimentar no período pós-cirúrgico associaram-se a menor perda de peso. As variáveis estudadas no

  20. [Study on Portuguese Medical Schools' Learning Conditions: A National Analysis on Student Satisfaction, Student-Tutor Ratios and Number of Admissions].

    PubMed

    Grilo Diogo, Pedro; Moreira, Afonso; Coimbra, Ana; Coelho Silva, Ana; Nixon Martins, Artur; Mendonça, Carlos; Carvalho, Constança; Almeida, Gonçalo; Almeida, Hugo; Garcia Moreira, Inês; Rodrigues, Marta; Goulão, Miguel; Vasconcelos, Rafael; Vicente, Rodrigo; Magano, Sara

    2016-05-01

    Introdução: Os ambientes de ensino clínico e não clínico, bem como as condições de avaliação e estudo, influenciam a satisfação estudantil com as Escolas Médicas. Os rácios estudante-tutor podem ter impacto na perceção sobre o ensino em meio clínico. Este estudo tem como objetivo analisar a satisfação dos estudantes de Medicina e os rácios estudante-tutor em relação com o número de admissões das Escolas Médicas. Materiais e Métodos: Foi criado um questionário sobre os ambientes de aprendizagem, avaliação e estudo em oito Escolas Médicas, distribuído a 2037 estudantes. Calculou-se o alfa de Cronbach (consistência interna) e executou-se uma análise de componentes principais. Resultados: Condições de avaliação obtiveram os melhores resultados de satisfação, enquanto o ensino em meio clínico revelou as menores pontuações. O rácio estudante-tutor nacional em disciplinas clínicas (7,53) traduz diferenças significativas entre Escolas. Instituições com maior número de admissões evidenciam resultados inferiores de satisfação estudantil (r= -0,756; p < 0,05), com redução progressiva ao longo do curso. Elevados rácios estão correlacionados com baixa satisfação com o ensino em meio clínico (r= -0,826; p < 0,05). Discussão: O ensino em meio clínico evidencia menor satisfação estudantil, traduzindo os elevados rácios em disciplinas clínicas. Dependendo do número de admissões, existem diferenças significativas entre Escolas. A qualidade das estratégias de ensino-aprendizagem e articulação hospitalar podem igualmente ser variáveis importantes. Conclusão: As Escolas com maior número de admissões podem ser mais suscetíveis a baixos resultados de satisfação estudantil. Elevados rácios estudante-tutor em disciplinas clínicas podem reduzir a qualidade do ensino em meio clínico e inibir a aquisição de competências.

  1. EXPERIENCE WITH THE BRAZILIAN NETWORK FOR STUDIES IN REPRODUCTIVE AND PERINATAL HEALTH: THE POWER OF COLLABORATION IN POSTGRADUATE PROGRAMS.

    PubMed

    Cecatti, José G; Silveira, Carla; Souza, Renato T; Fernandes, Karayna G; Surita, Fernanda G

    2015-01-01

    , contribuem para a disseminação do conhecimento e estruturação da pesquisa em saúde. Diversas vantagens são atribuídas ao trabalho em rede como: a inclusão de maior número de participantes nos estudos; gerar evidências mais fortes e com maior representatividade da população (generalização secundária e validade externa); maior facilidade das publicações oriundas dos estudos serem aceitas em periódicos de impacto e abrangência; maior probabilidade de obtenção de verbas para financiamento; maior facilidade na coleta de dados sobre condições raras; inclusão de participantes de diferentes grupos étnicos e culturas, entre outras. No Brasil a Rede Brasileira de Estudos em Saúde Reprodutiva e Perinatal foi criada em 2008 com o objetivo inicial de desenvolver rede nacional de cooperação científica para vigilância da morbidade materna grave. Desde sua formação, cinco estudos foram desenvolvidos, alguns já encerrados e outros em fase de finalização, com outros dois em fase final de implantação. Os resultados das atividades desta Rede têm sido bastante produtivos e impactaram positivamente não apenas no Programa de Pós-Graduação em Tocoginecologia da Universidade Estadual de Campinas, seu centro coordenador, mas também o de outros centros participantes, uma vez que expressivo número de artigos científicos foi publicado, mestrados e doutorados foram defendidos e pós-doutorados finalizados, de alunos de diversas áreas da saúde, de diferentes regiões e de várias instituições de todo o país, com alto impacto social dada a relevância dos temas estudados para o país.

  2. Teaching astronomy mediated by information and communication technologies: a preliminary approach

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Rosa, R. H. L.; Voelzke, M. R.

    2014-08-01

    O presente trabalho é parte preliminar de um estudo mais amplo em nível de doutorado sobre o ensino de astronomia mediado pelas tecnologias da informação e comunicação, utilizando dispositivos compactos, móveis e pessoais. Este estudo também faz parte do projeto institucional do CEFETMG sobre ambientes diversificados de aprendizagem sob fomento da agência estadual FAPEMIG (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais). Esta apresentação aborda o resultado das concepções prévias de estudantes em relação a conhecimentos básicos de astronomia, ligados à percepção e observação direta do céu. Três turmas de estudantes de 1ª série e uma turma de 3ª série do ensino integrado médio técnico da Educação Básica, Técnica e Tecnológica (EBTT) do CEFETMG Campus II - Belo Horizonte/MG foram submetidas a uma avaliação prévia através de questionário estruturado. Este questionário foi elaborado de forma a abordar a percepção dos estudantes em relação aos recursos gráficos (figuras e desenhos) representativos de conhecimentos básicos de astronomia, comuns em livros didáticos. Após a análise dos resultados desta avaliação, organizou-se uma estratégia de intervenção didática em sala de aula sobre o conteúdo de astronomia, utilizando-se de recursos de mediação baseados nas tecnologias da informação e comunicação. Os temas selecionados para esta estratégia didática foram relacionados aos assuntos básicos de astronomia em que ocorreu maior nível de desconhecimento dos estudantes. Os estudantes foram submetidos a avaliação posterior elaborada com os mesmos pressupostos da avaliação prévia. A análise dos resultados foi realizada a partir dos pressupostos da aprendizagem significativa (Ausubel; Novak e Hanesian, 1983). O ensino de astronomia por mediação das tecnologias da informação e comunicação indica uma alternativa preliminar aos trabalhos de campo usuais orientados na prática escolar, tais

  3. Apparent Motion of the Sun, Shadows of Objects and Measurement of Time in the View of Seventh Grade Students of Middle School. (Breton Title: Movimento Aparente do Sol, Sombras dos Objetos e Medição do Tempo na Visão de Alunos do Sétimo Ano do Ensino Fundamental.) Movimiento Aparente del Sol, Sombras de los Objetos y Medición del Tiempo en la Visión de Estudiantes del Séptimo Grado del Ciclo Pirmario

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Iria Machado, Daniel

    2013-07-01

    analemático, conduzida por um monitor. Uma proporção significativa de estudantes desconhecia inicialmente a maioria dos fenômenos tratados. A intervenção realizada colaborou para uma parte dos alunos assimilar novos conceitos, propiciando o contato com novos fenômenos e, em menor grau, a elaboração de explicações a respeito destes, indicando um potencial educativo dessa ação. Porém, a contribuição para o entendimento de algumas das ideias exploradas foi pequena, apontando para a necessidade de se fazer observações, estudos e discussões complementares. El movimiento aparente del Sol en la esfera celeste y el comportamiento de las sombras de los objetos a lo largo del tiempo son fenómenos observables en la vida cotidiana. Sin embargo, los estudiantes a menudo no tienen una adecuada comprensión de dichos problemas, e incluso pueden mostrar conceptos erróneos acerca de ellos. Por lo tanto, se realizó una investigación a fin de conocer las nociones de los estudiantes acerca de estas cuestiones y evaluar la contribución a su comprensión proporcionada por una actividad realizada con un reloj de Sol interactivo, en un entorno informal de aprendizaje. Se investigaron las ideas de 43 estudiantes del séptimo grado del ciclo primario mediante la aplicación de un test con preguntas abiertas antes y después de una actividad con un reloj de Sol analemático, dirigida por un monitor. Una proporción significativa de los estudiantes inicialmente desconocía la mayoría de los fenómenos tratados. La intervención realizada contribuyó para que los estudiantes asimilasen nuevos conceptos, proporcionando el contacto con nuevos fenómenos y, en menor medida, desarrollasen explicaciones acerca de estos, lo que indica un potencial educativo de esta acción. Sin embargo, la contribución a la comprensión de algunas de las ideas exploradas fue pequeña, lo que apunta a la necesidad de hacer observaciones, estudios y debates adicionales.

  4. Traumatic brain injury in Portugal: trends in hospital admissions from 2000 to 2010.

    PubMed

    Dias, Celeste; Rocha, João; Pereira, Eduarda; Cerejo, António

    2014-01-01

    Introdução: O traumatismo crânio-encefálico tem um impacto sócio-económico considerável, sendo uma importante causa de mobimortalidade, frequentemente causador de incapacidade permanente. Procuramos caracterizar a utilização dos recursos de saúde de adultos com traumatismo crânio-encefálico em Portugal entre 2000-2010. Material e Métodos: Estudo retrospectivo de registos de adultos com código ICD9 de traumatismo crânio-encefálico incluídos na Base-de-Dados Nacional de Grupos Diagnósticos Homogéneos de 2000-2010. Realizamos uma análise estatística descritiva e avaliamos as tendências durante a década. Resultados: Analisamos 72 865 admissões em 111 hospitais, 64,1% do sexo masculino, idade média de 57,9 ± 21,8 anos (18-107). Encontramos uma diminuição no número de traumatismo crânio-encefálico em pacientes jovens e um aumento nos mais velhos. O número de acidentes de trânsito diminuiu e o número de quedas aumentou. Houve um aumento de traumatismos crânio-encefálicos moderados-graves internados: 47,2% em 2000 / 80% em 2010. O número de admissões em Cuidados Intensivos quase duplicou (15,8% vs 29,5%), assim como o número de procedimentos neurocirúrgicos efectuados (8,2% vs 15,2%). A mortalidade total aumentou de 7,1% para 10,6%. Discussão: A diminuição do traumatismo crânio-encefálico observada pode estar associada com as campanhas de prevenção rodoviária, melhoria da rede rodoviária e políticas de saúde. O aumento da mortalidade poderá ser explicado pelo melhor atendimento pré-hospitalar, permitindo que casos mais graves cheguem ao hospital com vida e, embora tratados com mais frequência em Cuidados Intensivos e exigindo procedimentos neurocirúrgicos, vêm a falecer. Por outo lado, o aumento da idade dos doentes presumivelmente com maiores co-morbilidades associadas ao envelhecimento também estará a contribuir para a maior mortalidade. Conclusão: O traumatismo crânio-encefálico em Portugal está a mudar

  5. População estelar jovem em galáxias irregulares próximas

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Guimarães, T. A.; Telles, E.

    2003-08-01

    A análise do conteúdo estelar de galáxias próximas através da fotometria das suas estrelas resolvidas nos fornece informações importantes sobre a história de formação estelar e os processos de formação estelar em galáxias, que estão diretamente ligados ao estudo de evolução de galáxias. Quando nenhuma estrela puder ser resolvida o método mais poderoso consiste na análise do conteúdo estelar integrado das galáxias através das suas cores integradas em conjunto com informação espectroscópica que combinados com modelos de síntese evolutiva podem restringir simultaneamente a função de massa inicial (IMF) e a taxa de formação estelar (SFR). Nesse contexto, galáxias do tipo tardio, em particular, irregulares, são relevantes por várias razões: elas são objetos relativamente simples, com alta atividade de formação estelar e são objetos relativamente jovens (geralmente apresentam baixas abundâncias de elementos pesados e grande quantidade de gás). Apresentamos uma análise fotométrica de uma amostra de 7 galáxias do tipo tardio do universo local (NGC 2366, NGC 4395, NGC 4656, NGC 4214, NGC 4236, HOII, IC2574) que foram observadas com uma boa resolução espacial nas bandas B, V e R no telescópio Isaac Newton de 2.5m de Roque de los Muchachos nas Ilhas Canárias, Espanha. A distribuição espacial da população estelar jovem dessas galáxias é discutida sobre os pontos de vista dos íindices de cor integrados e dos seus diagramas cor magnitude, que comparados com isócronas teóricas, nos fornecem informações sobre os eventos de formação estelar, como por exemplo, indicações sobre a idade dos mesmos. As principais conclusões do trabalho podem ser resumidas em: (i) As galáxias irregulares possuem formação estelar recente (FE) espalhada ocorrendo nos últimos 50 Manos; (ii) A formação estelar em galáxias irregulares não é auto-propagante em escalas globais ( > 100 pc) ; (iii) A FE pode ser auto-regulável em escalas

  6. [Allergic contact dermatitis to metals over a 20-year period in the Centre of Portugal: evaluation of the effects of the European directives].

    PubMed

    Teixeira, Vera; Coutinho, Inês; Gonçalo, Margarida

    2014-01-01

    Introdução: Os metais são causa frequente de dermatite de contacto alérgica. Desde a introdução da Directiva Comunitária do Níquel (1994/27/CE; 2004/96/CE) e, mais recentemente, da Directiva do Cimento (2003/53/CE), nos países nórdicos tem havido uma diminuição da sensibilização aos metais. A aplicabilidade destas medidas e o seu impacto permanece por avaliar em Portugal. Material e Métodos: Foi realizado um estudo retrospectivo (1992-2011) na Consulta de Alergologia Cutânea com o principal objectivo de analisar a variação dos padrões de sensibilização aos metais (níquel [Ni], cobalto [Co] e crómio [Cr]) ao longo de 20 anos, em particular no que se refere ao género, grupo etário e relação com a actividade profissional. Resultados: Do total de 5 250 doentes estudados, em 1 626 (31%) observámos pelo menos um teste epicutâneo positivo a um metal (26,5% ao Ni; 10,0% ao Co e 7,0% ao Cr). A prevalência de sensibilização ao Ni era significativamente maior nas mulheres (34,4% versus 8,9%) e ao Cr nos homens (11,5% versus 5,0%). Não houve diminuição significativa da sensibilização ao Ni ao longo dos 20 anos, mas o contributo da faixa etária dos 16-30 anos no total de mulheres sensíveis a este metal decresceu de forma significativamente estatística ao longo dos anos (p < 0,001). A sensibilização ao Cr decresceu sobretudo nos homens (r = -0,535), muito particularmente nos casos relacionados com a construção civil (r = -0,639), enquanto a reatividade ao Cr relacionado com o uso de calçado se manteve estável. Discussão: A manutenção dos elevados níveis de sensibilização ao níquel denota ainda uma fraca implementação das Directivas comunitárias mas a redução da percentagem de mulheres jovens poderá significar já algum efeito positivo nesta faixa etária. Ao contrário, a Directiva referente à redução do Cr no cimento parece estar a ter os seus efeitos positivos. Há, contudo, necessidade de interferir com o conte

  7. População nuclear e extranuclear em rádio-galáxias

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Raimann, D. I.; Storchi-Bergmann, T.; Quintana, H.; Alloin, D.; Hunstead, R.; Wisotzki, L.

    2003-08-01

    A natureza do contínuo UV/ótico em rádio-galáxias é muito importante para o seu entendimento. Em baixos redshifts existem evidências de que muitas delas são dominadas no ótico por luz de estrelas velhas, características de galáxias early-type e em altos redshifts a característica dominante é um excesso de luz no UV, freqüentemente associado com estruturas que estão alinhadas aos eixos das estruturas rádio em grande escala. Inicialmente esse excesso foi interpretado como devido a episódios intensos de formação estelar nas galáxias hospedeiras. Entretanto, as descobertas dos alinhamentos entre as estruturas UV e rádio modificaram essa idéia. Foi proposto que a formação estelar é iniciada pela passagem do jato rádio através do meio interestelar das galáxias hospedeiras. A natureza do excesso UV começou a ser compreendida em um estudo detalhado do continuo ótico da 3C321, onde se concluiu que o contínuo desta galáxia tem origem multicomponente, com contribuições de populações velhas e intermediárias, de luz espalhada oriunda de um quasar obscurecido e do contínuo nebular. No presente trabalho estudamos a população nuclear e extranuclear de uma amostra de 24 rádio-galáxias, utilizando espectros óticos de fenda longa, com alta razão sinal/ruído. Através do método de síntese espectral de populações estelares, foram estimadas as contribuições de populações estelares de diferentes idades (e de um contínuo tipo lei de potência devido a um AGN, FC) para a luz integrada das galáxias, em 4020Å. As principais conclusões deste trabalho são: apenas quatro dos objetos estudados têm contribuições significativas (maiores do que 10%) das populações de 100 milhões de anos ou mais jovens (ou de FC) ao longo da região espacial estudada (6 kpc centrais); nenhuma das rádio-galáxias de tipo FRI estudadas tem contribuição significativa destas populações ao longo desta região; duas (de oito) de tipo FRII tem contribui

  8. Treatment of inflammatory bowel disease: is your patient at risk of non-adherence?

    PubMed

    Magalhães, Joana; Dias de Castro, Francisca; Boal Carvalho, Pedro; Leite, Sílvia; Moreira, Maria João; Cotter, José

    2014-01-01

    Introdução: A adesão à terapêutica é um aspecto chave para a eficácia da terapêutica. O objectivo deste estudo foi avaliar a frequência e factores de risco associados à não adesão à terapêutica na doença inflamatória intestinal.Material e Métodos: Cento e trinta e oito doentes com doença inflamatória intestinal (55,8% com Doença de Crohn e 44,2% com Colite Ulcerosa) preencheram um questionário sobre dados referentes à sua doença e comportamentos de não adesão ao tratamento. A análise estatística foi realizada com SPSS 18, a associação entre variáveis categóricas foi determinada através do teste exato de Fisher. Variáveis estatisticamente significativas na análise univariada foram incluídas no modelo de regressão logística.Resultados: A não-adesão à terapêutica foi registada em 29,7% dos doentes. Em 70,7% dos casos foram referidos comportamentos não intencionais e 51,2% esqueceram pelo menos uma dose por semana. A não-adesão à terapêutica apresentou uma associação significativa com o diagnóstico recente da doença (p < 0,001), idade jovem (p = 0,001), aminossalicilatos tópicos (p = 0,005), percepção individual de baixa eficácia da terapêutica (p = 0,007) e uma escolaridade elevada (p = 0,011). No modelo de regressão logística os aminossalicilatos tópicos (p = 0,004), o diagnóstico recente da doença (p = 0,006) e a idade jovem (p = 0,027), foram identificados como preditores de não adesão à terapêutica.Discussão: Doentes jovens, com diagnóstico recente e sob terapêutica com aminossalicilatos tópicos apresentaram um maior risco para comportamentos de não adesão.Conclusões: A atenção dos gastrenterologistas deve focar-se na identificação dos fatores de risco envolvidos na não adesão e na promoção de medidas que contribuam para a diminuição da mesma.

  9. [Meningococcal disease admissions in a paediatric intensive care unit].

    PubMed

    Mação, Patrícia; Januário, Gustavo; Ferreira, Sofia; Dias, Andrea; Dionísio, Teresa; Pinto, Carla; Carvalho, Leonor

    2014-01-01

    Introdução: A infecção meningocócica tem uma elevada mortalidade e morbilidade em crianças. O tratamento agressivo do choque, a referenciação precoce, o transporte secundário especializado e a vacinação são factores com impacto potencial na redução da mortalidade. Foram objectivos caracterizar as crianças com doença invasiva meningocócica admitidas em cuidados intensivos, avaliar parâmetros de gravidade e mortalidade. Material e Métodos: Estudo observacional, cujo método de colheita de dados foi retrospectivo. Foram constituídos dois períodos, de seis anos cada, de acordo com o ano de admissão (A: 2000-2005 e B: 2006-2011) e nestes compararam-se índices de gravidade, disfunção orgânica e mortalidade. Resultados: Foram admitidas 70 crianças com doença invasiva meningocócica. Quando comparadas com as outras causas verificouse uma redução nas admissões por doença invasiva meningocócica (período A: 3,4%; período B: 1,5%; p = 0,001). A ocorrência de meningite foi de 41% no período A e de 29% no período B (p = 0,461). Tiveram púrpura rapidamente progressiva 78% no período A e 50% no período B (p = 0,0032). As crianças do período A tiveram disfunção multi-órgão (80%), coagulação intravascular disseminada (76%) e coma (22%) mais frequentemente que as crianças do período B (29%, 29%, 0%; p < 0,05). A mortalidade foi 26% no período A e 0% no período B (p = 0,006) e a mortalidade estandardizada pelo PRISM foi 1,3 e 0 no período A e B respectivamente. Discussão: A redução do número de admissões por doença menigocócica invasiva pode ser explicada pela introdução da vacina anti-meningocócica C em 2006. Pensa-se que a redução da mortalidade observada, possa ser atribuível à melhoria da estabilização inicial e ao transporte secundário. Conclusão: Nos últimos anos houve uma redução significativa no número de admissões e na mortalidade por doença invasiva meningocócica.

  10. [Brucellar spondylodiscitis: case series of the last 25 years].

    PubMed

    Lebre, Ana; Velez, Jorge; Seixas, Diana; Rabadão, Eduardo; Oliveira, Joaquim; Saraiva da Cunha, J; Silvestre, A Meliço

    2014-01-01

    Introdução: A brucelose é uma zoonose endémica em Portugal, sendo a espondilodiscite brucélica uma das manifestações focaismais frequentes. Pode provocar sequelas graves, apesar da terapêutica dirigida.Material e Métodos: Estudo retrospectivo dos processos dos doentes com espondilodiscite brucélica, internados no Serviço de Doenças Infecciosas do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra, num período de 25 anos (1988-2012).Resultados: Foram identificados 54 doentes, 55,6% do sexo masculino, com idade média de 54,8 anos. Em 81,5% identificou-se contexto epidemiológico, maioritariamente contacto com gado ovino e caprino. A duração da sintomatologia prévia ao diagnóstico foi de 5,5 meses. Os sinais e sintomas mais frequentes foram: dor (98,1%), febre (46,3%) e défices neurológicos (25,9%). A ressonância magnética nuclear da coluna foi o exame imagiológico mais usado (77,8%) evidenciando abcessos em 29,6% dos doentes. A localizaçãolombar predominou (77,7%). O diagnóstico etiológico foi confirmado em 47 doentes (87,0%): microbiologicamente (3 doentes), serologicamente (32 doentes) ou por ambos (12 doentes). As associações de doxiciclina com rifampicina (64,8%), ou estreptomicina (24,1%) foram as mais utilizadas, com duração média de 4,4 meses de tratamento. Um doente teve indicação cirúrgica para drenar abcesso. A evolução foi maioritariamente favorável (92,6%), sem óbitos.Discussão: A investigação de contexto epidemiológico revelou ser uma peça importante na suspeita do diagnóstico. O tratamento da brucelose osteoarticular ainda é controverso.Conclusões: A espondilodiscite brucélica deve ser considerada no diagnóstico diferencial dos doentes com lombalgia, mesmo naausência de febre, particularmente em regiões onde a doença é endémica. O esquema antibiótico, sua duração e a necessidade de cirurgia deverão ser individualizados, com vista a um melhor prognóstico. O número de casos tem diminuído ao longo dos

  11. Hyperplastic polyp? Look again... the impact of the new classification for serrated polyps.

    PubMed

    Fidalgo, Catarina; Santos, Liliana; Rosa, Isadora; Fonseca, Ricardo; Lage, Pedro; Claro, Isabel; Chaves, Paula; Dias Pereira, António

    2014-01-01

    Introdução: A Organização Mundial de Saúde reviu a classificação para os pólipos serreados do cólon em 2010. Uma nova entidade, o adenoma serreado séssil, foi incluída com duas variantes: com e sem displasia citológica. O potencial de malignização desta lesão foi reconhecido e, de acordo com a nova classificação, muitos pólipos poderão ser reclassificados. O impacto desta mudança ainda não foi aferido. Objectivo: Analisar a proporção de lesões reclassificadas de acordo com a nova classificação da Organização Mundial de Saúde e as variáveis que a influenciaram. Material e Métodos: Todos os doentes com pelo menos um adenoma serreado séssil diagnosticado num período de cinco anos foram incluídos. Todos os pólipos (independentemente do tipo histológico) ressecados durante o período considerado foram revistos. Recolhidas variáveis dos pólipos e dados dos doentes. Incluídos 40 doentes consecutivos [13 mulheres, idade média no diagnóstico do 1º adenoma serreado séssil - 59 anos (34-80)]. Resultados: Revistos 247 pólipos: hiperplásicos - 42%; adenomas convencionais - 29%; adenoma serreado séssil - 24%; adenomas serreados-5%. Reclassificados 63 pólipos: 43 hiperplásicos, 12 adenomas serreados, 7 adenoma serreado séssil e 1 adenoma convencional com displasia de baixo brau. A reclassificação foi significativamente mais provável para os pólipos hiperplásicos em relação aos outros subtipos. 41% (43/104) dos pólipos hiperplásicos foram reclassificados como adenoma serreado séssil. Para estes pólipos a probabilidade de reclassificação foi independente da localização mas maior se a dimensão ≥ 5 mm. Discussão: Este é um estudo rectrospectivo que foi conduzido num único Centro Oncológico de Referenciação com uma Clínica de Risco Familiar associada, o que pode ter influenciado os resultados. No entanto, a elevada taxa de reclassificação para os pólipos hiperplásicos e o facto de estes terem sido

  12. Educacao Intercultural e a Dificuldade de sua Pratica: Um Estudo da Imagem do Migrante e sua Familia em Livros Didaticos Alemaes. (Intercultural Education and the Difficulty of Its Practice: A Study of the Image of the Migrant and His Family in German Textbooks.)

    ERIC Educational Resources Information Center

    Weller, Wivian

    1995-01-01

    Provides a brief historical report on pedagogical efforts to improve the integration of migrants and their families into German society. Examines the way in which the migrants' social situation has been dealt with in textbooks, particularly in books on politics, history, geography, and occupational education. (PA)

  13. [Therapeutic plasma exchange: applications in neurology].

    PubMed

    Láinez-Andrés, José M; Gascón-Giménez, Francisco; Coret-Ferrer, Francisco; Casanova-Estruch, Bonaventura; Santonja, José M

    2015-02-01

    Introduccion. El recambio plasmatico es una tecnica utilizada en el tratamiento de algunas enfermedades neurologicas de base autoinmune desde los años ochenta, especialmente en situaciones agudas. En los ultimos años se han publicado nuevos datos sobre su empleo en numerosas entidades con base autoinmune, ampliando, con ello, el espectro de utilizacion. Objetivo. Actualizar las indicaciones de esta tecnica en el tratamiento de las enfermedades neurologicas. Desarrollo. Se ha realizado una revision exhaustiva de todos los articulos publicados desde los años ochenta sobre la eficacia del recambio plasmatico en el tratamiento de las diferentes enfermedades neurologicas. Tambien se ha efectuado un analisis detallado de las recomendaciones y evidencias de la utilizacion de este procedimiento por parte de las diferentes sociedades cientificas. Conclusiones. El recambio plasmatico ha demostrado ser una alternativa eficaz con evidencia cientifica de primer nivel en enfermedades como el sindrome de Guillain-Barre, la polineuropatia desmielinizante inflamatoria cronica o la miastenia grave. Ha mostrado ser eficaz en el tratamiento de episodios desmielinizantes agudos sin respuesta a otras terapias, en los brotes de neuromielitis optica y en otras enfermedades del sistema nervioso central producidas por anticuerpos. En los estudios comparativos con inmunoglobulinas intravenosas, la eficacia de ambas terapias es similar. Es preciso seguir realizando estudios comparativos para conocer mejor los mecanismos y establecer indicaciones prioritarias y comparar la relacion coste-eficacia de ambos procedimientos.

  14. Antibiotic treatments in zootechnology and effects induced on the food chain of domestic species and, comparatively, the human specie.

    PubMed

    Palmieri, Beniamino; Di Cerbo, Alessandro; Laurino, Carmen

    2014-06-01

    Introducción: los antibióticos se emplean ampliamente en la alimentación zootécnica para proteger a las especies humana y animal de las zoonosis por agentes infecciosos patogénicos. Objetivo: dado el creciente número de enfermedades relacionadas con la dieta (p. ej., intolerancias alimentarias), investigamos los efectos tóxicos inducidos por los residuos antibióticos, oxitetraciclinas, presentes en los alimentos industriales tanto sobre la salud humana como animal. Se destacan los productos zootécnicos obtenidos de la transformación industrial de los huesos animales y sus efectos tóxicos relacionados. Métodos: análisis comparativo de las publicaciones realizadas desde 1910 hasta 2014. Resultados: el análisis comparativo reveló la presencia de residuos de oxitetraciclina y otros antibióticos en alimentos pensados para el consumo humano y animal, lo que produjo efectos tóxicos multisistémicos. Discusión: el metabolismo y las posibles medidas para evitar la exposición a la oxitetraciclina también se han examinado, sin embargo, se precisa de un conocimiento más detallado de los efectos bioquímicos de tal clase de antibióticos.

  15. Difficulties of First Years Elementary School Teachers with the Teaching of Astronomy. (Breton Title: Dificuldades de Professores dos Anos Iniciais do Ensino Fundamental em Relação ao Ensino da Astronomia. ) Dificultades de LOS Profesores de los Primeros Años de la Escuela Primaria en Relación a la Enseñanza de la Astronomía

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Langhi, Rodolfo; Nardi, Roberto

    2005-12-01

    programa de formação continuada neste tema. O estudo se justifica mediante o fato de que planejamentos de cursos como estes só se adequarão à realidade do professor (e do aluno) se houver uma investigação antecipada sobre o que os docentes precisam saber e saber fazer a respeito da Astronomia, o que se concretizou em nosso caso pela interpretação dos discursos de uma amostra de professores coletados através de entrevistas semi-estruturadas, utilizando para interpretação os princípios e métodos da análise do discurso em sua linha francesa. Os resultados da pesquisa indicaram dificuldades de ordem pessoal, metodológica, de formação, de infra-estrutura e outras relacionadas às fontes de informações para docentes. Este artículo que relata las dificultades de los profesores en relación a la enseñanza da laAstronomía es parte de un estudio preliminar para la implantación dela Astrnomía enla formación de profesores de ls primeros años del ciclo primario.El estudio considera las concepciones alternativas de alumnos y profesores respecto a los fenómenos astronómicos, los errores conceptuales en los libros didácticos y las sugerencias de contenidos de Astronomía que constan en los Parámetros Curriculares Nacionales del Brasil. Caracterizar las dificultades de los profesores constituye la cuestión central de este texto, apuntando para el objetivo de contribuir para un futuro programa de educación contínua en este tema. El estudio se justifica mediante el hecho que la planificación de cursos de este tipo solo se adecuarán a la realidade del profesor (y del alumno) si existe una investigación anterior a respecto de lo que los docentes precisan saber y saber realizar en Astronomía, lo cual se concretó en nuestro caso por medio de la interpretación de los discursos de una muestra de profesores obtenidos através de entrevistas semiestructuradas, utilizand para esta interpretación los principios y métodos de análisis del discurso en su l

  16. Difficulties of First Years Elementary School Teachers with the Teaching of Astronomy. (Breton Title: Dificuldades de Professores dos Anos Iniciais do Ensino Fundamental em Relação ao Ensino da Astronomia. ) Dificultades de LOS Profesores de los Primeros Años de la Escuela Primaria en Relación a la Enseñanza de la Astronomía

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Langhi, Rodolfo; Nardi, Roberto

    2005-12-01

    programa de formação continuada neste tema. O estudo se justifica mediante o fato de que planejamentos de cursos como estes só se adequarão à realidade do professor (e do aluno) se houver uma investigação antecipada sobre o que os docentes precisam saber e saber fazer a respeito da Astronomia, o que se concretizou em nosso caso pela interpretação dos discursos de uma amostra de professores coletados através de entrevistas semi-estruturadas, utilizando para interpretação os princípios e métodos da análise do discurso em sua linha francesa. Os resultados da pesquisa indicaram dificuldades de ordem pessoal, metodológica, de formação, de infra-estrutura e outras relacionadas às fontes de informações para docentes. Este artículo que relata las dificultades de los profesores en relación a la enseñanza da laAstronomía es parte de un estudio preliminar para la implantación dela Astrnomía enla formación de profesores de ls primeros años del ciclo primario.El estudio considera las concepciones alternativas de alumnos y profesores respecto a los fenómenos astronómicos, los errores conceptuales en los libros didácticos y las sugerencias de contenidos de Astronomía que constan en los Parámetros Curriculares Nacionales del Brasil. Caracterizar las dificultades de los profesores constituye la cuestión central de este texto, apuntando para el objetivo de contribuir para un futuro programa de educación contínua en este tema. El estudio se justifica mediante el hecho que la planificación de cursos de este tipo solo se adecuarán a la realidade del profesor (y del alumno) si existe una investigación anterior a respecto de lo que los docentes precisan saber y saber realizar en Astronomía, lo cual se concretó en nuestro caso por medio de la interpretación de los discursos de una muestra de profesores obtenidos através de entrevistas semiestructuradas, utilizand para esta interpretación los principios y métodos de análisis del discurso en su l

  17. O Passado como Nacao: Imagens do Imperio nas Falas Reacionarias dos Anos 30 e 40 do Seculo XX: Uma Pequena Arqueologia do Debate Publico e Privado (The Past as Nation: Images of the Empire in the Reactionary Words of the 30s and 40s in the 20th Century: A Small Archaeology of the Public Debate versus the Private One).

    ERIC Educational Resources Information Center

    de Freitas, Marcos Cezar

    1998-01-01

    Suggests an archaeology of the public debate versus the private one in Brazil through analysis of the reactionary speech of a religious leader, Dom Jose Mauricio da Rocha, which produced innumerable representations of the Brazilian Empire. (PA)

  18. [Birth rate and fertility: knowledge and expectations analysis of 3585 university students].

    PubMed

    Machado, Maria do Céu; Alves, Maria Isabel; Couceiro, Luísa; Silva, Francisco Goiana da; Morais de Almeida, Miguel; Alves, Isa

    2014-01-01

    Introdução: Em Portugal, a taxa de natalidade não é suficiente para assegurar a renovação de gerações. A licenciatura e participação no mercado de trabalho das mulheres e a actual instabilidade económica são alguns determinantes e têm como consequência, o adiamento da parentalidade e infertilidade condicionada ainda pela obesidade, tabagismo e álcool.Material e Métodos: Estudo epidemiológico transversal, analítico, através de questionários auto-preenchidos, online, divulgados pelas Associações de estudantes das Universidades Portuguesas. A análise estatística da amostra de 3585 estudantes foi desenvolvida em SPSS, Excel nas representações gráficas e ArcMap, para os mapas.Resultados: Predomínio de estudantes de Ciências de Saúde (40,6%), da Universidade de Lisboa (59,4%) e sexo feminino (76,9%), mediana de idades de 22 anos; tabagismo 18,4%, consumo de álcool 22,3% e excesso de peso e obesidade 15,4%; intenção de casamento/união de facto 71,0%, projecto de parentalidade 85,7%; o emprego (47,4%) e a vontade do parceiro (39,9%) foram considerados determinantes na probabilidade de ter filhos assim como a segurança financeira para boa educação (33,6%) e cuidados de saúde (38,6%); 53,6% consideram a hipótese de infertilidade. Encontrámos valores mais elevados e significativos para o tabagismo (p = 0,001) e consumo de álcool (p = 0,000) no sexo masculino.Discussão: Consideramos a amostra representativa, bem distribuída pelas áreas de estudo, a maioria jovem, predomínio feminino superior aos rácios das faculdades. Há mais estudantes com projectos de parentalidade do que de casamento/união de facto, o que está de acordo com a evolução em Portugal. No entanto, os mesmos estudantes identificam a família como prioritária relativamente ao emprego e carreira. A decisão da parentalidade é condicionada pelas condições socioeconómicas mas um factor importante a considerar é uma baixa fertilidade biológica devida ao

  19. Acute Ischemic Stroke on Cancer Patients, a Distinct Etiology? A Case-Control Study.

    PubMed

    Carrilho Romeiro, Ana; Valadas, Anabela; Marques, José

    2015-01-01

    Introdução: Actualmente ainda não se encontra claramente definido se a etiologia do acidente vascular cerebral isquémico agudo difere entre doentes com e sem cancro. O acidente vascular cerebral isquémico e o cancro apresentam factores de risco comuns. No entanto, a literatura sugere que os doentes com cancro apresentam condições específicas que aumentam o risco de acidente vascular cerebral. O nosso objectivo foi comparar a etiologia do acidente vascular cerebral isquémico entre doentes com cancro e sem cancro. Material e Métodos: Estudo de caso-controlo realizado em doentes internados numa Unidade de acidente vascular cerebral entre Janeiro de 2007 e Dezembro de 2012. Os casos foram definidos como doentes com o diagnóstico concomitante de acidente vascular cerebral isquémico agudo e cancro; os controlos apenas com o diagnóstico de acidente vascular cerebral. Foram comparados entre os grupos: idade, género, factores de risco vasculares e etiologia do acidente vascular cerebral. Resultados: Foram identificados 56 casos, 64,3% do género masculino, com idade média de 71 anos; 21 doentes apresentavam doença neoplásica activa. O cancro gastrointestinal (25,9%) foi o mais frequente. Foram incluídos 151 controlos, emparelhados para a idade e género. A comparação dos factores de risco vasculares entre casos e controlos não revelou diferenças estatisticamente significativas, excepto para a diabetes mellitus, mais frequente no grupo de controlo (16,1% vs 33,8%, p = 0,02). A presença de história de eventos trombóticos prévios foi mais frequente na coorte de doentes com doença neoplásica (8,9% vs 0,7%, p = 0,007). O subtipo de etiologia do acidente vascular cerebral (classificação TOAST) âoutra etiologiaâ foi mais frequente nos doentes com cancro (13,04% vs 0,83%, p < 0,01), e a presença de um estado pró-trombótico foi mais frequente nos doentes com neoplasia activa.Discussão: Os resultados obtidos no nosso estudo permitiram definir dois

  20. [Attitudes and beliefs regarding opioid maintenance treatment in Portugal: a survey to physicians, patients and opioid users].

    PubMed

    Goulão, João

    2013-01-01

    Introdução: Existem poucos estudos pan-europeus sobre programas terapêuticos com agonistas opiáceos, tanto da perspectiva dos prescritores, como dos doentes que os recebem e dos utilizadores de opióides que se mantêm fora do sistema de tratamento. O projecto ACCESS, um estudo europeu realizado em 11 países, explorou as atitudes e percepções dos médicos, doentes e utilizadores de opióides quanto à qualidade e ao acesso aos programas terapêuticos com agonistas opiáceos. O presente artigo descreve os principais resultados para Portugal.Material e Métodos: Os médicos que tratam doentes dependentes de opióides com recurso a programas terapêuticos com agonistas opiáceos foram inquiridos por entrevista directa; os doentes em programas terapêuticos com agonistas opiáceos, os doentes que não se encontravam em programas terapêuticos com agonistas opiáceos (em tratamento não farmacológico), e os utilizadores activos (pessoas dependentes de opióides que não se encontram actualmente em tratamento) receberam questionários de auto-preenchimento.Resultados: Verificou-se que, tanto os médicos como os doentes avaliam como ‘Bom’ o tratamento dos dependentes de opióides, em Portugal. O acesso ao tratamento foi considerado ‘Fácil’ pela maioria dos doentes e dos médicos, registando-se um elevado nível de satisfação entre os doentes. Contudo, o conhecimento dos doentes quanto às opções dos programas terapêuticos com agonistas opiáceos em Portugal encontra-se ainda abaixo do nível óptimo e as doses dos fármacos dos programas terapêuticos com agonistas opiáceos são frequentemente baixas.Discussão: Os resultados do projecto ACCESS, no que diz respeito a PTAO, são encorajadores e evidenciam quer as áreas de sucesso, quer as áreas que podem ser melhoradas no futuro, no que diz respeito ao sistema de tratamento de dependências de opióides em Portugal.Conclusões: O projecto ACCESS faz uma avaliação importante das atitudes e percep

  1. Identificação de radiofontes puntiformes presentes na região observada pelo telescópio BEAST

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Oliveira, M. S.; Wuensche, C. A.; Leonardi, R.; Tello, C.

    2003-08-01

    Radiofontes extragalácticas são um dos principais contaminantes nas medidas da Radiação Cósmica de Fundo (RCF) em freqüências abaixo de 200 GHz. O estudo de seu comportamento espectral permite determinar a contribuição destas fontes às anisotropias intrísincas da RCF. Um dos experimentos recentes concebidos para estudar a RCF é o BEAST (Background Emission Anisotropy Scanning Telescope), cujos primeiros resultados foram publicados em fevereiro de 2003. Nos últimos meses, geramos mapas do céu nas freqüências de 30 GHz e 41 GHz, para um total de 648 horas de observação entre julho e outubro de 2002. Identificamos 4 fontes puntiformes extragalácticas na região do céu situada entre 0h < RA < 24 h e +32° < DEC < +42°, com relação S/R > 4,3 e situadas a pelo menos 25° acima do Plano Galáctico. Suas contrapartidas em 5 GHz, segundo o catálogo GB6, são: J1613+3412, J1635+3808, J0927+3902 e J1642+3948. Estas fontes também foram identificadas pelo satélite WMAP sendo que três coincidem com as observadas pelo BEAST dentro da incerteza do feixe do telescópio e a quarta encontra-se bastante próxima (J1613+3412), embora não seja coincidente. As estimativas preliminares de fluxos obtidas para esses objetos são, respectivamente, 0,51; 0,97; 1,08 e 1,6 Jy em 41 GHz. Usando estes resultados e medidas de fluxos em outras frequências existentes na literatura, apresentamos uma estimativa dos índices espectrais destes objetos no intervalo de frequências entre 4,85 GHz e 41 GHz.

  2. Perception of hypertensive patients about their non-adherence to the use of medication.

    PubMed

    Marin, Nadia Sanches; Santos, Mariana Fonseca Dos; Moro, André Dos Santos

    2016-06-01

    This qualitative study aims to analyze the perception of patients with hypertension on their non-adherence to medication. 13 participants were interviewed, classified as non-adherent.The analysis was performed using the technique of thematic content analysis. Data points to contradictions in the approach of what is being adherent or not, the difficulty of adhering to the use of medication due to lifestyle habits, that forgetting is understood as a justification for non-compliance, and reinforces factors that hinder such practice, such as the use of many drugs, the presence of signs and symptoms and changes in daily routine. With complex conditions that involve non-adherence to treatment and the current context of the predominance of chronic diseases, it is essential to invest in innovative strategies of care for such people. Estudo qualitativo que se propõe a analisar a percepção do portador de hipertensão arterial sobre a sua não adesão ao tratamento medicamentoso. Foram entrevistados treze participantes classificados como não aderente. A analise foi realizada pela técnica de analise de conteúdo modalidade temática. Os dados apontam para contradições na abordagem sobre o que é ser ou não aderente, a dificuldade de aderir ao uso dos medicamentos devido ao hábito de vida, que o esquecimento é compreendido como uma justificativa para a não adesão, além de reforçarem fatores que dificultam tal prática, como o uso de muitos medicamentos, presença de sinais e sintomas e mudanças na rotina diária. As complexas condições que envolvem a não adesão ao tratamento e ao o atual contexto de predomínio de doenças crônicas, é primordial que se invista em estratégias inovadoras de cuidado a tais pessoas. PMID:27384277

  3. Hospital admissions for herpes zoster in Portugal between 2000 and 2010.

    PubMed

    Mesquita, Margarida; Froes, Filipe

    2013-01-01

    Introdução e Objectivos: O aumento da incidência de herpes zoster e da nevralgia pós-herpética estão associados ao envelhecimento da população. Estas patologias podem ser francamente debilitantes e ter um grande impacto na qualidade de vida dos doentes. Numa população envelhecida como a portuguesa, é esperado que o impacto do herpes zoster e da post-herpetic neuralgia aumentem. No entanto, não existe no país nenhum sistema específico de monitorização da doença e não foram encontrados dados epidemiológicos portugueses nas últimas décadas. A vacina contra o herpes zoster, já recomendada noutros países europeus, ainda não se encontra disponível em Portugal. Conhecer o impacto do herpes zoster é importante para fundamentar medidas de saúde pública relacionadas com a vacinação.Material e Métodos: Procedeu-se a uma análise retrospetiva da base de dados da Administração Central dos Sistemas de Saúde com a informação clínica codificada dos internamentos hospitalares de todos os indivíduos com o diagnóstico principal de herpes zoster (ICD-9-CM 053) e que tiveram alta entre 2000 e 2010.Resultados: Em Portugal, entre 2000 e 2010, ocorreram 1 706 internamentos hospitalares com o diagnóstico principal de herpes zoster. A maioria dos doentes era idosa. Do total de internados, 10,6% tinham formas potencialmente graves de imunocompromisso. A doença predominante de herpes zoster sem complicações, seguido de herpes zoster do sistema nervoso e oftálmico. A duração média dos internamentos foi de 9,3 dias, aumentando com a idade. A letalidade intra-hospitalar foi de 1%. Considerando o período de 2000-2009 e apenas a população adulta, a média anual da incidência dos internamentos hospitalares com o diagnóstico principal deherpes zoster foi de 1,9 por 100 000 habitantes, aumentando com a idade.Conclusão: Este estudo confirma que, em Portugal, as formas graves de herpes zoster estão relacionadas com a idade e associadas a

  4. [Epidemiological study of place of death in Portugal in 2010 and comparison with the preferences of the Portuguese population].

    PubMed

    Gomes, Barbara; Sarmento, Vera P; Ferreira, Pedro Lopes; Higginson, Irene J

    2013-01-01

    Introdução: No contexto de um envelhecimento acentuado da população e aumento da mortalidade por doenças crónicas, este estudo epidemiológico nacional compara os locais onde as pessoas morrem com as preferências da população.Material e Métodos: Dados de óbitos em 2010 por género, grupo etário, região de residência (NUTS II) e local de morte (hospital/clínica, domicílio e outro), em pessoas com 16 anos ou mais, foram cedidos pelo Instituto Nacional de Estatística. Dados de preferências da população para local de morte obtiveram-se em 2010 através do inquérito telefónico PRISMA. Compara-se a distribuição de óbitos por local de morte com as preferências da população, segundo variáveis independentes, através de análise descritiva e inferencial.Resultados: Dos 105 471 óbitos que ocorreram em Portugal em 2010, 61,7% deram-se em hospitais/clínicas e 29,6% no domicílio. Dos 1 286 residentes em Portugal que participaram no inquérito PRISMA, 51,2% expressaram preferência por morrer em casa, 35,7% escolheram uma unidade de cuidados paliativos, 8,9% o hospital e 2,2% lar ou residência.Discussão e Conclusão: Existe um desfasamento substancial entre a realidade e preferências para local de morte em Portugal. Para ir ao encontro destas preferências é prioridade nacional desenvolver serviços de cuidados paliativos domiciliários, que previnam o aumento de óbitos hospitalares e que apoiem a morte em casa, com qualidade e respeitando preferências individuais. Recomenda-se a alteração das categorias de local de óbito no certificado oficial, com inclusão das opções ‘unidade de cuidados paliativos’ e ‘lar ou residência’, dado que as preferências dos cidadãos distinguem claramente entre estes locais.

  5. [PET/CT with 18F-Fluorocholine in Patients with Prostatic Cancer in Biochemical Recurrence].

    PubMed

    Lapa, Paula; Silva, Rodolfo; Saraiva, Tiago; Figueiredo, Arnaldo; Ferreira, Rui; Costa, Gracinda; Lima, João Pedroso

    2016-03-01

    Introdução: No carcinoma da próstata, é frequente, após terapêutica com intuito curativo, ocorrer recidiva bioquímica. O objectivo deste trabalho foi avaliar o impacto da PET/CT com fluorocolina-F18 no restadiamento e orientação destes doentes e analisar a influência, da estratificação de risco, dos valores do PSA e da terapêutica de supressão hormonal, na sensibilidade da técnica. Material e Métodos: Análise retrospectiva de 107 doentes com carcinoma da próstata em recidiva bioquímica que realizaram PET/CT com fluorocolina-F18 no nosso hospital, entre dezembro de 2009 e maio de 2014. Resultados: A sensibilidade global foi de 63,2% sendo 80,0% quando PSA > 2 ng/mL. Foi possível identificar doença à distância em 28% dos doentes. A sensibilidade aumentou de 40,0% em doentes de risco baixo e intermédio para 55,2% em doentes de alto risco. Sem terapêutica de supressão hormonal, a sensibilidade foi de 61,8% enquanto no grupo sob essa terapêutica, foi de 67,7%. Discussão: A PET/CT com fluorocolina-F18 forneceu informações relevantes, mesmo em doentes com baixos valores do PSA, contudo, com incremento significativo da sensibilidade nos doentes com PSA >2 ng/mL. A sensibilidade foi superior nos doentes de alto risco comparativamente com os de risco baixo e intermédio, contudo, sem uma diferença estatisticamente significativa. A terapêutica de supressão hormonal parece não influenciar a captação de Fluorocolina-F18 nos doentes resistentes à castração. Conclusões: Neste estudo, a PET/CT com fluorocolina-F18 apresentou bons resultados no restadiamento de doentes com carcinoma da próstata em recidiva bioquímica, distinguindo entre doença loco-regional e sistémica, informação com importantes consequências na definição da estratégia terapêutica.

  6. Seismic ground motion scenarios in Lower Tagus Valley Basin

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Borges, José; Torres, Ricardo; Furtado, José; Silva, Hugo; Caldeira, Bento; Pinto, Carlos; Bezzeghoud, Mourad; Carvalho, João

    2013-04-01

    Throughout its history the Lower Tagus Valley (LTV) has been struck by several earthquakes which produced important material damage and loss of lives: The 1st of November 1755 Lisbon earthquake and the 1969 earthquake (Mw=7.3), located in the SW Iberia Margin and the 1344, 1531 and 1909 (M= 6 to 7) with epicenter located inside the LTV basin. Since this region is the most highly populated region in Portugal, it is expected that an earthquake of similar magnitude of those that have occurred in the past will cause an enormous destruction and casualties. This fact makes LTV a high priority area for earthquake research in Portugal. In order to overcome the problems related to the absence of geological outcrops, low slip-rates (<0,4 mm/year) and the processes of sedimentation and erosion, we use in this work seismic reflection profiles, potential field data, soundings, wells and geological cartography to obtain a map of the main seismogenic structures and to characterize their seismic potential [1]. Moreover, a 3D structural model has been developed for de LTV based on Seismic reflection, Seismic Noise and potential field data [2,3]. In order to improve assessment of the seismic hazard in the LTV basin, we simulate long-period (0-1 Hz) ground motion time histories for a suite of scenarios earthquakes (Mw =5.5 to 7) within the basin, using fault geometries and the 3D seismic velocity structure based on the previous mentioned works. References [1] Pinto, Carlos C. (2011). Identification of Seismogenic Structures in the Lower Tagus Basin. Master Thesis, Universidade de Évora, 128 pp. [2] Torres, R.J.G., (2012). Modelo de velocidade da Bacia do Vale do Tejo: uma abordagem baseada no estudo do ruído sísmico ambiental, Master Thesis, Universidade de Évora, 83pp. [3] Furtado, J.A (2010). Confirmação do modelo da estrutura 3D do Vale Inverior do Tejo a partir de dados de ruído sísmico ambiente, Master Thesis, Universidade de Évora, 136pp.

  7. Velocity and structural model of the Lower Tagus Basin according to the study of environmental seismic noise

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Gomes Torres, Ricardo Jorge; Furtado, José Augusto; Gonçalves Silva, Hugo; Borges, José Fernando; Caldeira, Bento; Bezzeghoud, Mourad; Carvalho, João

    2013-04-01

    ] Torres, R.J.G., (2012). Modelo de velocidade da Bacia do Vale do Tejo: uma abordagem baseada no estudo do ruído sísmico ambiental, Master Thesis, Universidade de Évora, 83pp. [3] Nakamura, Y., 1989. A method for dynamic characteristics estimations of subsurface using microtremors on the ground surface, Quarterly Report, RTRI, Japan, v. 30, p. 25-33. [4] J.A. Furtado, Confirmação do modelo da estrutura 3D do Vale Inverior do Tejo a partir de dados de ruído sísmico ambiente, Master Thesis, Universidade de Évora, 136pp, 2010.

  8. [Portuguese Consensus on the Diagnosis, Prevention and Treatment of Anaemia in Inflammatory Bowel Disease].

    PubMed

    Magro, Fernando; Ramos, Jaime; Correia, Luís; Lago, Paula; Peixe, Paula; Gonçalves, Ana Rita; Rodrigues, Ãngela; Vieira, Catarina; Ferreira, Daniela; Pereira Silva, João; Túlio, Maria Ana; Salgueiro, Paulo; Fernandes, Samuel

    2016-02-01

    Introdução: A anemia pode ser considerada a manifestação extra-intestinal mais comum na doença inflamatória intestinal. Ainda assim, a anemia é subdiagnosticada e subtratada tanto em adultos como em crianças com doença inflamatória intestinal. Assim, apresentamos o consenso alcançado pelo Grupo de Estudo da Doença Inflamatória Intestinal - GEDII relativamente à gestão da anemia na doença inflamatória intestinal, com o objetivo de facilitar o acompanhamento clínico dos doentes com doença inflamatória intestinal. Material e Métodos: Foi conduzida uma revisão exaustiva da literatura, por forma a preparar statements de consenso nos seguintes tópicos: (1) prevalência e diagnóstico de anemia na doença inflamatória intestinal, (2) ferro da prevenção da anemia na doença inflamatória intestinal e (3) tratamento da anemia na doença inflamatória intestinal. Os statements finais para cada tópico foram discutidos na reunião de consenso e classificados de acordo com os níveis de evidência definidos em 2011 pelo Oxford Centre for Evidence-Based Medicine. Consensos: Concluiu-se que a anemia tem elevada incidência e prevalência na doença inflamatória intestinal, particularmente entre pacientes com doença ativa e hospitalizados. Indicações absolutas para terapia intravenosa devem ser consideradas quando existe: (1) anemia moderada a severa (hemoglobina < 10,5 g/dL) ou anemia claramente sintomática; (2) intoler'ncia prévia à terapêutica com ferro por via oral; (3) resposta inadequada à terapêutica com ferro por via oral; (4) doença intestinal ativa severa; (5) necessidade de resposta terapêutica rápida (e.g. cirurgia a curto prazo); (6) terapêutica concomitante com agente estimulante da eritropoiese; e (7) preferência do paciente.

  9. [Anxiety in clinical settings: constructing a scale for medical students].

    PubMed

    Rodrigues, Joana Ramos; Castelo-Branco, Miguel; Pereira, Henrique; Afonso, Rosa Marina

    2014-01-01

    IntroduçÉo: A Escala de Ansiedade em Meio Clínico foi construída para avaliar o nível de ansiedade dos estudantes de Medicina quando expostos ao meio clínico e identificar quais as situações mais propensas a desencadear maior nível de ansiedade nesse contexto.Material e Métodos: Este instrumento é constituído por doze itens e foi construído tendo por base a revisÉo da literatura sobre a temática da ansiedade em meio clínico e os dados provenientes de um focus group realizado com estudantes entre o 1'º e o 5'º ano do curso de Medicina da Universidade da Beira Interior (n = 10). As suas propriedades psicométricas foram testadas mediante um estudo com 557 alunos do curso de Medicina de quatro universidades portuguesas, entre o 1'º e o 6'º ano.Resultados: A validaçÉo da Escala de Ansiedade em Meio Clínico contemplou a análise de três par'metros principais: sensibilidade, fiabilidade e análise da estrutura fatorial, sendo que a última resultou na obtençÉo de quatro factores: 'Incómodo perante procedimentos invasivos', 'Ansiedade face ao doente', 'Ansiedade face ao desempenho' e 'Ansiedade face à dimensÉo humana' com 70,6% da vari'ncia explicada.DiscussÉo: A Escala de Ansiedade em Meio Clínico total demonstra uma boa coerência interna (Alpha de Cronbach = 0,84) e boa capacidade de discriminaçÉo de sujeitos, apresentando-se, assim, como instrumento consistente e fiável para a avaliaçÉo de ansiedade nos estudantes de Medicina quando expostos ao meio clínico.ConclusÉo: A Escala de Ansiedade em Meio Clínico permite avaliar a ansiedade nos estudantes de Medicina quando expostos ao meio clínico e poderá vir a ser útil na delineaçÉo de estratégias de ensino para a preparaçÉo dos futuros médicos.

  10. [Children who leave the Emergency Department: missing opportunities?].

    PubMed

    Machado, Virgínia; Peças, Sofia; Periquito, Isabel; Mota, Andreia; Veiga, Estela; Balseiro, Maria de Jesus

    2014-01-01

    Introdução: As crianças que abandonam a Unidade de Urgência Pediátrica antes do seu processo de atendimento estar terminado podem apresentar um agravamento clínico posterior, relacionado com a falta de avaliação médica atempada.Objectivos: Este estudo teve como objectivo avaliar os casos de abandono na nossa Unidade de Urgência Pediátrica, caracterizar este grupo de crianças e a sua evolução clínica.Material e Métodos: Análise retrospectiva e descritiva dos processos de urgência das crianças que abandonaram a Unidade de Urgência Pediátrica do Hospital de São Bernardo antes de terminar o processo de atendimento, entre 1 de Janeiro e 31 de Dezembro de 2012.Resultados: Um total de 538 crianças abandonou a Unidade de Urgência Pediátrica (1,35% de todas as admissões). A maioria (89,5%) não apresentava critério de observação urgente e abandonou antes da observação médica inicial (82,7%). A percentagem de abandonos foi maior nos meses de Dezembro, Janeiro e Fevereiro (64%), à terça-feira (19,3%) e durante o turno da tarde (60,8%). Estes períodos coincidiram com os picos de maior afluência à Unidade de Urgência Pediátrica. O tempo de espera para observação médica foi na maioria (94,4%) adequado à gravidade clínica. Seis doentes regressaram nas 72 horas seguintes, dos quais dois necessitaram de internamento.Discussão: Verificou-se uma percentagem de abandonos dentro do expectável. A menor gravidade aferida na triagem e os tempos de espera prolongados foram factores predisponentes ao abandono.Conclusão: A sobrelotação das Urgências Pediátricas com doentes sem critérios de urgência, que aumentam os tempos de espera, pode conduzir ao abandono com posterior readmissão em situação clínica de agravamento, o que na nossa série aconteceu em apenas dois casos.

  11. Evaluation of functional recovery by motor functional independence measure test of elderly after hip fracture in Serbia.

    PubMed

    Radosavljevic, Natasa; Nikolic, Dejan; Lazovic, Milica; Radosavljevic, Zoran; Jeremic, Aleksandar

    2014-01-01

    Introdução: o objectivo do estudo é a avaliação do nível de independência funcional através da aplicação da escala de Medida da Independência Funcional (Functional Independence Measure [FIM]) em doentes com idade superior a 65 anos, após fractura da anca.Material e Métodos: Foram estudados 203 doentes após fractura da anca, aplicando a escala MIF em 3 momentos: admissão do doente no hospital (Período 1), no momento da alta (Período 2) e 3 meses após a alta (Período 3); os doentes foram englobados em 3 grupos etários: Grupo65-74 , Grupo75-84 e Grupo+85 e em dois grupos, consoante o Índice de Gravidade (IG): grupo 0-1,99 (IG1) e grupo ≥ 2 (IG2).Resultados: No grupo de doentes com idêntico IG, observou-se um aumento dos valores da MIF no Período 2 e 3 em ambos osgéneros e nas primeiras duas classes etárias, ao passo que em doentes acima dos 85 anos, com IG mais elevado, observámos uma variação não significativa dos valores da MIF entre o momento da alta hospitalar e 3 meses após a alta.Discussão: A melhoria mais significativa da MIF foi obtida em doentes do sexo feminino no primeiro e terceiro grupos etários e com IG mais elevado.Conclusão: O género não constitui um factor preditivo significativo da recuperação da independência funcional medida através da aplicação da escala MIF em doentes com fractura da anca, embora a MIF no momento da admissão seja um bom indicador de recuperação funcional em doentes do sexo feminino em certos grupos etários (primeiro e terceiro grupos etários).

  12. [Psychiatric comorbidities associated with headaches: the experience of the liaison consultation].

    PubMed

    Martins, Vera; Temótio, José; Murta, Ilda

    2015-01-01

    Introdução: A comorbilidade entre cefaleias e perturbações psiquiátricas é frequente, podendo ser explicada quer ao nível de modelos uni ou bidirecionais, quer ao nível da partilha de factores de risco genéticos e ambientais, comuns ao desenvolvimento de ambas as condições clínicas. A presença desta comorbilidade tem implicações importantes, agravando o quadro clínico, aumentando o risco de cronicidade, elevando a intensidade da dor e a taxa de insucesso terapêutico. Material e Métodos: Os autores realizaram um estudo descritivo, retrospectivo, de prevalência, envolvendo 250 doentes observados na consulta de ligação de Psiquiatria-Cefaleias, durante um período de 3 anos, entre 1 de Julho de 2011 e 1 de Julho de 2013, no qual se procedeu à análise dos processos clínicos, relativamente aos dados sociodemográficos e clínicos, diagnóstico psiquiátrico, neurológico e terapêutica prescrita. Resultados e Discussão: Foram efectuadas 689 consultas de ligação Psiquiatria-Cefaleias, verificando-se maior prevalência de doentes do sexo feminino (84%), com média de idades de 47 anos. As cefaleias tipo tensão (60,8%), a enxaqueca (24,8%) e as cefaleias atribuídas a perturbações psiquiátricas (7,2%), foram os tipos mais prevalentes, enquanto as perturbações de humor (62%) e as perturbações neuróticas relacionadas com o stress (39,2%) foram os diagnósticos psiquiátricos mais frequentes na consulta. A intervenção terapêutica nestes casos privilegiou a intervenção multidisciplinar do médico Neurologista e do Psiquiatra, baseando-se na psicoeducação, abordagem cognitivo-comportamental e tratamento psicofarmacológico. Conclusão: Dada a complexidade dos quadros clínicos nos casos de comorbilidade, a experiência da consulta de psiquiatria de ligação e da intervenção multidisciplinar revelou-se uma mais valia no tratamento destes doentes, configurando-se como o cenário mais adequado para o tratamento destas patologias.

  13. [Mediterranean Spotted Fever: Retrospective Review of Hospitalized Cases and Predictive Factors of Severe Disease].

    PubMed

    Meireles, Mariana; Magalhães, Rui; Guimas, Arlindo

    2015-01-01

    Introdução: Febre escaro-nodular, uma zoonose antiga a levantar questões actuais. Este estudo pretende reavaliar a imagem clínica da doença e identificar factores prognósticos de doença severa. Material e Métodos: Foram avaliados os casos admitidos num hospital central no período de 12 anos. Os fatores de risco foram determinados por análise uni e multivariada, comparando os indivíduos internados em enfermaria geral versus admitidos em unidades de cuidados intermédios/intensivos ou em caso de morte. Resultados: Foram revistos 71 casos de febre escaro-nodular. A média de idades foi 63,3 ± 16,7 anos e 52,1% eram homens. A escara de inoculação foi identificada em 62,0% dos casos. Febre e exantema foram os achados clínicos mais frequentes. Quarenta e cinco por cento dos doentes desenvolveram complicações e 22,5% foram internados em unidades de cuidados intermédios e/ou intensivos. Apirexia, dispneia, insuficiência renal e níveis de lactato desidrogenase elevados à admissão foram preditores de desenvolvimentode doença severa (p < 0,034). O alcoolismo associou-se a um tempo de internamento prolongado (p = 0,020). Ausênciade febre (p = 0,019) e níveis elevados de creatinina (p = 0,028) constituíram fatores independentes de mau prognóstico. A taxa de mortalidade foi 2,8%.Discussão: Apesar da evolução da febre escaro-nodular ser, geralmente, assumida como benigna, casos graves têm surgido. Quase metade dos doentes hospitalizados desenvolveu complicações. Apirexia e lesão renal predispõem a pior prognóstico. Conclusão: A identificação precoce da infeção e a vigilância contínua dos doentes são determinantes, particularmente naqueles com maior risco de desenvolverem doença severa ou fatal.

  14. ANÁLISE DA INSERÇÃO DOS TEMAS DE HUMANIDADES E ÉTICA, COM METODOLOGIA DE APRENDIZAGEM BASEADA EM PROBLEMAS, EM CURRICULO MÉDICO INTEGRADO EM ESCOLA PÚBLICA NO DISTRITO FEDERAL, BRASIL

    PubMed Central

    Novaes, Maria Rita Carvalho Garbi; Novaes, Luiz Carlos Garcez; Guilhem, Dirce; Lolas, Fernando; Silveira, Carla; Guiotti, Murilo

    2009-01-01

    Objetivo Realizar uma análise da inserção da ética e humanidades no currículo do Curso de Medicina da Escola Superior em Ciências da Saúde - ESCS, escola pública do Distrito Federal, Brasil, de forma a contribuir com o processo de gestão curricular. Metodologia O Estudo é de coorte e documental. Foram pesquisados 37 termos relacionados à ética e 36 referentes à humanização nos objetivos educacionais e conteúdo dos módulos temáticos, habilidades e atitudes e interação ensino-serviço-comunidade, de 1a a 4a série e no programa do internato no currículo (ano 2006) e no projeto pedagógico do Curso de Medicina (2001). Resultados Maior inserção da humanização, ética e bioética na 1a e 2a série, quando comparado à inserção na 3a e 4a série e no internato, (IC95%-α=0,034, pvalue=0,007). Unidade de habilidades e atitudes: freqüência das 3 temáticas no currículo da 1a a 4a séries (IC95%-α=0,026, pvalue=0,013). Quando comparada a inserção entre o internato e as quatro primeiras séries, observa-se que nestas a inserção da temática humanização é superior (IC95%-α=0,042, pvalue=0,029). Conclusão O currículo desenvolvido no ano de 2006 na ESCS apresentou correlação com o projeto pedagógico do curso e contemplou a temática de forma abrangente, em todas as séries e internato. PMID:20396594

  15. [Teaching human anatomy to the graduation course in Health Sciences of the Lisbon University: five years of a new educational experience].

    PubMed

    Furtado, Ivo A; Gonçalves Ferreira, Ana D; Gonçalves Ferreira, António J

    2013-01-01

    Introdução/Objectivos: Os autores fazem o balanço dos primeiros cinco anos de ensino de Anatomia da Licenciatura em Ciências da Saúde da Universidade de Lisboa.Material e Métodos: Estudaram o desempenho de 408 alunos inscritos na Unidade Curricular de Anatomia (disciplina obrigatória do primeiro semestre) e 29 na Unidade Curricular de Neuroanatomia (disciplina opcional do sexto semestre). Realizaram a análise estatística pelos testes Anova e t de Student.Resultados e Discussão: Houve um afluxo crescente anual de alunos inscritos na Unidade Curricular de Anatomia, um número estável em Neuroanatomia, predomínio claro de alunos do sexo feminino, ratio docente/aluno variável entre 1/9 e 1/17 na Unidade Curricular de Anatomia e 1/8 na Unidade Curricular de Neuroanatomia; elevado número de desistências iniciais (15,69%) em Anatomia; níveis de aprovação de 95,93% na Unidade Curricular de Anatomia e de 100% em Neuroanatomia; tendência de melhoria verificada nos últimos dois anos, com significado estatístico na Unidade Curricular de Anatomia (p = 0,0001) e igual desempenho escolar de alunos de ambos os sexos; índices de satisfação dos alunos de Anatomia, Bom = 71% e Muito Bom = 8%; Neuroanatomia, classificaçãounânime pelos alunos = Muito Bom.Conclusões: Foi uma experiência pedagógica muito positiva. Os autores propõem: o estudo e a prevenção das causas da desistência inicial dos alunos que acedem ao curso, melhoria do ratio docente/discente, possível extensão a um segundo semestre da Unidade Curricular de Anatomia e melhoria das instalações que já estão em curso e que inclui a remodelação e a modernização do teatro anatómico do Instituto de Anatomia da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa.

  16. [Suicidal Behavior among Portuguese Psychiatry Trainees: Comparison with the European Situation].

    PubMed

    Gama Marques, João; Roberto, Alice; Guerra, Cátia; Pinto da Costa, Mariana; Podlesek, Anja; Beezhold, Julian; Jovanovic, Nikolina; Moscoso, Ana

    2015-01-01

    Introdução: O objectivo deste trabalho foi avaliar a prevalência de ideação suicida e tentativas de suicídio nos médicos internos de psiquiatria de adultos e de psiquiatria da infância e da adolescência em Portugal, e comparar os resultados com a população geral portuguesa e de outros países europeus. Material e Métodos: Enviou-se um questionário estruturado e anónimo, por e-mail, aos 159 internos de psiquiatria de adultos e de psiquiatria da infância e da adolescência do país, questionando antecedentes pessoais de ideação suicida e tentativas de suícidio, bem como antecedentes familiares de tentativas de suicídio falhadas e consumadas. Estas questões fazem parte do Estudo BoSS (Burnout Syndrome Study) realizado em 21 países. A análise dos dados foi feita através do programa informático SPSS v. 19. Resultados: Responderam parcialmente ao questionário 62 internos (40,3%) e 46 (29%) responderam ao questionário na totalidade, constituindo assim a amostra. O ratio feminino:masculino foi de 2:1 e a média de idade de 29 anos. A ideação suicida estava presente na forma passiva em 44% dos inquiridos e na forma activa em 33%; 4,3% referiu tentativas de suicídio prévias. Em relação à história familiar, registou-se 22% de tentativas de suicídio e 13% de suicídio consumado.Discussão: Os resultados obtidos são preocupantes e podem estar associados a factores específicos a que esta população está exposta. Conclusão:ã necessária uma investigação mais aprofundada para se compreender melhor este fenómeno, respectivas causas e potenciais modificadores.

  17. [Factors predictive of retroperitoneal lymph node metastasis in endometrial cancer].

    PubMed

    Urzal, Cecília; Sousa, Rita; Baltar, Vítor; Correia, Paulo; Cruz, Eugénia; Pereira da Silva, Daniel

    2014-01-01

    Introdução: Tem sido sugerido que o estadiamento completo possa ser omitido com segurança em doentes com carcinoma do endométrio e baixo risco de metástases ganglionares. Os objectivos do nosso trabalho foram a exploração do significado prognóstico de factores patológicos para disseminação ganglionar pélvica e para-aórtica e a validação do algoritmo da Clínica Mayo, de forma a identificar as doentes em que a linfadenectomia possa ser dispensada.Material e Métodos: Efectuámos um estudo retrospectivo incluindo 208 doentes, para a avaliação de variáveis tumorais patológicas e metástases ganglionares. A análise estatística foi realizada através dos testes qui-quadrado, exacto de Fisher e t de Student.Resultados: A invasão miometrial > 50% (p < 0,001), a invasão do colo (p = 0,001), a invasão dos espaços linfovasculares (p = 0,003) e a citologia peritoneal positiva (p = 0,03) constituíram preditores significativos de disseminação ganglionar retroperitoneal. A metastizaçãoganglionar pélvica foi preditiva de metastização ganglionar para-aórtica (p < 0,001).Discussão: O algoritmo da Clínica Mayo identificou as doentes sem metástases nos gânglios pélvicos ou para-aórticos com um valor preditivo negativo de 98,4% (61/62). A combinação de invasão miometrial ≤ 50% e ausência de invasão cervical ou linfovascular apresentou um valor preditivo negativo de 98,8% (79/80).Conclusão: Apesar de os critérios da Clínica Mayo predizerem uma probabilidade muito reduzida de metástases ganglionares retroperitoneais, a combinação de invasão miometrial ≤ 50% e ausência de invasão cervical ou linfovascular teria evitado a linfadenectomia num número superior de mulheres.

  18. Perception of hypertensive patients about their non-adherence to the use of medication.

    PubMed

    Marin, Nadia Sanches; Santos, Mariana Fonseca Dos; Moro, André Dos Santos

    2016-06-01

    This qualitative study aims to analyze the perception of patients with hypertension on their non-adherence to medication. 13 participants were interviewed, classified as non-adherent.The analysis was performed using the technique of thematic content analysis. Data points to contradictions in the approach of what is being adherent or not, the difficulty of adhering to the use of medication due to lifestyle habits, that forgetting is understood as a justification for non-compliance, and reinforces factors that hinder such practice, such as the use of many drugs, the presence of signs and symptoms and changes in daily routine. With complex conditions that involve non-adherence to treatment and the current context of the predominance of chronic diseases, it is essential to invest in innovative strategies of care for such people. Estudo qualitativo que se propõe a analisar a percepção do portador de hipertensão arterial sobre a sua não adesão ao tratamento medicamentoso. Foram entrevistados treze participantes classificados como não aderente. A analise foi realizada pela técnica de analise de conteúdo modalidade temática. Os dados apontam para contradições na abordagem sobre o que é ser ou não aderente, a dificuldade de aderir ao uso dos medicamentos devido ao hábito de vida, que o esquecimento é compreendido como uma justificativa para a não adesão, além de reforçarem fatores que dificultam tal prática, como o uso de muitos medicamentos, presença de sinais e sintomas e mudanças na rotina diária. As complexas condições que envolvem a não adesão ao tratamento e ao o atual contexto de predomínio de doenças crônicas, é primordial que se invista em estratégias inovadoras de cuidado a tais pessoas.

  19. [What factors determine the levels of physical activity after cardiac rehabilitation program?].

    PubMed

    Soares, Diogo; Viamonte, Sofia; Magalhães, Sandra; Ribeiro, Maria Miguel; Barreira, Ana; Fernandes, Preza; Torres, Severo

    2013-01-01

    Introdução: Os Programas de Reabilitação Cardíaca ganharam enorme relevância na prevenção de doenças cardiovasculares constituindo um desafio assegurar a prática de exercício físico regular durante e após o fim do programa supervisionado. O objetivo deste trabalho foi determinar os fatores que influenciam os hábitos de atividade física 12 meses após um Programa de Reabilitação Cardíaca.Material e Métodos: Estudo prospetivo abrangendo 580 doentes com cardiopatia isquémica consecutivamente orientados para Programas de Reabilitação Cardíaca na Unidade de Reabilitação Cardiovascular do Centro Hospitalar do Porto, entre Janeiro de 2008 e Junho de 2011. Avaliaram-se os níveis de atividade física através do International Physical Activity Questionnaire realizado no início do programa, aos 3 e 12 meses depois. Foram testados como potenciais determinantes dos hábitos de atividade física a longo prazo: idade; sexo; fatores de risco modificáveis; capacidade funcional (alcançada em prova de esforço); análises laboratoriais (HbA1c, perfil lipídico, Proteína C Reativa e Peptideo Natriurético Cerebral). Realizou-se análise de regressão linear para identificar os preditores significativos e encontrar o melhor ajuste do modelo.Resultados: A idade avançada, género feminino, a capacidade funcional, níveis de atividade física baixos previamente ao Programa de Reabilitação Cardíaca e uma fraca evolução do International Physical Activity Questionnaire durante o programa foram os melhores preditores univariáveis de uma evolução menos favorável do International Physical Activity Questionnaire nos 12 meses de follow-up. A análise de regressão linear multivariável concluiu que o melhor modelo explicativo incluía: idade, género, evolução do IPAQ no programa (R2 ajust = 0,318; f = 60,62; p < 0,001).Conclusão: A identificação de subgrupos de doentes com menor tendência à prática de atividade física permite desenvolver estrat

  20. [Provocative tests in the diagnosis of childhood onset growth hormone insufficiency].

    PubMed

    Gonçalves, Jean-Pierre; Correia, Filipa; Cardoso, Helena; Borges, Teresa; Oliveira, Maria João

    2014-01-01

    Introdução: A incidência da deficiência de hormona do crescimento é de 1:4000 a 1:10000, sendo a principal indicação para tratamento com hormona do crescimento recombinante.Objectivos: Avaliar os resultados dos testes de estimulação da hormona do crescimento e identificar factores preditivos para o diagnóstico da deficiência de hormona do crescimento.Material e Métodos: Estudo observacional, analítico e transversal. Foram analisados dados clínicos e auxológicos e os resultados dos exames de diagnóstico de crianças e adolescentes submetidos a testes de estimulação farmacológica da hormona do crescimento (01/01/2008 a 31/05/2012). O diagnóstico definitivo de deficiência de hormona do crescimento foi efectuado mediante dois testes com estímulos farmacológicos diferentes negativos (pico máximo da hormona do crescimento < 7 ng/mL) ou um teste negativo associado à presença de alterações anatómicas da região hipotálamo-hipofisária, observadas na ressonância magnética cerebral. Para análise estatística, foram realizados o testes de t student, do qui- quadrado, correlação de Pearson e a regressão logística. Foi considerado como nível de significância estatística (p) um valor igual ou menor que 0,05.Resultados: Realizaram-se testes de estimulação em 89 doentes, com mediana de idade igual a 10 [3-17] anos, 67% do sexo masculino e 77% pré-púberes. Os fármacos utilizados no primeiro teste de estimulação foram a clonidina (n = 85) e a insulina (n = 4). Foram diagnosticados 22 casos de deficiência de hormona do crescimento. Nos casos submetidos a dois testes, os valores máximos de hormona do crescimento apresentaram uma correlação moderada entre si (r = 0,593, p = 0,01). Verificou-se que as variáveis estatura (z-score) e pico máximo de hormona do crescimento obtido no primeiro teste têm valor preditivo no diagnóstico de deficiência de hormona do crescimento.Discussão: A determinação do IGF-1 não demonstrou ser

  1. Thyroid carcinoma in children and young adults: retrospective review of 19 cases.

    PubMed

    Saraiva, Joana; Ribeiro, Cristina; Melo, Miguel; Gomes, Leonor; Costa, Gracinda; Carrilho, Francisco

    2013-01-01

    Introdução: O carcinoma da tiróide é raro em crianças e em adultos jovens. A maior parte das orientações clínicas baseia-se em dados obtidos na população adulta. Persistem diversas controvérsias no que se refere à agressividade da apresentação clínica e da abordagem terapêutica.Objectivo: Avaliar todos os doentes com carcinoma da tiróide com menos de 20 anos no momento da apresentação, reflectindo a experiência da nossa unidade relativamente ao diagnóstico, tratamento e seguimento desta entidade.Material e Métodos: Trata-se de um estudo de revisão retrospectiva dos registos clínicos de todas as crianças e adultos jovens seguidos na Consulta de Oncologia do Serviço de Endocrinologia do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra entre 1996 e 2012 .Resultados: Foram estudados 19 doentes, com uma média etária de 16 anos, sendo 13 do sexo feminino. Nenhum dos doentes fora previamente submetido a irradiação da região do pescoço. A queixa de apresentação era a presença de uma massa cervical palpável em 84,6% dos casos. Foi realizada citologia aspirativa em 15 doentes, que foi diagnóstica ou suspeita de neoplasia em 71,4% dos casos. A tiroidectomia total foi levada a cabo em 18 casos (94,7%). Em todos estes foi identificada a presença de um carcinoma papilar. A invasão vascular e multicêntrica ocorreu em 21,1% dos casos. A dimensão tumoral média foi de 2,5 cm. O envolvimento ganglionar cervical foi diagnosticado em 31,6% dos casos e a presença de metástases à distância foi identificada em 5,2% dos casos. Na maior parte dos doentes (18 em 19), o quadro foi classificado como doença em estadio I. Todos os doentes fizeram terapêutica supressora com tiroxina e 84,2% dos doentes foram submetidos a ablação pós-operatória com iodo radioactivo (dose média de 85,7mCi). Durante um seguimento médio de cerca de 6 anos, 16 doentes permaneceram em remissão.Conclusão: Na nossa série, as taxas de metastização ganglionar cervical

  2. Lunar Phases and Earthly Events: Beliefs from Different Education Levels. (Spanish Title: Fases de la Luna y Acontecimientos Terrestres: Creencia de Distintos Niveles de Instrucción.) As Fases da Lua e os Acontecimentos Terrestres: a Crença de Diferentes Níveis de Instrução

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Darroz, Luiz Marcelo; da Rosa, Cleci Teresinha Werner; Alves Vizzotto, Patrick; Becker da Rosa, Álvaro

    2013-12-01

    pesquisa realizada no primeiro semestre de 2013 junto a um grupo de 80 sujeitos de diferentes níveis de instrução. Nesta pesquisa, buscou-se averiguar os acontecimentos terrestres que esse grupo de pessoas atribui ao fenômeno das fases lunares. Como instrumento de coleta de dados, foram empregadas entrevistas semiestruturadas guiadas por questões que buscavam manter a atenção dos entrevistados no objeto de investigação. As entrevistas foram gravadas e transcritas, e os resultados, após serem analisados quanti e qualitativamente, foram confrontados com estudos científicos da área. Os dados da pesquisa demonstram que a Lua e suas fases continuam fascinando e despertando o interesse da população. No entanto, a falta de conhecimentos para proferir explicações corretas relativas aos fenômenos que ocorrem com o astro acaba originando uma série de crenças na população sobre sua influência nos acontecimentos terrestres.

  3. [Hypofractionation in locally advanced breast cancer: "flash" scheme].

    PubMed

    Padilha, Marisa; Gonçalves, Sara; Fardilha, Carlos; Melo, Gilberto; Miranda, Cristina; Alves, Paula

    2013-01-01

    Introdução: O carcinoma da mama é uma das principais causas de morte no nosso país. No Serviço de Radioterapia do Instituto Português de Oncologia de Coimbra de Coimbra utilizamos, desde há mais de 30 anos, um esquema de hipofraccionamento de radioterapia, denominado “Flash”, como opção terapêutica em doentes idosos ou com baixo Performance Status, portadores de carcinoma da mama localmente avançado ou com estádios IIb ou IV, com intenção neoadjuvante ou paliativa. Objectivos: Avaliar a resposta ao tratamento, nomeadamente sobrevivência global aos três anos, resposta local e toxicidades aguda e crónica, no grupo de doentes seleccionados submetidos a esquema de hipofraccionamento, em estudo retrospectivo. Metodologia: Entre Janeiro de 2006 e Dezembro de 2008, um total de 83 doentes com diagnóstico de Carcinoma da Mama Localmente Avançado ou com estádios IIb ou IV, foi submetido a “Flash” mamário. A dose de radioterapia prescrita foi de 13Gy / 2Fr / 3 dias (em 23 doentes - 27,7%) e 26Gy / 4Fr / 2,5 semanas (em 60 doentes - 72,3%), com fotões de 4 MV, sobre a mama afectada. Foi avaliada sobrevivência global segundo o método de Kaplan-Meier. A análise estatística foi efectuada através da aplicação SPSS, versão 17.0 e os testes estatísticos foram avaliados ao nível de significância de 5%. Resultados: 80 doentes (96,4%) que efectuaram “Flash” mamário eram do género feminino, com idades compreendidas entre os 59 e os 93 anos (idade média 80,72 + 5,87 anos) e Performance Status (Karnosfsky: 0 - 100) entre 90 e 50%. Em 72 doentes (86,7%) o diagnóstico histológico foi Carcinoma Ductal Invasivo. A cirurgia após a realização do “Flash” Mamário foi realizada em 44 doentes (53%) após evidência de resposta local à radioterapia, sendo a Mastectomia Radical Modificada a técnica cirúrgica mais frequente. Efectuou-se o diagnóstico de metastização óssea em 10 doentes (12%), sendo que a taxa de sobrevivência global foi

  4. A causa das estações do ano: modelos mentais

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    de Campos, J. A. S.; de Araujo, J. F. S.

    2003-08-01

    A década de 70 do século passado foi marcada pelo estudo das concepções alternativas que os alunos trazem para a sala de aula. A identificação destas concepções foi o ponto de partida para promover a mudança conceitual, onde as pré-concepções seriam trocadas pelas concepções científicas. Na década seguinte, surgiram muitas propostas de estratégias educacionais para facilitar esta troca, na sua maioria baseadas na idéia do conflito cognitivo, proposta por Piaget. Entretanto, os resultados pouco animadores conduziram à percepção de que a mudança conceitual é um processo mais complexo. Pelas idéias da Ciência Cognitiva, a mudança conceitual é uma mudança progressiva dos modelos mentais que o aluno tem sobre o mundo físico, através de enriquecimento e revisão. A causa das Estações do Ano é um tópico sobre o qual a maioria dos estudantes apresenta concepções alternativas. Os autores fizeram um levantamento sobre as pré-concepções encontradas em trabalhos sobre o tema (16 referências), procurando encontrar elementos comuns que indicassem a presença de modelos mentais específicos. As pré-concepções encontradas na literatura foram obtidas usando-se diversas metodologias (desde entrevistas clínicas até questionários de múltipla escolha) e envolvendo alunos e professores de diferentes regiões geográficas. A partir de uma análise aprofundada de cada trabalho, e utilizando-se a técnica das Redes Sistêmicas, chegou-se a conclusão que as diversas pré-concepções identificadas (em torno de 50), poderiam ser representadas por 6 modelos mentais, onde a explicação da causa das estações do ano tem um mecanismo causal responsável. Os mecanismos causais identificados foram: a dependência da distância, a dependência da orientação, a dependência conjunta da distância e orientação, a dependência da obstrução, a dependência da velocidade e a dependência da inclinação dos raios solares. Foram ainda identificadas

  5. [Juvenile Pompe disease: retrospective clinical study].

    PubMed

    Loureiro Neves, Filipa; Garcia, Paula Cristina; Madureira, Núria; Araújo, Henriqueta; Rodrigues, Fidjy; Estêvão, Maria Helena; Lacerda, Lúcia; Diogo Matos, Luísa Maria

    2013-01-01

    Introdução: A doença de Pompe ou glicogenose tipo II é uma doença autossómica recessiva por deficiência de maltase ácida. É uma entidade rara, com prevalência de 1/40.000 nas populações holandesa e afro-americana e 1/46000 na população australiana. Embora se distingam três formas de apresentação (infantil, juvenil e do adulto), observa-se um amplo espectro clínico. Em Portugal está disponível terapêutica enzimática de substituição desde 2006.Material e Métodos: Fez-se o estudo retrospetivo de quatro doentes (duas das quais irmãs), baseado na revisão dos processos clínicos.Resultados: Em todas, a doença manifestou-se no segundo ano de vida. O tempo até ao diagnóstico variou entre dois e onze anos. Aquando do diagnóstico, todas apresentavam miopatia com atraso de aquisições motoras e em duas havia hipertrofia miocárdica. A suspeita clínica surgiu por insuficiência respiratória em contexto infeccioso em duas doentes. Em todas havia elevação da creatina quinase e das aminotransferases. Todas evoluíram com insuficiência respiratória crónica por síndrome restritiva. O diagnóstico foi baseado na diminuição da atividade da maltase ácida em fibroblastos (0 a 1,5% do limite inferior do normal). Na biópsia muscular, realizada em três doentes, demonstrou-se acumulação lisossómica de glicogénio. Todas apresentavam a mutação c.1064T > C no exão 6 do gene GAA (glucosidase-alpha-acid), em homozigotia numa delas, associada às mutações c.1666A > G no exão 12 e c.2065G > A no exão 15 nas duas irmãs e à mutação c.380G > T no exão 2 na doente mais nova. Todas iniciaram terapia enzimática de substituiçãologo que disponível, com boa tolerância. A doente mais jovem faleceu pouco depois. As outras mantêm medidas de suporteventilatório e fisioterapia, deslocando-se a mais velha, em cadeira de rodas, mantendo a irmã marcha independente e necessitando a mais nova de andarilho.Conclusão: Os nossos casos incluem

  6. Integrated disease management: a critical review of foreign and Portuguese experience.

    PubMed

    Coelho, Anabela; Leone, Cláudia; Ribeiro, Vanessa; Sá Moreira, Pedro; Dussault, Gilles

    2014-01-01

    Introdução: O artigo faz uma revisão de literatura sobre os programas de gestão integrada da doença, apresentando resultados sobre o nível de integração dos cuidados, as intervenções prioritárias utilizadas nos programas e o seu efeito, nomeadamente, nos doentes.Material e Métodos: A revisão de literatura identificou 1 251 artigos, publicados entre 2006 e 2011. Depois de uma criteriosa seleção identificaram-se para a análise bibliométrica e discussão crítica, 61 artigos.Resultados: Realçamos o facto de serem os Estados Unidos da América o país que mais publica sobre esta matéria; A doença mais reportada é a diabetes mellitus e o domínio de intervenção da gestão integrada da doença, predominante, é o ‘apoio ao auto-cuidado’. A maioria dos estudos foram implementados por managed care organizations, médicos de medicina geral e familiar organizados para o efeito ou hospitais. Das 360 intervenções reportadas, as mais utilizadas são as dirigidas aos doentes e aos profissionais. Os resultados mais observados nos doentes, aquando da monitorização dos programas, são: resposta clínica, utilização de serviços e estado de saúde.Discussão: Cada país tem a sua própria forma de implementar a estratégia de gestão integrada da doença. O foco de atenção da prática clínica é o empoderamento dos doentes, particularmente através da promoção da auto-gestão. Os resultados clínicos e os de utilização dos serviços para além de serem os mais utilizados, são também, aqueles com maior impacto nos programas de gestão integrada da doença.Conclusão: O sistema de saúde Português ainda enfrenta sérios desafios no tocante à coordenação e integração de cuidados dirigidos à pessoa com doença crónica pelo que se sugere a atualização do programa.

  7. Observações das explosões cósmicas de raios gama GRB021004 e GRB021211 com o satélite HETE

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Braga, J.; Ricker, G.; Hurley, K.; Lamb, D.; Grew, G.; et al.

    2003-08-01

    O High Energy Transient Explorer (HETE) é o primeiro satélite inteiramente dedicado ao estudo das explosões cósmicas de raios gama (ECRGs). Lançado em 9 de outubro de 2000, o HETE possui instrumentação capaz de observar as ECRGs desde o UV até raios gama e localizá-las com precisão de ~ 1-10 minutos de arco. As localizações das ECRGs detectadas são disseminadas rapidamente (em alguns segundos) pela Internet através de uma rede de estações de recepção ao longo do equador. A participação brasileira nesse projeto se dá através da montagem e operação de uma estação de recepção em Natal, RN, e da participação na equipe científica da missão. Neste trabalho são apresentados resultados da observação pelo HETE de duas ECRGs: GRB 021004 e GRB 021211. A GRB021004 foi detectada em raios gama pelo HETE em 4 de outubro de 2002 e localizada em raios-X em apenas 48 s, quando a emissão de raios gama ainda estava se processando. A explosão, relativamente brilhante e longa, durou aproximadamente 100 s. Um transiente óptico de magnitude 15 foi detectado no local da explosão nove minutos após o evento, e observações realizadas após 7 horas determinaram um desvio para o vermelho de absorção de 1,6. O GRB021004 foi o burst mais bem observado até o momento e suas observações em vários comprimentos de onda têm sido fundamentais para o aprimoramento dos modelos de ECRGs. O GRB21211, um burst brilhante e rico em raios-X, foi detectado em 11 de dezembro de 2002 e localizado em raios-X em 22 s após o início do evento. A duração do burst foi de 2,3 s em altas energias (85 a 400 keV) e de 8,5 s em baixas energias (2 a 10 keV). Caso essa explosão não tivesse sido rapidamente localizada pelo HETE, ela teria sido classificada como "opticamente escura", já que o transiente óptico decaiu rapidamente de R < 14 a R»19 dentro dos primeiros 20 minutos e já estava mais fraco do que R»23 depois de 24 horas da ocorrência do burst. Ser

  8. Practical Astronomical Activities during Daytime. (Spanish Title: Actividades Astronómicas Prácticas Diurnas.) Atividades Astronômicas Práticas Diurnas

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Jackson, Eric

    2009-12-01

    aulas. Se a Astronomia ia ser introduzida, então era preciso encontrar uma forma de resolver essas dificuldades. Nosso grupo, trabalhando com professores e alunos numa abordagem construtivista, encontrou que os princípios da Astronomia podem ser descobertos durante o dia, enquanto os alunos estão na escola. Trabalhando de forma cooperativa os alunos mediram e registraram observações de suas próprias sombras causadas pelos movimentos da estrela mais próxima, o Sol, e nosso planeta Terra. Devido ao fato de os alunos se envolverem muito pessoalmente nas atividades, eles ficaram muito mais interessados nos resultados do estudo. A Astronomia passou a ser um desafio para o professor e seus alunos quando aplicaram suas experiências diurnas à observação noturna desde suas casas, relatada depois em sala de aula.

  9. High School Students' Previous Knowledge about the Stars. (Spanish Title: Conocimientos Previos de Estudiantes de Secundaria Acerca de Las Estrellas.) O Conhecimento Prévio de Alunos do Ensino Médio sobre as Estrelas

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Iachel, Gustavo

    2011-12-01

    reconocen que una estrella es formada por una masa de gas; varios conocimientos previos parten de aspectos puramente visuales; por otro lado, los estudiantes no tienen el hábito de observar la naturaleza detalladamente, entre otros problemas. Vemos esta investigación como una probable fuente de referencia en la que los profesores de ciencias pueden reconocer la importancia del conocimiento previo, y la forma como interfieren con su práctica de enseñanza, además de la adquisición de recursos para la planificación de sus clases. Com base em leituras de artigos relacionados ao ensino de Astronomia publicados no Brasil, verificou-se a inexistência de investigações sobre o conhecimento prévio de estudantes acerca das características físicas das estrelas, fato que nos motivou a desenvolver a pesquisa apresentada. Os conhecimentos prévios de 125 estudantes do primeiro ano do ensino médio constituíram os dados do estudo, os quais foram inferidos através da análise das respostas cedidas em questionários impressos (Apêndice A). A partir da análise de conteúdo dessas respostas tornou-se possível realizar algumas inferências como, por exemplo: vários estudantes possuem dificuldade em elaborar um modelo explicativo sobre o funcionamento de uma estrela; são poucos os que dizem que as estrelas possuem certo tempo de existência; alguns alunos as imaginam com pontas; poucos reconhecem que uma estrela é formada por uma massa de gás; vários conhecimentos prévios partem de aspectos meramente visuais; ainda assim, os estudantes não possuem o hábito de observar a natureza mais detalhadamente, entre outras. Vemos essa pesquisa como uma provável fonte de consulta na qual os professores de ciências poderão, além de reconhecer a importância dos conhecimentos prévios para o ensino e como eles interferem em sua prática, adquirir subsídios para o planejamento de suas aulas.

  10. Impact of the consumption of a rich diet in butter and it replacement for a rich diet in extra virgin olive oil on anthropometric, metabolic and lipid profile in postmenopausal women.

    PubMed

    Anderson-Vasquez, Hazel Ester; Pérez-Martínez, Pablo; Ortega Fernández, Pablo; Wanden-Berghe, Carmina

    2015-06-01

    Objetivo: analizar el impacto de la sustitución de una dieta rica en grasas saturadas por una dieta rica en grasas monoinsaturadas sobre el perfil antropométrico, metabólico y lipídico en mujeres postmenopáusicas. Material y método: estudio prospectivo, longitudinal y comparativo en el que 18 mujeres postmenopáusicas participaron en dos períodos de intervención dietética de 28 días cada uno: 1) (dieta SAT) consumieron mantequilla. Fórmula calórica (FC) = 15% de proteínas, 38% grasas. [20% grasas saturadas (AGS), 12% grasas monoinsaturadas (AGM) y 47% carbohidratos y 6% poliinsaturadas (AGPI)]. 2) Periodo MONO: con aceite de oliva virgen extra (AOVE). Fórmula calórica = 15% de proteínas, 38% grasas (.

  11. G.V. Schiaparelli: from scientific observations to scientific imagination

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Giorello, G.; Guzzardi, L.

    Starting with a letter exchange between Schiaparelli and the German physicist, physiologist and philosopher Ernst Mach, we discuss some aspects of Schiaparelli's non-astronomical scientific activity. In particular, we give an account of his Studio comparativo tra le forme organiche naturali e le forme geometriche pure (Hoepli, Milano 1898), where he sought to represent organic forms and the change from one species to another through geometry. Since his Studio provides one of the first examples of an application of mathematics to biology, we analyze it in the light of the geometric-crystallographic approach to biology which flourished in the 19th-century life sciences. Finally we connect his biological interests with astronomy and show how his methodological perspective, which appears also in the letter exchange with Mach, emerges from his scientific activity. In the conclusions we discuss the role of imagination in Schiaparelli's view.

  12. [Pulmonary carcinoid: analysis of a single institutional experience and prognostic factors].

    PubMed

    Correia, Silvia da Silva; Pinto, Carlos; Bernardo, João

    2014-01-01

    -se segura, com uma baixa taxa de complicações no pós-operatório. Observou-se pior prognóstico em doentes com tumor carcinóide atípico, tumores com mais de 3 cm, com envolvimento ganglionar ou presença de metástase. A sobrevivência aos cinco anos nos tumores carcinóides típicos foi excelente (80,2%), correspondente à encontrada na literatura. No tumor carcinóide atípico, a sobrevivência aos cinco anos foi de 66,7% também concordante com os dados obtidos em estudos anteriores.Conclusões: Os tumores carcinóides pulmonares sÉo na maioria carcinóides típicos com uma excelente sobrevivência a longoprazo. A cirurgia de ressecçÉo é o tratamento de eleiçÉo nestes doentes. Os fatores relacionados com um pior prognóstico foram o subtipo histológico (carcinóides típicos versus carcinóides atípicos), o tamanho do tumor, o envolvimento ganglionar e a presença de metástases.

  13. Serum Potassium Levels Inversely Correlate with D-Dimer In Patients with Acute-Onset Atrial Fibrillation.

    PubMed

    Cervellin, Gianfranco; Bonfanti, Laura; Picanza, Alessandra; Lippi, Giuseppe

    2014-12-09

    D-dímero são frequentemente aumentada em pacientes com fibrilação atrial (FA) em comparação com indivíduos em ritmo sinusal. A hipocalemia desempenha um papel em várias doenças cardiovasculares, mas pouco se sabe sobre a associação com FA. Objetivo: As concentrações de D-dímero encontram-se frequentemente aumentadas em pacientes com FA, quando comparados com indivíduos em ritmo sinusal. A hipopotassemia desempenha um papel importante nas doenças cardiovasculares, porém, pouco é conhecido sobre sua associação com a FA. O objetivo deste estudo foi investigar a correlação entre os níveis séricos de D-dímero e potássio na FA aguda (FAA). Métodos: Para investigar a existência de uma potencial correlação entre os níveis séricos de potássio e D-dímero em pacientes com FAA, realizamos uma revisão retrospectiva de dados clínicos e laboratoriais relacionados a todas as visitas ao departamento de emergência devido à FAA, no ano de 2013. Resultados: Entre os 271 pacientes com FAA, aqueles com hipopotassemia (n = 98) mostraram aumento significativo nos níveis de D-dímero, quando comparados com pacientes com concentrações normais de potássio (139 versus 114 ng/mL, p = 0,004). A taxa de pacientes com níveis de D-dímero excedendo o valor limiar de diagnóstico foi maior no grupo de pacientes com hipopotassemia, quando comparado com o grupo de pacientes com concentrações normais de potássio (26,5% versus 16,2%; p = 0,029). Detectamos uma correlação inversa e altamente significativa entre os níveis séricos de potássio e D-dímero (r = -0,21; p < 0,001), até mesmo após ajuste para idade e sexo (coeficiente beta -94,8; p = 0,001). O risco relativo de um valor positivo de D-dímero estar relacionado à hipopotassemia foi de 1,64 (95% CI, 1,02 to 2,63; p = 0,040). A correlação permaneceu estatisticamente significativa em pacientes livres de medicamentos hipertensivos (r = -0,25; p = 0,018), porém não nos pacientes em tratamento

  14. Serum Potassium Levels Inversely Correlate with D-Dimer In Patients with Acute-Onset Atrial Fibrillation.

    PubMed

    Cervellin, Gianfranco; Bonfanti, Laura; Picanza, Alessandra; Lippi, Giuseppe

    2014-12-01

    D-dímero são frequentemente aumentada em pacientes com fibrilação atrial (FA) em comparação com indivíduos em ritmo sinusal. A hipocalemia desempenha um papel em várias doenças cardiovasculares, mas pouco se sabe sobre a associação com FA. Objetivo: As concentrações de D-dímero encontram-se frequentemente aumentadas em pacientes com FA, quando comparados com indivíduos em ritmo sinusal. A hipopotassemia desempenha um papel importante nas doenças cardiovasculares, porém, pouco é conhecido sobre sua associação com a FA. O objetivo deste estudo foi investigar a correlação entre os níveis séricos de D-dímero e potássio na FA aguda (FAA). Métodos: Para investigar a existência de uma potencial correlação entre os níveis séricos de potássio e D-dímero em pacientes com FAA, realizamos uma revisão retrospectiva de dados clínicos e laboratoriais relacionados a todas as visitas ao departamento de emergência devido à FAA, no ano de 2013. Resultados: Entre os 271 pacientes com FAA, aqueles com hipopotassemia (n = 98) mostraram aumento significativo nos níveis de D-dímero, quando comparados com pacientes com concentrações normais de potássio (139 versus 114 ng/mL, p = 0,004). A taxa de pacientes com níveis de D-dímero excedendo o valor limiar de diagnóstico foi maior no grupo de pacientes com hipopotassemia, quando comparado com o grupo de pacientes com concentrações normais de potássio (26,5% versus 16,2%; p = 0,029). Detectamos uma correlação inversa e altamente significativa entre os níveis séricos de potássio e D-dímero (r = -0,21; p < 0,001), até mesmo após ajuste para idade e sexo (coeficiente beta -94,8; p = 0,001). O risco relativo de um valor positivo de D-dímero estar relacionado à hipopotassemia foi de 1,64 (95% CI, 1,02 to 2,63; p = 0,040). A correlação permaneceu estatisticamente significativa em pacientes livres de medicamentos hipertensivos (r = -0,25; p = 0,018), porém não nos pacientes em tratamento

  15. A Survey of Early SUN Program Enrollees: Pre/Post Enrollment Decisions and Attitudes Regarding Their Continuing Education.

    ERIC Educational Resources Information Center

    Brown, Lawrence A., Jr.

    The University of Mid-America (UMA) conducted a telephone survey of over 300 adults enrolled in distance learning courses offered by the State University of Nebraska (SUN), then UMA's course delivery system in Nebraska, during the first three SUN course offering periods. The survey was undertaken to determine the degree to which early SUN…

  16. Post Secondary Education Through Telecommunications. Final Report of Twelve CY 1974 Work Assignments to the National Institute of Education.

    ERIC Educational Resources Information Center

    McBride, Jack G.

    Described are the investigatory procedures, research and development, and achievements and conclusions for each of 12 work assignments for the 13-month period from January 1, 1974 through January 31, 1975 relating to the University of Mid-America (UMA). UMA is a regional consortium, comprised of the University of Kansas, Kansas State University,…

  17. [Skin disease in liver and kidney transplant recipients referred to the department of dermatology and venereology].

    PubMed

    Fernandes, Sónia; Carrelha, Ana Sofia; Marques Pinto, Gabriela; Nolasco, Fernando; Barroso, Eduardo; Cardoso, Jorge

    2013-01-01

    Introdução: Foram descritas várias doenças cutâneas em doentes transplantados, em relação com a terapêutica imunossupressora instituída. Pretendemos caracterizar o espectro clínico das patologias dermatológicas e comparar os diagnósticos entre os doentes transplantados hepáticos e os doentes transplantados renais.Material e Métodos: Estudo descritivo e retrospectivo através da consulta de processos clínicos de todos os doentes submetidos a transplante hepático ou renal entre 2000 - 2010 referenciados à Consulta de Dermatologia e Venereologia.Resultados: Observámos 319 doentes transplantados (23,5%) e apurámos 410 diagnósticos (230 na sub-população com transplante hepático e 180 na sub-população com transplante renal), divididos em quatro grupos: 1) infecções cutâneas; 2) cancro cutâneo ou lesões precursoras; 3) manifestações cutâneas relacionadas com efeitos secundários de fármacos; 4) outras patologias dermatológicas não iatrogénicas. As infecções cutâneas foram as mais observadas (42,2%), em média 32,7 meses após o transplante. Este grupo incluiu 20,5% de infecções fúngicas, 12,7% virais e 8,5% bacterianas. Identificámos patologia tumoral e lesões precursoras em 11,7% dos casos, em média 44,8 meses após o transplante e assumindo maior importância na sub-população com transplante renal (20,6%vs 4,8% nos transplantados hepáticos; P < 0,001). Os transplantados renais apresentaram predomínio de carcinomas espinocelulares (CEC) sobre os casos de carcinomas basocelulares (CBC), numa razão CEC:CBC de 1,3:1 mas nos transplantados hepáticos verificou- se uma razão CBC: carcinomas de 3,5:1. Ocorreram efeitos secundários de fármacos em 10,5% dos casos e outras patologiasdermatológicas não iatrogénicas em 35,6%.Discussão: Apesar da patologia tumoral ser a mais referida na literatura, as infecções cutâneas foram as mais observadas na nossa amostra. As diferenças significativas entre as duas sub

  18. [Esophageal cancer: surgical strategies].

    PubMed

    Costa, Paulo; Esteves, Rui; Lages, Patrícia; Ferreira, Filipa

    2014-01-01

    Introdução: A ressecção transmediastínica e a ressecção transtorácica têm mortalidade hospitalar (1,4% -14%) e sobrevivência (± 25% aos cinco anos) semelhantes. A terapêutica neo-adjuvante é opção em estádios avançados. A intenção deste trabalho é apresentar uma série consecutiva de 52 doentes - opção operatória baseada na localização anatómica: tumores infra-carinais e cervicais submetidos a ressecção transmediastínica e restantes ressecções transtorácicas.Material e Métodos: O estudo incluiu 52 doentes consecutivos, sete mulheres e 45 homens, mediana de idade: 64 anos [46- 85]. Localização: cervical – um; montante da carina - 22; jusante da carina -19; cárdia tipo I –10. Histologia: 19 adenocarcinomas, 32 carcinomas pavimento-celulares, um linfoma. Vinte doentes (40%) - terapêutica neoadjuvante. Abordagem tóraco-abdominal – três, tóraco-abdómino-cervical – 20, transhiatal – 27, toracotomia exploradora – dois. Transposição gástrica 49 (anastomose cervical – 46; torácica - três); esofagocoloplastia cervical - um.Resultados: Estadiamento patológico: regressão completa - 8; Ib – 3; IIa – 9; IIb - 4; IIa – 11; IIIb -2; IIIc – 10; IV – 1; linfoma - um; não classificáveis – três. Complicações major: 37%. Ressecabilidade: 96% (50/52). Mortalidade: quatro semanas - 6%; hospitalar - 14%. Sobrevida mediana 18 meses [3-80]. Curvas de sobrevida (Kaplan-Meier): dois anos - 47%; cinco anos - 19%.Discussão: Não tendo sido demonstrada vantagem oncológica para a ressecção transtorácica ou a ressecção transmediastínica,basear a opção operatória na localização do tumor permitiu-nos com segurança e eficácia, planear e executar as ressecções esofágicas desta série.Conclusão: As curvas de sobrevida foram sobreponíveis para ressecção transtorácica e ressecção transmediastínica e bastantefavoráveis numa população com 52 % de estádios p

  19. [CD4+, CD8+ AND CD19+ cells in individuals with dyslipidemia].

    PubMed

    Pereira de Moura, Jose; Santos Rosa, Manuel; Alves, Vera; Mota Pinto, Anabela; Rodrigues, Victor; Silva, José Manuel; Alves de Moura, J J

    2013-01-01

    Introdução: Os mecanismos imunológicos e inflamatórios têm um papel crucial no desenvolvimento da aterosclerose e na sua tradução clínica. São inúmeros os estudos que procuraram relacionar os mais diversos marcadores inflamatórios – leucócitos, proteína C reactiva, interleucinas, quimiocinas, moléculas de adesão, metaloproteinases, etc – com os factores de risco clássicos da aterosclerose, a formação da placa e os fenómenos clínicos. Não são tantos, que tenhamos conhecimento, os trabalhos que analisaram o comportamento das diversas células mononucleares na fisiopatologia da aterosclerose. Sendo os monócitos/macrófagos e os linfócitos células fundamentais no desencadear e posterior evolução desta doença vascular, procurámos determinar as percentagens das diversas populações celulares periféricas em indivíduos dislipidémicos e em normolipidémicos.Material e Métodos: Por citometria de fluxo, determinámos em indivíduos com dislipidemia e num grupo controlo, as concentrações no sangue periférico dos CD3+, CD4+, CD8+, CD19+, CD56+, CD56CD8+, DN, CD25+, CD26+, CD25CD3+, CD26CD3+, CD25CD26CD3+, CCR5+, CCR5CD3+, CCR5CD4+, HLADR+, HLADRCD4+, HLADRCD8h+, HLADRCD8low+, HLADRCD8+, CD95+, CD95CD95L+, CD3CD95+, CD3CD95L+, CD62L+, CD3CD62L+, CD69+, CD69CD3+ e CD69CD4+. Resultados: Embora na sua grande maioria não tenham sido encontradas diferenças significativas entre os dois grupos de participantes, verificaram-se em algumas populações celulares, resultados que nos mereceram alguns comentários. Neste artigo debruçámo-nos apenas sobre as populações positivas para os CD4, CD8 e CD19.Discussão: A menor concentração das células CD4+ na nossa população de dislipidémicos foi aparentemente inesperada devido ao relacionamento existente entre este tipo celular, os factores de risco e a aterosclerose. Não foram determinados os subtipos Th1 e Th2, nem a população de células reguladoras CD4+CD25+, que poderiam explicar a

  20. [Laparoscopic surgery of gastroesophageal reflux in children].

    PubMed

    Dias, Ana; Amaral, Marina; Trindade, Eunice; Dias, Jorge Amil; Campos, Miguel; Estevão-Costa, José

    2013-01-01

    Introdução: O refluxo gastroesofágico na criança é frequente e geralmente inócuo. Contudo, perante doença de refluxo gastroesofágico pode impor-se o tratamento cirúrgico, o qual pode ser realizado por via clássica ou laparoscópica. No presente estudo pretende-se avaliar a exequibilidade, eficácia e segurança da cirurgia antirrefluxo (fundoplicatura de Nissen) por via laparoscópica com ênfase no recém-nascido, lactente e primeira infância.Material e Métodos: Estudaram-se as crianças com refluxo gastroesofágico propostas para cirurgia por via laparoscópica entre janeiro 2006 e dezembro 2012 num Serviço de Cirurgia Pediátrica de um Hospital universitário. Realizou-se uma análise descritiva e comparativa por faixa etária (grupo I: <1 ano, grupo II: 1-3 anos, grupo III: > 3 anos) e presença de comorbilidades. Foram avaliados os seguintes parâmetros: demografia, sintomatologia, comorbilidades, indicações operatórias, perioperatório e evolução pós-operatória. Foi assumido um nível de significância de 5%.Resultados: Foram propostas 55 crianças, das quais 12 do grupo I, 15 do grupo II e 28 do grupo III. 50,9% apresentavam comorbilidades (21 com doença do sistema nervoso central e sete com atresia esofágica). Em 52 (94,5%) casos, a cirurgia foi exequível exclusivamente por via laparoscópica. A duração do procedimento foi de 167 ± 42 minutos, sem diferenças significativas entre grupos etários, mas superior na doença do sistema nervoso central. Com um seguimento de 35,5 ± 23,9 meses, ocorreram as seguintes complicações: síndrome de gas-bloat, dumping e disfagia em oito casos (15,7%) e hérniaparaesofágica em dois casos (3,9%), sem diferenças significativas entre os grupos; verificou-se recidiva clínica com reoperação em dois casos.Conclusão: A fundoplicatura de Nissen laparoscópica é um procedimento exequível, eficaz e com baixa morbilidade, inclusive em recém-nascidos, lactentes e na primeira infância.

  1. [SwapINN: analytic study about prescription swaps at pharmacies].

    PubMed

    Moutinho, Ana; Alexandra, Denise; Rodrigues, Renata

    2014-01-01

    Introdução: A prescrição obrigatória por DCI foi imposta em 2012, para redução de custos do SNS e motivou discussão entre as partes envolvidas. Estudámos, numa população real, a dinâmica prescrição-dispensa de medicamentos.Objetivos: Determinar a percentagem de prescrições substituídas; avaliar os fatores associados à substituição; identificar as respetivas justificações; quantificar os diferenciais dos custos para utente e Serviço Nacional de Saúde.Material e Métodos: Estudo analítico. Amostra de conveniência constituída pelos medicamentos prescritos de uma unidade de saúde, de 19 a 23 de Dezembro de 2011. Três dias depois, os utentes foram entrevistados telefonicamente. Software: Excel® e SPSS®. Testes: Qui-quadrado e Mann-Whitney; n.s. = 0,05.Resultados: Total de 255 prescrições. A maioria foi efetuada a mulheres (62%), idade média 52 anos, 4 anos de escolaridade (33%) e para situações agudas (53%). Foram substituídas 31% das prescrições, sem relação com idade, sexo ou escolaridade, nem com o médico prescritor ou farmácia. Os medicamentos prescritos para situações crónicas foram menos substituídos (p < 0,001), assim como as prescrições de marca (p < 0,001). Os anti-infeciosos e anti-alérgicos foram os grupos com mais substituições (p = 0,009). Os utentes não se aperceberam da substituição em 72% dos casos. Nos casos de substituição, o utente pagou, em média, mais 79% que o prescrito e o Serviço Nacional de Saúde 5%.Discussão/Conclusão: Verificou-se substituição de 31% das prescrições, com mais custos para utente e Serviço Nacional de Saúde. Consideramos possível viés de seleção, informação e registo. Sendo agora obrigatória a prescrição por DCI, sugerimos a análise regular, a nível nacional, com base nas aplicações informáticas em uso, da prescrição e respetiva dispensa.

  2. [A community-based study of stroke code users in northern Portugal].

    PubMed

    Moutinho, Mariana; Magalhães, Rui; Correia, Manuel; Silva, M Carolina

    2013-01-01

    Introdução: Em 2002 Portugal detinha uma das mais altas taxas de mortalidade por doenças cerebrovasculares entre os países europeus. Várias estratégias foram adoptadas para melhorar a prevenção da doença e o seu tratamento na fase aguda, entre as quais a criação da Via Verde do Acidente Vascular Cerebral. O objectivo deste trabalho é descrever a utilização e resultados desta estratégia no contexto de um registo prospectivo comunitário na Região Norte de Portugal. Material e Métodos: Foram registados todos os AVCs ocorridos entre 1 de Outubro de 2009 e 30 de Setembro de 2010 nos utentes inscritos no agrupamento de centros de saúde do Porto Ocidental e nos de Mirandela e Vila Pouca de Aguiar. Para a detecção de casos utilizaram-se múltiplas fontes de informação: notificação via WEB, e-mail, Alerta P1 e pesquisas sistemáticas em registos disponibilizados pelas entidades envolvidas - urgências hospitalares, listas de altas, procedimentos de diagnóstico, óbitos, Via Verde do Acidente Vascular Cerebral e serviço de atendimento de situações urgentes. Resultados: Ocorreram 600 AVCs em 241 000 habitantes (taxa de incidência de 250 / 100 000), dos quais 434 foram primeiros na vida (180 / 100 000). Foram registados 72 acessos à Via Verde do Acidente Vascular Cerebral, dos quais 66,7% foram diagnosticados como AVC. Considerando os quatro critérios de activação (idade ≤ 80 anos, independência funcional, sinais/sintomas do AVC e tempo após episódio ≤ 3 horas), só 15,9% dos doentes a poderiam utilizar e, dos utilizadores, apenas 56,3% satisfaziam esses critérios. Dos doentes com critérios de activação, foram internados 96,3% pela VV pré-hospitalar, 83,3% pela VV intra/inter-hospitalar e 64,0% dos restantes; a fibrinólise foi realizada em 77,3%, 36,4% e 17,4% dos doentes com enfarte cerebral, respectivamente. O Rankin pós- AVC é mais grave nos utilizadores da VV pré-hospitalar (70,3% vs. 35,3%), mas estes apresentam mais

  3. [Burnout in Portuguese Healthcare Professionals: An Analysis at the National Level].

    PubMed

    Marôco, João; Marôco, Ana Lúcia; Leite, Ema; Bastos, Cristina; Vazão, Maria José; Campos, Juliana

    2016-01-01

    Introdução: O burnout é uma síndrome psicológica, caracterizada por elevada exaustão emocional, elevada despersonalização e baixa realização profissional, que conduz à erosão dos valores pessoais, profissionais e de saúde. Este estudo reporta a prevalência do burnout em profissionais de saúde Portugueses. Material e Métodos: Os níveis de burnout foram estimados pelo Maslach Burnout Inventory - Human Services Survey numa escala ordinal de zero (nunca) a seis (sempre) pontos. A amostra foi constituída por 1 262 enfermeiros e 466 médicos com médias de idade de 36,8 anos (DP = 12,2) e 38,7 (DP = 11,0), respetivamente. Os participantes foram provenientes de todos os distritos nacionais (35% Lisboa; 18% Porto; 6% Aveiro, 6% Setúbal, 5% Coimbra; 5% regiões autónomas), com atuação em meio hospitalar (54%), centros de saúde (Unidade de Saúde Familiar - 30%; Unidades de Cuidados de Saúde Primários - 8%) e outras instituições públicas/privadas (8%). Resultados: A análise dos níveis de burnout revelou que ambas as categorias profissionais apresentaram níveis moderados a elevados de burnout (M = 3,0; DP = 1,7) não sendo significativas as diferenças entre as duas profissões. Vila Real (M = 3,8; SD = 1,7) e a Madeira (M = 2,5; DP = 1,5) são as regiões onde os níveis de burnout são mais e menos elevados, respetivamente. Os níveisde burnout não diferiram significativamente entre Hospitais, Unidades de Cuidados de Saúde Personalizados e Unidades de Saúde Familiares. Os profissionais com maior tempo na função são menos acometidos por burnout (r = -0,15) não ocorrendo associação significativa com a duração da jornada de trabalho (r = 0,04). A má qualidade das condições de trabalho foi o melhor preditor do burnout (r = -0,35). Discussão: A ocorrência da síndrome de burnout em profissionais de saúde portugueses é frequente, estando associada à percepção de más condições de trabalho e à menor duração do tempo de servi

  4. Minimal Hepatic Encephalopathy: The Reality Beyond Our Eyes.

    PubMed

    Barbosa, Mara; Marinho, Carla; Mota, Paula; Cotter, José

    2015-01-01

    Introdução: A encefalopatia hepática mínima define-se como um défice neurocognitivo ligeiro, não detectável ao exame clínico, que pode estar presente nos doentes cirróticos. Objectivo: Determinar a prevalência da encefalopatia hepática mínima num hospital prestador de cuidados de saúde secundários no Norte de Portugal. Material e Métodos: Realizou-se um estudo transversal em que foram incluídos os doentes cirróticos seguidos na consulta externa. Critérios de exclusão: encefalopatia hepática clínica, iliteracia, consumo activo de álcool e terapêutica com fármacos psicotrópicos ou lactulose. A presença de encefalopatia hepática mínima foi definida como um valor ≥ -4 na Pontuação Psicométrica da Encefalopatia Hepática, calculado de acordo com as normas portuguesas. Analisaram-se as variáveis: etiologia e gravidade da doença hepática e concentração da amónia sanguínea venosa. Considerou-se o valor de p < 0,05 como significativo. Resultados: Dos 102 doentes avaliados, 41 foram incluídos: 31 homens, idade média de 57 ± 10 anos, escolaridade média de 5 ± 2 anos, 31 Child-Pugh classe A, score MELD médio de 6 ± 3. Foi diagnosticada encefalopatia hepática mínima em 14 (34%) doentes. A presença de encefalopatia hepática mínima não se relacionou com a gravidade da doença hepática. Apesar de mais elevado, o valor médio da concentração da amónia venosa nos doentes com encefalopatia hepática mínima não foi significativamente diferente do valor médio da concentração da amónia venosa nos doentes sem encefalopatia hepática mínima (48,5 ± 13,3 vs. 45,6 ± 15,6 μmol/L, p = 0,555). Discussão: A prevalência da encefalopatia hepática mínima descrita está de acordo com os dados internacionais. Conclusão: A encefalopatia hepática mínima é uma entidade frequente que está presente precocemente na história natural da cirrose, mesmo em doentes compensados. Consequentemente, esta condição escondida deve ser

  5. [The geography of diabetes mellitus in Portugal: how context influence the risk of dying].

    PubMed

    Santana, Paula; Costa, Cláudia; Loureiro, Adriana; Raposo, João; Boavida, José Manuel

    2014-01-01

    Introdução: A Diabetes Mellitus é um problema de saúde pública em crescimento em todo o mundo e também em Portugal. Pretendemos identificar a evolução do padrão geográfico desta causa de morte e a associação com a privação sociomaterial, em Portugal. Material e Métodos: Estudo ecológico transversal dos óbitos por Diabetes Mellitus ocorridos nos municípios portugueses em três períodos (1989-1993, 1999-2003 e 2006-2010). Aplicámos um modelo hierárquico bayesiano, de modo a obter a Razão Padronizada de Mortalidade Suavizada e o Risco Relativo, de mortalidade por diabetes associado à privação sociomaterial. Resultados: Observámos os valores da Razão Padronizada de Mortalidade Suavizada mais elevados, em 1989-1993, nos municípios urbanos do litoral (80% dos municípios com Razão Padronizada de Mortalidade Suavizada ≥ 161, sendo 60% urbanos); em 2006-2010 verificámos o oposto, destacando-se, pelos valores de Razão Padronizada de Mortalidade Suavizada elevados, as áreas rurais localizadas no interior sul do país (76,9% dos municípios com Razão Padronizada de Mortalidade Suavizada ≥ 161 sendo 69,2% rurais), principalmente no Alentejo. O Risco Relativo de mortalidade por Diabetes Mellitus aumenta com o aumento da vulnerabilidade associada às condições sociais e económicas da área de residência, principalmente nos dois últimos períodos (Risco Relativo: 1,00; IC95%: 0,98-1,02). Discussão: A Diabetes Mellitus apresenta um padrão geográfico marcado pela assimetria litoral-interior e urbano-rural, que tem vindo a alterar-se ao longo dos últimos vinte anos, verificando-se uma transição geográfica: 48% da população reside em municípios em que a Razão Padronizada de Mortalidade Suavizada aumentou nos últimos vinte anos, com destaque para as áreas rurais do interior de Portugal. Conclusão: As Razões Padronizadas de Mortalidade Suavizada mais elevadas verificam-se, actualmente, em municípios rurais, com índice de priva

  6. Anatomy of Ursa Majoris

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Karachentsev, I. D.; Nasonova, O. G.; Courtois, H. M.

    2013-03-01

    A nearby friable cloud in Ursa Majoris contains 270 galaxies with radial velocities 500 < VLG < 1500 km s-1 inside the area of RA = [11^h. 0, 13^h. 0] and Dec. = [ + 40°, +60°]. At present, 97 galaxies of them have individual distance estimates. We use these data to clarify the structure and kinematics of the UMa complex. According to Makarov & Karachentsev, most of the UMa galaxies belong to seven bound groups, which have the following median parameters: velocity dispersion of 58 km s-1, harmonic projected radius of 300 kpc, virial mass of 2 × 1012 M⊙ and virial mass-to-K-band luminosity ratio of 27 M⊙/L⊙. Almost a half of the UMa cloud population are gas-rich dwarfs (Ir, Im, BCD) with active star formation seen in the GALEX UV-survey. The UMa groups reside within 15-19 Mpc from us, being just at the same distance as the Virgo cluster. The total virial mass of the UMa groups is 4 × 1013 M⊙, yielding the average density of dark matter in the UMa cloud to be Ωm = 0.08, i.e. a factor of 3 lower than the cosmic average. This is despite the fact that the UMa cloud resides in a region of the Universe that is an apparent overdensity. A possible explanation for this is that most mass in the Universe lies in the empty space between clusters. Herewith, the mean distances and velocities of the UMa groups follow nearly undisturbed Hubble flow without a sign of the `Z-wave' effect caused by infall towards a massive attractor. This constrains the total amount of dark matter between the UMa groups within the cloud volume.

  7. UX Ursae Majoris as a SW Sex star

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Neustroev, V. V.; Suleimanov, V. F.; Borisov, N. V.; Belyakov, K. V.; Shearer, A.

    2010-11-01

    We present an analysis of time-resolved, medium resolution optical spectroscopic observations of UX UMa in the blue (3920-5250 A˚) and red (6100-7200 A˚) wavelength ranges in April 1999 and March 2008, respectively. UX UMa has been in different states during those observations. Doppler tomography method was used to accretion disc structure investigation in both states. During the observations in 1999, UX UMa showed many of the defining properties of the SW Sex stars. However, all these features almost completely disappeared in 2008. We have also estimated the radial velocity semi-amplitude K1.

  8. Magnetic anisotropy engineering: Single-crystalline Fe films on ion eroded ripple surfaces

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Liedke, M. O.; Körner, M.; Lenz, K.; Grossmann, F.; Facsko, S.; Fassbender, J.

    2012-06-01

    We present a method to preselect the direction of an induced in-plane uniaxial magnetic anisotropy (UMA) in thin single-crystalline Fe films on MgO(001). Ion beam irradiation is used to modulate the MgO(001) surface with periodic ripples on the nanoscale. The ripple direction determines the orientation of the UMA, whereas the intrinsic cubic anisotropy of the Fe film is not affected. Thus, it is possible to superimpose an in-plane UMA with a precision of a few degrees—a level of control not reported so far that can be relevant for example in spintronics.

  9. STRATEGIES IN SEARCHING HOMOGENEITY IN A FACULTY OF A POSTGRADUATE PROGRAM.

    PubMed

    Cecatti, José G; Fernandes, Karayna G; Souza, Renato T; Silveira, Carla; Surita, Fernanda G

    2015-01-01

    students´ teams. O docente tem importância fundamental no programa de pós-graduação, pois é quem planeja e executa grande parte das tarefas, sendo também o responsável por difundir conhecimentos aos alunos. O professor deve utilizar recursos didáticos que o qualifiquem continuamente, criando condições favoráveis para que o aluno se desenvolva e aprenda da melhor maneira e com mais facilidade. A homogeneidade no grupo de pós-graduação consiste da presença de subgrupos de pesquisa correspondentes às Áreas de Concentração, onde cada subgrupo trabalhe com algumas linhas de pesquisas diversificadas. É desejável que o corpo docente tenha significativa produção científica, de qualidade e distribuída homogeneamente entre os docentes. Estes devem sistematicamente buscar recursos em agências de fomento para pesquisa, tanto para o custeio dos estudos, quanto para a valorização dos pesquisadores envolvidos em todas as atividades. Os programas de pós-graduação precisam investir na formação de seus docentes, os quais devem aprimorar seus conhecimentos em epidemiologia de estudos clínicos, ética em pesquisa e em didática. Duas das características do sistema de pós-graduação no Brasil são a nucleação e a solidariedade, embasadas na capacidade e/ou interesse dos mais estruturados se solidarizarem com os programas iniciantes, cooperando com as suas atividades. A Capes valoriza a inserção social no contexto das atividades dos programas de pós-graduação, prevendo nos critérios de avaliação o reconhecimento de atividades com impacto tecnológico, cultural, educacional e social. Existe um modelo ideal de pós-graduação? Partimos do pressuposto de que não há uma fórmula matemática ou modelo ideal de pós-graduação e sim que cada instituição deve se adequar e buscar aperfeiçoar seu corpo docente e discente.

  10. Conversations with Marcgrave: the Origin of Modern Astronomy in the Southern Hemisphere (Spanish Title: Conversando con Marcgrave: El Origen de la Astronomía Moderna en el Hemisferio Sur) Conversando Com Marcgrave: a Origem da Moderna Astronomia no Hemisfério Sul

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Medeiros, Alexandre; Araújo, Fábio

    2005-12-01

    primer observatorio astronómico del hemisferio y autor de las primeras observaciones astronómicas sistemáticas utilizando telescopios de este lado del mundo. Nuestra "conversación" con Marcgrave es imaginada en el marco del Recife antiguo, lugar donde él vivió durante el período de Mauricio de Nassau, y reune algunos colegas profesores apasionados por la enseñanza de la Astronomía. La historia es contada, de esta forma, dentro de un clima ameno y hasta un poco divertido, si bien las informaciones históricas y conceptuales contenidas en ella están basadas en fuentes bibliográficas confiables, debidamente referenciadas al final del texto. Estas fuentes van desde la obra original de este científico, en la cual aparece su relato sobre la observación de un eclipse solar en Recife, pasando por obras clásicas respecto de él mismo, como la del profesor Juliano Moreira, hasta fuentes mucho más recientes como el influyente trabajo del profesor John North. Otros textos importantes referidos al período de la colonización holandesa en el Brasil, tales como las obras clásicas de Charles Boxer, Bouman y Boogaart entre otros, son también utilizados en la construcción de esta dramatización pedagógica que se refiere a un interesante capítulo de la Historia de la Astronomía. O ano de 2004 assinala os 400 anos do nascimento do conde Maurício de Nassau, um importante personagem da história do Brasil. O presente texto está relacionado com o período do domínio holandês em Pernambuco. O artigo tenta resgatar o começo do estudo da Astronomia no hemisfério Sul. Para tal, idealizamos uma dramatização de uma entrevista fictícia com o astrônomo alemão Georg Marcgrave, construtor do primeiro observatório astronômico deste hemisfério e autor das primeiras observações astronômicas sistemáticas com o uso de telescópios neste lado do mundo. Nossa "conversa" com Marcgrave é idealizada no cenário do Recife antigo, local em que ele viveu no período de Maur

  11. Astronomy Teaching in Argentina in the 19th Century. (Spanish Title: La Enseñanza de la Astronomía en la Argentina del Siglo XIX.) O Ensino de Astronomia na Argentina no Século XIX

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Norberto Cornejo, Jorge; Santilli, Haydée

    2010-12-01

    según el positivismo francés, y el segundo de acuerdo al positivismo alemán. También señalaremos la distinta actitud de ambos observatorios frente a la educación. En esta última dimensión veremos cómo las ideas positivistas tuvieron gran importancia en la formación de maestros impartida en las Escuelas Normales. Estableceremos también la relevante influencia del contexto socio-histórico en el desarrollo de la astronomía, y, a su vez, apreciaremos que esta última fue un actor social fundamental en la Historia Argentina. Domingo F. Sarmiento acreditava que a astronomia de Copérnico fosse uma das disciplinas científicas fundamentais para a formação de um cidadão "moderno". Neste trabalho estudaremos astronomia a partir de duas perspectivas: a científica e a educacional Nosso estudo será desenvolvido para a Argentina no século XIX, a partir da iniciativa de Bernardino Rivadavia, em 1821, que estabeleceu um observatório astronômico em Buenos Aires, até as primeiras atividades dos observatórios de Córdoba e La Plata. Em ambas as perspectivas, científica e educativa, vamos analisar a influência das ideias positivistas. Discutiremos como existiram diferenças epistemológicas entre eles, o Observatório de Córdoba orientado de acordo com o positivismo francês, e La Plata, de acordo com o positivismo alemão. Ambos os observatórios tinha uma atitude diferente em relação à educação. As ideias positivistas foram muito importantes para treinar professores do ensino primário na Argentina. Nós iremos enfatizar a importante influência do contexto sócio-histórico na astronomia, já que esta ciência foi um importante ator social na história da Argentina.

  12. [Measuring Instruments of the Quality of Life Pediatric Palliative Care].

    PubMed

    Araújo, Joana; Dourado, Marília; Ferreira, Pedro Lopes

    2015-01-01

    Introdução: Os cuidados paliativos estão intimamente ligados ao conceito de qualidade de vida. Neste trabalho, focaremos a nossa atenção na necessidade de avaliar a qualidade de vida em cuidados paliativos pediátricos oncológicos.Objetivo: Descrever/comparar os instrumentos de medição da qualidade de vida em cuidados paliativos pediátricos oncológicos. Material e Métodos: Pesquisa da bibliográfica dos vários instrumentos de medição da qualidade de vida das crianças em cuidados paliativos, em inglês e português, entre 2000 e 2013, nas bases de dados reconhecidas para este efeito. Resultados: Encontraram-se quinze instrumentos de medição: 10 genéricos e cinco específicos. Identificou-se, para cada instrumento de medição, país de origem, faixa etária para que se encontra direcionado, modalidade de preenchimento, número de dimensões avaliadas, descrição das dimensões, número de perguntas, propriedades psicométricas e validação para português. Discussão: Verifica-se que tem havido uma crescente preocupação em medir a qualidade de vida em idade pediátrica e que a maioria dos instrumentos de medição foi desenhada, nos Estados Unidos, após 1994, coincidindo temporalmente com a definição de qualidade de vida da Organização Mundial de Saúde. Relativamente à faixa etária, a maioria dos instrumentos foi desenvolvida para crianças com idade igual ou superior a oito anos não existindo nenhum para ser respondido apenas pela criança. Podemos verificar que a maioria dos instrumentos de medição, sobretudo os mais atuais, procuram envolver a criança na avaliação da sua própria qualidadede vida relacionada com a saúde através do autopreenchimento (n = 10). Porém, há ainda uma dependência substancial dos pais para a medição da qualidade de vida relacionada com a saúde dos seus filhos, apesar dos estudos que demonstram diferenças na perceção de qualidade de vida relacionada com a saúde entre a criança e os pais

  13. Light and Velocity Curves and Absolute Parameters of Several Overcontact Binary Stars

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Lu, Wenxian; Hrivnak, B. J.; Greene, R.

    2006-09-01

    We are continuing to observe and analyze the light and velocity curves of overcontact binary star systems to determine their physical parameters: mass, radius, and luminosity. We will present the results of several new studies, including W UMa itself.

  14. Optimization of Ionic Liquid Based Simultaneous Ultrasonic- and Microwave-Assisted Extraction of Rutin and Quercetin from Leaves of Velvetleaf (Abutilon theophrasti) by Response Surface Methodology

    PubMed Central

    Zhao, Chunjian; Lu, Zhicheng; He, Xin; Li, Zhao; Shi, Kunming; Yang, Lei; Fu, Yujie; Zu, Yuangang

    2014-01-01

    An ionic liquids based simultaneous ultrasonic and microwave assisted extraction (ILs-UMAE) method has been proposed for the extraction of rutin (RU), quercetin (QU), from velvetleaf leaves. The influential parameters of the ILs-UMAE were optimized by the single factor and the central composite design (CCD) experiments. A 2.00 M 1-butyl-3-methylimidazolium bromide ([C4mim]Br) was used as the experimental ionic liquid, extraction temperature 60°C, extraction time 12 min, liquid-solid ratio 32 mL/g, microwave power of 534 W, and a fixed ultrasonic power of 50 W. Compared to conventional heating reflux extraction (HRE), the RU and QU extraction yields obtained by ILs-UMAE were, respectively, 5.49 mg/g and 0.27 mg/g, which increased, respectively, 2.01-fold and 2.34-fold with the recoveries that were in the range of 97.62–102.36% for RU and 97.33–102.21% for QU with RSDs lower than 3.2% under the optimized UMAE conditions. In addition, the shorter extraction time was used in ILs-UMAE, compared with HRE. Therefore, ILs-UMAE was a rapid and an efficient method for the extraction of RU and QU from the leaves of velvetleaf. PMID:25243207

  15. Perspectivas para mejorar la salud sexual de las minorías sexuales y de identidad de género en Guatemala

    PubMed Central

    Alonzo, Jorge; Mann, Lilli; Simán, Florence; Sun, Christina J.; Andrade, Mario; Villatoro, Guillermo; Rhodes, Scott D.

    2016-01-01

    Resumen Las minorías sexuales y de identidad de género en Guatemala son afectadas de manera desproporcionada por el VIH y otras infecciones transmitidas sexualmente (ITS). Sin embargo, poco se sabe de los factores que contribuyen al riesgo de infección en estas minorías. Investigadores de Estados Unidos y Guatemala quisimos informarnos sobre las necesidades de salud sexual e identificar características de programas de prevención de VIH/ITS para estas minorías. Llevamos a cabo 8 grupos focales con hombres gay, bisexuales y personas transgénero y entrevistas en profundidad con líderes comunitarios. Utilizamos el Método Comparativo Constante para analizar las transcripciones. Identificamos 24 factores que influyen en la salud sexual y 16 características de programas para reducir el riesgo de VIH/ITS en estas poblaciones. La identificación de factores de conductas sexuales de riesgo y de características de programas potencialmente efectivos ofrece gran potencial para desarrollar intervenciones que contribuyan a reducir el riesgo de infección por VIH/ITS en estas minorías en Guatemala. PMID:27494000

  16. [Treatment of trigeminal neuralgia: an update and future prospects of percutaneous techniques].

    PubMed

    Bescós, Agustín; Pascual, Vicenç; Escosa-Bage, Marcos; Malaga, Xavier

    2015-08-01

    Introduccion. La neuralgia del trigemino es uno de los sindromes de dolor facial mas graves. La incidencia anual varia entre el 4-13% y altera de forma significativa la calidad de vida de los afectados. Cuando el dolor no puede controlarse con tratamiento farmacologico, existen diferentes opciones quirurgicas. La seleccion de la tecnica esta basada en estudios observacionales y su aplicacion depende de la experiencia de cada centro. Objetivos. Evaluar la efectividad y el nivel de evidencia del tratamiento farmacologico y quirurgico en la neuralgia del trigemino, y analizar el papel actual de las tecnicas percutaneas en el tratamiento de esta patologia. Desarrollo. El tratamiento inicial de la neuralgia del trigemino es el farmacologico y la carbamacepina es el unico farmaco con suficiente nivel de evidencia. Las tecnicas quirurgicas percutaneas son efectivas y de facil aplicacion, pero la tendencia a la recidiva conduce a la preferencia por la microdescompresion vascular. Sin embargo, no hay estudios comparativos que determinen la superioridad de alguna tecnica con buen nivel de evidencia. Se han revisado las tres tecnicas percutaneas mas utilizadas, la compresion con balon, la rizotomia con glicerol y la termocoagulacion por radiofrecuencia. Esta ultima es la que ha presentado mayor desarrollo en los ultimos años, con la aparicion de tecnicas neurofisiologicas que pueden optimizar los resultados. Conclusiones. La seleccion de una tecnica quirurgica en la neuralgia del trigemino no esta bien apoyada por ensayos clinicos aleatorizados. Los nuevos procedimientos en la aplicacion de la radiofrecuencia pueden mejorar las perspectivas del tratamiento de esta patologia.

  17. [Validity and consistency of the ECAVIPEP and CAVE scales to assess quality of life in paediatric patients with epilepsy].

    PubMed

    García-Galicia, Arturo; García-Carrasco, Mario; Montiel-Jarquín, Álvaro J; García-Cuautitla, Marco A; Barragán-Hervella, Rodolfo G; Romero-Figueroa, M Socorro

    2014-10-01

    Introduccion. La epilepsia tiene un alto impacto en la calidad de vida del niño, por lo que es importante contar con instrumentos validados y consistentes para su evaluacion. Objetivo. Comparar la validez y consistencia de una nueva escala de calidad de vida para pacientes epilepticos pediatricos (ECAVIPEP) de un hospital mexicano con la escala CAVE ampliamente validada. Pacientes y metodos. Estudio comparativo, en el que se analiza la validez y consistencia de una nueva escala para evaluar la epilepsia en niños. Se realizo en niños epilepticos de 4-10 años mediante la aplicacion de una escala de calidad de vida, comparandola con la escala CAVE ampliamente validada. Se utilizo el alfa de Cronbach y la rho de Spearman para la validez y la consistencia. Resultados. Fueron 114 pacientes, 72 (63,1%) niños y 42 (36,8%) niñas. La consistencia interna dio un valor del alfa de Cronbach de 0,673. Para el analisis de validez convergente, comparando las puntuaciones obtenidas por la CAVE y por la ECAVIPEP, se obtuvo una rho de Spearman de 0,670 (p menor que 0). Conclusion. La ECAVIPEP es una escala valida y consistente para la evaluacion en niños de 4-10 años con epilepsia.

  18. [Levels of oxidative stress in serum and dietary behavior in adults in a rural area of Jalisco, Mexico].

    PubMed

    Navarro-Meza, Monica; Arroyo-Helguera, Omar; Pacheco-Moisés, Fermin; Pita-López, Maria Luisa; Santoyo-Telles, Felipe; Ortiz, Genaro G

    2014-12-01

    Introducción: El comportamiento alimentario establece la relación del ser humano con la alimentación, comprende hábitos alimentarios que podrían intervenir en el desarrollo del estrés oxidativo. Objetivos: Evaluar la relación de indicadores de estrés oxidativo (lipoperóxidos) y capacidad antioxidante (ácido ascórbico, catalasa, superóxido dismutasa) con el comportamiento alimentario en adultos que residen en Teocuitatlán de Corona, Jalisco, México. Método: Estudio observacional, descriptivo, transversal, comparativo de 44 adultos de 43 a 88 años de edad. Se aplicó un instrumento de comportamiento alimentario. Los resultados del cuestionario se relacionaron con los indicadores de estrés oxidativo. Se utilizó estadística descriptiva, distribución de frecuencias y análisis de co-varianza con ajuste de variables, se consideró una significancia de p.

  19. [Nutrition and child development II; a comparison of physical development in two school children groups with different income level (Rev Clin Esp 1944; 12:155-164) ].

    PubMed

    Grande Covián, F; Rof Carballo, J; Jiménez García, F

    2014-09-01

    El estudio comparativo de dos grupos de niños en edad escolar y de nivel económico diferente demuestra que los que pertenecen a un suburbio madrileño económicamente pobre sufren un retraso en el crecimiento que se caracteriza por una talla y un peso inferiores en relación con la edad. El retraso del peso corporal es proporcionalmente mayor al de la talla. Cuando se calcula según WETZEL la edad que teóricamente corresponde al desarrollo corporal de estos niños se observa un retraso de 2,94 años para una edad término medio de 10,14 años. El retraso global del desarrollo somático representa por tanto el 29 por 100 de la edad cronológica media. Este retraso en el desarrollo debe atribuirse principalmente a causas dietéticas y no solo a carencias específicas, sino sobre todo a insuficiencia cuantitativa en la dieta consumida. Desde el punto de vista cualitativo es probablemente la falta de leche en la dieta uno de los más importantes factores en la génesis de este trastorno del desarrollo.

  20. [Epilepsy and cognition: the role of antiepileptic drugs].

    PubMed

    García-Peñas, Juan José; Fournier-Del Castillo, M Concepción; Domínguez-Carral, Jana

    2014-02-24

    Introduccion. Multiples y muy diversos factores se relacionan con la alteracion cognitiva en la epilepsia, incluyendo el efecto adverso directo de los farmacos antiepilepticos (FAE). El uso de los FAE requiere de un riguroso equilibrio entre riesgo y beneficio para conseguir asi el mejor control de las crisis con el menor numero de efectos adversos neurocognitivos. Objetivo. Analizar los efectos adversos cognitivos generales y especificos de los FAE de primera, segunda y tercera generacion. Desarrollo. Todos los FAE disponibles pueden producir efectos adversos cognitivos, que son mas frecuentes en politerapia, con dosis totales altas y niveles sericos elevados. Las alteraciones mas comunes son el descenso de la capacidad de reaccion y de la velocidad de procesamiento con afectacion concomitante de la memoria, la atencion y el lenguaje. Sin embargo, hay gran controversia sobre la existencia o no de perfiles cognitivos especificos para cada uno de los distintos FAE y se dispone de una informacion contradictoria al respecto por la inadecuada metodologia de los estudios comparativos. Conclusiones. Los efectos adversos cognitivos de los FAE son frecuentes y pueden afectar negativamente la tolerabilidad, el cumplimiento y el mantenimiento a largo plazo del tratamiento antiepileptico. Se debe considerar el potencial efecto adverso cognitivo de los distintos FAE a la hora de elegir un tratamiento y es importante reconocer e identificar precozmente estos efectos adversos y saber como pueden afectar a los pacientes.

  1. [Factors associated with atelectasis following extubation in very low weight premature newborns].

    PubMed

    Castilla-Castilla, Cristina María Del Carmen; Vidales-Roque, Lydia Beatriz; Pérez-Durán, Juana; Tena-Reyes, Daniel; Tapia-Rombo, Carlos Antonio

    2014-01-01

    INTRODUCCIÓN: la atelectasia es la disminución del volumen pulmonar causada por obstrucción de las vías aéreas o presión en la parte externa del pulmón. Es común después de una cirugía y de la extubación. El objetivo de esta investigación fue determinar los factores relacionados con la atelectasia posterior a extubación en recién nacidos prematuros con peso menor de 1250 g que fueron referidos a una unidad de cuidados intensivos neonatales. MÉTODOS: el estudio se realizó en los neonatos que ingresaron a una unidad de cuidados intensivos neonatales y que ameritaron asistencia mecánica para la ventilación. Se incluyeron los recién nacidos pretérmino de 28 a 36 semanas de gestación y de 0 a 28 días de vida extrauterina, con asistencia mecánica para la ventilación por lo menos durante 24 horas y que al ser extubados en forma planeada tuvieron un peso menor a 1250 g. Se formaron dos grupos comparativos: grupo A, con atelectasias posterior a extubación; grupo B, sin atelectasia posterior a extubación.

  2. [Isokinetic and functional lumbar evaluation in workers pensioned with disability].

    PubMed

    Navarro-Trujillo, Luz Rocío; Mireles-Pérez, Ana Bárbara Isabel; Castañeda-Borrayo, Yaocihuatl; Plascencia-García, José Luis

    2013-01-01

    Introducción: en 2008 se formularon 13 371 dictámenes de invalidez en Jalisco, gran parte de ellos motivados por lesiones de la columna lumbar. La mayoría es de naturaleza definitiva y requiere evaluaciones completas de las capacidades lumbares. El objetivo de esta investigación fue evaluar la funcionalidad de la columna lumbar con el cuestionario de Oswestry y con el estudio isocinético en pensionados por lesiones lumbares. Métodos: estudio comparativo de 20 trabajadores con dictamen de invalidez por lesiones lumbares, a quienes se les solicitó realizar ejercicios isocinéticos y contestar el cuestionario de Oswestry. Resultados: con el cuestionario de Oswestry se determinó una discapacidad de 60 %. En cuanto a la evaluación isocinética, en la extensión se obtuvo un torque máximo de 44 Nw. En el trabajo fatiga se encontraron una media y una moda de cero. En la flexión, el torque máximo fue de -75.5 Nw. En la potencia, la moda fue de 40 V. En el trabajo-fatiga, la media y la moda fueron de cero. Conclusiones: la evaluación isocinética no fue normal en ninguno de los trabajadores, con lo que se corroboró la invalidez.

  3. [Clinical improvement of diabetic neuropathy with carbamazepine or diclofenac treatment].

    PubMed

    Tinoco-Samos, Andrea; Córdova-Pérez, Nydia; Arenas-Téllez, Juan Manuel; Vargas-Girón, Antonio; Zárate, Arturo; Hernández-Valencia, Marcelino

    2013-01-01

    Introducción: la neuropatía diabética afecta diversos aspectos de la vida del paciente, pero aún no hay un tratamiento específico. Se hizo un análisis comparativo de la mejoría clínica con manejo de carbamazepina y diclofenaco. Métodos: estudio prospectivo, longitudinal, de dos grupos de pacientes diabéticos con signos y síntomas de neuropatía diabética: 30 usaron 200 mg de carbamazepina cada 24 horas por una semana, con incremento gradual hasta 200 mg cada seis horas por 10 meses; 29 utilizaron 100 mg de diclofenaco sódico cada 12 horas. Se hicieron evaluaciones bimestrales para graduar el dolor según la percepción del paciente. Los estudios de laboratorio incluyeron glucosa y perfil de lípidos. Se empleó Anova para mediciones repetidas. Resultados: los pacientes tratados con carbamazepina no tuvieron dolor después de 10 meses de tratamiento, a diferencia del grupo con diclofenaco (p < 0.01). Con la carbamazepina disminuyeron los calambres y mejoró la fuerza muscular, la presencia de pulsos y la percepción de temperatura y presión (p < 0.05). Los tres últimos se deterioraron con el diclofenaco. Conclusiones: hay que reconocer la sintomatología en pacientes diabéticos para dar el tratamiento adecuado.

  4. [In vitro effect of the S3Pvac vaccine against cysticercosis in human mononucleate cells].

    PubMed

    Díaz-Orea, María Alicia; Mijares, José Miguel; Arcega, Raúl; Gómez-Conde, Eduardo; Castellanos-Sánchez, Víctor Omar; Briones-Rojas, Rosendo; Flores-Alonso, Juan Carlos; Marín-Briones, Miguel Ángel; Santos-López, Gerardo

    2013-05-01

    Introduccion. La neurocisticercosis (NCC) es una infeccion parasitaria generada por el establecimiento de cisticercos de Taenia solium en el sistema nervioso central. La fase larvaria del parasito tambien afecta al cerdo, que es el huesped intermediario indispensable para la transmision. Por tal motivo, muchos investigadores se han enfocado en identificar antigenos protectores para prevenir la cisticercosis porcina e interrumpir la transmision. Entre ellos figuran los antigenos de la vacuna S3Pvac, constituida por tres peptidos protectores: KETc1, KETc12 y GK1. Objetivo. Evaluar el efecto de los peptidos vacunales KETc1, KETc12 y GK1 en celulas mononucleares de pacientes con NCC e individuos sanos. Sujetos y metodos. Estudio comparativo, prospectivo y transversal. Se analizo la proliferacion y el perfil de citocinas inducidos por los tres peptidos en celulas mononucleares de tres pacientes con NCC activa, 16 pacientes con NCC calcificada y 16 sujetos sanos. Resultados. KETc1 induce bajos niveles de proliferacion en las celulas de los pacientes con NCC activa y controlada, tanto en linfocitos como en monocitos. KETc12 y GK-1 inducen niveles positivos de proliferacion de monocitos en sujetos sanos. Conclusiones. El peptido KETc1 podria usarse como coadyuvante en el tratamiento de los pacientes con NCC activa, ya que indujo una respuesta Th2; y el peptido GK1, como estimulador del monocito/macrofago en inmunizaciones con otras proteinas.

  5. [Relationship between dyslipidemia and severity in preeclampsia].

    PubMed

    Duarte-Mote, Jesús; Perez-Torres, Carolina; Espinosa-López, Rogelio; Eng-Castro, Víctor Lee; Calvo-Colindres, Jesús; Sánchez-Rojas, Graciela; Romero-Figueroa, Maria del Socorro

    2014-01-01

    Introducción: se ha identificado que los valores del colesterol y los triglicéridos (TG) son más altos en la preeclampsia que en el embarazo normal; sin embargo, aún no está claro si estos niveles tienen relación con la gravedad del proceso. El objetivo del estudio fue determinar si existe relación entre la dislipidemia y la gravedad en la preeclampsia. Métodos: estudio transversal comparativo en 200 pacientes, 100 con embarazo normal y 100 con preeclampsia. Se identificó edad, antecedentes ginecoobstétricos, colesterol total y TG. Se utilizó estadística descriptiva: t de Student para comparar el grupo de pacientes con preeclampsia y embarazos normales, y ANOVA y razón de momios para el subanálisis de preeclampsia leve y severa. Resultados: no se encontraron diferencias estadísticamente significativas en edad, ni en colesterol. Los TG presentaron una diferencia estadísticamente significativa: fueron más altos en relación con la gravedad de la preeclampsia (embarazo normal 245 mg, preeclampsia leve 308 mg y preeclampsia severa 349 mg). Conclusión: los niveles elevados de colesterol y TG en pacientes con preeclampsia no demostraron consistencia en relación con la gravedad de la preeclampsia.

  6. Physical Parameter Study of Eight W Ursae Majoris-type Contact Binaries in NGC 188

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Chen, Xiaodian; Deng, Licai; de Grijs, Richard; Zhang, Xiaobin; Xin, Yu; Wang, Kun; Luo, Changqing; Yan, Zhengzhou; Tian, Jianfeng; Sun, Jinjiang; Liu, Qili; Zhou, Qiang; Luo, Zhiquan

    2016-11-01

    We used the newly commissioned 50 cm Binocular Network telescope at Qinghai Station of Purple Mountain Observatory (Chinese Academy of Sciences) to observe the old open cluster NGC 188 in V and R as part of a search for variable objects. Our time-series data span a total of 36 days. Radial velocity and proper-motion selection resulted in a sample of 532 genuine cluster members. Isochrone fitting was applied to the cleaned cluster sequence, yielding a distance modulus of (m-M{)}V0 = 11.35+/- 0.10 {{mag}} and a total foreground reddening of E(V ‑ R) = 0.062 ± 0.002 mag. Light-curve solutions were obtained for eight W Ursae Majoris eclipsing binary systems (W UMas), and their orbital parameters were estimated. Using the latter parameters, we estimate a distance to the W UMas that is independent of the host cluster’s physical properties. Based on combined fits to six of the W UMas (EP Cep, EQ Cep, ES Cep, V369 Cep, and—for the first time—V370 Cep and V782 Cep), we obtain an average distance modulus of (m-M{)}V0 = 11.31+/- 0.08 {{mag}}, which is comparable to that resulting from our isochrone fits. These six W UMas exhibit an obvious period–luminosity relation. We derive more accurate physical parameters for the W UMa systems and discuss their initial masses and ages. The former show that these W UMa systems have likely undergone angular momentum evolution within a convective envelope (W-type evolution). The ages of the W UMa systems agree well with the cluster’s age.

  7. The nova-like variable KQ Mon and the nature of the UX Ursa Majoris stars

    NASA Technical Reports Server (NTRS)

    Sion, E. M.; Guinan, E. F.

    1982-01-01

    The KQ Mon is a UX UMa type nova-like variable discovered by Howard Bond. Optical spectra taken by Bond in 1978 reveal very shallow Balmer absorption lines and He I absorption. Bond also did UBV and high speed photometry in 1978 and early 1981. There has been no evidence of orbital variations but the appearance of the optical spectrum and the presence of low amplitude flickering suggested a strong similarity to CD-42-14462 (=V3885 Sgr) and other members of the UX UMa class. Low dispersion observations of KQ Mon were made with the International Ultraviolet Explorer satellite. Six spectra taken with the shot wavelength prime camera are dominated by strong broad absorption lines due to N V, O I, Si III, Si IV, C IV, He II, N IV, and Al III. There is little evidence of orbital phase modulation over the time baseline of the observations. Unlike UV observations of other UX UMa type objects, KQ Mon exhibits no emission lines or P Cygni type profiles and the velocity displacements appear to be smaller, suggesting the absence of a hot, high velocity wind characterizing other UX UMa stars. The relationship of KQ Mon to other UX UMa disk stars is discussed and a model is suggested to explain their observed properties and the lack of major outbursts.

  8. A nonclassical MHC class I U lineage locus in zebrafish with a null haplotypic variant

    PubMed Central

    Dirscherl, Hayley; Yoder, Jeffrey A.

    2015-01-01

    Three sequence lineages of MHC class I genes have been described in zebrafish (Danio rerio): U, Z, and L. The U lineage genes encoded on zebrafish chromosome 19 are predicted to provide the classical function of antigen presentation. This MHC class I locus displays significant haplotypic variation and is the only MHC class I locus in zebrafish that shares conserved synteny with the core mammalian MHC. Here we describe two MHC class I U lineage genes, mhc1ula and mhc1uma, that map to chromosome 22. Unlike the U lineage proteins encoded on chromosome 19, Ula and Uma likely play a nonclassical role as they lack conservation of key peptide binding residues, display limited polymorphic variation, and exhibit tissue-specific expression. We also describe a null haplotype at this chromosome 22 locus in which the mhc1ula and mhc1uma genes are absent due to a ∼30 kb deletion with no other MHC class I sequences present. Functional and non-functional transcripts of mhc1ula and mhc1uma were identified; however, mhc1uma transcripts were often not amplified or amplified at low levels from individuals possessing an apparently bona fide gene. These distinct U lineage genes may be restricted to the superorder Ostariophysi as similar sequences only could be identified from the blind cavefish (Astyanyx mexicanus), fathead minnow (Pimephales promelas), goldfish (Carassius auratus), and grass carp (Ctenopharyngodon idellus). PMID:26254596

  9. Cataclysmic Variables from Sloan Digital Sky Survey. IV. The Fourth Year (2003)

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Szkody, Paula; Henden, Arne; Fraser, Oliver J.; Silvestri, Nicole M.; Schmidt, Gary D.; Bochanski, John J.; Wolfe, Michael A.; Agüeros, Marcel; Anderson, Scott F.; Mannikko, Lee; Downes, Ronald A.; Schneider, Donald P.; Brinkmann, J.

    2005-05-01

    This paper continues the series presenting cataclysmic variables identified during the fourth year (2003) of the Sloan Digital Sky Survey. We describe 44 close binary systems, of which 12 are the previously known systems EN Cet, EG Cnc, V844 Her, GG Leo, Leo 7, CY UMa, DV UMa, EK UMa, EV UMa, UMa 8, EUVE J0854+390, and RX J0859.1+0537 and 32 are new cataclysmic variables. As in the previous papers, the positions, colors, and spectra of all 44 systems are shown, along with follow-up spectroscopic, photometric, and/or polarimetric observations of 15 of the new systems. The new objects include one eclipsing system, eight with prominent He II emission (of which two are confirmed new polars), and 12 systems showing features of the underlying stars. Our spectropolarimetry also confirms EUVE J0854+390 as a polar. Based on observations obtained with the Sloan Digital Sky Survey and with the Apache Point Observatory (APO) 3.5 m telescope, which are owned and operated by the Astrophysical Research Consortium (ARC).

  10. Stellar kinematic groups. I - The Ursa Major group

    NASA Technical Reports Server (NTRS)

    Soderblom, David R.; Mayor, Michel

    1993-01-01

    The Ursa Major Group (UMaG) is studied as a test case for the authenticity of Stellar Kinematic Groups, using Coravel radial velocities, recent compilations of astrometric data, and new spectroscopic observations. Spectroscopic age indicators, particularly indices of the strength of chromospheric emission, are applied to solar-type candidate members of UMaG, and it is shown that stars that meet the spectroscopic criteria also have kinematics that agree better with the space motions of the nucleus of UMaG than does the starting sample as a whole. The primary limitation on the precision of kinematics is now parallaxes instead of radial velocities. These more restrictive kinematic criteria are then applied to other UMaG candidates and a list summarizing membership is presented. UMaG is also examined as a cluster, confirming its traditional age of 0.3 Gyr, and a mean Fe/H of -0.08 +/- 0.09 for those stars most likely to be bona fide members.

  11. Ultraviolet studies of nova-like variables with the IUE. Final report, April 1981-September 1983

    SciTech Connect

    Guinan, E.F.

    1983-09-01

    KQ Mon is a new UX UMa-type nova-like variable. Optical spectra taken in 1978 reveal very shallow Balmer absorption lines and He I (wavelength 4471) absorption. There was no evidence of orbital variations but the appearance of the optical spectrum and the presence of low amplitude flickering suggested a strong similarity to CD-42 degrees 14462 ( V3885 Sgr) and other members of the UX UMa class. KQ Mon was observed at low dispersion with the IUE satellite. Six spectra taken with the short wavelength prime (SWP) camera are dominated by strong broad absorption lines due to N V, O I, Si III, Si IV, C IV, He II, N IV, and A1 III. There is little evidence of orbital phase modulation over the time baseline of the observations. Unlike UV observations of other UX UMa-type objects, KQ Mon exhibits no emission lines or P Cygni-type profiles and the velocity displacements appear to be smaller, suggesting the absence of a hot, high velocity wind characterizing other UX UMa stars. The relationship of KQ Mon to other UX UMa disk stars is discussed and a model is suggested to explain their observed properties and the lack of major outbursts.

  12. A nonclassical MHC class I U lineage locus in zebrafish with a null haplotypic variant.

    PubMed

    Dirscherl, Hayley; Yoder, Jeffrey A

    2015-09-01

    Three sequence lineages of MHC class I genes have been described in zebrafish (Danio rerio): U, Z, and L. The U lineage genes encoded on zebrafish chromosome 19 are predicted to provide the classical function of antigen presentation. This MHC class I locus displays significant haplotypic variation and is the only MHC class I locus in zebrafish that shares conserved synteny with the core mammalian MHC. Here, we describe two MHC class I U lineage genes, mhc1ula and mhc1uma, that map to chromosome 22. Unlike the U lineage proteins encoded on chromosome 19, Ula and Uma likely play a nonclassical role as they lack conservation of key peptide binding residues, display limited polymorphic variation, and exhibit tissue-specific expression. We also describe a null haplotype at this chromosome 22 locus in which the mhc1ula and mhc1uma genes are absent due to a ~30 kb deletion with no other MHC class I sequences present. Functional and non-functional transcripts of mhc1ula and mhc1uma were identified; however, mhc1uma transcripts were often not amplified or amplified at low levels from individuals possessing an apparently bona fide gene. These distinct U lineage genes may be restricted to the superorder Ostariophysi as similar sequences only could be identified from the blind cavefish (Astyanax mexicanus), fathead minnow (Pimephales promelas), goldfish (Carassius auratus), and grass carp (Ctenopharyngodon idella). PMID:26254596

  13. The dynamical stability of W Ursae Majoris-type systems

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Li, Lifang; Zhang, Fenghui

    2006-07-01

    Theoretical study indicates that a contact binary system would merge into a rapidly rotating single star due to tidal instability when the spin angular momentum of the system is more than a third of its orbital angular momentum. Assuming that W Ursae Majoris (W UMa) contact binary systems rigorously comply with the Roche geometry and the dynamical stability limit is at a contact degree of about 70 per cent, we obtain that W UMa systems might suffer Darwin's instability when their mass ratios are in a region of about 0.076-0.078 and merge into the fast-rotating stars. This suggests that the W UMa systems with mass ratio q <= 0.076 cannot be observed. Meanwhile, we find that the observed W UMa systems with a mass ratio of about 0.077, corresponding to a contact degree of about 86 per cent would suffer tidal instability and merge into the single fast-rotating stars. This suggests that the dynamical stability limit for the observed W UMa systems is higher than the theoretical value, implying that the observed systems have probably suffered the loss of angular momentum due to gravitational wave radiation (GR) or magnetic stellar wind (MSW).

  14. A deep, unusual over-contact binary system with high rate of mass transfer: LP Ursa Major

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Liao, Wen-Ping; Qian, Sheng-Bang; Zhao, Er-Gang; Li, Lin-Jia

    2015-06-01

    We observed the well-known unusual deep over-contact binary in 2012 and 2013. A new set of light curves and eight new observed times of light minima were derived. A total of 130 available CCD times of light minima were analyzed. The highest rate of long-term period increase in W UMa stars (+10.21 s century-1) was confirmed. The rapid period increase implies that the primary is accreting mass from the secondary at a high rate of {M} = 5.3 × 10^{-6} M_{⊙}yr-1. The asymmetric light curves (i.e., the O'Connell effect) were analyzed with the Wilson-Devinney Code. It was found that the spotted photometric solution with the third light is the best one for fitting the light curves. The main photometric results confirmed that LP UMa is an unusual W UMa system with a high mass ratio (q = 0.823 ± 0.003), deep-contact configuration (f = 66.6% ± 3.1%), and a temperature difference of Δ T = 700 K. The period increase in LP UMa may be a part of a long-period cyclic change because of the large third light contributions to the total system (61.52% in V, 61.39% in R, and 61.36% in I). All of these quite different properties make LP UMa a very interesting system to study. The possible evolutionary stage is also discussed.

  15. Is Ursa Major II the Progenitor of the Orphan Stream?

    SciTech Connect

    Fellhauer, M.; Evans, N.W.; Belokurov, V.; Zucker, D.B.; Yanny, B.; Wilkinson, M.I.; Gilmore, G.; Irwin, M.J.; Bramich, D.M.; Vidrih, S.; Hewett, Paul C.; /Cambridge U., Inst. of Astron. /Michigan State U.

    2006-11-01

    Prominent in the ''Field of Streams''--the Sloan Digital Sky Survey map of substructure in the Galactic halo--is an ''Orphan Stream'' without obvious progenitor. In this numerical study, we show a possible connection between the newly found dwarf satellite Ursa Major II (UMa II) and the Orphan Stream. We provide numerical simulations of the disruption of UMa II that match the observational data on the position, distance and morphology of the Orphan Stream. We predict the radial velocity of UMa II as -100kms{sup -1}, as well as the existence of strong velocity gradients along the Orphan Stream. The velocity dispersion of UMa II is expected to be high, though this can be caused both by a high dark matter content or by the presence of unbound stars in a disrupted remnant. However, the existence of a gradient in the mean radial velocity across UMa II provides a clear-cut distinction between these possibilities. The simulations support the idea that some of the anomalous, young halo globular clusters like Palomar 1 or Arp 2 or Ruprecht 106 may be physically associated with the Orphan Stream.

  16. Ultraviolet studies of nova-like variables with the IUE

    NASA Technical Reports Server (NTRS)

    Guinan, E. F.

    1983-01-01

    KQ Mon is a new UX UMa-type nova-like variable. Optical spectra taken in 1978 reveal very shallow Balmer absorption lines and He I (wavelength 4471) absorption. There was no evidence of orbital variations but the appearance of the optical spectrum and the presence of low amplitude flickering suggested a strong similarity to CD-42 degrees 14462 (=V3885 Sgr) and other members of the UX UMa class. KQ Mon was observed at low dispersion with the IUE satellite. Six spectra taken with the short wavelength prime (SWP) camera are dominated by strong broad absorption lines due to N V, O I, Si III, Si IV, C IV, He II, N IV, and A1 III. There is little evidence of orbital phase modulation over the time baseline of the observations. Unlike UV observations of other UX UMa-type objects, KQ Mon exhibits no emission lines or P Cygni-type profiles and the velocity displacements appear to be smaller, suggesting the absence of a hot, high velocity wind characterizing other UX UMa stars. The relationship of KQ Mon to other UX UMa disk stars is discussed and a model is suggested to explain their observed properties and the lack of major outbursts.

  17. [Rediscovery of Melipona subnitida Ducke (Hymenoptera: Apidae) in the "Restinga" in the Nacional Park Lençóis Maranhenses, Barreirinhas, MA, Brazil].

    PubMed

    Rêgo, Márcia; Albuquerque, Patrícia

    2006-01-01

    Approximately 95 years after the original description, a nest of Melipona subnitida Ducke was rediscovered in the state of Maranhão, in a restinga ecosystem of the Barreirinhas municipality, Northeastern Brazil. The voucher specimens are deposited in the collection of the "Laboratório de Estudos sobre Abelhas" of the "Departamento de Biologia UFMA".

  18. The 2003-2004 Superoutburst of SDSS J013701.06-091234.9

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Imada, A.; Ishioka, R.; Nogami, D.; Uemura, M.; Kato, T.; Vsnet Collaboration Team

    2005-08-01

    We report on time-resolved photometry of the superoutburst of a new SU UMa-type star, SDSS J013701.06-091234.9 in 2003 December-2004 January. The obtained lightcurves show superhumps with a period of 81.7 min, which is one of the shortest periods among known SU UMa-type stars. The fractional superhump excess is 0.025, slightly larger than that of TOADs. Spectroscopic observations provided evidence for TiO band, implying a peculiar nature of the system when taking into account the fact that there is almost no evidence for a secondary star among SU UMa stars with short orbital periods. We also derived a distance to J0137 to be about 300 pc.

  19. Spectroscopy and photometry of the dwarf nova BZ Ursae Majoris and the CV linewidth/K, mass-ratio relation

    NASA Technical Reports Server (NTRS)

    Jurcevic, J. S.; Honeycutt, R. K.; Schlegel, E. M.; Webbink, R. F.

    1994-01-01

    Time-resolved spectroscopy of the dwarf nova BZ Ursae Majoris (BZ UMa) reveals periodic velocity variations in the hydrogen emission lines with P = 97.9 +/- 0.1 min and K = 73 +/- 6 km/s. CCD photometry over a 16-month interval shows three outbursts of about 4 mag with a mean separation of 181 days. The mean full width at half maximum (FWHM) for the hydrogen beta emission is large, prompting a recalibration of the FWHM/K vs. mass ratio relation, giving a mass ratio (M(sub RD)/M(sub WD)) of 0.20 for BZ UMa. The short period, long outburst interval, and small mass ratio support the suggestion of BZ UMa being in the SU Ursae Majoris subclass of dwarf novae.

  20. CCD time-resolved photometry of faint cataclysmic variables. I

    NASA Technical Reports Server (NTRS)

    Howell, Steve; Szkody, Paula

    1988-01-01

    CCD time-resolved V and B differential light curves are presented for the dwarf novae AR And, FS Aur, TT Boo, UZ Boo, AF Cam, AL Com, AW Gem, X Leo, RZ Leo, CW Mon, SW UMa, and TW Vir. The time-series observations ranged from 2 to 6 hours and have accuracies of 0.025 mag or better for the majority of the runs. Except for AR And, X Leo, CW Mon, and TW Vir, the periods are below the cataclysmic-variable period gap (about 2 hours), and the systems are potential SU UMa stars. Photometric periods for five of the stars are the first such determinations, while those for the other seven generally confirm previous spectroscopic or photometric observations. In several cases, the photometric modulations are large amplitude (up to 0.5 mag). The results on AL Com and SW UMa indicate they may be magnetic variables.

  1. Na Cauda do Cometa

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Voelzke, M. R.

    2009-01-01

    Quando viam um cometa, os antigos gregos imaginavam uma estrela com uma vasta cabeleira. Não à toa, a palavra deriva do termo koma, que significa cabelo. Constituídos por fragmentos de gelo e gases, os cometas possuem um núcleo sólido, que pode ter vários quilômetros de diâmetro, e uma cauda que sempre aponta na direção contrária ao Sol, devido aos ventos solares. Graças à aparência de pontos luminosos em movimento (ao contrário de outros astros, que parecem estáticos), esses corpos celestes foram interpretados por diferentes povos com muito misticismo, inspirando mitos tanto de boas-novas como de maus presságios. Conheça algumas dessas histórias:

  2. Ultraviolet colors of W Ursae Majoris - Gravity darkening, temperature differences, and the cause of W-type light curves

    NASA Technical Reports Server (NTRS)

    Eaton, J. A.; Wu, C.-C.; Rucinski, S. M.

    1980-01-01

    The paper presents photometry of the prototype W UMa binary system in three ultraviolet bands with the ANS satellite. It was found that W UMa has low-gravity darkening beta of 0.03; that temperature differences between the components not established by gravity darkening are insignificant; and that the bolometric albedo is not very large. It was also found that W UMa is limb-darkened in the ultraviolet region, and that the inner hemisphere of the less massive component is hotter than that predicted by gravity darkening and the reflection effect. It was concluded that about 20% of the surface area of the component responsible for large gravity darkening is covered by dark spots distributed uniformly in the longitudinal direction. An observational value of the convective darkening exponent of 0.054 plus or minus 0.02 is proposed.

  3. Observations of mass accretion in binary stars

    NASA Technical Reports Server (NTRS)

    Polidan, R. S.; Peters, G. J.

    1982-01-01

    Results from high resolution observations of eight close binary stars (TX UMa, U CrB, CX Dra, TT Hya, AU Mon, KX And, HR 2142, and phi Per) are presented. Variable absorption lines, indicative of mass flow, are observed in all systems expect phi Per. Emission lines are seen in KX And and phi Per. Variable high ionization features (NV, SiIV, and CIV) are seen in TX UMa, UCrB, CX Dra, and AU Mon. The observations are modeled using the calculations of Lubow and Shu.

  4. "Conical Hut": A Basic Form of House Types in Timor Island

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Chen, Y. R.; Lim, Y. L.; Wang, M. H.; Chen, C. Y.

    2015-08-01

    Timor Island situates in the southeast end of Southeast Asia. The island accommodates many ethnic groups, which produce many diverse house types. As visiting East Timor in 2012 and Timor Island in 2014, we found the "Pair- House Type" widely spread over Timor Island. Uma Lulik (holy house), accommodating the ancestry soul, fireplace and elder's bed, and Uma Tidor (house for sleep), containing living, sleeping and working space, compose the pair-house. The research team visited 14 ethnic groups and their houses, some of which were measured and drawn into 3D models as back to Taiwan. Uma Tidors of each ethnic group are quite similar with rectangular volume and hip roof, however, one of the fourteen ethnic groups can build cylinder houses for Uma Tidor. Uma Luliks of different ethnic groups are diversified and special. One group of the Uma Luliks shows a rectangular or square volume sheltered by a hip roof. The other group of Uma Luliks presents a non-specific volume under a conical roof, that we called the "conical hut". Seven ethnic groups, Atoni, Weimua, Makassae, Mambai, Bunaq, Kemak and Bekais, have built "conical huts" for the use of Uma Lulik. People of the seven ethnic groups can construct a reasonable structural system to support the conical roof, and take good advantage of the space under the conical roof to meet their sacred needs and everyday life. "Conical Hut" may be regarded as the basic form of the house types adopted by the seven ethnic groups. It contains the basic spatial limits and the formal properties that the construction systems have to follow. Based on the concise rules of the basic form, people of each ethnic group use their talents, skills and building materials to generate variations of "conical hut", which are different in house scale, spatial layout, construction system and form. The "conical huts" contain the consistency that all the huts come from the basic form, meanwhile, they also present the diversification that each conical hut has

  5. A summary of the UV, optical and IR properties of disks in CV's. [cataclysmic variables

    NASA Technical Reports Server (NTRS)

    Szkody, P.

    1985-01-01

    The available observations of dwarf novae and novalike systems that are relevant to the study of accretion in cataclysmic variables are reviewed. This includes UV data from IUE and optical spectroscopy and infrared photometry. The flux distributions are compared to available steady state models to obtain an estimate of the mass accretion and the range of this parameter among the dwarf novae (U Gem, Z Cam and SU UMa types) and the novalikes (UX UMa, AM Her, DQ Her types). The normal and abnormal range of variation in the continuum and line fluxes is discussed.

  6. Hot Spot in Eclipsing Dwarf Nova IY Ursae Majoris during Quiescence and Normal Outburst

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Bąkowska, K.; Olech, A.

    2015-12-01

    We present the analysis of hot spot brightness in light curves of the eclipsing dwarf nova IY UMa during its normal outburst in March 2013 and in quiescence in April 2012 and in October 2015. Examination of four reconstructed light curves of the hot spot eclipses showed directly that the brightness of the hot spot changed significantly only during the outburst. The brightness of the hot spot, before and after the outburst, was on the same level. Thus, based on the behavior of the hot spot, IY UMa during its normal outburst follows the disk-instability model.

  7. On the Overcontact Binary V2388 Oph and An Improved M R Relation for Ltcbs

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Yakut, Kadri

    2005-04-01

    The evolutionary stage of the low-temperature contact binary (LTCB) V2388 Oph has been investigated. V2388 Oph was previously classified as an A-type W UMa star, and is the brighter member of the visual binary Fin 381. When compared to other well-known LTCBs it is evident that the primary component has evolved to the TAMS, and the companion also seems to be more evolved than a ZAMS star. Mochnacki proposed a new subgroup of W UMa stars, namely of OO Aql type, distinct from A and W types. V2388 Oph is suggested to be a member of this new group.

  8. Physical Stress Echocardiography: Prediction of Mortality and Cardiac Events in Patients with Exercise Test showing Ischemia.

    PubMed

    Araujo, Ana Carla Pereira de; Santos, Bruno F de Oliveira; Calasans, Flavia Ricci; Pinto, Ibraim M Francisco; Oliveira, Daniel Pio de; Melo, Luiza Dantas; Andrade, Stephanie Macedo; Tavares, Irlaneide da Silva; Sousa, Antonio Carlos Sobral; Oliveira, Joselina Luzia Menezes

    2014-11-01

    Background: Studies have demonstrated the diagnostic accuracy and prognostic value of physical stress echocardiography in coronary artery disease. However, the prediction of mortality and major cardiac events in patients with exercise test positive for myocardial ischemia is limited. Objective: To evaluate the effectiveness of physical stress echocardiography in the prediction of mortality and major cardiac events in patients with exercise test positive for myocardial ischemia. Methods: This is a retrospective cohort in which 866 consecutive patients with exercise test positive for myocardial ischemia, and who underwent physical stress echocardiography were studied. Patients were divided into two groups: with physical stress echocardiography negative (G1) or positive (G2) for myocardial ischemia. The endpoints analyzed were all-cause mortality and major cardiac events, defined as cardiac death and non-fatal acute myocardial infarction. Results: G2 comprised 205 patients (23.7%). During the mean 85.6 ± 15.0-month follow-up, there were 26 deaths, of which six were cardiac deaths, and 25 non-fatal myocardial infarction cases. The independent predictors of mortality were: age, diabetes mellitus, and positive physical stress echocardiography (hazard ratio: 2.69; 95% confidence interval: 1.20 - 6.01; p = 0.016). The independent predictors of major cardiac events were: age, previous coronary artery disease, positive physical stress echocardiography (hazard ratio: 2.75; 95% confidence interval: 1.15 - 6.53; p = 0.022) and absence of a 10% increase in ejection fraction. All-cause mortality and the incidence of major cardiac events were significantly higher in G2 (p < 0. 001 and p = 0.001, respectively). Conclusion: Physical stress echocardiography provides additional prognostic information in patients with exercise test positive for myocardial ischemia.Fundamento: Estudos têm demonstrado a acurácia diagnóstica e o valor prognóstico da ecocardiografia com estresse f

  9. Physical Stress Echocardiography: Prediction of Mortality and Cardiac Events in Patients with Exercise Test showing Ischemia.

    PubMed

    Araujo, Ana Carla Pereira de; Santos, Bruno F de Oliveira; Calasans, Flavia Ricci; Pinto, Ibraim M Francisco; Oliveira, Daniel Pio de; Melo, Luiza Dantas; Andrade, Stephanie Macedo; Tavares, Irlaneide da Silva; Sousa, Antonio Carlos Sobral; Oliveira, Joselina Luzia Menezes

    2014-11-01

    Background: Studies have demonstrated the diagnostic accuracy and prognostic value of physical stress echocardiography in coronary artery disease. However, the prediction of mortality and major cardiac events in patients with exercise test positive for myocardial ischemia is limited. Objective: To evaluate the effectiveness of physical stress echocardiography in the prediction of mortality and major cardiac events in patients with exercise test positive for myocardial ischemia. Methods: This is a retrospective cohort in which 866 consecutive patients with exercise test positive for myocardial ischemia, and who underwent physical stress echocardiography were studied. Patients were divided into two groups: with physical stress echocardiography negative (G1) or positive (G2) for myocardial ischemia. The endpoints analyzed were all-cause mortality and major cardiac events, defined as cardiac death and non-fatal acute myocardial infarction. Results: G2 comprised 205 patients (23.7%). During the mean 85.6 ± 15.0-month follow-up, there were 26 deaths, of which six were cardiac deaths, and 25 non-fatal myocardial infarction cases. The independent predictors of mortality were: age, diabetes mellitus, and positive physical stress echocardiography (hazard ratio: 2.69; 95% confidence interval: 1.20 - 6.01; p = 0.016). The independent predictors of major cardiac events were: age, previous coronary artery disease, positive physical stress echocardiography (hazard ratio: 2.75; 95% confidence interval: 1.15 - 6.53; p = 0.022) and absence of a 10% increase in ejection fraction. All-cause mortality and the incidence of major cardiac events were significantly higher in G2 (p < 0. 001 and p = 0.001, respectively). Conclusion: Physical stress echocardiography provides additional prognostic information in patients with exercise test positive for myocardial ischemia.Fundamento: Estudos têm demonstrado a acurácia diagnóstica e o valor prognóstico da ecocardiografia com estresse f

  10. [Mini-laparoscopy vs. laparoscopy for the gallblader stone treatment. Prospective and comparative study].

    PubMed

    Lada, Paul Eduardo; Forez, Francisco; Janikov, Christian; Mariot, Daniela; Sanchez Tassone, Carlos; Massa, Martin

    2015-01-01

    Antecedentes: La colecistectomía por video-laparoscópica es considerada como el gold-standard del tratamiento de la colecistolitiasis. No obstante, en la literatura internacional sigue teniendo presencia las incisiones pequeñas adaptadas como procedimiento alternativo. Objetivos: El objetivo de este estudio es evaluar los resultados obtenidos con la video-laparoscopia (CVL) y las incisiones pequeñas adaptadas (IPA) en el tratamiento de la colecistolitiasis. Diseño: Prospectivo y comparativo protocolizado. Lugar de aplicación: Servicio de Cirugía General “Pablo Luis Mirizzi” del Hospital Nacional de Clínicas. Material y Métodos: Entre enero del 1994 y diciembre del 2011, hemos tratado quirúrgicamente 3822 pacientes con colélitiasis. En 1735 pacientes se práctico una CVL y en 2087 por IPA, configurando dos grupos, que en lo relacionado a la edad, sexo, operaciones previas y diagnóstico preoperatorio constituyen dos grupos comparables. Resultados: Ninguno de los procedimientos tuvo mortalidad. 115 casos (6,62%) fueron convertidos a cirugía abierta en la CVL. Las complicaciones postoperatorias quirúrgicas fueron del 2,40 % para la CVL y del 6,37 % para las IPA. Las causas de bilirragias fueron superiores y de mayor gravedad en la CVL, cuya incidencia fue del 0,55 % en contraposición del 0,23 % de los operados por IPA. Conclusiones: Sin duda en manos experimentadas la CVL constituye el procedimiento de elección o gold standard en el tratamiento de la colecistolitiasis. No obstante, sobretodo en ambientes o regiones con restricciones presupuestarias las IPA representa una excelente gold estándar alternativo, por ser un procedimiento seguro, muy económico y complejidad razonable con menor índice de lesiones quirúrgicas graves.

  11. [Control of epilepsy in adult patients with tuberous sclerosis].

    PubMed

    Gallardo-Tur, Alejandro; García-Martín, Guillermina; Chamorro-Muñoz, María Isabel; Romero-Godoy, Jorge; Romero-Acebal, Manuel

    2013-06-01

    Introduccion. La esclerosis tuberosa es una enfermedad genetica cuyas manifestaciones principales son la formacion de tumores neuroectodermicos, que asocia epilepsia secundaria muy frecuentemente. Objetivo. Describir el perfil epileptico, el control, la frecuencia de crisis y la efectividad del tratamiento en pacientes adultos con esclerosis tuberosa. Pacientes y metodos. Estudio descriptivo en el que se han incluido pacientes adultos (mayores de 14 anos) con diagnostico confirmado de esclerosis tuberosa. Se ha analizado la frecuencia y tipos de crisis. Se ha realizado un estudio y contabilizacion de los diferentes farmacos antiepilepticos en cada paciente, la frecuencia de uso de cada principio activo y un estudio comparativo entre control de crisis y tipo de terapia. Resultados. De 19 adultos estudiados, tuvieron crisis epilepticas 16 (84%). Presentaron control de crisis completo, crisis esporadicas y crisis frecuentes el 44%, 25% y 31%, respectivamente. Hubo frecuencia de crisis focales, generalizadas y ambas en el 38%, 6% y 25%, respectivamente. Estaban en tratamiento con farmacos antiepilepticos en monoterapia, biterapia y triterapia el 38%, 44% y 19%, respectivamente. El mas consumido globalmente fue el levetiracetam, seguido de la carbamacepina y el acido valproico. En monoterapia, el mas frecuente fue la carbamacepina, con mayor proporcion de control completo. Conclusiones. La epilepsia en la esclerosis tuberosa es relativamente benigna, y se consigue un aceptable control en la mayoria de casos con un numero de antiepilepticos acorde con lo aconsejado en las guias de tratamiento. Se observa estabilidad de lesiones, y no hay malignizacion en nuestra serie. El bajo numero de la muestra limita el estudio, pero se observan proporciones similares de efectividad del tratamiento respecto a otra serie publicada.

  12. Estudio de la fotoabsorción y fotoionización de la molécula de alta relevancia atmosférica no a través de los estados Rydberg con la metodología MQDO

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Bustos, E.; Velasco, A. M.; Martín, I.; Lavín, C.

    Los procesos de fotoionización son de una importancia fundamental [1] y encuentran aplicación en un gran número de contextos científicos: Astrofísica [2], química de las radiaciones, biología. Los investigadores de dichos campos, necesitan de valores de fiables de secciones eficaces para la fotoionización parcial, la Fotoabsorción, así como para los procesos de fotofragmentación en amplios intervalos espectrales, particularmente en estudios de modelización [3-5]. En este trabajo se ha centrado la atención sobre el oxido nítrico, que se ha considerado apropiado y relevante por varios motivos: por el trascendental papel que representa en la física y química de la alta atmosfera [6], aparte de por estar íntimamente relacionado con los problemas de contaminación. Los procesos de recombinación disociativa [7] del NO, donde los estados Rydberg se encuentran directamente implicados, son relevantes, por ejemplo, en las regiones E y F de la ionosfera [7]. En este trabajo se estudia la fotoionización del NO desde el estado fundamental con la versión molecular del método del orbital de defecto cuántico (MQDO). Para ello se calcula el diferencial de las fuerzas de oscilador parciales que constituyen los canales de fotoionización del NO desde el estado fundamental. La continuidad del diferencial de fuerza de oscilador calculada a través del umbral de fotoionización, esto es, en las regiones del espectro discreta y del continua, se adopta como criterio de calidad la escasez de datos comparativos [8].

  13. Bioavailability of iron measurement in two nutrients multiple solutions by in vitro and in vivo;a comparative methodology between methods.

    PubMed

    Bueno, Luciana; Pizzo, Juliana C; Freitas, Osvaldo; Barbosa Júnior, Fernando; dos Santos, José Ernesto; Marchini, Julio Sergio; Dutra-de-Oliveira, José Eduardo

    2013-01-01

    Objetivos: La biodisponibilidad de hierro presente en una formulación nutricional puede ser evaluada por in vitro y in vivo, ya que proporcionan para un estudio de línea cohesiva y proporcionado en la literatura. El objetivo de estudio fue evaluar la biodisponibilidad de hierro con in vitro y in vivo, dirigida a un análisis comparativo de dos formulaciones de suplementos nutricionales (A y B). Métodos: Fueron utilizados dos métodos descritos en la literatura que para evaluar la biodiponibilidad de hierro. Uno que es la simulación de digestión humana y otro por los niveles de hierro sérico después de la ingestión de la formulación en los seres humanos. Resultados: Los resultados obtenidos por la simulación in vitro de la digestión del tracto gastrointestinal humano fueron 0,70 ± 0,02 y 0,80 dialisibilidad 0,01% de hierro, respectivamente, para las formulaciones A y B. Los estudios in vivo, segú n se mide por las curvas de hierro en suero en seres humanos después de la ingestión de las formulaciones mostró coeficiente de variación Δ < 0, lo que indica que había una baja absorción de hierro. La biodisponibilidad de hierro a los dos multi-nutrientes soluciones fueron obtenidos por in vitro y in vivo mostraron que había una comparación de las metodologías utilizadas en soluciones acuosas de muchos nutrientes.

  14. [Predictors of extubation failure in neurosurgical patients].

    PubMed

    León-Gutiérrez, Marco Antonio; Tanus-Hajj, Janet; Sánchez-Hurtado, Luis Alejandro

    2016-01-01

    Introducción: la información con respecto a los factores que afectan el éxito de la extubación en pacientes neuroquirúrgicos es limitada; por lo tanto, es necesario determinar los factores que inciden en esta condición. Métodos: estudio prospectivo, longitudinal, observacional y comparativo en pacientes neuroquirúrgicos con criterios para la extubación. En aquellos que presentaron fracaso se analizó el número de aspiraciones endotraqueales en las 24 horas previas a la extubación, la presencia del reflejo de tos, los días de estancia y de ventilación mecánica. Resultados: se incluyeron 70 pacientes en el estudio, de los cuales el 11.4 % presentó fracaso de la extubación y los factores asociados fueron la realización de 6 aspiraciones de secreciones endotraqueales 24 horas previas a la extubación (con una razón de riesgo [RR] = 1.88, intervalo de confianza [IC] al 95 % = 1.14-3.09, p 0.01), 7 días de ventilación mecánica (RR = 1.31, IC 95 % = 1.08-1.57, p 0.005) y 7.5 días de estancia (RR = 1.24, IC 95 % = 1.05-1.47, p 0.01). Conclusión: hacer seis o más aspiraciones de secreciones endotraqueales durante las 24 horas previas a la extubación es un factor de riesgo para el fracaso de la extubación de pacientes neuroquirúrgicos.

  15. [Lower extremity amputation rates in diabetic patients].

    PubMed

    Cisneros-González, Nelly; Ascencio-Montiel, Iván Jesús; Libreros-Bango, Vita Norma; Rodríguez-Vázquez, Héctor; Campos-Hernández, Ángel; Dávila-Torres, Javier; Kumate-Rodríguez, Jesús; Borja-Aburto, Víctor Hugo

    2016-01-01

    Introducción: las amputaciones de extremidades inferiores disminuyen la calidad de vida de los pacientes con diabetes mellitus (DM). El objetivo de este estudio fue describir el índice de amputaciones de extremidades inferiores (mayores y menores) en sujetos con DM adscritos al Instituto Mexicano del Seguro Social (IMSS), comparando los años 2004 y 2013. Métodos: estudio observacional transversal comparativo. Se evaluaron los registros hospitalarios de amputaciones obtenidos del Sistema de Estadísticas Médicas (DataMart) y del Censo de pacientes con DM obtenido del Sistema de Atención Integral a la Salud. Se calcularon los índices de amputaciones mayores y menores x 100,000 sujetos con DM adscritos a Medicina Familiar. Resultados: durante 2004 y 2013 se observaron 2 334 340 y 3 416 643 pacientes con DM adscritos a Medicina Familiar respectivamente. Los promedios de edad al momento de la amputación fueron similares en el año 2004 y 2013 (61.7 años para las amputaciones menores y 65.6 años para las amputaciones mayores). Los índices de amputaciones mayores fueron de 100.9 y de 111.1 x 100 000 sujetos con DM en 2004 y 2013; mientras que el índice de amputaciones menores de extremidades inferiores fue de 168.8 y de 162.5 x 100 000 sujetos con DM en el durante 2004 y 2013 respectivamente. Conclusiones: el índice de amputaciones de extremidades inferiores en el IMSS es muy alto comparado con lo reportado en países desarrollados. El índice de amputaciones mayores se incrementó para el año 2013, comparado con 2004.

  16. Predictors of hyperlipidemia during the first half of pregnancy in Mexican women.

    PubMed

    Garduño-Alanís, Adriana; Vázquez-de Anda, Gilberto; Valdés-Ramos, Roxana; Talavera, Juan O; Herrera-Villalobos, Javier E; Huitrón-Bravo, Gerardo G; Hernández-Garduño, Eduardo

    2014-10-18

    Objetivo: Determinar los predictores de hipercolesterolemia y de hipertrigliceridemia durante la primera mitad del embarazo en mujeres Mexicanas. Métodos: Estudio transversal comparativo de mujeres embarazadas con menos de 21 semanas de edad gestacional. Mediciones: información demográfica, historia obstétrica, índice de masa corporal pregestacional, niveles sanguíneos de colesterol y triglicéridos. Se usaron tabulaciones cruzadas y regresión logística múltiple en el análisis estadístico. Resultados: 230 participantes; 61 mujeres con índice de masa corporal pregestacional normal, 108 con sobrepeso, y 61 con obesidad. Dislipidemia se definió como elevación de colesterol (>180 mg/dL) ó triglicéridos (>170 mg/dL). Después de ajustar con potenciales variables de confusión, los predictores independientes de hipercolesterolemia incluyeron sobrepeso (OR=2.8, 95% CI 1.4-5.9), obesidad (OR=3.7 95% CI 1.6-8.4) o estar en el segundo trimestre del embarazo. Los mismos predictores se encontraron para hipertrigliceridemia, respectivamente: OR=2.8, 95% CI 1.4-5.6, OR=2.9, 95% CI 1.3-6.5, OR=2.6, 95% CI 1.4-4.7. Conclusión: Mujeres Mexicanas con sobrepeso u obesidad pregestacional tienen mayor riesgo de presentar hipercolesterolemia e hipertrigliceridemia durante el embarazo. Mujeres en el segundo trimestre tuvieron niveles más altos de ambos lípidos comparando con el primer trimestre. Este es el primer estudio Mexicano que confirma el incremento de lípidos conforme la edad gestacional progresa.

  17. [Detection of the PMP22 gene duplication in peripheral neuropathy patients: a study in Mexican population].

    PubMed

    Cortés, Hernán; Hernández-Hernández, Óscar; Bautista-Tirado, Teresa; Escobar-Cedillo, Rosa Elena; Magaña, Jonathan J; Leyva-García, Norberto

    2014-08-01

    Introduccion. La enfermedad de Charcot-Marie-Tooth (CMT) es una neuropatia que afecta los nervios motores y sensitivos, y la CMT1A es el subtipo mas frecuente en el mundo. La CMT1A se produce por una duplicacion de 1,5 Mb en el locus 17p11.2-p12, donde se localiza el gen PMP22. Para el diagnostico de CMT1A es importante contar con tecnicas moleculares especificas para la determinacion de esta mutacion. Objetivos. Establecer un metodo de uso rutinario para detectar la duplicacion de PMP22 en la poblacion mexicana y estimar su frecuencia en pacientes con caracteristicas clinicas para la CMT. Pacientes y metodos. Se analizaron 157 pacientes mexicanos no relacionados entre si, diagnosticados de CMT por valoracion clinica. La determinacion de la duplicacion de PMP22 se realizo a traves de reaccion en cadena de la polimerasa en tiempo real mediante el metodo comparativo 2–ΔΔCT. Resultados. El metodo 2–ΔΔCT para detectar la duplicacion del gen PMP22 mostro ser sensible y fiable. Los resultados fueron consistentes con los obtenidos mediante la tecnica de hibridacion in situ fluorescente. Se detecto la duplicacion de PMP22 en 79 pacientes (50,3%), con un comportamiento similar a lo comunicado en Estados Unidos, Australia, Finlandia, Suecia y España. Sin embargo, se observo que existen diferencias con otras poblaciones. Conclusiones. La tecnica de reaccion en cadena de la polimerasa cuantitativa se implemento como un diagnostico molecular de CMT1A eficaz y de bajo coste, por lo que puede utilizarse rutinariamente en Mexico. Esto es esencial para el asesoramiento genetico y el tratamiento oportuno de los pacientes con CMT. La frecuencia de la duplicacion del gen PMP22 varia entre regiones geograficas, por lo que es importante estimarla en diferentes poblaciones.

  18. Obstructive sleep apnoea syndrome and HLA in the North of Portugal.

    PubMed

    Silva, Luís; Lopes, João; Ramalheira, João; Cunha, Daniela; Carvalho, Cláudia; Bettencourt, Andreia; Bras, Sandra; Costa, Sandra; Silva, M Berta; Martins-da-Silva, António

    2015-10-01

    Introduccion. El sindrome de apnea obstructiva del sueño (SAOS) es una enfermedad frecuente, compleja y poligenica, con diversas etiologias que interaccionan originando un fenotipo unico. El SAOS puede ocurrir a cualquier edad del individuo y se presume la existencia de agregacion familiar. Han sido descritos diversos factores de predisposicion, como la edad, el sexo y la obesidad. La relacion entre los polimorfismos del antigeno leucocitario humano (HLA) y trastornos del sueño esta confirmada, tanto en poblaciones europeas como no europeas. No obstante, las relaciones descritas entre los alelos HLA y SAOS no han sido coherentes y carecen de valor informativo para la clasificacion del trastorno del sueño. Objetivo. Explorar la asociacion genetica del HLA con el SAOS en una poblacion del norte de Portugal y evaluar el papel de la obesidad en el contexto del HLA en el SAOS. Pacientes y metodos. Se estudio una cohorte de 131 pacientes con SAOS. Los pacientes fueron atendidos en una clinica del sueño ambulatoria donde se valoraron los antecedentes clinicos, se les practico una polisomnografia nocturna, una prueba de latencia multiple del sueño (si lo exigio el diagnostico diferencial), analiticas y estudios demograficos. A efectos comparativos, se utilizo una poblacion de control de 223 personas sanas. Se efectuo el genotipado del HLA-DRB1 con la reaccion en cadena de la polimerasa mediante cebadores de secuencia especifica. Resultados. En esta cohorte, el alelo HLA-DRB1*03 fue identificado como un factor de predisposicion para el SAOS (24% del SAOS frente a 15% de la poblacion de control; p = 0,025; odds ratio = 1,861; intervalo de confianza al 95% = 1,081-3,205). No hubo diferencias significativas en lo referente a otros alelos HLA-DBR1*. Conclusion. El HLA-DRB1*03 es un factor de predisposicion para el SAOS en la poblacion portuguesa.

  19. Regiones de formación de estrellas masivas en las Nubes de Magallanes

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Barbá, R.; Maíz Apellániz, J.; Rubio, M.; Walborn, N.

    Las Nubes de Magallanes son un laboratorio formidable para el estudio de regiones de formación estelar. A diferencia de lo que sucede en el plano galáctico, ambas galaxias contienen poco polvo que nos afecte la visión directa de dichas regiones. Por otra parte, la menor metalicidad de las Nubes, nos permiten hacer un estudio comparativo de la formación estelar en ambientes de baja metalicidad. El presente trabajo da una revisión de los progresos notables que hemos alcanzado en el conocimiento del contenido estelar de algunas regiones de formación de estrellas masivas en ambas Nubes, en base a la utilización de imágenes del Telescopio Espacial Hubble, Gemini Sur, y Very Large Telescope, entre otros. En especial, nos concentramos en 30 Doradus y N11 en la Nube Mayor, y en NGC 346 en la Nube Menor. Nuevas imágenes de N11 obtenidas en los últimos meses con la Advanced Camera for Surveys del Hubble (óptico), y con Flamingos en Gemini Sur (infrarrojo), nos han permitido descubrir un nuevo `jet' con origen en una fuente infrarroja sumergida en un pilar polvoriento similar al objeto Herbig-Haro de M20 en nuestra galaxia. Este `jet' (junto a otros tres que hemos descubierto en 30 Doradus), es el cuarto ejemplo confirmado de `jet' asociado a una protoestrella fuera de nuestra galaxia. Además, presentamos el descubrimiento del primer objeto estelar joven masivo de la Nube Menor confirmado espectroscópicamente.

  20. [Influence of the month of birth on the demand for healthcare to treat attention deficit hyperactivity disorder. Results of a retrospective study conducted in a neuropaediatric clinic].

    PubMed

    Rivas-Juesas, Cristina; González de Dios, Javier; Benac-Prefaci, Mercedes; Fernández-Martínez, Sergio; Colomer-Revuelta, Julia

    2015-10-01

    Introduccion. Las consultas de neuropediatria se han incrementado en los ultimos años, especialmente por trastorno por deficit de atencion/hiperactividad (TDAH). Se postula que los niños mas jovenes del curso tienen mas riesgo de ser diagnosticados de TDAH. Objetivos. Analizar la demanda asistencial de neuropediatria, comparar su evolucion por grupos diagnosticos y determinar si existe una relacion entre la fecha de nacimiento de los pacientes y la sospecha de TDAH. Pacientes y metodos. Estudio retrospectivo de los pacientes remitidos a neuropediatria entre 1992 y 2012. Se compararon las distintas categorias diagnosticas segun variables epidemiologicas y se exploro si existia un factor relativo a la edad. Resultados. Se incluyeron 3.469 pacientes, un 58,5% varones, con una mediana de edad de 6 años. El principal motivo de consulta fue la cefalea, y todos los grupos diagnosticos sufrieron un incremento de las consultas. El TDAH experimento un aumento del 350% en los ultimos 10 años. El 61,6% de los niños con sospecha de TDAH nacio en el segundo semestre del año, y la diferencia es mas notable en las niñas. Se objetiva un incremento de sospecha de TDAH en los niños nacidos antes de la fecha de corte del curso escolar que no aparece en ninguna de las otras patologias en el analisis comparativo. Conclusiones. Existe un incremento de la demanda asistencial de neuropediatria en los ultimos años, principalmente por TDAH. Los niños nacidos el ultimo semestre del año tienen un riesgo mayor de ser remitidos por sospecha de esta enfermedad.

  1. [Renal cell carcinoma: pathological prognostic factors, staging and histopathological classification of 355 cases].

    PubMed

    Acosta-Jiménez, Elsa; Jerónimo-Guerrero, Debbie; Macías-Clavijo, María de los Ángeles; Rivera-Diez, Deia; Hernández-Briseño, Liliana; Beltrán-Suárez, Edgar; Martínez-Olivares, Jocabed; Ángeles-Garay, Ulises

    2015-01-01

    Introducción: recientemente se han descrito nuevas entidades morfológicas de carcinomas de células renales (CCR) que influyen en el pronóstico. La estadificación clínica también ha sufrido modificaciones. El objetivo de este trabajo es conocer la prevalencia de los subtipos histológicos, el grado nuclear de Fuhrman y el estadio clínico del CCR. Métodos: estudio retrospectivo, descriptivo y comparativo de enero de 2008 a junio de 2013. Se analizaron 355 casos de CCR, fueron reclasificados de acuerdo con el grado nuclear y nuevos diagnósticos histopatológicos (clasificación de Vancouver) y estadificados de acuerdo con el TNM. Se realizó índice de Kappa para la concordancia diagnóstica y gradación nuclear, la asociación de variables cualitativas fue comparada con chi cuadrada. Resultados: el CCR claras convencional fue del 84.5 %, seguido del cromófobo y papilar. Otros subtipos menos frecuentes fueron: el carcinoma quístico multilocular, el CCR papilar de células claras y otros. El grado nuclear estuvo directamente relacionado con el tamaño tumoral y con el estadio clínico (p < 0.001). El estadio que predomino fue el pT1b N0 M0, seguido del pT3a N0 M0. Conclusiones: el tumor más frecuente fue el CCR claras, seguido del cromófobo y papilar. El grado nuclear, necrosis, áreas eosinófilas, sarcomatoides y rabdoides son factores pronósticos asociados a mayor agresividad y riesgo de metástasis.

  2. [A comparative study of the effectiveness of topiramate and flunarizine in independent series of chronic migraine patients without medication abuse].

    PubMed

    Gracia-Naya, Manuel; Ríos, Consuelo; García-Gomara, M José; Sánchez-Valiente, Sara; Mauri-Llerda, José Ángel; Santos-Lasaosa, Sonia; Artal-Roy, Jorge; Latorre-Jiménez, Ana M

    2013-10-16

    Introduccion. El topiramato y la onabotulinumtoxina A han mostrado ser eficaces en la migraña cronica con o sin abuso de farmacos segun los criterios recientes de la Clasificacion de Cefaleas de la Sociedad Internacional de Cefaleas. Objetivo. Demostrar que la flunaricina es tan efectiva como el topiramato en la migraña cronica sin abuso de farmacos. Pacientes y metodos. Estudio prospectivo, no aleatorizado, comparativo de dos grupos de pacientes con similar edad y sexo, con migraña cronica sin abuso, tratados preventivamente por primera vez con topiramato o flunaricina. Resultados. A 40 pacientes tratados con flunaricina se les asigno un paciente del mismo sexo y edad tratado con topiramato. La media de reduccion de las migrañas intensas en el grupo del topiramato fue del 59% y en el grupo de la flunaricina, del 58,5% (p = 0,9444); la tasa de respondedores al cuarto mes de tratamiento tampoco mostro diferencias significativas, ya que fue del 75% para el topiramato y del 70% para la flunaricina (p = 0,6236). La media de reduccion de otras cefaleas en el grupo del topiramato fue del 57%, y en el grupo de la flunaricina, del 64% (p = 0,4261); la tasa de respondedores al cuarto mes de tratamiento fue del 76%, similar en ambos grupos. El porcentaje de abandonos del tratamiento fue mayor con el topiramato (19,5%) que con la flunaricina (10%) (p = 0,3493). En ninguno de los dos grupos hubo efectos adversos graves. Un 78,9% de los pacientes que tomo topiramato presento satisfaccion con el farmaco frente al 75% del grupo de la flunaricina (p = 0,7903). Conclusion. La flunaricina mostro ser tan efectiva como el topiramato en el tratamiento de la migraña cronica sin abuso de farmacos.

  3. The Shaping of Postcollege Colorblind Orientation among Whites: Residential Segregation and Campus Diversity Experiences

    ERIC Educational Resources Information Center

    Jayakumar, Uma M.

    2015-01-01

    In this article, Uma M. Jayakumar investigates the cumulative impact of experiences with segregation or racial diversity prior to and during college on colorblind ideological orientation among white adults. An analysis of longitudinal data spanning ten years reveals that, for whites from segregated and diverse childhood neighborhoods, some…

  4. Scilab and Maxima Environment: Towards Free Software in Numerical Analysis

    ERIC Educational Resources Information Center

    Mora, Angel; Galan, Jose Luis; Aguilera, Gabriel; Fernandez, Alvaro; Merida, Enrique; Rodriguez, Pedro

    2010-01-01

    In this work we will present the ScilabUMA environment we have developed as an alternative to Matlab. This environment connects Scilab (for numerical analysis) and Maxima (for symbolic computations). Furthermore, the developed interface is, in our opinion at least, as powerful as the interface of Matlab. (Contains 3 figures.)

  5. Practical Life: The Keystone of Life, Culture, and Community

    ERIC Educational Resources Information Center

    Ramani, Uma

    2013-01-01

    Uma Ramani's characterization of practical life is philosophical and anthropological, suggesting that "human history is the story of the evolution of our practical life activities." Practical life is a collaborative activity that creates community and culture. One's adaptation to life through the daily work of ordering our environment…

  6. 75 FR 57100 - Self-Regulatory Organizations; Chicago Board Options Exchange, Incorporated; Notice of Filing and...

    Federal Register 2010, 2011, 2012, 2013, 2014

    2010-09-17

    ... determine the applicable matching algorithm \\5\\ for option classes in which COB is activated. Currently....45A or Rule 6.45B, as applicable. \\5\\ The matching algorithms include price-time, pro-rata, and the ultimate matching algorithm (``UMA'') base priorities and a combination of various optional...

  7. Spectrum of the novalike binary UX Ursae Majoris

    SciTech Connect

    Voikhanskaya, N.F.

    1985-07-01

    Spectroscopy of the novalike binary UX UMa with the 6-m telescope during 1977--1980 is reported. Analysis of all available data indicates that the time evolution of the spectrum can be understood if the system contains not only the usual accretion disk but also an extended envelope. The object might prove to be an x-ray burster.

  8. Rolloff Roof Observatory Construction (Abstract)

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Ulowetz, J. H.

    2015-12-01

    (Abstract only) Lessons learned about building an observatory by someone with limited construction experience, and the advantages of having one for imaging and variable star studies. Sample results shown of composite light curves for cataclysmic variables UX UMa and V1101 Aql with data from my observatory combined with data from others around the world.

  9. Spectroscopy and Doppler tomography of BZ Ursae Majoris in quiescence

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Neustroev, V. V.; Medvedev, A.; Turbin, S.; Borisov, N. V.

    2002-01-01

    BZ UMa is a little-studied, very infrequently outbursting dwarf nova with mean intervals longer than 5.2 yr, whose orbital period has been determined as 97.8 minutes (Ringwald, Thorstensen, & Hamway 1994). BZ UMa was observed on January 8, 1995 using the SP-124 spectrograph of the 6-m telescope of the Special Astrophysical Observatory. A total of 39 spectra were taken in the wavelength range 3950--5000Å with a dispersion of 1.1Å channel. Individual exposure times were 200--300 s, the total duration of the observations was about 4.5 hours. The mean spectrum of BZ UMa at first sight is typical for cataclysmic variables (Fig. 1, top panel). However it is possible to detect some peculiarities. First of all we note unusual strong Balmer lines: we found equivalent widths and relative intensities for Hβ of more than 150Å and 7.5 respectively. Secondly, BZ UMa shows the triple-peaked lines profiles, which consist of the usual double-peaked profiles from an accretion disk, and of additional narrow component at the lines center (Fig. 1, bottom panel). The visibility of the latter improves from Hβ to Hɛ. The origin of this component is unclear. Key for understanding of nature of the emission source of the spike is the study of its radial velocities.

  10. Pathways to College for Young Black Scholars: A Community Cultural Wealth Perspective

    ERIC Educational Resources Information Center

    Jayakumar, Uma M.; Vue, Rican; Allen, Walter R.

    2013-01-01

    In this article, Uma Jayakumar, Rican Vue, and Walter Allen present their study of Young Black Scholars (YBS), a community-initiated college preparatory program in Los Angeles. Through in-depth interviews and surveys with twenty-five middle- and higher-income Black college students, they document the positive role of community in facilitating…

  11. The Formation of Contact and Very Close Binaries

    SciTech Connect

    Kisseleva-Eggleton, L; Eggleton, P P

    2007-08-10

    We explore the possibility that all close binaries, i.e. those with periods {approx}< 3 d, including contact (W UMa) binaries, are produced from initially wider binaries (periods of say 10's of days) by the action of a triple companion through the medium of Kozai Cycles with Tidal Friction (KCTF).

  12. IRT-Based Measurement of Short-Term Changes of Ability, with an Application to Assessing the "Mozart Effect"

    ERIC Educational Resources Information Center

    Gittler, Georg; Fischer, Gerhard

    2011-01-01

    The article extends and applies previous approaches by Klauer and Fischer to the statistical evaluation of ability changes in tests conforming to the Rasch model (RM). Exact uniformly most powerful unbiased (UMPU) hypothesis tests and uniformly most accurate (UMA) confidence intervals (CIs) for the amount of change can be constructed for each…

  13. Research on Non-radial Oscillations of the Sun and Stars in the Early 1970s

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Osaki, Y.

    2013-12-01

    I describe some historical background of helio- and astero-seismology research in the early 1970s from my personal recollection, particularly on how our Tokyo research group on non-radial oscillations of stars got started. I also describe my recent research on the super-outburst mechanism of SU UMa-type dwarf novae.

  14. 77 FR 59444 - Self-Regulatory Organizations; Chicago Board Options Exchange, Incorporated; Notice of Filing and...

    Federal Register 2010, 2011, 2012, 2013, 2014

    2012-09-27

    ... Immediate Effectiveness of Proposed Rule Change Related to Small Order Preference Priority Overlay September... order preference priority overlay. The text of the proposed rule change is available on the Exchange's... priority overlays for UMA, price-time and pro-rata include the small order preference and a market...

  15. Production and Perception of Distortion in Word-Initial Friction Duration

    ERIC Educational Resources Information Center

    Jovicic, Slobodan T.; Kasic, Zorca; Punisic, Silvana

    2010-01-01

    The purpose of the present study was to investigate (a) the distortion in production of word-initial friction duration in fricative /[esh]/, and (b) the perceptual discrimination between typical (normal) and atypical (prolonged or lengthened) friction duration. In the first experiment 80 school aged children pronounced word /[esh]uma/, 40 of them…

  16. Time-variable Aluminum Absorption in the Polar AR Ursae Majoris, and an Updated Estimate for the Mass of the White Dwarf

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Bai, Yu; Justham, Stephen; Liu, JiFeng; Guo, JinCheng; Gao, Qing; Gong, Hang

    2016-09-01

    We present spectra of the extreme polar AR Ursae Majoris (AR UMa), which display a clear Al i absorption doublet, alongside spectra taken less than a year earlier in which that feature is not present. Re-examination of earlier SDSS spectra indicates that the Al i absorption doublet was also present ≈8 years before our first non-detection. We conclude that this absorbing material is unlikely to be on the surface of either the white dwarf (WD) or the donor star. We suggest that this Al i absorption feature arises in circumstellar material, perhaps produced by the evaporation of asteroids as they approach the hot WD. The presence of any remaining reservoir of rocky material in AR UMa might help to constrain the prior evolution of this unusual binary system. We also apply spectral decomposition to find the stellar parameters of the M dwarf companion, and attempt to dynamically measure the mass of the WD in AR UMa by considering both the radial velocity curves of the H β emission line and the Na i absorption line. Thereby we infer a mass range for the WD in AR UMa of 0.91 M ⊙ < M WD < 1.24 M ⊙.

  17. New precision orbits of bright double-lined spectroscopic binaries. IX. HD 54371, HR 2692, and 16 ursa majoris

    SciTech Connect

    Fekel, Francis C.; Williamson, Michael H.; Muterspaugh, Matthew W.; Pourbaix, Dimitri; Willmarth, Daryl; Tomkin, Jocelyn E-mail: michael.h.williamson@gmail.com E-mail: pourbaix@astro.ulb.ac.be

    2015-02-01

    With extensive sets of new radial velocities we have determined orbital elements for three previously known spectroscopic binaries, HD 54371, HR 2692, and 16 UMa. All three systems have had the lines of their secondaries detected for the first time. The orbital periods range from 16.24 to 113.23 days, and the three binaries have modestly or moderately eccentric orbits. The secondary to primary mass ratios range from 0.50 to 0.64. The orbital dimensions (a{sub 1} sin i and a{sub 2} sin i) and minimum masses (m{sub 1} sin{sup 3} i and m{sub 2} sin{sup 3} i) of the binary components all have accuracies of ⩽1%. With our spectroscopic results and the Hipparcos data, we also have determined astrometric orbits for two of the three systems, HR 2692 and 16 UMa. The primaries of HD 54371 and 16 UMa are solar-type stars, and their secondaries are likely K or M dwarfs. The primary of HR 2692 is a late-type subgiant and its secondary is a G or K dwarf. The primaries of both HR 2692 and 16 UMa may be pseudosynchronously rotating, while that of HD 54371 is rotating faster than its pseudosynchronous velocity.

  18. New Precision Orbits of Bright Double-Lined Spectroscopic Binaries. IX. HD 54371, HR 2692, and 16 Ursa Majoris

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Fekel, Francis C.; Williamson, Michael H.; Muterspaugh, Matthew W.; Pourbaix, Dimitri; Willmarth, Daryl; Tomkin, Jocelyn

    2015-02-01

    With extensive sets of new radial velocities we have determined orbital elements for three previously known spectroscopic binaries, HD 54371, HR 2692, and 16 UMa. All three systems have had the lines of their secondaries detected for the first time. The orbital periods range from 16.24 to 113.23 days, and the three binaries have modestly or moderately eccentric orbits. The secondary to primary mass ratios range from 0.50 to 0.64. The orbital dimensions (a1 sin i and a2 sin i) and minimum masses (m1 sin3 i and m2 sin3 i) of the binary components all have accuracies of ≤slant 1%. With our spectroscopic results and the Hipparcos data, we also have determined astrometric orbits for two of the three systems, HR 2692 and 16 UMa. The primaries of HD 54371 and 16 UMa are solar-type stars, and their secondaries are likely K or M dwarfs. The primary of HR 2692 is a late-type subgiant and its secondary is a G or K dwarf. The primaries of both HR 2692 and 16 UMa may be pseudosynchronously rotating, while that of HD 54371 is rotating faster than its pseudosynchronous velocity.

  19. Optimized extraction of polysaccharides from Taxus chinensis var. mairei fruits and its antitumor activity.

    PubMed

    Zhao, Chunjian; Li, Zhao; Li, Chunying; Yang, Lei; Yao, Liping; Fu, Yujie; He, Xin; Shi, Kunming; Lu, Zhicheng

    2015-04-01

    The simultaneous ultrasonic/microwave-assisted extraction (UMAE) method is potentially useful for the extraction of polysaccharides from Taxus chinensis var. mairei fruits (TCFPs). In this study, we used a response surface methodology to identify optimal TCFPs extraction conditions. Optimal parameters were determined as follows: a liquid to raw material ratio of 33 mL/g, an extraction time of 10 min, a microwave power level of 560 W, and a fixed ultrasonic power of 50 W. Under the optimized conditions, TCFPs yields obtained by UMAE were 4.33 ± 0.15%, a 1.79-fold increase compared with conventional heating reflux extraction (HRE). In addition, the extraction time used in UMAE was shorter than that required for HRE: 10 versus 90 min. UMAE is therefore a rapid and efficient method for the extraction of TCFPs. The inhibitory effect of TCFPs on S180 tumor growth in vivo was also studied. The tumor inhibition rate of TCFPs was 76.33%, indicating a tumor-inhibiting effect. Analysis of organ weights demonstrated that TCFPs exhibited no toxicity to liver, kidney, spleen, heart, or lung relative to a positive control group. TCFPs thus show antitumor activity with no organ toxicity.

  20. Comparing Gifted and Nongifted African American and