Science.gov

Sample records for lombossacra estudo prospectivo

  1. Study of the Local Horizon. (Spanish Title: Estudio del Horizonte Local.) Estudo do Horizonte Local

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Ros, Rosa M.

    2009-12-01

    The study of the horizon is fundamental to easy the first observations of the students at any education center. A simple model, to be developed in each center, allows to easy the study and comprehension of the rudiments of astronomy. The constructed model is presented in turn as a simple equatorial clock, other models (horizontal and vertical) may be constructed starting from it. El estudio del horizonte es fundamental para poder facilitar las primeras observaciones de los alumnos en un centro educativo. Un simple modelo, que debe realizarse para cada centro, nos permite facilitar el estudio y la comprensión de los primeros rudimentos astronómicos. El modelo construido se presenta a su vez como un sencillo modelo de reloj ecuatorial y a partir de él se pueden construir otros modelos (horizontal y vertical). O estudo do horizonte é fundamental para facilitar as primeiras observações dos alunos num centro educativo. Um modelo simples, que deve ser feito para cada centro, permite facilitar o estudo e a compreensão dos primeiros rudimentos astronômicos. O modelo construído apresenta-se, por sua vez, como um modelo simples de relógio equatorial e a partir dele pode-se construir outros modelos (horizontal e vertical)

  2. Estudo comparativo entre estrelas centrais de nebulosas planetárias deficientes em hidrogênio

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Marcolino, W. L. F.; de Araújo, F. X.

    2003-08-01

    Apresentamos neste trabalho o resultado de um estudo das principais características espectrais das estrelas centrais de nebulosas planetárias (ECNP) deficientes em hidrogênio. A origem e a evolução dessas estrelas ainda constitui um problema em aberto na evolução estelar. Geralmente esses objetos são divididos em [WCE], [WCL] e [WELS]. Os tipos [WCE] e [WCL] apresentam um espectro típico de uma estrela Wolf-Rayet carbonada de população I e as [WELS] apresentam linhas fracas de carbono e oxigênio em emissão. Existem evidências que apontam a seguinte sequência evolutiva : [WCL] = > [WCE] = > [WELS] = > PG 1159 (pré anã-branca). No entanto, tal cenário apresenta falhas como por exemplo a falta de ECNP entre os tipos [WCL] e [WCE]. Baseados em uma amostra de 24 objetos obtida no telescópio de 1.52m em La Silla, Chile (acordo ESO/ON), ao longo do ano 2000, apresentamos os resultados da comparação das larguras equivalentes de diversas linhas relevantes entre os tipos [WCL], [WCE] e [WELS]. Verificamos que nossos dados estão de acordo com a sequência evolutiva. Baseado nas linhas de C IV, conseguimos dividir pela primeira vez as [WELS] em dois grupos principais. Além disso, os dados reforçam a afirmação de que as [WCE] são as estrelas que possuem a maior temperatura entre as ECNP deficientes em hidrogênio. Discutimos ainda, a escassez de dados disponíveis na literatura e a necessidade da obtenção de parametros físicos para estes objetos.

  3. Estudo espectral em raios-X duros de fontes do tipo Z com o HEXTE/RXTE

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    D'Amico, F.; Heindl, W. A.; Rothschild, R. E.

    2003-08-01

    Apresentam-se os resultados de um estudo espectral em raios-X de fontes do tipo Z. As fontes do tipo Z são binárias de raios-X de baixa massa (BXBM) com campo magnético intermediário (B~109G). Esta classe de fontes é composta por apenas 6 fontes Galácticas (a saber: ScoX-1, 9, 7, CygX-2, 5 e 0). A nossa análise se concentra na faixa de raios-X duros (E ~ 20keV), até cerca de 200keV, faixa ótima de operação do telescópio "High Energy X-ray Timing Experiment" (HEXTE), um dos três telescópios de raios-X à bordo do Rossi X-ray Timing Explorer (RXTE). Nossa motivação para tal estudo, uma busca de caudas em raios-X duros em fontes do tipo Z, foi o pouco conhecimento sobre a emissão nesta faixa de energia das referidas fontes quando comparadas, por exemplo, as fontes do tipo atoll (também BXBM). Apresentam-se a análise/redução de dados e explicita-se a maneira como o HEXTE mede o ru1do de fundo. Especial atenção é direcionada a este item devido a localização das fontes do tipo Z e também ao problema de contaminação por fontes próximas. Com exceção de ScoX-1, nenhuma cauda em raios-X duros foi encontrada para as outras fontes, a despeito de resultados de detecção dessas caudas em algumas fontes pelo satélite BeppoSAX. As interpretações deste resultado serão apresentadas. Do ponto de vista deste estudo, nós deduzimos que a produção de caudas de raios-X duros em fontes do tipo Z é um processo disparado quando, pelo menos, uma condição é satisfeita: o brilho da componente térmica do espectro precisa estar acima de um certo valor limiar de ~4´1036ergs-1.

  4. Um estudo espectrofotométrico da variável cataclísmica V3885 Sgr

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Ribeiro, F. M. A.; Diaz, M. P.

    2003-08-01

    Variáveis Cataclísmicas são sistemas binários cerrados compostos de uma anã vermelha que transfere matéria para uma anã branca, em sistemas não magnéticos ocorre a formação de um disco de acresção em torno da anã branca. V3885 Sgr é uma variável cataclísmica classificada como sendo do tipo nova-like. É apresentado um estudo espectrofotométrico de V3885 Sgr de alta resolução temporal feito na região do visível. A região observada é centrada em Ha e abrange também a linha de HeI 6678. O primeiro resultado obtido neste estudo é a determinação do período orbital a partir de medidas da velocidade radial da linha de Ha como sendo 0,20716071(22) dias, resolvendo inconsistências quanto a esse valor na literatura e definindo uma efeméride a longo prazo para o sistema. Com este período e as medidas de velocidade radial do perfil de linha de Ha foi construído um diagrama de massas, através do qual restringimos as massas das componentes estelares do sistema e limitamos a inclinação orbital do sistema. Foram construídos diagramas de Greenstein para as linhas de Ha e HeI, onde os espectros médios em cada intervalo de fase são representados lado a lado em escala de cinza, indicando a existência de uma emissão intensa proveniente da parte posterior do disco. A partir da tomografia Doppler obtivemos perfis de emissividade radial para o disco tanto para a linha de Ha como para HeI. Os resultados obtidos são comparados com os de outros sistemas estudados com a mesma técnica. Serão apresentados também resultados da tomografia de flickering para o sistema.

  5. [Educational status and patterns of weight gain in adulthood in Brazil: Estudo Pró-Saúde].

    PubMed

    Fonseca, Maria de Jesus Mendes da; França, Rosana de Figueiredo; Faerstein, Eduardo; Werneck, Guilherme Loureiro; Chor, Dóra

    2012-11-01

    The aim of the present study was to investigate the association between participant and parental educational status (considered as an indicator of socioeconomic status) and participant pattern of weight gain in adulthood. We analyzed data from 2 582 baseline participants (1999) of Estudo Pró-Saúde (Pro-Health Study), a longitudinal investigation of civil servants from a public university in Rio de Janeiro, Brazil. Self-administered questionnaires were used to identify patterns of weight gain in adulthood. Odds ratios (OR) and 95% confidence intervals (95%CI) were estimated for the association between parental and participant educational status and steady weight gain or weight cycling, with stable weight as a reference, using multinomial logistic regression models. For males, lower paternal educational level entailed a chance about 55% lower of weight cycling as compared to stable weight (OR = 0.45; IC95% = 0.26-0.78), whereas lower maternal schooling was related to increased risk of weight cycling, although without reaching statistical significance (OR = 1.68; IC95% = 0.94-3.00). The association between participant educational status and weight history was not statistically significant among men. In women, lower educational status entailed a chance 94% higher of self-reported weight cycling (OR = 1.94; 95% CI = 1.17-3.23), and there was no association between parental educational level and history of weight gain. In this study, changes in weight throughout life, both steady and cyclic, were associated with parental and participant educational status, with major differences between genders.

  6. Estudo e aplicação do código de desembaraçamento espectral - Korel - em sistemas triplos

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Torres, K. B. V.; Vaz, L. P. R.

    2003-08-01

    O código KOREL é uma ferramenta adicional eficiente para a determinação simultânea de parâmetros orbitais espectroscópicos para o desembaraço de espectros individuais de sistemas estelares com até cinco componentes. Estudos já realizados (Torres,KBV,2002, Dissertação de Mestrado DF-ICEx-UFMG) mostram as limitações, aplicabilidade e eficiência do código para sistemas com duas componentes. Apresentamos, neste trabalho, a continuação dos estudos para sistemas com três componentes (sistemas hierárquicos), utilizando espectros sintéticos "gabaritos" de estrelas individuais em órbitas cujos parâmetros são conhecidos "a priori". Geramos os espectros compostos e verificamos como o código reproduz os parâmetros orbitais e espectros individuais em diversas situações físicas. É apresentado, ainda, uma discussão da aplicabilidade do código em sistemas reais como RV Crateris (Machado,ACM,1997, Dissertação de Mestrado DF-ICEx-UFMG), um sistema triplo cujas componentes eclipsantes estão, provavelmente, ainda na fase pré-sequência principal.

  7. Estudo exaustivo e sistemático de erros nas provas da olimpíada brasileira de astronomia - resultados preliminares

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Oliveira, F. S.; Canalle, J. B. G.; Villas da Rocha, J. F.

    2003-08-01

    A Olimpíada Brasileira de Astronomia (OBA) contou, em sua quinta edição, com a participação de mais de 60 mil alunos dos ensinos fundamental e médio de praticamente todo o território nacional. Uma das formas de controle que a sua coordenação nacional possui sobre a correção, levada a cabo pelos professores que as aplicaram, é a do envio, por parte destes professores, das 10 melhores provas de cada um dos três níveis nos quais a Olimpíada é realizada. Assim, e dado ao caráter discursivo das provas da Olimpíada, a sua coordenação nacional dispõe de um vasto acervo sobre as concepções, certas ou erradas, dos alunos que dela participaram. Este conjunto de dados jamais fora explorado até o presente trabalho que pretende ser, neste sentido, inaugural. Nas provas dos níveis I e II da V OBA, que abrangem todo o conjunto do ensino fundamental, uma das questões versava sobre a noção que os alunos tinham sobre como os habitantes da Terra situam-se sobre sua superfície. Fizemos um estudo sistemático das respostas a esta questão. Primeiramente, todas as modalidades de erros foram levantadas; em seguida, realizamos uma distribuição por idade tanto do índice de acerto como da ocorrência e da distribuição de cada erro. Como resultado, obtivemos que, em ambos os níveis: 1) as concepções errôneas não se apresentam distribuídas aleatoriamente; 2) há uma concentração no tipo de erro apresentado; 3) há uma tendência de progressivo acerto com relação à idade quando os dados são considerados em termos nacionais; 4) esta tendência nacional é fraca ou mesmo não é verificada em alguns dos estados com maior patamar de acerto.

  8. Estudo em microondas do aprisionamento e precipitação de elétrons em explosões solares

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Rosal, A. C.; Costa, J. E. R.

    2003-08-01

    Uma explosão solar é uma variação rápida e intensa do brilho que ocorre nas chamadas regiões ativas da atmosfera, constituídas por um plasma magnetizado com intensa indução magnética. Os modelos de explosões solares atuais, discutidos na literatura, apresentam características de aprisionamento e precipitação de elétrons em ambientes magnéticos simplificados. Neste trabalho, nos propusemos a separar a emissão dos elétrons aprisionados da emissão dos elétrons em precipitação apenas a partir da emissão em microondas, melhorando portanto o controle sobre o conjunto de parâmetros inferidos. A emissão em microondas da população em precipitação é bastante fraca e portanto da nossa base de dados de 130 explosões observadas pelo Rádio Polarímetro de Nobeyama, em sete freqüências, apenas para 32 foi possível separar as duas componentes de emissão com uma boa razão sinal/ruído. A partir de estudos das escalas de tempo das emissões devidas à variação gradual da emissão no aprisionamento e da variação rápida da emissão dos elétrons em precipitação foi possível obter a separação utilizando um filtro temporal nas emissões resultantes. Em nossa análise destas explosões estudamos os espectros girossincrotrônicos da emissão gradual, a qual associamos provir do topo dos arcos magnéticos e da emissão de variação rápida associada aos elétrons em precipitação. Estes espectros foram calculados e dos quais inferimos que a indução magnética efetiva do topo e dos pés foi em média, Btopo = 236 G e Bpés = 577 G, inferidas das freqüências de pico dos espectros em ntopo = 11,8 GHz e npés = 14,6 GHz com leve anisotropia (pequeno alargamento espectral). O índice espectral da distribuição não-térmica de elétrons d, inferido do índice espectral de fótons da emissão em regime opticamente fino, foi de dtopo = 3,3 e dpés = 3,9. Estes parâmetros são típicos da maioria das análises realizadas em ambiente único de

  9. Construção de um catálogo de aglomerados abertos para estudo da dinâmica da estrutura espiral da Galáxia

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Carlos, I. M.; Lépine, J. R. D.

    2003-08-01

    Os aglomerados abertos são objetos de grande valor para o estudo da dinâmica da Galáxia devido esses objetos terem uma faixa de idade relativamente ampla. O trabalho visa estudar a dinâmica da estrutura espiral da Galáxia principalmente através do uso desses aglomerados, uma vez que o estudo da cinemática desses objetos é fundamental para esse objetivo. Nosso grupo trabalha no sentido de construir uma base de dados de aglomerados abertos contendo coordenadas, distância, idade, movimentos próprios e velocidades radiais e já disponibiliza uma nova versão do catálogo de aglomerados abertos o qual é uma compilação de edições anteriores, principalmente Lynga (1987), Mermilliod (1995) e ESO-B (Lauberts 1982). Nossa amostra possui cerca de 1630 aglomerados, mas nem todos os parâmetros acima citados foram determinados em sua totalidade. Para determinarmos esses parâmetros, derivamos as cores intrínsecas das estrelas membro de cada aglomerado a partir de seus tipos espectrais (busca feita no SIMBAD) obtendo assim o excesso de cor individual. A distribuição dos excessos de cor foi então utilizada para derivarmos o avermelhamento médio para cada aglomerado. De maneira similar, os tipos espectrais foram usados para estimar as magnitudes absolutas, e com as magnitudes absolutas e aparentes determinamos a respectiva distribuição do módulo de distância e finalmente a distância. Para determinar as idades foram confeccionados os diagramas cor-magnitude das estrelas de cada aglomerado onde foram superpostas a Seqüência Principal de Idade Zero (ZAMS). Superpomos a ZAMS de Schmidt-Kaler e isócronas de composição solar. Essas isócronas foram usadas para determinação das idades dos aglomerados. Uma vez que não temos ainda resultados finais, apresentamos então alguns diagramas cor-magnitude os quais foram usados para determinação, principalmente, da distância e idade dos aglomerados.

  10. A Reappraising of Cosmography: the Interface Between Astronomical and Geographic Studies. (Breton Title: Releitura do Conceito de Cosmografia: a Interface Entre os Estudos Astronômicos e Geográficos.) Una Relectura del Concepto de Cosmografía: la Interfase Entre los Estudios Astronómicos y Geográficos

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Azevedo Sobreira, Paulo Henrique

    2012-12-01

    The concept of "Cosmography" is in disuse since the 80s of the last century, but the astronomical themes previously discussed in the school subjects of Geography and Cosmography remain in current textbooks. The use of term "Cosmography" was rescued in this research, and the study of its re-signification prompted the appearance of the term Geographic Cosmography. The Geographic Cosmography is a field of studies of the Geography, whose set of knowledge and skills is predominantly scholar. It studies the interface between terrestrial and celestial knowledge, and assigns a geographic significance to them. It examines human and natural relationships with Sidereal Space and its consequences for society and nature. O conceito de "Cosmografia" está em desuso desde os anos 80 do século XX, mas os temas astronômicos anteriormente abordados nas disciplinas escolares de Cosmografia e de Geografia permanecem nos atuais livros didáticos. O uso do termo "Cosmografia" foi resgatado nesta pesquisa e o estudo de sua ressignificação proporcionou o surgimento do termo Cosmografia Geográfica. A Cosmografia Geográfica é um campo de estudos da Geografia, cujo conjunto de conhecimentos e habilidades é predominantemente escolar. Estuda a interface entre os conhecimentos terrestres e os celestes e lhes atribui significância geográfica. Analisa as relações humanas e naturais com o Espaço Sideral e suas consequências para a sociedade e a natureza.

    Aunque el concepto de "Cosmografía" no se usa desde la década de los '80 del siglo pasado, los temas astronómicos que se enseñaban anteriormente en las asignaturas escolares de Cosmografía y de Geografía permanecen en los actuales libros didácticos. El uso del término "Cosmografía" fue rescatado en esta investigación y el estudio de su resignificación proporcionó el surgimiento del término Cosmografía Geográfica. La Cosmografía Geográfica es un campo de estudio de la Geografía, donde

  11. The Universe in a Box: Introduction to the Study of Astronomy in the Initial Formation of Physics Teachers. (Spanish Title: El Universo Representado en Una Caja: Introducción al Estudio de la Astronomía en la Formación Inicial de Profesores de Física.) O Universo Representado em Uma Caixa: Introdução ao Estudo da Astronomia NA Formação Inicial de Professores de Física

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Longhini, Marcos Daniel

    2009-07-01

    This is a report of an activity of introduction to the study of Astronomy developed with a group of future Physics teachers at a Brazilian public university. Such activity had the goal of giving privileged emphasis to notions of spatiality, alternative conceptions of the participants and the process of interaction among peers, and consisted of the representation, in a three dimensional space, of the models of the universe that the participants had. The results, which were categorized as miscellaneous, geocentric, heliocentric and acentric models of the universe, were qualitatively analyzed. Analyses of the activity in the perspective of the participants are indicated and additional considerations are made regarding its use as a resource for teaching Astronomy and for teacher training. Este es el informe de una actividad para presentar un estudio introductorio de la Astronomía, desarrollado con una clase de futuros profesores de física en una universidad pública brasileña. Esta actividad tuvo como objetivo centrar las nociones de espacialidad, las concepciones alternativas de los participantes y el proceso de interacción entre pares, y consistió en la representación en un espacio tridimensional, de los modelos del universo que los participantes habían. Los resultados, que se clasificaron en universo miscelania, geocéntrico, heliocéntrico y acentrico, se analizaron cualitativamente. Son identificadas análisis de la actividad por los participantes, e hizo observaciones sobre su uso como recurso para la enseñanza de la astronomía y la formación de docentes. Trata-se do relato de uma atividade de introdução ao estudo da Astronomia, desenvolvida com uma turma de futuros professores de Física, em uma universidade pública brasileira. Tal atividade teve como meta privilegiar noções de espacialidade, as concepções alternativas dos participantes e o processo de interação entre pares e constou da representação, em um espaço tridimensional, dos

  12. On the Formation of a Study Group to the Realization of Workshops for Teachers: Astronomy in Basic Education in Umuarama-Pr (Spanish Title: De la Formación de un Grupo de Estudios a la Realización de los Talleres Para los Profesores: la Astronomía en la Educación Básica en Umuarama-Pr ) Da Formação de um Grupo de Estudos À Realização de Oficinas Para Professores: a Astronomia na Educação Básica em Umuarama-Pr

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Belusso, Diane; Akira Sakai, Otávio

    2013-12-01

    In this article, we aimed to present the activities developed by the Astronomy Study Group (ASG) to contribute to the dissemination and improvement of the astronomy teaching-learning. The results of a research carried out in schools of Umuarama-PR are shown, with the intention of checking the students' knowledge and interest in relation to Astronomy. It is reported the realization of workshops for Science teachers linked to the Education Regional Nucleus. The research and the workshop execution promoted the direct contact of the study group with the community; the results were used to diagnose the state of astronomy teaching-learning, in the basic education in Umuarama-PR. En este artículo se intenta presentar las actividades desarrolladas por el Grupo de Estudios de Astronomía (GEA) y contribuir para la divulgación y mejoría de la enseñanza-aprendizaje de la Astronomía. Se presentan los resultados de una investigación realizada en las escuelas de Umuarama-PR, con la intención de determinar el grado de conocimiento y el interés de los estudiantes en relación a la astronomía. Se relata la realización de talleres de capacitación para los profesores de ciencias vinculados al Núcleo Regional del Educación. La ejecución de la investigación y de los talleres promovió el contacto directo del grupo de estudios con la comunidad; los resultados sirvieron de diagnóstico de la enseñanza aprendizaje de la astronomía en la educación básica en Umuarama-PR. Neste artigo, objetiva-se apresentar as atividades desenvolvidas pelo Grupo de Estudos de Astronomia (GEA) e contribuir para a divulgação e melhoria do ensino-aprendizagem de astronomia. São apresentados os resultados de uma pesquisa realizada nas escolas de Umuarama-PR, com o intuito de averiguar o conhecimento e o interesse dos estudantes em relação à astronomia. Relata-se a realização de oficinas de capacitação para professores de ciências vinculados ao Núcleo Regional de Educação. A

  13. Providing Meaningful Learning for Students of the Sixth Grade of Middle School: a Study on the Moon Phases. (Breton Title: Propiciando Aprendizagem Significativa Para Alunos do Sexto Ano do Ensino Fundamental: um Estudo sobre as Fases da Lua.) Propiciando el Aprendizaje Significativo Para Alumnos del Sexto Nivel de la Educación General Básica: un Estudio sobre Las Fases de la Luna

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Darroz, Luiz Marcelo; Samudio Pérez, Carlos Ariel; da Rosa, Cleci Werner; Heineck, Renato

    2012-07-01

    We relate in this article a didactic experience studying the moon phases with a group of middle school students of a private school of the municipality of Passo Fundo, RS. Based on David Ausubel's Meaningful Learning Theory, we have sought to develop a proposal following a didactic model which simulates the phases of the Moon, as based on the previous conceptions of the students. The signs of learning were evidenced by means of memory registries of the activity. From the obtained results we believe that the proposal achieved its goals, since the students were able to identify, differentiate and transfer the phenomenon of the moon phases to new contexts. Thus, it is concluded that a methodology focused on a meaningful content for the students is fundamental to the construction and genuine grasping of what is being learned. Neste artigo, relata-se uma experiência didática de estudo das fases da Lua com uma turma do 6° ano do Ensino Fundamental, de uma escola privada do município de Passo Fundo, RS. Tendo como fundamentação teórica a Teoria da Aprendizagem Significativa de David Ausubel, buscou-se desenvolver a proposta a partir de um modelo didático que simula as fases da Lua e com base nas concepções prévias dos estudantes. Os indícios da aprendizagem foram constatados através de registros de memórias da atividade. Pelos resultados apresentados, acredita-se que a proposta alcançou seus objetivos, uma vez que os estudantes conseguiram identificar, diferenciar e transferir o fenômeno das fases da Lua para novos contextos. Assim, conclui-se que uma metodologia com enfoque em um conteúdo significativo ao estudante é fundamental para a construção e compreensão genuína do que está sendo aprendido. En este artículo se relata una experiencia didáctica de estudio de las fases de la Luna con una clase de 6º año de la educación general básica de una escuela privada del municipio de Passo Fundo, RS. Teniendo como fundamentación teórica la Teor

  14. Barotrauma em peixes em usinas hidrelétricas: ferramentas para o estudo

    SciTech Connect

    Do Vale Beirao, Bernardo; Castelo Branco Marciano, Natlia; de Souza Dias, Luma; Carvalho Falco, Ricardo; Wander Dias, Edson; Leite Fabrino, Daniela; Barreira Martinez, Carlos; Martins Da Silva, Luiz Gustavo; Walker, Ricardo W.; Brown, Richard S.; Deng, Zhiqun

    2015-09-30

    The main source of electric power generation in Brazil comes from hydropower plants, nevertheless, the installed power is expected to raise 56.8%, reaching a total of 116,000 MW at the year 2020. The increase at the hydroelectric sector will be responsible for a series of fish community impacts. One of the impacts over the fish community is related to fish kills due to downstream passage through turbines or fish entrance at the draft tube from the tailrace. Usually when there is a maneuver and the turbine stops, fish get attracted and enter the draft tube and, just as the downstream passage through a turbine, when the turbine starts, a rapid decompression occurs and can cause barotrauma. When such events happen, according to Boyle’s law (P1V1=P2V2), swim bladder volume expands at the same rate that the pressure decreases, which can lead to the organ’s rupture.

  15. Prevalence of auditory changes in newborns in a teaching hospital.

    PubMed

    Guimarães, Valeriana de Castro; Barbosa, Maria Alves

    2012-04-01

    Introdução: O diagnóstico e a intervenção precoces na surdez são de fundamental importância no desenvolvimento infantil. A perda auditiva e mais prevalente que outros distúrbios encontrados ao nascimento.Objetivo: Estimar a prevalência de alterações auditivas em recém-nascidos em um hospital escola.Método: Estudo transversal prospectivo que avaliou 226 recém-nascidos, nascidos em um hospital público, entre maio de 2008 a maio de 2009.Resultados: Dos 226 triados, 46 (20,4%) apresentaram ausência de emissões, sendo encaminhados para a segunda emissão. Das 26 (56,5%) crianças que compareceram no reteste, 8 (30,8%) permaneceram com ausência e foram encaminhadas ao otorrinolaringologista. Cinco (55,5%) compareceram e foram examinadas pelo médico. Destas, 3 (75,0%) apresentaram otoscopia normal, sendo encaminhadas para avaliação do Potencial Evocado Auditivo de Tronco Encefálico (PEATE). Do total de crianças estudadas, 198 (87,6%) tiveram presença de emissões em um dos testes e, 2 (0,9%) com diagnóstico de surdez.Conclusão: A prevalência de alterações auditivas na população estudada foi de 0,9%. O estudo oferece dados epidemiológicos relevantes e apresenta o primeiro relatório sobre o tema, fornecendo resultados preliminares para futura implantação e desenvolvimento de um programa de triagem auditiva neonatal.

  16. Mixed-Methods Study that Examines Nine Science Teachers' Perceptions of Slooh Robotic Telescope for Teaching Astronomy. (Breton Title: Métodos Mistos de Estudo que Examinam a Percepção de Nove Professores de Ciências sobre o Telescópio Robótico Slooh Para Ensino de Astronomia.) Métodos Mixtos de Estudio que Examinan la Percepcion de Nueve Profesores de Ciencias sobre EL Telescopio Robótico Slooh Para la Enseñanza de la Astronomía

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Gershun, Daniel C.; Slater, Timothy F.; Berryhill, Katie J.

    2014-07-01

    Although previous studies show that robotic telescopes have the potential to enhance student learning, there is comparatively little research that focuses on teacher perceptions of this technology. This study investigates: "what is the academic merit of using SLOOH robotic telescopes to teach astronomy as perceived by science teachers?" Our sample consists of nine science teachers of students aged 13-18 years. Pre- and post-tests, interviews, and surveys were collected during two weeks of a summer online course about robotic telescopes. While pre and post-tests do not reveal a statistically significant gain in astronomy content knowledge, analysis of qualitative data reveals five themes which describe the most important aspects of using SLOOH according to participants: "Images," "Interface," "Classroom Application," "Instructor Impact," and "Logistical Issues." Analysis of these themes suggests that SLOOH can provide an interactive and social learning environment with capabilities to incorporate crossdisciplinary themes. Embora estudos anteriores mostram que os telescópios robóticos têm o potencial de melhorar a aprendizagem dos alunos, há relativamente pouca investigação focada nas percepções de professores a respeito desta tecnologia. Este estudo investiga: "qual é o mérito acadêmico da utilização de telescópios robóticos Slooh para ensinar astronomia, tal como percebido pelos professores de ciências?" Nossa amostra é composta por nove professores de ciências de estudantes com idades entre 13-18 anos pré e pós-testes, entrevistas, e levantamentos foram coletados durante duas semanas de um curso on-line de verão sobre telescópios robóticos. Enquanto os testes pré e pós não revelaram um ganho estatisticamente significativo no conhecimento do conteúdo astronomia, a análise de dados qualitativos revela cinco temas que descrevem os aspectos mais importantes da utilização Slooh de acordo aos participantes: "Imagens", "Interface", "Aplica

  17. Adverse events in the intensive care unit: impact on mortality and length of stay in a prospective study.

    PubMed

    Roque, Keroulay Estebanez; Tonini, Teresa; Melo, Enirtes Caetano Prates

    2016-10-20

    This study sought to evaluate the occurrence of adverse events and their impacts on length of stay and mortality in an intensive care unit (ICU). This is a prospective study carried out in a teaching hospital in Rio de Janeiro, Brazil. The cohort included 355 patients over 18 years of age admitted to the ICU between August 1, 2011 and July 31, 2012. The process we used to identify adverse events was adapted from the method proposed by the Institute for Healthcare Improvement. We used a logistical regression to analyze the association between adverse event occurrence and death, adjusted by case severity. We confirmed 324 adverse events in 115 patients admitted over the year we followed. The incidence rate was 9.3 adverse events per 100 patients-day and adverse event occurrence impacted on an increase in length of stay (19 days) and in mortality (OR = 2.047; 95%CI: 1.172-3.570). This study highlights the serious problem of adverse events in intensive care and the risk factors associated with adverse event incidence. Resumo: Este estudo teve como objetivo avaliar a ocorrência de eventos adversos e o impacto deles sobre o tempo de permanência e a mortalidade na unidade de terapia intensiva (UTI). Trata-se de um estudo prospectivo desenvolvido em um hospital de ensino do Rio de Janeiro, Brasil. A coorte foi formada por 355 pacientes maiores de 18 anos, admitidos na UTI, no período de 1º de agosto de 2011 a 31 de julho de 2012. O processo de identificação de eventos adversos baseou-se em uma adaptação do método proposto pelo Institute for Healthcare Improvement. A regressão logística foi utilizada para analisar a associação entre a ocorrência de evento adverso e o óbito, ajustado pela gravidade do paciente. Confirmados 324 eventos adversos em 115 pacientes internados ao longo de um ano de seguimento. A taxa de incidência foi de 9,3 eventos adversos por 100 pacientes-dia, e a ocorrência de evento adverso impactou no aumento do tempo de internação (19

  18. [231 laparoscopic cholecystectomy in ambulatory: what results?].

    PubMed

    Goulart, André; Delgado, Margarida; Antunes, Maria Conceição; Braga Dos Anjos, João

    2013-01-01

    Introdução: A colecistectomia laparoscópica é actualmente o gold standard no tratamento da patologia litiásica vesicular e colecistite aguda. A sua realização em regime de cirurgia de ambulatório permanece em discussão. O presente estudo tem por objectivo analisar a qualidade e segurança das colecistectomias laparoscópicas realizadas pela Unidade de Cirurgia de Ambulatório do Hospital de Braga e comparar os resultados com outros centros europeus que realizam colecistectomia laparoscópica em regime de ambulatório.Material e Métodos: Estudo observacional prospectivo de doentes submetidos a colecistectomia laparoscópica em regime de ambulatório durante 26 meses. Foram recolhidos dados referentes à demografia do doente, complicações peri e pós-operatórias, tempo cirúrgico e tempo de permanência no recobro e internamentos não programados.Resultados: Foram submetidos a colecistectomia laparoscópica em regime de ambulatório com pernoita (alta < 24h) 231 doentes. Três doentes tiveram intercorrências intra-operatórias com necessidade de conversão para laparotomia e quatro doentes foram internados após a cirurgia. O tempo médio de cirurgia foi de 58 minutos e o tempo médio de recobro de 19h19m. A morbilidade pósoperatória foi de 7,8% tendo, ocorrido dois internamentos não programados.Discussão: Uma das discussões que existe em torno da colecistectomia laparoscópica em regime de ambulatório é a necessidade de vigilância hospitalar durante a primeira noite após a cirurgia. Na nossa unidade, iniciamos a realização da colecistectomia laparoscópica em regime de ambulatório com pernoita hospitalar. Os resultados de mais de dois anos e 231 doentes operados a colecistectomia laparoscópica mostram que é uma técnica perfeitamente segura em regime de ambulatório.Conclusões: Os dados do estudo mostram que a colecistectomia laparoscópica é uma técnica segura em regime de ambulatório, com resultados semelhantes comparativamente com

  19. Quality of Recovery after Anesthesia: Validation of the Portuguese Version of the 'Quality of Recovery 15' Questionnaire.

    PubMed

    Sá, Ana Carolina; Sousa, Gabriela; Santos, Alice; Santos, Cristina; Abelha, Fernando José

    2015-01-01

    Introdução: O questionário "Quality of Recovery 15" tem sido utilizado para o estudo da qualidade de recuperação após anestesia. O objetivo deste estudo foi validar a versão Portuguesa do questionário "Quality of Recovery 15". Material e Métodos: Após aprovação pela Comissão de ética institucional, foi realizado um estudo de coorte prospectivo em doentes submetidos a cirurgia eletiva de junho a agosto de 2013. A versão portuguesa do "Quality of Recovery 15" foi aplicada antes da cirurgia (T0) e 24 h após a cirurgia (T1) em 170 doentes. Os doentes incapazes de dar consentimento informado ou com comprometimento cognitivo foram excluídos. Má qualidade de recuperação foi definida para pontuações de "Quality of Recovery 15" em T1 inferiores à média das pontuações de "Quality of Recovery 15" menos 1 desvio padrão. Confiabilidade e discordãncia entre observadores foram avaliadas por meio da correlação intraclasse. Testes não-paramétricos foram utilizados para comparações. Resultados: Observou-se uma correlação negativa entre pontuações de "Quality of Recovery 15" e tempo de internamento na Unidade Pós-Anestésica (p = -0,264, p = 0,004) e tempo de internamento hospitalar (p = -0,274, p = 0,004). Trinta e dois doentes (19%) tiveram má qualidade de recuperação. Os doentes com má qualidade de recuperação tinham mais frequentemente diabetes mellitus e hipertensão arterial e estavam medicados com antidepressivos com mais frequência. Os doentes com má qualidade de recuperação foram mais frequentemente submetidos a anestesia combinada e menos frequente a anestesia geral e locorregional (p = 0,008). O questionário teve boa consistência interna; a confiabilidade do teste-reteste foi boa. Discussão: A versão portuguesa do "Quality of Recovery 15" mostrou boa correlação com a versão original. Conclusão: Este questionário parece ser uma avaliação precisa e confiável para a qualidade de recuperação.

  20. [Adulthood Langerhans cell histiocytosis: experience of two Portuguese hospitals].

    PubMed

    de Brito, Margarida Dantas; Martins, Éngelo; Andrade, Joaquim; Guimarães, José; Mariz, José

    2014-01-01

    IntroduçÉo: A histiocitose de células de Langerhans é uma doença heterogénea e mais frequente em crianças. Entre 1/2001 e 12/2013 admitimos 20 doentes com HCL nas duas instituições. O objectivo deste trabalho foi caracterizar esta populaçÉo, avaliando as formas de apresentaçÉo, o estadiamento e tratamento.Material e Métodos: Estudo retrospectivo; consulta do processo clínico.Resultados: Dos 16 doentes analisáveis verificamos uma mediana de idade 34 anos (15-48), 10 mulheres e 6 homens. Os motivos que determinaram a referenciaçÉo dos doentes foram: queixas respiratórias em 37,5%; alterações ósseas em 37,5%; queixas dentárias em 25%; sintomas constitucionais em 19%; lesões mucocut'neas em 6% e outro foi um achado histológico inesperado após tiroidectomia. O diagnóstico histológico foi obtido em: osso em 50%; pulmÉo em 37,5%; fígado, mucosa vulvar e peça de tiroidectomia em 6%, respectivamente. O estadiamento assumido na prática clínica foi: envolvimento de órgÉo único (uni/multifocal) em 69% e doença multissistémica em 31%. A mediana de seguimento foi cinco anos (dois meses-11 anos) e a sobrevivência global 92%. Actualmente: 19% estÉo vivos sem doença; 44% estÉo vivos com doença; 25% estÉo em tratamento e 12% morreram.DiscussÉo: Estes resultados estÉo de acordo com a literatura. No entanto, segundo as recomendações actuais consideramos que 56% doentes efectuaram estudo complementar incompleto condicionando subestadiamento e provavelmente subtratamento. Verifica-se heterogeneidade de procedimentos no estadiamento e tratamento.ConclusÉo: Frequentemente há dificuldades e atraso no diagnóstico desta entidade clínica. SÉo importantes estudos prospectivos internacionais na populaçÉo adulta.

  1. Revista de Documentacao de Estudos em Linguistica Teorica e Aplicada (DELTA): Novos Estudos em Gamatica Gerativa, 2001 (Journal of Documentary Studies in Theoretical and Applied Linguistics [DELTA]: New Studies in Generative Grammar, 2001).

    ERIC Educational Resources Information Center

    Barbara, Leila, Ed.; Rajagopalan, Kanavillil, Ed.

    2001-01-01

    These two issues of volume 17, include the following articles: "The Competing Motivation Model in the Functional Domains of Negation" (M. Angelica Furtado da Cunha); "Discursive Resonance and Politeness in Reading and Writing Practices" (Silvana Serrani Infante); "The Acquisition of Relative Clauses in Brazilian…

  2. Revista de Documentacao de Estudos em Linguistica Teorica e Aplicada (DELTA): Novos Estudos em Gamatica Gerativa (Journal of Documentary Studies in Theoretical and Applied Linguistics [DELTA]: New Studies in Generative Grammar).

    ERIC Educational Resources Information Center

    Revista de Documentacao de Estudos em Linguistica Teorica e Aplicada, 2000

    2000-01-01

    This issue contains the following articles: "Resumption and Last Resort" (Joseph Aoun); "Existentials, A-Chains, and Reconstruction" (Norbert Hornstein); "How Long Was the Nineteenth Century" (David Lightfoot); "Formal Features and Parameter Setting: A View From Portuguese Past Participles and Romance Future…

  3. Estudo de soluções locais e cosmológicas em teorias do tipo tensor-escalar

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Silva E Costa, S.

    2003-08-01

    Teorias do tipo tensor-escalar são a mais simples extensão possí vel da Relatividade Geral. Nessas teorias, cujo modelo padrão é a teoria de Brans-Dicke, a curvatura do espaço-tempo, descrita por componentes tensoriais, aparece acoplada a um campo escalar que, de certo modo, representa uma variação na constante de acoplamento da gravitação. Tais teorias apresentam soluções locais e cosmológicas que, em determinados limites, recaem nas apresentadas pela Relatividade Geral, mas que em outros limites trazem novidades, tais como conseqüências observacionais da evolução de flutuações primordiais distintas daquelas previstas pela Relatividade Geral (ver, por ex., Nagata et al., PRD 66, p. 103510 (2002)). Graças a esta possibilidade de trazer à luz novidades em relação à gravitação, teorias do tipo tensor-escalar podem ser vistas como um interessante campo alternativo de pesquisas para soluções dos problemas de massa faltante (ou escura) e/ou energia escura. Seguindo tal linha, este trabalho, ainda em sua fase inicial, apresenta soluções gerais de teorias do tipo tensor-escalar para diversas situações, verificando-se em que consiste a divergência dessas soluções dos casos tradicionais possí veis na Relatividade Geral. Como exemplos das soluções aqui apresentadas pode-se destacar uma expressão geral para diferentes soluções cosmológicas englobando diferentes tipos de matéria (representados por diferentes equações de estado), e a expressão para uma solução local representando um buraco negro com rotação, similar à solução de Kerr da Relatividade Geral. Por fim, é importante ressaltar que, embora aqui apresentem-se poucos resultados novos, na literatura sobre o assunto a maior parte das soluções apresentadas limita-se a uns poucos casos especí ficos, tal como soluções cosmológicas apenas com curvatura nula, e que mesmo as soluções disponí veis são, em geral, pouco divulgadas e, portanto, pouco conhecidas, e é tal situação que este trabalho busca, em parte, reverter.

  4. Lateral intercrural suture in the caucasian nose: Decreased domal divergence angle in endonasal rhinoplasty without delivery.

    PubMed

    Berger, Cezar Augusto Sarraf; Mocelin, Marcos; Soares, Caio Márcio Correia; Pasinato, Rogério; Frota, Andreia Ellery

    2012-04-01

    Introdução: Diversas técnicas podem ser realizadas para melhorar a definição da ponta nasal como ressecção cartilaginosa, colocação de enxertos ou suturas. A realização de suturas na ponta nasal proporciona resultados estéticos satisfatórios com menor morbidade 1-5.Objetivo: Avaliar a sutura intercrura lateral realizada na cartilagem lateral inferior, através de rinosseptoplastia endonasal por técnica básica sem delivery, para diminuição do ângulo de divergência domal no nariz caucasiano e consequente melhora na definição da ponta nasal.Método: Realizado estudo prospectivo com 64 casos nos quais foi confeccionada sutura no bordo cefálico da cartilagem lateral inferior na junção entre a cúpula e crus lateral, utilizando-se fio P.D.S. (Polydioxanorie(®)) incolor 4"0" com agulha curva cortante.Resultado: Foram analisadas e comparadas as fotos do pré - operatório e do pós -operatório com 6 meses de evolução. Em todos os casos foi atingida uma melhora na definição da ponta através da sutura intercrura lateral.Conclusão: A sutura intercrura lateral da cartilagem lateral inferior mostrou ser factível para uma melhor definição da ponta no nariz caucasiano podendo ser realizada por rinoplastia endonasal sem delivery.

  5. Treatment of retroauricular keloids: Revision of cases treated at the ENT service of HC/UFPR.

    PubMed

    Carvalho, Bettina; Ballin, Annelyse Cristine; Becker, Renata Vecentin; Ribeiro, Talita Beithum; Cavichiolo, Juliana Benthien; Ballin, Carlos Roberto; Mocellin, Marcos

    2012-04-01

    Introdução: Queloides são tumores benignos resultantes de cicatrização anômala da pele, sendo que existem diversos procedimentos disponíveis para o seu tratamento.Objetivo: O objetivo deste trabalho é avaliar os resultados de pacientes submetidos a tratamento de queloides retroauriculares após cirurgias otorrinológicas em nosso serviço.Método: Estudo retrospectivo e prospectivo, através de análise de prontuários, dos pacientes submetidos a tratamento de queloides retroauriculares em nosso serviço.Resultados: Nove pacientes foram avaliados, sendo que 6 foram submetidos a ressecção e betaterapia adjuvante, 2 foram submetidos a ressecção mais aplicação de corticoide local, 1 foi submetido apenas a ressecção sem terapia adjuvante. Não houve recidiva nos casos tratados com betaterapia no pós-operatório precoce, 1 paciente apresentou recidiva mesmo com corticoterapia e betaterapia tardia.Discussão: diversas técnicas tem sido utilizadas para tratamento dos queloides retroauriculares, sendo que a betaterapia é considerada a com melhores resultados, seguida pela utilização de corticoides intralesionais.Conclusão: o tratamento dos queloides retroauriculares continua um desafio. Enquanto novas técnicas não são desenvolvidas, a ressecção seguida de betaterapia precoce ainda é a melhor opção.

  6. Prevalence of tinnitus in elderly individuals with and without history of occupational noise exposure.

    PubMed

    Melo, Juliana Jandre; Meneses, Caroline Luiz; Marchiori, Luciana Lozza de Moraes

    2012-04-01

    Introdução: A variedade de alterações metabólicas e circulatórias relacionadas com o ruído pode causar o aparecimento de inúmeros sintomas auditivos, incluindo, zumbido.Objetivo: O objetivo do estudo foi avaliar a prevalência de queixa de zumbido, em idosos com e sem história de exposição ao ruído ocupacional.Método: Forma de estudo prospectivo foi realizado em uma amostra populacional com 502 indivíduos com idade superior a 60 anos, através de questionário padronizado e avaliação audiológica. As variáveis estudadas foram frequência de queixa de zumbido e de e história de ruído ocupacional. Foi usada regressão logística para controlar confusão ou modificação de efeito para as outras variáveis sobre as associações de interesse.Resultado e Discussão: A queixa de zumbido foi verificada em 50% dos idosos com história de exposição ao ruído ocupacional e em 40,43% dos idosos sem história de exposição ao ruído ocupacional. Uma alta frequência de queixa de zumbido foi detectada na população sob investigação, porém não houve significativa diferença estatística entre a queixa de zumbido e história de ruído ocupacional.Conclusão: O resultado desta pesquisa pode ter ocorrido devido à existência de outros fatores que podem ter contribuído para a presença de zumbido, como a própria idade, nos indivíduos sem história de exposição ao ruído ocupacional.

  7. Hearing symptoms personal stereos.

    PubMed

    da Luz, Tiara Santos; Borja, Ana Lúcia Vieira de Freitas

    2012-04-01

    Introdução: Práticos e portáteis os estéreos pessoais se tornaram acessórios quase indispensáveis no dia a dia. Estudos revelam que os tocadores de música portáteis podem causar danos auditivos a longo prazo para quem ouve música em alto volume por um tempo prolongado.Objetivo: verificar a prevalência de sintomas auditivos em usuários de tocadores amplificados e conhecer os seus hábitos de usoMétodo: Estudo prospectivo observacional de corte transversal realizado em três instituições de ensino da cidade de Salvador- BA, sendo duas de rede pública e uma da rede privada. Responderam ao questionário 400 estudantes, de ambos os sexos, entre 14 e 30 anos que referiram o hábito de utilizar estéreos pessoais.Resultados: Os sintomas mais prevalentes foram hiperacusia (43,5%), plenitude auricular (30,5%) e zumbido (27,5), sendo que o zumbido é o sintoma mais presente na população mais jovem. Quanto aos hábitos diários: 62,3% usam frequentemente, 57% em intensidades elevadas, 34% em períodos prolongados. Verificou-se uma relação inversa entre tempo de exposição e a faixa de idade (p = 0,000) e direta com a prevalência do zumbido.Conclusão: Apesar de admitirem ter conhecimento sobre os danos que a exposição a som de alta intensidade pode causar a audição, os hábitos diários dos jovens evidenciam o uso inadequado dos estéreos portáteis caracterizados por longos períodos de exposição, intensidades elevadas, uso frequente e preferência pelos fones de inserção. A alta prevalência de sintomas após o uso sugere um risco maior para a audição desses jovens.

  8. Intra-abdominal pressure: an integrative review.

    PubMed

    Milanesi, Rafaela; Caregnato, Rita Catalina Aquino

    2016-01-01

    There is a growing request for measuring intra-abdominal pressure in critically ill patients with acute abdominal pain to be clarified. Summarizing the research results on measurement of vesical intra-abdominal pressure and analyzing the level of evidence were the purposes of this integrative literature review, carried out based on the databases LILACS, MEDLINE and PubMed, from 2005 to July 2012. Twenty articles were identified, in that, 12 literature reviews, 4 descriptive and exploratory studies, 2 expert opinions, one prospective cohort study and one was an experience report. The vesical intra-abdominal pressure measurement was considered gold standard. There are variations in the technique however, but some common points were identified: complete supine position, in absence of abdominal contracture, in the end of expiration and expressed in mmHg. Most research results indicate keeping the transducer zeroed at the level of the mid-axillary line at the iliac crest level, and instill 25mL of sterile saline. Strong evidence must be developed. RESUMO Em pacientes críticos com quadros abdominais agudos a esclarecer é crescente a solicitação da aferição da pressão intra-abdominal. Sintetizar resultados de pesquisas sobre a mensuração da pressão intra-abdominal pela via vesical e analisar o nível de evidência foram os objetivos desta revisão integrativa da literatura, realizada nas bases LILACS, MEDLINE e PubMed, no período de 2005 a julho de 2012. Identificaram-se 20 artigos, sendo 12 revisões de literatura, 4 estudos exploratório-descritivos, 2 opiniões de especialistas, 1 estudo de coorte prospectivo e 1 relato de experiência. O método vesical para mensuração da pressão intra-abdominal foi considerado padrão-ouro. Existem variações na técnica, entretanto pontos em comum foram identificados: posição supina completa, na ausência de contratura abdominal, ao final da expiração e expressa em mmHg. A maioria indica posicionar o ponto zero do

  9. [Pain Intensity and Time to Death of Cancer Patients Referred to Palliative Care].

    PubMed

    Barata, Pedro; Santos, Filipa; Mesquita, Graça; Cardoso, Alice; Custódio, Maria Paula; Alves, Marta; Papoila, Ana Luísa; Barbosa, António; Lawlor, Peter

    2016-11-01

    Introdução: A dor é uma experiência frequente nos doentes com cancro, especialmente naqueles em fase final de vida. Com este estudo, pretendemos estudar a intensidade de dor nos doentes com cancro avançado, referenciados aos cuidados paliativos, analisar os factores associados à ocorrência de dor moderada ou intensa e avaliar a sua relação com o tempo até à morte destes doentes. Material e Métodos: Estudo prospectivo observacional que incluiu consecutivamente todos os doentes referenciados aos cuidados paliativos com tumores sólidos metastizados e sem tratamento oncológico específico. Foi considerada a intensidade de dor da escala de Edmonton, de acordo com a graduação zero a 10, onde 0 = ausência de dor e 10 = máxima dor possível. Resultados: Entre outubro de 2012 e junho de 2015, foram incluídos 301 doentes, com idade mediana de 69 anos (37 - 94), 57% homens e 64,8% dos doentes com performance status 3/4. Aproximadamente 42% dos doentes apresentaram dor ≥ 4 e cerca de 74,4% estavam medicados com analgesia opióide. A intensidade de dor esteve associada ao performance status dos doentes, de acordo com a análise multivariável (OR: 1,7; IC 95%: 1,0 - 2,7; p = 0,045). A mediana do tempo de sobrevivência foi de 37 dias (IC 95%: 28 - 46), tendo os doentes com dor moderada ou intensa (intensidade de dor ≥ 4) uma mediana de sobrevivência de 29 dias (IC 95%: 21 - 37), comparada com os 49 dias (IC 95%: 35 - 63) para os doentes sem dor ou dor ligeira (p = 0,022). Discussão: O performance status, para além de ter estado associado a uma maior intensidade de dor, esteve associado a um menor tempo até à morte dos doentes com cancro avançado referenciados aos cuidados paliativos. Também o internamento, a presença de metastização intra-abdominal e a analgesia opióide estiveram associados de forma negativa ao tempo até à morte destes doentes. Conclusão: A dor oncológica continua a ser um problema clinicamente relevante nos

  10. [Acute respiratory distress syndrome: case series, two years at an intensive care unit].

    PubMed

    Taborda, Lúcia; Barros, Filipa; Fonseca, Vitor; Irimia, Manuel; Carvalho, Ramiro; Diogo, Cláudia; Ramos, Armindo

    2014-01-01

    .Discussão e Conclusões: A Síndrome de Dificuldade Respiratória Aguda associa-se a internamentos prolongados e significativa mortalidade. Novos estudos prospectivos serão necessários para confirmar o benefício dos corticóides, bem como identificar o/(s) subgrupo/(s) de doentes que mais justificam a sua utilização.

  11. Association between Obstructive Sleep Apnea and Myocardial Infarction: A Systematic Review.

    PubMed

    Porto, Fernanda; Sakamoto, Yuri Saho; Salles, Cristina

    2017-03-30

    Obstructive sleep apnea (OSA) has been associated to cardiovascular risk factors. However, the association between OSA and cardiovascular disease is still controversial. The objective of the present study was to verify the association between OSA and myocardial infarction (MI). This is a systematic review of the literature performed through electronic data sources MEDLINE/PubMed, PubMed Central, Web of Science and BVS -Biblioteca Virtual em Saúde (Virtual Health Library). The descriptors used were: 'obstructive sleep apnea' AND 'polysomnography' AND 'myocardial infarction' AND 'adults NOT 'treatment.' The present work analysed three prospective studies, selected from 142 articles. The studies followed a total sample of 5,067 OSA patients, mostly composed by male participants. All patients underwent night polysomnography, and all studies found an association between OSA and fatal and non-fatal cardiovascular outcomes. Thus, we were able to observe that 644 (12.7%) of the 5,067 patients suffered MI or stroke, or required a revascularization procedure, and 25.6% of these cardiovascular events were fatal. MI was responsible for 29.5% of all 644 analysed outcomes. There is an association between OSA and MI, in male patients, and apnea and hypopnea index (AHI) are the most reliable markers. Resumo A apneia obstrutiva do sono (AOS) tem sido associada a fatores de risco cardiovascular, porém a relação entre a AOS e doença cardiovascular ainda é controversa. O objetivo do presente estudo foi verificar a associação entre AOS e infarto do miocárdio (IM). Revisão sistemática de literatura por meio das fontes de dados eletrônicas MEDLINE/PubMed, PubMed Central, Web of Science e Biblioteca Virtual em Saúde (BVS). Os descritores utilizados foram: "obstructive sleep apnea" AND "polysomnography" AND "myocardial infarction" AND "adults" NOT "treatment".O presente trabalho analisou três estudos prospectivos, selecionados dentre 142 artigos encontrados. Os estudos

  12. Revista de Documentacao de Estudos em Linguistica Teorica e Aplicada, 1999 (Journal of Documentary Studies in Linguistic Theory and Application, 1999).

    ERIC Educational Resources Information Center

    Barbara, Leila, Ed.; Rajagopalan, Kanavillil, Ed.

    1999-01-01

    These issues include the following articles: "Portuguese Philology in Brazil" (Heitor Megale, Cesar Nardelli Cambraia); "Implications of Brazilian Portuguese Data for Current Controversies in Phonetics: Towards Sharpening Articulatory Phonology" (Eleonora Cavalconte Albano); "Morphological Studies in Brazil: Data and…

  13. Revista de Documentacao de Estudos em Liguistica Teorica e Aplicada, 1998 (Journal of Documentary Studies in Linguistic Theory and Application, 1998).

    ERIC Educational Resources Information Center

    Barbara, Leila, Ed.; Rajagopalan, Kanavillil, Ed.

    1998-01-01

    This document consists of three issues of DELTA, comprising its entire output for 1998. DELTA is a journal of theoretical and applied linguistics and covers a wide variety of material related to language, speech, and education. The journal publishes only original research and ideas presented in the form of articles, debates, squibs, overviews,…

  14. Prolegomenos a um estudo da lingua brasileira nos terreiros de origem africana (Prolegomena to a Study of the Brazilian Language of the Voodoo Rites of African Origin).

    ERIC Educational Resources Information Center

    Megenney, William W.

    Determination of the authenticity of lexical items with Sub-Saharan origin in the voodoo rites of candomble and umbanda in Brazil requires establishing a socio-historical basis for the African diaspora and the current configuration of terreiros. The terreiros demonstrate varying linguistic repertoires according to their affiliation with candomble…

  15. Estudo da Oscilação de Neutrinos Muônicos Usando Dados Atmosféricos e de Acelerador nos Experimentos MINOS e MINOS+

    SciTech Connect

    Medeiros, Michelle Mesquita de

    2015-01-01

    The MINOS (Main Injector Neutrino Oscillation Search) and MINOS+ experiments were designed to study neutrino oscillations using a muon neutrino beam which is detected in two different locations, in the Near Detector and in the Far Detector. The distance between the detectors allows the beam neutrinos to oscillate to a different flavor. Therefore, a disappearance of the muon neutrinos from the beam is observed in the Far Detector. The Far Detector has a special apparatus which makes possible the selection of atmospheric neutrinos and antineutrinos. These come from interactions of cosmic rays with the Earth’s atmosphere. Both detectors have a magnetic field, allowing the distiction between neutrinos and antineutrinos interactions. This thesis presents the first combined analysis of data from the MINOS and MINOS+ experiments. We have analyzed the combined neutrino energy spectrum from the complete MINOS beam data and the first, more energetic, MINOS+ beam data. The disappearance of the muon neutrinos was observed and the data has shown to be congruent with the oscillation model. Beyond that, we have measured the atmospheric oscillation parameters of the beam and atmospheric neutrinos and antineutrinos from MINOS combined with the atmospheric neutrinos and antineutrinos from MINOS+. Assuming the same oscillation parameters for both neutrinos and antineutrinos, the best fit is obtained for inverted hierarchy and lower octant with Δm2 32 = 2:37 X 10-3 eV2 and sin2 θ 23 = 0:43, and the limits m2 32 = [2,29 - 2,49] 10-3 eV2 (68%) and sin2 θ23 = 0.36 - 0.66 (90%). These results are the most precise measurement of the neutrinos mass splitting using muon neutrino disappearance data only.

  16. Multifrequency tympanometry in infants.

    PubMed

    de Moraes, Tamyne Ferreira Duarte; Macedo, Camila de Cássia; Feniman, Mariza Ribeiro

    2012-04-01

    Introdução: O uso de uma única frequência na timpanometria não é sensível na detecção de todos os casos de alteração na orelha média, dificultando o diagnóstico preciso.Objetivo: Caracterização das medidas de imitância acústica de lactentes utilizando três tipos de sonda. Estudo prospectivo.Método: Foram avaliados 54 lactentes, com idade entre zero e três meses. Os critérios de inclusão foram ausência de infecções de vias aéreas, presença de emissões otoacústicas evocadas transientes, ausência de indicadores de risco para perda auditiva. Foi realizada entrevista audiológica, inspeção visual do meato acústico externo e medidas de imitância acústica nas frequências de 226Hz, 678Hz e 1000Hz. Foram coletados os registros timpanométricos de efeito de oclusão, curva e pressão de pico timpanométrico, volume equivalente do meato acústico externo e pico compensado da admitância acústica estática.Resultados: Os resultados indicaram presença de efeito de oclusão (2,88% em 226Hz, 4,81% em 678Hz e 3,85% em 1000Hz); predomínio de curva em pico único (65,35% em 226Hz, 81,82% em 678Hz e 77,00% em 1000Hz); pressão de pico variando de -150 a 180daPa; aumento do volume equivalente do meato acústico externo com aumento da frequência da sonda (0,64ml em 226Hz, 1,63mmho em 678Hz e 2,59mmho em 1000Hz); aumento do pico compensado da admitância acústica estática (0,51ml em 226Hz, 0,55mmho em 678Hz e 1,20mmho em 1000Hz). Foram classificados como normais 93,06% dos timpanogramas com 226Hz, 80,81% em 678Hz e 82,00% em 1000Hz.Conclusão: Por meio destas avaliações e resultados foi possível caracterizar as medidas de imitância acústica dos lactentes.

  17. Is duration of postoperative fasting associated with infection and prolonged length of stay in surgical patients?

    PubMed

    de Assis, Michelli Cristina Silva; Silveira, Carla Rosane de Moraes; Beghetto, Mariur Gomes; de Mello, Daniel Elza

    2014-10-01

    Objetivo: Constatar si el periodo de ayuno postoperatorio aumenta el riesgo de infeccion y prolonga la estancia hospitalaria. Métodos: Estudio de cohorte prospectivo. Fueron incluidos pacientes en cirugia selectiva. Se excluyeron aquellos sin posibilidades de evaluacion nutricional, ingresados a unidades de cuidado minimo y con.

  18. Estudo de perturbações orbitais de satélites artificiais, considerando ressonância, através de transformações canônicas

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Vilhena de Moraes, R.

    2003-08-01

    Aplicações recentes de satélites artificiais, principalmente aquelas com finalidades geodinâmicas ou altimétricas, requerem órbitas determinadas com bastante precisão. Em particular os satélites do sistema GPS, que têm sido envolvidos direta ou indiretamente em tais problemas, necessitam de ter suas órbitas muito bem conhecidas. As órbitas dos satélites GPS tem uma peculiaridade: o período orbital está em comensurabilidade 2: 1, aproximada, com o período de rotação da Terra. A existência de ressonâncias faz com que métodos usuais de teoria de perturbações não possam ser usados para se estudar órbitas com esta característica. No presente trabalho são apresentados dois processos para se estudar tal problema. Para tanto o sistema dinâmico que descreve o movimento orbital de satélites artificiais, perturbado por forças que derivem ou não de um potencial, incluindo ressonância, é inicialmente colocado em forma canônica estendida. Um dos processos apresentado é baseado na teoria de Lie-Hori e o outro em uma seqüência de transformações canônicas. Perturbações devidas ao geopotencial, ao arrasto atmosférico, à pressão de radiação solar direta (incluindo o efeito da sobra) e à ressonâncias do movimento orbital com o movimento de rotação da Terra são consideradas. Neste trabalho, sucintamente, os dois processos originais desenvolvidos em colaboração com o autor são apresentados. Simulações são feitas mostrando o efeito da ressonâncias 2: 1 na evolução temporal de elementos orbitais de satélites artificiais. Exemplos são exibidos para diversas órbitas considerando-se diferentes excentricidades e inclinações, incluindo às do tipo GPS.

  19. [A community-based study of stroke code users in northern Portugal].

    PubMed

    Moutinho, Mariana; Magalhães, Rui; Correia, Manuel; Silva, M Carolina

    2013-01-01

    Introdução: Em 2002 Portugal detinha uma das mais altas taxas de mortalidade por doenças cerebrovasculares entre os países europeus. Várias estratégias foram adoptadas para melhorar a prevenção da doença e o seu tratamento na fase aguda, entre as quais a criação da Via Verde do Acidente Vascular Cerebral. O objectivo deste trabalho é descrever a utilização e resultados desta estratégia no contexto de um registo prospectivo comunitário na Região Norte de Portugal. Material e Métodos: Foram registados todos os AVCs ocorridos entre 1 de Outubro de 2009 e 30 de Setembro de 2010 nos utentes inscritos no agrupamento de centros de saúde do Porto Ocidental e nos de Mirandela e Vila Pouca de Aguiar. Para a detecção de casos utilizaram-se múltiplas fontes de informação: notificação via WEB, e-mail, Alerta P1 e pesquisas sistemáticas em registos disponibilizados pelas entidades envolvidas - urgências hospitalares, listas de altas, procedimentos de diagnóstico, óbitos, Via Verde do Acidente Vascular Cerebral e serviço de atendimento de situações urgentes. Resultados: Ocorreram 600 AVCs em 241 000 habitantes (taxa de incidência de 250 / 100 000), dos quais 434 foram primeiros na vida (180 / 100 000). Foram registados 72 acessos à Via Verde do Acidente Vascular Cerebral, dos quais 66,7% foram diagnosticados como AVC. Considerando os quatro critérios de activação (idade ≤ 80 anos, independência funcional, sinais/sintomas do AVC e tempo após episódio ≤ 3 horas), só 15,9% dos doentes a poderiam utilizar e, dos utilizadores, apenas 56,3% satisfaziam esses critérios. Dos doentes com critérios de activação, foram internados 96,3% pela VV pré-hospitalar, 83,3% pela VV intra/inter-hospitalar e 64,0% dos restantes; a fibrinólise foi realizada em 77,3%, 36,4% e 17,4% dos doentes com enfarte cerebral, respectivamente. O Rankin pós- AVC é mais grave nos utilizadores da VV pré-hospitalar (70,3% vs. 35,3%), mas estes apresentam mais

  20. Association of excessive GWG with adiposity indicators and metabolic diseases of their offspring: systematic review.

    PubMed

    Pérez-Morales, María Eugenia; Bacardi-Gascon, Montserrat; Jimenez-Cruz, Arturo

    2015-04-01

    Introducción Se ha reportado que el aumento excesivo de la ganancia de peso gestacional (GPG) durante el embarazo está asociada a un aumento en los indicadores de adiposidad y trastornos metabólicos de su descendencia. Objetivo El objetivo fue analizar la asociación del aumento excesivo de GPG en estudios prospectivos, utilizando los criterios del Instituto de medicina (IOM), con indicadores de adiposidad y enfermedades metabólicas de los descendientes y estudiar la asociación del aumento excesivo de GPG en estudios prospectivos con indicadores de adiposidad y enfermedad metabólica de los descendientes ≥ 15 años. Métodos Se realizó una búsqueda electrónica en las bases de datos MEDLINE/PubMed EMBASE y CINAHL, de estudios prospectivos de cohorte publicados de enero de 2004 a septiembre de 2014. La selección de artículos fue restringida a estudios en los que la definición de GPG siguiera las recomendaciones del IOM; y estudios prospectivos de cohorte incluyendo los descendientes ≥ a 15 años de edad, con diferentes definiciones de GPG, independiente de la definición utilizada. Resultados Nueve estudios prospectivos cumplieron los criterios de inclusión. Cinco estudios utilizaron las recomendaciones del IOM para la evaluación de GPG, y seis estudios evaluaron indicadores de adiposidad o enfermedades metabólicas en los descendientes ≥ 15 años. En siete de los nueve estudios, se observó que a mayor GPG de la madre, de cualquier categoría de peso pre gestacional, mayor adiposidad y prevalencia de otros componentes del síndrome metabólico. Debido a las limitaciones explicadas en el estudio la evidencia de la asociación es baja. Conclusiones Los resultados de esta revisión muestran que independientemente de los criterios utilizados para diagnosticar el aumento de la GPG, todos los estudios muestran consistentemente una asociación entre la GPG y los indicadores de adiposidad u otros componentes del síndrome metabólico en la niñez, durante

  1. [Adiposity as a risk factor of non alcoholic fat disease; systematic review].

    PubMed

    Jiménez-Cruz, Arturo; Gómez-Miranda, Luis Mario; Díaz Ramírez, Glenda; Carvalí Meza, Nuris Yohana; Bacardí-Gascón, Montserrat

    2014-04-01

    Introducción: Se ha descrito que la adiposidad es un factor de riesgo del hígado graso no alcohólico (HGNA). Objetivo: Realizar una revisión sistemática de estudios prospectivos que evaluaran la asociación de indicadores de adiposidad con el desarrollo del HGNA. Metodología: Se revisaron todos los artículos originales encontrados en inglés y en español publicados de enero de 2005 a diciembre de 2013, en la base de datos de MEDLINE/ PubMed, de estudios prospectivos con una duración igual o mayor a un año de seguimiento. La calidad de los artículos fue evaluada mediante los criterios de GRADE. Resultados: La población total estudiada fue de 10.640 (6.394 hombres y 4.246 mujeres), y el rango de edad fue de 20-88 años. Cumplieron con los criterios de inclusión cinco estudios prospectivos, y el seguimiento osciló entre uno y siete años. Los criterios de diagnóstico utilizados fueron la ultrasonografía (4) y la tomografía computarizada (1). Los OR de IMC, circunferencia de cintura y ganancia de peso oscilaron entre 1,19 a 1,43, 1,04 a 2,15 y 1,21 a 1,57 respectivamente. Conclusión: Se observó una relación consistente entre los indicadores de adiposidad y el HGNA.

  2. Educacao Intercultural e a Dificuldade de sua Pratica: Um Estudo da Imagem do Migrante e sua Familia em Livros Didaticos Alemaes. (Intercultural Education and the Difficulty of Its Practice: A Study of the Image of the Migrant and His Family in German Textbooks.)

    ERIC Educational Resources Information Center

    Weller, Wivian

    1995-01-01

    Provides a brief historical report on pedagogical efforts to improve the integration of migrants and their families into German society. Examines the way in which the migrants' social situation has been dealt with in textbooks, particularly in books on politics, history, geography, and occupational education. (PA)

  3. Influence of Spironolactone on Matrix Metalloproteinase-2 in Acute Decompensated Heart Failure.

    PubMed

    Ferreira, João Pedro; Santos, Mário; Oliveira, José Carlos; Marques, Irene; Bettencourt, Paulo; Carvalho, Henrique

    2015-01-23

    tratamento bem-sucedido. Objetivos: Testar a influência da espironolactona nos níveis de MMP2. Métodos: Análise secundária de estudo prospectivo, intervencionista, incluindo 100 pacientes com ICAD, 50 designados não aleatoriamente para o uso de espironolactona (100 mg/dia) mais terapia padrão para ICAD (grupo espironolactona) e 50 para terapia padrão para ICAD apenas (grupo controle). Resultados: Os pacientes do grupo espironolactona eram mais jovens e tinham níveis mais baixos de creatinina e ureia (todos p < 0,05). Os valores basais de MMP2, NT-pro BNP e peso não diferiram entre os grupos espironolactona e controle. Observou-se tendência para uma redução mais pronunciada na MMP2 do basal para o dia 3 no grupo espironolactona (-21 [-50 a 19] vs 1,5 [-26 a 38] ng/ml, p = 0,06). Os valores de NT-pro BNP e peso também apresentaram maior diminuição no grupo espironolactona. A proporção de pacientes com redução nos níveis de MMP2 do basal para o dia 3 também foi maior no grupo espironolactona (50% vs 66,7%), embora sem significado estatístico. As correlações entre as variações de MMP2, NT-pro BNP e peso não apresentaram significado estatístico. Conclusões: Os níveis de MMP2 acham-se aumentados na ICAD. Pacientes tratados com espironolactona podem apresentar maior redução nos níveis de MMP2.

  4. Impact of the consumption of a rich diet in butter and it replacement for a rich diet in extra virgin olive oil on anthropometric, metabolic and lipid profile in postmenopausal women.

    PubMed

    Anderson-Vasquez, Hazel Ester; Pérez-Martínez, Pablo; Ortega Fernández, Pablo; Wanden-Berghe, Carmina

    2015-06-01

    Objetivo: analizar el impacto de la sustitución de una dieta rica en grasas saturadas por una dieta rica en grasas monoinsaturadas sobre el perfil antropométrico, metabólico y lipídico en mujeres postmenopáusicas. Material y método: estudio prospectivo, longitudinal y comparativo en el que 18 mujeres postmenopáusicas participaron en dos períodos de intervención dietética de 28 días cada uno: 1) (dieta SAT) consumieron mantequilla. Fórmula calórica (FC) = 15% de proteínas, 38% grasas. [20% grasas saturadas (AGS), 12% grasas monoinsaturadas (AGM) y 47% carbohidratos y 6% poliinsaturadas (AGPI)]. 2) Periodo MONO: con aceite de oliva virgen extra (AOVE). Fórmula calórica = 15% de proteínas, 38% grasas (.

  5. [Survival of patients with diffuse large B-cell lymphoma].

    PubMed

    Salas-Delgado, Arnoldo; Hernández-Pliego, Marco Antonio

    2014-01-01

    INTRODUCCIÓN: la quimioterapia actual ha incrementado la supervivencia total y la libre de recaída en los pacientes con linfoma no Hodgkin. Un recurso que permite hacer proyecciones al respecto es el Índice Pronóstico Internacional (IPI). El objetivo del presente análisis fue determinar la correspondencia entre el pronóstico determinado mediante ese índice y la supervivencia obtenida a dos años. MÉTODOS: estudio longitudinal, observacional y prospectivo. Se incluyeron pacientes diagnosticados y tratados durante un año que hubieran requerido hospitalización. Todos recibieron ciclofosfamida-doxorrubicina-vincristina- prednisona, y en algunos casos también rituximab; el seguimiento en promedio fue de 26 meses. La supervivencia se estimó mediante curvas de Kaplan-Meier.

  6. [Epidemiology of nosocomial infections in a neonatal intensive care unit].

    PubMed

    García, Heladia; Martínez-Muñoz, Angeles Nahima; Peregrino-Bejarano, Leoncio

    2014-01-01

    INTRODUCCIÓN: el recién nacido hospitalizado en una unidad de cuidados intensivos tiene alto riesgo de desarrollar una infección nosocomial. El objetivo de este estudio fue registrar la incidencia y el tipo de infecciones nosocomiales, los microorganismos aislados y el perfil de susceptibilidad de estos en recién nacidos atendidos en una unidad de cuidados intensivos neonatales. MÉTODOS: se llevó a cabo un estudio descriptivo prospectivo longitudinal durante un año. De 113 recién nacidos que presentaron infección nosocomial, se registraron variables demográficas, uso de antibióticos antes del ingreso y de catéter venoso central, tipo de infección, microorganismo aislado y perfil de susceptibilidad.

  7. [Effect of metformin addition to an acute lymphoblastic leukemia chemotherapy treatment].

    PubMed

    Ramos-Peñafiel, Christian Omar; Martínez-Murillo, Carlos; Santoyo-Sánchez, Adrián; Jiménez-Ponce, Fiacro; Rozen-Fuller, Etta; Collazo-Jaloma, Juan; Olarte-Carrillo, Irma; Martínez-Tovar, Adolfo

    2014-01-01

    INTRODUCCIÓN: se ha informado efecto benéfico con metformina en pacientes con cáncer. El objetivo de esta investigación fue evaluar el efecto de adicionar metformina a la quimioterapia sobre las recaídas tempranas en pacientes con leucemia linfoblástica aguda. MÉTODOS: estudio prospectivo, longitudinal y experimental de pacientes portadores de leucemia linfoblástica aguda de novo, realizado en el Hospital General de Mexico. La muestra fue dividida en dos brazos de tratamiento: uno recibió metformina (850 mg cada ocho horas) + quimioterapia; otro recibió únicamente quimioterapia estándar. La distribución de los pacientes fue aleatoria, 3:1 a favor del segundo brazo.

  8. [Prevalence of overweight and obesity in children from Monterrey, Nuevo León].

    PubMed

    Hernández-Herrera, Ricardo Jorge; Mathiew-Quirós, Álvaro; Díaz-Sánchez, Oscar; Reyes-Treviño, Norma Orelia; Álvarez-Álvarez, Criselda; Villanueva-Montemayor, Daniel; de la Garza-Salinas, Laura Hermila; González-Guajardo, Eduardo

    2014-01-01

    INTRODUCCIÓN: la obesidad infantil es un problema de salud pública mundial y se ha incrementado en forma alarmante en las últimas décadas hasta en 30 % en el 2010. El objetivo de este estudio fue establecer la prevalencia de sobrepeso y obesidad en niños de cero a 14 años de tres unidades de medicina familiar (UMF). MÉTODOS: estudio prospectivo, de prevalencia, que incluyó a niños de ambos sexos que acudieron a tres UMF y una escuela primaria. Se evaluó la somatometría y se comparó de acuerdo con estándares y referencias de crecimiento de la Organización Mundial de la Salud (OMS) 2006-2007.

  9. [The height target prediction by the Tanner method infra evaluates the final height in youths from the rural area of South East Spain].

    PubMed

    Ríos, Rafael; Bosch, Vicente; Santonja, Fernando; López, José Manuel; Garaulet, Marta

    2014-10-16

    Introducción: Conocer la talla final de un individuo antes de finalizar el crecimiento presenta utilidad clínica para el seguimiento de la salud infantil. Objetivo: Calcular la talla diana de una población rural del sudeste de España y comparar con la talla final alcanzada. Métodos: Fueron incluidos 50 jóvenes de 18 a 22 años (44% hombres) y 100 progenitores. La selección de los jóvenes se realizó en 2 fases: 1. Estudio retrospectivo a partir de historias clínicas. 2. Estudio prospectivo: reclutamiento y determinaciones antropométricas. Se calculó talla diana y el desvío de talla. Resultados: La talla final de los chicos fue de 4,44 cm superior a la talla diana (p.

  10. [Effect of gestational diabetes on adiposity indicators during the first 18 years of life; systematic review].

    PubMed

    Jiménez Cruz, Arturo; Ortega Cisneros, Armando; Bacardí Gascón, Montserrat

    2014-02-01

    Introducción: La diabetes gestacional ha sido asociada con la obesidad en períodos posteriores de la vida. Sin embargo, los resultados no han sido consistentes y algunos estudios contenían debilidades metodológicas. Objetivo: Analizar los resultados de estudios prospectivos y retrospectivos de cohorte que evalúen el efecto de la diabetes gestacional sobre indicadores de adiposidad en los hijos hasta los 18 años de edad. Metodología: Se realizó una búsqueda de estudios prospectivos o retrospectivos de cohorte registrados en la base de datos de Medline/Pubmed, de enero de 2011 a septiembre de 2013, que valoraran el efecto de la Diabetes Gestacional sobre los indicadores de adiposidad al nacimiento o después del nacimiento. Resultados: Once estudios cumplían con los criterios de inclusión. En total se estudiaron a 472.959 pares de madre e hijo. La edad del niño en el momento de la evaluación fue a partir del nacimiento hasta los 18 años. En nueve de once artículos se observó una asociación entre la diabetes gestacional e indicadores de obesidad. En siete de trabajos se realizaron ajustes para más de dos variables de confusión (IMC pre gestacional, edad de la madre), y en cinco de ellos se observó una asociación entre la diabetes gestacional con adiposidad. Conclusión: Los resultados de la revisión indican que la evidencia que demuestra que la diabetes gestacional aumenta el peso de los productos en períodos posteriores de la vida, es moderada.

  11. [NUTRIENTS AND RADIOTHERAPY; REVIEW OF THE LITERATURE].

    PubMed

    Luna, Javier; Amaya, Enrique; de Torres, M Victoria; Peña, M Carmen; Prieto, Isabel

    2015-12-01

    Introducción: la nutrición ejerce una importante influencia sobre los tratamientos y la calidad de vida del paciente oncológico. En la actualidad, la relación de los distintos componentes nutricionales con el tratamiento radioterápico es un tema de creciente interés. Objetivos: evaluar la posible influencia de los macro y micronutrientes sobre la tolerancia y eficacia del tratamiento radioterápico, así como su papel en la modulación de la toxicidad crónica. Material y métodos: se ha realizado una revisión bibliográfica consultando las bases de datos MEDLINE y Biblioteca Cochrane online entre los años 2000 y 2015, seleccionando los trabajos más relevantes según factor de impacto. Los datos obtenidos de los estudios analizados se han expuesto por apartados según el tipo de nutriente. Resultados: la mayoría de los estudios analizados presentan características comunes: pequeños tamaños muestrales, alta heterogeneidad en estudios de un mismo tema, escaso poder estadístico, pocos estudios prospectivos y aleatorizados. En el apartado de la fibra, su empleo como profilaxis y tratamiento de la enteritis rádica ha sido evaluado con resultados satisfactorios en algunos estudios, aunque la evidencia de su recomendación es todavía débil. Los ácidos grasos omega‑3 y omega‑6 tienen una gran potencialidad metabólica, aunque la evidencia de su beneficio se limita a estudios observacionales en determinados tumores. Entre los aminoácidos, la glutamina es el más estudiado, con resultados contradictorios en el aporte de beneficio en la mucositis oral, la esofagitis y la enteritis rádica. Las vitaminas y minerales constituyen un grupo heterogéneo de sustancias con beneficio potencial por su actividad antioxidante y su posible efecto protector, disminuyendo la toxicidad producida por la radioterapia. Las dietas cetogénicas están comenzando a estudiarse clínicamente después de los prometedores resultados preclínicos. Conclusiones: los estudios

  12. Relationship of Estuarine Plant Contaminants to Existing Data Bases

    DTIC Science & Technology

    1988-02-01

    Experiments. Plant and Soil, ?8: 271-282. COMISSAO NACIONAL DO AMBIENTE (1980). Atlas do Ambiente de Portugal.CNA, Lisboa. CROWDER, A.A. & Macfie, S.M...Photo- synthetica, 18: 134-138. INSTITUTO AGRONONICO DE S. PAULO (1978). Andlise Quimica de Plantas.Cir cular N2 87, Sic Paulo. KIEKENS, L. Cottenie, A...Estudos de Am- biente, Lisboa. PENEDA, M.C. & Coelho, A.T. (1978). Valor e Potencialidade8 do Estudrio do Sado. ServiCo de Estudos de Ambiente , Lisboa

  13. [Kidney function in marginalized population: a pilot study].

    PubMed

    Medina-Escobedo, Martha; Sansores-España, Delia; Villanueva-Jorge, Salha

    2014-01-01

    INTRODUCCIÓN: la enfermedad renal crónica (ERC) es un problema de salud pública. A nivel mundial, más del 6 % de la población la padece. Tener un nivel educativo y socioeconómico bajo, así como acceso limitado a los servicios médicos incrementan la probabilidad de daño renal. Los objetivos de esta investigación fueron evaluar y clasificar la función renal de la población marginada de Yucatán. MÉTODOS: estudio observacional, prospectivo, transversal, descriptivo, en una muestra no probabilística consecutiva, en adultos del área de consulta externa de un hospital general. Se incluyeron sujetos marginados (confirmado por encuesta socioeconómica), sin edema, embarazo ni diabetes mellitus. Se realizaron pruebas de función renal; se calculó filtrado glomerular y se estadificaron las enfermedades de los pacientes, según guías KDOQI. Se determinó peso, talla, índice de masa corporal (IMC), porcentaje de grasa y presión arterial. Se compararon los resultados entre grupos por sexo y por población rural y urbana.

  14. [Pharmacotherapy for tinnitus: much ado about nothing].

    PubMed

    Espinosa-Sánchez, Juan M; Heitzmann-Hernández, Teresa; López-Escámez, José A

    2014-08-16

    Introduccion. El 5-15% de la poblacion general presenta acufenos cronicos, que afectan de manera grave a la calidad de vida del 1% de los casos. El tratamiento farmacologico es una de las opciones terapeuticas en el abordaje de pacientes con acufenos, aunque su eficacia es controvertida. Objetivo. Evaluar el nivel de evidencia que sustenta el uso de diferentes farmacos para reducir la intensidad de los acufenos. Desarrollo. Se han revisado varios grupos farmacologicos incluyendo anestesicos, antiepilepticos, antidepresivos, antihistaminicos, benzodiacepinas, diureticos, corticoides y otras sustancias. La lidocaina intravenosa parece ser eficaz aunque la breve duracion de su efecto y la aparicion de reacciones adversas han llevado a descartarla. La carbamacepina y la gabapentina no han mostrado eficacia frente a placebo, si bien podrian ser eficaces en algunos pacientes con compresion neurovascular o mioclonias. Los antidepresivos triciclicos no son mas eficaces que el placebo aunque pueden mejorar una depresion coexistente. La evidencia es insuficiente para evaluar la eficacia de los inhibidores selectivos de la recaptacion de serotonina y las benzodiacepinas. El acamprosato podria reducir la intensidad de los acufenos, aunque el nivel de evidencia es bajo. No disponemos de resultados consistentes para el tratamiento de los acufenos de la enfermedad de Meniere empleando gentamicina intratimpanica o corticoides. Conclusiones. La utilizacion de medicamentos para reducir la intensidad de los acufenos no esta bien apoyada por ensayos clinicos controlados, aleatorizados y prospectivos. Algunos farmacos son eficaces en algunos estudios, pero la evidencia es limitada. Se necesitan ensayos clinicos aleatorizados mas amplios.

  15. Are red blood cell transfusions associated with nosocomial infections in critically ill children?

    PubMed

    Naveda Romero, Omar E; Naveda Meléndez, Andrea F

    2016-08-01

    Aunque la transfusión de hemoderivados es una práctica común, los efectos sobre el sistema inmune no han sido bien estudiados. Para determinar la asociación entre transfusión de glóbulos rojos (TGR) e infecciones nosocomiales, se realizó un estudio de cohorte prospectivo con niños críticamente enfermos, seguidos hasta su fallecimiento, transferencia o egreso. Las infecciones nosocomiales se consideraron postransfusionales si ocurrieron dentro de los 14 días después de la TGR. Se incluyeron 162 niños, 35 adquirieron infección nosocomial (21,6%) y 49 recibieron TGR (30,2%). Los niños con infección nosocomial recibieron más frecuentemente TGR (48,5% vs. 14,9%; OR 5,4; IC 95%: 2,4-12,6; p 〈 0,0001) y presentaron mayor mortalidad (45,7% vs. 10,2%; OR 7,4; IC 95%: 3,1-18,2; p 〈 0,0001). En la regresión logística binaria, la TGR se mantuvo asociada independientemente a infección nosocomial (OR 4,2; IC 95%: 2,1-20,2; p = 0,049). Conclusión: La TGR se asoció a un incremento del riesgo de adquirir infecciones nosocomiales.

  16. [Performance of entero-insular axis in an athletic population: diet and exercise influence].

    PubMed

    Rodriguez, Carmen; Quezada-Feijoo, Maribel; Toro, Carmen; Barón-Esquivias, Gonzalo; Segura, Eduardo; Mangas, Alipio; Toro, Rocio

    2015-05-01

    Introducción: La relación existente entre el ejercicio físico y la regulación del apetito puede conducir a una mejora del rendimiento competitivo de los deportistas. Los mediadores del eje entero-insular generan señales neurohumorales que influyen en la regulación del apetito y la homeostasis energética. Objetivo: Determinar la influencia de la dieta y el ejercicio prolongado sobre los péptidos intestinales, grelina, resistina, leptina, e incretinas (GLP-1 y GIP) en una población deportista. MÉTODOS: Este es un estudio prospectivo, de intervención desarrollado desde Octubre 2012 a Marzo 2013. Se incluyeron 32 jugadores de rugby sanos. Se tomaron medidas antropométricas y muestras de sangre en el momento 0 y a los seis meses del estudio. Se distribuyeron aleatoriamente a una dieta bien proteica (DP) o mediterránea (DM) y estudiamos los niveles plasmáticos de adipoquinas e incretinas. Resultados: Las concentraciones plasmáticas de GLP- 1 y GIP presentaron un descenso (p.

  17. ORGANIC INFLAMMATORY RESPONSE TO REDUCED PREOPERATIVE FASTING TIME, WITH A CARBOHYDRATE AND PROTEIN ENRICHED SOLUTION; A RANDOMIZED TRIAL.

    PubMed

    de Andrade Gagheggi Ravanini, Guilherme; Portari Filho, Pedro Eder; Abrantes Luna, Renato; Almeida de Oliveira, Vinicius

    2015-08-01

    Introducción: El objetivo de este estudio es la evaluación de la respuesta inflamatoria orgánica a la colecistectomía laparoscópica mediante vídeo con una reducción del tiempo de ayuno preoperatorio a 2h y empleando una solución enriquecida con carbohidratos y proteínas. Métodos: Se trata de un estudio aleatorizado, prospectivo con pacientes divididos en los dos grupos siguientes: grupo A, ayuno convencional y grupo B, ayuno abreviado de 2h con ingesta oral de una solución enriquecida con carbohidratos y proteínas. Antes de la ingesta de la solución, se hicieron mediciones de glucosa sérica, insulina, interleucina 1y TNF-α; también se realizaron mediciones durante la inducción de la anestesia y 4h después de la intervención quirúrgica. Resultados: Treinta y ocho pacientes completaron el estudio sin presentar complicaciones pulmonares relacionadas con el broncoaspirado. La varianza HOMA-IR postoperatoria fue superior en el grupo A (p = 0,001). Conclusión: La reducción del tiempo de ayuno preoperatorio a 2h, empleando soluciones enriquecidas con carbohidratos y proteínas, es segura, reduce la resistencia a la insulina, y no aumenta el riesgo de broncoaspirado.

  18. [Opportunistic bacteria and microbial flora in children with leukemia and neutropenic enterocolitis].

    PubMed

    García-Elorriaga, Guadalupe; Corona-de Los Santos, Juan C; Méndez-Tovar, Socorro; del Rey-Pineda, Guillermo; Pérez-Casillas, Ruy X

    2013-01-01

    Objetivo: determinar la microbiota y la prevalencia de microorganismos oportunistas en niños con leucemia y enterocolitis neutropénica. Métodos: se realizó un estudio prospectivo observacional en pacientes con leucemia aguda y neutropenia. Se tomaron cultivos de heces para identificar la presencia de bacterias y microbiota. Se aplicó estadística descriptiva para su análisis. Resultados: fueron incluidos 21 pacientes (12 hombres, 57.1 %). En 68 % de los coprocultivos se observó desarrollo de microorganismos gramnegativos. La presencia de microorganismos grampositivos fue de 20 %, 6 % de Candida sp., 3 % de Cryptosporidium sp. y en 3 % se observaron bacilos ácido alcohol resistentes. Staphylococcus epidermidis, Enterobacter sp., y Escherichia coli se observaron en cultivo puro. No se encontró asociación entre microorganismos grampositivos y gramnegativos con la edad, el recuento leucocitario ni el cultivo puro o mixto.Conclusiones: aunque los microorganismos gramnegativos fueron los más frecuentes, se aislaron de manera importante grampositivos y otros que no se buscan de rutina en el coprocultivo.

  19. [Evaluation of a Nutritional Intervention Program in advanced chronic kidney disease (ACKD) patients].

    PubMed

    Pérez-Torres, Almudena; González, Elena; Bajo, M Auxiliadora; Palma Milla, Samara; Sánchez-Villanueva, Rafael; Bermejo, Laura María; Del Peso, Gloria; Selgas, Rafael; Gómez-Candela, Carmen

    2013-11-01

    Introducción y Objetivos: La Enfermedad Renal Crónica Avanzada (ERCA) se asocia a una elevada prevalencia de malnutrición. La práctica habitual en estos pacientes va dirigida a reducir la ingesta proteica, recomendación que podría favorecer esta situación. Por ello, el objetivo de este estudio fue evaluar el efecto de un programa de intervención nutricional (PIN) sobre la función renal y el estado nutricional en pacientes con ERCA. Pacientes y Métodos: Se diseñó un estudio longitudinal y prospectivo con 93 pacientes (53,7% hombres, 66±17años) que participaron en un PIN durante 6 meses con visitas mensuales. Al inicio y al final de la intervención se evaluaron: estado nutricional en función de los criterios de Chang, datos antropométricos, dietéticos y bioquímicos (albúmina, prealbúmina, aclaramiento de creatinina, fósforo y potasio séricos, Colesterol-total, LDL, HDL, triglicéridos y PCR). Resultados: Tras el PIN la ingesta calórica disminuyó en los normonutridos (1833±318 vs 1571±219 kcal p.

  20. [Prospective study on the effect of the influence of holiday periods in the weight during a low-calory dietetic treatment].

    PubMed

    García, Cándido Gabriel; Berná, Amparo; Sebastià, Natividad; Soriano, José Miguel

    2013-11-01

    Introducción: El sobrepeso y la obesidad constituyen, tanto en Europa como en España, uno de los mayores problemas de Salud Pública puesto que se asocian a factores de riesgo cardiovascular y a la aparición de otras patologías. Según la SEEDO la prevalencia de obesidad en la sociedad española está cerca del 25 %. Además del estudio de nuestro estilo de vida y hábitos incorporados a las costumbres cotidianas, resultaría interesante evaluar cómo influyen en la ganancia de peso total anual los excesos realizados durante muchas festividades, que en muchos casos se suelen prolongar más allá de los días oficialmente festivos. Material y métodos: Estudio prospectivo, de carácter descriptivo a un total de 258 pacientes (95 varones y 163 mujeres) correspondientes a personas con un tratamiento para la reducción del peso corporal, como mínimo, de un mes. Se estudiaron siete periodos festivos. Resultados: Considerando todos los pacientes, se observó una correlación lineal significativa (p.

  1. Project ES3: attempting to quantify and measure the level of stress.

    PubMed

    Aguiló, Jordi; Ferrer-Salvans, Pau; García-Rozo, Antonio; Armario, Antonio; Corbí, Ángel; Cambra, Francisco J; Bailón, Raquel; González-Marcos, Ana; Caja, Gerardo; Aguiló, Sira; López-Antón, Raúl; Arza-Valdés, Adriana; Garzón-Rey, Jorge M

    2015-11-01

    Introduccion. La Organizacion Mundial de la Salud ha calificado al estres de 'epidemia mundial', debido a su cada vez mayor incidencia en la salud. El trabajo que se presenta en este articulo representa un intento de cuantificar objetivamente el nivel de estres. Objetivo. La metodologia desarrollada tiene como objetivo medir cuan lejos o cuan cerca se encuentra un sujeto de una situacion considerada medica y socialmente como 'normal'. Sujetos y metodos. Se ha realizado un estudio bibliografico de la fisiopatologia del estres y sus metodos de estudio, en experimentacion animal y en humanos. Se han puesto en marcha nueve estudios prospectivos observacionales con distintas tipologias de sujetos y estresores que cubren las diferentes tipologias de estres. Resultados. Como resultado del estudio bibliografico, se han identificado las distintas tipologias de estres, los indicadores que describen resultados significativos, los tests psicometricos y los 'agentes estresantes' bien documentados. Este material ha permitido diseñar la metodologia general y el detalle de los nueve ensayos clinicos. Los resultados preliminares obtenidos en algunos de los estudios han servido para validar los indicadores, asi como la eficacia de las tecnicas utilizadas experimentalmente para disminuir el estres o para producirlo. Conclusiones. Los resultados preliminares obtenidos en los ensayos experimentales muestran que se esta en el camino correcto hacia la definicion y validacion de marcadores multivariable para la cuantificacion de los niveles de estres, y sugieren que la metodologia puede ser aplicada de forma similar al estudio de trastornos mentales.

  2. [Central nervous system in IgG4-related disease: case report and literature review].

    PubMed

    Vanegas-Garcia, A L; Calle-Lopez, Y; Zapata, C H; Alvarez-Espinal, D M; Saavedra-Gonzalez, Y A; Arango-Viana, J C

    2016-08-01

    Introduccion. La enfermedad relacionada con IgG4 es una entidad clinica multisistemica recientemente descrita y que se presenta con diferentes manifestaciones clinicas. Los organos que estan afectados con mayor frecuencia son el pancreas, la via biliar y las glandulas salivales, y es menos frecuente la afeccion del sistema nervioso central. Caso clinico. Mujer de 33 años con alteraciones cognitivas, alucinaciones, cefalea, sindrome convulsivo, sinusitis maxilar con afeccion osea y evidencia de paquimeningitis y panhipopituitarismo, con biopsia meningea que confirmo una enfermedad relacionada con IgG4, tras haberse descartado causas secundarias. Se inicio tratamiento con glucocorticoides y azatioprina, sin recaidas despues de 12 meses de seguimiento. Conclusiones. Se debe considerar el diagnostico de enfermedad relacionada con IgG4 en casos de paquimeningitis hipertrofica e hipofisitis, incluso sin que se acompañen de otras manifestaciones sistemicas, siempre que se hayan descartado otras causas mas frecuentes. El tratamiento de eleccion son los glucocorticoides, y puede ser necesario añadir otro inmunosupresor como ahorrador de esteroides y para evitar las recaidas. Se necesitan estudios prospectivos para evaluar las diferentes manifestaciones clinicas y paraclinicas y establecer los resultados del tratamiento a largo plazo.

  3. [FACTORS AFFECTING THE ABANDONMENT OF BREASTFEEDING IN A SUPPORT PROGRAM FOR THE SAME IN THE HOSPITAL FOR WOMEN, MORELIA MICHOACAN IN THE PERIOD FROM SEPTEMBER TO NOVEMBER 2014].

    PubMed

    Méndez Jacobo, Névedy; García Rojas Vazquez, Luisa Estefanía; Reyes Barretero, Diana Yolanda; Trujano Ramos, Luis Alfredo

    2015-12-01

    Introducción: existen ciertos factores que influyen en el abandono precoz de la lactancia materna, entre los cuales se encuentran los sociodemográficos, culturales, biológicos y psicológicos. Objetivo: analizar los factores sociodemográficos que influyen en el abandono de la lactancia materna en un grupo de apoyo a la misma. Metodología: estudio descriptivo, prospectivo, observacional y transversal, en el Hospital de La Mujer en Morelia, Michoacán, de septiembre a noviembre del 2014, con un total de 86 mujeres en periodo de puerperio de la planta de ginecología. Resultados: las causas por las cuales se abandona la LME son: edad menor de 25 años (19.1%), localidad urbana (16.9%), estado civil unión libre (15.7%) y por el trabajo (9%). Conclusiones: en la mayor parte de las mujeres la edad, el nivel educativo y la localidad son los principales factores que influyen en cuanto al abandono de la lactancia materna antes del tiempo recomendado.

  4. [Restless legs syndrome in patients diagnosed with attention deficit hyperactivity disorder].

    PubMed

    Castano-De la Mota, C; Moreno-Acero, N; Losada-Del Pozo, R; Soto-Insuga, V; Perez-Villena, A; Rodriguez-Fernandez, C; Martin-Del Valle, F; Pons-Rodriguez, M

    2017-04-01

    Introduccion. El sindrome de piernas inquietas (SPI) es una patologia neurologica comun. Se ha relacionado con diferentes trastornos psiquiatricos, especialmente con el trastorno por deficit de atencion/hiperactividad (TDAH). Objetivos. El objetivo principal fue describir la frecuencia del SPI en pacientes pediatricos diagnosticados de TDAH. Los objetivos secundarios del estudio fueron describir otros trastornos del sueño en pacientes con TDAH. Pacientes y metodos. Se realizo un estudio descriptivo prospectivo multicentrico en nueve centros españoles de niños de 6-18 años con diagnostico de TDAH entre enero y junio de 2015. Los datos fueron recogidos por 13 medicos investigadores mediante entrevista con el padre/cuidador y con el menor. Para valorar el grado de funcionamiento de los pacientes con TDAH se utilizo la Children's Global Assessment Scale. Se aplico la Sleep Disturbance Scale for Children de Bruni para el cribado del trastorno de sueño de la infancia. Resultados. Se recogio una muestra de 73 pacientes. Cinco pacientes (6,8%) cumplen criterios diagnosticos de SPI: cuatro de ellos definitivos y uno probable. Conclusiones. El SPI es una entidad frecuente en la edad adulta, pero tambien en la adolescencia y en la infancia. Los pacientes con TDAH tienen un riesgo aumentado de presentar de manera concomitante un SPI.

  5. [Colonization by Candida in a neonatal intensive care unit].

    PubMed

    Caballero-Trejo, Amilcar; Aguirre-Morales, Carlos Eduardo; González-González, Gloria M; Cortés-Palma, Dzoara; Miranda-Novales, María Guadalupe

    2014-01-01

    INTRODUCCIÓN: las infecciones por Candida se han incrementado en las últimas décadas. La colonización previa es el principal factor de riesgo para el desarrollo de fungemia. Es necesario conocer la epidemiología local de un hospital para seleccionar el tratamiento óptimo. El objetivo del estudio que se presenta fue establecer la colonización por especies de Candida en pacientes, personal y dispositivos médicos en una unidad de cuidados intensivos neonatales. MÉTODOS: se llevó a cabo un estudio prospectivo de cohorte. Se obtuvieron muestras de diferentes sitios anatómicos, de dispositivos médicos y de manos del personal de salud, al ingreso de los pacientes y cada siete días hasta el egreso de la unidad. Se realizó identificación de los microorganismos y se determinó su sensibilidad a anfotericina B, fluconazol, itraconazol, voriconazol y caspofungina.

  6. [Effectiveness and adequacy of tolvaptan prescription in hospitalized patients].

    PubMed

    Edo Solsona, Ma D; Ruiz Ramos, J; Montero Hernández, M; Font Noguera, I; Poveda Andrés, J L

    2013-01-01

    Objetivo: Analizar la efectividad del uso de tolvaptán y la adecuación de su prescripción en un hospital de tercer nivel. Método: Estudio observacional prospectivo de las prescripciones de tolvaptán desde octubre de 2010 hasta diciembre de 2011. Resultados: Se incluyeron 30 pacientes (60,0% varones), 50,0% diagnosticados de insuficiencia cardíaca y 30,0% de SIADH. Tolvaptán permitió alcanzar niveles de sodio superiores a 135 mEq/L en el 53,3% de los pacientes que partían con una media de 125,3±7,3 mEq/L. La mediana de días de tratamiento fue de 5,0 (rango intercuartílico = 3-45). Se observó un incremento significativo de los niveles de ácido úrico asociado al tratamiento con tolvaptán. La prescripción se adecuó a lo establecido en la GFT en el 63,3% de los casos. Conclusiones: Tolvaptán incrementa un 7,5 mEq/L los niveles de sodio tanto en hiponatremia secundaria al SIADH como en insuficiencia cardiaca.

  7. [Design and implementation of a questionnaire to evaluate the dietary quality of school meals].

    PubMed

    de Mateo Silleras, Beatriz; Camina Martín, M Alicia; Ojeda Sainz, Berta; Carreño Enciso, Laura; de la Cruz Marcos, Sandra; Marugán de Miguelsanz, José Manuel; Redondo del Río, Paz

    2014-10-03

    Introducción: El comedor escolar es el centro de comida habitual para muchos niños. Aunque actualmente se dispone de guías y recomendaciones para los menús escolares, resulta difícil evaluar su calidad dietética. Objetivos: Diseñar un cuestionario para evaluar la calidad desde el punto de vista dietético de los menús escolares de forma rápida y sencilla. Material y métodos: Partiendo de las recomendaciones, se ha diseñado un cuestionario (COMES) de 15 ítems que hacen referencia a la frecuencia de consumo de alimentos y otras características de los menús escolares. A continuación se realizó un estudio longitudinal prospectivo en el que se analizaron con este cuestionario 36 planillas de menús de 4 empresas de restauración colectiva que prestaban el servicio de comedor escolar en Castilla y León durante los cursos 2006-2007 a 2010-2011. Se analizaron las diferencias en función del sistema de gestión de las empresas mediante la prueba U de Mann-Whitney y el test de Kruskal- Wallis. La significación se alcanzó con una p.

  8. [Thermolabile drugs: pharmacist intervention as a guarantee of cold chain maintenance].

    PubMed

    Ricote-Lobera, I; Santos-Mena, B; Fraile-Gil, S; Ortiz-Martín, B; Hidalgo-Correas, F J; García-Díaz, B

    2014-05-01

    Objetivo: Determinar si el farmacéutico puede garantizar elmantenimiento de la cadena de frío (CF) durante la distribuciónde los medicamentos termolábiles (MT) utilizando la informacióndisponible durante la recepción y comparar estos resultadoscon los obtenidos en una fase posterior de intervención, enla que se contactó con los laboratorios.Métodos: Estudio de intervención, prospectivo, comparativo“antes-después”. Se analizaron las condiciones de conservacióndurante el transporte de todos los MT recepcionados enun hospital de 400 camas durante 3 meses, excluyéndose losensayos clínicos.Resultados: Tras la intervención pudo garantizarse el mantenimientode la CF en el 76,5% (n = 488) de los pedidos recepcionados,lo que supuso un incremento del 41,8% (IC95% 36,7-46,6%; p < 0,001) respecto al porcentaje pre-intervención.Conclusiones: El farmacéutico no dispone de medios a sualcance para poder garantizar el mantenimiento de la CF de MTrecepcionados sin indicador (64,6%). Los informes solicitadosa los laboratorios permitieron incrementar significativamenteeste porcentaje.

  9. [Adherence to oral antineoplastic therapy].

    PubMed

    Olivera-Fernandez, R; Fernandez-Ribeiro, F; Piñeiro-Corrales, G; Crespo-Diz, C

    2014-11-03

    Introducción: Los tratamientos antineoplasicos orales presentan ventajas en cuanto a coste, comodidad y mejora potencial en la calidad de vida respecto al tratamiento endovenoso, pero es mas dificil controlar la adherencia y monitorizar los efectos adversos. El objetivo de este estudio fue conocer la adherencia real en pacientes con antineoplasicos orales en nuestro centro, analizar la influencia de las caracteristicas del paciente y del tratamiento, identificar motivos de no adherencia, oportunidades de mejora en la atencion farmaceutica y evaluar la posible relacion adherencia y respuesta al tratamiento. Método: estudio prospectivo observacional de cuatro meses de duracion, en los pacientes con tratamiento antineoplasico oral dispensado desde la consulta de farmacia oncologica. Para la recogida de datos se utilizaron: orden medica, historia clinica y visita con entrevistas al paciente. Resultados: Se evaluaron un total de 141 pacientes. Un 72% se considero totalmente adherente, mientras que en un 28% se detecto algun tipo de no adherencia. El tiempo desde el diagnostico y la presencia de efectos adversos fueron las variables que afectaron a la adherencia. No se pudo demostrar relacion entre adherencia y respuesta al tratamiento. Conclusiones: La adherencia al tratamiento antineoplasico oral en nuestro centro fue del 72%, identificando oportunidades de mejora en la atencion farmaceutica dirigidas a prevenir los efectos adversos y a potenciar la adherencia de nuestros pacientes.

  10. [Electronic prescription for Primary Care: a reliable tool to conceal medication at hospital admission?].

    PubMed

    Martín González, A; Abajo Del Álamo, C

    2013-01-01

    Objetivo: Analizar la fiabilidad de un programa de prescripción electrónica en receta de atención primaria (Medoracyl®) para conciliar la medicación al ingreso hospitalario. Método: Estudio prospectivo comparativo del tratamiento domiciliario validado de pacientes al ingreso, con el prescrito en Medoracyl®. La medicación al ingreso se obtuvo mediante entrevista clínica, informes médicos y revisión de la medicación aportada; la medicación activa en Medoracyl®, mediante consulta a la aplicación el día del ingreso. Se analizaron las discrepancias entre ambos tratamientos. Resultados Se incluyeron 47 pacientes con 273 líneas de tratamiento domiciliario validado y 274 líneas de tratamiento Medoracyl ®. Resultaron 48/273 líneas discrepantes (17,6% [IC95%: 13,1-21,6]). Se consideraron justificadas 27/48, resultando un riesgo final de no concordancia del 7,8% [IC95%: 4,6-11,0]. Conclusiones: Medoracyl® es una herramienta útil y de fácil acceso que permite conocer más del 90% de la medicación domiciliaria de los pacientes.

  11. [Fat-soluble vitamins supplementation in patients with cystic fibrosis: is enough Aquadek's®?].

    PubMed

    González Jiménez, David; Bousoño García, Carlos; Díaz Martin, Juan Jose; Jiménez Treviño, Santiago

    2015-04-01

    Introducción y objetivo: Conocer si la suplementación un nuevo polivitamínico (Aquadek´s®) durante 12 meses es segura y eficaz en pacientes con Fibrosis Quística (FQ). Material y Métodos: Estudio prospectivo, longitudinal y no controlado en pacientes con FQ insuficientes pancreáticos, clínicamente estables, que recibieron suplementación con Aquadek´s® (2 comprimidos masticables) durante 12 meses en lugar de su suplementación habitual. Se evaluaron niveles séricos de retinol, betacarotenos, 25 OH vitamina D y α-tocoferol un año antes, al inicio y tras un año de tratamiento. Análisis estadístico: Pruebas t para datos pareados. Resultados: Se incluyeron 28 pacientes entre 6 y 39 años (mediana 18,5 años). La suplementación con Aquadek´s® supuso un incremento en la dosis de vitaminas A y una disminución del número de comprimidos administrados. Al inicio, un 89% presentaban algún tipo de déficit vitamínico: (61% pro-Vitamina A y 54% vitamina D). Tras un año, se produjo un incremento de los niveles de betacarotenos: 160 mcg/l (IC 95% 98-222) (p.

  12. [Response to treatment with interferon beta in patients with multiple sclerosis. Validation of the Rio Score].

    PubMed

    Rio, J; Rovira, A; Blanco, Y; Sainz, A; Perkal, H; Robles, R; Ramio-Torrenta, Ll; Diaz, R M; Arroyo, R; Urbaneja, P; Fernandez, O; Garcia-Merino, J A; Reyes, M P; Oreja-Guevara, C; Prieto, J M; Izquierdo, G; Olascoaga, J; Alvarez-Cermeno, J C; Simon, E; Pujal, B; Comabella, M; Montalban, X

    2016-08-16

    Introduccion. Se han propuesto diferentes criterios de respuesta al tratamiento con interferon beta, y el Rio Score es uno de los mas utilizados. El objetivo de este estudio fue validar la utilidad del Rio Score en una cohorte independiente. Pacientes y metodos. Estudio multicentrico, prospectivo y longitudinal de pacientes con esclerosis multiple remitente recurrente tratados con interferon beta. Los pacientes fueron clasificados basandose en la presencia de brotes, lesiones activas (nuevas en T2 o lesiones que captaban gadolinio) en la resonancia magnetica, incremento confirmado de la discapacidad o combinaciones de estas variables (brotes, incremento en la Expanded Disability Status Scale y lesiones activas) tras un año de tratamiento. Se utilizo un analisis de regresion con el fin de identificar las variables de prediccion de respuesta despues de un seguimiento de tres años. Resultados. Se incluyo a 249 pacientes con esclerosis multiple remitente recurrente. El modelo logistico confirmo que la presencia de dos (odds ratio = 6,6; IC 95% = 2,7-16,1; p < 0,0001) o tres (odds ratio = 8,5; IC 95% = 1,6-46; p < 0,01) variables positivas durante el primer año de tratamiento conferia un riesgo significativo de actividad (brotes o progresion) en los siguientes dos años. Conclusiones. Se confirma, en una cohorte independiente, la utilidad del Rio Score para identificar a pacientes con un mayor riesgo de desarrollar actividad clinica o progresion de la discapacidad durante el tratamiento con interferon beta.

  13. [Variations in Posner's test for diagnosis of dissociated strabismus].

    PubMed

    González-González, José Manuel; Arroyo-Yllanes, María Estela; Pérez-Pérez, José Fernando

    2013-01-01

    Antecedentes: una característica particular del estrabismo disociado es la variabilidad en la magnitud y en la frecuencia de presentación. En ciertas exploraciones es muy evidente y en otras no tanto. Para facilitar su exploración se han descrito algunas maniobras: de Bielchowsky, del fenómeno de Bielchowsky y la prueba de Posner. Objetivo: determinar la magnitud del movimiento ocular en el estrabismo disociado al aplicar la maniobra de Posner y comparar dos modalidades de ésta: oclusores opacos y oclusores translúcidos. Material y métodos: estudio prospectivo, transversal, descriptivo y observacional efectuado en pacientes con estrabismo disociado a quienes se realizó la maniobra diagnóstica de Posner en dos modalidades: 1) con oclusores opacos, y 2) con oclusores translúcidos. Resultados: la maniobra de Posner con oclusores opacos resultó positiva en 100% de los casos. Al utilizar oclusores translúcidos la prueba diagnóstica resultó positiva en 94% de los casos (p= 0.8). La magnitud del movimiento de recuperación fue considerablemente menor con el oclusor translúcido comparado con el oclusor opaco (p= 0.0001). Conclusión: la maniobra de Posner con oclusores opacos demostró ser más efectiva para mostrar en forma más clara y precisa la magnitud del movimiento en el estrabismo disociado al compararlo con oclusores translúcidos.

  14. [Detection of vascular risk factors and unknown atrial fibrillation in patients hospitalised in the stroke unit].

    PubMed

    Jiménez-Caballero, Pedro E; López-Espuela, Fidel; Portilla-Cuenca, Juan C; Jiménez-Gracia, M Antonia; Casado-Naranjo, Ignacio

    2013-05-01

    Introduccion. Existe una serie de factores de riesgo cerebrovascular modificables, como son la hipertension arterial, la diabetes mellitus, dislipidemias y la fibrilacion auricular, cuyo reconocimiento y control es fundamental para disminuir la aparicion de enfermedades cerebrovasculares. En ocasiones, el ictus puede ser el sintoma de presentacion de estos factores de riesgo. Pacientes y metodos. Estudio observacional prospectivo de los pacientes que ingresan en la unidad de ictus de nuestro hospital por enfermedad cerebrovascular aguda –accidente isquemico transitorio e ictus isquemico– para conocer el porcentaje de pacientes con hipertension arterial, diabetes mellitus, dislipidemias y fibrilacion auricular no diagnosticadas previamente. Resultados. Se selecciono a 186 pacientes, de los que 24 presentaban hipertension arterial no conocida (12,9%); 11, diabetes mellitus no conocida (5,9%); 49, hipercolesterolemia no conocida (26,3%); 15, hipertrigliceridemia no conocida (8,1%), y 22 tenian fibrilacion auricular no conocida (11,8%). En total, 96 pacientes (51,6%) tenian alguno de estos factores de riesgo cerebrovascular. La existencia de un factor de riesgo no diagnosticado previamente era mayor en el medio rural, en los sujetos que no habian fallecido a los seis meses y en los ataques isquemicos transitorios respecto a los ictus isquemicos. Conclusiones. Mas de la mitad de los sujetos que sufren un evento cerebrovascular tienen un factor de riesgo que no se ha diagnosticado previamente. Se deben realizar campanas para implementar la deteccion de estos factores, asi como incidir en el control de estos para disminuir la aparicion y recidiva de patologia vascular.

  15. Off-label and unlicensed utilization of drugs in a Brazilian pediatric hospital.

    PubMed

    Pereira Gomes, Vanessa; Melo da Silva, Kédma; Oliveira Chagas, Suely; dos Santos Magalhães, Igor Rafael

    2015-05-01

    Objetivo: Describir los patrones de utilizacion de medicamentos off-label y sin licencia en un hospital pediatrico de Brasil. Métodos: La investigacion consistio en un estudio descriptivo, prospectivo y de corte transversal. Resultados: Un total de 1.158 medicamentos fueron prescritos para 320 pacientes, que representan 65 farmacos diferentes. En cuanto a la clasificacion de la utilizacion de medicamentos, la mayoria de los medicamentos fueron prescritos como en la ficha tecnica (57,2%), seguido off-label (36,4%) y por sin licencia (6,3%). Las prevalencias de uso sin licencia y off-label de drogas en la poblacion estudiada fueron 20,9 y 77,8%, respectivamente. La polifarmacia fue muy asociada a ambos off-label y el regimen sin licencia (OR 12,9; IC del 95%: 3,07 a 54,2 y OR 3,68; IC del 95%: 2,02 a 6,69, respectivamente), mientras que los ninos en edad preescolar fueron menos propensos a prescripcion sin licencia (OR 0,39; 95% CI 0,19-,79). El sexo y la duracion de la hospitalizacion no estaban relacionadas con estos resultados. Conclusiones: Son necesarios mas estudios para verificar el impacto de este patron en la ocurrencia de eventos adversos en los medicamentos.

  16. [In vitro effect of the S3Pvac vaccine against cysticercosis in human mononucleate cells].

    PubMed

    Díaz-Orea, María Alicia; Mijares, José Miguel; Arcega, Raúl; Gómez-Conde, Eduardo; Castellanos-Sánchez, Víctor Omar; Briones-Rojas, Rosendo; Flores-Alonso, Juan Carlos; Marín-Briones, Miguel Ángel; Santos-López, Gerardo

    2013-05-01

    Introduccion. La neurocisticercosis (NCC) es una infeccion parasitaria generada por el establecimiento de cisticercos de Taenia solium en el sistema nervioso central. La fase larvaria del parasito tambien afecta al cerdo, que es el huesped intermediario indispensable para la transmision. Por tal motivo, muchos investigadores se han enfocado en identificar antigenos protectores para prevenir la cisticercosis porcina e interrumpir la transmision. Entre ellos figuran los antigenos de la vacuna S3Pvac, constituida por tres peptidos protectores: KETc1, KETc12 y GK1. Objetivo. Evaluar el efecto de los peptidos vacunales KETc1, KETc12 y GK1 en celulas mononucleares de pacientes con NCC e individuos sanos. Sujetos y metodos. Estudio comparativo, prospectivo y transversal. Se analizo la proliferacion y el perfil de citocinas inducidos por los tres peptidos en celulas mononucleares de tres pacientes con NCC activa, 16 pacientes con NCC calcificada y 16 sujetos sanos. Resultados. KETc1 induce bajos niveles de proliferacion en las celulas de los pacientes con NCC activa y controlada, tanto en linfocitos como en monocitos. KETc12 y GK-1 inducen niveles positivos de proliferacion de monocitos en sujetos sanos. Conclusiones. El peptido KETc1 podria usarse como coadyuvante en el tratamiento de los pacientes con NCC activa, ya que indujo una respuesta Th2; y el peptido GK1, como estimulador del monocito/macrofago en inmunizaciones con otras proteinas.

  17. [Clinical improvement of diabetic neuropathy with carbamazepine or diclofenac treatment].

    PubMed

    Tinoco-Samos, Andrea; Córdova-Pérez, Nydia; Arenas-Téllez, Juan Manuel; Vargas-Girón, Antonio; Zárate, Arturo; Hernández-Valencia, Marcelino

    2013-01-01

    Introducción: la neuropatía diabética afecta diversos aspectos de la vida del paciente, pero aún no hay un tratamiento específico. Se hizo un análisis comparativo de la mejoría clínica con manejo de carbamazepina y diclofenaco. Métodos: estudio prospectivo, longitudinal, de dos grupos de pacientes diabéticos con signos y síntomas de neuropatía diabética: 30 usaron 200 mg de carbamazepina cada 24 horas por una semana, con incremento gradual hasta 200 mg cada seis horas por 10 meses; 29 utilizaron 100 mg de diclofenaco sódico cada 12 horas. Se hicieron evaluaciones bimestrales para graduar el dolor según la percepción del paciente. Los estudios de laboratorio incluyeron glucosa y perfil de lípidos. Se empleó Anova para mediciones repetidas. Resultados: los pacientes tratados con carbamazepina no tuvieron dolor después de 10 meses de tratamiento, a diferencia del grupo con diclofenaco (p < 0.01). Con la carbamazepina disminuyeron los calambres y mejoró la fuerza muscular, la presencia de pulsos y la percepción de temperatura y presión (p < 0.05). Los tres últimos se deterioraron con el diclofenaco. Conclusiones: hay que reconocer la sintomatología en pacientes diabéticos para dar el tratamiento adecuado.

  18. Other Worlds Are Possible: An Interview with Boaventura de Sousa Santos

    ERIC Educational Resources Information Center

    Phipps, Alison

    2007-01-01

    This article presents an interview with Professor Boaventura de Sousa Santos. Santos is a professor of Sociology at the University of Coimbra, where he is the director of the internationally renowned Centro de Estudos Sociais. He offers a rich vein of theoretical reflection and translation for language(s) and intercultural communication.

  19. O que bilíngues bimodais têm a nos dizer sobre desenvolvimento bilíngue?

    PubMed Central

    de Quadros, Ronice Müller; Lillo-Martin, Diane; Pichler, Deborah Chen

    2013-01-01

    O objetivo deste trabalho é apresentar o que as pesquisas que estamos desenvolvendo com crianças ouvintes, filhas de pais surdos, adquirindo Língua Brasileira de Sinais (Libras) e Português e Língua de Sinais Americana (ASL) e Inglês (Lillo-Martin et al. 2010) têm a nos dizer sobre desenvolvimento bilíngue. Os dados deste estudo fazem parte de um banco de dados de interações espontâneas coletadas longitudinalmente, alternando contextos de aquisição da Libras e do português como língua alvo, no Brasil e dados coletados longitudinalmente. nos mesmos contextos, de crianças adquirindo ASL e inglês1. Além disso, há também dados do estudo experimental com testes aplicados nos dois pares de línguas que se agregam ao presente estudo. Uma visão geral dos estudos desenvolvidos sobre a aquisição bilíngue bimodal por crianças ouvintes, filhas de pais surdos, será apresentada e, então, serão expostos alguns aspectos linguísticos deste tipo de aquisição, considerando as discussões sobre aquisição bilíngue a partir da pesquisa realizada. PMID:24431480

  20. Portuguese Armed Forces in the International Security and Assistance Force in Afghanistan: Psychological Support for the Command of Kabul International Airport

    DTIC Science & Technology

    2006-04-01

    Handbook and Classification. Washington, D.C.: APA Press and Oxford University Press. Ribeiro, R. e Surrador, A. (2005). Stress em contexto militar e...et al. (2000). Estudo de Adaptação e Estabelecimento de Normas do Inventário de Estado-Traço de Ansiedade (STAI) – Forma Y de Spielberger, para a

  1. Quality of life of diabetic patients with medical or surgical treatment.

    PubMed

    Weiner, S; Neugehauer, E A M

    2013-03-01

    Introducción: En general, la mayoría de los estudios coinciden en que la calidad de vida de las personas con diabetes es peor que la calidad de vida de la población general (QoL). Además, estos mismos estudios también han descrito efectos muy positivos sobre la calidad de vida tras cirugía bariátrica. El objetivo de este estudio fue analizar si el impacto sobre la calidad de vida de los pacientes diabéticos después de ser sometidos a cirugía bariátrica según el test (QoL) es el que se supone debería ser. Métodos: Analizamos nuestra colección de datos prospectivos de 524 pacientes diabéticos que se sometieron a cirugía bariátrica entre 2001 y 2005. Todos los pacientes realizaron 3 cuestionarios de calidad de vida antes de la cirugía y después de 1, 3, 6 y 12 meses. Las respuestas se recogieron en una base de datos anual. Todos los pacientes se sometieron a una intervención de banda gástrica ajustable, Bypass Gástrico en-Y-Roux o BPD-Scopinaro. Resultados: En total se obtuvieron los datos completos de 89 pacientes que fueron incluidos en el estudio. 1 año después de la cirugía, la calidad de vida mejoró de manera significativa e independientemente de la remisión de la enfermedad y de la pérdida de peso. La diabetes mejoró en todos los casos. La mejora en la calidad de vida fue superior en los pacientes con remisión de la enfermedad que en los que únicamente mejoraron su estado, pero inferior que en los pacientes que no tenían diabetes antes de la operación. Conclusiones: Tras el análisis de la literatura y de nuestros propios datos prospectivos, podemos concluir que los beneficios que obtienen los pacientes diabéticos tras la cirugía bariátrica son debidos principalmente a la mejora de su diabetes, independientemente del IMC inicial y de la disminución del IMC tras la intervención. Se necesitan más estudios para investigar los resultados del test QoL en diabéticos con bajo índice de masa corporal tras la cirugía bari

  2. [Home-based rehabilitation in the functional recovery of patients with cerebrovascular disease].

    PubMed

    López-Liria, Remedios; Ferre-Salmerón, Rocío; Arrebola-López, Clara; Granados-Valverde, Rocío; Gobernado-Cabero, Miguel Ángel; Padilla-Góngora, David

    2013-06-16

    Introduccion. El estudio de la eficacia en los tratamientos de rehabilitacion aplicados a pacientes con secuelas tras una enfermedad cerebrovascular (ECV) resulta decisivo en la actualidad para planificar su abordaje desde la sanidad publica y mejorar las directrices de evaluacion y tratamiento existentes. Objetivo. Describir las caracteristicas que presentan los pacientes que han sufrido ECV atendidos por las unidades moviles de rehabilitacion-fisioterapia (UMRF) y como influyen estos tratamientos sobre su recuperacion funcional. Pacientes y metodos. Estudio descriptivo prospectivo en 124 pacientes derivados a las UMRF de la provincia de Almeria entre 2008 y 2011. Se analizaron variables (pre y postratamiento) como las caracteristicas y antecedentes personales, indice de Barthel, escala de espasticidad de Ashworth modificada, dolor (hombro) y escala neurologica canadiense. Resultados. La muestra final estuvo compuesta por 106 participantes (edad media: 73,72 años). El proceso discapacitante fue isquemico en un 77,4%, y la hipertension, el factor de riesgo mas prevalente (81%). La media del indice de Barthel inicial fue de 31,04, y la media del indice final, de 57,62 (t = –11,75; p < 0,001). La escala canadiense mostro una evolucion favorable en el nivel de conciencia, orientacion y lenguaje (p < 0,001). El 56,2% de los pacientes recibio alta por mejoria, sin precisar rehabilitacion ambulatoria adicional. Conclusiones. Los resultados obtenidos reflejan una importante mejora funcional en los pacientes tratados en las UMRF. La rehabilitacion domiciliaria se plantea como una herramienta necesaria para las personas con mayor vulnerabilidad clinica y sin acceso a los cuidados ambulatorios, que logra los beneficios de tratamientos que son efectivos.

  3. [Phase angle as an indicator of nutritional status and prognosis in critically ill patients].

    PubMed

    Reis de Lima e Silva, Renata; Porto Sabino Pinho, Cláudia; Galvão Rodrigues, Isa; Gildo de Moura Monteiro Júnior, José

    2014-09-12

    Introducción: El ángulo de fase (AF) viene siendo considerado una herramienta sensible para evaluar el estado nutricional y la efectividad de las intervenciones dietoterápicas. Objetivo: Evaluar el AF como indicador del estado nutricional y pronóstico en pacientes críticos. Métodos: Estudio prospectivo observacional con pacientes admitidos en Unidades de Cuidado Intensivo Coronarias, entre Mayo y Octubre de 2013. El AF se determinó por medio del análisis por Bioimpedancia Eléctrica, considerándose bajo AF valores inferiores a 5º para los hombres y 4,6º para las mujeres. Los valores obtenidos se relacionaron con otros parámetros de evaluación del estado nutricional: antropométricos (circunferencia del brazo – CB, pliegue cutáneo triciptal – PCT, área muscular del brazo corregida - AMBc circunferencia de pantorrilla – CP) y bioquímico (recuento total de linfocitos, hemoglobina, hematocrito), además de los pronósticos clínicos APACHE II (Acute Physiology and Chronic Health Disease Classification System II) y albúmina sérica. La tabulación y análisis de los datos se realizaron a través del paquete estadístico SPSS versión 13.0. Resultados: La muestra se compuso por 110 pacientes, en la cual se verificó asociación entre bajo AF e insuficiencia renal en diálisis (p.

  4. Effect of a single dose of lidocaine and ketamine on intraoperative opioids requirements in patients undergoing elective gynecological laparotomies under general anesthesia. A randomized, placebo controlled pilot study.

    PubMed

    García-Navia, Jusset Teresa; Tornero López, Javier; Egea-Guerrero, Juan José; Vilches Arenas, Angel; Vázquez Gutiérrez, Tiburcio

    2016-01-01

    Introducción y objetivos del estudio: existe evidencia de que la administracion perioperatoria de ketamina y lidocaina intravenosa reduce el dolor y el consumo de opioides postoperatorio, acorta la estancia hospitalaria y acelera la recuperacion de la funcion intestinal. Sin embargo, no se han estudiado los efectos beneficiosos en el periodo intraoperatorio. El objetivo de este estudio fue evaluar el efecto de una unica dosis de lidocaina y ketamina sobre el consumo intraoperatorio de opioides en pacientes sometidas a cirugia ginecologica electiva bajo anestesia general. Material y métodos: estudio prospectivo, aleatorizado, doble ciego, controlado con placebo en un solo centro. Se incluyeron 33 pacientes (11 en el grupo ketamina, 11 en el grupo lidocaina y 11 en el grupo placebo). Para la analgesia postoperatoria se utilizo una bomba PCA (Analgesia Controlada por el Paciente ) de morfina. Los pacientes fueron asignados al azar a uno de los tres grupos de estudio: 1,5 mg/kg de lidocaina al 2%, 0,5 mg/kg de ketamina al 5% o solucion salina 0.9%. La variable principal del estudio fue el consumo de opioides durante la cirugia. Las variables secundarias fueron: tiempo de educcion de la anestesia, intensidad del dolor, consumo de opioides en las 24 horas posteriores a la cirugia y efectos adversos. Resultados: se observo una disminucion del consumo intraoperatorio de opioides en los grupos ketamina (402,3 } 106,3) y lidocaina (397,7 } 107,5) frente al grupo placebo (561,4 } 97,1); p = 0,001. Se encontro una correlacion positiva entre el consumo intraoperatorio de opioides y el tiempo de despertar (r = 0,864, p.

  5. [Pyramid training model in laparoscopic surgery].

    PubMed

    Usón-Gargallo, Jesús; Pérez-Merino, Eva María; Usón-Casaús, Jesús María; Sánchez-Fernández, Javier; Sánchez-Margallo, Francisco Miguel

    2013-01-01

    Antecedentes: la práctica de la cirugía de mínima invasión necesita que el aprendizaje sea estructurado y progresivo. Material y métodos: estudio prospectivo efectuado en el Centro de Cirugía de Mínima Invasión Jesús Usón que propone un modelo de formación piramidal con cuatro niveles: adquisición de habilidades básicas en simulador (nivel 1), desarrollo de técnicas quirúrgicas específicas en modelos animales (nivel 2), telemedicina y telementorización (nivel 3), y aplicación al paciente con supervisión experimentada (nivel 4). Objetivo: describir los niveles 1 y 2 que se practican en el Centro y evaluar la formación impartida. Resultados: 4,284 alumnos han recibido formación en cirugía laparoscópica: 95.5% médicos: cirujanos del aparato digestivo (49%), urólogos (30%) y ginecólogos (14%). En 77% de los cursos celebrados disponen de 20 horas de adiestramiento, 8 en el nivel 1, y 12 en el nivel 2. El 94.37% considera altamente apropiado el modelo de formación piramidal, calificándolo con 9.58 sobre 10 y con 9.5 a la calidad de la simulación. El 82.75% percibe que ha avanzado notablemente en sus destrezas y 99.56% recomendaría a otros cirujanos la realización de actividades en el Centro. Conclusión: el modelo de formación propuesto permite alcanzar las habilidades necesarias para efectuar correctamente procedimientos avanzados en cirugía de mínima invasión.

  6. [Improvement of the knowledge on allergic cross-reactions between two drug groups: beta-lactams and NSAIDS].

    PubMed

    Sánchez-Quiles, I; Nájera-Pérez, M D; Calleja-Hernández, M Á; Martinez-Martínez, F; Belchí-Hernández, J; Canteras, M

    2013-01-01

    Objetivos: Identificar oportunidades de mejora, sobre el conocimiento disponible del personal sanitario (en concreto a personal médico, farmacéutico y de enfermería), sobre reacciones alérgicas cruzadas (RAC) de penicilinas y AINEs. Método: Estudio prospectivo cuasiexperimental pre-exposición en un hospital de 412 camas. Se realizó una valoración del conocimiento sobre RAC de penicilinas y AINEs, a través de encuestas anónimas, antes (1a encuesta) y después (2a encuesta) de la implantación de una serie de medidas de mejora: protocolo “paciente alérgico a medicamentos”, tarjeta de bolsillo, póster resumen de información y charlas divulgativas. Las propias encuestas sirvieron de hoja de recogida de datos y el análisis estadístico se llevó a cabo con el programa SPSS v18.0. Resultados: La media de errores en las 1as encuestas sobre “RAC en paciente alérgico a penicilinas” y sobre “RAC en paciente alérgico a AINEs”, fue de 20,53 y 27,62, respectivamente. La media de errores en las 2as encuestas sobre “RAC en paciente alérgico a penicilinas” y sobre “RAC en paciente alérgico a AINEs”, fue de 2,27 y 7,26, respectivamente. Todos los resultados se consideraron significativos para un nivel 945;< 0,05. Conclusiones: - No se dispone de un nivel adecuado de conocimiento sobre RAC de penicilinas y AINEs, lo que justifica la realización de un ciclo de mejora. - Tras la implantación de las medidas de mejora se aprecia un aumento en el nivel de conocimiento sobre RAC en penicilinas y AINEs, en los grupos de estudio.

  7. [Incidence and lethality of ischaemic stroke among people 60 years or older in the region of Tarragona (Spain), 2008-2011].

    PubMed

    Vila-Corcoles, Ángel; Satue-Gracia, Eva; Ochoa-Gondar, Olga; de Diego-Cabanes, Cinta; Vila-Rovira, Ángel; Blade, Jordi; Bobé, Francesc; Casanova, Raquel; Jariod, Manuel; Reig, Rosaura

    2014-12-01

    Introduccion. La informacion existente sobre la epidemiologia del ictus en nuestro pais es limitada. Este estudio analizo la incidencia y mortalidad por ictus isquemico en la poblacion general mayor de 60 años del area de Tarragona. Pacientes y metodos. Estudio de cohortes de base poblacional que incluyo a 27.204 personas de 60 o mas años adscritas a nueve areas basicas de salud en la comarca del Tarragones. Se realizo un seguimiento prospectivo durante tres años, en los que se seleccionaron todos los episodios de ictus isquemicos ocurridos entre los miembros de la cohorte desde el 1 de diciembre de 2008 hasta el 30 de noviembre de 2011. Se incluyeron exclusivamente episodios con diagnostico validado tras la revision de la historia clinica y se excluyeron aquellos casos sin confirmacion diagnostica por neuroimagen. Resultados. Se observo un total de 343 casos confirmados de ictus isquemico, lo cual supuso una incidencia de 453 episodios por 100.000 personas/año (intervalo de confianza del 95% = 408-504). La incidencia fue mayor en hombres que en mujeres (531 frente a 392 por 100.000 personas/año; p < 0,001) y aumento sustancialmente con la edad (195 frente a 517 y frente a 1.006 por 100.000 personas/año en 60-69, 70-79 y >= 80 años, respectivamente; p < 0,001). La incidencia fue mas de ocho veces superior entre las personas con antecedentes de ictus previo en comparacion con aquellas sin historia de ictus previo (2.962 frente a 340 por 100.000 personas/año; p < 0,001). El indice de letalidad global fue del 13%, y alcanzo el 21% entre las personas de 80 o mas años. Conclusiones. La morbimortalidad por ictus es considerable en nuestra poblacion. Medidas preventivas y tratamientos mas eficaces son imperativos.

  8. [Risk factors and evolution of enterocutaneous fistula after terminal ostomy takedown].

    PubMed

    Martínez-Ordaz, José Luis; Luque-de León, Enrique; Román-Ramos, Rubén; Juárez-Oropeza, Marco Antonio; Méndez-Francisco, José Domingo

    2013-01-01

    Antecedentes: la ostomía terminal para el control del foco séptico es un procedimiento que casi siempre se realiza en pacientes con sepsis abdominal grave. Unas de las complicaciones más importantes posteriores a la restitución del tránsito son las fístulas enterocutáneas. Material y métodos: estudio prospectivo de seguimiento durante 90 meses de todos los pacientes a quienes se realizó cierre de ileostomía y colostomía terminal indicada por sepsis abdominal. Se obtuvieron los factores preoperatorios, transoperatorios y evolución posterior a la cirugía. resultados: se estudiaron 293 pacientes; 33 (10%) con fístulas enterocutáneas. En 24 pacientes la localización de la fístula fue en la anastomosis. Los factores de riesgo identificados para la formación de fístulas fueron: escala de ASA III o mayor (p< 0.01), cierre posterior a 365 días (p< 0.05), reoperación (p< 0.001) y dehiscencia de la anastomosis (p< 0.001). De estos pacientes hubo cierre espontáneo en 20 (67%), cierre quirúrgico en 3 (10%) y 3 pacientes (10%) fallecieron. Conclusiones: la fístula enterocutánea es una complicación que sucede en 10% de los pacientes sometidos a cierre de ileostomía, o colostomía terminal. La selección de los pacientes y realizar la cirugía una vez que el paciente esté recuperado son los factores más importante para evitar complicaciones. El pronóstico depende de las características de la fístula (gasto y sitio) y del tratamiento instituido al paciente.

  9. [Changes in body weight of the university students at university].

    PubMed

    Soto Ruiz, María Nelia; Aguinaga Ontonso, Inés; Canga Armayor, Navidad; Guillén-Grima, Francisco; Hermoso de Mendoza, Juana; Serrano Monzo, Inmaculada; Marín Fernández, Blanca

    2015-06-01

    Introducción: una de las estrategias para la prevención de la obesidad es la identificación de periodos críticos de aumento de peso, y existen estudios que confirman un aumento de peso corporal durante el periodo universitario. Objetivo: determinar las modificaciones en el peso corporal de los estudiantes universitarios en España, durante los tres primeros años de universidad. Métodos: estudio longitudinal y prospectivo de una muestra de estudiantes universitarios en España. Participaron universitarios matriculados en primer curso, a quienes se siguió en tercer curso. De los 1.162 estudiantes iniciales, 499 volvieron a participar (pérdida de seguimiento del 57,05%) y la muestra fue constituida por 452 estudiantes (pérdida de seguimiento del 60,8 %). Los estudiantes respondieron a un cuestionario y se valoró el peso y la talla corporal. Resultados: el peso corporal experimentó un incremento medio de 0,600 kg. En los hombres 1,88 kg y sin apenas modificación en las mujeres. Entre el 44,7 % de los estudiantes que aumentaron de peso (60,8 % hombres y 36,8 % mujeres), la ganancia media de peso alcanzó los 3,4 kg. Discusión: durante el periodo universitario se produce un aumento del peso corporal que afecta principalmente a los hombres. Por este motivo, es necesario continuar con los programas de promoción de la salud en este entorno.

  10. [Mini-laparoscopy vs. laparoscopy for the gallblader stone treatment. Prospective and comparative study].

    PubMed

    Lada, Paul Eduardo; Forez, Francisco; Janikov, Christian; Mariot, Daniela; Sanchez Tassone, Carlos; Massa, Martin

    2015-01-01

    Antecedentes: La colecistectomía por video-laparoscópica es considerada como el gold-standard del tratamiento de la colecistolitiasis. No obstante, en la literatura internacional sigue teniendo presencia las incisiones pequeñas adaptadas como procedimiento alternativo. Objetivos: El objetivo de este estudio es evaluar los resultados obtenidos con la video-laparoscopia (CVL) y las incisiones pequeñas adaptadas (IPA) en el tratamiento de la colecistolitiasis. Diseño: Prospectivo y comparativo protocolizado. Lugar de aplicación: Servicio de Cirugía General “Pablo Luis Mirizzi” del Hospital Nacional de Clínicas. Material y Métodos: Entre enero del 1994 y diciembre del 2011, hemos tratado quirúrgicamente 3822 pacientes con colélitiasis. En 1735 pacientes se práctico una CVL y en 2087 por IPA, configurando dos grupos, que en lo relacionado a la edad, sexo, operaciones previas y diagnóstico preoperatorio constituyen dos grupos comparables. Resultados: Ninguno de los procedimientos tuvo mortalidad. 115 casos (6,62%) fueron convertidos a cirugía abierta en la CVL. Las complicaciones postoperatorias quirúrgicas fueron del 2,40 % para la CVL y del 6,37 % para las IPA. Las causas de bilirragias fueron superiores y de mayor gravedad en la CVL, cuya incidencia fue del 0,55 % en contraposición del 0,23 % de los operados por IPA. Conclusiones: Sin duda en manos experimentadas la CVL constituye el procedimiento de elección o gold standard en el tratamiento de la colecistolitiasis. No obstante, sobretodo en ambientes o regiones con restricciones presupuestarias las IPA representa una excelente gold estándar alternativo, por ser un procedimiento seguro, muy económico y complejidad razonable con menor índice de lesiones quirúrgicas graves.

  11. [Total knee and hip prosthesis: variables associated with costs].

    PubMed

    Herrera-Espiñeira, Carmen; Escobar, Antonio; Navarro-Espigares, José Luis; Castillo, Juan de Dios Lunadel; García-Pérez, Lidia; Godoy-Montijano, Amparo

    2013-01-01

    antecedentes: la alta prevalencia de artrosis en los países occidentales, el elevado costo de las intervenciones de artroplastia de cadera y rodilla y las amplias variaciones en la práctica médica generan gran interés por comparar los costos asociados antes y después de la cirugía. Objetivo: conocer el costo de las intervenciones de reemplazo total de cadera y rodilla durante la estancia hospitalaria y al año de seguimiento posterior al alta. material y métodos: estudio multicéntrico y prospectivo efectuado en 15 hospitales de tres comunidades autónomas. La relación entre las variables independientes con el costo de la estancia y costo post-alta, se analizó con modelos multinivel y para agrupar los casos se utilizó la variable "hospital." Las variables independientes fueron: edad, sexo, índice de masa corporal, calidad de vida prequirúrgica (cuestionarios ED-5D, SF-12 y Womac), intervención (cadera-rodilla), índice Charlson, complicaciones, número de camas y dependencia económico-institucional del hospital, comunidad autó-noma y presencia de cuidador. Resultados: el costo promedio por paciente, sin incluir el costo de la prótesis, fue de 4,734 Euros ± 2,136 y el costo del seguimiento post alta de 554 Euros ± 509. Si se incluye el costo de la prótesis, al final del año el costo total asciende a 7,645 Euros ± 2,248. Conclusiones: existe un margen considerable en la reducción de los costos de estancia; más de 44% de la variabilidad observada no está determinada por las condiciones clínicas de los pacientes sino por el comportamiento de los centros hospitalarios.

  12. [Status of center point thickness and correlation between anatomic and best corrected visual acuity changes after photocoagulation, in diabetic macular edema].

    PubMed

    Lima-Gómez, Virgilio; Razo Blanco-Hernández, Dulce Milagros

    2013-01-01

    Antecedentes: el grosor del punto central en pacientes con edema macular diabético cambia después del tratamiento, dependiendo del estado basal; se desconoce si esta variación reduce la correlación entre los cambios anatómicos y de capacidad visual. Objetivo: identificar la contribución del grosor del punto central basal a la correlación entre los cambios anatómicos y de capacidad visual, después de tratar el edema macular diabético. Material y métodos: estudio observacional, prospectivo, longitudinal y analítico, en diabéticos con edema macular tratados con fotocoagulación, estratificado por grupos: capacidad visual < 0.5 con (1) o sin engrosamiento central (2), y capacidad visual = 0.5 con (3) o sin engrosamiento central (4). Se identificó la correlación entre los cambios de grosor del punto central, volumen macular y capacidad visual (Spearman). Resultados: 79 ojos, 17 del grupo 1 (21.5%), 21 del 2 (26.6%), 14 del 3 (17.7%), 27 del 4 (34.2%). El grosor del punto central aumentó en los grupos 2 y 4, la capacidad visual disminuyó en el 3 y el volumen en todos. Las correlaciones entre el grosor del punto central y la capacidad visual en el grupo 3, y entre el volumen y la capacidad visual en el grupo 1 fueron negativas. La correlación de la muestra entre los cambios anatómicos y de capacidad visual fue baja (r= 0.14). Conclusiones: el aumento del grosor del punto central en ojos sin engrosamiento previo generó correlaciones opuestas entre grupos, y redujo la de la muestra. Estratificar conforme al grosor del punto central basal facilitaría identificar variables que afectan la respuesta terapéutica funcional.

  13. [Neovascularization corneal regression in patients treated with photodynamic therapy with verteporfin].

    PubMed

    Díaz-Dávalos, César David; Carrasco-Quiroz, Arturo; Rivera-Díez, Dirce

    2016-01-01

    Introducción: la neovascularización corneal es una condición que amenaza la visión, por lo general, se asocia a trastornos inflamatorios o infecciosos de la superficie ocular. Uno de los tratamientos actuales es la terapia fotodinámica, el uso de un fotosensibilizador para ocluir los vasos ha producido con éxito la trombosis microvascular con un daño mínimo al tejido normal circundante. El objetivo de este artículo es determinar cuantitativamente el porcentaje de regresión en la neovascularización corneal que presentan los pacientes tratados con terapia fotodinámica con verteporfirina. Métodos: estudio de tratamiento de antes y después; experimental, analítico, prospectivo y longitudinal. Resultados: de los 25 neovasos analizados, 8 vasos (32 %) presentaron al mes una oclusión total del 100 %, 15 vasos (60 %) una oclusión parcial en el rango de 15.3 al 85.1 %, y 2 vasos (8 %) empeoramiento en la vascularización corneal. El promedio del área de neovascularización corneal disminuyó significativamente en un 70 % de 0.147 ± 0.118 mm2 a 0.045 ± 0.046 mm2, (p < 0.0005) posterior a la terapia fotodinámica. No se reportaron efectos adversos. Conclusiones: la terapia fotodinámica con verteporfina es un procedimiento seguro y efectivo para reducir la neovascularización de la córnea y puede utilizarse para inhibir la angiogénesis en la córnea.

  14. [Acute coronary syndromes in Latin America: lessons from the ACCESS registry].

    PubMed

    Martínez-Sánchez, Carlos; Jerjes-Sánchez, Carlos; Nicolau, José Carlos; Bazzino, Oscar; Antepara, Norka; Mármol, Ricardo

    2016-01-01

    Introducción: se desconocen las características, la evolución y el tratamiento de pacientes latinoamericanos con síndromes coronarios agudos (SCA). Métodos: registro internacional multicéntrico y prospectivo para evaluar riesgo, terapéutica y evolución en SCA. Punto primario: toda causa de mortalidad durante el primer año y mortalidad a 30 días. Ingresaron pacientes con síntomas de isquemia coronaria aguda en las primeras 24 horas del inicio de los síntomas y evidencia electrocardiográfica de isquemia. El diagnóstico final requirió pruebas invasivas o no invasivas. Resultados: entre el 2007 y 2008 se ingresaron en ocho países latinoamericanos 4436 pacientes, 2562 con angina inestable o infarto sin elevación del ST y 2374 con infarto con elevación del ST. Al ingreso tuvieron síntomas agudos 79 y 90 %, respectivamente. Ambos grupos tuvieron retraso entre el inicio de síntomas y el ingreso hospitalario. En infarto y elevación del ST se observó baja accesibilidad a reperfusión farmacológica (29 %) y mecánica (32 %). Al ingreso en ambos el porcentaje de tratamiento basado en evidencia fue bajo. Las complicaciones hospitalarias fueron la insuficiencia cardiaca (angina inestable e infarto sin elevación del ST 10 % y el infarto con elevación del ST 20 %) e isquemia recurrente (8 y 11 %). La mortalidad a 30 días fue 2 % y a un año 8 %. Conclusiones: el registro ACCESS ofrece información contemporánea sobre el espectro de pacientes, el manejo hospitalario y la evolución clínica subsecuente.

  15. [Total thyroidectomy treatment of bening multinodular goiter].

    PubMed

    Palas, César; Álvarez, Facundo; Ferreira, Gastón; Gramática, Luis h

    2014-01-01

    Introducción. El tratamiento del bocio multinodular beningo (BMNB) es motivo de continuo debate en las últimas décadas pese a la evidencia de que la tiroidectomía total (TT) está relacionada a una reducción significativa en la recurrencia de la enfermedad y a una mínima morbilidad en manos entrenadas. Objetivo. Determinar la recurrencia del BMNB al cabo de 10 años en 100 pacientes tratados con TT y evaluar las complicaciones relacionadas a la técnica.Diseño. Prospectivo no randomizado.Material y métodos. Desde marzo del 1999 a marzo del 2001, cien pacientes, 95 del sexo femenino, con un promedio de edad de 42,4 años (rango: 23-67), fueron sometidos a una TT por padecer un BMNB, el cual fue confirmado por la ecografía cervical, la que además sirvió de guía para realizar la punción aspiración con aguja fina (PAAF). En todos los casos se realizó un laringoscopía inderecta pre y post postquirúrgica. Resultados. El tiempo operatorio promedio fue de 49 minutos (rango: 35-58). Registramos una parálisis recurrencial (1%) y cinco hipoparatiroidismos (5%), ambos transitorios y ningún caso definitivo. Todos los pacientes fueron dados de alta antes de las 24 horas de la cirugía. No objetivamos ninguna recurrencia del BMNB en un período de seguimiento de más de 10 años.Conclusión. La TT es el tratamiento elección del BMNB, por ser un procedimiento eficaz, seguro, con mínimas tasas de complicaciones y por evitar o reducir significativamente la recurrencia de esta enfermedad.

  16. Environmental factors in the development of narcolepsy with cataplexy. A case-control study.

    PubMed

    Peraita-Adrados, R; del Rio-Villegas, R; Vela-Bueno, A

    2015-06-16

    Introduccion. Los estudios epidemiologicos subrayan la importancia de los factores ambientales en la etiologia de la narcolepsia con cataplejia en pacientes geneticamente predispuestos. Objetivo. Evaluar el papel de los factores ambientales en la etiologia de la narcolepsia-cataplejia utilizando un diseño de casos y controles comparados por edad y etnia. Pacientes y metodos. Todos los pacientes fueron diagnosticados en nuestras unidades de sueño, segun los criterios de la Clasificacion Internacional de los Trastornos del Sueño de 2005. Utilizamos un cuestionario consistente en 54 preguntas relacionadas con acontecimientos psicologicos estresantes y 42 enfermedades infecciosas en 54 pacientes. Evaluamos especificamente la presencia de factores estresantes y/o infecciosos en el año previo al comienzo del primer sintoma de narcolepsia-cataplejia (somnolencia excesiva diurna y/o cataplejia). El mismo cuestionario se administro a 84 controles, miembros de la misma comunidad, sin relacion de parentesco. Resultados. Respondieron el cuestionario 54 pacientes (55,6%, hombres) (edad media del primer sintoma: 21,6 ± 9,3 años; edad media del diagnostico: 36,5 ± 12,4 años) y 84 controles. El principal hallazgo fue un cambio importante en el 'numero de discusiones con la pareja, la familia o los amigos' (odds ratio: 5,2; intervalo de confianza al 95%: 1,8-14,5) en los narcolepticos, lo que sugiere que los mecanismos psicologicos estan presentes desde el comienzo de la enfermedad con una funcion protectora. La varicela fue el factor infeccioso mas frecuente. No se obtuvieron diferencias significativas en el numero de factores psicologicos estresantes e infecciosos entre los pacientes narcolepticos y los controles. Conclusion. Estudios prospectivos epidemiologicos en series de individuos susceptibles geneticamente estan justificados para aclarar la implicacion de los factores ambientales en la etiopatogenia de la narcolepsia-cataplejia.

  17. [Orofacial clinical manifestations in adult patients with variable common immunodeficiency].

    PubMed

    Chávez-García, Aurora Alejandra; Moreno-Alba, Miguel Ángel; Elizalde-Monroy, Martín; Segura-Méndez, Nora Hilda; Romero-Flores, Jovita; Cambray-Gutiérrez, Julio César; López-Pérez, Patricia; Del Rivero-Hernández, Leonel Gerardo

    2015-01-01

    Antecedentes: la inmunodeficiencia común variable es la inmunodeficienci primaria más común en adultos. Su prevalencia se estima en 1 por cada 25,000 a 75,000 recién nacidos vivos; existen variaciones por grupos étnicos, se estima en 50 a 70% en pacientes de raza caucásica. Las lesiones de la cavidad oral raramente se describen en pacientes adultos con inmunodeficiencia común variable, en niños con esta enfermedad existen informes de lesiones principalmente de origen infeccioso. Objetivo: describir las lesiones orofaciales (cavidad oral, macizo facial y cuello) en pacientes adultos con inmunodeficiencia común variable. Material y método: estudio transversal, prospectivo, efectuado en todos los adultos con inmunodeficiencia común variable adscritos a la Clínica de inmunodeficiencias primarias, del Hospital de Especialidades, Centro Médico Nacional Siglo XXI, que fueron examinados por un cirujano maxilofacial; se realizó el reporte de hallazgos en lista de cotejo y, posteriormente, el análisis descriptivo de las lesiones. Resultados: se incluyeron 26 pacientes, 16 mujeres y 10 hombres, con edad promedio de 38.6 años. En 18 de 26 pacientes estudiados se observaron lesiones orales, con siete lesiones diferentes y predominio en el sexo femenino 2:1. Las lesiones más frecuentes fueron: hiperplasia de glándulas salivales menores (19/26), petequias (12/26) y úlceras herpetiformes (7/26). En la cara y el cuello se observaron cuatro lesiones distintas, las adenopatías < 2 cm (4/26) fueron las más comunes. Conclusiones: las alteraciones inmunológicas asociadas con la inmunodeficiencia común variable favorecen la aparición de lesiones de origen infeccioso y probablemente autoinmunitario que afectan la cavidad oral, la cara y el cuello.

  18. [Drooling therapy in children with neurological disorders].

    PubMed

    Táboas-Pereira, M Andrea; Paredes-Mercado, Cecilia; Alonso-Curcó, Xènia; Badosa-Pagès, Joaquim; Muchart, Jordi; Póo, Pilar

    2015-07-16

    Introduccion. La sialorrea es la incapacidad para retener la saliva dentro de la boca y su progresion al tracto digestivo, y es un problema frecuente en pacientes pediatricos con patologia neurologica, por lo que se estan utilizando diferentes medidas para su tratamiento. Objetivo. Evaluar la eficacia y seguridad del trihexifenidilo, la escopolamina y la infiltracion de toxina botulinica en el tratamiento del babeo en niños con patologia neurologica. Pacientes y metodos. Es un estudio de tipo abierto y prospectivo. Incluye pacientes atendidos en el servicio de neurologia que presentaban babeo excesivo, con repercusion en su calidad de vida, entre 2009 y 2013. Resultados. En 46 pacientes se indico tratamiento con trihexifenidilo oral, y se obtuvo buena respuesta en 15 (32,6%), tres con efecto transitorio y el resto mantenido. Presentaron efectos secundarios tres pacientes (6,5%). De los 11 pacientes a los que se indicaron parches de escopolamina, se hallo efecto beneficioso en cuatro (36,36%), uno fue retirado por falta de eficacia y seis por efectos secundarios. Veinticinco pacientes fueron infiltrados con toxina botulinica, con disminucion significativa del babeo en 16 (64%) tras la primera infiltracion. No observamos cambios significativos en nueve casos. Solo uno presento efectos secundarios (disfagia leve). Conclusiones. Por no haber una opcion terapeutica totalmente eficaz para los pacientes con sialorrea, recomendamos iniciar el tratamiento con trihexifenidilo; como segunda opcion, los parches de escopolamina, y como tercera opcion, la toxina botulinica. La infiltracion de toxina botulinica en glandulas salivales se muestra como una alternativa eficaz y segura segun nuestra serie.

  19. [Adherence to oral nutrition supplements in hospitalized patients with clinical pathology-surgical].

    PubMed

    Villagra, Anabel; Merkel, María Cecilia; Rodriguez Bugueiro, Julia; Lacquaniti, Natalia; Remoli, Rosario

    2014-09-12

    Introducción: Los trabajos cientificos realizados respecto al uso de los suplementos nutricionales sugieren que su aceptacion es en general buena, por lo que su utilizacion es ampliamente aceptada por los profesionales. Sin embargo en la practica diaria hospitalaria se observa que dicha aceptacion es variable. El objetivo de nuestro estudio es conocer el nivel de adherencia a los suplementos nutricionales orales y los principales motivos de no adherencia en pacientes internados por patologia clinica o quirurgica. Métodos: Estudio observacional y prospectivo, unicentrico. Se incluyeron pacientes consecutivos internados en un hospital de alta complejidad, con evaluacion global subjetiva categoria B, entre agosto 2012 y mayo 2013. Se indico un suplemento diario, se evaluo la adherencia y se determinaron los motivos de no adherencia. Se considero paciente adherente cuando el consumo fue ≥75% de los suplementos indicados. Resultados: Sobre un total de 807 pacientes con evaluacion global subjetiva, 73 pacientes tuvieron indicacion de suplemento nutricional oral. La mediana de edad fue 52 anos (IIC 35-62), hombres 58,9%, mediana de indice de masa corporal 24,5 (IIC 22,5-27,3). Se indicaron un total de 489 suplementos y fueron consumidos un total de 371. La mediana de tiempo de indicacion de suplemento por paciente fue de 5 dias (IIC 4-10) y la mediana de dias consumidos fue de 4 por paciente (IIC 1-8). La adherencia fue de 58,9% (43 pacientes). Los motivos de no adherencia fueron: causas digestivas propias del paciente 5 pacientes (16,7%), intolerancia al suplemento nutricional oral 18 pacientes (60%), negativa del paciente no justificada 7 pacientes (23,3%). Conclusiones:En pacientes internados por patologia clinica o quirurgica con evaluacion global subjetiva B, la adherencia a los suplementos nutricionales orales fue insuficiente. La intolerancia al suplemento fue la causa mas frecuente de no adherencia.

  20. [Association of stress hyperglycemia and in-hospital complications].

    PubMed

    Galindo-García, Gerardo; Galván-Plata, María Eugenia; Nellen-Hummel, Haiko; Almeida-Gutiérrez, Eduardo

    2015-01-01

    Introducción: la hiperglucemia de estrés es la elevación de la glucosa sérica que se encuentra a la admisión hospitalaria de un paciente. El objetivo fue evaluar el impacto de la hiperglucemia de estrés al ingreso en el desenlace de pacientes no críticos hospitalizados en un servicio de Medicina Interna. Métodos: estudio de cohorte prospectivo y analítico realizado en pacientes de Medicina Interna del Hospital de Especialidades del Centro Médico Nacional Siglo XXI del Instituto Mexicano del Seguro Social, de septiembre de 2011 a febrero de 2012. Resultados: se incluyeron 89 pacientes con niveles séricos de glucosa < 110 mg/dL (grupo A) y 90 pacientes con niveles de glucosa > 110 mg/dL (grupo B). La diabetes mellitus fue más frecuente en el grupo B (p < 0.001). La hemoglobina glucosilada mayor a 6.5 % se encontró en el 36.4 % de los pacientes del grupo B y en el 8.7 % del grupo A, (p < 0.001). Los pacientes del grupo B tuvieron mayor puntuación en el APACHE II (p = 0.02) y tendencia a mayor frecuencia de complicaciones. Conclusiones: la hiperglucemia de estrés se asocia a una mayor puntuación de APACHE II, y tiende a una mayor frecuencia de enfermedad crítica, sepsis, infección de vías urinarias, neumonía y uso de aminas vasopresoras. Los predictores independientes de muerte fueron la presencia de hipertensión arterial y el score APACHE II.

  1. [Prediabetes as a riskmarker for stress-induced hyperglycemia in critically ill adults].

    PubMed

    García-Gallegos, Diego Jesús; Luis-López, Eliseo

    2017-01-01

    Introducción: no se conoce si los pacientes con prediabetes, un subgrupo de pacientes no diabéticos que generalmente cursan con hiperinsulinemia, tienen mayor riesgo de presentar hiperglucemia inducida por estrés. El objetivo fue determinar si la prediabetes es un marcador de riesgo para presentar hiperglucemia inducida por estrés. Métodos: estudio analítico, observacional, prospectivo de cohorte en pacientes críticos sin antecedentes de diabetes mellitus de un hospital de tercer nivel. Se determinó al ingreso la glucosa plasmática y la hemoglobina glucosilada (HbA1c) para diagnosticar hiperglucemia de estrés (glucosa ≥ 140 mg/dL) y prediabetes (HbA1c entre 5.7 y 6.4%), respectivamente. Se examinó la proporción de pacientes sin prediabetes y prediabéticos que desarrollaron hiperglucemia de estrés con tablas de contingencia y prueba exacta de Fisher para escalas nominales. Resultados: 73 pacientes se estudiaron y se encontró una proporción de hiperglucemia de estrés en pacientes sin prediabetes de 6.6 y 61.1% en los pacientes con prediabetes. La prueba exacta de Fisher dio 22.46 (p < 0.05). Conclusión: la prediabetes es un marcador de riesgo para hiperglucemia de estrés en el paciente adulto críticamente enfermo.

  2. ECONOMIC BURDEN OF HOME ARTIFICIAL NUTRITION IN THE HEALTH AREA OF SANTIAGO DE COMPOSTELA.

    PubMed

    Villar-Taibo, Rocío; Martínez-Olmos, Miguel Ángel; Bellido Guerrero, Diego; Peinó-García, Roberto; Martís-Sueiro, Aurelio; Camarero-González, Emma; Ríos-Barreiro, Vanessa; Cao-Sánchez, Pilar; Durán Martínez, Reyes; Rodríguez Iglesias, María José; Rodríguez-Blanco, Brígida; Rojo Valdés, Juan

    2015-07-01

    Introducción: la nutrición artificial domiciliaria (NAD) es una terapia en creciente desarrollo, pero la ausencia de registros obligatorios hace difícil calcular la carga económica que implica. Nuestro objetivo es evaluar el estado y el impacto económico de la NAD en nuestra área sanitaria. Métodos: estudio observacional y prospectivo diseñado para estimar el gasto en fórmulas y materiales nutricionales en los pacientes que iniciaron NAD durante 1 año. Resultados: se incluyeron 573 pacientes que iniciaron NAD en el período de estudio. El 60% recibieron suplementos orales. La mediana de gasto diario fue de 3,65 (RIC 18,63) euros en la NAD oral y de 8,86 (RIC 20,02) euros en la NAD por acceso enteral. El gasto por 1.000 kcal de dieta fue superior en los pacientes con NAD oral respecto a los pacientes con NAD enteral (5,13 vs. 4,52 euros, p < 0.001). Asimismo se calculó la mediana de gasto completo de los tratamientos durante todo el período de estudio (186,60 euros y 531,99 euros en NAD oral y enteral, respectivamente). Considerando el gasto conjunto de todos los pacientes que iniciaron NAD en el período de estudio, el gasto estimado estaría en torno a un millón de euros. Conclusiones: la NAD representa una importante carga económica en nuestra área sanitaria. Sin embargo, el gasto diario estimado fue moderado, probablemente por la elevada proporción de NAD oral en nuestra muestra, la revisión frecuente de la indicación y la centralización de la dispensación desde el servicio de Farmacia Hospitalaria.

  3. [Etiology, clinical presentation and outcome of severe viral acute childhood encephalitis (ECOVE study)].

    PubMed

    Flores-Gonzalez, José C; Jordan-Garcia, Iolanda; Turon-Vinas, Eulàlia; Montero-Valladares, Cristina; Tellez-Gonzalez, Cinta; Fernandez-Carrion, Francisco; Garcia-Iniguez, Juan P; Onate-Vergara, Eider; Rodriguez-Nunez, Antonio

    2015-07-01

    Introduccion. Las encefalitis viricas son procesos raros y potencialmente graves, con etiologia diversa y no siempre identificable. El objetivo es describir las caracteristicas etiologicas, la presentacion clinica y la evolucion neurologica de las encefalitis viricas que ingresaron en las unidades de cuidados intensivos pediatricos (UCIP) en España. Pacientes y metodos. Estudio prospectivo multicentrico observacional. Se incluyeron los niños ingresados en 14 UCIP con diagnostico de encefalitis virica durante un periodo de tres años (2010-2013). Para el diagnostico etiologico se utilizo reaccion en cadena de la polimerasa y serologia a virus neurotropos en la sangre y el liquido cefalorraquideo. Se registraron los antecedentes personales, la presentacion clinica, la evolucion y la situacion neurologica en el momento del alta. Resultados. Se incluyeron 80 pacientes con edad media de 5 años; el 70%, varones. Los sintomas clinicos mas relevantes fueron disminucion de conciencia (86%), fiebre (82,4%), convulsiones (67%), vomitos (42%), cefalea (27%), agitacion (25%) y desorientacion (23%). Se llego al diagnostico etiologico en un 35%, y los mas frecuentes fueron virus herpes simple y enterovirus. La evolucion fue curacion sin secuelas en 55 pacientes (69%, sobre todo enterovirus, rotavirus y virus respiratorios), secuelas leves-moderadas en 19 (23,5%) y graves en seis (7,5%). Dos pacientes fallecieron. Conclusiones. En las UCIP españolas solo se realizo el diagnostico etiologico en un tercio de los niños con sospecha de encefalitis virica grave. A pesar de la gravedad clinica, hemos observado una tasa de mortalidad y morbilidad baja. La amplia mayoria son dados de alta de la UCIP con ninguna o escasa secuela neurologica.

  4. [Knowledge of asthma: educational intervention with the 2014 GINA guide in primary care physicians].

    PubMed

    Pozo-Beltrán, César Fireth; Navarrete-Rodríguez, Elsy Maureen; Fernández-Soto, Roberto; Navarro-Munguía, Jazmín; Hall-Mondragón, Margareth Sharon; Sienra-Monge, Juan José; Del Río-Navarro, Blanca Estela

    2016-01-01

    Introducción: El asma en un problema de salud pública en el mundo, por ello, la actualización de las guías para el diagnóstico y tratamiento de asma se realiza en función principalmente de la práctica de los médicos de primer contacto. Las intervenciones educativas son útiles para el incremento del conocimiento. Objetivo: Comparar el nivel de conocimiento acerca de asma antes y después de una intervención educativa. Métodos: Se realizó un estudio prospectivo cuasiexperimental, en médicos generales, familiares y pediatras que asistieron a un curso-taller relativo a aspectos generales del asma y las guías actuales para su diagnóstico y tratamiento (GINA 2014). Mediante un cuestionario constituido por 11 preguntas de opción múltiple que abordaban aspectos fundamentales de la enfermedad como diagnóstico, clasificación, tratamiento y manejo de exacerbaciones, se realizaron dos evaluaciones, una basal y otra posintervención. Resultados: Un total de 178 paciente participaron en el estudio, con un conocimiento preintervención de 25.5 puntos y posintervención de 97.5 puntos de una escala de 100, con una p<0.05. Conclusión: Las intervenciones educativas son maniobras de bajo costo y efectivas que incrementan el conocimiento de los profesionales de la salud y tienen impacto en la mejoría de la atención al paciente.

  5. [Perinatal infection by rubella virus in breast-fed babies with congenital heart disease].

    PubMed

    Solórzano-Santos, Fortino; Bárcenas-López, Selene Jeannette; Huerta-García, Gloria C; Miranda-Novales, María Guadalupe; Alvarez-Y Muñoz, María Teresa; Vázquez-Rosales, José Guillermo

    2013-01-01

    Introducción: las encuestas seroepidemiológicas sugieren que 20 % de las mujeres en edad fértil es susceptible a la rubéola. El objetivo de esta investigación fue determinar la frecuencia de infección perinatal por el virus de la rubéola en lactantes con cardiopatía congénita. Métodos: estudio prospectivo y transversal de niños menores de un año de edad con diagnóstico de cardiopatía congénita. Se tomaron 3 mL de sangre al binomio madre-hijo y se realizó ELISA de micropartículas para anticuerpos IgG e IgM contra la rubéola. Resultados: se estudiaron 80 pacientes con edad de tres meses; 56 % era del sexo femenino. Las cardiopatías congénitas más frecuentes fueron las comunicaciones interventricular (28.5 %) y la interauricular (17.5 %). La mediana de la edad materna fue de 28 años; 1.25 % de las madres tuvo antecedente de enfermedad febril y exantema durante el embarazo. Se detectaron siete casos (8.75 %) de infección perinatal por el virus de la rubéola, tres cumplieron el criterio de síndrome de rubéola congénita y cuatro de cardiopatía. Conclusiones: se sugiere buscar rubéola congénita en los recién nacidos y lactantes con cardiopatías, como una estrategia para detectar los casos no obvios.

  6. [Urgent stroke care in hospitals with a stroke unit. Quick Project].

    PubMed

    Masjuán, Jaime; Álvarez-Sabín, José; Arias-Rivas, Susana; Blanco, Miguel; de Felipe, Alicia; Escudero-Martínez, Irene; Fuentes, Blanca; Gállego-Culleré, Jaime; Moniche-Álvarez, Francisco; Muñoz, Lucía; Pérez de la Ossa-Herrero, Natalia; Sahuquillo, Patricia; Santamarina, Estevo; Sanz, Borja; Tembl, José I; Zandio, Beatriz

    2016-04-01

    Introduccion. El ictus es una emergencia medica dependiente del tiempo. La rapidez en su reconocimiento y en la atencion que reciben los pacientes es clave en el pronostico. Objetivos. Analizar los tiempos de actuacion medica, evaluar posibles areas de mejora y estudiar la dotacion de recursos de los centros. Pacientes y metodos. Registro prospectivo de pacientes atendidos en ocho unidades de ictus experimentadas españolas con sospecha de ictus y activacion del codigo ictus. Se recogieron los tiempos inicio-puerta, puerta-tomografia computarizada (TC), puerta-aguja, TC-aguja e inicio-aguja. Tambien se recogieron el metodo de trasporte al hospital, el tipo de ictus y las terapias de reperfusion. En cuanto a la dotacion estructural de los centros, se recogieron la ratio de enfermeria, la monitorizacion de camas, la disponibilidad de TC multimodal y resonancia magnetica, y la realizacion de cursos de informacion o formacion. Resultados. Se incluyeron 197 pacientes, de los cuales fueron validos 181 (151 infartos y 30 hemorragias cerebrales). Las medianas (p25-p75) en minutos fueron: inicio-puerta, 104 (70-188); puerta-TC, 27 (19-41); TC-aguja, 30 (21-43); puerta-aguja, 64 (49-83); e inicio-aguja, 156 (129-202). Se aplicaron terapias de reperfusion en 68 pacientes (el 45% de los infartos cerebrales), de los cuales el 81% fueron trombolisis intravenosas; el 7%, tratamientos endovasculares; y el 12%, una combinacion de ambos. Los recursos de los centros estuvieron de acuerdo con lo recomendado por las guias clinicas. Hubo un bajo porcentaje de pacientes estudiados con resonancia magnetica. Conclusion. El porcentaje de pacientes tratados con trombolisis fue muy elevado y los tiempos de los circuitos intrahospitalarios, aunque buenos, tienen margen de mejora.

  7. [A standard questionnaire to reduce the routine battery of preoperative tests for elective surgery].

    PubMed

    Torres-Ruiz, María Fernanda; Cárdenas-Lailson, Luis Eduardo; Quiróz-Villegas, Martha Esthela; Bravo-León, Jesús

    2014-01-01

    Antecedentes: el costo de los exámenes preoperatorios en Estados Unidos se calcula en 3,000 millones de dólares anuales. Con la intención de disminuir este costo se han descrito algunos puntos clave que pueden promover una preparación preoperatoria con un adecuado costo-beneficio. Objetivo: evaluar la utilidad de la aplicación de un cuestionario estandarizado a pacientes adultos llevados a cirugía electiva para identificar a los que pudieran ser operados sin necesidad de estudios preoperatorios. Material y métodos: estudio observacional, prospectivo, analítico, en el que se aplicó un instrumento evaluador estandarizado a pacientes adultos para determinar la necesidad de realizar estudios preoperatorios programados para procedimientos electivos de cirugía general de abril de 2011 a marzo de 2012. Resultados: el cuestionario se aplicó a 176 pacientes, 57.4% mujeres y 42.6% hombres. La edad varió entre 18 y 85 años, con una media de 46 años. El 40.3% de los pacientes eran mayores de 50 años, y 59.7% menores de 50 años de edad. El valor predictivo negativo del cuestionario fue 95.8% (IC 95.34-96.42%). Conclusión: este cuestionario es una herramienta útil, que permite identificar a los pacientes jóvenes, clínicamente sanos, que no requieren estudios de laboratorio prequirúrgicos para cirugía electiva de cirugía general.

  8. [Care for patients with altered states of consciousness in a hospital for chronic and long-stay patients].

    PubMed

    Más-Sesé, Gemma; Sanchis-Pellicer, M José; Tormo-Micó, Esther; Vicente-Más, Josep; Vallalta-Morales, Manuel; Rueda-Gordillo, Diego; Conejo-Alba, Antonia; Berbegal-Serra, Juan; Martínez-Avilés, Pedro; Oltra-Masanet, Joan A; Femenia-Pérez, Miquel

    2015-03-16

    Introduccion. Un 30-40% de los pacientes con daño cerebral presenta alteraciones del nivel de conciencia, y algunos casos, estados alterados de conciencia: sindrome de vigilia sin respuesta (SVSR) o estado de minima conciencia (EMC). La recuperacion es variable y la supervivencia esta amenazada por multiples complicaciones. Objetivos. Presentar la metodologia de trabajo del Hospital La Pedrera (HLP) para pacientes en SVSR o EMC y analizar las caracteristicas clinicas de los pacientes atendidos, la evolucion, y la situacion funcional y cognitiva en el momento del alta. Pacientes y metodos. Estudio descriptivo prospectivo de pacientes atendidos en el HLP durante el periodo 2009-2013, con diagnostico de SVSR o EMC. Resultados. El HLP trabaja mediante el metodo gestion de caso, ofreciendo una atencion integral por un equipo multidisciplinar. Los pacientes se clasifican segun objetivos asistenciales. Los pacientes con SVSR o EMC se incluyen en el programa de cuidados integrales y adaptacion. Se atendio a 23 pacientes (86,9% varones), con una edad media de 54,9 años. Etiologia: hemorragia cerebral, 30,4%; encefalopatia anoxica, 26,6%; encefalopatia metabolica, 17,3%; y otras causas, 17,3%. El 73,9% ingreso en SVSR y el resto en EMC. Evolucion: el 43,4% mejoro su situacion cognitiva inicial y el 88,8% presentaba una situacion de dependencia total en el momento del alta. Las complicaciones mas frecuentes fueron infecciones respiratorias y urinarias (53,6%). El 65,2% de los casos fueron exitus. Conclusiones. La asistencia en SVSR o EMC es compleja y precisa cuidados multidisciplinares. Casi la mitad de los pacientes mejoro su situacion cognitiva, lo que justifica una actitud proactiva que intente mejorar la calidad de vida de los pacientes y sus familias.

  9. [Audiovisual stimulation in children with severely limited motor function: does it improve their quality of life?].

    PubMed

    Barja, Salesa; Muñoz, Carolina; Cancino, Natalia; Núñez, Alicia; Ubilla, Mario; Sylleros, Rodrigo; Riveros, Rodrigo; Rosas, Ricardo

    2013-08-01

    Introduccion. Los niños con enfermedades neurologicas que condicionan una limitacion grave de la movilidad tienen una calidad de vida (CV) deficiente. Objetivo. Estudiar si la CV de dichos pacientes mejora con la aplicacion de un programa de estimulacion audiovisual. Pacientes y metodos. Estudio prospectivo en nueve niños, seis de ellos varones (edad media: 42,6 ± 28,6 meses), con limitacion grave de la movilidad, hospitalizados de manera prolongada. Se elaboraron dos programas de estimulo audiovisual que, junto con videos, se aplicaron mediante una estructura especialmente diseñada. La frecuencia fue de dos veces al dia, por 10 minutos, durante 20 dias. Los primeros diez dias se llevo a cabo de manera pasiva y los segundos diez con guia del observador. Se registraron variables biologicas, conductuales, cognitivas y se aplico una encuesta de CV adaptada. Resultados. Se diagnosticaron tres casos de atrofia muscular espinal, dos de distrofia muscular congenita, dos de miopatia y dos con otros diagnosticos. Ocho pacientes completaron el seguimiento. Desde el punto de vista basal, presentaron CV regular (7,2 ± 1,7 puntos; mediana: 7,0; rango: 6-10), que mejoraba a buena al finalizar (9,4 ± 1,2 puntos; mediana: 9,0; rango: 8-11), con diferencia intraindividual de 2,1 ± 1,6 (mediana: 2,5; rango: –1 a 4; IC 95% = 0,83-3,42; p = 0,006). Se detecto mejoria en cognicion y percepcion favorable de los cuidadores. No hubo cambio en las variables biologicas ni conductuales. Conclusion. Mediante la estimulacion audiovisual es posible mejorar la calidad de vida de niños con limitacion grave de la movilidad.

  10. [Predictors of extubation failure in neurosurgical patients].

    PubMed

    León-Gutiérrez, Marco Antonio; Tanus-Hajj, Janet; Sánchez-Hurtado, Luis Alejandro

    2016-01-01

    Introducción: la información con respecto a los factores que afectan el éxito de la extubación en pacientes neuroquirúrgicos es limitada; por lo tanto, es necesario determinar los factores que inciden en esta condición. Métodos: estudio prospectivo, longitudinal, observacional y comparativo en pacientes neuroquirúrgicos con criterios para la extubación. En aquellos que presentaron fracaso se analizó el número de aspiraciones endotraqueales en las 24 horas previas a la extubación, la presencia del reflejo de tos, los días de estancia y de ventilación mecánica. Resultados: se incluyeron 70 pacientes en el estudio, de los cuales el 11.4 % presentó fracaso de la extubación y los factores asociados fueron la realización de 6 aspiraciones de secreciones endotraqueales 24 horas previas a la extubación (con una razón de riesgo [RR] = 1.88, intervalo de confianza [IC] al 95 % = 1.14-3.09, p 0.01), 7 días de ventilación mecánica (RR = 1.31, IC 95 % = 1.08-1.57, p 0.005) y 7.5 días de estancia (RR = 1.24, IC 95 % = 1.05-1.47, p 0.01). Conclusión: hacer seis o más aspiraciones de secreciones endotraqueales durante las 24 horas previas a la extubación es un factor de riesgo para el fracaso de la extubación de pacientes neuroquirúrgicos.

  11. [Factors associated with post-stroke oropharingeal dysphagia].

    PubMed

    Peña-Chávez, Rodolfo; López-Espinoza, Miguel; Guzmán-Inostroza, Madelein; Jara-Parra, Mirna; Sepúlveda-Arriagada, Claudia; Sepulveda-Arriagada, Constanza; Zapata-Sepúlveda, Priscila

    2015-10-01

    Introduccion. La disfagia neurogena es una secuela del ictus que en ocasiones pone en riesgo la vida del paciente. La magnitud del daño cerebral generado por el ictus comunmente ocasiona la aparicion de otros trastornos que acompañan a la disfagia y agravan la salud del paciente. Objetivo. Analizar posibles asociaciones entre trastornos de la comunicacion, factores propios de la enfermedad, demograficos y comorbidos con disfagia en pacientes que sufrieron un ictus durante el ingreso hospitalario entre los años 2009 y 2011. Pacientes y metodos. Se estudiaron 1.519 historias clinicas de pacientes que presentaron ictus entre los años 2009 y 2011. Resultados. De los registros analizados, 206 presentaron disfagia (13,6%). El 80,1% de los casos de disfagia se concentro en pacientes de 60-89 años. El 66% de ellos permanecio hospitalizado durante mas de 11 dias. La edad (odds ratio = 2,36; p < 0,001), afasia (odds ratio = 4,47; p < 0,001), disartria (odds ratio = 4,95; p < 0,001), tiempo de hospitalizacion (odds ratio = 3,65; p < 0,001) e hipertension arterial (odds ratio = 1,64; p = 0,023) se asociaron estadisticamente con disfagia. Finalmente, en el 73,3% de los casos con disfagia, se presento disfagia mas afasia o disartria o apraxia del habla, mientras que solo el 26,7% tuvo exclusivamente disfagia. Conclusiones. La disfagia neurogena parece concomitar con trastornos de la comunicacion, aumentar el tiempo de hospitalizacion y asociarse a hipertension arterial. Sin embargo, se requieren estudios prospectivos que consideren un gran periodo de tiempo para confirmar estos hallazgos.

  12. [Immediate response team. 59 cases with obstetric hemorrhage].

    PubMed

    Martínez-Rodríguez, Óscar Arturo; Portillo-Durán, Johana; Tamés-Reyeros, José Ángel; Martínez-Chéquer, Juan Carlos; Carranza-Lira, Sebastián

    2015-01-01

    Introducción: la falta de diagnóstico como de tratamiento médico y/o quirúrgico adecuado debido a un equipo ineficiente de trabajo contribuye a la mortalidad asociada a hemorragia obstétrica. El objetivo fue analizar 59 casos en los que se implementó el equipo de respuesta inmediata (ERI) en pacientes con hemorragia obstétrica. Métodos: estudio retrospectivo/prospectivo, observacional, transversal. Se analizaron 59 casos con hemorragia obstétrica y su atención por medio del ERI. Resultados: se captaron 59 pacientes con diagnóstico de hemorragia obstétrica. La media de la edad de las pacientes fue 30.2 ± 6.8 años. El motivo principal que originó la hemorragia obstétrica fue el desprendimiento prematuro de placenta normoinserta seguido por la atonía uterina. El sitio donde más frecuentemente se implementó el ERI fue la sala de expulsión y en 93.2 % de los casos el médico fue quien inicio el ERI. En 71.2 % no fue necesario transfundir paquete globular. Se realizó una cirugía en el 52.5 % de los casos y dos en 28.8 %. El 90.1 % de las mujeres no pasaron a la unidad de cuidados intensivos, 8.5 % ingresó a UCIA y 1.7 % se trasladó. Conclusiones: De acuerdo a los resultados obtenidos en este estudio, la aplicación del ERI fue de forma correcta, integrada y uniforme.

  13. [Vagus nerve stimulation in patients with migraine].

    PubMed

    Mosqueira, Antonio J; López-Manzanares, Lydia; Canneti, Beatrice; Barroso, Alejandro; García-Navarrete, Eduardo; Valdivia, Antonio; Vivancos, José

    2013-07-16

    Introduccion. La estimulacion del nervio vago (ENV) esta aprobada para el tratamiento de la epilepsia refractaria cuando no es posible cirugia resectiva, con una eficacia bien establecida. Series publicadas sugieren un efecto beneficioso de la ENV en la migraña. Objetivos. Determinar el grado de mejoria de la cefalea en pacientes migrañosos a los que se les habia implantado una ENV para tratamiento de la epilepsia refractaria y evaluar que variables se asocian a mayor posibilidad de exito con esta medida. Pacientes y metodos. Estudio observacional y retrospectivo desde el 1 de enero de 1999 hasta el 31 de diciembre de 2010. Se contacto telefonicamente con los pacientes con ENV para epilepsia refractaria, seleccionando a aquellos que cumplian los criterios de la Sociedad Internacional de Cefaleas para la migraña. Se recogieron edad, genero, año de implantacion, edad de inicio de la epilepsia y la migraña, mejoria de crisis y de migraña, presencia de aura migrañosa y coexistencia de sindrome ansiosodepresivo. Se contacto con 94 pacientes con ENV y se selecciono a 13 pacientes migrañosos. Resultados. Tras la implantacion de la ENV, se observo una disminucion de al menos el 50% de los episodios de migraña en nueve pacientes (69%) (p = 0,004), asi como una disminucion del numero de episodios de migraña en aquellos pacientes que tambien habian reducido sus crisis epilepticas (p = 0,012). No se observaron asociaciones estadisticamente significativas en cuanto al sexo, edad, tiempo de evolucion, existencia de aura migrañosa o coexistencia de sindrome ansiosodepresivo. Conclusiones. La ENV podria resultar beneficiosa en pacientes con migraña, especialmente en casos de dificil control. Debido al tipo estudio, hay que tomar estas conclusiones con precaucion. Seran necesarios estudios clinicos prospectivos antes de llevarse a la practica clinica habitual.

  14. [Prognostic factors of functional recovery from a stroke at one year].

    PubMed

    Moreno-Palacios, J A; Moreno-Martinez, I; Bartolome-Nogues, A; Lopez-Blanco, E; Juarez-Fernandez, R; Garcia-Delgado, I

    2017-01-16

    Introduccion. La recuperacion de la marcha y de la independencia es fundamental para cualquier paciente que sufre un ictus, y existen numerosos factores que pueden influir en ella. Objetivo. Conocer que variables son mas importantes para conseguir una buena recuperacion funcional al año del ictus. Pacientes y metodos. Estudio prospectivo, longitudinal, observacional, realizado en 231 pacientes diagnosticados de ictus en el año 2013. Se analizaron datos sociodemograficos, caracteristicas clinicas, situacion neurologica en el momento del ingreso –National Institute of Health Stroke Scale (NIHSS)–, situacion funcional (escala de Rankin e indice de Barthel) y capacidad de marcha, tanto en el momento del ingreso como en el momento del alta de rehabilitacion y al año. Resultados. La edad media fue de 74,26 ± 13,1 años, y un 55,4% eran hombres. La estancia media hospitalaria fue de 16,24 dias. El 68,9% realizo rehabilitacion, 95,5 sesiones como media. El 51,7% recupero al año una buena capacidad funcional (Rankin < 2 y Barthel > 85), y el 63,5%, la marcha independiente. Los factores que influyeron de forma mas significativa en la recuperacion funcional y de la marcha al año fueron: la menor edad, la NIHSS < 10 en la primera semana, el tipo de ictus (de pequeño vaso), la ausencia de fibrilacion auricular y la mejor situacion funcional previa. Conclusion. La mayoria de los pacientes al año de haber sufrido un ictus recupera la capacidad de marcha independiente y, en menor medida, la independencia en las actividades de la vida diaria.

  15. [Platelet rich plasma versus oral paracetamol for the treatment of early knee osteoarthritis. Preliminary study].

    PubMed

    Acosta-Olivo, Carlos; Esponda-Colmenares, Francisco; Vilchez-Cavazos, Félix; Lara-Arias, Jorge; Mendoza-Lemus, Oscar; Ramos-Morales, Tomas

    2014-01-01

    Antecedentes: la osteoartrosis se caracteriza por dolor, rigidez articular y crepitación, con datos radiológicos específicos. El dolor se controla con analgésicos y antiinflamatorios no esteroides. En la actualidad, el plasma rico en plaquetas es una alternativa de tratamiento de esta enfermedad. Objetivo: comparar el efecto del plasma rico en plaquetas versus paracetamol en el tratamiento de pacientes con osteoartrosis de rodilla grado I. Material y métodos: ensayo prospectivo y experimental en el que se estudiaron 42 pacientes que se asignaron al azar a dos grupos. Al grupo 1 (experimental) se le indicaron 5 mL de plasma rico en plaquetas, en dos aplicaciones; el grupo 2 (control) se trató con 1 g de paracetamol oral cada 8 horas durante 30 días. Ambos grupos recibieron terapia física supervisada, con un tiempo de seguimiento total de seis meses. Para determinar las concentraciones de sangre periférica se tomaron muestras de IL-1β, TNF-a y TGF-β en plasma el día 0 y a los 6 meses. La valoración clínica se realizó con el Knee injury and Osteoarthritis Outcome Score (KOOS) al inicio y mensualmente durante el estudio. Resultados: los resultados de IL-1β y TNF-a no mostraron diferencia significativa entre los grupos tratados con plasma rico en plaquetas y paracetamol. La escala KOOS para el grupo 1 al inicio del tratamiento fue de 30.1 puntos y al finalizar el tratamiento 48.2 puntos, con mejoría clínica de 60%. Conclusiones: los pacientes tratados con plasma rico en plaquetas tuvieron un incremento significativo en las concentraciones séricas de TGF-β1 que se asoció con la mejoría clínica relacionada con el KOOS.

  16. [Response to everolimus in patients with giant cell astrocytoma associated to tuberous sclerosis complex].

    PubMed

    Mateos-González, M Elena; López-Laso, Eduardo; Vicente-Rueda, Josefina; Camino-León, Rafael; Fernández-Ramos, Joaquín A; Baena-Gómez, M Auxiliadora; Peña-Rosa, M José

    2014-12-01

    Introduccion. Los astrocitomas subependimarios de celulas gigantes (SEGA) se presentan en el 5-20% de los pacientes con complejo esclerosis tuberosa (CET) y son los tumores cerebrales mas comunes en el CET. Son tumores benignos, de estirpe glioneural, que se desarrollan fundamentalmente en las primeras dos decadas de la vida, en general cercanos al foramen de Monro, y pueden ocasionar hidrocefalia e hipertension intracraneal. Constituyen la principal causa de muerte en el CET. Recientemente, los inhibidores mTOR han demostrado ser una alternativa terapeutica a la reseccion quirurgica. Objetivo. Describir nuestra experiencia con everolimus para el tratamiento de pacientes con SEGA y CET. Pacientes y metodos. Estudio prospectivo de la respuesta de los pacientes con CET y al menos un SEGA en crecimiento. Resultados. Recibieron tratamiento tres mujeres y tres varones con una edad media de 12,3 años. Un paciente habia sido previamente intervenido quirurgicamente por SEGA con hidrocefalia. El diametro maximo medio del SEGA al inicio del tratamiento era de 15,3 mm (rango: 11,3-24,8 mm). Se inicio tratamiento con everolimus, 2,5 mg/dia por via oral en pacientes con superficie corporal < 1,2 m2 y 5 mg/dia en pacientes con superficie corporal > 1,2 m2. Dos pacientes presentaron hipertrigliceridemia; uno, anorexia; otro, un afta; y una paciente, amenorrea. La reduccion media del volumen del SEGA a los tres meses de tratamiento fue del 46%, y la reduccion se mantuvo estable en controles posteriores (6-25 meses). Conclusiones. El tratamiento con everolimus disminuye el tamaño de los SEGA asociados a CET con un perfil de seguridad adecuado, y constituye una alternativa a la cirugia en casos seleccionados.

  17. [Iatrogenic after spinal puncture technique. Prevalence study of headache and associated factors].

    PubMed

    Bauset-Navarro, José Luis; Sánchez-Ortuño, Isabel M; Gómez-Cárdenas, Claudia; Sanz-Monllor, Ainara; Cinesi-Gómez, César; Piñera-Salmerón, Pascual

    2014-03-01

    Objetivo. Establecer la prevalencia existente de cefalea tras practicar una puncion lumbar transdural y los factores de riesgo. Pacientes y metodos. Estudio observacional prospectivo de cohortes. Se reclutaron pacientes del Servicio de Urgencias, del Servicio de Neurologia y del Hospital de Dia. Se recogio la experiencia del facultativo, el numero de punciones, la variacion de plano, la postura del paciente, el anestesico local, el calibre y bisel de la aguja, los grados de inclinacion, la cantidad de liquido, la sobrecarga de fluidoterapia y la indicacion o no de reposo tras la puncion. Tras 48 horas, se establecio la aparicion o no de cefalea. Resultados. Muestra de 59 pacientes, 31 (52,5%) de ellos hombres. Edad media: 47 años; 32 (54,2%) procedentes de Urgencias, 18 (30,5%) de Neurologia y 9 (15,3%) del Hospital de Dia. Hubo 41 (69,5%) en decubito lateral y 7 (11,9%) en sedestacion. Todos con agujas biseladas, 21 (35,6%) del calibre 20 y 38 (64,4%) del calibre 22. Sin reposo estuvieron 8 (13,56%) pacientes y 18 (33,3%) sin sobrecarga de fluidos. Veintitres (38,98%) con cefalea pospuncion lumbar, 12 (52,2%) mujeres, con una edad media de 38,3 ± 16,4 años. La mediana de intensidad de la cefalea fue de 2,6. El tiempo medio de aparicion fue de siete horas. Sin diferencias para ninguno de los factores estudiados, salvo la tendencia observada de mayor incidencia de cefalea a menor edad. Conclusiones. La cefalea pospuncion lumbar en nuestra serie es elevada, sin diferencias segun el servicio donde se practica o la experiencia. Tampoco influye la cantidad de liquido extraido, la posicion del paciente, la indicacion de reposo o la sobrecarga de fluidos.

  18. [Neurological examination in patients undergoing sedation with propofol: a descriptive study].

    PubMed

    Ordas-Bandera, Carlos M; Sanchez-Marcos, Carolina; Janeiro-Lumbreras, David; Jimenez-Martin, M José; Muniz-Castrillo, Sergio; Cuadrado-Perez, M Luz; Porta-Etessam, Jesús

    2014-06-16

    Introduccion. La exploracion neurologica es un recurso en la evaluacion de los pacientes en coma. La anestesia puede ser un factor influyente en los hallazgos. Evaluamos la exploracion del paciente en coma en pacientes anestesiados con propofol para definir su valor clinico. Pacientes y metodos. Estudio prospectivo en sometidos a cirugia cardiaca en los cuidados intensivos de un hospital terciario durante los meses de abril y mayo de 2011. Se analiza la exploracion del coma anestesico, factores farmacologicos o medicos que pueden influir y exploracion neurologica completa tras la recuperacion. Se excluyeron pacientes con sintomas neurologicos previos. Resultados. Se seleccionan 30 pacientes (16 hombres y 14 mujeres); edad media: 72 ± 10 años. Todos los pacientes estaban sedados con propofol. Durante la sedacion, 17 (46,7%) presentaban pupilas arreactivas. En el 100% no se observaron movimientos espontaneos de los ojos. El 23,3% presentaba alteracion ocular en posicion primaria. Los reflejos oculocefalicos estaban ausentes en el 93,3%, y los oculovestibulares, en el 100%; el reflejo corneal, en el 70% (con asimetria); el espinociliar, en el 83,3%. La respuesta motora algesica estaba ausente en el 93,3%; en un 20%, los reflejos cutaneoplantares extensores; e indiferentes, en el 66,7%. Tras la anestesia, la exploracion neurologica fue normal en el 80%, hubo leves alteraciones de orientacion en un 16,7% y se encontro un sindrome hemisferico en un paciente. Conclusiones. La anestesia con propofol altera los reflejos pupilares, del tronco, respuestas motoras y reflejo cutaneoplantar reversibles al retirar la sedacion. Las alteraciones pueden ser asimetricas. No se deberia utilizar la exploracion neurologica en el paciente sedado con propofol para la toma de decisiones clinicas.

  19. [COCONUT OIL: NON-ALTERNATIVE DRUG TREATMENT AGAINST ALZHEIMER´S DISEASE].

    PubMed

    Hu Yang, Iván; De la Rubia Ortí, Jose Enrique; Selvi Sabater, Pablo; Sancho Castillo, Sandra; Rochina, Mariano Julián; Manresa Ramón, Noemí; Montoya-Castilla, Inmaculada

    2015-12-01

    Introducción: la enfermedad de Alzheimer es la demencia más prevalente en la actualidad. En cuanto al tratamiento, no existe cura farmacológica definitiva, con lo cual son necesarias nuevas alternativas terapéuticas. En este sentido, los triglicéridos de cadena media suponen una fuente directa de energía celular y pueden ser una alternativa no farmacológica a la muerte neuronal por falta de la misma, que se produce en los enfermos de Alzheimer. Objetivo: evaluar el impacto que tiene el aceite de coco en la evolución de la demencia tipo Alzheimer, en cualquier grado de demencia. Asimismo, determinar si existe influencia en dicha mejora, de variables como el sexo y padecer o no diabetes mellitus tipo II. Material y métodos: estudio prospectivo realizado en pacientes con demencia tipo Alzheimer, con un grupo control y un grupo de intervención al que se le administró 40 ml/día de aceite de coco virgen extra. Los parámetros evaluados han sido las puntuaciones del test del miniexamen cognoscitivo de Lobo, pre y postintervención en ambos grupos. Resultados: se observó en los sujetos que tomaban el producto un aumento estadísticamente significativo de la puntuación del test MEC-LOBO y, por consiguiente, una mejoría del estado cognitivo, mejorando sobre todo las mujeres, los que no tenían diabetes mellitus tipo II y los pacientes graves. Conclusión: este estudio, aunque preliminar, demuestra la influencia positiva del aceite de coco a nivel cognitivo en los pacientes con Alzheimer, siendo esta mejoría dependiente del sexo, de la existencia o no de diabetes y del grado de demencia.

  20. [Modification of health-related quality of life in kidney transplant recipients].

    PubMed

    Álvarez-Rangel, Luis Enrique; Cruz-Santiago, José; Meza-Jiménez, Guillermo; Bernáldez-Gómez, Germán; Ledesma-González, Víctor Manuel; Camacho-Hernández, Fernando; Rodríguez-Rodríguez, Arturo; Aguilar-Martínez, Carolina

    2015-01-01

    Introducción: la evaluación de la calidad de vida relacionada con la salud es fundamental en las terapias de reemplazo renal. Realizamos un estudio para evaluar la modificación en la calidad de vida a los 6 y 12 meses del trasplante renal y compararla con población sana y población general. Métodos: se realizó un estudio prospectivo en 278 receptores renales aplicando la encuesta SF-36 a los 0, 6 y 12 meses del trasplante. Los resultados fueron comparados con los obtenidos en población sana (donantes renales) y población general. Se empleó prueba t de student para realizar las comparaciones de medias. Una p < 0.05 fue considerada estadísticamente significativa.Resultados: la calidad de vida previa al trasplante fue inferior a la observada en población sana y población general (p < 0.001). A los 6 meses de trasplante se obtuvo mejoría significativa con respecto a la medición basal (p < 0.001) en los 8 dominios y las dos escalas compuestas, pero a los 12 meses no se observó un beneficio adicional. La calidad de vida de los receptores a los 12 meses de trasplante fue inferior solo en el concepto de salud general (p = 0.035) al compararse con la población sana. No obstante, fue superior a la población general en las escalas compuestas física y mental (p = 0.013 y p = 0.001 respectivamente).Conclusiones: la calidad de vida relacionada con la salud mejora significativamente a los 6 y 12 meses del trasplante renal, logrando equipararse con población sana y población general.

  1. [Antibibiotic resistance by nosocomial infections' causal agents].

    PubMed

    Salazar-Holguín, Héctor Daniel; Cisneros-Robledo, María Elena

    2016-01-01

    Introducción: la resistencia a antimicrobianos por agentes causales de infección nosocomial (IN) constituye un grave problemática global que involucra al HGR 1 del IMSS en Chihuahua, México; si bien con particularidades que requirieron especificarla y evaluarla, a fin de concretar una terapéutica eficaz. Métodos: estudio observacional, descriptivo y prospectivo; se llevó a cabo mediante vigilancia activa durante 2014 para la detección de infecciones nosocomiales, su estudio epidemiológico, cultivo y antibiograma para identificar al agente causal y su resistencia a los antibióticos. Resultados: de 13527 egresos hospitalarios, 1079 presentaron IN (8 por 100 egresos) y de ellas destacaron: de líneas vasculares, quirúrgicas, neumonía y de vías urinarias; sumando dos tercios del total. Se realizó cultivo y antibiograma en 300 de ellas (27.8 %); identificando 31 especies bacterianas, siendo siete las principales (77.9 %): Escherichia coli, Staphylococcus aureus y epidermidis, Pseudomonas aeruginosa, Acinetobacter baumannii, Klebsiella pneumoniae y Enterobacter cloacae; mostrando multirresistencia a 34 antibióticos probados, excepto en siete con baja o nula resistencia: vancomicina, teicoplanina, linezolid, quinupristina-dalfopristina, piperacilina–tazobactam, amikacina y carbapenémicos. Conclusiones: al contrastar tales resultados ante las recomendaciones de las guías de práctica clínica, surgieron contradicciones; por lo que deben tomarse con reserva y ser probadas en cada hospital, mediante cultivos y antibiogramas en prácticamente todos los casos de infección nosocomial.

  2. [Is endovenous thrombolysis safety and efficacy in ischemic stroke comparable between patients aged over and above 80 years? Experience from an Argentinean cohort].

    PubMed

    Colla-Machado, P E; Pigretti, S G; Luzzi, A A; Balian, N R; Cristiano, E; Zurru-Ganen, M C

    2017-04-16

    Introduccion. La inclusion de mayores de 80 años fue escasa en los estudios que evaluaron la terapia trombolitica. El objetivo de este estudio es comparar la seguridad y eficacia del uso de activador del plasminogeno tisular recombinante en pacientes mayores y menores de 80 años. Pacientes y metodos. Estudio prospectivo de pacientes que recibieron tratamiento trombolitico. Se comparo el tiempo de estancia, la incidencia de sangrado, la mortalidad hospitalaria y la evolucion a 90 dias en pacientes mayores y menores de 80 años. Resultados. De 1.996 pacientes con ictus ingresados entre octubre de 2005 y enero de 2016, 180 recibieron tratamiento trombolitico (9%). La edad media fue de 77 ± 10 años, con un 55% de mujeres. Cuando se compararon los menores y mayores de 80 años, en estos ultimos la estancia hospitalaria fue prolongada, con una mediana de 15 dias (rango intercuartilico: 6-19) frente a siete dias (rango intercuartilico: 4-12; p = 0,001), y la discapacidad a los tres meses fue mayor (escala de Rankin 0-1 del 24% frente al 41%; p = 0,001). La puntuacion ASPECTS de ingreso, la incidencia de sangrado y la mortalidad hospitalaria no mostraron diferencias entre mayores y menores de 80 años. Los pacientes mayores de 80 años tuvieron menor tiempo de demora para llegar al hospital (97 ± 34 frente a 113 ± 45 min; p = 0,01); sin embargo, el tiempo puerta-aguja fue superior en los mayores de 80 años. Conclusion. La terapia trombolitica en los mayores de 80 años fue segura, aunque el grado de beneficio para reducir la discapacidad resulto menor.

  3. [Usefulness of electronic drug registers: Spanish register of patients treated with fingolimod (Gilenya ®)].

    PubMed

    Fernández, Óscar; Rodríguez-Antigüedad, Alfredo; Oreja-Guevara, Celia; Garcia-Garcia, Margarida; Montalban, Xavier

    2014-01-16

    Introduccion. Se describe el diseño de un registro electronico de los pacientes con esclerosis multiple que inician tratamiento con fingolimod en España, que se plantea como una herramienta para monitorizar su manejo en la practica clinica habitual que permita optimizar su uso. Objetivos. Conocer el perfil de los pacientes con esclerosis multiple en tratamiento con fingolimod y determinar la efectividad y seguridad de este tratamiento en la practica clinica habitual. Desarrollo. Se establece un registro observacional, retrospectivo y prospectivo, multicentrico, que estara activo durante cinco años. Participaran 40 neurologos de España. Se incluiran pacientes tratados con fingolimod que cumplan los criterios de seleccion. Las variables de efectividad que se evaluaran son: la discapacidad medida mediante la escala ampliada del estado de discapacidad, la tasa de brotes, las lesiones captantes de gadolinio en secuencia T1 y las lesiones nuevas en secuencia T2, y el porcentaje de pacientes libres de actividad y aquellos que requieran tratamientos concomitantes. Las variables de seguridad que se evaluaran son: la tasa de pacientes que presenten acontecimientos y reacciones adversas, respectivamente, analizandose separadamente aquellos que se presenten tras la primera dosis o relacionados con el plan de manejo del riesgo de fingolimod, y la tasa de abandonos del tratamiento. Conclusiones. Los nuevos farmacos de reciente comercializacion requieren mayor informacion acerca de su efectividad y seguridad, mas alla del entorno controlado de un ensayo clinico. Las iniciativas de registros electronicos como el registro Gilenya son la solucion para dar respuesta a dicha necesidad, proporcionando informacion en el menor tiempo posible acerca del manejo mas adecuado para conseguir su uso mas optimo y eficiente posible.

  4. [Risk Factors and extraneurological complications of stroke patients].

    PubMed

    Guarnaschelli, M; Lucero, N; Moreno Andreatta, N; Buonanotte, M C; Atalah, D; Deabato, C; Frias, I; Fuentes, V; Perez Frias, J; Riccetti, J; Rivero, M; Sad, A; Buonanotte, C F

    2013-01-01

    El Accidente cerebro vascular (ACV) constituye la tercera causa de muerte a nivel mundial; actuar sobre los factores de riesgo modificables constituye hoy la mejor estrategia de prevención. Las complicaciones médicas son frecuentes en los pacientes internados por ACV; la valoración del NIHSS de ingreso, está asociado al resultado final en términos de duración de internación, supervivencia y ubicación al alta. Objetivo. Determinar los factores de riesgo (FR) en pacientes internados por ACV en el HNC de Córdoba y caracterizar las complicaciones no neurológicas en relación al NIHSS de ingreso. Material y métodos. Estudio prospectivo de pacientes internados en el HNC con diagnóstico de ACV del primero de septiembre de 2010 al 30 de diciembre de 2012, se aplicó la escala de NIHSS al ingreso. Se determinaron los factores de riesgo cerebrovasculares; se evaluaron las complicaciones no neurológicas durante la internación. Resultados. El total de pacientes ingresados por ACV fue de 200, con ACV isquémico 168 (84%) y ACV hemorrágico 32(16%). La Hipertensión Arterial fue el FR más frecuente (83,5%); más del 40% tenía 3 o más FR para ACV. Tuvieron complicaciones: 32% de los pacientes, la Infección respiratoria fue la más frecuente (14.5%)Pacientes con NIHSS superior a 10 puntos presentaron mayor porcentaje de complicaciones. Conclusión. El control de FR múltiples constituye una estrategia efectiva para disminuir la incidencia de ACV. La prevención de las complicaciones médicas permiten un mejor cuidado del paciente y reducen la morbilidad relacionada al ACV.

  5. [Predictive value of cerebellar growth and general movements assessments for neurodevelopment of very preterm infants at 18-24 months' corrected age].

    PubMed

    Cunha, M; Correa, F; Cadete, A; Oliveira, A; Figueiredo, H; Valerio, P; Barroso, R; Carreiro, H

    2017-01-16

    Introduccion. La evaluacion de los movimientos de ajetreo es sumamente sensible a la hora de predecir el desenlace a largo plazo o la paralisis cerebral del neonato prematuro, un tipo de paciente en el que se ha descrito el crecimiento anomalo del cerebelo. Objetivo. Comparar el valor pronostico de la determinacion ecografica del crecimiento anomalo del cerebelo y el de la evaluacion de los movimientos de ajetreo en el neurodesarrollo de grandes prematuros a los 18-24 meses de edad corregida. Sujetos y metodos. Estudio prospectivo con una cohorte de 88 neonatos (32 semanas o menos de gestacion) en que se analizo el diametro transversal del cerebelo por medio de una ecografia semanal hasta las 40 semanas de edad corregida. Los movimientos de ajetreo se evaluaron a los tres meses de edad corregida. El estado de maduracion neurologica a los 18-24 meses de edad corregida se evaluo en 68 neonatos con la escala de evaluacion de las competencias en el desarrollo infantil (SGS-II) y la escala de evaluacion neurologica de Amiel-Tison (ATNA). Resultados. En la edad a termino, el crecimiento del cerebelo fue inferior al tercer percentil en 11 neonatos (10,3%). Los movimientos de ajetreo eran normales en 42 (61,8%), y anormales o ausentes, en 7 (10,3%). A los 18-24 meses de edad corregida, 54 (79,4%) mostraron resultados normales en la SGS-II y 6 (8,8%) fueron calificados como afectados por paralisis cerebral segun la ATNA. El diametro cerebelar inferior al tercer percentil a termino estuvo asociado con un desenlace motor anomalo y los movimientos de ajetreo normales se correlacionaron con el neurodesarrollo normal. Conclusion. La estimacion del tamaño del cerebelo y las exploraciones funcionales (movimientos de ajetreo) poseen un importante papel complementario en el pronostico del desarrollo nervioso en el gran prematuro.

  6. [OSTEOPOROSIS AND BODY MASS INDEX IN RENAL TRANSPLANT RECIPIENTS].

    PubMed

    López Ruiz, María del Carmen; Ortega Martínez, Ana Raquel; Fernández Castillo, Rafael; Esteban de la Rosa, Rafael José; Bravo Soto, Juan Antonio

    2015-08-01

    Introducción y objetivos: tras el trasplante renal es frecuente un aumento de peso, así como un elevado porcentaje de obesidad en estos pacientes. Por otro lado, tras el trasplante se produce una pérdida de la masa ósea, siendo la prevalencia de osteoporosis y fracturas óseas mayor que en la población general. Objetivos: explorar la relación entre el índice de masa corporal y la prevalencia de osteopenia y osteoporosis en una población de trasplantados renales. Material y método: estudio longitudinal prospectivo sobre una muestra de 306 trasplantados renales. Se exploraron las relaciones entre el peso y el índice de masa corporal con la prevalencia de osteopenia y osteoporosis a nivel femoral y lumbar en el momento del trasplante y a los 12 meses del mismo. Resultados: se halló una alta prevalencia de sobrepeso (35,6%) y obesidad (14,1%) tras el trasplante renal y al año del mismo (42,2% y 24,2%, respectivamente). Se hallaron diferencias estadísticamente significativas (p = 0,049) entre el peso en el momento del trasplante y la presencia de osteopenia u osteoporosis al año del mismo a nivel lumbar, siendo el peso medio más elevado entre los pacientes con osteoporosis. La media del IMC fue más elevada (p = 0,028) en los pacientes osteoporóticos (26,59 kg/m2) que en los pacientes con osteopenia (24,23 kg/m2). Conclusiones: nuestros resultados parecen estar en concordancia con recientes estudios realizados en la población general, que muestran el sobrepeso como un posible factor perjudicial para el hueso.

  7. Suitability of teriparatide and level of acceptance of pharmacotherapeutic recommendations in a healthcare management area.

    PubMed

    Cantudo-Cuenca, Maria Rosa; Guzmán Ramos, Maria Isabel; Cantudo Cuenca, Maria Dolores; Manzano García, Mercedes; Saborido Cansino, Maria Del Carmen; Sánchez Pedrosa, Ana

    2016-06-01

    Objetivo: Analizar la adecuación de la prescripción de teriparatida en el tratamiento de la osteoporosis en un área de gestión sanitaria, así como el grado de aceptación por el médico de las recomendaciones de intervención realizadas. Diseño: Estudio prospectivo de intervención desde febrero de 2015 a junio de 2015. Emplazamiento: Área de Gestión Sanitaria Sur de Sevilla. Participantes: Pacientes con prescripción activa de teriparatida. Mediciones principales: Adecuación de la prescripción de teriparatida y grado de aceptación por el médico de las recomendaciones farmacoterapéuticas. Resultados: La prescripción de teriparatida fue inadecuada en 45 pacientes (68,2%). Once pacientes no cumplían los criterios de tratamiento, mientras que 17 no habían tenido prescrito previamente otro medicamento para la prevención de fracturas. Seis pacientes presentaban alguna contraindicación. En 9 pacientes la duración de la terapia fue superior a los 24 meses recomendados. Cuatro de ellas (dos ya inadecuadas) por combinación inadecuada con otros medicamentos. El grado de aceptación de las recomendaciones farmacoterapéuticas realizadas por farmacia fue del 64,4%, produciéndose en 21 pacientes (72,4%) la suspensión de teriparatida y en 8, el cambio a otro medicamento de primera línea: ibandrónico, en tres de ellos, y alendrónico, en el resto. Conclusiones: El número de pacientes con prescripciones inadecuadas de teriparatida es elevado en nuestra área, pero ha disminuido tras realizar intervenciones con recomendaciones farmacoterapéuticas de adecuación del tratamiento.

  8. [A comparative study of the effectiveness of topiramate and flunarizine in independent series of chronic migraine patients without medication abuse].

    PubMed

    Gracia-Naya, Manuel; Ríos, Consuelo; García-Gomara, M José; Sánchez-Valiente, Sara; Mauri-Llerda, José Ángel; Santos-Lasaosa, Sonia; Artal-Roy, Jorge; Latorre-Jiménez, Ana M

    2013-10-16

    Introduccion. El topiramato y la onabotulinumtoxina A han mostrado ser eficaces en la migraña cronica con o sin abuso de farmacos segun los criterios recientes de la Clasificacion de Cefaleas de la Sociedad Internacional de Cefaleas. Objetivo. Demostrar que la flunaricina es tan efectiva como el topiramato en la migraña cronica sin abuso de farmacos. Pacientes y metodos. Estudio prospectivo, no aleatorizado, comparativo de dos grupos de pacientes con similar edad y sexo, con migraña cronica sin abuso, tratados preventivamente por primera vez con topiramato o flunaricina. Resultados. A 40 pacientes tratados con flunaricina se les asigno un paciente del mismo sexo y edad tratado con topiramato. La media de reduccion de las migrañas intensas en el grupo del topiramato fue del 59% y en el grupo de la flunaricina, del 58,5% (p = 0,9444); la tasa de respondedores al cuarto mes de tratamiento tampoco mostro diferencias significativas, ya que fue del 75% para el topiramato y del 70% para la flunaricina (p = 0,6236). La media de reduccion de otras cefaleas en el grupo del topiramato fue del 57%, y en el grupo de la flunaricina, del 64% (p = 0,4261); la tasa de respondedores al cuarto mes de tratamiento fue del 76%, similar en ambos grupos. El porcentaje de abandonos del tratamiento fue mayor con el topiramato (19,5%) que con la flunaricina (10%) (p = 0,3493). En ninguno de los dos grupos hubo efectos adversos graves. Un 78,9% de los pacientes que tomo topiramato presento satisfaccion con el farmaco frente al 75% del grupo de la flunaricina (p = 0,7903). Conclusion. La flunaricina mostro ser tan efectiva como el topiramato en el tratamiento de la migraña cronica sin abuso de farmacos.

  9. [Nutritional status in patients first hospital admissions service hematology National Cancer Institute].

    PubMed

    Baltazar Luna, E; Omaña Guzmán, L I; Ortiz Hernández, L; Ñamendis-Silva, S A; De Nicola Delfin, L

    2013-01-01

    Objetivos: Determinar el estado de nutrición de los pacientes que ingresan por primera vez a hospitalización del servicio de hematología y que no han recibido tratamiento oncológico, conocer si el estado de nutrición evaluado por medio de la EGS-GP y por concentración sérica de Albúmina se relaciona con la mortalidad de los pacientes. Métodos: Estudio longitudinal, prospectivo, analítico. Por medio de EGS-GP se evaluó el estado nutricional de los pacientes, Se utilizó el paquete estadístico SPSS 19.0 para el análisis de datos. Resultados: Se evaluaron 119 pacientes, 52,1% mujeres y 47,9% hombres. El diagnóstico más común fue Linfoma no Hodgkin en el 43,7%. De acuerdo a la EGSGP el 50,4% de los pacientes presentaba algún grado de desnutrición o estaba en riesgo de padecerla de los cuales: el 31,1% tenía desnutrición moderada y el 19,3% presentaba desnutrición severa. El 49,6% de los pacientes presentaba un adecuado estado nutricio. Del 30,3% de los pacientes que fallecieron el 37% tenía desnutrición severa y el 50% disminución severa de la concentración de albúmina. Conclusiones: La prevalencia de desnutrición en los pacientes hematológicos atendidos en el Instituto Nacional de Cancerología de México que aún no reciben tratamiento médico fue elevada. Existe una asociación entre el Estado Nutricio y la mortalidad de éste grupo de pacientes.

  10. [Pharmacovigilance of calcineurin inhibitor in peidatric kidney and liver transplantation].

    PubMed

    Riva, N; Cáceres Guido, P; Rousseau, M; Dip, M; Monteverde, M; Imventarza, O; Mato, G; Schaiquevich, P

    2013-01-01

    Objetivo: Desarrollar un programa de farmacovigilancia de pacientes pediátricos trasplantados hepáticos y renales centrado en inmunosupresores calcineurínicos del Hospital de Pediatría JP Garrahan de Argentina. Métodos: Se evaluaron las reacciones adversas a medicamentos (RAM) de los pacientes pediátricos trasplantados renales y hepáticos de nuestro hospital tratados con inhibidores de calcineurina (ciclosporina y tacrolimus) por revisión retrospectiva de historias clínicas de pacientes trasplantados en 2010-2011, y análisis prospectivo por farmacovigilancia activa de trasplantados fuera de dicho período, cuyas complicaciones se hayan presentado en los ateneos semanales del Servicio de Trasplante desde marzo de 2011. Las RAM se notificaron a la autoridad sanitaria nacional. Resultados: Se analizaron un total de 59 pacientes, 28 trasplantados renales y 31 hepáticos. Se notificaron, en ambos trasplantes, 60 RAM a ciclosporina destacándose (número de casos) hipertensión arterial (19) y nefrotoxicidad (6). Asimismo, se registraron 46 RAM a tacrolimus, incluyendo hipomagnesemia (25), hipertensión (7) y nefrotoxicidad (5). El 95% y 96% de los eventos adversos a ciclosporina y a tacrolimus, respectivamente, han sido agrupados como probables o definitivos. El 70% y 98% de los eventos adversos a ciclosporina y a tacrolimus respectivamente, han sido de severidad moderada o grave. Conclusiones: Este es el primer proyecto en América Latina que propone y desarrolla el estudio cuali-cuantitativo intensivo de RAM a inhibidores de calcineurina en trasplante pediátrico renal y hepático. Es necesario estimular la notificación espontánea así como continuar el seguimiento de RAM a mediano y largo plazo para mejorar la calidad de vida del paciente trasplantado.

  11. [Depression and risk factors associated in women with children in sessions with a child psychiatrist].

    PubMed

    Duarte-Raya, Fidencia; Rico-Maldonado, Marco Alejandro; González-Guzmán, Eloína Guadalupe; López, Betania C Rossette

    2016-01-01

    Introducción: la depresión materna se traduce en alteraciones cognitivas, conductuales, afectivas y vinculares con un gran impacto en la calidad de vida de individuos, familia y sociedad. Nuestro objetivo fue conocer la prevalencia y los factores asociados a la depresión de madres con hijos en tratamiento de paidopsiquiatría en el Hospital de Gineco-Pediatría 48, en León, Guanajuato, México. Métodos: estudio descriptivo, prospectivo y de prevalencia que incluyó 194 madres. Se aplicó la escala de Beck, se calculó la tasa de prevalencia, se analizó la asociación de los factores de riesgo a la depresión materna con chi cuadrada y el riesgo relativo (RR) con intervalos de confianza (IC) de 95 % y una p de 0.5. Resultados: hubo una prevalencia de depresión materna del 66 %: el 45 % (58) la tuvo leve, moderada el 35 % (45) y grave el 20 % (25). La variable para el estado civil casada fue estadísticamente significativa según el análisis con chi cuadrada (8.7408, p 0.0031, razón de momios [RM] de 2.480377). Tener cinco hijos tuvo una RM de 2.096774 y el diagnóstico de retraso en el desarrollo generalizado una RM de 1.759709. Conclusión: hubo una prevalencia mayor que la esperada con una diferencia porcentual de seis puntos. La depresión leve fue más frecuente, el grupo más afectado fue el de 31 a 40 años, el estado civil casada y con cinco hijos.

  12. [Cardiovascular risk factors in children with primary nephrotic syndrome].

    PubMed

    Alegría-Torres, Gabriela Alejandra; Aguilar-Kitsu, María Alejandra; Estrada-Loza, María Jesús; Villasís-Keever, Miguel Ángel

    2015-01-01

    Introducción: se ha propuesto que los pacientes con síndrome nefrótico (SN) tienen con mayor frecuencia factores de riesgo cardiovascular. El objetivo de este estudio fue determinar la frecuencia de factores de riesgo cardiovascular en niños con SN primario. Métodos: estudio transversal, descriptivo y prospectivo. Se incluyeron 55 pacientes con SN primario. Se evaluó la presencia de sobrepeso/obesidad, hipertensión, dislipidemia, hiperglicemia, elevación de proteína C reactiva (PCR) de alta sensibilidad y el incremento en el grosor intimo-medial carotídeo (GIM). Se analizó el tipo de SN, el tiempo de evolución, el tratamiento actual y el número de recaídas. Para el análisis estadístico se utilizó chi cuadrada y rho de Spearman. Resultados: el factor de riesgo cardiovascular más frecuente fue el incremento del GIM carotídeo (98.1 %), seguido de hipertrigliceridemia (54.4 %) y de hipercolesterolemia total (40 %). Los pacientes con SN corticosensible tuvieron menor número de factores de riesgo comparados con los corticorresistentes. Además hubo una correlación positiva de mayor tiempo de evolución y número de recaídas con el incremento de factores. Conclusiones: el 98 % de los niños con SN primario tuvieron al menos un factor de riesgo cardiovascular. Ciertas características clínicas como ser corticorresistentes y el tiempo de evolución y tratamiento parecen estar relacionadas con la presencia de un mayor número de factores de riesgo.

  13. [Incidence and risk factors associated with nosocomial infection in pediatric heart surgery].

    PubMed

    Duarte-Raya, Fidencia; Baeza-Zarco, Fabiola Janet

    2016-01-01

    Introducción: las infecciones nosocomiales son responsables de una elevada tasa de morbilidad y mortalidad en el paciente pediátrico sometido a cirugía cardiaca. Nuestro objetivo fue determinar la incidencia y los factores de riesgo de las infecciones nosocomiales. Métodos: estudio clínico descriptivo, prospectivo, en un hospital de tercer nivel durante un año. Se calculó: la tasa de incidencia, incidencia acumulada y por dispositivos utilizados. Se aplicó el programa EPIDAT 2004 versión 3.1 OPS para la obtención de Chi cuadrada con corrección de Yates para obtener p con una confianza del 95 %, alfa de 0.05 con un grado de libertad, se estimó odds ratio (OR). Se llevó a cabo la identificación de microorganismos, su sensibilidad y resistencia a los antibióticos. Resultados: se calcularon las tasas de: incidencia, incidencia acumulada, mortalidad, letalidad de infectados de y no infectados. Las neumonías con el 44.4 %, asociada a ventilación mecánica 74 %, sonda nasogástrica 100 %. Los microorganismos más frecuentemente aislados: Acinetobacter baumanni, Staphylococcus aureus, Staphylococcus epidermidis y Pseudomonas aeruginosa con elevada resistencia a los antibióticos. Conclusiones: los pacientes pediátricos sometidos a cardiocirugía tienen riesgo elevado de infección, los de cardiopatías cianógenas tienen 5 veces más el riesgo. Se observa una asociación estadística significativa con infección el uso de sonda nasogástrica y cánula orotraqueal, el riesgo aumenta a mayor estancia hospitalaria. Los pacientes infectados tienen 4 veces más el riesgo de muerte.

  14. [Relationship between body fat and creatinine clearence in adults with and without diabetes mellitus].

    PubMed

    Romero-Campos, Sandra; Viveros-Cortés, Ángel; Medina-Escobedo, Martha; Sansores-España, Delia; Villanueva-Jorge, Salha

    2015-01-01

    Introducción: la obesidad es un factor de riesgo para daño renal. El objetivo del estudio fue conocer la relación entre el porcentaje de grasa corporal (PG) y la depuración de creatinina en pacientes adultos con y sin diabetes mellitus 2 (DM2). Métodos: estudio observacional, prospectivo, transversal de correlación. Se evaluaron adultos entre 18 y 60 años, con y sin DM2. Se determinó el tiempo de evolución con DM2, el PG, el índice de masa corporal (IMC), la depuración de creatinina (Cockroft-Gault [DCrCG]), la glicemia y la micro/macroalbuminuria. Mediante la prueba de Spearman se determinó la correlación entre DCrCG y PG. Resultados: se incluyeron 174 sujetos. La frecuencia de obesidad por IMC y PG en sujetos con y sin DM2 fue similar. El 12.6 % no tuvo daño renal y el 50.7 % tuvo riesgo aumentado de enfermedad renal. Las frecuencias para los estadios 1 a 4 fueron 12.0, 20.1, 4.0 y 0.6 %, de forma respectiva. La prueba de Spearman mostró relación directa entre PG y DCrCG, mayor en diabéticos (r = 0.418 frente a r = 0.327, p < 0.0001). Conclusiones: el PG corporal se correlacionó en forma directa con la DCrCG en sujetos con y sin DM2; se infiere que a mayor daño renal, menor grasa tiene la población evaluada.

  15. [Satisfaction rating in a group of women from Granada on birthing care, support and breastfeeding length].

    PubMed

    Aguilar Cordero, M J; Sáez Martín, I; Menor Rodríguez, M J; Mur Villar, N; Expósito Ruiz, M; Hervás Pérez, A; González Mendoza, J L

    2013-01-01

    Introducción: El análisis de la satisfacción se está utilizando como instrumento para crear diferentes reformas sanitarias para la mejora de la calidad y numerosos estudios apuntan al incremento de la satisfacción de la madre en relación directa con el cuidado en la maternidad. Objetivos: Identificar el grado de satisfacción de la mujer sobre la atención al parto, el acompañamiento durante el nacimiento y la duración de la lactancia materna. Material y método: Estudio descriptivo transversal en el Hospital Universitario San Cecilio de Granada (España), durante el periodo de tiempo Agosto del 2011 al 2012, se realizo con una segunda fase de seguimiento prospectivo a una N = 60 madres. Se utilizó un protocolo (Anexo 1) a las 24 horas en el hospital y a los 14 días por teléfono. A los 3 meses, se realizó un seguimiento relacionado con la alimentación del bebe. Resultados: El nivel de satisfacción global sobre el parto es alto en la población estudiada. Se ha demostrado que la lactancia materna (P = 0,514) y el parto vía vaginal sin epidural (P = 0,320) crea una mayor satisfacción en la madre. Por otro lado, la satisfacción sobre el parto guarda relación con la duración de la lactancia materna. Conclusión: La opinión satisfactoria de las madres relacionadas con la atención al parto y el acompañamiento durante el nacimiento se incrementa en aquellas mujeres cuyo parto ocurrió de forma eutócica sin epidural e iniciaron la lactancia materna precoz.

  16. Compliance of nutritional recommendations of Spanish pregnant women according to sociodemographic and lifestyle characteristics: a cohort study.

    PubMed

    Villar-Vidal, María; Amiano, Pilar; Rodríguez-Bernal, Clara; Santa Marina, Loreto; Mozo, Imanol; Vioque, Jesús; Navarrete-Muñoz, Eva María; Romaguera, Dora; Valvi, Damaskini; Fernández Samoano, Ana; Tardón, Adonina; Ibarluzea, Jesús

    2015-04-01

    Objetivo: Estudiar las ingesta dietética y cumplimiento de las recomendaciones nutricionales de una población de mujeres embarazadas, de acuerdo a sus características sociodemográficas y hábitos de vida. Métodos: se trata de un estudio prospectivo basado en datos de la cohorte española INMA (Infancia y Medioambiente). Se han reclutado 2.585 mujeres embarazadas entre los años 2003 y 2008 en cuatro regiones diferentes de España. La ingesta dietética ha sido recogida mediante Cuestionarios de Frecuencia Alimentaria (CFA) y la información antropométrica, sociodemográfica y de estilos de vida a través de cuestionarios generales. La ingesta de grupos de alimentos y de vitaminas A, C y E y carotenoides fueron comparadas con las ingestas dietéticas de referencia de las guías Española y Americana. Resultados: El porcentaje de mujeres embarazadas que no cumplían las recomendaciones de cereales y legumbres (3-4 raciones /día) fue del 70 %, de frutas (2-3 raciones /día) el 39,2%, de verduras (2-4 raciones /día) fue del 47,3% y de lácteos (3-4 raciones /día) el 51,6%. La ingesta de frutas y verduras fue mayor en mujeres extranjeras y aumento con la edad, con el nivel de estudios y en mujeres con mayor actividad física (p.

  17. [Uterine Carcinosarcoma: Clinicopathological Features and Prognostic Factors].

    PubMed

    Luz, Rita; Ferreira, Joana; Rocha, Mara; Jorge, Ana Francisca; Félix, Ana

    2016-10-01

    Introdução: O carcinossarcoma uterino é uma neoplasia bifásica rara e agressiva e está atualmente incluído no grupo de carcinoma do endométrio de alto risco. Os objetivos deste estudo foram determinar o perfil clinico-patológico, tratamento, padrões de recidiva/progressão, sobrevivência e fatores de prognóstico. Material e Métodos: Estudo retrospetivo de 42 doentes, estadiadas cirurgicamente e vigiadas num centro oncológico, entre 2005 e 2013. Os dados clínicos foram consultados nos processos e as características histopatológicas foram revistas para este estudo.Resultados: A idade mediana das doentes foi de 72 anos (61 - 81) e a maioria apresentava co-morbilidades. A distribuição por estádio foi a seguinte: 13 (31,0%) estádio I; oito (19,0%) estádio II; nove (21,4%) estádio III; e 12 (28,6%) estádio IV. A quimioterapia adjuvante foi instituída em 12 doentes e 21 realizaram radioterapia. A doença progrediu em 16 doentes e recidivou em nove após um intervalo curto. A sobrevivência global mediana foi de 18 meses (6,8 - 40) e a sobrevivência livre de doença mediana de 6 meses (0 - 22,8). O único fator prognóstico independente associado a pior sobrevivência foi a invasão da serosa (p = 0,02; HR ajustado 4,22; IC 95% 1,29 - 13,79). Discussão: Em concordância com outros estudos, o diagnóstico de carcinossarcoma uterino é frequentemente realizado com doença avançada e apresenta elevada taxa de progressão/recidiva. A variável que tem sido consistentemente identificada como principal fator de prognóstico é o estádio inicial, mas neste estudo o único fator independente foi a invasão da serosa. Conclusão: O presente estudo representa a maior série de carcinossarcoma uterino estudada em Portugal e reflete o quadro clínico,características histopatológicas e estádio no momento do diagnóstico e confirma a agressividade deste raro tumor.

  18. [Pediatric anesthetic during brain immaturity and neurodevelopment disorders].

    PubMed

    Catré, Dora; Lopes, Maria Francelina; Cabrita, António Silvério; Silva Viana, Joaquim

    2014-01-01

    Introdução: Diversos estudos experimentais e clínicos sugerem que fármacos usados em anestesia pediátrica podem exercer efeitos indesejáveis sobre o sistema nervoso central imaturo. O objetivo desta revisão consistiu em avaliar os resultados e conclusões de estudos publicados na literatura sobre perturbações persistentes do neurodesenvolvimento após exposição a anestésicos de crianças em fase de imaturidade cerebral. Material e Métodos: Realizámos uma pesquisa bibliográfica em diversas bases de dados (PubMed, SciELO e Cochrane Library), utilizando os termos ‘Pediatric anesthesia OR Pediatric anesthetic OR Developing brain anesthetic OR Developing brain anesthesia AND behavior disorders’ e foram incluídos os estudos em humanos, referentes a efeitos persistentes no neurodesenvolvimento após exposição a anestésicos nos primeiros quatro anos de idade. Resultados: Dez estudos retrospetivos cumpriram os critérios de inclusão. Destes, sete sugerem alteração do neurodesenvolvimento por exposição de criança pequena à anestesia, por oposição aos resultados obtidos pelos restantes três. Discussão: Embora maioritariamente utilizem bases de dados amplas, os estudos encontrados são retrospetivos, variam nos grupos teste, incluem variáveis de confusão por vezes contornáveis e alguns apresentam incorreções na escolha da população teste e controlo que podem comprometer a fiabilidade dos resultados. Conclusão: As numerosas limitações dos poucos estudos clínicos disponíveis fazem com que a informação reportada ainda se considere insuficiente para mudar a prática clínica atual. No entanto, sendo indiscutível que se mantêm as recomendações para providenciar anestesia quando necessária, independentemente da idade, os alertas encontrados na literatura são preocupantes, existindo indicação para que sempre que possível sejam ponderadas alternativas que possam contribuir para diminuir os riscos da exposição anestésica.

  19. Bundle Approach to Reduce Bloodstream Infections in Neutropenic Hematologic Patients with a Long-Term Central Venous Catheter.

    PubMed

    Martinez, Jose Manuel; Leite, Luís; França, Daniela; Capela, Rita; Viterbo, Luísa; Varajão, Natalina; Martins, Ângelo; Oliveira, Isabel; Domingues, Nélson; Moreira, Ilídia; Santo, Ana; Trigo, Filipe; Mariz, Jose

    2015-01-01

    Introdução: O objetivo deste estudo foi reduzir através de um pacote de medidas as infeções sistémicas e as taxas de infeções com origem no cateter venoso central nos doentes hematológicos em neutropenia com cateter venoso central de longa duração. Material e Métodos: Estudo prospetivo não randomizado realizado na unidade onco-hematológica do Instituto Português de Oncologia do Porto no período compreendido entre 1 de agosto de 2010 até 31 de janeiro de 2012. Durante este período foi introduzido um pacote de medidas (grupo estudo) e comparados os resultados nos 6 meses anteriores à sua implementação (grupo de controlo). As medidas consistiram na utilização de conectores de pressão neutra em detrimento dos conectores de pressão positiva, na sua troca mais frequente e numa solução anti-séptica mais eficaz. Foram incluídos neste estudo 116 doentes hematológicos com cateter venoso central de longa duração inserido por um período superior a 72 h. Foram contabilizados 8 867 dias de cateter (6 756 dias de cateter venoso central no grupo estudo e 2 111 dias de cateter venoso central no grupo de controlo). Resultados: Obteve-se uma redução significativa nas taxas de infeções sistémicas e infeções com origem no cateter venoso central. As taxas de infeções sistémicas: [32,69 (grupo de controlo) vs. 9,43 (grupo estudo)], com uma redução de incidência de 71% [risco relativo 0,2886, CI 95% (0,1793 - 0,4647), p < 0,001] e taxas de infeções com origem no cateter venoso central: [17,53 (grupo de controlo) vs. 4,73 (grupo estudo)], com redução de incidência de 71% [risco relativo 0,2936, CI 95% (0,1793 - 0,5615), p < 0,014]. Não foi encontrada diferença significativa (p > 0,05) na contagem de neutrófilos à data da colheita das amostras de hemoculturas entre ambos os grupos: 69% (< 500 neutrófilos/mm3) [71% (grupo estudo) vs. 68% (grupo de controlo)]. Conclusões: A introdução deste pacote de medidas baseado nas variáveis do

  20. [Periarticular Corticosteroid Injection in the Therapeutic Approach of Musculoskeletal Disease in General Practice: A systematic Review].

    PubMed

    Trindade, Irene

    2015-01-01

    Introdução: Internacionalmente constata-se o tratamento de patologia músculo-esquelética em cuidados de saúde primários através de técnicas de infiltração peri-articular de corticosteróides. Este artigo procede à análise da evidência existente, com o objectivo de contribuir para a discussão do desenvolvimento dessa prática, ainda diminuta, em Portugal. Material e Métodos: Análise qualitativa de estudos controlados aleatorizados, custo-efectividade, transversais e coorte restrospectivo, recorrendo ao modelo PRISMA. Fontes de dados: PubMed, Cochrane Library, Essential Evidence Plus. Critérios de elegibilidade: infiltrações de corticosteróides no tratamento de patologia músculo-esquelética e indicação de contexto em cuidados de saúde primários. Resultados: Foram incluídos nove estudos controlados aleatorizados, três estudos de custo-efectividade, três estudos transversais, três estudos descritivos e um estudo coorte retrospectivo. A maioria dos indicadores de sucesso da utilização de infiltrações de corticosteróides por médicos de medicina geral e familiar mostrou eficácia a curto prazo; a longo prazo não mostrou superioridade comparativamenteàs intervenções alternativas. O balanço entre os encargos económicos e o aumento da qualidade de vida é favorável à utilização desta técnica em cuidados de saúde primários. Todos os onze estudos que avaliaram a segurança registaram efeitos adversos ligeiros e nenhum grave. Discussão: O desempenho das técnicas de infiltração peri-articular de corticosteróides permite figurá-las como opção terapêutica no tratamento de patologia músculo-esquelética nos cuidados de saúde primários Portugueses. Importa incentivar estudos, nomeadamente a nível nacional, que suportem tanto os indicadores de eficácia, como de segurança desta técnica. Conclusão: A infiltração peri-articular de corticosteróides constitui uma opção relativamente eficaz, segura e com potencial de

  1. CONHECIMENTO DA LEI GERAL DE SAÚDE – RESPEITO ÀS TRANSFUSÕES SANGUÍNEAS EM MÉDICOS E PACIENTES TESTEMUNHAS DE JEOVÁ DO HOSPITAL DR. DARÍO CONTRERAS DA REPÚBLICA DOMINICANA

    PubMed Central

    SANTANA, ELSA DÍAZ

    2010-01-01

    Este estudo avalia quanto o corpo médico do Hospital Dr. Darío Contreras de República Dominicana conhece, respeita, informa e aplica a Lei Geral de Saúde em relação aos direitos do paciente Testemunha de Jeová de negar-se a ser transfundido (respeito a sua autonomia); também se os Testemunhas de Jeová conhecem a Lei Geral de Saúde e até que ponto têm se beneficiado diante dessa proposição. O estudo revelou que nem médicos, nem Testemunhas de Jeová conhecem de fato essa lei. PMID:20689657

  2. Projected BCS-Tamm-Dancoff approximation with blocking effect

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Dias, H.; Krmpotić, F.

    1982-05-01

    The blocking effect is introduced through a canonical transformation in the projected BCS-Tamm-Dancoff approximation. It is suggested that the blocking effect may play an important role in the description of the low-lying states in odd-mass nuclei. Present address: Departamento de Física, Facultad de Ciencias Exactas, Universidad Nacional de La Plata, 1900 La Plata, Argentina. Member of Carrera de Investigador Científico, CONICET, Argentina. Sponsored by Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP), Brasil.

  3. Civil-Military Relations Program in Mozambique: Lessons Learned and Future Challenges

    DTIC Science & Technology

    1999-07-01

    demobilized. The demobilized included 58,000 from Frelimo and 20,000 from Renamo. The initial plan was to have a combined armed forces, the Armed...Lisbon: Instituto de Estudos Estrategicos e Internacionais, 1996), p. 32. 10 military relations in general. The immediate result was...how other countries have dealt with their weaknesses in the international system; internal unity and a plan is crucial, combined with external

  4. Work-family conflict and time use: psychometric assessment of an instrument in ELSA-Brazil.

    PubMed

    Pinto, Karina Araujo; Menezes, Greice Maria de Souza; Griep, Rosane Härter; Lima, Keury Thaisana Rodrigues Dos Santos; Almeida, Maria da Conceição; Aquino, Estela M L

    2016-07-04

    In this study, we evaluated the psychometric properties of the items to measure the work-family conflict and the time use for personal care and leisure, included in the baseline questionnaire of the Longitudinal Study of Adult Health (ELSA-Brazil). We evaluated temporal stability (7-14 days) using kappa statistic and the validity of the construct by the correlation of Kendall's tau with other variables. Test-retest stability was discreet to moderate and the correlations were compatible with the underlying theory. Future studies in the context of ELSA-Brazil and in other populations will complement the assessment of its relevance. RESUMO Neste estudo, avaliamos as propriedades psicométricas dos itens para mensurar o conflito trabalho-família e o uso do tempo para cuidado pessoal e lazer, incluídos no questionário da linha de base do Estudo Longitudinal de Saúde do Adulto (ELSA-Brasil). Foram avaliadas a estabilidade temporal (7-14 dias) utilizando estatística kappa e a validade do construto pela correlação tau de Kendall com outras variáveis. A estabilidade teste-reteste foi discreta a moderada e as correlações, compatíveis com a teoria subjacente. Estudos futuros no contexto do ELSA-Brasil e em outras populações complementarão a avaliação da sua pertinência.

  5. Tendências De Teses e Dissertações Sobre Educação em Astronomia No Brasil

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Bretones, Paulo Sergio; Megid Neto, Jorge

    2005-07-01

    Apresentam-se os resultados de uma pesquisa do tipo estado da arte sobre teses e dissertações defendidas no Brasil e relativas ao ensino de Astronomia, com objetivo de identificar essa produção e conhecer as principais tendências da pesquisa nesse campo. Foram localizadas 13 dissertações de mestrado e 3 teses de doutorado, as quais foram estudadas em função dos seguintes aspectos: isntituição, ano de defesa, nível escolar abrangido no estudo, foco temático do estudo e gênero de trabalho acadêmico. Pretende-se assim colaborar com a divulgação ampla da produção acadêmica na área. Ao mesmo tempo o estudo possibilita, a partir de investigações decorrentes, apontar as contribuições dessa produção para o ensino e sinalizar com necessidades a serem supridas por futuras pesquisas.

  6. A correlação índice espectral vs. luminosidade em QSOs e suas implicações

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Garcia-Rissmann, A.

    2003-08-01

    Estudos de variabilidade de núcleos ativos já demonstraram ser comum o fato de seu contínuo óptico/UV tornar-se mais "duro" à medida que a luminosidade aumenta. Essa tendência ocorre tanto de forma individual quanto global, e pode ter implicações importantes (1) para estudos fotométricos de variabilidade conduzidos numa banda fixa no referencial do observador, comparando objetos a diferentes redshifts, e (2) no cálculo da correção K, com consequente impacto na determinação de massas de buracos negros e bojos de galáxias hospedeiras (através da relação de Magorrian). Confirmo aqui as correlações positivas entre o índice espectral e a luminosidade óptica, utilizando dados espectroscópicos de 11 QSOs monitorados no Brasil e no Chile, durante ~2 anos. O estudo é complementado com parâmetros extraídos de espectros e de dados fotométricos públicos de quasares. Destaco ainda as diferenças observadas em tais correlações para objetos do tipo radio-loud e radio-quiet. Este projeto é financiado pelo I. Milênio/CNPq.

  7. [Giardia duodenalis and chronic malnutrition in children under five from a rural area of Guinea-Bissau].

    PubMed

    Centeno-Lima, Sónia; Rosado-Marques, Vítor; Ferreira, Filipa; Rodrigues, Ruben; Indeque, Benjamim; Camará, Idrissa; De Sousa, Bruno; Aguiar, Pedro; Nunes, Baltazar; Ferrinho, Paulo

    2013-01-01

    Introdução: A desnutrição e as infecções por parasitas intestinais como Giardia duodenalis coexistem nas mesmas regiões geográficas, atingindo maiores prevalências em países em desenvolvimento. O ciclo da desnutrição e infecção implica que ambas as condições se podem agravar mutuamente e comprometer o crescimento e desenvolvimento das crianças, com especial relevância para as menores de cinco anos. O objectivo do presente estudo foi investigar a associação entre a desnutrição crónica e a infecção por G. duodenalis em crianças de uma comunidade rural da Guiné-Bissau.Material e Métodos: Realizou-se um estudo de caso-controlo que incluiu 109 crianças com idades entre os 0 e os 59 meses de uma comunidade rural da Guiné-Bissau. A avaliação antropométrica das crianças em estudo permitiu identificar 31 casos de desnutrição crónica (z-score estatura para a idade < -2) e 78 controlos (z-score estatura para a idade ≥ -2). Foi realizado exame microscópico de fezes para a detecção e identificação de G. duodenalis e de outros parasitas.Resultados: Foi detectada infecção por G. duodenalis em 29,0% (9/31) dos casos e 35,9% (28/78) dos controlos. Não foi encontrada associação entre a infecção por G. duodenalis e a desnutrição crónica nas crianças em estudo.Discussão e Conclusão: Os resultados obtidos mantêm em aberto o interesse em desenhar estudos que explorem esta associação em diferentes regiões e contextos epidemiológicos, apontando para a reflexão sobre a importância dos critérios de definição de desnutrição e concomitantemente da análise subsequente.

  8. Cytomegalovirus infection and cervical cancer: from past doubts to present questions.

    PubMed

    Marinho-Dias, Joana; Sousa, Hugo

    2013-01-01

    Introdução: Desde os anos 60 que o Citomegalovírus tem sido estudado pelo potencial papel no desenvolvimento de cancro do colo do útero. Após várias décadas de estudos e relatos da presença de DNA viral em amostras cervico-vaginais, ainda permanecem dúvidas sobre qual a prevalência do Citomegalovírus no cólo do útero e se este pode ser um cofator da carcinogénese. Métodos: Nesta Revisão Sistemática pretendemos descrever a prevalência de Citomegalovírus em amostras cervicais, revendo todos os estudos publicados entre 1980 e 2011 que descrevem a infecção por Citomegalovírus em amostras cervicais e o desenvolvimento de lesões/carcinoma invasor. As frequências da infecção por Citomegalovírus foram calculadas de acordo com a região no mundo. Resultados: Este estudo revelou que a frequência bruta da infecção por Citomegalovírus no cólo do útero foi de 18,9% em todas as amostras e 36,5% em mulheres HPV positivas. A infecção por Citomegalovírus está presente em todas as diferentes lesões: 17,4% em normais/cervicite, 28,0% em LSIL, 19,7% em HSIL e 44,4% em CIS/ICC. A frequência global variou de 1,58% a 61,0%, com uma maior incidência em países menos desenvolvidos. Conclusão: Neste estudo, verificou-se uma elevada frequência de casos positivos para Citomegalovírus em todos os tipos de amostras cervico-vaginais, com maior incidência em mulheres infectadas por HPV e em casos de cancro. Assim, são necessários mais estudos para esclarecer se a infecção por Citomegalovírus é uma infecção oportunista ou se contribui para a imunossupressão favorecendo a carcinogénese associada ao HPV.

  9. Tendências de teses e dissertações sobre ensino de astronomia no Brasil

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Bretones, P. S.; Megid Neto, J.

    2003-08-01

    Neste trabalho são apresentados os resultados de uma pesquisa do tipo estado da arte sobre teses e dissertações defendidas no Brasil e relativas ao ensino de Astronomia. Teve por objetivo identificar essa produção e conhecer as principais tendências da pesquisa nesse campo. O procedimento inicial consistiu de um levantamento bibliográfico junto ao Centro de Documentação em Ensino de Ciências (CEDOC) da Faculdade de Educação da UNICAMP e ao Banco de Teses da CAPES disponível na Internet. Foram localizadas 13 dissertações de mestrado e 3 teses de doutorado, as quais foram estudadas em função dos seguintes aspectos: instituição, ano de defesa, nível escolar abrangido no estudo, foco temático do estudo e gênero de trabalho acadêmico. Deste conjunto de pesquisas, 13 (81,3%) delas foram defendidas a partir da segunda metade dos anos 90, indicando uma preocupação mais recente com temas relativos ao ensino de Astronomia no conjunto da produção acadêmica em programas de pós-graduação no Brasil. Verificou-se que 43,7% dos trabalhos foram produzidas na USP e 18,8% na UNICAMP. Quanto ao nível escolar abrangido nos estudos, predominaram os estudos direcionados ao Ensino Fundamental de 5a a 8a séries (62,5%). No que diz respeito ao foco temático das pesquisas, as principais tendências voltaram-se: 56,3% para Conteúdo e Método; 43,8% para Concepções do Professor; 37,5% para Currículo e Programas; 37,5% para Recursos Didáticos. Quanto ao gênero de trabalho acadêmico, verificou-se que 43,8% são de Pesquisa Experimental e 31,3% de Pesquisa de Análise de Conteúdo. Estudos de revisão bibliográfica como este visam colaborar com a divulgação ampla da produção acadêmica em determinada área, traçando algumas de suas tendências. Ao mesmo tempo possibilita, a partir de investigações decorrentes, apontar as suas contribuições para o ensino e sinalizar com necessidades a serem supridas por futuras pesquisas.

  10. Experiências internacionais da aplicação de sistemas de apoio à decisão clínica em gastroenterologia

    PubMed Central

    Tenório, Josceli Maria; Hummel, Anderson Diniz; Sdepanian, Vera Lucia; Pisa, Ivan Torres; de Fátima Marin, Heimar

    2015-01-01

    Objetivo Descrever as experiências recentes com a aplicação de sistemas de apoio à decisão clínica em gastroenterologia, de forma a estabelecer o nível de desenvolvimento, testes e vantagens conferidas à prática médica com a introdução desses softwares. Métodos Foi realizada busca nas bases de dados PubMed, LILACS e ISI Web of Knowledge, utilizando termos relacionados à sistemas de apoio à decisão e à gastroenterogia, incluindo artigos originais publicados no período entre 2005 e 2010. Foram recuperadas 104 publicações, na busca inicial e, após a aplicação dos critérios de inclusão e exclusão, foram eleitos nove estudos para leitura do texto completo. Resultados Os sistemas de apoio à decisão clínica apresentam grande multiplicidade de problemas clínicos e investigação de doenças. Em 89% dos casos, são descritos modelos experimentais para o desenvolvimento de sistemas de apoio à decisão clínica. A descrição dos resultados obtidos por técnicas de inteligência artificial em 78% das publicações. Em dois dos estudos foram realizadas comparações com o médico e em apenas uma publicação um estudo controlado foi descrito, mostrando evidências de melhorias na prática médica. Conclusão Os estudos mostram potenciais benefícios dos sistemas de apoio à decisão clínica à prática médica, porém, estudos controlados em ambiente real devem ser realizados para comprovar esta perspectiva. PMID:26491625

  11. Predictors of adherence to the Mediterranean diet from the first to the second trimester of pregnancy.

    PubMed

    Abreu, Sandra; Santos, Paula Clara; Moreira, Pedro; Santos, Rute; Moreira, Carla; Montenegro, Nuno; Mota, Jorge

    2014-10-04

    Introducción: Aunque los cambios en los patrones pueden ocurrir durante la gestación, predictores de estos cambios no han sido exploradas. Este estudio pretende identificar predictores de la adhesión a la dieta mediterránea (DM) desde el primer al segundo trimestre del embarazo. Metodología: Se realizó un estudio prospectivo con 102 embarazadas de edad 18-40, de la ciudad de Oporto, Portugal. Se evaluaron las características socio-demográficas y de estilo de vida a través de un cuestionario. Consumo de alimentos se evaluó con un diario de alimentos de tres días concluido durante los primeras y segundo trimestres. Los participantes fueron categorizados según su cambio en la adhesión a la DM en el cambio negativo (es decir, las mujeres que tenían poca adhesión en cada trimestre o tenido alta adhesión en el primer trimestre y luego baja adhesión en el segundo) y el grupo de cambio positivo (es decir, las mujeres que tenían alta adhesión en ambos trimestres o tenía baja adhesión en el primer trimestre y luego elevada adhesión en el segundo). Modelos de regresión logística stepwise condicional se realizaron para evaluar los posibles predictores de la variación negativa de DM. Resultados: Entre las 102 mujeres, 39,2% tenían cambio negativo del primer al segundo trimestre. Los resultados model´s logística muestran que estar casada (OR = 0,26, IC95%: 0,10, 0,76) y tener una mayor ingesta de verduras en el primer trimestre (OR = 0,17, IC95%: 0,10, 0,43) se asociaron con menor probabilidad de tener un cambio negativo en la adhesión a la DM del primer al segundo trimestre. Conclusiones: Estado civil y el consumo de vegetal parecen estar asociado con una menor ocurrencia de cambio negativo en la adhesión a la MD desde temprano a medio embarazo.

  12. Adaptation of oral medication in people institutionalized in nursing homes for whom medication is crushed: The ADECUA Study.

    PubMed

    Apolo Carvajal, Francisco; González Martínez, María; Capilla Santamaría, Elena; Cáliz Hernández, Betsabé; Cañamares Orbis, Icíar; Martínez Casanova, Nuria; Martínez Sánchez, Eugenia; Aranguren Oyarzábal, Ainhoa; Calvo Alcántara, María José; Cruz Martos, Encarnación

    2016-11-01

    Objetivo: Evaluar el efecto de la intervención del farmacéutico en la adecuación de formas farmacéuticas en ancianos institucionalizados en residencias de mayores a los que se les tritura la medicación y cuya alteración pueda tener relevancia clínica. Método: Estudio cuasiexperimental, multicéntrico, transversal y prospectivo de diseño antes-después en 10 residencias de mayores. Se identificaron los residentes a los que se les trituraba la medicación y se revisó su tratamiento para identificar los medicamentos que no se pueden triturar. Se comunicó al médico responsable la alternativa disponible y se evaluó el grado de aceptación, su asociación con otras variables medidas y el índice de adecuación pre-post, (comprimidos/cápsulas triturables respecto al total de comprimidos/cápsulas antes y después de la intervención). Se impartió además un curso formativo dirigido a los profesionales sanitarios. Resultados: Se trituraba la medicación al 33% (618/1.875) de los pacientes institucionalizados (media: 5 fármacos susceptibles de trituración). Se realizaron 220 intervenciones, mayoritariamente por tratarse de fármacos de liberación prolongada o gastrorresistentes, de las que se aceptaron el 48%. El tipo de intervención más frecuente fue el cambio (79%), mayoritariamente a formas de liberación inmediata o a otro principio activo. El índice de adecuación pasó del 93% al 95% (p < 0,001). La satisfacción de los profesionales con el curso fue elevada. Conclusiones: La intervención del farmacéutico ha mejorado la correcta administración de los medicamentos, aumentando con ello su seguridad y eficacia.

  13. [Quality of life in obese patients and change after bariatric surgery medium and long term].

    PubMed

    Alcaraz García, Aurora María; Ferrer Márquez, Manuel; Parrón Carreño, Tesifón

    2015-05-01

    Introducción: La obesidad mórbida ha crecido enormemente en las últimas décadas, representando un grave problema de Salud Pública. Se caracteriza por el acúmulo de grasa corporal y la presencia de enfermedades asociadas a ella, que repercute en el plano físico, psíquico y social. Se ha considerado a la ciguría bariátrica como el tratamiento más eficaz para la pérdida de peso, consiguiendo el bienestar de la persona obesa en los planos anteriormente descritos. Objetivo: Evaluar el impacto en la calidad de vida de las personas obesas antes y después de ser intervenidas de cirugía bariátrica, mediante la técnica de gastrectomía vertical laparoscópica (GVL) en un seguimiento a corto, medio y largo plazo. Metodo: La población de estudio son todas las personas con obesidad mórbida y son candidatos a cirugía, que acuden al Servicio de Cirugía Bariátrica del Hospital Torrecárdenas (Almería). El diseño es un estudio descriptivo, longitudinal, prospectivo. Resultados: Tras la evaluación del pacientes obeso al año, a los dos años y a los cinco años de la cirugía, se ha observado disminución del peso, por tanto, descenso en el IMC y en el grado de obesidad, la mejoría o desaparición de las comorbilidades y un aumento en las variables de CV. Discusión: La GVL consigue disminuir el exceso de peso y por tanto el IMC y el grado de obesidad, al igual que el número de enfermedades asociadas a la obesidad, aumentando asi la CV.

  14. PREVALENCE OF FACTORS ASSOCIATED TO METABOLIC SYNDROME IN A COHORT OF CHILDREN IN SOUTH BRAZIL.

    PubMed

    Borges Pretto, Alessandra Doumid; Correa Kaufmann, Cristina; Ferreira Dutra, Gisele; Pinto Albernaz, Elaine

    2015-07-01

    Introducción: el síndrome metabólico es un grupo de enfermedades que ha ido ganando importancia debido a la asociación con el desarrollo posterior de enfermedades cardiovasculares. Objetivo: verificar la prevalencia de factores de riesgo asociados con el síndrome metabólico en niños de una cohorte del sur de Brasil. Métodos: estudio de cohorte prospectivo con el hospital de todos los nacimientos (2.741) que tuvieron lugar en el mes de septiembre/2002 a mayo/2003 y seguimiento de una muestra aleatoria de 30,0% con uno, tres y seis meses y ocho años de edad. En una visita a los ocho años de edad se utilizó un cuestionario con preguntas relacionadas con la nutrición, la actividad física y la historia familiar de enfermedades crónicas, y se midieron peso, talla y circunferencia de la cintura. Se realizaron análisis descriptivos y bivariados entre las variables independientes y los resultados obtenidos. Resultados y discusión: de 616 niños estudiados, el 51,3% fueron varones, el 70,3% blancos, cerca de la mitad pertenecían a la clase económica C, el 20,6% tenían sobrepeso y el 17,0% eran obesos. Mostró una alta prevalencia de historia familiar de hipertensión arterial (81,5%), y se observó que el 20,7% de los niños eutróficos tenían una circunferencia de cintura elevada. Conclusión: la alta prevalencia de factores de riesgo para el síndrome metabólico en los niños estudiados refuerza la importancia de una adecuada anamnesis: historia familiar. Se sugiere medir la circunferencia de la cintura en la rutina de cuidados pediátricos.

  15. [Anemia and iron deficiency in children with chronic respiratory diseases].

    PubMed

    Barja, Salesa; Capo, Eduardo; Briceño, Lilian; Jakubson, Leticia; Méndez, Mireya; Becker, Ana

    2013-01-01

    Introducción: Los niños con enfermedades respiratorias crónicas (ERC) tienen mayor riesgo de desarrollar anemia ferropriva, sin embargo, la ferropenia está infradiagnosticada. Objetivos: Describir el status de hierro (Fe) en niños con ERC y evaluar la respuesta a su suplementación profiláctica. Método: Estudio prospectivo de niños con ERC y adecuada ingesta de Fe en la dieta: se realizó hemograma, velocidad de eritro-sedimentación, proteína Creactiva y perfil de Fe. Posteriormente, aquellos con hemoglobina plasmática (Hb) normal no se suplementaron con Fe (Grupo A) y los que presentaban anemia ferropriva o factores de riesgo sí lo fueron (grupo B). Se evaluaron al 3º mes, después se suplementaron todos y se re-evaluaron al 4ºmes. Resultados: De 40 pacientes, con mediana de edad 30 meses (0,5 a 178), 60% eran hombres, 80% eutróficos. Requerían ventilación prolongada u oxigenoterapia 45%. Diagnósticos: 50% Bronquiolitis Obliterante post-infecciosa, 17,5% enfermedades de la vía aérea, 10% Displasia Broncopulmonar, 7,5% Fibrosis Quística y 15% otros. Basalmente 12,5% tuvo bajos depósitos de Fe y 20% anemia (la mayoría ferropriva). Completaron el estudio 25 niños: el grupo A disminuyó la ferritina sérica al 3ºmes (- 22,9 ± 30) y aumentó al 4ºmes (+12,8 ± 26) μg/L, (p = 0,013), sin cambio en la Hb. El grupo B tuvo ascenso de la Hb (91 ± 12 a 102 ± 12% del promedio para la edad, p = 0,04). Conclusión: La anemia ferropriva y la ferropenia son frecuentes en niños con ERC, quienes deterioran reversiblemente sus depósitos si no son suplementados. Sugerimos monitorizar con perfil de Fe y tratar precozmente, o suplementarlos en forma profiláctica.

  16. Enteral nutrition in critical patients; should the administration be continuous or intermittent?

    PubMed

    Tavares de Araujo, Viviane Maeve; Gomes, Paulo César; Caporossi, Cervantes

    2014-03-01

    La terapia con nutrición enteral (TNE), una parte esencial del manejo de los pacientes críticos, tiene un impacto significativo en los resultados clínicos de estos pacientes. La TNE puede administrarse de forma continua o intermitente utilizando una bomba de infusión. Existe una discusión sobre cuál de estas dos técnicas tiene un mejor rendimiento, lo que implica una serie de factores como náuseas, diarrea y especialmente la relación entre el volumen de la dieta y la proporción entre calorías que se programan y las que realmente se proporcionan efectivamente a los pacientes críticos. Objetivos: Comparar las formas continua e intermitente de infusión de nutrición enteral, utilizando un nivel de necesidades calóricas estimadas suministradas diariamente como resultado principal. Métodos: Estudio clínico prospectivo y observacional, de distribución aleatoria, de 41 pacientes en una unidad de cuidados intensivos (UCI), divididos en dos grupos, intermitente (TNE durante 18 horas con una pausa nocturna de 6 horas) o continua (TNE durante 24 horas de forma continua). Evaluamos como variables secundarias de resultados la evacuación, distención, emesis y como variable principal de resultado la relación entre el volumen de infusión y el cociente entre necesidades calóricas estimadas a suministradas. Se estableció el índice de rechazo de la hipótesis nula en el 5% para todos los tests. Resultados: La mayoría de los pacientes recibieron > 60% de la infusión de la dieta enteral a lo largo de los 5 días del estudio (p = 1,0), sin observarse diferencias en la provisión de las necesidades calóricas. No se observaron diferencias estadísticamente significativas entre los grupos con respecto a las variables vómitos, distensión abdominal o diarrea. Conclusión: Las modalidades intermitente o continua de administración de la nutrición enteral son similares en lo que respecta a la comparación de las variables de este estudio.

  17. [Change in the therapeutic strategy when faced with an inadequate response to the pharmacological treatment of attention deficit hyperactivity disorder].

    PubMed

    Gandía-Benetó, Rubén; Mulas, Fernando; Roca, Patricia; Ortiz-Sánchez, Pedro; Abad-Mas, Luis

    2015-02-25

    Introduccion. El trastorno por deficit de atencion/hiperactividad (TDAH) es un trastorno del neurodesarrollo cerebral de origen biologico. Se estima que el 3-7% de los niños en edad escolar presentan TDAH. Dentro del tratamiento farmacologico, las anfetaminas y el metilfenidato (MPH) son los mas utilizados. Aunque las tasas de respuesta al MPH son altas, las tasas de remision completa llegan solo al 56%. Un 25% de los pacientes que no responden al MPH si lo haria a otros estimulantes, y viceversa. Objetivo. Valorar clinicamente a los pacientes con deteccion de respuestas inadecuadas y la eficacia de un cambio a lisdexanfetamina dimesilato (LDX). Pacientes y metodos. Estudio observacional prospectivo. Se considero respuesta inadecuada al MPH aquella que presentaba falta de cobertura o de efecto. Se utilizaron las escalas de evaluacion Attention-Deficit/Hyperactivity Disorder Rating Scale IV (ADHD-RS-IV) y Clinical Global Impression-Severity (CGI-S) para la valoracion clinica, asi como la escala de evaluacion del deterioro funcional de Weiss (WFIRS) y el perfil de salud infantil (CHIP-AE). Tambien se recogieron los efectos adversos. Resultados. Cumplieron criterios de respuesta inadecuada al tratamiento 41 pacientes: 13,6 ± 3,4 años, 54,6 ± 13,2 kg, 158,5 ± 17,2 cm e indice de masa corporal de 20,9 ± 3,5 kg/m2. Motivos del cambio (no excluyentes): falta de cobertura (76%), falta de intensidad del efecto (68%) y presencia de efectos adversos con la medicacion anterior (16%). La puntuacion media basal y a los nueve meses, en la ADHD-RS, fue de 24,54 ± 6,3 frente a 12,01 ± 3,2 (p < 0,01), respectivamente, y para la CGI-S, de 5,09 ± 0,5 frente a 2,91 ± 0,8 (p < 0,01), respectivamente. El perfil de seguridad coincidio con el de otros tratamientos estimulantes para el TDAH. Conclusion. Cuando la respuesta al MPH presenta falta de cobertura o falta de efecto, el cambio a LDX se ha mostrado eficaz, con una mejoria en el 86,7% de los casos, similar a la de otros

  18. Effects of exercise on inflammation in cardiac rehabilitation.

    PubMed

    Roca-Rodríguez, María del Mar; Garrido-Sánchez, Lourdes; García-Almeida, Jose Manuel; Ruiz-Nava, Josefina; Alcaide-Torres, Juan; Gómez-González, Adela; Montiel-Trujillo, Angel; Tinahones-Madueño, Francisco

    2015-06-01

    Introducción: a los pacientes con riesgo cardiovascular se les recomiendan programas de pérdida de peso y dieta saludable, pero la eficacia de estos programas a la hora de reducir la mortalidad es controvertida. Objetivo: examinar los efectos agudos y a largo plazo de un programa de rehabilitación cardíaca de dos meses de duración sobre las quemocinas relacionadas con la inflamación en pacientes con enfermedad cardiovascular. Diseño: estudio de cohortes prospectivo. Métodos: se estudiaron 26 pacientes con enfermedad cardiovascular inscritos en un programa de rehabilitación cardíaca basado en intervenciones nutricionales y de ejercicio. Se analizaron el estilo de vida y variables clínicas, metabólicas e inflamatorias. Resultados: 88,5% eran hombres y la edad media fue de 54,9 ± 7,8 años. Al final del programa de rehabilitación cardíaca las variables del perfil glucémico y lipídico descendieron, excepto el colesterol de lipoproteínas de alta densidad, que aumentó. Ácido úrico, interleucina-6, interleucina-1 beta, adiponectina y leptina se mantuvieron estables. Interleucina-6 correlacionó positivamente con proteína C reactiva y negativamente con glucosa en sangre. Interleucina-1 beta correlacionó positivamente con proteína C-reactiva y negativamente con las cifras de presión arterial. Encontramos correlaciones significativas entre los cambios en interleucina-6 e interleucina- 1 beta y los cambios en los equivalentes metabólicos y proteína C-reactiva, antes y después del programa de rehabilitación cardíaca. No se observaron correlaciones significativas con peso, circunferencia de cintura o masa grasa. Conclusiones: la rehabilitación cardiaca mejora las variables antropométricas, las cifras de presión arterial, así como el perfil de lípidos y los resultados de la ergometría. Sin embargo, no se observaron cambios con respecto al estado inflamatorio.

  19. [CONCORDANCE IN THE RESULTS OF CONTROL INTAKE PERFORMANCE OF 72 H BY DIFFERENT HEALTH PROFESSIONALS IN A TERTIARY HOSPITAL].

    PubMed

    Benítez Brito, Néstor; Mora Mendoza, Alejandra; Suárez Llanos, José Pablo; Delgado Brito, Irina; Pérez Méndez, Lina I; Herrera Rodríguez, Eva María; Oliva García, José Gregorio; Pereyra-García Castro, Francisca

    2015-12-01

    Introducción: el cribado nutricional CIPA es positivo cuando se cumple uno de los siguientes parametros: Control de Ingestas (CI) 72 h < 50%; albumina < 3 g/dl; Indice de Masa Corporal (IMC) < 18,5 kg/m2 o Circunferencia del Brazo (CB) ≤ 22,5 cm (si no se puede determinar IMC). El unico parametro no totalmente objetivo es el CI, por lo que este estudio busca reforzar la validez del mismo. Objetivos: analizar la concordancia existente entre diferentes profesionales sanitarios a la hora de evaluar un CI de 72 h. Material y métodos: estudio prospectivo de pacientes ingresados en plantas de hospitalizacion (febrero-octubre de 2014). Variables recogidas: edad, sexo, servicio medico, CI de 72 h y tipo de dieta. El objetivo del CI es valorar la cantidad de alimento consumido, diferenciando entre ingestas superiores o inferiores al 50%. Se analiza la concordancia de los resultados del CI dictaminados por un medico, una enfermera y un nutricionista (gold-standar) mediante el coeficiente Kappa (K). Posteriormente se calculo la sensibilidad (S) y la especificidad (E) de los CI positivos. Resultados: se analizaron 176 controles de ingestas. Edad: 63,70 } 14,46 anos; 42% mujeres. Servicios: Digestivo (22,2%), Neumologia (42%), Medicina Interna (21,6%), Nefrologia (9,1%), Otros (5,1%). Tipo de dieta: basal (23,3%), terapeutica (67%), consistencia (4%), progresion (3,4%), otros (2,3%). Se comparo el CI de enfermeria vs. nutricionista (K = 0,798; p < 0,001), y del medico vs. nutricionista (K = 0,823; p < 0,001). La S y E de enfermeria vs. nutricionista fue de 84% y 97%, mientras que entre medico y nutricionista fue de 84% y 98%, respectivamente. Conclusiones: la concordancia de los resultados de un CI de 72 horas (ingestas < o > al 50%) realizado en pacientes hospitalizados por un medico, una enfermera y un nutricionista es alta, restando subjetividad a este parametro. El CI resulta util para su uso dentro de la practica clinica habitual y, en concreto, dentro de cribados

  20. [Effect of refeeding on the body composition of females with restrictive anorexia nervosa; anthropometry versus bioelectrical impedance].

    PubMed

    de Mateo Silleras, Beatriz; Redondo del Río, Paz; Camina Martín, Alicia; Soto Célix, María; Alonso Torre, Sara R; Miján de la Torre, Alberto

    2013-01-01

    Objetivo: Evaluar la composición corporal en un grupo de pacientes desnutridas con anorexia nerviosa, respecto de controles sanas, antes y después del soporte nutricional, mediante antropometría y bioimpedancia. Métodos: Estudio observacional prospectivo. Se realizó una antropometría completa y un análisis de bioimpedancia a 12 mujeres con anorexia nerviosa restrictiva (24,5 años) al ingreso hospitalario y semanalmente durante la realimentación. El grupo control estuvo formado por 24 mujeres sanas (21 años). Se aplicaron los test t-Student, U-Mann-Whitney, t-Student para medidas repetidas o Wilcoxon. La concordancia entre antropometría y BIA se analizó mediante el coeficiente de correlación intraclase y Bland-Altman. Resultados: Las pacientes mejoraron significativamente todos los índices de composición corporal a lo largo de la estancia hospitalaria, aunque sus valores al alta siguieron siendo menores que los de las controles. La media de peso ganado fue 5,22 kg (DE: 1,42), de los que el 51,4% fueron masa grasa, con distribución central preferentemente. En las controles la ecuación de BIA que mejor concuerda con antropometría es la de Sun (CCI = 0,896); en las pacientes la concordancia fue más débil, al ingreso y al alta. Conclusiones: La realimentación produce una ganancia ponderal, fundamentalmente a expensas de masa grasa, con distribución central; no se consigue restablecer el estado nutricional. La concordancia entre antropometría y bioimpedancia para el estudio de la composición corporal es aceptable, especialmente en sujetos sanos. Se recomienda emplear antropometría, si no se dispone de BIA vectorial o algún método gold estandard para el análisis de la composición corporal, en casos de alteraciones importantes en la composición corporal y/o el balance hídrico.

  1. Dried apples enriched with mandarin juice by vacuum impregnation improve antioxidant capacity and decrease inflammation in obese children.

    PubMed

    Codoñer-Franch, Pilar; Betoret, Ester; Betoret, Noelia; López-Jaén, Ana B; Valls-Bellés, Victoria; Fito, Pedro

    2013-01-01

    Antecedentes: Una adecuada ingesta de vegetales previene el desarrollo de enfermedades degenerativas, principalmente debido a sus compuestos antioxidantes. Objetivo: Evaluamos el efecto in vivo en los niños obesos de un nuevo producto alimenticio hecho de manzanas deshidratadas enriquecidas con zumo de mandarina mediante impregnación a vacío. Métodos: Estudio prospectivo longitudinal de cuatro semanas de duración. Se estudiaron 41 niños obesos que suplementaron su dieta habitual con 40 g/día del producto desarrollado. Se determinaron parámetros antropométricos (índice de masa corporal, circunferencia de la cintura) y estimación de la de grasa corporal con impedancia bioeléctrica. La ingesta dietética se evaluó por cuestionario. Se registraron factores de riesgo metabólico (presión sanguínea, perfil lipídico, glucosa y resistencia insulínica). El estado oxidante se investigó mediante la capacidad antioxidante total del plasma y la 8-hydroxideoxiguanosina (marcador de daño oxidativo al ADN) y como marcadores de inflamación valoramos la proteína C-reactiva ultrasensible, el factor de necrosis tumoral-??y las interleukinas 6 y 1-?. Las mediciones se recogieron al inicio y al final del período de intervención. Resultados: Encontramos una mejoría significativa en la presión arterial sistólica y en el perfil lipídico después del período de intervención. Igualmente demostramos un aumento significativo de la capacidad antioxidante del plasma, una reducción del daño oxidativo del ADN y de los marcadores inflamatorios. Conclusión: La adición a la dieta del producto elaborado con manzana deshidratada, y enriquecido con zumo de mandarina mediante impregnación al vacío, contribuye a mejorar el estado oxidante e inflamatorio en los niños obesos, así como diversos factores de riesgo cardiometabólico.

  2. [Use of the PEEK cage in cervical spondylosis treatment].

    PubMed

    Joachin-Hernández, Pedro; Alpízar-Aguirre, Armando; Zárate-Kalfópulus, Barón; Rosales-Olivares, Luis Miguel; Sánchez-Bringas, Guadalupe; Reyes-Sánchez, Alejandro Antonio

    2013-01-01

    Antecedentes: la descompresión y artrodesis con auto-injerto es el patrón de referencia para el tratamiento del conducto cervical estrecho. El uso de cajas de PEEK polímero no reabsorbible, con elasticidad similar al hueso, radiolúcido, y mismo grado de fusión reduce la morbilidad. aterial y métodos: estudio de serie de casos, prospectivo, longitudinal, de intervención deliberada, evaluación en grupol antes y después, seguimiento a dos años. Discoidectomía y colocación de caja de PEEK con injerto autólogo. Se evaluaron artrodesis, lordosis cervical, altura del espacio intervertebral, dolor mediante escala visual análoga, índice de discapacidad cervical, tiempo quirúrgico, sangrado transoperatorio, estancia intrahospitalaria y complicaciones. Análisis estadístico con t de Student, Wilcoxon y exacta de Fisher. Resultados: de 17 pacientes estudiados, 9 (53%) eran del sexo femenino. La edad promedio 62 años. Sangrado promedio de 187 mL. El nivel más afectado fue C5-C6, C6-C7 en cinco pacientes. Se encontró fusión al 100% sin hundimiento ni migración de la caja, altura del espacio conservada, pero no se conservó la lordosis segmentaria. Mejoría clínica en todos los pacientes, y del índice de discapacidad. Conclusión: la disminución de los síntomas, la conservación de la altura del espacio anterior y posterior, la no conservación de la lordosis segmentaria y la fusión con caja de PEEK fueron congruentes con lo reportado en la bibliografía. Se sugiere utilizar la placa anterior para mantener la lordosis cervical. El índice de fusión encontrado fue de 100%, con disminución de los síntomas de dolor y discapacidad. Pérdida de lordosis cervical global.

  3. Use of Subjective Global Assessment, Patient-Generated Subjective Global Assessment and Nutritional Risk Screening 2002 to evaluate the nutritional status of non-critically ill patients on parenteral nutrition.

    PubMed

    Badia-Tahull, M B; Cobo-Sacristán, S; Leiva-Badosa, E; Miquel-Zurita, M E; Méndez-Cabalerio, N; Jódar-Masanés, R; Llop-Talaverón, J

    2014-02-01

    Objetivo: Evaluar el estado nutricional de pacientes no críticos de cirugía digestiva, en el momento de iniciar la nutrición parenteral, utilizando tres tests de evaluación nutricional. Estudiar la correlación entre los tests y su asociación con los parámetros clínicos y de laboratorio utilizados para el seguimiento de estos pacientes. Métodos: Estudio prospectivo de 4 meses. Se recogen variables antropométricas y clínicas. Los resultados de Subjective Global Assessment, Patient-Generated Subjective Global Assessment y Nutritional Risk Screening 2002 se comparan mediante test kappa. La relación entre las variables clínicas y de laboratorio con Subjective Global Assessment se estudian con regresión multinominal; y con Patient-Generated Subjective Global Assessment y Nutritional Risk Screening mediante regresión lineal múltiple. Edad y sexo se introdujeron como variables de ajuste. Resultados: La desnutrición en 45 pacientes estudiados variaba entre el 51% y el 57%. Subjective Global Assessment correlacionaba bien con Patient-Generated Subjective Global Assessment y el Nutritional Risk Screening (= 0,531 p = 0,000). Nutritional Risk Screening 2002 mostró mejor asociación con variables clínicas y analíticas: peor estado nutricional en este test se asoció con peor comportamiento de albúmina (B = -0,087; CI = -0,169/-0,005]); prealbumina (B = -0,005; CI = [-0,011/ 0,001]), proteína C reactiva (B = 0,006;CI = [0,001/0,011]) y leucocitos (B = 0,134; CI = [0,031/0,237]) al final de la nutrición parenteral. Discusión: La mitad de los pacientes de cirugía digestiva presentan algún grado de desnutrición en el momento de iniciar la nutrición parenteral. El Nutritional Risk Screening 2002 se mostró como el test con mayor relación con las variables utilizadas en el seguimiento clínico de los pacientes con nutrición parenteral.

  4. [Implementation of the academic day for undergraduate interns].

    PubMed

    Salas-Flores, Ricardo; González-Pérez, Brian

    2016-01-01

    Introducción: el internado médico de pregrado es una etapa fundamental en la formación del médico general, en la cual el alumno pasa a ser integrante del equipo de salud y pone en práctica los conocimientos adquiridos durante los primeros años de la carrera. El objetivo fue evaluar el impacto de la implementación del día académico en médicos internos de pregrado del Hospital General Regional No. 6 “Dr. Ignacio García Téllez” de segundo nivel de atención médica. Métodos: estudio comparativo y prospectivo efectuado en una muestra de 56 médicos internos de pregrado que participaron en la implementación del día académico. El impacto de este día fue evaluado por la calificación obtenida en el examen de los diferentes módulos aplicado al inicio y al finalizar el internado de pregrado. Para el análisis estadístico se utilizó la prueba no paramétrica de Wilcoxon para la comparación intragrupo de los resultados iniciales con los finales. Resultados: en las calificaciones obtenidas en el examen aplicado al inicio y al final de la implementación del día académico se observó una diferencia positiva en los módulos de Medicina Interna, Pediatría, Ginecología y Obstetricia, Urgencias, Cirugía General y Medicina Familiar al término del día académico (p = 0.000). Conclusiones: se deben establecer las líneas para realizar intervenciones educativas desde la perspectiva activo-participativa, como el día académico, para incrementar el desarrollo del aprendizaje significativo que repercutirá positivamente en la calidad de la atención de los pacientes.

  5. Identificabilidade e estabilidade dos parâmetros no método Grade of Membership (GoM): considerações metodológicas e práticas

    PubMed Central

    Guedes, Gilvan Ramalho; Caetano, André Junqueira; Machado, Carla Jorge; Brondízio, Eduardo Sonewend

    2011-01-01

    O método Grade of Membership (GoM) tem sido cada vez mais utilizado por demógrafos brasileiros e tem a vantagem de possuir um parâmetro que mensura a heterogeneidade individual, com base nas correlações não-observáveis entre as categorias de resposta das variáveis de interesse, gerando um medida do grau de pertencimento de cada indivíduo a perfis extremos. Alguns autores, contudo, chamam atenção para questões importantes na calibragem dos modelos finais que utilizam o programa GoM versão 3.4, como o problema de identificabilidade – soluções múltiplas para parâmetros estimados. Neste artigo, é sugerido um procedimento capaz de identificar um modelo final com solução única que descreva os tipos puros mais fidedignos à base de dados, em uma tentativa de otimização. Para ilustrar esse processo, utilizou-se uma base de dados correspondente a um levantamento econômico e sociodemográfico de uma população de pequenos agricultores residentes ao longo da Rodovia Transamazônica, no Estado do Pará. Também identificou-se a existência de instabilidade nos parâmetros estimados pelo programa GoM 3.4, sendo proposto um método de estabilização de seus valores. Com esses procedimentos combinados, os usuários do programa GoM 3.4 poderão descrever sua base de dados de forma mais adequada e responder às críticas sobre questões de identificabilidade e estabilidade dos modelos resultantes. Essas soluções empíricas são relevantes por afetarem cálculos de prevalência e de incidência de eventos de interesse, além de trazerem consequências importantes sobre o ponto e o momento corretos para intervenções de políticas públicas ou de planejamento prospectivo em análises de projeção. PMID:21709732

  6. [Effect of pravastatine plus ezetimibe on carotid intima media thickness in patients with lupus erythematosus].

    PubMed

    Vera-Lastra, Olga Lidia; Olvera-Acevedo, Arturo; Hernández, Claudia; Medina, Gabriela; Carrillo-González, Ana Laura; Ángeles-Garay, Ulises; Peralta-Amaro, Ana Lilia; Jara, Luis

    2015-01-01

    Introducción: Los pacientes con lupus eritematoso sistémico (LES) cursan con ateroesclerosis acelerada que puede ser evaluada mediante el grosor íntima-media carotídea (IMC). El uso de hipolipemiantes debe ser parte de su tratamiento. El objetivo de este estudio fue determinar el efecto de la terapia con pravastatina más ezetimibe en el grosor IMC en pacientes con LES.Métodos: estudio prospectivo, longitudinal, cuasi-experimental. De 60 paciente con LES a quienes se le realizó ultrasonido carotídeo, de los cuales se eligieron a 22 con grosor IMC > 0.7 mm y se les administró pravastatina más ezetimibe durante seis meses y posteriormente se determinó el grosor IMC. Se les determinó colesterol total (CT), colesterol HDL (c-HDL), colesterol LDL (c-LDL), triglicéridos, proteína C-reactiva (PCR), pruebas de funcionamiento hepático, enzimas musculares y glucosa basales y posterior al tratamiento. Análisis estadístico: estadística descriptiva y prueba de Wilcoxon.Resultados: se incluyeron 22 mujeres con edad 42 ± 6.3 años y evolución promedio 7.5± 6.6 años, de las cuales concluyeron el estudio 18 pacientes. El grosor IMC derecha basal fue de 0.829 ± 0.1448 frente a final 0.688 ± 0.1453, p < 0.003; el izquierdo 0.820±0.1312 frente a 0.724±0.1348, p < 0.004. El CT 208 mg/dl frente a 168 mg/dl, y el c-LDL 125 mg/dl frente a 72 mg/dl, p = 0.0004. Niveles de PCR 3.12 frente a 2.25 p = 0.004.Conclusiones: el tratamiento con pravastatina más ezetimibe disminuye el grosor IMC con mejoría en las concentraciones de colesterol total, colesterol LDL y niveles de PCR, así como buena tolerancia.

  7. Analysis of the concordance between the estimated values of creatinine clearance using the Cockcroft-Gault equation and the real value determined in patients from the Hospital Clínica Bíblica.

    PubMed

    Chaverri-Fernández, Jose Miguel; Zavaleta-Monestel, Esteban; Díaz-Madriz, Jose Pablo; Ortiz-Ureña, Angie; Ramírez-Hernández, Monica; Trejos-Morales, Karina

    2016-01-01

    Objetivo: analizar el efecto de las modificaciones en la fórmula de Cockcroft-Gault en la medición del aclaramiento de creatinina (CrCl) y su concordancia con el valor real calculado con la orina de 24 horas en una muestra de pacientes latinoamericanos hospitalizados en San José de Costa Rica. Método: estudio observacional, retrospectivo, con pacientes en quienes se midió la creatinina sérica en orina de 24 horas y que cumplieran los criterios de inclusión. Se determinaron los valores de aclaramiento de creatinina reales y calculados, y se estableció la concordancia entre estos, aplicando la prueba del Coeficiente de Correlación Intraclase; se realizó un análisis descriptivo de los datos. Resultados: un total de 507 pacientes (61% hombres), de los cuales se describió la edad (*ME = 60 años**DE = 17 años), estatura (*ME = 1,66 metros**DE = 0,09 metros), peso actual (*ME = 75 kg **DE = 15 kg), índice de masa corporal (*ME = 27,3 Kg/m2**DE = 4,76 Kg/m2), y valores de aclaramiento endógeno (*ME = 69,72 ml/min **DE = 33 ml/min). Se obtuvo la mejor concordancia para la fórmula con valores de peso actual y creatinina sérica sin redondeo. Conclusiones: la aplicación de la fórmula de Cockcroft-Gault que mejor concuerda con el valor real es aquella que utiliza el peso actual y no redondea valores de creatinina inferiores a 1 mg/dL. Se sugiere realizar un análisis prospectivo, determinando otras variables que podrían afectar a la medición real del CrCl, y replicar la metodología en poblaciones específicas. *ME: Media **DE: Desviación Estándar.

  8. PEG-Interferon-α ribavirin-induced HCV viral clearance: a pharmacogenetic multicenter Spanish study.

    PubMed

    Milara, Javier; Outeda-Macias, Maria; Aumente-Rubio, M Dolores; Más-Serrano, Patricio; Aldaz, Azucena; Calvo, M Victoria; García-Simón, M Sergia; Martin-Barbero, Marisa; Padullés-Zamora, Núria; Schoenenberger, Juan Antonio; Saavedra-Aldrich, Marianne; Tévar-Alfonso, Enrique; Saval, Ana; Pastor-Clerigues, Alfonso; García, Marta; Margusino-Framiñan, Luis; Montero-Alvarez, Jose Luis; Merino, Esperanza; Herrero, Jose Ignacio; Beunza, Mónica; Conesa-Zamora, Pablo; Gimenez-Manzorro, Alvaro; Comas-Sugrañes, Dolors; Cano-Marron, Manuel; Jiménez-Mutiloa, Elena; Díaz-Ruíz, Pilar; Cortijo, Julio

    2015-01-01

    Objetivo: El interferon-pegilado (IFN-PEG) junto a ribavirina ha sido el principal tratamiento de la infeccion por el virus de la hepatitis C (VHC) de la ultima decada. Los agentes antivirales de accion directa actuales han mejorado los resultados de la terapia, pero tambien han aumentado el costo y la gestion de la complejidad del tratamiento. El presente estudio analiza factores geneticos de los pacientes, asi como predictores virales y clinicos de respuesta sostenida viral (RSV) al tratamiento con IFN-PEG y ribavirina en poblacion Espanola. Métodos: Estudio farmacogenetico, multicentrico, prospectivo, observacional de cohortes realizado en 12 hospitales diferentes de 12 comunidades autonomas diferentes. Se incluyeron un total de 98 pacientes con RVS y 106 sin SVR al tratamiento con IFNPEG y ribavirina. Se seleccionaron 33 polimorfismos de nucleotido unico ubicados en 24 genes diferentes relacionados con la respuesta inflamatoria, inmunologica y viral. Los datos clinicos y virales tambien se analizaron como candidatos predictores de RVS. Resultados: Los genotipos IL-28B (rs12979860, rs7248668, rs8105790, rs8099917) y TNFRSF1B (rs1061622), asi como los haplotipos TNFRSF1B / IL-10 / TNF(-308) no-TTG y TNFRSF1B / IL-10 / IL-4 no-TTC junto con la menor edad, menor carga de ARN-VHC basal, valores elevados de colesterol LDL en suero basal, genotipos VHC2 y 3 y bajo grado de fibrosis basal (0-2) se asociaron con una RVS en el analisis univariante. Los predictores independientes de RVS en el analisis multivariante fueron el genotipo IL-28B rs12979860 CC, el haplotipo TNFRSF1B / IL-10 / IL-4 no-TTC junto con los bajos niveles basales de VHCARN y los genotipos virales VHC2 y 3. Conclusiones: El genotipo IL-28B rs12979860 CC, el haplotipo TNFRSF1B / IL-10 / IL-4 haplotipos no-TTC, la carga viral basal baja y los genotipos del VHC2 y 3 pueden ayudar a predecir una buena respuesta a la terapia con IFN-PEG y ribavirina en poblacion espanola.

  9. APOLIPOPROTEINS AND THEIR ASSOCIATION WITH CARDIOMETABOLIC RISK BIOMARKERS IN ADOLESCENTS.

    PubMed

    Neyla de Lima Albuquerque, Mellina; da Silva Diniz, Alcides; Kruze Grande de Arruda, Ilma

    2015-12-01

    Introducción: la razón apo B/apo A-I sigue siendo reportada como un predictor importante de riesgo cardiovascular, superior a lípidos, lipoproteínas y razones lipídicas convencionales. Objetivo: investigar la asociación entre las apolipoproteínas A-I y B y la razón apolipoproteína B/apolipoproteína A-I con variables de riesgo cardiometabólico en adolescentes. Métodos: estudio de corte transversal que incluye a 104 adolescentes de escuelas públicas de Recife, entre marzo/abril de 2013. Se evaluaron variables clínicas, bioquímicas, antropométricas y sociodemográficas. Se analizaron las apolipoproteínas por imunoturbidimetría. Resultados: índice de masa corporal, circunferencia de la cintura, circunferencia de la cintura/altura, triglicéridos, colesterol/HDL y apolipoproteína B/apolipoproteína A-I mostraron una reducción con la progresión de la distribución en percentil de las concentraciones de apolipoproteína A-I, mientras que HDL y apolipoproteína B aumentaron entre el primero y el último cuartil de las concentraciones de apolipoproteína A-I. Tensión arterial sistólica, índice de masa corporal, circunferencia de la cintura, circunferencia de la cintura/altura, colesterol, LDL, triglicéridos, colesterol/HDL y LDL/HDL presentaron un aumento progresivo en la distribución en cuartiles de las concentraciones de apolipoproteína B y de la apolipoproteína B/apolipoproteína A-I. Los niveles séricos de alfa-1-glicoproteína ácida aumentaron paralelamente a la progresión en percentil de apolipoproteína B. Conclusiones: los hallazgos evidencian una asociación importante de las apolipoproteínas A-I y B y de la razón apolipoproteína B/apolipoproteína A-I con biomarcadores clínicos, bioquímicos y antropométricos de riesgo cardiometabólico. Sin embargo, son recomendables estudios prospectivos para evaluar la pertenencia de la implementación de esos marcadores en la práctica clínica.

  10. [Morning rise in home blood pressure and target organ damage in hypertensive patients].

    PubMed

    Barochiner, Jessica; Aparicio, Lucas S; Cuffaro, Paula E; Rada, Marcelo A; Morales, Margarita S; Alfie, José; Marin, Marcos J; Galarza, Carlos R; Waisman, Gabriel D

    2014-01-01

    El incremento matutino de la presión arterial (IMPA) aumenta el riesgo cardiovascular. Los estudios que evalúan la asociación entre IMPA domiciliaria y daño de órgano blanco son escasos y casi exclusivamente basados en población asiática. Nuestro objetivo fue caracterizar a los pacientes hipertensos con IMPA domiciliaria y establecer una posible asociación con la presencia de hipertrofia ventricular izquierda (HVI). Métodos: se incluyeron hipertensos medicados ≥18 años que realizaron mediciones de PA domiciliaria (4 días de mediciones por duplicado, a la mañana, tarde y noche) y completaron un cuestionario acerca de sus factores de riesgo y antecedentes de enfermedad cardiovascular. Se revisaron las historias clínicas para extraer datos ecocardiográficos. Se definió como IMPA a una diferencia entre el promedio de PA sistólica domiciliaria matutina – vespertina ≥15 mmHg. Se consideró que los pacientes tenían HVI si el índice de masa ventricular era >95 g/m2 en mujeres y >115 g/m2 en varones. Las variables identificadas como predictores relevantes de IMPA fueron introducidos en un modelo multivariado de regresión logística. Resultados: se incluyeron 216 pacientes, con una edad media de 68 (+13,3) años, 69,4% mujeres y 99,1% caucásicos. La prevalencia de IMPA fue de 13,4% y las variables independientemente asociadas fueron HVI (OR 3,5; 95%CI 1,1-11,4), edad (OR 1,05; 95%CI 1,003-1,1) y antecedente de enfermedad cerebrovascular (OR 3,9; 95%CI 1,1-14,2). En conclusión, el IMPA evaluado por monitoreo domiciliario presenta asociación independiente con HVI, edad y antecedentes de enfermedad cerebrovascular, debiendo esclarecerse las implicancias terapéuticas de esta observación en estudios prospectivos a gran escala.

  11. Effects of a low-fat diet with antioxidant supplementation on biochemical markers of multiple sclerosis long-term care residents.

    PubMed

    Mauriz, Elba; Laliena, A; Vallejo, D; Tuñón, M J; Rodríguez-López, J M; Rodríguez-Pérez, R; García-Fernández, M C

    2013-11-01

    Introducción: Las posibilidades de tratamiento de la esclerosis múltiple (EM) se encuentran limitadas principalmente a terapias con inmumoduladores en las formas no progresivas de EM. Los estudios de intervención nutricional sugieren que la dieta puede considerarse como un tratamiento alternativo para controlar la progresión de la enfermedad. Por esta razón, las intervenciones en la dieta pueden ayudar a mejorar el bienestar y mejorar los síntomas de los pacientes con EM. Objetivos: Valorar el efecto de una dieta pobre en grasas con suplementación de antioxidantes en los marcadores bioquímicos de pacientes institucionalizados que presentan formas progresivas de EM. Métodos: Se realizó un estudio prospectivo aleatorizado controlado por placebo con 9 participantes, 5 de los cuales se asignan al grupo de intervención (dieta baja en grasas y suplementación antioxidante) y los 4 restantes al grupo placebo (dieta baja en grasas). Se evaluó el efecto de la intervención dietética que supone modificación de la dieta e introducción de antioxidantes durante 42 días mediante valoraciones de parámetros antropométricos y bioquímicos y marcadores del estrés oxidativo en sangre y orina en las etapas inicial (día 0), intermedia (día 15) y final (día 42) del tratamiento. Resultados: Se obtuvieron niveles de proteína C reactiva significativamente inferiores en el grupo de intervención con respecto al grupo placebo al final del estudio. Los marcadores de estrés oxidativo e inflamación: isoprostanos 8-iso-PGF2e interleucina IL-6 también disminuyeron en el grupo de intervención después de la intervención dietética. La actividad de la enzima catalasa aumentó de forma significativa en el grupo de intervención antes de la suplementación con antioxidantes. No se observaron diferencias significativas en otros marcadores de estrés oxidativo. Conclusiones: Los resultados obtenidos sugieren que la dieta y los suplementos dietéticos est

  12. [Alterations of the thyroid function in patients with morbid obesity].

    PubMed

    Montoya-Morales, Danely Sabelia; de los Ángeles Tapia-González, María; Alamilla-Lugo, Lisndey; Sosa-Caballero, Alejandro; Muñoz-Solís, Andrés; Jiménez-Sánchez, Marisela

    2015-01-01

    Introducción: La obesidad mórbida (IMC greater than or equal to 40 kg/m2) se asocia con disfunción del eje hipotálamo-hipófisis- tiroides, presentando elevación de tirotropina (TSH), de la triyodotironina (T3) total y libre, sospechando de una auténtica afección tiroidea. El objetivo fue describir las alteraciones en la función tiroidea en pacientes con obesidad mórbida, determinando niveles séricos de TSH, T3 total, T4 libre y anticuerpos antiperoxidasa (TPO).Métodos: estudio prospectivo, descriptivo, observacional y transversal, incluyó 52 pacientes con obesidad mórbida de la clínica de obesidad del departamento de Endocrinología, de enero del 2009 a julio del 2011. Se excluyeron pacientes con alteraciones tiroideas conocidas y/o bajo el uso de levotiroxina u otro medicamento que cause alteración en el perfil tiroideo. El análisis estadístico se realizó con medidas de tendencia central, frecuencias simples, porcentajes y se realizó correlación de Spearman.Resultados: la prevalencia de hipotiroidismo primario fue de 8 %, hipotiroidismo subclínico en 6 % y las alteraciones en el perfil tiroideo secundarias a obesidad del 23 % (elevación de TSH y/o T3 total con T4 libre normal y anticuerpos TPO negativos).Conclusiones: la mayoría de los pacientes con obesidad mórbida no presentan disfunción tiroidea autoinmune, las alteraciones en el perfil tiroideo son causadas por un efecto de homeostasis frente a la obesidad y pueden ser corregidas al disminuir de peso.

  13. Fragilidad y su asociación con mortalidad, hospitalizaciones y dependencia funcional en mexicanos de 60 años o más

    PubMed Central

    de León González, Enrique Díaz; Pérez, Héctor Eloy Tamez; Hermosillo, Hugo Gutiérrez; Rodríguez, Javier Armando Cedillo; Torres, Gabriela

    2016-01-01

    Fundamento y objetivo Determinar la asociación entre fragilidad y mortalidad, dependencia funcional, caídas y hospitalizaciones en el Estudio Nacional de Salud y Envejecimiento en México (ENASEM). Sujetos y métodos Estudio prospectivo poblacional en México en el que se seleccionaron sujetos de 60 años o más, que fueron evaluados en las variables de fragilidad durante la primera vuelta del estudio en el año 2001 y que incluyó: dificultad para levantarse de una silla después de haber estado sentado(a) durante largo tiempo, pérdida de peso de 5 kilogramos o más en los últimos dos años y falta de energía. Los sujetos fueron catalogados como robustos, prefrágiles y frágiles cuando tenían cero, una o dos de las características anteriores, respectivamente. La mortalidad, hospitalizaciones, caídas y dependencia funcional fueron evaluadas en la segunda vuelta del estudio en el año 2003. Se calculó el riesgo relativo para cada una de las complicaciones, así como análisis multivariado con regresión de Cox para el caso de mortalidad y regresión logística para el resto. Resultados Los estados de prefragilidad y fragilidad se asociaron independientemente con mortalidad, con índices de riesgo ajustados de 1,61 (intervalo de confianza del 95% [IC 95%] 1,01-2,55) y 1,94 (IC 95% 1,20-3,13), respectivamente. Sólo el estado de fragilidad se asoció independientemente con hospitalización y dependencia funcional, con una razón de momios ajustada de 1,53 (IC 95% 1,13-2,07) y 3,07 (IC 95% 1,76-5,34), respectivamente. No hubo asociación entre los estados de prefragilidad y fragilidad con caídas. Conclusión El estado de fragilidad se asocia independientemente con mortalidad, hospitalizaciones y disfuncionalidad en actividades básicas de la vida diaria en los siguientes dos años en población mexicana. PMID:21612803

  14. [DIETARY INTAKE AND NUTRITIONAL STATUS IN ONCOLOGY PATIENTS WHO START TREATMENT WITH TYROSINE KINASE INHIBITORS].

    PubMed

    Higuera-Pulgar, Isabel; Ribed, Almudena; Carrascal-Fabian, M Luisa; Bretón-Lesmes, Irene; Romero-Jiménez, Rosa M; Cuerda-Compes, Cristina; Velasco-Gimeno, Cristina; Camblor-Álvarez, Miguel; García-Peris, Pilar

    2015-09-01

    Introducción: la investigación sobre nuevos antineoplásicos orales sigue avanzando en los últimos años mientras que su repercusión sobre la ingesta dietética y el estado nutricional (EN) no progresa de la misma forma. Objetivos: evaluar la ingesta dietética y EN de pacientes que inician tratamiento con inhibidores tirosina quinasa (ITK) y valorar el impacto que tienen sobre ellos. Métodos: estudio observacional y prospectivo de seis meses en el que se incluyeron pacientes que iniciaban tratamiento con ITK. La ingesta se evaluó con: recuerdo 24 h y cuestionario de frecuencia de consumo. El EN se valoró con: medidas antropométricas y cuestionario de valoración subjetiva global generada por el paciente (VSGGP); los resultados se compararon con las referencias SENC-semFYC, 2007 y Moreiras O., 2013. Para el análisis estadístico se utilizaron: Test de Friedman, 2, Wilcoxon, Kruskall-Wallis y Mann-Whitney. Significación p < 0,05. Resultados: se incluyeron 22 pacientes (54,5% hombres). Al inicio del tratamiento, el 73,9% tenía un EN adecuado según VSG-GP. No se produjeron pérdidas de peso significativas, pese a que un porcentaje elevado no cubrió los requerimientos energéticos y proteicos. El número de comidas se relacionó positivamente con la ingesta calórica. La ingesta y los patrones de frecuencia de consumo por grupos de alimentos tampoco variaron durante el tratamiento. Conclusión: la ingesta dietética al inicio del tratamiento no alcanza los requerimientos nutricionales. Los ITK no parecen afectar la ingesta ni el estado nutricional de los pacientes. El estudio de estos parámetros antes de comenzar el tratamiento evitaría futuras complicaciones y guiaría el consejo dietético.

  15. Influence of early environmental factors on lymphocyte subsets and gut microbiota in infants at risk of celiac disease; the PROFICEL study.

    PubMed

    Pozo-Rubio, Tamara; de Palma, Giada; Mujico, Jorge R; Olivares, Marta; Marcos, Ascensión; Acuña, María Dolores; Polanco, Isabel; Sanz, Yolanda; Nova, Esther

    2013-01-01

    Introducción: Es bien sabido que el genotipo HLA puede explicar un 40% del riesgo genético de enfermedad celíaca, por lo que otros factores de predisposición genéticos así como factores que sutilmente modulen la activación y diferenciación de células T necesitan ser estudiados. Esto incluye factores ambientales, de los que se cree actualmente que ejercen un efecto sobre el desarrollo del sistema inmune y la microbiota intestinal. Objetivo: Evaluar las asociaciones entre factores ambientales tempranos, las subpoblaciones de linfocitos y la composición de la microbiota intestinal en niños con riesgo familiar de enfermedad celíaca. Diseño del estudio: Estudio prospectivo observacional Sujetos: 55 niños de 4 meses de edad con al menos un familiar celíaco de primer grado. Los niños fueron clasificados de acuerdo al tipo de parto, ingesta materna de antibióticos durante el embarazo y durante el parto, tipo de lactancia, infecciones tempranas y toma de antibióticos, administración de la vacuna de rotavirus, y incidencia de alergias dentro de los 18 primeros meses de vida. Métodos: Las subpoblaciones de linfocitos y la composición de la microbiota intestinal fueron estudiadas a la edad de 4 meses. Resultados: La lactancia de fórmula y las infecciones tempranas se asociaron con un mayor número absoluto de células CD3+, CD4+, CD4+CD38+, CD4+CD28+ y CD3+CD4+CD45RO+ (P0.01). El parto por cesárea y la administración de la vacuna de rotavirus se asociaron a un menor porcentaje de células CD4+CD25+. La toma temprana de antibióticos se asoció y correlacionó con menor número de Bifidobacterium longum y mayor número de Bacteroides fragilis. Conclusiones: Las infecciones y la toma de antibióticos en los primeros 4 meses de edad son los factores ambientales tempranos más fuertemente y/o frecuentemente asociados a las subpoblaciones de linfocitos y la composición de la microbiota, respectivamente, en niños con riesgo de enfermedad celíaca.

  16. [Medicines reconciliation at hospital admission into an electronic prescribing program].

    PubMed

    Villamayor-Blanco, Lucía; Herrero-Poch, Leticia; De-Miguel-Bouzas, Jose Carlos; Freire Vazquez, M Carmen

    2016-09-01

    Objetivo: Describir y analizar los resultados obtenidos durante un año con un nuevo procedimiento de conciliación de la medicación al ingreso hospitalario basado en un programa de prescripción electrónica asistida. Método: Estudio observacional, prospectivo, no aleatorizado y no controlado de 12 meses de duración, en el que se incluyeron todos los pacientes que ingresaron, durante ese año, en un hospital general concertado de 450 camas. Para la conciliación de la medicación se utilizó el programa de prescripción electrónica como medio para el abordaje multidisciplinar (enfermería, médicos y farmacéuticos). La conciliación se realizó al ingreso hospitalario y se midieron los errores de conciliación. Resultados: Se incluyeron 23.701 pacientes, conciliándose 53.920 medicamentos, de los cuales no tenían discrepancias 48.744 (90,4%) y 5.176 (9,6%) presentaban discrepancias: 4.731 (8,8 % de los fármacos) justificadas y 445 (0,8% de los fármacos) no justificadas. La mayor parte de las discrepancias no justificadas, (n = 310; 69,7%) se debieron a errores en el registro de la medicación domiciliaria al ingreso: medicación no registrada o errores de medicamentos, dosis, frecuencia o vía de administración, omisiones de prescripción, 23,6% (n = 105) y duplicidades, 6,7% (n = 30). En ningún caso el error de conciliación llegó al paciente. Conclusiones: Mediante las ayudas informáticas incluidas en el programa de prescripción electrónica asistida y el abordaje multidisciplinar del proceso de conciliación se consigue realizar la conciliación de la medicación al ingreso en el 98% de los pacientes en el momento del ingreso, evidenciando errores de conciliación solo en el 1,3% de los pacientes.

  17. [In Process Citation].

    PubMed

    Caravalí-Meza, Nuris Yohana; Jiménez-Cruz, Arturo; Bacardí-Gascón, Montserrat

    2016-03-25

    Antecedentes: se ha reportado una asociación entre el aumento del consumo de bebidas azucaradas y varias enfermedades metabólicas. Objetivo: evaluar el efecto del consumo de bebidas azucaradas sobre la obesidad en un periodo de 12 meses en mexicanos de 15 a 19 años. Métodos: el diseño del estudio fue prospectivo, con 12 meses de seguimiento. Se midieron el peso, la talla y la circunferencia de cintura (CC), y se calculó el puntaje z de índice de masa corporal (IMC). Se aplicó un cuestionario sobre consumo de 19 bebidas. Para evaluar la predicción del aumento de IMC y de CC como resultado del consumo de bebidas, se utilizó análisis de regresión logística binomial. Resultados: al final del estudio se evaluó al 89% (1.344). El promedio de edad fue de 15 años, 55% fueron mujeres. La prevalencia de sobre- peso y obesidad al final del estudio fue del 33%. Al final del estudio, un 25% de los participantes consumían más de 50 g de azúcar proveniente de las bebidas. Quienes consumieron 50 g de azúcar o más al día presentaron mayor riesgo de aumentar la CC ≥ 2 cm (RR = 1,19, IC 95%, 1,03-1,39, p = 0,02). Quienes mantuvieron el consumo de bebidas azucaradas durante 12 meses, al compararlo con los que disminuyeron el consumo a 10 g/día, presentaron 71% más probabilidades de aumentar a un puntaje de IMC ≥ 2 (RR = 1,71, IC 95%, 1,03-2,86, p = 0,039). Conclusión: el alto consumo de bebidas azucaradas aumentó las probabilidades de aumentar de peso y de circunferencia de cintura.

  18. [Food intake, nutritional status and physical activity between elderly with and without chronic constipation. A comparative study].

    PubMed

    Vargas-García, Elisa Joan; Vargas-Salado, Enrique

    2013-01-01

    antecedentes: el estreñimiento es uno de los trastornos gastrointestinales más comunes en la población de edad avanzada porque con el paso de los años los factores implicados en su causa se modifican y repercuten en la ingestión de alimentos, el estado de nutrición y la actividad física. Objetivo: evaluar en el adulto mayor el efecto en el estreñimiento crónico del consumo de alimentos con alto contenido de fibra, el estado nutricio, y la actividad física. Material y métodos: estudio comparativo, prospectivo y transversal efectuado en 140 adultos mayores de la consulta externa de la Unidad de Medicina Familiar51 del Instituto Mexicano del Seguro Social en la ciudad de León, Guanajuato, durante el periodo del 4 mayo al 30 de octubre de 2009. Se valoró si padecían o no estreñimiento de acuerdo con los criterios de Roma III. Se valoró: peso,talla, circunferencia del brazo, pliegue cutáneo tricipital; se aplicó un cuestionario de actividad física validado, y se obtuvo el registro dietético de tres días (dos de entre semana y uno de sábado o domingo). Resultados: la ingestión promedio de fibra y agua no esultó estadísticamente diferente entre los grupos estudiados. Los pacientes con estreñimiento tuvieron dietas menos completas y variadas (p < 0.02; p < 0.03). El estado nutricio predominante en los adultos mayores de ambos grupos fue de sobrepeso (p= 0.49) pero el grupo sin estreñimiento tuvo niveles más altos de actividad física en comparación con los estreñidos (1664 vs 1049 METs, p= 0.004).Conclusiones: el menor nivel de actividad física, la monotonía en la dieta, y no incluir todos los grupos de alimentos son factores que se asocian con el estreñimiento en el adulto mayor. De acuerdo con los resultados de este estudio la menor ingestión de fibra no se relacionó con el estreñimiento.

  19. PubMed

    Guedes, Gilvan Ramalho; Caetano, André Junqueira; Machado, Carla Jorge; Brondízio, Eduardo Sonewend

    2010-01-01

    O método Grade of Membership (GoM) tem sido cada vez mais utilizado por demógrafos brasileiros e tem a vantagem de possuir um parâmetro que mensura a heterogeneidade individual, com base nas correlações não-observáveis entre as categorias de resposta das variáveis de interesse, gerando um medida do grau de pertencimento de cada indivíduo a perfis extremos. Alguns autores, contudo, chamam atenção para questões importantes na calibragem dos modelos finais que utilizam o programa GoM versão 3.4, como o problema de identificabilidade - soluções múltiplas para parâmetros estimados. Neste artigo, é sugerido um procedimento capaz de identificar um modelo final com solução única que descreva os tipos puros mais fidedignos à base de dados, em uma tentativa de otimização. Para ilustrar esse processo, utilizou-se uma base de dados correspondente a um levantamento econômico e sociodemográfico de uma população de pequenos agricultores residentes ao longo da Rodovia Transamazônica, no Estado do Pará. Também identificou-se a existência de instabilidade nos parâmetros estimados pelo programa GoM 3.4, sendo proposto um método de estabilização de seus valores. Com esses procedimentos combinados, os usuários do programa GoM 3.4 poderão descrever sua base de dados de forma mais adequada e responder às críticas sobre questões de identificabilidade e estabilidade dos modelos resultantes. Essas soluções empíricas são relevantes por afetarem cálculos de prevalência e de incidência de eventos de interesse, além de trazerem consequências importantes sobre o ponto e o momento corretos para intervenções de políticas públicas ou de planejamento prospectivo em análises de projeção.

  20. Microbiological quality of enteral feeding and infant formula produced in dietary units, according to the triad of Donabedian.

    PubMed

    da Silva Santos, Alessandra Cedro; Coelho Araújo, Wilma Maria; C de A Akutsu, Rita de Cássia; Haack de Arruda, Adriana

    2015-05-01

    Introducción y objetivo: La contaminación microbiológica de dietas enterales y fórmulas infantiles puede conducir a una situación de riesgo de agravación del cuadro clínico de pacientes, ya debilitados y susceptibles a los agentes patógenos. El objetivo fue evaluar aspectos de la gestión de calidad de condiciones sanitarias de dietas enterales y fórmulas infantiles en los hospitales, centrándose en estructura, proceso y resultado. Métodos: Fue hecho un estudio observacional, descriptivo, prospectivo, con variables cuantitativas y cualitativas. La encuesta fue por 12 meses y se recogieron 227 muestras de dietas enterales y 176 de fórmulas infantiles en los Servicios de Nutrición y Dietética de la Secretaría de Estado de Salud del Distrito Federal. Los datos fueron analizados a partir de la Tríada de Donabedian para la evaluación de los servicios de salud por medio de un cuestionario. Resultados: Los resultados obtenidos muestran que en Bloque Almacenamiento cumple con los requisitos legales. Por otro lado, el Bloque Vestuario es un factor de riesgo de contaminación. De las 403 muestras, 56% eran muestras de Nutrición Enteral y 44%, muestras de Fórmulas Infantiles. Los datos indican que de 227 muestras de Nutrición Enteral, un 6,2% estaban en desacuerdo con la ley, mientras que de las 176 muestras de las Fórmulas Infantiles, 4,6% también estaban en desacuerdo con la legislación. Conclusión: La falta de aplicación efectiva de requisitos higiénicos sanitários durante la preparación resulta en producto microbiológicamente inseguro para pacientes debilitados, y el recuento de mesófilos totales puede ser un buen indicador de la seguridad microbiológica.

  1. Assessment of risk factors and test performance on malnutrition prevalence at admission using four different screening tools.

    PubMed

    Olivares, Josefina; Ayala, Luis; Salas-Salvadó, Jordi; Muñiz, Ma José; Gamundí, Antoni; Martínez-Indart, Lorea; Masmiquel L, Lluis

    2014-03-01

    Antecedentes y objetivos: La desnutrición es muy frecuente en los pacientes que ingresan en el hospital. El objetivo de nuestro estudio es a) determinar la prevalencia de desnutrición al ingreso en un hospital de tercer nivel e identificar los factores de riesgo para desnutrición. b) Estudiar la sensibilidad y especifidad de diferentes test de cribado de desnutrición comparados con las valoración global subjetiva (VGS). Material y métodos: Realizamos un estudio prospectivo a las 24 h del ingreso hospitalario a individuos (56.4% hombres con una edad media de 61,3 ± 17 años) utilizando 4 test de cribado diferentes: mininutritional assessment short form (MNA-SF), nutritional risk screening 2002 (NRS2002), malnutrition universal screening tool (MUST) y VGS. Además, se recogieron medidas antropométricas y comorbilidades. Resultados: La prevalencia global de desnutrición fue de 47.3%. Las tasas específicas fueron 54,2% para > 65 años, 40,7% en < 65 años (p = 0,002), 63,4% en las áreas médicas, 34,0% áreas quirúrgicas (p < 0,001). Los factores que influían en la presencia de desnutrición al ingreso fueron: cardiopatía (OR 1,74 IC 95% 1,16-2,60 p = 0,007) en el MNA-SF (AUC 0,62); hepatopatía (OR 4,45 IC 95% 1.9410,22 p < 0,001), > 65años (OR 2,10 IC 95% 1,19-3,93 p = 0,011), áreas médicas (OR 3,58 IC 95% 1,93-6,62 p < 0,001) en la VGS (AUC 0,96); neumopatía (OR 3,34 IC 95% 1,45-7,73 p = 0,005), áreas médicas (OR 2,55 IC 95% 1,09-5,98 p = 0,032) en el NRS 2002 (AUC 0,97). La pérdida de peso involuntaria fue común a todos los test. Conclusiones: La desnutrición es frecuente al ingreso hospitalario. La presencia de comorbilidades puede influir en la presencia de desnutrición al ingreso, sin embargo, podemos utilizar cualquiera de los tests propuestos para su detección en nuestro hospital.

  2. [Reference values for cholesterol, triglycerides and glucose in a population of Hispanic children from 6 to 11 y, in the northern border of Mexico and the United States of America].

    PubMed

    Arenas Berumen, Ever; Gómez Miranda, Luis Mario; Torres Balcázar, Elías; Padilla Alvarado, Victor Hugo; Renteria, Ivan

    2014-10-31

    Introducción: El sobrepeso y la obesidad en niños de la frontera México-USA tienen una evolución distinta al resto de sus respectivos países, se requieren nuevos valores de referencia de colesterol, triglicéridos y glucosa para tratarla. Objetivo: Determinar los valores de referencia de colesterol, triglicéridos y glucosa en niños hispanos, de entre 6 y 11 años, en la frontera México-USA. Métodos: Estudio prospectivo, transversal, descriptivo y observacional. Se estudió una población de niños hispanos de entre 6 y 11 años de ambos sexos pertenecientes a tres instituciones públicas de las ciudades de Ensenada y Chihuahua, aleatoriamente elegidas. Las variables de estudio fueron los niveles de colesterol total (CT), triglicéridos (TG) y glucosa (G) en ayuno. Resultados: De 300 sujetos estudiados, 54 niños culminaron el estudio. Se observaron valores promedio altos de CT (168.7±27.2 mg/dl), TG (80.6±48.4 mg/dl) y G (88.3±8.9 mg/dl). Adicionalmente se observa un comportamiento, nunca antes reportado previamente hasta el límite del conocimiento de los autores, en los niveles de glucosa de los niños estudiados, éstos disminuyen conforme aumentan los de colesterol y triglicéridos. Para descartar una relación aleatoria entre las variables, se determinó el coeficiente de correlación de Pearson entre la Circunferencia de Cintura e IMC, verificándose una asociación inversa con la G y directa con los TG. Conclusión: Los valores de referencia para niños hispanos de entre 6 y 11 años que viven en la frontera norte de México-USA, difieren a los valores promedio nacionales de los países estudiados. Adicionalmente se requieren estudios en grupos poblacionales mayores para poder confirmar la tendencia observada en los niveles de glucosa de niños normales, con sobrepeso y obesos.

  3. [Complications of conventional and laparoscopic gastric bypass. Prospective and comparative study].

    PubMed

    Gramática, Luis; Palas Zúñiga, César E; Moreno, Walter; Álvarez Padilla, Facundo; Arias, Ariel; Lerda, Gustavo

    2014-01-01

    Antecedentes: el bypass gástrico en y de roux para el tratamiento de la obesidad mórbida representa hoy en día la opción terapéutica más segura y eficiente. la era laparoscópica ha demostrado sus beneficios en este tipo de cirugía, por lo que algunos autores abogan por su implementación en forma casi sistemática, conduciendo en los últimos años al inexorable cambio en la vía de abordaje. Objetivos: evaluar y comparar las complicaciones del bypass gástrico laparoscópico y convencional en pacientes con obesidad mórbida. Lugar de aplicación: hospital nacional universitario de autogestión. Diseño: estudio comparativo, prospectivo no randomizado. Población: entre el 2002 y 2011, 420 pacientes con obesidad mórbida recibieron un tratamiento quirúrgico para la obesidad ya sea en forma laparoscópica (253) o convencional (167). Resultados: el porcentaje de complicaciones postoperatorias tempranas fue del 4% en el grupo bgl y del 34% en el bgc (p <05, ic95% 22 - 38), representadas en su mayoría por seromas (25%) y abscesos de pared (5,4%). el porcentaje de complicaciones postoperatorias tardías fue del 2,8% en el grupo bgl y del 9,6% en el bgc (p= 0.004, ic95% 1,4 - 12,2), siendo las más frecuentes las eventraciones (7,2%). Conclusiones: de acuerdo a nuestra experiencia y a la literatura consultada, el bypass gástrico laparoscópico es un procedimiento seguro, reproducible y con una menor tasa de complicaciones tanto tempranas como tardías que el bg c, por lo que consideramos y ofrecemos al bgl como técnica ideal en el tratamiento de los pacientes con obesidad mórbida.

  4. [Food allergy diagnosis in patients with elimination diet history. Preliminary report].

    PubMed

    Navarrete-Rodríguez, Elsy Maureen; Del Río-Navarro, Blanca Estela; Pozo-Beltrán, César Fireth; García-Fajardo, Daniela Edith; Saucedo-Ramírez, Omar Josué; Castelán-Chávez, Enrique Emanuel

    2014-01-01

    Antecedentes: el diagnóstico de alergia alimentaria se realiza idealmente con reto doble ciego controlado con placebo; sin embargo, en muchas ocasiones sólo se basa en la historia clínica, en las pruebas cutáneas o, incluso, en la percepción de los padres. Con gran frecuencia se prescriben dietas de eliminación sin el abordaje adecuado. Objetivos: analizar los resultados de las pruebas diagnósticas de alergia alimentaria en un grupo de niños con dieta de eliminación y verificar esos estudios con la prueba de reto doble ciego. Material y método: estudio observacional, analítico, prospectivo, efectuado en un grupo de pacientes con dieta de eliminación por sospecha de alergia alimentaria. Se realizaron pruebas por punción, Prick-to-Prick y de parche a todos los pacientes y posteriormente se verificó la positividad de esas pruebas mediante reto doble ciego controlado con placebo. Resultados: se incluyeron 43 pacientes con un total de 1,935 pruebas. En el abordaje para sensibilidad inmediata y tardía no se encontró ninguna relación estadísticamente significativa entre la positividad de la prueba y la eliminación del alimento. Al momento se han realizado 50 retos, de los que 4 fueron positivos (8%). Conclusiones: la frecuencia de alergia comprobada por reto doble ciego controlado con placebo en 50 retos fue de 8% (4/50), por lo que en este reporte preliminar encontramos una alta frecuencia de eliminación de alimentos sin el sustento adecuado. Es muy importante que el diagnóstico de alergia alimentaria sea acertado y se base en el abordaje adecuado, porque la implementación de una dieta de eliminación en una población muy vulnerable, como los pacientes pediátricos, es de suma importancia y puede influir de manera negativa en su crecimiento y desarrollo.

  5. [Evaluation of two closed-system drug transfer device in the antineoplastic drug elaboration process].

    PubMed

    Gómez-Álvarez, Sandra; Porta-Oltra, Begoña; Hernandez-Griso, Marta; Pérez-Labaña, Francisca; Climente-Martí, Mónica

    2016-01-01

    Objetivo: evaluar el impacto del uso de dos sistemas cerrados sobre el proceso de preparación de quimioterapia parenteral, con respecto al sistema estándar, en términos de contaminación local y ambiental, y tiempos de preparación. Método: estudio observacional prospectivo. Se compararon dos proveedores distintos de sistemas cerrados, Icu Medical® y Care Fusion®, frente al sistema estándar de preparación de quimioterapia parenteral. Quince enfermeros del Servicio de Farmacia elaboraron cada uno de ellos 5 preparaciones, una siguiendo el procedimiento estándar y cuatro usando los sistemas cerrados. Para evaluar la aparición de contaminación se elaboró una solución de fluoresceína al 0,5%. Se evaluaron dos tipos de contaminación: local (en tres puntos: sistema acoplado a vial, jeringa y envase final) y ambiental (guantes y mesa de trabajo), obteniéndose el porcentaje de preparaciones contaminadas en cada uno de ellos. Se registró el tiempo empleado por cada enfermero en cada una de las preparaciones. Resultados: se elaboraron 75 preparaciones. Se produjo una reducción global de la contaminación local para los SC Icu Medical® y Care Fusion® del 24% y 74%, respectivamente. En el sistema cerrado Care Fusion® la contaminación local fue significativamente menor que en el sistema estándar en vial, jeringa y envase final; mientras que en el sistema cerrado Icu Medical® solo fue significativamente menor en la conexión al vial. Se produjo un incremento significativo del tiempo de preparación con la utilización de sistemas cerrados de los entre 23,4 y 30,5 segundos. Conclusiones: ambos sistemas cerrados han mostrado un beneficio con respecto a la utilización del sistema estándar. Sin embargo, se han visto incrementados significativamente los tiempos de preparación con ambos sistemas.

  6. [Not Available].

    PubMed

    Martínez-Lozano Aranaga, Fátima; Palacios Vales, Paula; Serrano Navarro, Juana María; Caballero Requejo, Carmen; Gómez Ramos, María Jesús; Sánchez Álvarez, Carmen

    2016-06-30

    Introducción: la composición lipídica de las fórmulas de nutrición parenteral (NP) se postula como posible factor de evolución clínica.Objetivo: evaluar las diferencias en eficacia y seguridad de dos emulsiones lipídicas en NP.Material y métodos: estudio clínico prospectivo de pacientes posquirúrgicos sometidos a NP durante más de 7 días en un periodo de 2 años. Se administraron de forma indistinta 2 tipos de emulsiones lipídicas: enriquecida con ácidos grasos omega 3 (SMOFlipid Fresenius Kabi®) o con ácido oleico omega 9 (Clinoleic Baxter®). Se analizaron variables epidemiológicas, analíticas, complicaciones infecciosas y mortalidad.Resultados: se estudió un total de 154 pacientes con edad media de 64,36 ± 13,73 años, de los que 95 eran hombres (61%), 78 (51%) recibieron SMOFlipid® y 76 (49%) Clinoleic®. La estancia media fue de 16,91 ± 4,23 días, la duración de la NP 9,68 ± 3,25 días y la mortalidad del 11%. Se diagnosticaron 58 (37%) infecciones. No existieron diferencias significativas en cuanto a los parámetros analíticos lipídicos, hepáticos o nutricionales (medidos al inicio y al 7.º día) ni en su evolución (estancia media, complicaciones infecciosas ni mortalidad) entre los dos grupos de pacientes.Conclusión: los pacientes sometidos a NP presentan similares características evolutivas con independencia de la emulsión lipídica utilizada. La bibliografía actual apunta a un beneficio de la disminución del aporte de ácidos grasos omega 9, pero no se han encontrado diferencias significativas entre las fórmulas comparadas.

  7. [Serum hormones that regulate the reproductive axis in men with testicular germ cell cancer and its impact on fertility].

    PubMed

    Tovar-Rodríguez, José María; Chávez-Zúñiga, Irma; Bañuelos-Ávila, Leticia; Vargas-Hernández, Víctor Manuel; Acosta-Altamirano, Gustavo

    2014-01-01

    Antecedentes: los estudios epidemiológicos tratan al cáncer germinal de testículo como una sola patología, el comportamiento de los dos tipos histológicos: el seminoma y no seminoma tienen diferencias en la secreción de hormonas reproductivas y alteran la fertilidad de forma diferente. Objetivo: demostrar que la concentración sérica de las hormonas hipofisarias que intervienen en la fertilidad y espermatogénesis en el varón afectado es diferente en los dos tipos histológicos. Material y métodos: estudio clínico, prospectivo, transversal, comparativo de tres grupos de pacientes. Por medio de radioinmunoensayo o ensayo inmunorradiométrico se determinaron las concentraciones de: hormona luteinizante, hormona folículo estimulante, testosterona total, prolactina, estradiol, gonadotropina coriónica humana y alfa feto proteína en suero de 37 pacientes (15 seminoma, y 22 no seminoma) y 35 controles. Se analizó el semen de los pacientes y se les interrogó acerca de su satisfacción de paternidad antes del diagnóstico de cáncer. Resultados: los pacientes con cáncer tipo seminoma fueron de mayor edad, se encontró disminución de: hormona luteinizante, hormona folículo estimulante y testosterona; aumento de: estradiol y prolactina en cáncer no seminoma, en comparación con seminoma. En los pacientes con no seminoma 9 ya tenían hijos, 5 eran oligozoospérmicos, 3 azoospérmicos y 6 con concentración normal 8 no proporcionaron muestra; en el grupo de seminona, 8 ya tenían hijos, sólo 1 azoospérmico; 9 concentración normal, y 5 no proporcionaron muestra. Conclusiones: el comportamiento hormonal es diferente en los hombres con cáncer no seminoma en comparación con los de seminoma, por lo que la repercusión negativa en el eje reproductor y fertilidad es mayor en los casos de no seminoma.

  8. DUCHAS VAGINALES Y OTROS RIESGOS DE VAGINOSIS BACTERIANA

    PubMed Central

    Chávez, Natividad; Molina, Helfer; Sánchez, Jorge; Gelaye, Bizu; Sánchez, Sixto E.

    2010-01-01

    Vaginosis bacteriana (VB) es una infección caracterizada por el cambio en la microflora de la vagina, asociándose a resultados adversos del embarazo y a la adquisición de infecciones de transmisión sexual (ITS), incluyendo el VIH. En este estudio se buscó la asociación entre el uso de duchas vaginales y otros factores de riesgos con VB. Se usó un diseño observacional descriptivo transversal prospectivo, en 1,252 mujeres que asistieron al servicio de planificación familiar de tres hospitales nacionales (Dos de Mayo, Arzobispo Loayza, San Bartolomé) y el Instituto Materno Perinatal, durante el año 1997. Se utilizó un cuestionario estructurado donde se registraron variables socio demográficas y características del estilo de vida de las participantes. VB fue diagnosticada mediante el puntaje de Nugent. Se empleó análisis de regresión logística para calcular odds ratio (OR) e intervalos de confianza al 95%. La edad promedio de las participantes fue 25.1 ± 4,7 años, el 23.4% tenían más de 11 años de educación. La prevalencía de VB fue 20,1%. Las mujeres que practicaban duchas vaginales tuvieron 2.28 veces (OR = 2.28, IC 95% [1.0–5.0]) mayor probabilidad de tener VB comparado con aquellas que no lo practicaban. Tener dos o más parejas sexuales estuvo asociado con 2.0 veces (OR =2.0, IC 95% [1.2–3.5]) mayor probabilidad de adquirir VB comparado con aquellas que habían tenido solo una pareja sexual. Las participantes que iniciaron una relación sexual a una edad temprana tuvieron 1.4 veces (OR=1.4, IC 95% [1.0 –1.9]) mayor probabilidad de adquirir VB. El uso de duchas vaginales es un factor de riesgo de VB. Los programas destinados a la salud de la mujer deben abordar las repercusiones perjudiciales para la salud asociados con las duchas vaginales. PMID:21132048

  9. [PRESSURE ULCER: INCIDENCE AND DEMOGRAPHIC, CLINICAL AND NUTRITION FACTORS ASSOCIATED IN INTENSIVE CARE UNIT PATIENTS].

    PubMed

    Oliveira Costa, Ana Carolina; Sabino Pinho, Cláudia Porto; Almeida dos Santos, Alyne Dayana; Santos do Nascimento, Alexsandra Camila

    2015-11-01

    La úlcera por presión (UP) es una lesión localizada en la piel y/o tejido subyacente, generalmente sobre prominencias óseas, provocada por la presión y/o asociada a cizallamiento. Aunque evitable, todavía es muy prevalente, siendo destacable que en su etiología están involucrados múltiples factores. Objetivo: identificar la incidencia de úlceras por presión y los factores demográficos, clínicos y nutricionales asociados en pacientes internados en la UCI de un hospital universitario. Métodos: estudio prospectivo, observacional, con pacientes internados en una UCI de un hospital universitario ubicado en el nordeste brasileño, durante el periodo de junio a noviembre de 2014. Se determinó la UP a través de la inspección corporal tres veces a la semana durante el baño matinal, con base en las características establecidas por la National Pressure Ulcer Advisory Panel, 2014. Se recolectaron datos demográficos, clínicos, bioquímicos y nutricionales. Se utilizó la escala de Braden para verificar a los individuos con riesgo de desarrollo de UP. Resultados: la muestra se compuso de 51 pacientes, con un promedio de edad de 57,7(± 16,4) años. Se verificó una incidencia de UP del 52,9%, y los factores asociados a su desarrollo fueron: uso de droga vasoactiva (p = 0,029), tiempo de hospitalización > 10 días (p ≤ 0,001) y ausencia de anemia (p = 0,011). Conclusión: la elevada incidencia de UP resalta la vulnerabilidad de los pacientes en cuidados intensivos. A pesar de caracterizarse por ser una condición multifactorial, solo el uso de drogas vasoactivas, el tiempo de hospitalización y la ausencia de anemia se asociaron a la aparición de UP. Factores nutricionales y clínicos frecuentemente relacionados a las lesiones se asociaron con su desarrollo.

  10. [Efficacy of topical ketorolac for improving visual function after photocoagulation in diabetic patients with focal macular edema].

    PubMed

    Razo Blanco-Hernández, Dulce Milagros; Lima-Gómez, Virgilio; Asbun-Bojalil, Juan

    2014-01-01

    Antecedentes: la fotocoagulación reduce la incidencia de pérdida visual en diabéticos con edema macular focal, aunque puede inducirla durante 6 semanas; la mejoría visual después del tratamiento es excepcional. El ketorolaco tópico puede limitar la inflamación causada por la fotocoagulación, y mejorar el desenlace visual. Objetivo: determinar la eficacia del ketorolaco tópico en la mejoría de la función visual después de la fotocoagulación, en diabéticos con edema macular focal. Material y métodos: estudio experimental, comparativo, prospectivo, longitudinal efectuado en diabéticos con edema macular focal, asignados al azar a dos grupos de tratamiento tópico durante 3 semanas después de la fotocoagulación (A: ketorolaco, B: placebo). En cada grupo se comparó la agudeza visual antes y después del tratamiento (t pareada) y entre grupos la proporción de ojos con mejoría visual (χ(2)). La evaluación se repitió con estratificación por agudeza visual inicial (≥ 0.5, < 0.5). Resultados: se analizaron 105 ojos; en el grupo A (n= 46) el promedio de agudeza visual cambió de 0.50 a 0.58 (p= 0.003), en el B (n= 59) de 0.55 a 0.55 (p= 0.83); el promedio del cambio porcentual fue 22.3% en el grupo A y 3.5% en el B (p= 0.03). Hubo mejoría visual en 25 ojos del grupo A (54.3%) y 19 del B (32.2%, p= 0.019, RR 1.65); la diferencia persistió cuando la agudeza visual inicial era ≥ 0.5 (10 [40%], grupo A, 5 [14.7%], grupo B, p= 0.02, RR 2.72). Conclusiones: el ketorolaco fue más eficaz que el placebo para mejorar la agudeza visual en pacientes diabéticos con edema macular focal.

  11. [VALIDATION OF A COMPUTER PROGRAM FOR DETECTION OF MALNUTRITION HOSPITAL AND ANALYSIS OF HOSPITAL COSTS].

    PubMed

    Fernández Valdivia, Antonia; Rodríguez Rodríguez, José María; Valero Aguilera, Beatriz; Lobo Támer, Gabriela; Pérez de la Cruz, Antonio Jesús; García Larios, José Vicente

    2015-07-01

    Introducción: uno de los métodos de diagnóstico de la desnutrición es la albúmina sérica, por la sencillez de su determinación y bajo coste. Objetivos: el objetivo principal es validar e implementar un programa informático, basado en la determinación de albúmina sérica, que permita detectar y tratar precozmente a los pacientes desnutridos o en riesgo de desnutrición, siendo otro objetivo la evaluación de costes por grupos relacionados por el diagnóstico. Métodos: el diseño del estudio es de tipo cohorte, dinámico y prospectivo, en el que se han incluido las altas hospitalarias desde noviembre del año 2012 hasta marzo del año 2014, siendo la población de estudio los pacientes mayores de 14 años que ingresen en los diversos servicios de un Hospital Médico Quirúrgico del Complejo Hospitalario Universitario de Granada, cuyas cifras de albúmina sérica sean menores de 3,5 g/dL, siendo el total de 307 pacientes. Resultados: de los 307 pacientes, 141 presentan desnutrición (sensibilidad del programa: 45,9%). El 54,7% de los pacientes son hombres y el 45,3% mujeres. La edad media es de 65,68 años. La mediana de la estancia es de 16 días. El 13,4% de los pacientes han fallecido. El coste medio de los GRD es de 5.958,30 € y dicho coste medio después de detectar la desnutrición es de 11.376,48 €. Conclusiones: el algoritmo que implementa el programa informático identifica a casi la mitad de los pacientes hospitalizados desnutridos. Es fundamental registrar el diagnóstico de desnutrición.

  12. Multidisciplinary teams involved: detection of drug-related problems through continuity of care.

    PubMed

    Romero-Ventosa, Elena Yaiza; Samartín-Ucha, Marisol; Martín-Vila, Alicia; Martínez-Sánchez, María Lucía; Rey Gómez-Serranillos, Isabel; Pineiro-Corrales, Guadalupe

    2016-11-01

    Objetivo: Cuantificar los problemas relacionados con los medicamentos (PRMs) mediante el establecimiento de un Programa Estratégico de Continuidad Asistencial (Programa e-Conecta-Concilia; e-CC) enfocado a la farmacoterapia de los pacientes pertenecientes a una Estructura Organizativa de Gestión Integrada, para garantizar la eficiencia, seguridad y trazabilidad terapéutica del paciente. Método: Estudio prospectivo de 8 meses de duración. Participaron en el proyecto 22 farmacéuticos de hospital y 12 de Atención Primaria. Se utilizó la historia clínica electrónica accesible a todos los niveles. Se llevaron a cabo las actuaciones necesarias para la creación de un procedimiento normalizado de trabajo (PNT) (creación de los grupos de trabajo, informática, puntos de encuentro) de coordinación entre farmacéuticos de diferentes niveles asistenciales con un sistema de comunicación común. Los grupos de trabajo constituidos por farmacéuticos de ambos niveles asistenciales establecieron los siguientes criterios de inclusión: pacientes con enfermedades crónicas y polimedicados, pacientes en los que se detectaba algún PRM, detección en Atención Primaria de un uso fuera de ficha técnica o discrepancias en la homologación de recetas sanitarias. Resultados: En el seno del Programa e-CC se unificaron las intervenciones y se identificaron discrepancias. Durante este proyecto se detectaron 245 problemas relacionados con los medicamentos, siendo los mayoritarios los de dosis, pauta o duración no adecuada (24%) y los que afectaban a los medicamentos del grupo B (33%), según la clasificación ATC. Conclusiones: La implantación de un PNT de Continuidad Asistencial entre farmacéuticos permitió detectar y resolver PRMs y discrepancias en la farmacoterapia de los pacientes, con un alto porcentaje de aceptación (84,1%) de las intervenciones.

  13. Adherence and safety study in patients on treatment with capecitabine.

    PubMed

    Fernández-Ribeiro, Francisca; Olivera-Fernández, Rosario; Crespo-Diz, Carlos

    2017-03-01

    Introducción: La introducción en la terapéutica de antineoplásicos orales ha provocado un cambio en la estrategia de tratamiento frente al cáncer. El objetivo de este trabajo fue analizar la adherencia en pacientes en tratamiento con capecitabina, los acontecimientos adversos y el estado general de salud de los pacientes, así como la relación de estos factores con la adherencia.Método: Estudio observacional prospectivo, de siete meses de duración, en una cohorte de pacientes en tratamiento con capecitabina, incluyendo los inicios y las continuaciones de tratamiento, independientemente del diagnóstico o la indicación. Se registraron variables demográficas (edad, sexo), de diagnóstico (cáncer de mama, colon-recto, gástrico, off-label), deadherencia (recuento de comprimidos, test de Morisky, de Sackett), de seguridad (valoración de acontecimientos adversos, evaluación clínica del oncólogo) y calidad de vida (performance status, test SF-12). Fuentes de datos: historia clínica electrónica (IANUS®), programa de dispensación a pacientes externos (Silicon ®) y entrevistas al paciente. Resultados: 111 pacientes evaluables, media de edad de 66,7 años (rango 32-86), ECOG PS 1 en el 76,6%. Nivel de adherencia: 78,4% (subgrupo inicio 81,7% vs. continuación 72,5%). Acontecimientos adversos: toxicidad cutánea (33,33%), astenia (25,22%), toxicidad gastrointestinal (24,32%) y neurológica (24,32%), en su mayoría G1. Estado de salud, test SF-12: valoración subjetiva “buena” en el 33,30%. Conclusiones: El bajo nivel de adherencia en el subgrupo de continuación puede relacionarse con la duración del tratamiento, las toxicidades, la evolución clínica y la percepción de su estado de salud. Es necesario un seguimiento individualizado en este grupo de pacientes para obtener una respuesta clínica favorable.

  14. FOOD CONSUMPTION PATTERNS DURING PREGNANCY: A LONGITUDINAL STUDY IN A REGION OF THE NORTH EAST OF BRAZIL.

    PubMed

    Da Mota Santana, Jerusa; Alves de Oliveira Queiroz, Valterlinda; Monteiro Brito, Sheila; Barbosa Dos Santos, Djanilson; Marlucia Oliveira Assis, Ana

    2015-07-01

    Introducción: las perspectivas de crecimiento en Brasil indican que los patrones dietéticos de la población se caracterizan por el aumento del consumo de grasas saturadas y trans, sodio, azúcares y refrescos. Este punto de vista epidemiológico y nutricional refleja el cambio en el patrón de la enfermedad y la muerte. Objetivo: este estudio tiene como objetivo identificar los patrones de consumo de alimentos y los cambios en la dieta en el primer y tercer trimestres del embarazo. Metodología: se trata de un estudio de cohorte prospectivo de 185 mujeres embarazadas del Estado de Bahía, a partir de 2012 a 2013. Se utilizó el cuestionario de frecuencia de alimentos para evaluar la ingesta alimentaria. Para identificar la norma alimentaria se adoptó el análisis factorial de componentes principales. Se utilizó la prueba de correlación de Pearson para identificar la correlación entre los patrones extraídos en cada trimestre. Resultados: se identificaron cuatro patrones de consumo de alimentos durante el embarazo. Hemos observado cambios en los patrones de alimentación durante los trimestres evaluados, especialmente para los grupos de frutas, café, grasas, frituras, azúcar y dulces. Discusión: estos cambios en la dieta durante el embarazo acompañan a los cambios fisiológicos de cada embarazo. En el primer trimestre son síntomas comunes las náuseas y los vómitos; por otro lado, también se manifiesta antojos en el mismo periodo, lo cual puede justificar el consumo de mayor cantidad de alimentos considerados saludables. Conclusión: se observaron cambios en el patrón alimentario a lo largo de los diversos trimestres del embarazo examinados, especialmente para los grupos de frutas, café, grasas, frituras, azúcar y dulces.

  15. [The impact of Pharmacy Intervention on the treatment of elderly multi-pathological patients].

    PubMed

    Delgado Silveira, Eva; Fernandez-Villalba, Elia María; García-Mina Freire, María; Albiñana Pérez, María Sandra; Casajús Lagranja, María Pilar; Peris Martí, Juan Francisco

    2015-07-01

    Objetivo: analizar el impacto de la Intervención Farmacéutica (IF), dentro del equipo asistencial que atiende al paciente mayor pluripatológico, en la evolución de los Problemas Relacionados con la Medicación (PRM) y los Resultados Negativos asociados con la Medicación (RNM). Estimar la prevalencia de PRM, RMN y Prescripciones Potencialmente Inadecuadas (PPI), y fármacos implicados, considerando las características de su ubicación asistencial. Método: estudio multicéntrico, prospectivo, de intervención, en pacientes mayores de 65 años pluripatológicos, institucionalizados u hospitalizados. El farmacéutico revisó la medicación crónica del paciente para detectar PRM y RNM y emitió recomendaciones al médico responsable del paciente, valorando posteriormente el efecto de dicha intervención. Los PRM y los RNM se clasificaron según el Tercer Consenso de Granada. Para la detección de PPI se utilizaron los Criterios STOPP/START. Las variables principales fueron: número IF realizadas y aceptadas por el médico. Resultados: se incluyeron 338 pacientes, presentando 326 (96,4%) algún PRM. Se detectaron 1.089 PRM, proponiéndose para su resolución 933 IF y aceptándose 651(69,9%). Las IF resolvieron 58,9% de los PRM, encontrándose asociación entre la IF y la resolución del PRM (p < 0.001). Las IF fueron más aceptadas en pacientes institucionalizados que en hospitalizados (p = 0,002), por médicos con mayor especialización (p < 0,001) y cuando implicaban RNM de seguridad cuantitativa (p = 0,042). Los criterios STOPP/START detectaron el 65% de las PPI, encontrándose más PPI no relacionadas con estos criterios en institucionalizados que en hospitalizados (p < 0,001). Conclusiones: la IF en el equipo interdisciplinar logra resolver de forma significativa los PRM y RNM en el paciente mayor pluripatológico, contribuyendo a mejorar la calidad de su farmacoterapia. Es el primer estudio multicéntrico de estas características realizado en España.

  16. [In Process Citation].

    PubMed

    Santos, Carla Adriana; Fonseca, Jorge; Carolino, Elisabete; Lopes, Teresa; Sousa Guerreiro, António

    2016-03-25

    Introducción y objetivos: el cobre (Cu) es un oligoelemento muy estudiado, pero poco se sabe de su evolución en los pacientes alimentados por gastrostomía endoscópica (GEP). Pretendemos evaluar la evolución del Cu sérico desde la gastrostomía hasta 12 semanas después de la intervención en estos pacientes alimentados con preparaciones domésticas.  Métodos: realizamos un estudio observacional prospectivo para evaluar el Cu sérico, la albúmina, la transferrina y el índice de masa corporal (IMC) en el momento de la GEP, tras 4 semanas y 12 semanas después de la intervención. Los datos incluyen edad, género, NRS 2002 y enfermedad subyacente: cánceres de cabeza y cuello (CCC) y disfagia neurológica (DN). Después de la intervención, estos pacientes fueron alimentados conpreparaciones domésticas. Resultados: 146 enfermos (89 hombres), entre 21-95 años: CCC-56, DN-90. Valores de Cu entre 42-160 μg/dl (normal: 70-140 μg/dl); normales 89% (n = 130); bajos 11% (n = 16), albúmina baja: 53% (n = 77), transferrina baja: 65% (n = 94), IMC bajo: 53% (n = 78). Después de 4 semanas: valores normales de Cu en 93% y bajos en 7%, albúmina baja en 34%, transferrina baja en 52%. Tras 12 semanas: valores normales de Cu en 95% y bajos en 5%, albúmina baja en 25%, transferrina baja en 32%. No encontramos diferencias significativas en el Cusérico cuando se compara edad, género, enfermedad subyacente, IMC, albúmina y transferrina. Conclusiones: la mayoría de los enfermos presentan Cu sérico normal en el momento de la gastrostomía. Para los enfermos con Cu sérico bajo antes del procedimiento, la alimentación con preparaciones domésticas parece suficiente para su normalización progresiva.

  17. [Nutritional status in university students: its relation to the number of daily intakes and macronutrients consumption].

    PubMed

    Pi, Romina Antonella; Vidal, Paula Daniela; Brassesco, Bárbara Romina; Viola, Lorena; Aballay, Laura Rosana

    2015-04-01

    Introducción: existe una creciente evidencia científica de que la nutrición ejerce una influencia tanto positiva como negativa en la salud a lo largo de la vida. Diversos autores han destacado que la población universitaria es un grupo especialmente vulnerable desde el punto de vista nutricional ya que se caracteriza por omitir comidas con frecuencia y realizar pequeñas ingestas repetidas veces entre las comidas principales. Objetivo General: establecer la relación existente entre el número de ingestas alimentarias diarias (NIAD), el consumo de macronutrientes y el estado nutricional (EN) en estudiantes de 23-33 años de la Universidad Tecnológica Nacional (UTN), de la ciudad de Córdoba, en el año 2013. Métodos: se utilizó un diseño prospectivo de tipo descriptivo simple correlacional de corte transversal. Se realizó análisis descriptivo e inferencial mediante modelos de regresión logística múltiple. Resultados: de la muestra analizada casi un 50% presentó sobrepeso (SP) y un 40% grasa corporal (GC) elevada. En relación al número de ingestas, los estudiantes que realizaron menos de 4 y más de 6 ingestas tuvieron 2 veces más chance de presentar exceso de peso y de GC. A medida que aumenta la edad también lo hacen los depósitos de GC, y cuando disminuyen los niveles de actividad física (AF) aumenta la chance de presentar un índice de masa corporal (IMC) y GC elevada. Por otro lado, el consumo excesivo de glúcidos aumenta la chance de presentar GC elevada y SP, y el de proteínas y lípidos, el riesgo de GC elevada. Conclusión: Se reconoce al NIAD inferior o superior al recomendado, el bajo nivel de AF, el elevado consumo de carbohidratos, y la edad superior a 29 años como variables relacionados con el SP y la GC elevada.

  18. [Giant retinal tears treated with lens sparing, bimanual 23 g vitrectomy without scleral buckle].

    PubMed

    Quezada-Ruiz, Carlos; Cano-Hidalgo, Rene Alfredo

    2014-01-01

    Antecedentes: el desgarro retiniano gigante es la rotura del espesor total de la retina neurosensorial con extensión circunferencial de 3 o más husos horarios aunado a desprendimiento de vítreo posterior, y constituye uno de los escenarios quirúrgicos más complejos para el cirujano de retina y vítreo. No existe consenso en cuanto a su manejo; sin embargo, tradicionalmente se ha empleado un abordaje que combina lensectomía, cerclaje y vitrectomía. Objetivo: reportar la evolución a dos años de 5 pacientes con desgarro gigante tratados con vitrectomía 23 g, abordaje bimanual, sin lensectomía y sin cerclaje escleral. Material y métodos: estudio descriptivo, retrospectivo de pacientes con desgarro retiniano gigante, tratados con vitrectomía 23 g, abordaje bimanual, sin lensectomía ni cerclaje escleral. Se estudiaron la edad, estado del cristalino, etiología y extensión del desgarro, agudeza visual, resultado anatómico, taponamiento usado, criopexia o láser. Resultados: se incluyeron 3 pacientes con miopía alta, 1 con traumatismo contuso y 1 con síndrome de Wagner-Stickler. La extensión del desgarro fue de 120 a 280°. Todos con éxito anatómico y mejoría de la agudeza visual. Un paciente con vitreorretinopatía proliferativa se reintervino y la retina permaneció aplicada hasta el final del periodo analizado. Conclusiones: en este selecto grupo de pacientes la vitrectomía calibre 23 con abordaje bimanual, sin cerclaje escleral y sin tocar el cristalino, dio buenos resultados anatómicos y visuales en un seguimiento a dos años. Para establecer el papel que corresponde a esta técnica en el tratamiento de esta compleja patología se requieren estudios prospectivos y comparativos.

  19. Effectiveness and safety of pemetrexed for non-small cell lung cancer in the Andalusian Public Health System.

    PubMed

    Pérez-Moreno, María Antonia; Cotrina-Luque, Jesús; Galván-Banqueri, Mercedes; Flores-Moreno, Sandra; Bautista-Paloma, Francisco Javier; Calleja-Hernández, Miguel Ángel

    2016-11-01

    Eastern Cooperative Oncology Group. El perfil de toxicidad fue bien tolerado. Serían necesarios estudios prospectivos para confirmar el efecto de los factores pronósticos observados.

  20. [Insomnia: prevalence in Cordoba city hospital].

    PubMed

    Fernandez, M E; Lopez, S M; Cazaux, A; Cambursano, V H; Cortes, J R

    2012-01-01

    Introducción: Insomnio es el trastorno caracterizado por sueño deficiente o de mala calidad con consecuencias diurnas adversas. La prevalencia es 30-50% en adultos y puede llevar al desarrollo de depresión. A pesar de las altas tasas de prevalencia es una entidad poco reconocida, subdiagnosticada y subtratada. Poco se ha publicado acerca de la prevalencia en pacientes con enfermedades crónicas. Objetivos: conocer prevalencia y características clínicas del insomnio en pacientes ambulatorios con enfermedades crónicas. Materiales y métodos: Estudio prospectivo descriptivo observacional de corte transversal. Se definió insomnio en base a los criterios del ICSD-2. La obtención de los datos se realizó por un cuestionario autoadministrado. Resultados: Encuestamos a 100 pacientes que acudieron a la consulta de diferentes especialidades clínicas, edad promedio 50 años. El 57% mujeres. El 69% cumplía criterios de insomnio. Las enfermedades más prevalente fueron HTA: 57%; asma: 20%, diabetes: 18% e hipotiroidismo: 17%. Entre los pacientes con insomnio, el 62% fueron mujeres, el 35 % lo presentaban de manera aislada y el restante 65% presentaba condiciones asociadas a insomnio secundario (el 60% presentaban depresión). La cuarta parte de los pacientes consultó por insomnio alguna vez. La prevalencia de criterios de depresión en los enfermos crónicos analizados fue de 52%, y asciende a 63% en los pacientes que padecen insomnio. Discusión: La prevalencia de insomnio en pacientes con enfermedades crónicas es alta, siendo en pacientes ambulatorios con enfermedades crónicas del 69%, muy superior a la media descripta en la población general. Es una entidad subtratada. Conclusiones: La prevalencia de insomnio en pacientes con enfermedades crónicas es alta, está subdiagnosticada y subtratada. Presenta una asociación significativa con depresión.

  1. [Microsurgical anatomy importance of A1-anterior communicating artery complex].

    PubMed

    Monroy-Sosa, Alejandro; Pérez-Cruz, Julio César; Reyes-Soto, Gervith; Delgado-Hernández, Carlos; Macías-Duvignau, Mario Alberto; Delgado-Reyes, Luis

    2013-01-01

    Antecedentes: la arteria cerebral anterior se origina de la bifurcación de la arteria carótida interna lateral al quiasma óptico, posteriormente se une con su homóloga contralateral mediante la arteria comunicante anterior. El complejo precomunicante(A1)-arteria comunicante anterior es el lugar más frecuente de variantes anatómicas y el sitio con mayor cantidad de aneurismas (30 a 37%). Objetivo: conocer la anatomía microquirúrgica, las variantes anatómicas y la importancia del complejo segmento precomunicante-arteria comunicante anterior en cirugía neurológica de la patología vascular, principalmente aneurismas, en población mexicana. Material y métodos: estudio prospectivo y descriptivo efectuado en el Departamento de Anatomía de la Facultad de Medicina (UNAM) en 30 encéfalos inyectados. Se estudió la anatomía microquirúrgica (longitud y calibre) del complejo segmento precomunicante-arteria comunicante anterior de la arteria cerebral anterior y sus variantes. Resultados: se encontraron 60 segmentos precomunicantes. La longitud promedio del lado izquierdo fue de 11.35 mm y del derecho de 11.84 mm. El calibre medio en el lado izquierdo fue de 1.67 mm y en el derecho de 1.64 mm. El número promedio de perforantes en el lado izquierdo fue de 7.9 y en el derecho de 7.5. La arteria comunicante anterior se encontró en 29 encéfalos sobre el quiasma óptico, su trayecto dependió de la longitud del segmento A1. La longitud media del segmento fue de 2.84 mm, el calibre fue de 1.41 mm y el número promedio de perforantes de 3.27. En 18 encéfalos (60%) se encontraron variantes del complejo A1-arteria comunicante anterior y dos aneurismas tipo blíster. Conclusión: es necesario entender la anatomía microquirúrgica del complejo segmento precomunicante-arteria comunicante anterior y conocer las variantes para tener una visión en tercera dimensión durante la cirugía de aneurismas.

  2. [Association between sucrose intake and cancer: a review of the evidence].

    PubMed

    Aranceta Bartrina, Javier; Pérez Rodrigo, Carmen

    2013-07-01

    Objetivos: El objetivo de esta revisión es resumir la evidencia disponible sobre la asociación entre el consumo de azúcar, principalmente sacarosa, y el riesgo de cáncer de distinta localización. Métodos: Se ha realizado una revisión de los principales informes publicados, las revisiones sistemáticas, metanálisis, así como grandes estudios epidemiológicos prospectivos publicados con fecha posterior al 1 de enero de 2007 hasta 31 de diciembre de 2012 sobre la asociación entre el consumo de azúcar, principalmente sacarosa, y el riesgo de cáncer. Resultados: La evidencia de asociación entre la ingesta de mono y disacáridos con los distintos tipos de cáncer es insuficiente o existe evidencia de no asociación. Sólo existe evidencia posible de una relación positiva entre la ingesta de monosacáridos (fructosa y glucosa) y el riesgo de cáncer de páncreas. La evidencia sobre la asociación entre la ingesta de monosacáridos y el riesgo de obesidad es insuficiente, lo mismo que en relación con la ingesta de sacarosa o azúcar añadido y el riesgo de obesidad en adultos o en niños. Existe evidencia posible de una asociación positiva entre el índice glucémico (IG) y cáncer colorrectal y de que no hay asociación entre el IG y el riesgo de cáncer de endometrio, mama y páncreas. Conclusiones: Es necesario seguir investigando. Son especialmente necesarios estudios de cohortes y serían deseables estudios aleatorizados de intervención, aunque son difíciles en este ámbito.

  3. Análise da cinemática interna das regiões HII gigantes e das galáxias HII

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Plana, H.; Telles, E.; Maíz-Apellániz, J.

    2003-08-01

    Neste trabalho nós mostramos os primeiros resultados de um estudo sobre a cinemática das Regiões HII Gigantes (GHIIRs) em galáxias próximas. Essas regiões HII têm um diâmetro médio entre 100 pc e 1000 pc e uma taxa de formação estelar de 106 M¤ / ano sendo equivalente à observada em galáxias de tipo tardio correspondendo a uma taxa de formação estelar por unidade de volume uma ordem de magnitude maior que a observada em regiões HII normais. Usando espectros de fenda longas em várias posições, nós construímos mapas de velocidades, de dispersão e de intensidade para várias linhas de emissão como Ha, Hb, [NII]6584 Å, [OIII]5007 Å e o doublet de [SII], para cinco regiões gigantes: NGC 2403 II e IV, NGC 595, NGC 5461, NGC 5471, NGC 5455. O estudo da cinemática (mapas de velocidades e da dispersão) mostrou, por exemplo, a presença de cascas em expansão em NGC 595 ou perfis de emissão com várias componentes em NGC 5461. Os perfis de emissão também mostram velocidades supersônicas. Os resultados são discutidos em comparação com os de estudos anteriores realizados.

  4. A preliminary inventory of the catfishes of the lower Rio Nhamundá, Brazil (Ostariophysi, Siluriformes)

    PubMed Central

    Duarte Ribeiro, Emanuell; Nogueira Machado, Valéria; Hrbek, Tomas; Farias, Izeni Pires

    2015-01-01

    Abstract The Rio Nhamundá is a poorly-known clearwater river draining the southern Guiana Shield of Brazil. In this study we report the findings of a preliminary ichthyological survey, focusing on catfishes (Siluriformes). We identify a total of 36 species (31 genera, seven families) from the Nhamundá, including 11 species already recorded from the river. Overall, our survey results show that even rapid surveys can provide important information on Amazon fish biodiversity, suggesting potential new species, providing range extensions for nominal species, and additionally highlighting taxa in need of taxonomic revision and genetic study. As well as the traditional forms of data collected on biodiversity surveys (i.e. preserved specimen vouchers), our study also provides "new" types of data in the form of DNA barcodes and images of fishes exhibiting colouration in life, information that will be invaluable in future work addressing difficult groups. O Rio Nhamundá é um rio de água clara, pouco conhecido, que drena parte do Escudo das Guianas em território brasileiro. Nesse estudo, nós reportamos os resultados de um levantamento ictiofaunístico preliminar dessa área, tendo como foco os bagres (Siluriformes). Nós identificamos um total de 36 espécies (31 gêneros, sete famílias) provenientes de nossa coleta, e adicionamos 11 espécies já conhecidas para o rio. De maneira geral, os resultados de nossa pesquisa mostram que mesmo levantamentos rápidos podem gerar informações importantes sobre a biodiversidade de peixes amazônicos, sugerindo potenciais espécies novas, ampliando a área de distribuição de espécies, além de apontar a necessidade de revisões taxonômicas e estudos genéticos para alguns taxa. Para além das formas tradicionais de dados coletados em pesquisas de biodiversidade (i.e. espécimes preservados), nosso estudo fornece "novas" formas de dados, como DNA barcodes e imagens com o padrão de coloração dos espécimes vivos, informa

  5. Translation, Cultural Adaptation and Validation of the Power of Food Scale for Use by Adult Populations in Portugal.

    PubMed

    Ribeiro, Gabriela; Santos, Osvaldo; Camacho, Marta; Torres, Sandra; Mucha-Vieira, Filipa; Sampaio, Daniel; Oliveira-Maia, Albino J

    2015-01-01

    Introdução: A Power of Food Scale é uma escala que avalia um constructo designado por fome hedónica, frequentemente definido como o apetite por alimentos de elevada palatibilidade, mais do que a sua ingestão propriamente dita. Este estudo teve como objetivo a caracterização das propriedades psicométricas de uma versão portuguesa da Power of Food Scale, nomeadamente da sua fiabilidade e validade de constructo. Material e Métodos: Os dados foram obtidos de 1266 participantes adultos, provenientes de três amostras distintas: duas amostras não clínicas e uma amostra clínica de indivíduos com obesidade severa, candidatos a cirurgia da obesidade. Resultados: Verificamos que a estrutura factorial da versão portuguesa da Power of Food Scale é semelhante à do questionário original e que apresenta fiabilidade teste-reteste e validade de constructo adequadas. Adicionalmente, apresentamos neste estudo o primeiro contributo para a definição de normas populacionais para os scores da Power of Food Scale. Discussão: A versão portuguesa da Power of Food Scale apresentou boas propriedades psicométricas: é um instrumento válido e fiável para a avaliação do constructo fome hedónica, suportando a sua utilização tanto em amostras clínicas como não clínicas, bem como em estudos longitudinais. Conclusão: Estes resultados demostram que a versão portuguesa da Power of Food Scale é um instrumento útil, tanto em contexto clínico, como de investigação, nomeadamente para o estudo do constructo fome hedónica em populações de língua portuguesa, incluindo populações clínicas de indivíduos com obesidade.

  6. Causes of Death in an Acute Psychiatric Inpatient Unit of a Portuguese General Hospital.

    PubMed

    Barbosa, Sofia; Sequeira, Márcia; Castro, Sara; Manso, Rita; Klut Câmara, Catarina; Trancas, Bruno; Borja-Santos, Nuno; Maia, Teresa

    2016-08-01

    Introdução: Os doentes afectos de patologia psiquiátrica apresentam maior risco de morte, tanto por causas naturais como não naturais. Este estudo avalia as causas de morte de todos os doentes de uma unidade de internamento de agudos de Psiquiatria num hospital geral em Portugal, ao longo de dezasseis anos (de 1998 a 2013). Material e Métodos: Vinte e um doentes morreram na unidade de internamento de doentes agudos entre 1998 e 2013 (média 1,3 por ano). As características demográficas, os diagnósticos médicos e psiquiátricos foram recolhidos através de um estudo retrospectivo que consistiu na análise dos processos clínicos da amostra selecionada. Os doentes transferidos para outras enfermarias durante o internamento não foram incluídos no estudo. Resultados: As doenças do sistema circulatório foram as causas de morte mais prevalentes, ocorrendo em 2/3 dos doentes, incluindo embolismo pulmonar (n = 6), acidente vascular cerebral (n = 3), arritmia cardíaca (n = 2), enfarte agudo do miocárdio (n = 1), rutura de aneurisma da aorta abdominal (n = 1) e insuficiência cardíaca (n = 1). Dois doentes morreram de pneumonia e em quatro casos a causa de morte foi indeterminada. Apenas um caso de suicídio foi registado. Discussão: As doenças do aparelho circulatório foram as causas de morte mais frequentes nesta unidade de agudos. O suicídio em doentes internados, apesar de constituir um evento raro, é uma realidade que comporta consequências complexas para os profissionais de saúde, familiares e restantes doentes, devendo permanecer como foco de prevenção continuada. Conclusão: Os estudos de mortalidade são importantes para determinar a qualidade dos cuidados de saúde e criar recomendações para medidas preventivas.

  7. A preliminary inventory of the catfishes of the lower Rio Nhamundá, Brazil (Ostariophysi, Siluriformes).

    PubMed

    Collins, Rupert A; Duarte Ribeiro, Emanuell; Nogueira Machado, Valéria; Hrbek, Tomas; Farias, Izeni Pires

    2015-01-01

    The Rio Nhamundá is a poorly-known clearwater river draining the southern Guiana Shield of Brazil. In this study we report the findings of a preliminary ichthyological survey, focusing on catfishes (Siluriformes). We identify a total of 36 species (31 genera, seven families) from the Nhamundá, including 11 species already recorded from the river. Overall, our survey results show that even rapid surveys can provide important information on Amazon fish biodiversity, suggesting potential new species, providing range extensions for nominal species, and additionally highlighting taxa in need of taxonomic revision and genetic study. As well as the traditional forms of data collected on biodiversity surveys (i.e. preserved specimen vouchers), our study also provides "new" types of data in the form of DNA barcodes and images of fishes exhibiting colouration in life, information that will be invaluable in future work addressing difficult groups. O Rio Nhamundá é um rio de água clara, pouco conhecido, que drena parte do Escudo das Guianas em território brasileiro. Nesse estudo, nós reportamos os resultados de um levantamento ictiofaunístico preliminar dessa área, tendo como foco os bagres (Siluriformes). Nós identificamos um total de 36 espécies (31 gêneros, sete famílias) provenientes de nossa coleta, e adicionamos 11 espécies já conhecidas para o rio. De maneira geral, os resultados de nossa pesquisa mostram que mesmo levantamentos rápidos podem gerar informações importantes sobre a biodiversidade de peixes amazônicos, sugerindo potenciais espécies novas, ampliando a área de distribuição de espécies, além de apontar a necessidade de revisões taxonômicas e estudos genéticos para alguns taxa. Para além das formas tradicionais de dados coletados em pesquisas de biodiversidade (i.e. espécimes preservados), nosso estudo fornece "novas" formas de dados, como DNA barcodes e imagens com o padrão de coloração dos espécimes vivos, informa

  8. Guide to the Identification and Geographic Distribution of Lutzomyia Sand Flies in Mexico, the West Indies, Central and South America (Diptera:Psychodidae)

    DTIC Science & Technology

    1994-03-31

    Brasil Ent. 33:455-463. Blancas, F. & A. Herrer. 1959-1960. Estudios s~bre Ia enfermedad de Carrion en el valle interandino del Mantaro. mI. Descripcion... tipo do capture de 64 espdcies idaitificadas. Rev. Ser. Exp. Siude Pub. 2:817-842. References Cited 807 Damasceno, R. G. & 0. R. Causey. 1944. Estudo...r6giones endtmicas leishmaniasis cutbnea del Paraguay. Rev. Med. Paraguay 2:12. Gonzalez, R. B. & 1. Garcia Avila. 1981. Estudio y distribucion de la

  9. Aerobic program in persons with stroke: a systematic review.

    PubMed

    Francica, Juliana V; Bigongiari, Aline; Mochizuki, Luis; Miranda, Maria Luiza J; Rodrigues, Bruno

    2014-01-01

    Introdução: O objetivo deste estudo foi realizar uma revisão sistemática sobre o exercício após acidente vascular cerebral.Material e Métodos: Para isso, foi realizada uma revisão sistemática de ensaios clínicos randomizados e controlados publicados no PubMed e PEDro. Os critérios para inclusão dos artigos foram: Estudos - ensaios clínicos randomizados ou controlados; participantes - adultos de qualquer idade com diagnóstico clínico de acidente vascular cerebral; intervenções - qualquer treino físico aeróbio que vise melhorar a capacidade e/ou função cardiovascular. Dois revisores independentes categorizaram os ensaios selecionados, avaliaram a qualidade metodológica e extraíram os dados relevantes. A análise realizada foi dos vários protocolos usados tanto para a avaliaçãoe treino de indivíduos pós-acidente vascular cerebral.Resultados: De acordo com estudos clínicos analisados, uma vasta gama de instrumentos foi utilizada para medir a capacidade funcional dos pacientes. Ergometria e ergoespirometria foram os principais dispositivos da avaliação da capacidade cardiovascular. Treino\\exercício na bicicleta ergométrica foi a estratégia de treino mais comumente usada, e fisioterapia convencional (baseada em alongamentos, fortalecimentos, treino de equilíbrio, coordenação e marcha) foi a terapia de controle mais frequente.Discussão: A duração do programa variou de 4 semanas a 6 meses, a frequência semanal média foi de três sessões por semana, enquanto que a intensidade do treinamento variou de 40 a 80% da frequência cardíaca máxima ou VO2 máximo. A duração de sessões de treino variou entre 25 minutos a 1 hora.Conclusão: O treino físico é uma ferramenta promissora para o tratamento de pacientes pós-AVC, tanto em termos de melhoria da capacidade funcional e da capacidade cardiovascular. No entanto, mais estudos são necessários para ampliar a área de atuação terapêutica nesta população.

  10. [Relationship between smoking and anxiety and depression in primary care].

    PubMed

    Farinha, Helder; Raposo de Almeida, Joana; Aleixo, Ana Rita; Oliveira, Hugo; Xavier, Filomena; Santos, Ana Isabel

    2013-01-01

    Introdução: A prevalência de tabagismo em Portugal é estimada em 19,7% (2005). O tabagismo é prevalente nas perturbações da ansiedade. Alguns estudos referem que 60% dos fumadores tem história de depressão. A dependência tabágica pode ser avaliada pela escala de Fagerström. A Escala de Ansiedade e Depressão Hospitalar permite estimar a ansiedade e depressão. O objectivo deste trabalho foi procurar a existência de relação entre tabagismo e ansiedade/depressão em utentes de oito unidades de cuidados primários.Material e Métodos: Foi desenhado um estudo observacional, descritivo, transversal, analítico. Inquérito anónimo. Foram considerados como critérios de inclusão os utilizadores das unidades, maiores de 18 anos e alfabetizados e de exclusão os menores de 18 anos ou erros no preenchimento dos inquéritos. As variáveis consideradas foram: Fagerström, Escala de Ansiedade e Depressão Hospitalar, idade, estado civil, género, profissão, escolaridade.Resultados: Foram considerados no estudo um total de 608 indivíduos, sendo 64% do género feminino e 21% de fumadores. Não verificámos diferenças em termos de ansiedade ou depressão na comparação entre não fumadores, ex-fumadores e fumadores. Verificámos que o grau de dependência da nicotina varia directamente com a ansiedade e depressão embora só se encontre relação estatisticamente significativa no género feminino, mesmo após correcção do efeito da idade.Discussão: Existe relação entre dependência da nicotina e gravidade de sintomas de ansiedade e depressão, sobretudo no género feminino. Limitação: viés de selecção.Conclusão: Este estudo fornece informação relativa aos factores psicológicos associados ao consumo de tabaco, podendo ser útil no tratamento da dependência de nicotina.

  11. Technical Evaluation Report on the Fluid Dynamics Panel Symposium on Aerodynamics of Hypersonic Lifting Vehicles.

    DTIC Science & Technology

    1988-04-01

    review er’s kniowledige, the first t ime thlat tre rarisferai Ii ty of a major hvper-sonir- code has been evalu- ait ert tAPER? 32. HODGES ind WARDI ri i...PORTUGAL GERMANY Portuguese National Coordinator to AGARD Fachinformationszentrum Energie, Gabinete de Estudos e Programas Physik. Mathematik GmbH CLAFA...Karlsruhe Base de Alfragide D-754 Egentei-Lcooldhafn 2Alfragi eD-7S4 EgenseinLcooldsafei 22700 Amadora GREECE TRE Hellenic Air Force General Staff Milli

  12. Instabilidade de Kelvin-Helmholtz em Raios Cometários

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Matsuura, O. T.; Shigueoka, H.; Voelzke, M. R.

    1995-08-01

    Raios cometários são estruturas finas e longas da cauda de cometas do Tipo I (ou de plasma). Como eles apresentam simetria cilíndrica, admitem modelos MHD simples. Este trabalho explora essa possibilidade, apresentando um estudo sistemático da estabilidade e das oscilações de raios cometários na aproximação de plasma homogêneo. O critério de estabilidade, combinado com dados observacionais de perturbações (ondas, hélices, rupturas etc), constitui um importante diagnóstico da velocidade do plasma cometário em relação ao vento solar circundante, contribuindo assim para esclarecer questões fundamentais, tais como, o papel da instabilidade de Kelvin-Helmholtz na aceleração do plasma cometário, a propagação, conversão de modos e amortecimento de certas ondas do espectro MHD nos raios cometários. Os resultados deste estudo nortearão a análise de um grande número de imagens do Cometa Halley arquivadas em CD-ROM pela equipe dos fenômenos de grande escala do International Halley W!

  13. Método numérico das diferenças finitas no domínio do tempo aplicado a ondas Alfvén em plasma astrofísico

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Dos Santos, L. C.; Kintopp, J. A.; Jatenco-Pereira, V.; Opher, R.

    2003-08-01

    Ondas Alfvén em plasma astrofísico têm sido objeto de intenso estudo nas últimas décadas pelo fato de apresentarem papel importante em muitas áreas de pesquisa na astrofísica. Particularmente são importantes no mecanismo de aquecimento da coroa solar; em ventos estelares; em jatos galácticos e extragalácticos; em discos protoestelares, etc. A formulação para diferenças finitas no domínio do tempo (FDTD), aplicada a plasma magnetizado é desenvolvida para estudo das propriedades de ondas Alfvén em três dimensões (3D-FDTD). O método é aplicado inicialmente a um plasma homogêneo e isotérmico imerso em uma região com campo magnético externo B0, que sofre uma pequena perturbação. Uma vez gerada a onda, esta perturbação é retirada e, então analisamos a evolução temporal das ondas, bem como a forma de seu amortecimento.

  14. [The Role of Aspirin in Preeclampsia Prevention: State of the Art].

    PubMed

    Campos, Ana

    2015-01-01

    Introdução: O papel do ácido acetilsalicílico (AAS ou aspirina) na prevenção das complicações associadas à pré-eclâmpsia tem sido objeto de estudos e de controvérsias ao longo de 30 anos. Os primeiros trabalhos de investigação acerca do papel da placenta na génese da pré-eclâmpsia surgiram em finais dos anos 70 e assinalavam um aumento da atividade plaquetária e alteração da síntese das prostaglandinas, como consequência da deficiente adaptação da placenta. Ao longo dos últimos 20 anos do século XX, sucederam-se estudos de investigação acerca do papel profilático da aspirina na redução do risco de pré-eclâmpsia. Material e Métodos: Para analisar os trabalhos publicados sobre o uso da aspirina na prevenção da pré-eclâmpsia, bem como sobre a dose mais adequada e momento de administração, foram consultados apenas estudos prospetivos, revisões sistemáticas e meta-análises através das seguintes fontes pesquisa (PubMed, Cochrane, Embase). Os artigos citados foram considerados os mais relevantes. Os trabalhos foram divididos em dois grupos: no primeiro foram incluídos os trabalhos em que a aspirina era administrada até às 16 semanas e o segundo, com início de administração por um período mais alargado. Resultados e Discussão: No primeiro grupo, com menor número de casos, mas com início mais precoce de administração do fármaco, até às 16 semanas, concluiu-se que a aspirina poderia ter um papel positivo na redução de risco de gravidade da pré-eclâmpsia; o segundo grupo, com maior número de casos nos estudos, mas com condições menos restritas de entrada e de tempo de início do fármaco, teve resultados mais controversos. As meta-análises destes estudos concluíram que os resultados favoráveis estavam associados às condições de e momento da administração. Conclusão: Não existindo ainda alternativas ou fármacos que lhe possam ser associados, a aspirina em baixas doses (80 a 150 mg/ dia) ao deitar

  15. Pediatric Multiple Sclerosis in Portugal: A Multicentre Study.

    PubMed

    Correia, Ana Sofia; Augusto, Luís; Meireles, Joana; Pinto, Joana; Sousa, Ana Paula

    2016-08-01

    Introdução: A esclerose múltipla é habitualmente diagnosticada em adultos jovens mas, mais raramente, pode manifestar-se durante a infância ou adolescência. Os dados sobre a esclerose múltipla pediátrica em Portugal são escassos. O objectivo principal deste estudo é a avaliação das características demográficas, clínicas, laboratoriais e neurorradiológicas da esclerose múltipla de início em idade pediátrica em Portugal. Os objetivos secundários consistem na comparação entre a esclerose múltipla de início na infância e a esclerose múltipla de início na adolescência e na caracterização dos tratamentos prescritos. Material e Métodos: Realizou-se um estudo retrospectivo, observacional e multicêntrico, que consistiu na análise dos dados de todos os doentes com apresentação da EM antes dos 18 anos. Resultados: Incluíram-se 46 doentes (72% do sexo feminino), com uma idade média de diagnóstico de 16,1 anos. Seis casos tiveram início na infância, 40 na adolescência. A esclerose múltipla apresentou-se em 98% dos casos com a forma surto-remissão. O estudo do líquor revelou bandas oligoclonais em 74% dos doentes. A ressonância magnética encefálica mostrou predominantemente lesões supratentoriais (98% dos casos), enquanto que a ressonância medular revelou que o segmento cervical foi o mais frequentemente afectado. Todos os doentes iniciaram terapêutica imunomoduladora (75% com interferão β). Relativamente às diferenças entre os dois grupos etários, encontrámos uma maior proporção de doentes do sexo masculino e com pleocitose no grupo com apresentação na infância. Discussão: Este trabalho fornece novos dados sobre as características da esclerose múltipla pediátrica em Portugal e os resultados são semelhantes aos reportados em outras partes do mundo. Conclusão: Este é o primeiro estudo multicêntrico português sobre a esclerose múltipla com apresentação na infância e adolescência. Mais estudos são necess

  16. Depression and anxiety following deep brain stimulation in Parkinson's disease: systematic review and meta-analysis.

    PubMed

    Couto, Maria Inês; Monteiro, Ana; Oliveira, Ana; Lunet, Nuno; Massano, João

    2014-01-01

    Introdução: A estimulação cerebral profunda (ECP) é eficaz na doença de Parkinson (DP) avançada, melhorando sintomas motores, flutuações e a qualidade de vida. No entanto, têm sido reportados efeitos adversos psiquiátricos, mas de uma forma variável e não padronizada. O objectivo deste artigo é analisar e sumarizar a evidência publicada sobre sintomas depressivos e ansiedade em doentes com DP após ECP, através de revisão sistemática e meta-análise. Material e Métodos: A PubMed foi pesquisada até Maio 2012 para identificar os estudos que avaliaram sintomas depressivos e ansiedade em doentes com doença de Parkinson submetidos a estimulação cerebral profunda bilateral do núcleo subtalâmico (NST) ou globo pálido interno (GPi). Foram feitas meta-análises com modelo de efeitos aleatórios para grupos de pelo menos três estudos homogéneos em relação ao desenho e instrumentos utilizados. Resultados: Foram selecionadas 63 referências; 98,4% continham dados relativos a escalas de avaliação de depressão e 38,1% relativos a ansiedade. Dois estudos não discriminavam o alvo usado; nos restantes 61 foi feita avaliação de curto prazo em 37 (60,7%), de médio prazo em 36 (59,0%) e de longo prazo em 5 (8,2%). Foram encontrados dados sobre variação pré/pós operatória em 57 (93,4%) estudos e 16 (26,2%) continham dados comparando ECP-NST versus outros grupos: ECP-GPi (n = 4 estudos, 25,0%), elegíveis para cirurgia (n = 6, 37,5%), e tratamento médico (n = 7, 43,8%). Discussão: É aparente a melhoria de depressão e ansiedade após ECP, sobretudo a curto prazo, efeito que tende a esbater-se em avaliações posteriores. Em relação à depressão a ECP-NST mostrou-se superior ao tratamento médico, mas não em comparação com o grupo de controlo elegível para cirurgia. Verificou-se o resultado oposto para a ansiedade, uma vez que os resultados favorecem o tratamento médico sobre a ECP-NST, e esta sobre o grupo de elegíveis para cirurgia

  17. [Effectiveness of cognitive behavioral therapy on weight loss after two years of bariatric surgery in morbidly obese patients].

    PubMed

    Abilés, V; Abilés, J; Rodríguez-Ruiz, S; Luna, V; Martín, F; Gándara, N; Fernández-Santaella, M C

    2013-01-01

    Objetivo: Evaluar la efectividad de la Terapia Cognitivo Conductual (TCC) en el éxito de la pérdida de peso postoperatoria tras 2 años de CB. Metodología: Estudio observacional prospectivo en el que se incluyeron pacientes entre 18 y 59 años candidatos a CB, entre enero de 2007 y junio de 2010, realizando seguimiento postoperatorio hasta junio de 2012. Se compararon dos grupos de estudio de acuerdo a su participación en TCC o no. Se tomaron datos de peso corporal y estatura, a partir de las cuales se calculó el IMC y porcentaje de exceso de peso perdido (Peso perdido x 100)/(Peso inicial-Peso ideal), clasificando a los pacientes como exitosos (E) los que logaron un EPP > 50% y como no exitosos (NE) aquellos con EPP < 50%. Asimismo se examinaron psicopatología general (estrés, ansiedad, depresión y autoestima) y específica de la conducta alimentaria (trastorno por atracón y ansia por la comida) mediante test validados para población española. Resultados: De los 35 pacientes intervenidos, 30 respondieron a la valoración postcirugía. 16 de ellos pasaron por TCC antes de la CB y 14 fueron intervenidos sin recibir terapia pisco-nutricional, (76% mujeres) con edad media de 41 ± 9,5 años. El IMC basal medio fue de 42 ± 10 y un 45% de los pacientes fueron clasificados como superobesos (IMC: 56 ± 6). La media de exceso de peso perdido (EPP) fue de 77%. Según el EPP se clasificaron como “exitosos” (E) a 17 pacientes (59%) y “no exitosos” a 13 (41%). De los pacientes catalogados como E, el 94% paso por TCC (15 individuos de los 17 totales) comparados con solo el 12% que no la recibió (2 individuos de los 17 totales) con diferencias estadísticamente significativas (p < 0,05). Asimismo, se observo menor incidencia de trastornos psicológicos comparados con los NE. En concreto, resultaron estar significativamente menos ansiosos y estresados y tener mayor autoestima (P < 0,05). En cuanto a la psicopatología específica, por un lado, el ansia por la

  18. A pilot study of folic acid supplementation for improving homocysteine levels, cognitive and depressive status in eating disorders.

    PubMed

    Loria-Kohen, Viviana; Gómez-Candela, Carmen; Palma-Milla, Samara; Amador-Sastre, Blanca; Hernanz, Angel; Bermejo, Laura M

    2013-01-01

    Introducción y objetivo: Diferentes autores han reportado una baja ingesta de ácido fólico en pacientes con Trastornos de la Conducta Alimentaria (TCA). Esta vitamina desempeña un papel esencial en las reacciones de síntesis de neurotransmisores y elementos estructurales de las neuronas y, por lo tanto, su deficiencia se ha asociado con la presencia de diferentes trastornos relacionados con la función mental. El objetivo de este estudio fue determinar el efecto de la suplementación con ácido fólico sobre los niveles de homocisteína y sobre marcadores de función cognitiva y depresión en un grupo de pacientes con TCA con baja ingesta de ácido fólico. Sujetos y métodos: Estudio clínico randomizado y prospectivo en el que se incluyeron 24 pacientes asignados a dos grupos de tratamiento durante un período de 6 meses: grupo suplementado (SG) (10 mg/día de ácido fólico [ACFOL®]) y grupo placebo (PG). Ambos grupos mantuvieron su tratamiento médico, dietético y psicológico. Al inicio del estudio y tras la intervención se evaluaron parámetros antropométricos, dietéticos y bioquímicos (homocisteína plasmática [Hcy], folato sérico y eritrocitario). Como marcadores de función cognitiva y depresión se administraron diferentes cuestionarios (Test de Stroop, Trail Making Test, BDI: Cuestionario de percepción de función cognitiva). Resultados: Completaron el estudio 22 pacientes (SG: 12, PG: 10, edad media: 24,2 ± 8,8 años, IMC 18,9 ± 3,5 kg/m2). El grupo SG incrementó de forma significativa sus niveles de folato sérico y eritrocitario y redujo el de homocisteína (9,4 ± 2,4 μmol/l vs. 7,5 ± 1,7 μmol/l, P < 0,01). Además, el grupo SG también mejoró significativamente las puntuaciones de los test de función cognitiva y depresión. En el grupo PG, en cambio, no se observaron cambios significativos en ninguna de las variables evaluadas. Conclusiones: Los resultados obtenidos demuestran que la suplementación con ácido fólico podr

  19. [Not Available].

    PubMed

    Zubiaga, Lorea; Ruiz-Tovar, Jaime; Giner, Lorena; González, Juan; Aguilar, María Del Mar; García, Alejandro; Calpena, Rafael; Durán, Manuel

    2016-07-19

    Introducción y objetivo: el IMC puede resultar engañoso para ciertas complexiones corporales, por lo que se han propuesto otros parámetros como la adiposidad (calculada a través de fórmula CUN-BAE,) el índice de Framingham de riesgo cardiovascular (IF) y el índice aterogénico (IA) (rCT/HDL-c) como predictores de riesgo cardiovascular. Se propone comparar estos factores como marcadores de éxito terapéutico tras cirugía en pacientes obesos sometidos a gastrectomía vertical laparoscópica (GVL) como procedimiento de cirugía bariátrica.Material y métodos: realizamos un estudio observacional prospectivo de pacientes sometidos a GVL y con un periodo de seguimiento mínimo de 1 año. Analizamos la evolución de IMC, adiposidad, IF e IA.Resultados: analizamos 140 pacientes. El IMC preoperatorio fue de 49,1 kg/m2, con una adiposidad del 54,8%, un IF 7,54% y un IA de 4,2. A los 12 meses el IMC era de 28,4 kg/m2, con una adiposidad del 39,4%, un IF del 3,7% y un IA de 1,64. En función de estos resultados, a los 12 meses el IMC medio está en rango de sobrepeso, la adiposidad en niveles de obesidad (obesidad: > 25% en hombres y > 35% en mujeres), el IF en rango de riesgo cardiovascular bajo (< 5%) y el IA dentro del rango de normalidad (< 3). Correlacionando estos parámetros observamos que el IMC se correlaciona con la adiposidad tanto en valores preoperatorios (Pearson 0,486; p = 0,004), posoperatorios (Pearson 0,957; p < 0,001), como en la diferencia entre ambos (Pearson 0,606; p = 0,017), lo cual es lógico, porque el IMC se incluye en la fórmula CUN-BAE para el cálculo de la adiposidad. En los valores posoperatorios se objetiva una correlación de la adiposidad con el IF (Pearson 0,814, p = 0,036) y con el IA (Pearson 0,517; p = 0,049). En los valores preoperatorios no se objetivan dichas correlaciones. El IMC no se correlacionó con la adiposidad.Conclusión: la adiposidad se correlaciona con índices de riesgo cardiovascular, como el índice de

  20. [PRE-OPERATIVE IRON DEFICIENCY IN BARIATRIC SURGERY: DIAGNOSIS AND TREATMENT].

    PubMed

    Magali Sanchez, Angela María; Pampillón, Natalia; Abaurre, Mariela; Omelanczuk, Pablo Esteban

    2015-07-01

    Introducción: la inflamación crónica inducida por la obesidad produce alteración de la homeostasis del hierro, llevando a deficiencia de hierro y a anemia de leve a moderada. Entre el 14 y el 43% de los pacientes pueden presentar déficit de hierro sin anemia antes de la cirugía. El tratamiento del déficit de hierro en el perioperatorio mejora el pronóstico y la calidad de vida de los pacientes. En ciertas situaciones, puede el hierro enovenoso (el cual evita el bloqueo del hierro en enterocitos y macrófagos), ser una alternativa segura y efectiva. Objetivos: 1) Valorar la prevalencia de ferropenia en pacientes obesos mórbidos candidatos a cirugía bariátrica. 2) Evaluar si la suplementación de hierro parenteral en pacientes ferropénicos es eficaz a la hora de prevenir el descenso de hematocritos tras la cirugía. Material y métodos: estudio prospectivo, observacional, que incluyó 89 pacientes obesos mórbidos sometidos a cirugía bariátrica. Se dividió la población en el preoperatorio (pre OP) según la condición de ferropenia o ausencia de ferropenia, y se analizó la evolución postoperatoria (post OP). Los pacientes ferropénicos fueron suplementados con 500 mg de hierro carboximaltosa endovenoso (EV) y evaluados en el post OP. Resultados: veintitrés pacientes (25,8%) presentaron ferropenia en el pre OP y 6 (6,74%) anemia. El 74,2% (66 pacientes) no tuvieron ferropenia. El grupo sin ferropenia al mes de la cirugía presentó: hematocrito: 41,30% ± 3,77; hemoglobina: 13,64 g/l ± 1,25 y saturación de transferrina 30,55 %. Los pacientes con ferropenia en el pre OP presentaron: hematocrito: 40,40% ± 3,03; hemoglobina: 13,40 g/l ± 1,07; saturación de transferrina: 15,50% ± 4,18 y ferritina: 87,10 ng/ ml ± 81,23 . En el post OP se observó descenso de hematocrito: 38,40% ± 3,17 (p:0,034). En pacientes ferropénicos, sin aporte de hierro EV (n = 15), el hematocrito y hemoglobina fueron de 41,2% ± 2,5 y 13,7 g/l ± 0,9, respectivamente, con

  1. [Effects of preoperative weight loss with a very low calorie diet (VLCD) on weight loss after biliopancreatic diversion in patients with severe obesity].

    PubMed

    Ballesteros Pomar, M D; Diez Rodríguez, R; Calleja Fernández, A; Vidal Casariego, A; González de Francisco, Tomás; González Herráez, Luis; Fernández, Vicente Simó; Calleja Antolín, S; Olcoz Goñi, J L; Cano Rodríguez, I

    2013-01-01

    Introducción: Se ha comunicado recientemente que la reducción de peso previa a cirugía bariátrica mediante dieta muy baja en calorías (VLCD) durante 2 semanas supone menor tasa de complicaciones postoperatorias. Es debatido, sin embargo, si la pérdida de peso preoperatoria con VLCD puede favorecer pérdida de peso postoperatoria. Objetivos: Valorar la eficacia de una VLCD, seguida durante 6 semanas preoperatorias, en el descenso de peso conseguido al 2013 de la cirugía bariátrica. Evaluar los cambios en parámetros antropométricos y bioquímicos conseguidos con dicha dieta. Metodología: Estudio prospectivo no controlado en los pacientes obesos sometidos a derivación biliopancréatica en la Unidad de Obesidad de referencia en el periodo 2008-2010. Los pacientes recibieron durante 6 semanas previas a la intervención una VLCD que aportaba diariamente 840 kcal y 60 g de proteínas (Optisource®). Los datos descriptivos se presentan como media y desviación estándar (DS), y tras comprobar su distribución normal, fueron analizados mediante prueba t de Student, ANOVA o correlación de Pearson. Resultados: Fueron valorados 107 pacientes obesos, de 43,5 (10,2) 2013s, el 72 % fueron mujeres con peso inicial 122,4 (18,6) Kg e IMC de 46,8 (5,5) kg/m(2). Un 24,5% perdieron más de 10 % de su peso inicial y un 73,5% más de 5% tras VLCD. La media de porcentaje pérdida de exceso de peso (% PSP) a los 12 meses de la intervención fue 59,6 (13,4)%, y aunque fue mayor en los pacientes que habían perdido peso con VLCD, no se asoció de forma significativa: aquellos pacientes con pérdida mayor de 5% perdieron a los 12 meses 59,5 (13,8)% de PSP y 68,4 (16,2) % de exceso de IMC (%PEIMC), frente a 57,9 (13,1) % y 68,5 (16,6) % si no conseguían esa pérdida. El grupo de pacientes con pérdida mayor de 10 % consiguió %PSP de 63,3 (13,7) y %PEIMC de 70,9 (14,7) vs 58,2 (14,0) y 67,7 (16,7) si no perdieron >10% del peso inicial. No se encontró correlación entre la p

  2. [Active interventions in hypercholesteroloemia patients with high cardivascular risk in primary care].

    PubMed

    Tárraga López, Pedro J; Garcia-Norro Herreros, F J; Tárraga Marcos, Loreto; Solera Albero, Juan; González López, Esteban; Ruiz García, Antonio; Pallarés Carratalá, Vicente; Castro Navarro, José Luis; Alins Presas, Josep; Panisello Royo, Josefa María

    2015-05-01

    Introducción: La hipercolesterolemia es uno de los principales factores de riesgo modificables de la enfermedad cardiovascular (ECV). Su reducción disminuye la morbimortalidad por cardiopatía isquémica y ECV en general, en prevención primaria y en prevención secundaria especialmente. Objetivo: Comprobar si una práctica clínica protocolizada e intensiva permite vencer la inercia y alcanzar el objetivo terapéutico (OT) de c-LDL < 100 mg/dL en pacientes de alto riesgo asistidos en Atención Primaria (AP) de nuestro país. Metodología: Estudio epidemiológico, prospectivo, multicentrico, realizado en Centros de AP de diferentes CC.AA. Mediante muestreo consecutivo se incluyeron 310 pacientes de alto riesgo cardiovascular (diabéticos o con ECV establecida), tratados previamente con estatinas, que no alcanzaban el OT de c-LDL. Resultados: Los sujetos del estudio tenían una edad media de 65,2 años, de los que el 60,32% eran varones. El 41,64% presentaba un EVC previo, infarto agudo de miocardio (20,33%), angina (16,07%), ictus/AIT (9,19%), artropatía (5,25%), diabetes (70,87%), hipertensión (71,01%), y obesidad abdominal (69,62%). El 43,57% (IC95%: 37,21; 50,08) de los pacientes que realizaron la 2a visita (241) consiguieron el OT. El 62,50% (IC95%: 55,68; 68,98) de los que realizaron la 3a (216) consiguieron el OT. Finalmente, el 77,56% (IC95%: 72,13; 83,08) de los pacientes que realizaron la última visita (205) consiguieron el OT. A lo largo del estudio hubo una reducción de los niveles de c-LDL desde los 135,6 mg/ dL en la visita basal, 107,4 mg/dL en la 2a visita, 97,3 mg/ dL en la 3a visita, hasta los 90,7 mg/dL en la visita final (p < 0,0001) El incremento de c-HDL entre la visita basal (50,9 mg/dL) y la final (53,6 mg/dL) también fue significativo (p = 0,013). Conclusiones: La reevaluación e intensificación del tratamiento en pacientes de alto riesgo cardiovascular atendidos en Atención Primaria, aplicando las indicaciones de las gu

  3. [Active interventions in hypercholesteroloemia patients with high cardiovascular risk in primary care; estudio ESPROCOL].

    PubMed

    Tárraga López, Pedro J; García-Norro Herreros, F J; Tárraga Marcos, Loreto; Solera Albero, Juan; González López, Esteban; Ruiz García, Antonio; Pallarés Carratalá, Vicente; Castro Navarro, José Luis; Alins Presas, Josep; Panisello Royo, Josefa María

    2015-06-01

    Introducción: la hipercolesterolemia es uno de los principales factores de riesgo modificables de la enfermedad cardiovascular (ECV). Su reducción disminuye la morbimortalidad por cardiopatía isquémica y ECV en general, en prevención primaria y, especialmente, en prevención secundaria. Objetivo: comprobar si una práctica clínica protocolizada e intensiva permite vencer la inercia y alcanzar el objetivo terapéutico (OT) de c-LDL < 100 mg/dL en pacientes de alto riesgo asistidos en Atención Primaria (AP) de nuestro país. Metodología: estudio epidemiológico, prospectivo, multicentrico, realizado en centros de AP de diferentes CC. AA. Mediante muestreo consecutivo se incluyeron 310 pacientes de alto riesgo cardiovascular (diabéticos o con ECV establecida), tratados previamente con estatinas, que no alcanzaban el OT de c-LDL. Resultados: los sujetos del estudio tenían una edad media de 65,2 años, de los que el 60,32 % eran varones. El 41,64 % presentaban un EVC previo, infarto agudo de miocardio (20,33 %), angina (16,07 %), ictus/AIT (9,19 %), artropatía (5,25 %), diabetes (70,87 %), hipertensión (71,01 %) y obesidad abdominal (69,62 %). El 43,57 % (IC95 %: 37,21; 50,08) de los pacientes que realizaron la segunda visita (241) consiguieron el OT. El 62,50 % (IC95 %: 55,68; 68,98) de los que realizaron la tercera (216) consiguieron el OT. Finalmente, el 77,56 % (IC95 %: 72,13; 83,08) de los pacientes que realizaron la última visita (205) consiguieron el OT. A lo largo del estudio hubo una reducción de los niveles de c-LDL desde los 135,6 mg/dL en la visita basal, 107,4 mg/dL en la segunda visita, 97,3 mg/dL en la tercera visita, hasta los 90,7 mg/dL en la visita final (p < 0,0001). El incremento de c-HDL entre la visita basal (50,9 mg/dL) y la final (53,6 mg/dL) también fue significativo (p = 0,013). Conclusiones: la reevaluación e intensificación del tratamiento en pacientes de alto riesgo cardiovascular atendidos en Atención Primaria, aplicando

  4. Betaine: a potential agent for the treatment of hepatopathy associated with short bowel syndrome.

    PubMed

    Teixeira Araújo, Guilherme; Domenici, Fernanda; Elias, Jorge; Vannucchi, Hélio

    2014-06-01

    Introducción: La hepatopatía asociada con el síndrome del intestino corto (SIC) es una enfermedad multifactorial asociada con un mal pronóstico. Además de trasplante intestinal, ningún otro tratamiento ha demostrado ser eficaz. El actual estudio evaluó la eficacia de la betaína para el tratamiento de la hepatopatía asociada a la SIC. Métodos: Fue realizado un estudio prospectivo, unicéntrico, no controlado con placeb. Después de la evaluación inicial, 10 g de betaína anhidra fue administrado a pacientes con SIC en dos dosis divididas durante tres meses. La esteatosis hepática se evaluó a través de resonancia magnética nuclear (RMN), la respuesta inflamatoria por la interleucina-6 (IL-6), factor de necrosis tumoral-(TNF-) y la ferritina, además de la lesión hepática por medio de enzimas hepáticas y de la bilirrubina. Además, el efecto de la betaína sobre la homocisteína fue evaluada así como su seguridad y tolerabilidad en este grupo de pacientes. Resultados: Después de la administración de la betaína por tres meses, los pacientes mostraron disminución de la porcentaje de grasa hepática (p = 0,03) demosntrado por examen de RMN trifásico. No hubo una reducción significativa de los niveles séricos de proteínas inflamatorias y marcadores de lesión hepática. La homocisteína también no presentó disminución significativa. Los efectos secundarios más frecuentes fueron diarrea y náuseas, presentado en 62% de los participantes, sin embargo, estos síntomas fueron transitorios y no lo suficientemente graves como para justificar la interrupción del tratamiento. Pacientes dependientes de nutrición parenteral no presentaron diferentes grados de lesión hepática en comparación con los pacientes que no necesitan el uso prolongado de la misma. Conclusiones: La betaína demostró ser un agente potencial para el tratamiento de la hepatopatía asociada a la SIC, que se evidenció mediante RMN, a pesar de los marcadores de lesi

  5. [Pulmonary age-chronological age relation as indicator of improvement and severity of patients with bronchial asthma].

    PubMed

    Castrejón-Vázquez, María Isabel; Galicia-Tapia, Jorge; Guido-Bayardo, Ricardo Leopoldo; Ortiz-Contreras, Felipe; Cícero-Sabido, Raúl; Vargas-Camaño, María Eugenia

    2014-01-01

    Antecedentes: la espirometría es una prueba clínica que se utiliza para evaluar la función pulmonar en asmáticos. La función pulmonar puede estar afectada por el género, tiempo de evolución clínica, edad pulmonar y edad cronológica. Objetivo: evaluar la relación edad pulmonar-edad cronológica (EP/EC) como indicador de gravedad en pacientes asmáticos. Material y método: estudio prospectivo en el que se evaluó la gravedad del asma mediante la clasificación GINA. La espirometría se realizó al inicio del estudio y a los días 46, 96 y 192, durante 10 meses de seguimiento. Se usaron la prueba t Student, ANOVA de dos vías, modelos de correlación y regresión múltiple y curvas ROC; un valor p<0.05 se consideró significativo. Resultados: se incluyeron 70 pacientes asmáticos (22 hombres y 48 mujeres); la media de la edad cronológica (EC) fue de 35 años, la media de la edad pulmonar (EP) fue de 48 años, con valor del indicador EP-EC=1.4 y la evolución clínica de la enfermedad fue de 13 años. El valor del indicador EP-EC=1 (intervalo de 0.5 a 0.9) se observó en pacientes asintomáticos. El indicador EP-EC mayor a 1 se relacionó con obstrucción de la vía aérea y el indicador EP-EC mayor a 2 se correlacionó con grado 3 de GINA. El análisis de la edad cronológica y pulmonar en las mujeres demostró diferencia de más de 10 años entre ambas edades (GINA grados 2 y 3); mientras que en los hombres se observaron (GINA grados 1, 2 y 3). El valor del indicador EP-EC menor o igual que 1 se consideró normal. Conclusiones: la relación edad pulmonar-edad cronológica puede usarse como indicador clínico de la gravedad y mejoría clínica de pacientes asmáticos, con buena correlación entre la función pulmonar y la edad cronológica.

  6. [VALIDATION OF PREDICTIVE EQUATIONS FOR WEIGHT AND HEIGHT USING BODY CIRCUMFERENCES IN MEXICAN ELDERLYS].

    PubMed

    Osuna-Padilla, Iván Armando; Borja-Magno, Angélica Irais; Leal-Escobar, Gabriela; Verdugo-Hernández, Sonia

    2015-12-01

    Introducción: el conocimiento del peso y la talla es fundamental en la evaluación del estado nutricional en el adulto mayor, permitiendo la implementación del proceso de cuidado nutricional. La desnutrición es común en este grupo poblacional, el cual usualmente presenta diversas situaciones clínicas que dificultan la medición de peso y talla. Objetivos: evaluar la validez de las ecuaciones para estimar peso y talla basadas en circunferencias corporales propuestas para población brasileña en adultos mayores mexicanos. Métodos: estudio comparativo, observacional, prospectivo y transversal en 61 adultos mayores. Las medidas antropométricas recolectadas fueron peso y talla, Extensión de Media Brazada (EMB), Circunferencia Abdominal (CA), Circunferencia Media de Brazo (CMB) y Circunferencia de Pantorrilla (CP). Se estimó el peso y la talla con las ecuaciones propuestas por Rabito y cols. Se utilizó el método Bland-Altman y el Coeficiente de Correlación Intraclase para evaluar la concordancia entre los valores reales y estimados. Se consideró significancia estadística un valor de p < 0,05. Resultados: la edad promedio de los participantes fue de 78,7 ± 8,7 años. El 55,7% (n = 34) fueron mujeres. La media para el peso fue de 61,9 ± 14,1 kg, para la talla de 155,4 ± 9,5 cm y para el Índice de Masa Corporal (IMC) fue de 25,5 ± 5,1 kg/m2. Mediante el método Bland-Altman los límites de intervalo de concordancia de 95% para la diferencia del peso real y el estimado fueron de -14,3 a 8,1 kg, con una media de la diferencia o error sistemático (ES) de -3,1 cm; se observó un coeficiente de 0,12 que fue estadísticamente significativo (p = 0,03). Para la talla se observa un intervalo de confianza de la diferencia entre la talla real y estimada de -11,1 a 15,9, con una media de la diferencia o ES de 2,4 cm y un coeficiente de -0,04 que no fue significativo (p = 0,67). La concordancia entre el peso real y el estimado, según el coeficiente de correlaci

  7. [Pre and postoperative adherence to Mediterranean-like diet and its effect on weight loss and cardiovascular risk factors after sleeve gastrectomy].

    PubMed

    Ruiz-Tovar, Jaime; Boix, Evangelina; Bozhychko, Maryana; Miren Del Campo, Jone; Martínez, Rosana; Bonete, José María; Calpena, Rafael

    2014-10-01

    Introducción: El cumplimiento de la dieta mediterránea es cada vez menor, incluso en países mediterráneos, a pesar de estar considerada como un ejemplo de dieta saludable. Objetivos: El objetivo principal de este trabajo fue evaluar la adherencia a la dieta mediterránea en pacientes obesos mórbidos antes y después de ser sometidos a una gastrectomía vertical como técnica bariátrica. Así mismo, se analizó también la influencia de la adherencia sobre la pérdida de peso conseguida y sobre la evolución de los factores de riesgo cardiovasculares. Material y métodos: Se realizó un estudio observacional prospectivo de todos los pacientes sometidos a una gastrectomía vertical entre octubre de 2010 y mayo de 2012. Los pacientes rellenaron un test KIDMED (evalúa la adherencia a la dieta mediterránea) antes de la operación y 1 año después de la misma. Resultados: Se incluyeron un total de 50 pacientes en el estudio. Antes de la operación, el 30% de los pacientes estudiados presentaban una baja adherencia a la dieta mediterránea, el 64% una adherencia moderada y sólo un 6% una buena adherencia. Al año de la intervención, sólo un 2% de los casos presentaban una baja adherencia, un 58% una adherencia moderada y un 40% una buena adherencia a la dieta mediterránea (p=0,02). Se estableció una correlación inversa entre el aumento de puntuación del test KIDMED (indicador de mayor adherencia a la dieta mediterránea) y la pérdida de peso (Spearman -0,357; p=0,008), el descenso en los valores de colesterol total (Spearman -0,442; p=0,003) y de LDL-colesterol (Spearman -0,464; p=0,002). Además, se observó una correlación directa entre el aumento de puntuación del test KIDMED y el incremento en los niveles de HDL-colesterol (Spearman 0,562; p=0,001). Conclusiones: Después de la operación, los pacientes cumplen mejor los patrones de dieta mediterránea. Aquellos pacientes con mejor adherencia a la misma, consiguieron una mayor pérdida de peso y una

  8. TREATMENT OF SUBCLINICAL HYPERTHYROIDISM: EFFECT ON BODY COMPOSITION.

    PubMed

    Boj-Carceller, Diana; Sanz-París, Alejandro; Sánchez-Oriz, Enrique; García-Foncillas López, Rafael; Calmarza-Calmarza, Pilar; Blay-Cortes, Vicente; Abós-Olivares, Ma Dolores

    2015-11-01

    Introducción: el hipertiroidismo subclínico (HS) se asocia a efectos deletéreos sobre el sistema cardiovascular, el metabolismo óseo y puede progresar a hipertiroidismo clínico. La pérdida de peso es habitual en los pacientes con hipertiroidismo clínico y adquiere especial relevancia en los sujetos añosos. Objetivo: evaluar los cambios en la composición corporal después del tratamiento del HS por bocio nodular con radioyodo. Sujetos y métodos: estudio de cohortes prospectivo controlado. A los pacientes con HS persistente debido a bocio nodular tóxico se les ofreció la opción de recibir tratamiento con radioyodo (grupo tratamiento) o retrasar dicho tratamiento hasta que el estudio hubiera acabado (grupo control). Al final, todos los pacientes recibieron 555 MBq de 131I. La composición corporal (masa magra, masa grasa y contenido mineral óseo) se determinó por absorciometría con rayos X de doble energía (DEXA) al inicio y a los 12 meses. Resultados: se estudiaron 29 pacientes (edad 69,5 ± 11,5; 75,9% mujeres; BMI 27,1 ± 5,7 kg/m²; tirotropina sérica (TSH) 0,20 ± 0,21 μUI/mL; tiroxina libre sérica(T4) 1,01 ± 0,19 ng/dL), 17 pertenecientes al grupo tratamiento y 12 al grupo control. Los grupos de estudio fueron comparables, aunque existía una tendencia del grupo tratamiento a presentar más masa grasa. No se detectaron cambios en la composición corporal en ningún grupo, salvo una tendencia general a ganar masa grasa. Sin embargo, cuando se seleccionaron los individuos con edad > 65 años, sólo los pacientes que recibieron tratamiento con radioyodo mostraron un significativo incremento de peso (de 64,1 ± 10,0 a 66,9 ± 9,2 kg), IMC (de 27,3 ± 4,8 a 28,7 ± 4,5 kg/m²), masa grasa (de 26,1 ± 8,5 a 27,8 ± 7,9 kg), masa magra (de 36,3 ± 0,4 a 37,4 ± 0,4 kg) e índice de masa muscular esquelética (de 6,0 ± 0,6 a 6,3 ± 0,6 kg/m²). Conclusiones: el tratamiento del HS tiene impacto sobre la composición corporal en sujetos mayores de 65

  9. Cost effectiveness of a protocol using palivizumab in preterm infants.

    PubMed

    Hernández-Gago, Yolanda; Lombardero-Pin, Marina; Ortega de la Cruz, Casilda; Maciuniak, Pablo A; Díez Del Pino, Alicia

    2017-03-01

    Objetivo: El objetivo principal fue evaluar el coste-efectividad del protocolo de uso de palivizumab en prematuros instaurado por consenso en nuestro hospital comparándolo con el basado en las recomendaciones de diferentes sociedades científicas. Como objetivo secundario se analizaron los factores de riesgo y gravedad de los pacientes hospitalizados atendiendo al protocolo establecido en nuestro centro.Material y métodos: El periodo de estudio fue de cuatro temporadas con el protocolo ampliado (datos retrospectivos) frente a dos con el protocolo restringido o consensuado (datos prospectivos). La perspectiva del estudio fue la del sistema sanitario, incluyendo los costes de hospitalización y del palivizumab en nuestro centro. El cálculo de la efectividad se determinó con la tasa de ingresos de pacientes prematuros estratificados por semanas de edad gestacional: < de 29, <32 y <35. Para el análisis de los factores de riesgo y gravedad en pacientes ingresados en las temporadas con el nuevo protocolo se recogen, de forma prospectiva, datos clínicos y factores ambientales y sociales. Resultados: En los estratos de edad gestacional <29 y <32 no se demostró una mayor efectividad del protocolo ampliado frente al consensuado. Solamente se objetivó una mayor efectividad para EG<35 en los datos acumulados y al comparar las temporadas 08/09 con la 12/13 y 13/14 para datos individuales. Este estrato lleva asociado un cociente coste eficacia incremental de 53.250,07 € (rango: 14.793,39 € a 90.446,47 € para los datos individuales y 50.525,53 € (28.688,22 € a 211.575,65 €) para los acumulados. La instauración de este protocolo en nuestro centro supuso un ahorro medio por temporada de 169.911,51 €. Se constata una relación coste-efectividad adecuada del protocolo ampliado si el coste del palivizumab por paciente fuese menor de 1.206,67 € (calculados para el máximo aprovechamiento del vial) y para una tasa de hospitalizaci

  10. [Self-reported experience in patients treated with Hepatitis C direct acting antivirals].

    PubMed

    Cañamares Orbis, Irene; Saez de la Fuente, Javier; Escobar Rodriguez, Ismael; Esteban Alba, Concepción; Such Díaz, Ana; Escobar Rodríguez, Ismael

    2016-11-01

    Introducción y objetivo: Conocer y analizar la experiencia autorreferida del tratamiento de los pacientes VHC que iniciaron tratamiento con agentes antivirales directos (AAD), a tiempo real, de forma proactiva e integrada en el proceso asistencial de atención farmacéutica. Material y métodos: Estudio observacional y transversal desarrollado entre abril (inicio del Plan Estratégico Nacional) y diciembre de 2015 en la Consulta Externa del Servicio de Farmacia. Se utilizó como herramienta un cuestionario prospectivo cumplimentado por los pacientes donde se recogieron variables relacionadas con la calidad de vida vinculadas con la salud (CVRS), adherencia, efectos adversos (EA), satisfacción con el tratamiento, y valoración y utilidad del programa formativo implementado por el Servicio de Farmacia. Se realizó un análisis descriptivo de todas las variables incluidas en el estudio y se analizó la influencia de las diferentes variables en el grado de adherencia y CVRS. El análisis de las diferencias entre los dos grupos se realizó mediante el test de chi cuadrado y el cálculo de las OR con un modelo de regresión logística simple. Se utilizó el programa SPSS® versión 20, y se estableció una significación estadística para valores de p < 0,05. Resultados: Se recogieron155 encuestas de las 226 enviadas, tasa de respuesta del 68,6%.En referencia a la CVRS (valoración del estado físico y emocional), un 38,7% de los pacientes refieren que su estado físico y emocional es mucho mejor desde el inicio del tratamiento. La presencia de EA y una peor información global de su enfermedad se asoció con un peor estado físico y emocional (p < 0,05). La adherencia reportada fue del 84,5% y el tratamiento fue valorado como muy bueno o bueno por el 87% de los pacientes. Un 52,9% de los pacientes no tuvieron efectos adversos relacionados con la medicación y el proceso formativo realizado por el farmacéutico especialista en la primera consulta fue valorado por el 96

  11. Subjective global assessment and prealbumin levels of esophageal cancer patients undergoing concurrent chemoradiotherapy.

    PubMed

    Pan, Peng; Tao, Guangzhou; Sun, XinChen

    2015-05-01

    Objetivos: Evaluar el estado nutricional de los pacientes sometidos a quimioterapia para cáncer esofagico usando subjetiva evaluación mundial(SGA) y Asociación de prealbumina a niveles de estado nutricional. Métodos: Se realiza un estudio prospectivo en 154 pacientes con cáncer esofágico que fueron tratados con quimiorradioterapia concurrente en centro de Oncología de radiación en Huai ‘an First People’ s Hospital desde enero de 2012 a mayo de 2013. El estado nutricional de los pacientes después de recibir quimiorradioterapia concurrente fueron evaluados utilizando la herramienta de SGA. Albúmina, prealbúmina, proteína sérica total, nutrición y otros parámetros bioquímicos, incluyendo triglicéridos, colesterol total, colesterol y glucosa fueron determinados antes de empezar y después del final de la radioterapia. Resultados: La desnutrición desarrollada en 129 (83,8%) pacientes. Según SGA resultados, 16,2%, 66,2%, y 17,6% de los pacientes fueron clasificados como a, B, o C, respectivamente. La pérdida de grasa subcutánea o atrofia muscular (odds ratio [OR] 11.522); demanda metabolica creciente / estrés (o 8.637); tobillo edema sacro, o ascitis (o -) y la perdida de peso ≥ 5% (o 3) estuvieron significativamente asociados con la malnutrición (SGA B o C; p < 0,001). El nivel de prealbúmina después del final de la radioterapia fue significativamente menor en los pacientes con desnutrición (17 ± 5 g / dl vs. 21 ± 5 g / dl, p = 0,005), pero no mostró diferencia antes de comenzar la radioterapia (24 ± 4 g / dl vs. 22 ± 5 g / dl, p > 0,05). Por otro lado, no hubo diferencia significativa en el plazo de otros parámetros si la nutrición fue antes de comenzar o después del final de la radioterapia (p > 0,05). Conclusiones: La prevalencia de la malnutrición era alta en cáncer de esófago en pacientes sometidos a quimiorradioterapia concurrente. Losresultados sirven de base para la aplicación de la intervención en materia de nutrici

  12. Correlation between nasopharyngoscopy and cephalometry in the diagnosis of hyperplasia of the pharyngeal tonsils.

    PubMed

    Ritzel, Rodrigo Agne; Berwig, Luana Cristina; da Silva, Ana Maria Toniolo; Corrêa, Eliane Castilhos Rodrigues; Serpa, Eliane Oliveira

    2012-04-01

    Introdução: A hiperplasia de tonsila faríngea é uma das principais causas da respiração oral. O diagnóstico preciso desta alteração é importante para o correto planejamento terapêutico. Em vista disso, estudos têm sido desenvolvidos a fim de fornecer subsídios quanto aos procedimentos que podem ser utilizados para o diagnóstico de obstrução faríngea.Objetivo: Verificar a correlação entre os exames de nasofibrofaringoscopia e cefalometria no diagnóstico de hiperplasia de tonsila faríngea.Método: Estudo transversal, clínico e experimental. Participaram deste estudo 55 crianças, 30 meninas e 25 meninos, com idades entre 7 e 11 anos. As crianças foram submetidas à avaliação nasofibrofaringoscópica e cefalométrica para a determinação do grau de obstrução da nasofaringe. Para verificar a correlação entre esses exames foi utilizado o coeficiente de correlação de Spearman ao nível de significância de 5%.Resultados: Na nasofibrofaringoscopia a maioria das crianças apresentou hiperplasia de tonsila faríngea graus 2 e 3, seguidas de grau 1. Na cefalometria a maior parte das crianças apresentou hiperplasia de tonsilas faríngeas grau 1, seguida de grau 2. Na correlação entre os exames, evidenciou-se correlação regular e positiva.Conclusão: A avaliação da hiperplasia de tonsilas faríngeas pode ser realizada pela nasofibrofaringoscopia e pela cefalometria, pois estes exames apresentam uma relação regular e positiva. No entanto, verificou-se que a cefalometria tende a subestimar o tamanho da tonsila faríngea em relação à nasofibrofaringoscopia.

  13. A Neurologist's Hard Day's Work: Impact of Inpatient Neurology Consultation in a Tertiary Hospital.

    PubMed

    Rocha, Helena; Monteiro, Ana; Gomes, Tiago; Grilo, Miguel; Carvalho, Marta

    2016-01-01

    Introdução: A consulta de neurologia realizada a doentes hospitalizados sob a responsabilidade de outras especialidades é um trabalho exigente mas muitas vezes sub-valorizado e pouco documentado. Este estudo pretendeu avaliar o impacto das consultas internas de neurologia num hospital português e, consequentemente, a performance do nosso Serviço no que diz respeito a esta matéria. Material e Métodos: Foi conduzido um estudo retrospetivo durante o ano de 2013 através da revisão de dados clínicos e demográficos. Resultados: Ao longo de um ano, os neurologistas no nosso Serviço avaliaram 632 doentes internados. As principais razões para o pedido de consulta foram a alteração do estado mental/comportamental, défice neurológico focal e crises epiléticas. Os pedidos de avaliação provieram principalmente de serviços médicos mas também de Unidades de Cuidados Intensivos e Intermédios. Os neurologistas sugeriram investigação adicional em cerca de 50% dos doentes; alterações terapêuticas foram efetuadas numa proporção semelhante de doentes. No final da consulta foi possível estabelecer um novo diagnóstico em 63% dos casos, sendo os mais frequentes manifestação neurológica de doenças sistémicas, epilepsia e doença vascular cerebral. Tal intervenção teve impacto no cuidado de 68% dos doentes. Discussão e Conclusão: Diferentes estudos na literatura suportam os nossos achados, enfatizando que esta atividade tem benefícios diretos no tratamento dos doentes e que é custo-efetiva. Os nossos resultados sugerem que a atividade de consultadoria interna da Neurologia resulta em intervenções úteis para a gestão clínica dos doentes internados.

  14. [Development and Validation of the National Functionality Table for Chronic Diseases].

    PubMed

    Pereira, Carla Sandra; Banco, Jaime; Lopes, Manuel; Escoval, Ana; Nogueira, Paulo; Diniz, José Alexandre; Guerra, Fernando; Coelho, Anabela

    2016-02-01

    Introdução: A avaliação sistemática e registo da funcionalidade de pessoas adultas com doença crónica permite horizontalizar políticas de saúde, sociais e emprego de acordo com a funcionalidade; dotar os profissionais de saúde e sociais de um instrumento de recolha de informação, que complemente os registos de doença; medindo os ganhos de funcionalidade. O objetivo de estudo foi desenvolver uma Tabela Nacional de Funcionalidade para adultos em idade ativa com doença crónica, de acordo com a Classificação Internacional de Funcionalidade, Incapacidade e Saúde da Organização Mundial de Saúde. Material e Métodos: Recorremos a métodos quantitativos e qualitativos; revisão da literatura (17 artigos), grupo focal (nove peritos), painel de Delphi (16 peritos) e estudo exploratório (309 pessoas com doença crónica). Resultados: Na revisão da literatura, foram identificadas 67 atividades limitadas na população em estudo das quais foram selecionadas 40 atividades pelo grupo focal e 38 validadas pelo painel de Delphi. Discussão: Para testar as propriedades psicométricas comparamos o valor médio de todos os coeficientes possíveis do tipo consistência interna (split-half). Na análise da discriminação dos níveis de funcionalidade em amostras diferentes, verificou-se a igualdade de vari'ncias pelo teste de Levene e a igualdade de média por recurso ao teste t. De acordo com a observação e análise do coeficiente α de Cronbach, verificou-se que a Tabela Nacional de Funcionalidade proposta apresenta bons níveis de fiabilidade. Na análise de componentes principais, identificaram-se cinco dimensões. Conclusão: A referida tabela tem características psicométricas apropriadas no que diz respeito à consistência, fiabilidade e validade interna.

  15. [Skin cancer in kidney transplant recipients: incidence and association with clinical and demographic factors].

    PubMed

    Borges-Costa, João; Vasconcelos, João Pedro; Travassos, Ana Rita; Guerra, José; Santana, Alice; Weigert, André; Sacramento Marques, Manuel

    2013-01-01

    Introdução/Objetivos: Os doentes transplantados têm maior risco de cancro cutâneo não melanoma, sobretudo basaliomas e carcinomas espinocelulares. Os objetivos do estudo foram determinar a incidência destas neoplasias numa série de doentes com transplante renal e pesquisar associações destas com variáveis clínicas e demográficas. Material e Métodos: Estudo prospetivo com observação dermatológica e entrevista a 127 doentes com transplante renal observados pela primeira vez no entre Julho de 2010 e Dezembro de 2011. Todos os tumores cutâneos diagnosticados tiveram confirmação histológica. Os testes utilizados foram os testes não paramétricos de Mann-Whitney, teste do Qui-quadrado e teste exato de Fisher, com um nível de significância de 5%. Resultados: A média de idades foi 53 anos (s = 12,98) e 67% (85 / 127) dos doentes eram do sexo masculino. A média de anos decorridos desde o transplante foi oito anos (s = 4,61) e no exame objetivo diagnosticou-se cancro cutâneo não melanoma em 16% (20 / 127) dos doentes, com igual número de basaliomas e carcinomas espinocelulares. Nas áreas fotoexpostas observaram-se queratoses actínicas e verrugas virais em, respetivamente, 24% (30 / 127) e 8% (10 / 127) dos doentes. O cancro cutâneo não melanoma diagnosticado no nosso estudo esteve significativamente associado a maior idade (p = 0,016), maior duração do período sob imunossupressão (p = 0,003), atividade laboral no passado ao ar livre (p = 0,049) e com queratoses actínicas nas áreas fotoexpostas (p < 0,001). O único fármaco associado a estes tumores nesta série foi a medicação atual com azatioprina (p = 0,035 no teste exato de Fischer). Conclusões: A incidência de cancro cutâneo é elevada na nossa série e estes doentes beneficiariam de educação sobre medidas de fotoproteção e seguimento dermatológico regular. Este seguimento aumenta a adesão dos doentes a essas medidas e permite reduzir a incidência destes tumores cut

  16. Abundância química de simbióticas na direção do bojo galáctico

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Luna, G. J. M.; Costa, R. D. D.

    2003-08-01

    O estudo da distribuição de metalicidades de gigantes K no Bojo indica um largo intervalo com valores entre 0.1 a 10 vezes o valor solar. As razões elementais Ca/Fe, Si/Fe, Mg/Fe são típicas de estrelas do halo, apontando para um processo rápido de enriquecimento, via estrelas masssivas (SN's tipo II). No entanto, este cenário não combina com os resultados derivados de nebulosas planetárias do bojo tais como os de Ratag et al. (1992, A&A,255,270), Cuisinier et al.(2000, A&A,353, 543), Escudero e Costa (2001, A&A,380, 300),que obtêm abundâncias análogas às do disco. Neste cenário, o estudo de estrelas simbióticas possibilita uma abordagem particularmente apropriada para o problema das abundâncias químicas de estrelas de massa intermediária em estágios avançados da evoluçao estelar. Apresentamos aqui os resultados da determinacão das abundâncias do grupo do CNO numa extensa amostra de simbióticas do bojo. Aliás, com a disponibilidade de espectros no visível determinamos também abundâncias de Ar, Ne, S e He, fundamentais para analisar os processos de enriquecimento químico ocorridos ao longo da evolução estelar, bem como a evolução química do meio interestelar. Com os espectros UV do satelite IUE obtivemos abundâncias de C, necessárias no estudo da evolução dos sistemas. As relaçoes C/N-O/N mostram que o material nebular é produto do vento da componente gigante e não dos eventos de nova que às vezes acontecem nestes sistemas, como foi mostrado por Nussbaumer et al (1988,A&A,198,179). As abundâncias de Ar, S, Ne e O são compativeis com resultados de fontes no disco e bojo, seguindo o gradiente proposto por muitos autores na literatura a partir de diferentes objetos como cefeidas, nebulosas planetárias e anãs G. (CAPES,FAPESP,CNPq)

  17. [Prevalence of chromosomal abnormalities in spontaneous abortions or fetal deaths].

    PubMed

    Bastos, Raquel; Ramalho, Carla; Dória, Sofia

    2014-01-01

    Introdução: O abortamento espontâneo é um dos problemas mais frequentes da gravidez, estimando-se que afete, pelo menos, 25% das mulheres que tentam engravidar. O objetivo principal deste trabalho foi o estudo da prevalência das anomalias cromossómicas em perdas gestacionais, analisando a sua relação com a idade materna, idade gestacional e história de abortamentos prévios.Material e Métodos: Realizou-se um estudo retrospetivo em 401 casos de perdas de gravidez que efetuaram análise citogenética e anátomo-patológica, entre janeiro de 2008 e junho de 2012, no Centro Hospitalar de S. João.Resultados: Dos 401 casos enviados para estudo citogenético foi possível obter informação sobre o complemento cromossómico em 333 casos, dos quais 72,7% apresentaram cariótipo normal e 27,3% cariótipo anormal. As aneuploidias representaram 92,3% das cromossomopatias identificadas, sendo as trissomias as mais frequentes, associadas a uma idade materna avançada e a uma idade gestacional precoce. Não se verificou concordância entre os resultados da análise anátomo-patológica e citogenética.Discussão e Conclusão: A prevalência de anomalias cromossómicas, no primeiro trimestre, foi semelhante entre os casos de abortamento esporádico e recorrente. Com o aumento da idade materna observou-se um aumento das trissomias, com um incremento médio de 7,4% no risco de ocorrência por ano. Não foi estabelecida uma correlação cariótipo-patológica significativa. A contaminação materna da amostra foi o principal entrave à determinação exata da prevalência de anomalias cromossómicas. As técnicas de citogenética molecular já disponíveis podem colmatar esta e outras limitações da técnica convencional.

  18. [Weight control attempts among Portuguese adults: prevalence, motives and behavioral strategies].

    PubMed

    Santos, Inês; Andrade, Ana M; Teixeira, Pedro J

    2015-01-01

    Introdução: Em Portugal não existem dados atuais sobre tentativas de controlo do peso nem sobre estratégias e motivos na base dessas tentativas na população. Este estudo teve como objectivos determinar a prevalência das tentativas de perda/manutenção do peso e identificar as estratégias comportamentais e os motivos associados, numa amostra representativa da população adulta portuguesa. Material e Métodos: Estudo transversal constituído por 1098 indivíduos adultos. A informação sociodemográfica, os dados antropométricos e as estratégias e motivos associados à perda/manutenção do peso foram recolhidos por entrevista telefónica. Resultados: Cerca de 44% dos adultos portugueses (53% de mulheres e 35% dos homens) estão ativamente a tentar controlar o peso. Salienta-se que 22% das mulheres com peso normal tentam perder peso e que 53% dos homens e 34% das mulheres com peso excessivo não o fazem. Entre os homens, 49% com nível educacional superior estão a tentar controlar o peso versus 32% com nível educacional básico. A estratégia mais frequentemente adoptada para gerir o peso é o consumo regular de hortícolas e os motivos mais referenciados são melhorar a saúde/prevenir doenças e melhorar o bem-estar. Discussão e Conclusão: Mais de metade das mulheres e cerca de um terço dos homens em Portugal estão ativamente a tentar gerir o seu peso, utilizando estratégias comportamentais consistentes com as recomendações de saúde pública. Os motivos de saúde e bem-estar predominam sobre os restantes. Este estudo contribui para o conhecimento da gestão do peso em Portugal, alertando para o desenvolvimento de estratégias de prevenção da obesidade adequadas ao perfil da população.

  19. Measuring emotional awareness from a cognitive-developmental perspective: Portuguese adaptation studies of the levels of emotional awareness scale.

    PubMed

    Torrado, Marco; Ouakinin, Sílvia; Lane, Richard

    2013-01-01

    Introdução: A Escala de Níveis de Consciência Emocional (LEAS) foi desenvolvida para avaliar o constructo consciência emocional, numa perspectiva cognitivo-desenvolvimentista e influenciada pelas Teorias de Piaget e Werner. É composta por 20 situações ou cenários que evocam emoções e tem sido usada em múltiplas investigações nos domínios da regulação emocional, alexitimia e perturbações psiquiátricas. Trata-se de uma medida bem documentada, validada e precisa. Em virtude da sua extensão, alguns investigadores têm vindo a utilizar uma das formas paralelas que compõe a versão completa, a LEAS-A, sendo contudo notória a vacuidade de estudos que descrevam as qualidades psicométricas desta versão. Face à inexistência de uma medida de caracterização da organização da experiência emocional para a população portuguesa, desenvolveu-se a versão portuguesa da LEAS, caracterizaram-se diversos indicadores de precisão e validade, assim como para a versão reduzida LEAS-A. Materiais e Métodos: Foram desenvolvidos três estudos com estas versões, dois deles com recurso a estudantes universitários e um outro com uma amostra da população em geral. Resultados: A versão portuguesa demonstrou níveis elevados de precisão, mais robustos do que os encontrados em estudos de adaptação da escala noutros países. A LEAS-A apresentou bons níveis de precisão e indicadores de validade discriminante e concorrente. As pontuações obtidas na LEAS-A mostraram-se independentes da presença de afecto negativo e associaram-se significativamente a um estilo cognitivo externalizado, próprio do funcionamento alexitímico. Conclusões: As versões portuguesas da LEAS e da LEAS-A apresentam qualidades psicométricas muito adequadas, o que permite o seu uso científico. São discutidas as implicações da sua utilização nos contextos clínico e de investigação.

  20. Quality of Life in Children with Obsessive-Compulsive Disorder.

    PubMed

    Vieira, Joana; Ramalho E Silva, Filipa

    2016-09-01

    Introdução: A perturbação obsessiva-compulsiva foi apontada como uma das doenças mais debilitantes do mundo desenvolvido. Contudo, muito pouco é conhecido sobre esta doença relativamente ao modo como ela afeta a qualidade de vida das crianças. Material e Métodos: Conduzimos uma pesquisa na PubMed e Thomson Reuters Web Of Science usando os seguintes termos de pesquisa: ‘Quality of life’, ‘Obsessive-compulsive disorder’, ‘Child’, ‘Pediatrics’ e ‘Adolescent’. Dos 138 artigos obtidos, cinco correspondiam aos objetivos desta revisão. Analisámos a qualidade de vida de crianças com perturbação obsessiva-compulsiva comparando com a população geral e procurando a relação com outras variáveis clinicas como o sexo, idade, comorbilidades, categoria de sintomas, severidade dos sintomas e acomodação familiar. Resultados: Apesar dos estudos não serem concordantes relativamente às diferentes dimensões analisadas, os nossos resultados apontam para um decréscimo global da qualidade de vida em crianças com perturbação obsessiva-compulsiva. A presença de comorbilidades, a severidade dos sintomas e as obsessões de agressão/dano são as variáveis que têm maior influência na qualidade de vida dos pacientes. Discussão: O reduzido número de artigos encontrados e o facto de estes apresentarem uma metodologia extremamente heterogénea torna difícil alcançar conclusões robustas. Apesar disto, os nossos resultados são concordantes com estudos realizados em adultos. Conclusão: A qualidade de vida em crianças e adolescentes deve ser melhor explorada em futuros estudos. Sugerimos a introdução da qualidade de vida como instrumento usado rotineiramente para avaliar a resposta ao tratamento e evolução do paciente.

  1. [Reported drug allergy among children attending day care centers].

    PubMed

    Martins, Pedro; Belo, Joana; Marques, João; Papoila, Ana Luísa; Caires, Iolanda; Araújo-Martins, José; Pedro, Catarina; Rosado-Pinto, José; Virella, Daniel; Leiria-Pinto, Paula; Neuparth, Nuno

    2014-01-01

    Introdução: A prevalência de alergia a fármacos na população geral não se encontra devidamente caraterizada, existindo poucos estudos publicados que tenham abordado esta situação em crianças com idades inferior a seis anos de idade. Este estudo tem como objetivo principal estimar a prevalência de alergia a medicamentos reportada pelos pais de crianças de infantários de Lisboa e do Porto. Material e Métodos: No âmbito da Fase II do projeto “ENVIRH – Ambiente e Saúde em Creches e Infantários” foi aplicado um questionário sobre alergia a medicamentos aos pais das crianças, recrutadas por amostragem aleatória estratificada dos infantários. Resultados: Foram analisados 1 169 questionários, 52,5% de rapazes. A idade média foi de 3,5 ± 1,5 anos. A prevalência de alergia a medicamentos reportada foi de 4,1% (IC 95%: 3,0 - 5,2%). Os fármacos mais referidos foram os antibióticos (em 27 reações) e os AINEs (em seis reações). Na análise multivariável, a alergia a medicamentos reportada associou-se diretamente com a idade da criança (OR 1,19; IC 95% 1,01 - 1,41) e com a referência a alergia alimentar (OR 3,19; IC95% 1,41 - 7,19) e inversamente com o nível de escolaridade dos pais (OR 0,25; IC95% 0,10 - 0,59). Discussão: Apesar das limitações do estudo, os resultados encontram-se de acordo com o reportado por outros autores e sugerem que a prevalência reportada de alergia a medicamentos seja elevada no grupo etário estudado. Conclusão: Torna-se necessário que situações de alergia a medicamentos reportadas pelos pais sejam devidamente estudadas, no sentido de evitar evicções desnecessárias que possam condicionar opções terapêuticas em futuras situações de doença.

  2. Looking for the Perfect Mentor.

    PubMed

    Sá, Ana Pinheiro; Teixeira-Pinto, Cristina; Veríssimo, Rafaela; Vilas-Boas, Andreia; Firmino-Machado, João

    2015-01-01

    Introdução: A formação médica pós-graduada consiste num processo complexo no qual os orientadores assumem um papel fundamental. Apesar da sua importância, pouco se sabe sobre os orientadores dos internos portugueses. O presente estudo pretende caracterizar os orientadores de formação em Medicina Interna em Portugal. Material e Métodos: Realizado um estudo observacional, transversal e de carácter analítico, através um questionário online anónimo onde foram avaliadas as características demográficas dos orientadores, o seu percurso na Medicina Interna e envolvimento com o processo formativo. Resultados: Dos 213 questionários válidos (taxa de resposta estimada de 28,4%), a média global da satisfação com o orientador encontra-se nos 4,52 pontos (± 1,33), sendo a relação entre interno e orientador classificada nos 4,86 ± 1,04 pontos. O orientador âidealâfoi caracterizado como dedicado e responsável (4,9 ± 1,37 pontos), com domínio de competências práticas (4,8 ± 1,12 pontos) e teóricas (4,8 ± 1,07 pontos). Foram identificados como preditores da satisfação dos internos com o orientador a relação estabelecidaentre ambos, o envolvimento do orientador na formação, o seu dinamismo, inovação e disponibilidade [modelo explicativo de 82,5% da satisfação (R2 = 0,83; R2 a = 0,82)]. Discussão: O orientador desempenha um papel preponderante no sucesso da formação pós-graduada. Os internos de Medicina Interna em Portugal encontram-se globalmente satisfeitos com os seus orientadores e valorizam preferencialmente as suas capacidades pedagógicas. Conclusão: Este estudo aponta para a importância do orientador de formação na satisfação do interno com o seu internato, alertando para a necessidade de investir nos orientadores como forma de investimento na formação médica pós-graduada.

  3. A Introdução de Astronomia Básica para Estudantes de 5 e 6 Séries do Ensino Fundamental

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Gonzaga, E. P.; Voelzke, M. R.

    2008-09-01

    Com intuito de despertar o interesse pelo estudo da astronomia, desenvolveu-se entre 2003 e 2006 no Centro Educacional do Serviço Social da Indústria situado no município de Mauá, São Paulo, um trabalho com duração de 12 meses para turmas de 11 e 12 anos, sendo três turmas por período (2003 / 2004, 2004 / 2005 e 2005 / 2006). O trabalho realizado, objetivando a introdução da astronomia básica com observações de constelações e das fases da Lua, permitindo estender-se a outros corpos celestes, iniciou-se com visita ao planetário Mundo Estelar, localizado no Ipiranga, São Paulo levantou-se a questão da importância do estudo da astronomia e foi lançado aos estudantes um trabalho de observação, com a proposta de localizar as constelações e compreender as fases da Lua, para o registro de tais observações, foram distribuídos mapas celestes, pastas, planilhas de anotações com lacunas para, constelações, fases da Lua e relatos, onde os estudantes acrescentaram pesquisas e relatórios. Os resultados dos 346 estudantes foram que 86,7% (300) concluíram a etapa de observação, destes 300 estudantes 43,3% (130) pesquisaram sobre as constelações e 19,0% (57) localizaram até quatro constelações. Dos 346 estudantes, 44,2% (153) registraram as fases da Lua equivocadamente e 10,4% (36) anexaram reportagens sobre astronomia. Conclui-se que os estudantes se dividiram em pesquisadores, sendo os estudantes que registraram e anexaram informações e, os observadores que preencheram as planilhas de observações, além de desenvolverem habilidades e competências relacionadas ao estudo da astronomia.

  4. Adult Acne: Prevalence and Portrayal in Primary Healthcare Patients, in the Greater Porto Area, Portugal.

    PubMed

    Semedo, Diogo; Ladeiro, Filipa; Ruivo, Mariana; D'Oliveira, Carlos; De Sousa, Filipa; Gayo, Mariana; Lima, Clara; Magalhães, Frederico; Brandão, Rui; Branco, Maria; Da Silva, Isabel; Batista, Joana; Amado, João; Massa, António; Neves-Amado, João

    2016-09-01

    Introdução: A acne, apesar de caraterística no adolescente, afeta frequentemente o adulto. Em Portugal, não são conhecidos estudos sobre a prevalência da acne no adulto, nomeadamente observada nos grandes centros populacionais. Os objetivos deste estudo foram estimar a prevalência da acne nos utentes dos serviços de cuidados de saúde primários, as suas características, incluindo fatores de risco para início e/ou agravamento, além de coletar informação relacionada com a automedicação e/ou tratamento prescrito. Material e Métodos: Aplicação de questionário e exame físico a amostra composta por adultos entre os 20 - 60 anos de idade que visitaram, em dias aleatórios, cinco centros de saúde da área do Grande Porto. Resultados: Dos 1 055 adultos avaliados, a prevalência estimada de acne foi de 61,5%. Apenas 36,8% dos portadores estavam cientes da sua condição e somente 25% afirmou ter procurado tratamento. Mais de metade dos fumadores (62,3%) apresentavam acne. A zona mais afetada foi a região malar, diferindo da forma adolescente da doença. Discussão: A prevalência encontrada de acne foi mais elevada do que em outros estudos. A acne aparentou estar relacionada com a ingestão calórica aumentada, tabagismo, consumo de leite gordo ou meio gordo, hirsutismo, alopécia e seborreia. Conclusão: No contexto dos cuidados de saúde primários, mais de metade dos adultos eram portadores de acne. Estes números demonstram o quão importante pode ser a prevenção e intervenção pelos profissionais dos cuidados de saúde primários, tanto para a redução de eventuais factores de risco como para a intervenção terapêutica e consequências psicossociais relacionadas com a acne. Palavras-chave: Acne Vulgaris/epidemiologia; Adulto; Cuidados de Saúde Primários; Portugal; Prevalência.

  5. [Relational and reproductive trajectories leading to adolescent pregnancy in Portugal: a national and regional characterization].

    PubMed

    Pires, Raquel; Pereira, Joana; Pedrosa, Anabela Araújo; Bombas, Teresa; Vilar, Duarte; Vicente, Lisa; Canavarro, Maria Cristina

    2014-01-01

    Introdução: Este estudo pretendeu caracterizar as trajetórias relacionais e reprodutivas conducentes à gravidez na adolescência em Portugal, explorando a existência de especificidades regionais.Material e Métodos: O estudo decorreu entre 2008 e 2013 em 42 serviços de saúde públicos. A amostra, nacionalmente representativa, incluiu 459 grávidas com idades entre os 12 e os 19 anos. Os dados foram obtidos por autorrelato, através de uma ficha de caracterização construída para o efeito.Resultados: Independentemente de terem tido um (59,91%) ou múltiplos parceiros sexuais (40,09%), as adolescentes engravidaram de forma mais frequente numa relação de namoro, utilizando contraceção à data da conceção e tendo identificado a falha contracetiva que esteve na origem da gravidez (39,22%). A nível regional, outras trajetórias surgiram com elevada prevalência, refletindo opções como a decisão de engravidar (Alentejo/Açores), a não utilização de contraceção (Centro/Madeira) ou a sua utilização ineficaz sem que a falha contracetiva fosse identificada (Madeira). As relações de namoro revelaram-se maioritariamente duradouras (> 19 meses), com homens mais velhos (> 4 anos) e fora do sistema de ensino (75,16%); estes resultados foram particularmente expressivos quando a gravidez foi planeada.Discussão: O conhecimento gerado por este estudo reflete a necessidade de investir em abordagens preventivas que atendam às necessidades específicas das jovens de cada região e integrem a população masculina de maior risco.Conclusão: Os nossos resultados podem contribuir para o delineamento de políticas de saúde mais eficazes e para uma atuação multidisciplinar mais informada ao nível da educação sexual e do planeamento familiar nas diferentes regiões do país.

  6. Assessment of Suicidal Behavior in a Psychiatric Emergency Room in Lisbon.

    PubMed

    Marques, João Gama; Guerreiro, Diogo Frasquilho; Sampaio, Daniel

    2015-01-01

    Introdução: Alguns estudos têm alertado para a sobrecarga de tentativas de suicídio nas urgências médicas. Neste estudocaracterizamos os doentes suicidas numa urgência médica portuguesa. Material e Métodos: Durante três anos, todos os doentes observados pelo primeiro autor, em urgências médicas, após tentativa suicida, foram incluídos no estudo. A intencionalidade da tentativa suicida foi determinada com a Pierce Suicide Intent Scale. O seguimento foi registado recorrendo ao processo clínico, e o nível de satisfação a chamada telefónica. Resultados: Dos 120 doentes incluídos 70,8% eram mulheres e a média de idades foi 42,35 anos. A intencionalidade suicida (Pierce Suicide Intent Scale) foi baixa em 30,1%, média em 59,3% e elevada em 10,6%. Os principais preditores de intencionalidade suicida foram: género masculino (p < 0,001), história familiar de suicídio (p < 0,01), divórcio ou viuvez (p < 0,013) e doença mental grave (p < 0,015). Em 41,6% dos doentes não se apurou seguimento. Quanto à satisfação, apenas 19,5% deram resposta válida: 2,7% 'ligeiramente satisfeito', 4,4% 'moderadamente satisfeito', e 12,5% 'muito satisfeito'. Discussão: A Pierce Suicide Intent Scale é um instrumento útil na avaliação do comportamento suicida na urgência médica. Ocomportamento suicida de elevada intencionalidade está relacionado com género masculino, problemas sociais e antecedentes psiquiátricos pessoais e familiares. Conclusão: Os registos administrativos da urgência médica são ainda pouco rigorosos. As variáveis relacionadas com intencionalidade suicida são as mesmas que são descritas noutros países. Dos doentes a que conseguimos chegar, um quinto mostrou-se satisfeito com o seguimento. Mais estudos são necessários para compreender o comportamento suicida em Portugal.

  7. [Atypical femoral fractures and bisphosphonates treatment: is it a risk factor?].

    PubMed

    Geada, Nuno; Mafra, Inês; Barroso, Rogério; Franco, José

    2014-01-01

    IntroduçÉo: Os bifosfonatos têm eficácia comprovada na prevençÉo das fracturas osteoporóticas. Contudo, têm sido descritas fracturas femorais atípicas associadas à toma prolongada de bifosfonatos com um padrÉo radiológico bem definido. Os objectivos no nosso estudo foram caracterizar os doentes de idade ≥ 65 anos com fracturas femorais (subtrocantéricas/diafisárias) consideradas típicas e atípicas e avaliar a relaçÉo entre a ocorrência das fracturas atípicas e o uso de bifosfonatos.Material e Métodos: Realizámos um estudo caso-controlo com os doentes admitidos no nosso Hospital por fractura subtrocantérica ou diafisária do fémur, num período de cinco anos e meio. Após aplicaçÉo dos critérios de exclusÉo, as 92 fracturas (91 doentes) foram classificadas como atípicas ou típicas. A determinaçÉo do tratamento prévio com bifosfonatos foi obtida através do historial clínico dos doentes.Resultados: Foram encontradas 11 fracturas atípicas (10 doentes) e 81 fracturas típicas (81 doentes). A idade mediana entre os dois grupos foi estatisticamente diferente (72 anos - atípicas vs 80 anos - típicas, p < 0,01). A razÉo do uso de bifosfonatos foi de 0,60 nas fracturas atípicas e de 0,01 nas típicas, traduzindo um odds ratio de 101,1 (p < 0,01).DiscussÉo: Na generalidade, os nossos resultados sÉo apoiados e estÉo de acordo com os estudos publicados referentes à ocorrência de fracturas femorais atípicas associadas à toma de bifosfonatos.ConclusÉo: Apesar do pequeno número de casos foi possível demonstrar a relaçÉo, estatisticamente, significativa entre as fracturas femorais atípicas e a toma de bifosfonatos. De notar que estas fracturas atípicas ocorreram em doentes, significativamente, mais jovens do que os doentes com fracturas típicas.

  8. Health Inequalities in Diabetes Mellitus and Hypertension: A Parish Level Study in the Northern Region of Portugal.

    PubMed

    Leao, Teresa; Perelman, Julian; Felício, Manuela; Machado, Vasco; Lima, Graça

    2016-10-01

    Introdução: A diabetes mellitus e a hipertensão arterial são problemas de saúde de elevada prevalência em Portugal. A sua distribuição geográfica e social é pouco conhecida, comprometendo o desenho e implementação de políticas de saúde. Assim, este estudo teve como objetivo avaliar a existência das desigualdades socioeconómicas na prevalência de diabetes mellitus tipo 2 e hipertensão arterial, na população residente na região Norte de Portugal, no ano de 2013. Material e Métodos: Foi realizado um estudo ecológico que analisou as 2 028 freguesias da região Norte. Os dados foram obtidos através do Sistema de Informação das Administrações Regionais de Saúde e do Censos 2011. A associação entre indicadores socioeconómicos e prevalência destas doenças foi medida pela diferença de prevalências, risco atribuível populacional, índice relativo de desigualdades e coeficiente de regressão. Resultados: A prevalência de diabetes mellitus tipo 2 e hipertensão arterial foi de 6,16% e de 19,35%, respetivamente, e variou entre freguesias. A prevalência de ambas as doenças associou-se significativamente com o baixo nível educacional, baixa atividade no sector terciário, desemprego e baixo rendimento (diferença de prevalências entre decis opostos até 1,3% e 5,3%). Os determinantes socioeconómicos foram responsáveis até 20% da prevalência na população. Discussão: Este tipo de estudo não permitiu a análise de causalidade e poderá ter subestimado as desigualdades socioeconómicas. Contudo, os resultados obtidos alinham-se com a evidência científica internacional. Conclusão: Estes resultados demonstram a existência de uma distribuição socioeconómica e geográfica heterogénea e a necessidade de criação de políticas de saúde que atuem nas freguesias menos favorecidas.

  9. [Identification and preservation of parathyroid glands in cadaver parts].

    PubMed

    Melo, Catarina; Bernardes, António; Carvalho, Lina

    2013-01-01

    Introdução: É indispensável ter um conhecimento profundo da morfologia da glândula tiróide e das estruturas com ela relacionadas no compartimento anterior do pescoço, para minimizar a morbilidade decorrente da cirurgia da tiróide, nomeadamente a lesão das glândulas paratiróides e dos nervos laríngeos. Este estudo pretendeu identificar glândulas paratiróides em peças de cadáver, confirmando-as histologicamente.Material e Métodos: Foram usadas 20 peças de cadáver para simular tiroidectomias. Durante a dissecção, foram isoladas as glândulas tiróides e eventuais glândulas paratiróides, que foram submetidas a estudo histológico.Discussão: Foram dissecadas 20 peças de cadáver (regiões cervicais anteriores), sendo isolados 48 fragmentos que correspondiam a eventuais glândulas paratiróides, dos quais 35 foram confirmados histologicamente como sendo efectivamente paratiróides. Os 20 casos foram, então, divididos em três grupos, de acordo com o número de paratiróides confirmadas histologicamente. No primeiro grupo, constituído por 11 casos, todas as eventuais paratiróides foram confirmadas. No segundo grupo, constituído por seis casos, apenas algumas paratiróides foram confirmadas. No terceiro grupo, constituído por três casos, nenhuma das eventuais paratiróides isoladas era efectivamente paratiróide. Em sete das 20 glândulas tiróides isoladas, foram identificadas oito paratiróides no estudo histológico: quatro sub-capsulares; três extra-capsulares e uma intra-tiróideia. As dimensões das paratiróides não tinham relação estatisticamente significativa.Conclusão: O conhecimento da anatomia das estruturas do compartimento central do pescoço e das suas variações mais frequentes diminui, mas não elimina a morbilidade da cirurgia da tiróide, nomeadamente a excisão iatrogénica das paratiróides, cuja dificuldade de identificação foi evidenciada nas peças dissecadas.

  10. Symptoms and reason for a medical visit in lung cancer patients.

    PubMed

    Gonzalez-Barcala, Francisco Javier; Falagan, José Antonio; Garcia-Prim, Jose Maria; Valdes, Luis; Carreira, Jose Martin; Pose, Antonio; Canive, Juan Carlos; Anton, Diana; Garcia-Sanz, Maria Teresa; Puga, Amalia; Temes, Enrique; Lopez-Lopes, Rafael

    2014-01-01

    Contexto: A Os doentes com o diagnóstico de cancro do pulmão estão habitualmente sintomáticos no momento do diagnóstico, sendo comum que o médico ou o doente não associem essa sintomatologia com a eventualidade de um tumor maligno. Objectivos: Este estudo teve como objectivo a análise dos sintomas de doentes com cancro do pulmão e sua relação com as características pessoais ou com a doença oncológica. Material e Métodos: Foi levado a cabo um estudo retrospectivo englobando todos os doentes com o diagnóstico de cancro do pulmão na Região de Saúde de Pontevedra (Espanha) ao longo de um período de três anos. São analisados os sintomas de apresentação do doente, o motivo de consulta e a concordância entre ambos ou com quaisquer factores correlacionados. Resultados: Foram incluídos no estudo 358 doentes, com uma média etária de 68,7 anos, sendo 87% dos doentes do sexo masculino. Os sintomas iniciais mais comuns foram sintomas constitucionais em 30,4% dos casos, tosse em 20,9% e dor torácica, descrita por 12% dos doentes. O motivo de consulta mais frequente foi dispneia em 22,1% dos doentes, um achado acidental em 15,4% dos doentes e hemoptise em 12,8%. Observou-se uma associação moderada (coeficiente de correlação = 0,495) entre os sintomas iniciais e o motivo de consulta. Conclusões: Uma elevada percentagem de doentes com um diagnóstico de cancro do pulmão apresentou sintomas associados com o tumor no momento do diagnóstico, mesmo num estadio inicial da doença.

  11. [First-trimester biochemical markers and small-for-gestational-age infants].

    PubMed

    Andrade, Cláudia; Santos, Joana; Rita Pinto, Ana; Manso, Pedro; Pereira, Susana

    2014-01-01

    Introdução: Estudos anteriores mostram uma relação dos marcadores bioquímicos do 1º trimestre, proteína plasmática A associada à gravidez e subunidade β da gonadotrofina coriónica, com o nascimento de recém-nascidos com peso abaixo do percentil 10. O nosso objectivo foi descrever a relação entre estes marcadores bioquímicos com os recém-nascidos leves para a idade gestacional, na nossa população.Material e Métodos: Estudo retrospectivo analítico de 2 305 grávidas que realizaram o rastreio combinado do primeiro trimestre entre Março 2009 e Setembro de 2011. Comparação entre o grupo dos recém-nascidos abaixo do percentil 10 e o grupo controlo (recém-nascidos de termo com peso acima do percentil 10) e os recém-nascidos abaixo do percentil 3 e o grupo controlo. Foi realizado uma análise de regressão múltipla e logística com a utilização dos valores de proteína plasmática A associada à gravidez e subunidade β da gonadotrofina coriónica (em múltiplos da mediana) e as características demográficas maternas como etnia, peso e status tabágico.Resultados: O estudo revelou uma contribuição independente da proteína plasmática A associada à gravidez, do peso materno e dos hábitos tabágicos para os recém-nascidos abaixo do percentil 10. Na regressão logística para o marcador proteína plasmática A associada à gravidez, o risco relativo abaixo do percentil 10 foi de 2,41 e abaixo do percentil 3 de 3,41 (p < 0,01). No caso da subunidade β da gonadotrofina coriónica, o odds ratio determinado para percentil inferior a 10 foi de 1,70 (p = 0,03) e para o percentil inferior a 3 foi de 3,22 (p < 0,01). Conclusões: Baixos níveis da proteína plasmática A associada à gravidez e de subunidade β da gonadotrofina coriónica (valores inferiores ao percentil 5 da população estudada) estiveram relacionados com aumento do risco do nascimento de recém- nascidos leves para a idade gestacional na população de grávidas abrangidas pelo

  12. [Logistics of collection and transportation of biological samples and the organization of the central laboratory in the ELSA-Brasil].

    PubMed

    Fedeli, Ligia G; Vidigal, Pedro G; Leite, Claudia Mendes; Castilhos, Cristina D; Pimentel, Robércia Anjos; Maniero, Viviane C; Mill, Jose Geraldo; Lotufo, Paulo A; Pereira, Alexandre C; Bensenor, Isabela M

    2013-06-01

    The ELSA (Estudo Longitudinal de Saúde do Adulto - Brazilian Longitudinal Study for Adult Health) is a multicenter cohort study which aims at the identification of risk factors associated with type 2 diabetes and cardiovascular diseases in the Brazilian population. The paper describes the strategies for the collection, processing, transportation, and quality control of blood and urine tests in the ELSA. The study decided to centralize the tests at one single laboratory. The processing of the samples was performed at the local laboratories, reducing the weight of the material to be transported, and diminishing the costs of transportation to the central laboratory at the Universidade de São Paulo Hospital. The study included tests for the evaluation of diabetes, insulin resistance, dyslipidemia, electrolyte abnormalities, thyroid hormones, uric acid, hepatic enzyme abnormalities, inflammation, and total blood cell count. In addition, leukocyte DNA, urine, plasma and serum samples were stored. The central laboratory performed approximately 375,000 tests.

  13. Low Adherence to Mediterranean Diet in Portugal: Pregnant Women Nutrition in Portugal and its Repercussions.

    PubMed

    Pereira-da-Silva, Luis; Pinto, Elisabete

    2016-10-01

    Introdução: Tem havido baixa adesão ao padrão da dieta mediterrânica na população portuguesa. Nesta perspectiva, procedemos à revisão crítica do estado de nutrição das mulheres em idade fértil, grávidas e recém-nascidos, em Portugal. Material e Métodos: Realizámos uma revisão narrativa crítica de estudos recentes com qualidade e inquéritos nacionais oficiais, que tivessem avaliado a dieta e estado de nutrição de mulheres em idade fértil e de grávidas portuguesas e sua influência no estado de nutrição dos respetivos fetos e recém-nascidos. Resultados: Foram selecionados e analisados cinco estudos ecológicos multinacionais que incluíram Portugal, dois inquéritos oficiais nacionais sobre disponibilidade de alimentos, sete estudos nacionais sobre dieta e estado de nutrição de mulheres em idade fértil e grávidas e cinco estudos nacionais sobre a influência de fatores nutricionais maternos no crescimento dos fetos. A prevalência de excesso de peso/obesidade em mulheres em idade fértil e grávidas aumentou substancialmente associada à diminuição da adesão à dieta mediterrânica. As variações no consumo de energia e macronutrientes na gravidez parecem não ter impacto significativo no estado de nutrição dos fetos. Pelo contrário, o excesso de peso/obesidade pré-concecional associa-se a aumento de adiposidade ao nascer e o excessivo aumento de peso na gravidez associa-se ao excesso ponderal na infância. Os fatores potencialmente relacionados com a baixa adesão à dieta mediterrânica, merecendo futura investigação, incluem políticas agrícolas da União Europeia que promoveram a produção de grupos alimentares não tipicamente mediterrânicos a baixo preço e a pouca capacidade financeira referida pela população portuguesa para aquisição de alimentos de qualidade. Conclusão: A recuperação dos hábitos dietéticos mediterrânicos tradicionais deve ser incluída em estratégias de prevenção e tratamento do

  14. [Multidimensional Strategy Regarding the Reduction of Central-Line Associated Infection in Pediatric Intensive Care].

    PubMed

    Rodrigues, Jorge; Dias, Andrea; Oliveira, Guiomar; Farela Neves, José

    2016-06-01

    Introdução: Determinar a incidência de infeções da corrente sanguínea associadas ao uso de cateter venoso central, após reforço de medidas multidisciplinares de boa prática e a sua comparação com a taxa de incidência de infeções da corrente sanguínea associadas ao uso de cateter venoso central prévia. Material e Métodos: Estudo observacional descritivo, com colheita prospetiva de dados, durante cinco meses, após implementação de medidas multidisciplinares. Foram incluídas todas as crianças admitidas na unidade de Cuidados Intensivos Pediátricos, submetidas à colocação de cateter venoso central e foi efetuada comparação com controlos históricos.Resultados: Incluíram-se 75 doentes com idade mediana de 23 meses: 22 (29,3%) recém-nascidos, 28 (37,3%) submetidos a cirurgia e 32 (43,8%) com patologia subjacente. Foram colocados 105 cateteres venosos centrais, com tempo médio de permanência de 6,8 ± 6,7 dias. O tipo de cateter venoso central mais comum foi de curta duração (45,7%), sendo os locais de inserção mais frequentes a veia subclávia e da flexura braquial (ambos 25,7%). Não ocorreu nenhuma infeção da corrente sanguínea associada ao uso de cateter venoso central durante o período do estudo. Comparando com os controlos históricos, ambos os grupos eram semelhantes relativamente à idade, género, proveniência dos doentes e local de colocação de cateter venoso central. No estudo atual, a duração mediana de internamento foi superior, com tempo de permanência de cateter venoso central (excluindo epicutâneo-cava) semelhante. Não se verificou diferença em relação ao calibre e número de lumens do cateter venoso central utilizado. A percentagem de crianças que colocou cateter venoso central em relação ao total de crianças admitidas no serviço no mesmo período foi menor no estudo atual, não existindo diferença significativa entre colocação de cateter venoso central único ou múltiplo. Discussão: Ap

  15. Hyperdeformed states in 36Ar and 48Cr in the cranked cluster model

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Rae, W. D. M.; Merchant, A. C.

    1992-04-01

    The pure harmonic oscillator model predicts a family of axially symmetric hyperdeformed states with 3:1 major to minor axis ratios. Two members of this family have previously been identified in 12C and 24Mg within the Bloch-Brink alpha-cluster model. Here we present cranked cluster model calculations for similar hyperdeformed states in 36Ar and 48Cr. We suggest that the configuration in 48Cr is associated with resonances observed in 24Mg+24Mg scattering, while that in 36Ar may be involved in the excitation of the 12C+12C barrier resonances reported recently in the 12C(24Mg, 12C, 12C)12C reaction and also in the excitation of those resonances previously observed in the 20Ne+16O reaction. Permanent address: Instituto de Estudos Avançados, Centro Técnico Aeroespacial, 12225 Sa~o José dos Campos, Sa~o Paulo, Brazil.

  16. Social and behavior change communication in the fight against malaria in Mozambique.

    PubMed

    Arroz, Jorge Alexandre Harrison

    2017-03-23

    Long-lasting insecticide-treated nets and/or indoor residual spraying, associated with case management, are key interventions in the control of malaria in Africa. The objective of this study is to comment on the role of social and behavior change communication as a potential key intervention in the control of malaria in Mozambique. RESUMO As redes mosquiteiras impregnadas com insecticidade de longa duração e/ou pulverização intra-domiciliária, associada ao manejo de casos são intervenções-chave no controlo da malária em África. O objetivo deste estudo foi comentar o papel da comunicação para a mudança social e de comportamento como intervenção potencialmente chave no controlo da malária em Moçambique.

  17. [Diabetes mellitus and its influence on the success of endodontic treatment: a retrospective clinical study].

    PubMed

    Ferreira, Manuel Marques; Carrilho, Eunice; Carrilho, Francisco

    2014-01-01

    Introdução: A diabetes mellitus é uma doença endócrina onde estão envolvidas as hormonas produzidas pelos ilhéus de Langerhans. A diabetes mellitus pode afetar várias funções do sistema imunitário do indivíduo, predispondo-o para a inflamação crónica, degradação progressiva dos tecidos e diminuição da reparação tecidular. Das alterações provocadas por esta doença ao nível da cavidade oralpode-se destacar a xerostomia, disgeusia, alterações periodontais, aumento da suscetibilidade à infeção e alterações tanto ao nível da polpa dentária como nos tecidos periapicais.Objetivos: O objetivo deste trabalho é avaliar a influência da diabetes mellitus ao nível dos tecidos periapicais e no sucesso dos tratamentos endodônticos nestes doentes.Material e Métodos: Foram analisados 737 casos clínicos tratados na consulta da Área de Medicina Dentária, a que foram feitos tratamentos endodônticos não cirúrgicos, entre os anos de 2003 e 2012. Destes foram selecionados os doentes com diabetes mellitus, num total de 32, dos quais 23 se dispuseram a vir à consulta e a participar neste estudo. Os dados recolhidos foram analisados no software Statistical Package for the Social Sciences, versão 19, a um nível de significância de 5%.Resultados: Foram avaliados 37 dentes no grupo teste e 25 no grupo controlo. Para os parâmetros analisados relativos ao diagnóstico pulpar, mobilidade, presença de fístula, dor à percussão horizontal e vertical, avaliação da restauração definitiva e intervalo de tempo entre a consulta de obturação e a restauração definitiva e/ou a consulta de controlo, não foram verificadas diferenças estatisticamente significativas (p > 0,05). Em relação à avaliação do sucesso dos tratamentos endodônticos realizados, este foi de 62% nogrupo de teste e de 80% no grupo controlo (p > 0,05).Conclusões: Os resultados deste estudo não são conclusivos em relação ao aumento da prevalência da periodontite

  18. [Epidemiology of Vertigo on Hospital Emergency].

    PubMed

    Roque Reis, Luis; Lameiras, Rita; Cavilhas, Pedro; Escada, Pedro

    2016-05-01

    Introdução: A vertigem é um dos motivos mais frequentes na procura de atendimento médico especializado na urgência. O objetivo deste estudo foi avaliar o peso real que as alterações do equilíbrio têm na urgência de Otorrinolaringologia, as suas características epidemiológicas e uma eventual sazonalidade por estações do ano. Usou-se uma amostra de doentes que utilizou o serviço de urgência desta especialidade de um hospital central universitário de Lisboa durante um período de quatro anos. Material e Métodos: O projeto foi concebido como um estudo epidemiológico descritivo de tipo populacional, retrospectivo, no período de 2010 a 2013. Incluiu uma população total de 40 173 atendimentos de doentes que nesse período utilizou o serviço de urgência de Otorrinolaringologia. As variáveis estudadas incluíram a idade, género, número anual de casos (total e percentual), data da crise de vertigem, distribuição sazonal por estações do ano e proporção anual de casos internados. Resultados: Um total de 4 347 doentes (10,8%) procurou atendimento médico devido a vertigem ou alterações do equilíbrio ao longo dos quatro anos do estudo. Verificou-se um aumento anual do número de casos entre 7,6% (em 2010) a 17% (em 2013). As mulheres foram mais frequentemente afetadas (68,3%) e as crises ocorreram mais frequentemente em indivíduos entre os 60 e 79 anos de idade (40%). Os casos distribuíram-se de forma heterogénea entre as estações do ano, havendo mais episódios de vertigem no verão e no outono e com uma tendência crescente entre 2010 e 2013. O número de internamentos aumentou anualmente nesse período. Discussão: A epidemiologia da vertigem e dos distúrbios vestibulares específicos é ainda um campo a estudar, pois pode ter utilidade para a tomada de decisões clínicas e para o planeamento dos cuidados de saúde. Conclusão: O estudo revelou que os casos de vertigem na urgência aumentaram anualmente e são mais frequentes no sexo

  19. Cohort profile update: The 1993 Pelotas (Brazil) birth cohort follow-up visits in adolescence.

    PubMed

    Gonçalves, Helen; Assunção, Maria Cf; Wehrmeister, Fernando C; Oliveira, Isabel O; Barros, Fernando C; Victora, Cesar G; Hallal, Pedro C; Menezes, Ana Mb

    2014-08-01

    In this paper we update the profile of the 1993 Pelotas (Brazil) Birth Cohort Study, with emphasis on a shift of priority from maternal and child health research topics to four main categories of outcome variables, collected throughout adolescence: (i) mental health; (ii) body composition; (iii) risk factors for non-communicable diseases (NCDs); (iv) human capital. We were able to trace 81.3% (n = 4106) of the original cohort at 18 years of age. For the first time, the 18-years visit took place entirely on the university premises, in a clinic equipped with state-of-the-art equipment for the assessment of body composition. We welcome requests for data analyses from outside scientists. For more information, refer to our website (http://www.epidemio-ufpel.org.projetos_de_pesquisas/estudos/coorte_1993) or e-mail the corresponding author.

  20. [Health care associated multidrug-resistant bacteria in a pediatric hospital: five year experience].

    PubMed

    Mação, Patrícia; Lopes, João Casalta; Oliveira, Henrique; Oliveira, Guiomar; Rodrigues, Fernanda

    2013-01-01

    Introdução: Nos últimos anos tem-se assistido a um aumento das infeções por bactérias multirresistentes. Os dados pediátricos no global, e em particular em Portugal, são escassos.Objectivos: Avaliar a evolução das infeções por bactérias multirresistentes associadas aos cuidados de saúde num hospital pediátrico.Material e Métodos: Estudo retrospetivo de incidência efetuado nas enfermarias médicas, cirúrgicas e de cuidados intensivos num hospital pediátrico nível III, entre Janeiro de 2005 e Dezembro de 2009. As bactérias multirresistentes estudadas foram Staphylococcus aureus meticilino-resistente (SAMR), bacilos gram negativos produtores de β-lactamases de espectro expandido (ESBL), Enterococcus spp resistentes à vancomicina (ERV), Pseudomonas aeruginosa multirresistentes (PAMR) e Acinetobacter baumanii resistente aos carbapenems. Foram analisados dados demográficos, clínicos, laboratoriais, terapêuticos e presença de fatores de risco.Resultados: Durante o período de estudo foram identificadas 106 bactérias multirresistentes associadas, correspondentes a 72 crianças, com predomínio do sexo masculino (65,3%). As bactérias multirresistentes mais frequentemente identificadas foram SAMR (35,8%), PAMR (29,2%) e bacilos gram negativos com fenótipo ESBL (17,9%). Destas 106 bactérias multirresistentes, 45 (42,5%) foram identificadas em infeção. Ao longo do período de estudo, a proporção anual de infeções por bactérias multirresistentes variou entre 32,0% em 2006 e 55,6% em 2009 (p = 0,376). A taxa de incidência global de infeção por estas bactérias foi de 0,400 por 1 000 dias de internamento, correspondendo a 0,274 infeções por 100 internamentos, valor que se manteve estável ao longo dos cinco anos. Predominaram as infeções da corrente sanguínea (31,1%), intra-abdominais (20,0%), associadas a cateter venoso central (17,8%) e da pele e tecidos moles (11,1%). Todas as crianças tinham fatores de risco e os mais

  1. [Routines of organization of clinical tests and interviews in the ELSA-Brasil investigation center].

    PubMed

    Bensenor, Isabela M; Griep, Rosane H; Pinto, Karina Araújo; Faria, Carolina Perim de; Felisbino-Mendes, Mariana; Caetano, Edna I; Albuquerque, Liliane da Silva; Schmidt, Maria Inês

    2013-06-01

    The ELSA-Brasil (Estudo Longitudinal de Saúde do Adulto - Brazilian Longitudinal Study for Adult Health) is a prospective cohort study with extensive assessments throughout time. This article describes the routine of clinical tests and interviews performed with participants and the structuring of the Research Center physical space and teams. The ELSA-Brasil assumes that participants will be present at the Research Center to have the tests and interviews performed, according to standard protocols developed by this study. Considering the multiplicity of activities involved, each with specific needs for standardization, several predetermined orders of clinical tests and interviews were created. This ensured a high standard of quality in data collection without harm to participants' comfort. Each participant was previously assigned to a specific sequence of clinical tests and interviews with a predefined arrival time, mean length of stay of five to six hours and departure time.

  2. Breast cancer patients survival and associated factors: reported outcomes from the Southern Cancer Registry in Portugal.

    PubMed

    André, Maria Rosario; Amaral, Sandra; Mayer, Alexandra; Miranda, Ana

    2014-01-01

    Objectivos: A incidência do cancro da mama em Portugal é inferior à média europeia, sendo, ainda assim, a neoplasia mais frequente na mulher. As taxas de mortalidade por cancro de mama apresentam uma distribuição heterogénea nas diferentes regiões de Portugal. São múltiplos os factores que podem influenciar esta distribuição, incluindo aspectos demográficos e socioeconómicos, características biológicas tumorais, e o acesso aos cuidados de saúde. O objectivo deste estudo é detectar diferenças na sobrevivência do cancro de mama feminino e os principais factores associados. Material e Métodos: Estudo de coorte, de base populacional e orientação retrospectiva, com follow-up. Foram incluídos casos de cancro de mama diagnosticados em 2005 e residentes na região sul de Portugal, tendo os dados sido recolhidos a partir da base de dados do Registo Oncológico Regional Sul (ROR-Sul) e complementados com dados dos processos clínicos. Resultados: Foram incluídos neste estudo 1 354 doentes. Observaram-se as seguintes variações geográficas: na distribuição etária, com uma população envelhecida no Alentejo; na distribuição de sub-tipos tumorais, com uma maior incidência de tumores HER2- positivo no Algarve e maior incidência de tumores HER2-negativo na Região Autónoma da Madeira. A sobrevivência global estimada aos 5 anos foi de 80%, com uma associação significativa com o estadio, receptores hormonais e status HER2. Não foram identificadas diferenças na sobrevivência entre mulheres residentes em regiões geográficas distintas. Discussão: Apesar das diferenças observadas na distribuição etária e de sub-tipos tumorais entre regiões geográficas, os nossos resultados não suportam a existência de discrepâncias na sobrevivência do cancro de mama entre estas regiões. As características biológicas tumorais parecem ser os principais factores associados à sobrevivência do cancro de mama feminino na nossa população. Conclus

  3. The evaluation of QT intervals during diagnosis and after follow-up in acromegaly patients.

    PubMed

    Baser, Husniye; Akar Bayram, Nihal; Polat, Burcak; Evranos, Berna; Ersoy, Reyhan; Bozkurt, Engin; Cakir, Bekir

    2014-01-01

    Introdução: O estudo teve como objectivo a determinação do intervalo QT em doentes com acromegália e a análise da correlação entre o intervalo QT e a concentração de hormona do crescimento e de IGF-1 (insulin-like growth factor-1). Material e Métodos: O estudo englobou 41 doentes com acromegália. O grupo de controlo englobou 41 indivíduos com características semelhantes no que se refere a comorbilidades, idade e género. A electrocardiografia de doentes com acromegália foi obtida no início do estudo e após o follow-up. Foi apenas obtido um electrocardiograma no grupo de controlo. Foram calculados o QT máximo, QT mínimo, dispersão do intervalo QT, QT máximo corrigido, QT mínimo corrigido e dispersão do intervalo QT corrigido. Resultados: Os valores do QT máximo basal, dispersão do intervalo QT, QT máximo corrigido e dispersão do QT corrigido foram significativamente mais prolongados no grupo de doentes com acromegália do que nos controlos. O QT máximo corrigido e a dispersão do QT corrigido foram significativamente mais curtos durante o seguimento clínico, quando comparados com os valores basais dos doentes. O QT máximo, dispersão do QT, QT máximo corrigido e dispersão do QT corrigido durante o seguimento clínico não foram estatisticamente diferentes dos valores obtidos nos controlos. Com excepção de uma correlação negativa entre os valores da hormona do crescimento e a dispersão do QT corrigido em doentes durante o seguimento clínico, nenhuma outra correlação foi assinalada entre os valores do intervalo QT e as concentrações de hormona do crescimento e de IGF-1. Concluiu-se que a dispersão do intervalo QT está correlacionada com a duração da doença nos doentes com acromegália. Discussão: Em doentes com acromegália, é importante a detecção de preditores clínicos de arritmia cardíaca. A dispersão do intervalo QT é considerada um preditor relevante de arritmias ventriculares. Os doentes com acromeg

  4. Oncology Referral Concerning Paediatric Neurosurgery? Analysis of the Situation between 2008-2013 in the North of Portugal.

    PubMed

    Batista, Ana; Nogueira-Silva, Luís; Vaz, Rui; Oliveira, Joana

    2016-01-01

    Introdução: Os tumores primários do sistema nervoso central representam o segundo grupo de neoplasias mais frequente e são a principal causa de morte devido a tumores sólidos em crianças. O nosso estudo teve como objetivos realizar a mais atualizada análise epidemiológica desta doença no norte de Portugal e avaliar o possível benefício da centralização de cuidados. Material e Métodos: Este estudo de base populacional incluiu todos os tumores primários do sistema nervoso central diagnosticados e histologicamente confirmados em indivíduos menores de 18 anos de idade, que residem no norte do país, desde Janeiro 2008 até Dezembro 2013. Os dados foram obtidos por meio da avaliação dos processos clínicos dos doentes. Nós descrevemos as características das crianças e dos seus tumores e analisámos os quocientes doente: neurocirurgião pediátrico e tipo histológico de tumor: neurocirurgião pediátrico e as taxas de sobrevivência, mortalidade, complicações e recidiva. Resultados: Foram registados 147 casos. A média de idade ao diagnóstico foi de 8,0 ± 5,2 anos. Os astrocitomas foram o tipo histológico mais frequentemente encontrado (34%). O tipo histológico foi a única variável com influência estatisticamente significativa na mortalidade (p = 0,001). As sobrevivências a um, três e cinco anos relativas ao período entre 2008 - 2013 foram estatisticamente superiores às do intervalo entre 2005 - 2007. Os astrocitomas apresentam a mais alta taxa de sobrevivência, sendo estatisticamente diferente dos outros tipos de tumor (p = 0,015). Estimámos uma média de 12,25 casos tratados anualmente por neurocirurgião pediátrico no nosso hospital. Discussão: Os nossos resultados são, globalmente, consistentes com os encontrados na literatura mundial, mas registrámos taxas de sobrevivência mais altas. O número de casos tratados por neurocirurgião pediátrico está de acordo com o recomendado. Conclusão: Demonstrámos que houve melhoria

  5. [Evolution of residual risk for HIV, HCV and HBV, from 1999 to 2010, in blood donations of the Centro Hospitalar S. João, EPE, Porto, Portugal].

    PubMed

    Koch, Carmo; Araújo, Fernando

    2013-01-01

    Introdução/Objectivo: A monitorização do risco residual infeccioso pela transfusão, é importante pois permite avaliar a melhoria alcançada na segurança das dádivas de sangue e adoptar políticas adequadas de redução dos riscos. Este estudo calcula as estimativas da taxa de incidência e do risco residual infeccioso para as infecções pelo vírus da imunodeficiência humana (VIH), vírus da hepatite B (VHB) e vírus da hepatite C (VHC), entre 1999 e 2010. Os dados foram analisados em períodos de quatro anos (1999-2002, 2003-2006 e 2007-2010) e as estimativas foram comparadas com as obtidas previamente, para dádivas ocorridas entre 1991 e 1998.Material e Métodos: O estudo incluiu 209 640 colheitas de sangue, provenientes de 42 634 dadores regulares, voluntários e não remunerados. Para o cálculo do risco residual infeccioso, utilizamos o modelo matemático taxa de incidência-período de janela, descrito por Schreiber et al. Todas as dádivas foram rastreadas de acordo com a legislação portuguesa. Em Janeiro de 2001 foi implementado, em todas as dádivas de sangue, o teste de ácidos nucleicos em minipool, para o rastreio simultâneo de ácido ribonucleico (ARN) VIH-1 e VHC (Cobas Amplicor Ampliscreen-Roche©) o qual foi substituído, em Janeiro de 2007, pelo rastreio simultâneo de ácido desoxirribonucleico VHB e de ácido ribonucleico VHC e VIH-1/VIH-2, em minipool (Cobas TaqScreen MPX Test-Roche©).Resultados: O risco residual infeccioso de uma dádiva em período de janela é muito reduzido e tem diminuído ao longo dos anos. Após a implementação de teste de ácidos nucleicos em minipool para os três vírus, a probabilidade de colhermos uma dádiva infecciosa e não detectada pelos testes de rastreio foi de 1/1,67 milhões de dádivas para o vírus da imunodeficiência humana, de 1/3,33 milhões para o vírus da hepatite C e de 1/526 000 para o vírus da hepatite B.Conclusões: Durante os 12 anos em estudo verificamos uma diminuição do

  6. [Scientific training and professional practice in the career of Carlos Chagas Filho].

    PubMed

    Lima, Ana Luce Girão Soares de

    2012-06-01

    The study dwells on the scientific background of Carlos Chagas Filho, between 1926 and 1942, which was the period of socialization of the scientist in the Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro and the Instituto Oswaldo Cruz. It covers the period from the beginning of his professional career to the moment when he resigned from the administration of the Serviço de Estudos de Grandes Endemias in 1942 to devote himself to his academic career at the Laboratório de Física Biológica. The way in which his social and scientific resources were deployed throughout his career is analyzed, with a view to ascertaining the moment when he broke with the tradition of biomedical research of Manguinhos and embarked on the construction of a new location where he could implement his own scientific project.

  7. [Adaptation and psychometric proprieties study for the Portuguese version of the Adolescent Coping Scale - Escala de Coping para Adolescentes].

    PubMed

    Guerreiro, Diogo Frasquilho; Cruz, Diana; Figueira, Maria Luísa; Sampaio, Daniel

    2014-01-01

    Introdução: O coping é um processo psicológico que leva ao ajustamento individual perante situações de stress. A Adolescent Coping Scale é um instrumento de investigação e uma ferramenta clínica, amplamente utilizada. O presente estudo tem como objectivos desenvolver uma versão Portuguesa da Adolescent Coping Scale e analisar as estratégias e estilos de coping dos jovens da nossa amostra.Material e Métodos: Um questionário anónimo compreendendo a Adolescent Coping Scale obteve respostas de 1 713 alunos (56% do sexo feminino, com idades compreendidas entre os 12 e os 20 anos e uma média etária de 16). O estudo de validade da escala contemplou: análise em componentes principais e avaliação da consistência interna; análise confirmatória através de modelo de equações estruturais. Posteriormente, foram comparadas por género as estratégias e estilos de coping da amostra (testes t para amostras independentes).Resultados: A estrutura final da adaptação da Adolescent Coping Scale reteve 70 itens, que avaliam 16 estratégias de coping agrupadas em três estilos distintos. As escalas apresentaram bons valores de consistência interna (alfas de Cronbach compreendidos entre 0,63 e 0,86, com a exceção de uma dimensão que apresentou um valor de 0,55) e o modelo confirmatório demonstrou bom fit (goodness of fit index compreendidos entre 0,94 e 0,96). Foram eliminadas duas estratégias de coping por motivos estatísticos (ausência de saturação de itens suficientes nas dimensões correspondentes). Verificámos que o estilo de coping focado na resolução do problema é aquele maioritariamente utilizado pelos adolescentes da nossa amostra, em ambos os sexos. No sexo feminino observaram-se valores médios mais elevados nos estilos de coping não produtivo e de referência a outros.Discussão: A versão adaptada apresenta elevada semelhança com a escala original, com alterações minor espectáveis tendo em conta que o coping é influenciado por

  8. [Autism and Early Neurodevelopmental Milestones].

    PubMed

    Ferreira, Xavier; Oliveira, Guiomar

    2016-03-01

    Introdução: A perturbação do espectro do autismo, neste texto também designada por autismo, é uma patologia crónica do neurodesenvolvimento, que se manifesta precocemente na infância por alterações da interação social, comunicação e comportamento repetitivo. Não estando disponíveis biomarcadores específicos, o diagnóstico baseia-se exclusivamente na avaliação clínica. O objetivo deste estudo é verificar quais os marcadores precoces do desenvolvimento psicomotor ou neurodesenvolvimento, que se correlacionam significativamente com a gravidade da clínica central do autismo, quocientes de desenvolvimento e com a função adaptativa. Material e Métodos: Procedemos ao estudo retrospetivo de uma população de 1 572 indivíduos com o diagnóstico de autismo seguidos na Unidade de Neurodesenvolvimento e Autismo do Centro de Desenvolvimento da Criança do Hospital Pediátrico do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra. Analisámos seis marcadores precoces do desenvolvimento psicomotor: idades de aquisição 'da marcha', 'das primeiras palavras', 'das primeiras frases', 'do controlo de esfíncter vesical diurno', 'do controlo de esfíncter vesical noturno' e de início das primeiras queixas. Posteriormente dividimos a amostra em três subgrupos de gravidade clínica segundo a escala Childhood Autism Rating Scale e pesquisamos diferenças significativas entre os três subgrupos relativamente aos seis marcadores definidos. Resultados: O marcador 'idade de aquisição das primeiras frases' foi, de entre os seis, aquele que se correlacionou mais fortemente com as variáveis da clínica de autismo, quocientes de desenvolvimento/inteligência e comportamento ou função adaptativa. Na divisão da amostra em subgrupos de gravidade clínica, foi o de maior gravidade que mostrou idades de aquisição dos marcadores do neurodesenvolvimento mais tardias e idades mais precoces de manifestação das primeiras queixas. Discussão: Este estudo vem demonstrar a

  9. [Prevalence of Dental Caries in Type 1 Diabetic Patients Treated with Insulin Pump].

    PubMed

    Garcia, Rosana; Coelho, Ana; Paula, Anabela; Marques Ferreira, Manuel; Caramelo, Francisco; Barros, Luísa; Batista, Carla; Melo, Miguel; Silva, Mário Jorge; Carrilho, Eunice

    2016-08-01

    Introdução: A diabetes mellitus tipo 1 e a saúde oral relacionam-se de forma estrita e recíproca, reconhecendo-se nos pacientes diabéticos uma maior suscetibilidade a uma grande variedade de patologias orais. O objetivo do presente estudo consistiu em investigar a relação entre a prevalência da cárie dentária em indivíduos diabéticos tipo 1 tratados com bomba infusora de insulina e a de indivíduos não diabéticos.Material e Métodos: Realizou-se um estudo clínico observacional, analítico e transversal. Incluíram-se no grupo de estudo 30 indivíduos adultos com diabetes mellitus tipo 1 tratados com bomba infusora de insulina (selecionados do Centro Hospitalar da Universidade de Coimbra) e no grupo de controlo 30 doentes não diabéticos (selecionados por entre os acompanhantes dos primeiros). Os elementos de ambos os grupos foram observados entre janeiro e maio de 2015, na Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra, por um médico dentista. A avaliação clínica foi acompanhada do preenchimento de um formulário clínico adaptado aos objetivosda investigação. Para análise estatística assumiu-se um nível de significância de 5%.Resultados: O grupo de estudo apresentou valores semelhantes de índice de cárie dentária e de placa bacteriana aos registados no grupo de controlo. Não se registaram diferenças estatisticamente significativas entre os dois grupos no que diz respeito a hábitos de higiene oral e à frequência de visitas ao médico dentista.Discussão: Embora a dieta dos doentes diabéticos seja menos abundante em hidratos de carbono, prevendo uma menor exposição a alimentos cariogénicos, o elevado número de refeições ingeridas de forma fracionada pode aumentar o risco de cárie, uma vez que o valor de pH crítico para desmineralização é atingido mais vezes ao longo do dia. No entanto, a existência de uma patologia crónica pode determinar um elevado nível de cuidados preventivos gerais, inclusivamente resultando

  10. United Republic of Tanzania. United Nations. Department of International Economic and Social Affairs. Population Division. United Nations Fund for Population Activities UNFPA. Office of Policy Analysis and Statistics.

    PubMed

    1980-01-01

    The lack of community child care services is a serious deterrent to women seeking responsibilities outside the home. The Pathfinder Fund supported CESUN, Centro de Estudos Supletivos de Narandiba, an educational organization devoted to nonformal training, was consulted to conduct 3 courses for community women in child care in 2 favelas (shanty towns) in Brazil. Women with a limited educational background were taught a broad range of topics, from child development to nutrition to daycare management, greatly increasing their confidence and community involvement. Child care cooperatives were built and staffed, offering young children supervised activities and balanced meals for the 1st time. The Caregivers Training Course has provided new jobs for community women, and is freeing other women to seek new work, while improving their child's quality of life.

  11. Modelo de atmosfera solar ajustado às observações do raio solar em 17GHz

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Selhorst, C. L.; Silva, A. V. R.; Costa, J. E. R.

    2003-08-01

    O estudo das variações do raio solar durante o ciclo de atividades do Sol e das diferenças em relação à sua distribuição angular nos fornece informações importantes sobre as mudanças na estrutura da atmosfera solar. Neste trabalho foram analisados mais de 3600 mapas do Sol em 17 GHz obtidos pelo Rádio Heliógrafo de Nobeyama (NoRH), durante 1 ciclo de atividade solar (1992-2003). O raio solar foi definido no ponto onde a temperatura de brilho do mapa era equivalente à metade da temperatura do Sol calmo (temperatura mais comum no mapa).Em relação à sua variação ao longo do ciclo solar, o estudo foi dividido em duas partes: a) ajuste de uma circunferência a pontos distribuídos ao redor do Sol todo. Este estudo mostrou uma variação correlacionada com o ciclo de atividade do Sol. b) ajuste da circunferência a pontos situados somente nas regiões polares. Neste caso os resultados mostraram que o raio polar sofre pouca variação durante o ciclo, com tendência à anticorrelação com este. Além disto, a média do raio polar, durante o período analisado, foi 1" menor que o raio medido no Sol todo. Para estudar a distribuição angular do raio solar, comparamos a média da distribuição de 10 mapas no período de mínima atividade solar com a média de 10 mapas no período de máximo, este estudo mostrou um grande aumento do raio na região equatorial no período de máxima atividade solar. As medidas do raio foram usadas como um dos parâmetros para a criação de um modelo atmosférico (além da temperatura de brilho do Sol e do abrilhantamento do limbo observado), onde mostramos que um modelo atmosférico com a região de transição situada a 3500 km fornece um raio 5" menor que as medidas observacionais. Esta incompatibilidade do modelo com os dados observacionais foi contornada com a inclusão de espículas, estas fazem com que o raio solar aumente proporcionalmente à altura que estas atingem na atmosfera solar. A anticorrelação do raio

  12. [Professional Satisfaction within Family Health Units of Central Region].

    PubMed

    Passadouro, Rui; Ferreira, Pedro Lopes

    2016-11-01

    Introdução: A satisfação profissional, indicador de clima organizacional, é um fenómeno complexo e subjetivo, sujeito a variação individual e à conjetura social, existindo múltiplas teorias explicativas. Pode ter impacto na produtividade e no absentismo e ser fator preditor do bem-estar, por estar associada à saúde mental, à autoestima e à perceção da saúde física. A sua avaliação é um dos critérios de avaliação do Serviço Nacional de Saúde. O presente estudo teve como objetivo avaliar o nível de satisfação profissional nas unidades de saúde familiar da Região Centro. Material e Métodos: Tratou-se de um estudo observacional, transversal, com um modelo de análise descritivo e com uma componentecorrelacional. Utilizou-se, para colheita de dados, o Instrumento de Avaliação da Satisfação Profissional do Centro de Estudos e Investigação em Saúde da Universidade de Coimbra. O universo foi de 809 profissionais de saúde, sendo a população em estudo constituída por 774 profissionais. Resultados: A taxa de resposta ao Instrumento de Avaliação da Satisfação Profissional foi de 66,4%, sendo a amostra constituída por 514 profissionais, 82% dos quais do sexo feminino. Trabalhavam em unidades de saúde familiar modelo A 64,8% e em modelo B 35,2%, sendo que 34,2% eram enfermeiros, 39,8% médicos e 26,0% secretários clínicos. O nível de satisfação global foi de 71,5%, sendo de 67,4% com a qualidade do local de trabalho, 78,3% com a qualidade da prestação de cuidados e 80,7% com a melhoria contínua da qualidade. Discussão: A amostra, predominantemente do sexo feminino (82%), está de acordo com a distribuição real dos profissionais e o nível de satisfação profissional de 71,5% é inferior em 5,4% ao verificado em 2009. Conclusão: Recomenda-se a contratualização do indicador satisfação profissional à semelhança do que acontece com a satisfação dos utilizadores.

  13. A new species of Eidmanacris Chopard, 1956, with notes on its distribution in Brazilian caves (Phalangopsidae, Luzarinae).

    PubMed

    Bolfarini, Marcio P

    2016-02-23

    The genus Eidmanacris comprises 19 species distributed through Brazil, Bolivia ad Paraguay. In Brazil, the genus has a broad distribution, but its occurrence in Brazilian caves is poorly known; the only species recorded is E. alboannulata for the cave "Gruta da Toca", Itirapina municipality, São Paulo State. In this study I describe a species, E. lencionii Bolfarini, n. sp., with a discussion on its distribution in Brazilian caves, and its relation with the hypogean environment. The type material is deposited in the Museu de Zoologia da Universidade de São Paulo (MZSP) and the Laboratório de Estudos Subterrâneos da Universidade Federal de São Carlos (LES/UFSCar).

  14. The Illness Experience: Palliative Care Given the impossibility of Healing.

    PubMed

    Dantas, Margarida Maria Florêncio; Amazonas, Maria Cristina Lopes de Almeida

    2016-06-01

    This paper presents a reflection about being terminally ill and the various ways that the subject has at its disposal to deal with this event. The objective is to understand the experience of palliation for patients undergoing no therapeutic possibilities of cure. The methodology of this study has the instruments to semi-structured interview, the participant observation and the field diary, and the Descriptive Analysis of Foucault's inspiration how the narratives of the subjects were perceived. The Results of paper there was the possibility of looking at the experience of illness through the eyes of a subject position assumed by the very sick. As conclusion we have than when choosing palliative care, the terminally ill opts for a way to feel more comfortable and resists the impositions of the medical model of prolonging life. O presente trabalho traz uma reflexão a respeito do ser um doente terminal e das várias maneiras que o sujeito tem a seu dispor para lidar com esse acontecimento. Nosso objetivo foi compreender a experiência da paliação por sujeitos doentes sem possibilidades terapêuticas de cura. A metodologia deste estudo teve como instrumentos a Entrevista Narrativa, a Observação Participante e o Diário de Campo, sendo a Análise Descritiva de inspiração foucaultiana o modo como as narrativas dos sujeitos foram percebidas. O resultado do estudo mostrou a possibilidade de olhar a experiência do adoecer através da ótica de uma posição de sujeito assumida pelo próprio enfermo. E concluímos que ao escolher os cuidados paliativos, o doente terminal opta por um modo de se sentir mais confortável e resiste às imposições do modelo médico de prolongamento da vida.

  15. Improvement Science: conceptual and theoretical foundations for its application to healthcare quality improvement.

    PubMed

    Portela, Margareth Crisóstomo; Lima, Sheyla Maria Lemos; Martins, Mônica; Travassos, Claudia

    2016-11-03

    The development and study of healthcare quality improvement interventions have been reshaped, moving from more intuitive approaches, dominated by biomedical vision and premised on easy transferability, to gradually acknowledge the need for more planning and systematization, with greater incorporation of the social sciences and enhancement of the role of context. Improvement Science has been established, with a conceptual and methodological framework for such studies. Considering the incipient of the debate and scientific production on Improvement Science in Brazil, this article aims to expound its principal conceptual and theoretical fundamentals, focusing on three central themes: the linkage of different disciplines; recognition of the role of context; and the theoretical basis for the design, implementation, and evaluation of interventions. Resumo: O desenvolvimento e estudo de intervenções para a melhoria do cuidado de saúde tem ganhado novo contorno, movendo-se das abordagens mais intuitivas, com domínio da visão biomédica e assentadas no pressuposto de fácil transferibilidade, para gradativamente reconhecer a necessidade de mais planejamento e sistematização, com maior incorporação das ciências sociais e valorização do papel do contexto. A Ciência da Melhoria do Cuidado de Saúde vem se estabelecendo, propiciando referencial conceitual e metodológico para tais estudos. Considerando a incipiência do debate e produção sobre Ciência da Melhoria do Cuidado de Saúde no Brasil, este artigo objetiva discorrer sobre as principais bases conceituais e teóricas que a sustentam, com foco em três temas centrais: a articulação de diferentes disciplinas; o reconhecimento do papel do contexto; e o embasamento teórico para o desenho, implementação e avaliação das intervenções.

  16. OV-Wav: um novo pacote para análise multiescalar em astronomia

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Pereira, D. N. E.; Rabaça, C. R.

    2003-08-01

    Wavelets e outras formas de análise multiescalar têm sido amplamente empregadas em diversas áreas do conhecimento, sendo reconhecidamente superiores a técnicas mais tradicionais, como as análises de Fourier e de Gabor, em certas aplicações. Embora a teoria dos wavelets tenha começado a ser elaborada há quase trinta anos, seu impacto no estudo de imagens astronômicas tem sido pequeno até bem recentemente. Apresentamos um conjunto de programas desenvolvidos ao longo dos últimos três anos no Observatório do Valongo/UFRJ que possibilitam aplicar essa poderosa ferramenta a problemas comuns em astronomia, como a remoção de ruído, a detecção hierárquica de fontes e a modelagem de objetos com perfis de brilho arbitrários em condições não ideais. Este pacote, desenvolvido para execução em plataforma IDL, teve sua primeira versão concluída recentemente e está sendo disponibilizado à comunidade científica de forma aberta. Mostramos também resultados de testes controlados ao quais submetemos os programas, com a sua aplicação a imagens artificiais, com resultados satisfatórios. Algumas aplicações astrofísicas foram estudadas com o uso do pacote, em caráter experimental, incluindo a análise da componente de luz difusa em grupos compactos de galáxias de Hickson e o estudo de subestruturas de nebulosas planetárias no espaço multiescalar.

  17. Espectroscopia multi-objeto e imageamento de Abell 586 com GMOS - o estado dinâmico de um aglomerado de galáxias com arcos gravitacionais

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Cypriano, E. S.; Sodrã©, L., Jr.; Kneib, J.-P.; Campusano, L.

    2003-08-01

    Nesse trabalho é apresentado um estudo do conteúdo de massa do aglomerado de galáxias A586 (z = 0.171) bem como sua distribuição espacial. Isso foi feito a partir de dados de espectroscopia multi-objeto e imageamento obtidos com o instrumento GMOS acoplado ao telescópio Gemini-Norte. A massa desse aglomerado foi estudada a partir da posição dos seus arcos gravitacionais (lentes fortes), da medida estatística da distorção na forma das galáxias de fundo (lentes fracas) e através da dispersão de velocidades de uma amostra de cerca de 30 galáxias pertencentes ao aglomerado (teorema do virial). Os dois primeiros métodos não dependem do estado dinâmico do aglomerado, enquanto que o terceiro sim. Desse modo, comparando seus resultados pode-se estimar o grau de relaxamento desse sistema. Dados de raios X presentes na literatura também serão incluídos nessa análise. Nossos resultados preliminares a partir das técnicas de lentes fracas, mostram que, supondo que a distribuição de massa desse aglomerado seja a de uma esfera isotérmica, espera-se que ele apresente uma dispersão de velocidades de 1330+/-78 km s-1, em contradicao com medidas similares feitas por Dahle et al. 2002 que encontram valores tão altos quanto 1680 km s-1. Já o estudo dinâmico resultou numa dispersão de velocidades de ~950 km s-1.

  18. Uma comparação entre técnicas de propagação de erros em astrofísica: Monte Carlo x Bootstrap

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Waelkens, A. H.; Janot Pacheco, E.

    2003-08-01

    Recentemente Dhillon & Watson (2001) criticaram o procedimento de determinação de erros via simulações de Monte Carlo no caso do imageamento indireto de estrelas, por introduzir ruído nos dados e resultar em erros superestimados. Estes autores propuseram a utilização alternativa do método de Bootstrap como uma técnica superior para a estimativa de erros. Neste trabalho apresentamos os resultados de um estudo comparativo da performance das técnicas de simulação por Monte Carlo e por Bootstrap para a determinação de erros em duas situações de interesse: (i) ajuste de modelos a espectros observados e (ii) imageamento indireto de discos de acréscimo com técnicas de mapeamento por eclipse. No caso (i), os dados de entrada são espectros de emissão simples de hidrogênio aos quais é adicionado ruído gaussiano de amplitude selecionada. No caso (ii), são produzidas curvas de luz do eclipse de uma distribuição de brilho seguindo a lei TµR-3/4 para discos estacionários cuja taxa de acréscimo varia ao longo do eclipse segundo uma distribuição gaussiana de amplitude selecionada, simulando o ruído. A avaliação da performance é feita com o auxílio de um diagrama do erro relativo na grandeza ajustada, conforme obtido por cada método, versus o erro relativo (ruído/sinal) dos dados de entrada. O estudo mostra que as duas técnicas produzem resultados semelhantes nos dois casos, e que a suposta superioridade do método de Bootstrap não se confirma.

  19. Brachial plexus morphology and vascular supply in the wistar rat.

    PubMed

    Angélica-Almeida, Maria; Casal, Diogo; Mafra, Manuela; Mascarenhas-Lemos, Luís; Martins-Ferreira, José; Ferraz-Oliveira, Mário; Amarante, José; Goyri-O'Neill, João

    2013-01-01

    Introdução: O rato é provavelmente a espécie animal mais utilizada em estudos experimentais de reparação nervosa. Com este trabalho pretendeu-se aprofundar o conhecimento da morfologia e da vascularização do plexo braquial do rato.Material e Métodos: Trinta ratos adultos foram estudados relativamente à morfologia e vascularização do plexo braquial. As técnicas usadas foram a injecção intravascular e dissecção sob microscópio operatório, bem como técnicas de microscopia óptica e microscopia electrónica de varrimento.Resultados: Morfologicamente, o plexo braquial do rato é um pouco diferente do plexo braquial humano. O suprimento arterial e venoso do plexo braquial do rato deriva direta ou indiretamente dos vasos vizinhos. Estes vasos formam plexos vasculares densos e interconectados no epinervo, perinervo e endonervo. Vários componentes do plexo braquial do rato são acompanhados durante um trajecto relativamente longo por vasos sanguíneos relativamente calibrosos e constantes que fornecem o seu plexo epineural, tornando o seu levantamento como retalhos nervosos possível.Discussão: A vascularização do plexo braquial do rato não é muito diferente da reportada na espécie humana, tornando o rato um modelo animal útil para o estudo experimental da fisiopatologia e tratamento da patologia do nervo periférico.Conclusão: Os nossos resultados apoiam a homologia entre o rato e o Homem em termos de morfologia e vascularização do plexo braquial. Este trabalho sugere que vários componentes do plexo braquial do rato podem ser utilizados como retalhos nervosos, incluindo fibras predominantemente motoras, sensitivas ou fibras mistas.

  20. Twenty Years of Autologous Stem Cell Transplantation in Diffuse Large B-Cell Lymphoma: A Single Portuguese Center Experience.

    PubMed

    Dantas Brito, Margarida; Campilho, Fernando; Branca, Rosa; Vaz, Carlos; Roncon, Susana; Campos, António

    2016-03-01

    Introdução: O linfoma não Hodgkin difuso de grandes células B pode ser curado em 60% - 70% dos doentes. O transplante autológo de progenitores hematopoiéticos é o tratamento de intenção curativa standard à recidiva. Este tratamento intensivo após primeira remissão num grupo selecionado de doentes de alto risco é controverso e fez parte da estratégia do nosso Serviço durante alguns anos. Material e Métodos: Estudo retrospectivo, consulta do processo clínico. Resultados: Este estudo analisa o outcome de 113 doentes transplantados entre 1992 e 2012. Formaram-se quatro grupos com base no status pré-transplante: a) primeira remissão completa após 1 ciclo de quimioterapia (n = 64); b) segunda remissão completa após ≥ duas linhas de quimioterapia (n = 15); c) segunda remissão completa (n = 15); d) doença mais avançada (n = 19). O protocolo de quimioterapia de primeira linha mais utilizado foi R-CHOP (n = 71) e CHOP (n = 28). O seguimento mediano foi de 34 meses (1 - 221). Aos cinco anos a sobrevivência global foi de 73% (± 5) e a sobrevivência livre de progressão 75% (± 5). Conclusão: A imunoquimioterapia convencional seguida de transplante autólogo é uma opção segura e eficaz no tratamento de casos selecionados de linfoma difuso de grandes células B. Na nossa casuística cerca de 70% dos doentes de alto risco atingiram remissões duráveis com esta estratégia terapêutica.

  1. [Laparoscopic cholecystectomy and open cholecystectomy in acute cholecystitis: critical analysis of 520 cases].

    PubMed

    Teixeira, João Araújo; Ribeiro, Carlos; Moreira, Luís M; de Sousa, Fabiana; Pinho, André; Graça, Luís; Maia, José Costa

    2014-01-01

    IntroduçÉo: Apesar do cepticismo com que inicialmente foi encarada, a colecistectomia laparoscópica é hoje a técnica de eleiçÉo na colecistite aguda. Torna-se, porém, importante avaliar os seus resultados, em comparaçÉo com a colecistectomia clássica, uma vez que esta última ainda é seguida por alguns cirurgiões em determinadas situações.Material e Métodos: No nosso estudo foram incluídos 520 doentes com colecistites agudas operados no Serviço de Cirurgia Geral do Hospital de S. JoÉo, entre 2007 e 2013, dos quais 412 (79,2%) por laparoscopia e 108 (20,8%) por via aberta, com uma incidência de conversÉo de 10,7%. Procedeu-se ao estudo relativo às doenças coexistentes, leucocitose, tempo decorrido entre o diagnóstico na urgência e a cirurgia, classificaçÉo ASA, complicações intra e pós-operatórias, mortalidade, reintervenções, lesÉo biliar e estadia hospitalar. Os doentes convertidos foram incluídos no grupo das colecistectomias laparoscópicas. A análise estatística baseou-se em processos descritivos e a avaliaçÉo das diferenças entre grupos foi realizada com base no teste exato de Fisher, sendo considerados valores significativos para p < 0,05.Resultados: Colecistectomia laparoscópica versus Colecistectomia aberta: Mortalidade: 0,7% vs 3,7% (p = 0,0369); Complicações per-operatórias: 3,6% vs 12,9% (p = 0,0006); Complicações pós-operatórias cirúrgicas: 7,7% vs 17,5% (p = 0,0055); Pós-operatórias médicas: 4,3% vs 5,5% (p = 0,6077); LesÉo da via biliar principal: 0,9% vs 1,8% (p = 0,6091); Reintervenções: 2,9% vs 5,5% (p = 0,2315); Internamento hospitalar inferior ou igual a quatro dias: 64,8% vs 18,5% (p < 0,0001). Na colecistectomia laparoscópica houve 10,7% de conversões: nas precoces (intervenções realizadas antes das 96 h após o diagnóstico na urgência) esta taxa foi de 8,8% e nas tardias (após aquele período de tempo mas no mesmo internamento) de 13,7% (p = 0,1425); Complicações nos doentes

  2. [Epidemiological and Demographic Characteristics of Patients with Head and Neck Tumours in the Northern Portugal: Impact on Survival].

    PubMed

    Estêvão, Roberto; Santos, Tiago; Ferreira, Ana; Machado, Anabela; Fernandes, João; Monteiro, Eurico

    2016-10-01

    Introdução: Em Portugal não existem, ainda, estudos epidemiológicos e demográficos realizados em doentes portadores de tumores da cabeça e pescoço. Os objectivos desta análise são descrever os aspectos epidemiológicos e demográficos dos doentes portadores de tumores malignos da cabeça e do pescoço, referenciados ao serviço de Otorrinolaringologia de um centro oncológico do norte de Portugal e avaliar o impacto destas características na sobrevivência. Material e Métodos: Estudo retrospectivo descritivo, dos doentes referenciados entre janeiro de 2011 e dezembro de 2013 ao Serviço de Otorrinolaringologia do Instituto Português de Oncologia do Porto. Foram incluídos 566 doentes. As variáveis analisadas foram a localização anatómica dos tumores, o estadiamento, o género e a idade dos doentes, o distrito de proveniência, os hábitos etílicos e tabágicos, o nível educacional, a profissão, o estado civil e a estrutura familiar.Resultados: Os 566 doentes estudados correspondem a 498 homens e 68 mulheres, com idade média de 58,1 ± 12,2 anos. A maioria (80,5%) foi referenciada com doença em estadio avançado (III e IV). Verificamos hábitos etílicos moderados a excessivos em 78% dos doentes e 69% eram fumadores. A grande maioria dos doentes (82,3%) tinha apenas o ensino básico. Os doentes com tumores da hipofaringe e com hábitos etílicos excessivos foram referenciados em estadios mais avançados e apresentaram pior sobrevivência (p < 0,001). Os doentes casados foram referenciados em estadios mais precoces (p = 0,020) e os doentes sem apoio familiar apresentaram pior sobrevivência (p = 0,030). Discussão: Os dados epidemiológicos encontrados estão de acordo com a literatura internacional. A elevada taxa de doentes referenciados em estádio avançado pode ser atribuída ao atraso na procura de cuidados médicos ou a factores inerentes ao sistema de referenciação. A vigilância e o suporte familiar têm um papel

  3. Validation of the Portuguese Version of EHP-30 (The Endometriosis Health Profile-30).

    PubMed

    Nogueira-Silva, Cristina; Costa, Patrício; Martins, Carla; Barata, Sónia; Alho, Conceição; Calhaz-Jorge, Carlos; Osório, Filipa

    2015-01-01

    Introdução: O Endometriosis Health Profile Questionnaire-30 é atualmente o questionário mais utilizado para avaliação da qualidade de vida em mulheres com endometriose. O objetivo do presente estudo é avaliar as propriedades psicométricas e validar a versão portuguesa do Endometriosis Health Profile Questionnaire-30.Material e Métodos: Amostra sequencial de conveniência, constituída por 152 doentes com endometriose, de um centro de referência no país, que autopreencheram um questionário sociodemográfico, a versão portuguesa do Endometriosis Health Profile Questionnaire-30 e do Short Form Health Survey 36 Itemâversão 2. Procedeu-se a análise estatística apropriada, com estatística descritiva, análise fatorial, avaliação da consistência interna, correlação item-total e validade convergente (usando o Short Form Health Survey 36 Itemâversão 2).Resultados: A análise fatorial confirmou a validade da estrutura em cinco dimensões do questionário central, explicando uma variância total de 83,2%. A correlação item-total apresentou resultados aceitáveis em todos os itens e a consistência interna foi elevada, com α Cronbach variando de 0,876 a 0,981 nas dimensões do questionário central, e de 0,863 a 0,951 no modular. Demonstrou-se associação negativa significativa entre as dimensões similares do Endometriosis Health Profile Questionnaire-30 e do Short Form Health Survey36 Itemâversão 2. A taxa de preenchimento do questionário foi elevada para todas as dimensões. A perda do bem-estar emocional (no questionário central) e a infertilidade (no modular) apresentaram as pontuações médias mais elevadas e, consequentemente, impacto mais negativo sobre a qualidade de vida.Discussão: São necessários estudos para avaliar a fiabilidade teste-reteste e a sensibilidade à mudança desta versão portuguesa do Endometriosis Health Profile Questionnaire-30.Conclusão: Este estudo demonstra que a versão portuguesa do Endometriosis

  4. [End of life in neonatology: palliative care integration].

    PubMed

    Soares, Célia; Rodrigues, Manuela; Rocha, Gustavo; Martins, Angelina; Guimarães, Hercília

    2013-01-01

    Introdução: A limitação terapêutica e a implementação dos cuidados paliativos em Neonatologia revestem-se de extrema relevância na atualidade e são já uma realidade com tendência crescente em vários países. Não obstante, em Portugal, os estudos, recomendações e protocolos oficiais no que diz respeito às questões em fim de vida são ainda escassos.Material e Métodos: Analisamos retrospetivamente os processos clínicos dos recém-nascidos falecidos na Unidade de Cuidados Intensivos do Centro Hospitalar de São João no período de 2010 a 2012 e comparamos os resultados com os obtidos num estudo realizado na mesma Unidade correspondente aos períodos 1992-1995 e 2002-2005.Resultados: Na população estudada as anomalias congénitas foram a causa de morte em 57,1% casos, a prematuridade extrema em 18,4% casos e a infeção em 16,3%. No que refere ao ‘modo de morrer’, a paragem cardiorrespiratória irreversível às manobras de reanimação observou-se em 57,1% casos; 20,4% faleceram após abstenção de tratamento e 22,4% após suspensão de tratamento. Verificaram-se diferenças significativas para o ‘modo de morrer’ e as variáveis tempo de internamento e presença dos pais no momento da morte. Em 28,6% casos houve registo de tomada de decisão pela limitação terapêutica e adoção de cuidados paliativos e em 16,3% decisão de não reanimar. Para as duas últimas registou-se um aumento ao longo das três décadas analisadas. Também se registou uma tendência crescente para a utilização de escala de avaliação de dor neonatal, opióides e sedativos, presença parental no momento da morte, reuniões entre pais e neonatologistas, reuniões interdisciplinares e apoio psicológico aos pais.Conclusão: Este estudo revela uma tendência crescente para a integração de medidas de limitação terapêutica e de cuidados paliativos na UCIN estudada. Contudo, há ainda muito a desenvolver, nomeadamente no que refere à investigação, forma

  5. A Influência da Escola e da Mídia na Obtenção dos Conhecimentos Astronômicos

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    da Cunha, W. S.; Voelzke, M. R.; Amaral, L. H.

    2006-08-01

    O universo em que vivemos possui segredos jamais imaginados pelo homem, fruto da pequena proporção que ocupamos diante de um cosmos infinito. A astronomia funciona como um instrumento que sacia a sede humana em desvendar esses segredos, estudando as galáxias, quasares, pulsares além da existência de todos os elementos que preenchem o espaço cósmico, o vácuo, não mais vazio como se pensou em outros tempos. A mídia explora esse campo de forma mística e também científica. A difusão adequada e dentro dos padrões educacionais vigentes, de conceitos astronômicos, se faz necessária, devido sua presença nos conteúdos escolares, centros de ciência e na mídia, de modo geral. A reforma do Currículo Básico da Escola Pública da maioria dos Estados brasileiros introduziu conceitos astronômicos desde a pré-escola até o Ensino Médio. Num estudo realizado com 1.032 alunos do Ensino Médio de seis escolas estaduais, revelou-se através da aplicação de um questionário que abordava conheciment os básicos em astronomia, como estes foram adquiridos e qual era a infra-estrutura oferecida pela escola: para 66,2% dos entrevistados o professor já fez alguma apresentação a respeito de astronomia. O presente estudo revelou também que 44,5% dos alunos entrevistados adquiriram seus conhecimentos astronômicos na escola, 28,1% através da televisão e 27,4% afirmaram que seus conhecimentos foram obtidos através de outros tipos de mídia (internet, filmes e revistas). Embora o estudo revele claramente que há certo equilíbrio na forma em que os alunos obtiveram seus conhecimentos astronômicos, a mídia ainda explora e muitas vezes desperta o interesse pela astronomia com assuntos que não fazem parte de nosso cotidiano como, por exemplo, o homem na Lua, os projetos espaciais e a primeira viagem de um astronauta brasileiro no espaço. Porém, em certos casos, a mídia pode promover conhecimentos incompletos ou mesmo equivocados sobre os conceitos que envolvam

  6. Non-Invasive Ventilation in Patients with Heart Failure: A Systematic Review and Meta-Analysis.

    PubMed

    Bittencourt, Hugo Souza; Reis, Helena França Correia Dos; Lima, Melissa Santos; Gomes, Mansueto

    2017-02-01

    Non-invasive ventilation (NIV) may perfect respiratory and cardiac performance in patients with heart failure (HF). The objective of the study to establish, through systematic review and meta-analysis, NIV influence on functional capacity of HF patients. A systematic review with meta-analysis of randomized studies was carried out through research of databases of Cochrane Library, SciELO, Pubmed and PEDro, using the key-words: heart failure, non-invasive ventilation, exercise tolerance; and the free terms: bi-level positive airway pressure (BIPAP), continuous positive airway pressure (CPAP), and functional capacity (terms were searched for in English and Portuguese) using the Boolean operators AND and OR. Methodological quality was ensured through PEDro scale. Weighted averages and a 95% confidence interval (CI) were calculated. The meta-analysis was done thorugh the software Review Manager, version 5.3 (Cochrane Collaboration). Four randomized clinical trials were included. Individual studies suggest NIV improved functional capacity. NIV resulted in improvement in the distance of the six-minute walk test (6MWT) (68.7m 95%CI: 52.6 to 84.9) in comparison to the control group. We conclude that the NIV is an intervention that promotes important effects in the improvement of functional capacity of HF patients. However, there is a gap in literature on which are the most adequate parameters for the application of this technique. Resumo A ventilação não invasiva (VNI) pode aperfeiçoar o desempenho cardíaco e respiratório dos pacientes com insuficiência cardíaca (IC). O objetivo do estudo é estabelecer, por meio de revisão sistemática e meta-análise, a influência da VNI na capacidade funcional (CF) de indivíduos com IC. Foi realizada uma revisão sistemática com meta-análise de estudos randomizados através da pesquisa nas bases de dados Biblioteca Cochrane, SciELO, Pubmed e PEDro, utilizando-se as palavras-chave: insuficiência cardíaca, ventilação n

  7. Chronic Stress Improves NO- and Ca2+ Flux-Dependent Vascular Function: A Pharmacological Study.

    PubMed

    Bruder-Nascimento, Thiago; Campos, Dijon Henrique Salome

    2015-01-23

    Background: Stress is associated with cardiovascular diseases. Objective: This study aimed at assessing whether chronic stress induces vascular alterations, and whether these modulations are nitric oxide (NO) and Ca2+ dependent. Methods: Wistar rats, 30 days of age, were separated into 2 groups: control (C) and Stress (St). Chronic stress consisted of immobilization for 1 hour/day, 5 days/week, 15 weeks. Systolic blood pressure was assessed. Vascular studies on aortic rings were performed. Concentration-effect curves were built for noradrenaline, in the presence of L-NAME or prazosin, acetylcholine, sodium nitroprusside and KCl. In addition, Ca2+ flux was also evaluated. Results: Chronic stress induced hypertension, decreased the vascular response to KCl and to noradrenaline, and increased the vascular response to acetylcholine. L-NAME blunted the difference observed in noradrenaline curves. Furthermore, contractile response to Ca2+ was decreased in the aorta of stressed rats. Conclusion: Our data suggest that the vascular response to chronic stress is an adaptation to its deleterious effects, such as hypertension. In addition, this adaptation is NO- and Ca2+-dependent. These data help to clarify the contribution of stress to cardiovascular abnormalities. However, further studies are necessary to better elucidate the mechanisms involved in the cardiovascular dysfunction associated with stressors. (Arq Bras Cardiol. 2014; [online].ahead print, PP.0-0)Fundamento: Estresse está associado com complicações cardiovasculares. Objetivos: O objetivo do presente estudo foi avaliar se o estresse crônico induz alterações vasculares, e se essas alterações são dependentes de óxido nítrico (NO) e Ca2+. Métodos: Ratos machos Wistar com 30 dias de idade foram separados em 2 grupos: controle (C) e Estresse (St). Utilizou-se estresse crônico de imobilização por 1 hora/dia, 5 dias/semana, 15 semanas. Pressão arterial sistólica foi avaliada. A função vascular foi

  8. [Relation between metformin treatment and the development of hyperlactacidemia at the emergency room].

    PubMed

    Guelho, Daniela; Paiva, Isabel; Carrilho, Francisco

    2014-01-01

    Introdução: Em diabéticos tipo 2 sob metformina o desenvolvimento de hiperlactacidemia ou mesmo acidose láctica parece decorrer de um evento precipitante agudo. Este estudo objetiva avaliar a prevalência e risco relativo de hiperlactacidemia em diabéticos observados no Serviço de Urgência, os fatores preditores da concentração de lactatos e a influência da lactacidémia no prognóstico.Material e Métodos: Estudo observacional transversal incluindo 138 diabéticos tipo 2, dos quais 66 sob metformina, e 83 doentes não diabéticos atendidos entre junho e outubro de 2012. Variáveis estudadas: idade, sexo, motivo de urgência, pressão arterial, hábitos farmacológicos, antecedentes, estudo analítico (bioquímica e gasometria arterial com doseamento de lactatos) e destino após observação. Análise estatística realizada com SPSS 21.0®.Resultados: A concentração de lactatos e proporção de hiperlactacidemia foram significativamente superiores nos diabéticos (2,1 ± 0,1 mmol/L vs. 1,1 ± 0,1mmol/L, p < 0,001 e 39,1% vs. 3,6%, p < 0,001, respetivamente); particularmente naqueles sob metformina comparativamente aos restantes diabéticos (2,7 ± 0,2 mmol/L vs. 1,6 ± 0,1 mmol/L, p < 0,001 e 56,9 % vs. 23,3 %, p < 0,001, respetivamente). Os diabéticos sob metformina contabilizaram uma probabilidade de hiperlactacidemia 25x superior (OR = 25,10, p < 0,05). A creatinina representou o único fator preditor independente da lactacidemia (B = 1,33; p < 0,05). Os doentes com hiperlactacidemia apresentaram probabilidade 4,4x superior de serem internados ou falecerem (OR = 4,37, p < 0,05). E, quando internados, contabilizaram tempo de internamento (21,66 ± 5,86 dias vs 13,68 ± 5,33dias, p < 0,001) e número de óbitos superiores (12,5% (n = 4) vs 4,3% (n = 2), p < 0,05).Conclusões: Demonstrou-se um risco acrescido de hiperlactacidemia em diabéticos tipo 2, particularmente naqueles sob metformina. A creatinina sérica representou o único fator preditor

  9. Compilação de dados atômicos e moleculares do UV ao IV próximo para uso em síntese espectral

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Coelho, P.; Barbuy, B.; Melendez, J.; Allen, D. M.; Castilho, B.

    2003-08-01

    Espectros sintéticos são utéis em uma grande variedade de aplicações, desde análise de abundâncias em espectros estelares de alta resolução ao estudo de populações estelares em espectros integrados. A confiabilidade de um espectro sintético depende do modelo de atmosfera adotado, do código de formação de linhas e da qualidade dos dados atômicos e moleculares que são determinantes no cálculo das opacidades da fotosfera. O nosso grupo no departamento de Astronomia no IAG tem utilizado espectros sintéticos há mais de 15 anos, em aplicações voltadas principalmente para a análise de abundâncias de estrelas G, K e M e populações estelares velhas. Ao longo desse tempo, as listas de linhas vieram sendo construídas e atualizadas continuamente, e alguns acréscimos recentes podem ser citados: Castilho (1999, átomos e moléculas no UV), Schiavon (1998, bandas moleculares de TiO) e Melendez (2001, átomos e moléculas no IV próximo). Com o intuito de calcular uma grade de espectros do UV ao IV próximo para uso no estudo de populações estelares velhas, se fazia necessário compilar e homogeneizar as diversas listas em apenas uma lista atômica e uma molecular. Nesse processo, a nova lista compilada foi correlacionada com outras bases de dados (NIST, Kurucz Database, O' Brian et al. 1991) para atualização dos parâmetros que caracterizam a transição atômica (comprimento de onda, log gf e potencial de excitação). Adicionalmente as constantes de interação C6 foram calculadas segundo a teoria de Anstee & O'Mara (1995) e artigos posteriores. As bandas moleculares de CH e CN foram recalculadas com o programa LIFBASE (Luque & Crosley 1999). Nesse poster estão detalhados os procedimentos citados acima, as comparações entre espectros calculados com as novas listas e espectros observados em alta resolução do Sol e de Arcturus, e uma análise do impacto decorrente da utilização de diferentes modelos de atmosfera no espectro sintético. Ao

  10. [Congenital adrenal hyperplasia due to 21-hydroxylase deficiency: genotype-phenotype correlation].

    PubMed

    Mendes, Catarina; Vaz Matos, Inês; Ribeiro, Luís; Oliveira, Maria João; Cardoso, Helena; Borges, Teresa

    2015-01-01

    Introdução: A hiperplasia congénita da suprarrenal por deficiência de 21-hidroxílase constitui uma das doenças hereditárias mais comuns. Resulta de diferentes mutações no gene CYP21A2 e, na maioria dos casos, a gravidade da doença correlaciona-se com a variação alélica do CYP21A2. O objetivo deste estudo foi descrever o espectro mutacional do CYP21A2 e avaliar a correlação genótipo-fenótipo numa coorte de doentes portugueses com deficiência de 21-hidroxílase. Material e Métodos: Estudo retrospetivo de 22 doentes com diagnóstico clínico de deficiência de 21-hidroxílase. Foi feita análise molecular do CYP21A2 e estabelecida a correlação genótipo-fenótipo. Resultados: Foi realizada genotipagem em 22 doentes não relacionados: 5 com a forma clássica perdedora de sal (idade média ao diagnóstico de 10,2 dias; mínimo 1, máximo 20 dias), 7 com a forma clássica virilizante simples (idade média ao diagnóstico de 3,5 anos; mínimo 0 dias, máximo 7 anos) e 10 com a forma não clássica (idade média ao diagnóstico de 5,7 anos; mínimo 4 anos, máximo 8 anos). Os defeitos genéticos mais frequentes nas formas clássicas foram o I2 splice (24%) e I172N (24%), seguindo-se o Q318X (16%) e deleções de genes (16%) e, na forma não clássica, o V281L (80%). Verificou-se uma concordância genótipo-fenótipo global de 81,8%. O genótipo permitiu prever adequadamente o fenótipo em 83,3%, 100% e 90% dos doentes com mutações compatíveis com a forma clássica perdedora de sal, clássica virilizante simples e não clássica, respectivamente. Discussão: A frequência de defeitos genéticos observados nos nossos doentes é comparável a estudos semelhantes. Observou-se, na maioria dos casos, uma boa correlação genótipo-fenótipo. Conclusões: A análise molecular do CYP21A2 fornece informação importante relativamente à gravidade da doença e no aconselhamento genético e pré-natal.

  11. [Clinical and Epidemiological Study of Complicated Infection by Varicella-Zoster Virus in the Pediatric Age].

    PubMed

    Maia, Catarina; Fonseca, Jacinta; Carvalho, Isabel; Santos, Helena; Moreira, Diana

    2015-01-01

    Introdução: Em Portugal, a incidência da infeção complicada por vírus varicela-zoster e respetivos custos é desconhecida. O objetivo deste estudo foi descrever as características clinico-epidemiológicas dos doentes em idade pediátrica internados com o diagnóstico de infeção complicada por vírus varicela-zoster. Material e Métodos: Estudo descritivo, baseado na análise dos processos clínicos dos doentes internados entre janeiro de 1999 e julho de 2013, com diagnóstico de infeção complicada por vírus varicela-zoster. Resultados: Foram internados 94 doentes por infeção complicada a vírus varicela-zoster, dois por reativação de infeção latente. A mediana da idade foi 38 (IQR 18 - 65) meses. As complicações mais frequentes foram as infeciosas (70,2%), destacando-se a sobreinfeção bacteriana da pele/tecido celular subcut'neo (37,2%) e as complicações respiratórias (24,5%). Seguiram-se as complicações neurológicas (19,1%), gastrointestinais (9,6%), hematológicas (5,3%) e osteoarticulares (4,3%). Diagnosticaram-se 38 (40,4%) infeções bacterianas invasivas, seis com bacteriemia. A mediana da idade na admissão foi mais elevada nas complicações imunológicas relativamente às complicações infeciosas. As complicações neurológicas ocorreram preferencialmente em crianças saudáveis, enquanto as complicações infeciosas, nomeadamente as infeções bacterianas invasivas foram mais frequentes nos doentes medicados com ibuprofeno e/ou corticoide. A evolução foi favorável na maioria dos casos. Discussão: As complicações da infeção pelo vírus varicela-zoster ocorreram preferencialmente em idade pré-escolar e doentes saudáveis. As complicações infeciosas, nomeadamente as dermatológicas e respiratórias, foram as mais frequentes, tendo sido verificada associação com a terapêutica prévia com ibuprofeno e /ou corticoide.Conclusão: Estudos multicêntricos deverão ser planeados com o intuito de otimizar e ajustar as

  12. [Study on Portuguese Medical Schools' Learning Conditions: A National Analysis on Student Satisfaction, Student-Tutor Ratios and Number of Admissions].

    PubMed

    Grilo Diogo, Pedro; Moreira, Afonso; Coimbra, Ana; Coelho Silva, Ana; Nixon Martins, Artur; Mendonça, Carlos; Carvalho, Constança; Almeida, Gonçalo; Almeida, Hugo; Garcia Moreira, Inês; Rodrigues, Marta; Goulão, Miguel; Vasconcelos, Rafael; Vicente, Rodrigo; Magano, Sara

    2016-05-01

    Introdução: Os ambientes de ensino clínico e não clínico, bem como as condições de avaliação e estudo, influenciam a satisfação estudantil com as Escolas Médicas. Os rácios estudante-tutor podem ter impacto na perceção sobre o ensino em meio clínico. Este estudo tem como objetivo analisar a satisfação dos estudantes de Medicina e os rácios estudante-tutor em relação com o número de admissões das Escolas Médicas. Materiais e Métodos: Foi criado um questionário sobre os ambientes de aprendizagem, avaliação e estudo em oito Escolas Médicas, distribuído a 2037 estudantes. Calculou-se o alfa de Cronbach (consistência interna) e executou-se uma análise de componentes principais. Resultados: Condições de avaliação obtiveram os melhores resultados de satisfação, enquanto o ensino em meio clínico revelou as menores pontuações. O rácio estudante-tutor nacional em disciplinas clínicas (7,53) traduz diferenças significativas entre Escolas. Instituições com maior número de admissões evidenciam resultados inferiores de satisfação estudantil (r= -0,756; p < 0,05), com redução progressiva ao longo do curso. Elevados rácios estão correlacionados com baixa satisfação com o ensino em meio clínico (r= -0,826; p < 0,05). Discussão: O ensino em meio clínico evidencia menor satisfação estudantil, traduzindo os elevados rácios em disciplinas clínicas. Dependendo do número de admissões, existem diferenças significativas entre Escolas. A qualidade das estratégias de ensino-aprendizagem e articulação hospitalar podem igualmente ser variáveis importantes. Conclusão: As Escolas com maior número de admissões podem ser mais suscetíveis a baixos resultados de satisfação estudantil. Elevados rácios estudante-tutor em disciplinas clínicas podem reduzir a qualidade do ensino em meio clínico e inibir a aquisição de competências.

  13. [Schwannoma of the Upper Extremity: Retrospective Analysis of 17 Cases].

    PubMed

    Sá, Ângelo; Nobre Azevedo, Leandro; Cunha, Luísa

    2016-09-01

    Introdução: O schwanoma ou neurilemoma é um tumor benigno dos nervos periféricos e apresenta-se habitualmente como uma lesão única de crescimento indolente, com origem na proliferação das células de Schwann. Representa uma pequena percentagem dos tumores benignos do membro superior, contudo é o mais frequente de origem neural. Apresentamos um estudo retrospectivo de schwanomas do membro superior para estabelecer a abordagem pré-operatória adequada, avaliar a eficácia do tratamento e observar a evolução pós-operatória. Material e Métodos: Revisão de 17 doentes tratados desde 2007 a 2014 com schwanoma do membro superior e caracterização quanto à idade, sexo, localização no membro superior, sinais e sintomas, exames pré-operatórios, diagnóstico histológico e vigilância pós-operatória.Resultados: Observou-se que em quatro dos doentes, o schwanoma se localizava no braço, três no antebraço, quatro no punho e seis na mão ou dedos. Procedeu-se a excisão com ampliação óptica para optimização do resultado funcional final. A enucleação foi realizada sem lesão fascicular em 12 doentes. Por sua vez, em cinco doentes efectuou-se a excisão dos fascículos envolvidos pela massa. No pós-operatório imediato as parestesias surgiram em nove doentes, regredindo em cinco daqueles no período pósoperatório de 12 meses. Um doente evidenciou défice motor do nervo radial, com recuperação parcial aos 12 meses. Discussão: Os schwanomas são tumores raros, de morfologia bem delimitada, que atingem esporadicamente o membro superior. O diagnóstico pré operatório é pouco frequente, pelo que normalmente apenas se estabelece o diagnóstico após a excisão e o estudo histopatológico.Conclusão: Os schwanomas deverão ser equacionados nas hipóteses de diagnóstico dos nódulos subcutâneos associados a sintomas neurológicos. Assim, é importante investigar a presença de parestesias e o sinal de Tinel, característicos desta

  14. Qual o Papel da Escola e da Mídia na Obtenção dos Conhecimentos Astronômicos?

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    da Cunha, W. S.; Voelzke, M. R.; Amaral, L. H.

    2007-08-01

    É amplamente reconhecido que as pessoas em geral têm grande fascínio e interesse pela Astronomia. Por outro lado, o conteúdo dessa área incluído no ensino formal está longe de ser abrangente e suficiente para suprir a demanda. Esse interesse permite aperfeiçoar a divulgação e o ensino não formal de Astronomia através da mídia aliando a adequação do conteúdo à expectativa das pessoas. A reforma do Currículo Básico da Escola Pública da maioria dos Estados brasileiros tem introduzido Astronomia desde a pré-escola até o Ensino Médio. Num estudo realizado com 1180 alunos do Ensino Médio de seis escolas estaduais, revelou-se através da aplicação de um formulário contendo questões que abordavam conhecimentos básicos em Astronomia, como foram adquiridos tais conhecimentos e à infra-estrutura da escola. Para 66,1% dos entrevistados o professor já fez alguma apresentação a respeito de Astronomia. O presente estudo revelou também que 54,4% dos alunos entrevistados adquiriram seus conhecimentos astronômicos na escola, 18,4% através da televisão e 27,1% afirmaram que seus conhecimentos foram obtidos através de outros tipos de mídia (internet, livros didáticos, filmes e revistas). Embora o estudo revele claramente que há certo equilíbrio no meio em que os alunos obtiveram seus conhecimentos astronômicos, a mídia busca não somente sua difusão, mas a disponibilização desse conhecimento de maneira correta, que às vezes, não é atingido, apresentando conceitos sem fundamentação e incorretos. Por outro lado, no dia-a-dia escolar, é comum encontrar professores que vêm para as aulas com concepções prévias, que podem diferir substancialmente das idéias a serem ensinadas, dificultando o aprendizado de futuros conceitos científicos. Uma avaliação criteriosa, avaliando as dificuldades dos professores em determinar o sentido correto dos conceitos e observando a metodologia que utilizam no ensino, poderá proporcionar uma melhor

  15. Earth and Heavens: Two Separate Universes? (Spanish Title: Tierra y Cielos: ¿Dos Universos Separados?) Terra e Céus: Dois Universos Separados?

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Carrascosa, Jaime; Gil-Pérez, Daniel; Solbes, Jordi; Vilches, Amparo

    2005-12-01

    The study of gravitation constitutes an exceptional occasion to show the richness and complexity of science and technology, contemplating, among other things: the problematic situations which are at the heart of the scientific knowledge, the difficulties encountered in the construction of knowledge and, especially, the necessity of overcoming "common-sense evidence" that proclaimed the existence of an insurmountable barrier between Earth and Heavens, hindering scientific development during many centuries. In this paper we present a program of activities to orient the study of Gravitation atUpperHigh School, favoring students' participation in the reconstruction of this first scientific revolution and giving them the opportunity to see the importance of Astronomy both in the history of science and today. El estudio de la gravitación constituye una ocasión excepcional para mostrar la ciencia y la tecnología en toda su riqueza y complejidad, considerando, entre otros aspectos:

  16. Las situaciones problemáticas relevantes que llevaron a la construcción de los conocimientos,
  17. las dificultades de todo tipo con las que hubo que enfrentarse y, muy en particular,
  18. la necesidad de superar las "evidencias de sentido común" que establecían una supuesta barrera infranqueable entre la Tierray los Cielos y que obstaculizaron durante siglos el desarrollo científico.
  19. En este trabajo presentamos un programa de actividades para el estudio de la gravitación en la secundaria superior, orientado a favorecer la participación de los estudiantes, en alguna medida, en la reconstrucción de este proceso que constituyó la denominada primera gran revolución científica y asomándonos al estudio de una de las ciencias más antiguas, la Astronomía, que hoy sigue despertando gran interés. O estudo da gravitação constitui uma ocasião excepcional para mostrar a ciência e a tecnologia em toda sua riqueza e

  20. [Type 2 Diabetes Mellitus, Depression and Eating Disorders in Patients Submitted to Bariatric Surgery].

    PubMed

    Brandão, Isabel; Marques Pinho, Ana; Arrojado, Filipa; Pinto-Bastos, Ana; Maia da Costa, José; Coelho, Rui; Calhau, Conceição; Conceição, Eva

    2016-03-01

    Introdução: A obesidade associa-se a um elevado número de comorbilidades, entre as quais a diabetes mellitus tipo 2 e a patologia psiquiátrica. A cirurgia bariátrica tem demonstrado ser a melhor solução para a perda de peso e a melhoria das complicações nos casos de obesidade mórbida. O objetivo deste estudo é o de analisar a evolução da diabetes mellitus tipo 2 e de variáveis psicopatológicas antes e depois da cirurgia bariátrica e verificar o seu impacto na perda de peso. Material e Métodos: É um estudo longitudinal, que avalia 75 indivíduos antes e depois de serem submetidos a cirurgia bariátrica (47 - banda gástrica; 19 - bypass Roux-en-Y gástrico; 9 - sleeve gástrico), com tempo de follow-up entre 18 e 46 meses. Os instrumentos de avaliação foram a entrevista clínica e os questionários Eating Disorder Examination questionnaire - EDE-Q e Beck Depression Inventory - BDI. Resultados: Verificou-se melhoria relativamente à variável dicotómica diabetes mellitus tipo 2 após a cirurgia (X(1) = 26,132, p < 0,001). Não ocorreu melhoria significativa em termos de patologia psiquiátrica quando a análise foi controlada para o tipo de cirurgia. Encontrámos uma associação significativa entre as variáveis em estudo no pós-cirúrgico e a perda de peso. Este modelo explica 27% da variação do peso após a cirurgia (R2 = 0,265) e é significativo F (3,33) = 2,981, p = 0,038. Discussão: A diabetes mellitus tipo 2, patologia depressiva ou do comportamento alimentar mostraram estar relacionados com a perda de peso. Não ficou esclarecido em que sentido esta relação é estabelecida, nem a relação que estas variáveis metabólicas e psicológicas possam ter entre si ao longo do período pós cirurgia bariátrica. Conclusão: A diabetes mellitus tipo 2 evoluiu favoravelmente após a cirurgia. Diabetes mellitus tipo 2, depressão e patologia alimentar no período pós-cirúrgico associaram-se a menor perda de peso. As variáveis estudadas no

  21. [Restraints to anticoagulation prescription in atrial fibrillation and attitude towards the new oral anticoagulants].

    PubMed

    Pereira-Da-Silva, Tiago; Souto Moura, Teresa; Azevedo, Luísa; Sá Pereira, Margarida; Virella, Daniel; Alves, Marta; Borges, Luís

    2013-01-01

    Introdução e Objetivos: Avaliar a taxa de prescrição de anticoagulantes orais na fibrilhação auricular, os fatores associados à não prescrição, os motivos referidos pelos clínicos para não prescrição de anticoagulantes incluindo os de nova geração e realizar estudo evolutivo a médio prazo. Material e Métodos: Estudo prospetivo sobre casos consecutivos de doentes com fibrilhação auricular com alta hospitalar. Registaram- se os scores CHA2DS2VASc e HASBLED, comorbilidades associadas e a medicação prévia e à data de alta. Na alta hospitalar, o médico assistente indicou em questionário o motivo de não prescrição de anticoagulantes orais e dos novos anticoagulantes orais. Exclusão: contra-indicação absoluta para anticoagulação, CHA2DS2VASc ≤ 1 e doença valvular. Os doentes foram reavaliados um ano após o recrutamento do primeiro doente. Resultados: Identificaram-se 103 candidatos a anticoagulação oral (79,6 ± 8,0 anos; CHA2DS2VASc 5,8 ± 1,4; HASBLED 2,6 ± 1,0; HASBLED ≥ 3 em 55,3%); os anticoagulantes foram prescritos em 34,0%. Fatores associados à não prescrição por ordem decrescente de relevância: uso prévio de antiagregantes, doente acamado e/ou demente, ausência de insuficiência cardíaca e número de fatores de risco hemorrágico. Razões invocadas para não prescrição por ordem decrescente de frequência: risco hemorrágico elevado, pequeno benefício, incapacidade de seguir o esquema terapêutico e dificuldade na monitorização da razão normalizada internacional (INR). Os novos anticoagulantes não foram prescritos e as razões invocadas foram, por ordem decrescente de frequência: informação insuficiente sobre estes fármacos, risco hemorrágico elevado, custo elevado e pequeno benefício. Aos 8,2 ± 2,5 meses de estudo evolutivo 33,3% dos doentes encontravam-se sob anticoagulação sem que os novos anticoagulantes tivessem sido prescritos. Conclusões: Nesta amostra, a taxa de prescrição de

  22. Screening for BK virus nephropathy in kidney transplant recipients: comparison of diagnostic tests.

    PubMed

    Pinto, Gabriel Godinho; Poloni, Jose Antonio T; Rotta, Liane N; Razonable, Raymund R; Pasqualotto, Alessandro C

    2016-01-01

    Urine cytology and qPCR in blood and urine are commonly used to screen renal transplant recipients for polyomavirus-associated nephropathy (PVAN). Few studies, however, have directly compared these two diagnostic tests, in terms of their performance to predict PVAN. This was a systematic review in which adult (≥ 18 years old) renal transplant recipients were studied. A structured Pubmed search was used to identify studies comparing urine cytology and/or qPCR in urine and plasma samples for detecting PVAN with renal biopsy as the gold standard for diagnosis. From 707 potential papers, there were only twelve articles that matched the inclusion criteria and were analyzed in detail. Among 1694 renal transplant recipients that were included in the review, there were 115 (6.8%) patients with presumptive PVAN and 57 (3.4%) PVAN confirmed. In this systematic review, the qPCR in plasma had better performance for PVAN compared to urine cytopathology. Resumo A citologia urinária e a reação da cadeia da polimerase em tempo real (qPCR) em amostras de sangue e/ou urina são comumente utilizados para rastrear nefropatia associada ao polyomavirus (PVAN), em pacientes transplantados renais. Entretanto, poucos estudos comparam diretamente esses testes diagnósticos quanto ao desempenho para predizer esta complicação. Aqui realizamos uma revisão sistemática na qual foram estudados pacientes transplantados renais adultos (≥ 18 anos). Uma pesquisa estruturada Pubmed foi utilizada para identificar estudos comparando citologia urinária e/ou qPCR em amostras de urina e plasma para detectar PVAN, utilizando a biópsia renal como padrão-ouro para o diagnóstico. Dentre os 707 artigos em potencial, apenas 12 atendiam aos critérios de inclusão e foram analisados em maior detalhe. Foram incluídos 1694 pacientes transplantados renais, entre os quais 115 (6,8%) classificados com PVAN presuntivo e 57 (3,4%) PVAN confirmado. Nessa revisão sistemática, o qPCR no plasma tive melhor

  23. Prevalence and Risk Factors for Iron Deficiency Anemia and Iron Depletion During Pregnancy: A Prospective Study.

    PubMed

    Gomes da Costa, Ana; Vargas, Sara; Clode, Nuno; M Graça, Luís

    2016-09-01

    Introdução: A anemia e a carência de ferro são problemas de saúde globais e são mais frequentes em grávidas, mulheres em idade reprodutiva e crianças. O objetivo deste trabalho consistiu na avaliação da prevalência de anemia ferropénica e dos fatores de risco associados à ferropénia, na primeira metade da gravidez, numa amostra da população portuguesa. Material e Métodos: Estudo prospetivo, conduzido num hospital terciário, que incluiu grávidas até à 20ª semana de gestação. Foram coletados dados demográficos, relativos à gravidez e foram determinados os níveis séricos de hemoglobina e de ferritina no sangue materno. Recorreu-se à análise de regressão logística de variáveis múltiplas para identificar potenciais fatores de risco para ferropénia. Resultados: Foram incluídas 201 grávidas, das quais cinco (2,49%) tinham anemia. Para além disso, 77 grávidas (38,3%) tinham carência de ferro e 22 (10,9%) apresentaram ferropénia grave. A idade materna foi o único fator de risco identificado. O odds ratio foi de 12,99 (95% IC 2,41 - 70,0) para grávidas com idade inferior a 20 anos e de 2,09 (95% IC 1,05 - 4,14), para grávidas com idade superior a 30 anos. Discussão e Conclusão: Na nossa amostra, a prevalência de anemia na primeira metade da gravidez foi inferior à reportada noutros estudos. No entanto, mais de 30% das grávidas apresentaram carência de ferro. A idade materna foi o único fator de risco identificado.

  24. [MAST and AUDIT. Evaluation of psychometric characteristics in patients with alcohol dependence].

    PubMed

    Fonte, Aníbal; Mota-Cardoso, Rui

    2013-01-01

    Introdução/Objectivo: Avaliar a correlação entre a pontuação no MAST e no AUDIT em doentes internados para desintoxicaçãopor dependência de álcool e analisar a possibilidade destas pontuações refletirem a intensidade da gravidade da dependência e dos problemas relacionados com o uso do álcool.Material e Métodos: Estudo correlacional. Doentes internados pela primeira vez, para tratamento por dependência de álcool. Além de uma entrevista estruturada, do MAST e do AUDIT, foi utilizado o SADD para avaliação do grau de dependência do álcool e o APQ para os problemas relacionados com o consumo de álcool.Resultados: A consistência interna (α de Cronbach) do MAST foi 0,77 e a do AUDIT foi 0,73. A correlação entre os dois instrumentos foi moderada (R = 0,497, p < 0,001). Ambos apresentam correlação moderada e significativa (p < 0,001) com o SADD e o APQ. O conjunto de itens do AUDIT dirigidos para a dependência têm maior correlação com o SADD do que com o APQ, sucedendo o inverso com o conjunto de itens pertencentes à dimensão problemas/consequências adversas. Os dois instrumentos apresentam correlação baixa com o volume de álcool consumido avaliado em g/d.Conclusão: Tanto o MAST como o AUDIT apresentam uma pontuação total que reflete a gravidade da dependência e das perturbações induzidas pelo álcool. Em populações clínicas estes instrumentos podem ser utilizados como variável contínua, para registo quantitativo da magnitude dos problemas. O AUDIT, relativamente ao MAST, tem a vantagem de apresentar um número menor de itens, ser mais fácil de responder e de cotar. O AUDIT tem ainda a vantagem de apresentar conjuntos de itens pertencentes a três dimensões (quantidade/frequência, dependência, problemas/consequências adversas) que podem ser analisados separadamente permitindo uma caracterização mais especificação das situações em estudo.

  1. Alterações Induzidas Pelo Exercício no Número, Função e Morfologia de Monócitos de Ratos

    PubMed Central

    GUERESCHI, MARCIA G.; PRESTES, JONATO; DONATTO, FELIPE F.; DIAS, RODRIGO; FROLLINI, ANELENA B.; FERREIRA, CLÍLTON KO.; CAVAGLIERI, CLAUDIA R.; PALANCH, ADRIANNE C.

    2008-01-01

    O propósito desse estudo foi verificar as alterações histofisiológicas em monócitos e macrófagos induzidas por curtos períodos de exercícios. Ratos Wistar (idade = 2 meses, peso corporal = 200g) foram divididos em sete grupos (n=6 cada): controle sedentário (C), grupos exercitados (natação) na intensidade leve por 5 (5L), 10 (10L) e 15 minutos (15L), e grupos exercitados em intensidade moderada por 5 (5M), 10 (10M) e 15 minutes (15M). Na intensidade moderada os animais carregaram uma carga de 5% do peso corporal dos mesmos em seus respectivos dorsos. Os monócitos sangüíneos foram avaliados quanto à quantidade e morfologia e os macrófagos peritoneais foram analisados quanto à quantidade e atividade fagocitária. Os dados foram analisados usando ANOVA e Tukey’s post hoc test (p ≤ 0,05). Os grupos de intensidade leve e 5M apresentaram aumento nos níveis dos monócitos quando comparados com o controle. Foi observado aumento na área celular dos monócitos para os grupos 5L, 10L, 5M e 10M; a área nuclear aumentou para os grupos 10L, 5M e 10M em comparação com o controle. Houve aumento nos macrófagos peritoneais para os grupos 15L, 10M, 15M e diminuição no grupo 5M. A capacidade fagocitária dos macrófagos aumentou nos grupos de intensidade leve e para o grupo 10M. O exercício realizado por curtos períodos modulou o número e função dos macrófagos, assim como o número e morfologia dos monócitos, sendo tais alterações dependentes da intensidade. A soma das respostas agudas observadas nesse estudo pode exercer um efeito protetor contra doenças, podendo ser utilizada para a melhora da saúde e qualidade de vida.

  2. Portuguese Medical Students' Knowledge and Attitudes Towards Homosexuality.

    PubMed

    Lopes, Lucas; Gato, Jorge; Esteves, Manuel

    2016-11-01

    Introdução: A população lésbica, gay, bissexual e transgénero enfrenta ainda preconceito nos cuidados de saúde e, para além disso, os médicos frequentemente referem falta de conhecimento sobre as necessidades de saúde específicas desta população. Este estudo teve como objetivo explorar os fatores associados com as atitudes e conhecimentos dos estudantes de medicina face à homossexualidade em diferentes anos do curso de medicina. Material e Métodos: Foi enviado um questionário online anónimo a todos os estudantes de medicina matriculados na Faculdade de Medicina da Universidade do Porto em dezembro de 2015. O questionário incluía questões sociodemográficas, a Escala Multidimensional de Atitudes face a Lésbicas e a Gays (27 itens) e um Questionário de Conhecimento quanto à Homossexualidade (17 itens). Na análise dos dados foram utilizados estatística descritiva, ANOVAs, testes Chi quadrado e correlações de Pearson. Resultados: A análise incluiu 489 respostas. Os estudantes que se identificaram como sendo do género masculino, mais religiosos e com menos amigos lésbicas, gays ou bissexuais revelaram atitudes mais negativas em relação à homossexualidade. Anos mais avançados no curso ou maior contacto com pacientes lésbicas, gays ou bissexuais não se correlacionaram com as atitudes avaliadas. Apesar da progressão no curso se ter correlacionado significativamente com níveis mais elevados de conhecimento, os itens relacionados com saúde lésbicas, gays ou bissexuais apresentaram menor percentagem de respostas corretas. Conclusão: As atitudes dos estudantes de medicina face a lésbicas e gays parecem ser pouco exploradas ao longo do curso de medicina, havendo também falta de conhecimento sobre as necessidades específicas de saúde das pessoas lésbicas, gays ou bissexuais. Este estudo destaca assim a importância do desenvolvimento de um currículo médico inclusivo, crucial na promoção da qualidade dos cuidados de saúde.

  3. [The anatomical variations of the extensor muscles of the hand fingers].

    PubMed

    Melo, Catarina; Coelho, Paulo; Bernardes, António

    2013-01-01

    Introdução: Os músculos extensores dos dedos da mão estão sujeitos a múltiplas variações, algumas bastante frequentes.Material e Métodos: Foi efectuada a dissecção da região posterior do antebraço e mão de dois cadáveres, documentando-se as variações anatómicas encontradas.Resultados: No Caso 1 o extensor comum dos dedos emitia cinco tendões: um para o 2º dedo, um para o 3º dedo, dois para o 4º dedo e um para o 5º dedo; o extensor próprio do indicador emitia dois tendões: um para o dedo indicador e um para o 3º dedo. No Caso 2 o extensor comum dos dedos emitia quatro tendões: um tendão que se unia ao tendão do longo extensor do polegar, um para o 2º dedo, um para o 3º dedo e um para o 4º dedo que, por sua vez, emitia um tendão que se unia ao tendão do extensor do dedo mínimo; o extensor próprio do indicador emitia dois tendões: um para o dedo indicador e outro para o 3º dedo; o extensor do dedo mínimo emitia dois tendões para o 5º dedo.Discussão/Conclusões: A existência de um tendão duplo do extensor comum dos dedos para o 4º dedo tem sido verificada frequentemente em alguns estudos. É raro existir um tendão do extensor comum dos dedos para o longo extensor do polegar. Um tendão duplo do extensor do dedo mínimo pode ocorrer em 60 a 90% dos casos em alguns estudos. O conhecimento das variações mais frequentes dos tendões dos extensores dos dedos é importante para a prática cirúrgica.

  4. [Hashimoto Thyroiditis and Periodontal Disease: A Narrative Review].

    PubMed

    Morais, Ana; Resende, Marta; Pereira, José

    2016-10-31

    Introdução: Atualmente há um crescente interesse no estudo das condições sistémicas com repercussões no periodonto. O objetivo deste artigo é determinar se existe uma relação entre a tireoidite de Hashimoto e a doença periodontal. Material e Métodos: Fundamentada na periodontologia baseada na evidência e na combinação das expressões: ‘Hashimoto disease’; ‘Hypothyroidism’; ‘Periodontal diseases’; ‘Systemic diseases’; optou-se pela pesquisa e avaliação de artigos presentes nas bases dedados Medline, Scopus e Thomson Reuters, selecionando 30 para a análise na íntegra. esultados: Vários são os trabalhos desenvolvidos na procura de um melhor entendimento sobre a complexidade e patogénese das doenças periodontais, associando-as a múltiplas condições sistémicas. Atualmente a relação melhor descrita na literatura é a da artrite reumatoide; contudo, outras relações têm sido apontadas como é o caso da tireoidite de Hashimoto. Discussão: A identificação de múltiplos mecanismos etiopatogénicos comuns à tireoidite de Hashimoto e à doença periodontal permite suspeitar de uma relação entre ambas. São exemplos a proliferação de linfócitos T helper 1 e 17 e suas repercussões periodontais, a disfunção do endotélio vascular da microcirculação gengival e a influência do hipotiroidismo sobre o metabolismo ósseo,nomeadamente ao nível do osso alveolar. Conclusão: Existe plausibilidade biológica que suporta o estabelecimento de uma relação de associação entre a tireoidite de Hashimoto e a doença periodontal. Contudo, os estudos atuais não são suficientes para comprovarem um nexo causal entre estas duas patologias, devendo, os mesmos, ser elaborados num futuro próximo, de forma a melhor determinar a sua relação e interação.

  5. The Teaching of Astronomy in Uruguay. (Spanish Title: La Enseñanza de la Astronomía en Uruguay.) O Ensino da Astronomia no Uruguai

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Pintos Ganón, Reina; Fernández, Julio Angel

    2008-07-01

    We present in this work the development of astronomy in Uruguay since the colony times up to the present, stressing in particular those aspects related to the formal as well as informal teaching of astronomy. The first antecedents of astronomical studies in our country go back to the beginnings of the XVIIIth century related to the scientific expeditions from Europe coming to our shores. The teaching of astronomy was generalized at the high school level as soon as the end of the XIXth century, while itsintroduction at the university level happened much later, around the middle of the last century. We analyze the current situation of this subject, its problems, and some measures to strengthen its development. Se presenta en este trabajo el desarrollo de la astronomía en el Uruguay desde la época colonial hasta el presente, destacando en particular los aspectos vinculados a su enseñanza tanto formal como informal. Los primeros antecedentes de estudios astronómicos datan de la época colonial relacionados con las expediciones científicas del Viejo Mundo que llegaban a nuestras costas. La enseñanza de la Astronomía se generalizó en el ámbito de los estudios secundarios ya a fines del siglo XIX, mientras que en la Universidad su arribo fue mucho más tardío, a mediados del siglo pasado. Se analiza la situación actual de esta disciplina, sus problemas, y algunas medidas para fortalecer su desarrollo. Apresentamos, neste trabalho, o desenvolvimento da Astronomia no Uruguai desde a época colonial até o presente, destacando em particular os aspectos vinculados ao seu ensino tanto formal quanto informal. Os primeiros antecedentes de estudos astronômicos em nosso país datam da época colonial relacionados com as expedições científicas do Velho Mundo que chegavam às nossas costas. O ensino da Astronomia se generalizou no âmbito dos estudos secundários já no final do século XIX, enquanto que sua introdução na universidade foi muito mais tardia, em

  6. [Vitamin D Insufficiency in a Hospital Population: A Photograph from the Laboratory Perspective].

    PubMed

    Santos, Maria Joana; Fernandes, Vera; Garcia, Fernando Mota

    2015-01-01

    Introdução: Apesar da hipovitaminose D ser cada vez mais reconhecida em todo o mundo, existem poucos estudos sobre a realidade portuguesa. Este trabalho pretende analisar o nível de vitamina D nos doseamentos realizados no nosso hospital e sua relação com idade, sexo, especialidade requisitante e momento da colheita. Material e Métodos: Estudo observacional dos doseamentos de 25(OH)D realizados no nosso Hospital entre junho de 2012 e novembro de 2014. Variáveis estudadas: sexo, idade, especialidade requisitante, mês de colheita. O status de vitamina D foi classificado como: 'Deficiência' (≤ 20 ng/mL), 'Insuficiência' (21 ' 29 ng/mL) e 'Suficiência' (≥ 30 ng/mL). Resultados: Incluímos 5 439 doseamentos; 55,0% pertenciam a mulheres; a idade mediana foi 64,0 anos. Sessenta por cento apresentavam 'Deficiência', 20,7% 'Insuficiência' e 18,9% 'Suficiência'. Encontrámos uma correlação negativa entre idade e nível de vitamina D (p < 0,001), não havendo diferenças significativas entre sexos. Nove especialidades requisitaram 98% dos doseamentos, destacando-se a Nefrologia (56,2%). Encontrámos diferenças entre especialidades requisitantes relativamente à idade e nível de vitamina D (p < 0,001). O nível de vitamina D variou ao longo do ano, com níveis superiores no verão, seguido do outono, primavera e inverno (p < 0,001). Apesar desta variação sazonal, a suficiência de vitamina D foi sempre minoritária, sendo de 27,8% no Verão e 9,2% no Inverno. Discussão: A carência de vitamina D nesta população é elevada, transversal a todas as idades e não compensada pela variação sazonal da exposição solar.Conclusão: A hipovitaminose D é um problema real, prevalente e merecedor de atuação na nossa população, atendendo às suas implicações clínicas.

  7. Hansen Neuropathy: Still a Possible Diagnosis in the Investigation of a Peripheral Neuropathy.

    PubMed

    Veiga, Andreia; Costa, Alexandre; Taipa, Ricardo; Guimarães, António; Pires, Manuel Melo

    2015-01-01

    Introdução: A lepra continua a ser uma das causas mais frequentes de neuropatia periférica. Apesar de tida como erradicada em Portugal, ainda se documenta no estudo neuropatológico de doentes com clínica de neuropatia periférica sem diagnóstico etiológico definido.Material e Métodos: Revisão dos casos neuropatia por doença de Hansen diagnosticados na Unidade de Neuropatologia do Centro Hospitalar do Porto no período de 1978 e 2013 atendendo ao género, idade, manifestações clínicas e achados neuropatológicos.Resultados: Foram identificados 21 doentes com diagnóstico neuropatológico de neuropatia por doença de Hansen, com predomínio do sexo masculino. A idade média ao diagnóstico foi de 52 anos, sendo a sintomatologia sensitiva predominante. O intervalo entre sintomatologia e diagnóstico oscilou entre 1 a 38 anos. Na maioria foi identificada forma tuberculoide em biópsia de nervo e detetados bacilos em pele e nervo em 44% dos casos.Discussão: A mononeurite é a forma mais comum de apresentação de hanseníase, podendo cursar com outras manifestações clínicas incluindo lesões cutâneas. A infeção pelo M. leprae lesiona fibras mielinizadas e não mielinizadas, com substituição do tecido nervoso por colagénio resultando em fibrose. O diagnóstico da lepra é apenas conseguido por estudo neuropatológico das lesões cutâneas e/ou nervo periférico, adjuvado pela identificação do bacilo.Conclusão: A doença de Hansen continua a ser um problema de saúde pública em áreas tropicais e, apesar de rara, ainda descrita em países ocidentais, devendo ser considerada como uma hipótese de diagnóstico na investigação de neuropatia periférica.

  8. [Understanding depressive symptoms after bariatric surgery: the role of weight, eating and body image].

    PubMed

    Sousa, Paula; Bastos, Ana Pinto; Venâncio, Carla; Vaz, Ana Rita; Brandão, Isabel; Costa, José Maia; Machado, Paulo; Conceição, Eva

    2014-01-01

    Introdução: A sintomatologia depressiva tem-se revelado prevalente após a cirurgia bariátrica. Este estudo teve como objetivo compreender o papel do peso, alimentação e imagem corporal na sintomatologia depressiva após realização da cirurgia bariátrica. Material e Métodos: Segue um design transversal e possui uma amostra pós-cirúrgica de 52 indivíduos, com um tempo de follow-up entre os 22 e os 132 meses. A avaliação foi realizada através de duas entrevistas clínicas semiestruturadas, incluindo a perturbação de comportamento alimentar (Eating Disorder Examination), e de três instrumentos de autorrelato: Outcome Questionnaire 45 - comprometimento psicológico geral, Beck Depression Inventory - sintomatologia depressiva e Body Shape Questionnaire - imagem corporal. Resultados: Os resultados mostram que a sintomatologia depressiva está associada à ingestão alimentar compulsiva, à preocupação com a imagem corporal e à percentagem do índice de massa corporal ganho. Segundo os resultados da análise de regressão linear múltipla que incluiu estas variáveis, a percentagem de índice de massa corporal ganho após cirurgia, a ingestão alimentar compulsiva e a preocupação com a imagem corporal são os factores que explicam 50% da variância da sintomatologia depressiva após a cirurgia, sendo a preocupação com a imagem corporal mais significativo, na medida em que uma maior insatisfação com a imagem corporal está associada a mais sintomas depressivos. Discussão: Os resultados deste estudo mostraram que um subgrupo de doentes apresenta um aumento de peso significativo após a cirurgia bariátrica que está associado a episódios de ingestão alimentar compulsiva, a preocupações com a imagem corporal e a sintomatologia depressiva. Conclusão: Estes resultados enfatizam a importância de considerar estas preocupações com a imagem corporal na avaliação psicológica da pessoa que fez cirurgia bariátrica de modo a otimizar o seu

  9. [Dengue fever in Portuguese speaking countries: which epidemiological links may we set?].

    PubMed

    Silvano, José; Abreu, Cândida

    2014-01-01

    Introdução: A ocorrência recente de um conjunto de surtos de dengue em países da lusofonia previamente livres de doença, despertou- nos curiosidade quanto aos fatores concorrentes para o fenómeno e a necessidade de aprofundar conhecimentos quanto à patologia. Revemos a situação relativa à dengue nos países da lusofonia, relacionando os diferentes surtos e procurando contribuir para um melhor conhecimento do fenómeno. Material e Métodos: Revisão da literatura relativa ao tema e informação relevante obtida de comunicações orais. Resultados: Os surtos ocorridos entre os anos de 2009 e 2013 em Cabo Verde, Madeira e Angola (para lá da doença endémica no Brasil) partilham o mesmo vetor Aedes aegypti, mas são devidos a serotipos víricos com diferentes proveniências, como constatado em estudos genotípicos. A forte sub-notificação da doença em África e as dificuldades no diagnóstico e terapêutica são obstáculos ao real conhecimento da situação. Discussão: A hipótese de ligação entre alguns dos surtos não está completamente afastada. Pela elevada mobilidade de pessoas entre estas zonas e pelas alterações climáticas em curso, o território de Portugal expõe-se ao risco de introdução de dengue. A luta principal, a despeito de ferramentas emergentes ainda utópicas, é sem dúvida o controlo vetorial. Conclusão: Não foi possível provar qualquer ligação entre os diferentes surtos, mas é necessária preparação local dos profissionais de saúde, bem como o estabelecimento de estratégias de saúde pública e manutenção de redes de vigilância. Mais estudos epidemiológicos e entomológicos são necessários para caracterizar a verdadeira incidência de doença nos países lusófonos.

  10. Espectroscopia de candidatos a remanescentes de aglomerados abertos

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Pavani, D. B.; Bica, E.; Ahumada, A. V.; Clariá, J. J.

    2003-08-01

    A pesquisa sobre remanescentes de aglomerados abertos tem despertado grande interesse. Seguindo esta tendência encontramos estudos teóricos e observacionais. Os primeiros baseiam-se em simulações numéricas buscando determinar fração de binárias e distâncias galatocêntricas, tempo de vida e conteúdo estelar. Estes estão relacionados à função inicial de massa e densidade de estrelas, ou seja, se ricos ou pobremente povoados, compactos ou esparsos. No caso observacional procuram-se identificar os remanescentes considerando-se que trazem estas assinaturas de seus percursores. No presente estudo empregamos espectroscopia para analisar oito concentrações pobremente povoadas, previamente classificadas como aglomerados abertos, sendo sete compactas e uma esparsa. As observações foram obtidas através do telescópio de 2,15 m do CASLEO em San Juan, Argentina, em turnos entre 2001 e 2003. Utilizamos uma câmara CCD contendo um chip Tektronics de 1024X1024 pixeis aliado a um espectrógrafo REOSC. O domínio espectral vai de 3700 a 7000 Å. As reduções foram realizadas no Observatório Astronômico de Córdoba (Argentina) usando pacotes IRAF padrões. Determinamos idades, avermelhamentos e tipos espectrais através de comparações com biblioteca de estrelas e de aglomerados. Em alguns casos nossos espectros estavam dominados por estrelas individuais às quais determinamos seus tipos espectrais. Aos oito objetos adicionamos mais cinco da literatura recente analisados via espectro ou diagrama cor-magnitude. O histograma resultante contém idades típicas entre 0.5 e 3 Ganos. Considerando que predominantemente estes objetos encontram-se na vizinhança solar e, portanto, não cruzaram muitas vezes o plano Galático esperamos que a diferença no tempo necessário para dissolução destes prováveis remanescentes seja em função de diferentes massas iniciais.

  11. Stigma and Attitudes towards Psychiatric Patients in Portuguese Medical Students.

    PubMed

    Telles-Correia, Diogo; Gama Marques, João; Gramaça, João; Sampaio, Daniel

    2015-01-01

    Introdução: Este estudo pretende avaliar o impacto da educação psiquiátrica nas atitudes em alunos de medicina face aos doentes mentais. Material e Métodos: Foi conduzido um inquérito em corte transversal na maior faculdade de medicina portuguesa. Os alunos preencheram um questionário que incluía informação sociodemográfica, antecedentes pessoais e familiares de doença psiquiátrica, bem como a Community Attitudes towards the Mentally Ill scale. Resultados: Em 2 178 estudantes, 398 responderam ao inquérito, representando 18,2% daquela faculdade de medicina. Houve uma significativa melhoria em todas as dimensões avaliadas pela Community Attitudes towards the Mentally Ill scale, ao longo dos anos do curso de medicina. Os valores mais elevados verificaram-se na subescala Restritividade (38,01), e os valores mais baixos na sub-escala Autoritarismo (36,13). A melhor diferença verificou-se para a sub-escala Autoritarismo (5º ano - 1º ano = 2,03), e a pior diferença verificou-se para a sub-escala Benevolência (5º ano - 1º ano = 0,39). Os melhores resultados foram encontrados no final do 3º ano. Discussão: Os resultados poderão dever-se ao módulo de luta contra o estigma, incluído na disciplina de 'Introdução à Saúde Mental'. Esse efeito positivo ter-se-á perdido no 4º e 5º anos, com uma degradação das atitudes.Conclusão: Este estudo salienta a import'ncia dos módulos de luta contra o estigma na melhoria das atitudes dos estudantes de medicina perante a saúde mental. Este tipo de acções pedagógicas preventivas com intuito anti-estigma, devem ser na melhor preparação possível de gerações Médicas futuras.

  12. Indications for cesarean deliveries during a 7-year period in a tertiary hospital.

    PubMed

    Costa, Ana; Policiano, Catarina; Clode, Nuno; Graça, Luís M

    2013-01-01

    Introdução: Analisar a evolução da taxa de cesarianas e as principais indicações para cesariana num centro terciário.Material e Métodos: Estudo retrospectivo conduzido num hospital universitário que incluiu 5751 grávidas submetidas a cesariana entre 2005 e 2011. Analisaram-se as taxas de cesarianas, incluindo a taxa de primeiras cesarianas e de cesarianas repetidas. Para avaliar a contribuição relativa de cada uma das indicações na variação da taxa de primeiras cesarianas recorreu-se à regressão linear e determinou-se o valor do r2 ajustado.Resultados: Durante o período do estudo a taxa de cesarianas diminuiu de 30,9% para 27,6%. Esta descida deveu-se à diminuição da taxa de primeiras cesarianas (21,9% para 18,2%), apesar de se ter constatado um ligeiro aumento da taxa de cesarianas repetidas (9,0 para 9,4%). Entre as indicações para primeiras cesarianas, as causas materno-fetais e de apresentação anómala foram as que diminuiram mais, com valores de r2 ajustado de 0,70 e 0,55, respectivamente.Discussão: Os dados coligidos permitiram identificar a hipótese de que a diminuição da taxa de cesarianas se deveria a uma retração detectada sobretudo a nível das primeiras cesarianas, em particular as decorrentes de causas materno-fetais e apresentação anómala.Conclusão: A diminuição da taxa de primeiras cesarianas pode ser atribuída a várias modificações na prática clínica do Departamento, como a implementação da versão cefálica externa, a indução do trabalho de parto a partir das 41 semanas de gestação, em gravidezes de baixo risco e da realização de provas de trabalho de parto em casos de patologia materno-fetal. No entanto, indicações subjectivas, como a paragem de progressão do trabalho de parto e a suspeita de sofrimento fetal são ainda causas major de primeiras cesarianas.

  13. [Characterization and Evolution of Avoidable Admissions in Portugal: The Impact of Two Methodologic Approaches].

    PubMed

    Sarmento, João; Alves, Conceição; Oliveira, Paula; Sebastião, Rita; Santana, Rui

    2015-01-01

    Introdução: O objectivo deste estudo é avaliar a performance dos sistemas de saúde através dos internamentos evitáveis, dado que estes têm vindo a ganhar importância a nível internacional. Foram utilizadas duas metodologias distintas para a identificação dos internamentos por Ambulatory Care Sensitive Conditions, fazendo uma descrição da realidade e a evolução destes em Portugal. Material e Métodos: Analisámos mais de 12 milhões de internamentos entre 2000 e 2012, utilizando as bases de dados de resumos de alta nacionais. Utilizaram-se duas metodologias de identificação das Ambulatory Care Sensitive Conditions, determinando a sua concordância. Calculámos cenários de melhoria potencial. Resultados: Em 2012, 4,4% e 32,5% dos internamentos por causas médicas seriam evitáveis segundo a metodologia canadiana e espanhola respectivamente. Os internamentos são mais frequentes nas crianças e nos idosos, divergindo as suas causas de acordo com o grupo etário e a metodologia utilizada. A taxa de internamentos no período em análise diminuiu 20% segundo a metodologia canadiana e aumentou 16% segundo a espanhola. Existem agregados regionais de performance acima e abaixo da média nacional. A concord ncia entre as duas metodologias é baixa. Estimaram-se reduções potenciais entre 20,3% e 53,5% dos internamentos.Discussão: Os internamentos evitáveis assumem um volume considerável em Portugal. Apesar de em teoria serem evitáveis a sua eliminação por completo não é uma possibilidade prática, no entanto, o seu estudo possibilita a avaliação e monitorização de resultados e o estabelecimento de prioridades de intervenção. Conclusão: Para uma caracterização mais precisa dos internamentos evitáveis é necessário consensualizar em Portugal a metodologia para a sua identificação.

  14. Flutuações da temperatura eletrônica em NGC 2438 e NGC 2440

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Krabbe, A. C.; Copetti, M. V. F.

    2003-08-01

    Tradicionalmente, as abundâncias em nebulosas planetárias e regiões HII têm sido obtidas de linhas excitadas colisionalmente, as quais são fortemente dependentes da temperatura eletrônica. Alternativamente, as abundâncias químicas podem ser determinadas de linhas de recombinação, as quais são quase independententes da temperatura eletrônica. Entretanto, consideráveis diferenças têm sido encontradas entre estes dois métodos. Estas discrepâncias têm sido atribuídas às flutuações espaciais da temperatura eletrônica. Entretanto, as magnitudes necessárias de flutuações de temperatura eletrônica são consideravelmente mais altas do que aquelas preditas pelos modelos padrões de fotoionização e os mecânismos físicos que poderiam explicar as grandes flutuações de temperatura são desconhecidas. Desta forma, o estudo de variações da temperatura eletrônica em regiões HII e nebulosas planetárias tem ganho um renovado interesse. Neste trabalho apresentamos os resultados preliminares de um estudo observacional sobre variações internas da temperatura eletrônica nas nebulosas planetárias NGC 2440 e NGC 2438. Analisamos dados espectrofotométricos de fenda longa, com alta razão sinal-ruído, na faixa de 3300-6800 Å, com o espectrógrafo Cassegrain Boller & Chivens acoplado ao telescópio de 1.52 m do European Southern Observatory (ESO). Temperaturas eletrônicas foram derivadas da razão [OIII](l4959+l5007)/l4363 em diferentes posições em cada nebulosa planetária. Flutuações da temperatura eletrônica foram detectadas e suas magnitudes foram estimadas em NGC 2440 e NGC 2438.

  15. Women's attachment as a predictor of pain during labour and post-delivery: a prospective observational study.

    PubMed

    Costa Martins, José Manuel; da Silva, Carlos Fernandes; Pereira, Marco; Martins, Henriqueta; Oliveira, Célia; Puga, Alexandra; Coelho, Rui; Tavares, Jorge

    2014-01-01

    IntroduçÉo: O parto é considerado uma das experiências mais dolorosas e significativas na vida de uma mulher. O objectivo deste estudo foi avaliar se o estilo de vinculaçÉo da grávida é um preditor significativo da dor experienciada durante o parto e após o nascimento.Material e Métodos: Trinta e duas grávidas foram avaliadas durante o terceiro trimestre de gravidez e durante o parto. A vinculaçÉo no adulto foi avaliada através da Escala de AvaliaçÉo no Adulto ' Revista. A intensidade da dor de parto foi avaliada através de uma Escala Visual Analógica para a dor durante o parto e após o nascimento.Resultados: As mulheres com um estilo de vinculaçÉo inseguro reportaram maior dor aos 3 cm de dilataçÉo cervical (p < 0,05), antes da administraçÉo da analgesia (p < 0,01) e após o nascimento (p < 0,05) que as mulheres com uma vinculaçÉo segura. Nos modelos multivariados, o estilo de vinculaçÉo mostrou-se um preditor significativo da dor no parto aos 3 cm de dilataçÉo cervical e antes da administraçÉo da analgesia, mas nÉo na dor percebida após o nascimento.DiscussÉo: Estes resultados confirmam que a dor de parto é influenciada por factores psicológicos relevantes e sugerem que o estilo de vinculaçÉo da mulher pode ser um factor de risco para maior intensidade de dor no parto.ConclusÉo: Estudos futuros no contexto da dor obstétrica devem considerar o estilo de vinculaçÉo como um indicador de diferenças individuais na experiência de dor durante o parto. Isto pode ter importantes implicações para a Anestesiologia e promover importantes mudanças nas práticas institucionais e procedimentos terapêuticos.

  16. Late stillbirth: a ten year cohort study.

    PubMed

    Robalo, Raquel; Pedroso, Célia; Amaral, Njila; Soares, Clara

    2013-01-01

    Introdução: A morte fetal tardia é um acontecimento que se mantém na prática diária, apesar de protocolos de vigilância pré-natal e intraparto. Objectivo: Análise dos factores que contribuíram para a causa principal ou condições associadas a morte fetal tardia num período de 10 anos Métodos: Coorte retrospectiva de 208 gestações tardias simples, cujo parto em unidade terciária de cuidados perinatais resultou no nascimento de um nado morto, num período de dez anos. Através de consulta de processo clínico foram analisados dados clínicos, laboratoriais e resultados de estudo anatomo-patológico feto-placentário. Resultados: A incidência de morte fetal tardia foi de 3,5 por cada 1000 nascimentos. Não foram encontradas quaisquer tendências na incidência de MF tardia ao longo do tempo de estudo. Em 12 (5,8%) casos a morte fetal foi um acontecimento intraparto e 72 (35%) eram gestações de termo. Em 14% a gravidez não foi vigiada. A IG média de diagnóstico foi 34 semanas. A principal causa de morte associou-se a patologia fetal, tendo sido identificados factores fetais em 59 casos, destes 25% foram considerados leves para a idade gestacional. Em 24.5% dos casos a causa de morte foi inexplicada. Identificaram-se factores de risco materno em 21% dos casos, a patologia hipertensiva foi frequente e foi associada a idade gestacional precoce (p = 0,028). Conclusões: Não houve oscilações na incidência de morte fetal tardia ao longo dos dez anos avaliados. A incidência foi de 3,5‰, idêntica à descrita em países desenvolvidos. Cerca de um quarto das mortes fetais foram inexplicadas. A patologia materna mais frequente foi a hipertensão crónica.

  17. [Career Satisfaction of Medical Residents in Portugal].

    PubMed

    Martins, Maria João; Laíns, Inês; Brochado, Bruno; Oliveira-Santos, Manuel; Teixeira, Pedro Pinto; Brandão, Mariana; Cerqueira, Rui João; Castro-Ferreira, Ricardo; Bernardes, Carlos; Menezes, Miguel Nobre; Baptista, Bernardo Soares; Ladeiras-Lopes, Ricardo; Rei, Mariana Cruz; Rosa, Gilberto Pires da; Martins, José Luís; Mendonça Sanches, Maria; Ferreira-Pinto, Manuel J; Rato, Margarida; Costa e Silva, Miguel; Policiano, Catarina; Beato, João; Barbosa-Breda, João; Torres, João Pimentel; Leal, Inês; Rosa, Sílvia Aguiar; Ribeiro, Bárbara Carvalho; Costa, Francisco Rego; Palmela, Carolina; Gonçalves, Tiago Cúrdia; Morais, Luis; Marques, Tiago Reis

    2015-01-01

    Introdução: A satisfação com a profissão médica tem sido apontada como um fator essencial para a qualidade assistencial, o bemestar dos doentes e a estabilidade dos sistemas de saúde. Estudos recentes têm vindo a enfatizar um crescente descontentamento dos médicos, principalmente como consequência das alterações das relações laborais.Objetivos: Avaliar a perceção dos médicos de formação específica em Portugal, sobre as expectativas e grau de satisfação com a profissão, especialidade e local de formação; razões da insatisfação e intenção de emigrar.Material e Métodos: Estudo transversal. A colheita de dados foi efetuada entre Maio e Agosto de 2014 através de um Inquérito online sobre a âÄúSatisfação com a EspecialidadeâÄù.Resultados: De uma população total de 5788 médicos, foram obtidas 804 respostas (12,25% do total de médicos internos). Desta amostra, 77% das respostas correspondem a internos dos três primeiros anos de formação. Verificou-se que 90% dos médicos se encontram satisfeitos com a especialidade, tendo-se encontrado também níveis elevados de satisfação com a profissão (85%) e local de formação (86%). Por outro lado, constatou-se que estes diminuíam com a progressão ao longo dos anos de internato. A avaliação global sobre o panorama da prática médica foi negativa e 65% dos médicos responderam que consideram emigrar após conclusão do internato.Conclusão: Os médicos internos em Portugal apresentam níveis positivos de satisfação com a sua profissão. No entanto, a sua opinião sobre o panorama da Medicina e os resultados relativos à intenção de emigrar alertam para a necessidade de tomada de medidas para inverter este cenário.

  18. [Gestational diabetes and the new screening test's impact].

    PubMed

    Massa, Ana Catarina; Rangel, Ricardo; Cardoso, Manuela; Campos, Ana

    2015-01-01

    Introdução: Em 2011, foi introduzido um novo rastreio para a diabetes gestacional que permitiu um diagnóstico mais precoce e de maior número de casos com o intuito de reduzir complicações maternas e perinatais. O objectivo deste estudo foi avaliar a prevalência da diabetes gestacional, comparar resultados obstétricos e perinatais do anterior e presente rastreio e os resultados e realização da prova de reclassificação pós-parto. Material e Métodos: Estudo retrospectivo em gestações simples e diabetes gestacional diagnosticados em 2009 (n = 223) e 2012 (n = 237), vigiadas na Maternidade Dr. Alfredo da Costa, Portugal. Após consulta de processos clínicos procedeu-se à análise de características demográficas, história médica e obstétrica, aumento ponderal durante a gravidez, idade gestacional do diagnóstico, terapêutica utilizada, resultados perinatais e reclassificação pós-parto, seguida de comparação destas variáveis entre os anos de 2009 e 2012. Resultados: Em 2012, houve maior prevalência de diabetes gestacional, ganho ponderal inferior (p < 0,001), maior recurso à terapêutica farmacológica (p < 0,001) e aumento dos casos diagnosticados no primeiro e segundo trimestres (p < 0,001). Relativamente aos resultados neonatais, o peso médio do recém-nascido ao nascer foi significativamente menor (p = 0,001) com diminuição dos recém-nascidos grandes para a idade gestacional (p = 0,002). A taxa de reclassificação pós-parto foi semelhante nos dois anos mas em 2012 houve um aumento dos resultados normais e diminuição das anomalias da glicémia em jejum. Discussão: Critérios mais apertados do actual rastreio permitiram a redução da maioria das complicações da diabetes gestacional levantando novas questões. Conclusão: A introdução do actual rastreio resultou num aumento de prevalência, diagnóstico mais precoce e redução da macrossomia.

  19. [Mini-Mental State Examination: Screening and Diagnosis of Cognitive Decline, Using New Normative Data].

    PubMed

    Santana, Isabel; Duro, Diana; Lemos, Raquel; Costa, Vanessa; Pereira, Miguel; Simões, Mário R; Freitas, Sandra

    2016-04-01

    Introdução: O Mini-Mental State Examination é o teste de rastreio de défice cognitivo/demência mais difundido. No nosso país têm-se utilizado pontuações de corte definidas por grupos de literacia, mas existem novas propostas sustentadas por estudos mais representativos. Propomo-nos confirmar a influência da idade e da escolaridade no desempenho, avaliar a capacidade discriminativa dos novos dados normativos e testar a acuidade diagnóstica das pontuações de corte validadas para o défice cognitivo ligeiro e para as formas mais prevalentes de demência. Material e Métodos: O estudo incluiu 1 441 participantes escolarizados, divididos em sete subgrupos: Défice cognitivo ligeiro, doença de Alzheimer, demência fronto-temporal, demência vascular, demência com corpos de Lewy, controlo-comunidade e controlo-clínica- memória. Resultados: Em conjunto, idade e escolaridade explicam 10,4% da variância dos resultados no Mini-Mental State Examination, com ambas contribuindo significativamente para a predição dos resultados. A acuidade diagnóstica com base nos dados normativos mais recentes foi sempre superior à conseguida com as pontuações de corte de validação, revelando uma especificidade excelente (superior a 90%) e uma sensibilidade também excelente para a doença de Alzheimer ligeira (91%), boa para demência com corpos de Lewy (78%), baixa para o défice cognitivo ligeiro (65%) e demência fronto-temporal e demência vascular (55%). Discussão e Conclusões: O desempenho no Mini-Mental State Examination é influenciado pela idade e pela escolaridade, apoiando a utilização de dados normativos que considerem estas variáveis. Com esta abordagem, o Mini-Mental State Examination poderá ser um instrumento sensível e específico para o rastreio da doença de Alzheimer em todos os níveis de cuidados de saúde, mas a acuidade de diagnóstico é limitada noutras situações frequentes em consultas especializadas, como o défice cognitivo ligeiro

  20. The importance of Zebrafish in biomedical research.

    PubMed

    Tavares, Bárbara; Santos Lopes, Susana

    2013-01-01

    Introdução: O peixe-zebra (Danio rerio) é um excelente organismo modelo para o estudo do desenvolvimento dos vertebrados. Este facto deve-se às grandes ninhadas que cada casal produz, que podem atingir 200 embriões a cada sete dias, e ao facto dos embriões serem pequenos, transparentes e com um rápido desenvolvimento externo.Material e Métodos: Usando ferramentas de pesquisa bibliográfica científica disponíveis online e utilizando e as palavras-chave “Zebrafish”, “biomedical research”, “human disease” e “drug screening”, avaliámos estudos originais e revisões indexadas na PubMed.Resultados: Neste artigo de revisão fazemos um resumo do trabalho realizado com este modelo no melhoramento doconhecimento de várias doenças humanas. Fizemos ainda um breve relato da investigação biomédica realizada em Portugal com o modelo de peixe-zebra.Discussão: Têm sido desenvolvidas poderosas ferramentas genéticas e de microscopia in vivo, que também tornaram o peixe-zebra num modelo valioso em investigação biomédica. A conjugação destes atributos com a optimização de sistemas automatizados de triagem de medicamentos, transformaram o peixe-zebra num top model da investigação em biomedicina, nomeadamente na triagem de compostos químicos com efeitos terapêuticos e em testes de toxicidade. Além disso, com a otimização da tecnologia dos xenografos, será possível usar o peixe-zebra na escolha de uma terapia personalizada.Conclusão: O peixe-zebra é um excelente organismo modelo na pesquisa biomédica, em screens de medicamentos e na terapia clinica.

  1. A distribuição de velocidades na linha de visada em galáxias barradas vistas de face

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Gadotti, D. A.; de Souza, R. E.

    2003-08-01

    Com o objetivo de realizar um estudo cinemático da componente vertical de barras em galáxias, obtivemos espectros de fenda longa de alta razão S/N ao longo dos eixos maior e menor de 14 galáxias barradas vistas de face, nos telescópios de 1.52m do ESO em La Silla, Chile, e de 2.3m do Steward Observatory em Kitt Peak, Arizona. Estes dados nos permitiram determinar a distribuição de velocidades das estrelas ao longo do eixo vertical das barras e discos destes sistemas, tanto no centro como em pontos que distam cerca de 5 e 20 segundos de arco do núcleo, correspondendo a distâncias de cerca de 0.7 e 2.8 kpc, respectivamente. Desta forma, a variação radial da distribuição de velocidades também pôde ser avaliada. Este tipo de análise tem raros exemplos na literatura por ser caro em termos de tempo de telescópio. Entretanto, é de fácil justificativa, considerando que traz novas informações que podem ser utilizadas para aperfeiçoar modelos teóricos acerca da formação e evolução de galáxias. Um algoritmo por nós desenvolvido foi utilizado para obter as distribuições de velocidades como Gaussianas generalizadas (polinômios de Gauss-Hermite), o que traz um ingrediente a mais neste tipo de estudo que, tradicionalmente, se utiliza de Gaussianas puras, uma hipótese nem sempre razoável. Apresentaremos os resultados deste trabalho, que incluem um diagnóstico para a identificação de barras recém formadas, e testes para o modelo isotérmico de discos. Mostraremos que: (i) a escolha das estrelas padrão em velocidade, e dos parâmetros da Gaussiana, deve ser muito bem justificada já que tem influência significativa nos resultados; (ii) muitas galáxias apresentam uma depressão na dispersão de velocidades na região central, que pode estar associada a um disco interno; e (iii) a dispersão de velocidades é constante ao longo da barra, nos eixos maior e menor, mas cai substancialmente quando se passa da barra para o disco.

  2. Variação temporal do gradiente radial de o/h a partir de uma amostra de nebulosas planetárias

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Maciel, W. J.; Costa, R. D. D.; Uchida, M. M. M.

    2003-08-01

    Gradientes radiais de abundância são observados no disco de nossa Galáxia e também em outras galáxias espirais. No caso da Galáxia, o principal problema relativo aos gradientes é sua variação temporal, que constitui um dos principais vínculos aos modelos de evolução química da Galáxia. As nebulosas planetárias são particularmente interessantes no estudo dos gradientes e suas variações, tanto espaciais como temporais. São objetos brilhantes, podendo ser observadas a grandes distâncias, e têm abundâncias relativamente precisas de diversos elementos químicos. Além disso, sendo originadas de estrelas com massas entre 0.8 e 8 massas solares na sequência principal, incluem objetos com idades e populações diferentes, o que as torna especialmente interessantes ao estudo da variação temporal dos gradientes. Neste trabalho, apresentamos resultados recentes sobre a variação temporal do gradiente de O/H a partir de uma amostra contendo cerca de 200 nebulosas, para as quais obtivemos distâncias por métodos estatísticos. As abundâncias foram parcialmente obtidas a partir de observações em Itajubá e La Silla, sendo as restantes obtidas da literatura. Os resultados mostram, pela primeira vez, evidências de um achatamento do gradiente de O/H, de -0.11 dex/kpc para -0.06 dex/kpc nos últimos 9 giga-anos ou de -0.08 dex/kpc para -0.06 dex/kpc nos últimos 5 giga-anos. Esses valores apresentam um bom acordo com alguns modelos recentes para a evolução química da Galáxia. (FAPESP/CNPq)

  3. [Successful pregnancies outcomes with the use of in vitro fertilization after Essure® unilateral hydrossalpinx occlusion].

    PubMed

    Guedes-Martins, Luís; Mesquita-Guimarães, Joana; Barreiro, Márcia

    2014-01-01

    Introdução: Desde há duas décadas que assistimos à publicação de vários estudos dedicados à avaliação da influência da hidrossalpinge nos resultados de técnicas de transferência de embriões. O objectivo deste trabalho é apresentar os resultados do tratamento e vigilância gestacional em mulheres com história de infertilidade - associada a hidrossalpinge unilateral, visível no exame ecográfico transvaginal - submetidas a oclusão unilateral com Essure® e tratamento subsequente com fertilização in vitro. Material e Métodos: Análise prospectiva de uma amostra constituída por seis mulheres, com antecedentes de infertilidade e hidrossalpinge unilateral, entre Abril de 2010 e Maio de 2013. Em todos os casos procedemos a exclusão de hidrossalpinge recorrendo à colocação unilateral de um dispositivo Essure® por via histeroscópica antes da realização de um ciclo para fertilização in vitro. Resultados: Das seis doentes submetidas a fertilização in vitro, quatro engravidaram (66,7%). Destas, registaram-se duas gravidezes de termo sem intercorrências até ao parto e duas gravidezes encontram-se em vigilância, sem intercorrências conhecidas até à data. Das doentes que não engravidaram após fertilização in vitro (n = 2, 33,3%), uma engravidou espontaneamente durante a vigilância subsequente. Discussão: O avanço da histeroscopia no tratamento de hidrossalpinge, recorrendo à implantação do dispositivo Essure®, representa uma alternativa válida à abordagem laparoscópica. Conclusão: Este estudo sugere que a oclusão tubar unilateral, induzida pelo dispositivo Essure®, melhora os resultados do tratamento com fertilização in vitro em casos de infertilidade associada a hidrossalpinge unilateral, visível no exame ecográfico transvaginal.

  4. Estimativa de imagens solares soho através de redes neurais artificiais

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Andrade, M. C.; Fernandes, F. C. R.; Cecatto, J. R.; Rios Neto, A.; Rosa, R. R.; Sawant, H. S.

    2003-08-01

    A Rede Neural Artificial (RNA), no âmbito da teoria computacional, constitui uma teoria emergente que, por possuir habilidade em aprender a partir de dados de entrada, encontra diferentes aplicações em diferentes áreas. Um exemplo é a utilização de RNA na caracterização de padrões associados à dinâmica de processos espaço-temporais relacionados a fenômenos físicos não-lineares. Para obter informações sobre o comportamento destes fenômenos físicos utiliza-se, em diversos casos, seqüências de imagens digitalizadas, onde a caracterização de alguns fenômenos espaço-temporais é o procedimento mais viável para descrever a dinâmica das regiões ativas do Sol. Com base em imagens observadas por telescópios a bordo de satélites, estudos de previsão de eventos solares podem ser programados, permitindo prever possíveis efeitos posteriores nas regiões mais próximas da Terra (tempestades geomagnéticas e irregularidades ionosféricas). Neste trabalho avaliamos o desempenho da RNA para estimar padrões espaço-temporais, ou seja, imagens solares em ultravioleta, obtidas através do telescópio a bordo do satélite SOHO. Os resultados mostraram que as RNA conseguem generalizar os padrões de maneira satisfatória sem perder de forma significativa os principais aspectos da configuração global da atmosfera solar, comprovando a eficácia da RNA como ferramenta para esse tipo de aplicação. Portanto, este trabalho comprova a viabilidade de uso desta ferramenta em projetos voltados ao estudo do comportamento solar, em trabalhos do grupo de Física do Meio Interplanetário (FMI) na DAS e em programas desenvolvidos pelo Núcleo de Simulação e Análise de Sistemas Complexos (NUSASC) do Laboratório Associado de Computação e Matemática Aplicada (LAC) do INPE.

  5. [Hodgkin's Lymphoma and Autoimmunity: Is There a Relationship?].

    PubMed

    Jerónimo, Mónica; Silva, Sónia; Benedito, Manuela; Brito, Manuel João

    2015-01-01

    Introdução: A relação entre linfomas e doenças autoimunes é descrita na literatura como bidirecional, existindo poucos dados em idade pediátrica. Este trabalho tem como objetivo avaliar a prevalência de doenças autoimunes em crianças e adolescentes com linfoma de Hodgkin seguidos num Serviço de Oncologia Pediátrica. Material e Métodos: Ao rever a casuística do Serviço de linfomas de Hodgkin nos últimos 16 anos (dados colhidos prospetivamente), constatou-se uma incidência aparentemente elevada de doenças autoimunes nas raparigas pelo que se realizou um estudo retrospetivo, com atualização do seguimento fora de tratamento, relativamente à existência de doenças autoimunes. Avaliaram-se: idade, sexo, tipo de doença autoimune, relação temporal com o linfoma, estádio e grupo histológico do linfoma e terapêutica efetuada. Resultados: Incluíram-se 52 casos de linfoma de Hodgkin, dos quais sete (13,5%), todos do sexo feminino, tiveram uma doença autoimune diagnosticada previamente, em simult'neo ou posteriormente ao linfoma. As doenças autoimunes encontradas foram: artrite idiopática juvenil, doença inflamatória intestinal, doença de Behçet, hepatite autoimune, lúpus eritematoso sistémico, tiroidite de Hashimoto e púrpura trombocitopénica idiopática. Em quatro doentes o diagnóstico foi posterior ao linfoma, em dois, prévio, e num simult'neo. Todos os casos, exceto o diagnóstico simult'neo, estão fora de tratamento e sem recidiva da doença oncológica. Não se verificaram óbitos. Discussão: Verificou-se uma importante prevalência de doenças autoimunes nas raparigas com linfoma de Hodgkin. Apresentamos os dados e discutimos possíveis causas desta relação com base numa revisão bibliográfica. Conclusões: Esta associação deve ser evocada, sendo necessário mais estudos, sobretudo em idade pediátrica.

  6. [Pharmacovigilance in Portugal: Activity of the Central Pharmacovigilance Unit].

    PubMed

    Batel-Marques, Francisco; Mendes, Diogo; Alves, Carlos; Penedones, Ana; Dias, Patricia; Martins, Angelina; Santiago, Luiz Miguel; Fontes-Ribeiro, Carlos; Caramona, Margarida; Macedo, Tice

    2015-01-01

    Introdução: Caracterizar as notificações espontâneas de eventos adversos a medicamentos recebidas pela Unidade de Farmacovigilância do Centro.Material e Métodos: Consideraram-se todas as notificações reportadas entre 01/2001 e 12/2013. Estimaram-se taxas de notificação anuais. Os casos foram caracterizados quanto à gravidade, conhecimento prévio, causalidade imputada, origem e grupo profissional do notificador, tipo de evento adverso e grupos farmacoterapêuticos onde se incluem os medicamentos suspeitos com maior prevalência de notificação.Resultados: A Unidade recebeu 2408 notificações, que continham 5749 eventos adversos. No ano de 2013 foi registada uma taxa de notificação de 171 notificações/milhão de habitantes. Do total de notificações, 55% foram classificadas como graves. Das notificações com causalidade imputada, 90% tinham uma relação pelo menos possível com o medicamento suspeito. Os medicamentos que originaram maior número de notificações foram os anti-infeciosos para uso sistémico (n = 809; 33%), e os eventos adversos mais frequentemente notificados foram as âÄúAfeções dos tecidos cutâneos e subcutâneosâÄù (n = 1139; 20%). Registaram-se 154 (6,4%) casos de risco de vida e/ou morte e 88 (3,6%) continham pelo menos um evento adverso classificado simultaneamente como grave, desconhecido e definitivo ou provável.Discussão: Os resultados deste estudo são consistentes com os de outros estudos, designadamente no que diz respeito à gravidade, aos grupos farmacoterapêuticos onde se incluem os medicamentos suspeitos e aos tipos de eventos adversos reportados.Conclusão: Ao longo do período avaliado, a UFC solidificou a sua atividade, tendo verificado um crescimento da taxa de notificação em geral e um aumento da notificação de reações adversas graves e desconhecidas.

  7. Establishing the Role of Unlinked Total Elbow Arthroplasty in Low Demand Patients: A Long-Term Follow-up Study.

    PubMed

    Machado, Sara; Almeida Pinto, Isabel; Pinto, Rui; Ribeiro de Oliveira, Paulo

    2016-06-01

    Introdução: Na maioria dos centros a experiência com a artroplastia total do cotovelo é escassa, parecendo existir taxas significativas de complicações associadas. A maioria dos estudos realizados até à data baseia-se em scores não validades e em resultados a curto prazo. Material e Métodos: Selecionamos doentes submetidos a artroplastia total do cotovelo, com uma amostra resultante de treze artroplastias, recorrendo ao mesmo tipo de prótese - não restritiva, de baixa demanda física, com seguimento médio pós-operatório de 72 meses. Aplicamos o score de Mayo e efetuamos um estudo radiográfico pré operatoriamente e durante o período de seguimento. Resultados: Todos os doentes possuem uma patologia inflamatória sistémica. O score de Mayo médio evoluiu de 43 pontos préoperatoriamente para 70 e 80 pontos no período de seguimento intermédio (em média 15 meses após a artroplastia) e no momento da última avaliação (em média 72 meses após a artroplastia) respetivamente. Registamos um aumento na amplitude de movimentos em todos os casos. Registamos um caso de falência mecânica e dois de neuropatia cubital transitória. Discussão: A disfunção do cotovelo acarreta grande perda na qualidade de vida do doente, incapacitando-o para atividades simples da sua vida diária. Pequenas melhorias na amplitude de movimentos e alívio da dor resultam em alterações significativas na capacidade funcional. Este estude surgiu da necessidade de esclarecer o resultado dos implantes existentes nos diferentes grupos populacionais. Conclusão: Bons resultados no alívio da dor e na capacidade funcional são obtidos a longo prazo com a artroplastia total do cotovelo não restritiva, que assim demonstra ser uma excelente opção terapêutica nos doentes de baixa demanda física com artropatia do cotovelo, nomeadamente na artrite reumatoide, condição comum e limitante na nossa população.

  8. Osteotomy at low-speed drilling without irrigation versus high-speed drilling with irrigation: an experimental study.

    PubMed

    Gaspar, João; Borrecho, Gonçalo; Oliveira, Pedro; Salvado, Francisco; Martins dos Santos, José

    2013-01-01

    Introdução: A cirurgia traumática pode afetar a maturação do tecido ósseo e, diminuir a previsibilidade de osteointegração, pelo que a lesão mecânica e térmica deve ser minimizada. O objectivo deste estudo foi avaliar as alterações histológicas imediatas provocadas pela osteotomia a 50 rpm sem irrigação e a 800 rpm com irrigação, no osso do coelho.Material e Métodos: Foram efectuadas 36 perfurações (18 com cada técnica) nas tíbias de seis coelhos adultos. A sequência debrocas utilizada foi: uma broca esférica com 1,5 mm de diâmetro, uma broca piloto com 2,0 mm de diâmetro, e uma broca com 3,5 mm de diâmetro. A cortical posterior das tíbias foi preservada, constituindo o osso de controlo. Procedeu-se à recolha das tíbias com os defeitos a analisar, para observação com microscópio óptico e análise qualitativa.Resultados: Os defeitos ósseos apresentaram bordos regulares. Observou-se tecido ósseo viável, vascularizado e com presença de osteócitos junto aos defeitos. A estrutura haversiana e lamelar do tecido encontrou-se mantida, bem como a rede vascular. A matriz extracelular não apresentou alterações. Os resultados indicam não haver diferenças histológicas entre as osteotomias a 800 rpm com irrigação e a 50 rpm sem irrigação.Conclusão: O nosso estudo sugere que as alterações no tecido ósseo provocadas pela osteotomia a 50 rpm sem irrigação e a 800 rpm com irrigação são semelhantes, e que ambas as técnicas mantêm o tecido ósseo viável para a colocação de implantes e respectiva osteointegração, cabendo ao clínico a escolha, em função de outras variáveis.

  9. [Prevalence of Pre-Obesity/Obesity in Pre and Basic School Children at Vila Nova de Gaia, Portugal].

    PubMed

    Camarinha, Bárbara; Graça, Pedro; Nogueira, Paulo Jorge

    2016-01-01

    Introdução: Mais de 30% das crianças portuguesas apresentam excesso de peso. Sendo um grave problema de saúde pública com múltiplas causas, só uma ação intersectorial e concertada poderá contribuir para a sua resolução. As autarquias possuem um conjunto de competências que as tornam ideais para uma intervenção eficaz na luta contra este problema. Para essa ação ser efetiva é necessária uma avaliação local da dimensão do problema e sua distribuição espacial. O objetivo deste estudo foi caracterizar, do ponto de vista da prevalência de excesso de peso, a população do pré-escolar e primeiro ciclo do ensino básico sob responsabilidade da autarquia de Vila Nova de Gaia, o terceiro município mais populoso do país. Material e Métodos: Avaliaram-se 8 974 crianças do pré-escolar e primeiro ciclo do ensino básico do município, no ano letivo 2013/14. A avaliação do estado nutricional da amostra foi feita com recurso às medidas antropométricas peso e altura. Na classificação do estado nutricional considerou-se os percentis ou z-scores do índice de massa corporal para a idade de acordo com os critérios definidos pela Organização Mundial de Saúde, Centers for Disease Control and Prevention e pela International Obesity Task Force. Resultados: A prevalência de excesso de peso pelo critério da Organização Mundial da Saúde foi de 37,4%. Identificaram-se disparidades na distribuição do excesso de peso nas escolas do concelho. Discussão: Os resultados encontrados foram ligeiramente superiores aos de outros estudos nacionais e internacionais, podendo a abrangência amostral justificar as diferenças encontradas. Conclusão: A prevalência encontrada é elevada e de distribuição aparentemente distinta a nível espacial, o que poderá contribuir para a identificação dos principais determinantes do problema a nível local.

  10. [PRAdA intervention: effects on weight of dietary intervention among treated hypertensive Portuguese natives and African immigrants].

    PubMed

    Peixoto, Catarina; Carrilho, Gisela; Alarcão, Violeta; Guerra, Filipa; Simões, Rui; Fernandes, Milene; Nicola, Paulo; Guiomar, Sofia; Nogueira, Paulo; Rocha, Evangelista

    2014-01-01

    Introdução: Perdas de peso melhoram o controlo da tensão arterial em indivíduos hipertensos. As intervenções comportamentais para a perda de peso parecem ser menos eficazes nos imigrantes de origem africana (IOA). Os principais objetivos foram avaliar os efeitos no peso de uma intervenção alimentar em hipertensos nativos de origem portugueses (NOP) e IOA; identificar fatores de sucesso na perda de peso; avaliar a evolução dos conhecimentos e adesão às recomendações alimentares. Material e Métodos: Foram selecionados aleatoriamente hipertensos medicados seguidos nos cuidados de saúde primários para um estudo de duas fases, observacional (15 meses) e de intervenção comportamental (seis meses). Os participantes foram divididos em dois grupos: IOA e NOP. Foram dadas recomendações alimentares e de estilos de vida em sessões individuais presenciais e telefónicas. Resultados: Dos 110 participantes, com IMC médio de 31,6 ± 3,7 kg/m2 e idade média 61,3 ± 10,0 anos, 60 eram imigrantes. Durante a intervenção os NOP perderam 1,4 ± 2,7% do peso e os IOA 0,8 ± 3,6%, sendo a perda superior comparativamente com a fase observacional. Ser do sexo masculino e consumir pelo menos duas porções de lacticínios magros por dia associou-se a maior perda de peso durante a intervenção, independentemente da idade e origem. Houve um aumento significativo no número de recomendações dietéticas conhecidas e cumpridas, com os NOP a cumprirem em média mais recomendações. Discussão: A intervenção foi bem sucedida relativamente à perda de peso, especialmente no grupo dos NOP, confirmando outros estudos. Conclusão: A intervenção aumentou os conhecimentos e adesão às recomendações, realçando a pertinência da educação alimentar, culturalmente adaptada, nos cuidados de saúde primários.

  11. Abundâncias químicas de estrelas T Tauri fracas

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Rojas, G. A.; Gregorio-Hetem, J.

    2003-08-01

    Apresentamos resultados do estudo de 44 estrelas pré-seqüência principal, para as quais buscamos realizar uma classificação espectroscópica e determinar parâmetros estelares e abundâncias químicas. A amostra foi escolhida da seguinte maneira : 21 objetos selecionados a partir de catálogos de objetos jovens, como o Pico dos Dias Survey e o Herbig Bell Catalogue, e 23 objetos selecionados a partir de contrapartidas ópticas de fontes de raios X detectadas pelo satélite ROSAT. Dentre 24 objetos previamente classificados como estrelas T Tauri Fracas, apenas 7 revelaram ser realmente pertencentes à essa classe, sendo os demais objetos T Tauri Clássicas ou estrelas evoluídas da pré-seqüência principal. Esse resultado demonstra que o critério mais utilizado para distinguir as T Tauri Clássicas das T Tauri Fracas, baseado na largura equivelente da emissão Ha, não é suficiente para determinar o estágio evolutivo desses objetos. Para o cálculo de parâmetros estelares e abundâncias, foram escolhidas as estrelas que apresentam características ideais para esse tipo de estudo, como ausência de velamento, baixa velocidade de rotação e espectros com razão sinal-ruído adequada. Os parâmetros estelares como temperatura efetiva e gravidade foram determinados através do equilíbrio de excitação e ionização das linhas de Ferro, e as abundâncias químicas foram calculadas utilizando o método de síntese espectral. Serão apresentados os parâmetros estelares e as abundâncias de Lítio para toda a amostra, e abundâncias de vários elementos quimicos para 7 estrelas estudadas em maior detalhe

  12. [Streptococcus pneumoniae Vaccination in Children and Adolescents at High Risk of Invasive Pneumococcal Disease].

    PubMed

    Tendais-Almeida, Marta; Ferreira-Magalhães, Manuel; Alves, Inês; Tavares, Margarida; Azevedo, Inês

    2015-01-01

    Introdução: Em Portugal, a vacinação anti-pneumocócica é gratuita e recomendada pela Direção-Geral da Saúde na população pediátrica de alto risco para doença invasiva pneumocócica. O objetivo deste estudo foi analisar o cumprimento vacinal numa população pediátrica seguida em consulta hospitalar. Material e Métodos: Estudo observacional transversal, em crianças com diagnóstico de alto risco de doença invasiva pneumocócica e consulta num hospital nível três, entre julho e dezembro de 2014. Os dados foram obtidos através do processo clínico, Boletim Individual de Saúde e Plataforma de Dados da Saúde®. Resultados: Dos 122 participantes, 95,9% realizaram, pelo menos, uma dose de vacina mas, destes, só 64,8% efetuaram o esquema completo. O cumprimento do esquema vacinal foi melhor nos de idade inferior a cinco anos (p < 0,01). A proporção de crianças com esquema completo foi de: 100% nas hemoglobinopatias, 100% nas infeções por vírus da imunodeficiência humana, 66,7% nos prematuros com idade gestacional ⤠28 semanas, 62,5% nos esplenectomizados e 54,7% na síndrome de Down. As crianças têm mais esquemas completos quando são seguidas em consulta de Infeciologia (100%) e de Pneumologia pediátricas (88,2%). O grupocom idade superior a cinco anos está mais vacinado com a vacina polissacarida 23-valente do que o dos 2-5 anos (74,5% vs 40,5%; p < 0,01).Discussão: A maioria da nossa população de alto risco para doença invasiva pneumocócica efetuou vacinação anti-pneumocócica, mas apenas dois terços completaram o esquema recomendado, sendo a maior falha na administração da vacina polissacarida 23-valente. Conclusões: Embora estes resultados sejam melhores do que em países europeus com recomendações semelhantes, é necessário explorar as causas das falhas observadas para otimizar a vacinação.

  13. A distância e o conteúdo estelar da região HII gigante G333.1-0.4 - vínculos para a taxa de formação estelar da galáxia

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Figuerêdo, E.; Damineli, A.; Blum, R.; Conti, P.

    2003-08-01

    Neste trabalho apresentamos imagens de alta resolução angular da região HII gigante G333.1-0.4 obtidas através dos filtros J, H e K no telescópio de 4-m do CTIO. Este trabalho faz parte de um estudo de regiões HII gigantes no infravermelho próximo que tem por objetivo estudar a natureza da formação de estrelas massivas e traçar a estrutura espiral de nossa galáxia. Nossa determinação da distância é baseada no método da paralaxe espectroscópica de estrelas OB localizadas na seqüência principal de idade zero (ZAMS) do Diagrama HR. No caso de G333.1-0.4, a magnitude aparente das estrelas localizadas na ZAMS indica que a distância não pode ser maior do que o limite inferior determinado por técnica rádio (2,8 kpc). Resultados semelhantes foram encontrados para regiões estudadas anteriormente, reforçando a idéia de que a taxa de formação estelar na Via Láctea é menor do que o determinado a partir de dados rádio. Nossos resultados mais recentes sobre o conteúdo estelar de G333.1-0.4 revelaram vários objetos que possuem cores bastante avermelhadas (H-K > 2,0). Nós identificamos estes objetos usando os diagramas cor-cor e cor-magnitude dos aglomerados. Estes objetos apresentam um forte excesso em emissão na banda K e possivelmente se tratam de estrelas do tipo OB envolvidas por um disco/envelope circumestelar espesso. O estudo da função de massa inical desta região, em conjunto com resultados de nossos trabalhos anteriores, aponta para uma IMF independente da posição galática. A contagem de estrelas nos fornece um valor para o número de fótons no contínuo de Lyman que corrobora com a afirmação de que G333.1-0.4 se encontra mais próxima da menor distância determinada por rádio.

  14. Sunspots and the Newcomb-Benford Law. (Spanish Title: Manchas Solares y la Ley de Newcomb-Benford.) Manchas Solares e a Lei de Newcomb-Benford

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Alves, Mauro A.; Lyra, Cássia S.

    2008-12-01

    The Newcomb-Benford's Law (LNB) of first digits is introduced to high school students in an extracurricular activity through the study of sunspots. The LNB establishes that the first digits of various sets of data describing natural occurrences are not distributed uniformly, but according to a logarithmic distribution of probability. The LNB is counter-intuitive and is a good example of how mathematics applied to the study of natural phenomena can provide surprising and unexpected results serving also as a motivating agent in the study of physical sciences. En este trabajo se describe una actividad extracurricular donde se presenta a los estudiantes la ley de los primeros dígitos de Newcomb-Benford (LNB) con el estudio de manchas solares. La LNB establece que los primeros dígitos de algunos tipos de dados de ocurrencia natural no están distribuidos en manera uniforme, pero sí de acuerdo con una distribución logarítmica de probabilidad. La LNB es contra-intuitiva y es un excelente ejemplo de como las matemáticas aplicadas al estudio de fenómenos naturales pueden sorprender al estudiante, sirviendo también como elemento motivador en la educación de ciencias y de matemáticas. Este trabalho descreve uma atividade extracurricular na qual a lei dos primeiros dígitos de Newcomb-Benford (LNB) é introduzida a estudantes através do estudo de manchas solares. A LNB estabelece que os primeiros dígitos de vários tipos de conjunto de dados de ocorrência natural não são distribuídos de maneira uniforme, mas sim de acordo com uma distribuição logarítmica de probabilidade. A LNB é contra-intuitiva e é um ótimo exemplo de como a matemática aplicada ao estudo de fenômenos naturais pode fornecer resultados surpreendentes e inesperados, servindo também como um agente motivador no ensino de ciências e matemática.

  15. Nebulosas planetárias galácticas: idades e cinemática

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Lago, L. G.; Maciel, W. J.

    2003-08-01

    As nebulosas planetárias são formadas a partir de estrelas com massas entre 0.8 e 8 massas solares na sequência principal, formando um conjunto de objetos com idades e populações diferentes. Esse fato torna as nebulosas interessantes ao estudo da rotação galáctica, uma vez que as populações mais jovens devem estar claramente associadas ao disco fino da Galáxia, enquanto que as populações mais velhas estariam associadas ao disco espesso ou mesmo ao halo galáctico. Neste trabalho, utilizamos uma grande amostra de nebulosas com velocidades radiais conhecidas para determinar a curva de rotação da Galáxia. Para minimizar os erros decorrentes das incertezas nas distâncias, usamos quatro diferentes escalas estatísticas. Para a atribuição da idade dos objetos, utilizamos o método proposto recentemente por Maciel et al. (Astron. Astrophys. 397, 667, 2003), em um estudo da variação temporal dos gradientes de abundâncias. Com esse método, é possível obter uma classificação das nebulosas por grupos de idade, totalmente independente de outros sistemas de classificação, uma vez que as idades são estimadas individualmente, a partir das metalicidades das nebulosas. Nossos resultados são comparados com as previsões dos tipos de Peimbert, e mostram que os desvios médios das curvas obtidas são sensivelmente menores nos casos dos objetos mais jovens, associados ao disco fino, com relação aos objetos mais velhos do disco espesso, levando à determinação de uma curva de rotação semelhante à dos objetos de população I jovem. (CNPq)

  16. Oral health in the agenda of priorities in public health.

    PubMed

    Antunes, José Leopoldo Ferreira; Toporcov, Tatiana Natasha; Bastos, João Luiz; Frazão, Paulo; Narvai, Paulo Capel; Peres, Marco Aurélio

    2016-09-01

    This study describes the scientific production on oral health diffused in Revista de Saúde Pública, in the 50 years of its publication. A narrative review study was carried out using PubMed, as it is the search database that indexes all issues of the journal. From 1967 to 2015, 162 manuscripts specifically focused on oral health themes were published. This theme was present in all volumes of the journal, with increasing participation over the years. Dental caries was the most studied theme, constantly present in the journal since its first issue. Periodontal disease, fluorosis, malocclusions, and other themes emerged even before the decline of dental caries indicators. Oral health policy is the most recurring theme in the last two decades. Revista de Saúde Pública has been an important vehicle for dissemination, communication, and reflection on oral health, contributing in a relevant way to the technical-scientific interaction between professionals in this field. RESUMO Este estudo descreve a produção científica sobre saúde bucal veiculada na Revista de Saúde Pública, nos cinquenta anos de sua publicação. Foi realizado estudo de revisão narrativa, utilizando o PubMed como mecanismo de busca que indexa todos os fascículos da revista. De 1967 a 2015, foram publicados 162 manuscritos com foco específico em temas de saúde bucal. Essa temática esteve presente em todos os volumes da revista, com participação crescente ao longo dos anos. Cárie dentária foi o tema mais estudado, marcando presença constante na revista desde seu primeiro fascículo. Doença periodontal, fluorose, oclusopatias e outros temas emergiram antes mesmo do declínio dos indicadores de cárie. Políticas de saúde bucal é o tema mais recorrente nas duas últimas décadas. A Revista de Saúde Pública tem sido importante veículo de divulgação, comunicação e reflexão sobre saúde bucal, contribuindo de modo relevante para a interação técnico-científica entre os

  17. Otimização de procedimento de manobra para indução de reentrada de um satélite retornável

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Schulz, W.; Suarez, M.

    2003-08-01

    Veículos espaciais que retornam à Terra passam por regimes de velocidade e condições de vôo distintos. Estas diferenças dificultam sua concepção aerodinâmica e o planejamento de seu retorno. A partir de uma proposta de um veículo orbital retornável (satélite SARA, em desenvolvimento no IAE/CTA) para realização de experimentos científicos e tecnológicos em ambiente de baixa gravidade, surge a necessidade de realizarem-se estudos considerando-se os aspectos relativos à sua aerodinâmica. Após o lançamento, o veículo deve permanecer em órbita pelo tempo necessário para a condução de experimentos, sendo depois direcionado à Terra e recuperado em solo. A concepção aerodinâmica é de importância para o vôo em suas diversas fases e deve considerar aspectos relativos à estabilização Aerodinâmica e ao arrasto atmosférico, sendo este último de importância crucial na análise do aquecimento a ser enfrentado. A manobra de retorno inclui considerações sobre as condições atmosféricas e dinâmica de reentrada, devendo ser calculada de forma mais precisa possível. O trabalho proposto avalia estudos da dinâmica de vôo de um satélite recuperável considerando aspectos relativos à determinação orbital com GPS, técnica utilizada com sucesso na CONAE, e seu comportamento aerodinâmico em vôo balístico de retorno, com ênfase em sua fase de reentrada atmosférica. Busca-se otimizar a manobra de reentrada de tal forma que a utilização do sistema GPS garanta minimizar a área de impacto com o solo.

  18. Short and Long-Term Efficacy of Laparoscopic Ovarian Diathermy in Women with Polycystic Ovary Syndrome.

    PubMed

    Luz, Rita; Barros, Joana; Aguiar, Ana; Rodrigues, Cátia; Soares, Ana Paula; Nunes, Joaquim; Sousa, Sandra; Calhaz-Jorge, Carlos

    2016-08-01

    Introdução: A síndrome dos ovários poliquísticos é a causa mais frequente de anovulação e o tratamento envolve uma abordagem faseada. A electrocoagulação laparoscópica dos ovários é aceite como segunda linha no tratamento das doentes que não respondem ao citrato de clomifeno. Os objectivos deste estudo foram determinar a eficácia desta técnica a curto e longo prazo e definir os factores preditivos de gravidez espontânea. Material e Métodos: Este estudo retrospectivo envolveu 76 mulheres submetidas a electrocoagulação dos ovários entre 2004 e 2013, num hospital universitário. Os desfechos principais foram a regularidade menstrual e gravidez. Os resultados a curto prazo registados durante a vigilância na unidade foram revistos e os desfechos a longo prazo foram avaliados através de entrevista telefónica realizada a todas as mulheres operadas há mais de três anos. Dados clínicos e bioquímicos foram analisados como factores preditivos de gravidez espontânea em doentes sem outros factores de infertilidade. Resultados: A regularidade do ciclo menstrual foi alcançada inicialmente em 53 (70%) mulheres e a longo prazo, 52% (12/53) tinham ciclos regulares. Em geral, 53 (70%) mulheres engravidaram e foram obtidas 77 gravidezes, 60% das quais foram espontâneas. O único factor de prognóstico associado a gravidez espontânea foi a duração da infertilidade inferior a três anos (p < 0,05). Discussão: A electrocoagulação dos ovários demonstrou taxas de gravidez comparáveis a outros tratamentos de indução da ovulação com a vantagem de ter efeitos benéficos duradouros na regularidade menstrual e fertilidade. Conclusão: A electrocoagulação dos ovários é uma opção de tratamento segura e eficaz na infertilidade anovulatória em mulheres com síndrome dos ovários poliquísticos.

  19. [FATA Study: prevalence of atrial fibrillation and antithrombotic therapy in primary health care in a northern city of Portugal].

    PubMed

    Gomes, Eva; Campos, Rui; Morais, Renata; Fernandes, Marta

    2015-01-01

    Introdução: A fibrilhação auricular é a arritmia sustentada mais prevalente. Está provada a eficácia da anticoagulação oral na prevenção do acidente vascular cerebral nestes doentes. Contudo, este parece ser um tratamento subutilizado. Objectivos: determinar a prevalência de fibrilhação auricular conhecida numa população dos Cuidados de Saúde Primários; identificar as principais comorbilidades, a terapêutica antitrombótica em curso e avaliar a sua adequação segundo as recomendações da European Society of Cardiology. Material e Métodos: Estudo observacional transversal analítico. População: todos os utentes com idade igual ou superior a 30 anos, inscritos em oito Unidades de Saúde Familiar de Vila Nova de Gaia, com diagnóstico de fibrilhação auricular. Resultados: A prevalência de fibrilhação auricular foi de 1,29% (n = 940), sendo superior no género masculino (p = 0,01) e aumentando com a idade (p < 0,001). As comorbilidades mais frequentes foram a hipertensão arterial (76,4%), a insuficiência cardíaca (32,0%) e a diabetes mellitus (28,2%). Um total de 52% realizava terapêutica anticoagulante, 29% antiagregantes plaquetários e 4% ambas as terapêuticas. Dos utentes com baixo risco trombótico, 63,6% estava a fazer erradamente algum tipo de terapêutica antitrombótica; dos utentes com elevado risco ou doença valvular 56,8% estava adequadamente sob terapêutica anticoagulante. Conclusão: A prevalência de fibrilhação auricular bem como a frequência das principais comorbilidades estão de acordo com a maioria dos estudos. Apesar de a maioria dos doentes se encontrar sob anticoagulação oral, apenas 56,8% dos utentes com fibrilhação auricular fazia terapêutica antitrombótica adequada segundo as recomendações da European Society of Cardiology, verificando-se uma subutilização acentuada deste tratamento.

  20. [Evaluation of hearing in patients with multiresistant tuberculosis].

    PubMed

    Ribeiro, Leandro; Sousa, Claudia; Sousa, Aida; Ferreira, Catarina; Duarte, Raquel; Faria E Almeida, António; Condé, Artur

    2015-01-01

    Introdução: A tuberculose multirresistente e a extensivamente resistente constituem atualmente a principal ameaça ao controlo da tuberculose a nível mundial. O seu tratamento exige o uso de um esquema terapêutico com fármacos de segunda linha por um período mínimo de 20 meses, onde se incluem aminoglicosídeos durante um período de cerca de oito meses. Estes estão associados a alterações cocleovestibulares permanentes. Material e Métodos: Estudo transversal que pretende avaliar a função auditiva em indivíduos que terminaram tratamento por tuberculose multirresistente (com esquema que incluia aminoglicosídeos) no Centro de Referência Regional para a Tuberculose Multirresistente da Sub-Região de Saúde do Norte entre os anos de 2009 e 2012. Os doentes que preencheram os critérios de inclusão foram convocados para a realização de: exame objetivo otorrinolaringológico, audiograma tonal e vocal, otoemissões acústicas por produtos de distorção nas frequências de 2000-5000 Hz e timpanograma. Resultados: Entre 2009 e 2012 foram referenciados 27 casos para o Centro de Referência para a tuberculose multirresistente da Região Norte, tendo-se verificado cinco óbitos. Dos 22 indivíduos convocados, compareceram 11. Estes possuíam idades compreendidas entre os 31 e os 59 anos (41 ± 10). A amicacina foi usada em 80% e a capreomicina nos restantes. Seis (60%) dos utentes estudados apresentaram surdez neurossensorial. As otoemissões acústicas foram negativas em todos os doentes com hipoacúsia neurossensorial, o que confirma a sua origem coclear. Discussão/ Conclusão: Os resultados deste estudo sugerem a necessidade de existir uma monitorização audiológica mais frequente nos indivíduos com tuberculose multirresistente tratados com aminoglicosídeos permitindo detectar mais precocemente a perda auditiva.

  1. Prevalence of Late Preterm and Early Term Birth in Portugal.

    PubMed

    Barros, Joana G; Clode, Nuno; Graça, Luís M

    2016-04-01

    Introdução: Nos últimos anos, vários autores evidenciaram a morbilidade associada aos partos ocorridos entre as 34 e 36 semanas (pré-termo tardio) e entre as 37 e 38 semanas de gestação (termo precoce). Neste sentido, pretendemos realizar um estudo epide-miológico dos partos que ocorrem nestas idades gestacionais, em Portugal. Material e Métodos: Realizámos um inquérito, que foi aplicado a todos os hospitais públicos de Portugal, acerca da prevalência e via de parto nos partos pré-termo tardios e de termo precoce, e morbilidade e mortalidade neonatal associada. As questões referiam-se apenas a gestações de feto único e a partos ocorridos em 2013. Resultados: Incluímos 14 hospitais, correspondendo a 33,5% dos partos ocorridos em Portugal, em 2013. Verificámos que 5,4% dos partos ocorreram no período pré-termo tardio e 27% no termo precoce. Aproximadamente dois terços dos partos pré-termo tardio e três quartos dos partos de termo precoce foram espontâneos. A taxa de cesariana foi mais elevada entre as 34 e 36 semanas de gestação (39,1%) do que entre as 37 e 38 semanas (26,4%). As complicações neonatais foram mais frequentes após um parto pré-termo tardio (34,2%), quando comparadas com os de termo precoce (14,2%). Discussão: Na nossa amostra, a prevalência de parto pré-termo tardio e de termo precoce, ainda que ligeiramente inferior, é comparável à publicada em estudos anteriores. Conclusão: Á importante que a comunidade obstétrica nacional adote atitudes no sentido de limitar os partos antes das 39 semanas de gestação. Assim, nestas idades gestacionais os partos devem possuir uma indicação médica válida.

  2. [The Impact of Electronic Monitoring on Healthcare Associated Infections: The Role of the HViTAL Platform].

    PubMed

    Oliveira, Rita Fontes; Castro, Lídia; Almeida, José Pedro; Alves, Carlos; Ferreira, António

    2016-11-01

    Introdução: Em Portugal, 9,8% dos doentes internados adquiriram infeções associadas aos cuidados de saúde, correspondendo a uma prevalência de cerca 11,7%. O Centro Hospitalar de São João desenvolveu uma plataforma de business intelligence capaz de VIgiar (os utentes), moniTorizar (o estado clínico) e ALertar (o profissional de saúde): HViTAL. Este estudo tem como objectivo avaliar o impacto da monitorização eletrónica nas infeções associadas aos cuidados de saúde desde o ano da implementação do HViTAL. Material e Métodos: Avaliaram-se os dados relativos a janeiro 2008 (data a partir da qual há registos informatizados) até dezembro de 2011, comparando-os com os dados posteriores, aqueles correspondentes a janeiro de 2012 (data de implementação do HViTAL) até 19 de outubro de 2015. Resultados: Observou-se uma tendência para o aumento dos parâmetros de infecção no período 2008 - 2011. No período correspondente a janeiro de 2012 e outubro de 2015, todos os parâmetros que constituem o indicador de infeção (previsto na contratualização) revelaram uma evolução linear negativa. Discussão: Os resultados são muito sugestivos de que o HVITAL poderá ter tido impacto na melhoria dos parâmetros associados às infeções associadas aos cuidados de saúde. Houve uma tendência crescente na aplicação de medidas básicas de controlo de infecção desde 2005, com ações de sensibilização dos profissionais de saúde, facto que, embora não analisado neste report, poderá também ter contribuído para a melhoria observada. O nosso estudo não incluiu outras variáveis tais como investimento em capital humano. Conclusão: Houve uma inequívoca melhoria em todos os domínios que caracterizam as infeções associadas aos cuidados de saúde, sugerindo um impacto positivo da introdução do HVITAL.

  3. Como os Alunos do Ensino Médio da Rede Estadual de São Paulo obtém Conhecimentos Astronômicos?

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    da Cunha, W. S.; Voelzke, M. R.; Amaral, L. H.

    2005-08-01

    Atualmente vivencia-se um mundo globalizado onde os computadores e a internet permitiram um acesso rápido e seguro a todo tipo de informação e conhecimento. O presente trabalho visa analisar a maneira pela qual alunos de segundo grau da rede estadual da cidade de São Paulo obtiveram, caso tenham, conhecimentos básicos de astronomia quanto aos fenômenos celestes que os rodeiam, tais como a sucessão dos dias e das estações do ano, além de questioná~los sobre fatos genéricos tais como: o que vem a ser o Sol, o Big Bang, o que ocasionou a extinção dos dinossauros. Para tanto foi elaborado um formulário constando de questões de múltipla escolha, o qual foi aplicado no primeiro colegial diurno da Escola Estadual Guilherme de Almeida. Num espaço amostral de 44 alunos constatou-se que 41% dos alunos adquiriram seus conhecimentos astronômicos na escola e 59% através da mídia em geral. Neste mesmo espaço amostral apenas 11% dos alunos usaram computadores na escola, 41% na residência, 5% no trabalho e 43% não utilizaram. O presente estudo revelou também que para 50% dos alunos o professor jamais utilizou um programa de computador a respeito de astronomia ou fez alguma apresentação sobre o tema. Embora em sua fase inicial este estudo revela claramente que a maioria dos alunos não obtém na escola seus conhecimentos astronômicos, estes provém de fontes não especificamente didático-pedagógicas tais como filmes e revistas populares que não raramente geram conhecimentos incompletos e em muitos casos inclusive falhos.

  4. [Normative Database of Optical Coherence Tomography Parameters in Childhood].

    PubMed

    Queirós, Tatiana; Freitas, Cristina; Guimarães, Sandra

    2015-01-01

    Introdução: A tomografia de coerência óptica é um exame que permite obter imagens de alta resolução dos tecidos in vivo, possibilitando a medição das estruturas oculares, nomeadamente a camada de fibras nervosas da retina e a espessura macular. Como método não invasivo torna-se particularmente útil em crianças, contudo a sua aplicabilidade está limitada pela existência de valores normativos apenas para adultos.Objetivo: Estabelecer na idade pediátrica valores normativos para a espessura da camada de fibras nervosas da retina e espessura macular, averiguando a sua influência com o género, idade, refração, lateralidade e dominância ocular.Material e Métodos: Foram submetidas a exame oftalmológico e a Cirrus HD-tomografia de coerência óptica (Carl Zeiss Meditec) 153 crianças dos quatro aos 17 anos.Resultados: Obtiveram-se valores da espessura média global da camada de fibras nervosas da retina de 97,90 μm. Não se detectaram diferenças entre géneros e com a idade, mas sim consoante a lateralidade e dominância ocular. Verificou-se um aumento da espessura com refrações positivas. Com o protocolo Macular Cube 512 x 128 verificou-se que o campo central apresentou a menor espessura (250,35 μm), apresentando os rapazes maior espessura macular.Discussão: Os valores da espessura da camada de fibras nervosas da retina e da espessura macular obtidos são comparáveis a estudos recentes. A distribuição da espessura por quadrantes respeita a distribuição normal da camada de fibras nervosas da retina. A espessura macular revelou-se superior no género masculino (campo central e anel interno), dados estes também concordantes com estudos prévios.Conclusão: Estabelecemos as normativas da espessura da camada de fibras nervosas da retina e espessura macular em crianças portuguesas saudáveis, dados estes que reestruturam a avaliação e interpretação dos parâmetros obtidos pela tomografia de coerência óptica no diagnóstico de

  5. Effects of hearing aids in the balance, quality of life and fear to fall in elderly people with sensorineural hearing loss.

    PubMed

    Lacerda, Clara Fonseca; Silva, Luciana Oliveira E; de Tavares Canto, Roberto Sérgio; Cheik, Nadia Carla

    2012-04-01

    Introdução: O processo de envelhecimento provoca modificações estruturais e funcionais à saude, comprometendo o controle postural e processamento central. Estudos têm abordado a necessidade de identificar os fatores de risco prejudiciais à saúde auditiva e segurança em idosos acometidos por déficits auditivos e com alterações de equilíbrio.Objetivo: Avaliar o efeito da prótese auditiva na qualidade de vida, no equilíbrio e no medo de queda em idosos com perda auditiva bilateral.Método: Estudo clínico e experimental realizado com 56 idosos com perda auditiva neurossensorial, submetidos ao uso da prótese auditiva de amplificação sonora individual (AASI). Os idosos responderam aos questionários de qualidade de vida Short Form Health Survery (SF-36), Falls Efficacy Scale- Internacional (FES-I) e o teste de Berg Balance Scale (BBS). Após 4 meses, os idosos que adaptaram ao uso da AASI foram reavaliados.Resultados: Houve 50% de adaptação dos idosos ao AASI. Foi observado que o sexo masculino teve maior dificuldade em adaptar ao aparelho auditivo e que as variáveis idade, grau de perda, presença de zumbido e vertigem não interferiram na adaptação à prótese auditiva. Houve melhora da qualidade de vida nos domínios Estado da Saúde Geral (EGS) e Capacidade Funcional (CF) e do zumbido, assim como o aumento da auto-confiança após adaptação da prótese auditiva.Conclusão: O uso de prótese auditiva propiciou a melhora dos domínios da qualidade de vida, o que refletiu em uma melhor auto-confiança e consequentemente a longo prazo na redução do medo de queda em idosos com perda auditiva neurossensorial.

  6. [Localization and distribution of human olfactory mucosa in the nasal cavities].

    PubMed

    Escada, Pedro

    2013-01-01

    Introdução: A distribuição da mucosa olfactiva humana só pode ser determinada em estudos que avaliem a totalidade da região olfactiva. O objectivo deste trabalho é determinar a distribuição da mucosa olfactiva humana a partir do estudo histológico, por microscopia óptica, de peças anatómicas da região olfactiva obtidas do cadáver.Material e Métodos: Utilizaram-se peças anatómicas da região olfactiva colhidas durante a autópsia de cadáveres recentes. Em cada uma das peças foi determinada a distância entre a lâmina crivosa e o limite inferior da região olfactiva em três localizações diferentes da parede septal e da parede lateral.Resultados: das 230 peças anatómicas disponíveis, 217 foram excluídas por razões clínicas ou técnicas. Realizaram-se estudosmorfométricos em 13 peças num total de 156 medições. O limite inferior da mucosa olfactiva no septo nasal estava a 15,9 ± 3,2 mm, a 15,3 ± 3 mm e a 16 ± 2,8 mm nas porções anterior, média e posterior da região olfactiva. O limite inferior da mucosa olfactiva na parede turbinal estava a 15,3 ± 2,4 mm, a 14,8 ± 2,3 mm e a 12,3 ± 1,9 mm nas mesmas localizações. O valor mínimo observado foi de 12 mm.Conclusões: A mucosa olfactiva estende-se pelo corneto superior e médio e pelo septo nasal confrontante numa distância que nunca é inferior a 12 mm e que pode ultrapassar os 16 mm. O conhecimento da distribuição exacta da mucosa olfactiva nas fossas nasais pode ser útil para orientar a colheita em seres humanos, com propósitos diagnósticos ou terapêuticos.

  7. [The Epidemiology of Dementia and Alzheimer Disease in Portugal: Estimations of Prevalence and Treatment-Costs].

    PubMed

    Santana, Isabel; Farinha, Filipa; Freitas, Sandra; Rodrigues, Vítor; Carvalho, Ålvaro

    2015-01-01

    Introdução: A incidência e prevalência de demência e de Doença de Alzheimer aumentam com a idade, duplicando a cada cinco anos após a sexta década de vida. Portugal é um país envelhecido, previsivelmente com um número crescente de casos de demência. No entanto, os dados epidemiológicos são escassos e os estudos sobre os custos da doença praticamente inexistentes. Propomo-nos apresentar uma estimativa actualizada da prevalência de demência/ Doença de Alzheimer em Portugal e inferir, a partir da prescrição específica para demência, o número de diagnósticos efectivos e os encargos financeiros com esses medicamentos.Material e Métodos: ÃÄ população residente em Portugal (2013), aplicámos os valores de prevalência de demência para a Europa Ocidental (estudo da AlzheimerâÄôs Disease International). A estimativa dos diagnósticos efectivos de Doença de Alzheimer e dos encargos financeiros com medicação específica baseou-se nas informações do Intercontinental Marketing Services Health (IMSH) âÄì 2013.Resultados: O número estimado de Portugueses com mais de 60 anos e com demência foi 160287, o que corresponde a 5,91% deste universo populacional. Sabendo que a Doença de Alzheimer representa 50-70% dos casos, inferimos que existirão entre 80144 e 112201 doentes. Por outro lado, os dados da IMSH indicam que estarão diagnosticados e a receceber anti-demenciais 76250 doentes, representando um encargo financeiro de 37 MâǬ/ano.Conclusão: O envelhecimento da população incrementa o número de casos de demência. Aparentemente, nem todos os doentes com Doença de Alzheimer recebem a medicação aconselhada, sugerindo que esta condição ainda está sub-diagnosticada. A evolução tem sido positiva, com incremento do número de doentes tratados e redução dos custos com fármacos específicos.

  8. Experience of the MALA bag in the open abdomen management in an obstetrical intensive care unit.

    PubMed

    Malagón Reyes, Ricardo Mauricio; Reyes Mendoza, Luis Emilio; Angeles Vásquez, María de Jesús; Mendieta Zerón, Hugo

    2013-01-01

    Introdução: As indicações atuais para a gestão de abdómen aberto são a cirurgia de controlo de danos, a abordagem de sepsis intraabdominal grave, a síndrome de compartimento abdominal, o encerramento da parede abdominal sob tensão e a perda de massa da parede abdominal.Objetivo: Descrever a experiência em gestão e cirurgias de abdómen aberto usando a bolsa MALA (Maior Absorção de Líquido Abdominal).Material e Métodos: Estudo descritivo, incluindo todos os doentes com o diagnóstico de abdómen aberto gerido com a bolsa MALA internados na Unidade de Cuidados Intensivos Obstétricos de Fevereiro de 2009 a Junho de 2012.Resultados: Dos 25 casos identificados no período do estudo, sete foram eliminados por arquivos incompletos, permanecendo 18 casos para a análise. A média de idade foi de 31,5 anos. Setenta e oito por cento dos doentes eram multíparas, 50% com uma história de dois ou mais partos, 83% com uma cesariana anterior e 78% histerectomizadas, por atonia uterina, na maioria dos casos. A principal indicação para tratamento cirúrgico foi o controlo de danos. Uma doente morreu e uma segunda foi transferida para outra instituição, tendo as demais tido melhoria clínica. Doze doentes (67%) permaneceram menos de 14 dias na Unidade de Cuidados Intensivos Obstétricos e apenas uma precisou de mais de 30 dias na unidade.Conclusão: A bolsa MALA pode oferecer uma opção económica e eficaz para a gestão cirúrgica abdominal aberta, bem como umatécnica de drenagem.

  9. [Evaluation of the antimicrobial susceptibility of community-acquired urinary tract infection].

    PubMed

    Passadouro, Rui; Fonseca, Raquel; Figueiredo, Felícia; Lopes, Andreia; Fernandes, Cristina

    2014-01-01

    IntroduçÉo: As infeções do trato urinário, depois das infeções respiratórias, sÉo as mais comuns na comunidade. O conhecimento sobre a prevalência das estirpes microbianas e a sua suscetibilidade aos antibióticos é fundamental para instituir uma terapêutica empírica eficaz. O objetivo deste estudo foi determinar os padrões de suscetibilidade aos antibióticos das estirpes bacterianas isoladas em uroculturas positivas efetuadas em doentes da regiÉo centro de Portugal.Material e Métodos: Procedemos a uma análise documental dos 6008 resultados de uroculturas, a disponibilizar aos médicos no ano de 2013, a maioria das quais executadas através do sistema automatizado VITEK 2 da bioMérieux. A análise dos dados foi efetuada através do SPSS versÉo 21.Resultados: A maioria (80%) das 6008 uroculturas positivas foi efetuada no sexo feminino. A Escherichia coli foi a bactéria mais prevalente na amostra (65,9%), seguida pela Klebsiella spp (12%). A Nitrofurantoína apresentou elevada eficácia (96%) para as estirpes de E. coli, bem como a Fosfomicina (96,6%). A Amoxicilina-Écido Clavul'nico apresentou um nível de eficácia de apenas 81,1%, para o mesmo gérmen. As quinolonas apresentaram eficácia para 78% das estirpes de E. coli, sendo inferior à registada para a Fosfomicina e para a Nitrofurantoína.DiscussÉo: O presente estudo revelou que a E. coli foi o agente patogénico predominante nas infeções do trato urinário da comunidade (65,9%) apresentando percentagens de sensibilidade elevadas à Fosfomicina (96,6%) e à Nitrofurantoína (96%).ConclusÉo: Recomenda-se a monitorizaçÉo do perfil sensibilidade dos microrganismos aos antibióticos, de modo a otimizar a terapêutica empírica das ITU.

  10. [Adverse effects with ambulatory intravenous immunoglobulin administration in adult patients with common variable immunodeficiency].

    PubMed

    Rodríguez-Mireles, Karen A; Galguera-Sauceda, Angélica; Gaspar-López, Arturo; López-Rocha, Eunice G; Campos-Romero, Freya; Del Rivero-Hernández, Leonel; Amaya-Mejía, Adela; Galindo-Pacheco, Lucy; O'Farril-Romanillos, Patricia; Segura-Méndez, Nora Hilda

    2014-01-01

    Antecedentes: la inmunodeficiencia común variable es la inmunodeficiencia primaria sintomática más frecuente, afecta a 1 por cada 25,000 a 75,000 sujetos. Se distingue por la ausencia o disminución de anticuerpos. Su tratamiento consiste en el reemplazo de anticuerpos con inmunoglobulina humana y la vía de administración más frecuente es la intravenosa, a dosis de 400 a 800 mg/kg de peso/dosis cada tres a cuatro semanas. Los efectos adversos asociados con la administración de inmunoglobulina intravenosa (IgIV) ocurren incluso en 25% de todas las infusiones realizadas, las reacciones severas afectan a menos de 1% de los pacientes. Entre las reacciones adversas severas están la insuficiencia renal aguda, que sobreviene 1 a 10 días después del inicio de tratamiento con IgIV. En nuestro centro elaboramos e implementamos un esquema ambulatorio para la aplicación de IgIV que permite su administración en un promedio de 3 h, sin efectos adversos graves. Objetivos: describir los efectos adversos y evaluar la frecuencia de insuficiencia renal secundaria a la aplicación ambulatoria de IgIV en pacientes adultos con inmunodeficiencia común variable. Material y método: estudio descriptivo y prospectivo en el que participaron pacientes adultos con diagnóstico definitivo de inmunodeficiencia común variable, que recibían IgIV a dosis de sustitución cada tres semanas, a quienes se realizó exploración física, somatometría, determinación sérica de creatinina, albúmina y urea, depuración de creatinina en orina de 24 horas, cálculo de la tasa de filtración glomerular por la fórmula CKD-EPI y evaluación de la función renal inmediata, así como la asociada con la administración acumulada de IgIV a través del cálculo de la tasa de filtración glomerular. Los resultados se analizaron con estadística descriptiva para el reporte de los efectos en la función renal y la dosis acumulada de IgIV. Resultados: se determinó la frecuencia de reacciones adversas

  11. [Thyroid Metastasis as the Initial Presentation of an Asymptomatic Clear Cell Renal Carcinoma].

    PubMed

    Carmelino, Janine; Tavares, Ana Paula; Crespo, Ana; Coutinho, José Mário; Lázaro, António; Ribeiro, Vasco; Barroso, Eduardo

    2016-11-01

    Introdução: A metastização para a glândula tiroideia de um carcinoma renal de células claras é rara e só diagnosticável após análise imunohistoquímica de uma amostra histológica. O objetivo deste artigo é reportar um caso de metastização tiroideia como primeira manifestação de um carcinoma renal de células claras.Caso Clínico: Doente do sexo masculino com um nódulo sólido no lobo esquerdo da tiróide, com 5,3 cm, suspeito de malignidade, submetido a tiroidectomia total com linfadenectomia do compartimento central. A análise histológica concluiu serem duas metástases de carcinoma renal de células claras. Após estudo dirigido ao rim, o doente foi submetido a nefrectomia radical quatro meses depois. Discussão: O interesse deste caso reside no facto de a metastização para a tiroide como primeira manifestação de carcinoma renal de células claras ser rara mas, se tratada precocemente, permite uma ‘dupla resseção cirúrgica’ que pode levar a sobrevidas aos cinco anos de 80%.

  12. Uma Comparação entre Técnicas de Propagação de Erros em Astrofísica: Monte Carlo x Bootstrap

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Zabot, Alexandre; Baptista, Raymundo

    2005-07-01

    Neste trabalho é feito um estudo comparativo entre dois algoritmos numéricos usados para propagação de erros em dados experimentais. Um deles é conhecido por Método de Monte carlo e o outro por Método de Bootstrap. Recentemente, Dhullon & Watson argüiram que a aplicação do método de Monte Carlo introduz ruído nos dados, e propuseram então a utilização do Bootstrap como alternativa capaz de produzir resultados superiores. O objetivo deste trabalho é testar a validade dessa afirmação. As duas técnicas foram aplicadas a três problemas diferentes: o ajsute de modelos de emissão LTE simples e atmosfera estelar a espectros estelares observados e o ajuste de curvas de luz de eclipses de Variáveis Cataclísmicas para a detemrinação da distribuição radial de brilho dos seus discos de acréscimo. Os métodos foram testados quanto à sua robusteza, ou seja, a capacidade de prover resultados coerentes enre si. Além disso, as soluções dos métodos foram comparadas. Os resultados indicam que não existe evidência de superioridade de um métodos em relação ao outro.

  13. The impacts of a plume-rise scheme on earth system modeling: climatological effects of biomass aerosols on the surface temperature and energy budget of South America

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    de Menezes Neto, Otacilio L.; Coutinho, Mariane M.; Marengo, José A.; Capistrano, Vinícius B.

    2016-05-01

    Seasonal forest fires in the Amazon are the largest source of pollutants in South America. The impacts of aerosols due to biomass burning on the temperature and energy balance in South America are investigated using climate simulations from 1979 to 2005 using HadGEM2-ES, which includes the hot plume-rise scheme (HPR) developed by Freitas et al. (Estudos Avançados 19:167-185, 2005, Atmos Chem Phys 7:3385-3398, 2007, Atmos Chem Phys 10:585-594, 2010). The HPR scheme is used to estimate the vertical heights of biomass-burning aerosols based on the thermodynamic characteristics of the underlying model. Three experiments are performed. The first experiment includes the HPR scheme, the second experiment turns off the HPR scheme and the effects of biomass aerosols (BIOMASS OFF), and the final experiment assumes that all biomass aerosols are released at the surface (HPR OFF). Relative to the BIOMASS OFF experiment, the temperature decreased in the HPR experiment as the net shortwave radiation at the surface decreased in a region with a large amount of biomass aerosols. When comparing the HPR and HPR OFF experiments, the release of biomass aerosols higher on the atmosphere impacts on temperature and the energy budget because the aerosols were transported by strong winds in the upper atmospheric levels.

  14. Psychiatry training towards a global future: trainees' perspective in Portugal.

    PubMed

    Pinto da Costa, Mariana; Guerra, Cátia; Malta, Rui; Moura, Manuela; Carvalho, Serafim; Mendonça, Denisa

    2013-01-01

    Introdução: A psiquiatria é influenciada pelas mudanças que ocorrem na sociedade, devendo estar em constante renovação, antevendo futuros comportamentos e doenças. Este estudo pretende descrever a opinião dos internos de psiquiatria em Portugal relativamente ao seu internato e às modificações que nele gostariam de assistir no futuro próximo.Material e Métodos: Um questionário estruturado de 26 perguntas foi desenvolvido pela Associação Portuguesa de Internos de Psiquiatria e enviado por email.Resultados: A percentagem de respostas obtidas foi de 41,5%. A maioria dos internos estava satisfeita com a sua formação. Contudo, algumas mudanças foram sugeridas no que diz respeitos aos estágios obrigatórios e opcionais. A maior parte dos internos requer que as psicoterapias sejam incluídas no âmbito do internato, solicitando também um acesso mais fácil à investigação e a oportunidades de estágio no estrangeiro.Discussão e Conclusão: Esta perspectiva detalhada pode facilitar a transformação dos currículos do internato em Portugal e naEuropa, permitindo a melhoria do internato de psiquiatria, bem como dos cuidados de saúde mental.

  15. [ENDEF and PNSN: trends in physical growth of Brazilian children].

    PubMed

    Monteiro, C A; Benicio, M H; Iunes, R; Gouveia, N da C; Taddei, J A; Cardoso, M A

    1993-01-01

    This paper compares the results of two nationally representative nutritional surveys carried out in Brazil: the "Estudo Nacional de Despesa Familiar (ENDEF)" (National Survey on Household Expenses), conducted in 1974-77, and the "Pesquisa Nacional de Saúde e Nutrição (PNSN)" (National Survey on Health and Nutrition), conducted in 1989. The findings point to a reduction of more than 60% in the prevalence of undernutrition, as evaluated by anthropometric parameters. The results from regional surveys and the trends in infant mortality throughout the 1970s and 1980s are consistent with the improvements in nutritional status. Less striking reductions in undernutrition rates were observed in certain regions of the country (e.g., the North and Northeast), where prevalences were higher in the 1970s, resulting in a widening of regional differences. The improvements in child nutrition are attributed to moderate increases in family income, particularly in the 1970s, and to the expansion of sanitation, public health, and educational services, as well as food supplementation programs, which were also favored by a fall in fertility levels. The authors call attention to the fact that the lack of clear-cut indications of economic recovery in Brazil recently, coupled wih cuts in government budgets for social services and the persistence of inequality in income distribution, among other factors, make it unlikely that improvements in nutritional status, as observed in the 1970, will take place in the upcoming years.

  16. Cohort Profile Update: 2004 Pelotas (Brazil) Birth Cohort Study. Body composition, mental health and genetic assessment at the 6 years follow-up

    PubMed Central

    Santos, Iná S; Barros, Aluísio JD; Matijasevich, Alicia; Zanini, Roberta; Chrestani Cesar, Maria Aurora; Camargo-Figuera, Fabio Alberto; Oliveira, Isabel O; Barros, Fernando C; Victora, Cesar G

    2014-01-01

    This is an update of the 2004 Pelotas Birth Cohort profile, originally published in 2011. In view of the high prevalence of overweight and mental health problems among Brazilian children, together with the availability of state-of-the-art equipment to assess body composition and diagnostic tests for mental health in childhood, the main outcomes measured in the fifth follow-up (mean age 6.8 years) included child body composition, mental health and cognitive ability. A total of 3722 (90.2%) of the original mothers/carers were interviewed and their children examined in a clinic where they underwent whole-body dual X-ray absorptiometry (DXA), air displacement plethysmography and a 3D photonic scan. Saliva samples for DNA were obtained. Clinical psychologists applied the Development and Well-Being Assessment questionnaire and the Wechsler Intelligence Scale for Children to all children. Results are being compared with those of the two earlier cohorts to assess the health effects of economic growth and full implementation of public policies aimed at reducing social inequalities in the past 30 years. For further information visit the programme website at [http://www.epidemio-ufpel.org.br/site/content/coorte_2004/questionarios.php]. Applications to use the data should be made by contacting 2004 cohort researchers and filling in the application form available at [http://www.epidemio-ufpel.org.br/site/content/estudos/formularios.php]. PMID:25063002

  17. [Occurrence of cysticercosis in autopsies performed in Uberlandia, Minas Gerais, Brazil].

    PubMed

    Costa-Cruz, J M; Rocha, A; Silva, A M; De Moraes, A T; Guimarães, A H; Salomão, E C; Alcântara, T M

    1995-06-01

    3937 autopsies were performed between 1971 and 1993 in the Serviço de Anatomia Patológica of the Hospital de Clínicas of the Fundação de Assistência, Estudo e Pesquisa de Uberlândia, Universidade Federal de Uberlândia, in Minas Gerais, Brazil. At this Service of Pathology are realized all the autopsies of the municipal district of Uberlândia. The analysis of 2862 concluded autopsy reports, of death above the age of one year, disclosed 39 cases (1.4%) of cysticercosis. The age range was 16 to 83 years and 66.6% were males; 82.1% of the patients were from Minas Gerais State, 15.4% were from Goiás State, and in one case (2.5%) the origin was not registered. From these 39 cases, 35 (89.7%) showed central nervous system involvement, isolated or in association to other clinical forms of the disease; in 9 occurred the isolated or associated cardiac form; in 4 the muscular form, isolated or associated, was found; 4 presented the isolated or associated visceral form. In only 7 (17.9%) cases, the cysticercosis was assumed to be the direct cause of the death.

  18. Vascular access: the impact of ultrasonography.

    PubMed

    Almeida, Carlos Eduardo Saldanha de

    2016-01-01

    Vascular punctures are often necessary in critically ill patients. They are secure, but not free of complications. Ultrasonography enhances safety of the procedure by decreasing puncture attempts, complications and costs. This study reviews important publications and the puncture technique using ultrasound, bringing part of the experience of the intensive care unit of the Hospital Israelita Albert Einstein, São Paulo (SP), Brazil, and discussing issues that should be considered in future studies. RESUMO Punções vasculares são muitas vezes necessárias em pacientes gravemente enfermos. São seguras, mas não isentas de complicações. A ultrassonografia associada à técnica de punção gera diminuição do número de tentativas, de complicações e de custos. O presente artigo revisou importantes publicações sobre o tema, bem como técnicas de punções, trazendo parte da experiência do centro de terapia intensiva de adultos do Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo (SP) e discutindo tópicos que devem ser melhor explorados em estudos futuros.

  19. Ionospheric TEC Weather Map Over South America

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Takahashi, H.; Wrasse, C. M.; Denardini, C. M.; Pádua, M. B.; Paula, E. R.; Costa, S. M. A.; Otsuka, Y.; Shiokawa, K.; Monico, J. F. Galera; Ivo, A.; Sant'Anna, N.

    2016-11-01

    Ionospheric weather maps using the total electron content (TEC) monitored by ground-based Global Navigation Satellite Systems (GNSS) receivers over South American continent, TECMAP, have been operationally produced by Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais's Space Weather Study and Monitoring Program (Estudo e Monitoramento Brasileiro de Clima Especial) since 2013. In order to cover the whole continent, four GNSS receiver networks, (Rede Brasileiro de Monitoramento Contínuo) RBMC/Brazilian Institute for Geography and Statistics, Low-latitude Ionospheric Sensor Network, International GNSS Service, and Red Argentina de Monitoreo Satelital Continuo, in total 140 sites, have been used. TECMAPs with a time resolution of 10 min are produced in 12 h time delay. Spatial resolution of the map is rather low, varying between 50 and 500 km depending on the density of the observation points. Large day-to-day variabilities of the equatorial ionization anomaly have been observed. Spatial gradient of TEC from the anomaly trough (total electron content unit, 1 TECU = 1016 el m-2 (TECU) <10) to the crest region (TECU > 80) causes a large ionospheric range delay in the GNSS positioning system. Ionospheric plasma bubbles, their seeding and development, could be monitored. This plasma density (spatial and temporal) variability causes not only the GNSS-based positioning error but also radio wave scintillations. Monitoring of these phenomena by TEC mapping becomes an important issue for space weather concern for high-technology positioning system and telecommunication.

  20. Cohort profile update: 2004 Pelotas (Brazil) Birth Cohort Study. Body composition, mental health and genetic assessment at the 6 years follow-up.

    PubMed

    Santos, Iná S; Barros, Aluísio J D; Matijasevich, Alicia; Zanini, Roberta; Chrestani Cesar, Maria Aurora; Camargo-Figuera, Fabio Alberto; Oliveira, Isabel O; Barros, Fernando C; Victora, Cesar G

    2014-10-01

    This is an update of the 2004 Pelotas Birth Cohort profile, originally published in 2011. In view of the high prevalence of overweight and mental health problems among Brazilian children, together with the availability of state-of-the-art equipment to assess body composition and diagnostic tests for mental health in childhood, the main outcomes measured in the fifth follow-up (mean age 6.8 years) included child body composition, mental health and cognitive ability. A total of 3722 (90.2%) of the original mothers/carers were interviewed and their children examined in a clinic where they underwent whole-body dual X-ray absorptiometry (DXA), air displacement plethysmography and a 3D photonic scan. Saliva samples for DNA were obtained. Clinical psychologists applied the Development and Well-Being Assessment questionnaire and the Wechsler Intelligence Scale for Children to all children. Results are being compared with those of the two earlier cohorts to assess the health effects of economic growth and full implementation of public policies aimed at reducing social inequalities in the past 30 years. For further information visit the programme website at [http://www.epidemio-ufpel.org.br/site/content/coorte_2004/questionarios.php]. Applications to use the data should be made by contacting 2004 cohort researchers and filling in the application form available at [http://www.epidemio-ufpel.org.br/site/content/estudos/formularios.php].

  1. [The virtual environment of a research group: the tutors' perspective].

    PubMed

    Prado, Cláudia; Casteli, Christiane Pereira Martins; Lopes, Tania Oliveira; Kobayashi, Rika M; Peres, Heloísa Helena Ciqueto; Leite, Maria Madalena Januário

    2012-02-01

    The Grupo de Estudos e Pesquisas de Tecnologia da Informação nos Processos de Trabalho em Enfermagem (Study and Research Group for Information Technology in the Nursing Working Processes, GEPETE) has the purpose of producing and socializing knowledge in information technology and health and nursing communication, making associations with research groups in this field and promoting student participation. This study was performed by the group tutors with the objective to report on the development of the virtual learning environment (VLE) and the tutors' experience as mediators of a research group using the Moodle platform. To do this, a VLE was developed and pedagogical mediation was performed following the theme of mentoring. An initial diagnosis was made of the difficulties in using this technology in interaction and communication, which permitted the proposal of continuing to use the platform as a resource to support research activities, offer lead researchers the mechanisms to socialize projects and offer the possibility of giving advice at a distance.

  2. A Astronomia no Ensino Superior Brasileiro entre 1808 e 1889

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Bretones, Paulo S.; Videira, Antonio A. P.

    2003-05-01

    Este artigo apresenta os principais eventos ocorridos na história do ensino de astronomia nos cursos superiores que existiram no Brasil desde a chegada da Família Real portuguesa em 1808 até o final do período monárquico. Para compor esse esboço histórico, utilizamos, principalmente, livros didáticos, regulamentos, decretos e leis responsáveis pelas organizações dos conteúdos oferecidos e das carreiras dos responsáveis pela disciplina. Na análise do material empregado, investigamos a presença de concepções filosóficas e científicas, que podem ter norteado os conteúdos disciplinares. Não realizamos nenhuma comparação com o ensino de astronomia em outros países. Concluímos mostrando que o estudo de astronomia, durante o período monárquico, foi mais direcionado para a formação d engenheiros do que astrônomos. Gostaríamos de observar que o presente artigo não tem a pretensão de abordar o assunto de maneira completa e detalhada.

  3. Neutrino-driven wakefield plasma accelerator

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Rios, L. A.; Serbeto, A.

    2003-08-01

    Processos envolvendo neutrinos são importantes em uma grande variedade de fenômenos astrofísicos, como as explosões de supernovas. Estes objetos, assim como os pulsares e as galáxias starburst, têm sido propostos como aceleradores cósmicos de partículas de altas energias. Neste trabalho, um modelo clássico de fluidos é utilizado para estudar a interação não-linear entre um feixe de neutrinos e um plasma não-colisional relativístico de pósitrons e elétrons na presença de um campo magnético. Durante a interação, uma onda híbrida superior de grande amplitude é excitada. Para parâmetros típicos de supernovas, verificamos que partículas carregadas "capturadas" por essa onda podem ser aceleradas a altas energias. Este resultado pode ser importante no estudo de mecanismos aceleradores de partículas em ambientes astrofísicos.

  4. Determinação de elementos próprios dos asteróides troianos: comparação entre as teorias semi-analítica e sintética

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Roig, F.; Beaugé, C.

    2003-08-01

    Além do cálculo semi-analítico de elementos próprios dos asteróides Troianos (Beaugé & Roig 2001, Icarus 153, 391), recentemente foi apresentado um novo conjunto destes elementos próprios determinado através de uma teoria sintética (Knenezevic & Milani 2003, comunicação pessoal). As bases de dados contendo estas determinações estão disponiveis na pagina web do Asteroid Dynamical Site (http://hamilton.dm.unipi.it/cgi-bin/astdys/astibo). Nesta comunicação apresentamos os primeiros resultados de um estudo comparativo entre ambos conjuntos de elementos próprios, analisando suas vantagens e desvantagens, assim como os limites de precisão de cada conjunto. Mostramos que os elementos próprios sintéticos são mais precisos que os smi-analíticos para grandes amplitudes de libração do ângulo s = l-lJup, embora acontece o contrario para os corpos cuja amplitude de libração é muito pequena. Finalmente discutimos a influencia destes erros na determinação de familias de asteroides e da estrutura resonante em torno dos pontos Lagrangeanos L4 e L5.

  5. DEZ ANOS DE EXPERIÊNCIA DO COMITÊ DE ÉTICA EM PESQUISA DA SECRETARIA DE SAÚDE DO DISTRITO FEDERAL, BRASIL

    PubMed Central

    Novaes, Maria Rita C. G.; Guilhem, Dirce; Lolas, Fernando

    2009-01-01

    O objetivo deste artigo é relatar a experiência do Comitê de Ética em Pesquisa da Secretaria de Estado de Saúde do Distrito Federal (CEP/SES/DF) Brasil, durante o período de 10 anos a partir de sua fundação. Trata-se de uma avaliação descritiva e documental, na modalidade estudo de caso, utilizando-se a totalidade de projetos protocolados no CEP/SES/DF (N° 052/08) nesse período. As pendências mais freqüentes dos projetos foram: termo de consentimento livre e esclarecido (30%), folha de rosto (25%), metodologia (20%), curriculum vitae (12%), planilha de orçamento (9%), outros (4%). O relato das atividades do CEP/SES/DF no período de 10 anos revelou, através de sua produtividade, a legitimidade do processo de análise ética dos protocolos visando à proteção dos participantes da pesquisa. PMID:19888441

  6. Study of the variability of the nucleus of Centaurus A.

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Fernandes de Mello Rabaca, D.; Abraham, Z.

    1990-11-01

    ABSTRACT. This work consists in the study of the variability of the nucleus of the peculiar galaxy NGC 5128 (Centaurus A) at the radio continuum frequency of 43 GHz. The data were obtained with the 13.7 m itapetinga Radiotelescope. The radio source presents a pair of inner radio lobes and a compact variable nucleus. The observational technique used was scans through the inner radio lobes and the nucleus. The quasi- simultaneous measurements of the flux density of each source allowed us to derive accurately the relative flux between them, and to obtain the real variability of the nucleus. RESUMO. Este trabalho consiste no estudo da variabilidade do nucleo da galaxia peculiar NGC 5128 (Centaurus A) no de radio na de 43 GHz. Os dados foram obtidos com 0 Radiotelescopio do Itapetinga. A radio fonte apresenta um par de lobulos internos e um nucleo compacto variavel. A tetnica observacional utilizada foi a de varreduras passando pelos lobulos e pelo nucleo. As medidas quase simultaneas da densidade de fluxo de cada fonte permitiu obter precisa- mente 0 fluxo relativo entre elas e a variabilidade real do nucleo. Keq woit : GALAXIES-RADIO

  7. Nodular trombiculinosis caused by Apolonia tigipioensis, Torres and Braga (1938), in an ostrich (Struthio camelus) and a house sparrow (Passer domesticus).

    PubMed

    Ornelas-Almeida, Maria Angela; de Oliveira, Flávio Ramos Bastos; da Silva, Alessandra Estrela; Moreira, Eduardo Luiz Trindade; Maia, Paulo César Costa; de Fátima Cardoso Duarte, Larissa; Murphy, Gleeson; Ayres, Maria Consuelo Caribe

    2007-12-25

    Nodular trombiculinosis has been reported in Brazil in chickens [Torres, S., Braga, W., 1939. Apolonia tigipioensis, g. e sp. n. (Trombiculinae) parasito de Gallus gallus dom. Chave para determinação de gêneros. Boletim da S.A.I.C. 4, 37-44] and humans [Carneiro, L.S., 1952. Uma nova acaríase humana - Contribuição ao seu estudo. Imprensa Industrial, Recife. Faculdade de Medicina da Universidade do Recife, Tese Livre Docência, p. 56]. In this report, a juvenile ostrich and a house sparrow, both originating from a riverside property in the town of Petrolina in the state of Pernambuco, presented 87 and eight nodules, respectively, on various locations of their bodies. Physical expression of the nodules liberated parasites that were morphologically identified as mites from the family Trombiculidae. The mites were further identified as Apolonia tigipioensis by the presence of an elongated body form and transversely striated, three pairs of long legs each with seven segments, primary coxae with a single seta, each tarsus terminating with three claws, and a scutum with an anteromedian projection and paired anteromedian setae. Histopathologic examination of skin biopsies from these birds, stained with hematoxilin-eosin, revealed acute parasitic cystic lymphoplasmacytic dermatitis.

  8. Análise da aplicação e dos resultados do modelo OPM3® para a área da saúde

    PubMed Central

    Augusto dos Santos, Luis; de Fátima Marin, Heimar

    2015-01-01

    Esta pesquisa procurou analisar se um modelo de questionário criado por uma comunidade internacional de gerenciamento de projetos e se é aplicavél a organizações voltadas a área de saúde. O modelo OPM3® (Organizational Project Management Maturity Model) foi criado para que organizações de qualquer área ou porte pudessem identificar a presença, ou ausência, de boas práticas de gerenciamento. O objetivo da aplicação desse modelo é avaliar sempre a organização e não o entrevistado. No presente artigo, são apresentados os resultados da aplicação desse modelo em uma organização que possuía produtos e serviços de tecnologia da informação aplicados à área de saúde. Este estudo verificou que o modelo é aplicável de forma rápida e que a organização analisada possuía um número expressivo de boas práticas. PMID:26924862

  9. Further genetic characterization of the two Trypanosoma cruzi Berenice strains (Be-62 and Be-78) isolated from the first human case of Chagas disease (Chagas, 1909).

    PubMed

    Cruz, R E; Macedo, A M; Barnabé, C; Freitas, J M; Chiari, E; Veloso, V M; Carneiro, C M; Bahia, M T; Tafuri, Washington L; Lana, M

    2006-03-01

    We describe here an extension of a previous genetic characterization of Trypanosoma cruzi strains (Be-62 and Be-78) isolated from the patient Berenice, the first human case of Chagas disease [Chagas, C., 1909. Nova Tripanomíase humana. Estudos sobre morfologia e o ciclo evolutivo do Schizotrypanum cruzi, n. gen., n. sp., agente etiolójico da nova entidade morbida do homem. Mem. Inst. Oswaldo Cruz 1, 159-218]. We wanted to verify the composition of T. cruzi populations originated from these two isolates. In the present work, 22 enzymatic loci (MLEE), nine RAPD primers and 7 microsatellite loci were analyzed. Clones from both strains were also characterized to verify whether these strains are mono or polyclonal. Be-62 and Be-78 strains were different in 3 out of 22 enzymatic systems, in 3 out of 9 RAPD primers tested and in all microsatellite loci investigated. However, our data suggests that both strains are phylogenetically closely related, belonging to genetic group 32 from Tibayrenc and Ayala [Tibayrenc, M., Ayala, F.J., 1988. Isoenzime variability in Trypanosoma cruzi, the agent of Chagas' disease: genetical, taxonomical, and epidemiological significance. Evolution 42, 277-292], equivalent to zymodeme 2 and T. cruzi II major lineage which, in Brazil, comprises parasites from the domestic cycle of the disease. Microsatellite analyses showed differences between the parental strains but suggested that both populations are monoclonal since each strain and their respective clones showed the same amplification products.

  10. A study of 159 Portuguese patients with familial amyloidotic polyneuropathy (FAP) whose parents were both unaffected.

    PubMed Central

    Coelho, T; Sousa, A; Lourenço, E; Ramalheira, J

    1994-01-01

    We reviewed 1233 cases of familial amyloidotic polyneuropathy (FAP) from 489 Portuguese families registered at the Centro de Estudos de Paramiloidose, Porto, Portugal. It was found that in 159 cases, neither parent had shown symptoms of this hereditary dominant form of peripheral neuropathy. These cases appear to form a distinct group, with a later age at onset (mean 45.1 years, SD 12.0) than the group of patients with one affected parent (mean 31.2 years, SD 6.9) and a geographical origin not quite in the areas where the disease is most prevalent. Though this group is not significantly different from the general group of patients in clinical presentation at onset and severity of the disease, the average interval between onset and diagnosis (mean 4.5 years, SD 3.2) reflects the difficulties in diagnosing these patients in the absence of a positive family history. From the analysis of pedigrees and in spite of a large number of isolated cases, the occurrence of new mutations could not be proven, and it seems more likely that, in some families, the FAP gene may result in a milder expression or even remain "silent" for several generations. Further investigation of this discrepancy may prove to be important in elucidating the mechanisms involved in the pathogenetic process. PMID:8071954

  11. EXPERIENCE WITH THE BRAZILIAN NETWORK FOR STUDIES IN REPRODUCTIVE AND PERINATAL HEALTH: THE POWER OF COLLABORATION IN POSTGRADUATE PROGRAMS.

    PubMed

    Cecatti, José G; Silveira, Carla; Souza, Renato T; Fernandes, Karayna G; Surita, Fernanda G

    2015-01-01

    , contribuem para a disseminação do conhecimento e estruturação da pesquisa em saúde. Diversas vantagens são atribuídas ao trabalho em rede como: a inclusão de maior número de participantes nos estudos; gerar evidências mais fortes e com maior representatividade da população (generalização secundária e validade externa); maior facilidade das publicações oriundas dos estudos serem aceitas em periódicos de impacto e abrangência; maior probabilidade de obtenção de verbas para financiamento; maior facilidade na coleta de dados sobre condições raras; inclusão de participantes de diferentes grupos étnicos e culturas, entre outras. No Brasil a Rede Brasileira de Estudos em Saúde Reprodutiva e Perinatal foi criada em 2008 com o objetivo inicial de desenvolver rede nacional de cooperação científica para vigilância da morbidade materna grave. Desde sua formação, cinco estudos foram desenvolvidos, alguns já encerrados e outros em fase de finalização, com outros dois em fase final de implantação. Os resultados das atividades desta Rede têm sido bastante produtivos e impactaram positivamente não apenas no Programa de Pós-Graduação em Tocoginecologia da Universidade Estadual de Campinas, seu centro coordenador, mas também o de outros centros participantes, uma vez que expressivo número de artigos científicos foi publicado, mestrados e doutorados foram defendidos e pós-doutorados finalizados, de alunos de diversas áreas da saúde, de diferentes regiões e de várias instituições de todo o país, com alto impacto social dada a relevância dos temas estudados para o país.

  12. Rare case of nephrotic syndrome: Schimke syndrome.

    PubMed

    Pedrosa, Anna Kelly Krislane de Vasconcelos; Torres, Luiz Fernando Oliveira; Silva, Ana Corina Brainer Amorim da; Dantas, Adrianna Barros Leal; Zuntini, Káthia Liliane da Cunha Ribeiro; Aguiar, Lia Cordeiro Bastos

    2016-01-01

    Schimke syndrome corresponds to dysplasia of bone and immunity, associated with progressive renal disease secondary to nephrotic syndrome cortico-resistant, with possible other abnormalities such as hypothyroidism and blond marrow aplasia. It is a rare genetic disorder, with few reports in the literature. The most frequent renal involvement is nephrotic syndrome with focal segmental glomerulosclerosis and progressive renal failure. The objective of this study was to report a case of Schimke syndrome, diagnostic investigation and management of the case. Resumo A síndrome Schimke corresponde à displasia imuno-óssea, associada à doença renal progressiva secundária à síndrome nefrótica córtico-resistente, podendo haver outras anormalidades como hipotireoidismo e aplasia de medula óssea. Trata-se de uma patologia genética rara, com poucos relatos na literatura. O acometimento renal mais frequente é uma síndrome nefrótica por glomeruloesclerose segmentar e focal e falência renal progressiva. O objetivo deste estudo foi relatar um caso de síndrome de Schimke, investigação diagnóstica e condução do caso.

  13. Clinical and Radiological Characterization of Progressive Multifocal Leukoencephalopathy in HIV-Infected Patients: A Retrospective Analysis and Review of the Literature.

    PubMed

    Augusto, Luís; Neves, Nélia; Reis, Carina; Abreu, Cândida; Sarmento, António

    2015-01-01

    Introdução: A leucoencefalopatia multifocal progressiva é uma patologia desmielinizante causada pelo vírus John Cunningham, geralmente associada a estados de imunodepressão, em particular a infeção pelo vírus da imunodeficiência humana. Pode apresentar múltiplas manifestações clínicas e tem habitualmente um padrão imagiológico típico. A evolução clínica é geralmente progressiva, podendo ocorrer uma melhoria do prognóstico associada à recuperação imunológica.Material e Métodos: Foi conduzida uma análise retrospetiva dos dados clínicos e imagiológicos de doentes admitidos no nosso Hospital entre janeiro de 2005 e abril de 2014 com o diagnóstico de leucoencefalopatia multifocal progressiva (ICD10:A81.2) associado a infeção por vírus da imunodeficiência humana.Resultados: Vinte e um doentes foram incluídos, sendo 20 do sexo masculino (95,2%). A idade média na altura do diagnóstico foi 39 anos. A forma de apresentação mais frequente foi défice motor. O vírus John Cunningham foi identificado no líquido cefalorraquidiano em 20 doentes (95,2%). Nos estudos de imagem verificou-se um predomínio de lesões supratentoriais, assimétricas e bilaterais. Quatro doentes (19%) desenvolveram síndrome inflamatória de resposta imunológica. A abordagem terapêutica incluiu início ou otimização de terapêutica anti-retrovirica, associada a corticoterapia em quatro casos. Dezassete (81%) doentes morreram no período do estudo, sendo a sobrevida mediana após diagnóstico de três meses (intervalo 1 a13).Discussão: Os resultados do nosso estudo são concordantes com os dados previamente publicados relativamente à leucoencefalopatia multifocal progressiva, evidenciando a sua associação à infecção pelo vírus da imunodeficiência humana, particularmente nos doentes com imunossupressão grave, o predomínio de sinais e sintomas motores e cognitivos, e a existência de um atingimento bilateral e assimétrico evidente nas sequ

  14. Bronchial fistula closure with negative pressure wound therapy: a feasible and cost-effective treatment.

    PubMed

    Nunes, Rodrigo Barboza; Müller, Bruno Francisco; Cipriano, Federico Enrique Garcia; Coltro, Pedro Soler; Farina, Jayme Adriano

    2016-01-01

    Treatment of bronchial fistula (BF) after pulmonary lobectomy is a challenge. Often, patients require long hospital stay, have recurrent empyema and pneumonia, are susceptible to sepsis, often need broad-spectrum antibiotics, as well as various surgical approaches. With the advent and growing evidence of the benefits of negative pressure therapy (NPT), its use in some patients with BF has been reported with encouraging results concerning its feasibility and cost-effectiveness. The aim of this study was to demonstrate the application of NPT as a resource for BF treatment and comparatively analyze the overall cost of treatment. RESUMO O tratamento de fístula brônquica (FB) após lobectomia pulmonar é um desafio. Muitas vezes, o paciente demanda longo tempo de internação, apresenta recidivas de empiema e pneumonia, pode evoluir para sepse, frequentemente necessita de antibioticoterapia de amplo espectro, bem como de várias abordagens cirúrgicas. Com o advento e acúmulo de evidências dos benefícios da terapia por pressão negativa (TPN), seu uso em alguns pacientes com FB tem sido relatado com resultados animadores relativos à sua viabilidade e ao seu custo-efetividade. O objetivo deste estudo foi demonstrar a aplicação de TPN como recurso para tratamento da FB e analisar comparativamente o custo global do seu tratamento.

  15. Aquisição fonológica do português brasileiro por crianças ouvintes bilíngues bimodais e surdas usuárias de implante coclear

    PubMed Central

    Cruz, Carina Rebello; Finger, Ingrid

    2014-01-01

    Resumo O presente estudo investiga a aquisição fonológica do Português Brasileiro (PB) por 24 crianças ouvintes bilíngues bimodais, com acesso irrestrito à Língua Brasileira de Sinais (Libras), e por 6 crianças surdas que utilizam implante coclear (IC), com acesso restrito ou irrestrito à Libras. Para a avaliação do sistema fonológico das crianças em PB, foi utilizada a Parte A, Prova de Nomeação, do ABFW – Teste de Linguagem Infantil (ANDRADE et al. 2004). Os resultados revelaram que as crianças ouvintes bilíngues bimodais e a criança surda usuária de IC com acesso irrestrito à Libras apresentaram processo de aquisição fonológica esperada (normal) para a sua faixa etária. Considera-se que a aquisição precoce e o acesso irrestrito à Libras podem ter sido determinantes para o desempenho dessas crianças no teste oral utilizado. PMID:25506105

  16. Land-use in Amazonia and the Cerrado of Brazil: State of Knowledge and GIS Database

    NASA Technical Reports Server (NTRS)

    Nepstad, Daniel C.

    1997-01-01

    We have assembled datasets to strengthen the LargeScale Biosphere Atmosphere Experiment in Amazonia (LBA). These datasets can now be accessed through the Woods Hole Research Center homepage (www.whrc.org), and will soon be linked to the Pre-LBA homepages of the Brazilian Space Research Institute's Center for Weather and Climate Prediction (Instituto de Pesquisas Espaciais, Centro de Previsao de Tempo e Estudos Climaticos, INPE/CPTEC) and through the Oak Ridge National Laboratory, Distributed Active Archive Center (ORNL/DMC). Some of the datasets that we are making available involved new field research and/or the digitization of data available in Brazilian government agencies. For example, during the grant period we conducted interviews at 1,100 sawmills across Amazonia to determine their production of sawn timber, and their harvest intensities. These data provide the basis for the first quantitative assessment of the area of forest affected each year by selective logging (Nepstad et al, submitted to Nature). We digitized the locations of all of the rural households in the State of Para that have been mapped by the Brazilian malaria combat agency (SUCAM). We also mapped and digitized areas of deforestation in the state of Tocantins, which is comprised largely of savanna (cerrado), an ecosystem that has been routinely excluded from deforestation mapping exercises.

  17. [Odds Ratio: review about the meaning of an epidemiological measure].

    PubMed

    Aguiar, Pedro; Nunes, Baltazar

    2013-01-01

    Introdução: É importante rever a validade do Odds Ratio como medida de associação e efeito, assim como, qual o viés introduzido pelo Odds Ratio quando este representa uma razão de riscos ou uma razão de prevalências em situação de doença mais frequente.Material e Métodos: Simulámos numa coorte de 200 indivíduos com 100 expostos e 100 não expostos a um fator de risco, um cenário de doença rara e outro de doença mais frequente, com razão de riscos igual em ambos os cenários. Determinaram-se o Odds Ratio e o Risco Relativo pelo método clássico (padrão) e respectivamente por regressão logística e regressão de Poisson. Introduziu-se de seguida uma variável de confundimento e determinaram-se o Odds Ratio e o Risco Relativo pelo método de Mantel-Hanszel (análise estratificada padrão) e respectivamente por regressão logística e regressão de Poisson. As análises estatísticas foram efectuadas em SPSS V20.Resultados: Para a doença rara, o Odds Ratio aproximou-se do Risco Relativo. Quando a doença foi mais frequente, o Odds Ratio sobrestimou o Risco Relativo. Nesta situação, e com a presença de uma variável de confundimento, o Risco Relativo ajustado por regressão de Poisson permitiu obter estimativas mais válidas da razão de riscos que o Odds Ratio ajustado por regressão logística. Os intervalos de confiança do Risco Relativo estimado por regressão de Poisson foram sempre mais largos que os determinados por análise de Mantel-Hanszel.Conclusões: O Odds Ratio e a regressão logística múltipla são procedimentos válidos em estudos caso-controlo e em estudosprospetivos e transversais de natureza exploratória. O Odds Ratio não deve ser interpretado como uma razão de riscos ou razão de prevalências se o resultado de saúde não é raro. A análise de regressão múltipla de Poisson deve ser considerada como alternativa válida à regressão logística múltipla, especialmente em estudos de uma exposição específica.

  18. [Attitudes and beliefs regarding opioid maintenance treatment in Portugal: a survey to physicians, patients and opioid users].

    PubMed

    Goulão, João

    2013-01-01

    Introdução: Existem poucos estudos pan-europeus sobre programas terapêuticos com agonistas opiáceos, tanto da perspectiva dos prescritores, como dos doentes que os recebem e dos utilizadores de opióides que se mantêm fora do sistema de tratamento. O projecto ACCESS, um estudo europeu realizado em 11 países, explorou as atitudes e percepções dos médicos, doentes e utilizadores de opióides quanto à qualidade e ao acesso aos programas terapêuticos com agonistas opiáceos. O presente artigo descreve os principais resultados para Portugal.Material e Métodos: Os médicos que tratam doentes dependentes de opióides com recurso a programas terapêuticos com agonistas opiáceos foram inquiridos por entrevista directa; os doentes em programas terapêuticos com agonistas opiáceos, os doentes que não se encontravam em programas terapêuticos com agonistas opiáceos (em tratamento não farmacológico), e os utilizadores activos (pessoas dependentes de opióides que não se encontram actualmente em tratamento) receberam questionários de auto-preenchimento.Resultados: Verificou-se que, tanto os médicos como os doentes avaliam como ‘Bom’ o tratamento dos dependentes de opióides, em Portugal. O acesso ao tratamento foi considerado ‘Fácil’ pela maioria dos doentes e dos médicos, registando-se um elevado nível de satisfação entre os doentes. Contudo, o conhecimento dos doentes quanto às opções dos programas terapêuticos com agonistas opiáceos em Portugal encontra-se ainda abaixo do nível óptimo e as doses dos fármacos dos programas terapêuticos com agonistas opiáceos são frequentemente baixas.Discussão: Os resultados do projecto ACCESS, no que diz respeito a PTAO, são encorajadores e evidenciam quer as áreas de sucesso, quer as áreas que podem ser melhoradas no futuro, no que diz respeito ao sistema de tratamento de dependências de opióides em Portugal.Conclusões: O projecto ACCESS faz uma avaliação importante das atitudes e percep

  19. [Secondary Alveolar Bone Grafting in Orofacial Cleft: A Survey of a Portuguese Tertiary Hospital].

    PubMed

    Costa, Ana Isabel; Morgado, Hélder; Mariz, Carlos; Estevão-Costa, José Manuel

    2016-03-01

    Introdução: A fenda lábio-palatina é a malformação congénita craniofacial mais frequente. Na presença de defeito ósseo, a técnica de enxerto ósseo alveolar secundário é o método de correção mais consensual entre os autores. Neste estudo avalia-se o resultado da aplicação desta técnica num hospital terciário. Material e Métodos: Análise dos enxertos ósseos alveolares secundários realizados entre 2007 e 2014, sendo incluídos os casos em que a crista ilíaca foi a região dadora e em que a informação clínica e imagiológica estava completa. A eficácia da intervenção foi avaliada radiologicamente com recurso à escala de Bergland (tipo I-IV), e correlacionada com variáveis associadas à patologia e/ou correção cirúrgica. Resultados: Dos 32 enxertos ósseos alveolares secundários realizados, 29 cumpriam os critérios de inclusão: 13 casos (44,8%) correspondiam a fendas pré-forâmen unilaterais completas; quatro (13,8%) a fendas pré-forâmen bilaterais completas; oito (27,6%) a fendas transforâmen unilaterais e quatro (13,8%) a fendas transforâmen bilaterais. Pela escala de Bergland (aplicada com um seguimento médio de 8 ± 5 meses), seis eram do tipo I, 15 do tipo II, cinco de tipo III e três do tipo IV. Não foi encontrada associação entre a eficácia da intervenção cirúrgica e o tipo de fenda lábio-palatina, presença do incisivo e fase de erupção do canino. Cinco doentes foram submetidos a novo enxerto ósseo alveolar (três tipo II e dois tipo III na avaliação inicial). Discussão: Na presente série, o enxerto ósseo alveolar foi eficaz na maioria dos doentes (72%, tipo I e II), independentemente do tipo de fenda lábio-palatina. A proporção de falências (10,3%) e a necessidade ulterior de reintervenção (17%) foram relativamente altas justificando o seguimento a longo-prazo e a continuação deste estudo. Conclusão: Importa realçar o envolvimento multidisciplinar para identificação atempada do momento

  20. Populações estelares do bojo galáctico

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Escudero, A. V.; Costa, R. D. D.; Maciel, W. J.

    2003-08-01

    Os estudos mais recentes do bojo galáctico têm enfocado essencialmente as abundâncias químicas de elementos pesados, como o ferro, obtidos a partir das estrelas nas regiões centrais da galáxia. Elementos leves, como hélio, nitrogênio, oxigênio e argônio ainda são pouco estudados nestas regiões, devido à difícil determinação de suas abundâncias a partir de estrelas. Nestas condições as nebulosas planetárias desempenham um importante papel, pois permitem a determinação de abundâncias destes elementos usando técnicas de espectroscopia nebular. Neste trabalho, reportamos a análise das abundâncias químicas de uma nova amostra de nebulosas planetárias do bojo, bem como os resultados preliminares de um código numérico destinado a modelar a evolução química desta região. Usamos como vínculos observacionais os resultados obtidos das nebulosas planetárias, bem como de abundâncias estelares da região do bojo, obtidas da literatura. A partir deste modelo da evolução química e dos vínculos observacionais foi possível fazer um diagnóstico mais preciso das populações que constituem o bojo galáctico. O estudo destas populações que compõem a região central de nossa galáxia é de extrema importância para o maior entendimento da evolução química e dinâmica da galáxia como um todo. Por isto, verificamos a importância dos modelos de formação simples e mista utilizados para explicar características da população da região central da galáxia. Algumas destas características são: uma grande dispersão nos valores das abundâncias químicas e um grande espalhamento nas correlações entre as abundâcias de nitrogênio e oxigênio. Estas peculiaridades são dificilmente reproduzidas por modelos de formação simples, e portanto são importantes indícios da validade dos modelos de formação mista, tais como um rápido colapso do bojo seguido de uma evolução secular. (FAPESP, CNPq)

  1. Relation between QT Variables and Left Ventricular Geometry in Athletes and Obese Children.

    PubMed

    Yıldırım, Şule; Binnetoğlu, Fatih Köksal; Battal, Fatih; Aylanç, Hakan; Kaymaz, Nazan; Tekin, Mustafa; Topaloğlu, Naci; Aşık, Zuhal

    2016-02-01

    Introdução: O objetivo deste trabalho foi avaliar a relação entre variáveis QT e geometria do ventrículo esquerdo em atletas e crianças obesas. Material e Métodos: Foram incluídos no estudo 209 crianças e adolescentes. Trinta e oito deles eram obesos, 140 foram atletas e 31 tinham peso normal. Crianças com antecedentes funcionais e estruturais de doenças cardiovasculares (adquiridas e congénitas), doenças sistémicas crónicas, hipertensão arterial, apneia do sono, doenças endocrinológicas foram excluídos. Todos os sujeitos rea-lizaram detalhados exames eletrocardiográficos e ecocardiográficos. Resultados: A dispersão do QT foi significativamente maior em crianças obesas, jogadores de basquete, jogadores de futebol e nadadores, por comparação com o grupo controlo (p < 0,05, p < 0,001, < 0,001 e < 0,01, respetivamente). Os jogadores de basquetebol tiveram a maior dispersão do QT. O di'metro ventricular esquerdo endosistólico (mm/m2) foi maior nos jogadores, nadadores, lutadores e jogadores de ténis por comparação com indivíduos obesos. A espessura do septo interventricular na diástole foi maior em nadadores por comparação com o grupo controlo (p < 0,001) e a espessura da parede posterior do ventrículo esquerdo foi significativamente maior nos jogadores e nadadores por comparação a indivíduos saudáveis (p < 0,01 e p < 0,001, respetivamente). A geometria do ventrículo esquerdo foi normal em 84 pacientes (47,1%), mas 34 pacientes (19,1%) tinham remodelação concêntrica, 20 (22,4%) apresentaram hipertrofia concêntrica e 40 (28,6%) apresentaram hipertrofia excêntrica. Não foi observada hipertrofia concêntrica e excêntrica em indivíduos obesos. A hipertrofia do ventrículo esquerdo era proeminente nos grupos din'mico e combinado mas a diferença não foi estatisticamente significativa (p = 0,204). A dispersão do QT foi significativamente maior nos obesos e praticantes de desporto din'mico e combinado em relação ao grupo

  2. [Peritoneal Dialysis in the First Two Years of Life: Experience of a Nephrology and Renal Transplantation Pediatric Unit].

    PubMed

    Deuchande, Sofia; Mano, Tânia; Novais, Cristina; Machado, Rute; Stone, Rosário; Almeida, Margarida

    2016-09-01

    Introdução: A diálise peritoneal é o método dialítico de eleição perante doença renal crónica terminal em idade pediátrica. O objetivo deste estudo foi caracterizar a sobrevivência a longo prazo de uma população de crianças, que iniciou diálise peritoneal nos dois primeiros anos de vida. Material e Métodos: Estudo descritivo e retrospetivo, realizado numa unidade de nefrologia e transplantação renal pediátrica portuguesa, no período de janeiro de 1991 a agosto de 2014. Avaliou-se etiologia da doença renal crónica terminal, mortalidade, comorbilidades e complicações da diálise peritoneal e da doença renal crónica terminal, crescimento e desenvolvimento psicomotor.Resultados: Vinte crianças iniciaram diálise peritoneal antes dos dois anos. Ocorreram seis óbitos; não houve mortalidade em crianças com doença renal primária nos últimos 10 anos. Caracterizaram-se os 14 sobreviventes, 13 do sexo masculino. As anomalias congénitas do rim e do trato urinário constituíram a principal causa de doença renal crónica terminal (45%).O início de diálise peritoneal ocorreu em média aos 6,1 meses, em seis casos antes dos 30 dias de vida. A peritonite foi o motivo mais frequente de internamento. Dez crianças foram transplantadas, com idade média de 5,3 anos. Em relação ao crescimento, as quatro crianças que se mantêm em diálise peritoneal têm baixa estatura, mas nove dos transplantados têm uma estatura final dentro do esperado para a sua estatura-alvo familiar. Nove (64%) tiveram alterações no desenvolvimento psicomotor. Discussão: A diálise peritoneal é uma técnica possível e exequível desde o nascimento, tal como evidenciado nesta amostra, em que se iniciou com sucesso em mais de metade das crianças antes dos seis meses de vida. Permite uma sobrevivência a longo prazo até à possibilidade do transplante renal apesar da morbilidade associada, nomeadamente as peritonites e as complicações da doença renal

  3. [Risk Factors for Healthcare Associated Sepsis in Very Low Birth Weight Infants].

    PubMed

    Pereira, Helena; Grilo, Ema; Cardoso, Patrícia; Noronha, Natália; Resende, Cristina

    2016-04-01

    Introdução: As infeções associadas aos cuidados de saúde constituem uma importante causa de morbi-mortalidade neonatal, levando a um aumento do tempo de internamento e consequentemente dos seus custos. O objetivo deste estudo foi avaliar a taxa de incidência de infeções associadas aos cuidados de saúde e os seus principais fatores de risco em recém-nascidos de muito baixo peso. Material e Métodos: Estudo retrospetivo dos recém-nascidos de muito baixo peso internados numa maternidade com apoio perinatal diferenciado, durante um período de 10 anos (2005-2014). Foi analisada a existência de associação entre vários fatores de risco e a ocorrência de infeções associadas aos cuidados de saúde. Resultados: Foram internados 461 recém-nascidos de muito baixo peso. Houve 110 episódios de infeções associadas aos cuidados de saúde em 104 recém-nascidos e 53 episódios de sépsis associada a cateterismo venoso central. A densidade de sépsis foi 7,5/1 000 dias de internamento e a densidade de sépsis associada ao cateterismo venoso central 22,6/1 000 dias de utilização. Os recém-nascidos com infeções associadas aos cuidados de saúde apresentaram uma média de peso ao nascimento e idade gestacional inferior (959 ± 228 g vs 1191 ± 249 g) e (27,6 ± 2 vs 29,8 ± 2,2 semanas), p < 0,001. Após ajuste à idade gestacional e peso ao nascimento verificámos associação entre infeções associadas aos cuidados de saúde e antibioterapia em D1, duração de cateterismo venoso central e da nutrição parentérica. Após regressão logística, mantiveram-se como fatores de risco independentes com significância estatística, a idade gestacional e a duração da nutrição parentérica. Discussão: Os fatores de risco independentes para infeções associadas aos cuidados de saúde foram a idade gestacional e a duração da nutrição parentérica. Conclusão: Por cada semana a mais na idade gestacional o risco de infeções associadas aos cuidados de sa

  4. Cystatin C: A Promising Marker of Renal Function in Patients with Systemic Lupus Erythematosus?

    PubMed

    Peixoto, Lígia; Aguiar, Patrício; de Bragança, Raquel; Martins, Joana Rosa; Acabado, Alba Janeiro; Ducla-Sores, José Luís

    2015-01-01

    Introdução: A cistatina C possui uma correlação superior com a taxa de filtrado glomerular e um prognóstico clínico mais significativo do que a creatinina. Procurou-se averiguar se constitui um marcador de função renal diferente da creatinina (cistatina C potencialmente superior à creatinina), em doentes com lúpus eritematoso sistémico.Material e Métodos: Foram avaliados 37 doentes com lúpus eritematoso sistémico, sem evidência de nefrite lúpica activa. Determinouse a cistatina C sérica por nefelometria e a creatinina pelo método de Jaffe modificado. Compararam-se cinco fórmulas: Chronic Kidney Disease â Epidemiology Collaboration cystatin; Chronic Kidney Disease â Epidemiology Collaboration creatinine-cystatin; Cockcroft-Gault, Modification of Diet in Renal Disease e Chronic Kidney Disease â Epidemiology creatinine, utilizando-se esta última como referência. Analisou-se a influência de factores clínicos e laboratoriais na variação da cistatina C, por regressão linear multivariada. Resultados: A cistatina C encontrava-se isoladamente elevada em dez participantes, ao invés de nenhuma elevação isolada dacreatinina, sendo esta diferença significativa (p = 0,002). Verificou-se uma diferença entre a taxa de filtrado glomerular estimada pela Chronic Kidney Disease â Epidemiology Collaboration cystatin e pela Chronic Kidney Disease â Epidemiology Collaboration creatinine (-6,0541 mL/min/1,73 m2, p = 0,07), mais acentuada para taxas de filtração glomerular mais baixas. Assim, a fórmula Chronic Kidney Disease â Epidemiology Collaboration cystatin reclassificou 4 doentes como tendo doença renal crónica de novo e um doente como não tendo doença renal crónica (p = 0,375). A cistatina C foi influenciada significativamente apenas pela idade (p < 0,001).Discussão: Vários estudos demonstraram que a cistatina C melhora a definição de doença renal crónica, permitindo uma classificação e uma estratificação do risco mais exactas

  5. Cephalometric Evaluation of Children with Allergic Rhinitis and Mouth Breathing.

    PubMed

    Agostinho, Helena Afonso; Furtado, Ivo Ãlvares; Silva, Francisco Salvado; Ustrell Torrent, Josep

    2015-01-01

    Introdução: Os ortodontistas tratam frequentemente crianças com respiração oral. O objectivo deste estudo foi avaliar as posições dentárias, efeitos esqueléticos e espaço aéreo da faringe, causados pela respiração bucal em crianças com rinite alérgica crónica, comparando com grupo de controlo de padrão respiratório normal.Material e Métodos: Foram avaliadas setenta crianças caucasianas do Hospital Universitário de Santa Maria (Lisboa), entre Setembro/ 2009 e Fevereiro/2013. O grupo de estudo compreendia 35 crianças com rinite alérgica crónica de ambos os géneros, idades entre 5 e 14 anos, reação positiva a aeroalergénios, respiração bucal e má-oclusão dentária. O grupo controlo incluiu 35 crianças, da mesma idade, ambos os géneros, com respiração nasal e má-oclusão dentária, que recorreram ao departamento de ortodontia. Utilizaram-semedidas de Ricketts, Steiner e análise de McNamara. Foi aplicado teste estatístico t de Student.Resultados: Verificaram-se diferenças estatísticas significativas entre respiradores orais e nasais, respectivamente quanto à altura facial inferior (49,1/45,9 mm), ângulo entre o plano de Frankfurt e o plano mandibular (30,1/26,9º), ângulo entre a linha Sela-Nasion e o plano oclusal (17,3/15º), comprimento maxilar (78,4/82,4 mm) e mandibular (102,4/107 mm), overbite (0,8/3,1mm) e overjet (4/4,7 mm).Discussão: A comparação entre os grupos demonstrou que as crianças com rinite alérgica e respiração oral apresentam maior altura facial inferior, maior ângulo entre o plano de Frankfurt e o plano mandibular e maior ângulo entre a linha Sela-Nasion e o plano oclusal. Este grupo apresentou também menor comprimento da maxila e da mandíbula, menor overbite e diminuição do espaço aéreo respiratório superior.Conclusões: As crianças com rinite alérgica e respiração oral têm faces mais longas, maxilas e mandíbulas mais curtas e espaço aéreo faríngeo menor. Não existem diferen

  6. [Neurodevelopmental Outcomes of Very Preterm or Very Low Birth Weigth Infants: Comparison of Monochorionic and Dichorionic Twins with Singletons].

    PubMed

    Taborda, Adelaide; Oliveira, Guiomar

    2016-11-01

    Introdução: Estudos evidenciaram maior taxa de alterações do neurodesenvolvimento nos gémeos em relação aos recém-nascidos de gestação unifetal. O objetivo deste trabalho foi comparar alterações do neurodesenvolvimento em gémeos (monocoriónicos e bicoriónicos) grandes prematuros ou de muito baixo peso ao nascer, com recém-nascidos de gestação unifetal. Material e Métodos: Estudo retrospetivo de uma coorte de recém-nascidos com idade gestacional inferior a 32 semanas ou peso de nascimento inferior a 1500 g, internados na Unidade de Cuidados Intensivos Neonatais, numa maternidade de apoio perinatal diferenciado da Região Centro de Portugal, no período de 2006 a 2010. A avaliação do neurodesenvolvimento foi realizada aos 24 meses, com a escala de Growing Skills II. No diagnóstico de paralisia cerebral usou-se a classificação internacional de Surveillance of Cerebral Palsy in Europe. Foram comparados recém-nascidos de gestação unifetal com recém-nascidos de gravidez múltipla e com os subgrupos: monocoriónicos e bicoriónicos. Análise estatística pelo SPSS versão 20.0. Foi aplicado um modelo de regressão logística. Resultados: Foram avaliados 194 recém-nascidos do grupo gestação unifetal e 89 gémeos - 50 bicoriónicos e 39 monocoriónicos. Os gémeos monocoriónicos apresentaram maior risco, em relação ao grupo de gestação unifetal, de alterações moderadas a graves do neurodesenvolvimento global (OR ajustado 3,6) e nas subáreas: locomoção (OR ajustado 12,2) linguagem (OR ajustado 6,5) e autonomia (OR ajustado 7,2). A paralisia cerebral foi diagnosticada em 15,4% dos gémeos monocoriónicos e 4,1% de gestação unifetal(OR ajustado 4,2). Discussão: Este trabalho evidenciou taxa superior de alterações moderadas a graves do neurodesenvolvimento, incluindo a paralisia cerebral nos gémeos monocoriónicos em relação ao grupo de gestação unifetal. A análise por grupos estratificados em relação à idade

  7. [Congenital Anomalies Detected at Birth in Newborns of Adolescent Women].

    PubMed

    dos Reis, Leandro Valim; Araujo Júnior, Edward; Guazzelli, Cristina Aparecida Falbo; Cernach, Mirlene Cecilia Soares Pinho; Torloni, Maria Regina; Moron, Antonio Fernandes

    2015-01-01

    Introdução: Analisar a prevalência das anomalias congénitas, detetadas no nascimento, entre filhos de gestantes adolescentes, enfatizando os tipos mais comuns e a época do diagnóstico. Material e Métodos: Estudo retrospetivo do tipo censo, no qual foram analisados todos recém-nascidos, vivos ou mortos, com peso superior a 500 g, de mulheres que tiveram o parto no Hospital São Paulo num período de seis anos. Os produtos da conceção portadores de anomalias foram identificados no período pré-natal ou através do exame físico pós-natal, segundo os critérios do Estudo Colaborativo Latino-Americano das Malformações Congênitas. Os resultados são apresentados de forma descritiva através de valores absolutos e relativos, calcula-se a prevalência das anomalias e comparam-se os diferentes grupos recorrendo a testes não paramétricos. Resultados: Foram analisadas 6 257 gestações, das quais 577 resultaram em recém-nascidos com alguma anomalia congénita identificada no nascimento (prevalência de 9,2%). Do total de gestações, 907 eram de adolescentes (idade inferior a 20 anos), para as quais se verificou uma prevalência de anomalias nos recém-nascidos de 9,9%. Comparando os recém-nascidos de adolescentes com os das mulheres com idade superior a 20 anos, apenas se encontrou diferença estatisticamente significativa para a prevalência dos defeitos do tubo neural (p = 0,027). Discussão: Observamos uma alta taxa de partos em adolescentes, acima das taxas dos países desenvolvidos. Observamos também alta frequência de anomalias congénitas em recém-nascidos, provavelmente por sermos um serviço terciário de referência. A elevada prevalência dos defeitos do tubo neural entre grávidas jovens pode ser explicada pela não suplementação pré-concecional de ácido fólico em gravidezes não planeadas, como é característico nas adolescentes.Conclusão: A prevalência e momento do diagnóstico das anomalias congénitas em rec

  8. Effectiveness of psychosocial interventions in eating disorders: an overview of Cochrane systematic reviews.

    PubMed

    Costa, Marcelle Barrueco; Melnik, Tamara

    2016-01-01

    ão geral das evidências científicas sobre a efetividade das intervenções psicossociais no tratamento de transtornos alimentares. Foram incluídas todas as revisões sistemáticas publicadas no Banco de Dados de Revisões Sistemáticas da Cochrane Library. Posteriormente, a partir da data menos recente destas revisões (2001), realizou-se uma busca adicional no PubMed, com estratégia de busca sensibilizada e com os mesmos descritores utilizados antes. No total, foram incluídos 101 estudos primários e 30 revisões sistemáticas (5 revisões sistemáticas da Cochrane), metanálises, diretrizes ou revisões narrativas da literatura. Os principais desfechos foram remissão de sintomas, imagem corporal, distorção cognitiva, comorbidade psiquiátrica, funcionamento psicossocial e satisfação do paciente. A abordagem cognitivo-comportamental foi o tratamento mais efetivo, principalmente para bulimia nervosa, transtorno da compulsão alimentar periódica e síndrome do comer noturno. Para anorexia nervosa, a abordagem familiar demonstrou maior efetividade. Outras abordagens efetivas foram psicoterapia interpessoal, terapia comportamental dialética, terapia de apoio e manuais de autoajuda. Além disso, houve um número crescente de abordagens preventivas e promocionais que contemplaram fatores de risco individuais, familiares e sociais, sendo promissoras para o desenvolvimento da autoimagem positiva e autoeficácia. São necessários mais estudos que avaliem o impacto de abordagens multidisciplinares em todos transtornos alimentares, além da relação custo-efetividade de algumas modalidades efetivas, como a terapia cognitivo-comportamental.

  9. Impact of Compliance with a Sepsis Resuscitation Bundle in a Portuguese Emergency Department.

    PubMed

    Carvas, Joao Miguel; Canelas, Cátia; Montanha, Gustavo; Silva, Carlos; Esteves, Francisco

    2016-02-01

    Introdução: A sépsis severa e o choque sético são entidades clínicas frequentes com elevada morbi-mortalidade que superam os da doença cardíaca coronária ou do acidente vascular cerebral. A realidade da sépsis tratada no hospital fora das unidades de cuidados intensivos é amplamente desconhecida. Pretende-se neste trabalho estimar o cumprimento da bundle das 6-horas da Surviving Sepsis Campaign num serviço de urgência português e os resultados clínicos dos doentes. Material e Métodos: Estudo retrospetivo, observacional de coorte com 178 pacientes com sépsis severa/choque sético internados na unidade de cuidados intensivos e intermédios entre 1 de Janeiro de 2012 e 31 de Dezembro de 2012. Resultados: Durante o período estudado foi diagnosticado choque sético em 100 pacientes (56,2%) e sépsis severa em 78 pacientes (43,8%). O cumprimento com a bundle foi: (1) 62,9% para a medição de lactatos; (2) 62,9% para a colheita hemoculturas antes da antibioterapia; (3) 41,6% para a administração de antibióticos nas primeiras 3 horas; (4) 76,4% para a administração de fluidos; (5) 25% para a administração de vasopressores; (6) 37% for medição da pressão venosa central; (7) 39% para a medição da saturação venosa central de oxigénio. O cumprimento de todas as medidas foi observado em 22% dos pacientes. A medida 'colheita hemoculturas antes da antibioterapia' esteve significativamente associada a um menor risco de mortalidade na unidade de cuidados intensivos e aos 28 dias. Também se verificou uma tendência para uma correlação inversa entre cumprimento crescente da bundle e a mortalidade na unidade de cuidados intensivos e aos 28 dias. Discussão: A baixa adesão à bundle das 6-horas da Surviving Sepsis Campaign é um resultado que replica o de estudos internacionais semelhantes. A explicação para este fenómeno é complexa mas pode incluir a falta de monitorização da qualidade dos cuidados no serviço de urgência. Conclusões: O

  10. The Role of Haemoglobin A1c in Screening Obese Children and Adolescents for Glucose Intolerance and Type 2 Diabetes.

    PubMed

    Galhardo, Júlia; Shield, Julian

    2015-01-01

    Introdução: Em 2012, um comité internacional de peritos em diabetes aconselhou a hemoglobina glicada como teste de rastreio de intolerância à glicose e diabetes mellitus tipo 2 no adulto e em idade pediátrica. O objetivo deste estudo foi avaliar a utilidade deste exame numa população de crianças e adolescentes obesos, maioritariamente de etnia caucasiana.Material e Métodos: Foram recrutados 226 doentes [índice de massa corporal z-score 3,35 ± 0,59, 90% caucasianos, 55% do sexo feminino, idade mediana de 12,3 (âmbito: 8,9 â 17,6) anos] referenciados à consulta de obesidade pediátrica de um hospital terciário, com critérios para rastreio de diabetes mellitus tipo 2. Situações de hemoglobinopatia ou de alteração da sobrevida eritrocitária foram excluídas. Todos os indivíduos foram submetidos a uma prova de tolerância à glicose oral e à medição da hemoglobina glicada.Resultados: Segundo a prova de tolerância à glicose oral, 13 (4,9%) eram pré-diabéticos e nenhum diabético. De acordo com a hemoglobina glicada, 32 seriam pré-diabéticos (29 falsos-positivos) e um diabético (falso positivo, sendo este, na realidade, apenas intolerante à glicose). Por outro lado, 10 pré-diabéticos não seriam identificados (falsos-negativos). A área sob a curva receiver operator characteristic analysis da hemoglobina glicada foi 0,59 (IC 95% 0,40 - 0,78), confirmando a sua reduzida capacidade de discriminação parapré-diabetes. Mais promissoras foram as áreas sob as curvas receiver operator characteristic analysis da glicemia em jejum (0,76; IC 95% 0,66 - 0,87), homeostasis model assessment for insulin resistance (0,77; IC 95% 0,64 - 0,90) e razão triglicerídeos:colesterol HDL (0,81; IC 95% 0,66 - 0,96).Discussão: Em Pediatria, particularmente em populações maioritariamente caucasianas, a hemoglobina glicada parece ser uma má ferramenta para diagnóstico de pré-diabetes.Conclusão: Pelo exposto, parece-nos prematura a utilização da

  11. [Birth rate and fertility: knowledge and expectations analysis of 3585 university students].

    PubMed

    Machado, Maria do Céu; Alves, Maria Isabel; Couceiro, Luísa; Silva, Francisco Goiana da; Morais de Almeida, Miguel; Alves, Isa

    2014-01-01

    Introdução: Em Portugal, a taxa de natalidade não é suficiente para assegurar a renovação de gerações. A licenciatura e participação no mercado de trabalho das mulheres e a actual instabilidade económica são alguns determinantes e têm como consequência, o adiamento da parentalidade e infertilidade condicionada ainda pela obesidade, tabagismo e álcool.Material e Métodos: Estudo epidemiológico transversal, analítico, através de questionários auto-preenchidos, online, divulgados pelas Associações de estudantes das Universidades Portuguesas. A análise estatística da amostra de 3585 estudantes foi desenvolvida em SPSS, Excel nas representações gráficas e ArcMap, para os mapas.Resultados: Predomínio de estudantes de Ciências de Saúde (40,6%), da Universidade de Lisboa (59,4%) e sexo feminino (76,9%), mediana de idades de 22 anos; tabagismo 18,4%, consumo de álcool 22,3% e excesso de peso e obesidade 15,4%; intenção de casamento/união de facto 71,0%, projecto de parentalidade 85,7%; o emprego (47,4%) e a vontade do parceiro (39,9%) foram considerados determinantes na probabilidade de ter filhos assim como a segurança financeira para boa educação (33,6%) e cuidados de saúde (38,6%); 53,6% consideram a hipótese de infertilidade. Encontrámos valores mais elevados e significativos para o tabagismo (p = 0,001) e consumo de álcool (p = 0,000) no sexo masculino.Discussão: Consideramos a amostra representativa, bem distribuída pelas áreas de estudo, a maioria jovem, predomínio feminino superior aos rácios das faculdades. Há mais estudantes com projectos de parentalidade do que de casamento/união de facto, o que está de acordo com a evolução em Portugal. No entanto, os mesmos estudantes identificam a família como prioritária relativamente ao emprego e carreira. A decisão da parentalidade é condicionada pelas condições socioeconómicas mas um factor importante a considerar é uma baixa fertilidade biológica devida ao

  12. [Hospital Mortality in Parkinson's Disease: Retrospective Analysis in a Portuguese Tertiary Centre].

    PubMed

    Martins, Joana; Rua, Adriana; Vila Chã, Nuno

    2016-05-01

    Introdução: A doença de Parkinson está associada a elevada mortalidade hospitalar. O sexo masculino, o início tardio da doença, o grau de incapacidade e a coexistência de deterioração cognitiva ou de depressão têm sido apontados como fatores de risco. A pneumonia e as doenças cardiovasculares são as principais causas de morte. Objetivo: Explorar a mortalidade hospitalar (motivo de internamento e de óbito) dos doentes com doença de Parkinson num hospital terciário, assim como as características demográficas e clínicas. Material e Métodos: Identificação das admissões hospitalares dos doentes com o diagnóstico de doença de Parkinson entre 2008 e 2014 e seleção dos doentes falecidos. Revisão retrospetiva dos processos clínicos e inclusão dos doentes com doença confirmada clinicamente por um neurologista. Avaliação das causas de óbito, características demográficas e clínicas. Resultados: Identificámos 1 525 admissões hospitalares de doentes com diagnóstico de doença de Parkinson, das quais 150 resultaram em óbito. Destes, 52 cumpriam critérios de inclusão. A idade média do início dos sintomas de doença foi 66,8 anos (± 8,7) e a duração média da doença foi 12,5 anos (± 7,9). Sessenta e cinco por cento dos doentes encontravam-se no estádio 4-5 na escala de Hoehn e Yahr. Trinta e três doentes (63%) apresentavam demência e onze depressão. As infeções foram a principal causa de morte (respiratória em 63% dos casos). Discussão: Ã semelhança da literatura, a pneumonia foi a principal causa de morte hospitalar e a maioria dos doentes apresentava estádio avançado de doença e demência. Contrastando com outros estudos, não se verificou diminuição da esperança média de vida e as doenças cardiovasculares e o traumatismo não foram causas de morte na nossa população. Conclusões: Apresentamos o primeiro estudo português de mortalidade na doença de Parkinson. A pneumonia é a principal causa de morte

  13. Invasive Meningococcal Disease: Application of Base Excess and Platelets Score in a Portuguese Paediatric Intensive Care Unit.

    PubMed

    Martins, Luis; Mação, Patrícia; Pinto, Carla; Dionísio, Teresa; Dias, Andrea; Dinis, Alexandra; Carvalho, Leonor; Neves, José Farela

    2015-01-01

    Introdução: A infeção meningocócica tem uma elevada mortalidade e morbilidade. Recentemente foi desenvolvido um score de prognóstico para a doença meningocócica invasiva em idade pediátrica, baseado na contagem plaquetar e no excesso de base - o Base Excess and Platelets Score. O objetivo principal desde estudo foi avaliar a precisão prognóstica do Base Excess and Platelets Score em doentes admitidos em cuidados intensivos pediátricos por doença meningocócica invasiva.Material e Métodos: Estudo observacional, com colheita de dados retrospetiva, que incluiu um período de 13,5 anos (01/2000 a 06/2013). Foram analisados: mortalidade por doença meningocócica invasiva e fatores associados (disfunção de órgão e falência multi-órgão). Foi calculado o Base Excess and Platelets Score de forma retrospetiva, para avaliar a sua precisão na predição da mortalidade e foi comparado com o Paediatric Risk of Mortality e Paediatric Index of Mortality2.Resultados: Foram admitidas 76 crianças com doença meningocócica invasiva. O tipo de disfunção mais frequente foi a cardiovascular (92%), seguida da hematológica (55%). Cumpriram critérios de falência multi-órgão 47 doentes (62%). A mortalidade global foi de 16%. A disfunção neurológica e a renal foram as que apresentaram uma maior associação com a mortalidade, odds ratio ajustado 315 (26 - 3 804) e 155 (20 - 1 299). Após aplicação das curvas receiver operating characteristic, o Base Excess and Platelets Score tinha umaarea under curve de 0,81, o Paediatric Index of Mortality2 de 0,91 e o Paediatric Risk of Mortality de 0,96.Discussão: O Base Excess and Platelets Score apresentou uma boa precisão apesar de não tão elevada como o Paediatric Index of Mortality2 ou o Paediatric Risk of Mortality.Conclusões: O Base Excess and Platelets Score pode ser útil como indicador prognóstico na doença meningocócica invasiva, por apresentar uma elevada sensibilidade e especificidade e ser

  14. Coerência espectroscópica de famílias de asteróides

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Mothé Diniz, T.; Roig, F. V.

    2003-08-01

    As Famílias de asteróides são caracterizadas como agrupamentos de objetos provenientes da quebra por colisão de corpos precursores. Desta forma, seus membros devem preservar relações genéticas que podem ser traduzidas sob a análise de suas características espectrais. Neste trabalho é apresentado o primeiro estudo espectroscópico de todas as famílias de asteróides do cinturão principal. Para tal, a divisão em famílias foi refeita utilizando-se o método HCM com uma base de elementos próprios analíticos (Knezevic e Milani, Jun 2001) e para o estudo espectroscópico foram utilizadas diversas campanhas de observação espectroscópica, tais o S3OS2 e o SMASSII, bem como outros dados disponíveis na literatura. A homogeneidade espectroscópica de cada família foi avaliada através da verificação das classes espectroscópicas presentes, bem como da comparação destes espectros com os de objetos de fundo, localizados na vizinhança da família. Vinte e duas famílias foram analisadas (as que possuíam mais do que 3 membros com espectro) e, dentre as principais conclusões pode-se citar a homogeneidade espectroscópica e, provavelmente mineralógica das famílias de Vesta, Eunomia, Hoffmeister, Dora, Merxia, Agnia, Koronis e Veritas. Esta última em particular, foi tida como uma família não homogênea espectroscopicamente em trabalho anterior (Di Martino et al. 1997). Outro resultado interessante é, por um lado, a aparente falta de homogeneidade dos membros da família de Eos, e por outro sua forte distinção dos objetos de fundo. O oposto ocorre na família de Themis, esta apresentando-se espectroscopicamente compatível com os objetos de fundo, mas com grande homogeneidade taxonômica entre seus membros. Algumas das famílias apresentam asteróides "intrusos" (objetos cujas características físicas não são compatíveis com aquelas dos membros da família) que, de modo geral desaparecem ao se considerarem níveis mais baixos de corte para a

  15. [Alcohol consumption in the schooled youth: an old question revisited].

    PubMed

    Marques, Marilia; Viveiro, Carolina; Passadouro, Rui

    2013-01-01

    Introdução: É principalmente na adolescência que os jovens procuram novas experiências. O consumo de álcool surge neste contexto como uma atitude banalizada e, por vezes, até incitada socialmente, já que o acesso a bebidas alcoólicas é facilitado. Associa-se a comportamentos de risco, com consequências sérias do ponto de vista de saúde pública. O nosso objectivo é caracterizar os padrões de consumo de álcool numa amostra de adolescentes residentes no distrito de Leiria. Material e Métodos: Estudo transversal, descritivo, através de um questionário anónimo aplicado em alunos do distrito de Leiria. Resultados: A amostra final foi de 405 indivíduos, 56% do sexo feminino, com idade média de 16,5 ± 1 anos (15 - 18 anos). A maioria (48%) frequentava o 10º ano, 15,4% reprovaram pelo menos uma vez. Noventa por cento dos inquiridos afirmaram ter experimentado bebidas alcoólicas pelo menos uma vez. O primeiro contacto com o álcool ocorreu preferencialmente com amigos (63%), na maioria dos casos por curiosidade (47%). Os resultados apontaram para maiores índices de consumo de cerveja e maior insucesso escolar no género masculino, comparativamente ao género feminino, que apresentava um maior consumo de bebidas brancas. Em ambos os sexos verificou-se uma tendência para o binge drinking. A maioria dos inquiridos (60%) consumia 2 a 3 copos por ocasião mas cerca de 30% dos rapazes afirmaram consumir mais de quatro copos por ocasião (7% até ficarem embriagados), tendência que não se verificou nas raparigas. A maioria dos consumos efectuou-se nos bares e discotecas (60%). Constatou-se que 41% dos inquiridos saíam à noite, e 70% ingeriam bebidas alcoólicas; 66% começaram a sair à noite entre os 13 e os 15 anos de idade e 9% já tinham experimentado drogas pelo menos uma vez. Os jovens estão mal informados quanto ao consumo do álcool: 20% achavam que as bebidas alcoólicas podem matar a sede, 34% acreditavam que abrem o apetite, 15

  16. Evolução rotacional de corpos reacumulados

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Penteado, P.; Lazzaro, D.; Roig, F.; Duffard, R.; Kodama, T.

    2003-08-01

    Asteróides reacumulados (rubble-piles) são corpos formados por um conjunto de fragmentos agregados primariamente pela sua gravidade. A importância do estudo de corpos reacumulados para a compreensão da evolução do Cinturão de Asteróides tem sido bastante evidenciada, não apenas pela constatação de que estes devem corresponder a uma grande parcela da população de asteróides, mas também por recentes estudos da estrutura e evolução colisional deste tipo de asteróide. A evolução rotacional de corpos reacumulados e a formação de famílias têm sido estudadas pelo nosso grupo, com base no modelo de elipsóides interagentes. Este modelo foi desenvolvido recentemente pelo grupo, e baseia-se na integração numérica das equações de movimento para translação e rotação de corpos formados por um conjunto de elipsóides que interagem entre si pela sua gravidade, força de contato e dissipação de energia por atrito. Considerar a rotação de cada fragmento é a principal diferenciação do nosso modelo em relação aos que têm sido desenvolvidos recentemente. Apresentamos aqui os resultados obtidos para a evolução da rotação de populações de corpos reacumulados. Estes foram submetidos a séries de colisões com projéteis de altas velocidades (5Km/s, típicas do Cinturão atual), distribuídos em uma lei de potências de tamanhos. Estes resultados são comparados com os de Harris (1979), um dos poucos trabalhos analíticos existentes para evolução rotacional de asteróides. O principal resultado obtido por Harris foi a distribuição final de velocidades de rotação como uma lei de potências para corpos pequenos, passando de forma bem definida para rotação constante para os grandes. Nas nossas simulações observamos que as distribuições de velocidades de rotação resultantes tendem a leis de potência, com a inclinação evoluindo no decorrer de colisões subsequentes.

  17. [Neuroimaging and Blood Biomarkers in Functional Prognosis after Stroke].

    PubMed

    Branco, João Paulo; Costa, Joana Santos; Sargento-Freitas, João; Oliveira, Sandra; Mendes, Bruno; Laíns, Jorge; Pinheiro, João

    2016-11-01

    ão: Apesar de alguns biomarcadores e técnicas de neuroimagem revelarem capacidade preditiva, nenhum dos estudos com estas metodologias, isoladamente ou em associação, é capaz de sustentar a validação de um potencial modelo clínico preditivo de funcionalidade, revelando-se assim insuficientes na determinação precisa, nas primeiras horas após o acidente vascular cerebral, do prognóstico funcional aos três meses. Considera-se que são necessários mais estudos nesta área para o seu esclarecimento.

  18. Detection and Intervention Strategies by Primary Health Care Professionals in Suspected Elder Abuse.

    PubMed

    Ferreira, Mafalda; dos Santos, César Lares; Vieira, Duarte Nuno

    2015-01-01

    Introdução: Os profissionais dos cuidados de saúde primários encontram-se numa posição privilegiada para identificarem e orientarem casos de maus-tratos de idosos. Este estudo investigou o enquadramento destes profissionais nesta matéria. Material e Métodos: Elaborou-se um questionário posteriormente aplicado a Médicos e enfermeiros de 12 Unidades de Saúde de Coimbra. Estudaram-se par'metros relacionados com aspetos demográficos, perceção do abuso e estratégias de atuação, experiência pessoal e formação nesta área. Resultados: A taxa global de resposta foi de 67,9% com 127 questionários validados. Dos resultados obtidos destacam-se seguintes: verificou-se um contacto substancial entre os profissionais e a população idosa; a maioria dos profissionais (64,6%) consideram o abuso mais prevalente em contexto familiar e 32,3% indicaram a negligência como a forma mais frequente; 97,6% dos profissionais considera que tem um papel importante na deteção de casos de abuso; a incerteza no diagnóstico foi um dos principais fatores limitadores da denúncia; verificou-se incerteza a obrigatoriedade de reportar os casos às autoridades judiciais. Ainda se constatou que 87,4% destes profissionais se sentiriam mais confortáveis com protocolos de atuação e que esta problemática não havia sido abordada na sua formação básica em 70,9% dos casos. Discussão: O contato significativo entre a população idosa e os profissionais de saúde propicia o diagnóstico e intervenção precoces. Os profissionais revelaram conhecimentos sobre o tema em linha com os indicados por alguns estudos, nomeadamente, sobre o contexto e prevalência do abuso. A subsistência de dúvidas relativamente à melhor forma para gerir estes casos e conciliar as diferentes perspetivas poderia ser colmatado, na opinião veiculada pelos próprios, pela definição de protocolos de atuação e a formação específica deverá ser considerada como um dos pilares fundamentais para

  19. Off-Label and Unlicensed Drug Use in Neonatology: Reality in a Portuguese University Hospital.

    PubMed

    Silva, Joana; Flor-de-Lima, Filipa; Soares, Henrique; Guimarães, Hercília

    2015-01-01

    Introdução: Este estudo pretende caracterizar os medicamentos usados numa Unidade de Cuidados Intensivos Neonatais portuguesa, avaliar a frequência do uso de fármacos off-label ou não licenciados de acordo com a informação disponível no Resumo das Caraterísticas do Medicamento e comparar resultados entre recém-nascidos prematuros e de termo.Material e Métodos: Um estudo retrospetivo transversal foi conduzido na nossa Unidade de Cuidados Intensivos Neonatais no primeiro semestre de 2013. Os dados das prescrições realizadas foram comparados com a informação pediátrica contida nos Resumos das Caraterísticas do Medicamento.Resultados: Analisámos 1011 prescrições respeitantes a 84 substâncias ativas, feitas em 218 admissões. Em 42,9% dos casos, os fármacos foram usados de acordo com a informação do Resumo das Caraterísticas do Medicamento; 27,9% dos fármacos eram aprovados para o período neonatal mas usados de forma off-label; medicamentos off-label para a idade neonatal foram usados em 10,1%, enquanto aqueles com estado de aprovação indeterminado ou contraindicados foram usados em 6,0% e 8,7% dos casos, respetivamente. As prescrições não licenciadas representaram 4,4% do total. Os recém-nascidos pré-termo receberam uma taxa superiorde fármacos usados de acordo com o Resumo das Caraterísticas do Medicamento (p < 0,0001), enquanto os de termo receberam mais fármacos off-label para dose/frequência (p < 0,0001) e contraindicados para recém-nascidos (p < 0,012).Discussão: Os prematuros receberam um número mediano de fármacos superior, o que se relaciona com o seu internamento mais prolongado. A principal razão para prescrições off-label foi a utilização de doses/frequências de administração diferentes das referidas no Resumo das Caraterísticas do Medicamento, reforçando a necessidade de atualização destes documentos. A manipulação dosmedicamentos é uma das causas para o seu uso não licenciado, enfatizando a falta de

  20. Acute Ischemic Stroke on Cancer Patients, a Distinct Etiology? A Case-Control Study.

    PubMed

    Carrilho Romeiro, Ana; Valadas, Anabela; Marques, José

    2015-01-01

    Introdução: Actualmente ainda não se encontra claramente definido se a etiologia do acidente vascular cerebral isquémico agudo difere entre doentes com e sem cancro. O acidente vascular cerebral isquémico e o cancro apresentam factores de risco comuns. No entanto, a literatura sugere que os doentes com cancro apresentam condições específicas que aumentam o risco de acidente vascular cerebral. O nosso objectivo foi comparar a etiologia do acidente vascular cerebral isquémico entre doentes com cancro e sem cancro. Material e Métodos: Estudo de caso-controlo realizado em doentes internados numa Unidade de acidente vascular cerebral entre Janeiro de 2007 e Dezembro de 2012. Os casos foram definidos como doentes com o diagnóstico concomitante de acidente vascular cerebral isquémico agudo e cancro; os controlos apenas com o diagnóstico de acidente vascular cerebral. Foram comparados entre os grupos: idade, género, factores de risco vasculares e etiologia do acidente vascular cerebral. Resultados: Foram identificados 56 casos, 64,3% do género masculino, com idade média de 71 anos; 21 doentes apresentavam doença neoplásica activa. O cancro gastrointestinal (25,9%) foi o mais frequente. Foram incluídos 151 controlos, emparelhados para a idade e género. A comparação dos factores de risco vasculares entre casos e controlos não revelou diferenças estatisticamente significativas, excepto para a diabetes mellitus, mais frequente no grupo de controlo (16,1% vs 33,8%, p = 0,02). A presença de história de eventos trombóticos prévios foi mais frequente na coorte de doentes com doença neoplásica (8,9% vs 0,7%, p = 0,007). O subtipo de etiologia do acidente vascular cerebral (classificação TOAST) âoutra etiologiaâ foi mais frequente nos doentes com cancro (13,04% vs 0,83%, p < 0,01), e a presença de um estado pró-trombótico foi mais frequente nos doentes com neoplasia activa.Discussão: Os resultados obtidos no nosso estudo permitiram definir dois

  1. Pulmonary Embolism in Ambulatory Oncologic Patients.

    PubMed

    Silva, Patrícia; Rosales, Maria; Milheiro, Maria João; Santos, Luísa L

    2015-01-01

    Introdução: A associação entre a doença oncológica e a doença tromboembólica venosa é conhecida. O doente oncológico apresenta um risco de evento trombótico seis a sete vezes superior à população em geral. O tromboembolismo pulmonar é uma importante causa de morbilidade e mortalidade neste grupo de doentes, encontrando-se a sua prevalência subestimada. Material e Métodos: Estudo retrospetivo de todos os episódios de tromboembolismo pulmonar referenciados num período de cinco anos. Selecionaram-se os doentes oncológicos em regime de ambulatório, tendo sido revistos os dados demográficos, fatores de risco, presença de sintomatologia ao diagnóstico, estratificação de risco de doença tromboembólica venosa pelo modelo de Khorana, probabilidade de mortalidade aos 30 dias e sobrevivência global. O trabalho elaborado está de acordo com a declaração de Helsínquia. Resultados: Avaliaram-se 186 doentes, 55,9% do sexo feminino, mediana de idade de 64 anos. As neoplasias mais prevalentes foram a colo-rectal (24,2%) e a pulmonar (17,7%), sendo que a maioria apresentava metástases (66,1%) ou realizaram quimioterapia (69,4%). O tromboembolismo pulmonar foi um achado imagiológico em 69,4%, sendo que nenhum dado clínico analisado no nosso estudo mostrou ter significado estatístico na apresentação de tromboembolismo pulmonar com sintomatologia clínica evidente. Observou-se uma mortalidade aos 30 dias resultante do tromboembolismo pulmonar de 7,5%, tendo-se verificado que os doentes sintomáticos apresentaram uma sobrevivência média inferior relativamente aos assintomáticos (12 vs. 20 meses; p = 0,029). A aplicação retrospetiva do modelo preditivo de Khorana para doença tromboembólica venosa nos doentes sob quimioterapia permitiu identificar 11% dos indivíduos em alto risco. Discussão: O tromboembolismo pulmonar foi um achado imagiológico na maioria dos doentes, sendo que nenhuma variável clínica se associou à presença ou aus

  2. [Carotid atherosclerosis and white matter hypodensities: a controversial relationship].

    PubMed

    Félix-Morais, Ricardo; Sargento-Freitas, João; Silva, Fernando; Cordeiro, Gustavo; Nunes, César; Ribeiro, Joana; Cordeiro, Miguel; Moura, Cristina; Cunha, Luis

    2014-01-01

    Introdução: As hipodensidades da substância branca de provável etiologia vascular, são uma causa importante de morbilidade, condicionando deterioração cognitiva. No entanto, numerosas dúvidas persistem quanto à sua fisiopatologia. O objectivo deste estudo é clarificar o papel da aterosclerose carotídea e outros factores de risco vascular no desenvolvimento das hipodensidades da substância branca de provável etiologia vascular.Material e Métodos: Realizou-se uma avaliação imagiológica, por tomografia computadorizada crânio-encefálica e ecografia carotídea, com menos de um mês de intervalo. Procedeu-se à recolha de informação sobre os factores de risco vascular. Determinámos associações independentes entre hipodensidades da substância branca de provável etiologia vascular, espessura da íntima média carotídea, estenose carotídea ateromatosa e factores de risco vascular.Resultados: Foram incluídos 472 doentes, idade média de 67,32 (DP: 14.75), 274 (58,1%) sexo masculino. Os preditores independentes da hipodensidades da substância branca de provável etiologia vascular foram: idade (OR: 1,067, 95% IC: 1,049 – 1,086, p < 0,001) e a hipertensão (OR: 1,726, 95% IC: 1,097 – 2,715, p = 0,018). Não foi encontrada uma associação entre a espessura da intima média carotídea (OR: 2,613, 95% IC: 0,886 – 7,708, p = 0,082) ou grau de estenose carotídea (OR: 1,021, 95% IC: 0,785 – 1,328, p = 0,877) e hipodensidades da substância branca de provável etiologia vascular.Discussão: Dos diversos factores de risco analisados, apenas a idade e hipertensão se associaram de forma independente às hipodensidades da substância branca de provável etiologia vascular. Não foi encontrada uma relação entre a aterosclerose extracraniana, expressa pela espessura do complexo intima-média ou grau de estenose, com o desenvolvimento de hipodensidades da substância branca de provável etiologia vascular. Sendo a aterosclerose um fen

  3. [Long-term home oxygen therapy in children: evidences and open issues].

    PubMed

    Oliveira, Lia; Coelho, Joana; Ferreira, Rosário; Nunes, Teresa; Saianda, Ana; Pereira, Luisa; Bandeira, Teresa

    2014-01-01

    IntroduçÉo: Oxigenoterapia domiciliária de longa duraçÉo está indicada em doentes com hipoxémia crónica. Pretendemos descrever a populaçÉo em programa de oxigenoterapia domiciliária de longa duraçÉo acompanhada numa Unidade de Pneumologia Pediátrica de Hospital Terciário entre 2003-2012 e comparar com revisÉo de 1991-2000; verificar conformidade com orientações nacionais e internacionais, refletindo sobre necessidade de orientações nacionais especificamente pediátricas, inexistentes em Portugal.Material e Métodos: Estudo retrospetivo, descritivo e comparativo por consulta de processo clínico. Pesquisa de orientações sobre oxigenoterapia em idade pediátrica.Resultados: Incluímos 86 doentes (59,3% rapazes). A idade mediana de início da oxigenoterapia foi 0,0 (0,0-216,0) meses e a duraçÉo mediana de 15,0 (3,0-223,0) meses. O diagnóstico mais frequente foi displasia broncopulmonar (53,5%), seguindo-se bronquiolite obliterante (14,0%), doença neurológica (10,5%), fibrose quística (8,1%), síndromes polimalformativas (5,8%), doença de células falciformes (3,5%), outras doenças pulmonares neonatais (2,3%) e doenças pulmonares intersticiais (2,3%). Mantêm acompanhamento 53 (61,6%) doentes, 38 mantendo oxigenoterapia; 12 (13,9%) faleceram. O tempo mediano de seguimento foi 39,5 (1,0-246,0) meses, mínimo nas outras doenças pulmonares neonatais e máximo na fibrose quística. Comparativamente ao estudo anterior revela aumento relativo dos lactentes com bronquiolite obliterante e displasia broncopulmonar, aumento da duraçÉo nestes últimos e inclusÉode doentes neurológicos e hematológicos.DiscussÉo: A prescriçÉo de oxigenoterapia domiciliária de longa duraçÉo em pediatria ocorre sobretudo em doenças específicas dos lactentes e idade pré-escolar. Doentes neurológicos e hematológicos sÉo novos grupos de prescriçÉo, à semelhança da literatura internacional.ConclusÉo: O conhecimento da realidade nacional e orienta

  4. [Fractional exhaled nitric oxide in monitoring and therapeutic management of asthma].

    PubMed

    Melo, Bruno; Costa, Patrício; Afonso, Ariana; Machado, Vânia; Moreira, Carla; Gonçalves, Augusta; Gonçalves, Jean-Pierre

    2014-01-01

    Introdução: A asma é uma doença respiratória crónica caracterizada pela hiper-reactividade e inflamação brônquica. A inflamação brônquica destes doentes pode ser monitorizada através da medição da fração exalada de óxido nítrico. Este estudo tem por objetivo determinar a associação do valor da fração exalada de óxido nítrico com o débito expiratório máximo instantâneo e com o controlo da asma determinado pela Classificação da Iniciativa Global para a Asma.Material e Métodos: Estudo observacional, analítico e transversal de crianças com asma, 6-12 anos, seguidas na Consulta Externa de Patologia Respiratória do Hospital de Braga. Informação sociodemográfica e clínica colhida através de um questionário. Determinado o valor da fração exalada de óxido nítrico, através do analisador portátil Niox Mino®, e do débito expiratório máximo instantâneo,através do debitómetro.Resultados: A amostra é constituída por 101 crianças asmáticas, 63 (62,4%) do sexo masculino e 38 (37,6%) do sexo feminino. A idade média dos participantes na amostra é de 9,18 (1,99) anos. A regressão logística, realizada com o valor de cutoff obtido pela curva de ROC, revelou que a fração exalada de óxido nítrico tem um efeito estatisticamente significativo (bNíveis do FENO = 0,85; χ2Wald (1) = 8,71; OR = 2,33; p = 0,003) sobre a probabilidade de mudar de nível de controlo da asma. Por cada nível de fração exalada de óxido nítrico incrementado o odds de passar a não controlada é 2,33 vezes superior.Discussão e Conclusão: A probabilidade de uma criança asmática mudar o seu nível de controlo da asma, de ‘controlada’ para ‘parcialmente controlada/não controlada’, tendo em consideração uma alteração no seu nível da fração exalada de óxido nítrico, aumenta 133%.

  5. [Obesity: Paradigm of Endothelial Dysfunction in Paediatric Age Groups].

    PubMed

    Pires, António; Castela, Eduardo; Sena, Cristina; Seiça, Raquel

    2015-01-01

    Introdução: A obesidade é considerada pela Organização Mundial de Saúde como uma epidemia global sendo considerada um factor de risco cardiovascular independente.Material e Métodos: Estima-se que cerca de 10% da população pediátrica mundial apresente excesso de peso ou obesidade e que cerca de 40% sejam obesas na vida adulta. A obesidade caracteriza-se por um processo pró-inflamatório crónico que resulta na lesão do endotélio. O resultante desequilíbrio na produção de mediadores que normalmente regulam a homeostasia vascular, particularmente a biodisponibilidade do óxido nítrico, favorece um ambiente pró-aterosclerótico propício ao desenvolvimento da doença cardiovascular.Resultados: Estudos anátomo-patológicos em crianças com excesso de peso ou obesidade evidenciam lesões do endotélio que se traduzem nos precursores da lesão aterosclerótica.Discussão: A disfunção endotelial é a manifestação mais precoce da lesão aterosclerótica. Estas alterações evidenciam-se precocemente em crianças obesas, contribuindo para a doença cardiovascular no adulto.Conclusão: As repercussões clínicas destas alterações raramente se manifestam em idade pediátrica, sendo detectadas apenas através de biomarcadores, alterações morfológicas dos vasos ou modificações do tónus arterial periférico.

  6. IDD-BRASIL: Implementation and Progress

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Chagas, G. O.; Almeida, W. G.; Yoksas, T.; Cutrim, E. M.; Garrana, D.

    2007-05-01

    In response to the academic meteorological community's demand for real-time weather data, and access to datasets not readily available, the Unidata Program of the University Corporation for Atmospheric Research (UCAR) developed the Internet Data Distribution, IDD system. With a modest beginning in the early 1990's, IDD has grown to become the leading Internet2 advanced-application by delivering over 20 terabytes of data per week to over 160 institutions in the US and around the world. Meteorological and related real-time data, model output, and a vast amount of experimental products are delivered at no cost to the Unidata participating institutions. In 2004, through a collaboration among three leading universities and research centers in Brazil, the Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC/INPE), the Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), and the Universidade de São Paulo (USP), the Unidata IDD has expanded into Brazil creating a data sharing peer, the IDD-Brasil. Throughout a series of outreach initiatives, the IDD-Brasil is extending its reach, providing data to universities in Argentina, Chile, Africa and Portugal. By lowering the barrier between distant institutions, participants are now cooperating and sharing many datasets that were not generally available outside their organizations. Future plans include the deployment of a new data-relay node in cooperation with Universidade de Aveiro, Portugal in order to provide a local source of data for institutions in Portugal and Africa, and the distribution of products derived from the GOES-10 satellite, which covers mainly South America, through IDD in real-time. Jointly, the IDD and IDD-Brasil are fostering new collaborations among universities, WMO Regional Meteorological Training Centers, and national meteorological agencies, empowering the Atmospheric Sciences across several countries.

  7. The Diet of Preschool Children in the Mediterranean Countries of the European Union: A Systematic Review.

    PubMed

    Pereira-da-Silva, Luís; Rêgo, Carla; Pietrobelli, Angelo

    2016-06-08

    This systematic review discusses data on the dietary intake of preschool children living in the Mediterranean countries of the European Union, including the comparison with a Mediterranean-like diet and the association with nutritional status. Specifically, data from the multinational European Identification and Prevention on Dietary and life style induced health effects in children and infants (IDEFICS) study and national studies, such as the Estudo do Padrão Alimentar e de Crescimento Infantil (EPACI) study and Geração XXI cohort in Portugal, ALimentando la SAlud del MAñana (ALSALMA) study in Spain, Étude des Déterminants pré-et postnatals précoces du développement et de la santé de l'ENfant (EDEN) cohort in France, Nutrintake 636 study in Italy, and Growth, Exercise and Nutrition Epidemiological Study in preSchoolers (GENESIS) cohort in Greece, were analyzed. In the majority of countries, young children consumed fruit and vegetables quite frequently, but also consumed sugared beverages and snacks. High energy and high protein intakes mainly from dairy products were found in the majority of countries. The majority of children also consumed excessive sodium intake. Early high prevalence of overweight and obesity was found, and both early consumption of energy-dense foods and overweight seemed to track across toddler and preschool ages. Most children living in the analyzed countries showed low adherence to a Mediterranean-like diet, which in turn was associated with being overweight/obese. Unhealthier diets were associated with lower maternal educational level and parental unemployment. Programs promoting adherence of young children to the traditional Mediterranean diet should be part of a multi-intervention strategy for the prevention and treatment of pediatric overweight and obesity.

  8. Gradientes de abundâncias em galáxias espirais

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Dors, O. L.., Jr.; Copetti, M. V. F.

    2003-08-01

    Gradientes de abundâncias obtidos através de observações de regiões H II têm um papel importante no estudo de formação e evolução de galáxias espirais. Determinações diretas de abundâncias somente são obtidas quando linhas de emissão sensíveis à temperatura eletrônica (e.g., [O III]l4363) são detectadas. Infelizmente estas linhas são fracas ou não observadas em regiões H II de baixa excitação. Nestes casos métodos empíricos são utilizados para estimar as abundâncias químicas. Entretanto, diferentes métodos têm produzido diferentes estimativas de gradientes de abundâncias. Neste trabalho, nós construímos modelos de fotoionização com o objetivo de descrever diagramas de diagnósticos construídos com dados publicados de algumas galáxias espirais normais e barradas. Comparações entre nossas estimativas de abundâncias e de outros métodos mostram que quando não há acordo entre eles, nossos modelos superestimam as abundâncias de O/H e N/H por um fator de 0.3 dex em relação a estimativas diretas de abundâncias, e por fator de 0.2 dex em relação a outros métodos empíricos. A origem da produção de nitrogênio nas galáxias estudadas é discutida.

  9. Hydro-meteorological extreme events in the 18th century in Portugal

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Fragoso, Marcelo; João Alcoforado, Maria; Taborda, João Paulo

    2013-04-01

    The present work is carried out in the frame of the KLIMHIST PROJECT ("Reconstruction and model simulations of past climate in Portugal using documentary and early instrumental sources, 17th-19th century)", and is devoted to the study of hydro-meteorological extreme events during the last 350 years, in order to understand how they have changed in time and compare them with current analogues. More specifically, the results selected to this presentation will focus on some hydro-meteorological extreme events of the 18th century, like severe droughts, heavy precipitation episodes and windstorms. One of the most noteworthy events was the winterstorm Bárbara (3rd to 6th December 1739), already studied in prior investigations (Taborda et al, 2004; Pfister et al, 2010), a devastating storm with strong impacts in Portugal caused by violent winds and heavy rainfall. Several other extreme events were detected by searching different documentary archives, including individual, administrative and ecclesiastic sources. Moreover, a more detailed insight to the 1783-1787 period will be made with regard the Lisbon region, taking into consideration the availability of information for daily meteorological observations as well as documentary evidences, like descriptions from Gazeta de Lisboa, the periodic with more continuous publication in the 18thcentury. Key-words: Instrumental data, Documentary data, Extreme events, Klimhist Project, Portugal References Pfister, C., Garnier, E., Alcoforado, M.J., Wheeler, D. Luterbacher, J. Nunes, M.F., Taborda, J.P. (2010) The meteorological framework and the cultural memory of three severe winter-storms in early eighteenth-century Europe, Climatic Change, 101, 1-2, 281-310 Taborda, JP; Alcoforado, MJ and Garcia, JC (2004) O Clima do Sul de Portugal no Séc.XVIII, Centro de Estudos Geográficos, Área de de Investigação de Geo-Ecologia, relatório no 2

  10. Recent transmission of drug-resistant Mycobacterium tuberculosis in a prison population in southern Brazil.

    PubMed

    Reis, Ana Julia; David, Simone Maria Martini de; Nunes, Luciana de Souza; Valim, Andreia Rosane de Moura; Possuelo, Lia Gonçalves

    2016-01-01

    We conducted a cross-sectional, retrospective study, characterized by classical and molecular epidemiology, involving M. tuberculosis isolates from a regional prison in southern Brazil. Between January of 2011 and August of 2014, 379 prisoners underwent sputum smear microscopy and culture; 53 (13.9%) were diagnosed with active tuberculosis. Of those, 8 (22.9%) presented with isoniazid-resistant tuberculosis. Strain genotyping was carried out by 15-locus mycobacterial interspersed repetitive unit-variable-number tandem-repeat analysis; 68.6% of the patients were distributed into five clusters, and 87.5% of the resistant cases were in the same cluster. The frequency of drug-resistant tuberculosis cases and the rate of recent transmission were high. Our data suggest the need to implement an effective tuberculosis control program within the prison system. RESUMO Estudo transversal, retrospectivo, com isolados de M. tuberculosis de pacientes de um presídio regional no sul do Brasil, caracterizado através de epidemiologia clássica e molecular. Entre janeiro de 2011 e agosto de 2014, 379 detentos foram submetidos a baciloscopia e cultura, sendo 53 (13,9%) diagnosticados com tuberculose ativa. Desses, 8 (22,9%) apresentavam tuberculose resistente a isoniazida. A genotipagem das cepas foi realizada por 15-locus mycobacterial interspersed repetitive units-variable number of tandem repeat analysis; 68,6% dos pacientes estavam distribuídos em cinco clusters, e 87,5% dos casos resistentes estavam em um mesmo cluster. Verificou-se uma frequência elevada de casos de resistência e alta taxa de transmissão recente. Estes dados sugerem a necessidade da implantação de um programa efetivo de controle da tuberculose no sistema prisional.

  11. The Diet of Preschool Children in the Mediterranean Countries of the European Union: A Systematic Review

    PubMed Central

    Pereira-da-Silva, Luís; Rêgo, Carla; Pietrobelli, Angelo

    2016-01-01

    This systematic review discusses data on the dietary intake of preschool children living in the Mediterranean countries of the European Union, including the comparison with a Mediterranean-like diet and the association with nutritional status. Specifically, data from the multinational European Identification and Prevention on Dietary and life style induced health effects in children and infants (IDEFICS) study and national studies, such as the Estudo do Padrão Alimentar e de Crescimento Infantil (EPACI) study and Geração XXI cohort in Portugal, ALimentando la SAlud del MAñana (ALSALMA) study in Spain, Étude des Déterminants pré-et postnatals précoces du développement et de la santé de l’ENfant (EDEN) cohort in France, Nutrintake 636 study in Italy, and Growth, Exercise and Nutrition Epidemiological Study in preSchoolers (GENESIS) cohort in Greece, were analyzed. In the majority of countries, young children consumed fruit and vegetables quite frequently, but also consumed sugared beverages and snacks. High energy and high protein intakes mainly from dairy products were found in the majority of countries. The majority of children also consumed excessive sodium intake. Early high prevalence of overweight and obesity was found, and both early consumption of energy-dense foods and overweight seemed to track across toddler and preschool ages. Most children living in the analyzed countries showed low adherence to a Mediterranean-like diet, which in turn was associated with being overweight/obese. Unhealthier diets were associated with lower maternal educational level and parental unemployment. Programs promoting adherence of young children to the traditional Mediterranean diet should be part of a multi-intervention strategy for the prevention and treatment of pediatric overweight and obesity. PMID:27338427

  12. Association between NOx exposure and deaths caused by respiratory diseases in a medium-sized Brazilian city

    PubMed Central

    César, A. C. G.; Carvalho, J. A.; Nascimento, L. F. C.

    2015-01-01

    Exposure to nitrogen oxides (NOx) emitted by burning fossil fuels has been associated with respiratory diseases. We aimed to estimate the effects of NOx exposure on mortality owing to respiratory diseases in residents of Taubaté, São Paulo, Brazil, of all ages and both sexes. This time-series ecological study from August 1, 2011 to July 31, 2012 used information on deaths caused by respiratory diseases obtained from the Health Department of Taubaté. Estimated daily levels of pollutants (NOx, particulate matter, ozone, carbon monoxide) were obtained from the Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos Coupled Aerosol and Tracer Transport model to the Brazilian developments on the Regional Atmospheric Modeling System. These environmental variables were used to adjust the multipollutant model for apparent temperature. To estimate association between hospitalizations owing to asthma and air pollutants, generalized additive Poisson regression models were developed, with lags as much as 5 days. There were 385 deaths with a daily mean (±SD) of 1.05±1.03 (range: 0-5). Exposure to NOx was significantly associated with mortality owing to respiratory diseases: relative risk (RR)=1.035 (95% confidence interval [CI]: 1.008-1.063) for lag 2, RR=1.064 (95%CI: 1.017-1.112) lag 3, RR=1.055 (95%CI: 1.025-1.085) lag 4, and RR=1.042 (95%CI: 1.010-1.076) lag 5. A 3 µg/m3 reduction in NOx concentration resulted in a decrease of 10-18 percentage points in risk of death caused by respiratory diseases. Even at NOx concentrations below the acceptable standard, there is association with deaths caused by respiratory diseases. PMID:26421866

  13. International Outreach in Africa - Complementary Efforts Using Common Cyberinfrastructure

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Yoksas, T.; Almeida, W. G.; Pandya, R.; Bruintjes, R.; Foote, B.; Heck, S.; Herrmann, S.; Hoswell, E.; Konate, M.; Kucera, P.; Laing, A.; Lamptey, B.; Moncrieff, M.; Ramamurthy, M.; Roberts, R.; Traore, A.; Spangler, T.; Warner, T.; Weingroff, M.; Ribeiro, N. A.; Soares, E.; Nascimento, A.; Lona, J.; Real, J. C.

    2008-05-01

    For the past few years, the U.S. Unidata Program Center (Unidata, a program in UCAR) and Brazil's Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC, a division of INPE) have collaborated in outreach efforts where free-and-open exchange of hydro-meteorological data and the provision of free analysis/visualization tools are helping to build a hemispheric community where data, tools, and best practices in education and research are shared. Data sharing capabilities are being provided by Unidata's Internet Data Distribution (IDD) system, a community-based effort that has been the primary source of real-time meteorological data in the U.S. university community for over a decade. Unidata-CPTEC efforts have resulted in the creation of the Brazilian peer of the North American IDD, the IDD-Brasil, a data sharing network that has extended access to real-time data to over 15 institutions in South America and most recently countries in West Africa and the African Sahel. UCAR and CPTEC are involved in separate, but philosophically-related and complementary outreach efforts in Africa: UCAR has embarked on an effort, The UCAR Africa Initiative, whose goal is assisting in building sustainable atmospheric-sciences capacity in Africa. CPTEC is collaborating with national weather services in three West African countries, universities in Brazil and Portugal, and one private Portuguese company in SICLIMAD, a project aimed at contributing to sustainable development in West Africa. This presentation will provide an overview of the efforts being undertaken as part of The UCAR Africa Initiative; an overview and update on CPTEC's efforts in SICLIMAD; and explore avenues for greater collaboration on African issues and endeavors.

  14. Determinação do extremo de baixa luminosidade da função de luminosidade através de simulações de Monte Carlo

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Campos, P. E.; Mendes de Oliveira, C.

    2003-08-01

    Neste trabalho apresentamos os principais resultados do estudo da população de galáxias anãs de baixo brilho superficial dos grupos compactos HCG44 e HCG68. A inclinação do extremo de baixa luminosidade a da função de luminosidade desses grupos foi estimado através de simulações de Monte Carlo. O método consistiu em simular galáxias anãs de baixo brilho superficial em imagens reais seguindo uma distribuição de magnitudes dada uma função de Schechter. Foram testados vários modelos com diferentes valores para os parâmetros M* e a da função de Schechter, e para cada um dos modelos foi repetido o mesmo processo de recuperação, seleção e análise usados com as galáxias anãs dos grupos. Os resultados de cada modelo foram então comparados com o observado nos grupos. Nossos resultados indicam que a distribuição de magnitudes (para magnitudes absolutas até MR»-12) observadas nos grupos são compatíveis com uma função de luminosidade de Schechter dada por um M* = -16 e um a entre -1.0 e -1.4, e portanto de acordo com a tendência observada de uma inclinação do extremo de baixa luminosidade da função de luminosidade de grupos mais plana (~1.2, Trentham & Tully 2002, MNRAS, 335, 712) que esperado pelo modelo hierárquico de formação de estruturas CDM (Cold Dark Matter - Matéria Escura Fria).

  15. A Cross-Sectional Study on the Diet and Nutritional Status of Adolescent Girls in Zambézia Province, Mozambique (the ZANE Study): Design, Methods, and Population Characteristics

    PubMed Central

    Freese, Riitta; Fidalgo, Lourdes; Selvester, Kerry; Ismael, Carina; Mutanen, Marja

    2014-01-01

    Background There is very little published work on dietary intake and nutritional status of Mozambicans. We conducted a population-based cross-sectional study on the diet and nutritional status of adolescent girls in different types of communities in Zambézia Province, Central Mozambique, in two distinct seasons. Objective The purpose of this paper is to present the design, methods, and study population characteristics of the Estudo do Estado Nutricional e da Dieta em Raparigas Adolescentes na Zambézia (the ZANE Study). Methods Data was collected in January-February 2010 ("hunger season") and in May-June 2010 ("harvest season"). A total of 551 girls in the age group 14-19 years old were recruited from one urban area and two districts (district towns and rural villages). The study protocol included a background interview, a 24-hour dietary recall interview, a food frequency questionnaire, anthropometric measurements, bioimpedance, hemoglobin measurement, and venous blood, urine, buccal cell, and fecal sampling. Results Adolescent motherhood was common in all study regions. Stunting prevalence for the total study population as a weighted percentage was 17.8% (95/549; 95% CI 14.3-22.0) with no regional differences. Overweight was found mainly in the urban area where the prevalence was 12.6% (20/159; 95% CI 7.5-17.6), thinness was rare. There were regional differences in the prevalence of malaria parasitemia and intestinal helminth infestation, but not human immunodeficiency virus. Conclusions The fully analyzed data from the ZANE Study will yield results useful for setting priorities in nutrition policy and further research on the diet and nutritional status in Mozambique and other countries with similar nutritional problems. Trial Registration ClinicalTrials.gov: NCT01944891; http://www.clinicaltrials.gov/ct2/show/NCT01944891 (Archived by WebCite at http://www.webcitation.org/6L9OUrsq8). PMID:24598035

  16. Toward a South America Land Data Assimilation System: Aspects of land surface model spin-up using the Simplified Simple Biosphere

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    de Goncalves, L. Gustavo Goncalves; Shuttleworth, William James; Burke, Eleanor J.; Houser, Paul; Toll, David L.; Rodell, Matthew; Arsenault, Kristi

    2006-09-01

    This paper describes a spin-up experiment conducted over South America using the Simplified Simple Biosphere (SSiB) land surface model to study the process of model adjustment to atmospheric forcing data. The experiment was carried out as a precursor to the use of SSiB in a South American Land Data Assimilation System (SALDAS). The results from an 11 year long recursive simulation using three different initial conditions of soil wetness (control, wet and dry) are examined. The control run was initiated by interpolation of the NCEP/DOE Global Reanalysis-2 (NCEP/DOE R-2) soil moisture data set. In each case the time required for the model to reach equilibrium was calculated. The wet initialization leads to a faster adjustment of the soil moisture field, followed by the control and then the dry initialization. Overall, the final spin-up states using the SSiB-based SALDAS are generally wetter than both the NCEP/DOE R-2 and the Centro de Previsao do Tempo e Estudos Climaticos (CPTEC-Brazilian Center for Weather Forecast and Climate Studies) operational initial soil moisture states, consequently modeled latent heat is higher and sensible heat lower in the final year of simulation when compared with the first year. Selected regions, i.e., in semiarid northeastern Brazil, the transition zone to the south of the Amazon tropical forest, and the central Andes were studied in more detail because they took longer to spin up (up to 56 months) when compared with other areas (less than 24 months). It is shown that there is a rapid change in the soil moisture in all layers in the first 2 months of simulation followed by a subsequent slow and steady adjustment: This could imply there are increasing errors in medium range simulations. Spin-up is longest where frozen soil is present for long periods such as in the central Andes.

  17. [Auditory Neuropathy: Clinical Evaluation and Diagnostic Approach].

    PubMed

    Carvalho, Guilherme Machado; Leão, Beatriz Prista; Ramos, Priscila Zonzini; Guimarães, Alexandre Caixeta; Castilho, Arthur Menino; Sartorato, Edi Lúcia

    2016-06-01

    Introdução: A neuropatia auditiva é uma condição na qual há alteração na condução neuronal do estímulo sonoro. Este trabalho pretende descrever e caracterizar a casuística de doentes com neuropatia auditiva. Material e Métodos: Realizámos um estudo transversal, retrospetivo, com descrição de uma série de casos consecutivos. O diagnóstico da neuropatia auditiva foi definido nas seguintes situações: Presença de otoemissões acústicas com potenciais auditivos de tronco encefálico ausente ou anormal e presença do microfonismo coclear independentemente da presença de otoemissões acústicas. Resultados: Foram avaliados 34 doentes com perda auditiva bilateral, 67% deles do sexo masculino. O aparecimento dos sintomas foi congênito em 80% dos casos. Na pesquisa das otoemissões acústicas, a resposta foi ausente em 67% dos doentes. O microfonismo coclear foi detetado em 79% dos doentes. Antecedentes gestacionais, perinatais ou ambientais relevantes estiveram presentes em 35,3% dos casos. Discussão: A literatura médica ainda apresenta grande variabilidade nos achados relacionados com a neuropatia auditiva, tanto na sua etiologia quanto nos dados epidemiológicos. Conclusão: A neuropatia auditiva apresenta um amplo espectro de alterações que podem resultar em disfunções leves a severas no funcionamento da via auditiva. Na nossa amostra, observámos que 80% das neuropatias auditivas terão tido origem congênita e/ou apresenta microfonismo coclear, 91% dos doentes apresenta défice auditivo significativo e 53% sofrem de surdez severa ou profunda.

  18. Observações no âmbito dos "additional programs" do satélite COROT

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Janot Pacheco, E.

    2003-08-01

    O satélite Fraco-europeu COROT fará fotometria de altissima precisão (pretende-se atingir uma parte em um milhão), grande campo (3x3 graus) e por longos períodos, de duas regiões pré-determinadas do céu, com 10 graus de raio. Suas finalidades básicas serão estudos em sismologia estelar e a procura de exoplanetas. A comunidade astronômica brasileira participará dessa missão espacial, com direitos iguais aos dos parceiros europeus. Isso se deve a que o satélite utilizará a estação de recepção de dados de Natal (INPE), 5 a 6 brasileiros participarão das equipes de software e cientistas do país atuarão na fase de pré-lançamento. Apresentamos nesta comunicação sugestões para a preparação de propostas de observações com COROT, no âmbito dos Programas Adicionais, que contemplam outros projetos que não de sismologia ou exoplanetas. As últimas definições técnicas e decisões tomadas na 4th Corot Week de junho último serão igualmente apresentadas, em particular quanto às regiões de observação escolhidas e quanto aos procedimentos a seguir para se propor observações.

  19. Cough: neurophysiology, methods of research, pharmacological therapy and phonoaudiology.

    PubMed

    Balbani, Aracy Pereira Silveira

    2012-04-01

    Introdução: A tosse é o sintoma respiratório mais comum em crianças e adultos.Objetivo: Apresentar uma revisão sobre a neurofisiologia e os métodos para estudo do reflexo da tosse, bem como a farmacoterapia e terapia fonoaudiológica da tosse, baseada nos trabalhos publicados entre 2005 e 2010 e indexados nas bases Medline, Lilacs e Biblioteca Cochrane sob os unitermos “tosse” ou “antitussígenos”.Síntese dos dados: O reflexo da tosse envolve ativação de múltiplos receptores vagais nas vias aéreas e de projeções neurais do núcleo do trato solitário para outras estruturas do sistema nervoso central. Técnicas experimentais permitem estudar o reflexo da tosse ao nível celular e molecular para desenvolver novos agentes antitussígenos. Não há evidências de que antitussígenos isentos de prescrição médica tenham eficácia superior à do placebo para o alívio da tosse. A terapia fonoaudiológica pode beneficiar pacientes com tosse crônica refratária ao tratamento farmacológico, sobretudo quando coexiste movimento paradoxal das pregas vocais.Comentários Finais: A abordagem multidisciplinar tem papel fundamental no diagnóstico etiológico e tratamento da tosse. O otorrinolaringologista deve informar os pacientes sobre os riscos dos antitussígenos de venda livre a fim de prevenir intoxicações e efeitos adversos, especialmente em crianças.

  20. Teaching of Astronomy at Teresa Martin College. (Breton Title: Ensino de Astronomia Nas Faculdades Teresa Martin.) Enseñanza de la Astronomia en la Facultad Teresa Martin

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Azevedo Sobreira, Paulo Henrique

    2005-12-01

    Courses with exclusive Astronomy contents did not exist at (FATEMA) Teresa Martin College's program until the end of 2002. In 2001, a series of educational experiments started in courses and classes of Astronomy at Mathematics and Geography departments. This actions culminated with the insertion of Teaching of Astronomy as a study theme in the course of Independent Studies for Mathematics professors in 2005. Até o final de 2002 inexistiam na grade curricular das Faculdades Integradas Teresa Martin (FATEMA) cadeiras com conteúdos exclusivos de Astronomia. A partir do ano de 2001 iniciou-se uma série de experiências educacionais através de modelos de cursos e de aulas de Astronomia nos Departamentos de Matemática e de Geografia, o que culminou com a inserção do Ensino de Astronomia como temática da disciplina de Estudos Independentes para o curso de Licenciatura em Matemática, em 2005. Hasta el final de 2002 no había en el currículo dela Facultad TeresaMartín (FATEMA) en San Pablo - SP, Brasil, disciplinas con contenidos exclusivos de Astronomía. A partir del año 2001 comenzó una secuencia de experimentos educacionales de carrera y de clases de Astronomía en los Departamentos de Matemática y Geografía, culminando en la implantación de clases de Enseñanza dela Astronomíaenla Licenciaturaen Matemática, en el año de 2003, y de la cátedra de extensión en Cosmografía parala Licenciaturaen Geografía.

  1. Echocardiographic Parameters and Survival in Chagas Heart Disease with Severe Systolic Dysfunction

    PubMed Central

    Rassi, Daniela do Carmo; Vieira, Marcelo Luiz Campos; Arruda, Ana Lúcia Martins; Hotta, Viviane Tiemi; Furtado, Rogério Gomes; Rassi, Danilo Teixeira; Rassi, Salvador

    2014-01-01

    Background Echocardiography provides important information on the cardiac evaluation of patients with heart failure. The identification of echocardiographic parameters in severe Chagas heart disease would help implement treatment and assess prognosis. Objective To correlate echocardiographic parameters with the endpoint cardiovascular mortality in patients with ejection fraction < 35%. Methods Study with retrospective analysis of pre-specified echocardiographic parameters prospectively collected from 60 patients included in the Multicenter Randomized Trial of Cell Therapy in Patients with Heart Diseases (Estudo Multicêntrico Randomizado de Terapia Celular em Cardiopatias) - Chagas heart disease arm. The following parameters were collected: left ventricular systolic and diastolic diameters and volumes; ejection fraction; left atrial diameter; left atrial volume; indexed left atrial volume; systolic pulmonary artery pressure; integral of the aortic flow velocity; myocardial performance index; rate of increase of left ventricular pressure; isovolumic relaxation time; E, A, Em, Am and Sm wave velocities; E wave deceleration time; E/A and E/Em ratios; and mitral regurgitation. Results In the mean 24.18-month follow-up, 27 patients died. The mean ejection fraction was 26.6 ± 5.34%. In the multivariate analysis, the parameters ejection fraction (HR = 1.114; p = 0.3704), indexed left atrial volume (HR = 1.033; p < 0.0001) and E/Em ratio (HR = 0.95; p = 0.1261) were excluded. The indexed left atrial volume was an independent predictor in relation to the endpoint, and values > 70.71 mL/m2 were associated with a significant increase in mortality (log rank p < 0.0001). Conclusion The indexed left atrial volume was the only independent predictor of mortality in this population of Chagasic patients with severe systolic dysfunction. PMID:24553982

  2. Perda de massa em ventos empoeirados de estrelas supergigantes

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Vidotto, A. A.; Jatenco-Pereira, V.

    2003-08-01

    Em praticamente todas as regiões do diagrama HR, as estrelas apresentam evidências observacionais de perda de massa. Na literatura, pode-se encontrar trabalhos que tratam tanto do diagnóstico da perda de massa como da construção de modelos que visam explicá-la. O amortecimento de ondas Alfvén tem sido utilizado como mecanismo de aceleração de ventos homogêneos. Entretanto, sabe-se que os envelopes de estrelas frias contêm grãos sólidos e moléculas. Com o intuito de estudar a interação entre as ondas Alfvén e a poeira e a sua conseqüência na aceleração do vento estelar, Falceta-Gonçalves & Jatenco-Pereira (2002) desenvolveram um modelo de perda de massa para estrelas supergigantes. Neste trabalho, apresentamos um estudo do modelo acima proposto para avaliar a dependência da taxa de perda de massa com alguns parâmetros iniciais como, por exemplo, a densidade r0, o campo magnético B0, o comprimento de amortecimento da onda L0, seu fluxo f0, entre outros. Sendo assim, aumentando f0 de 10% a partir de valores de referência, vimos que aumenta consideravelmente, enquanto que um aumento de mesmo valor em r0, B0 e L0 acarreta uma diminuição em .

  3. Curva de rotação óptica de ESO-LV 5100550

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Carvalho, D. B.; Soares, D. S. L.

    2003-08-01

    ESO-LV 5100550 é o membro mais fraco do par de galáxias austral SBG 357 (Soares et al. 1995). É classificada no catálogo RC3 como uma espiral ordinária de tipo inicial (early-type); porém, uma análise morfológica sugere que ela tenha uma grande barra. O objetivo do estudo é determinar sua cinemática de tal modo que possamos inferir mais a respeito de sua dinâmica, provavelmente perturbada, já que se espera que esteja sob forte influência da companheira ESO-LV 5100560. Apresentarei resultados parciais determinados a partir de espectros obtidos com o instrumento Double Spectrograph montado no telescópio Hale do Monte Palomar, EUA. As observações foram realizadas por D.S.L. Soares, P.M.V. Veiga e T.E. Nordgren, em 1998. Foram tomados espectros de fenda longa posicionada sobre a linha dos nodos do disco e ao longo da suposta barra. Os dados foram reduzidos com uso do pacote IRAF. Obtivemos o perfil de velocidades radiais na linha de visada ao longo das fendas e calculamos o desvio para o vermelho cosmológico do sistema, com base no espectro central. Determinamos as curvas de rotação deprojetadas, com base em cálculos para os valores teóricos esperados das componentes de velocidades puramente circulares em um disco inclinado. A inclinação do disco, dado fundamental nesta deprojeção, foi estimada através da média das elipticidades das isofotas mais externas.

  4. Primary graft dysfunction of the liver: definitions, diagnostic criteria and risk factors.

    PubMed

    Neves, Douglas Bastos; Rusi, Marcela Balbo; Diaz, Luiz Gustavo Guedes; Salvalaggio, Paolo

    2016-01-01

    Primary graft dysfunction is a multifactorial syndrome with great impact on liver transplantation outcomes. This review article was based on studies published between January 1980 and June 2015 and retrieved from PubMed database using the following search terms: "primary graft dysfunction", "early allograft dysfunction", "primary non-function" and "liver transplantation". Graft dysfunction describes different grades of graft ischemia-reperfusion injury and can manifest as early allograft dysfunction or primary graft non-function, its most severe form. Donor-, surgery- and recipient-related factors have been associated with this syndrome. Primary graft dysfunction definition, diagnostic criteria and risk factors differ between studies. RESUMO A disfunção primária do enxerto hepático é uma síndrome multifatorial com grande impacto no resultado do transplante de fígado. Foi realizada uma ampla revisão da literatura, consultando a base de dados PubMed, em busca de estudos publicados entre janeiro de 1980 e junho de 2015. Os termos descritivos utilizados foram: "primary graft dysfunction", "early allograft dysfunction", "primary non-function" e "liver transplantation". A disfunção traduz graus diferentes da lesão de isquemia e reperfusão do órgão, e pode se manifestar como disfunção precoce ou, na forma mais grave, pelo não funcionamento primário do enxerto. Fatores relacionados ao doador, ao transplante e ao receptor contribuem para essa síndrome. Existem definições diferentes na literatura quanto ao diagnóstico e aos fatores de risco associados à disfunção primária.

  5. Considerations about gastric cancer proteomics.

    PubMed

    Carvalho, Carlos Eduardo; McCormick, Thaís Messias; Carvalho, Paulo Costa; Fischer, Juliana DE Saldanha DA Gama; Aquino, Priscila Ferreira DE; Bravo, Guilherme Pinto; Carvalho, Maria DA Glória DA Costa

    2016-01-01

    The frequency of molecular studies aimed to analyze promoter methylation of tumor suppressor genes and global proteomics in gastric carcinogenesis is increasing. Nonetheless, only a few considered the different types of stomach cells, the tumor location and the influence of Helicobacter pylori and Epstein Barr virus infection (EBV). Molecular differences relating to anatomical and histological tumor areas were also recently described. The authors propose a molecular classification of gastric cancer, dividing it into four subtypes: tumors positive for EBV; microsatellite unstable tumors; genomically stable tumors and tumors with chromosomal instability. RESUMO A frequência de estudos moleculares visando a analisar os promotores de metilação de genes supressores de tumor e proteômica globais na carcinogênese gástrica está aumentando. No entanto, apenas alguns consideraram os diferentes tipos de células do estômago, a localização do tumor e a influência da infecção por Helicobacter pylori e pelo vírus Epstein-Barr (EBV). Diferenças moleculares relacionadas com áreas tumorais anatômicas e histológicas também foram recentemente descritas. Os autores propõem uma classificação molecular de câncer gástrico, dividindo-o em quatro subtipos: tumores positivos para o EBV; tumores microssatélite instáveis; tumores genomicamente estáveis ​​e tumores com instabilidade cromossômica.

  6. Association of tuberculosis with multimorbidity and social networks.

    PubMed

    Valenzuela-Jiménez, Hiram; Manrique-Hernández, Edgar Fabian; Idrovo, Alvaro Javier

    2017-01-01

    The combination of tuberculosis with other diseases can affect tuberculosis treatment within populations. In the present study, social network analysis of data retrieved from the Mexican National Epidemiological Surveillance System was used in order to explore associations between the number of contacts and multimorbidity. The node degree was calculated for each individual with tuberculosis and included information from 242 contacts without tuberculosis. Multimorbidity was identified in 49.89% of individuals. The node degrees were highest for individuals with tuberculosis + HIV infection (p < 0.04) and lowest for those with tuberculosis + pulmonary edema (p < 0.07). Social network analysis should be used as a standard method for monitoring tuberculosis and tuberculosis-related syndemics. RESUMO A combinação de tuberculose e outras doenças pode afetar o tratamento da tuberculose nas populações. No presente estudo, a análise de redes sociais de dados extraídos do Sistema Nacional de Vigilância Epidemiológica do México foi usada para explorar as relações entre o número de contatos e a multimorbidade. O grau do nó foi calculado para cada indivíduo com tuberculose e incluiu informações a respeito de 242 contatos sem tuberculose. A multimorbidade foi identificada em 49,89% dos indivíduos. Os maiores graus dos nós foram os referentes a indivíduos com tuberculose + infecção pelo HIV (p < 0,04), e os menores foram os referentes a indivíduos com tuberculose + edema pulmonar (p < 0,07). A análise de redes sociais deve ser usada como método-padrão para monitorar a tuberculose e a sindemia relacionada com a tuberculose.

  7. Incorporando a variabilidade no processo de identificação do modelo de máximo global no Grade of Membership (GoM): considerações metodológicas

    PubMed Central

    Guedes, Gilvan Ramalho; Siviero, Pamila Cristina Lima; Caetano, André Junqueira; Machado, Carla Jorge; Brondízio, Eduardo

    2012-01-01

    A disponibilidade de bases de dados cada vez mais complexas e multidimensionais é um dos principais motivadores para o aumento do número de estudos que utilizam análises multivariadas baseadas em lógica de conjuntos nebulosos. Apesar da disseminação do método Grade of Membership nos trabalhos empíricos brasileiros da área de ciências sociais e saúde, questões relativas à identificabilidade e estabilidade dos parâmetros finais estimados pelo programa GoM 3.4 não foram suficientemente aprofundadas. Dada a relevância de se obterem parâmetros únicos e estáveis, Guedes et al. (2010) propuseram um procedimento empírico para localizar um modelo de máximo global (MG) com parâmetros estáveis. Entretanto, seu localizador de MG não incorpora qualquer medida de variabilidade. Neste artigo, tal limitação é contornada por meio da utilização de uma estatística de ponderação – Máximo Global Ponderado (MGP) – semelhante ao coeficiente de variação. Esse indicador busca não penalizar de forma desproporcional situações nas quais os desvios médios, apesar de diferentes de zero, são muito pequenos. Apresentam-se evidências de que o localizador MGP reduz a distância do modelo identificado à real estrutura latente dos dados em análise, quando comparados ao modelo identificado pelo localizador não ponderado, MG. PMID:23293402

  8. Two cases of the same family with the unusual elevation of CA19-9 levels.

    PubMed

    Uyanik, Metin; Sertoglu, Erdim; Serdar, Muhittin A; Aydin, Fevzi N; Ozgurtas, Taner; Kurt, Ismail

    2014-01-01

    Introdução: O antigénio carbohidrato (CA19-9) presente no soro é um marcador amplamente utilizado na prática clínica e apresenta pequenos aumentos em algumas doenças benignas. Aqui relatamos dois casos saudáveis, uma mãe e a sua filha, com níveis CA19-9 um pouco elevados.Casos Clínicos: A mãe, com um nível CA19-9 elevado (89,90 U/mL; limite superior do intervalo normal (ULNR) < 37 U/mL) foi encaminhada ao nosso departamento para avaliação. Um aumento semelhante foi incidentalmente determinado na sua filha. O nível de CA19-9 da filha era 123,92 U/mL. Os restantes parametros laboratoriais avaliados, estudos imagiológicos e avaliações clínicas revelaram-se dentro dos limites da normalidade. Não foi encontrada, qualquer patologia que justifique elevado nível de CA19-9. A fim de evitar erros de laboratório ou possíveis interferências, as amostras foram analisadas em quatro plataformas de imunoensaios diferentes, em duplicado.Conclusão: As pessoas saudáveis podem ter níveis da CA19-9 superiores aos limites de referência. Portanto, os médicos precisam estar cientes dessas situações raras, sem falhar o diagnóstico de doenças malignas.

  9. Projeto observatórios virtuais: educação através de telescópios robóticos

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Santana, P. H. S.; Shida, R. Y.

    2003-08-01

    O principal objetivo do projeto Observatórios Virtuais é o ensino na área de ciências através de atividades práticas desenvolvidas em colaboração entre instituições de pesquisa em astronomia e escolas de ensino médio e fundamental. Este ano deverá ser concluída a implantação do programa piloto de estudos, pesquisas e observação astronômica direta, com utilização em tempo real de telescópios robóticos, que assim funcionarão como "observatórios virtuais". O objetivo pedagógico das atividades práticas baseadas nas imagens atronômicas é desenvolver as habilidades e competências dos alunos no uso do método científico. Para isso, serão realizados projetos interdisciplinares, a partir de observações astronômicas, já que a astronomia é uma área interdisciplinar por excelência. Essas atividades terão níveis diferenciados de complexidade, que podem ser adequados aos vários graus do ensino e realidades regionais. Será dada ênfase ao desenvolvimento e aplicação em São Paulo, onde atua a equipe do IAG/USP. Como resultados apresentados no presente trabalho, temos a criação de um software em português para o processamento de imagens obtidas através de CCDs e a elaboração de material para as atividades educacionais relacionadas.

  10. TIBIOTARSAL COMPRESSION ARTHRODESIS USING A LATERAL LOCKING PLATE.

    PubMed

    Coughlin, Michael J; Nery, Caio; Baumfeld, Daniel; Jastifer, James

    2012-01-01

    Objetivos: A artrodese tibiotársica (TT) continua sendo uma importante opção no tratamento da artrose primária ou pós-traumática do tornozelo mas persiste ainda a controvérsia sobre o melhor método de fixação do foco de artrodese. Independentemente do tipo de material utilizado, o objetivo maior é a obtenção da fusão articular sólida, saudável e indolor. O propósito do presente estudo é apresentar os resultados preliminares de um novo sistema de placa bloqueada lateral compressiva para a artrodese do tornozelo. Método: Treze pacientes consecutivos portadores de artrose tibiotársica foram submetidos à artrodese do tornozelo nove pacientes eram homens e quatro mulheres. Com o auxílio de um guia, as superfícies articulares do talo e da tíbia foram decorticadas. Um sistema de compressão foi aplicado para evitar o alinhamento indesejável dos segmentos e uma placa bloqueada pré-moldada lateral foi utilizada para obter a fusão articular. Resultados: Tanto o escore AOFAS quanto o VAS melhoraram com a cirurgia. Todos os tornozelos operados consolidaram dentro do prazo de seis meses. Em todos os pacientes, foi obtido um ótimo alinhamento nos planos sagital, coronal e transverso. Conclusão: Acreditamos que a combinação de compressão bilateral, cortes ósseos com contornos pré-demarcados e placa lateral bloqueada, constitui uma técnica moderna, segura e útil para a artrodese do tornozelo.

  11. The simulation of a MCS event in the South America using a radiative transfer model

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Silveira, B. B.; Aravéquia, J. A.

    2011-12-01

    The Mesoescale Convective Systems (MCS) have an important role in the total precipitation in some regions in the world. The Southeast of South America is one of these regions, because in this area the environment favors the development of MCS. The satellite image is an important data used in the identification and characterization of these systems. In these images the MCSs are characterize for have a low values of Brightness Temperature (BT). A channel utilized to identify these systems is 4 (infrared) of the sensor imager of GOES 10 satellite. With the objective of identify a MCS with an atmospheric model 12h forecast was realized a simulation of BT to channel 4 of GOES 10 using a radiative transfer model. The MCS event chosen was one that occur between 9 and 10 November 2008 and this system reached the North of Argentine and Paraguay. This MCS was identified using the outputs of FORTACC (Forecast and Tracking of Active Convective Cells). The BT simulation was realized using the radiative transfer model CRTM version 2.0.2 (Community Radiative Transfer Model) from JCSDA (Joint Center for Satellite Data Assimilation). To realize the simulation was used a 12 hours forecast from ETA model, this atmospheric model is an operational model from the CPTEC/INPE (Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos/ Instituto Nacional de Pesquisas Epaciais). The ETA model has 20x20 Km horizontal spatial resolution and 19 levels in the vertical. The simulation of BT values with CRTM indicates the region where the MCS occurred. However the BT values are overestimated by the CRTM, the simulated amounts are quantitatively higher than the observed by the channel 4 from GOES 10. The area with BT values related to the MCS is smaller than the observed in the satellite image, the system shape also wasn't simulated the satisfactory way.

  12. Association of Second and Third Trimester Weight Gain in Pregnancy with Maternal and Fetal Outcomes

    PubMed Central

    Drehmer, Michele; Duncan, Bruce Bartholow; Kac, Gilberto; Schmidt, Maria Inês

    2013-01-01

    Objective To investigate the association between weekly weight gain, during the second and third trimesters, classified according to the 2009 Institute of Medicine (IOM/NRC) recommendations, and maternal and fetal outcomes. Methods Gestational weight gain was evaluated in 2,244 pregnant women of the Brazilian Study of Gestational Diabetes (Estudo Brasileiro do Diabetes Gestacional – EBDG). Outcomes were cesarean delivery, preterm birth and small or large for gestational age birth (SGA, LGA). Associations between inadequate weight gain and outcomes were estimated using robust Poisson regression adjusting for pre-pregnancy body mass index, trimester-specific weight gain, age, height, skin color, parity, education, smoking, alcohol consumption, gestational diabetes and hypertensive disorders in pregnancy. Results In fully adjusted models, in the second trimester, insufficient weight gain was associated with SGA (relative risk [RR] 1.72, 95% confidence interval [CI] 1.26–2.33), and excessive weight gain with LGA (RR 1.64, 95% CI 1.16–2.31); in third trimester, excessive weight gain with preterm birth (RR 1.70, 95% CI 1.08–2.70) and cesarean delivery (RR 1.21, 95% CI 1.03–1.44). Women with less than recommended gestational weight gain in the 2nd trimester had a lesser risk of cesarean deliveries (RR 0.82, 95% CI 0.71–0.96) than women with adequate gestational weight gain in this trimester. Conclusion Though insufficient weight gain in the 3rd trimester was not associated with adverse outcomes, other deviations from recommended weight gain during second and third trimester were associated with adverse pregnancy outcomes. These findings support, in part, the 2009 IOM/NRC recommendations for nutritional monitoring during pregnancy. PMID:23382944

  13. Detection and molecular characterization of Giardia and Cryptosporidium in common dolphins (Delphinus delphis) stranded along the Galician coast (Northwest Spain).

    PubMed

    Reboredo-Fernández, A; Gómez-Couso, H; Martínez-Cedeira, J A; Cacciò, S M; Ares-Mazás, E

    2014-05-28

    The ubiquitous protozoan parasites Giardia and Cryptosporidium have been detected from many species of captive and free-living wildlife, representing most mammalian orders. Twenty species of marine mammals have been reported to inhabit Galician waters and the region has one of the highest rates of stranding in Europe. Evidence from stranding, reported by-catches and sightings, suggests that the common dolphin (Delphinus delphis) is the most abundant cetacean on the Galician coast (Northwest Spain). The objective of this study was to detect and molecularly characterize isolates of Giardia and Cryptosporidium obtained from common dolphins stranded in this area. Between 2005 and 2012, sections of large intestine from 133 common dolphins stranded along the Galician coast were collected by the personnel of the Galician Stranding Network (Coordinadora para o Estudo dos Mamíferos Mariños, CEMMA). Using direct immunofluorescence antibody test (IFAT) and PCR amplification and sequencing of the SSU-rDNA, β-giardin genes and the ITS1-5.8S-ITS2 region, Giardia and Cryptosporidium were detected in 8 (6.0%) and 12 samples (9.0%), respectively. In two samples, co-infection by both parasites was observed. The molecular characterization revealed the presence of Giardia duodenalis assemblages A (genotypes A1 and A2) and B and Cryptosporidium parvum in these samples. This constitutes the first study in which the presence of Giardia and Cryptosporidium has been investigated in common dolphins on the European Atlantic coast, and it is also the first report of C. parvum in this host. Our findings indicate that these animals could act as reservoir of these waterborne parasites or could be victims of the contamination originated by anthropogenic activities.

  14. Profile of the newly graduated physicians in southern Brazil and their professional insertion.

    PubMed

    Purim, Kátia Sheylla Malta; Borges, Luiza DE Martino Cruvinel; Possebom, Ana Carolina

    2016-01-01

    Knowledge of the profile and professional integration of new graduates enables adjustments in medical education. This study evaluated 107 graduates from a private institution in the Brazilian South region, using a self-administered electronic questionnaire. There were similar participation of young physicians of both genders and higher male concentration in general surgery. Graduates are inserted in the public and private labor market. Most do extra shifts in emergency services and trauma surgery, where there is greater need for clinical and surgical skills. These findings suggest that adequate surgical training during graduation is critical to employability. RESUMO O conhecimento do perfil e inserção profissional dos recém-formados possibilita ajustes na educação médica. Este estudo avaliou 107 egressos de instituição privada no sul do país, utilizando questionário eletrônico autoaplicável. Houve participação similar de jovens de ambos os sexos e maior concentração masculina na área de cirurgia geral. Os egressos estão inseridos no mercado de trabalho público e privado. A maioria faz plantões extras em serviços de emergência e cirurgia do trauma, onde há maior necessidade de habilidades clinicas e cirúrgica. Esses achados apontam que a formação cirúrgica adequada durante a graduação é fundamental para a empregabilidade.

  15. Gravity and geoid model for South America

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Blitzkow, Denizar; Oliveira Cancoro de Matos, Ana Cristina; do Nascimento Guimarães, Gabriel; Pacino, María Cristina; Andrés Lauría, Eduardo; Nunes, Marcelo; Castro Junior, Carlos Alberto Correia e.; Flores, Fredy; Orihuela Guevara, Nuris; Alvarez, Ruber; Napoleon Hernandez, José

    2016-04-01

    In the last 20 years, South America Gravity Studies (SAGS) project has undertaken an ongoing effort in establishing the fundamental gravity network (FGN); terrestrial, river and airborne relative gravity densifications; absolute gravity surveys and geoid (quasi-geoid) model computation for South America. The old FGN is being replaced progressively by new absolute measurements in different countries. In recent years, Argentina, Bolivia, Brazil, Ecuador, Paraguay and Venezuela organizations participated with relative gravity surveys. Taking advantage of the large amount of data available, GEOID2015 model was developed for 15°N and 57°S latitude and 30 ° W and 95°W longitude based on EIGEN-6C4 until degree and order 200 as a reference field. The ocean area was completed with mean free air gravity anomalies derived from DTU10 model. The short wavelength component was estimated using FFT. The global gravity field models EIGEN-6C4, DIR_R5 were used for comparison with the new model. The new geoid model has been evaluated against 1,319 GPS/BM, in which 592 are located in Brazil and the reminder in other countries. The preliminary RMS difference between GPS/BM and GEOID2015 throughout South America and in Brazil is 46 cm and 17 cm, respectively. New activities are carrying out with the support of the IGC (Geographic and Cartographic Institute) under the coordination of EPUSP/LTG and CENEGEO (Centro de Estudos de Geodesia). The new project aims to establish new gravity points with the A-10 absolute gravimeter in South America. Recent such surveys occurred in São Paulo state, Argentina and Venezuela.

  16. Analysis of the stability of housekeeping gene expression in the left cardiac ventricle of rats submitted to chronic intermittent hypoxia.

    PubMed

    Julian, Guilherme Silva; Oliveira, Renato Watanabe de; Tufik, Sergio; Chagas, Jair Ribeiro

    2016-01-01

    Obstructive sleep apnea (OSA) has been associated with oxidative stress and various cardiovascular consequences, such as increased cardiovascular disease risk. Quantitative real-time PCR is frequently employed to assess changes in gene expression in experimental models. In this study, we analyzed the effects of chronic intermittent hypoxia (an experimental model of OSA) on housekeeping gene expression in the left cardiac ventricle of rats. Analyses via four different approaches-use of the geNorm, BestKeeper, and NormFinder algorithms; and 2-ΔCt (threshold cycle) data analysis-produced similar results: all genes were found to be suitable for use, glyceraldehyde-3-phosphate dehydrogenase and 18S being classified as the most and the least stable, respectively. The use of more than one housekeeping gene is strongly advised. RESUMO A apneia obstrutiva do sono (AOS) tem sido associada ao estresse oxidativo e a várias consequências cardiovasculares, tais como risco aumentado de doença cardiovascular. A PCR quantitativa em tempo real é frequentemente empregada para avaliar alterações na expressão gênica em modelos experimentais. Neste estudo, analisamos os efeitos da hipóxia intermitente crônica (um modelo experimental de AOS) na expressão de genes de referência no ventrículo cardíaco esquerdo de ratos. Análises a partir de quatro abordagens - uso dos algoritmos geNorm, BestKeeper e NormFinder e análise de dados 2-ΔCt (ciclo limiar) - produziram resultados semelhantes: todos os genes mostraram-se adequados para uso, sendo que gliceraldeído-3-fosfato desidrogenase e 18S foram classificados como o mais e o menos estável, respectivamente. A utilização de mais de um gene de referência é altamente recomendada.

  17. [Esophageal perforation in children: a review of one pediatric surgery institution's experience (16 years)].

    PubMed

    Vieira, Elizabete; Cabral, Maria João; Gonçalves, Mroslava

    2013-01-01

    Introdução: O estudo teve por objetivo avaliar a experiência do nosso Serviço no tratamento das perfurações esofágicas. Material e Métodos: Análise retrospetiva de nove casos ocorridos entre 1 de Janeiro de 1996 e 31 de Dezembro de 2011. Destes casos, sete ocorreram após ingestão acidental de corpos estranhos e em dois tratou-se de lesões iatrogénicas após dilatação esofágica: por estenose péptica num caso e no outro por estenose da anastomose esofágica término-terminal de uma criança operada por atrésia do esófago. Resultados: Em 78% dos casos a abordagem inicial foi médica, com encerramento comprovado da perfuração em média ao fim de 20 dias; 22% dos doentes (dois casos) foram submetidos a cirurgia sem sucesso, acabando um deles por curar sem sequelas com pausa alimentar e terapêutica médica; no outro caso verificou-se necessidade de realizar posteriormente uma esofagocoloplastia. Na nossa série não se registou mortalidade. Discussão: A perfuração esofágica é uma das lesões mais graves do trato alimentar, continuando a ser devastadora, e, de difícil diagnóstico e tratamento. O reconhecimento desta complicação é fundamental para o seu tratamento com sucesso. Conclusões: O atraso do diagnóstico está associado a uma mortalidade que pode oscilar entre os 20 e 40%.

  18. [Gonadal function in Turner syndrome].

    PubMed

    Alves, Márcia; Bastos, Margarida; Almeida Santos, Teresa; Carrilho, Francisco

    2013-01-01

    Introdução: A síndrome de Turner caracteriza-se pela ausência, parcial ou total, de um cromossoma X no sexo feminino, sendo uma das cromossomopatias mais frequentes. O diagnóstico é realizado através do cariótipo e as suas manifestações incluem o hipogonadismo primário, antes ou após a puberdade (disgenesia gonadal). O grau de disfunção e a extensão dos defeitos gonadais são variáveis.Objectivos: Pretendeu-se avaliar a clínica, cariótipo, função gonadal e características ecográficas do útero e ovários de mulheres com síndrome de Turner.Material e Métodos: Estudo retrospectivo de doentes com síndrome de Turner, seguidas nos Serviços de Endocrinologia ou Reprodução Humana dos Hospitais da Universidade de Coimbra - Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra, E.P.E. Avaliou-se toda a amostra e consideraram-se o grupo 1 (com puberdade e menarca espontânea) e grupo 2 (sem puberdade espontânea). Parâmetros avaliados: idade do estudo inicial, puberdade, cariótipo, FSH, ecografia pélvica inicial e pós-pubertária, celioscopia e indução pubertária. Estudo estatístico: SPSS (20.0).Resultados: Amostra: 79 doentes, 14,7 ± 6,6 anos. Ausência de sinais pubertários em 57,1%, amenorreia primária 67,1% e secundária 6,6%. Cariótipo: monossomia X-37,2%, mosaico-37,2%, alterações estruturais de X-25,6%. Mediana da FSH 59,5mUI/mL. Ecografia inicial: útero normal-34,2%, atrófico-65,8%; ovários normais-21,6%, atróficos-78,4%, com folículos-5,1%. Ecografia pós-pubertária: útero normal-67,9%, atrófico-32,1%; ovários normais-36,4%, atróficos-63,6%. A laparoscopia realizada em 16 (20,3%) doentes confirmou os achados ecográficos. Duas mulheres com puberdade induzida engravidaram: uma espontaneamente, sem evolução; outra pordoação de ovócitos, evolutiva. Grupo 1 (com puberdade e menarca espontânea): 20 (25,3%) doentes, 16,1 ± 8,9 anos. Puberdade na avaliação inicial: M1-22,2%, M2-33,3%, M3-16,7%, M4-16,7%, M5-11,1%. Cari

  19. Severe maternal morbidity: a case-control study in Maranhao, Brazil

    PubMed Central

    2013-01-01

    Background Maternal mortality and morbidity are among the top public health priorities in Brazil, being quite high, especially among the most disadvantage women. A case control study was developed to identify risk factors for severe maternal morbidity in Sao Luis, one of the poorest Brazilian State Capitals. Methods The case–control study was carried out between 01/03/2009 and 28/02/2010 in two public high-risk maternities facilities and in two intensive care units (ICUs) for referral of obstetric cases. All cases hospitalized due to complications during gestation period, childbirth or up to 42 days of puerperium and who fulfilled any of Mantel's and/or Waterstone's criteria were identified. Two controls per case were randomly selected among patients of the same clinics discharged for other reasons. Data were obtained through a structured interview as well as from medical charts and prenatal cards and included sociodemographic variables, clinical and obstetric histories, behavioral factors and exposure to stress factors during pregnancy, pre-natal assistance and obstetric complication and childbirth care. Results In the final model of the unconditional logistic regression analysis, being older than 35 years (OR=3.11; 95% CI:1.53-6.31), previous hypertension (OR=2.52; 95% CI:1.09-5.80), history of abortion (OR=1.61; 95% CI:0.97-2.68), 4–5 pre-natal consultations (OR=1.78; 95% CI:1.05-3.01) and 1–3 pre-natal consultations (OR=1.89; 95% CI:1.03-3.49) were independently associated with severe maternal morbidity. Conclusions The results corroborate the importance of reproductive healthcare, of identifying a high-risk pregnancy and of a qualified and complete prenatal care to prevent severe morbid events. Resumo Introdução A mortalidade e morbidade maternas estão entre os tópicos prioritários da Saúde Pública brasileira, especialmente na população de menor nível socioeconômico. Um estudo caso-controle foi desenvolvido para identificar os fatores de risco

  20. [Pneumocystis Pneumonia in 107 HIV Infected Patients Admitted to the Department of Infectious Diseases at Santa Maria Hospital, Lisbon (2002 - 2013)].

    PubMed

    Grilo, Vilma; Pereira, Aida

    2016-10-01

    Introdução: A pneumonia por Pneumocystis jirovecii é das doenças infecciosas oportunistas mais comuns em infectados por vírus da imunodeficiência humana, sendo, actualmente, em Portugal a infecção definidora de sida mais reportada. Os objectivos deste estudo foram, analisar as características de uma população co-infectada por vírus da imunodeficiência humana e pneumonia por Pneumocystis jirovecii, comparando-a com as referências disponíveis, e avaliar comparativamente subpopulações de doentes, consoante o conhecimento prévio da infecção por vírus da imunodeficiência humana, o método de diagnóstico de pneumonia por Pneumocystis jirovecii e o resultado na alta. Material e Métodos: Realizámos um estudo restrospectivo pela análise dos registos clínicos de 107 doentes internados no Serviço de Doenças Infecciosas do Hospital de Santa Maria, entre 1 de janeiro de 2002 e 31 de dezembro de 2013, com o diagnóstico de pneumonia por Pneumocystis jirovecii e vírus da imunodeficiência humana. As características epidemiológicas e clínicas foram avaliadas, incluindo o estado imunitário, a carga vírica e a terapêutica instituída e foi realizado um estudo estatístico das variáveis.Resultados: Nesta população, os resultados demonstraram predomínio do sexo masculino (81,3%), idade entre 20 - 39 anos (59,2%), transmissão de vírus da imunodeficiência humana por via heterossexual (48,6%), e que 24,3% eram imigrantes. Apesar do conhecimento da infecção por vírus da imunodeficiência humana (62,6%), 76,2% destes doentes não apresentava seguimento médico sustentado. A contagem de linfócitos TCD4+ ≤ 200 células/mm3 (96,3%), carga vírica elevada e candidose orofaríngea (72%) foram os principais factores de risco para o desenvolvimento de pneumonia por Pneumocystis jirovecii, e os marcadores de gravidade, como a hipoxemia (78,5%) e a elevação da LDH (82,2%) não traduziram pior prognóstico. Apenas foi possível isolar

  1. [Secondary hypothyroidism after cervical irradiation: systematic evaluation of thyroid function in follow-up].

    PubMed

    Gonçalves, Sara Monteiro; Ferreira, Brígida Costa; Guardado, Maria João; Marques, Rui; Serra, Tânia; Serra, Maria João; Roda, Domingos; Brandão, Joana; Melo, Gilberto; Lopes, Maria Carmo; Khouri, Leila

    2014-01-01

    Introdução: A disfunção tiroideia constitui uma consequência, por vezes subestimada, da exposição à radiação. O mecanismo subjacente não está claramente esclarecido, mas terá uma origem multifatorial. Os fatores de risco específicos para o desenvolvimento de hipotiroidismo secundário à radioterapia permanecem indeterminados. A irradiação direta da glândula tiroideia pode resultar, com maior frequência, em hipotiroidismo. Este é uma condição irreversível, requerendo monitorização e tratamento permanente. Objetivos: Avaliar a incidência de hipotiroidismo nos doentes portadores de neoplasias da cabeça e pescoço submetidos a irradiação cervical, a título intensivo ou adjuvante, bem como determinar se é justificável a integração no protocolo de seguimento Institucional, de parâmetros laboratoriais (TSH, T3 Livre e T4 Livre) para avaliação da função tiroideia neste grupo de doentes e qual a sua periodicidade. Material e Métodos: Este é um estudo observacional, descritivo, retrospetivo, que engloba um grupo de 376 doentes portadores de neoplasias da cabeça e pescoço, submetidos a tratamento de radioterapia, a título adjuvante ou intensivo, entre os anos de 2007 e 2012, no Instituto Português de Oncologia de Coimbra Francisco Gentil E.P.E. Cumpriram todos os critérios de inclusão 145 doentes. Foram utilizadas escalas de avaliação padronizadas para a definição de hipotiroidismo – LENT-SOMA scales (Late Effects Normal Tissues Subjective Objective Management Analysis). Foi considerada como complicação o hipotiroidismo Grau 1 ou superior. Resultados: Procedeu-se à análise de um grupo de 145 doentes. A localização tumoral mais frequente foi a Laringe (26,9%). Trinta e dois doentes efetuaram radioterapia adjuvante e 113 efetuaram esquemas intensivos. A técnica de radioterapia mais utilizada foi a intensidade modulada (IMRT), efetuada em 86,2% doentes. A taxa de incidência global de hipotiroidismo aos 12 meses foi de

  2. The role of physical exercise in obstructive sleep apnea.

    PubMed

    Andrade, Flávio Maciel Dias de; Pedrosa, Rodrigo Pinto

    2016-01-01

    ão arterial sistêmica secundária, associa-se ainda à fibrilação atrial, acidente vascular encefálico e doença arterial coronariana, aumentando a morbidade e mortalidade cardiovascular. O tratamento da AOS com pressão positiva contínua em vias aéreas não é tolerado por todos os pacientes e, muitas vezes, não é indicado para formas leves. Daí, métodos alternativos de tratamento da AOS e de suas consequências cardiovasculares são necessários. A prática usual de exercícios físicos promove benefícios adicionais à redução do peso em pacientes com AOS; contudo, os mecanismos ainda são incertos. Entre as adaptações fisiológicas proporcionadas pelo exercício físico nessa população destacam-se o aumento do tônus da musculatura dilatadora das vias aéreas superiores e do tempo do estágio do sono de ondas lentas e a redução do acúmulo cervical de líquido, da resposta inflamatória sistêmica e do peso corpóreo. Os principais benefícios de programas de exercício físico para essa população incluem a redução da gravidade da AOS e da sonolência diurna e o aumento da eficiência do sono e consumo máximo de oxigênio. Poucos estudos avaliaram o papel do exercício físico realizado de forma isolada no tratamento da AOS, além de existirem muitas diferenças relacionadas aos protocolos de exercício utilizados. Entretanto, o emprego de exercícios aeróbios isolados ou combinados aos exercícios resistidos é um ponto comum entre os estudos. Nessa revisão, os principais estudos e mecanismos envolvidos no tratamento da AOS por meio da realização de exercícios físicos são apresentados. Além dos benefícios clínicos sistêmicos proporcionados pelo exercício físico, pacientes com AOS submetidos a um programa regular de exercícios predominantemente aeróbicos, apresentam redução da gravidade da doença e da sonolência diurna, aumento da eficiência do sono e do pico de consumo de oxigênio, independentemente da perda de peso.

  3. Difficulties of First Years Elementary School Teachers with the Teaching of Astronomy. (Breton Title: Dificuldades de Professores dos Anos Iniciais do Ensino Fundamental em Relação ao Ensino da Astronomia. ) Dificultades de LOS Profesores de los Primeros Años de la Escuela Primaria en Relación a la Enseñanza de la Astronomía

    NASA Astrophysics Data System (ADS)

    Langhi, Rodolfo; Nardi, Roberto

    2005-12-01

    This paper reports Primary School teachers' discourses analysis about their difficulties related to the teaching of Astronomy. It reports partial data of a master's level research carried out in the last two years, named "An exploratory study for inserting Astronomy in primary school teachers' education" (LANGHI, 2004). The study took into consideration students' and teachers' common sense conceptions about astronomical phenomena, conceptual mistakes in textbooks, and Astronomy's suggestions given by the PCN (Parâmetros Curriculares Nacionais - The Brazilian National Curriculum Standards). The paper aims to characterize teachers' difficulties, in order to provide subsides to the implementation of an initial or continuing education program. This study is justified by the fact that courses plans like these only will be adapted to the teacher's (and students') reality, if there is a primary investigation about what the teachers really need to know about Astronomy. This fact was possible here by the enunciations interpretation of a teachers' sample using semi-structured interviews, according to discourse analysis procedure